Faculdade Pitágoras Curso/habilitação: Engenharia Disciplina: Introdução a Informática e Internet. Unidade 1. Profª Márcia de Freitas Vieira Borges

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Faculdade Pitágoras Curso/habilitação: Engenharia Disciplina: Introdução a Informática e Internet. Unidade 1. Profª Márcia de Freitas Vieira Borges"

Transcrição

1 Unidade 1

2 OBJETIVO Apresentar conceitos e aspectos relacionados à importância da informática e da internet e os impactos que elas causam nas pessoas e organizações.

3 TÓPICOS A importância da informática e da Internet. Sociedade da informação e do conhecimento. Impactos da informática e da Internet sobre a sociedade. Utilidade da Internet para os profissionais. Questões éticas, legais e de segurança.

4 Um começo de conversa Uso cada vez mais abrangente da informática: Escritórios, lojas, escolas, hospitais, nossos lares e vários outros segmentos sociais e econômicos. Mudanças no dia-a-dia das pessoas e profissionais já há algum tempo. Mundo globalizado: competição e busca por diferenciais e formas de se manterem nos mercados.

5 O que é Informática? Genericamente, informática refere-se aos processos de tratamento automatizado da informação através de computadores digitais. É o ramo do conhecimento que cuida dos conceitos, procedimentos e técnicas referentes ao processamento ou tratamento de conjuntos de dados.

6 O que é Internet? É uma rede mundial de computadores que interliga redes de menor porte em praticamente todos os continentes. Conjunto de enlaces físicos e lógicos interligando sistemas computacionais de todo mundo.

7 Tecnologias da Informação Conjunto de recursos tecnológicos e computacionais para geração, armazenamento e utilização da informação.

8 Internet Transformação de atividades e costumes: agilidade; praticidade; comodidade; conveniência.

9 Internet Facilidade de comunicação. Possibilidade de aproximar comunidades distantes geograficamente. Mudanças profundas nas formas de relacionamento tanto pessoal quanto profissional. Preocupação com a segurança e com a falta de privacidade.

10 ... Por que usar a informática? A tecnologia da informação ajuda as empresas a melhorarem a eficiência e a eficácia de seus processos de negócios, tomada de decisões gerenciais e colaboração de grupos de trabalho. Fortalece suas posições competitivas em um mercado em rápida transformação.

11 Para refletir... Hoje, é possível uma grande empresa operar sem utilizar ferramentas de informática? Hoje, é possível um profissional trabalhar sem utilizar a Internet? Você utiliza a internet para obter informações? O que representa para você a frase: Vivemos hoje na era da informação e do conhecimento? Relate alguma experiência sua com relação ao conteúdo a ser ministrado na unidade.

12 Importância da informática e da Internet Negroponte (1995): vivemos num mundo que se tornou digital. Competitividade mercados globais alta competitividade / Mercados globais Novos modelos de negócios Integração entre fornecedores / parceiros / clientes Consumidores cada vez mais exigentes Setores: indústria, agropecuária, medicina, educação, comunicação, entretenimento e muitos outros.

13 Internet nas Empresas O rápido crescimento da internet, intranets, extranets e outras redes globais interconectadas têm alterado o potencial dos sistemas de informação nos negócios. A empresa interconectada à internet e os sistemas globalizados de e-business e de e-commerce estão revolucionando as operações e a administração das empresas de negócios. O uso de recursos e ferramentas on-line representa diversas vantagens competitivas para as empresas.

14 E-business: Negócios eletrônicos Uso de tecnologias de internet para interconectar e possibilitar processos de negócios, e-commerce, comunicação e colaboração dentro de uma empresa e com seus clientes e fornecedores. E-business é um negócio eletrônico, uma negociação feita pela Internet mas que não envolve necessariamente uma transação comercial. Engloba todas as atividades de uma empresa.

15 E-commerce: Comércio eletrônico Conjunto de atividades comerciais que acontecem on-line. E-commerce é a realização de vendas pela internet, sejam elas realizadas entre uma empresa e outra (B2B), ou entre uma empresa e um cliente (B2C). Compra e venda, marketing e assistência a produtos, serviços e informações realizados em redes de computadores.

16 Comércio Eletrônico Tipos: Business-to-consumer (B2C): Empresas que vendem produtos aos consumidores Business-to-business (B2B): Empresas que vendem a outras empresas. Consumer-to-consumer (C2C): Desenvolve-se em sites de mercado livre on-line.

17 Sociedade em que a geração, o processamento e a transmissão de informação são fontes primordiais de produtividade e poder. (Castells)

18 Sociedade da Informação e do Conhecimento Castells (2006): valorização da informação e do conhecimento e das profissões com grande conteúdo de informação. Pressão pela busca alucinante por informação Internet "Democratização da informação Internet Veículo para a integração e a disseminação de conhecimento. Internet Central aos processos de produção e consumo do conhecimento.

19 Sociedade da Informação e do conhecimento Características principais: A lógica de sua estrutura básica em redes. A informação é sua matéria prima: tecnologias para agir sobre a informação, não só informação para agir sobre a tecnologia. A penetrabilidade dos efeitos das novas tecnologias nas atividades humanas. O paradigma da tecnologia da informação é baseado na flexibilidade Modificações nas organizações e instituições. A crescente convergência de tecnologias especificas (microeletrônica, telecomunicações, computadores,etc.)

