Apostila Curso Guarda-Mirim

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Apostila Curso Guarda-Mirim"

Transcrição

1 Apostila Curso Guarda-Mirim *Noções Básicas de Direito* A Constituição Federal é a principal lei de um país, é de suma importância, visto que é a base de todas as demais leis. Na Constituição é garantido os direitos dos cidadãos, estabelecidos os limites dos governantes. Até os dias atuais o Brasil possui 7 Constituições Federais, e a vigente atualmente é a Constituição Federal de 1988, que foi promulgada no dia 5 de outubro do mesmo ano. Principais características da Constituição Federal de 1988: * Direito de voto para os analfabetos; * Voto facultativo para jovens entre 16 e 18 anos; * Redução do mandato do presidente de 5 para 4 anos; * Eleições em dois turnos (para os cargos de presidente, governadores e prefeitos de cidades com mais de 200 mil habitantes); * Os direitos trabalhistas passaram a ser aplicados, além de aos trabalhadores urbanos e rurais, também aos domésticos; * Direito a greve; * Liberdade sindical; * Diminuição da jornada de trabalho de 48 para 44 horas semanais; * Licença maternidade de 120 dias (sendo atualmente discutida a ampliação). * Licença paternidade de 5 dias; * Abono de férias; * Décimo terceiro salário para os aposentados; * Seguro desemprego; * Férias remuneradas com acréscimo de 1/3 do salário. Aos olhos do homem comum o Direito é lei e ordem, isto é, um conjunto de regras obrigatórias que garante a convivência social graças ao estabelecimento de limites à ação de cada um de seus membros. A palavra Lei refere-se a ligação, liame, laço, relação, o que se completa com o sentido de nuclear de jus, que invoca a ideia de unir, ordenar, coordenar. O Direito é, por conseguinte, um fato ou fenômeno social; não existe senão na sociedade e não pode ser concebido fora dela. O Direito divide-se, em primeiro lugar, em duas grandes classes: o Direito Público e o Direito Privado. As relações que se referem ao Estado e traduzem o predomínio do interesse coletivo são chamadas relações públicas, ou de Direito Público. Porém, o homem não vive apenas em relação com o Estado mas também e principalmente em ligação com seus semelhantes: a relação que existe entre pai e filho, ou então, entre quem compra e quem vende determinado bem, não é uma relação que interessa de maneira direta ao Estado, mas sim ao indivíduo enquanto particular. Essas são as relações de Direito Privado. Essas classes, por sua vez, se subdividem em vários outros ramos, como, por exemplo, o Direito Constitucional, o Direito Administrativo, no campo do Direito Público; o Direito Civil, o Direito Comercial, no campo do Direito Privado. O Direito é, pois, um conjunto de estudos discriminados; abrange um tronco com vários ramos; cada um desses ramos tem o nome de disciplina. Cada ciência exprime-se numa linguagem. Dizer que há uma Ciência Física é dizer que existe um vocabulário da Física, onde quer que exista uma ciência, existe uma linguagem correspondente. SOBERANIA Teorias Democráticas, sustentando que a soberania se origina do próprio povo. As teorias democráticas, ou da soberania popular, apresentam três fases sucessivas, nitidamente distintas. Na primeira, aparece como titular da soberania o próprio povo, situado fora do Estado. Numa segunda fase, que adquire seu ponto de consolidação na Revolução Francesa, influindo sobre as concepções políticas do século XIX e início do século XX, a titularidade é atribuída à nação, que é o povo concebido numa ordem integrante. Por último, chega-se à afirmação de que o titular da soberania é o Estado, o que começaria a ser aceita na segunda metade do século XIX e ganharia grande prestígio no século XX. Se a soberania é um direito, seu titular só pode ser uma pessoa Jurídica. Ora, o povo, mesmo concebido como nação, não tem personalidade jurídica. Mas, como ele participa do Estado e é o elemento formador da vontade desta, a atribuição da titularidade da soberania ao Estado atende às exigências jurídicas, ao mesmo tempo que preserva o fundamento democrático. A teoria se separação dos poderes, que através da obra de Montesquieu se incorporou ao Constitucionalismo, foi concebida para assegurar a liberdade dos indivíduos. O poder do Estado é UNI e INDIVISÍVEL. Leroy-Beaulieu adota que não há separação de poderes, mas sim DISTRIBUIÇÕES DE FUNÇÕES.

2 A teoria de separação dos poderes já é concebida como um sistema em que se conjugam um legislativo, um executivo e um judiciário, harmônicos e independentes entre si, tomando, praticamente, a configuração que iria aparecer na maioria das Constituições. O ponto obscuro da obra de Montesquieu é a indicação das atribuições de cada um dos poderes. Com efeito, ao lado do poder legislativo coloca um poder executivo "das coisas que dependem do direito das gentes" e outro poder executivo "das que dependem do direito civil". Entretanto, ao explicar com mais minúcias as atribuições deste último, diz que por ele o Estado "pune os crimes ou julga as querelas dos indivíduos". E acrescenta: "chamaremos a este último o poder de julgar e, o outro, simplesmente, o poder executivo do Estado" No Brasil podemos classificar: Vereadores Poder Legislativo Municipal Prefeito(a) Poder Executivo Municipal Deputado (a) Estadual Poder Legislativo Estadual Governador(a) Poder Executivo Estadual Deputado(a) Federal Poder Legislativo Federal/Nacional Senador(a) Poder Legislativo Federal/Nacional Presidente da República Poder Executivo Federal/Nacional Tribunais e Juízes Tribunais Regionais Federais e Juízes Federais Tribunal Superior(TS) Eleitoral e TS do Trabalho Superior Tribunal Militar, Superior Tribunal de Justiça Conselho Nacional de Justiça Superior Tribunal Federal Vale ressaltar que os 2 Representantes do Poder Legislativo Federal, Deputados Federais e Senadores há uma diferença entre as 2 casas. Observa-se a partir da foto acima, que possui 2 casas, sendo que uma representa o Senado Federal e a outra o Câmara dos Deputados Federais. Esta foto representa o CONGRESSO NACIONAL, que é constituído do Senado Federal e da Câmara dos Deputados Federais. A casa com formato de "concha", virado para baixo é o Senado Federal, que representa os ESTADOS brasileiros, uma casa "fechada". Já a outra casa, como se fosse um prato, virado para cima, representa a Câmara dos Deputados Federais, que representa os cidadãos. ERA VARGAS Vale ressaltar que Getúlio Vargas realizou em seu mandato como Presidente muitas mudanças Constitucionais, como: poder de voto feminino,

