PRINCÍPIO DA IGUALDADE DIREITOS INDIVIDUAIS PRINCÍPIO DA ISONOMIA. Estrangeiro Não residente. Princípio da Legalidade.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PRINCÍPIO DA IGUALDADE DIREITOS INDIVIDUAIS PRINCÍPIO DA ISONOMIA. Estrangeiro Não residente. Princípio da Legalidade."

Transcrição

1 DIREITOS INDIVIDUAIS PRINCÍPIO DA IGUALDADE Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes: BRASILEIROS PRINCÍPIO DA ISONOMIA HOMENS MULHERES Estrangeiros residentes no Brasil Estrangeiro Não residente Isonomia Na lei Isonomia Perante Lei P/ legislador P/ Aplicador do direito Princípio da Legalidade ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei; 1

2 Legalidade Reserva Legal Mais amplo Processo Legislativo Formal ninguém será submetido a tortura nem a tratamento desumano ou degradante; Livre Manifestação Pensamento Sendo Vedado o anonimato Direito De Resposta Proporcional Ao agravo Sem Prejuízo Indenização Dano material Moral ou imagem VI - é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias. é assegurada nos Termos da lei assistência religiosa Entidades civis e militares internação coletiva 2

3 Ninguém Será privado de direitos motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política Salvo Eximir-se Obrigação legal Prestação alternativa IX-é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença; Inviolável Indenização Vida Privada Honra Imagem Dano Moral ou material CASA Asilo Inviolável Indivíduo Consentimento morador Flagrante Desastre Prestrar Socorro Ordem Judicial CORRESPONDÊNCIA INVIOLÁVEL LEI ORDEM JUD. INV.CRIM. INST.PROC. PENAL TELEGRÁFICA DADOS TELEFÔNICA Livre Exercício Trabalho Ofício Profissão Atendidas qualificações da lei 3

4 Acesso à Informação Sigilo da Fonte Necessário Exercício profissional Livre locomoção Qquer Pessoa Território Nacional Tempo de paz Entrar PERMANECER SAIR REUNIÃO Liberdade Associação Aberto Pacífica Sem Armas Não Autorização Liberdade Associação Fins Lícitos Vedado Caráter Paramilitar Prévio Aviso Autoridade Criação de Associações Forma da Lei Cooperativas Independem Autorização Vdd Vedada Interferência Estatal Dissolução Associações Suspensão Associações Trânsito Julgado Ordem Judicial 4

5 XX - ninguém poderá ser compelido a associar-se ou a permanecer associado; Associações Quando Expressamente Autorizadas Representar Filiados Judicial Extrajudicialmente direito de propriedade; DESAPROPRIAÇÃO Nec. Púb. Util. Púb. Prévia Justa Fim Social DA PROPRIEDADE Int. Soc. Dinheiro Iminente Perigo Público Indenização Ulterior DANO XXVII - aos autores pertence o direito exclusivo de utilização, publicação ou reprodução de suas obras, transmissível aos herdeiros pelo tempo que a lei fixar 5

6 XXVIII - são assegurados, nos termos da lei: a) a proteção às participações individuais em obras coletivas e à reprodução da imagem e voz humanas, inclusive nas atividades desportivas; a lei assegurará aos autores de inventos industriais privilégio temporário para sua utilização, bem como proteção às criações industriais, à propriedade p das marcas, aos nomes de empresas e a outros signos distintivos, tendo em vista o interesse social e o desenvolvimento tecnológico e econômico do País; XXX - é garantido o direito de herança; SUCESSÃO BENS ESTRANGEIROS SITUADOS NO BRASIL TODOS ÓRGÃOS PÚBLICOS INFORMAÇÕES RESPONSABILIDADE SIGILO INDIVIDUAL COLETIVA GERAL SEGURANÇA SOCIEDADE ESTADO INDEPENDENTE TAXAS DIR. PETIÇÃO CERTIDÃO INTERESSE PESSOAL 6

7 LEI EXCLUIRÁ APRECIAÇÃO PODER JUDICIÁRIO LESÃO AMEAÇA A DIREITO LEI PREJUDICARÁ DIREITO ADQUIRIDO ATO JURIDICO PERFEITO INAFASTABILIDADE P. JUD. UNIVERSALIDADE DE JURISDIÇÃO COISA JULGADA JUÍZO DOLOSO VIDA HAVERÁ TRIBUNAL EXCEÇÃO TRIBUNAL JÚRI PLENITUDE DA DEFESA SIGILO VOTAÇÕES SOBERANIA VEREDICTOS PRINCÍPIO DA LEGALIDADE PENAL HÁ CRIME SEM LEI ANTERIOR QUE O DEFINA NEM PENA SEM PRÉVIA COMINAÇÃO LEGAL LEI RETROAGIRÁ SALVO BENEFÍCIO RÉU 7

8 8 RACISMO INAFIANÇÁVEL IMPRESCRITÍVEL RACISMO IMPRESCRITÍVEL RECLUSÃO INAFIANÇÁVEL INSUSCETÍVEIS TRÁFICO TORTURA INSUSCETÍVEIS GRAÇA OU ANISTIA TERRORISMO HEDIONDOS AÇÃO GRUPOS INAFIANÇÁVEL GRUPOS ARMADOS IMPRESCRITÍVEL PESSOALIDADE PENA REPARAÇÃO DO DANO PERDIMENTO PERDIMENTO DE BENS SUCESSORES PATRIMÔNIO TRANSFERIDO INDIVIDUALIZAÇÃO PENA PRIVAÇÃO RESTRIÇÃO LIBERDADE MULTA PERDA BENS PRESTAÇÃO SOCIAL SUSPENSÃO INTERDIÇÃO DIREITOS PENAS PROIBIDAS MORTE CARÁTER PERPÉTUO TRABALHOS FORÇADOS BANIMENTO CRUÉIS