20 Mudanças: Faculdade Pitágoras Impactos da informática / internet sobre a sociedade comportamento /pessoas posturas / empresas forma de relacionamento pessoal e comercial, etc. Paradoxos: Tratamento impessoal (atendimento eletrônico) X personalização do atendimento Saúde ameaçada pelo uso intenso dos computadores X melhoria de diagnósticos e controle de doenças Muito usada nos meios educacional, comercial e pessoal X exclusão digital

21 Impactos da informática / internet sobre a sociedade Mudanças: hábitos das pessoas rotinas empresariais relações comerciais e pessoais Ameaça constante de isolamento entre as pessoas Preocupação: substituição do contato físico pelo virtual Paradoxo: aproximação de pessoas e empresas

22 Impactos da informática / internet sobre a sociedade Telecomutação ou teletrabalho (TURBAN, 2005). Trabalho 24 x 7 (24 horas nos 7 dias da semana). Transferência de poder para o consumidor. Tratamento personalizado de clientes. Comércio eletrônico: comodidade, conveniência, rapidez e personalização.

23 Ensino a distância: Faculdade Pitágoras Impactos da informática / internet sobre a sociedade Levar conhecimento para quem não têm condições de estudar ou aprimorar seus conhecimentos. Treinar funcionários de empresas com filiais dispersas geograficamente. Comunicação Segurança e privacidade: Busca pela redução de vulnerabilidade às fraudes e aos crimes digitais Programas de inclusão digital

24 O Brasil neste contexto... Programa Sociedade da Informação Concebido a partir de um estudo conduzido pelo Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia (1999), através de Decreto Presidencial, tem o objetivo de integrar, coordenar e fomentar ações para a utilização de tecnologias de informação e comunicação, de forma a contribuir para que haja a inclusão social de todos os brasileiros na nova sociedade e, contribuir para que a economia brasileira, tenha condições de competir no mercado global. [Takahashi 2000].

25 Impactos da Tecnologia sobre empresas e pessoas EFEITOS POSITIVOS: Aumento da informação disponível. Redução no tempo para executar tarefas Diminuição das tarefas rotineiras e monótonas, possibilitando aos usuários dedicarem-se a tarefas mais complexas e de maior responsabilidade Aumento da produtividade e da satisfação. Transmite a imagem de modernidade, desde que possibilite um atendimento mais rápido e de qualidade.

26 EFEITOS NEGATIVOS: Faculdade Pitágoras Impactos da Tecnologia sobre empresas e pessoas Redução da flexibilidade. Aumento da resistência e da insegurança. Aumento da pressão e ritmo de trabalho Elevação dos índices de desemprego e da concentração da riqueza produzida. O homem está perdendo gradualmente, o consenso sobre os princípios, valores e tradições. Aumento da exclusão social.

27 Relação entre informática e a profissão Mudanças nas profissões: Alteração de atividades Eliminação de algumas atividades Desemprego pela substituição de pessoas por programas, equipamentos automatizados, robôs industriais, sistemas de informação.

28 Relação entre informática e a profissão Em contrapartida: Surgimento de novas profissões, novas tecnologias, novos tipos de negócios. Em decorrência das novas profissões, criação de novos cursos pelas instituições de ensino para fazerem frente à demanda por profissionais dessas novas áreas de conhecimento.

29 Utilidade da Internet para o profissional Poderosa ferramenta para muitos profissionais Acesso ubíquo (que está presente em toda parte) Acesso à informação, conhecimento e sistemas nas situações mais diversas e adversas com alcance inimaginável até, relativamente, pouco tempo atrás. Troca de experiências entre profissionais dispersos no mundo. Possibilidade de trabalhar em casa ou em outros locais fora do ambiente da empresa (telecomutação), por exemplo, durante uma viagem de avião.

30 Questões Éticas, Legais e de Segurança Ética Estudo dos juizos de apreciação referentes à conduta humana suscetível de qualificação do ponto de vista do bem e do mal, seja relativamente a determinada sociedade, seja de modo absoluto. (Dicionário Aurélio) Código de Ética Conjunto de princípios a serem seguidos pelos funcionários, gerentes e gestores de uma instituição.

31 Questões éticas, legais e de segurança Invasão da privacidade de clientes e usuários. Venda de cadastros pessoais para outras empresas, para envio de malas diretas. Monitoramento de correspondências eletrônicas e arquivos de computadores de trabalho de funcionários por parte das empresas.

32 Questões éticas, legais e de segurança Privacidade: disseminação do uso da Internet e dos sistemas de informação diversas situações em que a privacidade dos clientes e usuários é invadida. Discussão: é ético ou não monitorar correspondências eletrônicas e arquivos dos computadores de trabalho de funcionários?

33 Questões éticas, legais e de segurança Segurança no acesso aos sistemas de informação e manutenção de cópias de segurança (backup). Propriedade intelectual: a Internet é fonte inesgotável de possibilidades de cópia de publicações diversas. Crime de plágio: cópia de partes de publicações sem a devida indicação da fonte de origem.

34 Ética e software aplicativo Pirataria: aquisição e uso ilegal de cópias de software. Falsificação: copiar grandes quantidades de CD- ROMs ou DVD-ROMs e empacotá-los de forma a se assemelharem aos originais. A lei considera cópia não-autorizada de software como um tipo de roubo.

35 Questões éticas, legais e de segurança Distribuição de músicas, filmes e vídeos, copiados e até vendidos de maneira irregular na Internet. Informações falsas, incorretas e/ou incompletas na Internet: ambiente aberto dificulta a implantação de controles e censuras. Importante: ao buscar informações e conhecimento através da Internet, recorrer a fontes confiáveis, de instituições de credibilidade reconhecida.

36 Crimes mais usuais na rede Envio de s com arquivos anexados: O melhor a fazer é não abrir arquivos com qualquer extensão desconhecida. s com pedidos de atualização de dados bancários e senhas: Os bancos costumam fazer essas atualizações no caixa eletrônico ou nas próprias agências. s que afirmam que o internauta está numa lista negra. s que anunciam que o usuário foi contemplado com um prêmio: Para ganhar um prêmio é necessário a participação na promoção e a empresa costuma mandar um aviso por telegrama.

