Resultados Possíveis. Menos vulnerabilidade face a acções de marketing da concorrência e a crises. Resposta mais elástica a descidas de preço

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Resultados Possíveis. Menos vulnerabilidade face a acções de marketing da concorrência e a crises. Resposta mais elástica a descidas de preço"

Transcrição

1 Escolha dos Elementos da Marca para Desenvolver o Capital da Marca BLOCO 2 Gestão da Marca Parte 4 Elementos da Marca Profª. Margarida Duarte MBA Criar Capital da Marca Centrado no Cliente As estruturas de conhecimento da marca dependem de... escolhas iniciais para os elementos da marca programa de marketing de suporte e a forma como a marca está integrada nele outras associações transferidas indirectamente para a marca ao conectá-la a algumas outras entidades 1 2 *CRIAÇÃO DE CAPITAL DA MARCA CENTRADO NO CLIENTE* FERRAMENTAS & OBJ. P/ DESENV. MARCA EFEITOS CONHECIM. CONSUMIDOR BENEFÍCIOS P/ MARCA Elementos da Marca Escolha de Elementos da Marca Nome da marca Memorável Logo Significativo Símbolo Apelativo Personagem Transferível Embalagem Adaptável Slogan Passív Protecção Desenvolvimento de Programas de Marketing Produto Benefícios tangíveis e intangíveis Preço Percepções de valor Canais de distribuição Integrar push e pull Comunicação Opções mix & match Alavancagem de Associações Secundárias Empresa País de origem Canal de distribuição Notoriedade Outras marcas Significado Celebridade que endossa Transferível Evento Notoriedade da Marca Profun Lembrança didade Reconhecimento Amplitud Compra Consumo Associações da Marca Forte Relevância Consistência Favorável Desejável Implementável Única Ponto-de-paridade Ponto-de-diferença Resultados Possíveis Mais fidelização Menos vulnerabilidade face a acções de marketing da concorrência e a crises. Margens maiores Resposta mais elástica a descidas de preço Resposta mais inelástica a aumentos de preço Maior cooperação e apoio dos intermediários Aumento da eficiência e eficácia da comunicação de marketing Possíveis oportunidades de licenciamento Avaliações mais favoráveis de extensões da marca Pode ser escolhida uma diversidade de elementos da marca que, pela sua natureza, reforcem a notoriedade da marca ou facilitem a formação de associações fortes, favoráveis e únicas relativamente à marca: Nome da Marca URLs Logotipo Símbolo Personagem Embalagem Slogan Jingles 4 Brand Building Critérios de Escolha dos Elementos da Marca: Considerações Gerais Memorável Reconhecido Facilmente Recordado Facilmente Significativo Credível & Sugestivo Apelativo Rico Simbolismo Visual & Verbal Divertido & Interessante Estética Mais Defensivos Adaptável Flexível & Actualizável Passível de Protecção Legal Concorrencial Transferível Dentro & Através de Categorias de Produto Através de Fronteiras Geográficas & Culturas 5 Nome da Marca O nome da marca pode ter um papel decisivo na criação do capital da marca. A escolha do nome da marca é de capital importância pois capta com frequência o tema ou as associações-chave de um produto de forma muito compacta e económica. Dado que o nome da marca fica fortemente associado ao produto na mente do consumidor, este é o elemento da marca mais difícil de alterar subsequentemente. 6

2 Nome da Marca Uma tipologia: Kodak Visa/ Silkience Newsweek/ JuicyJuice Independentes Associativos Descritivos Nome da Marca: Desenvolver Notoriedade Linhas de orientação para desenvolver notoriedade: Ser simples e fácil de pronunciar ou soletrar; Ser familiar e com significado; Ser diferente, distinto e fora do comum. (Robertson, 1989) Considerar os trade-offs 7 8 Nome da Marca: Desenvolver Associações Escolher um nome memorável é necessário, mas geralmente não é suficiente, sendo necessário que a marca tenha um significado mais amplo para o consumidor que aquele que é transmitido pela categoria a que pertence. Mais que considerações relacionadas com o desempenho os nomes de marca podem ser escolhidos para comunicar elementos mais abstractos. Os nomes de marca podem ter base fortemente intangível e emocional para despertar certos sentimentos (ex., perfumes Obsession) Nome da Marca: Desenvolver Associações (2) Papéis-chave do nome da marca: Identifica o produto ou serviço, permitindo ao consumidor rejeitar ou recomendar marcas. Comunica mensagens ao consumidor Comunicador directo: Sumol; Sweet n Low Comunicador Subconsciente: Visa Peça de propriedade legal na qual a empresa pode investir por estar protegida por lei do ataque ou trespasse por parte da concorrência Procedimentos para Desenvolver Nomes de Marca Processo típico: Definir objectivos e considerações de marketing Geração do maior número de nomes possível Geração de lista reduzida de nomes Alguns critérios para eliminar nomes nomes com duplo significado; nomes claramente difíceis de pronunciar, já em uso ou muito próximos de nome existente; nomes que trarão claros problemas legais; nomes que entram em contradição com o posicionamento. Recolha de informação extensa para a lista final de 5-10 nomes. Pesquisa junto do consumidor para confirmar grau em que os nomes são memoráveis e têm significado (eventual simulação do programa de marketing que se seguirá) Gestão escolhe o nome que maximize os objectivos da marca e de marketing definidos pela empresa. Finalmente, a empresa regista formalmente o nome. Pesquisa para Nome de Marca Testes de Associação Testes de Aprendizagem Testes de Memória 11 Testes de Preferência 12

3 URLs (Uniform Resource Locators) Nomes de Domínios URLs (Uniform Resource Locators) são utilizados para especificar localizações de páginas na Web e são designadas frequentemente como nomes de domínios. Nos ultimos anos registou-se uma explosão no número de empresas que procuram um lugar na Web (Setembro de 2002: 17 milhões). 13 URLs (Uniform Resource Locators) Nomes de Domínios Na Internet a lembrança (e não só o reconhecimento) é um factor crítico, pelo menos numa fase inicial, pois os clientes devem recordar o nome de domínio para acederem ao site. Muitos nomes genéricos (autos.com; business.com) fracassaram. Há exemplos de nomes memoráveis: Yahoo; Amazon Para uma marca existente o nome de domínio principal é, em regra, directo (www.cadburys.com/; 14 URLs (Uniform Resource Locators) Nomes de Domínios Logótipos e Símbolos Protecção das marcas para uso não-autorizado em nomes de domínio: Processar o proprietário do URL por infracção de copyright. Comprar o nome ao actual proprietário do URL. Registar todas as variações concebíveis da sua marca como nomes de domínio com antecipação. Protecção dificultada com o aparecimento de novos sufixos de domínio Principais domínios:.com;.net;.org Logótipos e símbolos são elementos visuais da marca que têm com frequência um papel crítico no desenvolvimento do capital da marca, especialmente em termos de notoriedade da marca. Os logos podem ter significados e associações que alterem as percepções da empresa/produto. Esses significados e associações podem ser adquiridos devido ao seu significado inerente, bem como através de programas de marketing de suporte. Alguns dos novos:.biz;.info Diversidade de Logos e Símbolos Diversidade de Logos e Símbolos LOGOS CENTRADOS EM PALAVRAS (logo não aparece separado do nome) LOGOS ABSTRACTOS (logos sem palavras designam-se por Símbolos) Logos podem ter uma natureza bastante concreta ou centrada na ilustração

