Desafios e oportunidades da IoT no Brasil

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Desafios e oportunidades da IoT no Brasil"

Transcrição

1 GUGST - Reunião de 14 de abril de 2015 Desafios e oportunidades da IoT no Brasil Desafios e oportunidades da IoT no Brasil Gabriel Antonio Marão

2 Agenda FÓRUM BRASILEIRO DE IoT O QUE É IoT? / ESTÁGIO ATUAL DESAFIOS e OPORTUNIDADES CONSIDERAÇÕES FINAIS

3 1 Fórum Brasileiro de IoT Desafios e oportunidades da IoT no Brasil Gabriel Antonio Marão

4 Fórum Brasileiro de IoT Fundação Em abril de 2012 se constituiu o Fórum formado por representantes do mercado, da academia e do governo, com o objetivo de alertar para a importância da IoT e identificar os obstáculos que dificultem a adoção do conceito de IoT no Brasil. Visões e perspectivas

5 2 O que é IoT? Estágio atual Desafios e oportunidades da IoT no Brasil Gabriel Antonio Marão

6 AIDC in the Physical Interface Zone Context awareness KEY CONCEPTS Network access Enabling technologies AIDC: RFID, NFC, bar codes, biometry, sensores Cloud computing Big Data Network virtualization Semantic web

7 Evolução da Internet

8 Hype Cycle - Gartner

9 IoT Áreas de Aplicação. A imaginação é o limite. SAÚDE, EDUCAÇÃO CIDADES INTELIGENTES AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL AGRICULTURA SERVIÇOS AEROPORTUÁRIOS, CONTROLE AMBIENTAL E CONTROLE DE DESASTRES Filme IoT-A Arquiteturas para desenvolvimento

10 3 Desafios e oportunidades Desafios e oportunidades da IoT no Brasil Gabriel Antonio Marão

11 Dificuldades / preocupações Padrões Segurança Custos / Preços Recursos Humanos Inovação Interoperabilidade Benchmark Roadmaps RSA (Research Strategic Agenda) Privacidade Aspectos Éticos

12 General approach of PROBE-IT

13 Rationales «Achieving interoperability is a key requirement for any IoT technology to be successfully deployed» Interoperable products Consistent standards Standardized Testing methodologies Well-suited testing tools & accurate test suites

14 Observing: Interoperability Sources of efforts sources of problems Idea Product/service How to specify? To validate? Possible automation How to specify? To validate? How to develop test tools? Possible automation Areas to influence Interoperability How to do the final check?

15 Different levels of Interoperability Many definitions but Interoperability is generally defined as "the ability of two or more systems or components to exchange data and use information Technical Interoperability Syntactical Interoperability Semantic Interoperability Organisational Interoperability

16 A quiet Revolution Gathers Pace

17 A IoT chegou ao público

18 IBM INVESTE EM IoT

19 AMEX CONCEITOS de IoT

20 4 Considerações finais Desafios e oportunidades da IoT no Brasil Gabriel Antonio Marão

21 IoT no Brasil O Forum Brasileiro de IoT tem mais de1.000 afiliados e está promovendo ativamente a IoT. Smart Cities: projetos estão começando a ser uma realidade a partir de parcerias de cidades com patrocinadores, em geral ligados a distribuidoras de energia e operadoras de telefonia. Logistica e Comércio começam a usar IoT a partir de sua experiencia com RFID. Longa experiencia em sistemas embarcados e em soluções com RFID.- application islands Muitos Trabalhos Academicos em Internet do Futuro.

22 Fórum Brasileiro de IoT Desafio: Propostas para políticas e ações da sociedade para tornar a IoT uma realidade brasileira há 3 anos, quando o Fórum começou, o conceito de IoT era quase totalmente desconhecido aqui no Brasil Este ano o nome começou a ganhar a grande imprensa Gartner Google Nest Samsung SmartThings Apple, IBM, Cisco,. Embora o nome já seja conhecido, ainda há muito a fazer para que a sociedade brasileira reconheça a sua importância.

23 Fórum Brasileiro de IoT IoT: Uma agenda estratégica de P&D&I Projetos de ampla aplicação social e de mercado; Presença de empresários e governo em projetos e foruns internacionais que visem a padronização da IoT; Promoção e reconhecimento de P&D conjuntos, locais e internacionais, estimulando o desenvolvimento colaborativo

24 IoT Killer Application Ainda não apareceu a primeira Killer Application PC o Planilha de cálculos: Visicalc o Surgimento da Internet IoT o Smart Cities? o Wearables? o Smart Homes? o???

25 MUITO OBRIGADO GABRIEL ANTONIO MARÃO

PAINEL: Visões e Perspectivas Gabriel Antonio Marão

PAINEL: Visões e Perspectivas Gabriel Antonio Marão SEMINÁRIO: INTERNET DAS COISAS: OPORTUNIDADES E PERSPECTIVAS DA NOVA REVOLUÇÃO DIGITAL PARA O BRASIL Agenda 1 2 3 4 5 O QUE É IOT IOT NO MUNDO IOT NO BRASIL FÓRUM BRASILEIRO DE IoT ATIVIDADES VISÕES E

Leia mais

Workshop Internet das Coisas

Workshop Internet das Coisas 58o. Painel TELEBRASIL Workshop Internet das Coisas Margarida Baptista BNDES Seminário IoT BNDES Visões e Perspectivas Tecnologias Habilitadoras Estratégias e Políticas de Governo Aplicações Manufatura,

Leia mais

Internet das Coisas (IoT) Gabriel Marão

Internet das Coisas (IoT) Gabriel Marão Internet das Coisas (IoT) Gabriel Marão Agenda 1 2 3 FÓRUM BRASILEIRO DE IoT IOT O QUE É EXEMPLOS PANORAMA DA IoT PROJETOS DE IOT - PONTOS PARA REFLEXÃO O Fórum Brasileiro de IoT Fundação O Fórum é formado

Leia mais

Internet das Coisas. Paulo Cardieri FEEC UNICAMP. Fórum RNP 2015 Brasília DF 25 27 agosto 2015

Internet das Coisas. Paulo Cardieri FEEC UNICAMP. Fórum RNP 2015 Brasília DF 25 27 agosto 2015 Internet das Coisas Paulo Cardieri FEEC UNICAMP Fórum RNP 2015 Brasília DF 25 27 agosto 2015 1 Internet das Coisas Definição Muitas definições, dependendo de quem está olhando, e para onde está olhando.

