COMITÊS DA NBCC E RIO OIL & GAS PAINEL TRABALHISTA: COMO CONDUZIR INVESTIGAÇÕES INTERNAS WORKSHOP EQUITY CROWDFUNDING

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COMITÊS DA NBCC E RIO OIL & GAS PAINEL TRABALHISTA: COMO CONDUZIR INVESTIGAÇÕES INTERNAS WORKSHOP EQUITY CROWDFUNDING"

Transcrição

1 Agosto, 2014 NEWS Os sócios Mauricio Santos e Rafael Baleroni passaram a integrar os comitês Financeiro e Jurídico, respectivamente, da Câmara de Comércio Brasil-Noruega - NBCC. 1. COMITÊS DA NBCC E RIO OIL & GAS 2. PAINEL TRABALHISTA: COMO CONDUZIR INVESTIGAÇÕES INTERNAS 3. WORKSHOP EQUITY CROWDFUNDING SEMINÁRIO MARCO CIVIL DA INTERNET 4. DILMA E A FANTÁSTICA FÁBRICA LEGISLATIVA 5. Acesse também nossos demais Informativos e Eventos Fale Conosco

2 COMITÊS DA NBCC E RIO OIL & GAS Os sócios Mauricio Santos e Rafael Baleroni passaram a integrar os comitês Financeiro e Jurídico, respectivamente, da Câmara de Comércio Brasil-Noruega - NBCC. Constituída em 2002, a NBCC proporciona a seus membros informações atualizadas sobre questões políticas, financeiras e de negócios, propiciando um intercâmbio de experiências entre seus integrantes e especialistas brasileiros e noruegueses em tópicos relacionados a negócios. Como parceiro da comunidade norueguesa e com a aproximação do maior evento de Petróleo e Gás da América Latina, a Rio Oil & Gas - que será realizada de 15 a 18 de setembro - Souza, Cescon, Barrieu & Flesch estará presente no jantar de integração com os participantes deste evento, oferecido pela NBCC.

3 PAINEL TRABALHISTA: COMO CONDUZIR INVESTIGAÇÕES INTERNAS Em 6 de agosto, o escritório de São Paulo recebeu clientes para o 3º Painel Trabalhista, conduzido pelo sócio Dario Rabay e o associado Aldo Martinez. Do ponto de vista trabalhista, uma investigação interna mal conduzida ou omissa pode gerar enormes prejuízos para as empresas, desde indenizações por danos morais até o próprio comprometimento da imagem da empresa. Dario e Aldo discutiram os perigos e imprevistos a serem evitados na condução de uma investigação.

4 WORKSHOP EQUITY CROWDFUNDING Com o objetivo de discutir os desafios e perspectivas para o financiamento coletivo de empresas no Brasil, a revista Capital Aberto organizou o workshop Equity Crowdfunding, no dia 10 de junho em São Paulo. O sócio Carlos Augusto Junqueira conduziu o painel Regulação para o equity crowdfunding: um panorama brasileiro e internacional e o associado Vinícius Sahione participou do debate realizado em seguida com a presença de representantes da CVM, Fecomercio-SP, Anjos do Brasil, entre outros presentes. O financiamento coletivo mediante o investimento em valores mobiliários emitidos por empresas em estágio inicial começa a se estruturar no Brasil como um importante caminho para a capitalização de empresas. Porém seu maior desafio é, atualmente, enfrentar a ausência de regras específicas para o exercício tanto das atividades por parte de uma plataforma de Equity Crowdfunding quanto para aqueles que desejam investir nas startups. Leia mais em:

5 SEMINÁRIO MARCO CIVIL DA INTERNET A associada Beatriz Felitte participou do seminário sobre o Marco Civil da Internet, organizado pelo Comitê de Assuntos Legais e Fiscais da Câmara Britânica de Comércio e Indústria no Brasil (BRITCHAM), dia 4 de junho no Centro Brasileiro Britânico em São Paulo. A apresentação de Beatriz abordou os aspectos probatórios da requisição judicial de registros bem como a aplicação prática da lei de uso da internet no âmbito do processo coletivo. O Marco Civil da Internet - Lei nº , de 23 de abril de 2014, é a lei que regula o uso da Internet no Brasil, por meio da previsão de princípios, garantias, direitos e deveres para quem usa a rede, bem como da determinação de diretrizes para a atuação do Estado.

6 DILMA E A FANTÁSTICA FÁBRICA LEGISLATIVA Os associados Thiago Wscieklica e Leonardo Alvares contribuíram com um artigo para a Newsletter Resenha Legal, uma publicação eletrônica da Câmara Britânica de Comércio e Indústria no Brasil (BRITCHAM). O artigo discute as reformas do setor portuário brasileiro, como a Lei de Modernização dos Portos e os conflitos gerados pelo novo marco regulatório, e as reflexões sobre o futuro do setor. Leia a íntegra:

LATIN LAWYER 2 ND REGIONAL PROJECT FINANCE SUMMIT ANALISA AS NOVIDADES NOS FINANCIAMENTOS ESTRUTURADOS

LATIN LAWYER 2 ND REGIONAL PROJECT FINANCE SUMMIT ANALISA AS NOVIDADES NOS FINANCIAMENTOS ESTRUTURADOS Dezembro, 2014 NEWS 1. ESTRATÉGIA DE CRESCIMENTO DE EMPRESAS É DEBATIDA POR SÓCIOS DO SOUZA CESCON EM EVENTO PROMOVIDO PELA AMCHAM EM NOVA IORQUE 2. LATIN LAWYER 2 ND REGIONAL PROJECT FINANCE SUMMIT ANALISA

Leia mais

NEWS. www.scbf.com.br 2º WEBINAR EUSÓCIO SEMINÁRIO EXECUTIVO LATIN LAWYER 3RD ANNUAL CORPORATE

NEWS. www.scbf.com.br 2º WEBINAR EUSÓCIO SEMINÁRIO EXECUTIVO LATIN LAWYER 3RD ANNUAL CORPORATE Caso ocorra erro de visualização, acesse nossa Versão Web ou Versão PDF Abril, 2014 NEWS 2º WEBINAR EUSÓCIO SEMINÁRIO EXECUTIVO WORKSHOP SOBRE AS CONSULTAS PÚBLICAS DO CADE EM ANDAMENTO LATIN LAWYER 3RD

Leia mais

SOUZA CESCON FAZ APRESENTAÇÃO NO PRINCIPAL EVENTO DE PETRÓLEO E GÁS DA AMÉRICA LATINA: A RIO OIL & GAS EXPO AND CONFERENCE.

