Caravana do Selo UNICEF 2006

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Caravana do Selo UNICEF 2006"

Transcrição

1

2

3 Caravana do Selo UNICEF 2006 Equipe Unicef Recife 2006 Fábio Atanásio de Morais Coordenador Ana Maria Andrade de Azevedo Oficial de projetos Jane Andrade dos Santos Oficial assistente de projetos Telmo Teixeira de Barros Assistente administrativo Lúcia Paiva - Secretária Irinéia de Freitas - Recepcionista Daniel Lima - Motorista Maria José Gouveia dos Santos Apoio Consultores: Conceição Cardozo (monitoramento e avaliação) Inácio França (comunicação) Lima, Samarone. Caravana do Selo Unicef Recife, Unicef, 2006 (Coleçao Faz e Conta vol III). 88 p.

4 Sumário Primeira semana 7 Segunda semana 41 Terceira semana 65

5 Ficha Técnica Caravana do Selo UNICEF 2006 Coordenação de Produção: Fabio Atanasio (UNICEF). Coordenação Executiva: Ana Azevedo (UNICEF). Produção Executiva: Valéria Pimentel Produção: Jane Santos, Irinéia Freitas, Telmo Barros e Conceição Cardoso (UNICEF). Administração: Lúcia Paiva (UNICEF) Design Gráfico: Via Design Projetos de Comunicação Sinalização do microônibus: Divulg Sinalização Fotografia: Mateus Sá e Luca Barreto (CANAL 03). Reportagem: Samarone Lima e Inácio França. Filmagem: Francisco Atanásio Júnior Confecção dos Baús de Leitura: Paulo Francisco Artista Plástico Espetáculo Brincadeiras de Palhaço : Circo da Trindade Palhaça Satélite: Regina Medeiros Palhaço Bicudo: Jaqueson Santana Palhaço Maquito: Anderson Santana Palhaça Sassete: Maria Luíza Trindade Operador de som e Contra-Regra: Hugo Nascimento Apresentação com Pernas de Pau: Brincantes Cênicos de Arcoverde Marcelo José dos Santos, Adriano Maciel de Morais, Vera Lúcia dos Santos Técnico de Som: Valentim Filho Condução da Equipe: Franklin (MARTUR) e Daniel Lima (UNICEF) Representação UNICEF em Cerimoniais de Entrega de Troféu, Certificado e Baú de Leitura: Fábio Morais, Ana Azevedo, Lúcia Paiva, Telmo Barros, Irinéia Freitas, Daniel Lima, Jane Santos, Conceição Cardoso e Inácio França.

6 Apresentação O Selo UNICEF Município Aprovado é, para nós, um processo de mobilização social de atores municipais pela proteção e garantia de direitos de crianças e adolescentes. Entretanto, essa iniciativa não será satisfatoriamente entendida se vista apenas pela lente da mobilização. O melhor e mais real entendimento da iniciativa acontece quando entramos fundo nas dinâmicas que motivam as pessoas do lugar a se irmanarem na formulação, operação e efetivo controle social das políticas publicas para promoção do bem comum. Nesse contexto, o Selo UNICEF Município Aprovado se coloca como um vigoroso instrumento que oportuniza, desde o cidadão comum até o mais expressivo dos gestores públicos, o diálogo e a proposição de alternativas que materializem os conteúdos preconizados pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. É na esteira desse entendimento que emerge o conceito do Selo como ação sustentada, resultado de uma perfeita combinação da motivação com o conhecimento que a orienta. Assim, surge a Caravana do Selo UNICEF Município Aprovado, que vai além da congratulação protocolar na entrega de troféus e certificados: resgata o processo e re-anima os diferentes atores que levaram o município a ser reconhecido pelo UNICEF. Para nós e muita gente que

7 a recebeu de braços abertos, a Caravana estimula ações de valorização da atenção integral para cada uma das crianças e adolescentes. A Caravana do Selo UNICEF também é um instrumento de mobilização social, na medida em que comemora com cada protagonista a aprovação municipal. É o encontro entre pessoas que atuaram em inúmeras ações de promoção dos direitos, acreditaram que é possível encontrar soluções e superar os desafios para garantir o desenvolvimento, o aprender, a proteção e o crescimento sem violência de cada criança e cada adolescente, prioridade absoluta das políticas públicas. Este terceiro exemplar da série Faz e Conta convida a percorrer os mais de 5 mil quilômetros da Caravana do Selo, com a equipe do UNICEF/Recife, artistas circenses, fotógrafos, jornalistas e todos os cidadãos e cidadãs que fizeram essa história em dezembro de A crônica dessa longa e prazerosa viagem é contada pelo jornalista Samarone Lima, autor dois dos primeiros volumes da série (Tempo de Crescer Saúde na Escola e A vitória da vida Redução da mortalidade infantil em Alagoas) e de outros dois livros-reportagem: Zé a biografia de José Carlos da Mata Machado (Editora Lê, 1998) e Clamor (Objetiva, 2005), além coletânea de crônicas Estuário crônicas do Recife (Bagaço, 2006) Tome o seu assento nessa viagem que visitou 31 Municípios Aprovados dos Estados de Alagoas, Paraíba e Pernambuco. Na bagagem, levaram e trouxeram novos sons, cores, saberes e sabores de um Semi-árido que não apenas conhece, mas que também reconhece cada um de seus meninos e meninas como verdadeiros sujeitos de direito. Boa Leitura! Fabio Atanasio de Morais

8 primeira semana 1

9

10 primeira semana Na tarde do dia 22 de dezembro de 2006, uma animada caravana chegou à praça Dom Malan, no centro de Petrolina, cidade pernambucana que faz divisa com a Bahia. Do microônibus decorado com fotos de crianças e adolescentes, desceram três artistas montados em suas enormes pernas-de-pau, maquiados e com roupas coloridas, acompanhados por três palhaços. Três integrantes da equipe do UNICEF Recife, um fotógrafo, um videasta e um jornalista completavam o grupo. O objetivo de todos era entregar à cidade o Selo UNICEF Município Aprovado, obtido junto ao UNICEF, após cumprir vários objetivos de saúde, educação, proteção, e desenvolver projetos e ações com intensa participação social, melhorando as condições de vida das crianças e adolescentes. O grupo disfarçou o cansaço e fez a festa para as crianças, especialmente as 25 que integravam o Coral Infantil da Igreja Batista Emanuel, ligada à APAE, que receberam os convidados com várias canções natalinas. A Caravana encerrava, naquela tarde, uma maratona de quilômetros, iniciada três semanas antes, quando saiu do Recife, rumo a João Pessoa. A trupe percorreu 30 municípios dos estados de Pernambuco, Paraíba e Alagoas, que conseguiram obter o Selo 1. Na bagagem, além do Selo, o UNICEF entregou 30 Baús de Leitura e levou para milhares de crianças e adolescentes a magia do circo. Coube ao prefeito da cidade, Fernando Bezerra Coelho, relembrar um fato importante. Acontecera justamente às margens do Rio São Francisco, em abril de 2005, o lançamento do Selo UNICEF/Município Aprovado. Era parte da mobilização social para estimular os municípios dos 11 Estados do Semi-Árido a participarem da iniciativa, parte do Pacto Nacional Um Mundo para a Criança e o Adolescente do Semi-Árido. Do total, l.l79 municípios se inscreveram. 1 Foram aprovados 31 municípios nos três estados, mas Orobó (PE) preferiu uma solenidade posterior.