37 Crimes mais usuais na rede Venda de mailing ou dados sigilosos pela internet: sem a devida autorização, é antiético e abuso da propaganda. Crimes relacionados à pedofilia, envolvendo a prostituição e a divulgação de fotos pornográficas de menores. Crimes bancários e financeiros praticados na internet. Plágio: Apesar de ser bastante corriqueiro o hábito de copiar materiais existentes na internet, essa prática é ilegal. "cyberbullying" (agressividade online) - Difamação em sites de relacionamento: Atinge muitos jovens, que são tentados a ser algozes ou viram vítimas da falta de ética.

38 Faculdade Pitágoras Questões Éticas, Legais e de Segurança A boa convivência na Internet depende de uma série de regras conhecidas como netiqueta ou etiqueta na rede. O comportamento criminoso no mundo real é igualmente um comportamento criminoso na internet. Tudo que é falta de ética na vida real pode ser aplicado para a realidade virtual.

39 Dez mandamentos de ética na internet (Netiqueta) Não use o computador para prejudicar as pessoas. Não interfira no trabalho de outras pessoas. Não altere arquivos alheios. Não use o computador para roubar. Não use o computador para obter falsos testemunhos. Não use nem copie softwares pelos quais você não pagou. Não use os recursos de computadores alheios sem pedir permissão. Não se aproprie de idéias que não são suas. Pense nas conseqüências sociais causadas pelo que você escreve. Use o computador de modo que demonstre consideração e respeito.

40 SEGURANÇA Backup: Cópias de segurança O acesso de usuários deve ser controlado Uso de programas para bloqueio de spam Uso de programas antivírus atualizado

41 SOCIEDADE DO CONHECIMENTO está a exigir profissionais que sejam capazes: Pensar e criar Participar ativamente Trabalhar em grupo Aprender a aprender Ter consciência dos seus potenciais cognitivo afetivo e social.

42 Competências básicas exigidas ao profissional no novo cenário econômico Maior nível de escolaridade média. Capacidade de adaptação a novas situações Compreensão global do conjunto de atividades/ funções. Capacidade de abstração, trato e interpretação de informações. Autonomia e habilidade cognitiva para compreender e atuar na sociedade informacional. Capacidade para "aprender a aprender", de modo a serem capazes de lidar positivamente com a contínua e acelerada transformação da base tecnológica.

43 Questões Qual é o papel da informática e da internet na sociedade de hoje? Quais os impactos positivos e negativos da informática e da internet sobre a sociedade e sobre as profissões? Como diferenciar um conteúdo confiável obtido através da internet? Resolvam a atividade 3 do item do livro (p. 14/15)

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida Unidade IV MERCADOLOGIA Profº. Roberto Almeida Conteúdo Aula 4: Marketing de Relacionamento A Evolução do Marketing E-marketing A Internet como ferramenta As novas regras de Mercado A Nova Era da Economia

Leia mais

Aula 7 Aplicações e questões do Comércio Eletrônico.

Aula 7 Aplicações e questões do Comércio Eletrônico. Aula 7 Aplicações e questões do Comércio Eletrônico. TENDÊNCIAS NO COMÉRCIO ELETRÔNICO Atualmente, muitos negócios são realizados de forma eletrônica não sendo necessário sair de casa para fazer compras

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU Segurança e Desafios Éticos de e-business Profª. Eneida Rios Crimes

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação NORMAS DE CONDUTA Apresentação Adequando-se às melhores práticas de Governança Corporativa, a TITO está definindo e formalizando as suas normas de conduta ( Normas ). Estas estabelecem as relações, comportamentos

Leia mais

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA SUMÁRIO APRESENTAÇÃO COLABORADORES Princípios éticos funcionais Emprego e Ambiente de trabalho Conflito de interesses Segredos e informações comerciais SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE

Leia mais

Aspectos Jurídicos no Uso de Dispositivos Pessoais no Ambiente Corporativo. Dra. CRISTINA SLEIMAN. Dra. Cristina Sleiman Diretora Executiva

Aspectos Jurídicos no Uso de Dispositivos Pessoais no Ambiente Corporativo. Dra. CRISTINA SLEIMAN. Dra. Cristina Sleiman Diretora Executiva Comissão de Direito eletrônico E Crimes de Alta Tecnologia Aspectos Jurídicos no Uso de Dispositivos Pessoais no Ambiente Corporativo Dra. CRISTINA SLEIMAN Dra. Cristina Sleiman Diretora Executiva SP,

Leia mais

COMPUTAÇÃO APLICADA À ENGENHARIA

COMPUTAÇÃO APLICADA À ENGENHARIA Universidade do Estado do Rio de Janeiro Campus Regional de Resende Curso: Engenharia de Produção COMPUTAÇÃO APLICADA À ENGENHARIA Prof. Gustavo Rangel Globalização expansionismo das empresas = visão

Leia mais

Sistemas de Informações e o Uso comercial

Sistemas de Informações e o Uso comercial ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - ASI Elabora por Prof.Mestra Rosimeire Ayres Conectan a Empresa à Rede Intranet Internet Extranet B2B B2C B2E C2C As empresas estão se tornan empresas conectadas

Leia mais

Wagner K. Arendt Coordenador de TI FCDL/SC

Wagner K. Arendt Coordenador de TI FCDL/SC Wagner K. Arendt Coordenador de TI FCDL/SC sua empresa na Internet A criação de um site é uma regra geral para empresas que querem sobreviver em um mercado cada vez mais agressivo e um mundo globalizado,

Leia mais

2. O que informatizar?

2. O que informatizar? A INFORMÁTICA NO CONSULTÓRIO MÉDICO No fascículo anterior, comentamos como a gestão de custos, mesmo sendo feita de maneira simplista, auxilia o consultório a controlar e avaliar seus resultados, permitindo

Leia mais

A INTERNET COMPLETOU 20 ANOS DE BRASIL EM 2015.