Leia mais

35% GARTNER. Despesas com tecnologia ocorrem fora da T.I. Fazem uso de tecnologias não aprovadas pela T.I.

35% GARTNER. Despesas com tecnologia ocorrem fora da T.I. Fazem uso de tecnologias não aprovadas pela T.I. DEVOPS E PAAS - ABORDAGENS E FERRAMENTAS PARA ATENDER AS NOVAS DEMANDAS DE MERCADO Rodrigo Ramalho da Silva - Solutions Architect rramalho@redhat.com INOVAR NÃO É UMA ESCOLHA Organizações de T.I. que não

Leia mais

RFID: Identificação por Radiofrequência

RFID: Identificação por Radiofrequência RFID: Identificação por Radiofrequência 10 principais tendencias tecnológicas de 2015 - Gartner Computação em toda parte; Internet das coisas; Impressão 3D; Análises avançadas, pervasivas e invisíveis;

Leia mais

DATA: 06/05/2015 AUDITÓRIO: ESTRATÉGIA E GESTÃO TEMA: INFORMAÇÕES NÃO FALTAM: O QUE FAZER COM ELAS? PALESTRANTE: FERNANDO LEMOS

DATA: 06/05/2015 AUDITÓRIO: ESTRATÉGIA E GESTÃO TEMA: INFORMAÇÕES NÃO FALTAM: O QUE FAZER COM ELAS? PALESTRANTE: FERNANDO LEMOS DATA: 06/05/2015 AUDITÓRIO: ESTRATÉGIA E GESTÃO TEMA: INFORMAÇÕES NÃO FALTAM: O QUE FAZER COM ELAS? PALESTRANTE: FERNANDO LEMOS Copyright 2014 Oracle and/or its affiliates. All rights reserved. Inovando

Leia mais

Serviços IBM GTS. Priscila Vianna

Serviços IBM GTS. Priscila Vianna Serviços IBM GTS Priscila Vianna Principais Serviços IBM Serviços de Tecnologia IBM - ITS Infraestrutura Inteligente Mobilidade Segurança e Resiliência Serviços Gerenciados & Cloud 2 Infraestrutura Inteligente

Leia mais

Smart Military. Lisboa, 18 de Fevereiro de 2016

Smart Military. Lisboa, 18 de Fevereiro de 2016 Lisboa, 18 de Fevereiro de 2016 INDRA A Indra é uma empresa de tecnologia global e líder em TI, Transportes e Sistemas de Defesa e Segurança TECNOLOGIA PROPRIETÁRIA I&D+i: 7% - 8% facturação Facturação

Leia mais

Internet das Coisas: Previsões e facilitadores. Amadeu Castro, Diretor, GSMA Brasil

Internet das Coisas: Previsões e facilitadores. Amadeu Castro, Diretor, GSMA Brasil Internet das Coisas: Previsões e facilitadores Amadeu Castro, Diretor, GSMA Brasil Agenda Visão GSMA Números e previsões Facilitadores: Redes seguras para a IoT Embedded SIM: aprovisionamento remoto Ambiente

Leia mais

Soluções para SMART CITIES. Nuno Alves

Soluções para SMART CITIES. Nuno Alves Soluções para SMART CITIES Nuno Alves Agenda Contexto Organizacional Conceito e Objetivos Intergraph Smart Cities 12/7/2014 2014 Intergraph Corporation 2 Intergraph Corporation Intergraph Intergraph helps

Leia mais

1 Copyright 2012, Oracle and/or its affiliates. All rights reserved.

1 Copyright 2012, Oracle and/or its affiliates. All rights reserved. 1 Copyright 2012, Oracle and/or its affiliates. All rights reserved. About Eugenio Chleba Product Sales Specialist - PM (11) 5189-1211 (11) 96060-2687 eugenio.chleba@oracle.com Experience Skills Products

Leia mais

Certificação Profissional e os Desafios do Mercado. Marco Carvalho CompTIA Manager, Brazil and South of Latin America

Certificação Profissional e os Desafios do Mercado. Marco Carvalho CompTIA Manager, Brazil and South of Latin America Certificação Profissional e os Desafios do Mercado Marco Carvalho CompTIA Manager, Brazil and South of Latin America COMPTIA: QUEM SOMOS 2 Promovendo a industria Global de TIC para 30+ Anos Suportando

Leia mais

Tecnologia, Negócio e Educação ( Startup )

Tecnologia, Negócio e Educação ( Startup ) Tecnologia, Negócio e Educação ( Startup ) Palestra: Desafios do Analista de Negócio na Era do Digital Business Agenda Apresentação Trends Analista de Negócio Digital transformation A & Q Apresentação

Leia mais

A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER PÚBLICO E AS EMPRESAS À SERVIÇO DAS PESSOAS TÍTULO

A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER PÚBLICO E AS EMPRESAS À SERVIÇO DAS PESSOAS TÍTULO A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER PÚBLICO E AS EMPRESAS À SERVIÇO DAS PESSOAS TÍTULO A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER

Leia mais

O Banco do Futuro. Richard D. Chaves Gerente de Novas Tecnologias - Microsoft rchaves@microsoft.com http://blogs.msdn.com/rchaves

O Banco do Futuro. Richard D. Chaves Gerente de Novas Tecnologias - Microsoft rchaves@microsoft.com http://blogs.msdn.com/rchaves O Banco do Futuro Richard D. Chaves Gerente de Novas Tecnologias - Microsoft rchaves@microsoft.com http://blogs.msdn.com/rchaves Para falar de Futuro Objetivos desta sessão Apresentar a visão da Microsoft

