Delfraro Rodrigues Douglas M Gandini José Luiz CMM. Capability Maturity Model

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Delfraro Rodrigues Douglas M Gandini José Luiz CMM. Capability Maturity Model"

Transcrição

1 Delfraro Rodrigues Douglas M Gandini José Luiz CMM Capability Maturity Model

2 O que é o CMM? Modelo para avaliação da maturidade dos processos de software de uma organização Identificação das práticas chave que são requeridas para aumentar a maturidade desses processos Possui cinco níveisn de maturidade

3 O que é o CMM? É um modelo que descreve os principais elementos de um processo de software efetivo. O CMM categoriza as organizações em níveis de maturidade, que descrevem um caminho para melhoria, de um processo de software desorganizado e ad hoc,, para um processo maduro e disciplinado. (SEI/TR-25)

4 Contextualização Duas décadas d de promessas não cumpridas a respeito da produtividade e qualidade Processos excessivamente atrasados e com o dobro do custo planejado Alguns poucos sucessos eram atingidos por meio de esforços os individuais Sucesso dependia das mesmas pessoas alocadas

5 Histórico Nov/ Início do Desenvolvimento do Framework Set/ Lançada uma descrição geral do modelo e questionário de Maturidade 1991/ Lançamento e reviões da primeira versão, por Paulk e Weber Lançada a versão 1.1 e o livro The Capability Maturity Model, de Mark Paulk.

6 Quem está por trás s do CMM Mantido pela Software Engineering Institute (SEI) Apoio do Departamento de Defesa Norte Americano Operacionalizado pela Carnegie Mellon University

7 Conceitos Software Process Capability Descreve o conjunto de resultados esperados que podem ser atingidos por um processo de software Software Process Performance Representa os resultados atuais atingidos por um processo de software Software Process Maturity É uma extensão de como o processo de software é definido, gerenciado, mensurado, controlado e efetivo.

8 Organizações Maduras x Imaturas Imatura Não háh processo / Processo reativo (apagar incêndio) Processos sacrificados durante crises Resultados imprevisíveis veis Depende de esforços os individuais Madura Processo definido e organizado e possivelmente atualizável Processo constantemente monitorado e controlado Resultados planejados de acordo com a base histórica Papéis e responsabilidades claramente definidos

9 Níveis de maturidade Definem uma escala ordinal para mensurar a maturidade de uma organização no processo de software Avaliar a capabilidade do processo de software de uma organização São patamares bem definidos para se atingir um processo de software maduro Estabelecem um conjunto de objetivos Ajudam as organizações a planejar seus investimentos em qualidade de software

10 Os 5 Níveis N de Maturidade 1. Inicial Processo disciplinado 2. Repetível Processo padronizado e consistente 3. Definido Processo previsível 4. Gerenciado 5. Otimizado Melhoria contínua no processo

11 Os 5 Níveis N de Maturidade 1. Inicial O processo de software é caracterizado como ad hoc,, e ocasionalmente até mesmo como caótico tico.. Alguns processos são definidos, e o sucesso depende de alguns esforços os individuais. 2. Repetível Foco: Processos de gerenciamento de projetos Os processos básicos b de gerenciamento de projeto estão estabelecidos e permitem acompanhar custo, cronograma e funcionalidade. É possível repetir o sucesso de um processo utilizado anteriormente em outros projetos similares.

12 Os 5 Níveis N de Maturidade 3. Definido Foco: Processo de engenharia de software efetivo e processos de gerenciamento para todos os projetos Tanto as atividades de gerenciamento quanto de engenharia do processo de desenvolvimento de software estão documentadas, padronizadas e integradas em um padrão de desenvolvimento da organização. Todos os projetos utilizam uma versão aprovada e adaptada do processo padrão de desenvolvimento de software da organização.

13 Os 5 Níveis N de Maturidade 4. Gerenciado Foco: Entendimento quantitativo São coletadas medidas detalhadas da qualidade do produto e processo de desenvolvimento de software. Tanto o produto quanto o processo de desenvolvimento de software são entendidos e controlados quantitativamente. 5. Otimizado Foco: Melhoria contínua nua e mensurável O melhoramento contínuo nuo do processo é conseguido através s de um "feedback" quantitativo dos processos e pelo uso pioneiro de idéias ias e tecnologias inovadoras.

14 Os 5 Níveis N de Maturidade

15 Áreas chave do processo Key Process Areas / KPA São as áreas que devem ser focadas a fim de melhorar seu processo de produção de software Cada nível n de maturidade (exceto nível n 1) é decomposto em KPAs

16 KPAs por Nível N de Maturidade Repetível Gerência de de Config. Config. De De Software (SCM) (SCM) Garantia da da qualidade de de Software (SQA) (SQA) Gerenciamento de de Subcontratados Visão Visão geral geral e e acompanhamento de de projetos projetos de de software software Planejamento de de Projetos Projetos de de Software Gerenciamento de de Requisitos Definido Revisão conjunta (Peer (PeerReview) Coordenação Intergrupos Engenharia de de Produtos de de Software Gerenciamento Integrado de de Software Programa de de Treinamento Definição do do processo Organizacional Foco Foco do do processo Organizacional Gerenciado Gerenciamento da da qualidade de de Software Gerenciamento quantitativo dos dos processos Otimizado Processo de de Gerenciamento de de Mudanças Gerenciamento de de Mudanças Tecnológicas Prevenção de de Defeitos Defeitos

17 Processo de Certificação Escolha do método m de Avaliação: Avaliação do Processo de Software: Estágio Real de um processo de Software Assuntos de alta prioridade Avaliação da Capabilidade do Software Fornecedores qualificados Monitorar o estado de um processo de software

18 Processo de Certificação

19 Futuro do CMM CMM não cobre: Não indica peritos Não defende tecnologia Não sugere ou influencia o processo de contratação/manuten ão/manutenção ou motivação da equipe. Atividades de curto-prazo: Seminários, conferências Ferramentas em revisão

20 Futuro do CMM Longo Prazo: Produtos e materiais do CMM serão desenvolvidos e revisados Ênfase em melhoria nos níveis n 4 e 5 Trabalho em conjunto com ISSO (Padrão)

21 CMMI CMM Integrado: É a evolução do CMM. O SEI não mais certifica empresas em CMM e sim em CMMI. Uma das principais diferenças entre CMM e CMMI é que o CMMI é um modelo cíclico c clico e não em cascata.