3 A História: A Guarda-Mirim de Frutal iniciou suas atividades em maio de 2008, mas seu projeto de formação era um sonho antigo de vários cidadãos frutalenses como a prefeita municipal Maria Cecília Marchi Borges, o Sr. José Maria Perim, a Sra. Deusmanda Ferreira de Oliveira, entre outras pessoas. A primeira reunião para reativação da Guarda-Mirim em Frutal ocorreu em 2005 na ACIF/CDL e foi solicitada pela prefeita municipal Maria Cecília, entre os convocados estava o Sr. José Maria Perim. Após a reunião, formou se a Guarda-Mirim de frutal e a formação da 1º Turma de Guardas Mirins, mas logo, a mesma foi desativada, por motivos diversos. Em 2008, após várias reuniões, a união da Prefeitura Municipal, do Rotary Sul na Pessoa do Sr. José Maria, do Centro de Educação Infantil e Formação Pequeninos de Jesus através da Sra. Deusmanda, do Sr. José Jeronimo da Silva e da Sra. Edna Assunção Silva, da Polícia Militar através do Cabo Wendell, da Câmara Municipal de Frutal e da ACIF/CDL, o Centro de Educação Infantil e Formação Pequeninos de Jesus através do departamento de atendimento ao jovem e em atendimento a Lei /2000, criou a Guarda-Mirim de Frutal. Em maio do mesmo ano formou-se a 1º Turma de Guardas Mirins de Frutal, formada por 50 jovens, apenas garotos, que foram registrados e inseridos no comércio da cidade. Já em outubro atendendo a uma exigência da Lei e do comércio frutalense houve a formatura da 2º Turma, esta formada por mais 50 jovens, mas composto de garotas, que tinham os mesmos direitos e deveres dos meninos. Em julho do ano seguinte com a criação do Estacionamento Rotativo Área Azul no trânsito de Frutal, a Guarda-Mirim de Frutal formou sua 3º Turma, formada por mais 50 jovens, entre garotas e garotas, devidamente treinados para o trabalho na Área Azul. A 4ª Turma formou 58 jovens em Atualmente com três anos de existência, a Guarda-Mirim tem o prazer de formar sua 5º Turma composta de 90 jovens, devidamente capacitados para trabalhar no comércio frutalense, e demonstrando mais uma vez que com união, trabalho e dedicação é possível transformar a vida dos jovens frutalenses.atualmente a Guarda Mrim está composta por 210 jovens sendo 80 Jovens na área azul e 130 na área comercial. Já passaram pela Guarda-Mirim durante esses treês anos de fundação mais de 400 jovens muitos desses já estão encaminhados para o mercado de trabalho em diversas áreas

4 ORAÇÃO DO GUARDA MIRIM Senhor, Fazei-me forte de corpo e alma! Daí me força para lutar com justiça sobre os obstáculos que a vida nos conduz! E vencer senhor... com lealdade e ética! Honrar meus pais... para que minha vida seja prolongada nessa terra! Fortifica e aprimore minhas virtudes! O senhor não escolhe os capacitados... mas capacita os escolhidos! Amém... GRITO DE GUERRA Guarda mirim é! Força; Garra; Determinação; Amizade; Humildade; Muita união; Ética nosso símbolo; Forte vibração; Guarda Mirim; A Melhor da Região. Equipe da Guarda-Mirim JOSÉ MARIA PERIM Presidente da Guarda-Mirim

5 JOSÉ JERÔNIMO DA SILVA SGT WENDELL JOSÉ DA SILVA ANA CRISTINA OLIVEIRA Presidente da Creche Pequeninos de Jesus Instrutor Militar e Coordenador da Guarda-Mirim Tesoureira da Guarda-Mirim HINO NACIONAL Parte I Ouviram do Ipiranga as margens plácidas De um povo heróico o brado retumbante, E o sol da liberdade, em raios fúlgidos, Brilhou no céu da pátria nesse instante. Se o penhor dessa igualdade Conseguimos conquistar com braço forte, Em teu seio, ó liberdade, Desafia o nosso peito a própria morte! Ó Pátria amada, Idolatrada, Salve! Salve! Brasil, um sonho intenso, um raio vívido De amor e de esperança à terra desce, Se em teu formoso céu, risonho e límpido, A imagem do Cruzeiro resplandece. Gigante pela própria natureza, És belo, és forte, impávido colosso, E o teu futuro espelha essa grandeza. Terra adorada, Entre outras mil, És tu, Brasil, Ó Pátria amada! Dos filhos deste solo és mãe gentil, Pátria amada, Brasil! Parte II Deitado eternamente em berço esplêndido, Ao som do mar e à luz do céu profundo, Fulguras, ó Brasil, florão da América, Iluminado ao sol do Novo Mundo! Do que a terra, mais garrida, Teus risonhos, lindos campos têm mais flores; "Nossos bosques têm mais vida", "Nossa vida" no teu seio "mais amores." Ó Pátria amada, Idolatrada, Salve! Salve! Brasil, de amor eterno seja símbolo O lábaro que ostentas estrelado, E diga o verde-louro dessa flâmula - "Paz no futuro e glória no passado." Mas, se ergues da justiça a clava forte, Verás que um filho teu não foge à luta, Nem teme, quem te adora, a própria morte. Terra adorada, Entre outras mil, És tu, Brasil, Ó Pátria amada! Dos filhos deste solo és mãe gentil, Pátria amada, Brasil! Letra: Joaquim Osório Duque Estrada Música: Francisco Manuel da Silva

6 Informações gerais A letra do Hino à Bandeira foi escrito por Olavo Bilac e a música composta por Franciso Braga. Ele foi apresentando pela primeira vez em 9 de novembro de HINO À BANDEIRA Salve lindo pendão da esperança! Salve símbolo augusto da paz! Tua nobre presença à lembrança A grandeza da Pátria nos traz. Recebe o afeto que se encerra em nosso peito juvenil, Em teu seio formoso retratas Este céu de puríssimo azul, A verdura sem par destas matas, E o esplendor do Cruzeiro do Sul. Recebe o afeto que se encerra Em nosso peito juvenil, Contemplando o teu vulto sagrado, Compreendemos o nosso dever, E o Brasil por seus filhos amados, poderoso e feliz há de ser! Recebe o afeto que se encerra Em nosso peito juvenil, Sobre a imensa Nação Brasileira, Nos momentos de festa ou de dor, Paira sempre sagrada bandeira Pavilhão da justiça e do amor!recebe o afeto que se encerra Em nosso peito juvenil, Glossário: - Pendão: bandeira, estandarte - Augusto: digno de respeito, solene, imponente - Formoso: belo. perfeito - Vulto: semblante, fisionomia - Pavilhão: bandeira, estandarte

Hino Nacional. Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República

Hino Nacional. Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República Hino Nacional Hino à Bandeira Hino da Independência Hino da Proclamação da República Hino Nacional Música: Francisco Manuel da Silva (1795/1865) Letra: Joaquim Osório Duque Estrada (1870/1927) Ouviram

Leia mais

Estudo do Hino Nacional. Salve! Salve!

