Séq. Titre Domaine Durée Time- Date Chaîne Niveau Page

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Séq. Titre Domaine Durée Time- Date Chaîne Niveau Page"

Transcrição

1 SOMMAIRE Séq. Titre Domaine Durée Time- Date Chaîne Niveau Page code livret 1 Europa contacto Société /12/03 RTPi Meteorologia Météorologie /12/03 RTPi Windsurf Sport /04/04 RTPi Passeio de eléctrico Civilisation /04/04 RTPi Euro 2004: a vitória Sport /06/04 RTPi Doce de manga Gastronomie /04/04 RTPi Bom português 1 Langage /12/03 RTPi Bom português 2 Langage /12/03 RTPi Açores São Miguel Civilisation /07/04 RTPi Bom condutor Société /12/03 RTPi Bairro Alto Civilisation /04/04 RTPi Casa de fado Société /04/04 RTPi Euro 2004: a desilusão Sport /07/04 RTPi Bom português 3 Langage /11/03 RTPi A Revolução dos Cravos Civilisation /04/05 RTPi Os caretos Art Civilisation /04/05 RTPi Jornais da manhã Société /12/03 RTPi Marcha de protesto Société /02/04 RTPi Segurança e greve Société /03/04 RTPi Centro juvenil Société /07/04 RTPi Incêndios Société /07/04 RTPi Segurança PSP Société /06/04 RTPi A seca no Alentejo Civilisation /07/04 RTPi A pesca do bacalhau Société /04/05 RTPi As casas de Santana Civilisation /06/04 RTPi 3 93 ( Madeira) 26 Os graffitis Société /07/04 RTPi Lisboa Civilisation /04/04 RTPi Rédaction Télé-Langues : CRDP de Bourgogne 3, av. A. Savary Dijon cedex Tél. : Directeur de la publication : Michel Barlet Rédacteur en chef : Bernard Guyénot Sélection des séquences et rédaction du livret : Emma Bonnaffoux et Anne-Dominique Valières Montage vidéo : Christian Baudrion Maquette : HEXA Graphic Édition et diffusion : SCÉREN-CRDP de Bourgogne Imprimeur : Dicolor 2, rue de l Aqueduc-Darcy Ahuy N ISBN : Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre 2005

2 Séquence 4 Public cible Palier 1 : 4 e /3 e LV2 2 de LV3 PASSEIO DE ELÉCTRICO Découvrir une ville en se glissant dans le quotidien des gens du pays est l expérience rêvée pour tout amateur d émotions et de civilisations différentes. Transcrição Voz off (Eládio Clímaco, apresentador da televisão portuguesa): No regresso à capital, o regresso à História com o presente escrito no «greatness». O Aqueduto das Águas Livres bate o recorde do maior arco de pedra do mundo. 65 metros de altura, em Alcântara, um ponto de passagem para uma viagem eléctrica pintada de amarelo e com o número 28. Lisboa antiga das janelas dum eléctrico, uma paragem obrigatória com muitas paragens, para apreender a visão geral e o espírito da cidade. E em cada paragem renovam-se passageiros e interesses, como o Jardim e Basílica da Estrela. Um ponto alto da cidade, não só por estar no cimo duma colina, mas pela imponência do templo mandado construir pela rainha D. Maria I, para que a Providência lhe desse um filho varão. Já se avista a Sé de Lisboa, uma das mais antigas igrejas da capital. O fim do meu percurso já se avizinha. E esta é a minha deixa de saída : o Miradouro de Santa Luzia. Objectifs et démarche pédagogique Objectifs culturels Suivre un voyage en tramway en contact direct avec la population en observant sa façon de vivre. Découvrir la capitale du Portugal ainsi que quelques monuments et curiosités de la ville : le quartier d Alcântara, l aqueduc, le jardin et la basilique de Estrela, la cathédrale de Lisbonne (a Sé) et le belvédère de Santa Luzia. L histoire des tramways. Objectifs linguistiques Les chiffres. Le degré des adjectifs. Lexique greatness = o esplendor, a magnificência Démarche pédagogique Ouvrir un plan de la ville de Lisbonne et montrer aux élèves une vue aérienne du parcours réalisé par le présentateur. Insister sur le trajet du tramway n 28, en indiquant chaque lieu montré dans la séquence et en rappelant que Lisbonne est construite sur sept collines. Attirer l attention des élèves sur la belle vue générale de la ville et en particulier sur le Tage et le pont Vasco da Gama. Cet ouvrage d art a été inauguré et ouvert à la circulation le 29 Mars Ce deuxième pont sur le Tage sert à décongestionner le pont du 25 Avril et à éviter la ville de Lisbonne. (http://www.lusoponte.pt) Compléments (A carris) (O eléctrico n 28) (A Sé de Lisboa) (A basílica da Estrela) (O jardim da Estrela) (O aqueduto das Águas Livres) Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre

3 Corrigé des activités Activité 1 1. O Aqueduto das Águas Livres é o maior arco de pedra do mundo. 2. Tem 65 metros de altura. 3. Fica em Alcântara. 4. Depois de ver a doca de Alcântara e o Aqueduto, vai tomar o eléctrico n Esse passeio permite ter uma vista geral duma parte antiga de Lisboa, no percurso de um eléctrico que é muito lento e dá tempo para observar e apreciar, não só aspectos da cidade mas também a vida do povo. 6. O Bairro da Estrela fica numa das colinas de Lisboa, em altura. 7. A rainha D. Maria I mandou construir esse templo para pedir à Providência um filho que fosse seu herdeiro no trono. 8. O 28 passa em frente da Sé Catedral de Lisboa. 9. A última paragem é no M. Moniz (Martim Moniz). 10. O apresentador desce no Miradouro de Santa Luzia. Activité 2 1. O Aqueduto das Águas Livres é o arco mais alto do mundo. 2. O bairro da Estrela é tão animado como o Bairro Alto. 3. O panorama do Miradouro de Santa Luzia é muito bonito. 4. A Sé é a igreja mais antiga da capital. 5. Este percurso é mais (menos) interessante do que o precedente. 6. Sinto-me menos impressionada no alto do miradouro do que no alto do aqueduto. 7. Os outros monumentos são tão famosos como a Basílica da Estrela. 8. O Jardim da Estrela é muito agradável. 9. Acho esse bairro mais (menos) barulhento do que Alcântara. 10. O eléctrico é o transporte mais popular de Lisboa. Activité 3 1. O eléctrico tem o número vinte e oito. 2. Só havia treze passageiros sentados. 3. O Aqueduto tem sessenta e cinco metros de altura. 4. O passeio durou duas horas. 5. O percurso tinha dez paragens. 6. A Sé é do século doze. 7. O condutor só termina o seu trabalho às dezanove horas. 8. Amanhã recomeça a trabalhar às seis. Activité 4 1. P A R A G E M 2. A L C Â N T A RA 3. S É 4. S A Í D A 5. A Q U E D U T O 6. G R A N D E 7. E L É C T R I C O 8. I M P O N Ê N C I A 9. R E G R E S S O 10. O B R I G A T Ó R I O 16 Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre 2005