A INTERNET COMPLETOU 20 ANOS DE BRASIL EM 2015. A INTERNET COMPLETOU 20 ANOS DE BRASIL EM 2015. Isso nos permite afirmar que todas as pessoas nascidas após 1995 são consideradas NATIVAS DIGITAIS, ou seja, quando chegaram ao mundo, a internet já existia.

Leia mais

ARTIGOS AÇÕES MOTIVACIONAIS

ARTIGOS AÇÕES MOTIVACIONAIS ARTIGOS AÇÕES MOTIVACIONAIS ÍNDICE em ordem alfabética: Artigo 1 - ENDOMARKETING: UMA FERRAMENTA ESTRATÉGICA PARA DESENVOLVER O COMPROMETIMENTO... pág. 2 Artigo 2 - MOTIVANDO-SE... pág. 4 Artigo 3 - RECURSOS

Leia mais

Qual a importância da Segurança da Informação para nós? Quais são as características básicas de uma informação segura?

Qual a importância da Segurança da Informação para nós? Quais são as características básicas de uma informação segura? Qual a importância da Segurança da Informação para nós? No nosso dia-a-dia todos nós estamos vulneráveis a novas ameaças. Em contrapartida, procuramos sempre usar alguns recursos para diminuir essa vulnerabilidade,

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando

Leia mais

Visão Geral dos Sistemas de Informação

Visão Geral dos Sistemas de Informação Visão Geral dos Sistemas de Informação Existem muitos tipos de sistemas de informação no mundo real. Todos eles utilizam recursos de hardware, software, rede e pessoas para transformar os recursos de dados

Leia mais

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES 1. Conectando a Empresa à Rede As empresas estão se tornando empresas conectadas em redes. A Internet e as redes de tipo Internet dentro da empresa (intranets), entre uma

Leia mais

Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING

Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING 1 ÍNDICE 03 04 06 07 09 Introdução Menos custos e mais controle Operação customizada à necessidade da empresa Atendimento: o grande diferencial Conclusão Quando

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

Segurança em Comércio Eletrônico.

Segurança em Comércio Eletrônico. <Nome> <Instituição> <e-mail> Segurança em Comércio Eletrônico Agenda Comércio Eletrônico Riscos principais Cuidados a serem tomados Créditos Comércio eletrônico (1/2) Permite: comprar grande quantidade

Leia mais

A Dehlicom tem a solução ideal em comunicação para empresas de todos os portes, sob medida.

A Dehlicom tem a solução ideal em comunicação para empresas de todos os portes, sob medida. A Dehlicom Soluções em Comunicação é a agência de comunicação integrada que busca divulgar a importância da comunicação empresarial perante as empresas e todos os seus públicos, com atendimento personalizado

Leia mais

Perícia Computacional Forense. gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br

Perícia Computacional Forense. gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br Perícia Computacional Forense gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br Perícia Computacional Forense gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br 3 Agenda» A nova Economia» Segurança da

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso 1. Muitas organizações estão utilizando tecnologia da informação para desenvolver sistemas

Leia mais

24/05/2013. Comércio Eletrônico. Prof. João Artur Izzo

24/05/2013. Comércio Eletrônico. Prof. João Artur Izzo Comércio Eletrônico 1 A evolução do sistema mercadológico tem exigido das organizações grande esforço para a assimilação e utilização das tecnologias de informação referentes a comércio eletrônico, em

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução.

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução. CÓDIGO DE ÉTICA Introdução. Os princípios Éticos que formam a consciência e fundamentam nossa imagem no segmento de recuperação de crédito e Call Center na conduta de nossa imagem sólida e confiável. Este

Leia mais

XVIII JORNADA DE ENFERMAGEM EM HEMODINÂMICA.

XVIII JORNADA DE ENFERMAGEM EM HEMODINÂMICA. . Qualificando o desempenho operacional utilizando ferramentas de Tecnologia de Informação. sfl.almada@gmail.com Enfª Sueli de Fátima da Luz Formação: Bacharel em Enfermagem e Obstetrícia Universidade

Leia mais

DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO ESPÍRITO SANTO 1 OBJETIVO: 1.1 A presente

Leia mais

Ref.: Política de uso de Internet e correio eletrônico

Ref.: Política de uso de Internet e correio eletrônico Ref.: Política de uso de Internet e correio eletrônico Introdução A PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL-CHILE, através de seu setor de Tecnologia da Informação, tem como objetivo o provimento de um serviço de qualidade,

Leia mais

e-business Novas Tendências Tecnologias da Informação com aplicabilidade ao RH

e-business Novas Tendências Tecnologias da Informação com aplicabilidade ao RH Tecnologias da Informação com aplicabilidade ao RH e-rh / Recursos Humanos Virtual Novas Tendências Como já foi visto com o advento da globalização e do crescimento da tecnologia e a difusão da Internet,

Leia mais

Educação permanente em saúde através da EAD

Educação permanente em saúde através da EAD Educação permanente em saúde através da EAD Claudia da Silva Pinto Rogel claudiarogel77@hotmail.com Maurício AlvesVieira Mauricio.veira@hotmail.com RESUMO O objetivo do artigo é o de fornecer uma descrição

Leia mais

Competindo com Tecnologia da Informação. Objetivos do Capítulo

Competindo com Tecnologia da Informação. Objetivos do Capítulo Objetivos do Capítulo Identificar as diversas estratégias competitivas básicas e explicar como elas podem utilizar a tecnologia da informação para fazer frente às forças competitivas que as empresas enfrentam.

Leia mais

Organização e a Terceirização da área de TI. Profa. Reane Franco Goulart

Organização e a Terceirização da área de TI. Profa. Reane Franco Goulart Organização e a Terceirização da área de TI Profa. Reane Franco Goulart Como surgiu? A terceirização é uma ideia consolidada logo após a Segunda Guerra Mundial, com as indústrias bélicas americanas, as

Leia mais

ASSUNTO DO MATERIAL DIDÁTICO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DO MATERIAL DIDÁTICO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 05 ASSUNTO DO MATERIAL DIDÁTICO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN MÓDULO 01 Páginas 26 à 30 1 AULA 05 DESAFIOS GERENCIAIS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Leia mais

O QUE É UM CÓDIGO DE ÉTICA?

