PROGRAMA CIENTÍFICO Dia 12/11/2012-2ª. Feira - Pré-Conferência

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROGRAMA CIENTÍFICO Dia 12/11/2012-2ª. Feira - Pré-Conferência"

Transcrição

1 CONFERÊNCIA INTERNACIONAL EM EPIDEMIOLOGIA EPI CVE Vigilância Epidemiológica das ações à pesquisa buscando evidências DATA: 12 a 14 de Novembro de 2012 LOCAL: Expo Center Norte Rua José Bernardo Pinto, 333, Vila Guilherme,, SP Brasil PROGRAMA CIENTÍFICO Dia 12/11/2012-2ª. Feira - Pré-Conferência 7h00 8h30 Inscrições e distribuição de material 8h30-16h30 Cursos em Epidemiologia e Vigilância 2ª FEIRA Sala Jaçanã 1 Curso # 1 - Epidemiologia Molecular de Doenças Infecciosas e Evidências Coordenador: Maria Helena Matté Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), Professor: Amee Manges Universidade de British Columbia, Vancouver, Canadá Sala Jaçanã 2 Curso #2 - Laboratório para Epidemiologistas: enfrentamento à Globalização das Doenças Coordenador: Eliana Suzuki Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Professores: Rebecca L. Hall Divisão de Parasitologia, Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Atlanta, Geórgia, USA Tânia M. I. Vaz Centro de Bacteriologia, Instituto Adolfo Lutz (IAL), Pedro L. S. Pinto Centro de Parasitologia e Micologia, Instituto Adolfo Lutz (IAL), São Paulo Maria do Carmo S. T. Timenetsky Centro de Virologia/ Instituto Adolfo Lutz (IAL), São Paulo Sala Jaçanã 3 Curso # 3 Sistemas de Informações Geográficas - GIS/Geoprocessamento: Ferramentas de Tecnologia e suas Aplicações em Saúde Pública Coordenador: Professor: Cláudia V. Montero - Núcleo de Informação em Vigilância Epidemiológica, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Carl Kinkade Divisão de Parasitologia, Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Atlanta, Geórgia, USA Sala Santana 1 Curso # 4 - Tuberculose Os três Is do controle da coinfecção TB/HIV Coordenadores: Vera Neder Galesi e Laedi A. R. Santos Divisão de Tuberculose, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Professores: Vera Neder Galesi - Divisão de Tuberculose, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Regina Lemos Programa de Controle da Tuberculose, Secretaria Municipal de São Paulo, Leda Fátima Jamal Centro de Referência e Treinamento - DST/AIDS, CCD/SES-SP, 1

2 Laedi Alves Rodrigues Santos - Divisão de Tuberculose, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Marcelo Gonçalves - Hospital Evandro Chagas, Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Rio de Janeiro Sala Santana 2 Curso # 5 - Novos Modelos de Vigilância - Ênfase e Promoção da Saúde Global Coordenador: Helena Barbosa Assistente de Direção, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Professores: Eliseu Alves Waldman - Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), Maria Bernadete de Paula Eduardo - Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Maria Carla da Silva - Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Márcia de Cantuária Tauil - Mestranda, Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), 2ª FEIRA Sala Santana 3 Curso # 6 - Como escrever um artigo científico Coordenador: Ana Freitas Ribeiro - Diretora, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Professor: Laura Cunha Rodrigues Faculdade de Higiene e Medicina Tropical de Londres, Londres, UK 17h00 Sala Santa 1, 2 e 3 Sessão Solene de Abertura Autoridades Presentes: Ministro da Saúde (MS) Alexandre Padilha Secretário de Vigilância em Saúde (SVS) Jarbas Barbosa da Silva Junior Secretário de Estado da Saúde de (SES-SP) Giovanni Guido Cerri Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD)/SES-SP Marcos Boulos Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE)/SES-SP Ana Freitas Ribeiro Conferência de Abertura: Construindo a política em Vigilância em Saúde Jarbas Barbosa da Silva Junior - Secretário de Vigilância em Saúde, Ministério da Saúde do Brasil 18h00 Confraternização 2

3 Dia 13/11/12 3ª. Feira 8h00 Inscrições, distribuição de material e afixação de pôsteres do 1º dia 8h30-10h30 Sala Jaçanã 1 Mesa Redonda # 1: Doenças Respiratórias Integrando conhecimento, inovação e prática Coordenador: Eliseu Alves Waldman Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), Neisseria meningitidis nos EUA Lee H. Harrison - Universidade de Pittsburgh, Pittsburgh, Pensilvânia, USA Haemophillus influenzae B e Streptococcus pneumoniae no Estado de Maria Cristina C. Brandileone - Centro de Bacteriologia, Instituto Adolfo Lutz (IAL), Bordetella pertussis na Grande e Interior José Cássio de Moraes - Departamento de Medicina Social, Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de, Sala Jaçanã 2 Mesa Redonda # 2 Epidemiologia em Saúde Ambiental Pesquisas, Fatores Ambientais e impactos à Saúde Humana Coordenador: Guilherme Franco Netto Secretaria de Vigilância em Saúde, Ministério da Saúde, Brasília, DF Avaliação de Risco à Saúde Humana decorrente de Exposição Ambiental Adelaide Nardocci Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), 3ª FEIRA Exposição às substâncias tóxicas e doenças relacionadas - Prevenção, Informação e Investigação Eduardo Mello De Capitani Faculdade de Ciências Médicas/ UNICAMP, Campinas, Os desafios da pesquisa em epidemiologia ambiental Mark Nieuwenhuijesen- Centro de Pesquisa em Epidemiologia Ambiental CREAL, Barcelona, Espanha Sala Jaçanã 3 Mesa Redonda # 3 - Hepatites B e C: Transmissão, Prevenção e Vigilância Epidemiológica Coordenador: Norma Suely de Oliveira Farias - Divisão de Hepatites Virais, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Modos de transmissão das hepatites virais B e C: o que mostram os dados do Sistema de Vigilância Epidemiológica Gerson Fernando Mendes Pereira Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), Ministério da Saúde (MS), Brasília, DF Transmissão dos vírus VHB e VHC: resultados de pesquisas em populações específicas Afonso Dinis Costa Passos Departamento de Medicina Social, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de (FMRP/USP), Ribeirão Preto, Transmissão sexual da hepatite C: evidências e controvérsias 3

4 Norma de Paula Cavalheiro Moléstias Infecciosa, Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina da Universidade de (FMUSP), Sala Santana 1 Mesa Redonda # 4 Determinantes Sociais de Saúde e Epidemiologia Coordenador: Marcia Faria Westphal Departamento de Práticas de Saúde, Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), Formulação de Políticas Públicas e Determinantes Sociais de Saúde Paulo M. Buss - Centro de Relações Internacionais em Saúde, Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), Rio de Janeiro A contribuição da pesquisa para o desenvolvimento de estratégias de intervenção sobre os Determinantes Sociais de Saúde Dóra Chor Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto (ELSA), Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), Rio de Janeiro Os caminhos para ação dos Determinantes Sociais de Saúde: dos princípios à avaliação Marco Akerman Vice Diretor, Faculdade de Medicina do ABC, Sala Santana 2 Mesa Redonda # 5 Redes/Networks, Sistemas de Informação e Respostas às Emergências Coordenador: Ana Freitas Ribeiro Diretora, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Mídia e Vigilância em Saúde Pública Elaine O. Nsoesie Hospital Infantil de Boston, Faculdade de Medicina de Harvardon, Massachusetts, USA Coleta de dados por celular para melhorar a coleta de dados em saúde pública, vigilância e respostas às emergências em saúde Carl Kinkade Divisão de Parasitologia, Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Atlanta, Geórgia, USA 3ª FEIRA Informações geográficas, perfil de saúde e respostas: a experiência do município de Maria Cristina Haddad Martins Gerência de Geoprocessamento e Informação Socioambiental, Secretaria Municipal de Saúde de, Sala Santana 3 Mesa Redonda # 6 Tendência Mundial das Doenças Transmitidas por Alimentos Coordenador: Maria Bernadete de Paula Eduardo Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Doenças Transmitidas por Alimentos e desafios da Globalização Tom M. Chiller Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica, Alimentar e Ambiental, Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Atlanta, Geórgia, USA Estimando a incidência e impactos das Doenças Transmitidas por Alimentos para melhorar o controle e prevenção Friederike Luise Mayen - PANAFTOSA, Organização Panamericana de Saúde - PAHO, Rio de Janeiro Tendência das Doenças Transmitidas por Alimentos no Brasil Rejane M. S. Alves - Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), Ministério da Saúde (MS), Brasília, DF 4