9 CUMPRIMENTO PENA NATUREZA DO DELITO IDADE ASSEGURADO PRESO INTEGRIDADE FÍSICA SEXO MORAL PRESIDIÁRIAS FILHOS AMAMENTAÇÃO EXTRADIÇÃO CRIME COMUM NATO NATURALIZADO EXTRANGEIRO TRAFICO ILÍCITO EXTRADIÇÃO CRIME POLÍTICO CRIME OPINIÃO PRINCÍPIO JUÍZO NATURAL PROCESSADO SENTENCIADO AUTORIDADE COMPETENTE 9

10 DEVIDO PROCESSO LEGAL PRIVADO LIBERDADE PRIVADO BENS JUDICIAL ADMINISTRATIVA CONTRADITÓRIO AMPLA DEFESA INADMISSÍVEIS PROVAS ILÍCITAS PRINCÍPIO PRESUNÇÃO INOCÊNCIA CULPADO SENTENÇA PENAL CONDENATÓRIA CIVILMENTE IDENTIFICADO IDENTIFICAÇÃO CRIMINAL SALVO LEI ADMISSÃO AÇÃO PRIVADA AÇÃO PÚBLICA PRAZO LEGAL 10

11 RESTRIÇÃO ATOS PROCESSUAIS DEFESA INTIMIDADE INTERESSE SOCIAL PRISÃO FLAGRANTE ORDEM JUDICIAL CRIME MILITAR TRANSGRESSÃO MILITAR 11

AULA 01 Direitos e Deveres Fundamentais

AULA 01 Direitos e Deveres Fundamentais AULA 01 Direitos e Deveres Fundamentais Um projeto de vida começa com um sonho, grande ou pequeno, não importa! Na vida temos que ter a capacidade de sonhar, sonhar sempre, sonhar para viver! Meu nome

Leia mais

Direito Constitucional. Professor Marcelo Miranda professormiranda@live.com facebook.com/professormarcelomiranda

Direito Constitucional. Professor Marcelo Miranda professormiranda@live.com facebook.com/professormarcelomiranda Direito Constitucional Professor Marcelo Miranda professormiranda@live.com facebook.com/professormarcelomiranda Revisão da aula anterior Direito de propriedade Função social da propriedade Desapropriação

Leia mais

Turmas de Direito Empresarial Esboço das aulas Introdução ao Estudo do Direito

Turmas de Direito Empresarial Esboço das aulas Introdução ao Estudo do Direito CONCEITO, ORIGEM E FINALIDADE O Direito nasceu da necessidade do homem de viver em sociedade. O homem só não precisa do Direito, das normas, não há conflito de interesse, lide, existe no máximo conflitos

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 1.614, DE 2011 (Do Sr. Rubens Bueno)

PROJETO DE LEI N.º 1.614, DE 2011 (Do Sr. Rubens Bueno) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 1.614, DE 2011 (Do Sr. Rubens Bueno) Altera as Leis nº 9.800, de 26 de maio de 1999, e nº 11.419, de 19 de dezembro de 2006, para estabelecer procedimentos relativos

Leia mais

Curso Resultado Um novo conceito em preparação para concursos! CRFB/88. Atualizada em 02 de dezembro de 2015.

Curso Resultado Um novo conceito em preparação para concursos! CRFB/88. Atualizada em 02 de dezembro de 2015. Um novo conceito em preparação para concursos! CRFB/88 Atualizada em 02 de dezembro de 2015. CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988 Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia

Leia mais

PRINCÍPIOS DE DIREITO AMBIENTAL

PRINCÍPIOS DE DIREITO AMBIENTAL PRINCÍPIOS DE DIREITO AMBIENTAL PRINCÍPIOS INTEGRAM O DIREITO NÃO-ESCRITOS ESCRITOS ESTABELECEM PADRÕES DE CONDUTA VALORES FUNDAMENTAIS EXEMPLOS: PRINCÍPIO DA LEGALIDADE (art. 5º, II, CR) PRINCÍPIO DA

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DE 1891

CONSTITUIÇÃO DE 1891 CONSTITUIÇÃO DE 1891 Porto Alegre, dezembro de 2014. CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA DOS ESTADOS UNIDOS DO BRASIL DE 1891 INFLUÊNCIA E CONTEXTO HISTÓRICO A constituição de 1891 foi fortemente inspirada na constituição

Leia mais

Capítulo I - Dos Direitos e deveres individuais e coletivos (art. 5º) Diferenciação entre Direitos, Garantias e Remédios Constitucionais.

Capítulo I - Dos Direitos e deveres individuais e coletivos (art. 5º) Diferenciação entre Direitos, Garantias e Remédios Constitucionais. Diferenciação entre Direitos, Garantias e Remédios Constitucionais. Direitos: Declarações que limitam a atuação do Estado ou dos cidadãos. Garantias: Blindagem que envolve o Direito, evitando sua violação.