Leia mais

IoT (Internet of Things) Uso na prática!!! Prof. Robson Vaamonde SENAC Tatuapé

IoT (Internet of Things) Uso na prática!!! Prof. Robson Vaamonde SENAC Tatuapé IoT (Internet of Things) Uso na prática!!! Prof. Robson Vaamonde SENAC Tatuapé Consultor de Infraestrutura de Redes de Computadores há 18 anos, técnico e tecnólogo em Redes de Computadores pelo Senac

Leia mais

Eficiência em TI e Criação de Valor. Anderson Itaborahy Diretoria de Tecnologia do Banco do Brasil

Eficiência em TI e Criação de Valor. Anderson Itaborahy Diretoria de Tecnologia do Banco do Brasil Eficiência em TI e Criação de Valor Anderson Itaborahy Diretoria de Tecnologia do Banco do Brasil FEBRABAN Abril/2013 Eficiência EFICIÊNCIA é a permanente otimização dos recursos disponíveis para a criação

Leia mais

Comunicado à Imprensa

Comunicado à Imprensa Industry 4.0 Página 1 de 6 Beckhoff na Hanover Messe: Hall 9 Stand F06 Indústria 4.0 Fórum: Controle baseado em PC como base tecnológica para aplicações em fabricas inteligentes Com o Indústria Integrada

Leia mais

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa ACESSE Informações corporativas a partir de qualquer ponto de Internet baseado na configuração

Leia mais

Transformação da Indústria

Transformação da Indústria Conceitos Transformação da Indústria Hoje Cloud Anos 2000 Web Anos 1990 Cliente / Servidor Anos 1970 e 80 Mainframe Novas possibilidades O momento atual do país é favorável para que as empresas passem

Leia mais

Desenvolvimento de Solução. Desenvolvimento de Projeto. Qualidade / CMM / Políticas. . Arquitetura de Processos. Processo / PLC

Desenvolvimento de Solução. Desenvolvimento de Projeto. Qualidade / CMM / Políticas. . Arquitetura de Processos. Processo / PLC Desenvolvimento de Projeto Qualidade / CMM / Políticas Processo / PLC Workflow /ClearQuest Primavera Suite Rational Desenvolvimento de Solução. Arquitetura de Processos. Arquitetura Tecnológica. Arquitetura

Leia mais

Tópico para projeto em Engenharia de Software Sistemas: Smart Cities. Kiev Gama kiev@cin.ufpe.br @kievgama

Tópico para projeto em Engenharia de Software Sistemas: Smart Cities. Kiev Gama kiev@cin.ufpe.br @kievgama Tópico para projeto em Engenharia de Software Sistemas: Smart Cities Kiev Gama kiev@cin.ufpe.br @kievgama Um projeto de cidade inteligente energias renováveis coleta de lixo inteligente trânsito inteligente

Leia mais

VI Forum Latino Americano de Smart Grid Estratégias e Tecnologias de Tranformação do Negócio. Claudio T Correa Leite

VI Forum Latino Americano de Smart Grid Estratégias e Tecnologias de Tranformação do Negócio. Claudio T Correa Leite VI Forum Latino Americano de Smart Grid Estratégias e Tecnologias de Tranformação do Negócio 27nov2013 Claudio T Correa Leite CPqD na Dinâmica de Transformação do Setor Elétrico A Dinâmica dos Mercados

Leia mais

As novas dimensões do GIS: 4D, cloud, móvel, tempo real

As novas dimensões do GIS: 4D, cloud, móvel, tempo real As novas dimensões do GIS: 4D, cloud, móvel, tempo real Wolmar Sabino Gerente Técnico da Área de Governo MundoGEO#Connect LatinAmerica 2013 18 a 20 de Junho São Paulo (SP) Brasil AGENDA BREVE HISTÓRICO

Leia mais

Using Big Data to build decision support tools in

Using Big Data to build decision support tools in Using Big Data to build decision support tools in Agriculture Laboratory of Architecture Karen Langona and Computer Networks OSDC PIRE 2013 Edinburgh Workshop Climate and Agricultural Planning Agriculture

Leia mais

Dicas e truques do Oracle WebLogic Server para a proteção de seu ambiente

Dicas e truques do Oracle WebLogic Server para a proteção de seu ambiente Dicas e truques do Oracle WebLogic Server para a proteção de seu ambiente Fernando Ribeiro Principal Sales Consultant Systems Safe Harbor Statement The following is intended to outline our general product

Leia mais

IoT Visão Geral. IoT. INTERNET DAS COISAS Tendências e Tecnologia. Tendências NRF Big Show 2015. Cenário Brasileiro

IoT Visão Geral. IoT. INTERNET DAS COISAS Tendências e Tecnologia. Tendências NRF Big Show 2015. Cenário Brasileiro INTERNET DAS COISAS IoT Visão Geral IoT Tendências NRF Big Show 2015 INTERNET DAS COISAS Tendências e Tecnologia Cenário Brasileiro IoT Visão Geral IoT INTERNET DAS COISAS Tendências e Tecnologia Eu penso

Leia mais

Fábio Rosato Professional Services Manager fabio.rosato@sensedia.com @frosato. confidential www.sensedia.com 1

Fábio Rosato Professional Services Manager fabio.rosato@sensedia.com @frosato. confidential www.sensedia.com 1 Fábio Rosato Professional Services Manager fabio.rosato@sensedia.com @frosato confidential www.sensedia.com 1 Sobrea Sensedia Nosso core é Arquitetura de TI: Serviços & Ferramentas Ajudamos empresas a

Leia mais

CLOUD COMPUTING GERENCIAMENTO DE MUDANÇA X COMPUTAÇÃO EM NUVEM. 19/02/2014 Prof. André Montevecchi

CLOUD COMPUTING GERENCIAMENTO DE MUDANÇA X COMPUTAÇÃO EM NUVEM. 19/02/2014 Prof. André Montevecchi 1 CLOUD COMPUTING GERENCIAMENTO DE MUDANÇA X COMPUTAÇÃO EM NUVEM BIBLIOGRAFIA Buyya, Rajkumar;Broberg, James; Goscisnski, Andrzej M. Cloud Computing: Principles and Paradigms. John Wiley and Sons: San