Estudo do Hino Nacional. Salve! Salve! Estudo do Hino Nacional Ouviram do Ipiranga as margens plácidas De um povo heróico o brado retumbante E o sol da liberdade em raios fúlgidos, Brilhou no céu da Pátria nesse instante. Se o penhor dessa

Leia mais

PAPO DE CRAQUE TRANSAMÉRICA ESPORTES

PAPO DE CRAQUE TRANSAMÉRICA ESPORTES PAPO DE CRAQUE De segunda à sexta-feira das 11h às 12h papodecraquecw@transanet.com.br @papodecraquecw facebook.com/papodecraquecw TRANSAMÉRICA ESPORTES Transamérica by GR Comunicação De segunda à sexta-feira

Leia mais

BANDEIRA NACIONAL. Clique para avançar. Ria Slides

BANDEIRA NACIONAL. Clique para avançar. Ria Slides BANDEIRA NACIONAL Clique para avançar A Bandeira Nacional é um dos Símbolos Nacionais, assim como o são o Hino Nacional, as Armas Nacionais e o Selo Nacional. É o Símbolo da nossa Pátria. O Símbolo do

Leia mais

B I U I Ç Ã R O T SID 2 0 1 4

B I U I Ç Ã R O T SID 2 0 1 4 D R I B U I Ç Ã O T S I 2 0 1 4 EDITORIAL O Almanaque das Copas é mais um fruto do trabalho da marca Rádio Sete Colinas AM 1120, a qual estará no ano de 2014, completando de forma ininterrupta a retransmissão

Leia mais

Alfabetização e Letramento

Alfabetização e Letramento Associação Brasileira de Editores de Livros Escolares Alfabetização e Letramento Como os livros didáticos ilustram a trajetória da alfabetização no Brasil A primeira cartilha considerada genuinamente brasileira,

Leia mais

A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS

A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS A INDEPENDÊNCIA É PARA TODOS A independência do Brasil não aconteceu apenas uma vez, em 1822. Ela acontece todos os dias, quando lutamos por direitos como igualdade, democracia,

Leia mais

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai BOM DIA DIÁRIO Segunda-feira (04.05.2015) Maria, mãe de Jesus e nossa mãe Guia: 2.º Ciclo: Padre Luís Almeida 3.º Ciclo: Padre Aníbal Afonso Mi+ Si+ Uma entre todas foi a escolhida, Do#- Sol#+ Foste tu,

Leia mais

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Secretário Adjunto Maurício Holanda Maia Secretário Executivo Antônio

Leia mais

TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS

TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS 2 TAMBÉM SOMOS BRASILEIROS ORGANIZADO E ESCRITO POR : Karina Atrib Ferreira de Sá ORIGINADO DO PROJETO HINO DESENVOLVIDO NA ESCOLA ESPECIAL PARA CRIANÇAS SURDAS- FRSP PROJETO COORDENADO

Leia mais

SAUDAÇÃO À BANDEIRA NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL

SAUDAÇÃO À BANDEIRA NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL SAUDAÇÃO À BANDEIRA 2008 NOVEMBRO/2008 A BANDEIRA DO BRASIL Quando Dom Pedro I ergueu a espada E independência pediu O povo gritou com força E liberdade conseguiu. Foram feitas outras bandeiras Para o

Leia mais

Associação Maria Aparição de Cristo Jesus

Associação Maria Aparição de Cristo Jesus Mensagem de Cristo Jesus para a Maratona da Divina Misericórdia em Ávila, Espanha Sexta-feira, 6 de junho de 2014, às 15h Essa segunda jornada da Maratona da Divina Misericórdia foi especial e diferente,

Leia mais

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro Acólitos São João da Madeira Cancioneiro Índice Guiado pela mão...5 Vede Senhor...5 Se crês em Deus...5 Maria a boa mãe...5 Quanto esperei por este momento...6 Pois eu queria saber porquê?!...6 Dá-nos

Leia mais

SENADO FEDERAL COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE - CE SEMINÁRIO INTERNACIONAL EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE, REALIZADA NO DIA 11 DE OUTUBRO DE 2010.

SENADO FEDERAL COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE - CE SEMINÁRIO INTERNACIONAL EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE, REALIZADA NO DIA 11 DE OUTUBRO DE 2010. SENADO FEDERAL COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE - CE SEMINÁRIO INTERNACIONAL EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE, REALIZADA NO DIA 11 DE OUTUBRO DE 2010. MESTRE DE CERIMÔNIA: Boa noite. Damos início ao Seminário

Leia mais

Bilhete 084/14. Bilhete 084/14 Santo André, 25 de novembro de 2014. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil.

Bilhete 084/14. Bilhete 084/14 Santo André, 25 de novembro de 2014. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil. Senhores Pais dos alunos da Educação Infantil. Senhores Pais dos alunos do 1º ano. Senhores Pais dos alunos do 1º ano. Senhores Pais dos alunos da turma 1F8.

Leia mais

Desenho em Perspectiva. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Design de Interiores

Desenho em Perspectiva. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Design de Interiores Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP Curso Técnico em Design de Interiores Desenho em Perspectiva Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da

Leia mais

NOVEMBRO/2012 OUTUBRO/2012. A Bandeira

NOVEMBRO/2012 OUTUBRO/2012. A Bandeira NOVEMBRO/2012 Salve, salve nossa bandeira Impõe respeito em qualquer fronteira Suas cores são brilhantes Brilha tanto como diamantes. Respeitada em todo mundo Nos momentos da vida Essa Bandeira é sempre

Leia mais

ATO I CENA I KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT:

ATO I CENA I KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT: GLOUCESTER: KENT: ATO I CENA I (Salão nobre do palácio do Rei Lear. Entram Kent, Gloucester e Edmundo.) KENT: Pensei que o Rei preferisse o Duque de Albânia ao Duque de Cornualha. GLOUCESTER: Também sempre pensamos assim,

Leia mais

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Governador Cid Ferreira Gomes. Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho. Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho Secretário Adjunto Maurício Holanda Maia Secretário Executivo Antônio

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!)