Leia mais

Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948

Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948 PARTE A Módulo I Acordos/Convenções Internacionais 1. Declaração Universal dos Direitos Humanos Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de

Leia mais

http://www.concursovirtual.com.br/professores/rodrigo-menezes.html

http://www.concursovirtual.com.br/professores/rodrigo-menezes.html Direito Constitucional Professor Rodrigo Menezes XLII - RACISMO XLIV - GOLPE XLIII - T T T H* Questões FCC Art. 5º fb.com/prof.rodrigomenezes Os crimes no art. 5º XLI a lei punirá qualquer discriminação

Leia mais

Direitos e Garantias Fundamentais. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda

Direitos e Garantias Fundamentais. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda Direitos e Garantias Fundamentais Objetivos Definir Direitos Humanos. Estabelecer os Direitos e Garantias Fundamentais. Direitos e Garantias Fundamentais Os direitos humanos são os direitos e liberdades

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 1.874, DE 2015 (Do Sr. Victor Mendes)

PROJETO DE LEI N.º 1.874, DE 2015 (Do Sr. Victor Mendes) *C0054038A* C0054038A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 1.874, DE 2015 (Do Sr. Victor Mendes) Altera a redação do parágrafo único do art. 3º e os artigos 5º e 7º da Lei nº 12.764, de 27 de dezembro

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO

SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO SELEÇÃO DE ESTÁGIO DIREITO ATENÇÃO - Verifique se este caderno contém 20 questões objetivas e 2 temas de redação. Caso contrário, reclame ao fiscal da sala outro caderno. - A resposta deve ser marcada

Leia mais

CARTILHA SOBRE RACISMO E INVIOLABILIDADE DE DOMICÍLIO DAS POPULAÇÕES CIGANAS, NÔMADES E DE RELIGIÕES DE MATRIZ AFRICANA

CARTILHA SOBRE RACISMO E INVIOLABILIDADE DE DOMICÍLIO DAS POPULAÇÕES CIGANAS, NÔMADES E DE RELIGIÕES DE MATRIZ AFRICANA Escola Superior Dom Helder Câmara CARTILHA SOBRE RACISMO E INVIOLABILIDADE DE DOMICÍLIO DAS POPULAÇÕES CIGANAS, NÔMADES E DE RELIGIÕES DE MATRIZ AFRICANA Introdução A Constituição da República Federativa

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTÁGIO - DIREITO

SELEÇÃO DE ESTÁGIO - DIREITO SELEÇÃO DE ESTÁGIO - DIREITO - Verifique se este caderno contém 20 questões objetivas e 2 temas de redação. Caso contrário, reclame ao fiscal da sala outro caderno. - A resposta deve ser marcada com caneta

Leia mais

LEGISLAÇÃO DE INTERESSE DA DEFESA CIVIL / CBMERJ CONSTITUIÇÃO FEDERAL

LEGISLAÇÃO DE INTERESSE DA DEFESA CIVIL / CBMERJ CONSTITUIÇÃO FEDERAL LEGISLAÇÃO DE INTERESSE DA DEFESA CIVIL / CBMERJ CONSTITUIÇÃO FEDERAL Art.5º Todos são iguais perante a lei.. XI a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento

Leia mais

CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1891

CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1891 CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1891 Preâmbulo Nós, os representantes do povo brasileiro, reunidos em Congresso Constituinte, para organizar um regime livre e democrático, estabelecemos, decretamos e promulgamos

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL PROF. JORGE RUAS - jabruas@uol.com.b

DIREITO CONSTITUCIONAL PROF. JORGE RUAS - jabruas@uol.com.b DIREITO CONSTITUCIONAL Professor: Jorge Ruas E-mail: jabruas@uol.com.br FACE: Jorge Ruas inconstitucional norma distrital que vede a realização de carros e aparelhos de som na Praça dos Três Poderes e

Leia mais

Comentários à Prova de Papiloscopista da Polícia Civil do Estado de Goiás provas em 24.03.2015

Comentários à Prova de Papiloscopista da Polícia Civil do Estado de Goiás provas em 24.03.2015 Comentários à Prova de Papiloscopista da Polícia Civil do Estado de Goiás provas em 24.03.2015 Questão FUNIVERSA/PC-GO Papiloscopista - 2015 Quanto aos Direitos Humanos na Constituição Federal de 1988,

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL - PCDF

DIREITO CONSTITUCIONAL - PCDF DIREITO CONSTITUCIONAL - PCDF DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS. DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS, DIREITOS SOCIAIS, DIREITOS DE NACIONALIDADE, DIREITOS POLÍTICOS, PARTIDOS POLÍTICOS. 1 - A condenação

Leia mais

CONVENÇÃO INTERNACIONAL SOBRE A ELIMINAÇÃO DE TODAS AS FORMAS DE DISCRIMINAÇÃO RACIAL (DECRETO Nº 65.810, DE 8 DE DEZEMBRO DE 1969)

CONVENÇÃO INTERNACIONAL SOBRE A ELIMINAÇÃO DE TODAS AS FORMAS DE DISCRIMINAÇÃO RACIAL (DECRETO Nº 65.810, DE 8 DE DEZEMBRO DE 1969) Normas internacionais sistema global DECLARAÇÃO UNIVERSAL DE DIREITOS HUMANOS Art. 2º - Toda pessoa tem capacidade para gozar os direitos e as liberdades estabelecidas nesta Declaração, sem distinção de

Leia mais

PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS E MARCO CIVIL DA INTERNET DANILO DONEDA

PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS E MARCO CIVIL DA INTERNET DANILO DONEDA PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS E MARCO CIVIL DA INTERNET DANILO DONEDA ANATEL ABRIL 2016 O QUE É PRIVACIDADE E PROTEÇÃO DE DADOS? POR QUE PROTEGÊ-LAS? COM O QUE PROTEGÊ-LAS? LEI E LEGISLAÇÃO O QUE É PRIVACIDADE

Leia mais

Apostilas OBJETIVA Cargo: AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES PC Polícia Civil do Estado de São Paulo - Concurso Público 2015. Caderno 1.