11 Caravana Selo Unicef Município Aprovado Um ano e sete meses depois, foi suficiente para reduzir em 13,7% a mortalidade infantil e baixar de 9,2% para 6,8% o número de crianças desnutridas nesses municípios inscritos no Selo. Cresceu também em 13,3% o número de crianças na educação infantil. Foi o tempo também de incluir 50 mil crianças e adolescentes na série correspondente à sua idade, reduzindo a distorção idade-série. Esse é um prêmio simbólico que todos devemos abraçar, observou o prefeito, que destacou a ampla participação da sociedade civil, funcionários da prefeitura e secretários. Ele lembrou os grandes e pequenos gestos, que levaram o município a ser aprovado pelo Selo, e concluiu dizendo que Petrolina deu apenas alguns passos, ao confirmar a prioridade absoluta das crianças e adolescentes. 10 Temos outros passos a serem dados, frisou, repetindo o que vinha sendo dito por outros prefeitos, de cidades as mais diversas, ao longo de três semanas de Caravana. Coral infantil com 25 crianças recebeu a caravana do Selo Unicef em Petrolina

12 primeira semana Depois da entrega do Baú de Leitura, que sempre encerrava as apresentações, os integrantes da Caravana não tiveram dúvida. Foram imediatamente aproveitar o entardecer às margens do Rio São Francisco. Um banho no Velho Chico encerrou as três semanas de atividades intensas, com uma média de duas apresentações por dia, para milhares de crianças sorrindo para acolher os artistas. Festa sob a lua cheia Foi o momento de relembrar a turnê, que saiu do Recife no dia 4 de dezembro e fez a primeira escala no Teatro Santa Roza, em João Pessoa, onde estavam representantes do Governo do Estado, prefeitos e articuladores dos nove municípios paraibanos aprovados no Selo. No final daquela manhã, o grupo seguiu para Serra da Raiz, onde um trio elétrico fazia a recepção da Caravana, acompanhado por mais de 150 crianças. Palhaços e pernas-de-pau seguiram em cortejo até a Praça da Matriz, onde teve início a cerimônia e a festa. 11 Cerimônia no Teatro Santa Roza, em João Pessoa, foi o ponto de partida da caravana

13 Caravana Selo Unicef Município Aprovado 12 Festa em Serra da Raiz começou à tarde e só terminou quando a lua saiu Depois da apresentação do grupo de dança local, foi a vez dos Brincantes Cênicos de Arcoverde iniciarem suas acrobacias, em cima de pernas-de-pau. Marcelo José, de 23 anos, Vera Lúcia, de 18 e Adriano Maciel, de 17, deixaram as crianças embevecidas com uma série de estripulias. Depois, as palhaças do Circo da Trindade, Maria Luisa Lopes, de 21 anos, e Regina Medeiros, de 22, junto com os irmãos Jaqueson Santana, de 25, e Anderson Santana, de 20, apresentaram o espetáculo Brincadeiras de Palhaço. A festa da entrega do Selo na cidade foi entrando pela noite, iluminada por uma imensa lua cheia. No pátio da Igreja, com as luzes acesas, as crianças acompanharam atentamente toda a apresentação. Ficaram tão empolgadas com o que assistiram, que não resistiram. Na hora da entrega do Baú de Leituras, avançaram para pegar, tocar, ver o que tinha dentro.

14 primeira semana Crianças e banda de música nas ruas de Bananeiras para receber a equipe do Unicef Passarinhos livres em Bananeiras A Caravana chegou à sede da Prefeitura de Bananeiras às 10h da manhã do dia 5 de dezembro. Uma enorme mobilização das escolas da cidade levou centenas de crianças às ruas. Muitas estavam defronte ao palanque, e o grupo foi recebido pela secretária de Desenvolvimento Social, Márcia Maria Guimarães Santa Cruz. Ela falou rapidamente sobre uma enorme quantidade de trabalhos e iniciativas que estão sendo desenvolvidas no município, que tem habitantes, em esporte, música (como a bandinha marcial), artes, resgate do pastoril (que tinha sumido há 40 anos), danças tradicionais (xaxado, ciranda, xote etc). Enquanto os artistas da Caravana encantavam as crianças com as pernasde-pau, palhaços, Márcia explicou iniciativas mais simples, que estão mobilizando as crianças para o desenvolvimento. Citou o exemplo do programa de rádio Gente que sabe, exibido toda sexta-feira, às 15h30, na Rádio AM Integração do Brejo (da Diocese de Guarabira, cidade vizinha). Durante meia hora, crianças e adolescentes da cidade tomam conta do programa, fazem entrevistas, lêem notícias etc. Para fazer este trabalho, há um rodízio entre as 44 escolas, onde estudam cerca de alunos. O Programa vem funcionando desde março de 2006, por iniciativa do Selo. Três crianças participam ativamente do programa, recebem telefonemas, dão explicações sobre as campanhas de vacinação, estímulo ao voto, tudo acompanhado por dois professores, diz Márcia. Nós damos informações sobre o município, os fatos mais importantes, falamos sobre a importância do pré-natal e fazemos entrevistas, conta Adriana Pedro da Silva, de 12 anos. As novas locutoras da rádio têm, em média de 10 a 12 anos. Adla Rafaela, Daniele dos Anjos, Jéssica da Silva, falam com orgulho do Programa, ao lado de André Luiz Souza, Lidiane da Silva, Ana Catarina dos Anjos e Joice da Silva. 13

15 Caravana Selo Unicef Município Aprovado 14 Baú de Leitura reforça o dia de leitura nas escolas da rede pública Gilvaniza Maia, secretária de Educação, coordenadora e locutora do Programa, explica que a Prefeitura paga para utilizar a rádio uma vez por semana. A professora Aparecida Marques, surpervisora de educação do município, acompanha o grupo toda semana, e diz que a resposta dos ouvintes é surpreendente. Vem tanta carta, que fico impressionada. Ela observa que um dos aspectos mais importantes para as crianças e adolescentes, está relacionado com o desenvolvimento. A cada dia eles surpreendem mais, e mais crianças querem participar. Como o número de candidatos-locutores é muito grande, Aparecida tem que fazer testes de leitura. Após uma preparação, surgem as novas estréias. As crianças sempre colocam coisas que a gente não tinha combinado, têm muita autonomia, diz. Na última sexta-feira do mês, os alunos da rede pública passam pelo Dia da Leitura. A atividade, que visa o estímulo e reflexão sobre a leitura, é feita em todas as escolas, de forma coordenada.

