Sindiflores elege diretoria para o quadriênio

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sindiflores elege diretoria para o quadriênio 2014-2018"

Transcrição

1 OUTUBRO/NOVEMBRO/DEZEMBRO DE 2013 ANO 09 Nº 4 Sindiflores elege diretoria para o quadriênio O Sindicato do Comércio Varejista de Flores e Plantas Ornamentais do Estado de São Paulo elegeu, no dia 16 de dezembro de 2013, sua nova diretoria, cujo mandato irá de 24 de janeiro de 2014 a 23 de janeiro de 2018, em eleição realizada na sua sede social. A eleição, que teve apenas uma chapa inscrita, que se intitulava ISO 2018, está assim constituída: Diretoria Executiva Presidente: Edison Alexandre; Vice- Presidente: Celino Barbara; Secretário: Marcos Alexandre; 2 Secretário: José Odair Modelli; Tesoureiro: Emílio Hirano; 2 Tesoureiro: Luciana Kühn Jubram; Conselho Fiscal Membros Titulares: Marcos Dopona de Oliveira, Silvia da Silva Guedes e Sara Cougil Sanches; Membros Suplentes: Sueli Daisy Kühn Jubram, Heloiza Helena Moura de Almeida e Vanda Liessi. - Diretora Adjunta: Ana Lucia Guedes; Delegados Representantes junto a Fecomércio/SP Primeiro Delegado: Edison Alexandre: Segundo delegado: Celino Barbara; Primeiro Delegado Suplente: Emílio Hirano; Segundo Delegado Suplente: Marcos Alexandre. O Presidente reeleito do Sindiflores, Dr. Edison Alexandre, agradeceu a aprovação obtida pela chapa e prometeu continuar o trabalho que vem sendo desenvolvido há mais de dois anos na preparação do Sindiflores para que seja uma entidade exemplar e ofereça mais orientações e serviços aos floristas de todo o Estado de São Paulo. Em seu discurso, destacou a dedicação dos seus diretores, dos funcionários que atuam na entidade e os associados que contribuem para o Sindiflores, pois sem suas contribuições não haveria recursos para desenvolver um trabalho eficiente junto à entidade. Destacou que também é um empresário do setor de flores e, como tal, conhece a necessidade das empresas do segmento. Agradeceu a Deus e a todos que direta ou indiretamente colaboraram com ele e declarou estar muito contente com sua diretoria, que tem como principal trunfo a afinidade, uma sintonia muito grande para que novos trabalhos possam ser desenvolvidos naturalmente, com eficiência. A posse da nova diretoria do Sindiflores ocorrerá no dia 24 de janeiro de SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE FLORES E PLANTAS ORNAMENTAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO Av. Francisco Matarazzo, 455 Parque da Água Branca Prédio do Fazendeiro 2º Andar Sala 20 São Paulo - SP CEP Fone/Fax DIRETORIA Presidente Edison Alexandre Vice Presidente Celino Bárbara Tesoureiro Emílio Hirano Secretário Marcos Alexandre 2º Secretário Pedro Basile 2º Tesoureiro Luciana Kuhn Jubran 1º Membro Conselho Fiscal Vanda Liesse 2º Membro Conselho Fiscal Elvésio Valentini 3º Membro Conselho Fiscal Marcos Dopona de Oliveira 1º Suplente Conselho Fiscal Silvia da Silva Guedes 2º Suplente Conselho Fiscal Suely D. Kuhn Jubran 3º Suplente Conselho Fiscal Sara Congil Sanches Diretora Adjunta Heloisa H. M. de Almeida Diretora Adjunta Ana Lucia da S. Guedes Diretor Adjunto José Odair Modelli INFORMATIVO DE CIRCULAÇÃO INTERNA, EXCLUSIVO PARA ASSOCIADOS CRÉDITOS Coordenação geral Carlos Roberto Romeu Colaboração Daiana Alves de Souza Diagramação Selma Capelas Editorial Gestão 2014/2018 Pg. 2 Negócios com Flores Um novo cenário para o varejo Pg. 3 Saiba mais Agricultores garantem novidades Pg. 7 Fábula empresarial Os balões Pg. 8 Este informativo pode ser lido também na internet, no endereço Código de Ética do Sindiflores Pg. 4 esocial será obrigatório Pg. 5 Plantas purificadoras Pg. 7 E-commerce no Natal de 2013 Pg. 8

2 2 Editorial Dr. Edison Alexandre Presidente do Sindiflores Gestão do Sindiflores 2014/2018 A motivação que nos levou a continuar à frente da diretoria do Sindiflores foi a de dar continuidade a um trabalho que já vem sendo desenvolvido ao longo dos últimos dois anos que fará com que possamos em 2018 flertar com uma Certificação ISO Sindical, ou seja, o sindicato com qualidade total. A expressão ISO 9000 designa um grupo de normas técnicas que estabelecem um modelo de gestão da qualidade para organizações em geral, independente de tipo ou dimensão. A sigla ISO refere-se à International Organization for Standardization, organização nãogovernamental fundada em 1947, em Genebra, Suiça, hoje presente em mais de 150 países. Sua função é promover a normatização de produtos e serviços, para que a qualidade dos mesmos seja permanentemente melhorada. O planejamento estratégico foi implantado para nortear todo o processo através do qual o Sindiflores se mobilizará para formular as suas estratégias orientadas para as floriculturas, estabelecer e desdobrar metas e elaborar planos de ação para atingi-las, considerando os ambientes interno, externo, atual e futuro. Será a bússola, que nos ajudará a ter controle da situação para o atingimento de nossos objetivos, que no final nos proporcionará uma agradável sensação de missão cumprida. Nesta edição estamos apresentando o Código de Ética do Sindiflores, aprovado em nossa última assembléia geral, como também os objetivos estratégicos que nortearão a Entidade: Visão, Missão, Bandeiras e Valores. Agradeço a confiança em mim depositada e nos demais diretores, prometendo o máximo empenho para que nos próximos quatro anos possamos realizar todos os nossos objetivos à frente da entidade. Aproveito para desejar a todos, diretoria, floristas, colaboradores, fornecedores, um Ano Novo repleto de realizações, muita saúde e paz. Multa no FGTS é mantida e insatisfação de empresários também Apesar da pressão de diversas entidades empresariais, entre elas o SINDIFLORES, o Congresso Nacional manteve o veto da presidente Dilma Rousseff ao projeto de lei que acabava com a multa de 10% do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) paga pelo empregador ao governo em caso de demissão sem justa causa. Representantes dos ramos do comércio, dos serviços, da indústria e do agronegócio argumentaram que o fim do percentual injetaria na economia nacional cerca de R$ 3 bilhões por ano. Mas a União venceu com seu argumento, de que usa a receita para ajudar no custeio de programas importantes, como o Minha Casa, Minha Vida. Apenas para recordar: tal multa foi criada pelo governo, em 2001, para compensar perdas do FGTS com os planos Verão (1989) e Collor 1 (1990). Os mais afetados, certamente, serão os pequenos negócios, que terão mantido tais custos tributários em suas operações. O custo da mão de obra, no Brasil, devido aos encargos sobre os salários (dos quais a multa do FGTS é um dos componentes), revela-se um dos empecilhos à competitividade. A CNC - Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo; a Fecomercio /SP Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo, o Sindiflores e vários sindicatos entraram com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI), contestando a cobrança da multa de 10% sobre o saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), em caso de demissão de trabalhador sem justa causa. Isso porque a Declaração de Inconstitucionalidade que criou o adicional já foi reconsiderada pelo próprio Conselho Curador do FGTS, com afirmação de que o déficit da época já foi regularizado. Enquanto isso, a FIFA e demais organizações mundiais de porte continuam sugando bilhões de reais de impostos, na forma de isenções e benefícios. Até quando, permitiremos o avanço do governo em nossos bolsos, economias, rendas, frutos do trabalho e labor? Já está mais do que na hora de iniciar um movimento nacional contra a má gestão pública, os generosos benefícios às grandes corporações mundiais e o aumento de tributos, denunciando as práticas da contabilidade criativa e da distribuição do dinheiro público para as máfias das licitações, dos parlamentares e ONGs de fachada. O Diretor do Sindiflores, Sr. Celino Bárbara, ao lado de outros representantes do comércio paulista, acompanhou a vergonhosa votação da manutençaão do veto presidencial aos 10% do FGTS, ocorrida em Brasília, na madrugada do dia 18 de setembro de 2013.