O QUE É UM CÓDIGO DE ÉTICA? O QUE É UM CÓDIGO DE ÉTICA? O Código de ética é um instrumento que busca a realização dos princípios, visão e missão da empresa. Serve para orientar as ações de seus colaboradores e explicitar a postura

Leia mais

ÉTICA E SEGURANÇA EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Fundamentos

ÉTICA E SEGURANÇA EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Fundamentos ÉTICA E SEGURANÇA EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Fundamentos Prof. Carlos Faria (adaptação) 2011 DESAFIOS ÉTICOS E DE SEGURANÇA Emprego Privacidade Saúde Segurança Ética e Sociedade Crime Individualidade Condições

Leia mais

FATORES PARA A INCLUSÃO NO MERCADO DE TRABALHO: EDUCAÇÃO, CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO DAS QUALIDADES PESSOAIS

FATORES PARA A INCLUSÃO NO MERCADO DE TRABALHO: EDUCAÇÃO, CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO DAS QUALIDADES PESSOAIS 1 FATORES PARA A INCLUSÃO NO MERCADO DE TRABALHO: EDUCAÇÃO, CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO DAS QUALIDADES PESSOAIS MAURICIO SEBASTIÃO DE BARROS 1 RESUMO Este artigo tem como objetivo apresentar as atuais

Leia mais

II Semana de Informática - CEUNSP. Segurança da Informação Novembro/2005

II Semana de Informática - CEUNSP. Segurança da Informação Novembro/2005 II Semana de Informática - CEUNSP Segurança da Informação Novembro/2005 1 Objetivo Apresentar os principais conceitos sobre Segurança da Informação Foco não é técnico Indicar onde conseguir informações

Leia mais

Comparativo entre os meios de comunicação para atingir 50 milhões de usuários

Comparativo entre os meios de comunicação para atingir 50 milhões de usuários Comparativo entre os meios de comunicação para atingir 50 milhões de usuários Fonte: TAKAHASHI, 2000; VEJA ONLINE, 2006 Definições de comércio eletrônico/e-business E - BUSINESS, acrônimo do termo em

Leia mais

TERMO DE RESPONSABILIDADE

TERMO DE RESPONSABILIDADE TERMO DE RESPONSABILIDADE Pelo presente instrumento particular, declaro assumir a total responsabilidade pela utilização do CARTÃO FUNCIONAL e SENHA ELETRÔNICA, doravante chamados de IDENTIDADE DIGITAL

Leia mais

Prof. Lucas Santiago

Prof. Lucas Santiago Classificação e Tipos de Sistemas de Informação Administração de Sistemas de Informação Prof. Lucas Santiago Classificação e Tipos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação são classificados por

Leia mais

22 DICAS para REDUZIR O TMA DO CALL CENTER. em Clínicas de Imagem

22 DICAS para REDUZIR O TMA DO CALL CENTER. em Clínicas de Imagem para REDUZIR O TMA DO CALL CENTER em Clínicas de Imagem Objetivo Um atendimento eficiente e personalizado é um dos principais fatores que o cliente leva em consideração ao iniciar um processo de fidelização

Leia mais

2004 by Pearson Education

2004 by Pearson Education &DStWXOR 7Ï3,&26$9$1d$'26'(6,67(0$6'(,1)250$d 2 $'0,1,675$d 2 '$(035(6$ ',*,7$/ &

Leia mais

PROPOSTA PEDAGOGICA CENETEC Educação Profissional. Índice Sistemático. Capitulo I Da apresentação...02. Capitulo II

PROPOSTA PEDAGOGICA CENETEC Educação Profissional. Índice Sistemático. Capitulo I Da apresentação...02. Capitulo II Índice Sistemático Capitulo I Da apresentação...02 Capitulo II Dos objetivos da proposta pedagógica...02 Capitulo III Dos fundamentos da proposta pedagógica...02 Capitulo IV Da sinopse histórica...03 Capitulo

Leia mais

Sistemas Colaborativos Simulado

Sistemas Colaborativos Simulado Verdadeiro ou Falso Sistemas Colaborativos Simulado 1. Todos os tipos de organizações estão se unindo a empresas de tecnologia na implementação de uma ampla classe de usos de redes intranet. Algumas das

Leia mais

Módulo 4: Gerenciamento de Dados

Módulo 4: Gerenciamento de Dados Módulo 4: Gerenciamento de Dados 1 1. CONCEITOS Os dados são um recurso organizacional decisivo que precisa ser administrado como outros importantes ativos das empresas. A maioria das organizações não

Leia mais

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Justificativa: As transformações ocorridas nos últimos anos têm obrigado as organizações a se modificarem constantemente e de forma

Leia mais

PARA NEGÓCIOS SEGUROS E EFICIENTES Protection Service for Business

PARA NEGÓCIOS SEGUROS E EFICIENTES Protection Service for Business PARA NEGÓCIOS SEGUROS E EFICIENTES Protection Service for Business O MUNDO MUDA Vivemos em um mundo digital cada vez mais colaborativo e complexo. As empresas vão além do escritório conforme seus funcionários

Leia mais

O que sua escola precisa, agora bem aqui na sua mão! Responsabilidade em gestão de instituições de ensino

O que sua escola precisa, agora bem aqui na sua mão! Responsabilidade em gestão de instituições de ensino O que sua escola precisa, agora bem aqui na sua mão! Responsabilidade em gestão de instituições de ensino Escolher o Sponte Educacional é escolher inteligente Sistema web para gerenciamento de instituições