5 10h30-11h00 Intervalo para o café 11h00-12h30 Sala Jaçanã 1 Mesa Redonda # 7 Desafios e Estratégias para a Erradicação Global da Poliomielite e Sarampo Coordenador: Maria Ligia Ramos Bacciote Neger - Centro de Controle de Doenças, Secretaria Municipal de Saúde de, Poliomielite e Síndrome Pós-Poliomielite: Aspectos Clínicos Fernando Kok Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina da Universidade de (FMUSP), Panorama da Poliomielite no mundo e perspectivas de sua erradicação Monica Tilli Pessoa Conde Centro de Controle de Doenças, Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, Erradicação do Sarampo Perspectivas José Cássio de Moraes Comitê de Imunização/OMS e Departamento de Medicina Social, Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de, Sã Paulo Sala Jaçanã 2 Mesa Redonda # 8 Emergências em Saúde Pública Detecção e Respostas Coordenador: Alessandra C. G. Pellini Central CVE, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), São Paulo Emergências de Saúde Detecção e Respostas Sylvain Aldighieri HSD/IR Unit Coordinator, PAHO, Washington DC, USA Regulamento Sanitário Internacional Um Novo Paradigma? Wanderson Kleber de Oliveira Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), Ministério da Saúde (MS), Brasília, DF 3ª FEIRA O Papel da ANVISA na Detecção e Resposta em Emergência em Saúde Pública- RSI Rodolfo Navarro Nunes Portos, Aeroportos e Fronteiras, Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), Brasília, DF Sala Jaçanã 3 Mesa Redonda # 9 - Modelos de atuação da Vigilância Epidemiológica em Doenças Negligenciadas e/ou em Eliminação Coordenador: Núbia V. D. L. Araujo Assistente de Direção, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Tracoma Inquérito domiciliar por amostragem - a experiência de Moçambique Norma Helen Medina Divisão de Oftalmologia, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), A experiência da Argentina na produção do medicamento para o tratamento do mal de Chagas Sergio Sosa-Estani Instituto Nacional de Parasitologia, Ministério da Saúde, Buenos Aires, Argentina O enfrentamento das Doenças em Eliminação no cenário brasileiro Rosa Castália França Ribeiro Soares - Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), Ministério da Saúde (MS), Brasília, DF 5

6 Sala Santana 2 Mesa Redonda # 10 Construindo a pesquisa em vigilância epidemiológica com base em evidências Coordenador: Maria Carla da Silva Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Epidemiologia Molecular e vigilância de evidências Amee Manges Universidade de British Columbia, Vancouver, Canadá Pesquisa e Epidemiologia: fundamentos para o trabalho de campo da Vigilância Epidemiológica Moisés Goldbaum Superintendência de Controle de Doenças Endêmicas (SUCEN), Sala Santana 1 Mesa Redonda # 11 Novos Desafios para o Epidemiologista Hospitalar Coordenador: Vera Lúcia Malheiro Núcleo Hospitalar de Epidemiologia, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Novos Desafios para o Epidemiologista Hospitalar Visão de órgão governamental Denise Brandão de Assis Divisão de Infecção Hospitalar, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Novos Desafios para o Epidemiologista Hospitalar Visão do Serviço de Saúde Antonio Tadeu Fernandes CCIH Cursos, Núcleos de Epidemiologia Hospitalar Detecção de doenças emergentes e controle da infecção Carlos Magno Castelo Branco Fortaleza Faculdade de Medicine de Botucatu, Universidade Estadual de, UNESP, Botucatu, Sala Santana 3 Mesa Redonda # 12 Dengue prevenção e controle Coordenador: Cláudia Barleta Divisão de Zoonoses/Dengue, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Mudanças no perfil epidemiológico de dengue no Brasil o que esperar nas próximas epidemias? Giovanini Evelin Coelho - Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), Ministério da Saúde (MS), Brasília, DF 3ª FEIRA Fatores clínicos e laboratoriais preditores de dengue grave e seu manejo Benedito Antonio Lopes da Fonseca Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo Produção da Vacina de Dengue Perspectivas Alexander Roberto Precioso - Instituto Butantan, 12h30-14h00 Almoço Sala Jaçanã 1 Satélite 1 Abbot Vírus Sincicial Respiratório: Epidemiologia e Prevenção Coordenador: Helena Keico Sato Divisão de Imunização, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), 6

7 Situação Epidemiológica do VSR Eitan Naaman Berezin Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de, Indicações para Utilização do Palivizumabe Renato Kfouri Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIM) Experiência do Estado de na Utilização do Palivizumabe Maria Gomes Valente Divisão de Imunização, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Sala Santana 1 Satélite 2 Janssen TELAPREVIR: Os Desafios na Prática Clínica 14h00-16h00 Sala Jaçanã 3 Mesa Redonda # 13 - HIV e Doenças Sexualmente Transmissíveis - Epidemiologia e Novas Estratégias Coordenador: Maria Clara Gianna Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS, CCD/SES-SP, Vigilância Epidemiológica - Fornecendo Respostas e Apontando Lacunas para o Controle das DST/AIDS Ângela Tayra Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS, CCD/SES-SP, Vigilância Comportamental do HIV - Método LTS - Sampacentro Manoel Carlos Sampaio de Almeida Ribeiro- Departamento de Medicina Social, Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de Estudos Longitudinais para Vigilância em Saúde para Pessoas vivendo com HIV AIDS - Coorte Brasil Alexandre Granjeiro Departamento de Medicina Preventiva, Faculdade de Medicina da Universidade de - USP Sala Santana 1 Mesa Redonda # 14 Diagnóstico Rápido em Tuberculose GenExpert; Fita Hain e outros: Perspectivas Coordenador: Sidney Bombarda Divisão de Tuberculose, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Genexpert: O Equipamento e o Método Fita Hain Lucilaine Ferrazoli - Núcleo de Tuberculose, Instituto Adolfo Lutz (IAL), 3ª FEIRA A experiência do Rio de Janeiro com o GenExpert Solange Cavalcanti Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro A experiência de Ribeirão Preto com a Fita Hain Valdes Bollela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de (FMRP/USP), Ribeirão Preto, Perspectivas de Implantação no Estado de Vera Neder Galesi Divisão de Tuberculose, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Sala Jaçanã 1 7

8 Mesa Redonda # 15 - Hanseníase prevenção e controle: É possível? Coordenador: Marcos da Cunha Lopes Virmond Instituto Lauro de Souza Lima, Prevenindo a doença: das ações imediatas ao desenvolvimento de pesquisas Marco Andrey Cipriano Frade Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da Universidade de (FMRP/USP), Ribeirão Preto, Monitorando a endemia da doença no laboratório Milton Moraes Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), Rio de Janeiro Controle da Hanseníase O que isto significa? É possível? Eliane Iginotti - Universidade Estadual do Mato Grosso, Cuiabá, MT Sala Jaçanã 2 Mesa Redonda #16 Novos Modelos de Vigilância e Desafios às Doenças Emergentes Globais Coordenador: Marcos Boulos Coordenador, Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde de, Doenças Infecciosas Emergentes: Modelos de Vigilância e Respostas na Europa Experiências no quadro do surto de STEC O 104 na Alemanha, 2011 Mona Askar Instituto Robert Koch, Berlin, Alemanha Ferramentas Alternativas em Vigilância para Detecção de Surtos de Doenças Emergentes Elaine O. Nsoesie Hospital Infantil de Boston, Faculdade de Medicina de Harvard, Massachusetts, USA Trajetórias da Vigilância em Saúde no Brasil Eliseu Alves Waldman Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), Sala Santana 2 Mesa Redonda # 17 Vacinas e a promoção da saúde Coordenador: Benedito Antonio Figueira Arantes Divisão de Imunização, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Doenças Imunopreveníveis no Brasil: Impactos e desafios do Programa Nacional de Imunizações Carla Domingues Programa Nacional de Imunização, Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), Ministério da Saúde (MS), Brasília, DF Rotavírus: impacto da vacina no controle e prevenção da doença e perspectivas Helena Keico Sato Divisão de Imunização, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), 3ª FEIRA Experiência do Reino Unido na vacinação contra a Poliomielite Laura Cunha Rodrigues Faculdade de Higiene e Medicina Tropical de Londres, Londres, UK Sala Santana 3 Mesa Redonda # 18 Novos Desafios e Perspectivas da Vigilância das Antropozoonoses Coordenador: Ana Cecília C. França Divisão de Zoonoses, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Doenças Zoonóticas e da Natureza Ecologia do Hantavírus James N. Mills Editor-in-Chief of the Journal of Wildlife Diseases, Atlanta, Georgia, USA A Epidemiologia da Febre Maculosa e Outras Riquetsioses Situação Atual e Perspectivas 8

9 Rodrigo N. Angerami - Núcleo de Vigilância Epidemiológica - UNICAMP e Coordenadoria de Vigilância em Saúde, SMS Campinas, Raiva Desafios e Progressos Neide Y. Takaoka Instituto Pasteur, 16h00-16h30 Intervalo para o Café 16h30-17h00 Exibição dos pôsteres com presença dos autores e discussão 17h00-18h00 Sala Jaçanã 1 Encontro com Especialistas # 1 Febre Amarela Modelos Matemáticos Definindo Áreas de Risco para a Vacinação Coordenadores/Expositores: Ana Freitas Ribeiro - Diretora, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Eduardo Massad Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina da Universidade de (FMUSP), Sala Jaçanã 2 Encontro com Especialistas # 2 Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo Coordenadores/Expositores: Thaís Cláudia R. O. Konstantyner Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo EPISUS/CVE, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Mona Askar - Instituto Robert Koch, Berlin, Alemanha Carl Kinkade Divisão de Parasitologia, Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Atlanta, Geórgia, USA Sala Jaçanã 3 Encontro com Especialistas # 3 Avaliação de Tecnologias e Econômica em Saúde: Estudos que subsidiam a prática da Vigilância Coordenadores/Expositores: Márcia Reina - Assistente de Direção, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Hillegonda Maria Dutilh Novaes Departamento de Medicina Preventiva Faculdade de Medicina da Universidade de (FMUSP), Sala Santana 1 Encontro com Especialistas # 4 - Dengue: Preparando os Serviços de Saúde para a Introdução da Vacina Coordenadores/Expositores: Helena Keico Sato - Divisão de Imunização, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Luiz Jacintho da Silva Faculdade de Ciências Médicas/UNICAMP, Campinas, e Instituto Internacional de Vacina, Seul, Republica da Coreia 3ª FEIRA Sala Santana 2 Encontro com Especialistas # 5 Saúde Ambiental Informação para Ação Diálogos Coordenadores/Expositores: Telma de Cássia S. Nery - Divisão de Doenças pelo Meio Ambiente (DOMA), Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Clarice Umbelino Freitas Divisão de Doenças pelo Meio Ambiente (DOMA), Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), 9