4 Diversidade de Logos e Símbolos Alguns logos são uma representação literal do nome da marca, reforçando a notoriedade da marca. Diversidade de Logos e Símbolos Certos elementos do produto ou da empresa podem tornar-se num símbolo Logos: Actualização ao Longo do Tempo Slogans Slogans são frases curtas que comunicam informação descritiva ou persuasiva sobre a marca. Um dos papéis mais importantes dos slogans é o de reforçar o posicionamento da marca e ajudar a estabelecer os pontos-de-diferença desejados Concepção de Slogans Alguns dos slogans mais poderosos são aqueles que contribuem para desenvolver o capital da marca de múltiplas formas. Podem jogar com o nome da marca de forma a criar tanto notoriedade como imagem. Exemplo: combinar o desempenho superior do produto com o imaginário aspiracional do utilizador. Slogans: Actualização Os slogans são provavelmente o elemento da marca mais fácil de alterar ao longo do tempo. Alguns slogans extremamente poderosos podem, contudo, aprisionar a marca, dificultando a sua actualização no sentido desejado. Ao actualizar slogans ter em consideração: A forma como o slogan está a contribuir para o capital da marca, através do eventual reforço da notoriedade ou da imagem Decidir em que medida esse capital necessita de ser reforçado Reter tanto quanto possível o capital que ainda existe no slogan enquanto se procura moldar o novo significado no sentido desejado 23 24

5 Slogans Famosos Slogans Famosos 1. Have It Your Way 1. Burger King Have It Your Way 2. Just Do It 2. Nike Just Do It Don t Leave Home Without It Melts in Your Mouth. Not in Your Hands We Try harder American Express M&M Avis Don t Leave Home Without It Melts in Your Mouth. Not in Your Hands We Try harder 6. Diamonds Are Forever 6. DeBeers Diamonds Are Forever We Try Harder Personagens Personagens constituem um tipo especial de símbolo da marca: um que assume a forma humana ou que ganha características em que tem vida. Personagens podem ser figuras/desenhos animados ou figuras mais reais com acção Personagens Personagem de Que Marca Personagens podem ser figuras/desenhos animados ou figuras mais reais de acção

6 Personagem: Homem Michelin (Bibendum) Personagem Personagem Miss Chiquita Personagem: SAPO 1944 Foi introduzido o nome Chiquita, a personagem Miss Chiquita e o jingle O Sapo na Comunicação Personagens: Alguns Pontos de Reflexão 35 Há que acautelar possíveis limitações e inconvenientes de usar personagens. Podem chamar tanto a atenção e ser tão apreciados que podem ofuscar outros elementos da marca ou mesmo prejudicar a notoriedade da marca. Os personagens devem ser actualizados ao longo do tempo para que o mercado alvo os continue a considerar relevantes. Personagens animados têm um poder de atracção mais duradouro e menos marcado pelo tempo que pessoas reais. 36

7 Personagens: Actualização ao Longo do Tempo (de 1936 a 1996) Miss Chiquita: de 1944 à Actualidade Chiquita Personagens: Actualização ao Longo do Tempo Personagens: Actualização ao Longo do Tempo Personagens: Actualização ao Longo do Tempo Personagens Campbell Soup Kids tornaram-se mais altos, magros e atléticos com o tempo

8 Jingles Jingles são mensagens musicais escritas em torno da marca. Jingles podem ser vistos como slogans ampliados que são musicais e, assim, são considerados como um elemento da marca. Os jingles, dada a sua natureza musical, são menos transferíveis que outros Jingles Podem comunicar benefícios da marca, mas geralmente transmitem o significado do produto de uma forma nãodirecta e bastante abstracta. Potenciais associações: mais provavelmente relacionadas com sentimentos, personalidade e outros intangíveis. Em geral, o seu principal valor deriva do contributo para o reforço da notoriedade da marca. Com frequencia um bom jingle repete o nome da marca de forma inteligente e divertida, o que proporciona múltiplas possibilidades de codificação. Para além disso as pessoas tendem a repeti-los mentalmente, o que proporciona mais formas de codificação e aumenta a possibilidade de memorização. elementos da marca Jingle Chiquita Banana Today, it's still the "top banana" in jingles. "I'm Chiquita banana and I've come to say - Bananas have to ripen in a certain way- When they are fleck'd with brown and have a golden hue - Bananas taste the best and are best for you - You can put them in a salad - You can put them in a pie-aye - Any way you want to eat them - It's impossible to beat them - But, bananas like the climate of the very, very tropical equator - So you should never put bananas in the refrigerator." Music 1945 Shawnee Press Inc Jingle Chiquita Banana 1997 Version "I'm Chiquita Banana, and I've come to say I offer good nutrition for you ev'ry day. And when you buy Chiquita you will always know, you've got the best bananas anyone can grow! Underneath the crescent yellow, you'll find vitamins and fiber, instant energy to feel good. Our bananas make a meal good. It's a gift from Mother Nature and a natural addition to your table. A wholesome, healthy, pure banana; look for Chiquita's label!" Jingle Chiquita Banana In 1999, we updated the jingle lyrics to make it more relevant for today's consumer and highlight the nutrition benefits of eating a Chiquita banana everyday: "I'm Chiquita Banana and I've come to say - I offer good nutrition in a simple way - When you eat a Chiquita you've done your part - To give every single day a healthy start - Underneath the crescent yellow - You'll find vitamins and great taste - With no fat, you just can't beat 'em - You'll feel better when you eat 'em - They're a gift from Mother Nature and a natural additional to your table - For wholesome, healthy, pure bananas - look for Chiquita's label!" Lyrics 1999 Chiquita Brands, Inc. Music 1945 Shawnee Press Inc