SOUZA CESCON FAZ APRESENTAÇÃO NO PRINCIPAL EVENTO DE PETRÓLEO E GÁS DA AMÉRICA LATINA: A RIO OIL & GAS EXPO AND CONFERENCE. Setembro, 2014 Caso ocorra erro de visualização, acesse nossa Versão Web ou Versão PDF NEWS 1. OS SÓCIOS LUIS SOUZA E MARIA CRISTINA ENTRE OS 50 ADVOGADOS MAIS DESTACADOS DA AMÉRICA LATINA SOUZA CESCON

Leia mais

icardo Carneiro Advogados Associados

icardo Carneiro Advogados Associados O Escritório Ricardo Carneiro Advogados Associados surge no cenário jurídico nacional com ênfase no assessoramento especializado, visando oferecer soluções à indústria de base e de transformação, ao aproveitamento

Leia mais

BRAZIL CAPITAL PROJECTS AND INFRASTRUCTURE SUMMIT

BRAZIL CAPITAL PROJECTS AND INFRASTRUCTURE SUMMIT BRAZIL CAPITAL PROJECTS AND INFRASTRUCTURE SUMMIT Souza, Cescon, Barrieu & Flesch Advogados foi o patrocinador líder do evento Brazil Capital Projects and Infrastructure Summit, organizado pela Latin Markets

Leia mais

Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas. Edital n o 02/2012

Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas. Edital n o 02/2012 Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas Edital n o 02/2012 Seleção de Projetos de Pesquisa para desenvolvimento no âmbito do convênio firmado com o

Leia mais

Seja um associado da SWISSCAM Câmara de Comércio Suíço-Brasileira

Seja um associado da SWISSCAM Câmara de Comércio Suíço-Brasileira Seja um associado da SWISSCAM Câmara de Comércio Suíço-Brasileira Vantagens O associado da SWISSCAM usufrui de um suporte comercial amplo nos seus negócios, tanto na Suíça como no Brasil. A SWISSCAM realiza,

Leia mais

AS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA CORPORATIVA ADOTADAS EM IPOS REGISTRADOS NO BRASIL

AS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA CORPORATIVA ADOTADAS EM IPOS REGISTRADOS NO BRASIL ANEXO I AS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA CORPORATIVA ADOTADAS EM IPOS REGISTRADOS NO BRASIL (Proposta de linha de pesquisa em iniciação científica a ser desenvolvida em cooperação entre DIREITO GV e Souza, Cescon,

Leia mais

Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Planejamento Unidade de Apoio a Projetos Especiais. durante o Estágio Probatório.

Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Planejamento Unidade de Apoio a Projetos Especiais. durante o Estágio Probatório. Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Planejamento Unidade de Apoio a Projetos Especiais REGULAMENTO 001, DE 10 DE OUTUBRO DE 2013. Regula o Monitoramento da Inserção e das Atividades

Leia mais

FORUM SUAPE GLOBAL Workshop Externo 20/11/12

FORUM SUAPE GLOBAL Workshop Externo 20/11/12 FORUM SUAPE GLOBAL Workshop Externo 20/11/12 FORUM SUAPE GLOBAL Orientação estratégica (metas de longo prazo) FORUM SUAPE GLOBAL Comitê Consultivo Comitê Executivo (Coordenação da Secretaria de Desenvolvimento

Leia mais

Brasília, 9 de maio de 2012

Brasília, 9 de maio de 2012 Brasília, 9 de maio de 2012 Discurso do presidente Alexandre Tombini em evento no Sebrae para lançamento do Plano de Ação para Fortalecimento do Ambiente Institucional para a Adequada Inclusão Financeira

Leia mais

Está em vigor a Medida Provisória n. 680, de 6 de julho de 2015, que institui o Programa de Proteção ao Emprego.

Está em vigor a Medida Provisória n. 680, de 6 de julho de 2015, que institui o Programa de Proteção ao Emprego. INFORMA TRABALHISTA Está em vigor a Medida Provisória n. 680, de 6 de julho de 2015, que institui o Programa de Proteção ao Emprego. Programa de Proteção ao Emprego comparado com o Lay Off ASPECTOS GERAIS

Leia mais

::PORTFOLIO PORTFOLIO

::PORTFOLIO PORTFOLIO PORTFOLIO ::PORTFOLIO :: A EMPRESA Cesar e Cesar Sociedade de Advogados, é um escritório de advocacia e de assessoria jurídica formado por uma equipe de profissionais com experiência nas áreas relacionadas

Leia mais

Edital CECOMPI PI 005/2015 Programa de Incubadoras do Município de São José dos Campos

Edital CECOMPI PI 005/2015 Programa de Incubadoras do Município de São José dos Campos Edital CECOMPI PI 005/2015 Programa de Incubadoras do Município de São José dos Campos O Centro para a Competitividade e Inovação do Cone Leste Paulista- CECOMPI, na qualidade de entidade gestora do Programa

Leia mais

Aldo Luiz Mendes Diretor de Política Monetária

Aldo Luiz Mendes Diretor de Política Monetária Aldo Luiz Mendes Diretor de Política Monetária Banco Central do Brasil Conferência ICMA no Brasil Hotel Tívoli São Paulo 8.5.2014 1 A regulação europeia e os mercados financeiros no Brasil 2 Compromissos

Leia mais

Infraestrutura. Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados. Todos os direitos reservados.