Leia mais

Conteúdo. Uma visão social. O que é? Dá certo? Custos. Recomendações. Apresentação Ricardo Gazoni Semiotic Systems. Software Livre Junho de 2011

Conteúdo. Uma visão social. O que é? Dá certo? Custos. Recomendações. Apresentação Ricardo Gazoni Semiotic Systems. Software Livre Junho de 2011 Conteúdo Uma visão social O que é? Dá certo? Custos Recomendações Apresentação Ricardo Gazoni Semiotic Systems Página 2 Uma visão social História da computação: o começo de tudo 1936 década de 40 Máquina

Leia mais

Soluções inteligentes industriais: conectando a fábrica à empresa

Soluções inteligentes industriais: conectando a fábrica à empresa Soluções inteligentes industriais: conectando a fábrica à empresa White Paper de fabricação da Cisco Preparação para a revolução na fabricação Os setores de fabricação do mundo continuam a avançar e mudar

Leia mais

Projeto de Monitoração e Melhoria Contínua com Six-Sigma, IoT e Big Data

Projeto de Monitoração e Melhoria Contínua com Six-Sigma, IoT e Big Data Projeto de Monitoração e Melhoria Contínua com Six-Sigma, IoT e Big Data Contexto As pressões do mercado por excelência em qualidade e baixo custo obrigam as empresas a adotarem sistemas de produção automatizados

Leia mais

SejaBem-vindo! 2014 Extreme Networks, Inc. All rights reserved.

SejaBem-vindo! 2014 Extreme Networks, Inc. All rights reserved. SejaBem-vindo! 0 CIO Weekend DF 2014 Segurança Digital: do risco à solução Redes criadas a partir de softwares Momemntoeconômico Hoje consumimos mais mídias socias, mobilidade e Cloud BYOD, Internet das

Leia mais

Fator Estratégico para a Governança e a Efetividade da TI

Fator Estratégico para a Governança e a Efetividade da TI Fator Estratégico para a Governança e a Efetividade da TI Introdução Conceituação Transformando a TI: de Operacional para Estratégica Por que implementar Quem implementou Quem está implementando Como Implementar

Leia mais

Iniciativa PE2020. A Engenharia como fator de competitividade Projetos colaborativos. António Manzoni/Vilar Filipe

Iniciativa PE2020. A Engenharia como fator de competitividade Projetos colaborativos. António Manzoni/Vilar Filipe Iniciativa PE2020 A Engenharia como fator de competitividade Projetos colaborativos António Manzoni/Vilar Filipe Novembro 2013 Projeto Engenharia 2020 Preocupações macroeconómicas Papel da engenharia na

Leia mais

1. Centros de Competência de BI

1. Centros de Competência de BI Pagina: 1 1. Centros de Competência de BI Originalmente, o termo Centro de competência de BI (conhecido também como BICC Business Intelligence Competence Center) foi utilizado pelo instituto de pesquisa

Leia mais

Evoluindo do M2M para a Internet das Coisas

Evoluindo do M2M para a Internet das Coisas Evoluindo do M2M para a Internet das Coisas GUGST São Paulo março 2014 VIDEO Benvindo à internet de todas as coisas VIDEO M2M E O PONTENCIAL DA INTERNET DAS COISAS M2M já existe há muito tempo, mas estamos

Leia mais

Fase 1: Engenharia de Produto

Fase 1: Engenharia de Produto Fase 1: Engenharia de Produto Disciplina: Análise de Requisitos DURAÇÃO: 44 h O objetivo principal da disciplina é realizar uma análise das necessidades e produzir um escopo do produto. Representará os

Leia mais

IDC CLOUD LEADERSHIP FORUM

IDC CLOUD LEADERSHIP FORUM IDC CLOUD LEADERSHIP FORUM 12 de Março 2013 Reitoria da Universidade Nova de Lisboa RESUMO DO EVENTO PATROCINADORES O EVENTO FOI ORGANIZADO PELA E PATROCINADO PELAS SEGUINTES EMPRESAS: PLATINUM KEYNOTE

Leia mais

Interact Solutions Apresentação do SA-Performance Manager. Por: Anderson Pereira Diretor de Negócios Unidade Excellence

Interact Solutions Apresentação do SA-Performance Manager. Por: Anderson Pereira Diretor de Negócios Unidade Excellence Interact Solutions Apresentação do SA-Performance Manager Por: Anderson Pereira Diretor de Negócios Unidade Excellence Interact Group Fundação: agosto / 1999 80 Colaboradores diretos 85 Colaboradores nas

Leia mais

Redes Industriais. Alexandre Rocha Alysson Geisel

Redes Industriais. Alexandre Rocha Alysson Geisel Redes Industriais OPC OLE for Process Control Alexandre Rocha Alysson Geisel 1 O que é OPC? Padrão de comunicação entre os dispositivos de chão de fábrica e os sistemas de automação e informação, desenvolvido

Leia mais

CLOUD. tendências CLOUD. entendendo e contratando assertivamente. Agosto/2012 INFORMATIVO TECNOLÓGICO DA PRODESP EDIÇÃO 02

CLOUD. tendências CLOUD. entendendo e contratando assertivamente. Agosto/2012 INFORMATIVO TECNOLÓGICO DA PRODESP EDIÇÃO 02 tendências CLOUD EDIÇÃO 02 Agosto/2012 CLOUD O conceito de nuvem é nebuloso Como uma organização pode contratar assertivamente Serviços em Cloud? Quais são os principais riscos de um contrato de Cloud

Leia mais

IPv6 e a Internet das Coisas

IPv6 e a Internet das Coisas III Semana da Infraestrutura da Internet no Brasil IPv6 e a Internet das Coisas Lucas Pinz Gerente Sênior de Tecnologia lucas.pinz@br.promonlogicalis.com São Paulo, 05 de Dezembro de 2013 Copyright 2013

Leia mais

Principais Desafios para a Gestão dos Cursos Superiores em. Everaldo Artur Grahl

Principais Desafios para a Gestão dos Cursos Superiores em. Everaldo Artur Grahl Principais Desafios para a Gestão dos Cursos Superiores em Computação e Informática Everaldo Artur Grahl Sumário Objetivo Estudo da FIESC Macrotendências Temas importantes Fatores Críticos Sugestões de