22 Conclusão Prazo para retorno (ROI) Benefícios - Competitividade Custo da Qualidade

23 Fontes de Consulta CMU/SEI TR-024 CMU/SEI TR-25

CMM - Capability Maturity Model

CMM - Capability Maturity Model Tema da Aula Normas e Padrões de Qualidade em II CMM Prof. Cristiano R R Portella portella@widesoft.com.br CMM - Capability Maturity Model Desenvolvido pelo SEI (Instituto de Engenharia de ) Carnegie Mellon

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE AULA N.7

QUALIDADE DE SOFTWARE AULA N.7 QUALIDADE DE SOFTWARE AULA N.7 Curso: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Disciplina: Qualidade de Software Profa. : Kátia Lopes Silva 1 CMM: DEFINIÇÃO Capability Maturity Model Um modelo que descreve como as práticas

Leia mais

Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK

Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK http://www.sei.cmu.edu/ Prefácio do CMM Após várias décadas de promessas não cumpridas sobre ganhos de produtividade e qualidade na aplicação de novas metodologias

Leia mais

CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION. Prof. Késsia R. C. Marchi

CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION. Prof. Késsia R. C. Marchi CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION Prof. Késsia R. C. Marchi Modelos de maturidade Um modelo de maturidade é um conjunto estruturado de elementos que descrevem características de processos efetivos.

Leia mais

AS CARACTERÍSTICAS DO CMM E O DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE COM QUALIDADE

AS CARACTERÍSTICAS DO CMM E O DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE COM QUALIDADE REVISTA ELETRÔNICA DE ADMINISTRAÇÃO ISSN 1676-6822 PERIODICIDADE SEMESTRAL EDIÇÃO NÚMERO 8 JUNHO DE 2005 AS CARACTERÍSTICAS DO CMM E O DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE COM QUALIDADE Kleber ALMEIDA Docente da

Leia mais

CMMI: Capability Maturity Model Integration

CMMI: Capability Maturity Model Integration CMMI: Capability Maturity Model Integration Adriano J. Holanda http://holanda.xyz 21/10/2015 Adriano J. Holandahttp://holanda.xyz CMMI: Capability Maturity Model Integration CMMI: Capability Maturity Model

Leia mais

MODELO CMM MATURIDADE DE SOFTWARE

MODELO CMM MATURIDADE DE SOFTWARE MODELO CMM MATURIDADE DE SOFTWARE O modelo CMM Capability Maturity Model foi produzido pelo SEI (Software Engineering Institute) da Universidade Carnegie Mellon (CMU), em Pittsburgh, EUA, por um grupo

Leia mais

Capítulo 5: CMM, o Capability Maturity Model

Capítulo 5: CMM, o Capability Maturity Model Capítulo 5: CMM, o Capability Maturity Model Capítulo 1: Introdução Capítulo 2: Conceitos Básicos Capítulo 3: Qualidade de Produto (ISO9126) Capítulo 4: ISO9001 e ISO9000-3 Capítulo 5: CMM Capítulo 6:

Leia mais

F U N D A Ç Ã O E D U C A C I O N A L S Ã O J O S É. MODELOS DE MATURIDADE CMMI Capability Maturity Model Integration (CMMI)

F U N D A Ç Ã O E D U C A C I O N A L S Ã O J O S É. MODELOS DE MATURIDADE CMMI Capability Maturity Model Integration (CMMI) 1 MODELOS DE MATURIDADE CMMI Capability Maturity Model Integration (CMMI) Teresinha Moreira de Magalhães 1 Lúcia Helena de Magalhães 2 Fernando Machado da Rocha 3 Resumo Este trabalho visa apresentar uma

Leia mais

MODELO SPICE Software Improvement and Capacibilty Determination Avalia o software com foco na melhoria de seus processos (identifica pontos fracos e

MODELO SPICE Software Improvement and Capacibilty Determination Avalia o software com foco na melhoria de seus processos (identifica pontos fracos e MODELO SPICE Software Improvement and Capacibilty Determination Avalia o software com foco na melhoria de seus processos (identifica pontos fracos e fortes, que serão utilizados para a criação de um plano

Leia mais

Padrões de Qualidade de Software

Padrões de Qualidade de Software Universidade Federal do Vale do São Francisco Padrões de Qualidade de Software Engenharia de Software I Aula 4 Ricardo Argenton Ramos Agenda da Aula Introdução (Qualidade de Software) Padrões de Qualidade

Leia mais

CAPABILITY MATURITY MODEL FOR SOFTWARE. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com

CAPABILITY MATURITY MODEL FOR SOFTWARE. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com CAPABILITY MATURITY MODEL FOR SOFTWARE Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com 1. Introdução Após décadas de incontáveis promessas sobre como aumentar à produtividade e qualidade de software,

Leia mais

CMM Capability Maturity Model. Silvia Regina Vergilio

CMM Capability Maturity Model. Silvia Regina Vergilio CMM Capability Maturity Model Silvia Regina Vergilio Histórico O DoD patrocinou a fundação do SEI (Software Engineering Institute) na Universidade de Carnegie Mellon (Pittsburg) com o objetivo de propor

Leia mais

Qualidade de. Software. Definições. Qualidade do Produto ISO 9126. Processo de. Software. Modelo de Processo de. Software CMM SPICE ISO 12207