Infraestrutura. Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados. Todos os direitos reservados. Infraestrutura Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados. Todos os direitos reservados. Nossos serviços Mattos Filho é o one-stop-shop em questões regulatórias e transacionais para investidores,

Leia mais

VBSO. Vaz, Barreto, Shingaki & Oioli

VBSO. Vaz, Barreto, Shingaki & Oioli BSO VBSO Vaz, Barreto, Shingaki & Oioli Vaz, Barreto, Shingaki & Oioli Advogados (VBSO Advogados) presta assessoria jurídica em todas as áreas do Direito ligadas à atividade empresarial, sobretudo em questões

Leia mais

A parceria entre TozziniFreire e PLMJ foi

A parceria entre TozziniFreire e PLMJ foi P ARCERIA B RASI A Parceria A parceria entre TozziniFreire e PLMJ foi firmada em 2004 com o intuito comum de expandir a atuação de ambas empresas nos países de língua portuguesa. As organizações identificam-se

Leia mais

Projetos Atuais e Futuros da CAIXA RS junto ao mercado Naval e Portuário. Porto Alegre, agosto de 2010.

Projetos Atuais e Futuros da CAIXA RS junto ao mercado Naval e Portuário. Porto Alegre, agosto de 2010. Projetos Atuais e Futuros da CAIXA RS junto ao mercado Naval e Portuário Porto Alegre, agosto de 2010. APOIO AO Polo Naval - Rio Grande Atuação integrada do Governo, por meio da SEINFRA e SEDAI, voltada

Leia mais

Sobre o Leite, Tosto e Barros

Sobre o Leite, Tosto e Barros Sobre o Leite, Tosto e Barros Escritório de advocacia full-service, listado entre os 20 maiores da América Latina e entre os 15 maiores do Brasil. Com mais de 20 anos de tradição, possui sede em São Paulo,

Leia mais

Guia Eusocio #2. Manual de Governança Corporativa em Startups Brasileiras. Tutorial Eusocio de Melhores Práticas Recomendadas e Incentivadas

Guia Eusocio #2. Manual de Governança Corporativa em Startups Brasileiras. Tutorial Eusocio de Melhores Práticas Recomendadas e Incentivadas Manual de Governança Corporativa em Startups Brasileiras Tutorial Eusocio de Melhores Práticas Recomendadas e Incentivadas Descrevemos a seguir determinadas práticas de governança corporativa e normas

Leia mais

Apoio à Inovação. Junho de 2013

Apoio à Inovação. Junho de 2013 Apoio à Inovação Junho de 2013 Inovação: Conceito (...) implementação de um produto (bem ou serviço) novo ou significativamente aprimorado, ou um processo, ou um novo método de marketing, ou um novo método

Leia mais

7 Política de investimento direto no Brasil: a internacionalização da economia brasileira

7 Política de investimento direto no Brasil: a internacionalização da economia brasileira 7 Política de investimento direto no Brasil: a internacionalização da economia brasileira Alexandre Petry * A Apex foi criada em 2003, mas funcionava desde 1997 dentro da estrutura do Sebrae. Implementa

Leia mais

Edital CECOMPI PI-004/2014 Programa de Incubadoras do Município de São José dos Campos

Edital CECOMPI PI-004/2014 Programa de Incubadoras do Município de São José dos Campos Edital CECOMPI PI-004/2014 Programa de Incubadoras do Município de São José dos Campos O Centro para a Competitividade e Inovação do Cone Leste Paulista- CECOMPI, na qualidade de entidade gestora do Programa

Leia mais

Projeto: Náutica, Portos, Infraestrutura e Logísticas. Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina

Projeto: Náutica, Portos, Infraestrutura e Logísticas. Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina Projeto: Náutica, Portos, Infraestrutura e Logísticas Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina www.brasileitalia.com.br O Projeto Tem como principais objetivos: Atrair empresas e investimentos

Leia mais

PROGRAMAS E INCENTIVOS À INOVAÇÃO PARA EMPRESAS

PROGRAMAS E INCENTIVOS À INOVAÇÃO PARA EMPRESAS PROGRAMAS E INCENTIVOS À INOVAÇÃO PARA EMPRESAS Evaldo F. Vilela - Ph.D. Secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais. Lei Federal de Inovação LEI Nº 10.973, DE 2 DE DEZEMBRO

Leia mais

Apresentação da Proposta de Trabalho aos ICTs e as Empresas

Apresentação da Proposta de Trabalho aos ICTs e as Empresas Apresentação da Proposta de Trabalho aos ICTs e as Empresas 29 abril 2014 Fundamentação Lei da Inovação Nº 10.973, 02 Dez 2004 Regulamentada pelo Decreto Nº 5.563, 11 Out 2005 Artigo 20, do Decreto Nº

Leia mais

Boschi Pigatti & Sigollo Advogados (BPSLAW) surgiu da união de advogados dedicados, experientes e comprometidos com a qualidade na prestação de serviços jurídicos. Com atuação em todo o território nacional,

Leia mais

Entrevista Como é o trabalho desenvolvido pelo Departamento? Quantos Fóruns Permanentes de Micro e Pequenas empresas existem hoje?

Entrevista Como é o trabalho desenvolvido pelo Departamento? Quantos Fóruns Permanentes de Micro e Pequenas empresas existem hoje? Entrevista A diretora do Departamento de Micro, Pequenas e Médias Empresas do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Cândida Cervieri, foi entrevistada pelo Informativo RENAPI.