3 Agricultores garantem novidades O setor de flores projetou para este ano um crescimento de 12% em relação ao ano passado, mas desde maio, o mercado enfrenta uma retração, queda nas vendas e dificuldade de novos negócios. Uma das causas é a inflação, mas mesmo assim, a expectativa é de que as flores e plantas movimentem R$ 4,8 bilhões. Desde 2006, o setor tem registrado altas de 8 a 12% no volume de vendas e de 15 a 17% no valor movimentado, mas apesar dos números positivos, ainda há muita coisa a ser explorada. Enquanto na Europa, o consumo per capita de flores é de R$ 141, no Brasil, cada pessoa não gasta mais de R$ 23 por ano com flores. Em todo o país, há 7,6 mil produtores, que juntos cultivam mais de 3 mil variedades. O mercado é altamente competitivo e está concentrado em Holambra, no leste de São Paulo, responsável pela comercialização de 45% de flores e plantas ornamentais produzidas no Brasil. Plantas purificadoras de ambientes Que flores e plantas emprestam suas cores à decoração da casa, todo mundo já sabe. O que pouca gente conhece é a capacidade das plantas de absorver substâncias químicas, melhorando o ar do ambiente. Seguem 7 plantas que têm esse poder purificador: - Cacto: deve ficar perto de aparelhos de TV e microondas, pois barra as ondas eletromagnéticas. - Azaléia: deve ficar no banheiro, porque camufla o odor forte do amoníaco. - Bromélia: deve ficar na cozinha pois absorve a fumaça das panelas no fogão. - Gérbera: deve ficar na sala e quartos porque absorve o cheiro desagradável do cigarro. - Crisântemo: deve ficar na janela pois necessita de luz solar e ventilação. Reduz a concentração de benzeno (presente em solventes e desengordurantes) que causa problemas respiratórios. - Lírio Amarelo: deve ficar no jardim, sacada ou varanda pois absorve o monóxido de carbono, gás tóxico que pode provocar alterações na pressão sanguínea e sensação de sufocamento. - Lírio da Paz: deve ficar em ambientes com pouca ventilação, pois absorve os poluentes do ar. Fonte: Chapéu de Napoleão Anuncie no informativo e fale com: OUTUBRO/NOVEMBRO/DEZEMBRO Para se destacar diante da concorrência é preciso buscar sempre novos produtos e o lançamento das principais novidades é feito durante a Expoflora, em Holambra. Os produtores resolveram investir desta vez em plantas pensando na Copa do Mundo do ano que vem e há flores e folhas em verde e amarelo, como os sunpatiens, que é resistente ao sol, hibiscos e até uma orquídea, artificialmente colorida de verde. Fonte:alerta do google-flores e plantas floriculturas do Estado de São Paulo 150 Sindicatos do Comércio Atacadista e Varejista do Estado de São Paulo 80 Fornecedores de Produtos para floriculturas 180 interessados cadastrados em geral (assinantes) Maiores informações: (11) ou através do 37 Saiba mais Responsabilidade social O chapéu-de-napoleão é uma planta arbustiva, de textura lenhosa, e folhagem e floração decorativas. O caule é ramificado, com casca cinzenta e seiva leitosa, muito tóxica. As folhas têm formato linear a lanceolado, são coriáceas, brilhantes, glabras e alternas, com pecíolos curtos e nervura central bem marcada, de tonalidade mais clara. As flores são muito bonitas, tubulares, perfumadas, de coloração laranja ou amarela. Os frutos são do tipo drupa e muito atrativos, de formato subgloboso, como uma castanha, com duas a quatro sementes grandes e venenosas. Ocorrem ainda variedades de flores brancas ou róseas. PARTE TÓXICA: todas as partes da planta. Ingestão: dor/queimação, sialorréia, náuseas, vômitos, cólicas abdominais,diarréia. Manifestações neurológicas: cefaléia, tonturas, confusão mental e distúrbios visuais. Distúrbios cardiovasculares: arritmias, bradicardia, hipotensão. Contato ocular: fotofobia, congestão conjuntival, lacrimejamento. Tratamento de suporte, com atenção especial aos distúrbios hidroeletrolíticos. Antiarrítmicos habituais nos distúrbios de ritmo. Antiespasmódicos, antieméticos, protetores de mucosa e adsorventes intestinais. Contato ocular: lavagem com água corrente, colírios antissépticos, analgésicos e avaliação oftalmológica. Em caso de intoxicação, você pode contar com a ajuda do SINITOX através do disque intoxicação: Em São Paulo, as pessoas também podem ligar para o CEATOX-SP: Fonte: O jornal dos profissionais de Floricultura

4 4 Código de Ética do Sindiflores Palavra do Presidente O Sindiflores Sindicato do Comércio Varejista de Flores e Plantas Ornamentais do Estado de São Paulo, com muito orgulho e responsabilidade, vem à público para apresentar seu Código de Ética, resultado de várias reuniões de sua diretoria e colaboradores. Tem como objetivo este trabalho tornar transparente os princípios éticos que norteiam o sindicato em suas relações com toda a comunidade, seja ela, interna ou externa, a coerência entre seu discurso e a efetividade de suas ações, a busca das melhores práticas gerenciais e o comprometimento com as questões no âmbito econômico, político, social e ambiental do segmento de flores e plantas ornamentais no Estado de São Paulo. 1. Princípios Éticos da Entidade Os princípios e os valores morais da entidade deverão ser exercidos com ética e sempre com: 1.1. Independência trabalhando com liberdade e autonomia Transparência - com respeito ao interesse público e de todas as partes interessadas, guardando os direitos de privacidade pessoal e a política de segurança da informação da entidade Comprometimento arcando com seus compromissos utilizando-se de regras propostas, a fim de se alcançar a exatidão do ato ou ação. 2. No Exercício da Governança Corporativa - O Sindiflores registra seus relatórios e balanços de modo correto, consistente, exato e completo, sem ambigüidade de informações e disponibiliza seus livros às Autoridades e Órgãos Públicos Competentes, caso sejam solicitados. - O Sindiflores promove e cumpre este Código de Ética mediante dispositivos de gestão em âmbito corporativo e local, divulgando-o permanentemente, esclarecendo suas dúvidas, acolhendo sugestões, com intuito de facilitar seu entendimento na busca da melhoria constante. 3. Na Relação da Entidade com a Força de Trabalho O Sindiflores respeita e promove a diversidade e combate todas as formas de preconceito e discriminação, por meio de política transparente de admissão, treinamento, promoção na carreira, ascensão a cargos e demissão. Nenhum empregado ou potencial empregado receberá tratamento discriminatório em consequência de sua raça, cor de pele, origem étnica, nacionalidade, posição social, idade, religião, gênero, orientação sexual, estética pessoal, condição física, mental ou psíquica, estado civil, opinião, convicção política ou qualquer outro fator de diferenciação individual. 4. Na Relação da Força de Trabalho com a Entidade - Seus servidores cumprem com empenho, qualidade técnica e assiduidade as obrigações de seu contrato de trabalho, aproveitando as oportunidades de capacitação permanente, concordando em serem sistematicamente avaliados e procuram evoluir com seus erros, transformandoos em oportunidades de aprendizado e melhoria contínua. - Seus servidores não exigem, nem insinuam, nem aceitam, nem oferecem qualquer tipo de favor, vantagem ou benefício, doação, gratificação, para si ou para qualquer outra pessoa, como contrapartida às suas atividades profissionais, exceto brindes promocionais, não exclusivos, sem valor comercial, nos seus relacionamentos com as partes interessadas. 5. Nas relações com Fornecedores e Prestadores de Serviços - O Sindiflores exige dos seus prestadores de serviços que respeitem os princípios éticos e os compromissos de conduta definidos neste código, enquanto perdurarem seus contratos com a mesma. - O Sindiflores disponibiliza para os prestadores de serviços, quando em atividade em suas instalações, as mesmas condições saudáveis e seguras no trabalho, oferecidas aos seus servidores, reservando-se o direito de gestão do conhecimento e de segurança das informações por eles acessadas. 6. Nas Relações com Clientes de Representatividade - O Sindiflores ao exercer sua atividade de Representatividade, tem o compromisso com os empresários de sua categoria de defender os seus interesses nas negociações para celebração das Convenções Coletivas de Trabalho, na busca de soluções e alternativas junto aos governos municipal, estadual e federal de forma a agregar valor para a Sociedade e demais interessados. - O Sindiflores oferece produtos e serviços de qualidade, num padrão de atendimento transparente, eficiente, cortês e respeitoso, visando a satisfação de seus representados, de forma a agregar valor para os mesmos e proporcionar a manutenção de relacionamentos duradouros. 7. Nas Relações com o Meio Ambiente e a Responsabilidade Social - O Sindiflores contribui para a preservação do meio ambiente, por meio da gestão dos impactos de sua atividade e no desenvolvimento de projetos junto à comunidade que interage. - O Sindiflores assume a responsabilidade social com toda a comunidade consumidora ou não dos produtos de suas representadas ao desenvolver e legar, com ética e transparência, estudos para minimizar seus impactos negativos no meio ambiente e na comunidade. 8. Nas Relações com Governo e Sociedade - O Sindiflores valoriza o envolvimento e o comprometimento da sua força de trabalho, em debates e elaboração de propostas e projetos, tendo em vista a viabilização e fortalecimento de projetos de caráter social, com ações articuladas com órgãos públicos e privados. - O Sindiflores interage em parceria com instituições de ensino, para a melhoria da qualificação da mão de obra e o desenvolvimento de novas lideranças para a categoria representada. 9. Disposições Finais O presente Código de Ética abrange toda a Diretoria do Sindiflores, os membros do Conselho Fiscal, os Diretores Adjuntos, os ocupantes de Funções Gerenciais, a Força de Trabalho e os Prestadores de Serviços da entidade, constituindo compromisso individual e coletivo de todos e de cada um deles cumpri-lo e promover seu cumprimento, em todas as ações da entidade e nas suas relações com as partes interessadas.