Qualidade de. Software. Definições. Qualidade do Produto ISO 9126. Processo de. Software. Modelo de Processo de. Software CMM SPICE ISO 12207 Qualidade de : Visão Geral ISO 12207: Estrutura s Fundamentais Aquisição Fornecimento s de Apoio Documentação Garantia de Qualidade Operação Desenvolvimento Manutenção Verificação Validação Revisão Conjunta

Leia mais

Qualidade de Software. Anderson Belgamo

Qualidade de Software. Anderson Belgamo Qualidade de Software Anderson Belgamo Qualidade de Software Software Processo Produto Processo de Software Pessoas com habilidades, treinamento e motivação Processo de Desenvolvimento Ferramentas e Equipamentos

Leia mais

Gerência de Projetos de Software Modelos de gerência. CMM: Capability Maturity Model ITIL: Information Technology Infrastructure Library MPS BR

Gerência de Projetos de Software Modelos de gerência. CMM: Capability Maturity Model ITIL: Information Technology Infrastructure Library MPS BR Modelos de gerência CMM: Capability Maturity Model ITIL: Information Technology Infrastructure Library MPS BR Modelo de maturidade: CMM CMM (Capability Maturity Model) é um modelo subdividido em 5 estágios

Leia mais

21. Qualidade de Produto ou Qualidade de Processo de Software?

21. Qualidade de Produto ou Qualidade de Processo de Software? 21. Qualidade de Produto ou Qualidade de Processo de Software? Qualidade de software é uma preocupação real e esforços têm sido realizados na busca pela qualidade dos processos envolvidos em seu desenvolvimento

Leia mais

Unidade VI GOVERNANÇA DE TI. Profa. Gislaine Stachissini

Unidade VI GOVERNANÇA DE TI. Profa. Gislaine Stachissini Unidade VI GOVERNANÇA DE TI Profa. Gislaine Stachissini Capability Maturity Model Integration CMMI SW-CMM (Software Capability Maturity Model): prove informações para o aprimoramento de processos de desenvolvimento

Leia mais

PMBok & CMM + CMMi Resumo

PMBok & CMM + CMMi Resumo PMBok & CMM + CMMi PMBok & CMM + CMMi Resumo Mauro Sotille, PMP mauro.sotille@pmtech.com.br www.pmtech.com.br Fontes SEI/Carnegie Mellon University Apresentação: Gerência de Projetos de Software, José

Leia mais

C.M.M. Capability Maturity Model Modelo de Maturidade da Capacidade

C.M.M. Capability Maturity Model Modelo de Maturidade da Capacidade UNISUL Universidade do Sul de Santa Catarina. Campus da Grande Florianópolis Pedra Branca. CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE ALUNO: Volnei A. Caetano Palhoça 02 de Junho de 2000 C.M.M. Capability

Leia mais

Estudo do CMM e do CMMI

Estudo do CMM e do CMMI Estudo do CMM e do CMMI Autores Félix Carvalho Rodrigues fcrodrigues@inf.ufrgs.br Georgina Reategui gg@inf.ufrgs.br Manuela Klanovicz Ferreira mkferreira@inf.ufrgs.br Motivação Grande quantidade de projetos

Leia mais

Padrões de Qualidade de Software e Métricas de Software

Padrões de Qualidade de Software e Métricas de Software Universidade Federal do Vale do São Francisco Padrões de Qualidade de Software e Métricas de Software Engenharia de Software I Aula 3 e 4 Ricardo Argenton Ramos Agenda da Aula Introdução (Qualidade de

Leia mais

Fatores humanos de qualidade CMM E CMMI

Fatores humanos de qualidade CMM E CMMI Fatores humanos de qualidade CMM E CMMI Eneida Rios¹ ¹http://www.ifbaiano.edu.br eneidarios@eafcatu.gov.br Campus Catu 1 Curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas Conteúdos Fatores humanos de qualidade

Leia mais

Qualidade na gestão de projeto de desenvolvimento de software

Qualidade na gestão de projeto de desenvolvimento de software Qualidade na gestão de projeto de desenvolvimento de software [...] O que é a Qualidade? A qualidade é uma característica intrínseca e multifacetada de um produto (BASILI, et al, 1991; TAUSWORTHE, 1995).

Leia mais

Introdução ao CMM (CapabilityMaturityModel) e CMMI (Capability Maturity Model Integration)

Introdução ao CMM (CapabilityMaturityModel) e CMMI (Capability Maturity Model Integration) Introdução ao CMM (CapabilityMaturityModel) e CMMI (Capability Maturity Model Integration) CMM CapabilityMaturityModel O CMM é um modelo desenvolvido pelo Software Engineering Institute (SEI) em parceria

Leia mais

Políticas de Qualidade em TI

Políticas de Qualidade em TI Políticas de Qualidade em TI Prof. www.edilms.eti.br edilms@yahoo.com Aula 03 CMMI Capability Maturity Model Integration Parte I Agenda Processos CMMI Definição Histórico Objetivos Características Representações

Leia mais

ALESSANDRO PEREIRA DOS REIS PAULO CESAR CASTRO DE ALMEIDA ENGENHARIA DE SOFTWARE - CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION (CMMI)

ALESSANDRO PEREIRA DOS REIS PAULO CESAR CASTRO DE ALMEIDA ENGENHARIA DE SOFTWARE - CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION (CMMI) ALESSANDRO PEREIRA DOS REIS PAULO CESAR CASTRO DE ALMEIDA ENGENHARIA DE SOFTWARE - CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION (CMMI) APARECIDA DE GOIÂNIA 2014 LISTA DE TABELAS Tabela 1 Áreas de processo por

Leia mais

CMM. Model: : Um Modelo para Melhoria do Processo (de Produção) de Software. Capability. Maturity. Odisnei Galarraga odisnei@atlas.unisinos.