10 Helena Ribeiro - Departamento de Saúde Ambiental e Diretora da Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), Sala Santana 3 Encontro com Especialistas # 6 Experiência de Ensino à Distância com o Programa de Imunização no Estado de Coordenadores/Expositores: Márcia Benedita Oliveira Divisão de Método, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Juliana Ferreira Centro de Metodologia de Ensino em Saúde (CRH), Ausonia Favorido Donato Núcleo de Ensino do Instituto de Saúde, e Escola Técnica do SUS do município de, 10

11 Dia 14/11/12 4ª. Feira 8h00 Afixação de pôsteres do 2º dia 8h30-10h30 Sala Jaçanã 1 Mesa Redonda # 19 Apresentações orais Doenças e Agravos Não Transmissíveis Coordenador: Cláudia Vieira Carnevalle Divisão de Doenças e Agravos Não Transmissíveis, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Prevalência de doenças crônicas auto-referidas em indivíduos adultos e idosos no município de, SP William Rodrigues Tebar - Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), São Paulo Comparação nutricional entre o cookie tradicional e o modificado com farinha de banana para consumidores de doença celíaca Mariana Galvão Barbosa Cadioli - Instituto Adolfo Lutz (IAL), Violência: relevância na morbi-mortalidade dos atendimentos em um serviço de urgência hospitalar Jorgete Maria e Silva - Núcleo Hospitalar de Epidemiologia do Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de (FMUSPRP), Ribeirão Preto, Acidentes de trabalho graves e óbitos na região de São José do Rio Preto, SP Mônica Regina Bocchi - Grupo de Vigilância Epidemiológica de São José do Rio Preto GVE 29, Secretaria de Estado da Saúde, São José do Rio Preto, Sala Jaçanã 2 Mesa Redonda # 20 Apresentações Orais - Vigilância e Controle de Zoonoses Coordenador: Márcia Regina Buzzar - Divisão de Zoonoses, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Epidemiologia e distribuição espacial da Febre Maculosa em Valinhos/SP Jeanette Trigo Nasser - Centro de Controle de Zoonoses, Departamento de Saúde Coletiva de Valinhos, Valinhos, O uso de Sistemas de Informação Geográfica na determinação das áreas de risco de epidemia de Dengue no Estado de, 2009 a 2011 Thiago Salomão de Azevedo - Faculdades Integradas Claretianas de Rio Claro/CCZ Santa Bárbara D Oeste/UNESP, Rio Claro, Efetividade das ações de vigilância e controle nos pontos estratégicos no município de Mococa, SP - Janeiro a Dezembro de 2011 Renata Caporalle Mayo - Superintendência de Controle de Endemias (SUCEN), 4ª FEIRA Qual o papel de canídeos silvestres em cativeiro na transmissão da Leishmaniose Visceral em centros urbanos do Estado de? Vera L. F. Camargo-Neves - Superintendência de Controle de Endemias (SUCEN), 11

12 Sala Jaçanã 3 Mesa Redonda # 21 Apresentações Orais Vigilância das Doenças Transmitidas por Água e Alimentos Coordenador: William César Latorre Instituto Adolfo Lutz (IAL), Monitorização da Doença Diarreica Aguda (MDDA), 2008 a 2011 Suzimeiri Brigatti Alavarse - Grupo de Vigilância Epidemiológica de São José do Rio Preto GVE 29 Secretaria de Estado da Saúde, São José do Rio Preto, Notificação de surtos de DTA pelos municípios do DRS III, Estado de entre 2000 e 2010 Fabiana do Carmo Araujo - Secretaria Municipal de Saúde de Araraquara, Araraquara, Doença diarreica por rotavírus: relato histórico da vigilância epidemiológica na região do M Boi Mirim - Município de Helena Maria Fekete Nuñez - Supervisão Técnica de Saúde - SUVIS M Boi Mirim, Secretaria Municipal de Saúde de, Relato de surto de Blastocystis hominis em adultos no município de Therezinha Travassos Ribeiro de Carvalho - Instituto Adolfo Lutz (IAL), Sala Santana 1 Mesa Redonda # 22 Apresentações Orais - Estratégias em Imunização e Vigilância das Doenças Respiratórias Coordenador: Sylmara Berger Del Zotto - Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde de, Monitoramento Rápido: uma ferramenta de avaliação da cobertura vacinal no município de São Paulo (MSP) Maria Ligia B. R. Nerger - Centro de Controle de Doenças, Centro de Controle de Doenças, Secretaria Municipal de Saúde de, Problematizar: caminhos para melhorias em imunização Elenice Lourdes Lucas Bruniera - Grupo de Vigilância Epidemiológica de São José do Rio Preto - GVE 29, Secretaria de Estado da Saúde, São José do Rio Preto, Estimativa do excesso de mortalidade por pneumonia atribuível ao vírus influenza, Estado de São Paulo entre 2009 e 2011 André Ricardo Ribas Freitas - Secretaria Municipal de Saúde de Campinas e Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Campinas, Vigilância da doença meningocócica à luz dos indicadores epidemiológicos - Região Metropolitana de Campinas, 2000 a 2011 Raquel Maria Ramalheira Duarte - Grupo de Vigilância Epidemiológica de Campinas GVE 17, Secretaria de Estado da Saúde, Campinas, Sala Santana 2 Mesa Redonda # 23 Apresentações Orais Vigilância de Doenças de Impacto Contínuo Coordenador: Márcia de Cantuária Tauil - Mestranda, Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo (FSP/USP), Estudo da Tuberculose multidroga resistente em área hiperendêmica, Santos, SP: resultados preliminares Andréa Gobetti Coelho Bombonatte - Instituto Adolfo Lutz - IAL CLR Santos, Santos, 12 4ª FEIRA

13 Marcadores de Adesão ao tratamento da Tuberculose Edilma Gomes Rocha Cavalcante - Secretaria Municipal de Saúde de, A transmissão vertical do HIV na região de abrangência do GVE XX Piracicaba, 2000 a 2009 Ana Maria Feijó - Grupo de Vigilância Epidemiológica de Piracicaba GVE 20, Secretaria de Estado da Saúde, Piracicaba, A vigilância laboratorial como instrumento de detecção da sífilis no momento do parto e seu impacto na sífilis congênita no município de São Jose do Rio Preto Fabiana Scardova Karam - Secretaria Municipal de Saúde de São José do Rio Preto, São José do Rio Preto, Sala Santana 3 Mesa Redonda # 24 Apresentações Orais Diferentes abordagens em Vigilância Epidemiológica Coordenador: Francisco Vanin Pascalicchio - Núcleo Hospitalar de Epidemiologia, Instituto de Infectologia Emílio Ribas, Adesão multiprofissional às precauções padrão e de contato em pacientes portadores de bactérias multirresistentes Vanessa Arias - Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina da Universidade de (FMUSP), Vigilância Epidemiológica das IRAS relaciona-se com redução da incidência em UTI adulto: análise histórica de sete anos no município de Milton S. Lapchik - Núcleo Municipal de Controle de Infecção Hospitalar, Centro de Controle de Doenças, Secretaria Municipal de Saúde de, Acidentes com material biológico em um hospital público no município de Santo André, SP, Karin Freski - Centro Hospitalar do município de Santo André, Santo André, Análise espacial e espaço-temporal da ocorrência de hanseníase em São José do Rio Preto, SP entre 1998 e 2007 Maria Rita de Cássia Oliveira Cury - Secretaria Municipal da Saúde de São José do Rio Preto, São José do Rio Preto, 10h30-11h00 Intervalo para o café 11h00-12h30 Sala Jaçanã 1 Mesa Redonda # 25 Investigação de surtos e outros eventos respostas integradas das vigilâncias epidemiológica, sanitária e laboratório Coordenador: José da Silva Guedes - Departamento de Medicina Social, Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de, Surto de Síndrome Hemolítico-Urêmica e E. coli Shiga Toxin-Producing (STEC) sorotipo O104, Alemanha, 2011 Mona Askar Instituto Robert Koch, Berlin, Alemanha 4ª FEIRA Surto de Trichinellosis em humanos, Norte da Califórnia, causado por Trichinella murrelli Rebecca L. Hall - Divisão de Parasitologia, Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Atlanta, Geórgia, USA 13

14 Surto de Doença Respiratória Aguda em Navio de Cruzeiro, Santos/, fevereiro de 2012 Eder Gatti Fernandes Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo - EPISUS SP/CVE, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Sala Jaçanã 2 Mesa Redonda # 26 Prevenção e Controle das Hepatites Virais na rede de atenção básica: construção e consolidação de estratégias Coordenador: Claudia Afonso Binelli Divisão de Hepatites Virais, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Imunização contra a hepatite B no Estado de : dados atuais e desafios Helena Keico Sato Divisão de Imunização, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Implantação dos Testes Rápidos para hepatites B e C nos Centros de Testagem e Aconselhamentos (CTAs) Karina Wolffenbüttel - Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS, CCD/SES-SP, Protocolos para triagem sorológica das hepatites virais como estratégia para ampliação de acesso ao diagnóstico precoce Diene Henri Longui Trajano Secretaria Municipal de Saúde de São José do Rio Preto, São José do Rio Preto, Sala Jaçanã 3 Mesa Redonda # 27 Programas de Treinamento em Epidemiologia de Campo - Aprimoramento das Ações em Vigilância Coordenador: Giselda Katz Central CIEVS, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo - EPISUS SP Histórico e Resultados Thaís Cláudia R. O. Konstantyner - Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo - EPISUS SP/CVE, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Investigação de Surto de Diarreia em Refeitório de Hospital Público, Município de, SP, Outubro de 2011 Maria Emília Braite de Oliveira Treinanda, Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo - EPISUS SP/CVE, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Investigação de Surto de Botulismo Alimentar, Coruripe, Alagoas, Abril de 2009 Patrícia Marques Ferreira Egressa do Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo - EPISUS/Brasília Investigação de Surto de Diarreia em Tupaciguara, MG, Fevereiro de 2010 André Peres Barbosa de Castro Egresso do Programa de Treinamento em Epidemiologia de Campo EPISUS/Brasília 4ª FEIRA Sala Santana 2 Mesa Redonda # 28 Emergências em Saúde Pública Respostas aos Eventos de Massa Coordenador: Benedicto Accácio Borges Neto Coordenação Regional de Saúde (CRS), Secretaria de Estado da Saúde de, Plano de Preparação para a Copa de 2014, no município de 14