Leia mais

PROGRAMA DE TRABALHO DA REUNIÃO ESPECIALIZADA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MERCOSUL (RECYT) JUNHO DE 2000 MAIO DE 2002

PROGRAMA DE TRABALHO DA REUNIÃO ESPECIALIZADA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MERCOSUL (RECYT) JUNHO DE 2000 MAIO DE 2002 MERCOSUL/GMC/RES Nº 34/00 PROGRAMA DE TRABALHO DA REUNIÃO ESPECIALIZADA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MERCOSUL (RECYT) JUNHO DE 2000 MAIO DE 2002 TENDO EM VISTA: o Tratado de Assunção, o Protocolo de Ouro

Leia mais

Transformamos a assessoria jurídica em poderosa ferramenta de gestão empresarial

Transformamos a assessoria jurídica em poderosa ferramenta de gestão empresarial Transformamos a assessoria jurídica em poderosa ferramenta de gestão empresarial Atualmente, é preciso agregar aos negócios uma engenharia jurídica que permita a seu advogado conhecer a estrutura interna

Leia mais

SEMINÁRIO: ENERGIA SOLAR

SEMINÁRIO: ENERGIA SOLAR SEMINÁRIO: ENERGIA SOLAR 13 de abril de 2010 Devido às grandes vantagens que possui, não só econômicas, como ambientais, a energia solar - uma fonte limpa e inesgotável - se apresenta cada dia mais como

Leia mais

Novo cronograma de implantação do e-social e outros assuntos de interesse. Novo cronograma de implantação do e-social INFORMA TRABALHISTA

Novo cronograma de implantação do e-social e outros assuntos de interesse. Novo cronograma de implantação do e-social INFORMA TRABALHISTA INFORMA TRABALHISTA Novo cronograma de implantação do e-social e outros assuntos de interesse. Novo cronograma de implantação do e-social julho de 2015 Para informações, entrar em contato com: NOTÍCIAS

Leia mais

COMO ABRIR SUA EMPRESA

COMO ABRIR SUA EMPRESA COMO ABRIR SUA EMPRESA Hoje, ter o próprio negócio é algo muito comum. Flexibilidade, possibilidade de aumentar a renda e instabilidade como funcionário são os principais motivos para se empreender. É

Leia mais

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS Marco Antonio Rossi Presidente da Fenaprevi Presidente da Bradesco Seguros Agenda Mercado Segurador Nacional Os direitos dos Segurados e Participantes Legislação O Brasil

Leia mais

ETERNIT S.A. C.N.P.J. nº 61.092.037/0001-81 NIRE 35.300.013.344 ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 17 DE SETEMBRO DE 2.

ETERNIT S.A. C.N.P.J. nº 61.092.037/0001-81 NIRE 35.300.013.344 ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 17 DE SETEMBRO DE 2. ETERNIT S.A. C.N.P.J. nº 61.092.037/0001-81 NIRE 35.300.013.344 ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 17 DE SETEMBRO DE 2.008 Aos 17 dias do mês de setembro do ano de dois mil e oito,

Leia mais

Democratizando o Investimento em startups

Democratizando o Investimento em startups Democratizando o Investimento em startups Queremos inspirar Inovação facilitando conexões e eliminando barreiras para que novas idéias possam mudar o mundo. Atuamos em rede com a primeira plataforma eletrônica

Leia mais

VIA VAREJO S.A. CNPJ/MF 33.041.260/0652-90 NIRE 33.3.00141073

VIA VAREJO S.A. CNPJ/MF 33.041.260/0652-90 NIRE 33.3.00141073 VIA VAREJO S.A. CNPJ/MF 33.041.260/0652-90 NIRE 33.3.00141073 Divulgação dos documentos exigidos conforme Artigo 11 da Instrução CVM nº 481, de 17 de dezembro de 2009 São Caetano do Sul, 02 de maio de

Leia mais

Política de Exercício de Direito de Voto em Assembléias

Política de Exercício de Direito de Voto em Assembléias Política de Exercício de Direito de Voto em Assembléias Julho/2010 ÍNDICE 1. OBJETIVO...3 2. ABRANGÊNCIA...3 3. PRINCÍPIOS GERAIS...3 4. MATÉRIAS RELEVANTES OBRIGATÓRIAS...3 5. DOS CASOS FACULTATIVOS...4

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT de Investimento e Financiamento

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT de Investimento e Financiamento PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Secretaria da Micro e Pequena Empresa Fórum Permanente de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT de

Leia mais

ENTIDADES AUTO-REGULADORAS DO MERCADO ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO

ENTIDADES AUTO-REGULADORAS DO MERCADO ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO BM&FBOVESPA A BM&FBOVESPA é muito mais do que um espaço de negociação: lista empresas e fundos; realiza negociação de ações, títulos, contratos derivativos; divulga cotações; produz índices de mercado;

Leia mais

Nova regulação pode esclarecer dúvidas sobre conflito de interesses entre administradores de carteira e investidores

Nova regulação pode esclarecer dúvidas sobre conflito de interesses entre administradores de carteira e investidores Nova regulação pode esclarecer dúvidas sobre conflito de interesses entre administradores de carteira e investidores Por Marcelo Tourinho* 19 10 2011 O bom momento pelo qual vem passando a economia brasileira

Leia mais

75 ANOS DE TRADIÇÃO JURÍDICA.

75 ANOS DE TRADIÇÃO JURÍDICA. ANOS 75 ANOS DE TRADIÇÃO JURÍDICA. Fundado em 1937, URBANO VITALINO ADVOGADOS é um escritório com larga experiência e tradição jurídica, que prima pela excelência na prestação de seus serviços e atua em

Leia mais

Financiamento do BNDES às Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) Foto: PCH Cotiporã

Financiamento do BNDES às Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) Foto: PCH Cotiporã Financiamento do BNDES às Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) Ludmila Carvalho Colucci 06/04/2009 Foto: PCH Cotiporã 1 Agenda BNDES Carteira do BNDES Políticas Operacionais Operações Estruturadas Foto:

Leia mais

consultoria empresarial (Re)Estruturação Processos Finanças Estratégia

consultoria empresarial (Re)Estruturação Processos Finanças Estratégia consultoria empresarial (Re)Estruturação Processos Finanças Estratégia Quem Somos Constituída em 2006, no Rio Grande do Sul, a RM2 Consultoria atua em projetos nacionais e internacionais. Analisamos processos,

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Atuamos em âmbito nacional, com uma estrutura apropriada para atender os clientes com excelência e segurança.