4 Séquence 4 Passeio de eléctrico Nom : Classe : Date : Actividade 1 Escuta com atenção o apresentador e escreve as tuas respostas. 1. Qual é o recorde do Aqueduto das Águas Livres? 2. Quanto mede de altura? 3. Em que bairro se encontra? 4. Que faz o apresentador depois da vista aérea desse bairro? 5. Qual é o interesse em dar esse passeio? 6. Em que ponto da cidade fica o Bairro da Estrela? 7. Quem mandou construir essa Basílica, e por que razão? 8. Em frente de que igreja antiga passa o 28? 9. Qual é a última paragem da linha 28? 10. Onde desce o apresentador? Fiche d activités Actividade 2 Completa estas frases com as palavras seguintes: «mais, menos, tão, muito», completando assim os graus dos adjectivos. 1. O Aqueduto das Águas Livres é o arco alto do mundo. 2. O bairro da Estrela é animado como o Bairro Alto. 3. O panorama do Miradouro de Santa Luzia é bonito. 4. A Sé é a igreja antiga da capital. 5. Este percurso é interessante do que o precedente. 6. Sinto-me impressionada no alto do miradouro do que no alto do aqueduto. 7. Os outros monumentos são famosos como a Basílica da Estrela. 8. O Jardim da Estrela é agradável. 9. Acho esse bairro barulhento do que Alcântara. 10. O eléctrico é o transporte popular de Lisboa. Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre

5 Séquence 4 Passeio de eléctrico Fiche d activités Nom : Classe : Date : Actividade 3 Escreve por extenso os números das frases seguintes. 1. O eléctrico tem o número Só havia 13 passageiros sentados. 3. O Aqueduto tem 65 metros de altura. 4. O passeio durou 2 horas. 5. O percurso tinha 10 paragens. 6. A Sé é do século XII. 7. O condutor só termina o seu trabalho às 19 horas. 8. Amanhã recomeça a trabalhar às 6. Actividade 4 Escreve as palavras que correspondem às definições. A primeira letra de cada palavra forma outra palavra vertical. 1. O eléctrico e o autocarro têm uma. 2. É um dos bairros de que fala a reportagem. 3. É o monumento mais antigo de Lisboa. 4. É o contrário de entrada. 5. É o maior arco de pedra do mundo. 6. É o contrário de pequeno. 7. O número 28 é um. 8. A majestade dum monumento. 9. A volta para trás. 10. Que não se pode deixar de lado. Definição da palavra vertical: O apresentador, no 28, é um deles. 18 Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre 2005

6 Séquence 16 Public cible Palier 1 : 3 e LV2 2 de / 1 e LV3 OS CARETOS Des personnages traditionnels colorés, énergiques et séduisants, qui donnent à une fête joie et caractère. Transcrição (Dia 22 de Abril de 2005) Voz off (Patrícia Lopes, jornalista): A máscara completa o fato do careto. É feito com mantas antigas e franjas que João Alves confecciona num tear. João Alves (o artesão): É constituído por um casaco com um carapuço e depois mais o rabo. Depois trazemos também os chocalhos à cinta que é para para as raparigas. Voz off: É uma tradição que se mantém viva em Podence e que por isso mesmo poderá tornar-se património material da humanidade. Álvaro Campelo (Coordenador da candidatura a património material do Norte de Portugal): Tem um carácter de excelência, de único, de raro, não só pela sua indumentária, pelas práticas, pelos rituais do dia do Carnaval como se celebram, mas pela capacidade com que esta população preservou essa prática ao longo de séculos e séculos desde o tempo dos imemoriais. Voz off: As festas dos caretos e dos mascarados transmontanos representam o solstício de Inverno. Ocorrem no Natal e no Carnaval. Esta é apenas uma das tradições incluídas na candidatura a património e material da humanidade. É um projecto do Norte de Portugal e da Galiza. Tem em vista o reconhecimento das actividades ligadas à tradição oral como lendas, cantares ao desafio, rituais e festas. António Carneiro (Presidente do grupo Caretos de Podence): Mesmo a nível da concepção dos trajes, dar mais apoios para que os jovens também se entusiasmem por este tipo de tradições. Voz off: A decisão da UNESCO está prevista para Setembro. O reconhecimento de um património ibérico comum será um motivo para antecipar as festas dos rapazes em Trás-os-Montes. Objectifs et démarche pédagogique Objectif culturel Connaître l art, la culture et les traditions de la région de Trás-os-Montes, au Portugal. Objectifs lexicaux Le vocabulaire du matériel et des matières utilisés dans la fabrication des caretos. Vocabulaire de la fête populaire, des déguisements, du maquillage et du carnaval. Le careto est un jeune homme déguisé, un personnage endiablé de la tradition de Trás-os-Montes, au nord du Portugal, qui anime les fêtes du village, annonçant le changement de saison. Il taquine de préférence les jeunes filles, mais personne n échappe à ses mauvaises plaisanteries. Il les fait chocalhar, c est à dire danser avec les chocalhos (= cloches), qu il porte autour de la taille. Le masque du careto est double, devant et derrière, symbolisant le jour et la nuit, le passé et l avenir, la vie et la mort, la guerre et la paix. Les enfants qui portent les habits des caretos s appellent les facanitos et se préparent à prendre un jour la relève. UNESCO : voir la fiche de la séquence 9, Aide à la compréhension du texte. La Galiza (= la Galice) est une région du nord-ouest de l Espagne, faisant frontière avec le nord du Portugal (Minho et Trás-os-Montes). Ces régions partagent souvent les mêmes traditions et le même langage. Objectif linguistique Le pluriel des mots. Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre

7 Démarche pédagogique Montrer aux élèves sur la carte où se trouve Podence, dans la commune de Macedo de Cavaleiros, à Trásos-Montes. Travail oral Escutem o que se diz na sequência e respondam. Le careto Para que serve a máscara? Como é feito o fato? Quem fabrica o traje? Como é o traje? Para que servem os chocalhos dos caretos? De onde são os caretos? Em que altura do ano aparecem? Segundo Álvaro Campelo, porquê é que essa tradição é particular? Le patrimoine de l humanité Os caretos candidataram-se a quê? Com quem Podence participa nessa candidatura? Para que serve o património material da humanidade? Quando é que a UNESCO vai tomar a decisão? Com essa decisão, o que é que os rapazes vão aproveitar para fazer? O que é que o António Carneiro, presidente do grupo dos caretos, deseja? Observem a sequência e respondam. Le déguisement Descrevam a máscara que vêem no princípio, em cima do tronco. Em que matéria foi feita? Quando vêem o traje completo de longe, o que é que chama logo a atenção? As franjas são fabricadas com quê? Para que servem os cintos? Esses chocalhos habitualmente servem para que animais? Le public Como reagem as pessoas com as brincadeiras dos caretos? La Casa do Careto A seu ver, o que é a Casa do Careto, para que serve? Como reconhecem a Casa do Careto? À l occasion du carnaval ou d une fête prévue dans l établissement, il pourrait être intéressant de monter un projet ayant pour thème les caretos en y associant la Vie Scolaire, le Foyer Socio-Éducatif et le professeur d Arts Plastiques. Organisée dans le cadre d un club de portugais, une correspondance électronique avec la Casa do Careto à Podence pourrait être établie. En obtenant des conseils pour la confection des déguisements et des informations sur les pratiques de ces personnages, les élèves pourraient fabriquer masques et habits. Le président de la Casa do Careto est M. António Carneiro. Adresse postale : Casa do Careto de Podence MACEDO DE CAVALEIROS Adresses électroniques : ou Compléments Les caretos : Les fêtes populaires au Portugal : 60 Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre 2005