CMM. Model: : Um Modelo para Melhoria do Processo (de Produção) de Software. Capability. Maturity. Odisnei Galarraga odisnei@atlas.unisinos. CMM Capability Maturity Model: : Um Modelo para Melhoria do Processo (de Produção) de Software Odisnei Galarraga odisnei@atlas.unisinos.br 8/3/2002 Pró-Reitoria de Administração - Diretoria de Serviços

Leia mais

Introdução CMMI. Qualidade e Teste de Software CMMI 1

Introdução CMMI. Qualidade e Teste de Software CMMI 1 Introdução CMMI O propósito da qualidade é estabelecer um diferencial competitivo, através de contribuições como redução de defeitos, redução de custos, redução de retrabalho e aumento da produtividade,

Leia mais

Qualidade de Software Aula 6 / 2010. luis@garcia.pro.br www.garcia.pro.br

Qualidade de Software Aula 6 / 2010. luis@garcia.pro.br www.garcia.pro.br Qualidade de Software Aula 6 / 2010 Prof. Dr. Luís Fernando Garcia luis@garcia.pro.br www.garcia.pro.br Introdução As três dimensões críticas Introdução Começando MAL CMMI Impeditivos CMMI Desculpas CMMI

Leia mais

Qualidade de Software: Visão Geral

Qualidade de Software: Visão Geral Qualidade de Software: Visão Geral Engenharia de Software 1 Aula 05 Qualidade de Software Existem muitas definições de qualidade de software propostas na literatura, sob diferentes pontos de vista Qualidade

Leia mais

MBA em Gestão de Empreendimentos Turísticos

MBA em Gestão de Empreendimentos Turísticos Prof. Martius V. Rodriguez y Rodriguez, DSc martius@kmpress.com.br MBA em Gestão de Empreendimentos Turísticos Gestão do Conhecimento e Tecnologia da Informação Gestão do Conhecimento evolução conceitual.

Leia mais

No Relatório Técnico que apresenta o modelo CMM a apresentação das KPAs segue o formato visto Aqui, ênfase no nível 2

No Relatório Técnico que apresenta o modelo CMM a apresentação das KPAs segue o formato visto Aqui, ênfase no nível 2 Os níveis 3, 4 e 5 No Relatório Técnico que apresenta o modelo CMM a apresentação das KPAs segue o formato visto Aqui, ênfase no nível 2 descrição sucinta das KPAs dos níveis 3, 4 e 5 INF310 - Modelos

Leia mais

O que é CMMI? Base do CMMI. Melhorando o processo é possível melhorar-mos o software. Gerais. Processo. Produto

O que é CMMI? Base do CMMI. Melhorando o processo é possível melhorar-mos o software. Gerais. Processo. Produto Gerais Processo Produto Propostas NBR ISO 9000:2005 define principios e vocabulário NBR ISO 9001:2000 define exigências para sistema de gerência de qualidade NBR ISO 9004:2000 apresenta linha diretivas

Leia mais

PEDRO HENRIQUE DE OLIVEIRA E SILVA MESTRE EM MODELAGEM MATEMÁTICA E COMPUTACIONAL E-MAIL: PEDROHOLI@GMAIL.COM CMM E CMMI

PEDRO HENRIQUE DE OLIVEIRA E SILVA MESTRE EM MODELAGEM MATEMÁTICA E COMPUTACIONAL E-MAIL: PEDROHOLI@GMAIL.COM CMM E CMMI PEDRO HENRIQUE DE OLIVEIRA E SILVA MESTRE EM MODELAGEM MATEMÁTICA E COMPUTACIONAL E-MAIL: PEDROHOLI@GMAIL.COM CMM E CMMI INTRODUÇÃO Aumento da Importância do Software Software está em tudo: Elemento crítico

Leia mais

SEQUÊNCIA: TIPOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. PROF. MARTIUS V R Y RODRIGUEZ, DSc TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

SEQUÊNCIA: TIPOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. PROF. MARTIUS V R Y RODRIGUEZ, DSc TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO TIPOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 Prof. Martius Vicente Rodriguez y Rodriguez, DSc - 1 TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 1. TIPOS DE 2. ARQUITETURAS DE SISTEMAS - CRM 3. KNOWLEDGE DISCOVERY IN DATABASE 4. SISTEMAS

Leia mais

Melhorias de Processos de Engenharia de Software

Melhorias de Processos de Engenharia de Software Melhorias de Processos de Engenharia de Software CMMI 1 Profa. Reane Franco Goulart O que é CMMI? O Capability Maturity Model Integration (CMMI) é uma abordagem de melhoria de processos que fornece às

Leia mais

CMMI (Capability Maturity Model Integration) Thiago Gimenez Cantos. Bacharel em Sistemas de Informação

CMMI (Capability Maturity Model Integration) Thiago Gimenez Cantos. Bacharel em Sistemas de Informação CMMI (Capability Maturity Model Integration) Thiago Gimenez Cantos Bacharel em Sistemas de Informação Faculdade de Informática de Presidente Prudente Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) thiago@visioncom.com.br;

Leia mais

GPAD Gestão de Projetos em Ambientes Digitais

GPAD Gestão de Projetos em Ambientes Digitais GPAD Gestão de Projetos em Ambientes Digitais Tecnologia e Mídias Digitais PUC SP Prof. Eduardo Savino Gomes 1 Afinal, o que vem a ser Gestão? 2 Gestão/Gerir/Gerenciar Gerenciar, administrar, coordenar

Leia mais

Qualidade de Software

Qualidade de Software Programa de Qualidade Qualidade de Software Prof. Gerson Prando gprando@unisanta.br Mai/06 A Qualidade, como Programa de Gestão, teve seu início no Japão do pós-guerra, nascido da necessidade de reconstrução