APRESENTAÇÃO. Atuamos em âmbito nacional, com uma estrutura apropriada para atender os clientes com excelência e segurança. APRESENTAÇÃO Comparato, Nunes & Federici Advogados é uma sociedade de advogados fundada por profissionais com grande experiência na gestão de jurídicos corporativos e bancas de advocacia. O escritório

Leia mais

Especialização em Investment Banking

Especialização em Investment Banking Especialização em Investment Banking Apresentação FIPECAFI A Faculdade FIPECAFI é mantida pela Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras, criada em 1974. Seus projetos modificaram

Leia mais

Política de Exercício de Direito de Voto em Assembleias Março / 2014

Política de Exercício de Direito de Voto em Assembleias Março / 2014 Política de Exercício de Direito de Voto em Assembleias Março / 2014 1. OBJETIVO O objetivo da Política de Voto (ou simplesmente Política ) é determinar as regras que deverão ser observadas pelos Fundos

Leia mais

O Investimento Anjo Pode Fazer a Diferença Para a Inovação Brasileira!

O Investimento Anjo Pode Fazer a Diferença Para a Inovação Brasileira! O Investimento Anjo Pode Fazer a Diferença Para a Inovação Brasileira! TEMA O espaço vazio no sistema nacional de inovação a ser ocupado pelos investidores Anjo e os principais gargalos das políticas públicas

Leia mais

SC.Invest Modelo de Negócios para Plataforma de Governo Eletrônico

SC.Invest Modelo de Negócios para Plataforma de Governo Eletrônico Universidade Federal de Santa Catarina em Engenharia e Gestão do Conhecimento Disciplina de Governo Eletrônico SC.Invest Modelo de Negócios para Plataforma de Governo Eletrônico Professores: Aires Rover,

Leia mais

Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS

Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS Apresentação O Fórum e Exposição Energias Renováveis e Alternativas no Cone Sul- ERACS ocorrerá nos dias 13, 14 e 15 de outubro de

Leia mais

Como ter sucesso no matchmaking entre as PMEs brasileiras e britânicas UKTI no Brasil. Richard Turner 28 de agosto de 2014

Como ter sucesso no matchmaking entre as PMEs brasileiras e britânicas UKTI no Brasil. Richard Turner 28 de agosto de 2014 Como ter sucesso no matchmaking entre as PMEs brasileiras e britânicas UKTI no Brasil Richard Turner 28 de agosto de 2014 1 UK Trade & Investment (UKTI) UKTI é uma organização internacional que dá apoio

Leia mais

informa Trabalhista NOTÍCIAS Julho de 2014 GOVERNO FEDERAL DIVULGA NOVO CRONOGRAMA DO E-SOCIAL.

informa Trabalhista NOTÍCIAS Julho de 2014 GOVERNO FEDERAL DIVULGA NOVO CRONOGRAMA DO E-SOCIAL. Julho de 2014 informa Trabalhista Nesta edição: Notícias Alterações da legislação trabalhista e previdenciária Jurisprudência trabalhista e previdenciária Este Boletim é um informe destinado aos clientes

Leia mais

SCATOLINI ADVOGADOS. SCATOLINI Advogados

SCATOLINI ADVOGADOS. SCATOLINI Advogados ADVOGADOS Um escritório dinâmico, focado nas necessidades e anseios de seus clientes e que reúne profissionais especializados em ampla gama de assuntos jurídicos. Proporcionamos aos nossos clientes atendimento

Leia mais

Finanças e Negócios Sustentáveis

Finanças e Negócios Sustentáveis Finanças e Negócios Sustentáveis Riscos de governança e sócio-ambientais e seu impacto no rating de crédito Seminário de Meio Ambiente Britcham SP 17 de agosto de 2006 1 Gustavo Pimentel Analista de Governança

Leia mais

ARBITRAGEM E ANÁLISE DE RISCO LEGAL. Maurício Dantas Góes e Góes

ARBITRAGEM E ANÁLISE DE RISCO LEGAL. Maurício Dantas Góes e Góes ARBITRAGEM E ANÁLISE DE RISCO LEGAL Maurício Dantas Góes e Góes Banco Central (Res. 3.380) Art. 2º Para os efeitos desta resolução, definese como risco operacional a possibilidade de ocorrência de perdas

Leia mais

Jump$tarting Empresas Inovadoras

Jump$tarting Empresas Inovadoras Reprodução permitida desde que citada fonte e link para site www.anjosdobrasil.net Cassio Spina Jump$tarting Empresas Inovadoras Reprodução permitida desde que citada fonte e link para site www.anjosdobrasil.net

Leia mais

10 anos do Parque Tecnológico da UFRJ XV Encontro da Rede de Incubadoras, Parques e Polos Tecnológicos do Estado do Rio de Janeiro ReINC

10 anos do Parque Tecnológico da UFRJ XV Encontro da Rede de Incubadoras, Parques e Polos Tecnológicos do Estado do Rio de Janeiro ReINC 10 anos do Parque Tecnológico da UFRJ XV Encontro da Rede de Incubadoras, Parques e Polos Tecnológicos do Estado do Rio de Janeiro ReINC Data: 17 e 18 de setembro de 2013 Local: Parque Tecnológico da UFRJ

Leia mais

Estruturação de Fundos de Private Equity e Venture Capital. Fundos Offshore, suas Operações e a Captação Internacional de Recursos

Estruturação de Fundos de Private Equity e Venture Capital. Fundos Offshore, suas Operações e a Captação Internacional de Recursos Estruturação de Fundos de Private Equity e Venture Capital Fundos Offshore, suas Operações e a Captação Internacional de Recursos 06 de novembro de 2012 SOBRE A LIONS Administradora de fundos independente,

Leia mais

Plano Brasil Maior e o Comércio Exterior Políticas para Desenvolver a Competitividade