5 OUTUBRO/NOVEMBRO/DEZEMBRO 5 Limite de atestados médicos Sindiflores responde Dúvida da empresa: Existe um limite de atestados médicos apresentados pelo empregado? Resposta do Departamento Jurídico: Inicialmente, cumpre esclarecer que a legislação não dispõe sobre um limite de atestados a serem apresentados anualmente. Entretanto, por analogia à legislação previdenciária, verifica-se que o limite mensal para afastamento médico é de 15 dias, no qual o empregado poderá se afastar do emprego sem prejuízo dos salários, no caso de doença, e sem prejuízo da sua remuneração, conforme disposto no 3º do art. 60 da Lei 8.213/91. Após esse período, caso não haja a possibilidade de retornar ao trabalho, a empresa deverá encaminhar o empregado ao INSS, a fim de obter o auxílio doença, mediante laudo pericial de incapacidade para o trabalho. Ressaltamos que o atestado médico apenas justifica a falta do empregado, mas não lhe garante o abono de sua remuneração. Sendo assim, a empresa se reserva ao direito de abonar esse dia ou não, podendo proceder ao desconto desse dia, com exceção ao DSR. Caso ele não tenha apresentado atestado médico, poderá sofrer também o desconto do DSR, por se tratar de falta injustificada. Quanto à remuneração dos dias em que o empregado esteve ausente, mas justificou por meio de atestado médico, o artigo 131 da CLT elenca os casos em que a ausência do empregado não será considerada falta ao serviço, mas não inclui em seu rol as consultas médicas comprovadas por atestado médico. O artigo 473 da CLT elenca os casos em que o empregado poderá deixar de comparecer ao serviço sem prejuízo do salário, mas também não inclui em seu rol de hipóteses os casos de consultas médicas devidamente atestadas. Assim, fora dos casos previstos em lei, as faltas justificadas por meio de atestado médico poderão sofrer o desconto da remuneração do dia ausente. (Assessoria Jurídica Fecomercio-SP) Redução da Comissão A redução do percentual da comissão do vendedor nas transações em que são concedidos descontos aos clientes nas vendas efetuadas por ele, implica em prejuízo ao empregado e representa transferência para o trabalhador de parte do ônus da estratégia da empresa para aumentar as vendas. Isso fere o artigo 2º da CLT, que atribui ao empregador os ônus do empreendimento. O juiz Anselmo Bosco dos Santos, em sua atuação na 1ª Vara do Trabalho de Formiga/MG, entendeu ter ocorrido desequilíbrio na relação entre empregado e empregador e deferiu ao reclamente, diferenças de comissões em razão da redução do seu percentual em 0,1% e 0,15% a cada desconto concedido a clientes. Para estimular as vendas, a ré permitia que o reclamante concedesse descontos aos clientes nas vendas efetuadas, entretanto havia a redução do percentual da comissão do vendedor. Dessa forma, a empresa, mesmo reduzindo o valor da venda, obtinha lucro maior, ao reduzir sua obrigação trabalhista transferindo para o trabalhador parte do ônus do seu negócio. No entender do magistrado, além do comportamento pautado pela boa fé, o que é o mínimo a se esperar dos contratantes, a ordem jurídica exige uma conduta efetiva tendente à boa e fiel execução do contrato, o que não ocorreu no caso. Daí a ré ter que restituir os descontos indevidos. A reclamada recorreu, porém o Tribunal Regional do Trabalho de Minas Gerais manteve a decisão de 1º grau. Fonte:King Contabilidade Em 2014, esocial será obrigatório O Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (esocial) é fruto de uma ação conjunta da Caixa Econômica Federal, Instituto Nacional do Seguro Social, Receita Federal do Brasil e Ministérios da Previdência Social e do Trabalho e Emprego. Criado com o objetivo de unificar o envio de informações dos empregados pelo empregador, o projeto está disponível no endereço eletrônico Atualmente, apenas o módulo do empregador doméstico está em operação e seu uso ainda é facultativo. Contudo, a partir da competência de janeiro de 2014 será obrigatório para empresas e empregadores, conforme determina o Ato Declaratório Executivo Sufis nº 5. A nova sistemática permitirá que a empresa envie as informações cadastrais dos empregados em formato digital e substituirá as nove obrigações feitas mensal e anualmente por um único envio. Dentre as vantagens prometidas estão:. Única fonte de informações para o cumprimento das obrigações trabalhistas, previdenciárias e tributárias nos diversos órgãos do governo;. Integração dos sistemas informatizados das empresas com o ambiente nacional do esocial, possibilitando a automação na transmissão das informações dos empregadores;. Padronização e integração dos cadastros das pessoas físicas e jurídicas no âmbito dos órgãos participantes do projeto. Por outro lado, todas as empresas terão que enviar o histórico dos empregados com informações que vão desde a admissão até a demissão. No total, devem ser encaminhados à Receita Federal 44 tipos de informações por empregado. Além do elevado número de dados, existem outras questões preocupantes:. Afastamentos temporários: todos os atestados médicos deverão ser lançados (mesmo que seja de apenas um dia). Caso o documento seja entregue pelo empregado após o envio do arquivo da folha pela empresa, será necessário retificar;. Aviso de férias: é individual e deverá ser informado exatamente 30 dias antes do início do benefício. O esocial não trata do cancelamento de férias, impedindo nova programação no sistema;. Registro de eventos trabalhistas: o sistema prevê o envio diário de informações detalhadas desses acontecimentos, como Alteração Cadastral ou Atestado. A empresa terá de designar uma pessoa para realizar o trabalho, e, consequentemente, arcar com o seu custo. Os empresários temem que a adaptação às novas regras tenha elevado custo financeiro. Já os representantes dos órgãos e entidades envolvidas enfatizam que a implantação do esocial depende de uma mudança cultural e apesar dos impactos financeiros para as empresas, todos irão ganhar, especialmente o empregado, que terá um acesso mais fácil às informações de sua vida profissional. Fonte: Tome Nota nº 120-Fecomercio