Leia mais

Apresentação por Leonardo Melo melo.leonardo@ieee.org Universidade Federal de Juiz de Fora PET Elétrica IEEE Institute Of Electrical and Electronics

Apresentação por Leonardo Melo melo.leonardo@ieee.org Universidade Federal de Juiz de Fora PET Elétrica IEEE Institute Of Electrical and Electronics Apresentação por Leonardo Melo melo.leonardo@ieee.org Universidade Federal de Juiz de Fora PET Elétrica IEEE Institute Of Electrical and Electronics Engineers Prefácio O Engenheiro 2020 Como será ou deveria

Leia mais

SI- Sistemas de Informação. Professora: Mariana A. Fuini

SI- Sistemas de Informação. Professora: Mariana A. Fuini SI- Sistemas de Informação Professora: Mariana A. Fuini INTRODUÇÃO A informação é tudo na administração de uma organização. Mas para uma boa informação é necessário existir um conjunto de características

Leia mais

NORMALIZAÇÃO Comércio Electrónico e a sua Importância na Cadeia de Distribuição 14 de Dezembro 2010 Nuno Miranda

NORMALIZAÇÃO Comércio Electrónico e a sua Importância na Cadeia de Distribuição 14 de Dezembro 2010 Nuno Miranda NORMALIZAÇÃO Comércio Electrónico e a sua Importância na Cadeia de Distribuição 14 de Dezembro 2010 Nuno Miranda The global language of business O que é ecommerce? Da perspectiva de processo de negócio,

Leia mais

E-commerce Fundamentos

E-commerce Fundamentos E-commerce Fundamentos Flávio Augusto Martins Wanderley Professor flavio@mwan.com.br 1 / 65 Conteúdo desta aula Conceitos. Evolução do comércio eletrônico. Modalidades. O que vem no futuro. 2 / 65 Conceito

Leia mais

Hilti do Brasil Comercial Ltda. Política de Privacidade e Proteção de Informações Pessoais

Hilti do Brasil Comercial Ltda. Política de Privacidade e Proteção de Informações Pessoais Hilti do Brasil Comercial Ltda. Política de Privacidade e Proteção de Informações Pessoais Nós, Hilti (Brasil) Comercial Ltda. (coletivamente, referido como Hilti, "nós", "nosso" ou "a gente") nessa Política

Leia mais

COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR?

COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR? COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR? Descubra os benefícios que podem ser encontrados ao se adaptar as novas tendências de mercado ebook GRÁTIS Como o investimento em TI pode

Leia mais

http://cartilha.cert.br/

http://cartilha.cert.br/ http://cartilha.cert.br/ Atualmente, graças à Internet, é possível comprar produtos sem sair de casa ou do trabalho, sem se preocupar com horários e sem enfrentar filas. Eainda receber tudo em casa ou

Leia mais

Software. Bem vindo ao mundo do GED e Tecnologias Digitais. Gerenciamento Eletrônico de Documentos, Softwares, e muito mais...

Software. Bem vindo ao mundo do GED e Tecnologias Digitais. Gerenciamento Eletrônico de Documentos, Softwares, e muito mais... Software www.imagecomnet.com.br Bem vindo ao mundo do GED e Tecnologias Digitais Gerenciamento Eletrônico de Documentos, Softwares, e muito mais... A Empresa A Imagecom, uma empresa conceituada no ramo

Leia mais

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 2: Vantagem Competitiva. Resposta do Exercício 1

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 2: Vantagem Competitiva. Resposta do Exercício 1 Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 2: Vantagem Competitiva 1 Resposta do Exercício 1 Uma organização usa algumas ações para fazer frente às forças competitivas existentes no mercado, empregando

Leia mais

O link entre software pirateado e violações da segurança cibernética

O link entre software pirateado e violações da segurança cibernética O link entre software pirateado e violações da segurança cibernética Para ver mais informações, acesse http://www.microsoft.com/en-us/news/presskits/dcu/. Para ver todos os resultados desse estudo, acesse

Leia mais

Apresentação. Vitae Tec Tecnologia a Serviço da Vida!

Apresentação. Vitae Tec Tecnologia a Serviço da Vida! Apresentação Vitae Tec Tecnologia a Serviço da Vida! A Vitae Tec A Vitae Tec é uma empresa de tecnologia que tem como missão oferecer serviços e produtos adequados às necessidades do cliente - pessoa física

Leia mais

Softwares Aplicativos. (Capítulo 2)

Softwares Aplicativos. (Capítulo 2) Softwares Aplicativos (Capítulo 2) INTRODUÇÃO À ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO Professor: Rosalvo Ferreira de Oliveira Neto Estrutura 1. Definição 2. Aquisição 3. Classificações 4. Ética 5. Profissionais 03

Leia mais

Código de Ética. PARTE I Relação com o cliente de Consultoria

Código de Ética. PARTE I Relação com o cliente de Consultoria Código de Ética PARTE I Relação com o cliente de Consultoria 1. É essencial que o Consultor estabeleça de inicio com o cliente, de forma clara, os objetivos do trabalho previsto, dos meios a serem utilizados,

Leia mais

A empresa digital: comércio e negócios eletrônicos

A empresa digital: comércio e negócios eletrônicos Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 06 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

A importância da Educação para competitividade da Indústria

A importância da Educação para competitividade da Indústria A importância da Educação para competitividade da Indústria Educação para o trabalho não tem sido tradicionalmente colocado na pauta da sociedade brasileira, mas hoje é essencial; Ênfase no Direito à Educação

Leia mais

Trabalho Final. Apresentação do site de Comércio Eletrônico (.ppt) : Elaborar o Site de Comércio Eletrônico proposto:

Trabalho Final. Apresentação do site de Comércio Eletrônico (.ppt) : Elaborar o Site de Comércio Eletrônico proposto: Comércio Eletrônico Faculdade de Tecnologia SENAC Curso Superior de Análise e Desenvolvimento de Sistemas Unidade Curricular: Comércio Eletrônico Edécio Fernando Iepsen (edecio@terra.com.br) Apresentação

Leia mais

Tecnologia da Informação UNIDADE 3

Tecnologia da Informação UNIDADE 3 Tecnologia da Informação UNIDADE 3 *Definição * A segurança da informação está relacionada com proteção de um conjunto de dados, no sentido de preservar o valor que possuem para a organização. *Definição

Leia mais

E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação

E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação Capítulo 2 E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação 2.1 2007 by Prentice Hall OBJETIVOS DE ESTUDO Identificar e descrever as principais características das empresas que são importantes

Leia mais

Amway - Política de privacidade

Amway - Política de privacidade Amway - Política de privacidade Esta Política de Privacidade descreve como a Amway Brasil e determinadas filiadas, inclusive a Amway América Latina (conjuntamente Amway ) utilizam dados pessoais coletados

Leia mais

ERP é um sistema de gestão empresarial que gerencia as informações relativas aos processos operacionais, administrativos e gerenciais das empresas.

ERP é um sistema de gestão empresarial que gerencia as informações relativas aos processos operacionais, administrativos e gerenciais das empresas. Introdução Sistemas de Informação é a expressão utilizada para descrever um Sistema seja ele automatizado (que pode ser denominado como Sistema Informacional Computadorizado), ou seja manual, que abrange

Leia mais

Tecnologia da Informação UNIDADE 3:Estrutura organizacional de TI

Tecnologia da Informação UNIDADE 3:Estrutura organizacional de TI Tecnologia da Informação UNIDADE 3:Estrutura organizacional de TI * A segurança da informação está relacionada com proteção de um conjunto de dados, no sentido de preservar o valor que possuem para a organização.

Leia mais

Hábitos de Navegação na Internet: será que nossos alunos e educadores navegam com segurança na Internet no Estado da Paraíba?

Hábitos de Navegação na Internet: será que nossos alunos e educadores navegam com segurança na Internet no Estado da Paraíba? RELATÓRIO DA PESQUISA ONLINE NO ESTADO DA PARAÍBA: Hábitos de Navegação na Internet: será que nossos alunos e educadores navegam com segurança na Internet no Estado da Paraíba? REALIZAÇÃO: SaferNet Brasil

Leia mais

PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00

PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 01 02 PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 03 04 PIG 001 Gestão

Leia mais

Apresentação Rico Mäder Consultor em Gestão

Apresentação Rico Mäder Consultor em Gestão Apresentação Rico Mäder Consultor em Gestão Roberto Seixas Gestor de Negócios ALFAMAWEB rseixas@alfamaweb.com.br (11) 99456-9393 Toninho Garcez Diretor de TIC ALFAMAWEB toninho@alfamaweb.com.br (79) 9191-1633

Leia mais

MANUAL DE CONDUTA EM REDES SOCIAIS

MANUAL DE CONDUTA EM REDES SOCIAIS MANUAL DE CONDUTA EM REDES SOCIAIS AS MÍDIAS SOCIAIS SÃO HOJE AS PRINCIPAIS FERRAMENTAS DE INTERAÇÃO SOCIAL E DE COMPARTILHAMENTO DE IDEIAS E INFORMAÇÕES. O Sistema de Saúde Mãe de Deus (SSMD), sabendo

Leia mais

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Introdução 5 INTRODUÇÃO A seguir, são descritos os comportamentos e princípios gerais de atuação esperados dos Colaboradores da Endesa

Leia mais

Comércio Eletrônico FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE

Comércio Eletrônico FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Comércio Eletrônico FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Definição Toda atividade de compra e venda realizada com recursos eletrônicos; Uso de mecanismos eletrônicos para a

Leia mais

Política de Privacidade

Política de Privacidade Política de Privacidade Este documento tem por objetivo definir a Política de Privacidade da Bricon Security & IT Solutions, para regular a obtenção, o uso e a revelação das informações pessoais dos usuários

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Estudantes na Escola de Administração da FGV utilizam seu laboratório de informática, onde os microcomputadores estão em rede

Leia mais

APOSTILA BÁSICA INFORMÁTICA: 1. PROCESSADOR DE TEXTOS 1.1 Conhecendo o aplicativo Word 2007 2.EDITOR DE PLANILHAS

APOSTILA BÁSICA INFORMÁTICA: 1. PROCESSADOR DE TEXTOS 1.1 Conhecendo o aplicativo Word 2007 2.EDITOR DE PLANILHAS APOSTILA BÁSICA INFORMÁTICA: 1. PROCESSADOR DE TEXTOS 1.1 Conhecendo o aplicativo Word 2007 2.EDITOR DE PLANILHAS 3.INTERNET 3.1. Internet: recursos e pesquisas 3.2. Conhecendo a Web 3.3. O que é um navegador?

Leia mais

Relatório de Competências

Relatório de Competências ANÁLISE CALIPER DO POTENCIAL DE DESEMPENHO PROFISSIONAL Relatório de Competências LOGO CLIENTE CALIPER Avaliação de: Sr. Márcio Modelo Preparada por: Consultora Especializada Caliper e-mail: nome@caliper.com.br

Leia mais

MANUAL DO ALUNO EM DISCIPLINAS NA MODALIDADE A DISTÂNCIA

MANUAL DO ALUNO EM DISCIPLINAS NA MODALIDADE A DISTÂNCIA MANUAL DO ALUNO EM DISCIPLINAS NA MODALIDADE A DISTÂNCIA ORIENTAÇÕES PARA OS ESTUDOS EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Caro (a) Acadêmico (a), Seja bem-vindo (a) às disciplinas ofertadas na modalidade a distância.

Leia mais

TI Aplicada. Aula 02 Áreas e Profissionais de TI. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti.