9 Beanz Meanz Heinz Jingles em Português SABÃO SONAZOL (Pub. Anos 50/60) This classic Heinz commercial was on TV and Radio - too, you get two versions here - the full sing and an open front version Embalagem Sopas Campbell Envolve actividades de concepção e produção de recipientes e invólucros para um produto. Objectivos: Identificar a marca Passar informação descritiva e persuasiva Assistir na armazenagem em casa Facilitar o consumo do produto Considerada o quinto P do marketing-mix (packaging); importante para desenvolver o capital da marca directamente ao criar pontos-de-diferença devido aos elementos estéticos ou funcionais da embalagem ou indirectamente pelo reforço da notoriedade ou imagem da marca Sopas Campbell Vistas por um Artista 1962 Pop artist Andy Warhol paints his famous Campbell's Soup cans. Once, when asked why, he replies, "Because I used to drink (soup). I used to have the same lunch every day for 20 years." Embalagem no Ponto de Venda Frequentemente designada como: os últimos 5 minutos do marketing media permanente o último vendedor o vendedor silencioso 54

10 Como Criar Embalagens de Forte Impacto (Peters, 1999) Conheça o seu cliente (razão & coração) Siga a abordagem de olhar para a grande imagem (ex., ideias de outras categorias de produto) Entenda que a estética e a função são ambas críticas Conheça os seus canais de distribuição Eduque a gestão para a importância da embalagem Walkers Snack Foods To help differentiate Walkers Sensations from other premium snacks, the key brand color is white. It gives the brand "special" cues, helps David Loftus' mouth-watering photography stand out and achieves on-shelf impact in a mass of dark, indulgent colors The Walkers Sensations pack is a departure for the business. The elegant white pack focuses on appetizing, indulgent ingredients and the communication of quality and care Walkers Snack Foods Alterações da Embalagem Dispendiosas, mas frequentemente eficazes em termos de custo quando comparado com outros custos de comunicação de marketing. Motivos: Mais comum: embalagem antiga tem um aspecto desactualizado / fora-de-moda (importante não perder o valor que foi criado ao longo do tempo) Alterações da Embalagem (2) Alterações da Embalagem (3) Motivos (cont.): Embalagem melhorada para sinalizar preço mais elevado; Para vender o produto de forma mais eficaz noutro canal ou para atender a alterações verificadas nos canais de distribuição (ex., mais ênfase do autoserviço); Expansão de linha que exige uma aparência mais comum/uniforme; Acompanhar a inovação do produto, enviando um sinal ao consumidor que existem alterações; Utilização crescente de embalagens promocionais que Atenção: As alterações/actualizações de embalagens deverão ter em consideração os aspectos gráficos únicos que possam ter contribuído para alcançar notoriedade e preferência. Conciliar a necessidade de dar uma aparência mais actual com a necessidade de preservar o capital da marca gerado pela actual embalagem. visam dar a ideia que as coisas mudam

11 Alterações da Embalagem: Sopas Campbell Alterações da Embalagem: Antes e Depois 61 62

Escolha dos Elementos da Marca para Desenvolver o Capital da Marca. Parte 4 Elementos da Marca

Escolha dos Elementos da Marca para Desenvolver o Capital da Marca. Parte 4 Elementos da Marca Escolha dos Elementos da Marca para Desenvolver o Capital da Marca Parte 4 Elementos da Marca Criar Capital da Marca Centrado no Cliente As estruturas de conhecimento da marca dependem de... escolhas iniciais

Leia mais

Capital da Marca Centrado no Cliente

Capital da Marca Centrado no Cliente Capital da Marca Centrado no Cliente BLOCO 2 Gestão Estratégica da Marca Parte 2 Capital da Marca Centrado no Cliente Profª. Margarida Duarte MBA 2007-8 1 Capital da Marca Centrado no Cliente (CMCC) Modelo

Leia mais

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR KOTLER, 2006 AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR. OS CANAIS AFETAM TODAS AS OUTRAS DECISÕES DE MARKETING Desenhando a estratégia

Leia mais

Imagem da Marca. Notoriedade da Marca. Capital da Marca Centrado no Cliente

Imagem da Marca. Notoriedade da Marca. Capital da Marca Centrado no Cliente Capital da Marca Centrado no Cliente BLOCO 2 Gestão de Marcas Parte 2 Capital da Marca Centrado no Cliente Profª. Margarida Duarte 2007-2008 ISEG Capital da Marca Centrado no Cliente (CMCC) Modelo Proposto

Leia mais

Testes de Diagnóstico

Testes de Diagnóstico INOVAÇÃO E TECNOLOGIA NA FORMAÇÃO AGRÍCOLA agrinov.ajap.pt Coordenação Técnica: Associação dos Jovens Agricultores de Portugal Coordenação Científica: Miguel de Castro Neto Instituto Superior de Estatística

Leia mais

Questões abordadas - Brand

Questões abordadas - Brand AULA 9 Marketing Questões abordadas - Brand O que é uma marca e como funciona o branding? O que é brand equity? Como o brand equity é construído, avaliado e gerenciado? Quais são as decisões mais importantes

Leia mais

Prof. Jorge Romero Monteiro 1

Prof. Jorge Romero Monteiro 1 Marketing 1 CONCEITOS DE MARKETING 2 Conceitos de Marketing O MARKETING é tão importante que não pode ser considerado como uma função separada. É o próprio negócio do ponto de vista do seu resultado final,

Leia mais

THE INFINITIVE. O infinitivo éa forma original do verbo e pode aparecer com ou sema partícula to.

THE INFINITIVE. O infinitivo éa forma original do verbo e pode aparecer com ou sema partícula to. THE INFINITIVE O infinitivo éa forma original do verbo e pode aparecer com ou sema partícula to. Usa-se o infinitivo sem to: Após os verbos anômalos, os verbos auxiliares doe wille os verbos makee let.

Leia mais

com níveis ótimos de Brand Equity, os interesses organizacionais são compatíveis com as expectativas dos consumidores.

com níveis ótimos de Brand Equity, os interesses organizacionais são compatíveis com as expectativas dos consumidores. Brand Equity O conceito de Brand Equity surgiu na década de 1980. Este conceito contribuiu muito para o aumento da importância da marca na estratégia de marketing das empresas, embora devemos ressaltar

Leia mais

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português 1 Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português A partir do momento que você souber de cor a função de cada peça do nosso jogo de dominó, você não terá mais problemas para formular frases,

Leia mais

Sistemas de categorias 15 ANEXO II SISTEMAS DE CATEGORIAS

Sistemas de categorias 15 ANEXO II SISTEMAS DE CATEGORIAS Sistemas de categorias 15 ANEXO II SISTEMAS DE Sistemas de categorias 16 Sistemas de categorias 17 ÍNDICE 1. Introdução 2.Dimensão estratégica do conceito imagem interna de marca corporativa 2.1. Significados