6 6 O Bom Português Elefante branco Um elefante branco é algo grandioso, com aparência magnífica, mas que cria muitos problemas ou provoca grandes prejuízos devido ao trabalho ou despesas que dá. Dizem que na Tailândia havia uma prática antiga: toda vez que o rei queria arruinar um inimigo, dava-lhe um elefante branco. Por tratar-se de um animal sagrado, o presenteado não podia desfazerse do elefante branco. É como diz o professor Antenor Nascentes no seu Tesouro da Fraseologia Brasileira: e a despesa com a manutenção bastava para comprometer as mais sólidas fortunas. Bode expiatório É importante observarmos que expiatório se escreve com x. Um bode expiatório não é, como alguns imaginam, um cara chato que anda espiando os outros. Não é um bode espião. Expiatório vem do verbo expiar (penar), e não de espiar (espionar, olhar, observar). O tal bode expiatório é aquele que paga pelas culpas alheias, é quem pena pelos outros. A origem é bíblica. Os hebreus tinham o costume de, anualmente, fazer uma festa para aplacar a ira divina. Um bode, após receber todas as maldições, era jogado no deserto. Sua função era expiar (redimir, purificar) a culpa do povo. Daí o bode expiatório. Chegar de mãos abanando É não carregar nada, é não trazer presente para o aniversariante. A expressão vem do século XIX. Os imigrantes deveriam trazer as ferramentas para o trabalho na terra. Aqueles que chegassem sem as tais ferramentas, demonstravam que não estavam dispostos ao trabalho. A expressão ficou e hoje podemos usar em qualquer situação: se não trazemos o que deveríamos, chegamos de mãos abanando. Fonte:http://g1.globo.com/platb/portugues Serviços do SINDIFLORES INTER-FLORISTA O convênio que liga a sua floricultura com centenas de floriculturas em todo o Brasil. Através do Inter-Florista você vende e recebe pedidos de todo o país. Inter-Florista: parceria, segurança, eficiência, qualidade e honestidade.. Maiores informações: (11) ou SITE DO SINDIFLORES Elo de ligação entre o florista e o seu sindicato. Nele encontramos: Notícias do setor e de interesse geral; Agenda com os eventos de interesse dos floristas; Local para cadastramento de profissionais para floriculturas; Link denuncie, onde o florista informa qualquer fato que esteja prejudicando o seu negócio. É possível, também, denunciar o comércio ilegal de flores e plantas em calçadas e vias públicas para que o SINDIFLORES encaminhe aos órgãos competentes. É fácil atualizar os dados das empresas e dos escritórios contábeis e possibilita a impressão das guias das obrigações sindicias. As últimas edições do jornal O Florista também estão disponíveis e podem ser visualizadas em sua forma original. Acesse: CURSOS O SENAC São Paulo concede desconto de 20% em seus cursos para funcionários de empresas contribuintes do SINDIFLORES. O desconto é válido para cursos técnicos, de qualificação ou livres, em todos os períodos disponíveis e unidades do SENAC. Informações: (11) COLÔNIA DE FÉRIAS Parceria do SINDIFLORES com a AOPM Associação dos Oficiais da Polícia Militar ecom o Club de Férias. Fornece locais confortáveis para estadias inesquecíveis em todo o Brasil. Informações e reservas: (11) ASSESSORIA JURÍDICA Orientação consultiva trabalhista e demais assuntos de interesse do floristas, através do telefone (11) ou pelo PREVIDÊNCIA PRIVADA Através de um convênio entre a FECOMÉRCIO, o Banco Itaú e mais 105 sindicatos, dentre eles o SINDIFLORES, foi instituída a Previdência Complementar que possibilita aos varejistas, seus familiares e seus empregados, participantes do sistema, uma renda complementar para o futuro, o que significa maior proteção social. Informações: (11) Objetivos Estratéticos do Sindiflores VISÃO MISSÃO BANDEIRAS VALORES Liderar a comunidade empresarial de flores e plantas ornamentais no Estado de São Paulo com foco na atuação e no desenvolvimento das empresas representadas. Defender, representar e promover os varejistas de flores, através do associativismo e práticas gerenciais com o propósito de assegurar o seu desenvolvimento econômico e Social. - gestão pública eficaz - racionalização de impostos - Liberdade individual e coletiva na relação de emprego - Fortalecimento da representatividade em todo Estado de São Paulo - Combater a informalidade e lutar pela longevidade das empresas - Combater a concorrência predatória - Desenvolvimento econômico e social sustentável. - Desenvolvimento de competências empresariais com visão global.

7 Um novo cenário para o varejo Até meados da década de 90, um lojista precisava ser diferenciado para ganhar dinheiro. Estávamos em um cenário de demanda, ou seja, mais compradores do que ofertantes. Ter o produto era o essencial. De lá para cá, muita coisa mudou. Não só aumentou a oferta de produtos, como também, eles começaram a aparecer em diversos canais (supermercados, internet, informais, shoppings etc). O resultado disso é que tanto os produtos quanto as lojas tornaram-se GENÉRICOS. Isso mesmo. Assim como os remédios dessa categoria, a oferta passou a ser pressionada pelo preço e a diferenciação desmoronou. Passamos a fase do mercado ofertante, onde o cliente tem sempre outras opções. Nessa era, é o marketing e o empreendedorismo que farão a diferença. O problema é que a maioria de nós aprendeu a fazer varejo no cenário anterior e ainda não esta preparado para esse novo mundo: um cenário cruel. A fidelidade foi embora As margens foram embora Os custos aumentaram Os funcionários podem não estar sendo os mais produtivos Faz-se mais com menos, e nessa correria, aumentam os erros. HÁ UMA LUZ... Com o crescimento de renda da classe C, houve mais dinheiro para o consumo. Essa mesma classe C também abriu novos negócios, e assim aumentou a massa de concorrentes, principalmente nos bairros e nas cidades pequenas (que é a situação da maioria dos lojistas...) Esse consumo era básico no início do ano 2000, mas depois veio evoluindo. E aí começam a surgir as pistas de como você pode mudar esse jogo: Como a vida esta mais corrida, as pessoas querem mais conveniência e economizar tempo (oportunidade para serviços) O crescimento da classe C aconteceu principalmente pelo ganho de renda da mulher (oportunidade para segmentar seu mercado) As pessoas querem recompensas pelo esforço diário que a vida está exigindo. Surge uma nova e poderosa forma de consumo. É o consumo do EU MEREÇO. Ele está concentrado em segmentos como: moda, tecnologia, relacionamento, bem estar e sexo (oportunidade para recompor a fidelidade através da geração de conteúdo sobre esses temas para diferenciar sua oferta e para personalizar sua relação com os consumidores). Os pequenos varejos dificilmente terão condições de ter o menor preço da cidade, pois, para isso, temos que ter logística para movimentar grandes volumes e como as lojas têm em media até 100m2, isso fica impraticável. Assim, é na oferta direcionada e nos produtos especiais que estarão os focos para quem quer crescer e ganhar espaço sobre a concorrência. Para saber como chegar lá, você precisa começar com uma auditoria de seu modelo de negócios. Ser empresário é diferente de ser um empreendedor. Para isso é preciso entender que o marketing do seu negócio precisa mudar: 1) Antes era suficiente ter o produto em um local bem localizado 2) Agora estamos na fase onde o relacionamento é gerado pelo fornecimento de conteúdo e o valor é construído pelas facilidades de compra. 3) Daqui a pouquinho, o segredo estará centrado no acolhimento que as equipes oferecerem aos clientes e na diferenciação dos processos internos Ser empresário é saber fazer isso acontecer! Capacite-se, supere-se e inove. Bons negócios. OUTUBRO/NOVEMBRO/DEZEMBRO 3 Negócios com flores Augusto Aki é consultor em Marketing para floriculturas, com graduação pela PUC/ Campinas, FGV e USP. Docente da Escola Técnica em Floricultura de Holambra e Assessor do Sebrae / SP Investimento 70,00 (já inclui despesa de correio) Prazo de entrega: 1 semana Depósito: Banco Itaú - agência c/c ou Bradesco - agência c/c Informar, depois, seu endereço para envio. Cientistas descobrem planta com esporos saltitantes Pesquisadores franceses descobriram uma característica inusitada em uma planta de origem préhistórica que existe até hoje. A Equisetum, nome que que em latim significa cauda de cavalo, é conhecida no Brasil como cavalinha. É uma das plantas mais antigas do mundo, encontrada em vários cantos do planeta. A cavalinha é uma planta perene, não possui flores, nem sementes e se reproduz através da liberação de esporos, que se expandem e se contraem conforme alterações de umidade - um comportamento parecido ao cabelo cacheado. Observado sob o microscópio, o movimento é tão rápido que faz com que as pequenas estruturas da planta pulem e andem. Associados ao vento, os saltos e passos dos esporos, que são responsáveis pela reprodução da planta, ajudam a cavalinha a espalhá-los melhor - algo que os cientistas consideram uma grande vantagem evolutiva. Fonte: alerta do google