16 primeira semana A prefeita Marta Eleonora Aragão recebeu a Caravana. Qualificou como gratificante receber o Selo Município Aprovado. É também um incentivo para os outros municípios, que não conseguiram ser aprovados, destacou. Ela informou que a ação articulada para o desenvolvimento das crianças e adolescentes do município envolveu as secretarias de Educação, Ação Social e Saúde. Todas as mulheres saem da maternidade com um kit-enxoval, o teste do pezinho em seu filho e o registro civil, frisou. Ela citou o exemplo do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), desenvolvido em parceria com o Governo Federal. Quando assumiu, em 2005, ela tinha 600 crianças, divididas em dois turnos. O que ela mais escutava das crianças era apenas uma frase: nós somos um bando de crianças brincando e brigando. A situação era tão complicada, que em abril do mesmo ano, todos os secretários da área social entregaram o cargo. Ela teve que contornar a imensa crise, para começar a mudar os rumos para as crianças e adolescentes em Bananeiras. 15 Atualmente, as oficinas do PETI têm reforços escolares em todas as turmas. Continua com 600 crianças, e outras 200 vagas foram abertas pela própria Prefeitura. As mães choram para conseguir uma vaga para seus filhos, diz. Em meio à animação dos atores na rua, vários profissionais acompanhavam seus alunos para a entrega do Selo. O educador Thyago Braz, de 19 anos, faz parte do projeto Defensor do Meio Ambiente, criado pela Secretaria de Meio Ambiente. Compromissso com a natureza reforçado em Bananeiras Através de palestras, passeios ecológicos e debates, os três educadores vão preparando uma nova geração de crianças e adolescentes preocupados com o meio-ambiente. Já são 11 os que se consideram Defensores. Uma delas, Ingri Danielle, de 11 anos, levou o assunto tão a sério, que

17 Caravana Selo Unicef Município Aprovado não teve dúvidas: soltou todos os passarinhos do seu avô, avaliados em mais de R$ 1 mil. Gostei muito do passeio ecológico para a reserva de Goiamunduba. Aprendi a não maltratar as árvores, reciclar papel, papelão e outras coisas. Agora estou ensinando o meu pai e minha mãe, conta Luana da Silva, de 11 anos, estudante da Escola Estadual Xavier Júnior. Thyago Braz explica que o projeto Defensor criou uma parceria de reciclagem de papel com a Universidade Federal da Paraíba. Outro que faz questão de vestir a camisa verde do grupo é Eduardo de Araújo Gomes Barbosa, de 11 anos. Hoje protejo melhor a natureza, conta. 16 Em meio à toda agitação, Maria Alaíde dos Santos Bezerra não largava as mãos de algumas crianças da Creche Donzinha Bezerra. Ela tem uma turma com 14 alunos, e passa o dia inteiro acompanhando as crianças. De manhã, eles têm aulas com uma professora, à tarde com outra. Todos têm uma média de cinco anos, e fico cuidando deles, explica. Foi a vitória do trabalho em conjunto Araruna mobilizou todas as escolas municipais urbanas (cinco) e rurais (28), para receber a Caravana. Outras quatro escolas estaduais também entraram no clima de confraternização e reconhecimento. A chegada dos palhaço e pernas-de-pau, defronte à agência do banco do Brasil, foi a senha para iniciar uma caminhada festiva até a Praça Rio Branco, no centro da cidade, onde começou a solenidade. Um grupo de capoeira fez a apresentação inicial, e o momento da entrega oficial do Selo foi aberto com o hino da cidade. Ana Azevedo, do UNICEF, entregou o troféu e o Selo ao prefeito, Avaíldo Azevedo, destacando os principais avanços obtidos pelo município, para ser um dos selecionados. O agradecimento deve ser ao articulador e a todos os secretários, que

18 primeira semana trabalharam juntos pelas crianças e adolescentes do nosso município, destacou Avaíldo. No palco, Maria Helena Brito Moreira comemorava em silêncio. Articuladora municipal, Helena celebrou justamente o que o prefeito citou em seu agradecimento o trabalho coletivo, Juntamos as secretarias de Educação, Saúde e Ação Social, e conseguimos fazer coisas importantes, lembrou. A apresentação teatral dos palhaços da Caravana mobilizou as crianças. Maria Helena destacou a chegada do Baú de Leitura, que chegou justamente quando a cidade estava se inscrevendo no projeto Pró-Letramento, do MEC/Governo Federal. Foi muito importante o Baú, porque nossos professores estão sendo capacitados para trabalhar com a leitura nas escolas, observou a articuladora, logo depois. Estamos pensando agora em fazer outros baús com nossos próprios recursos, destacou. 17 Uma pequena homenagem foi feita aos integrantes da Caravana. Um O trabalho integrado entre as secretarias foi celebrado em Araruna

19 Caravana Selo Unicef Município Aprovado bolo foi preparado especialmente para ser oferecido, ao final da cerimônia. Após a partilha, a Caravana voltou à estrada. O próximo objetivo era Esperança. O dia em que cheguei a Esperança 18 Já são vários dias na estrada, acompanhando uma Caravana do UNI- CEF. Chegamos, a trupe de artistas faz uma festa imensa com a criançada, palhaços e pernas-de-pau arrancam sorrisos generosos, vou tomando nota de tudo, entrevistando gente. Após a festa, o prefeito recebe um selo de Município Aprovado, e seguimos para outro canto. Já fomos para Bananeiras, Serra da Raíz, Araruna, voltamos para Bananeiras, hoje chegamos em Esperança. Isso só na Paraíba. Depois vem Pernambuco e Alagoas, que conheço bem. Escrevo de Picuí, porque as lan house de Esperança e Bananeiras são lentas, e não dá para postar nada. Foi isso que anotei em meu diário de viagem, pois o fato é que eu estava louco para chegar a Esperança. Só o nome da cidade valia a pena. Já imaginaram a pergunta: Você é de onde? Esperancense. Eu faria uma licença poética e responderia: Sou esperançoso. Chegamos a cidade hoje, às 9h04 e pensem num sol do Semi-Árido paraibano. Num lugar simples, o prefeito João Delfino e quase todos os vereadores. Um carro de som foi designado para acompanhar a Caravana desde a entrada da cidade. Tocava o Tema da Vitória, aquela música que a TV botava no ar quando o Ayrton Senna ganhava, o que atrapalhou deveras o trabalho musical da Banda Sinfônica Prefeito Luís Martins de Oliveira, fundada a 1 de dezembro de 1973, atualmente com 24 músicos.

20 primeira semana Adolescentes são protagonistas das iniciativas de inclusão na Paraíba Passamos pelo Supermercado Esperança, Sapataria Esperança, Esperança Temperos, e finalmente o Educandário Santa Catarina de Alexandria, uma santa que, inclusive, eu desconhecia por completo. Alguém foi designado para ir soltando fogos, o que me preocupou intensamente, porque tinha muita criança no caminho. Chegamos ao Ginásio Vovozão. Parecia dia de clássico. Estava lotado até a tampa. Os palhaços e pernas de pau fizeram a alegria da criançada. Fiquei anotando tudo. Fiquei sabendo que em 2001, apenas 89,01% das mulheres faziam pré-natal. Ano passado, o número passou para 97,35%. São muitos dados bacanas que o UNICEF acompanhou e cobrou, antes de fornecer o afamado Selo, que dá um cartaz danado para a cidade. Mas o meu negócio é gente. Conversei com o senhor Thierry Walquer, aluno da terceira série. Antes que me perguntem, o nome dele é esse mesmo, igual ao francês que botou a gente pra fora da Copa. Ele resolveu, por conta própria, fazer uma rádio na Escola Municipal Professora Maria Lopes, e conseguiu o apoio da diretora. Todo dia, na hora do recreio, que aqui é às 15h30, tem o programa dele, do Thierry, que tem um sorrisão imenso de bom. O camarada, simpaticíssimo e voz de locutor, coloca músicas, dá recados, avisos sobre a coleta seletiva de lixo. E não tem esse negócio de grade de programação, nada, é na raça mesmo. Meus colegas estão adorando, diz. Das 27 escolas do município (5.100 alunos), 17 já têm conselhos escolares registrados. Recebem verba diretamente do MEC, sem passar pela mão do Prefeito, um tal Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), do Governo Federal, que eu nem sabia existir. Aliás, cada vez mais que viajo pelo interior do Nordeste, especialmente o Semi-Árido, concordo com a idéia de que há brasis que não se encontram e nem sabem um do outro. Tem ricaço no Recife que gasta R$ 3 mil num almoço em restau- 19