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!) INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE OS LOUVORES CIFRADOS (LEIA COM ATENÇÃO!) Atualizado em: 25/09/2007 Este material contém louvores cifrados da coletânea para flauta doce e flauta transversal, e obedece às

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE UMIRIM Rua Roldão Paraíba, 18 Centro Umirim Ceará CEP. 62.660-000 CNPJ.: 04.345.137/0001-39 CGF.: 06.920.501-9

CÂMARA MUNICIPAL DE UMIRIM Rua Roldão Paraíba, 18 Centro Umirim Ceará CEP. 62.660-000 CNPJ.: 04.345.137/0001-39 CGF.: 06.920.501-9 ATA DA 3ª SESSÃO ORDINÁRIA EXERCÍCIO 2014 DO BIÊNIO 2013/2014 -PRIMEIRO PERÍODO UMIRIM-CE. Aos Dezoito (18) dias do mês de Março (03) do ano de Dois Mil e Quatorze (2014), na Câmara Municipal de Umirim-Ce,

Leia mais

Copa Diarinho tem craques para mostrar

Copa Diarinho tem craques para mostrar DIÁRIO DO VALE 1 Sul-Fluminense, Terça-feira, 4 de agosto de 2015 - Suplemento especial do Diário do Vale - Não pode ser vendido separadamente Copa Diarinho tem craques para mostrar Do goleiro ao atacante,

Leia mais

BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA

BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA SAUDAÇÃO À BANDEIRA 2009 NOVEMBRO/2009 BANDEIRA NACIONAL: IDENTIDADE BRASILEIRA Assim como nós, cidadãos, temos documentos para sermos identificados onde quer que estejamos, como brasileiros temos nossa

Leia mais

FAÇA CÓPIAS DOS TEXTOS A SEREM LIDOS E DISTRIBUA ENTRE OS ADOLESCENTES E JOVENS PARA INCENTIVAR A SUA PARTICIPAÇÃO MAIS EFETIVA.

FAÇA CÓPIAS DOS TEXTOS A SEREM LIDOS E DISTRIBUA ENTRE OS ADOLESCENTES E JOVENS PARA INCENTIVAR A SUA PARTICIPAÇÃO MAIS EFETIVA. FAÇA CÓPIAS DOS TEXTOS A SEREM LIDOS E DISTRIBUA ENTRE OS ADOLESCENTES E JOVENS PARA INCENTIVAR A SUA PARTICIPAÇÃO MAIS EFETIVA. Em 25 de dezembro de 274, Lúcio Domício Aureliano, que foi imperador de

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 47 DE 19 DE NOVEMBRO DE 2015. A CÂMARA MUNICIPAL DE GUAÍRA APROVA:

PROJETO DE LEI Nº 47 DE 19 DE NOVEMBRO DE 2015. A CÂMARA MUNICIPAL DE GUAÍRA APROVA: PROJETO DE LEI Nº 47 DE 19 DE NOVEMBRO DE 2015. Altera a Lei Municipal nº 2101 de 02/09/2004 e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE GUAÍRA APROVA: Art. 1º Fica alterado o art. 6º da Lei Complementar

Leia mais

TEMPLO JUAÇÃ DO AMANHECER CONSAGRAÇÕES

TEMPLO JUAÇÃ DO AMANHECER CONSAGRAÇÕES 1 CONSAGRAÇÕES Quando, por merecimento, um espírito encarnado consegue evoluir em sua jornada, ele sobe um degrau em sua longa trajetória, e a isso damos o nome de Consagração, pois ele se habilita a manipular

Leia mais

HINÁRIO A ARTE DE AMAR

HINÁRIO A ARTE DE AMAR HINÁRIO A ARTE DE AMAR Tema 2012: Flora Brasileira Algodão do Cerrado (Cochlospermum vitifolium) CARLOS STRAZZER Carlos Augusto Strazzer 1 www.hinarios.org 2 I FÉ NA VIRGEM MARIA Oferecido por Isabela

Leia mais

GINCANA 2013 - FUNDAÇÃO / FUNVIC

GINCANA 2013 - FUNDAÇÃO / FUNVIC GINCANA 2013 - FUNDAÇÃO / FUNVIC ENCERRAMENTO DIA 24/05/2013 (6ª Feira) GINÁSIO DE ESPORTES DA A.E.M. 19 HORAS:- CONCENTRAÇÃO DAS EQUIPES 19H15 :- INÍCIO (composição da mesa / abertura com Hino Nacional).

Leia mais

ANO. Alfabetizar com Sucesso II CICLO ESCOLA PROFESSOR ANO DIÁRIO DE CLASSE

ANO. Alfabetizar com Sucesso II CICLO ESCOLA PROFESSOR ANO DIÁRIO DE CLASSE ANO Alfabetizar com Sucesso II CICLO ESCOLA PROFESSOR CÓDIGO DA TURMA CÓDIGO DA TURMA ANO DIÁRIO DE CLASSE Prezado(a) Professor(a), O trabalho pedagógico exige uma pratica avaliativa constante e processual.

Leia mais

Álbum: O caminho é o Céu

Álbum: O caminho é o Céu Álbum: O caminho é o Céu ETERNA ADORAÇÃO Não há outro Deus que seja digno como tu. Não há, nem haverá outro Deus como tu. Pra te adorar, te exaltar foi que eu nasci, Senhor! Pra te adorar, te exaltar foi

Leia mais

HINO NACIONAL BRASILEIRO

HINO NACIONAL BRASILEIRO HINO NACIONAL BRASILEIRO COMENTADO E INTERPRETADO Autor: Derly Halfeld Alves HINO NACIONAL BRASILEIRO A composição do nosso Hino Nacional foi inspirada na Independência do Brasil, tornando-se conhecido

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

01 C À tua presença. C D- À Tua presença venho, SENHOR, C G. Com reverência, pois Tu és Deus; C F E assim poder receber

01 C À tua presença. C D- À Tua presença venho, SENHOR, C G. Com reverência, pois Tu és Deus; C F E assim poder receber 01 C À tua presença C - À Tua presença venho, SNHOR, C Com reverência, pois Tu és eus; C F assim poder receber C o que Tu tens para mim, F F- C assim também entregar o que há em mim. C Quero exaltar Teu

Leia mais

WWW.CONTEUDOJURIDICO.COM.BR COTAS RACIAIS NO BRASIL SOB A ÓTICA DAS AÇÕES AFIRMATIVAS E DIREITOS HUMANOS

WWW.CONTEUDOJURIDICO.COM.BR COTAS RACIAIS NO BRASIL SOB A ÓTICA DAS AÇÕES AFIRMATIVAS E DIREITOS HUMANOS COTAS RACIAIS NO BRASIL SOB A ÓTICA DAS AÇÕES AFIRMATIVAS E DIREITOS HUMANOS Maria Carolina de Sá França* RESUMO Este artigo objetiva desenvolver um estudo a cerca das cotas raciais na perspectiva das