8 8 Fábula empresarial Os balões Em uma tarde de São Pedro, um grande e colorido balão ia subindo devagar, passando por outros que iam ficando cada vez mais lá embaixo. À medida em que subia, iam aumentando os balões que estavam mais baixos e diminuia os que estavam mais altos. Nisto, um enorme balão pião, que mais parecia um feira de amostras, vem descendo vertiginosamente e passa por ele, indo se misturar lá embaixo com aquela multidão de caixas, almofadas, piões, barricas, mexiricas... Walter Froldi é consultor de empresas, ex-executivo da Ford, escritor e professor universitário É MELHOR SUBIR DEVAGAR DO QUE CAIR DEPRESSA E-commerce no Natal de 2013 Os preparativos para o Natal já começaram e a procura pelos presentes também. De acordo com a E-bit, empresa especializada em informações do comércio eletrônico, as compras relacionadas à data devem movimentar R$ 3,85 bilhões para o setor, o que representa um crescimento nominal de 25%, se comparado ao mesmo período de 2012, quando o faturamento chegou a R$ 3,06 bilhões A previsão é de que, do dia 15 de novembro até o dia 24 de dezembro, 10,3 milhões de pedidos sejam feitos via internet, com tíquete médio de R$ 368,00. E, para que esses resultados aconteçam, os lojistas que estão querendo ganhar mais espaço no concorrido mercado adotaram estratégias promocionais e de comunicação com mais força nos meios digitais. Para exemplificar, a LeadPix realizou entre os meses de setembro e outubro deste ano um levantamento sobre os impactos recebidos por meio de mídia digital com ofertas para o fim do ano, mais especificamente o Natal. Dos respondentes, 28,7% afirmaram ter recebido pelo menos um com promoções e 31,4% afirmaram terem sido impactados por s e redes sociais. Tais resultados mostram que existe um movimento acelerado das empresas e uma alocação de esforços e investimentos em mídias que busquem atrair mais rapidamente a atenção e o bolso dos consumidores Além disso, outros segmentos da economia estão fazendo a sua parte para garantir resultados mais robustos este ano; governo e instituições financeiras e de crédito se movimentam para incentivar os consumidores que possuem algum problema de inadimplência a renegociarem suas dívidas por meio de descontos atrativos. Todos esses movimentos que estimulam o consumo têm um objetivo claro: fazer a economia se movimentar mais e tentar fugir de resultados fracos que desestimulem investidores e consumidores num momento em que se fala apenas de Pibinho, eleições, Copa, Olimpíadas etc. Afinal, já é Natal há algum tempo e o clima precisa ser de festa! Fonte:http://ecommercenews.com.br Cupom de Assinatura Nome 6 edições: R$ 42,00 Endereço Cidade Tels. CEP Ativ. Prof. Estado Forma de Pagamento: Enviar este cupom, juntamente com cheque nominal ao Sindiflores para o endereço: Av. Francisco Matarazzo, 455 Parque da Água Branca Prédio do Fazendeiro 2º And Sala 20 CEP Barra Funda São Paulo - SP Conhecendo seu cliente Os clientes gostam de sentir interesse e preocupação por parte dos vendedores. Se você pode demonstrar que sabe quais são suas necessidades e desejos, então, provavelmente conquistará clientes fiéis. Pense em você como um consultor particular de seus clientes. Você é o especialista em relação ao produto específico da sua loja. Posicione-se como a pessoa a quem os clientes pedem conselhos e em quem eles podem confiar para ajudá-los a escolher os itens de que precisam ou desejam. Fonte: varejista.com.br

Este Código de Conduta Ética foi impresso em papel couché, com tiragem de 1500 exemplares, em português.

Este Código de Conduta Ética foi impresso em papel couché, com tiragem de 1500 exemplares, em português. Este Código de Conduta Ética foi impresso em papel couché, com tiragem de 1500 exemplares, em português. Esta publicação é distribuída para os colaboradores da Recuperadora Sales Gama Ltda e seu público

Leia mais

SAC: Fale com quem resolve

SAC: Fale com quem resolve SAC: Fale com quem resolve A Febraban e a sociedade DECRETO 6523/08: UM NOVO CENÁRIO PARA OS SACs NOS BANCOS O setor bancário está cada vez mais consciente de seu papel na sociedade e deseja assumi-lo

Leia mais

APRENDA AS MUDANÇAS DE FORMA FÁCIL

APRENDA AS MUDANÇAS DE FORMA FÁCIL 2014 APRENDA AS MUDANÇAS DE FORMA FÁCIL I S O esocial está causando arrepios, mas pouca gente já sabe exatamente o que é. Em poucas palavras, o esocial é um programa do governo federal que tenta consolidar

Leia mais

Gestão eficaz de pessoas melhorando a produtividade, qualidade e resultados organizacionais. Mário Ibide

Gestão eficaz de pessoas melhorando a produtividade, qualidade e resultados organizacionais. Mário Ibide Gestão eficaz de pessoas melhorando a produtividade, qualidade e resultados organizacionais. Mário Ibide A Nova América na vida das pessoas 8 Cultural Empresarial Missão Do valor do campo ao campo de valor

Leia mais

Parceria de sucesso para sua empresa

Parceria de sucesso para sua empresa Parceria de sucesso para sua empresa A Empresa O Grupo Espaço Solução atua no mercado de assessoria e consultoria empresarial há 14 anos, sempre realizando trabalhos extremamente profissionais, pautados

Leia mais

E-SOCIAL. Comunicamos que entrará em vigor, a partir de Abril de 2014, o novo projeto do governo, denominado E-Social.

E-SOCIAL. Comunicamos que entrará em vigor, a partir de Abril de 2014, o novo projeto do governo, denominado E-Social. E-SOCIAL Comunicamos que entrará em vigor, a partir de Abril de 2014, o novo projeto do governo, denominado E-Social. O E-Social é um projeto do governo federal que vai unificar o envio de informações

Leia mais

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04 Práticas de Gestão Editorial Geovanne. 02 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) Como faço isso? Acesse online: 03 e 04 www. No inicio da década de 90 os

Leia mais

Saiba tudo sobre o esocial

Saiba tudo sobre o esocial Saiba tudo sobre o esocial Introdução Com a criação do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), o Governo propiciou maior controle e agilidade na fiscalização das informações contábeis e fiscais

Leia mais

www.avantassessoria.com.br

www.avantassessoria.com.br www.avantassessoria.com.br Nossa Empresa A AVANT Assessoria Contábil e Tributária é uma empresa de contabilidade especializada em consultoria e assessoria de empresas e profissionais liberais, oferecendo

Leia mais

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional A união faz a força O dito popular encaixa-se como uma luva quando o assunto é associativismo o assunto em pauta no meio sindical. As principais confederações patronais do País estão investindo nessa bandeira

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação NORMAS DE CONDUTA Apresentação Adequando-se às melhores práticas de Governança Corporativa, a TITO está definindo e formalizando as suas normas de conduta ( Normas ). Estas estabelecem as relações, comportamentos

Leia mais

TÍTULO: COMERCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO

TÍTULO: COMERCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO TÍTULO: COMERCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE AURIFLAMA AUTOR(ES): EBERSON EVANDRO DA SILVA GUNDIN, PAULO

Leia mais

A função da associação de classe na construção e defesa de suas agendas. 15 ago 13

A função da associação de classe na construção e defesa de suas agendas. 15 ago 13 A função da associação de classe na construção e defesa de suas agendas 15 ago 13 Associação Iniciativa formal ou informal que reúne pessoas físicas ou jurídicas com objetivos comuns, visando superar

Leia mais

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS Resultados dos estudos sobre a redução de taxas de juros praticadas por bancos públicos e privados. Orientações aos consumidores. Face aos diversos anúncios de redução de juros veiculados na mídia a partir

Leia mais

MANTENEDOR E CONTADOR

MANTENEDOR E CONTADOR MANTENEDOR E CONTADOR No ano de 2000, Darci de Paula, Contador formado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, em Ciências Contábeis e Pós graduado em MBA IFRS(Normas Internacionais de Contabilidade),

Leia mais

Câmara Municipal de Barueri. Conheça a Norma SA8000. Você faz parte!

Câmara Municipal de Barueri. Conheça a Norma SA8000. Você faz parte! Câmara Municipal de Barueri Conheça a Norma SA8000 Você faz parte! O que é a Norma SA 8000? A SA 8000 é uma norma internacional que visa aprimorar as condições do ambiente de trabalho e das relações da

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução.