Leia mais

Serviços: API REST. URL - Recurso

Serviços: API REST. URL - Recurso Serviços: API REST URL - Recurso URLs reflectem recursos Cada entidade principal deve corresponder a um recurso Cada recurso deve ter um único URL Os URLs referem em geral substantivos URLs podem reflectir

Leia mais

7. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO. 7.1- Comunicação 7.2- Publicidade 7.3- Promoção 7.4- Marketing directo

7. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO. 7.1- Comunicação 7.2- Publicidade 7.3- Promoção 7.4- Marketing directo 7. POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO 7.1- Comunicação 7.2- Publicidade 7.3- Promoção 7.4- Marketing directo A COMUNICAÇÃO Comunicar Comunicar no marketing emitir mensagem para alguém emitir mensagem para o mercado

Leia mais

A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA

A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA 1. Introdução A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA Jhonatas Garagnani de Souza (G- CLCA - UENP-CJ/CJ) Juliano César Teixeira (G- CLCA UENP/CJ) Paula Fernanda L. de Carvalho (G- CLCA -UENP-CJ-CJ)

Leia mais

Conteúdo Programático Anual

Conteúdo Programático Anual INGLÊS 1º BIMESTRE 5ª série (6º ano) Capítulo 01 (Unit 1) What s your name? What; Is; My, you; This; Saudações e despedidas. Capítulo 2 (Unit 2) Who s that? Who; This, that; My, your, his, her; Is (afirmativo,

Leia mais

NOTA: Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web. 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening )

NOTA: Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web. 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening ) Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web Barueri, / / 2009 Trimestre: 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening ) NOTA: ACTIVITY ONE: Put the verses in order according to what

Leia mais

Present Simple Exercises

Present Simple Exercises Present Simple Exercises Antes de fazer as atividades, você pode querer ler as dicas dos links abaixo. Nelas você encontra explicações sobre os usos e as conjugações dos verbos no Present Simple. Ø www.bit.ly/psimple1

Leia mais

ESCOLA BÁSICA DA ABELHEIRA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE INGLÊS DO 6.º ANO 2015/2016. Gestão de tempo. Desenvolvimento programático 2º PERÍODO

ESCOLA BÁSICA DA ABELHEIRA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE INGLÊS DO 6.º ANO 2015/2016. Gestão de tempo. Desenvolvimento programático 2º PERÍODO 1º PERÍODO 2º PERÍODO 3º PERÍODO ESCOLA BÁSICA DA ABELHEIRA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE INGLÊS DO 6.º ANO 2015/2016 Planificação anual - 2015/2016llllllllllll Disciplina / Ano: Inglês / 6º ano Manual adotado:

Leia mais

ÍNDICE. 1. Marca 1.1 Valores 1.2 Conceito visual

ÍNDICE. 1. Marca 1.1 Valores 1.2 Conceito visual 09.05.2013 ÍNDICE 1. Marca 1.1 Valores 1.2 Conceito visual 2. Elementos Visuais 2.1 Construção 2.2 Área de protecção 2.3 Dimensão mínima 2.4 Tipografia 2.5 Cores 2.6 Marca Registada 3. Assinatura 3.1 Conceito

Leia mais

Prova Escrita de Inglês

Prova Escrita de Inglês PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho Prova Escrita de Inglês 6º Ano de Escolaridade Prova 06 / 2.ª Fase 7 Páginas Duração da Prova: 90 minutos. 2014 Prova 06/ 2.ª F.

Leia mais

Módulo 5. Composto de Marketing (Marketing Mix)

Módulo 5. Composto de Marketing (Marketing Mix) Módulo 5. Composto de Marketing (Marketing Mix) Dentro do processo de administração de marketing foi enfatizado como os profissionais dessa área identificam e definem os mercados alvo e planejam as estratégias

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA MARCA E DA COMUNICAÇÃO NA CRIAÇÃO DE VALOR PARA A ORGANIZAÇÃO E SEUS STAKEHOLDERS

A IMPORTÂNCIA DA MARCA E DA COMUNICAÇÃO NA CRIAÇÃO DE VALOR PARA A ORGANIZAÇÃO E SEUS STAKEHOLDERS IPAM The Marketing School Lisboa EXECUTIVE MASTER/PÓS-GRADUAÇÃO EM MARKETING MANAGEMENT BRAND AND CORPORATE COMMUNICATION: FROM ADVERTISING TO PUBLIC RELATIONS A IMPORTÂNCIA DA MARCA E DA COMUNICAÇÃO NA

Leia mais

Lição 40: deve, não deve, não deveria

Lição 40: deve, não deve, não deveria Lesson 40: must, must not, should not Lição 40: deve, não deve, não deveria Reading (Leituras) You must answer all the questions. ( Você deve responder a todas as We must obey the law. ( Nós devemos obedecer

Leia mais

Aula 3 Contextualização

Aula 3 Contextualização Gestão de Marketing Aula 3 Contextualização Profa. Me. Karin Sell Schneider Canais de Distribuição Comunicação Produto é um conjunto de atributos tangíveis e intangíveis, que proporciona benefícios reais

Leia mais

PUBLICIDADE DIGITAL E NEW MEDIA 2009-2010 / 6º SEMESTRE

PUBLICIDADE DIGITAL E NEW MEDIA 2009-2010 / 6º SEMESTRE PUBLICIDADE DIGITAL E NEW MEDIA 2009-2010 / 6º SEMESTRE PRÓXIMA AULA: APRESENTAÇÃO DE PLANO DE COMUNICAÇÃO E O FILME DO YOUTUBE? AULA 12 A. EMAIL MARKETING - Objectivos e problemas - Ideias - Vantagens

Leia mais

Aprendizagem. Liliam Maria da Silva

Aprendizagem. Liliam Maria da Silva Liliam Maria da Silva O Consumidor como um ser aprendiz A aprendizagem é um processo de adaptação permanente do indivíduo ao seu meio ambiente, onde acontece uma modificação relativamente durável do comportamento

Leia mais

A importância do branding

A importância do branding A importância do branding Reflexões para o gerenciamento de marcas em instituições de ensino Profª Ligia Rizzo Branding? Branding não é marca Não é propaganda Mas é sentimento E quantos sentimentos carregamos

Leia mais

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?.

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?. Part A I. TEXT. WORKING CHILDREN Over a million school children in Britain have part-time Jobs. The number is growing, too. More and more teenagers are working before school, after school or on weekends.

Leia mais

Índice. rota 3. Enquadramento e benefícios 6. Comunicação Ética 8. Ética nos Negócios 11. Promoção para o Desenvolvimento Sustentável 13. Percurso 1.