Leia mais

HINÁRIO. Chico Corrente O SIGNO DO TEU ESTUDO. Tema 2012: Flora Brasileira Esponjinha (Stifftia fruticosa)

HINÁRIO. Chico Corrente O SIGNO DO TEU ESTUDO. Tema 2012: Flora Brasileira Esponjinha (Stifftia fruticosa) HINÁRIO O SIGNO DO TEU ESTUDO Tema 2012: Flora Brasileira Esponjinha (Stifftia fruticosa) Chico Corrente 1 www.hinarios.org 2 01 O SIGNO DO TEU ESTUDO Marcha O signo do teu estudo Estou aqui para te dizer

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL PODER LEGISLATIVO

DIREITO CONSTITUCIONAL PODER LEGISLATIVO DIREITO CONSTITUCIONAL PODER LEGISLATIVO Atualizado em 03/11/2015 PODER LEGISLATIVO No plano federal temos o Congresso Nacional composto por duas casas (Câmara dos Deputados e Senado Federal). No âmbito

Leia mais

Manual Escolar. Conquistadosaber A cada passo uma conquista.

Manual Escolar. Conquistadosaber A cada passo uma conquista. Conquistadosaber A cada passo uma conquista. Manual Escolar 2013 trecos Impressos 9917-8256 / 9937-3420 Rua Santos Dumont, 143 Baixão - Fone: 3521-6337 Arapiraca AL e-mail: conquistadosaber2@hotmail.com

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL PODER LEGISLATIVO

DIÁRIO OFICIAL PODER LEGISLATIVO DIÁRIO OFICIAL PODER LEGISLATIVO ANO XLIV - VITÓRIA-ES, QUARTA-FEIRA, 16 DE JUNHO DE 2010 - Nº 6582-06 PÁGINAS SMCS Composição, Diagramação, Arte Final. REPROGRAFIA Impressão 4ª SESSÃO LEGISLATIVA ORDINÁRIA

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca Na Casa Rosada (DISCURSO PRONUNCIADO

Leia mais

Hinário SOIS BALIZA De Germano Guilherme

Hinário SOIS BALIZA De Germano Guilherme Hinário SOIS BALIZA De Germano Guilherme Edição oficial do CICLUMIG Flor do Céu De acordo com revisão feita pelo Sr. Luiz Mendes do Nascimento, zelador do hinário. www.mestreirineu.org 1 01 - DIVINO PAI

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca RIO DE JANEIRO, 4 DE MAIO DE 1959

Leia mais

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!... SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...) A cada manhã 71 (A cada manhã as misericórdias se renovam...)

Leia mais

CONSTITUIÇÃO E DEMOCRACIA

CONSTITUIÇÃO E DEMOCRACIA CONSTITUIÇÃO E DEMOCRACIA Por André Cordelli Alves Formado em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP). Mestre em Direito Civil pela PUC/SP e Doutorando em Direito Civil pela

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Projeto de Leitura: Sacola Literária um caminho para a formação de leitores? RESUMO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. Projeto de Leitura: Sacola Literária um caminho para a formação de leitores? RESUMO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL Projeto de Leitura: Sacola Literária um caminho para a formação de leitores? Luciana Vitória Lettieri Otto Profª. Drª. Rosa Maria Hessel Silveira RESUMO Este artigo

Leia mais

LIVRO DE CIFRAS Página 1 colodedeus.com.br

LIVRO DE CIFRAS Página 1 colodedeus.com.br LIVRO DE CIFRAS Página 1 Página 2 Página 3 ACENDE A CHAMA AUTOR: HUGO SANTOS Intro: A F#m D A F#m D A F#m D Quero Te ver, acende a Chama em mim Bm F#m A Vem com Teu Fogo, vem queimar meu coração Bm F#m

Leia mais

AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 1

AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 1 AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 1 AF_Livro_Casamento 10/27/06 4:17 PM Page 2 2006 ALBA NOSCHESE COORDENAÇÃO EDITORIAL: MÁRCIA DUARTE EDIÇÃO: MAIÁ MENDONÇA PROJETO GRÁFICO E DIREÇÃO DE ARTE: CLAUDIO

Leia mais

COLETÂNEA DE HINOS E CANÇÕES

COLETÂNEA DE HINOS E CANÇÕES COLETÂNEA DE HINOS E CANÇÕES 1 - HINO NACIONAL 2 - HINO À BANDEIRA NACIONAL 3 - HINO DA PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA 4 - HINO DA INDEPENDÊNCIA 5 - HINO DOS AVIADORES BRASILEIROS 6 - ARDOR DO INFANTE 7 - BANDEIRANTES

Leia mais

Esta revista foi elaborada para ser usada em casa durante a semana.

Esta revista foi elaborada para ser usada em casa durante a semana. Devocionais 1 Esta revista foi elaborada para ser usada em casa durante a semana. Deus escolhe pessoas para transmitir a sua mensagem. No entanto, essas mensagens algumas vezes contêm mistérios e significados

Leia mais

Memórias de um Vendaval

Memórias de um Vendaval 3 4 Memórias de um Vendaval 5 6 Carlos Laet Gonçalves de Oliveira MEMÓRIAS DE UM VENDAVAL 1ª Edição PerSe São Paulo - SP 2012 7 Copyright 2011, Carlos Laet Gonçalves de Oliveira Capa: O Autor 1ª Edição

Leia mais

COMO VIVER COM DEUS? COMO VIVER COM DEUS? EXTRA, EXTRA! As Más Notícias: EXTRA, EXTRA! Mitos. homem com seu Criador

COMO VIVER COM DEUS? COMO VIVER COM DEUS? EXTRA, EXTRA! As Más Notícias: EXTRA, EXTRA! Mitos. homem com seu Criador COMO VIVER COM DEUS? Mitos e Verdades sobre o Relacionamento do Homem com seu Criador COMO VIVER COM DEUS? Mitos e Verdades sobre o Relacionamento do Homem com seu Criador Professor: Vlademir Hernandes

Leia mais

TUDO POR AMOR. Tudo por amor, divinal, infinita graça, salvou a todos nós! Jesus cumpriu o plano de amor, seu sangue, seu sofrer Foi tudo por amor!