Apostilas OBJETIVA Cargo: AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES PC Polícia Civil do Estado de São Paulo - Concurso Público 2015. Caderno 1. Caderno 1 Índice PG Direito Constitucional Art.1º ao art. 5º da Constituição Federal... 02 Art. 144 da Constituição Federal... 23 Direitos Humanos Direitos Humanos: noção, significado, finalidades e história...

Leia mais

Dos Direitos e Garantias Fundamentais.

Dos Direitos e Garantias Fundamentais. MATERIAL DE AULA I) Ementa da aula e breve resumo Dos Direitos e Garantias Fundamentais. Os direitos e garantias fundamentais correspondem às normas constitucionais que possibilitam as condições mínimas

Leia mais

DECRETO N 678, DE 6 DE NOVEMBRO DE 1992

DECRETO N 678, DE 6 DE NOVEMBRO DE 1992 DECRETO N 678, DE 6 DE NOVEMBRO DE 1992 Promulga a Convenção Americana sobre Direitos Humanos (Pacto de São José da Costa Rica), de 22 de novembro de 1969. O VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no exercício

Leia mais

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS. UNIC / Rio / 005 - Dezembro 2000

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS. UNIC / Rio / 005 - Dezembro 2000 DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS UNIC / Rio / 005 - Dezembro 2000 DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS Preâmbulo Considerando que o reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros

Leia mais

www. Lifeworld.com.br

www. Lifeworld.com.br 1 Artigos da Constituição Mundial A Constituição Mundial é composta de 61º Artigos, sendo do 1º ao 30º Artigo dos Direitos Humanos de 1948, e do 31º ao 61º Artigos estabelecidos em 2015. Dos 30 Artigos

Leia mais

Webinário. Tendências Marketing Legal Milena Grado

Webinário. Tendências Marketing Legal Milena Grado Webinário Tendências Marketing Legal Milena Grado Milena Mendes Grado Advogada formada pela Pontifícia Universidade Católica PUC/SP Especialização em Internet e Sociedade: Tecnologias e Políticas de Controle

Leia mais

Considerando ser essencial promover o desenvolvimento de relações amistosas entre as nações,

Considerando ser essencial promover o desenvolvimento de relações amistosas entre as nações, A Declaração Universal dos Direitos Humanos é um dos documentos básicos das Nações Unidas e foi assinada em 1948. Nela, são enumerados os direitos que todos os seres humanos possuem. Preâmbulo Considerando

Leia mais

Interesse. declarado.

Interesse. declarado. Declaração de Conflitos de Interesse Nada a ser declarado. Ética em Medicina Laboratorial Ética no relacionamento inter-profissional Alvaro Rodrigues Martins Cenário Organizações Equipamentos\Insumos Mercado

Leia mais

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS BR/1998/PI/H/4 REV. DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948 Brasília 1998 Representação

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL PROFESSOR RODRIGO MENEZES facebook.com/prof.rodrigomenezes Art. 5º. Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo se aos brasileiros e aos estrangeiros

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 TÍTULO II DOS DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS CAPÍTULO I DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem

Leia mais

Preâmbulo. Considerando essencial promover o desenvolvimento de relações amistosas entre as nações,

Preâmbulo. Considerando essencial promover o desenvolvimento de relações amistosas entre as nações, DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembleia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948 Preâmbulo Considerando que o reconhecimento da

Leia mais

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS Preâmbulo DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS Adotada e proclamada pela resolução 217 A (III) da Assembléia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948 Considerando que o reconhecimento da

Leia mais

Noções de Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos

Noções de Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos Noções de Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos Direitos Humanos Criada durante o pós Guerra ( 2ª Guerra Mundial), em 1946 e aprovada em 1948 pela Assembléia Geral das Nações Unidas;

Leia mais

CONSTITUIÇÃO FEDERAL

CONSTITUIÇÃO FEDERAL CONSTITUIÇÃO FEDERAL PREÂMBULO Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos

Leia mais

Professor André Vieira. Exercícios. Curso Oficial de Justiça de 1º Instância e TRT/RS 1

Professor André Vieira. Exercícios. Curso Oficial de Justiça de 1º Instância e TRT/RS 1 Exercícios 01. Da redação original da Constituição de 1988 constavam as seguintes garantias fundamentais, à exceção de uma. Assinale-a. a) "Qualquer cidadão é parte legítima para propor ação popular que

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988... TÍTULO II DOS DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS CAPÍTULO I DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS Art. 5º Todos são iguais perante a lei,

Leia mais

Título I Dos Princípios Fundamentais

Título I Dos Princípios Fundamentais Título I Dos Princípios Fundamentais Art. 1o A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado democrático de direito

Leia mais

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS DO HOMEM

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS DO HOMEM DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS DO HOMEM com a Independência dos E.U.A. e a Revolução Francesa, a Declaração Universal dos Direitos do Homem é um documento extraordinário que precisa ser mais conhecido

Leia mais

Estes são os direitos de: Atribuídos em: Enunciados pela Organização das Naões Unidas na Declaração Universal dos Direitos Humanos