Plano Brasil Maior e o Comércio Exterior Políticas para Desenvolver a Competitividade Plano Brasil Maior e o Comércio Exterior Políticas para Desenvolver a Competitividade Alessandro Golombiewski Teixeira Secretário-Executivo do MDIC Rio de Janeiro, Agosto de 2011 Introdução 1 Contexto

Leia mais

Edital para Exposição de Oportunidades de Negócios na 5ª Edição da SEMANA SEBRAE DE TECNOLOGIA E INOVAÇÃO 2015 I DA CONVOCAÇÃO II DO EVENTO

Edital para Exposição de Oportunidades de Negócios na 5ª Edição da SEMANA SEBRAE DE TECNOLOGIA E INOVAÇÃO 2015 I DA CONVOCAÇÃO II DO EVENTO I DA CONVOCAÇÃO O SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ, entidade associativa de direito privado, sem fins lucrativos, comunica e convida empresas do setor

Leia mais

Formulário Cadastral - 2011 - QGEP PARTICIPAÇÕES SA Versão : 3. Dados gerais 1. Endereço 2. Valores mobiliários 3. Auditor 4. Escriturador de ações 5

Formulário Cadastral - 2011 - QGEP PARTICIPAÇÕES SA Versão : 3. Dados gerais 1. Endereço 2. Valores mobiliários 3. Auditor 4. Escriturador de ações 5 Índice Dados Cadastrais Dados gerais 1 Endereço 2 Valores mobiliários 3 Auditor 4 Escriturador de ações 5 DRI ou pessoa equiparada 6 Departamento de acionistas 7 1. Dados gerais Nome empresarial Data de

Leia mais

Jornada de Valor. Novembro de 2010

Jornada de Valor. Novembro de 2010 Jornada de Valor Novembro de 2010 Planejando o crescimento O valor da empresa em uma transação está diretamente relacionado à percepção de valor de investidores, à governança corporativa, transparência

Leia mais

Projeto Piloto de Desenvolvimento de Fornecedores da Cadeia de Petróleo, Gás e Naval

Projeto Piloto de Desenvolvimento de Fornecedores da Cadeia de Petróleo, Gás e Naval Projeto Piloto de Desenvolvimento de Fornecedores da Cadeia de Petróleo, Gás e Naval Comitê Nacional Comitê Regional Minas Gerais 1 Sumário Objetivo do projeto... 3 Público Alvo... 3 Funding... 3 Justificativa...

Leia mais

Direito do Petróleo e Gás

Direito do Petróleo e Gás Workshop Direito do Petróleo e Gás Contexto As atividades de Exploração e Produção de petróleo são relevantes para o desenvolvimento de qualquer economia. No cenário brasileiro atual, essas atividades

Leia mais

FINANCIADORA DE ESTUDOS E PROJETOS FINEP PROGRAMA FINEP INOVAR SEMENTE 4ª CHAMADA PARA CAPITALIZAÇÃO DE FUNDOS DE CAPITAL SEMENTE

FINANCIADORA DE ESTUDOS E PROJETOS FINEP PROGRAMA FINEP INOVAR SEMENTE 4ª CHAMADA PARA CAPITALIZAÇÃO DE FUNDOS DE CAPITAL SEMENTE FINANCIADORA DE ESTUDOS E PROJETOS FINEP PROGRAMA FINEP INOVAR SEMENTE 4ª CHAMADA PARA CAPITALIZAÇÃO DE FUNDOS DE CAPITAL SEMENTE 1. OBJETO A Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), o Banco de Desenvolvimento

Leia mais

Digital Business importância na indústria de Petróleo e Gás.

Digital Business importância na indústria de Petróleo e Gás. Digital Business Accenture "CIO Agenda 2013", 21 de Maio 2013 Digital Business importância na indústria de Petróleo e Gás. Por: Vicente Pitra Leopoldo vple@alngopco.com Licenciado em Informática, Análise

Leia mais

Recursos Próprios. Amigos e Familiares

Recursos Próprios. Amigos e Familiares Recursos Próprios Chamado de booststrapping, geralmente é a primeira fonte de capital utilizada pelos empreendedores. São recursos sem custos financeiros. O empreendedor tem total autonomia na tomada de

Leia mais

atividade a prática de operações de arrendamento As sociedades de arrendamento mercantil são

atividade a prática de operações de arrendamento As sociedades de arrendamento mercantil são Arrendamento mercantil ou leasing é uma operação em que o proprietário de um bem cede a terceiro o uso desse bem por prazo determinado, recebendo em troca uma contraprestação. No que concerne ao leasing,

Leia mais

Caminhos da Embraco na CHINA

Caminhos da Embraco na CHINA Caminhos da Embraco na CHINA A Embraco hoje %)&& *& " & & # + $$2! " & 34,- & #&*.&! "# $ %& ' (" 0 & "& &*'1 & $- & # / 1 Plantas e pessoas 567 5 8* $9$

Leia mais

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA Inovação é o que distingue um líder de um seguidor. Steven Paul Jobs Grandes ideias mudam o mundo. Missão

Leia mais

Rodrigo Matos Huet de Bacellar Superintendente Área de Insumos Básicos Junho / 2014

Rodrigo Matos Huet de Bacellar Superintendente Área de Insumos Básicos Junho / 2014 Os Desafios do Pré-Sal: Riscos e Oportunidades para o País As Políticas Industrial e de Inovação no setor de Petróleo e Gás Rodrigo Matos Huet de Bacellar Superintendente Área de Insumos Básicos Junho

Leia mais

MACAÉ SOLUÇÕES PARA OS DESAFIOS DA INDÚSTRIA DO PETRÓLEO. Câmara Britânica de Comércio e Indústria no Brasil - BRITCHAM

MACAÉ SOLUÇÕES PARA OS DESAFIOS DA INDÚSTRIA DO PETRÓLEO. Câmara Britânica de Comércio e Indústria no Brasil - BRITCHAM MACAÉ SOLUÇÕES PARA OS DESAFIOS DA INDÚSTRIA DO PETRÓLEO Câmara Britânica de Comércio e Indústria no Brasil - BRITCHAM 31/10/2013 1 Sumário 1 DADOS ESTATISTICOS DE MACAÉ 2 MACAÉ CIDADE DO PETRÓLEO 3 AÇÕES

