Acesso Público. Programa de apoio a iniciativas culturais, educativas e sociais da REDE MINAS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Acesso Público. Programa de apoio a iniciativas culturais, educativas e sociais da REDE MINAS"

Transcrição

1

2 Acesso Público Programa de apoio a iniciativas culturais, educativas e sociais da REDE MINAS

3 Sumário Definição e objetivos 4 Comitê 5 Política de aprovação 7 Premissas para seleção 8 Critérios de avaliação 9 Proponentes 11 Contrapartidas 13 Planos 14 Plano 1 15 Plano 2 19 Plano 3 21 Plano 4 23 Prazos 12 3

4 Programa Acesso Público Acesso Público é o programa de promoção e difusão de iniciativas culturais, sociais e educativas da REDE MINAS. Pretende oferecer condições igualitárias e critérios transparentes de ocupação dos espaços da programação aos diferentes agentes da sociedade interessados em dar visibilidade a ações de interesse público, por meio de um processo contínuo de seleção de solicitações de apoio. Acesso Público vai disponibilizar a veiculação gratuita ou bonificada de telas informativas ou vídeos de até 30 segundos nos intervalos dos programas da emissora, em quatro modalidades, para empreendedores de todo estado. 4

5 Comitê de avaliação Será constituído um Comitê Gestor do Programa Acesso Público com o objetivo de avaliar e selecionar as propostas inscritas no programa, nos termos definidos pela Política de Acesso Público. O Comitê Gestor será formado por cinco titulares e seus respectivos suplentes, em reuniões regulares e públicas abertas à participação de até três observadores da sociedade civil, mediante inscrição prévia, com a seguinte composição: Diretoria de Programação e Produção Diretoria de Jornalismo Gerência de Marketing e Comunicação Social Gerência do Núcleo Transmídia; Representante dos funcionários 5

6 Metodologia de seleção As reuniões do Comitê Gestor são quinzenais, realizadas sempre na segunda e na quarta segundafeiras de cada mês. O quórum para a realização das reuniões do Comitê Gestor é de ao menos 3/5 de seus membros. Na primeira reunião de cada mês, o Comitê Gestor deverá relatar o volume de veiculação gratuita e bonificada previsto para o período, com a quantidade de inserções e de tempo de veiculação, de acordo com a política de inter-programação da emissora e a disponibilidade da grade de programação. 6

7 Submissão de propostas Para participar do Programa Acesso Público, o proponente precisa preencher o formulário de solicitação de apoio disponível no site da REDE MINAS: O envio da solicitação deve incluir release e materiais ilustrativos adicionais digitalizados (fotos, folderes, cartazes, links para vídeos etc) sobre o evento ou projeto. Caso a ação esteja sendo financiada por recursos públicos, por meio de mecanismos de renúncia fiscal, o plano de mídia do projeto também deve ser anexado à proposta. É vedada a concessão de veiculação gratuita a projetos que tenham previsão de contratação de mídia televisiva paga em outra emissora. 7

8 Premissas para seleção São pré-requisitos para pleitear o apoio do Programa Acesso Público: Interface da ação com produções do setor cultural (música, dança, circo, literatura, cinema, artes visuais, artes digitais, teatro, tradições populares) e/ou com direitos sociais e educação; Observação dos prazos previstos para a habilitação de cada projeto; Preenchimento do formulário no site da REDE MINAS; Pagamento da taxa de registro para a veiculação de vídeos (Condecine) exigida pela agência reguladora do setor, a Ancine, para a emissão do Certificado de Produto Brasileiro e de outras taxas legais que porventura venham a existir. 8

9 Critérios de avaliação Serão considerados como fatores determinantes para a concessão do apoio, na seleção: Diversidade cultural: ações e manifestações de menor apelo de mercado, capazes de expressar a riqueza da produção cultural e a complexidade da dinâmica social do estado; Diversidade social: público-alvo atingido, com ênfase em parcelas da população mais vulneráveis socioeconomicamente; Diversidade regional: projetos realizados nas cidades do interior de Minas Gerais e/ou realizados majoritariamente por proponentes que residam no interior do estado; Contrapartidas oferecidas à Rede Minas, proporcionais ao volume de mídia pleiteado, no que tange à exposição da marca e/ou o fortalecimento da imagem da emissora; Gratuidade da ação ou o acesso a preços populares, levando-se em consideração o perfil do evento e o contexto (geográfico, econômico etc) de realização do projeto ; 9

10 Proponentes Podem pleitear apoio no Programa de Acesso Público: Artistas, companhias, produtores, promotores e empreendedores artísticos e culturais; Instituições e empresas que desenvolvam atividades artísticas, culturais, sociais e educativas; Órgãos públicos e entidades da Administração Indireta; Associações, grupos e coletivos culturais com atuação nos movimentos sociais; Demais agentes da cadeia criativa e produtiva do setor cultural. 10