21 Caravana Selo Unicef Município Aprovado Iniciativas e programas sociais bem-sucedidos: Esperança faz juz ao nome 20 rante bacana, e tem escola, por aqui, que faria uma revolução na cidade com metade desse dinheiro. Foi uma manhã inteira de apresentações. Vi o Corpo de Danças Xique-Xique, um aluno de uma escola tocou flauta doce (a insuperável Asa Branca, música predileta de qualquer tocador de flauta doce), vi os alunos de uma creche dançarem, vi os alunos da APAE se apresentarem, vi a Capoeira de sempre, vi o coral Cantando Esperança. Vi mais que isso. Vi professores com os olhos brilhando com seus alunos, vi gente simples bem vestida, vi mães contentes porque os filhos estão sabendo ler, vi uma escola entupida de livros já para o ano que vem. Saímos do Vovozão depois do meio dia, o sol nos cascos. O negócio é cansativo, não dá tempo nem de chegar, fazer amizades, que o ônibus do UNICEF já está saindo para outra cidade. Até dia 23, serão mais 28 cidades, creio, que andam se enchendo de esperança.

22 primeira semana Festas em ginásios esportivos marcaram as visitas da Caravana Vou correndo, que a Caravana está saindo. Perdão pelos erros, é que estou escrevendo às pressas, nem deu tempo falar do agente de saúde que quase me fez chorar, mas isso é coisa para outro dia, quando a poeira baixar. 21 Picuí conquistou A praça central de Picuí estava repleta de crianças. Um detalhe da organização do município, que também se espalharia por várias outras cidades do Semi-Árido: foram confeccionadas diversas camisas com a logomarca do Selo e os dizeres: Picuí conquistou. A filarmônica Coronel Antônio Xavier, fundada em 1883, orgulhosamente apontada pelos músicos como a segunda mais antiga da Paraíba, recebeu a Caravana. Os 29 músicos abriram a caminhada, sendo acompanhados por alunos de várias escolas municipais e 60 crianças do Peti. Thenis Macedo, educadora social do PETI, organizou a apresentação do

23 Caravana Selo Unicef Município Aprovado 22 Em Picuí, as famílias das crianças ajudaram a organizar a recepção à Caravana do Unicef Sexteto de Flauta. Ela contou que os meninos ficam de manhã realizando atividades do Programa, e à tarde vão para a escola. O Projeto AABB Comunidade acompanha outras 150 crianças da cidade. Em meio à algazarra das crianças, palhaços, educadores, estava Ângela Maria Dantas, que é voluntária da Escola Municipal Ana Maria Gomes. Sua filha, Elizângela Silveira Dantas, de 11 anos, estuda na 6a série. Tudo o que tiver de atividade na escola, eu ajudo. Se acho que minha filha está escrevendo e a escola está sendo boa, eu ajudo, diz. Ela gosta de participar de qualquer iniciativa e se denomina uma amiga da escola. Para receber a Caravana, Ângela foi à escola no dia anterior. Ajudou

24 primeira semana os professores a pintarem faixas, preparou fantoches, deu sugestões na programação. Enchi tanta bola que estou com os lábios assados, disse. O cortejo dos pernas-de-pau até a Igreja de São Sebastião foi acompanhado por cerca de 2 mil pessoas, a maioria crianças. Gilma Vasconcelos da Silva Germano, secretária de Ação Social e articuladora municipal, disse que o município conseguiu o Selo graças ao trabalho integrado das várias secretarias. Entre as várias iniciativas, ela destacou o Programa Bêbê do Futuro, que envolve saúde, prevenção social e educação. Cuidamos das nossas crianças a partir da gestação, explicou Gilma. Neste período, a mãe tem o acompanhamento pré-natal e teste de HIV. Ao final, se cumprir os objetivos do Programa, a mãe recebe um kit básico e sai do hospital com a certidão de nascimento. 23 Outra iniciativa do município foi estimular doações para o Fundo Municipal da Criança e do Adolescente. O programa Adote uma criança, que prevê jornada ampliada, com aulas de música, dança, pintura, conseguiu envolver 120 crianças, com uma forte participação dos empresários da cidade. Estamos todos muito felizes, satisfeitos. A gente sempre se reúne, vê os indicadores, cobra das equipes. Todos sabem que o Selo é resultado da participação deles, diz a articuladora, se referindo aos funcionários da Prefeitura que se envolveram na mobilização pró-selo. Depois de percorrer as cidades da Paraíba e entregar quatro selos, a caravana foi para Campina Grande, onde pernoitou. No dia 7 de dezembro, foi a vez de ir ao Recife, no Palácio do Campo das Princesas, onde o governador Mendonça Filho recebeu 15 prefeitos e articuladores dos municípios aprovados em Pernambuco.

25 Caravana Selo Unicef Município Aprovado Parada no Palácio do Governo de Pernambuco, antes de voltar para a estrada 24 Os palhaços e pernas-de-pau receberam os convidados à saída do Palácio. Ao final da manhã, a caravana já estava de volta à estrada. O objetivo era chegar a Camutanga, primeira cidade pernambucana a receber a Caravana. O restante da Paraíba ficaria para outro momento. Até o domingo, dia 10 de dezembro, a Caravana teria muito chão pela frente. Depois de Camutanga, seriam visitados Lagoa do Carro, João Alfredo, Limoeiro, Casinhas e Chã de Alegria. Camutanga: E os resultados? Um grupo de integrantes do projeto Saber Viver, programa social da Associação Atlética Banco do Brasil que atende a 110 adolescentes, recebeu a Caravana em Camutanga, à entrada da cidade. Três vezes por semana, eles têm acesso à AABB de Timbaúba, cidade a 15 quilômetros, onde têm aulas complementares de música, praticam esportes etc. A AABB fornece material didático, alimentação e a estrutura física, enquanto a prefeitura entra com transporte e pagamento de monitores e psicólogos.

26 primeira semana Crianças beneficiadas por projeto da AABB acolhe a caravana em Camutanga No trajeto até a Casa de Festejos O Gonzagão, onde seria feita a entrega do Selo, a articuladora Zilma Albuquerque, fez informou à população, através do carro de som, sobre os principais índices de desenvolvimento da cidade. 25 E aí, gente? E os resultados? Temos moradores, e 39,5% deles é de crianças e adolescentes. Nosso IDH, que era de 0,48, subiu para 0,54, explicava. Apesar de ser uma linguagem difícil, dava para entender que algo na cidade tinha mudado para melhor. A estudante Laysa Correia, de 13 anos, que cursa a 7ª série da Escola Municipal Júlio Maria, acompanhava a caminhada com pernas-de-pau e palhaços, e confirmou em outras palavras o que a articuladora mostrou em números. A escola está melhor mil vezes. Os professores estão melhor capacitados, tiram qualquer dúvida. Melhorou muito o transporte da zona rural. Antes, os estudantes vinham de caminhão e a pé. Hoje, temos