TUDO POR AMOR. Tudo por amor, divinal, infinita graça, salvou a todos nós! Jesus cumpriu o plano de amor, seu sangue, seu sofrer Foi tudo por amor! TUDO POR AMOR A dor, o espinho vil, as lágrimas, o seu sofrer, o meu Senhor na cruz está. Não posso suportar! O que o fez se entregar, pagar o preço lá na cruz? Como um cordeiro foi morrer pra vir me resgatar!

Leia mais

Educação Moral e Religiosa Católica

Educação Moral e Religiosa Católica Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto Ano letivo: 205/6 Educação Moral e Religiosa Católica Planos de Unidade do 7º ano de escolaridade Unidade letiva : As origens Metas: B. Construir uma chave de

Leia mais

MATERIAL DE AULA CURSO DE PORTUGUÊS APLICADO PROF. EDUARDO SABBAG REDE LFG

MATERIAL DE AULA CURSO DE PORTUGUÊS APLICADO PROF. EDUARDO SABBAG REDE LFG MATERIAL DE AULA CURSO DE PORTUGUÊS APLICADO PROF. EDUARDO SABBAG REDE LFG I EXERCÍCIOS SOBRE O USO DE CONECTIVOS: Observe o modelo: Frase errada: Embora o Brasil seja um país de grandes recursos naturais,

Leia mais

TALVEZ TE ENCONTRE AO ENCONTRAR-TE

TALVEZ TE ENCONTRE AO ENCONTRAR-TE TALVEZ TE ENCONTRE Vivaldo Terres Itajaí /SC Talvez algum dia eu te encontre querida Para renovarmos momentos felizes, Já que o nosso passado foi um passado lindo, Tão lindo que não posso esquecer Anseio

Leia mais

Resolução nº 68, de 31 de maio de 1995. R E S O L V E

Resolução nº 68, de 31 de maio de 1995. R E S O L V E Resolução nº 68, de 31 de maio de 1995. O Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Acre, no uso de suas atribuições legais. R E S O L V E Aprovar, no âmbito do Poder Judiciário Estadual, as Normas

Leia mais

SESSÃO LEGISLATIVA DA 13ª. LEGISLATURA PAUTA DA 29 ª SESSÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DELIBERATIVA/2015

SESSÃO LEGISLATIVA DA 13ª. LEGISLATURA PAUTA DA 29 ª SESSÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DELIBERATIVA/2015 SESSÃO LEGISLATIVA DA 13ª. LEGISLATURA PAUTA DA 29 ª SESSÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DELIBERATIVA/2015 DATA: 21 DE SETEMBRO DE 2015 Horário início: 19:30 Local: Plenário Sidnei Sanches EXPEDIENTE: (duração 01

Leia mais

Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça.

Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça. Valores: Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça. Competências -chave: Saber reagir a atentados à integridade física ou psicológica; Saber medir consequências de um segredo; Ser capaz de confiar e pedir

Leia mais

Senhor Presidente do Congresso Nacional, Senador Renan Calheiros,

Senhor Presidente do Congresso Nacional, Senador Renan Calheiros, Senhor Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, Senhor Presidente do Congresso Nacional, Senador Renan Calheiros, Senhor Presidente da Câmara de Deputados, Dep. Aldo Rebelo, Senhor Procurador-Geral

Leia mais

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves CAMINHOS Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves Posso pensar nos meus planos Pros dias e anos que, enfim, Tenho que, neste mundo, Minha vida envolver Mas plenas paz não posso alcançar.

Leia mais

Projeto Meu Brasil Brasileiro

Projeto Meu Brasil Brasileiro 1 Projeto Meu Brasil Brasileiro 1.0 - APRESENTAÇÃO O presente projeto será realizado pelos estudantes da Escola Carpe Diem de forma transdisciplinar, sob a orientação do corpo docente como objeto de estudo

Leia mais

HINÁRIO Transformação

HINÁRIO Transformação HINÁRIO Transformação Tema 2012: Flora Brasileira Pau-de-rosas (Physocalymma scaberrimum) www.hinarios.org Apolo 2 1 ORAÇÃO DA TRANSFORMAÇÃO Oh! Meu pai, livrai-me da autocomiseração e da preguiça. Dême

Leia mais

Introdução aos Processos Administrativos. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Secretariado

Introdução aos Processos Administrativos. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Curso Técnico em Secretariado Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP Curso Técnico em Secretariado Introdução aos Processos Administrativos Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Francisco José Pinheiro Secretária

Leia mais

(Projeto de Lei nº 763, de 2011, Projeto de Lei nº 925, de 2011, e Projeto de Lei nº 3.795, de 2012, apensos)

(Projeto de Lei nº 763, de 2011, Projeto de Lei nº 925, de 2011, e Projeto de Lei nº 3.795, de 2012, apensos) COMISSÃO DE CULTURA PROJETO DE LEI N o 7.755, DE 2010 (Projeto de Lei nº 763, de 2011, Projeto de Lei nº 925, de 2011, e Projeto de Lei nº 3.795, de 2012, apensos) Dispõe sobre a profissão de artesão e

Leia mais

Rezar, cantar e crescer

Rezar, cantar e crescer Rezar, cantar e crescer Thereza Ameal e João Ameal Acordes A Mãe Eu gosto tanto da mãe (mãe) A mais querida, querida, querida (dizer rápido) (bonita também) E poder dar-lhe beijinhos m É a melhor coisa

Leia mais

Tempo do Natal. Vésperas

Tempo do Natal. Vésperas Tempo do Natal. DESDE A SOLENDADE DA EPFANA Hinos Vésperas Rei Herodes, porque temes A vinda de Cristo Rei, Que veio trazer aos homens Dos Céus o reino e a lei? Foram os Magos seguindo A estrela do Oriente

Leia mais

CONCEPÇÕES DOS ALUNOS DE EAD SOBRE O PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR

CONCEPÇÕES DOS ALUNOS DE EAD SOBRE O PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR CONCEPÇÕES DOS ALUNOS DE EAD SOBRE O PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR FERRAZ, Dirce Huf (dirce.ferraz @iap.org.br) IAP CHAVES, Sônia Maria Haracemiv (sharacemiv@gmail.com) Universidade

Leia mais

CURSO CASAMENTO FELIZ NAMORANDO - SE ESBOÇO DA NOITE: INTRODUÇÃO - JÖRG PALESTRA JÖRG - LADO TEOLÓGICO UMA DADIVA DE DEUS!