Índice. rota 3. Enquadramento e benefícios 6. Comunicação Ética 8. Ética nos Negócios 11. Promoção para o Desenvolvimento Sustentável 13. Percurso 1. rota 3 CLIENTES Rota 3 Índice Enquadramento e benefícios 6 Percurso 1. Comunicação Ética 8 Percurso 2. Ética nos Negócios 11 Percurso 3. Promoção para o Desenvolvimento Sustentável 13 responsabilidade

Leia mais

Marketing Territorial: uma aposta regional?

Marketing Territorial: uma aposta regional? Marketing Territorial: uma aposta regional? Conferência Alentejo Atractivo: nas rotas do Investimento Global Évora, 10 de Março de 2012 Contexto Contexto de competição entre territórios - regiões, cidades,

Leia mais

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho GUIÃO A 1º Momento Intervenientes e Tempos Descrição das actividades Good morning / afternoon / evening, A and B. For about three minutes, I would like

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Moura Escola Básica nº 1 de Moura (EB23)

Agrupamento de Escolas de Moura Escola Básica nº 1 de Moura (EB23) Agrupamento de Escolas de Moura Escola Básica nº 1 de Moura (EB23) 6ºANO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE INGLÊS 2014-2015 DOMÍNIO INTERCULTURAL COMPETÊNCIAS COMUNICATIVAS LÉXICO E GRAMÁTICA ARTICULAÇÃO TEMAS DESCRITORES

Leia mais

MÓDULO MULTIMÉDIA PROFESSOR: RICARDO RODRIGUES. MAIL: rprodrigues@escs.ipl.pt esganarel@gmail.com. URL: http://esganarel.home.sapo.

MÓDULO MULTIMÉDIA PROFESSOR: RICARDO RODRIGUES. MAIL: rprodrigues@escs.ipl.pt esganarel@gmail.com. URL: http://esganarel.home.sapo. MÓDULO MULTIMÉDIA PROFESSOR: RICARDO RODRIGUES MAIL: rprodrigues@escs.ipl.pt esganarel@gmail.com URL: http://esganarel.home.sapo.pt GABINETE: 1G1 - A HORA DE ATENDIMENTO: SEG. E QUA. DAS 11H / 12H30 (MARCAÇÃO

Leia mais

internacional Ciclo de Conferências Diálogos da Internacionalização AICEP das Empresas Portuguesas Porto, 2 de fevereiro de 2012 Luís Cardia

internacional Ciclo de Conferências Diálogos da Internacionalização AICEP das Empresas Portuguesas Porto, 2 de fevereiro de 2012 Luís Cardia Como criar uma marca forte para o mercado internacional Ciclo de Conferências Diálogos da Internacionalização AICEP Marca e Propriedade Intelectual: Desafios à Internacionalização das Empresas Portuguesas

Leia mais

PRESSUPOSTOS BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO NO ALENTEJO

PRESSUPOSTOS BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO NO ALENTEJO PRESSUPOSTOS BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO NO ALENTEJO ÍNDICE 11. PRESSUPOSTO BASE PARA UMA ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO 25 NO ALENTEJO pág. 11.1. Um sistema regional de inovação orientado para a competitividade

Leia mais

Desenvolvimento de Marcas Fortes. Criação de Brand Equity

Desenvolvimento de Marcas Fortes. Criação de Brand Equity Desenvolvimento de Marcas Fortes Criação de Brand Equity 1. O que é brand equity? Equity significa valor/patrimônio. Brand equity = valor da marca/patrimônio de marca. A American Marketing Association

Leia mais

MERCADO MERCADO PESSOAS 22-05-2013

MERCADO MERCADO PESSOAS 22-05-2013 MERCADOLOGIA MARKETING FAZER e TRABALHAR MERCADOS MARKETING... O sucesso da empresa está no exterior. Dentro só existem custos...(drucker) Abordagem Inside out? Tecnologias/Recursos... Outside-in? O que

Leia mais

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them?

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them? GUIÃO A Prova construída pelos formandos e validada pelo GAVE, 1/7 Grupo: Chocolate Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas 1º Momento Intervenientes

Leia mais

Fazer um plano de marketing

Fazer um plano de marketing Gerir - Guias práticos de suporte à gestão Fazer um plano de marketing A coerência e articulação das diferentes políticas da empresa ou produto(s) é responsável em grande parte pelo seu sucesso ou insucesso.

Leia mais

LÍNGUA INGLESA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Simple Present - Negative and Interrogative forms

LÍNGUA INGLESA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Simple Present - Negative and Interrogative forms Conteúdo: Simple Present - Negative and Interrogative forms Habilidades: Formar orações na forma negativa e interrogativa utilizando a estrutura do Simple Present. Vídeo - Socorro meu filho come mal Unhealthy

Leia mais

LÍNGUA INGLESA 1 ANO ENSINO MÉDIO PROF. ADEMIR RIBEIRO PROF.ª CHRISTIANE VASCONCELOS

LÍNGUA INGLESA 1 ANO ENSINO MÉDIO PROF. ADEMIR RIBEIRO PROF.ª CHRISTIANE VASCONCELOS LÍNGUA INGLESA 1 ANO ENSINO MÉDIO PROF. ADEMIR RIBEIRO PROF.ª CHRISTIANE VASCONCELOS REVISÃO DOS CONTEÚDOS Unidade I Technology - Technological changes Aula 3 Revisão e Avaliação 2 REVISÃO 1 Good Morning

Leia mais

Objetivos. Capítulo 16. Cenário para discussão. Comunicações de marketing. Desenvolvimento de comunicações de marketing eficazes

Objetivos. Capítulo 16. Cenário para discussão. Comunicações de marketing. Desenvolvimento de comunicações de marketing eficazes Capítulo 16 e administração de comunicações integradas de marketing Objetivos Aprender quais são as principais etapas no desenvolvimento de um programa eficaz de comunicações integradas de marketing. Entender

Leia mais

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO PROJECTO PROVAS EXPERIMENTAIS DE EXPRESSÃO ORAL DE LÍNGUA ESTRANGEIRA - 2005-2006 Ensino Secundário - Inglês, 12º ano - Nível de Continuação 1 1º Momento GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

Leia mais

4. ESTRATÉGIAS DE MARKETING INTERNACIONAL

4. ESTRATÉGIAS DE MARKETING INTERNACIONAL 4. ESTRATÉGIAS DE MARKETING INTERNACIONAL 4.1- TIPOS DE ESTRATÉGIA DE MARKETING 4.2- PLANEAMENTO ESTRATÉGICO PARA O MARKETING 4.3- ESTRUTURA CONCEPTUAL PARA ESTRATÉGIA DE MARKETING 4.4- MODELOS COMO INSTRUMENTOS