8 Corrigé des activités Activité 1 1. T R A J E 2. C A R E T O 3. T E A R 4. C A S A C O 5. R A B O 6. M Á S C A R A 7. M A N T A S 8. C A R A P U Ç O 9. F R A N J A S 10. C I N T A 11. P O D E N C E 12. C H O C A L H O S Activité 2 T R A N S M O N T A N O C M A T E R I A L F A T O F I M G C I N D U M E N T Á R I A M T Ú S U S U P R O A N A T A C P R N T R I N A I A O Á A I E C T S S R T V V S O I L E N D A S I A O G D C L N A T A L R A R O A T R A D I Ç Õ E S Activité 3 1. As máscaras completam os fatos. 2. São tradições que se mantêm. 3. Poderão tornar-se patrimónios materiais da humanidade. 4. Estas populações preservaram essas práticas. 5. Serão motivos para antecipar as festas. 6. Os caretos celebram os rituais do dia do Carnaval. Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre

9 Séquence 16 Os caretos Fiche d activités Nom : Classe : Date : Actividade 1 Procura em Trás-os-Montes essa personagem que dá alegria às festas, e encontra tudo o que está relacionado com ela. T 1. É colorido e com ele te disfarças. R _ 2. O fato dá-te esse nome. A _ 3. Nele confeccionas o fato. S _ 4. Sem ele podes ter frio. _ O S M O _ N T E _ S 5. Faz parte dos animais, mas o careto põe-no na cabeça. 6. Põe-no no rosto para completar o fato. 7. Com as antigas fabrica-se o fato. 8. Com ele na cabeça, tornas-te misterioso. 9. Faz-se com fios de lã de várias cores. 10. Nela se trazem os chocalhos. 11. É a aldeia de onde são. 12. Fazem barulho e alertam a população. Actividade 2 Procura na sopa de letras estas palavras do texto. T R A N S M O N T A N O S C X M A T E R I A L V F A T O H F Z I M G Y C I N D U M E N T Á R I A M T Ú U K S M U S U P R O A N A Z T S A C P R N T R I N V A Q I A O Á A I E C T W S T S R B T V V S O I L E N D A S I A O X P G M T Y R D F C L N A T A L R A R O G A O T R A D I Ç Õ E S Z W Y INDUMENTÁRIA RITUAIS NATAL ÚNICO MOTIVO MASCARADOS FESTAS TRANSMONTANO RARO GRUPO LENDAS CARNAVAL ANTIGA FATO CANTARES TRADIÇÕES MATERIAL PRÁTICA Actividade 3 Põe no plural as frases seguintes. 1. A máscara completa o fato. 2. É uma tradição que se mantém. 3. Poderá tornar-se património material da humanidade. 4. Esta população preservou essa prática. 5. Será motivo para antecipar a festa. 6. O careto celebra o ritual do dia do Carnaval. 62 Portugais / Collège, lycée et post-bac / octobre 2005

Parlez-vous européen?

Parlez-vous européen? Parlez-vous européen? A BONECA BRAILLIN 1. Résumé Parece uma boneca normal mas não é. A Braillin possui seis botões em relevo correspondentes aos seis pontos base da linguagem braille (P.) / braile (B.).

Leia mais

DIÁRIO DE BORDO CONTINGENTE PORTUGUÊS. 22 a 25 de Abril de 2011

DIÁRIO DE BORDO CONTINGENTE PORTUGUÊS. 22 a 25 de Abril de 2011 DIÁRIO DE BORDO CONTINGENTE PORTUGUÊS. 22 a 25 de Abril de 2011 2 MENSAGEM DO CHEFE DE CONTINGENTE Meus caros Caminheiros, Companheiros e Dirigentes... Mais uma vez, uns quantos de nós, terão oportunidade

Leia mais

Bienvenue à l'ecole en France Bemvindo à escola em França

Bienvenue à l'ecole en France Bemvindo à escola em França Bienvenue à l'ecole en France Bemvindo à escola em França Ses objectifs / OBJECTIVOS Éduquer pour vivre ensemble -> Educar para viver juntos Portugais Português Instruire pour comprendre aujourd hui, construire

Leia mais

1 2 9, i n c i s o I I, d a C F ; e a r t i g o 5 º, i n c i s o V, a l í n e a s a e

1 2 9, i n c i s o I I, d a C F ; e a r t i g o 5 º, i n c i s o V, a l í n e a s a e P O R T A R I A n 2 0 1, d e 1 8 d e j u l h o d e 2 0 1 3. A P r o c u r a d o r a d a R e p ú b l i c a q u e e s t a s u b s c r e v e, e m e x e r c í c i o n a P r o c u r a d o r i a d a R e p ú

Leia mais

A Associação de Pais do LFIP tem o prazer de vos anunciar que no dia 29 de Novembro de 2014 irá realizar-se o 3º Marché de Noël Solidaire.

A Associação de Pais do LFIP tem o prazer de vos anunciar que no dia 29 de Novembro de 2014 irá realizar-se o 3º Marché de Noël Solidaire. Caros pais, A Associação de Pais do LFIP tem o prazer de vos anunciar que no dia 29 de Novembro de 2014 irá realizar-se o 3º Marché de Noël Solidaire. Esta iniciativa insere-se no âmbito de um projeto

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS DISCIPLINA:Francês 7ºAno Nível I (Turmas A/B/C/D/E)

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS DISCIPLINA:Francês 7ºAno Nível I (Turmas A/B/C/D/E) PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS DISCIPLINA:Francês 7ºAno Nível I (Turmas A/B/C/D/E) Ano Letivo 2012/2013 Temáticos Unité 0 JE COMMENCE Os pronomes pessoais Os números cardinais (1) ( 0-19) Conteúdos Nº

Leia mais

A S N O V A S R E G R A S D E F A C T U R A Ç Ã O

A S N O V A S R E G R A S D E F A C T U R A Ç Ã O i I N F O R M A Ç Ã O F I S C A L N º 3 J a n e i r o 2 0 1 3 A S N O V A S R E G R A S D E F A C T U R A Ç Ã O N o s e g u i m e n t o d a L e i d o O r ç a m e n t o d o E s t a d o p a r a 2 0 1 2 e,

Leia mais

FR Appel à participation : Micro-résidence de production et d affichage, Porto, Portugal 18 Avril-28 Avril 2016.

FR Appel à participation : Micro-résidence de production et d affichage, Porto, Portugal 18 Avril-28 Avril 2016. FR Appel à participation : Micro-résidence de production et d affichage, Porto, Portugal 18 Avril-28 Avril 2016. L association In Extenso est historiquement liée aux projets «hors les murs» puisque sa

Leia mais

RESUMO ABSTRACT RÉSUMÉ

RESUMO ABSTRACT RÉSUMÉ ACOLHENDO A ALFABETIZAÇÃO NOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA REVISTA ELETRÔNICA ISSN: 1980-7686 Equipe: Grupo Acolhendo Alunos em Situação de Exclusão Social da Faculdade de Educação da Universidade de São

Leia mais

Interferência do português língua materna vs supergeneralização na escrita em francês

Interferência do português língua materna vs supergeneralização na escrita em francês Interferência do português língua materna vs supergeneralização na escrita em francês Pablo Diego Niederauer Bernardi * (UFPel) Isabella Mozzilo (UFPel) Aprender línguas pressupõe o desenvolvimento de

Leia mais

FRANCÊS INSTRUÇÕES 1 - ESTA PROVA CONTÉM 1 (UM) TEXTO SEGUIDO DE QUESTÕES DE COMPREENSÃO 2 - ESCOLHA E ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA, SEMPRE DE ACORDO COM O TEXTO EXISTE-T-IL DES RECETTES POUR ÊTRE HEUREUX?