27 Caravana Selo Unicef Município Aprovado ônibus, disse. Ela também elogiou bastante a merenda escolar, que tem sopa, galinha, inhame etc. Laysa pretende ser professora, porque adora estudar Inglês. Já próximo ao Gonzagão, várias faixas davam boas-vindas à Caravana UNICEF: Camutanga recebe a Caravana do UNICEF de braços abertos. Cerca de 500 crianças estavam na casa de festejos. Um grande mural foi preparado, mostrando ações como a mobilização contra a dengue, entrega de enxovais às mães, campanhas de vacinação etc. Dados mostravam, por exemplo, que a taxa de desnutrição no município, que era de 13,28% em 2003, reduziu para 1,34% em junho de Em seu discurso, o prefeito Armando Pimentel lembrou que a cidade já chegou a ter 129 mortes por mil nascidos. Hoje, o número reduziu para 19 por mil. Por este Selo, vamos lutar mais ainda, garantiu, antes de começar as apresentações dos artistas da Caravana. Jane Andrade, membro da equipe UNICEF Recife, lembrou que Camutanga foi a cidade que mais avançou em Pernambuco. Quero estar daqui a dois anos, dizendo que Camutanga é bi-campeã, complementou. A gente conquistou O dia 7 de dezembro foi o mais longo e cansativo da Caravana. O grupo se deslocou de Camutanga a Limoeiro, chegando já à noite. À entrada da cidade, a articuladora Georgina Maria, secretária de Assistência Social, estava esperando, para dar início a uma grande carreata pelas ruas

28 primeira semana Em Limoeiro, a única festa noturna da longa viagem. da cidade. Às 19h40, uma salva de fogos deu início à carreata, que atravessou os vários bairros de Limoeiro. 27 Quase uma hora depois, o cortejo chegou à Praça da Bandeira, onde um grande palco foi montado, especialmente para o evento. A Orquestra Municipal 25 de Setembro, sob a regência do maestro Pepêe, abriu a cerimônia, com uma seleção de frevo. Georgina foi a primeira a falar. Não é que a gente ganhou. A gente conquistou. Maestro Pepêe, o padre, a irmã Marta etc. Uma faixa ao lado do palco homenageava as crianças da cidade: Uma cidade é feita da invenção dos homens e dos sonhos das crianças. Ao final da cerimônia, a secretária de Educação, Nelma Bezerra, recebeu o Baú de Leitura.

29 Caravana Selo Unicef Município Aprovado Uma cidade em festa Capoeiristas, grupo de caboclinhos do PETI, pessoas em situação de deficiência, crianças que tocavam flauta, grupo de idosos em movimento, exposição de fotos, integrantes do Alô Dr. Saúde, que fazem uma campanha de prevenção ao HIV, além de muito algodão doce, picolé e pula-pula, receberam a Caravana, na manhã do dia 8 de dezembro. Lagoa do Carro estava literalmente em festa. Um bloco de agentes de saúde, vestidos de palhaço, se encontrou com os palhaços da Caravana. A gente usa fantoches, faz animação como palhaços. O objetivo é fazer nosso trabalho de maneira divertida, explicou Josineide Maria dos Santos, 32 anos, agente de saúde há Enquanto o prefeito Antônio Carlos Guerra Barreto agradecia a presença da Caravana e explicava que o prefeito não faz nada só, a enfer- Em Lagoa do Carro, agentes de saúde seduzem as crianças com alegria

FUGA de Beatriz Berbert

FUGA de Beatriz Berbert FUGA de Beatriz Berbert Copyright Beatriz Berbert Todos os direitos reservados juventudecabofrio@gmail.com Os 13 Filmes 1 FUGA FADE IN: CENA 1 PISCINA DO CONDOMÍNIO ENTARDECER Menina caminha sobre a borda

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca Programa transmitido em 26 de fevereiro

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

No dia 21 de setembro as aulas iniciaram e eu estava super emocionada!

No dia 21 de setembro as aulas iniciaram e eu estava super emocionada! No dia 21 de setembro as aulas iniciaram e eu estava super emocionada! Hoje já não me dou conta mas foi assim era uma nova escola, novos colegas, novos desafios e, para desafio, tinha de estar cheia de

Leia mais

REGISTROS CIRCUITO CULTURAL DUKE ENERGY TENDO COMO PARCEIRO O TEATRO DE TÁBUAS. MIRANTE DO PARANAPANEMA - SP

REGISTROS CIRCUITO CULTURAL DUKE ENERGY TENDO COMO PARCEIRO O TEATRO DE TÁBUAS. MIRANTE DO PARANAPANEMA - SP 1 REGISTROS CIRCUITO CULTURAL DUKE ENERGY TENDO COMO PARCEIRO O TEATRO DE TÁBUAS. MIRANTE DO PARANAPANEMA - SP Data: 07/08/2012 Horário: 18h00min às 20h. Local: Centro Cultural Município: Mirante do Paranapanema

Leia mais

ENTRE FRALDAS E CADERNOS

ENTRE FRALDAS E CADERNOS ENTRE FRALDAS E CADERNOS Entre Fraldas e Cadernos Proposta metodológica: Bem TV Educação e Comunicação Coordenação do projeto: Márcia Correa e Castro Consultoria Técnica: Cláudia Regina Ribeiro Assistente

Leia mais

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Carnaval 2014 A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Nesta noite vamos fazer uma viagem! Vamos voltar a um tempo que nos fez e ainda nos faz feliz, porque afinal como

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

MINHA HISTÓRIA NO NOVOTEL

MINHA HISTÓRIA NO NOVOTEL MINHA HISTÓRIA NO NOVOTEL Lembro-me que haviam me convocado para uma entrevista de trabalho no NOVOTEL. Lembro-me de estar ansioso e ter passado a noite anterior preparando a minha entrevista. Como iria

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

Terça-feira, 07.12.10

Terça-feira, 07.12.10 Terça-feira, 07.12.10 Pensamento do dia Não basta conquistar a sabedoria: é preciso saber usá-la. Cícero EM BENEFÍCIO DE ou CONTRA? A frase é: A campanha é em benefício da criminalidade infantil. O adequado

Leia mais

O Livro de informática do Menino Maluquinho

O Livro de informática do Menino Maluquinho Coleção ABCD - Lição 1 Lição 1 O Livro de informática do Menino Maluquinho 1 2 3 4 5 6 7 8 Algumas dicas para escrever e-mails: 1. Aprender português. Não adianta fi car orgulhoso por mandar um e-mail

Leia mais

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível).

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível). , Luiz Inácio Lula da Silva, durante a inauguração da República Terapêutica e do Consultório de Rua para Dependentes Químicos e outras ações relacionadas ao Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack São

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

Relatório de Grupo. 1º Semestre/2015

Relatório de Grupo. 1º Semestre/2015 Relatório de Grupo 1º Semestre/2015 Turma: Maternal B Professora: Larissa Galvão de Lima Professora auxiliar: Giseli Jancoski Floriano Coordenação: Lucy Ramos Torres Professora: Eleonora Dantas Brum Professora

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 37 Discurso na cerimónia de retomada

Leia mais

Fotos: Luís Antônio Rodrigues. No Perfil Ché & Colin

Fotos: Luís Antônio Rodrigues. No Perfil Ché & Colin Fotos: Luís Antônio Rodrigues No Perfil & Perfil Em meio às gravações no estúdio Brothers da Lua do músico, juntamente com o gravamos uma entrevista, onde eles nos contam como começou essa amizade e parceria,

Leia mais

Circuito Usiminas de Cultura

Circuito Usiminas de Cultura 5 Itaúna, 23 de maio de 2014 Miss Comerciária Estadual neste sábado Circuito Usiminas de Cultura resgatam histórias de Itaúna, poderá ser conferida no Varal Fotográfico, da CINEAR. Ele vai reunir fotografias

Leia mais

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares BOLA NA CESTA Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares 25/04/2012 SINOPSE Essa é a história de Marlon Almeida. Um adolescente que tem um pai envolvido com a criminalidade. Sua salvação está no esporte.