Leia mais

Conceitos e tarefas da administração de marketing DESENVOLVIMENTO DE ESTRATEGIAS E PLANOS DE MARKETING

Conceitos e tarefas da administração de marketing DESENVOLVIMENTO DE ESTRATEGIAS E PLANOS DE MARKETING Sumário Parte um Conceitos e tarefas da administração de marketing CAPITULO I MARKETING PARA 0 SÉCULO XXI A importância do marketing O escopo do marketing 0 que é marketing? Troca e transações A que se

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA Marketing digital, novo veículo para o spam Para uma onda de spam de conteúdo pornográfico, com mais de 5.000 bots activos, foram criados 250 novos bots por dia. Para algumas campanhas,

Leia mais

1. Usa-se o Simple Present para falar de hábitos, rotina, acontecimentos ou ações que acorrem regularmente, com frequência. Ex: I always use the

1. Usa-se o Simple Present para falar de hábitos, rotina, acontecimentos ou ações que acorrem regularmente, com frequência. Ex: I always use the 1. Usa-se o Simple Present para falar de hábitos, rotina, acontecimentos ou ações que acorrem regularmente, com frequência. Ex: I always use the computer at night. My brother goes to work every day. 2.

Leia mais

Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Etapa: Ensino Médio APOSTILA DE INGLÊS

Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Etapa: Ensino Médio APOSTILA DE INGLÊS Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Índice APOSTILA DE INGLÊS Módulo I - EXPRESSÕES PARA USO COTIDIANO - SUBJECT PRONOUNS - VERBO

Leia mais

Cowboys, Ankle Sprains, and Keepers of Quality: How Is Video Game Development Different from Software Development?

Cowboys, Ankle Sprains, and Keepers of Quality: How Is Video Game Development Different from Software Development? Cowboys, Ankle Sprains, and Keepers of Quality: How Is Video Game Development Different from Software Development? Emerson Murphy-Hill Thomas Zimmermann and Nachiappan Nagappan Guilherme H. Assis Abstract

Leia mais

Consulte a contra-capa para uma instalação rápida.

Consulte a contra-capa para uma instalação rápida. Manual do Utilizador Consulte a contra-capa para uma instalação rápida. Protegemos mais pessoas das crescentes ameaças on-line do que qualquer outra empresa no mundo. Preocupa-se com o nosso Ambiente,

Leia mais

Estudo do logo e do site. Setembro 2014

Estudo do logo e do site. Setembro 2014 Estudo do logo e do site Setembro 2014 Agenda Benchmark de outras empresas no sector que podem servir de exemplo Considerações sobre o logo actual e objectivos de rebranding Considerações sobre o site

Leia mais

Planificação anual - 2015/2016llllllllllll. Disciplina / Ano: Inglês / 5º ano. Manual adotado: Win!5 (Oxford University Press) Gestão de tempo

Planificação anual - 2015/2016llllllllllll. Disciplina / Ano: Inglês / 5º ano. Manual adotado: Win!5 (Oxford University Press) Gestão de tempo 1º PERÍODO 2º PERÍODO 3º PERÍODO ESCOLA BÁSICA DA ABELHEIRA PLANIFICAÇÃO ANUAL DE INGLÊS DO 5.º ANO 2015/2016 Planificação anual - 2015/2016llllllllllll Disciplina / Ano: Inglês / 5º ano Manual adotado:

Leia mais

Guião M. Descrição das actividades

Guião M. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Inovação Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO Guião M Intervenientes

Leia mais

Posicionamento Global da marca FSC e Ferramentas de Marketing - Perguntas e Respostas Frequentes

Posicionamento Global da marca FSC e Ferramentas de Marketing - Perguntas e Respostas Frequentes Posicionamento Global da marca FSC e Ferramentas de Marketing - Perguntas e Respostas Frequentes 1. Perguntas e Respostas para Todos os Públicos: 1.1. O que é posicionamento de marca e por que está sendo

Leia mais

mais memoráveis com um filme Click to edit Master title style Torne as suas aulas Click to edit Master text styles Click to edit Master text styles

mais memoráveis com um filme Click to edit Master title style Torne as suas aulas Click to edit Master text styles Click to edit Master text styles Torne as suas aulas mais memoráveis com um filme Não é segredo que as crianças crescem a ver filmes, a apreciar programas televisivos e a aprender através deles. Os locais, sons e acção de um filme, dão

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 7º ANO INTERMEDIÁRIO 1º BIM - 2016

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 7º ANO INTERMEDIÁRIO 1º BIM - 2016 ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE INGLÊS 7º ANO INTERMEDIÁRIO 1º BIM - 2016 Nome: Nº 7ª Série Data: / / Professor(a): Nota: (Valor 1,0) INSTRUÇÕES PARA A PARTICIPAÇÃO NA RECUPERAÇÃO Neste bimestre, sua media foi

Leia mais

Kodak Evolução Histórica do Logotipo

Kodak Evolução Histórica do Logotipo IADE Instituto de Artes Visuais, Design e Marketing Escola Superior de Design Licenciatura em Design História da Arte e da Técnica 1º Ano 1º Semestre 1907 1935 1960 1971 1987 1996 >2006 - Logotipo Actual

Leia mais

As sacolas das lojas são outdoors que circulam pelos shopping centers

As sacolas das lojas são outdoors que circulam pelos shopping centers ASSUNTO em pauta As sacolas das lojas são outdoors que circulam pelos shopping centers As lojas de shopping não estão explorando todo o potencial desta poderosa ferramenta de marketing. P o r Fábio Mestriner

Leia mais

Internet Marketing. ISCAP, Marketing Digital, 2014/15 José Bonnet

Internet Marketing. ISCAP, Marketing Digital, 2014/15 José Bonnet Internet Marketing ISCAP, Marketing Digital, 2014/15 José Bonnet Tema 4 Conceitos avançados (I) Ciclo de vida dos clientes funil O que fazer? Landing Page: Tipos de páginas Componentes Página de confirmação

Leia mais

ATIVIDADES AVALIATIVAS DE INGLÊS DO PRIMEIRO BIMESTRE ENGLISH ACTIVITIES OF THE FIRST TERM

ATIVIDADES AVALIATIVAS DE INGLÊS DO PRIMEIRO BIMESTRE ENGLISH ACTIVITIES OF THE FIRST TERM GOVERNO DO CEARÁ EEM MENEZES PIMENTEL ENSINO MÉDIO / HIGH SCHOOL SÉRIE/GRADE: TURMA/GROUP: ALUNO 1: ALUNO 2: ATIVIDADES AVALIATIVAS DE INGLÊS DO PRIMEIRO BIMESTRE ENGLISH ACTIVITIES OF THE FIRST TERM PACOTI