Estes são os direitos de: Atribuídos em: Enunciados pela Organização das Naões Unidas na Declaração Universal dos Direitos Humanos Estes são os direitos de: Atribuídos em: Enunciados pela Organização das Naões Unidas na Declaração Universal dos Direitos Humanos No dia 10 de dezembro de 1948, a Assembléia Geral das Nações Unidas adotou

Leia mais

Declaração Universal dos. Direitos Humanos

Declaração Universal dos. Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos Ilustrações gentilmente cedidas pelo Fórum Nacional de Educação em Direitos Humanos Apresentação Esta é mais uma publicação da Declaração Universal dos Direitos

Leia mais

Constituição do estado de são paulo

Constituição do estado de são paulo Constituição da RepúbliCa FedeRativa do brasil Constituição do estado de são paulo 9 788570 607942 978-85-7060-794-2 Constituição da República FedeRativa do brasil Constituição do estado de são paulo VERSÃO

Leia mais

CONSTITUIÇÃO FEDERAL

CONSTITUIÇÃO FEDERAL CONSTITUIÇÃO FEDERAL Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida,

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS Trabalho Individual Área / UFCD

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS Trabalho Individual Área / UFCD 1 de 6 Comunidade Global Tema Direitos fundamentais do : Declaração Universal dos Direitos do OBJECTIVO: Participa consciente e sustentadamente na comunidade global 1. Leia, com atenção, a Declaração Universal

Leia mais

Preconceito é um juízo preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude discriminatória contra pessoas, lugares ou tradições diferentes

Preconceito é um juízo preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude discriminatória contra pessoas, lugares ou tradições diferentes Preconceito é um juízo preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude discriminatória contra pessoas, lugares ou tradições diferentes daqueles que consideramos nossos. Costuma indicar desconhecimento

Leia mais

II Seminário do Núcleo de Conhecimentos Alcateia. Os perigos da Internet e seus riscos legais

II Seminário do Núcleo de Conhecimentos Alcateia. Os perigos da Internet e seus riscos legais II Seminário do Núcleo de Conhecimentos Alcateia Segurança a da informação: Os perigos da Internet e seus riscos legais RONY VAINZOF rony@opiceblum.com.br LEGALIDADE LEGISLAÇÃO ESPECÍFICA? DOS DIREITOS

Leia mais

http://www.redebrasil.psi.br/cache/000118843157800.htm

http://www.redebrasil.psi.br/cache/000118843157800.htm Page 1 of 129 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Título I DOS PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS Art.1º - A República Federativa do Brasil formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos A image m v inculada não pode ser exibida. Talv ez o arquiv o tenha sido mov ido, renomeado ou excluído. V erifique se o v ínculo aponta para o arquiv o e o local corretos. Presidência da República Casa

Leia mais

DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS

DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS (Procurador AGU 2010 CESPE) Quanto a direitos e garantias individuais e coletivos, julgue os itens a seguir (Certo ou Errado). 1. A CF assegura a todos, independentemente

Leia mais

Psicologia Clínica ISSN: 0103-5665 psirevista@puc-rio.br. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Brasil

Psicologia Clínica ISSN: 0103-5665 psirevista@puc-rio.br. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Brasil Psicologia Clínica ISSN: 0103-5665 psirevista@puc-rio.br Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro Brasil Declaração Universal dos Direitos Humanos adotada e proclamada pela resolução 217 A (III)

Leia mais

CONSTITUIÇÃO FEDERAL CONSTITUIÇÃO ESTADUAL

CONSTITUIÇÃO FEDERAL CONSTITUIÇÃO ESTADUAL REPUBLICA RIO GRANDENSE 20 DE SETEMBRO 1835 DE E S TA D O D O R I O G R A N D E D O S U L P O D E R J U D I C I Á R I O T R I B U N A L D E J U S T I Ç A ATUALIZADAS ATÉ 29-03-11 CONSTITUIÇÃO FEDERAL E

Leia mais

DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS

DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS Art. 5º DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS 1) todos são iguais perante a lei 1) sem distinção de qualquer natureza 2) garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no país a inviolabilidade

Leia mais

ASPECTOS JURÍDICOS ASSÉDIO MORAL

ASPECTOS JURÍDICOS ASSÉDIO MORAL ASPECTOS JURÍDICOS ASSÉDIO MORAL COMO ESTÃO OS PROCESSOS DE ASSÉDIO NO BRASIL. Atualmente, processos judiciais que envolvem assédio moral estão cada vez mais presentes na Justiça do Trabalho. No Brasil,

Leia mais

Prof Ahyrton Lourenço

Prof Ahyrton Lourenço Ministério da Justiça Secretaria Executiva Concurso Público para Provimento de Cargos do Quadro de Pessoal do Ministério da Justiça Especialista em Assistência Penitenciária e Técnico de Apoio à Assistência

Leia mais

Proteção do Sigilo de Informações e Marco Civil da Internet

Proteção do Sigilo de Informações e Marco Civil da Internet Proteção do Sigilo de Informações e Marco Civil da Internet 2 Não há lei brasileira que regule a atividade de navegação na internet ou traga disposições específicas e exclusivas sobre os dados que circulam

Leia mais

APOSTILA OFICIAL DE JUSTIÇA 2013 ÍNDICE

APOSTILA OFICIAL DE JUSTIÇA 2013 ÍNDICE APOSTILA OFICIAL DE JUSTIÇA 2013 ÍNDICE DIREITO CONSTITUCIONAL... 02 ARTIGO 5º... 09 DIREITO PENAL... 46 DIREITO PROCESSUAL PENAL... 56 DIREITO PROCESSUAL CIVIL... 62 EXECUÇÃO FISCAL... 90 DIREITO ADMINISTRATIVO...