Leia mais

Annales zéro baccalauréat 2013. Bac L - LV2. Ressources pour la classe de terminale. Portugais. Novembre 2012

Annales zéro baccalauréat 2013. Bac L - LV2. Ressources pour la classe de terminale. Portugais. Novembre 2012 éduscol Annales zéro baccalauréat 2013 Ressources pour la classe de terminale Bac L - LV2 Portugais Ces documents peuvent être utilisés et modifiés librement dans le cadre des activités d'enseignement

Leia mais

Bourgogne Brésil 2013/14

Bourgogne Brésil 2013/14 Bourgogne Brésil 2013/14 Bourgogne Brésil 2013/14 Participation Bourgogne: 1. Site RVEF: landing page pour diffusion des articles d appui à la campagne; 2. Site RVEF: bandeau dédié sur notre Page d accueil;

Leia mais

P RO J E T O E S P E C I A L : A R E S T / F AZ E N D A S E N H O R J E S U S

P RO J E T O E S P E C I A L : A R E S T / F AZ E N D A S E N H O R J E S U S P RO J E T O E S P E C I A L : A R E S T / F AZ E N D A S E N H O R J E S U S P ET A g r o n o m i a U n i v e r s i d a d e F e d e r a l d e L a v r a s U F L A / M G 1 R e s u m o J a m a i s c o n

Leia mais

Mateus Geraldo Xavier. Contribuição do Ensino Religioso no processo de educação da fé: um estudo teológico-pastoral. Dissertação de Mestrado

Mateus Geraldo Xavier. Contribuição do Ensino Religioso no processo de educação da fé: um estudo teológico-pastoral. Dissertação de Mestrado Mateus Geraldo Xavier Contribuição do Ensino Religioso no processo de educação da fé: um estudo teológico-pastoral Dissertação de Mestrado Programa de Pós-graduação em Teologia do Departamento de Teologia

Leia mais

PORTO DE SALVADOR - S U L D A Á F R I C A *

PORTO DE SALVADOR - S U L D A Á F R I C A * R O TA S D E N AV E G A Ç Ã O N O L O N G O C U R S O - M E R C O S U L - C O S TA O E S T E D A A M É R I C A D O S U L - A M É R I C A C E N T R A L E C A R I B E - G O L F O D O M É X I C O - C O S

Leia mais

ARMAZÉNS GERAIS ASPECTOS LEGAIS, VANTAGENS E SERVIÇOS

ARMAZÉNS GERAIS ASPECTOS LEGAIS, VANTAGENS E SERVIÇOS ARMAZÉNS GERAIS ASPECTOS LEGAIS, VANTAGENS E SERVIÇOS D i r e t o r E x e c u t i v o d a T O P L O G P o r R o d o l p h o C a r i b e A r m a z é n s g e r a i s s ã o e s t a b e l e c i m e n t o s

Leia mais

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D A P A R A Í B A C E N T R O D E C I Ê N C I A S D A S A Ú D E

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D A P A R A Í B A C E N T R O D E C I Ê N C I A S D A S A Ú D E U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D A P A R A Í B A C E N T R O D E C I Ê N C I A S D A S A Ú D E D E P A R T A M E N T O D E C I Ê N C I A S F A R M A C Ê U T I C A S C U R S O D E F A R M Á C I A

Leia mais

REDES DE NOVA GERAÇÃO. m a i o r q u a l i d a d e, m a i s r a p i d e z, mais inovação;

REDES DE NOVA GERAÇÃO. m a i o r q u a l i d a d e, m a i s r a p i d e z, mais inovação; R E D E S D E N O V A G E R A Ç Ã O D E S A F I O e O P O R T U N I D A D E A P D C, 3 1 D E M A R Ç O D E 2 0 0 9 A S O N A E C O M A C R E D I T A Q U E A S R d N G S Ã O U M A O P O R T U N I D A D

Leia mais

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO / LONGO PRAZO

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO / LONGO PRAZO PLANIFICAÇÃO A MÉDIO / LONGO PRAZO DISCIPLINA: Francês ANO: 7º Nível 1 Curso: Ensino Básico Total de aulas previstas: 99 Manual adotado: Mots Clés Porto Editora 1º PERÍODO - AULAS PREVISTAS: 41 Competências

Leia mais

Je remercie Mme Narvaez-Goldstein et M. Fourneyron d avoir accepté de suivre ce travail. Je remercie les personnes qui m ont accordé des entretiens

Je remercie Mme Narvaez-Goldstein et M. Fourneyron d avoir accepté de suivre ce travail. Je remercie les personnes qui m ont accordé des entretiens Je remercie Mme Narvaez-Goldstein et M. Fourneyron d avoir accepté de suivre ce travail. Je remercie les personnes qui m ont accordé des entretiens et m ont fait partager leurs connaissances et leurs expériences

Leia mais

Bienvenue au Cours Préparatoire Bemvindos à Primária

Bienvenue au Cours Préparatoire Bemvindos à Primária Bienvenue au Cours Préparatoire Bemvindos à Primária Ce qui ne change pas O que não se altera entre o pré-escolar e o 1º ano no LFIP L organisation administrative/a organização administrativa -Les contacts

Leia mais

FAIRTRADE LABELLING ORGANIZATIONS INTERNATIONAL

FAIRTRADE LABELLING ORGANIZATIONS INTERNATIONAL A: Tous les acteurs de la filière du Commerce Equitable certifiés pour la mangue, la banane, la pulpe d araza / Produtores e Comerciantes certificados da manga, da banana e da polpa de araza de CJ Tous

Leia mais

Ata vinte e três de dois mil e treze 1

Ata vinte e três de dois mil e treze 1 ------ Aos vinte e nove dias do mês de novembro do ano de dois mil e treze, reuniram-se pelas dezassete horas e trinta minutos os seguintes elementos do Executivo: Cristina Maria Leandro Pereira Casimiro,

Leia mais

1- Daria um passeio... tempo. A. se tiver B. se tenha C. se tenho D. se tivesse

1- Daria um passeio... tempo. A. se tiver B. se tenha C. se tenho D. se tivesse Portugais Sujet proposé au concours S.E.S.A.M.E 2012 Partie 1 1- Daria um passeio... tempo. A. se tiver B. se tenha C. se tenho D. se tivesse 2- Eles... eu não.... A. vão / vo B. vão / vou C. vam / vou

Leia mais

PROVA DE EXPRESSÃO ORAL E

PROVA DE EXPRESSÃO ORAL E FRANCÊS 12.ºANO NÍVEL DE CONTINUAÇÃO PROVA DE EXPRESSÃO ORAL E Esta prova desenvolve-se em três partes e tem uma duração aproximada de 20 minutos para cada grupo de dois alunos. Domínios de referência

Leia mais

ÉCOLE D HIVER ESCOLA DE INVERNO 2013 (DES)ENGAGEMENTS POLITIQUES ET CULTURELS PROGRAMME PROGRAMA. De 14 a 18 de Janeiro ORGANISATION ORGANIZAÇÃO