Leia mais

Projeto: GUGST 2015 Relevância de Temas. Fevereiro 2015

Projeto: GUGST 2015 Relevância de Temas. Fevereiro 2015 Projeto: GUGST 2015 Relevância de Temas Fevereiro 2015 O GUGST Grupo de Usuários de Gestão de Serviços de Terceiros foi idealizado no ano de 2009 como um fórum aberto e gratuito, para discussão e troca

Leia mais

ENGENHARIA DA PRODUÇÃO 2.0

ENGENHARIA DA PRODUÇÃO 2.0 ENGENHARIA DA PRODUÇÃO 2.0 SOBRE O CURSO Mercados dinâmicos demandam profissionais com formação completa e abrangente, aptos a liderarem equipes multidisciplinares em empresas de todos os setores econômicos

Leia mais

Glossário BiSL. Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 -

Glossário BiSL. Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 - Glossário BiSL Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 - 1. Glossário de Terminologia Terminologia em Inglês Terminologia em Português BiSL processes Processos de BiSL Business data management

Leia mais

Case Study Grupo Amorim. Eng. Paulo Sérgio Mota Director de Infra-estrutras OSI / Grupo Amorim

Case Study Grupo Amorim. Eng. Paulo Sérgio Mota Director de Infra-estrutras OSI / Grupo Amorim Case Study Grupo Amorim Eng. Paulo Sérgio Mota Director de Infra-estrutras OSI / Grupo Amorim 1 Central de Compras Tecnologias Informação Serviços de BPO Consultoria e Gestão Projectos IT a OSI Grupo Amorim

Leia mais

Bem-vindos à Quarta Revolução Industrial

Bem-vindos à Quarta Revolução Industrial Titel der Präsentation Bem-vindos à Quarta Revolução Industrial 1 Em outras palavras, chegamos à Indústria 4.0 Mecanização Controle Mecânico (Cames) Energia Hidráulica e Vapor Eletrificação Linha de Montagem

Leia mais

INF-111 Redes Sem Fio Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt

INF-111 Redes Sem Fio Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt INF-111 Redes Sem Fio Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt Santo André, setembro de 2014 Roteiro PARTE I Apresentação da Disciplina PARTE II Introdução à Redes Sem Fio Apresentação do Professor

Leia mais

RESULTADOS DA LEI DE INFORMÁTICA COM RELAÇÃO A P&D. Atos Automação Industrial Ltda.

RESULTADOS DA LEI DE INFORMÁTICA COM RELAÇÃO A P&D. Atos Automação Industrial Ltda. RESULTADOS DA LEI DE INFORMÁTICA COM RELAÇÃO A P&D Atos Automação Industrial Ltda. Luciano de Oliveira luciano@atos.com.br Agenda INTRODUÇÃO HISTÓRICO DA ATOS ORGANIZAÇÃO PRODUTOS & SERVIÇOS APLICAÇÕES

Leia mais

Objetivo. 0 Conceitos. 0 Funcionalidades. 0 Desafios. 0 Experiências de Implantação

Objetivo. 0 Conceitos. 0 Funcionalidades. 0 Desafios. 0 Experiências de Implantação Objetivo 0 Conceitos 0 Funcionalidades 0 Desafios 0 Experiências de Implantação Smart Grid Conceitos 0 NÃO é só Medição Eletrônica e Telecom!! 0 Envolve conhecimentos sobre: 0 Tecnologia, Padrões, Normas

Leia mais

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Janeiro 2011 Exclusivamente para empresas de médio porte Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Relatório para o Brasil Panorama global: Pesquisa com 2.112 líderes do mercado de

Leia mais

ESTRATÉGIA REGIONAL DE ESPECIALIZAÇÃO INTELIGENTE: ATELIÊ DAS TECNOLOGIAS DE LARGO ESPECTRO

ESTRATÉGIA REGIONAL DE ESPECIALIZAÇÃO INTELIGENTE: ATELIÊ DAS TECNOLOGIAS DE LARGO ESPECTRO ESTRATÉGIA REGIONAL DE ESPECIALIZAÇÃO INTELIGENTE: ATELIÊ DAS TECNOLOGIAS DE LARGO ESPECTRO ccdr-n.pt/norte2020 4DE JUNHO DE 2013 BRAGA Principais Conceitos A competitividade das regiões deve fundar se

Leia mais

AMAZON WEB SERVICES - AWS A INFRAESTRUTURA DE NUVEM GERENCIADA

AMAZON WEB SERVICES - AWS A INFRAESTRUTURA DE NUVEM GERENCIADA Agenda A Infraestrutura de TI diante do futuro Unidade Artsoft de Infraestrutura Gerenciada Computação em nuvem: definição e benefícios O que é Amazon Web Services Como os clientes usam a nuvem da Amazon

Leia mais

Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor

Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor Geraldo Guimarães Jr Diretor para Indústria de Utilities SAP para Utilities Liderança Global no Setor Maior Provedor de Soluções e Aplicações

Leia mais

LINHAS TEMÁTICAS. EDITAL MCT/CNPq 066/2010 ICT 2011 Chamada coordenada UE/ Brasil. Linha temática 1: Microeletrônica/ Microssistemas

LINHAS TEMÁTICAS. EDITAL MCT/CNPq 066/2010 ICT 2011 Chamada coordenada UE/ Brasil. Linha temática 1: Microeletrônica/ Microssistemas (Anexo IV) LINHAS TEMÁTICAS EDITAL MCT/CNPq 066/2010 ICT 2011 Chamada coordenada UE/ Brasil Linha temática 1: Microeletrônica/ Microssistemas Metodologia, blocos e ferramentas específicas de projeto que

Leia mais

CIDADES INTELIGENTES DIREITO DA ENERGIA RITA NORTE

CIDADES INTELIGENTES DIREITO DA ENERGIA RITA NORTE CIDADES INTELIGENTES DIREITO DA ENERGIA RITA NORTE CIDADES INTELIGENTES NOTAS INTRODUTÓRIAS As cidades - espaços de oportunidades, desafios e problemas Diagnóstico dos espaços urbanos: Transformação demográfica

Leia mais

Seminário de Governança de Tecnologia da Informação das Empresas Estatais

Seminário de Governança de Tecnologia da Informação das Empresas Estatais Seminário de Governança de Tecnologia da Informação das Empresas Estatais Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Dest) Rodrigo Assumpção Presidente Dataprev Principais serviços

Leia mais

Cisco Innovation Day Datacenters e a convergência de dois mundos IoE, Cloud, Smart Grid & Smart Cities...