Leia mais

Constituição da República Disposições relevantes em matéria de Comunicação Social

Constituição da República Disposições relevantes em matéria de Comunicação Social Constituição da República Disposições relevantes em matéria de Comunicação Social Artigo 25 o (Direito à integridade pessoal) 1. A integridade moral e física das pessoas é inviolável. 2. Ninguém pode ser

Leia mais

O Congresso Nacional, invocando a proteção de Deus, decreta e promulga a seguinte

O Congresso Nacional, invocando a proteção de Deus, decreta e promulga a seguinte 1967/69 Constituição da República Federativa do Brasil (de 24 de janeiro de 1967) O Congresso Nacional, invocando a proteção de Deus, decreta e promulga a seguinte CONSTITUIÇÃO DO BRASIL TÍTULO I Da Organização

Leia mais

PROCESSO PENAL COMNENTÁRIOS RECURSOS PREZADOS, SEGUEM OS COMENTÁRIOS E RAZÕES PARA RECURSOS DAS QUESTÕES DE PROCESSO PENAL.

PROCESSO PENAL COMNENTÁRIOS RECURSOS PREZADOS, SEGUEM OS COMENTÁRIOS E RAZÕES PARA RECURSOS DAS QUESTÕES DE PROCESSO PENAL. PROCESSO PENAL COMNENTÁRIOS RECURSOS PREZADOS, SEGUEM OS COMENTÁRIOS E RAZÕES PARA RECURSOS DAS QUESTÕES DE PROCESSO PENAL. A PROVA FOI MUITO BEM ELABORADA EXIGINDO DO CANDIDATO UM CONHECIMENTO APURADO

Leia mais

CONSTITUIÇÃO FEDERAL 1988, CAPÍTULO VI - DO MEIO AMBIENTE

CONSTITUIÇÃO FEDERAL 1988, CAPÍTULO VI - DO MEIO AMBIENTE CONSTITUIÇÃO FEDERAL Constituição Federal de 1988, CAPÍTULO VI - DO MEIO AMBIENTE Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros

Leia mais

O que são Direitos Humanos?

O que são Direitos Humanos? O que são Direitos Humanos? Técnico comercial 4 (1º ano) Direitos Humanos são os direitos e liberdades básicas de todos os seres humanos. O principal objetivo dos Direitos Humanos é tratar cada indivíduo

Leia mais

XVI CONCURSO DE SELEÇÃO DE ESTÁGIO CURSO DE DIREITO

XVI CONCURSO DE SELEÇÃO DE ESTÁGIO CURSO DE DIREITO EFENSORIA PÚBLICA A UNIÃO EFENSORIA PÚBLICA A UNIÃO/BAGÉ - RS XVI CONCURSO E SELEÇÃO E ESTÁGIO CURSO E IREITO Nº. E INSCRIÇÃO: CANIATO (A): 2015 RG Nº: LEIA COM ATENÇÃO: A duração da prova objetiva será

Leia mais

JURISPRUDÊNCIA DO STF INSS

JURISPRUDÊNCIA DO STF INSS JURISPRUDÊNCIA DO STF INSS 1 STF SÚMULAS VINCULANTES Art. 103-A. O Supremo Tribunal Federal poderá, de ofício ou por provocação, mediante decisão de dois terços dos seus membros, após reiteradas decisões

Leia mais

O FENECIMENTO DA REVISTA VEXATÓRIA E SUA INCONSTITUCIONALIDADE EM FACE DOS DIREITOS HUMANOS

O FENECIMENTO DA REVISTA VEXATÓRIA E SUA INCONSTITUCIONALIDADE EM FACE DOS DIREITOS HUMANOS O FENECIMENTO DA REVISTA VEXATÓRIA E SUA INCONSTITUCIONALIDADE EM FACE DOS DIREITOS HUMANOS Lucas Del Mora do Nascimento 1 Marcelo Liberato Latorre 2 RESUMO: O presente trabalho visou analisar a Resolução

Leia mais

Turma e Ano: Turma Regular Master A. Matéria / Aula: Direito Civil Aula 06. Professor: Rafael da Mota Mendonça

Turma e Ano: Turma Regular Master A. Matéria / Aula: Direito Civil Aula 06. Professor: Rafael da Mota Mendonça Turma e Ano: Turma Regular Master A Matéria / Aula: Direito Civil Aula 06 Professor: Rafael da Mota Mendonça Monitora: Fernanda Manso de Carvalho Silva Direitos da Personalidade 2. Características (continuação):

Leia mais

Responsabilidade na Internet

Responsabilidade na Internet Responsabilidade na Internet Papos em Rede 26/01/2012 Glaydson Lima Advogado e Analista de Sistema @glaydson glaydson.com http://delicious.com/glaydsonlima/paposemrede Responsabilidade por publicação direta

Leia mais

CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL - ATUALIZAÇÕES

CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL - ATUALIZAÇÕES CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL - ATUALIZAÇÕES - Evasão de divisas e lavagem de capitais as alterações da Lei 12.683/12 - Investigação de crimes financeiros - Cooperação jurídica internacional

Leia mais

Declaração Americana dos Direitos e Deveres do Homem (1948)

Declaração Americana dos Direitos e Deveres do Homem (1948) Declaração Americana dos Direitos e Deveres do Homem (1948) Resolução XXX, Ata Final, aprovada na IX Conferência Internacional Americana, em Bogotá, em abril de 1948 A IX Conferência Internacional Americana,

Leia mais

CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO...

CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO...19 DEDICATÓRIA...21 CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... 23 1. Antecedentes históricos da função de advogado...23 2. O advogado na Constituição Federal...24 3. Lei de

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARIAÍVA

CONCURSO PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARIAÍVA CADERNO DE PROVA ADVOGADO N.º DE INSCRIÇÃO DO(A) CANDIDATO(A) Domingo, 1 de fevereiro de 2015. 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 ANTES DE INICIAR A PROVA, LEIA AS INSTRUÇÕES

Leia mais

MATERIAL DE EXERCICIO DE DIREITO CONSTITUCIONAL INDICE DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS NACIONALIDADE ORGANIZAÇÃO DO ESTADO PODER EXECUTIVO

MATERIAL DE EXERCICIO DE DIREITO CONSTITUCIONAL INDICE DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS NACIONALIDADE ORGANIZAÇÃO DO ESTADO PODER EXECUTIVO MATRIAL D XRIIO D DIRITO ONSTITUIONAL INDI DIRITOS GARANTIAS FUNDAMNTAIS NAIONALIDAD ORGANIZAÇÃO DO STADO PODR XUTIVO PODR LGISLATIVO FISALIZAÇÃO ONTABIL PROSSO LGISLATIVO PODR XRUTIVO LISTA D RVISAO GRAL

Leia mais

Estado de direito democrático...2. Tarefas fundamentais do Estado...2. Liberdade de associação...2. Direitos dos trabalhadores...3

Estado de direito democrático...2. Tarefas fundamentais do Estado...2. Liberdade de associação...2. Direitos dos trabalhadores...3 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA PORTUGUESA (Texto nos termos da última revisão constitucional (sexta revisão constitucional) operada pela Lei Constitucional n.º 1/2004, de 24 de Julho) Estado de direito democrático...2

Leia mais

EXERCÍCIOS DIREITOS FUNDAMENTAIS CURSO MÚLTIPLA PROFESSORA : MYRIAN BRANDAO myrianpcdireito@yahoo.com.br

EXERCÍCIOS DIREITOS FUNDAMENTAIS CURSO MÚLTIPLA PROFESSORA : MYRIAN BRANDAO myrianpcdireito@yahoo.com.br EXERCÍCIOS ARTIGO 5º Assinale V para verdadeira ou F para falso as alternativas seguintes: 1 - ( ) é livre a manifestação do pensamento, sendo permitido o anonimato 2 - ( ) a casa é asilo inviolável do

Leia mais

Sobre os Direitos e Deveres Individuais e Coletivos definidos na Constituição Federal, é correto afirmar:

Sobre os Direitos e Deveres Individuais e Coletivos definidos na Constituição Federal, é correto afirmar: DIREITO CONSTITUCIONAL É fundamento da República Federativa do Brasil, disposto de forma expressa na Constituição Federal, (A) a cooperação entre governantes. (B) o pluralismo político. (C) a erradicação

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL EFICÁCIA JURÍDICA Atualizado em 12/01/2016 NACIONALIDADE: ARTS. 12 E 13 CF88 A nacionalidade é o vínculo jurídico-civil que liga o indivíduo a um determinado território e é considerada

Leia mais

Marco Civil da Internet

Marco Civil da Internet Deputado Federal Alessandro Lucciola Molon (Partido dos Trabalhadores Rio de Janeiro) Relator do Projeto de Lei 2.126/2011 (Lei 12.965/2014) 16 Giugno 2014 Montecitorio publicado no D.O.U. de 24.4.2014

Leia mais

Capítulo 1 Crimes Hediondos Lei 8.072/1990

Capítulo 1 Crimes Hediondos Lei 8.072/1990 Sumário Prefácio... 11 Apresentação dos autores... 13 Capítulo 1 Crimes Hediondos Lei 8.072/1990 1. Para entender a lei... 26 2. Aspectos gerais... 28 2.1 Fundamento constitucional... 28 2.2 A Lei dos

Leia mais

Conteúdo: - Propriedade Industrial; Conceito; Classificação; Indicação Geográfica; Concorrência Desleal.

Conteúdo: - Propriedade Industrial; Conceito; Classificação; Indicação Geográfica; Concorrência Desleal. Turma e Ano: Flex B (2014) Matéria / Aula: Propriedade industrial / Aula 01 Professor: Marcelo Tavares Conteúdo: - Propriedade Industrial; Conceito; Classificação; Indicação Geográfica; Concorrência Desleal.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO Conselho da Magistratura PROVIMENTO N 01/2007 (DOE 18/05/07)

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO Conselho da Magistratura PROVIMENTO N 01/2007 (DOE 18/05/07) PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO Conselho da Magistratura PROVIMENTO N 01/2007 (DOE 18/05/07) EMENTA: Orienta os juízes sobre a competência do Juizado de Violência Doméstica

Leia mais

Declaração Universal dos Direitos Humanos

Declaração Universal dos Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos Preâmbulo Considerando que o reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros da família humana e dos seus direitos iguais e inalienáveis constitui o fundamento

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 1.219, DE 2015 (Do Sr. Leonardo Quintão)

PROJETO DE LEI N.º 1.219, DE 2015 (Do Sr. Leonardo Quintão) *C0053002A* C0053002A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 1.219, DE 2015 (Do Sr. Leonardo Quintão) Institui o Estatuto Jurídico da Liberdade Religiosa. DESPACHO: APENSE-SE À(AO) PL-1089/2015. APRECIAÇÃO:

Leia mais

Declaração Universal dos Direitos do Homem

Declaração Universal dos Direitos do Homem Declaração Universal dos Direitos do Homem Preâmbulo Considerando que o reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros da família humana e dos seus direitos iguais e inalienáveis constitui o fundamento

Leia mais

Marco Regulatório não pode ser janela aberta a tentações censórias

Marco Regulatório não pode ser janela aberta a tentações censórias 1 www.oxisdaquestao.com.br Marco Regulatório não pode ser janela aberta a tentações censórias Texto de CARLOS CHAPARRO Convocada pelo Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação, realizou-se dia

Leia mais

Júlio César Moreira. Diretor de Patentes novembro de 2012. http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/agencia16/ag01/arvore/ag01_23_911200585232.

Júlio César Moreira. Diretor de Patentes novembro de 2012. http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/agencia16/ag01/arvore/ag01_23_911200585232. Júlio César Moreira Diretor de Patentes novembro de 2012 http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/agencia16/ag01/arvore/ag01_23_911200585232.html Projeto de Lei do Senado nº 440 de 2011 Art 3º A BIOBRAS terá

Leia mais

ERROS NOS PROCEDIMENTOS DE ENFERMAGEM CONTEXTO, CONDIÇÕES DE TRABALHO E RESPONSABILIDADES

ERROS NOS PROCEDIMENTOS DE ENFERMAGEM CONTEXTO, CONDIÇÕES DE TRABALHO E RESPONSABILIDADES ERROS NOS PROCEDIMENTOS DE ENFERMAGEM CONTEXTO, CONDIÇÕES DE TRABALHO E RESPONSABILIDADES Palestrante: Cláudio Márcio de Oliveira Leal Procurador Geral COREN/PI FUNDAMENTOS LEGAIS DO REGISTRO DE ENFERMAGEM.

Leia mais

Disciplina: Direito Internacional Público

Disciplina: Direito Internacional Público Disciplina: Direito Internacional Público Tema: Nacionalidade, condição jurídica dos estrangeiros, formas de saída compulsória (extradição, expulsão e deportação, asilo e refúgio Prof. Rodrigo de Victor

Leia mais

PARAMETROS DO ESTRITO CUMPRIMENTO DE DEVER LEGAL

PARAMETROS DO ESTRITO CUMPRIMENTO DE DEVER LEGAL 1 PARAMETROS DO ESTRITO CUMPRIMENTO DE DEVER LEGAL Prof.Dr.Luís Augusto Sanzo Brodt ( O autor é advogado criminalista, professor adjunto do departamento de Ciências Jurídicas da Fundação Universidade Federal

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO

COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO PROJETO DE LEI N o 7.018, DE 2013 Dispõe sobre o armazenamento de imagens em dispositivos de monitoramento e gravação eletrônica por meio de

Leia mais

A CRÍTICA AO ATO DE SUPERIOR E A LIBERDADE DE EXPRESSÃO

A CRÍTICA AO ATO DE SUPERIOR E A LIBERDADE DE EXPRESSÃO UNIVERSIDADE CRUZEIRO DO SUL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO MILITAR DIREITO PENAL MILITAR PARTE ESPECIAL MARCELO VITUZZO PERCIANI A CRÍTICA AO ATO DE SUPERIOR E A LIBERDADE DE EXPRESSÃO Marcelo Vituzzo Perciani

Leia mais

Questões de Processo Penal

Questões de Processo Penal Questões de Processo Penal 1º) As Contravenções Penais (previstas na LCP) são punidas com: a) ( ) Prisão Simples; b) ( ) Reclusão; c) ( ) Detenção; d) ( ) Não existe punição para essa espécie de infração

Leia mais

SUMÁRIO. CAPÍTULO II - Polícia Judiciária Militar... 17 1 Polícia Judiciária Militar... 17

SUMÁRIO. CAPÍTULO II - Polícia Judiciária Militar... 17 1 Polícia Judiciária Militar... 17 Direito Processual Penal Militar - 4ª Edição SUMÁRIO CAPÍTULO I Princípios... 13 1 Princípios aplicados no processo penal militar... 13 2 Lei do processo penal militar e sua aplicação... 15 3 Aplicação

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 1.211, DE 2011 (Do Sr. Ronaldo Nogueira)

PROJETO DE LEI N.º 1.211, DE 2011 (Do Sr. Ronaldo Nogueira) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 1.211, DE 2011 (Do Sr. Ronaldo Nogueira) Dispõe sobre a profissão de detetive particular, cria o Conselho Federal de Detetives do Brasil e os Conselhos Regionais

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO 1. Introdução: A Pena 2. A Pena na Constituição Federal de 1988 3. Finalidades da pena 4. Espécies de pena no Código Penal brasileiro 5. Direito Penitenciário 6. Legislação 7. Aplicação

Leia mais

Noções Gerais de Direito Administrativo. Profª Paula d Oran Pinheiro Manaus/AM 23 a 27 de julho 2012 1 / 1

Noções Gerais de Direito Administrativo. Profª Paula d Oran Pinheiro Manaus/AM 23 a 27 de julho 2012 1 / 1 Noções Gerais de Direito Administrativo Profª Paula d Oran Pinheiro Manaus/AM 23 a 27 de julho 2012 1 / 1 Unidade I - Noções Preliminares 1.Conceito de Direito Conjunto de regras impostas pelo Estado,

Leia mais