ÉCOLE D HIVER ESCOLA DE INVERNO 2013 (DES)ENGAGEMENTS POLITIQUES ET CULTURELS PROGRAMME PROGRAMA. De 14 a 18 de Janeiro ORGANISATION ORGANIZAÇÃO ÉCOLED HIVER ESCOLADEINVERNO2013 PROGRAMME PROGRAMA De14a18deJaneiro (DES)ENGAGEMENTSPOLITIQUESETCULTURELS ORGANISATION ORGANIZAÇÃO PARTENAIRES PARCEIROS DES)ENGAGEMENTSPOLITIQUESETCULTURELS SCIENCESPO

Leia mais

O referencial. 2- Um quadro europeu que define as competências chave para a educação e a formação ao longo de toda a vida

O referencial. 2- Um quadro europeu que define as competências chave para a educação e a formação ao longo de toda a vida O referencial 1- O nosso objectivo 2- Um quadro europeu que define as competências chave para a educação e a formação ao longo de toda a vida 3- Os limites da avaliação das competências chave 4- A construção

Leia mais

BLOCO Nº 2 JORNAIS, BOLETINS, PANFLETOS D a N º 1. H i n o N a c i o n a l e H i n o d a I n t e r n a c i o n a l? 0 1 C U T N a c i o n a l 2. M o d i f i c a ç õ e s d o E s t a t u t o p r o p o s

Leia mais

VII Congresso Mundial de Estilos de Aprendizagem

VII Congresso Mundial de Estilos de Aprendizagem VII Congresso Mundial de Estilos de Aprendizagem Informações Úteis Local do congresso Instituto Politécnico de Bragança Escola Superior de Tecnologia e Gestão Campus de Santa Apolonia 5301-857 Bragança

Leia mais

Artigos. Artigo Subclasse de determinantes que se antepõem ao nome para identificar e determinar o que este exprime. Artigo. Definido.

Artigos. Artigo Subclasse de determinantes que se antepõem ao nome para identificar e determinar o que este exprime. Artigo. Definido. Artigos Artigo Subclasse de determinantes que se antepõem ao nome para identificar e determinar o que este exprime. Indefinido Artigo Definido 1 Masculino um uns Masculino o os Feminino Artigo indefinido

Leia mais

J U R I S P R U D Ê N C I A F I S C A L A R B I T R A L ( 3. º E 4. º T R I M E S T R E S D E 2 0 1 2 )

J U R I S P R U D Ê N C I A F I S C A L A R B I T R A L ( 3. º E 4. º T R I M E S T R E S D E 2 0 1 2 ) i J a n e i r o d e 2 0 1 3 J U R I S P R U D Ê N C I A F I S C A L A R B I T R A L ( 3. º E 4. º T R I M E S T R E S D E 2 0 1 2 ) TAX & BUSINESS P r e t e n d e - s e, c o m a p r e s e n t e I n f o

Leia mais

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA NOME OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA ESTABELEÇO RELAÇÕES DE PARENTESCO : avós, pais, irmãos, tios, sobrinhos Quem pertence à nossa família? Observa as seguintes imagens. Como podes observar, nas imagens estão

Leia mais

A C T A N. º I X / 2 0 0 8

A C T A N. º I X / 2 0 0 8 1 A C T A N. º I X / 2 0 0 8 - - - - - - A o s d e z a s s e i s d i a s d o m ê s d e A b r i l d o a n o d e d o i s m i l e o i t o, n e s t a V i l a d e M o n c h i q u e, n o e d i f í c i o d o

Leia mais

Biblioteca Hilda Hilst (na República Dominicana) Cristiane Grando *

Biblioteca Hilda Hilst (na República Dominicana) Cristiane Grando * Biblioteca Hilda Hilst (na República Dominicana) Cristiane Grando * São Domingos, março de 2012 Escrito especialmente para o blog de Sônia Mara: http://www.aventurasdasonia.blogspot.com/2012/03/brasileiro-doseculo-o-homem-livro.html

Leia mais

PLUS QU UNE ÉCOLE UN AVENIR MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO

PLUS QU UNE ÉCOLE UN AVENIR MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO PLUS QU UNE ÉCOLE UN AVENIR MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO O Lycée Français International de Porto, localizado num local excecional, com amplos espaços verdes, não tem parado

Leia mais

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO.

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FRANCÊS 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções que se seguem. 1 - Este Caderno de Prova contém quatro questões, constituídas de itens e

Leia mais

Logements. Innovation & Qualité

Logements. Innovation & Qualité Logements Innovation & Qualité Innovation & Qualité FCM - Cofragens e Construções, S.A.. FCM - Espagne. FCM - Cofraje si Constructii, SRL. FCM - Algérie. FCM & LC Construções, Lda.. FCM - Fôrmas e Construções,

Leia mais

MERCI DE NOUS RENVOYER VOTRE TEST A : info@soft-formation.com TEST PORTUGAIS NOM DU STAGIAIRE : PRENOM DU STAGIAIRE :

MERCI DE NOUS RENVOYER VOTRE TEST A : info@soft-formation.com TEST PORTUGAIS NOM DU STAGIAIRE : PRENOM DU STAGIAIRE : - 1 - MERCI DE NOUS RENVOYER VOTRE TEST A : info@soft-formation.com TEST PORTUGAIS SOCIETE : RESPONSABLE FORMATION : TELEPHONE : FAX : NOM DU STAGIAIRE : PRENOM DU STAGIAIRE : TELEPHONE : FAX : DATE DU

Leia mais

Carolina de Campos Borges PERMANÊNCIAS E MUDANÇAS: Individualismo, trajetórias de vida e família. Tese de Doutorado

Carolina de Campos Borges PERMANÊNCIAS E MUDANÇAS: Individualismo, trajetórias de vida e família. Tese de Doutorado Carolina de Campos Borges PERMANÊNCIAS E MUDANÇAS: Individualismo, trajetórias de vida e família Tese de Doutorado Tese apresentada ao Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica da PUC-Rio como requisito

Leia mais

Michel Pêcheux e a Análise de Discurso

Michel Pêcheux e a Análise de Discurso Estudos da Língua(gem) Michel Pêcheux e a Análise de Discurso Michel Pêcheux e a Análise de Discurso Michel Pêcheux et l Analyse de Discours Eni P. ORLANDI * UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS (Unicamp)

Leia mais

Educação Básica FRANCÊS NOVA PROPOSTA CURRICULAR. Ensino Recorrente. 3º Ciclo por Blocos Capitalizáveis

Educação Básica FRANCÊS NOVA PROPOSTA CURRICULAR. Ensino Recorrente. 3º Ciclo por Blocos Capitalizáveis Educação Básica FRANCÊS NOVA PROPOSTA CURRICULAR Ensino Recorrente 3º Ciclo por Blocos Capitalizáveis INTRODUÇÃO A especificidade do Ensino Recorrente implica que, à organização curricular da disciplina

Leia mais

percursos, concretizações, perspetivas

percursos, concretizações, perspetivas Políticas Públicas para o Património Imaterial na Europa do Sul: percursos, concretizações, perspetivas Lisboa, auditório do Institut Français du Portugal 27 e 28 de novembro de 2012 Destinatários: Profissionais,

Leia mais

Compreendendo o espaço

Compreendendo o espaço Módulo 1 Unidade 2 Compreendendo o espaço Para início de conversa... A forma como você se locomove na cidade para ir de um lugar a outro tem a ver com as direções que você toma e com o sentido para o qual

Leia mais

A abordagem biográfica

A abordagem biográfica A abordagem biográfica no reconhecimento, validação e certificação de competências adquiridas através de experiências de vida Alexandra Aníbal Seminário Abordagens Biográficas, Memória e Histórias de Vida

Leia mais

B O L E T I M I N F O R M A T I V O

B O L E T I M I N F O R M A T I V O P R Ó - R E I T O R I A D E E N S I N O E D I Ç Ã O 0 4 - A N O 0 2 B O L E T I M I N F O R M A T I V O M A I O D E 2 0 1 5 A C O M I S S Ã O P E R M A N E N T E D E P R O C E S S O S E L E T I V O D A

Leia mais

de manuais concebidos segundo a Perspectiva Acional

de manuais concebidos segundo a Perspectiva Acional 1. NOME COMPLETO: HYANNA C. DIAS DE MEDEIROS 2. E-MAIL: hyanna.medeiros@usp.br 3. ALUNO: X EX-ALUNO: 4. PESQUISA : X INICIAÇÃO CIENTÍFICA MESTRADO DOUTORADO 5. ÁREA DE PESQUISA: X LÍNGUA, LINGUÍSTICA E

Leia mais

As questões de 01 a 05, cujas respostas deverão ser redigidas EM PORTUGUÊS, referem -se ao texto abaixo.