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução. CÓDIGO DE ÉTICA Introdução. Os princípios Éticos que formam a consciência e fundamentam nossa imagem no segmento de recuperação de crédito e Call Center na conduta de nossa imagem sólida e confiável. Este

Leia mais

Marketing não Sobrevive sem Endomarketing

Marketing não Sobrevive sem Endomarketing Marketing não Sobrevive sem Endomarketing Um ótimo serviço pode se tornar ruim se os funcionários não confiam em si mesmos. Uma endoentrevista sobre endomarketing. Troquemos de lugar! O título é, sem dúvida,

Leia mais

Metalúrgica JORBA Indústria e Comércio Ltda. Av. Emilio Giaquinto, 177 Parque Novo Mundo São Paulo SP CEP: 02181-110 Fone/Fax: (55-11) 2632-2611

Metalúrgica JORBA Indústria e Comércio Ltda. Av. Emilio Giaquinto, 177 Parque Novo Mundo São Paulo SP CEP: 02181-110 Fone/Fax: (55-11) 2632-2611 Metalúrgica JORBA Indústria e Comércio Ltda. Av. Emilio Giaquinto, 177 Parque Novo Mundo São Paulo SP CEP: 02181-110 Fone/Fax: (55-11) 2632-2611 CNPJ: 61.460.077/0001-39 / INSCR: 105.657.106.110 Gestão

Leia mais

A Lição de Lynch. O mago dos investimentos conta como ganhar nas bolsas depois de Buffet e Soros

A Lição de Lynch. O mago dos investimentos conta como ganhar nas bolsas depois de Buffet e Soros A Lição de Lynch O mago dos investimentos conta como ganhar nas bolsas depois de Buffet e Soros Por Laura Somoggi, de Marblehead (EUA) É muito provável que o nome Peter Lynch não lhe seja familiar. Ele

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA. do sistema petrobras

CÓDIGO DE ÉTICA. do sistema petrobras CÓDIGO DE ÉTICA do sistema petrobras esse é nosso jeito de ser Palavra do Presidente Princípios Éticos do Sistema Petrobras Compromissos de Conduta do Sistema Petrobras 1. 2... No exercício da Governança

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA FUNDAÇÃO CERTI 01/2009 SUBVENÇÃO ECONÔMICA À INOVAÇÃO PROGRAMA PRIME - PRIMEIRA EMPRESA INOVADORA

SELEÇÃO PÚBLICA FUNDAÇÃO CERTI 01/2009 SUBVENÇÃO ECONÔMICA À INOVAÇÃO PROGRAMA PRIME - PRIMEIRA EMPRESA INOVADORA SELEÇÃO PÚBLICA FUNDAÇÃO CERTI 01/2009 SUBVENÇÃO ECONÔMICA À INOVAÇÃO PROGRAMA PRIME - PRIMEIRA EMPRESA INOVADORA 1. APRESENTAÇÃO O Programa Prime - Primeira Empresa Inovadora - visa apoiar empresas nascentes

Leia mais

Prof. Dr. José Dornelas www.josedornelas.com. Manual do Professor

Prof. Dr. José Dornelas www.josedornelas.com. Manual do Professor Prof. Dr. José Dornelas www.josedornelas.com Manual do Professor Manual do professor Este manual deve ser usado em conjunto com o vídeo do autor disponível no site da editora: www.campus.com.br Maiores

Leia mais

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00 Páginas 1/8 1. OBJETIVO O Código de Ética é um conjunto de diretrizes e regras de atuação, que define como os empregados e contratados da AQCES devem agir em diferentes situações no que diz respeito à

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética MENSAGEM DA DIRETORIA A todos os dirigentes e empregados A Companhia de Seguros Aliança do Brasil acredita no Respeito aos princípios éticos e à transparência de conduta com as

Leia mais

CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL MARCOS ARAÚJO Presidente do SINDSIME ÍNDICE 1 3 5 7 9 INTRODUÇÃO LEI 2 VANTAGENS COMO ME ESCREVO OBTENÇÃO DE ALVARÁ 4 OBTENÇÃO DE ALVARÁ DOCUMENTAÇÃO FISCAL 6 AMBULANTES

Leia mais

esocial: Integração no Ambiente Sped SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL

esocial: Integração no Ambiente Sped SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL esocial: Integração no Ambiente Sped SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL NF-e Abrangência ECD esocial EFD EFD - IRPJ CT-e NFS-e E-Lalur FCont O esocial é um projeto do governo federal que vai unificar

Leia mais

Quais são os objetivos?

Quais são os objetivos? O que é EFD-Social EFD é a sigla para Escrituração Fiscal Digital. É o nome dado ao sistema que vai unificar o registro de escrituração das empresas em um único cadastro a ser compartilhado por diversos

Leia mais

Agora começa a ser implementado o esocial, que constituirá a maior e mais complexa parte do Sped.

Agora começa a ser implementado o esocial, que constituirá a maior e mais complexa parte do Sped. Introdução O que é esocial? Com a criação do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), o Governo propiciou maior controle e agilidade na fiscalização das informações contábeis e fiscais das empresas

Leia mais

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda.

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda. Código de Ética SPL Consultoria e Informática Ltda. Introdução Segundo o dicionário Aurélio ética é o estudo dos juízos de apreciação que se referem à conduta humana suscetível de qualificação do ponto

Leia mais

TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO

TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: CIÊNCIAS CONTÁBEIS INSTITUIÇÃO: FACULDADE ANHANGUERA DE RIO CLARO AUTOR(ES):

Leia mais

NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO CIESP Centro das Indústrias do Estado de São Paulo DR de Sorocaba

NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO CIESP Centro das Indústrias do Estado de São Paulo DR de Sorocaba SPED Sistema Público de Escrituração Digital esocial NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO CIESP Centro das Indústrias do Estado de São Paulo DR de Sorocaba 7 de outubro de 2014 O SPED Sistema Público de

Leia mais

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce Você é do tipo que quer arrancar os cabelos toda vez que um concorrente diminui o preço? Então você precisa ler este guia rápido agora mesmo. Aqui

Leia mais

Sistema Gestão Comercial 2012

Sistema Gestão Comercial 2012 Sistema Gestão Comercial 2012 Charles Mendonça Analista de Sistemas Charles Informática Tecnologia & Sistemas Charles System Gestão Empresarial O Charles System é um software para empresas ou profissionais

Leia mais

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética SUMÁRIO CONCEITO OBJETIVO ABRANGÊNCIA PRINCÍPIOS DE RELACIONAMENTOS CONFLITOS DE INTERESSE CONFIDENCIALIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESERVAÇÃO

Leia mais

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE LUCAS DO RIO VERDE CONTROLE INTERNO

MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE LUCAS DO RIO VERDE CONTROLE INTERNO 1/8 1) DOS OBJETIVOS: 1.1) Disciplinar e normatizar os procedimentos operacionais na administração de recursos humanos; 1.2) Garantir maior segurança na admissão e exoneração de pessoal; 1.3) Manter atualizado

Leia mais

SONDAGEM DE VENDAS DIA DAS CRIANÇAS

SONDAGEM DE VENDAS DIA DAS CRIANÇAS SONDAGEM DE VENDAS DIA DAS CRIANÇAS OUTUBRO/2013 FECOMERCIO/TO Hugo de Carvalho Presidente Anselmo da Silva Moraes Vice Presidente Silmara Lustosa Ribeiro Superintendente INSTITUTO FECOMÉRCIO/TO Hugo de

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz

FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz COMPETÊNCIAS A SEREM DESENVOLVIDAS CONHECER A ELABORAÇÃO, CARACTERÍSTICAS E FUNCIONALIDADES UM PLANO DE NEGÓCIOS.

Leia mais

Como preparar minha empresa para o esocial?

Como preparar minha empresa para o esocial? 1 Como preparar minha empresa para o esocial? SUMÁRIO Introdução Você sabe o que é o esocial? Como está sua empresa? Os pontos mais importantes para se adequar 3.1 - Criar um comitê 3.2 - Mapear os processos

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO MAGNA INTERNATIONAL INC. DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO Oferecer ou receber presentes e entretenimento é muitas vezes uma

Leia mais

SOBRE A NOSSA EMPRESA

SOBRE A NOSSA EMPRESA SOBRE A NOSSA EMPRESA A Resolve Serviços Empresariais Ltda., fundou-se em 1991, com o propósito de oferecer o serviço de mão de obra temporária fundamentada na Lei 6019/74, destacando-se pela ética, agilidade,

Leia mais

Administrando o Fluxo de Caixa

Administrando o Fluxo de Caixa Administrando o Fluxo de Caixa O contexto econômico do momento interfere no cotidiano das empresas, independente do seu tamanho mercadológico e, principalmente nas questões que afetam diretamente o Fluxo

Leia mais

Mensagem do presidente

Mensagem do presidente Mensagem do presidente A giroflex-forma está em um novo momento. Renovada, focada em resultados e nas pessoas, ágil e mais competitiva no mercado de assentos e de mobiliário corporativo. Representando

Leia mais

Como participar pequenos negócios Os parceiros O consumidor

Como participar pequenos negócios Os parceiros O consumidor Movimento incentiva a escolha pelos pequenos negócios na hora da compra A iniciativa visa conscientizar o consumidor que comprar dos pequenos é um ato de cidadania que contribui para gerar mais empregos,

Leia mais

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em janeiro/2015. Estas elevações podem ser atribuídas aos seguintes

Leia mais

A Sombra do Imposto. Propostas para um sistema de impostos mais simples e justo Simplifica Já

A Sombra do Imposto. Propostas para um sistema de impostos mais simples e justo Simplifica Já A Sombra do Imposto Propostas para um sistema de impostos mais simples e justo Simplifica Já Expediente A Sombra do Imposto Cartilha produzida pelo Sistema Fiep (Federação das Indústrias do Estado do Paraná).