Leia mais

Introdução a CMMI. Paulo Ricardo Motta Gomes Renato Miceli Costa Ribeiro

Introdução a CMMI. Paulo Ricardo Motta Gomes Renato Miceli Costa Ribeiro Introdução a CMMI Paulo Ricardo Motta Gomes Renato Miceli Costa Ribeiro Campina Grande, 29 de setembro de 2008 Agenda Processos Motivação Sintomas de falha de processo Aprimoramento de Processos O Framework

Leia mais

Introdução ao MPS.BR Guia Geral. Prof. Elias Batista Ferreira

Introdução ao MPS.BR Guia Geral. Prof. Elias Batista Ferreira Introdução ao MPS.BR Guia Geral Prof. Elias Batista Ferreira IMPORTANTE Este NÃO é um curso oficial do MPS.BR. Este curso NÃO é apoiado pela Softex. Objetivo deste Curso Descrever os processos e resultados

Leia mais

Perfil das Empresas de Software na Adoção do CMM Capability Maturity Model

Perfil das Empresas de Software na Adoção do CMM Capability Maturity Model Perfil das Empresas de Software na Adoção do CMM Capability Maturity Model Fábio Alexandrini¹ fabalex@unidavi.edu. br Diego Adriano Sieves¹ diegobsn@gmail.co m Evandro Meurer¹ vandomeurer@yaho o.com.br

Leia mais

Processo de Desenvolvimento de Software

Processo de Desenvolvimento de Software Unidade IV Introdução aos Padrões de PDS Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Conteúdo da Unidade 1. CMM / CMMI 2. SPICE 3. ISO 12207 4. MPS/BR CMM - Capability Maturity Model CMM Capability

Leia mais

Problemas Produção. Requisitos. Prof. Ana Paula A. de Castro. Prazos e custos

Problemas Produção. Requisitos. Prof. Ana Paula A. de Castro. Prazos e custos PRODUTOS ENGENHARIA DE SOFTWARE - I Prof. Ana Paula A. de Castro anapaula.rna@gmail.com Problemas Produção Ciclos de vida Projetos Requisitos Características Especificação dos requisitos Engenharia dos

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE

QUALIDADE DE SOFTWARE QUALIDADE DE SOFTWARE - 02 Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Questão 1 A ISO 9000-3 é um guia para a aplicação da ISO 9001 para o desenvolvimento, fornecimento e manutenção de software.

Leia mais

Modelagem de Processos de Negócio Departamento de Ciência da Computação - UFMG. Maturidade em BPM. (Business Process Management)

Modelagem de Processos de Negócio Departamento de Ciência da Computação - UFMG. Maturidade em BPM. (Business Process Management) Modelagem de Processos de Negócio Departamento de Ciência da Computação - UFMG Maturidade em BPM (Business Process Management) Douglas Rodarte Florentino Belo Horizonte, 21 de Junho de 2010 Agenda Introdução

Leia mais

GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE

GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE Fernando L. F. Almeida falmeida@ispgaya.pt Principais Modelos Capability Maturity Model Integration (CMMI) Team Software Process and Personal Software Process (TSP/PSP)

Leia mais

Sistemas de Informação Empresarial

Sistemas de Informação Empresarial Sistemas de Informação Empresarial Governança de Tecnologia da Informação parte 2 Fonte: Mônica C. Rodrigues Padrões e Gestão de TI ISO,COBIT, ITIL 3 International Organization for Standardization d -

Leia mais

Proposta de Implementação de Qualidade de Software na Organização

Proposta de Implementação de Qualidade de Software na Organização Proposta de Implementação de Qualidade de Software na Organização Daniel Gonçalves Jacobsen 1 Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre Porto Alegre RS Brasil daniel@flete.com.br Abstract. This article describes

Leia mais

Uma Arquitetura de Processos para ISO 9001:2000 e SW- CMM Nível 3

Uma Arquitetura de Processos para ISO 9001:2000 e SW- CMM Nível 3 Uma Arquitetura de Processos para ISO 9001:2000 e SW- CMM Nível 3 Carlo Giovano Pires, Fabiana Marinho, Gabriela Telles, Márcia Sampaio Instituto Atlântico, Rua Chico Lemos, 946, 60822-780, Fortaleza -

Leia mais

Gerenciamento de Qualidade. Paulo C. Masiero Cap. 24 - SMVL

Gerenciamento de Qualidade. Paulo C. Masiero Cap. 24 - SMVL Gerenciamento de Qualidade Paulo C. Masiero Cap. 24 - SMVL Introdução Melhoria nos níveis gerais de qualidade de software nos anos recentes. Diferenças em relação ao gerenciamento da qualidade na manufatura

Leia mais

Programa MPS.BR: resultados e perspectivas

Programa MPS.BR: resultados e perspectivas Programa MPS.BR: resultados e perspectivas Ana Regina Rocha Programa de Engenharia de Sistemas e Computação Coordenadora da Equipe Técnica do Modelo MPS Uma Organização com bom desempenho gasta 80% de

Leia mais

Qualidade de Software

Qualidade de Software Início Qualidade de Software Álvaro Rocha amrocha@ufp.pt http://www.ufp.pt/~amrocha Início>Tópicos Tópicos 1. Fundamentos 2. Qualidade e Maturidade do Processo de SW ISO 9000, ISO 12207, SW-CMM, TRILLIUM;

Leia mais

Exercícios: Governança de TI Prof. Walter Cunha http://www.waltercunha.com PRIMEIRA BATERIA. PMBoK

Exercícios: Governança de TI Prof. Walter Cunha http://www.waltercunha.com PRIMEIRA BATERIA. PMBoK Exercícios: Governança de TI Prof. Walter Cunha http://www.waltercunha.com PRIMEIRA BATERIA PMBoK 1. (FCC/ANALISTA-MPU 2007) De acordo com o corpo de conhecimento da gerência de projetos, as simulações