As questões de 01 a 05, cujas respostas deverão ser redigidas EM PORTUGUÊS, referem -se ao texto abaixo. 1 2 3 4 5 Confira se os dados contidos na parte inferior desta capa estão corretos e, em seguida, assine no espaço reservado para isso. Se, em qualquer outro local deste Caderno, você assinar, rubricar,

Leia mais

O dia em que parei de mandar minha filha andar logo

O dia em que parei de mandar minha filha andar logo O dia em que parei de mandar minha filha andar logo Rachel Macy Stafford Quando se está vivendo uma vida distraída, dispersa, cada minuto precisa ser contabilizado. Você sente que precisa estar cumprindo

Leia mais

2.2. Ensino e a construção da cidadania: da moral religiosa à moral cívica.

2.2. Ensino e a construção da cidadania: da moral religiosa à moral cívica. 2.2. Ensino e a construção da cidadania: da moral religiosa à moral cívica. Cinq mémoires sur l instruc1on publique (1791). Présenta@on, notes, bi- bliographie et chronologie part Charles Coutel et Catherine

Leia mais

Design de aplicativos moveis

Design de aplicativos moveis Design de aplicativos moveis Os dispositivos móveis mais comuns : S m a r t p h o n e ; P D A ; Te l e m ó v e l ( pt) / C e l u l a r ( br); C o n s o l e p o r t á t i l ; U l t r a M o b i l e P C ;

Leia mais

Instituto Marista Hoje. Armando Luiz Bortolini

Instituto Marista Hoje. Armando Luiz Bortolini Instituto Marista Hoje Armando Luiz Bortolini IRMÃOS MARISTAS HOJE DIMENSÃO EDUCATIVA E MARIAL INSTITUTO DOS IRMÃOS MARISTAS INSTITUTO DOS IRMÃOS MARISTAS Fundador: S. Marcelino J. B. Champagnat Fundação

Leia mais

CONSULADO GERAL DA FRANCA EM SAO PAULO. O agendamento do seu pedido de visto é feito através do site: http://saopaulo.ambafrance-br.

CONSULADO GERAL DA FRANCA EM SAO PAULO. O agendamento do seu pedido de visto é feito através do site: http://saopaulo.ambafrance-br. CONSULADO GERAL DA FRANCA EM SAO PAULO (atualizado em : 29/08/2014) PEDIDO DE VISTO DE LONGA DURACAO (superior a 3 meses) MENORES ESCOLARIZADOS E DESACOMPAHADOS VIAGEMS ORGANIZADAS POR INTITUCOES OU AGENCIAS

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE RAUL PROENÇA COMPETÊNCIAS DE LÍNGUA PORTUGUESA

ESCOLA SECUNDÁRIA DE RAUL PROENÇA COMPETÊNCIAS DE LÍNGUA PORTUGUESA 1. Caça ao intruso. Os textos têm palavras a mais. Encontra-as. Volta a escrever o texto corrigido. Foram umas duas férias maravilhosas horríveis! Conta a Sara girafa ao companheiro, corada de tristeza

Leia mais

Pequena História do meu Estágio de Português orientado pelo Senhor Dr. Virgílio Couto na Escola Comercial de Veiga Beirão

Pequena História do meu Estágio de Português orientado pelo Senhor Dr. Virgílio Couto na Escola Comercial de Veiga Beirão Pequena História do meu Estágio de Português orientado pelo Senhor Dr. Virgílio Couto na Escola Comercial de Veiga Beirão Ano Primeiro (1948-1949) Janeiro, 11 Para começar, falou connosco durante uma hora

Leia mais

Língua Estrangeira: FRANCÊS L alarme intelligente Finis les hurlements intempestifs, elle reconnaît les cambrioleurs Les alarmes, c est bien pratique Sauf quand ça se met à hurler à tout bout de champ

Leia mais

PAAES/UFU 2ª Etapa Subprograma 2011-2014

PAAES/UFU 2ª Etapa Subprograma 2011-2014 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Pró-Reitoria de Graduação Diretoria de Processos Seletivos PAAES 2ª ETAPA SUBPROGRAMA 2011/2014 24 de fevereiro de 2013

Leia mais

Le maître ignorant : cinq lessons sur l émancipation intellectuelle (1987)

Le maître ignorant : cinq lessons sur l émancipation intellectuelle (1987) Le maître ignorant : cinq lessons sur l émancipation intellectuelle (1987) de Jacques Rancière O mestre ignorante: cinco lições sobre a emancipação intelectual, de Jacques Rancière Grupo de leitura em

Leia mais

ACTA DA REUNIÃO NÚMERO TRINTA E SEIS (36) ASSEMBLEIA FREGUESIA DE ANAIS (MUNICÍPIO DE PONTE DE LIMA) CÓDIGO POSTAL 4990-501

ACTA DA REUNIÃO NÚMERO TRINTA E SEIS (36) ASSEMBLEIA FREGUESIA DE ANAIS (MUNICÍPIO DE PONTE DE LIMA) CÓDIGO POSTAL 4990-501 ACTA DA REUNIÃO NÚMERO TRINTA E SEIS (36) ASSEMBLEIA FREGUESIA DE ANAIS (MUNICÍPIO DE PONTE DE LIMA) CÓDIGO POSTAL 4990-501 Aos vinte e sete dias do mês de Dezembro do ano de dois mil e nove, pelas nove

Leia mais

APPEL À COMMUNICATIONS CHAMADA DE TRABALHOS

APPEL À COMMUNICATIONS CHAMADA DE TRABALHOS APPEL À COMMUNICATIONS CHAMADA DE TRABALHOS 4 ème Congrès TRANSFORMARE Centre Franco Brésilien de Recherches en Innovation, Organisations et Durabilité ISC Institut Supérieur de Commerce de Paris 22, bd

Leia mais

O formulário de longa duração e o agendamento no seguinte endereço: http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/spip.php?rubrique147

O formulário de longa duração e o agendamento no seguinte endereço: http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/spip.php?rubrique147 VISTOS PARA MENORES O formulário de longa duração e o agendamento no seguinte endereço: http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/spip.php?rubrique147 Taxa do visto ( não reembolsável) : Paga em Reais (espece),

Leia mais

REGULAMENTOS. Artigo 1. o. Objeto e âmbito

REGULAMENTOS. Artigo 1. o. Objeto e âmbito L 313/22 PT REGULAMENTOS REGULAMENTO DELEGADO (UE) 2015/2195 DA COMISSÃO de 9 de julho de 2015 que completa o Regulamento (UE) n. o 1304/2013 do Parlamento Europeu e do Conselho relativo ao Fundo Social

Leia mais

Prova Escrita de Português Língua Não Materna

Prova Escrita de Português Língua Não Materna EXAME NACIONAL DO ENSINO BÁSICO E DO ENSINO SECUNDÁRIO Prova 28 739 /1.ª Chamada 1.ª Fase / 2008 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro e Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março A PREENCHER PELO ESTUDANTE

Leia mais

GUIDE DE L ÉTUDIANT INTERNATIONAL

GUIDE DE L ÉTUDIANT INTERNATIONAL GUIDE DE L ÉTUDIANT INTERNATIONAL Votre arrivée à l UFCSPA demande des procédures administratives nécessaires à votre séjour au Brésil (visa, CPF, RNE) et à votre confort et sécurité (santé et transports),

Leia mais

Como se festeja a Páscoa em Portugal?