CURSO CASAMENTO FELIZ NAMORANDO - SE ESBOÇO DA NOITE: INTRODUÇÃO - JÖRG PALESTRA JÖRG - LADO TEOLÓGICO UMA DADIVA DE DEUS! CURSO CASAMENTO FELIZ NAMORANDO - SE ESBOÇO DA NOITE: Colocar as perguntas na caixa Introdução Rodada: Quem te explicou a sexualidade e como? Palestra Jorge Palestra Judite Respostas Conversa Tarefa INTRODUÇÃO

Leia mais

O VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no exercício do cargo de PRESIDENTE DA REPÚBLICA

O VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no exercício do cargo de PRESIDENTE DA REPÚBLICA LEI Nº 9.504, DE 30 DE SETEMBRO DE 1997 Estabelece normas para as eleições. O VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no exercício do cargo de PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta

Leia mais

Consternação. Beija-me mais uma vez. Tudo e nada Eu quero Um dilema Em que vivo!

Consternação. Beija-me mais uma vez. Tudo e nada Eu quero Um dilema Em que vivo! Amor perfeito À noite, o mar desponta Nos teus olhos doces No teu corpo, O doce brilho do luar Mexe a brisa Em teus cabelos negros E nessas mãos Tão cheias de carinho Encontro esse amor perfeito Que tens

Leia mais

Reflexões sobre a prática docente na Educação Infantil.

Reflexões sobre a prática docente na Educação Infantil. 6. Humanização, diálogo e amorosidade. Reflexões sobre a prática docente na Educação Infantil. Santos, Marisa Alff dos 1 Resumo O presente trabalho tem como objetivo refletir sobre as práticas docentes

Leia mais

ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE LOUSA ACTA N.º 01/2007

ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE LOUSA ACTA N.º 01/2007 1/8 ACTA N.º 01/2007 Aos dezanove dias do mês de Abril de dois mil e sete, pelas vinte horas e trinta minutos reuniu, em Sessão Ordinária, a Assembleia de Freguesia de Lousa, no salão anexo à Junta de

Leia mais

Livro com atividades para colorir, desenhar, construir, e muito mais! Este livro pertence a

Livro com atividades para colorir, desenhar, construir, e muito mais! Este livro pertence a Livro com atividades para colorir, desenhar, construir, e muito mais! Este livro pertence a CENTRO DE PSICOLOGIA APLICADA DO EXÉRCITO NÚCLEO DE APOIO PSICOLÓGICO E INTERVENÇÃO NA CRISE Edição - Julho 2014

Leia mais

20ª Hora Santa Missionária

20ª Hora Santa Missionária 20ª Hora Santa Missionária Tema: Missão é Servir Lema: Quem quiser ser o primeiro seja servo de todos Preparação do ambiente: cartaz do Mês missionário, Bíblia e fitas nas cores dos continentes, cruz e

Leia mais

MANUAL DO ALUNO NORMAS E PROCEDIMENTOS. Cursos Técnicos

MANUAL DO ALUNO NORMAS E PROCEDIMENTOS. Cursos Técnicos MANUAL DO ALUNO NORMAS E PROCEDIMENTOS Cursos Técnicos 2009 DADOS PESSOAIS Nome: RA nº Turma: Periodo: Curso: Endereço Residencial: CEP: Cidade: UF: Fone: Celular: Fax: Endereço Comercial: CEP: Cidade:

Leia mais

PROPOSTA DE REVISÃO CURRICULAR APRESENTADA PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA POSIÇÃO DA AMNISTIA INTERNACIONAL PORTUGAL

PROPOSTA DE REVISÃO CURRICULAR APRESENTADA PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA POSIÇÃO DA AMNISTIA INTERNACIONAL PORTUGAL PROPOSTA DE REVISÃO CURRICULAR APRESENTADA PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA POSIÇÃO DA AMNISTIA INTERNACIONAL PORTUGAL A Amnistia Internacional Portugal defende a manutenção Formação Cívica nos 2.º

Leia mais

LÍNGUA INTERATIVIDADE REVISÃO 2 INTERATIVIDADE. Unidade II. Cultura- A pluralidade na expressão humana. Aula 20. Revisão e avaliação da unidade II.

LÍNGUA INTERATIVIDADE REVISÃO 2 INTERATIVIDADE. Unidade II. Cultura- A pluralidade na expressão humana. Aula 20. Revisão e avaliação da unidade II. Unidade II Cultura- A pluralidade na expressão humana. Aula 20 Revisão e avaliação da unidade II. 2 Ervas O caule das ervas (plantas herbáceas) é geralmente verde, ao contrário das árvores e arbustos.

Leia mais

PARECER Nº, DE 2013. RELATOR: Senador ROBERTO REQUIÃO I RELATÓRIO

PARECER Nº, DE 2013. RELATOR: Senador ROBERTO REQUIÃO I RELATÓRIO PARECER Nº, DE 2013 Da COMISSÃO DE RELAÇÕES EXTERIORES E DEFESA NACIONAL, sobre o Projeto de Decreto Legislativo nº 41, de 2013 (nº 564, de 2012, na origem), da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 70 Cerimónia de sanção do projeto

Leia mais

CONSTITUIÇÃO ESTADUAL TÍTULO VI CAPÍTULO II DAS FINANÇAS PÚBLICAS. Seção I. DISPOSIÇÕES GERAIS (Arts. 207 e 208)

CONSTITUIÇÃO ESTADUAL TÍTULO VI CAPÍTULO II DAS FINANÇAS PÚBLICAS. Seção I. DISPOSIÇÕES GERAIS (Arts. 207 e 208) CONSTITUIÇÃO ESTADUAL TÍTULO VI CAPÍTULO II DAS FINANÇAS PÚBLICAS Seção I DISPOSIÇÕES GERAIS (Arts. 207 e 208) Art. 207 - Lei complementar disporá sobre finanças públicas, observados os princípios estabelecidos

Leia mais

ABORTO E A SANTIDADE DA VIDA HUMANA

ABORTO E A SANTIDADE DA VIDA HUMANA ABORTO E A SANTIDADE DA VIDA HUMANA JOHN PIPER JÁ FOI PRESO? John Piper Prisão em 19/12/1988 SACRIFÍCIOS DE CRIANÇAS AINDA EXISTEM? Idolatria 4 em cada 10 gravidezes na cidade de Nova Iorque terminam em

Leia mais

FRATERNIDADE TABAJARA

FRATERNIDADE TABAJARA 1. Hino Oficial da Linha de Ogum: Vamos saravá Ogum no Terreiro! bis Ogum de noite e no dia inteiro! bis Ogum quando chega lá de Aruanda! bis Vem de Humaitá, Ogum! Já venceu demanda! bis Ogum Naruê, Ogum,