Cisco Innovation Day Datacenters e a convergência de dois mundos IoE, Cloud, Smart Grid & Smart Cities... Cisco Innovation Day Datacenters e a convergência de dois mundos IoE, Cloud, Smart Grid & Smart Cities... Pedro Nobre Schneider Electric Lisboa, Porto Maio 2014 A complexidade começa aqui... 2 E vai além

Leia mais

PORTARIA N Nº 184 Rio de Janeiro, 27 de dezembro de 2012.

PORTARIA N Nº 184 Rio de Janeiro, 27 de dezembro de 2012. PORTARIA N Nº 184 Rio de Janeiro, 27 de dezembro de. ACRESCENTA A ARQUITETURA DE PADRÕES TECNOLÓGICOS DE INTEROPERABILIDADE -, NO SEGMENTO RECURSOS TECNOLÓGICOS, O PADRÃO TECNOLÓGICO SISTEMAS DE GERENCIAMENTO

Leia mais

Tecnologia e o futuro: internet das coisas, microcontroladores e webservices

Tecnologia e o futuro: internet das coisas, microcontroladores e webservices Tecnologia e o futuro: internet das coisas, microcontroladores e webservices Kevin de Oliveira Rodrigues (1), Fahad Kalil (1) (1) Núcleo de Estudo e Pesquisa em Computação Aplicada - NEPCA, IMED, Brasil.

Leia mais

SmartRuris Tecnologias TICE para o Sistema Agrário

SmartRuris Tecnologias TICE para o Sistema Agrário SmartRuris Tecnologias TICE para o Sistema Agrário 30 Outubro 2015 ESTGA Rui Luis Aguiar ruilaa@ua.pt http://www.ua.pt/ptconnectedcommunities/ A Plataforma Tecnológica Connected Communities Mecanismo de

Leia mais

Comunicado à Imprensa

Comunicado à Imprensa Economy Página 1 de 6 Rede mundial de vendas e capacidade de produção expandidas para sustentar o crescimento contínuo Sucesso financeiro em 2013: Beckhoff Automation aumenta o faturamento em 7%, chegando

Leia mais

Soluções e Tecnologias

Soluções e Tecnologias Soluções e Tecnologias 100% Fundada em 1986 Milão (Itália). Seu desenvolvimento registra crescimento de faturamento e recursos humanos. Reinversão total do lucro no negócio ao longo de todos os anos. Os

Leia mais

Cloud Computing. Eduardo Roloff

Cloud Computing. Eduardo Roloff Cloud Computing Eduardo Roloff Sumário Conceituação Modelos de Serviços Modos de Implantação Oportunidades de Pesquisa Discussão Conceituação Cloud Computing é um modelo que pretende prover computação

Leia mais

O setor das telecomunicações. Que desafios? Evolução tecnológica Telco2020, rumo ao 5G

O setor das telecomunicações. Que desafios? Evolução tecnológica Telco2020, rumo ao 5G 1 O setor das telecomunicações. Que desafios? Evolução tecnológica Telco2020, rumo ao 5G 18.09.2015 Alcino Lavrador O setor das telecomunicações, caraterização dinamismo e competitividade; diferenciação

Leia mais

O Futuro dos Padrões no Setor Varejista e de Bens de Consumo. Roberto Masubayashi Innovation and Strategic Alliances Director

O Futuro dos Padrões no Setor Varejista e de Bens de Consumo. Roberto Masubayashi Innovation and Strategic Alliances Director O Futuro dos Padrões no Setor Varejista e de Bens de Consumo Roberto Masubayashi Innovation and Strategic Alliances Director O começo... Invenção Código de Barras 1949 Código de Barras é inventado por

Leia mais

The Secure Cloud. Gerir o risco e entregar valor num mundo virtual. C l o u d C o m p u t i n g F ó r u m 2 0 11 S e t e m b r o 2 0 11

The Secure Cloud. Gerir o risco e entregar valor num mundo virtual. C l o u d C o m p u t i n g F ó r u m 2 0 11 S e t e m b r o 2 0 11 The Secure Cloud Gerir o risco e entregar valor num mundo virtual C l o u d C o m p u t i n g F ó r u m 2 0 11 S e t e m b r o 2 0 11 Agenda Novas dimensões de governo e gestão do SI Entender e endereçar

Leia mais

Seul Declaração da Sociedade Civil e do Trabalho. A Conferência Ministerial da OCDE Sobre o futuro da economia da Internet Seul, Coréia 16 junho 2008

Seul Declaração da Sociedade Civil e do Trabalho. A Conferência Ministerial da OCDE Sobre o futuro da economia da Internet Seul, Coréia 16 junho 2008 Seul Declaração da Sociedade Civil e do Trabalho A Conferência Ministerial da OCDE Sobre o futuro da economia da Internet Seul, Coréia 16 junho 2008 Esta reunião de organizações da sociedade civil e do

Leia mais

O USO DA NUVEM PELOS GOVERNOS AS OFERTAS DO MERCADO

O USO DA NUVEM PELOS GOVERNOS AS OFERTAS DO MERCADO O USO DA NUVEM PELOS GOVERNOS AS OFERTAS DO MERCADO GERAÇÃO DE VALOR PARA O NEGÓCIO ATRAVÉS DA NUVEM CENÁRIO MACROECONÔMICO Cenário econômico desafiador... PIB: -1,01% Inflação: 8,26% Selic: 13,50% Dólar:

Leia mais

Núcleo de Inovação e Empreendedorismo Renovando e inovando o saber 2015. Apoio: Cooperação:

Núcleo de Inovação e Empreendedorismo Renovando e inovando o saber 2015. Apoio: Cooperação: Núcleo de Inovação e Empreendedorismo Renovando e inovando o saber 2015 Apoio: Cooperação: NÚCLEOS DE DESENVOLVIMENTO DE CONHECIMENTO Alinhada à sua missão e à estratégia de ser referência no desenvolvimento

Leia mais

A solução para relacionamento de. Gestão de consumo de energia elétrica, água e gás, contabilização e interfaces de relacionamento

A solução para relacionamento de. Gestão de consumo de energia elétrica, água e gás, contabilização e interfaces de relacionamento A solução para relacionamento de Smart Grid com os consumidores Gestão de consumo de energia elétrica, água e gás, contabilização e interfaces de relacionamento asmart Grid + Relacionamento ferramenta

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SOBRE O CURSO A tecnologia ocupa papel de destaque no atual cenário socioeconômico mundial, presente em todos os setores e atividades econômicas. Essa revolução transformou o mundo

Leia mais

Big Data e Análise de Dados: Tendências e Aplicações em Projetos. Marcus Borba. Apresentação

Big Data e Análise de Dados: Tendências e Aplicações em Projetos. Marcus Borba. Apresentação Big Data e Análise de Dados: Tendências e Aplicações em Projetos Marcus Borba 1 Apresentação Marcus Borba CTO - Spark Strategic Business Solution. 30 anos de experiência em tecnologia da informação.. 14

Leia mais

Gestão e Formação Pedagógica em: Administração, Inspeção, Orientação e Supervisão Objetivo do curso:

Gestão e Formação Pedagógica em: Administração, Inspeção, Orientação e Supervisão Objetivo do curso: Com carga horária de 720 horas o curso Gestão e Formação Pedagógica em: Administração, Inspeção, Orientação e Supervisão é desenvolvido em sistema modular, com 01 encontro por bimestre (total de encontros

Leia mais

Evento Huawei Águas de São Pedro Cidade Digital e Inteligente

Evento Huawei Águas de São Pedro Cidade Digital e Inteligente Evento Huawei Águas de São Pedro Cidade Digital e Inteligente São Paulo, 2 de Julho de 2015 Eduardo Koki Iha Smart Cities & Inovação IoT eduardo.iha@telefonica.com - @kokiiha 1 Por que Cidades Inteligentes?_

Leia mais

ITS Instituto de Tecnologia de Software

ITS Instituto de Tecnologia de Software www.itsbr.org ITS Instituto de Tecnologia de Software Desenvolvendo mercados e acelerando negócios ITS Instituto de Tecnologia de Software Há mais de 18 anos apoiando o desenvolvimento da indústria de

Leia mais

Objetivo do curso: Formar profissionais qualificados na gestão comercial, possibilitando assim o crscimento individual e corporativo.

Objetivo do curso: Formar profissionais qualificados na gestão comercial, possibilitando assim o crscimento individual e corporativo. O Curso de Tecnologia em Gestão Comercial tem por finalidade formar profissionais na área de Gestão Comercial, embasando-os de conhecimentos técnicos, científicos e gerenciais. Desenvolvendo capacidades

Leia mais

inovação precisa de espaço

inovação precisa de espaço inovação precisa de espaço 17ª Feira e Congresso Internacionais de Automação do Comércio e Tecnologia para o Varejo. Realização: AFRAC Fundada em 1987, a AFRAC (Associação Brasileira de Automação Comercial)

Leia mais

ITA - Instituto Tecnológico de Aeronáutica CTA - Centro Técnico Aeroespacial RELATÓRIO FINAL MONITORAMA-CMD-TD AUTOMAÇÃO PARA TOMADA DE DECISÃO

ITA - Instituto Tecnológico de Aeronáutica CTA - Centro Técnico Aeroespacial RELATÓRIO FINAL MONITORAMA-CMD-TD AUTOMAÇÃO PARA TOMADA DE DECISÃO ITA - Instituto Tecnológico de Aeronáutica CTA - Centro Técnico Aeroespacial RELATÓRIO FINAL MONITORAMA-CMD-TD AUTOMAÇÃO PARA TOMADA DE DECISÃO EQUIPE: BRENO, CAMILA E ROBERTA. Prof. Dr. Adilson Marques

Leia mais

Internet das (de todas as) coisas

Internet das (de todas as) coisas Internet das (de todas as) coisas O que é? A Internet das coisas (IoT) é definida como a rede de objetos físicos que contém tecnologia embutida para se comunicar e sentir ou interagir com o ambiente externo

Leia mais

A feira. O maior evento mundial do setor sucroenergético. 26 a 29 de Agosto de 2014 Centro de Eventos Zanini Sertãozinho - São Paulo Brasil

A feira. O maior evento mundial do setor sucroenergético. 26 a 29 de Agosto de 2014 Centro de Eventos Zanini Sertãozinho - São Paulo Brasil Resultados Fenasucro 2014 A feira 26 a 29 de Agosto de 2014 Centro de Eventos Zanini Sertãozinho - São Paulo Brasil O maior evento mundial do setor sucroenergético O setor sucroenergético do Brasil já

Leia mais

Presenter Name Presenter Title

Presenter Name Presenter Title OPEN Presenter Name Presenter Title Arquitetura Aberta Agenda O novo modo Pelco de pensar O que é uma plataforma aberta SDKs e APIs Programa Partner First ONVIF e PSIA Principais Parceiros DS4U O novo

Leia mais

IBM BusinessConnect Social & Mobile Cadência 28/03

IBM BusinessConnect Social & Mobile Cadência 28/03 IBM BusinessConnect Social & Mobile Cadência 28/03 Movendo-se do back office para a linha de frente Hoje as Empresas estão sob a direção dos Clientes CEOs compartilham decisões com clientes Identificamos

Leia mais

Uso de software livre para implementação de provedores de serviços OAI-PMH: caso do provedor de serviços Sabiia

Uso de software livre para implementação de provedores de serviços OAI-PMH: caso do provedor de serviços Sabiia Uso de software livre para implementação de provedores de serviços OAI-PMH: caso do provedor de serviços Sabiia Anderson Hirata Isaque Vacari Introdução A iniciativa de Acesso Aberto promove a interoperabilidade