Como se festeja a Páscoa em Portugal? Como se festeja a Páscoa em Portugal? É nesta altura em que se limpam muito bem as casas, se pintam (ou caiam, nas zonas em que isso é habitual) e se arranjam pois irá passar o Compasso (a Visita Pascal),

Leia mais

Provas orais em Língua Estrangeira Ensino Secundário Francês 11º ano, Nível de Continuação Janeiro 2009

Provas orais em Língua Estrangeira Ensino Secundário Francês 11º ano, Nível de Continuação Janeiro 2009 Provas orais em Língua Estrangeira Ensino Secundário Francês 11º ano, Nível de Continuação Janeiro 2009 Esta prova desenvolve-se em três partes e tem uma duração aproximada de 15-20 minutos para cada grupo

Leia mais

Marquês de Pombal, et Restauradores. Avenida da Liberdade

Marquês de Pombal, et Restauradores. Avenida da Liberdade Marquês de Pombal, et Restauradores À voir, à faire 3 Cafés et restos 9 Bars et boîtes de nuit 11 Salles de spectacle et activités culturelles 11 Index 12 À voir, à faire 3 Marquês de Pombal, et Restauradores

Leia mais

Cuidar de si, cuidar dos outros: a alteridade no pensamento de Michel Foucault

Cuidar de si, cuidar dos outros: a alteridade no pensamento de Michel Foucault Alina Gontijo de Mendonça Cuidar de si, cuidar dos outros: a alteridade no pensamento de Michel Foucault Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de

Leia mais

Integrar o Aeroporto Sá Carneiro na Linha de Velocidade Elevada Porto Galiza através da Linha de Leixões António Alves 10 01 2008

Integrar o Aeroporto Sá Carneiro na Linha de Velocidade Elevada Porto Galiza através da Linha de Leixões António Alves 10 01 2008 Integrar o Aeroporto Sá Carneiro na Linha de Velocidade Elevada Porto Galiza através da Linha de Leixões António Alves 10 01 2008 As grandes vantagens desta proposta são não pôr em causa o objectivo de

Leia mais

Bâtiments Commerciaux Bâtiments Commerciaux. Innovation & Qualité

Bâtiments Commerciaux Bâtiments Commerciaux. Innovation & Qualité Bâtiments Commerciaux Bâtiments Commerciaux Innovation & Qualité Innovation & Qualité FCM - Cofragens e Construções, S.A.. FCM - Espagne. FCM - Cofraje si Constructii, SRL. FCM - Algérie. FCM & LC Construções,

Leia mais

3. QUANTIDADE E DURAÇÃO DA BOLSA Será concedida 01 (uma) bolsa, com duração de 01 (um) mês.

3. QUANTIDADE E DURAÇÃO DA BOLSA Será concedida 01 (uma) bolsa, com duração de 01 (um) mês. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO IPEA/PROCIN Nº 008/2015 - CONCESSÃO DE BOLSAS O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), fundação pública vinculada à Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência

Leia mais

magazine A inaugurar a época de bom tempo e de boas sardinhas

magazine A inaugurar a época de bom tempo e de boas sardinhas magazine DESTAQUES Junho 2012 Santos populares Amera 3.0 Planos ambiciosos de animação edição 34 90 exemplares www.amera.com.pt 21 444 75 30 SANTOS POPULARES A inaugurar a época de bom tempo e de boas

Leia mais

E S P A Ç. O L i. awesome hotel

E S P A Ç. O L i. awesome hotel E S P A Ç O L i b r i s awesome hotel PT EN FR Portefólio Portfolio Portefeuille www.espacolibris.com www.espacolibris.com www.espacolibris.com Í N D I C E PT EN FR I N D E X I N D E X Quem somos About

Leia mais

Tournée au Japon invité par la chanteuse et compositeur Joyce.

Tournée au Japon invité par la chanteuse et compositeur Joyce. 2008 Lancement du DVD João Donato e Bud Shank ao vivo no Rio de Janeiro (Acre Musical/Urca Filmes/Biscoito Fino). Spectacle au Festival Jazz Plaza 2008, à Havane, Cuba et enregistrement d un DVD avec des

Leia mais

Fichas práticas para a campanha internacional de Tapori 2006/2007. Venham ouvir-nos e mudaremos o mundo!

Fichas práticas para a campanha internacional de Tapori 2006/2007. Venham ouvir-nos e mudaremos o mundo! www.tapori.org/pt Tapori international Chemin Galiffe 5 1201 Genève Suíça tapori@bluewin.ch Tél. 00.41/22.344.41.15 Fax. 00.41/22.344.47.77 Fichas práticas para a campanha internacional de Tapori 2006/2007

Leia mais

DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC

DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC: INF: DOC Ficha Social Nº 184 Informante: R.S.O Idade: 73 anos Sexo: Masculino Escolarização: 1º série/1º grau Localidade: Caririaçu Profissão: Diretor Documentadora: Verinha A Leite. Transcritora: Raquel de Lima

Leia mais

Revista Eletrônica Acolhendo a Alfabetização nos Países de Língua Portuguesa ISSN: 1980-7686 suporte@mocambras.org Universidade de São Paulo Brasil

Revista Eletrônica Acolhendo a Alfabetização nos Países de Língua Portuguesa ISSN: 1980-7686 suporte@mocambras.org Universidade de São Paulo Brasil Revista Eletrônica Acolhendo a Alfabetização nos Países de Língua Portuguesa ISSN: 1980-7686 suporte@mocambras.org Universidade de São Paulo Brasil Mesquita RAMPONE, Andréa; Rigazzo MAIOLINO, Andréa A

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 3.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 3.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 3.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

Índices para catálogo sistemático: Ordens religiosas e igrejas locais 250 Cristianismo 261.7

Índices para catálogo sistemático: Ordens religiosas e igrejas locais 250 Cristianismo 261.7 Conselho Editorial Profa. Dra. Andrea Domingues Prof. Dr. Antônio Carlos Giuliani Prof. Dr. Antonio Cesar Galhardi Profa. Dra. Benedita Cássia Sant anna Prof. Dr. Carlos Bauer Profa. Dra. Cristianne Famer

Leia mais

VIAGEM ESPECIALMENTE ELABORADA PARA A FUNDAÇÃO ORIENTE CHINA CLÁSSICA Xangai-Suzhou-Nanjing-Huangshan-Pequim 13 a 27 ABRIL 2011