Leia mais

Inglês 17 Past Perfect

Inglês 17 Past Perfect Inglês 17 Past Perfect O Past Perfect é um tempo verbal utilizado quando temos duas ações que ocorreram no passado, porém uma delas ocorreu antes da outra. When you called, she had just received the bad

Leia mais

Ano: 2012 Turma: 7.1 e 7.2

Ano: 2012 Turma: 7.1 e 7.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 3ª Etapa 2012 Disciplina: Inglês Professora: Viviane Ano: 2012 Turma: 7.1 e 7.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Promoção de vendas é a pressão de marketing de mídia ou não mídia exercida durante um período predeterminado e limitado de tempo ao nível de

Promoção de vendas é a pressão de marketing de mídia ou não mídia exercida durante um período predeterminado e limitado de tempo ao nível de Metas das Comunicações de Marketing: Criação de consciência informar os mercados sobre produtos, marcas, lojas ou organizações. Formação de imagens positivas desenvolver avaliações positivas nas mentes

Leia mais

Inglês Técnico Instrumental

Inglês Técnico Instrumental Inglês Técnico Instrumental Aula 5 Inglês Técnico Instrumental - Aula 5 1 Objectives Empregar os verbos no passado de modo a exercitar exemplos práticos do cotidiano do técnico em informática; Elaborar

Leia mais

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros

Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros Agrupamento de Escolas General Humberto Delgado Sede na Escola Secundária/3 José Cardoso Pires Santo António dos Cavaleiros Planificação Anual 2013-2014 INGLÊS 5º ANO MATRIZ DE CONTEÚDOS E DE PROCEDIMENTOS

Leia mais

Letra da música Gypsy da Lady Gaga em Português

Letra da música Gypsy da Lady Gaga em Português Letra da música Gypsy da Lady Gaga em Português Letra da música Gypsy da Lady Gaga em Português Cigana Às vezes uma história não tem fim Às vezes acho que nós poderíamos ser apenas amigos Porque eu sou

Leia mais

GESTÃO. 5. - Marketing. 5.3-Marketing mix

GESTÃO. 5. - Marketing. 5.3-Marketing mix GESTÃO 5. - Marketing 5.3-Marketing mix A estratégia de posicionamento é corporizada em termos tácticos por variáveis controláveis: Marketing Mix Produto Preço Distribuição Comunicação/Promoção 2 Produto

Leia mais

Gestão de. O que é Marketing? Steven Albuquerque. Steven Albuquerque DISCIPLINA. Conceituação de Marketing. Conceituação de Marketing 15/02/2016

Gestão de. O que é Marketing? Steven Albuquerque. Steven Albuquerque DISCIPLINA. Conceituação de Marketing. Conceituação de Marketing 15/02/2016 2 Gestão de Mestre em Administração Univ. Federal de Pernambuco - UFPE Master em International Business Universidad de Barcelona MBA em Estratégico Univ. Federal de Pernambuco - UFPE Administrador Univ.

Leia mais

Nero ImageDrive Manual

Nero ImageDrive Manual Nero ImageDrive Manual Nero AG Informações sobre direitos de autor e marcas O manual do Nero ImageDrive e todo o respectivo conteúdo estão protegidos por direitos de autor e são propriedade da Nero AG.

Leia mais

Uma Revolução nas Bebidas. 12 de Maio de 2006

Uma Revolução nas Bebidas. 12 de Maio de 2006 Uma Revolução nas Bebidas 12 de Maio de 2006 Situação Mercado em 2003 Mercado estável de aproximadamente 650 milhões de litros com marcas bem estabelecidas e com um Líder forte 50,0 45,0 45,7 44,7 45,1

Leia mais

protect decorate communicate

protect decorate communicate protect decorate communicate Make your Brand Talk. O seu produto. Um smartphone. Uma digitalização. E eis que o seu cliente mergulha num universo cintilante de marcas. Recebe informações sobre produtos,

Leia mais

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO PLANO DE MARKETING

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO PLANO DE MARKETING DESCRIÇÃO SUMÁRIA DO PLANO DE MARKETING Na elaboração do plano de marketing deve procurar responder a três questões básicas: - onde é que estamos? - para onde é que queremos ir? - como é que lá chegamos?

Leia mais

Manual de normas gráficas Graphic guidelines handbook 2008

Manual de normas gráficas Graphic guidelines handbook 2008 Manual de normas gráficas Graphic guidelines handbook 2008 Introdução Introduction Este documento fornece as normas para a correcta utilização e reprodução da Identidade Visual da Cavalum SGPS, S.A. Serve

Leia mais

Words and Music by Beyoncé Knowles, Ryan Tedder and Evan Bogart

Words and Music by Beyoncé Knowles, Ryan Tedder and Evan Bogart Words and Music by Beyoncé Knowles, Ryan Tedder and Evan Bogart 2003 Adaptation and Transcription by Deusdet Coppen Publishing Rights for Beyoncé assigned to MUSIC PUBLISHING Copyright 2001-2008 - Transcription

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 2ª PROVA SUBSTITUTIVA DE INGLÊS Aluno(a): Nº Ano: 8º Turma: Data: Nota: Professor(a): Débora Toledo Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais: 1) Número

Leia mais

Banco Popular, Espanha

Banco Popular, Espanha Banco Popular, Espanha Tecnologia avançada de automação do posto de caixa para melhorar a eficiência e beneficiar a saúde e segurança dos funcionários O recirculador de notas Vertera contribuiu para impulsionar

Leia mais

Marketing Internacional. Negócios Internacionais

Marketing Internacional. Negócios Internacionais Marketing Internacional 1 Objectivos do Capítulo Compreender a Política do Produto e a sua implementação a nível internacional; Descortinar as razões que levam as empresas a escolher entre a estandardização

Leia mais

Medical Marketing Mix

Medical Marketing Mix Estratégia Design Conteúdos canais Gestão Como funciona? Como funciona? Estratégia conteúdos design canais gestão Portfolio Design canais Estratégia Conteúdos 360 Gestão Para uma maior eficiência nos resultados

Leia mais

Inglês 12 Present perfect continuous

Inglês 12 Present perfect continuous Inglês 12 Present perfect continuous Este tempo é ligeiramente diferente do Present Perfect. Nele, notamos a presença do TO BE na forma BEEN, ou seja, no particípio. Conseqüentemente, nota-se também a

Leia mais

Descrição das actividades

Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Em Acção Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos Guião D 1.º MOMENTO Intervenientes

Leia mais

:: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF ::

:: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF :: :: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF :: [Download] COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF - Are you looking for Como Escolher Uma Escola Idiomas Books? Now, you will

Leia mais

ANEXO III GUIÕES UTILIZADOS NA 1ª ETAPA

ANEXO III GUIÕES UTILIZADOS NA 1ª ETAPA Guiões utilizados na 1ª etapa 30 ANEXO III GUIÕES UTILIZADOS NA 1ª ETAPA Guiões utilizados na 1ª etapa 31 Guiões utilizados na 1ª etapa 32 ÍNDICE 1.Conceito identidade organizacional/ Imagem interna 1.1.História

Leia mais

O Que é um Produto? Capítulo 8. Produtos, Serviços e Experiências. O Que é um Serviço? Estratégia de Produtos e Serviços

O Que é um Produto? Capítulo 8. Produtos, Serviços e Experiências. O Que é um Serviço? Estratégia de Produtos e Serviços Capítulo 8 Estratégia de Produtos e Serviços 1 O Que é um Produto? Um Produto é algo que pode ser oferecido a um mercado para apreciação, aquisição, uso ou consumo e para satisfazer um desejo ou uma necessidade.