Leia mais

Modelos de Mensagens para Homenagens Mais Utilizadas

Modelos de Mensagens para Homenagens Mais Utilizadas 1012. Stylo Formaturas Produtora Agenciamento e Produção de Formaturas A jornada pareceu árdua e difícil... O desânimo tentou se apossar por vezes... Entretanto, o lembrar de suas faces preocupadas E tanto

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 50, DE 2007 (Apensos o PL 2.858/08 e o PL 5222/09)

PROJETO DE LEI Nº 50, DE 2007 (Apensos o PL 2.858/08 e o PL 5222/09) COMISSÃO DE TURISMO E DESPORTO PROJETO DE LEI Nº 50, DE 2007 (Apensos o PL 2.858/08 e o PL 5222/09) Regulamenta as atividades dos profissionais de artes marciais, capoeira, dança, surf, bodyboard, skate,

Leia mais

Prova Escrita de Português

Prova Escrita de Português EXAME FINAL NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO Prova Escrita de Português Alunos com deficiência auditiva de grau severo ou profundo 12.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Prova 239/2.ª

Leia mais

Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Ensino Médio Integrado à Educação Profissional. Curso Técnico em Edificações.

Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP. Ensino Médio Integrado à Educação Profissional. Curso Técnico em Edificações. Escola Estadual de Educação Profissional - EEEP Curso Canteiro de Obras Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Francisco José Pinheiro Secretária da Educação Maria Izolda Cela de Arruda Coelho

Leia mais

O Espírito de Deus se move

O Espírito de Deus se move O Espírito de Deus se move Introdução: D A G D D A/C# G/B G/A D D A G D D A/C# G/B C9 G/B Gm/Bb G/A D A G D O Espírito de Deus se move, se move D A/C# No mundo inteiro Ele se move G/B G/A D E aqui neste

Leia mais

JOGOS DIDÁTICOS E O ENSINO DE HISTÓRIA: NARRAÇÃO DE UMA EXPERIÊNCIA EM SALA DE AULA

JOGOS DIDÁTICOS E O ENSINO DE HISTÓRIA: NARRAÇÃO DE UMA EXPERIÊNCIA EM SALA DE AULA JOGOS DIDÁTICOS E O ENSINO DE HISTÓRIA: NARRAÇÃO DE UMA EXPERIÊNCIA EM SALA DE AULA INTRODUÇÃO Juliana Karol de Oliveira Falcão¹ E-mail: julianakarol-16@hotmail.com Arthur Rodrigues de Lima² E-mail: arthur.rlima@hotmail.com

Leia mais

SOM DO LIVRO QUE TRÁS ATÉ SI O LIVRO MAIS LIDO EM TODO O. Estamos agora no capítulo 20 de livro de Deuteronómio.

SOM DO LIVRO QUE TRÁS ATÉ SI O LIVRO MAIS LIDO EM TODO O. Estamos agora no capítulo 20 de livro de Deuteronómio. REFERÊNCIA: Deuteronómio 20-21:21 Data de Gravação: 05.05.04 hora: 12:18h PRODUTOR: Paulo Chaveiro Locução: Paulo Chaveiro OLÁ! CARO AMIGO/ EU SOU PAULO CHAVEIRO E ESTE É O PROGRAMA O SOM DO LIVRO QUE

Leia mais

- 35. c :YIinha filha, tira da minha Mao esquerda os

- 35. c :YIinha filha, tira da minha Mao esquerda os - 35 c :YIinha filha, tira da minha Mao esquerda os «meus méritos para as almas, para que elas estejam e a minha Mao direita por toda a Eternidade... c As almas religiosas estarao a minha direita para

Leia mais

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real Alencastro e Patrícia CD: Ao Sentir 1- Ao Sentir Jairinho Ao sentir o mundo ao meu redor Nada vi que pudesse ser real Percebi que todos buscam paz porém em vão Pois naquilo que procuram, não há solução,

Leia mais

Eu tenho um sonho, proclamou Martin Luther King, no dia 8 de agosto de 1963, há 52 anos.

Eu tenho um sonho, proclamou Martin Luther King, no dia 8 de agosto de 1963, há 52 anos. Discurso de Luís Miguel Ferreira na Grande Festa da Mudança (10 de janeiro de 2016 Casa da Criatividade ) Eu tenho um sonho! I have a dream! Eu tenho um sonho, proclamou Martin Luther King, no dia 8 de

Leia mais

HINÁRIO. Glauco O CHAVEIRÃO. www.hinarios.org. Glauco Villas Boas 1 01 HÓSPEDE

HINÁRIO. Glauco O CHAVEIRÃO. www.hinarios.org. Glauco Villas Boas 1 01 HÓSPEDE HINÁRIO O CHAVEIRÃO Tema 2012: Flora Brasileira Allamanda blanchetii Glauco Glauco Villas Boas 1 www.hinarios.org 2 01 HÓSPEDE Padrinho Eduardo - Marcha Eu convidei no meu sonho Meu mestre vamos passear

Leia mais

LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006

LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Meio Ambiente, dá outras providências sobre o Fundo Municipal de Meio Ambiente, revoga e altera disposições indicadas

Leia mais

Faculdade de São Paulo. Regimento do ISE

Faculdade de São Paulo. Regimento do ISE Faculdade de São Paulo Regimento do ISE 2 INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO (ISE) Art. 1. O Instituto Superior de Educação ISE é o órgão responsável pela supervisão dos cursos de licenciatura, zelando pela

Leia mais

EXCELENTISSIMO(A) SENHOR(A) JUIZ(A) DE DIREITO DA COMARCA DE PORTO ALEGRE/RS

EXCELENTISSIMO(A) SENHOR(A) JUIZ(A) DE DIREITO DA COMARCA DE PORTO ALEGRE/RS EXCELENTISSIMO(A) SENHOR(A) JUIZ(A) DE DIREITO DA COMARCA DE PORTO ALEGRE/RS TRAMITAÇÃO PREFERENCIAL VERBA ALIMENTAR Com pedido de Gratuidade de Justiça. JOÃOZINHO DA SILVA, brasileiro, maior, solteiro,

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

PESCADOR. Introdução: A E D E (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção. E qual é o meu destino, minha vocação

PESCADOR. Introdução: A E D E (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção. E qual é o meu destino, minha vocação PSCDOR Introdução: D (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção D qual é o meu destino, minha vocação Carregar tua palavra, qualquer direção Dm Dm chamar outras almas, em outros mares pescar Pescador

Leia mais

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 Imagine Maria procurando montar um álbum fotográfico sobre o nascimento de Jesus. Como colocar num mesmo álbum os sinais e experiências que marcaram aquele dia? 1 1. Senão vejamos:

Leia mais