Leia mais

ALTERAÇÕES NA LEI GERAL DAS MICROEMPRESAS, EMPRESAS DE PEQUENO PORTE E DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

ALTERAÇÕES NA LEI GERAL DAS MICROEMPRESAS, EMPRESAS DE PEQUENO PORTE E DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL ALTERAÇÕES NA LEI GERAL DAS MICROEMPRESAS, EMPRESAS DE PEQUENO PORTE E DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL Porto Alegre 26 de Julho de 2010 CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE FINANÇAS E TRIBUTAÇÃO presidencia.cft@camara.gov.br

Leia mais

PROPOSTA PARA AGE DE 31.05.2011.

PROPOSTA PARA AGE DE 31.05.2011. EMPRESA METROPOLITANA DE ÁGUAS E ENERGIA S.A. CÓDIGO NA CVM 01699-3 CNPJ Nº 02.302.101/0001-42 INSTRUÇÃO CVM Nº 480, DE 07 DE DEZEMBRO DE 2009 FORMULÁRIO DE REFERÊNCIA ATUALIZAÇÕES PREVISTAS NO ART. 10

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO (MECATRÔNICA)

CURSO DE ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO (MECATRÔNICA) UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP 5. Santos: Oportunidades e Riscos do Desenvolvimento CAMPUS- SANTOS A cidade de Santos, na região metropolitana da Baixada Santista, com mais de 430 mil habitantes é na atualidade

Leia mais

M&A: Alguns Pontos relevantes para Contratos de Aquisição ou Venda de Negócios

M&A: Alguns Pontos relevantes para Contratos de Aquisição ou Venda de Negócios M&A: Alguns Pontos relevantes para Contratos de Aquisição ou Venda de Negócios Apresentação para a Comissão Jurídica da Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil Alberto Mori Sócio do Grupo de

Leia mais

Uma Breve análise da FUNPRESP e a PL 1992/2007: mais uma vitória do capital financeiro

Uma Breve análise da FUNPRESP e a PL 1992/2007: mais uma vitória do capital financeiro Uma Breve análise da FUNPRESP e a PL 1992/2007: mais uma vitória do capital financeiro * Fernando Marcelino A mundialização financeira, desde meados da década de 1960, em conjunto com uma série de medidas

Leia mais

CLIPPING EVENTO DO DIA 25/06 SOBRE VAZAMENTO DE ÓLEO

CLIPPING EVENTO DO DIA 25/06 SOBRE VAZAMENTO DE ÓLEO CLIPPING EVENTO DO DIA 25/06 SOBRE VAZAMENTO DE ÓLEO 23 de junho de 2012 CÂMARA DE COMÉRCIO AMERICANA VAI DEBATER ASPECTOS TÉCNICOS E LEGAIS DE ACIDENTES COM VAZAMENTO DE ÓLEO A Câmara de Comércio Americana

Leia mais

Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina www.brasileitalia.com.br

Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina www.brasileitalia.com.br Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina www.brasileitalia.com.br O que é o Projeto O Projeto pretende contribuir para promover a imagem de Santa Catarina como destino de investimentos

Leia mais

Além de ampliar sua rede de relacionamento, com profissionais de várias partes do País, você terá a oportunidade de aprofundar-se em temas como:

Além de ampliar sua rede de relacionamento, com profissionais de várias partes do País, você terá a oportunidade de aprofundar-se em temas como: 1 Depois do sucesso da 2ª edição do evento de Letras Financeiras (LFs), realizado em outubro do ano passado, a INOVA preparou um novo seminário - pautado em algumas das principais dúvidas dos executivos

Leia mais

OPORTUNIDADES ÚNICAS. O CME Group e a BM&FBovespa uniram-se para oferecer acesso global a dois dos mercados mais dinâmicos do mundo

OPORTUNIDADES ÚNICAS. O CME Group e a BM&FBovespa uniram-se para oferecer acesso global a dois dos mercados mais dinâmicos do mundo OPORTUNIDADES ÚNICAS O CME Group e a BM&FBovespa uniram-se para oferecer acesso global a dois dos mercados mais dinâmicos do mundo Panorama da parceria do CME Group com a BM&FBOVESPA Conectando mercados

Leia mais

Cadastro de Fornecedores. de Bens e Serviços da Petrobras

Cadastro de Fornecedores. de Bens e Serviços da Petrobras Cadastro de Fornecedores de Bens e Serviços da Petrobras Objetivos do Cadastro de Fornecedores Legal: atender o decreto 2745 e preservar a Cia. em questões relacionadas ao mercado fornecedor; Empresarial:

Leia mais

TERMOS DE USO A) O QUE FAZEMOS

TERMOS DE USO A) O QUE FAZEMOS TERMOS DE USO Olá, seja bem-vindo à Plataforma da Start Me Up Crowdfunding, ambiente de Investimento Colaborativo (Equity Crowdfunding) que une empreendedores com boas ideias a investidores interessados

Leia mais

Perspectivas para o financiamento das PPPs

Perspectivas para o financiamento das PPPs Perspectivas para o financiamento das PPPs PPP Summit 2015 20 de maio de 2015 Frederico Estrella frederico@tendencias.com.br Histórico e perfil da Tendências 2 Histórico Fundada em 1996, a Tendências é

Leia mais

BEM-VINDO À IEC COMISSÃO ELETROTÉCNICA INTERNACIONAL

BEM-VINDO À IEC COMISSÃO ELETROTÉCNICA INTERNACIONAL BEM-VINDO À IEC COMISSÃO ELETROTÉCNICA INTERNACIONAL BEM-VINDO À IEC 1 UM PAPEL VITAL A Comissão Eletrotécnica Internacional (IEC) é a organização mundial líder que prepara e publica Normas Internacionais