15 Inês Soarez Romano Coordenação de Vigilância em Saúde (COVISA), Secretaria Municipal de Saúde de, ANVISA: Saúde na Copa de 2014 William César Latorre Instituto Adolfo Lutz (IAL), e Grupo de Trabalho de Eventos em Massa/ANVISA, Brasília, DF Plano de Preparação para Eventos de Massa Wanderson Kleber de Oliveira Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), Ministério da Saúde (MS), Brasília, DF Sala Santana 1 Mesa Redonda # 29 Influenza AH1N1 e lições aprendidas Coordenador: Telma Regina M. P. Carvalhanas Divisão de Doenças de Transmissão Respiratória, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Influeza A H1N1 Fatores Prognósticos para Óbito Ana Freitas Ribeiro Diretora, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Influenza A H1N1 Como explicar a tendência da doença com aumento de casos em 2012? Nancy Bellei - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de (EPM/UNIFESP), São Paulo Sala Santana 3 Mesa Redonda # 30 - Comunicação em Saúde e Mídia Lições aprendidas Coordenador: Victor Ramos Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), Mídia e saúde: o dia a dia da cobertura jornalística sobre o tema Roseli Tardelli Agência AIDS A cobertura jornalística de saúde e a mobilização na imprensa realizada pela Secretaria de Estado para o combate ao álcool na infância e adolescência Vanderlei França - Assessoria de Imprensa, Secretaria de Estado da Saúde de, Epidemia midiática: produção de sentidos e riscos na cobertura jornalística de uma doença Cláudia Malinverni Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP), 12h30-14h00 Almoço Sala Santana 1 Satélite 3 MSD Hepatites Virais A Atualização sobre os Inibidores de Protease e a Importância do STA (Serviço de Tratamento Assistido) 4ª FEIRA Palestrante: Gustavo Mizuno Unidade de Pesquisa do Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS,CCD, SES- SP 15

16 4ª FE PROGRAMA CIENTÍFICO - CI EPI CVE 2012 Sala Jaçanã 1 Satélite 4 NOVARTIS/Doença Meningocócica Coordenador: José Cássio de Moraes Departamento de Medicina Social, Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de, Situação Epidemiológica e Medidas de Controle Bernadete Lourdes Liphaus Divisão de Doenças de Transmissão Respiratória, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Vacina Meningocócica Conjugada C: Esquemas de Vacinação Gabriel Oselka Universidade de, 14h00-14h30 Exibição dos pôsteres com presença dos autores e discussão 14h30-16h00 Sala Santana 3 Mesa Redonda # 31 Saúde dos Viajantes: perspectivas além dos riscos Coordenador: Cristiano Grégis - Portos, Aeroportos e Fronteiras, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), Brasília, DF Saúde dos Refugiados: Riscos potenciais para saúde pública e atendimento integral Jessé Reis Alves - Núcleo de Medicina do Viajante, Instituto Emílio Ribas, O viajante nacional: Riscos, medidas de prevenção e controle Tania S. S. Chaves - Instituto Evandro Chagas, Belém, Pará Medicina de viagem na América Latina. Onde estamos e para onde vamos? Tomas Orduna - SLAMVI/Hospital de Doenças Infecciosas Dr. Francisco Javier Muniz, Buenos Aires, Argentina Sala Jaçanã 2 Mesa Redonda # 32 Violências e Vigilância em Saúde Coordenador: Dalva Maria de Oliveira Valencich - Divisão de Doenças e Agravos Não Transmissíveis, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Redes de Enfrentamento da Violência: Práticas e Modelos Nacionais Marta Maria Alves da Silva Secretaria de Vigilância em Saúde, Ministério da Saúde (SVS/MS), Brasília, DF Vigilância das Violências no Estado de : Proposta do Núcleo Estadual de Vigilância de Violências e Acidentes VIVA/SP Claudio Celso Monteiro Junior - Divisão de Doenças e Agravos Não Transmissíveis, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Vigilância de DANT/ Violências e Acidentes na perspectiva de promoção da saúde no município de Maria Lúcia Aparecida Scalco Doenças e Agravos Não Transmissíveis/DANT- Centro de Controle de Doenças, Centro de Controle de Doenças CCD/COVISA, Secretaria Municipal de Saúde de, 16

17 Sala Jaçanã 3 Mesa Redonda # 33 Malária Ameaças para a próxima década e intervenções Coordenador: Dalva Marli Valério Wanderley SUCEN/SES-SP Malária no Brasil - Progressos e Desafios Pedro Luiz Tauil Universidade de Brasília, Brasília, DF Malária: Aspectos Clínicos, Controle e Perspectivas Marcos Boulos Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde de, Sala Santana 2 Mesa Redonda # 34 Doença de Creutzfeldt-Jakob (DCJ) e a nova variante da Doença de Creutzfeldt-Jakob (vdcj) - Vigilância, Resultados e Perspectivas Coordenador: Augusto César Penalva de Oliveira Serviço de Neurologia, Instituto Emílio Ribas, São Paulo Surto de vdcj no Reino Unido Aspectos Clínicos, Epidemiologia e Vigilância Robert G. Will Unidade Nacional de Vigilância da Doença de Creutzfeldt-Jakob, Edinburgh, Escócia Monitoramento das doenças priônicas como sentinela para a emergência de vdcj na América Latina Ana Lia Taratuto Instituto de Pesquisa em Neurologia, Buenos Aires, Argentina Vigilância das Doenças Priônicas no Estado de Uma Experiência Pioneira no Brasil Maria Bernadete de Paula Eduardo Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar, Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), Sala Santana 1 Mesa Redonda # 35 Organização do Sistema Único de Saúde SUS e Vigilância em Saúde Coordenador: Clélia M. S. de Souza Aranda - Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde de, Relação Nacional de Ações e Serviços de Saúde (RENASES) no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) Nereu Henrique Mansano Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS/BR Contrato Organizativo de Ação Pública COAP Ademar Arthur Chioro dos Reis Conselho de Secretários Municipais de Saúde - COSEMS/SP Redes Regionais de Atenção à Saúde RRAS no Estado de Nelson Yatsuda Grupo de Planejamento e Avaliação, Coordenação Regional de Saúde (GPA/CRS), Secretaria de Estado da Saúde de, Sala Jaçanã 1 Mesa Redonda # 36 - Alterações Climáticas e Disseminação de Novas e Velhas Doenças e Agravos Coordenador: Maria Cristina Megid Centro de Vigilância Sanitária (CVS), Secretaria de Estado da Saúde de, Alterações climáticas e infecções hospitalares Carlos Magno Castelo Branco Fortaleza Faculdade de Medicina de Botucatu, Universidade Estadual de (UNESP), Botucatu, 4ª FEIRA 17

18 Alterações climáticas e seus efeitos sobre a saúde humana: suporte técnico geoespacial para prevenção e respostas às emergências Carl Kinkade Divisão de Parasitologia, Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC), Atlanta, Geórgia, USA Proteção à Saúde e Adaptação às Alterações Climáticas - Enchentes na Austrália Elizabeth Hanna Universidade Nacional da Austrália, Canberra, Austrália 16h00-16h30 Premiação dos trabalhos orais e pôsteres e Encerramento 18

19 Dia 12/11/2012-2ª. Feira - Pré-Conferência - CURSOS EM EPIDEMIOLOGIA 19

20 Curso: # 1 Sala Jaçanã 1 Nome do Professor/Palestrante Nome do Coordenador da Sessão Curso # 1 - Resumo Título: Epidemiologia Molecular de Doenças Infecciosas e Evidências 12/11/2012 2ª. Feira 8h30-16h30 Número de participantes/alunos: 120 Amee Manges Universidade de British Columbia Vancouver/Canadá Prof. Dr. Maria Helena Matté Faculdade de Saúde Pública, Universidade de (FSP/USP) Programa 1. Objetivos: Apresentar os princípios gerais e abordagens da prática no uso de técnicas laboratoriais com a finalidade de identificação de problemas em epidemiologia das doenças infecciosas. Os alunos deverão se familiarizar com técnicas básicas de biologia molecular. Serão apresentadas noções sobre vantagens e limitações de vários métodos, especialmente relacionados à consistência, validade e desenhos experimentais baseados em laboratório, conhecendo-se como métodos de biologia molecular são utilizados em diferentes áreas de aplicação em saúde pública e pesquisa de doenças infecciosas. 2.Tópicos/Temas Horário Noções gerais sobre técnicas de biologia molecular 8h30 10h00 Desenho de Estudos Epidemiológicos Intervalo para o Café 10h00-10h30 Aplicação da epidemiologia molecular baseada em surtos em comunidades e hospital 10h30-12h00 Avaliação de consistência, validade e desenho experimental Análise de similaridade e associação em epidemiologia molecular Almoço 12h00-13h00 Aplicação da epidemiologia molecular a: 13h00 15h00 História natural das doenças infecciosas; ecologia e saúde pública; dinâmica da população de agentes infecciosos; dinâmica da transmissão de agentes infecciosos e investigações de biodefesa e forenses. Intervalo para o Café 15h00-15h30 Novas tecnologias e perspectivas 15h30 16h30 OBS: Encerramento: 16h30 20

VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA

VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA Manual das ações programáticas 1 M o d e l o S a ú d e T o d o D i a PROGRAMA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA DE AGRAVOS TRANSMISSÍVEIS INDICE INTRODUÇÃO... 5 FLUXOGRAMA DO ENVIO

Leia mais

NÚCLEO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA HOSPITALAR

NÚCLEO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA HOSPITALAR NÚCLEO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA HOSPITALAR Enfª Dda. Verginia Rossato Enfª Danieli Bandeira Santa Maria, 2012 Portaria GM/MS nº 2529, de 23 de novembro de 2004 Institui o Subsistema Nacional de Vigilância

Leia mais

VIGILÂNCIA EM SAÚDE CONCEITOS

VIGILÂNCIA EM SAÚDE CONCEITOS VIGILÂNCIA EM SAÚDE CONCEITOS Superintendência de Vigilância em Saúde Centro de Informações Estratégicas e Respostas às Emergências em Saúde Pública Setembro /2013 Evolução do conceito de vigilância em

Leia mais

Epidemiologia Hospitalar

Epidemiologia Hospitalar Epidemiologia Hospitalar Construindo um novo pensar na Vigilância Epidemiológica... Secretaria da Saúde A implantação dos NHE Márcia Sampaio Sá SESAB/SUVISA/DIVEP Setembro-2009 I Encontro Nacional de Vigilância

Leia mais

SESSÃO I. APRESENTAÇÃO POSTER

SESSÃO I. APRESENTAÇÃO POSTER SESSÃO I. APRESENTAÇÃO POSTER 1. Riscos e causas de contaminação na Central de Material de Juliana Santos Andrade Esterilização: uma análise teórico-reflexiva 2. Biossegurança e Higienização das mãos:

Leia mais

PORTARIA MS Nº 1.271, DE 6 DE JUNHO DE 2014

PORTARIA MS Nº 1.271, DE 6 DE JUNHO DE 2014 PORTARIA MS Nº 1.271, DE 6 DE JUNHO DE 2014 Define a Lista Nacional de Notificação Compulsória de doenças, agravos e eventos de saúde pública nos serviços de saúde públicos e privados em todo o território

Leia mais

Sumario de Assuntos por Boletim Epidemiológico NÚMERO DO BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

Sumario de Assuntos por Boletim Epidemiológico NÚMERO DO BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO Sumario de Assuntos por Boletim Epidemiológico AGRAVO NÚMERO DO BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO AIDS 3-4 - 13-14 - 17-18 - 28-34 - 36-38 - 42-44 - 45 Cobertura Vacinal 7-8 - 9-10 - 12-14 - 16-18 - 19-22 - 23-25

Leia mais

NOTA TÉCNICA 2. Investigação de casos de Encefalite Viral de Saint Louis, notificados no município de São José do Rio Preto SP, agosto de 2006.

NOTA TÉCNICA 2. Investigação de casos de Encefalite Viral de Saint Louis, notificados no município de São José do Rio Preto SP, agosto de 2006. SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE CONTROLE DE DOENÇAS CENTRO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA Prof. Alexandre Vranjac NOTA TÉCNICA 2 Investigação de casos de Encefalite Viral de Saint Louis, notificados

Leia mais

CARTA DE SÃO PAULO. Que o Brasil sediará em 2011 os jogos mundiais militares (Jogos da Paz), em 2014 a Copa do Mundo de futebol e ainda,

CARTA DE SÃO PAULO. Que o Brasil sediará em 2011 os jogos mundiais militares (Jogos da Paz), em 2014 a Copa do Mundo de futebol e ainda, CARTA DE SÃO PAULO São Paulo, 5 de setembro de 2008. EM DEFESA DA SAÚDE DO VIAJANTE Nós profissionais de saúde, participantes do SUS, professores, pesquisadores e técnicos, signatários abaixo nomeados,

Leia mais

Índice dos Boletins Epidemiológicos de Porto Alegre de 2014 a 1996

Índice dos Boletins Epidemiológicos de Porto Alegre de 2014 a 1996 Índice dos Boletins Epidemiológicos de Porto Alegre de 2014 a 1996 XV 55 Novembro de 2014 Especial Vigilância Ambiental da Dengue em Porto Alegre XV 54 Fevereiro de 2014 Atual Cenário Epidemiológica da

Leia mais

Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA Informe do dia 26.04.09, às 13h

Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA Informe do dia 26.04.09, às 13h Ministério da Saúde Gabinete Permanente de Emergências em Saúde Pública ALERTA DE EMERGÊNCIA DE SAÚDE PÚBLICA DE IMPORTÂNCIA INTERNACIONAL Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA

Leia mais

Diarreicas Agudas e CóleraC

Diarreicas Agudas e CóleraC Superintendência ncia de Vigilância em Saúde Gerência de Vigilância Epidemiológica de Doenças Transmissíveis Coordenaçã ção o de Controle de Doenças de Transmissão o Hídrica H e Alimentar Doenças Diarreicas

Leia mais

NORMA PROCEDIMENTAL REALIZAÇÃO DE EXAMES LABORATORIAIS

NORMA PROCEDIMENTAL REALIZAÇÃO DE EXAMES LABORATORIAIS 10.03.002 1/09 1. FINALIDADE Estabelecer procedimentos e disciplinar o processo para realização de exames laboratoriais no Hospital de Clínicas - HC. 2. ÂMBITO DE APLICAÇÃO Todas as unidades do HC, em

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DAS AÇÕES DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE - 2008/2009

PROGRAMAÇÃO DAS AÇÕES DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE - 2008/2009 PROGRAMAÇÃO DAS AÇÕES DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE - 2008/2009 1.Notificação AÇÃO 1.1 Realizar notificação dos casos de sífilis em gestante 48.950 casos de sífilis em gestantes notificados. 1.2 Definir Unidades

Leia mais

Boletim Epidemiológico Julho/2015

Boletim Epidemiológico Julho/2015 GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE PÚBLICA COORDENADORIA DE PROMOÇÃO À SAÚDE SUBCOORDENADORIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA CENTRO DE INFORMAÇÃO ESTRATÉGICA EM VIGILANCIA

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

É uma doença respiratória aguda, causada pelo vírus A (H1N1).

É uma doença respiratória aguda, causada pelo vírus A (H1N1). INFLUENZA (GRIPE) SUÍNA INFLUENZA SUÍNA É uma doença respiratória aguda, causada pelo vírus A (H1N1). Assim como a gripe comum, a influenza suína é transmitida, principalmente, por meio de tosse, espirro

Leia mais

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino Corrida da Saúde Classificação geral do corta-mato, realizado no dia 23 de Dezembro de 2007, na Escola E.B. 2,3 de Valbom. Contou com a participação dos alunos do 4º ano e do 2º e 3º ciclos do Agrupamento

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015. Página 1 de 8

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015. Página 1 de 8 MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 1ª FASE - ECVA SUPLENTE EXCLUÍDO LISTA DE CANDIDATOS SERIAÇÃO Nome completo Curso a que se candidata Classificação Ordenação Deliberação Observações LUIS ÂNGELO PEREIRA

Leia mais

PALESTRA 1 DINÂMICA E ORGANIZAÇÃO DO SISTEMA DE DOCUMENTAÇÃO E DAS BIBLIOTECAS DO CPII. VAGAS: 60

PALESTRA 1 DINÂMICA E ORGANIZAÇÃO DO SISTEMA DE DOCUMENTAÇÃO E DAS BIBLIOTECAS DO CPII. VAGAS: 60 PALESTRA 1 DINÂMICA E ORGANIZAÇÃO DO SISTEMA DE DOCUMENTAÇÃO E DAS BIBLIOTECAS DO CPII. VAGAS: 60 Professor Responsável: MARTA REGINA DE JESUS Dias / Hora / Local: 6a. Feira - 09/08 das 9:00 às 12:00h

Leia mais

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA CLASSIFICAÇÕES DO SEGUNDO TESTE E DA AVALIAÇÃO CONTINUA Classificações Classificação Final Alex Santos Teixeira 13 13 Alexandre Prata da Cruz 10 11 Aleydita Barreto

Leia mais

PPSUS SP Programa de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde São Paulo Resultados do Edital 2013-2014

PPSUS SP Programa de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde São Paulo Resultados do Edital 2013-2014 PPSUS SP Programa de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde São Paulo Resultados do Edital 2013-2014 Luiza Sterman Heimann Diretora do Instituto de Saúde Sonia Isoyama Venancio Assistente de Direção do

Leia mais

Controle da infecção hospitalar no Estado de São Paulo. Cilmara Polido Garcia

Controle da infecção hospitalar no Estado de São Paulo. Cilmara Polido Garcia Controle da infecção hospitalar no Estado de São Paulo Cilmara Polido Garcia Períodos de 1855 N. de soldados admitidos no hospital N. (%) de soldados que morreram Janeiro a março 10.283 3354 (33) Abril

Leia mais

Vigilância Epidemiológica: Informar para conhecer

Vigilância Epidemiológica: Informar para conhecer Vigilância Epidemiológica: Informar para conhecer Vigilância epidemiológica no Brasil 1990: Sistema de Informação de Agravos de Notificação SINAN 2007 SINAN Net - http://dtr2004.saude.gov.br/sinanweb/

Leia mais

ANEXO I - Lista de Doenças e Agravos de Notificação Compulsória (LDNC). 1. Acidente com exposição a material biológico relacionado ao trabalho;

ANEXO I - Lista de Doenças e Agravos de Notificação Compulsória (LDNC). 1. Acidente com exposição a material biológico relacionado ao trabalho; ANEXO I - Lista de Doenças e Agravos de Notificação Compulsória (LDNC). 1 Caso suspeito ou confirmado de: 1. Acidente com exposição a material biológico relacionado ao trabalho; 2. Acidente de Trabalho

Leia mais

Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional ESPII. Ocorrências de casos humanos na América do Norte Informe do dia 29.04.

Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional ESPII. Ocorrências de casos humanos na América do Norte Informe do dia 29.04. I. Informações gerais Ministério da Saúde Secretaria de Vigilância em Saúde Gabinete Permanente de Emergências de Saúde Pública Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional ESPII Ocorrências

Leia mais

Esfera: 20 Função: 10 - Saúde Subfunção: 302 - Assistência Hospitalar e Ambulatorial UO: 36901 - Fundo Nacional de Saúde

Esfera: 20 Função: 10 - Saúde Subfunção: 302 - Assistência Hospitalar e Ambulatorial UO: 36901 - Fundo Nacional de Saúde Programa 1444 Vigilância, Prevenção e Controle de Doenças e Agravos Numero de Ações 24 Ações Orçamentárias 20AC Incentivo Financeiro a Estados, Distrito Federal e Municípios para Ações de Prevenção e Qualificação

Leia mais

Regulamento Sanitário Internacional (2005)

Regulamento Sanitário Internacional (2005) Regulamento Sanitário Internacional (2005) CIEVS Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde CNE Centro Nacional de Enlace - BRASIL Eliana Tiemi Masuda Visão geral Doenças infecciosas

Leia mais

Escola : Centro Profissionalizante Jornalista Cristiano Donato Curso : Francês Turno : Tarde

Escola : Centro Profissionalizante Jornalista Cristiano Donato Curso : Francês Turno : Tarde Escola : Centro Profissionalizante Jornalista Cristiano Donato Curso : Francês Turno : Colocação : 25 Aluno : Matheus Rodrigues Cavalcante Colocação : 26 Aluno : Ana Paula Santos Lira Colocação : 27 Aluno

Leia mais

Revista de Saúde Pública ISSN: 0034-8910 revsp@usp.br Universidade de São Paulo Brasil

Revista de Saúde Pública ISSN: 0034-8910 revsp@usp.br Universidade de São Paulo Brasil Revista de Saúde Pública ISSN: 0034-8910 revsp@usp.br Universidade de São Paulo Brasil Secretaria de Estado da Saúde Vigilância Epidemiológica em âmbito hospitalar Revista de Saúde Pública, vol. 41, núm.

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA 1 ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA GERÊNCIA EXECUTIVA DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE VIGILÂNCIA À SAÚDE ASSUNTOS DESTE INFORME Agravos notificados

Leia mais

PROTOCOLO PARA INVESTIGAÇÃO DE SURTOS

PROTOCOLO PARA INVESTIGAÇÃO DE SURTOS PROTOCOLO PARA INVESTIGAÇÃO DE SURTOS Proposta Final Salvador, Agosto de 2011 1 PROTOCOLO DE AÇÃO PARA AS SITUAÇÕES DE SURTOS CLASSIFICADOS COMO EMERGÊNCIA EM SAÚDE PÚBLICA O conceito de emergência de

Leia mais

PORTARIA Nº 104, DE 25 DE JANEIRO DE 2011

PORTARIA Nº 104, DE 25 DE JANEIRO DE 2011 Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 104, DE 25 DE JANEIRO DE 2011 Define as terminologias adotadas em legislação nacional, conforme o disposto no Regulamento Sanitário Internacional 2005

Leia mais

Plano Estadual de Preparação da Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmitidas por Alimentos (VE DTAs) em Eventos de Massa 2013 e 2014

Plano Estadual de Preparação da Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmitidas por Alimentos (VE DTAs) em Eventos de Massa 2013 e 2014 Plano Estadual de Preparação da Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmitidas por Alimentos (VE DTAs) em Eventos de Massa 2013 e 2014 Goiânia, janeiro de 2013 1 SUMÁRIO I. INTRODUÇÃO II. SITUAÇÃO

Leia mais

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840721 ADRIANA XAVIER DA SILVA FERNANDES 38 Pré-A1 PT1840722 ALEXANDRA FILIPA AZEVEDO SANTOS 52 A1 PT1840723

Leia mais

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS)

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS) Sala B5 KFS ALEXANDRE DE ALMEIDA SILVA ALEXANDRE HENRIQUE DA ROCHA OLIVEIRA ALEXANDRE MIGUEL DE ALMEIDA PEREIRA ALEXANDRE SILVA FIGUEIREDO ANA CATARINA GOMES MOREIRA ANA CATARINA MARQUES GOMES ANA MARGARIDA

Leia mais

Resultado dos Processos Seletivos do Sescoop-RJ 2010

Resultado dos Processos Seletivos do Sescoop-RJ 2010 Resultado dos Processos Seletivos do Sescoop-RJ 2010 1ª Etapa: Análise Curricular INSTRUÇÕES GERAIS PARA TODOS OS CANDIDATOS a) O candidato deverá chegar ao local com uma hora de antecedência do i nício

Leia mais

Ações de Vigilância Epidemiológica, Perspectivas e Desafios para o enfrentamento de uma nova epidemia

Ações de Vigilância Epidemiológica, Perspectivas e Desafios para o enfrentamento de uma nova epidemia Superintendência de Vigilância em Saúde Gerência de Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmissíveis Coordenação de Dengue e Febre Amarela Ações de Vigilância Epidemiológica, Perspectivas e Desafios

Leia mais

Alcançado (b) Número total de casos notificados. Número total de notificações negativas recebidas

Alcançado (b) Número total de casos notificados. Número total de notificações negativas recebidas INSTRUTIVO PARA PREENCHIMENTO DO ROTEIRO DE ACOMPANHAMENTO DA PROGRAMAÇÃO PACTUADA INTEGRADA DE EPIDEMIOLOGIA E CONTROLE DE DOENÇAS PPI-ECD - NAS UNIDADES FEDERADAS 1 2 Este instrutivo contém informações

Leia mais

CENTRO INTEGRADO DE SAÚDE

CENTRO INTEGRADO DE SAÚDE 15 DIAS: 17/07/2015 A 31/07/2015 ENGENHARIA CIVIL MARCELO MARTINS AZEVEDO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA EVALDO MORAES DO NASCIMENTO ARQUITETURA E URBANISMO DESIGNER DE INTERIORES MATKIARA FRANCY DE CARVALHO

Leia mais

ALERTA SARAMPO Atualização da Situação Epidemiológica, Setembro 2014:

ALERTA SARAMPO Atualização da Situação Epidemiológica, Setembro 2014: ALERTA SARAMPO Atualização da Situação Epidemiológica, Setembro 2014: O Estado de São Paulo reforça a recomendação para que todos os GVE mantenham os municípios de sua área de abrangência em TOTAL ALERTA

Leia mais

PORTARIA Nº 1.946, DE 19 DE JULHO DE 2010

PORTARIA Nº 1.946, DE 19 DE JULHO DE 2010 MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.946, DE 19 DE JULHO DE 2010 Institui, em todo o território nacional, o Calendário de vacinação para os Povos Indígenas. O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE,

Leia mais

Técnicos Especializados

Técnicos Especializados Nome da Escola : Data final da candidatura : Disciplina Projeto: Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano, Porto Nº Escola : 153000 2015-09-03 Nº Horário : 75 Escola de Referência para a Educação Bilingue

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA 2.º Ciclo - TABUADA 1.ºs 6.º Ac 7 Fernando Miguel L. Fontes 100,0 6.º Ac 8 Francisca Vicente Silva 100,0 6.º Bc 2 Daniel Henriques Lourenço 99,6 3.ºs 5.º Bc 16 Simão Pedro Tojal Almeida 99,6 5.º Ac 10

Leia mais

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre Jorge Costelha Seabra 2 18,2 110402182 Ana Catarina Linhares

Leia mais

INTRODUÇÃO A EPIDEMIOLOGIA

INTRODUÇÃO A EPIDEMIOLOGIA Universidade de Cuiabá - UNIC Núcleo de Disciplinas Integradas Disciplina: Saúde Coletiva INTRODUÇÃO A EPIDEMIOLOGIA Profª Ma. Andressa Menegaz e Profª Ma. Ana Cássia Lira de Amorim O que é EPIDEMIOLOGIA?