Leia mais

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo:

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: 1) Complete as frases abaixo com o pretérito perfeito dos seguintes

Leia mais

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015

NOTÍCIAS. Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal. V.4 - N.4 - Setembro de 2015 V.4 - N.4 - Setembro de 2015 Vilma Lúcia da Silva 05 Assessora de Comunicação do Parque da Cidade Parque da Cidade é o escolhido para grandes eventos em Natal Só no mês de setembro o Parque da Cidade recebeu

Leia mais

Ong contribui para qualificação de jovens

Ong contribui para qualificação de jovens Ong contribui para qualificação de jovens O Instituto de Pesquisa e Tecnologia Gerencial Aplicada IPGA tem proporcionado para jovens, desde 2005, oportunidades de qualificação profissional e, consequentemente,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 68 Discurso na cerimónia de lançamento

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

Associação Lar do Neném

Associação Lar do Neném Criança Esperança 80 Associação Lar do Neném Recife-PE Marília Lordsleem de Mendonça Abraço solidário Todas as crianças são de todos : esse é o lema do Lar do Neném, uma instituição criada há 26 anos em

Leia mais

JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1

JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1 1 JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1 ENTREGADOR DE CARGAS 32 ANOS DE TRABALHO Transportadora Fácil Idade: 53 anos, nascido em Quixadá, Ceará Esposa: Raimunda Cruz de Castro Filhos: Marcílio, Liana e Luciana Durante

Leia mais

Comunicação JOGOS TEATRAIS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DO MATERNAL E EDUCAÇÃO INFANTIL

Comunicação JOGOS TEATRAIS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DO MATERNAL E EDUCAÇÃO INFANTIL Comunicação JOGOS TEATRAIS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DO MATERNAL E EDUCAÇÃO INFANTIL ROSA, Maria Célia Fernandes 1 Palavras-chave: Conscientização-Sensibilização-Transferência RESUMO A psicóloga Vanda

Leia mais

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Escola Municipal de Ensino Fundamental David Canabarro Florianópolis, 3892 Mathias Velho/Canoas Fone: 34561876/emef.davidcanabarro@gmail.com DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Nome: Stefani do Prado Guimarães Ano

Leia mais

entre as crianças Ciate: sucesso absoluto Conheça o Iate

entre as crianças Ciate: sucesso absoluto Conheça o Iate Ciate: sucesso absoluto entre as crianças Em 2008, o Iate Clube de Brasília comemora o sucesso do Centro Infanto Juvenil - Ciate. Depois de 12 anos de fundação, o espaço é muito procurado pelos sócios,

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO ABRIL / MAIO / JUNHO

RELATÓRIO TÉCNICO ABRIL / MAIO / JUNHO RELATÓRIO TÉCNICO BANCO DO LIVRO SA - CURVELO / MG ABRIL / MAIO / JUNHO 2005 INTRODUÇÃO O Banco do Livro tem sua marca registrada pela dialogia. Nossos usuários gostam que seus nomes sejam lembrados nas

Leia mais

Como utilizar este caderno

Como utilizar este caderno INTRODUÇÃO O objetivo deste livreto é de ajudar os grupos da Pastoral de Jovens do Meio Popular da cidade e do campo a definir a sua identidade. A consciência de classe, ou seja, a consciência de "quem

Leia mais

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo Era uma vez a família Rebolo, muito simpática e feliz que vivia na Amadora. Essa família era constituída por quatro pessoas, os pais Miguel e Natália e os seus dois filhos Diana e Nuno. Estávamos nas férias

Leia mais

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social O Projeto Social Luminando O LUMINANDO O Luminando surgiu como uma ferramenta de combate à exclusão social de crianças e adolescentes de comunidades

Leia mais

Em primeiro lugar, deverá encaixar a frase 2 dentro da frase 1, tal como nos exemplos seguintes:

Em primeiro lugar, deverá encaixar a frase 2 dentro da frase 1, tal como nos exemplos seguintes: CÓDIGO DE IDENTIFICAÇÃO Neste exercício deverá transformar conjuntos de duas frases numa frase apenas. Em primeiro lugar, deverá encaixar a frase 2 dentro da frase 1, tal como nos exemplos seguintes: 1)

Leia mais

O início de minha vida...

O início de minha vida... Relato 1 Memórias de minha vida Juliana Pedroso 1 O início de minha vida... Perceber com clareza é o mesmo que ter a visão iluminada pela Luz da Alma. Podemos ficar livres da ignorância e ver corretamente

Leia mais

A alegria do circo contagiou a entrega de brinquedos

A alegria do circo contagiou a entrega de brinquedos ANO XXXIX Nº 452 JANEIRO DE 2010 ::empresa:: Safra 2009 Veja os resultados da safra no grupo ::empresa:: Relógio de Ouro 31 funcionários foram homenageados ::ação social :: Entrega de Brinquedos Instituições

Leia mais

Professor BÓRIS em O DIREITO DE SER CRIANÇA

Professor BÓRIS em O DIREITO DE SER CRIANÇA Professor BÓRIS em O DIREITO DE SER CRIANÇA AUTORA Luciana de Almeida COORDENAÇÃO EDITORIAL Sílnia N. Martins Prado REVISÃO DE TEXTO Katia Rossini PROJETO GRÁFICO E DIAGRAMAÇÃO Linea Creativa ILUSTRAÇÕES

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

Parceria MAJ e UNILEVER

Parceria MAJ e UNILEVER Parceria MAJ e UNILEVER Histórico 2007: Primeiro ano de parceria da empresa com o Museu de Arte Jovem, atendendo 700 alunos em sete municípios de quatro Estados brasileiros (Pernambuco, Goiás, Minas Gerais

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

Semana Missionária Salesiana II Manda-me, Senhor!

Semana Missionária Salesiana II Manda-me, Senhor! 2ª feira, 23 de fevereiro: Empenho missionário de D. Bosco Bom dia! Hoje iremos aprofundar uma das cenas que será representada na cerimónia de abertura dos jogos nacionais salesianos. Vamos falar sobre

Leia mais

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto.

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto. Boa tarde a todos, para quem não me conhece sou o Ricardo Aragão Pinto, e serei o Presidente do Concelho Fiscal desta nobre Fundação. Antes de mais, queria agradecer a todos por terem vindo. É uma honra

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO)

EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO) Explorando a obra EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO) INTRODUÇÃO Antes da leitura Peça para que seus alunos observem a capa por alguns instantes e faça perguntas: Qual é o título desse livro?

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

A criança e as mídias

A criança e as mídias 34 A criança e as mídias - João, vá dormir, já está ficando tarde!!! - Pera aí, mãe, só mais um pouquinho! - Tá na hora de criança dormir! - Mas o desenho já tá acabando... só mais um pouquinho... - Tá

Leia mais

Assunto: Entrevista com a primeira dama de Porto Alegre Isabela Fogaça

Assunto: Entrevista com a primeira dama de Porto Alegre Isabela Fogaça Serviço de Rádio Escuta da Prefeitura de Porto Alegre Emissora: Rádio Guaíba Assunto: Entrevista com a primeira dama de Porto Alegre Isabela Fogaça Data: 07/03/2007 14:50 Programa: Guaíba Revista Apresentação:

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter Distribuição digital, não-comercial. 1 Três Marias Teatro Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter O uso comercial desta obra está sujeito a direitos autorais. Verifique com os detentores dos direitos da

Leia mais

DATAS COMEMORATIVAS. FESTAS JUNINAS 12 de junho Santo Antônio 24 de junho São João 29 de junho São Pedro

DATAS COMEMORATIVAS. FESTAS JUNINAS 12 de junho Santo Antônio 24 de junho São João 29 de junho São Pedro FESTAS JUNINAS 12 de junho Santo Antônio 24 de junho São João 29 de junho São Pedro As festas juninas fazem parte da tradição católica, mas em muitos lugares essas festas perderam essa característica.