Leia mais

Valores Pessoas; Trabalho em Equipe; Conduta Ética; Orientação ao Cliente; Orientação a Resultados; Inovação; e Comunidade e Meio Ambiente.

Valores Pessoas; Trabalho em Equipe; Conduta Ética; Orientação ao Cliente; Orientação a Resultados; Inovação; e Comunidade e Meio Ambiente. CÓDIGO DE ÉTICA EMPRESARIAL 1 INTRODUÇÃO O Código de Ética Empresarial da COELCE, apresenta os princípios direcionadores das políticas adotadas pela empresa e que norteiam as ações e relações com suas

Leia mais

REGULAMENTO DO FASCAR CLUB - PROGRAMA DE FIDELIDADE FASCAR

REGULAMENTO DO FASCAR CLUB - PROGRAMA DE FIDELIDADE FASCAR REGULAMENTO DO FASCAR CLUB - PROGRAMA DE FIDELIDADE FASCAR 1. OBJETO 1.1. O Programa Fidelidade FASCAR CLUB consiste em um Programa de relacionamento com clientes da FASCAR, denominação doravante de Indústria

Leia mais

DISCURSO DE POSSE. Sinto-me extremamente honrado ao assumir a Presidência da ACISB/CDL nesta cerimônia, agradeço a Deus por este momento.

DISCURSO DE POSSE. Sinto-me extremamente honrado ao assumir a Presidência da ACISB/CDL nesta cerimônia, agradeço a Deus por este momento. DISCURSO DE POSSE Boa Noite a todos! Cumprimento o ex-diretor presidente Sebastião Calais, o Prefeito Leris Braga, o vice-prefeito Alcemir Moreira, o presidente da Câmara de Vereadores Juarez Camilo, o

Leia mais

DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA

DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA GUIA PARA A ESCOLHA DO PERFIL DE INVESTIMENTO DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA Caro Participante: Preparamos para você um guia contendo conceitos básicos sobre investimentos, feito para ajudá-lo a escolher

Leia mais

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 REALIZAÇÃO TABULAÇÃO Quem Somos A WBI BRASIL é uma empresa especializada em planejamento de marketing digital, que presta

Leia mais

FORMAÇÃO DE PREÇO DE SERVIÇO

FORMAÇÃO DE PREÇO DE SERVIÇO CONTEÚDO DO CURSO DE FORMAÇÃO DE PREÇO DE SERVIÇO PROMOVIDO PELA www.administrabrasil.com.br - CONCEITO DE PREÇO NOS SERVIÇOS - FATORES DETERMINANTES DOS PREÇOS - ESTRATÉGIAS E ASPECTOS IMPORTANTES PARA

Leia mais

04 Os números da empresa

04 Os números da empresa 04 Os números da empresa Além de conhecer o mercado e situar-se nele, o empreendedor tem de saber com clareza o que ocorre com os números de sua empresa. Neste capítulo conheça os principais conceitos,

Leia mais

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA.

CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. CompuStream Plano de Negócios COMPUSTREAM CONSULTORIA LTDA. A CompuStream, empresa especializada em desenvolvimento de negócios, atua em projetos de investimento em empresas brasileiras que tenham um alto

Leia mais

CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA E INSTRUTORIA

CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA E INSTRUTORIA CREDENCIAMENTO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA E INSTRUTORIA PERGUNTAS FREQUENTES Este guia com perguntas e respostas foi desenvolvido para possibilitar um melhor entendimento

Leia mais

Por isso a Estrela do Mar executa, com esmero, serviços contábeis, administrativos, consultoria jurídica, cobranças e contratação de pessoal.

Por isso a Estrela do Mar executa, com esmero, serviços contábeis, administrativos, consultoria jurídica, cobranças e contratação de pessoal. Nossa Empresa Criada em, a Estrela do Mar administra condomínios baseada em diretrizes humanas e modernas. Trata, de forma diferenciada, questões administrativas, contábeis e jurídicas, para maior tranqüilidade

Leia mais

SEBRAEtec Diferenciação

SEBRAEtec Diferenciação SEBRAEtec Diferenciação REGULAMENTO Investir em inovação tecnológica é fundamental para a competitividade das micro e pequenas empresas gaúchas. 2 2014 Mais recursos para as MPEs representam mais desenvolvimento

Leia mais

Pessoas no centro da estratégia Soluções para desafios em RH

Pessoas no centro da estratégia Soluções para desafios em RH Pessoas no centro da estratégia Soluções para desafios em RH Os papéis do executivo de RH Pessoas são os principais ativos de uma empresa e o executivo de Recursos Humanos (RH), como responsável por administrar

Leia mais

COMO FAZER A TRANSIÇÃO

COMO FAZER A TRANSIÇÃO ISO 9001:2015 COMO FAZER A TRANSIÇÃO Um guia para empresas certificadas Antes de começar A ISO 9001 mudou! A versão brasileira da norma foi publicada no dia 30/09/2015 e a partir desse dia, as empresas

Leia mais

CLIPPING Mídias de Primeiro Foco. Cliente: Fharos Data: 17/09/08 Veículo: DCI

CLIPPING Mídias de Primeiro Foco. Cliente: Fharos Data: 17/09/08 Veículo: DCI CLIPPING Mídias de Primeiro Foco Cliente: Fharos Data: 17/09/08 Veículo: DCI Cliente: Fharos Data: 10/09/08 Veículo: Executivos Financeiros 2 3 Cliente: Fharos Data: 12/09/08 Veículo: Canal Executivo 4

Leia mais

LMA, Solução em Sistemas

LMA, Solução em Sistemas LMA, Solução em Sistemas Ao longo dos anos os sistemas para gestão empresarial se tornaram fundamentais, e por meio dessa ferramenta as empresas aperfeiçoam os processos e os integram para uma gestão mais

Leia mais

Fornecedores. Apresentação. www.grupoquantica.com. Nosso desafio é o seu sucesso!

Fornecedores. Apresentação. www.grupoquantica.com. Nosso desafio é o seu sucesso! Fornecedores www.grupoquantica.com Apresentação 2010 A idéia Fundado e idealizado por Cleber Ferreira, Consultor de Marketing e Vendas, autor do livro Desperte o Vendedor Interior com Técnicas de Vendas

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. Junho, 2006 Anglo American Brasil

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. Junho, 2006 Anglo American Brasil MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS Junho, 2006 Anglo American Brasil 1. Responsabilidade Social na Anglo American Brasil e objetivos deste Manual Já em 1917, o Sr. Ernest Oppenheimer, fundador

Leia mais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais Byte Software POLÍTICA COMERCIAL Parceiros Comerciais 2013 1. Apresentação Este guia descreve o Programa de Parceria Byte Software através de uma estrutura básica, incluindo como participar e, ainda, uma

Leia mais

RESOLUÇÃO CONJUNTA CGM/SMAS/SMA Nº 019 DE 29 ABRIL DE 2005

RESOLUÇÃO CONJUNTA CGM/SMAS/SMA Nº 019 DE 29 ABRIL DE 2005 RESOLUÇÃO CONJUNTA CGM/SMAS/SMA Nº 019 DE 29 ABRIL DE 2005 Dispõe sobre os procedimentos para cadastramento de Fundações Privadas ou Associações pela Comissão de Cadastramento de ONGs e Associações, de

Leia mais

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO MATÉRIAS TRABALHO

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO MATÉRIAS TRABALHO TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO MATÉRIAS TRABALHO Orientador Empresarial Microempreendedor Individual-Formalização-Setor de Serviços-Crescimento SETOR DE SERVIÇOS É CAMPEÃO EM

Leia mais

O Amarelinho mantém liderança

O Amarelinho mantém liderança Mídia Kit O CAMPEÃO DAS BANCAS! O melhor jornal de empregos mídia exclusiva Empregos, estágios, cursos e concursos Páginas 6, 7 e 8 perfil do leitor Instituto define quem é o leitor do Amarelinho Página

Leia mais

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida Unidade IV MERCADOLOGIA Profº. Roberto Almeida Conteúdo Aula 4: Marketing de Relacionamento A Evolução do Marketing E-marketing A Internet como ferramenta As novas regras de Mercado A Nova Era da Economia

Leia mais

MICROFINANÇAS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

MICROFINANÇAS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil MICROFINANÇAS Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

Leia mais

REGULAMENTO CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS

REGULAMENTO CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS UNINORTE LAUREATE INTERNATIONAL UNIVERSITIES PRÊMIO DE EMPREENDEDORISMO JAMES McGUIRE EDITAL DE SELEÇÃO REGULAMENTO CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1. O Prêmio James McGuire de Empreendedorismo é uma competição

Leia mais

O que é o esocial? esocial subprojeto do SPED

O que é o esocial? esocial subprojeto do SPED O que é o esocial? esocial subprojeto do SPED Transmissão única Informações de folha de pagamento e de outras obrigações trabalhistas, previdenciárias e tributárias pelo empregador em relação aos seus

Leia mais

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Toda empresa privada deseja gerar lucro e para que chegue com sucesso ao final do mês ela precisa vender, sejam seus serviços

Leia mais

Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo

Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo JOSE DE SOUZA MARQUES Contador e Advogado, pós graduado em Controladoria e Auditoria e em Direito Processual Tributário. Obrigações atuais

Leia mais

CENTRO DE EXCELÊNCIA EM TECNOLOGIA DE SOFTWARE SOFTEX RECIFE

CENTRO DE EXCELÊNCIA EM TECNOLOGIA DE SOFTWARE SOFTEX RECIFE AUDITORIA NO TERMO DE PARCERIA ENTRE A SOFTEX E A PREFEITURA DA CIDADE DO RECIFE NO PERÍODO DE JULHO A SETEMBRO DE 2007 Í N D I C E Páginas 1 PARECER DA AUDITORIA... 3 e 4 2 IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO...