TI Aplicada. Aula 02 Áreas e Profissionais de TI. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti. TI Aplicada Aula 02 Áreas e Profissionais de TI Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http:// Papéis... Um papel é uma definição abstrata de um conjunto de atividades executadas e dos

Leia mais

Código de Conduta e Ética

Código de Conduta e Ética Página 1 de 5 Código de Conduta e Ética 2012 Resumo A SAVEWAY acredita que seu sucesso está pautado na prática diária de elevados valores éticos e morais, bem como respeito às pessoas, em toda sua cadeia

Leia mais

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA SEGURANÇA CIBERNÉTICA Fevereiro/2015 SOBRE A PESQUISA Esta pesquisa tem como objetivo entender o nível de maturidade em que as indústrias paulistas se encontram em relação

Leia mais

WEBMAIL Política de Uso Aceitável

WEBMAIL Política de Uso Aceitável WEBMAIL Política de Uso Aceitável Bem-vindo ao Correio Eletrônico da UFJF. O Correio Eletrônico da UFJF (Correio-UFJF) foi criado para ajudá-lo em suas comunicações internas e/ou externas à Universidade.

Leia mais

MODELO PLANO DE NEGÓCIO

MODELO PLANO DE NEGÓCIO MODELO PLANO DE NEGÓCIO Resumo dos Tópicos 1 EMPREENDEDOR... 3 1.1. O EMPREENDIMENTO... 3 1.2. OS EMPREENDEDORES... 3 2 GESTÃO... 4 2.1. DESCRIÇÃO DO NEGÓCIO... 4 2.3. PLANO DE OPERAÇÕES... 4 2.4. NECESSIDADE

Leia mais

TVVILAEMBRATEL.WEBS.COM 1 Uma experiência com sistemas de CMS

TVVILAEMBRATEL.WEBS.COM 1 Uma experiência com sistemas de CMS TVVILAEMBRATEL.WEBS.COM 1 Uma experiência com sistemas de CMS Anissa CAVALCANTE 2 Jessica WERNZ 3 Márcio CARNEIRO 4, São Luís, MA PALAVRAS-CHAVE: CMS, webjornalismo, TV Vila Embratel, comunicação 1 CONSIDERAÇÕES

Leia mais

http://cartilha.cert.br/

http://cartilha.cert.br/ http://cartilha.cert.br/ Quanto mais informações você disponibiliza na Internet, mais difícil se torna preservar a sua privacidade Nada impede que você abra mão de sua privacidade e, de livre e espontânea

Leia mais

Curso Forense Computacional

Curso Forense Computacional Curso Forense Computacional Todos nossos cursos são preparados por mestres e profissionais reconhecidos no mercado de Segurança da Informação no Brasil e exterior. Os cursos são ministrados em português,

Leia mais

ü Curso - Bacharelado em Sistemas de Informação

ü Curso - Bacharelado em Sistemas de Informação Curso - Bacharelado em Sistemas de Informação Nome e titulação do Coordenador: Coordenador: Prof. Wender A. Silva - Mestrado em Engenharia Elétrica (Ênfase em Processamento da Informação). Universidade

Leia mais

Módulo II - Aula 3 Comunicação

Módulo II - Aula 3 Comunicação Módulo II - Aula 3 Comunicação O surgimento da comunicação entre as pessoas por meio de computadores só foi possível após o surgimento das Redes de Computadores. Na aula anterior você aprendeu sobre a

Leia mais

PPG - Programa de Profissionalização da Gestão. Pequenas e Médias Empresas

PPG - Programa de Profissionalização da Gestão. Pequenas e Médias Empresas PPG - Programa de Profissionalização da Gestão Pequenas e Médias Empresas 2010 Comunidade de interesse em Gestão Empresarial + Convidados Discutir novas idéias e estimular o uso de conceitos e práticas

Leia mais

ESTRUTURA E TENDÊNCIAS DO MERCADO DE TRABALHO

ESTRUTURA E TENDÊNCIAS DO MERCADO DE TRABALHO ESTRUTURA E TENDÊNCIAS DO MERCADO DE TRABALHO Colombo, 06 de abril de 2010. Instrutora: Amanda G. Gagliastri Formação: Administradora de Empresas O momento em que vivemos Processo acelerado de mudanças

Leia mais

XIX CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA UFLA 27 de setembro a 01 de outubro de 2010

XIX CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA UFLA 27 de setembro a 01 de outubro de 2010 APLICAÇÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO NA COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL (Estudo de Caso: Rede Eletrosom Ltda em Pires do Rio - GO) MÁRCIO FERNANDES 1, DÉBORA DE AMORIM VIEIRA 2, JOSIANE SILVÉRIA CALAÇA MATOS

Leia mais

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce).

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). A natureza global da tecnologia, a oportunidade de atingir

Leia mais

Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil

Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil lacerda e franze Escritório de Advocacia Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil CLIENTE Lacerda e Franze Advogados Associados V I S Ã O G E R A L

Leia mais

COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS.

COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS. COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS. A Rio Quality existe com o objetivo de proporcionar a total satisfação dos clientes e contribuir para o sucesso de todos. Essa integração se dá através do investimento

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICAS CORPORATIVAS

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICAS CORPORATIVAS 8 - Política de segurança da informação 8.1 Introdução A informação é um ativo que possui grande valor para a COOPERFEMSA, devendo ser adequadamente utilizada e protegida contra ameaças e riscos. A adoção

Leia mais

ABRANET Associação Brasileira de Provedores Internet

ABRANET Associação Brasileira de Provedores Internet ABRANET Associação Brasileira de Provedores Internet APRESENTAÇÃO PARA O SENADO FEDERAL COMISSÃO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO, COMUNICAÇÃO e INFORMÁTICA Audiência Pública sobre Conteúdo Audiovisual

Leia mais