Leia mais

Terceiro Relatório de Intercâmbio de Longa Duração

Terceiro Relatório de Intercâmbio de Longa Duração Terceiro Relatório de Intercâmbio de Longa Duração Carlos Araujo RCRJ/Nova Iguaçu Odense, Danmark. Os últimos meses chegaram e já passaram. No geral, aconteceram muitos encontros com os intercambistas

Leia mais

Projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil

Projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil Projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil - Justificativa: O projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil iniciou no segundo semestre

Leia mais

NURAP 2 NURAP 3. Colaboração: Aprendizes Raquel André Silva

NURAP 2 NURAP 3. Colaboração: Aprendizes Raquel André Silva EXPEDIENTE Ano 3 - Dezembro - Edição 29 NURAP em revista é uma publicação do NURAP ( Núcleo de Aprendizagem Profissional) Destinada aos seus parceiros e aprendizes. Colaboração: Aprendizes Raquel André

Leia mais

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai BOM DIA DIÁRIO Segunda-feira (04.05.2015) Maria, mãe de Jesus e nossa mãe Guia: 2.º Ciclo: Padre Luís Almeida 3.º Ciclo: Padre Aníbal Afonso Mi+ Si+ Uma entre todas foi a escolhida, Do#- Sol#+ Foste tu,

Leia mais

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na visita ao Assentamento Lulão

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na visita ao Assentamento Lulão , Luiz Inácio Lula da Silva, na visita ao Assentamento Lulão Santa Cruz de Cabrália-BA, 28 de setembro de 2005 Meu caro governador Paulo Souto, governador do estado da Bahia, Meu querido companheiro Miguel

Leia mais

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE Mesmo não acreditando na Educação Criativa, o professor pode fazer uma experiência para ver o resultado. É o caso da professora deste relato. Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br

Leia mais

SEMANA NACIONAL DA EDUCAÇÃO INFANTIL PROGRAMAÇÃO - 2015

SEMANA NACIONAL DA EDUCAÇÃO INFANTIL PROGRAMAÇÃO - 2015 SEMANA NACIONAL DA EDUCAÇÃO INFANTIL PROGRAMAÇÃO - 2015 CRECHE SANTA BÁRBARA DIA 24/08/2015 - Segunda-feira Manhã: Horário: 08h as 10h Circuito Esportivo ministrado pela professora Gilvania (Ed. Física)

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO E MEIO AMBIENTE DE CARA LIMPA COM A NATUREZA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO E MEIO AMBIENTE DE CARA LIMPA COM A NATUREZA PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO E MEIO AMBIENTE DE CARA LIMPA COM A NATUREZA Cuiabá- 2009 I - Apresentação Este Programa pretende sensibilizar a sociedade cuiabana para

Leia mais

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre.

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre. ]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. ANO 2013-1ª EDIÇÃO A equipe gestora está sempre preocupada com o desempenho dos alunos e dos educadores, evidenciando

Leia mais

Rio de Janeiro-RJ, 07 de março de 2007

Rio de Janeiro-RJ, 07 de março de 2007 Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de inauguração dos condomínios do Programa de Arrendamento Residencial em Santa Cruz Rio de Janeiro-RJ, 07 de março de 2007

Leia mais

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53 Rio de Janeiro Sumário Para início de conversa 9 Família, a Cia. Ltda. 13 Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35 Cardápio de lembranças 53 O que o homem não vê, a mulher sente 75 Relacionamentos: as Cias.

Leia mais

Registro da Experiência: Acampamento Vaga Lume 2008

Registro da Experiência: Acampamento Vaga Lume 2008 Registro da Experiência: Acampamento Vaga Lume 2008 A Vaga Lume é uma organização social de interesse público, sem fins lucrativos, fundada a partir da crença de que o investimento em seres humanos é a

Leia mais

APÊNDICE A - Músicas

APÊNDICE A - Músicas APÊNDICE A - Músicas Músicas 1 GUT GUT SEM PARAR Adaptação ao meio líquido Bebeu a água da piscina toda Fui ver quem era, era o João Ele bebia a água da piscina Ele fazia gut gut gut gut gut sem parar

Leia mais

10 segredos para falar inglês

10 segredos para falar inglês 10 segredos para falar inglês ÍNDICE PREFÁCIO 1. APENAS COMECE 2. ESQUEÇA O TEMPO 3. UM POUCO TODO DIA 4. NÃO PRECISA AMAR 5. NÃO EXISTE MÁGICA 6. TODO MUNDO COMEÇA DO ZERO 7. VIVA A LÍNGUA 8. NÃO TRADUZA

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

Não é o outro que nos

Não é o outro que nos 16º Plano de aula 1-Citação as semana: Não é o outro que nos decepciona, nós que nos decepcionamos por esperar alguma coisa do outro. 2-Meditação da semana: Floresta 3-História da semana: O piquenique

Leia mais

Autor (a): Januária Alves

Autor (a): Januária Alves Nome do livro: Crescer não é perigoso Editora: Gaivota Autor (a): Januária Alves Ilustrações: Nireuda Maria Joana COMEÇO DO LIVRO Sempre no fim da tarde ela ouvia no volume máximo uma musica, pois queria

Leia mais

A.C. Ilustrações jordana germano

A.C. Ilustrações jordana germano A.C. Ilustrações jordana germano 2013, O autor 2013, Instituto Elo Projeto gráfico, capa, ilustração e diagramação: Jordana Germano C736 Quero-porque-quero!! Autor: Alexandre Compart. Belo Horizonte: Instituto

Leia mais

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus O PIL KIDS foi desenvolvido para ajudar na fixação das lições das revistas EBD infantil da Editora Betel de forma lúdica e contém várias atividades semanais elaboradas dentro de uma perspectiva e linguagem

Leia mais

FIM DE SEMANA. Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa

FIM DE SEMANA. Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa FIM DE SEMANA Roteiro de Curta-Metragem de Dayane da Silva de Sousa CENA 1 EXTERIOR / REUNIÃO FAMILIAR (VÍDEOS) LOCUTOR Depois de uma longa semana de serviço, cansaço, demoradas viagens de ônibus lotados...

Leia mais

Jornal Informativo - Edição Agosto 2014. Acima, foto da equipe Sub 17 Educando/Dois toques e abaixo, foto da equipe feminina do XV de Piracicaba

Jornal Informativo - Edição Agosto 2014. Acima, foto da equipe Sub 17 Educando/Dois toques e abaixo, foto da equipe feminina do XV de Piracicaba Jornal Informativo - Edição Agosto 2014 PRINCIPAL: Amistoso Projeto Dois Toques x Feminino do XV Cerimônia de Abertura Copa Rocha Netto Premiação Copa do Mundo do Brasil 2º Curso de Capacitação Copa Rocha

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 14 Discurso: em encontro com professores

Leia mais

MULHER SOLTEIRA. Marcos O BILAU

MULHER SOLTEIRA. Marcos O BILAU MULHER SOLTEIRA REFRÃO: Ei, quem tá aí Se tem mulher solteira dá um grito que eu quero ouvir Ei, quem tá aí Se tem mulher solteira dá um grito que eu quero ouvir (Essa música foi feita só prás mulheres

Leia mais

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956).