Leia mais

www.asrconsultoria.com.br

www.asrconsultoria.com.br www.asrconsultoria.com.br TMMi Test Maturity Model integration Erika Nina Höhn erikahohn@asrconsultoria.com.br Agenda Fundamentos Estrutura do TMMi TMMi x CMMi Proposta de avaliação e diagnóstico Custos

Leia mais

(C) A-C-E-F-H (D) A-G-F-H (E) A-G-I. Exercícios: Governança de TI Walter Cunha PRIMEIRA BATERIA. PMBoK COBIT

(C) A-C-E-F-H (D) A-G-F-H (E) A-G-I. Exercícios: Governança de TI Walter Cunha PRIMEIRA BATERIA. PMBoK COBIT Exercícios: Governança de TI Walter Cunha PRIMEIRA ATERIA (C) A-C-E-F-H (D) A-G-F-H (E) A-G-I PMoK 1. (FCC/ANALISTA-MPU 2007) De acordo com o corpo de conhecimento da gerência de projetos, as simulações

Leia mais

Introdução. O Modelo CMM/SEI. Roteiro da Apresentação. Conceitos básicos de qualidade. Conceitos básicos de qualidade de software

Introdução. O Modelo CMM/SEI. Roteiro da Apresentação. Conceitos básicos de qualidade. Conceitos básicos de qualidade de software O Modelo CMM/SEI Francisco Rapchan Engenheiro de Computação Prof. do Depto de Informática - UFES / UNESC Mestrando em Informática Área de estudo: Engenharia de Software www.inf.ufes.br/~.br/~rapchanrapchan

Leia mais

Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias CCA-UFES Departamento de Computação

Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias CCA-UFES Departamento de Computação Centro de Ciências Agrárias Departamento de Computação Visão Geral do Processo de Desenvolvimento de Software Introdução à Ciência da Computação Introdução à Ciência da Computação COM06850-2015-II Prof.

Leia mais

Professor: Disciplina:

Professor: Disciplina: Professor: Curso: Disciplina: Marcos Morais de Sousa marcosmoraisdesousa@gmail.com marcosmoraisdesousa.blogspot.com Sistemas de informação Engenharia de Software II Gerenciamento de Qualidade CMMI e MPS.BR

Leia mais

CAPACIDADE DE AVALIAÇÃO DE UM SOFTWARE UTILIZANDO O MODELO CMM. Capacity evaluation of a Software Using the Model CMM

CAPACIDADE DE AVALIAÇÃO DE UM SOFTWARE UTILIZANDO O MODELO CMM. Capacity evaluation of a Software Using the Model CMM CAPACIDADE DE AVALIAÇÃO DE UM SOFTWARE UTILIZANDO O MODELO CMM Capacity evaluation of a Software Using the Model CMM Walteno Martins Parreira Júnior, Renner Augusto Alves Lima, Roberto Guimarães Dutra

Leia mais

QUALIDADE NA INDÚSTRIA DE SOFTWARE ATRAVÉS DAS NORMAS ISO E DO MODELO CMM

QUALIDADE NA INDÚSTRIA DE SOFTWARE ATRAVÉS DAS NORMAS ISO E DO MODELO CMM QUALIDADE NA INDÚSTRIA DE SOFTWARE ATRAVÉS DAS NORMAS ISO E DO MODELO CMM Carlos Henrique Rodrigues Sarro UNIMEP Universidade Metodista de Piracicaba Mestrado Profissional em Sistemas de Informação Rodovia

Leia mais

SOFTWARE DE AUXÍLIO À IMPLANTAÇÃO DA NORMA ISO/IEC 12207 PROCESSOS DO CICLO DE VIDA DO SOFTWARE.

SOFTWARE DE AUXÍLIO À IMPLANTAÇÃO DA NORMA ISO/IEC 12207 PROCESSOS DO CICLO DE VIDA DO SOFTWARE. UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS CUROS DE CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO BACHARELADO SOFTWARE DE AUXÍLIO À IMPLANTAÇÃO DA NORMA ISO/IEC 12207 PROCESSOS DO CICLO DE VIDA DO

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DAS CERTIFICAÇÕES DE QUALIDADE CMM e ISO 9000: UM ESTUDO DE CASO DA IBM BRASIL

ANÁLISE COMPARATIVA DAS CERTIFICAÇÕES DE QUALIDADE CMM e ISO 9000: UM ESTUDO DE CASO DA IBM BRASIL Área temática: Métodos Quantitativos e Informática ANÁLISE COMPARATIVA DAS CERTIFICAÇÕES DE QUALIDADE CMM e ISO 9000: UM ESTUDO DE CASO DA IBM BRASIL Francis Berenger Machado (berenger@pobox.com) Mestre

Leia mais

Gerência de Projetos CMMI & PMBOK

Gerência de Projetos CMMI & PMBOK Gerência de Projetos CMMI & PMBOK Uma abordagem voltada para a qualidade de processos e produtos Prof. Paulo Ricardo B. Betencourt pbetencourt@urisan.tche.br Adaptação do Original de: José Ignácio Jaeger

Leia mais

Extreme Programming e Qualidade de Software

Extreme Programming e Qualidade de Software Extreme Programming e Qualidade de Software Antonio Sergio Ferreira Bonato Departamento de Sistemas Digitais Escola Politécnica da USP Objetivo (I) mostrar que o uso de um processo de desenvolvimento de

Leia mais

Qualidade de Software

Qualidade de Software Qualidade de Software José Barreto Júnior O que é qualidade? Existem diversas definições. Algumas pessoas que tentaram uma definição simples chegaram a frases como: Qualidade é estar em conformidade com

Leia mais

Profa. Dra. Ana Paula Gonçalves Serra prof.anapaula@saojudas.br

Profa. Dra. Ana Paula Gonçalves Serra prof.anapaula@saojudas.br Modelos de Processo Pessoal e de Equipe na Melhoria da Qualidade em Produção de Software Profa. Dra. Ana Paula Gonçalves Serra prof.anapaula@saojudas.br Agenda Importância das Pessoas / Constatações Compromisso