VIAGEM ESPECIALMENTE ELABORADA PARA A FUNDAÇÃO ORIENTE CHINA CLÁSSICA Xangai-Suzhou-Nanjing-Huangshan-Pequim 13 a 27 ABRIL 2011 VIAGEM ESPECIALMENTE ELABORADA PARA A FUNDAÇÃO ORIENTE CHINA CLÁSSICA Xangai-Suzhou-Nanjing-Huangshan-Pequim 13 a 27 ABRIL 2011 PATRIMÓNIO MUNDIAL UNESCO Viagem cultural acompanhada pelo Prof. Dr. António

Leia mais

ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE LOUSA ACTA N.º 01/2007

ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE LOUSA ACTA N.º 01/2007 1/8 ACTA N.º 01/2007 Aos dezanove dias do mês de Abril de dois mil e sete, pelas vinte horas e trinta minutos reuniu, em Sessão Ordinária, a Assembleia de Freguesia de Lousa, no salão anexo à Junta de

Leia mais

1 por quarto, por estada 1 par chambre, par séjour

1 por quarto, por estada 1 par chambre, par séjour 1 por quarto, por estada 1 par chambre, par séjour 1 por quarto, por estada Desde 2012 que depositamos anualmente 10 000 na conta Small Gestures Big Hopes. Adicionalmente, contamos com os nossos hóspedes

Leia mais

B e n j a m i n C o n s t a n t B o t e l h o d e M a g a l h ã e s ( 1 8 3 6 / 1 8 9 1 )

B e n j a m i n C o n s t a n t B o t e l h o d e M a g a l h ã e s ( 1 8 3 6 / 1 8 9 1 ) B e n j a m i n C o n s t a n t B o t e l h o d e M a g a l h ã e s ( 1 8 3 6 / 1 8 9 1 ) B e n ja m i n C o n s t a n t, c o m o c o s t u m a s e r r e f e r i d o, é c o n s i d e r a d o c o m o o

Leia mais

6 Estimular a Criatividade

6 Estimular a Criatividade OZARFAXINARS N.2 DEZEMBRO 2005 121 6 Estimular a Criatividade Como aspecto menos valorizado pela Escola, a criatividade pode estimular novas formas de o jovem se relacionar com o mundo, desenvolvendo atitudes

Leia mais

Relatório de Intercâmbio

Relatório de Intercâmbio Relatório de Intercâmbio 1. Dados de identificação: Informações pessoais e acadêmicas: Aline Vieira de Lima +55 83 9986 1705 aline.vieira@gmail.com Programa: PIANI Universidade anfitriã: Instituto Superior

Leia mais

Candidatura a Programa Estágios Profissionais - Europa

Candidatura a Programa Estágios Profissionais - Europa SECRETARIA REGIONAL DOS ASSUNTOS SOCIAIS INSTITUTO DE EMPREGO DA MADEIRA, IP-RAM Candidatura a Programa Estágios Profissionais - Europa 1. IDENTIFICAÇÃO DO ESTAGIÁRIO Nome: Morada: Concelho: Código Postal:

Leia mais

Centro de Arqueologia de Almada Actividades de Educação Patrimonial. Campo de Simulação Arqueológica

Centro de Arqueologia de Almada Actividades de Educação Patrimonial. Campo de Simulação Arqueológica Centro de Arqueologia de Almada Actividades de Educação Patrimonial Facilitar a apropriação de memórias colectivas pelas novas gerações. O departamento pedagógico do Centro de Arqueologia de Almada, vocacionado

Leia mais

Aula teórica DC I B Sistema normativa da Constituição

Aula teórica DC I B Sistema normativa da Constituição Aula teórica DC I B Sistema normativa da Constituição 25/11/2015 1. A Constituição inserida numa rede de regulações normativas a) Noção Não é uma ordem isolada É estrutura rodeada de outras normas também

Leia mais

Missões O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) A Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho

Missões O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) A Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho Missões O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) é uma organização imparcial, neutra e independente cuja missão exclusivamente humanitária é proteger a vida e a dignidade das vítimas dos conflitos

Leia mais

Liens et Adresses Utiles. http://guida.querido.net/jogos/ (exercices et jeux sur la grammaire portugaise niveau débutants)

Liens et Adresses Utiles. http://guida.querido.net/jogos/ (exercices et jeux sur la grammaire portugaise niveau débutants) Liens et Adresses Utiles http://guida.querido.net/jogos/ (exercices et jeux sur la grammaire portugaise niveau débutants) http://www.ac-amiens.fr/pedagogie/portugais-bts (sujets et exercices écrits et

Leia mais

13 MAI 2014. 16h / Centre José Saramago, salle B4-306. Conférences O sexo censurado : da prática social à representação literária

13 MAI 2014. 16h / Centre José Saramago, salle B4-306. Conférences O sexo censurado : da prática social à representação literária PROGRAMME 13 MAI 2014 16h / Centre José Saramago, salle B4-306. Conférences O sexo censurado : da prática social à representação literária Axe Crises, créations, renaissance (CECILLE) Partenariats Université

Leia mais

8º ANO ENSINO FUNDAMENTAL PORTUGUÊS GABARITO

8º ANO ENSINO FUNDAMENTAL PORTUGUÊS GABARITO 8º ANO ENSINO FUNDAMENTAL PORTUGUÊS GABARITO 1. A alternativa que melhor completa a frase abaixo é: Até agora, você queria conhecer os das coisas existentes. Daqui para a frente, acrescente outra pergunta:

Leia mais

Uma Missão para recordar

Uma Missão para recordar Uma Missão para recordar Na semana passada, dias 18, 19, 20 e 21 tive a oportunidade de participar na Missão JRA Conservação ex-situ 2015, no Jardim Zoológico de Lisboa. Esta atividade organizada pela

Leia mais

Igreja Santo António de Lisboa

Igreja Santo António de Lisboa Especialmente criado para: Igreja Santo António de Lisboa Peregrinação a Itália por ocasião do Ano da Misericórdia 30 de Junho a 7 de Julho 2016 Acompanhada por Frei Francisco Sales Programa de Viagem

Leia mais

Mestrado em Tradução. Relatório do Projecto de Tradução ANA CRISTINA LOPES SOARES. Trabalho de projecto orientado pelo PROFESSOR DOUTOR PIERRE LEJEUNE

Mestrado em Tradução. Relatório do Projecto de Tradução ANA CRISTINA LOPES SOARES. Trabalho de projecto orientado pelo PROFESSOR DOUTOR PIERRE LEJEUNE Mestrado em Tradução Tradução da primeira parte de Droit de la Famille de Dominique Fenouillet Relatório do Projecto de Tradução ANA CRISTINA LOPES SOARES Trabalho de projecto orientado pelo PROFESSOR

Leia mais

12/02/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República

12/02/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de inauguração da Escola Municipal Jornalista Jaime Câmara e alusiva à visita às unidades habitacionais do PAC - Pró-Moradia no Jardim do Cerrado e Jardim Mundo

Leia mais

ERASMUS+ OPORTUNIDADES PARA AS INSTITUIÇÕES EDUCATIVAS

ERASMUS+ OPORTUNIDADES PARA AS INSTITUIÇÕES EDUCATIVAS ERASMUS+ OPORTUNIDADES PARA AS INSTITUIÇÕES EDUCATIVAS A u d i t ó r i o d a C o m i s s ã o d e C o o r d e n a ç ã o e D e s e n v o l v i m e n t o R e g i o n a l d o A l e n t e j o 2 d e f e v e

Leia mais