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956). 1. INTRODUÇÃO 1.1. MINHA RELAÇÃO COM A FOTOGRAFIA Meu pai tinha uma câmara fotográfica. Ele não era fotógrafo profissional, apenas gostava de fotografar a família e os amigos (vide Foto 1). Nunca estudou

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Apresentaremos 4 lições, que mostram algum personagem Bíblico, onde as ações praticadas ao longo de sua trajetória abençoaram a vida de muitas

Leia mais

jornal encontros Janeiro de 2013 1

jornal encontros Janeiro de 2013 1 jornal encontros Janeiro de 2013 1 2 ENTREVISTA Entrevista com a professora de ballet Letícia Lemos O ballet tem a capacidade de emocionar as pessoas O primeiro Jornal Encontros de 2013 traz entrevista

Leia mais

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura.

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Palavras do autor Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Durante três anos, tornei-me um leitor voraz de histórias juvenis da literatura nacional, mergulhei

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 42 Discurso no Hotel Tropical MANAUS,

Leia mais

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO. NOME: Serviço Voluntário Europeu (SVE) EMAIL: info@euromedp.org

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO. NOME: Serviço Voluntário Europeu (SVE) EMAIL: info@euromedp.org PROGRAMA DE VOLUNTARIADO NOME: Serviço Voluntário Europeu (SVE) EMAIL: info@euromedp.org WEBSITES: Serviço de Voluntariado Europeu: http://www.sve.pt http://www.facebook.com/l.php?u=http%3a%2f%2fwww.sve.pt%2f&h=z

Leia mais

CADI EM FOCO. Criança é coisa. séria!!!! Informativo trimestral

CADI EM FOCO. Criança é coisa. séria!!!! Informativo trimestral CADI EM FOCO Criança é coisa Informativo trimestral séria!!!! CADI-PALHOÇA Abr/Mai/Jun 2013 ABRIL PÁSCOA NÃO É COELHINHO!!!! Marcando o início do mês de abril, o CADI em Parceria com a UNIMED Grande Florianópolis

Leia mais

Keyla Ferrari. Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo. Leon Tolstoi. ilustrado por: Maria Isabel Vaz Guimarães

Keyla Ferrari. Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo. Leon Tolstoi. ilustrado por: Maria Isabel Vaz Guimarães Cada um pensa em mudar a humanidade, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo. Leon Tolstoi Keyla Ferrari ilustrado por: Maria Isabel Vaz Guimarães Agradecemos aos parceiros que investem em nosso projeto.

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL AUGUSTO AIRES DA MATA MACHADO. MATÉRIA: LÍNGUA PORTUGUESA. PROF.: MARCÉLIA ALVES RANULFO ASSUNTO: PRODUÇÃO DE TEXTO.

ESCOLA ESTADUAL AUGUSTO AIRES DA MATA MACHADO. MATÉRIA: LÍNGUA PORTUGUESA. PROF.: MARCÉLIA ALVES RANULFO ASSUNTO: PRODUÇÃO DE TEXTO. PROF.: MARCÉLIA ALVES RANULFO ALUNO: Victor Maykon Oliveira Silva TURMA: 6º ANO A ÁGUA A água é muito importante para nossa vida. Não devemos desperdiçar. Se você soubesse como ela é boa! Mata a sede de

Leia mais

EMTI JARDIM NOVO MUNDO Goiânia, 14 de junho de 2013 Tabulação do questionário Assembleia do Estudantes

EMTI JARDIM NOVO MUNDO Goiânia, 14 de junho de 2013 Tabulação do questionário Assembleia do Estudantes EMTI JARDIM NOVO MUNDO Goiânia, 14 de junho de 2013 Tabulação do questionário Assembleia do Estudantes Sim (32) Não (00) Sim (12) Nulo (20) 01 Está gostando das aulas? Estão atendendo suas expectativas?

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

DIREITO DE FAMÍLIA: TEORIA E PRÁTICA

DIREITO DE FAMÍLIA: TEORIA E PRÁTICA DIREITO DE FAMÍLIA: TEORIA E PRÁTICA TESTEMUNHOS DOS PARTICIPANTES ALUNOS OUVINTES Nome Completo: Norma Maria da Cruz 1. O que representou para você o curso Direito de Família Teoria e Pratica? Em linhas

Leia mais

Vida nova Jovens contam como superaram doenças graves. Depois de um câncer de mama aos 23 anos, Dolores Cardoso teve um filho, escreveu um livro e

Vida nova Jovens contam como superaram doenças graves. Depois de um câncer de mama aos 23 anos, Dolores Cardoso teve um filho, escreveu um livro e Sexta Vida nova Jovens contam como superaram doenças graves. Depois de um câncer de mama aos 23 anos, Dolores Cardoso teve um filho, escreveu um livro e mudou o rumo da vida profissional FOLHA DA SEXTA

Leia mais

Quando for grande... QUERO SER PAI!

Quando for grande... QUERO SER PAI! Quando for grande... QUERO SER PAI! Ficha Técnica Autora Susana Teles Margarido Título Quando for grande...quero SER PAI! Ilustrações Joana Dias Paginação/Design Ana do Rego Oliveira Revisão Brites Araújo

Leia mais

Escolas comunicadoras

Escolas comunicadoras Comunicação e Cultura Local de atuação: Ceará, Pernambuco, Pará e Bahia Data de fundação: 1996 Escolas comunicadoras No Ceará, quase quinhentas mil crianças da rede pública estudam em escolas que unem

Leia mais

ANSELMO SERRAT Fundador e Diretor do Circo Picolino

ANSELMO SERRAT Fundador e Diretor do Circo Picolino ANSELMO SERRAT Fundador e Diretor do Circo Picolino Anselmo Serrat criou a Escola Picolino de Artes do Circo em 1985, em parceria com Verônica Tamaoki. Criada como uma escola de circo particular, a Escola

Leia mais

Páginas: OFICINAS DE ESPORTES. Oficinas de esportes consolidam a formação de atletas em Canavieiras

Páginas: OFICINAS DE ESPORTES. Oficinas de esportes consolidam a formação de atletas em Canavieiras Páginas: 10 OFICINAS DE ESPORTES Oficinas de esportes consolidam a formação de atletas em Canavieiras A Prefeitura de Canavieiras vem incentivando a prática regular de esportes, através de diversas iniciativas

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES Silva.A.A.S. Acadêmica do curso de Pedagogia (UVA), Bolsista do PIBID. Resumo: O trabalho

Leia mais

Ima. Sempre. em Frente. Eric Peleias

Ima. Sempre. em Frente. Eric Peleias Ima Sempre em Frente Eric Peleias Baseado em uma história real CAPÍTULO 1 LETÔNIA, DÉCADA DE 1940. 8 PODEM PARAR DE CAVAR! QUERO TODOS ENFILEIRADOS! O QUE ESTÃO ESPERANDO? ENFILEIRADOS, ANDEM LOGO! MUITO

Leia mais

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno.

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno. Meu lugar,minha história. Cena 01- Exterior- Na rua /Dia Eduardo desce do ônibus com sua mala. Vai em direção a Rose que está parada. Olá, meu nome é Rose sou a guia o ajudara no seu projeto de história.

Leia mais

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri. Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.com Página 1 1. HISTÓRIA SUNAMITA 2. TEXTO BÍBLICO II Reis 4 3.

Leia mais