Leia mais

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito ficaram praticamente estáveis em janeiro/2013 frente a dezembro/2012. Pessoa Física Das seis

Leia mais

DIRECIONADORES DA AÇÃO EMPRESARIAL

DIRECIONADORES DA AÇÃO EMPRESARIAL DIRECIONADORES DA AÇÃO EMPRESARIAL Na ASBRASIL, já foram estabelecidas as direções básicas da ação empresarial, conforme estabelecido em nosso plano de negócios que deseja se consolidar em uma cultura

Leia mais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais/CVB s

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais/CVB s Byte Software POLÍTICA COMERCIAL Parceiros Comerciais/CVB s 2013 1. Apresentação Este guia descreve o Programa de Parceria Byte Software através de uma estrutura básica, incluindo como participar e, ainda,

Leia mais

DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA BOLETIM 091/2015

DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA BOLETIM 091/2015 DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA ADM 223/2015-29/09/2015 BOLETIM 091/2015 Fixados os critérios sobre o recolhimento obrigatório do FGTS pelo empregador doméstico e divulgada a versão 2 do manual de recolhimento

Leia mais

Vendas - Cursos. Curso Completo de Treinamento em Vendas com Eduardo Botelho - 15 DVDs

Vendas - Cursos. Curso Completo de Treinamento em Vendas com Eduardo Botelho - 15 DVDs Vendas - Cursos Curso Completo de Treinamento em Vendas com - 15 DVDs O DA VENDA Esta palestra mostra de maneira simples e direta como planejar o seu trabalho e, também, os seus objetivos pessoais. Através

Leia mais

G.C.P - GUIA DE CREDENCIAMENTO PROFISSIONAL

G.C.P - GUIA DE CREDENCIAMENTO PROFISSIONAL G.C.P - GUIA DE CREDENCIAMENTO PROFISSIONAL I - Adquira o Kit de Trabalho e Tenha sua Franquia Individual em sua Cidade. II Conheça nosso Marketing de Rede. Fácil de fazer, fácil de divulgar. III Na última

Leia mais

GUIA PARA EMITIR A NOTA FISCAL ELETRÔNICA

GUIA PARA EMITIR A NOTA FISCAL ELETRÔNICA GUIA PARA EMITIR A NOTA FISCAL ELETRÔNICA SUMÁRIO >> Introdução... 3 >> O que é a nota fiscal eletrônica?... 6 >> O que muda com esse novo modelo de documento fiscal?... 8 >> O DANFE - Documento Acessório

Leia mais

Opção. sites. A tua melhor opção!

Opção. sites. A tua melhor opção! Opção A tua melhor opção! Queremos te apresentar um negócio que vai te conduzir ao sucesso!!! O MUNDO... MUDOU! Todos sabemos que a internet tem ocupado um lugar relevante na vida das pessoas, e conseqüentemente,

Leia mais

O que é o esocial? esocial subprojeto do SPED. MTE, CAIXA, RFB, Previdência, outros

O que é o esocial? esocial subprojeto do SPED. MTE, CAIXA, RFB, Previdência, outros O que é o esocial? esocial subprojeto do SPED Transmissão única Informações de folha de pagamento e de outras obrigações trabalhistas, previdenciárias e tributárias pelo empregador em relação aos seus

Leia mais

Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos

Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos Conforme aprovado pelo Conselho Deliberativo em reunião realizada em 4 de abril de 2011 a São Bernardo implementará em 1º de julho de 2011

Leia mais

1. Objetivo do Projeto

1. Objetivo do Projeto PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS VISNET - INTERNET E COMUNICAÇÃO Desenvolvimento de Site para CDL 1. Objetivo do Projeto O CDL Online é o mais novo sistema interativo especialmente projetado para criar

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade 2014

Relatório de Sustentabilidade 2014 1 Relatório de Sustentabilidade 2014 2 Linha do Tempo TAM VIAGENS 3 Política de Sustentabilidade A TAM Viagens uma Operadora de Turismo preocupada com a sustentabilidade, visa fortalecer o mercado e prover

Leia mais

10/2011 750364/2010 SDH/PR

10/2011 750364/2010 SDH/PR Cotação Prévia de Preço n 10/2011 Convênio nº 750364/2010 SDH/PR Projeto: Desenvolver processos de educação popular, visando a garantia dos direitos humanos e fortalecimento da cidadania, na perspectiva

Leia mais

Manual de Recursos Humanos

Manual de Recursos Humanos Manual de Recursos Humanos Associação dos Amigos do Paço das Artes Francisco Matarazzo Sobrinho Organização Social de Cultura 1 Finalidade: Disponibilizar princípios básicos de gestão de pessoal que devem

Leia mais

Adequação ao esocial Como se preparar?

Adequação ao esocial Como se preparar? www.pwc.com.br/esocial Adequação ao esocial Como se preparar? Agenda 1 2 3 4 5 Introdução O que é o esocial? Pesquisa Como as empresas estão se preparando? Impactos Mudanças no manual e seus impactos Discussão

Leia mais

MODELO 1 PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS

MODELO 1 PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS ANEXO 1 MODELO 1 PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS Este documento serve como base orientadora para a apresentação de propostas de Arranjos Produtivos Locais para enquadramento no

Leia mais

manual anticorrupção

manual anticorrupção manual anticorrupção ÍNDICE Introdução 4 Histórico 4 O Código de Conduta da Klabin 5 Por que um Manual Anticorrupção se já há um Código de Conduta? 5 Conceitos e Esclarecimentos 6 O que é corrupção? Práticas

Leia mais

Frequently Asked Questions Perguntas & Respostas

Frequently Asked Questions Perguntas & Respostas Frequently Asked Questions Perguntas & Respostas FAQ (frequently asked questions) Perguntas e Respostas 1 Quando surgiu a UNS? A UNS Idiomas iniciou suas atividades na cidade de São Paulo, onde está localizada

Leia mais

Guia de Recursos e Funcionalidades

Guia de Recursos e Funcionalidades Guia de Recursos e Funcionalidades Sobre o Treasy O Treasy é uma solução completa para Planejamento e Controladoria, com o melhor custo x benefício do mercado. Confira alguns dos recursos disponíveis para

Leia mais

TREINAMENTO BRADESCARD. Lojas BP

TREINAMENTO BRADESCARD. Lojas BP TREINAMENTO BRADESCARD Lojas BP 1 Cartão BradesCard O BradesCard facilita a realização dos seus clientes de forma prática e flexível. Especializado no Varejo, oferece um portfólio completo de produtos

Leia mais

Quem somos? Nossa Missão:

Quem somos? Nossa Missão: Bem Vindos! Quem somos? A GEPC Consultoria Tributária é uma empresa especializada em consultoria para Farmácias e Drogarias com mais de 6 anos de mercado neste seguimento. Apoiando e atualizando nossos

Leia mais

PACOTE DE ACELERAÇÃO BRASIL

PACOTE DE ACELERAÇÃO BRASIL PACOTE DE ACELERAÇÃO BRASIL Entendemos que, quando você entrar no complexo ambiente legal e tributário brasileiro, você precisa de um suporte confiável e do conselho dos melhores especialistas em cada

Leia mais

Quais são os objetivos dessa Política?

Quais são os objetivos dessa Política? A Conab possui uma Política de Gestão de Desempenho que define procedimentos e regulamenta a prática de avaliação de desempenho dos seus empregados, baseada num Sistema de Gestão de Competências. Esse

Leia mais