Leia mais

Monitor da Percepção Internacional do Brasil. Setembro de 2011

Monitor da Percepção Internacional do Brasil. Setembro de 2011 Monitor da Percepção Internacional do Brasil MPI-BR Setembro de 11 Sumário Metodologia do Monitor da Percepção Internacional do Brasil Índices de avaliação de agentes internacionais sobre o Brasil em aspectos

Leia mais

Rodrigo da Rocha Loures Presidente do CONIC-FIESP

Rodrigo da Rocha Loures Presidente do CONIC-FIESP Estratégias para a Inovação e Empreendedorismo Ecossistemas Regionais de Inovação, por meio do Empreendedorismo de Base Tecnológica e empresas Startups de Classe Mundial Visão de Futuro (2022), Competitividade

Leia mais

FAQ. Qualquer empresa pode captar investimentos via Equity Crowdfunding? Quais os requisitos?

FAQ. Qualquer empresa pode captar investimentos via Equity Crowdfunding? Quais os requisitos? FAQ O que é Equity Crowdfunding? O Equity Crowdfunding é uma modalidade nova de investimento que usa o poder da multidão para o alcance de um resultado financeiro comum, também conhecido como investimento

Leia mais

informa Infraestrutura Extra janeiro de 2014

informa Infraestrutura Extra janeiro de 2014 janeiro de 2014 informa Infraestrutura Extra Em 24 de junho de 2011, foi promulgada a Lei nº 12.431 ( Lei 12.431 ), que criou as chamadas Debêntures de Infraestrutura, estabelecendo os requisitos mínimos

Leia mais

LEVY & SALOMÃO A D V O G A D O S

LEVY & SALOMÃO A D V O G A D O S FERNANDO DE AZEVEDO PERAÇOLI (11) 3555-5127 fperacoli@levysalomao.com.br 0001/7047 São Paulo, 23 de fevereiro de 2012 AV. BRIG. FARIA LIMA, 2601 12º ANDAR 01452-924 SÃO PAULO SP BRASIL TEL(11)3555-5000

Leia mais

Pesquisa sobre Logística no E-commerce Brasileiro 2013

Pesquisa sobre Logística no E-commerce Brasileiro 2013 Pesquisa sobre Logística no E-commerce Brasileiro 2013 www.brazilpanels.com.br www.abcomm.com.br www.ecommerceschool.com.br Apoio: INTRODUÇÃO A Logística foi escolhida para ser o tema do primeiro estudo

Leia mais

SPE PROJECT FINANCE Etanol 2G

SPE PROJECT FINANCE Etanol 2G I Fórum Brasileiro de Economia e Finanças no Agronegócio SPE PROJECT FINANCE Etanol 2G JOSÉ AMÉRICO RUBIANO 13 e 14 de agosto de 2014 SPE SOCIEDADE DE PROPÓSITO ESPECÍFICO Definição Sociedades de Propósito

Leia mais

RELATÓRIO ABEGÁS MERCADO E DISTRIBUIÇÃO. Ano II - Nº 07 - Janeiro/2008

RELATÓRIO ABEGÁS MERCADO E DISTRIBUIÇÃO. Ano II - Nº 07 - Janeiro/2008 RELATÓRIO ABEGÁS MERCADO E DISTRIBUIÇÃO Ano II - Nº 07 - Janeiro/2008 Sumário Panorama... 4 Estatísticas e Mercado... 5 Expediente Diretoria Executiva ABEGÁS - Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras

Leia mais

Nova Grade Curricular de Relações Internacionais. Primeiro Período. Introdução às Relações Internacionais História das Relações Internacionais I

Nova Grade Curricular de Relações Internacionais. Primeiro Período. Introdução às Relações Internacionais História das Relações Internacionais I Nova Grade Curricular de Primeiro Período Introdução às História das Política I Teoria Macroeconômica I Antropologia I Introdução à Filosofia Segundo Período História das I Economia Política História do

Leia mais

XII Seminário Internacional de Países Latinos Europa América.

XII Seminário Internacional de Países Latinos Europa América. XII Seminário Internacional de Países Latinos Europa América. La Gestión Contable, Administrativa y Tributaria en las PYMES e Integración Europa-América 23 24 de junio 2006 Santa Cruz de la Sierra (Bolívia)

Leia mais

CONTROLE EXTERNO GOVERNANÇA A E DESENVOLVIMENTO

CONTROLE EXTERNO GOVERNANÇA A E DESENVOLVIMENTO CONTROLE EXTERNO GOVERNANÇA A E DESENVOLVIMENTO Evento Tá na Mesa Federasul Federação das Associações Comerciais e de Serviços do Rio Grande do Sul Ministro João Augusto Ribeiro Nardes Presidente do TCU

Leia mais

www.s cbf.com.br NOVA ÁREA DE ATUAÇÃO DO ESCRITÓRIO: EMPRESAS EMERGENTES GUIA DE ENERGIA IFLR SEMINÁRIO MP 595 WORKSHOP AMCHAM

www.s cbf.com.br NOVA ÁREA DE ATUAÇÃO DO ESCRITÓRIO: EMPRESAS EMERGENTES GUIA DE ENERGIA IFLR SEMINÁRIO MP 595 WORKSHOP AMCHAM Caso ocorra erro de visualização, acesse nossa Versão Web ou Versão PDF São Paulo, 20 de agosto de 2013 N EW S O escritório Souza, Cescon, Barrieu & Flesch Advogados abre uma área especializada em apoiar

Leia mais

GESTÃO DE INCENTIVO DE LONGO PRAZO NO BRASIL

GESTÃO DE INCENTIVO DE LONGO PRAZO NO BRASIL GESTÃO DE INCENTIVO DE LONGO PRAZO NO BRASIL Versão Resumida Práticas de gestão e contabilização de planos de stock options e outros tipos de ILP - Incentivos de Longo Prazo Pesquisa PRIS 2014 www.pris.com.br

Leia mais