Leia mais

A SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE-SVS e o DECRETO n 7.508/2011

A SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE-SVS e o DECRETO n 7.508/2011 A SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE-SVS e o DECRETO n 7.508/2011 Departamento de Gestão da Vigilância em Saúde-DAGVS Secretaria de Vigilância em Saúde dagvs@saude.gov.br 06/03/2012 IMPLEMENTAÇÃO DO DECRETO

Leia mais

Centro de Prevenção e Controle de Doenças CCD Núcleo Municipal de Controle de Infecção Hospitalar - NMCIH

Centro de Prevenção e Controle de Doenças CCD Núcleo Municipal de Controle de Infecção Hospitalar - NMCIH Centro de Prevenção e Controle de Doenças CCD ALERTA EPIDEMIOLÓGICO I Influenza Suína ABRIL 2009 Definição de caso 1-Caso suspeito de infecção humana pelo vírus da influenza suína A (H1N1). Apresentar

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE - SMS EDITAL Nº. 001/2012 ANEXO VI

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE - SMS EDITAL Nº. 001/2012 ANEXO VI PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE - SMS EDITAL Nº. 001/2012 ANEXO VI CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CARGO: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE - ACS LÍNGUA PORTUGUESA 1. Interpretação de textos

Leia mais

BIOÉTICA E ÉTICA MÉDICA

BIOÉTICA E ÉTICA MÉDICA BIOÉTICA E ÉTICA MÉDICA CIDES EXT. TELEFONE Direção - Doutor Rui Nunes 26845 220426845 Lic. Filipa Santos (Secretariado) 26840 220426840 Doutora Guilhermina Rego 26844 220426844 Mestre Ivone Duarte 26841

Leia mais

Desenvolvimento e Mudanças na Gestão Pública

Desenvolvimento e Mudanças na Gestão Pública UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CEAD / UNIRIO PROGRAMA NACIONAL DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PNAP CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE ORGANIZAÇÃO

Leia mais

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 1 FRANCISCO PEREIRA 36 SENIOR MASC. VITÓRIA S.C. 20.23 2 ANDRE SANTOS 48 SENIOR MASC. C.A.O.VIANENSE 20.27 3 JORGE CUNHA 3 SENIOR MASC. S.C.MARIA DA FONTE 21.14 4 DOMINGOS BARROS

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO EDITAL N 001/2011 RESULTADO FINAL - ORDEM CLASSIFICAÇÃO

CONCURSO PÚBLICO EDITAL N 001/2011 RESULTADO FINAL - ORDEM CLASSIFICAÇÃO 135 CARLUCIA MADALENA DE OLIVEIRA 484.124.365 92,50 HABILITADO 1 HABILITADO 138 CARMEM LUCIA VIEIRA LIETE NOGUEIRA 206.656.658 87,50 HABILITADO 2 HABILITADO 176 CRISTIAN SAMUEL E SILVA MIKALAUSKA 214.491.596

Leia mais

Monitoramento das Doenças Diarréicas icas Agudas

Monitoramento das Doenças Diarréicas icas Agudas SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Gerência de Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmissíveis Coordenação de Controle das Doenças Hídricas e Alimentares Monitoramento das Doenças Diarréicas

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014 5º1 1 ANA CATARINA R FREITAS SIM 2 BEATRIZ SOARES RIBEIRO SIM 3 DIOGO ANTÓNIO A PEREIRA SIM 4 MÁRCIO RAFAEL R SANTOS SIM 5 MARCO ANTÓNIO B OLIVEIRA SIM 6 NÁDIA ARAÚJO GONÇALVES SIM 7 SUNNY KATHARINA G

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado Turma : A 2002 1 Ana Catarina Loureiro Silva S 171 2 André Eduardo Dias Santos S 173 3 Ângelo Rafael Costa e Silva S S 2007 4 Bruno da Silva Gonçalves S 20 5 Catarina Daniela

Leia mais

Hepatites virais no Brasil: situação, ações e agenda

Hepatites virais no Brasil: situação, ações e agenda Hepatites virais no Brasil: situação, ações e agenda Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde I. Apresentação II. Contexto epidemiológico III.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA TRIÂNGULO MINEIRO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA TRIÂNGULO MINEIRO ANEXO II INSCRIÇÕES HOMOLOGADAS CANDIDATOS AUTODECLARADOS NEGROS EDITAL 74 DE 03/12/2015 TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS EM ADUCAÇÃO INSCRICAO CAMPUS CARGO NOME 19941 CAMPUS PATROCÍNIO TÉCNICO EM ALEX DE SOUZA

Leia mais

CLASSIFICADOS. Grupo C 10 100721 MARIA EDUARDA ROCHA VALENTE DA SILVA QUÍMICA INFORMÁTICA

CLASSIFICADOS. Grupo C 10 100721 MARIA EDUARDA ROCHA VALENTE DA SILVA QUÍMICA INFORMÁTICA 1 101208 IAGO IGNACIO BOTELHO E SILVA INFORMÁTICA ELETRÔNICA 2 101041 THAYANA XAVIER LUCERO ELETRÔNICA QUÍMICA 3 100746 ARTHUR MOREIRA RAMOS 4 100083 LECTICIA VIANNA LEAL SOARES BESSA MECATRÔNICA MECÂNICA

Leia mais

Gripe por Influenza A H1N1 *

Gripe por Influenza A H1N1 * CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO São Paulo, maio de 2009. Gripe por Influenza A H1N1 * Informações básicas O que é Gripe por Influenza A H1N1? A gripe por Influenza A H1N1 (Suína) é uma doença

Leia mais

AMANDA COSTA DE MORAIS

AMANDA COSTA DE MORAIS O Programa de Educação Tutorial (PET) do curso de Administração da UFMG certifica que o(a) aluno(a) AMANDA COSTA DE MORAIS participou da 7ª Discussão Temática Diversidade e inovação: cultura empreendedora

Leia mais

Adão de Souza Moraes Adriana de Araujo Pinho Ana Maria de Brito Ana Roberta Pati Pascom Aristides Barbosa Júnior

Adão de Souza Moraes Adriana de Araujo Pinho Ana Maria de Brito Ana Roberta Pati Pascom Aristides Barbosa Júnior Adão de Souza Moraes Instituição: Programa Municipal DST/HIV/AIDS de Itajaí Linha de pesquisa: Sitios de Vacinas contra HIV/AIDS Endereço profissional: CODIM - Rua Felipe Schimitd s/n Itajaí SC 88.308-000

Leia mais

CAMPUS: MINISTRO PETRONIO PORTELLA - TERESINA HOMOLOGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES

CAMPUS: MINISTRO PETRONIO PORTELLA - TERESINA HOMOLOGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES EDITAL 02/2014/PIBID-UFPI, de 14 de fevereiro de 2014. SELEÇÃO DE SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CAMPUS: MINISTRO PETRONIO PORTELLA - TERESINA HOMOLOGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES

Leia mais

II INFORME MUNICIPAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE 2º TRIMESTRE DE 2013

II INFORME MUNICIPAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE 2º TRIMESTRE DE 2013 1 INDICADORES MUNICIPAIS DE SAÚDE II INFORME MUNICIPAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE 2º TRIMESTRE DE 2013 Ago/2013 2 INTRODUÇÃO A Vigilância em Saúde tem como objetivo a análise permanente da situação de saúde

Leia mais

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL Das Atribuições dos Profissionais dos Recursos Humanos Atribuições comuns a todos os profissionais que integram a equipe: Conhecer a realidade das famílias pelas

Leia mais

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL Adriana da Conceição Palhares Lopes Alexandra Rodrigues Barbosa Ana Salomé Lopes Queirós Andreia Dias da Costa Bianca Patricia Gonçalves Ramos Carina Filipa Monteiro Rodrigues

Leia mais

PREFEITURA DO RECIFE SECRETARIA DE SAÚDE SECRETARIA EXECUTIVA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE CLIPPING

PREFEITURA DO RECIFE SECRETARIA DE SAÚDE SECRETARIA EXECUTIVA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE CLIPPING PREFEITURA DO RECIFE SECRETARIA DE SAÚDE SECRETARIA EXECUTIVA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE CLIPPING Recife 04/08/2014 1 Nos últimos anos, com a integração dos países devido à globalização, houve um aumento da

Leia mais

Relatório de Gestão da CCIH

Relatório de Gestão da CCIH Relatório de Gestão da CCIH 1 - Apresentação A Comissão de Controle de Infecção Hospitalar CCIH é formada por membros executores -01 Enfermeira, 01 Farmacêutica e 01 Medico Infectologista e consultores-representantes

Leia mais

Resultados da Candidatura a Alojamento

Resultados da Candidatura a Alojamento Resultados da Candidatura a Alojamento Unidade Orgânica: Serviços de Acção Social RESIDÊNCIA: 02 - ESE ANO LECTIVO: 2015/2016 2ª Fase - Resultados Definitivos >>> EDUCAÇÃO BÁSICA 14711 Ana Catarina Mendes

Leia mais

Apresentação do Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (CIOCS)

Apresentação do Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (CIOCS) Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 Apresentação do Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (CIOCS) Arthur Chioro Ministro da Saúde Preparação conjunta com as cidades-sede Brasília DF Cuiabá MT Curitiba

Leia mais

EDITAL CIRCULA MINAS - INTERCÂMBIO 2015 - SELEÇÃO DE NOVEMBRO/2015

EDITAL CIRCULA MINAS - INTERCÂMBIO 2015 - SELEÇÃO DE NOVEMBRO/2015 EDITAL CIRCULA MINAS - INTERCÂMBIO 2015 - SELEÇÃO DE NOVEMBRO/2015 PRÉ INSCRIÇÃO RECEBIDA INTEGRANTES DA PROPOSTA (EM CASO DE GRUPO, CIA OU COLETIVOS) CPF/CNPJ ÁREA ORIGEM DATA DA VIAGEM DESTINO PROTOCOLO

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA ADMISSÃO AO CURSO DE ADAPTAÇÃO DE OFICIAIS DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARÁ CADO/PM/2012

CONCURSO PÚBLICO PARA ADMISSÃO AO CURSO DE ADAPTAÇÃO DE OFICIAIS DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARÁ CADO/PM/2012 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARÁ CONCURSO PÚBLICO Nº 002/PMPA/2012 EDITAL Nº 08, DE 25 DE ABRIL

Leia mais

CONVOCAÇÃO PARA ENTREVISTA NO SERVIÇO SOCIAL (SETOR DE SAÚDE)

CONVOCAÇÃO PARA ENTREVISTA NO SERVIÇO SOCIAL (SETOR DE SAÚDE) POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL POLAE PROGRAMA DE ATENDIMENTO AO ESTUDANTE EM VULNERABILIDADE SOCIAL BENEFÍCIO PERMANENTE CONVOCAÇÃO PARA ENTREVISTA NO SERVIÇO SOCIAL (SETOR DE SAÚDE) Conforme necessidade