Leia mais

Qualidade do Processo de Software

Qualidade do Processo de Software CBCC Bacharelado em Ciência da Computação CBSI Bacharelado em Sistemas de Informação Qualidade do Processo de Software Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo Tópicos Especiais

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Engenharia de Software 2.1 Capítulo 2 QUALIDADE DE SOFTWARE 1. INTRODUÇÃO Como foi mencionado no capítulo anterior, o papel da Engenharia de Software é, principalmente, fornecer métodos e ferramentas para

Leia mais

CMMI Conceitos básicos. CMMI Representações contínua e por estágios. Professor Gledson Pompeu (gledson.pompeu@gmail.com)

CMMI Conceitos básicos. CMMI Representações contínua e por estágios. Professor Gledson Pompeu (gledson.pompeu@gmail.com) CMMI Conceitos básicos 113 CMMI integra as disciplinas de engenharia de sistemas e de engenharia de software em um único framework de melhoria de processos. 114 No tocante às disciplinas de engenharia

Leia mais

1.264 Aula 4. Processo do Software: CMM Linguagem de Modelagem Unificada (UML)

1.264 Aula 4. Processo do Software: CMM Linguagem de Modelagem Unificada (UML) 1.264 Aula 4 Processo do Software: CMM Linguagem de Modelagem Unificada (UML) Modelo de Maturidade de Capacidade para Software Desenvolvido pelo (SEI) Instituto de Engenharia de Software, Universidade

Leia mais

Melhoria de Processos CMMi

Melhoria de Processos CMMi Melhoria de Processos CMMi Prof. Marcelo Maia 1 O que é o CMMI? Um modelo previamente comprovado de melhoria de processos na organização; Um framework para organizar e priorizar atividades de melhoria;

Leia mais

Departamento de Produção POLI

Departamento de Produção POLI Departamento de Produção POLI Marcelo Pessoa Mauro Spinola Sarah Kohan Fevereiro 2004 Multiplicidade de Modelos Por que usar um modelo? Modelos atuam como referência para a obtenção de níveis adequados

Leia mais

O Modelo de Maturidade de Processos: como maximizar o retorno dos investimentos em melhoria da qualidade e produtividade.

O Modelo de Maturidade de Processos: como maximizar o retorno dos investimentos em melhoria da qualidade e produtividade. O Modelo de Maturidade de Processos: como maximizar o retorno dos investimentos em melhoria da qualidade e produtividade. Jairo Siqueira 1 Resumo Este estudo apresenta um modelo para avaliação do grau

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação. Visão Geral Qualidade de Software

Especialização em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação. Visão Geral Qualidade de Software Especialização em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação Visão Geral Qualidade de Software Evolução do Conceito de Qualidade W.A.Shewart desenvolveu o sistema de Controlo Estatístico do Processo

Leia mais

CMM Capability Maturity Model

CMM Capability Maturity Model CMM Capability Maturity Model Grupo: Espedito Anderson Américo Jean Pós-graduação Lato Sensu em Software Livre Auditoria e Segurança em Software Livre Laerte Peotta Agenda Introdução CMM CMMI CoBIT Conclusão

Leia mais

CMM - Capability Maturity Model for Software - SmartSEC Soluções...

CMM - Capability Maturity Model for Software - SmartSEC Soluções... 1 de 6 10/9/2007 09:59 Home Login / Cadastro Contato Nossa Missão Serviços Tecnologia Produtos SmartSEC Fórum de Discussão Loja Virtual ShopMAX CMM - Capability Maturity Model for Software Em caso de duvidas

Leia mais

Definição do Framework de Execução de Processos Spider-PE

Definição do Framework de Execução de Processos Spider-PE Definição do Framework de Execução de Processos Spider-PE 1. INTRODUÇÃO 1.1 Finalidade Este documento define um framework de execução de processos de software, denominado Spider-PE (Process Enactment),

Leia mais

Engenharia de Software. Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr

Engenharia de Software. Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr Engenharia de Software Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 12/08/2014 1.0 Criação da primeira versão HEngholmJr Agenda Introdução à Engenharia

Leia mais

(Capability Maturity Model Integration)

(Capability Maturity Model Integration) Página 1 de 25 (Capability Maturity Model Integration) Integrantes do Grupo Nomes: Cezar Meriguetti Joel Soares de Jesus Márcio Barreiro de Souza Gonçalves Renato Paes de Souza Rodrigo de Luca Calvet Couto

Leia mais

Escritório de Gerenciamento de Projetos ( Project Management Office PMO)

Escritório de Gerenciamento de Projetos ( Project Management Office PMO) MBA em Gestão de Projetos Escritório de Gerenciamento de Projetos ( Project Management Office PMO) Flávio Feitosa Costa, MSc. PMP (flaviopmp@gmail.com) MBA em Gerência de Projetos Escritório de Gerenciamento

Leia mais

FACULDADE SENAC GOIÂNIA

FACULDADE SENAC GOIÂNIA FACULDADE SENAC GOIÂNIA NORMA ISO 12.207 Curso: GTI Matéria: Auditoria e Qualidade de Software Professor: Elias Ferreira Acadêmico: Luan Bueno Almeida Goiânia, 2015 CERTIFICAÇÃO PARA O MERCADO BRASILEIRO

Leia mais

TESTE DE SOFTWARE E QUALIDADE DE SOFTWARE: UMA VISÃO GERAL

TESTE DE SOFTWARE E QUALIDADE DE SOFTWARE: UMA VISÃO GERAL 1 TESTE DE SOFTWARE E QUALIDADE DE SOFTWARE: UMA VISÃO GERAL Renato de Oliveira Moraes Faculdades Tibiriçá Lab. de Engenharia de Software - E-mail: renato.moraes@peceptron.com.br Rua Pe Benedito Maria