Leia mais

Cloud Computing. Provendo valor ao negócio através da Gerência de Serviços Automatizada. Gerson Sakamoto gsakamoto@br.ibm.com

Cloud Computing. Provendo valor ao negócio através da Gerência de Serviços Automatizada. Gerson Sakamoto gsakamoto@br.ibm.com Cloud Computing Provendo valor ao negócio através da Gerência de Serviços Automatizada Gerson Sakamoto gsakamoto@br.ibm.com 1 Definição de Computação em Nuvem Computação em Nuvem é um novo modelo de aquisição

Leia mais

A EERA E NO ÂMBITO DO SET PLAN

A EERA E NO ÂMBITO DO SET PLAN Associados: A EERA E AS INICIATIVAS INDUSTRIAIS EUROPEIAS NO ÂMBITO DO SET PLAN EERA MEETING AUDITÓRIO DO LNEG, 18 JULHO 2011 JOAQUIM BORGES GOUVEIA MEMBRO DO CONSELHO CIENTÍFICO ENERGYIN TERESA BERTRAND

Leia mais

Prova de Conceito Saúde

Prova de Conceito Saúde Prova de Conceito - Saúde Impacto estrutural na economia e sociedade portuguesas Saúde e ass. social Segurança e Justiça Educação Administração Pública Mobilidade e Logística Comércio e Retalho Turismo

Leia mais

ABINEE - MCT. Sergio Cavalcante sergio.cavalcante@cesar.org.br

ABINEE - MCT. Sergio Cavalcante sergio.cavalcante@cesar.org.br II Seminário Resultados da Lei de Informática ABINEE - MCT Sergio Cavalcante sergio.cavalcante@cesar.org.br Nossa missão: Parceria Realizar a Transferência Auto-Sustentada de Conhecimento em Tecnologia

Leia mais

Iniciativa para Identificação de Oportunidades Tecnológicas para o Desenvolvimento da Internet do Futuro. Tania Regina Tronco

Iniciativa para Identificação de Oportunidades Tecnológicas para o Desenvolvimento da Internet do Futuro. Tania Regina Tronco Iniciativa para Identificação de Oportunidades Tecnológicas para o Desenvolvimento da Internet do Futuro Tania Regina Tronco Data: 15/04/2009 Motivadores A evolução da Internet causará um forte impacto

Leia mais

Implantando Comunidades de Práticas O Caso Petrobras

Implantando Comunidades de Práticas O Caso Petrobras Implantando Comunidades de Práticas O Caso Petrobras Seminario Inovando para Competir Conectando Pessoas e Conhecimentos Agenda Breve Histórico %& & ( % Milestone Milestone Milestone Minds At Work......

Leia mais

Desafios da convergência em um mundo totalmente IP. Sidney Longo

Desafios da convergência em um mundo totalmente IP. Sidney Longo Desafios da convergência em um mundo totalmente IP Sidney Longo 13 de abril de 2011 Agenda O CPqD Cenário Roadmap Tecnológico Tendências Tecnológicas Computação em Nuvem Mobilidade e Redes Sociais Multiplos

Leia mais

8, 9 e 10 NOVEMBRO 2011 LISBOA. Novos Mercados Encontro de Sectores INSCREVA-SE JÁ. Especial: MERCADOS INTERNACIONAIS. www.expoenergia2011.about.

8, 9 e 10 NOVEMBRO 2011 LISBOA. Novos Mercados Encontro de Sectores INSCREVA-SE JÁ. Especial: MERCADOS INTERNACIONAIS. www.expoenergia2011.about. 8, 9 e 10 NOVEMBRO 2011 LISBOA Centro de Congressos Univ. Católica Novos Mercados Encontro de Sectores Especial: MERCADOS INTERNACIONAIS ORGANIZAÇÃO PARCEIRO PATROCÍNIO INSCREVA-SE JÁ www.expoenergia2011.about.pt

Leia mais

evolução tecnológica disparo tecnológico espectativas, desilusões e iluminação adoção pelo mainstream hype cycles

evolução tecnológica disparo tecnológico espectativas, desilusões e iluminação adoção pelo mainstream hype cycles evolução tecnológica disparo tecnológico espectativas, desilusões e iluminação adoção pelo mainstream hype cycles prof.nelson_urssi nelson.jurssi@sp.senac.br www.urssi.com a cultura conrânea em projeto

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DE PLATAFORMAS DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM

ANÁLISE COMPARATIVA DE PLATAFORMAS DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM ANÁLISE COMPARATIVA DE PLATAFORMAS DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM Igor dos Passos Granado¹, Ricardo de Melo Germano¹, Claudete Werner¹, Gabriel Costa Silva² ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavai PR Brasil

Leia mais

A Cidade Cognitiva. Antonio Pires Santos 1

A Cidade Cognitiva. Antonio Pires Santos 1 A Cidade Cognitiva Antonio Pires Santos 1 1 Vivemos num planeta mais inteligente INSTRUMENTADO INTERCONECTADO INTELIGENTE Sensores e outros instrumentos digitais estão a ser incorporados em cada objeto,

Leia mais

Acelerar o desenvolvimento das cidades inteligentes em Portugal. Concurso Cidades Analíticas 2015 Urban Analytics Award 2015

Acelerar o desenvolvimento das cidades inteligentes em Portugal. Concurso Cidades Analíticas 2015 Urban Analytics Award 2015 Cidades Analíticas Acelerar o desenvolvimento das cidades inteligentes em Portugal Concurso Cidades Analíticas 2015 Urban Analytics Award 2015 Apresentação da candidatura: Candidato Luis Maia Oliveira

Leia mais

O digital e as novas formas de, e para, aprender

O digital e as novas formas de, e para, aprender O digital e as novas formas de, e para,... O digital e as novas formas de, e para, aprender Luis Borges Gouveia lmbg@ufp.pt http://www.ufp.pt/~lmbg Universidade Fernando Pessoa Ficará tudo igual com o

Leia mais