Leia mais

Marcadores Moleculares aplicados a organismos de interesse epidemiológico

Marcadores Moleculares aplicados a organismos de interesse epidemiológico Marcadores Moleculares aplicados a organismos de interesse epidemiológico 17 a 22 de agosto de 2009 Local: SUCEN Superintendência de Controle de Endemias Rua Paula Souza, 166 - Luz - São Paulo - SP Realização

Leia mais

RESULTADO DA ANÁLISE CURRICULAR LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

RESULTADO DA ANÁLISE CURRICULAR LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA APRENDIZAGEM MOTORA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO RESULTADO DA ANÁLISE CURRICULAR LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA ANA PAULA ZANINI DA SILVA DESCLASSIFICADA ITEM 2.1.1 LUIZ FERNANDO MARIANO MONTEIRO 47 PONTOS

Leia mais

Valores Propostos para o Programa no Período 2002 a 2005 2.002 2.003 2.004 2.005 Total Recursos 77,5 79,1 82,3 86,4 325,3

Valores Propostos para o Programa no Período 2002 a 2005 2.002 2.003 2.004 2.005 Total Recursos 77,5 79,1 82,3 86,4 325,3 Plano Plurianual 2.002 2.005 Saúde Objetivo Geral Principais secretarias envolvidas: SMS A Secretaria Municipal de Saúde, cumprindo o programa do Governo da Reconstrução, implantará o SUS no município.

Leia mais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais A 796 Neuza Soraia Rodrigues Carvalhas Direito e Processual 729 Maria Teresa Barros Ferreira Direito e Processual 938 Rute Isabel Bexiga Ramos Direito e Processual 440 Inês Lopes Raimundo Direito e Processual

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PENITENCIÁRIA PROGRAMA DE DST/ HIV /AIDS / HEPATITES

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PENITENCIÁRIA PROGRAMA DE DST/ HIV /AIDS / HEPATITES GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PENITENCIÁRIA PROGRAMA DE DST/ HIV /AIDS / HEPATITES SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE E DEFESA CIVIL GERÊNCIA ESTADUAL DE DST/AIDS,

Leia mais

Boletim Epidemiológico

Boletim Epidemiológico Página 1 / 8 1. Situação Epidemiológica do Sarampo Diferentes regiões do mundo estão definindo metas para a eliminação do sarampo e da rubéola até o ano de 2015. No entanto, surtos recentes de sarampo

Leia mais

NOTA CIENTÍFICA: A EVOLUÇÃO DA SAÚDE PÚBLICA NO BRASIL E A AMPLITUDE E COMPLEXIDADE DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE

NOTA CIENTÍFICA: A EVOLUÇÃO DA SAÚDE PÚBLICA NO BRASIL E A AMPLITUDE E COMPLEXIDADE DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE NOTA CIENTÍFICA: A EVOLUÇÃO DA SAÚDE PÚBLICA NO BRASIL E A AMPLITUDE E COMPLEXIDADE DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE Ana Iva Corrêa Brum Barros 1 Rayana de Carvalho Freitas 2 Prof. Esp. Gilmar dos Santos Soares

Leia mais

Resolução SES Nº 674 DE 12/07/2013

Resolução SES Nº 674 DE 12/07/2013 Resolução SES Nº 674 DE 12/07/2013 Publicado no DOE em 16 jul 2013 Redefine a relação de doenças e agravos de notificação compulsória no âmbito do Estado do Rio de Janeiro. O Secretário de Estado de Saúde,

Leia mais

ZIKA VÍRUS INFORMAÇÕES SOBRE A DOENÇA

ZIKA VÍRUS INFORMAÇÕES SOBRE A DOENÇA ZIKA VÍRUS INFORMAÇÕES SOBRE A DOENÇA E INVESTIGAÇÃO DE SÍNDROME EXANTEMÁTICA NO NORDESTE Wanderson Kleber de Oliveira Coordenação Geral de Vigilância e Resposta às Emergências de Saúde Pública Departamento

Leia mais

1. Aspectos Epidemiológicos

1. Aspectos Epidemiológicos 1. AspectosEpidemiológicos A influenza é uma infecção viral que afeta principalmente o nariz, a garganta, os brônquiose,ocasionalmente,ospulmões.sãoconhecidostrêstiposdevírusdainfluenza:a,b e C. Esses

Leia mais

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Capa Pág.: 1 Assunto: Vacinação antes da viagem

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Capa Pág.: 1 Assunto: Vacinação antes da viagem Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Capa Pág.: 1 Assunto: Vacinação antes da viagem Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Saúde Pág.: 25 Assunto: Vacinação antes da viagem

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015

PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015 PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015 O Sesc em Minas comunica a relação nominal com as notas da prova ocorrida entre os dias 07/06/2015 à 14/06/2015 Considerando o que está previsto no subitem 5.1.3.1 do Descritivo

Leia mais

Mapa de Candidaturas com Pedidos de Residência da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas 2010/2011

Mapa de Candidaturas com Pedidos de Residência da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas 2010/2011 Candidatura Estado Aluno Nome Aproveitamento R. Candidatura 224563 Entregue 224378 Entregue 90874 Ana Luísa Vieira Soares Falta matrícula e 104407 Ana Manuela Matos Magalhães Sim Alojar 235605 Aberta 110101

Leia mais

Edital 04/13 - Inglês Grupo 1

Edital 04/13 - Inglês Grupo 1 Edital 04/13 - Inglês Grupo 1 1º DANIELLE OLIVEIRA LELIS GONRING 74,00 25,90 62,00 18,60 100,00 15,00 89,00 17,80 77,30 2º MARA CORRÊA SENNA 96,00 33,60 41,00 12,30 94,00 14,10 83,00 16,60 76,60 3º CAROLINA

Leia mais

Situação epidemiológica e medidas de preparação. Jarbas Barbosa da Silva Jr. Secretário de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde

Situação epidemiológica e medidas de preparação. Jarbas Barbosa da Silva Jr. Secretário de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Situação epidemiológica e medidas de preparação Jarbas Barbosa da Silva Jr. Secretário de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Vírus Ebola Família Filoviridae, gênero Ebolavirus A primeira espécie de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Edital de Resultado Parcial nº 001/2015 DISCIPLINA: EDUCAÇÃO INFANTIL

PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Edital de Resultado Parcial nº 001/2015 DISCIPLINA: EDUCAÇÃO INFANTIL PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Edital de Resultado Parcial nº 001/2015 A Comissão Municipal do Processo Seletivo Simplificado da Secretaria Municipal de Educação de Selvíria-MS,

Leia mais

Enfermagem Clínica Saúde do Adulto e Idoso

Enfermagem Clínica Saúde do Adulto e Idoso Enfermagem Clínica Saúde do Adulto e Idoso NOMES Keyth Regina Ramos Pereira Carla Karoline Nunes Mota Natalia da Silva Bezerra Lígia Soares Lopes Jocilene Guedes Aguiar Zelina Alves Cantuária Andréia Paixão

Leia mais

Vigilância epidemiológica de surtos de doenças diarreicas e alimentares 2º CONGRESSO BRASILEIRO DE POLÍTICA, PLANEJAMENTO E GESTÃO EM SAÚDE

Vigilância epidemiológica de surtos de doenças diarreicas e alimentares 2º CONGRESSO BRASILEIRO DE POLÍTICA, PLANEJAMENTO E GESTÃO EM SAÚDE 2º CONGRESSO BRASILEIRO DE POLÍTICA, PLANEJAMENTO E GESTÃO EM SAÚDE UNIVERSALIDADE, IGUALDADE E INTEGRALIDADE DA SAÚDE: UM PROJETO POSSÍVEL A experiência do Pet-Saúde/Vigilância em Saúde na implementação

Leia mais

ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS INTEGRANTES DO PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS INTEGRANTES DO PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS INTEGRANTES DO PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA ATRIBUIÇÕES DO MÉDICO I- Realizar consultas clínicas aos usuários de sua área adstrita; II- Participar das atividades de grupos de controle

Leia mais

DISCIPLINA: EDUCAÇÃO INFANTIL

DISCIPLINA: EDUCAÇÃO INFANTIL PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Edital de Resultado Parcial nº 001/2015 A Comissão Municipal do Processo Seletivo Simplificado da Secretaria Municipal de Educação de Selvíria-MS,

Leia mais

SITUAÇÃO DO HIV/AIDS NO BRASIL E OS FATORES QUE INFLUENCIAM A INFECÇÃO

SITUAÇÃO DO HIV/AIDS NO BRASIL E OS FATORES QUE INFLUENCIAM A INFECÇÃO SITUAÇÃO DO HIV/AIDS NO BRASIL E OS FATORES QUE INFLUENCIAM A INFECÇÃO Jader Dornelas Neto 1 ; Daniel Antonio Carvalho dos Santos 2 ; Guilherme Elcio Zonta 3 ; Simone Martins Bonafé 4 RESUMO: O objetivo

Leia mais

Febre amarela no Brasil: recomendações para a vigilância, prevenção e controle doi: 10.5123/S1679-49742011000100011

Febre amarela no Brasil: recomendações para a vigilância, prevenção e controle doi: 10.5123/S1679-49742011000100011 Nota Técnica Febre amarela no Brasil: recomendações para a vigilância, prevenção e controle doi: 10.5123/S1679-49742011000100011 Yellow Fever in Brazil: Recommendations for Surveillance, Prevention and

Leia mais

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES PROVA 25m Livres femininos Class Escola Nome Escalão Tempo Obs. EBS Vieira de Araújo Mariana Fonseca Infantis A 20:2 2 EBS

Leia mais