Leia mais

Uma visão pessoal, baseada em processos, para competitividade em software

Uma visão pessoal, baseada em processos, para competitividade em software I DO 2003 - Exportação de Software São Paulo, 08-10 de dezembro de 2003 Painel: A Qualidade nos Produtos e das Fábricas de Software e a Exportação Brasileira Uma visão pessoal, baseada em processos, para

Leia mais

DETERMINAÇÃO DA MATURIDADE DE PROCESSOS EM EMPRESAS CERTIFICADAS PELA NBR ISO 9001:2000, COMO UM INDICADOR DA GESTÃO POR PROCESSOS

DETERMINAÇÃO DA MATURIDADE DE PROCESSOS EM EMPRESAS CERTIFICADAS PELA NBR ISO 9001:2000, COMO UM INDICADOR DA GESTÃO POR PROCESSOS DETERMINAÇÃO DA MATURIDADE DE PROCESSOS EM EMPRESAS CERTIFICADAS PELA NBR ISO 9001:2000, COMO UM INDICADOR DA GESTÃO POR PROCESSOS Marcos Eduardo Andreazza Jaguaribe 1 Dr. Luiz Gonzaga Mariano Filho 1

Leia mais

Alcançando Qualidade de Software com SW-CMM e ISO9000-3

Alcançando Qualidade de Software com SW-CMM e ISO9000-3 Alcançando Qualidade de Software com SW-CMM e ISO9000-3 ALEXANDRE NOVAES DORNELAS 1 HAMILTON TRINDADE VIVAS 2 EsAEx Escola de Administração do Exército, Rua Território do Amapá, Nº455, Pituba, Salvador

Leia mais

Modelos de Maturidade (CMMI, MPS-BR, PMMM)

Modelos de Maturidade (CMMI, MPS-BR, PMMM) UNEB - UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA - DCET1 COLEGIADO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO DISCIPLINA: ENGENHARIA DE SOFTWARE PROFESSOR: EDUARDO JORGE Modelos de Maturidade

Leia mais

Prof. Dr. Ivanir Costa. Unidade IV QUALIDADE DE SOFTWARE

Prof. Dr. Ivanir Costa. Unidade IV QUALIDADE DE SOFTWARE Prof. Dr. Ivanir Costa Unidade IV QUALIDADE DE SOFTWARE introdução As mudanças que estão ocorrendo nos clientes e nos ambientes de negócios altamente competitivos têm motivado as empresas a modificarem

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software UFES - Universidade Federal do Espírito Santo Engenharia de Software Notas de Aula E-mail: falbo@inf.ufes.br 2005 Capítulo 1 - Introdução UFES - Universidade Federal do Espírito Santo 1 Capítulo 1 Introdução

Leia mais

CobiT: Visão Geral e domínio Monitorar e Avaliar. Daniel Baptista Dias Ernando Eduardo da Silva Leandro Kaoru Sakamoto Paolo Victor Leite e Posso

CobiT: Visão Geral e domínio Monitorar e Avaliar. Daniel Baptista Dias Ernando Eduardo da Silva Leandro Kaoru Sakamoto Paolo Victor Leite e Posso CobiT: Visão Geral e domínio Monitorar e Avaliar Daniel Baptista Dias Ernando Eduardo da Silva Leandro Kaoru Sakamoto Paolo Victor Leite e Posso CobiT O que é? Um framework contendo boas práticas para

Leia mais

ATENDENDO À KPA REQUISITOS DO CMM ATRAVÉS DO RUP E FERRAMENTAS RATIONAL

ATENDENDO À KPA REQUISITOS DO CMM ATRAVÉS DO RUP E FERRAMENTAS RATIONAL TERRA E CULTURA, ANO XX, Nº 39 145 ATENDENDO À KPA REQUISITOS DO CMM ATRAVÉS DO RUP E FERRAMENTAS RATIONAL RESUMO * Fábio Luiz Gambarotto 1 ** Ademir Morgenstern Padilha O CMM, Modelo de Capacidade e Maturidade,

Leia mais

Visão Geral da Qualidade de Software

Visão Geral da Qualidade de Software Visão Geral da Qualidade de Software Glauber da Rocha Balthazar Faculdade Metodista Granbery (FMG) Bacharel em Sistemas de Informação Rua Batista de Oliveira, 1145-36010-532 - Juiz de Fora - MG glauber_rochab@yahoo.com.br

Leia mais

CMMI Capability Maturity Model Integration

CMMI Capability Maturity Model Integration www.asrconsultoria.com.br CMMI Capability Maturity Model Integration Visão Geral Capability Maturity Model and CMMI are registered in the U.S. Patent and Trademark Office 1 Agenda Introdução Maturidade

Leia mais

MPS.BR Melhoria de Processo do Software Brasileiro

MPS.BR Melhoria de Processo do Software Brasileiro Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR) SUMÁRIO 1. Introdução 2. Implantação do Programa MPS.BR: 2004 2007 3. Consolidação do Programa MPS.BR: 20082010 4. Conclusão Kival Weber Coordenador

Leia mais

www.asrconsultoria.com.br

www.asrconsultoria.com.br www.asrconsultoria.com.br Melhores Práticas para Melhoria do Processo de Software 22 de maio de 2006 Agenda Introdução Motivações para a Melhoria de Processos e sua importância Modelos de Qualidade de

Leia mais

ISO 9000-3 3 e ISO 9001

ISO 9000-3 3 e ISO 9001 QUALIDADE DO PROCESSO ISO 9000-3 3 e ISO 9001 Baseado no material do prof. Mario Lúcio Cortes http://www.ic.unicamp.br/~cortes/mc726/ 1 Normas da Série ISO 9000 Introdução ISO 9000 (NBR ISO 9000, versão

Leia mais