Leia mais

Escola Secundária de Paços de Ferreira 2009/2010. Marketing Mix. Tânia Leão n.º19 12.ºS

Escola Secundária de Paços de Ferreira 2009/2010. Marketing Mix. Tânia Leão n.º19 12.ºS Escola Secundária de Paços de Ferreira 2009/2010 Marketing Mix Tânia Leão n.º19 12.ºS Marketing Mix O Marketing mix ou Composto de marketing é formado por um conjunto de variáveis controláveis que influenciam

Leia mais

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes Unidade IV Marketing Profª. Daniela Menezes Comunicação (Promoção) Mais do que ter uma ideia e desenvolver um produto com qualidade superior é preciso comunicar a seus clientes que o produto e/ ou serviço

Leia mais

Guião A. Descrição das actividades

Guião A. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Ponto de Encontro Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO

Leia mais

Redes Sociais em Portugal

Redes Sociais em Portugal Relatório de Resultados Redes Sociais em Portugal Dezembro de 2009 Estudo NE396 Netsonda - Network Research Quem Somos? Com quase 10 anos de actividade, a Netsonda foi a primeira empresa em Portugal a

Leia mais

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS FACTOS A Internet mudou profundamente a forma como as pessoas encontram, descobrem, compartilham, compram e se conectam. INTRODUÇÃO Os meios digitais, fazendo hoje parte do quotidiano

Leia mais

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS FACTOS A Internet mudou profundamente a forma como as pessoas encontram, descobrem, compartilham, compram e se conectam. INTRODUÇÃO Os meios digitais, fazendo hoje parte do quotidiano

Leia mais

IVº CongressoNacional dos Economistas. A Comunidade Portuguesa no Estrangeiro um Activo na Promoção Externa

IVº CongressoNacional dos Economistas. A Comunidade Portuguesa no Estrangeiro um Activo na Promoção Externa IVº CongressoNacional dos Economistas Lisboa,19-21 Outubro 2011 A Comunidade Portuguesa no Estrangeiro um Activo na Promoção Externa Fernanda Ilhéu e Catarina Casquilho Dias Importância do tema Equilibrar

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES CURSO PROFISSIONAL de Técnico de Comunicação Marketing, Relações Públicas e Publicidade DISCIPLINA: Comunicação Publicitária e Criatividade ANO: 11º Turma:

Leia mais

5) Como o petróleo e o gás natural se formaram? Qual a importância desses elementos naturais.

5) Como o petróleo e o gás natural se formaram? Qual a importância desses elementos naturais. PROFESSORA: SIMONE DISCIPLINA: CIÊNCIAS 1) Explique o processo de formação dos solos. 2) Cite as principais formas de relevo. 3) Faça um desenho mostrando as camadas que formam o interior da Terra. 4)

Leia mais

Na APCER, o Microsoft Dynamics CRM é central na gestão comercial e na obtenção de indicadores

Na APCER, o Microsoft Dynamics CRM é central na gestão comercial e na obtenção de indicadores Microsoft Dynamics CRM Customer Solution Case Study APCER Na APCER, o Microsoft Dynamics CRM é central na gestão comercial e na obtenção de indicadores Sumário País Portugal Sector Serviços Perfil do Cliente

Leia mais

Abba - Take a Chance On Me

Abba - Take a Chance On Me Abba - Take a Chance On Me and it ain t no lie if you put me to the test if you let me try (that s all I ask of you honey) We can go dancing we can go walking as long as we re together listen to some music

Leia mais

Projecto Igreja Solidária Proposta de Comunicação. Lisboa, 8 de Julho de 2009

Projecto Igreja Solidária Proposta de Comunicação. Lisboa, 8 de Julho de 2009 Projecto Igreja Solidária Proposta de Comunicação Lisboa, 8 de Julho de 2009 Índice 1. Enquadramento 2. Proposta O Projecto Missão e Princípios Fases do Projecto O Nosso Desafio A Nossa Resposta O Conceito

Leia mais

Problemas de incentivo: Depende da experiência de especialistas (artistas) É difícil fazer contratos que alinhem incentivos

Problemas de incentivo: Depende da experiência de especialistas (artistas) É difícil fazer contratos que alinhem incentivos Propaganda Desafios É difícil medir a resposta à propaganda A demanda é afetada pela concorrência e pelas decisões relativas ao composto de marketing A resposta pode não ocorrer imediatamente Problemas

Leia mais

Guião de apoio para divulgação junto da Comunicação Social

Guião de apoio para divulgação junto da Comunicação Social Semana da Liberdade de Escolha da Escola / School Choice Week & I Conferência da Liberdade de Escolha da Escola / 1st School Choice Conference Guião de apoio para divulgação junto da Comunicação Social

Leia mais

Nós fazemos fácil o difícil

Nós fazemos fácil o difícil O serviço TrustThisProduct é baseado na ideia de que informação detalhada e de confiança sobre um produto é a forma de chegar às mãos do consumidor. Como resultado, a pessoa ficará mais satisfeita com

Leia mais

Marketing de Resultados: fórmulas para aumentar receitas e reduzir custos. 24 Junho 2009

Marketing de Resultados: fórmulas para aumentar receitas e reduzir custos. 24 Junho 2009 Marketing de Resultados: fórmulas para aumentar receitas e reduzir custos 24 Junho 2009 Agenda 1. Quem somos 2. O que é o Marketing de Resultados? 3. Casos de êxito em Portugal 4. Tendências TradeDoubler,

Leia mais

AULA 2 Marketing de Serviços

AULA 2 Marketing de Serviços AULA 2 Marketing de Serviços Categorias de serviços Uma das formas de se classificar serviços é baseada na natureza dos processos pelos quais os serviços são criados e entregues. Um processo é um método

Leia mais