11 Pré-requisitos O prazo mínimo para que o Comitê Gestor do Programa possa analisar o projeto é de 30 dias de antecedência à realização da atividade. Caso haja interesse na contratação da emissora para a produção do material audiovisual, o prazo mínimo é de 45 dias de antecedência da data de realização da ação. 11

12 Contrapartidas Contrapartidas sugeridas para critérios de bonificação: Merchandising: espaço para banner no local da realização do evento; Exibição da vinheta institucional da REDE MINAS durante o evento (quando houver projeção audiovisual na atividade); Exibição da marca REDE MINAS em outras mídias que o evento prospectar; Citação do apoio no evento, por meio de locução e/ou testemunhais de artistas ou realizadores; Sempre que for de relevância para a Rede Minas, permitirá o acesso da emissora ao evento para gravação e geração de conteúdo. As questões relacionadas a liberação do uso de imagem e relacionadas aos direitos autorais, patrimoniais e conexos, são de responsabilidade exclusiva do produtor. 12

13 Planos de apoio O Programa Acesso Público está estruturado em quatro modalidades: Planos de Apoio Plano 1: Incentivo à produção cultural Plano 2: Apoio à produção cultural Plano 3: Suporte a campanhas institucionais, sociais e/ou assistenciais Plano 4: Coprodução e exibição de conteúdo 13

14 Plano 1: Incentivo à Produção Cultural O Incentivo à Produção Cultural propõe apoiar e fortalecer as ações e iniciativas culturais, educativas e sociais que possuem verba para mídia e desejam produzir e/ou veicular VT para a divulgação do projeto. Para este plano foi criada uma tabela especial (páginas 17 e 18) para a produção de peças de divulgação de 12 e 27 segundos (os 3 segundos adicionais dos VTs são destinados à assinatura da REDE MINAS), assim como para a veiculação. 14

15 Plano 1: Incentivo à Produção Cultural Caso o parceiro tenha interesse em demandar a REDE MINAS para produzir o VT, a emissora dispõe de tabela especial (páginas 17 e 18). As imagens e o roteiro deverão ser fornecidos pelo parceiro. As inserções acontecem em caráter rotativo, conforme disponibilidade da grade de programação. Sempre que possível, a emissora fará a inserção do VT na grade de programas que possuam o mesmo perfil do projeto. Cabe à Diretoria de Programação e Produção da emissora considerar eventuais sugestões de horários de veiculação apresentadas pelo solicitante. 15

16 Plano 1: Incentivo à Produção Cultural Investimento na produção do VT Duração do VT Tabela de produção de VTs Acesso Público Valor 30 segundos (padrão) R$ 1.799,00 15 segundos R$ 1.079,40 45 segundos R$ 2.158,80 60 segundos R$ 2.698,50 * A tabela de preços acima será aplicada exclusivamente para a divulgação de propostas contempladas pelo programa, para produção ou veiculação. ** As inserções seguirão a política de exibição da emissora. 16

17 Plano 1: Incentivo à Produção Cultural Investimento na veiculação Inserção Tabela de veiculação Programa Acesso Público Valor por inserção Custo tabela R$ 742,00 Valor Bonificado 1 a 20 R$ 222,60 21 a 34 R$ 155,82 35 a 50 R$ 113,81 51 ou mais R$ 91,17 17

18 Plano 1: Incentivo à Produção Cultural Os eventos que tiverem o logo de patrocinadores na assinatura do vídeo deverão pagar percentual adicional na veiculação: 1 a 2 logos: 10% do total de veiculação; 3 a 5 logos: 20% do total de veiculação; 6 ou mais logos: 30% do total da veiculação. Obs: As marcas das logos dos patrocinadores deverão ser veiculadas em cartela única e o tempo no ar está restrito ao máximo de 3 segundos. 18

19 Plano 2: Apoio à Produção Cultural O plano de Apoio à Produção Cultural destina-se a fortalecer e divulgar ações e eventos artísticoculturais que não disponham de verba para divulgação, produzidos e/ou realizados nas cidades do estado de Minas Gerais ou localidades de outros estados que recebam a programação da REDE MINAS. 19

20 Plano 2: Apoio à Produção Cultural Produção e visibilidade A divulgação será feita por meio de Tela de Serviço de 15 segundos, sendo 12 segundos de conteúdo e 3 segundos de vinheta de assinatura. São 3 inserções por dia em caráter rotativo, nos dias 7 dias anteriores à realização da atividade, conforme disponibilidade da grade de programação. Neste plano, não existe qualquer custo (na produção ou veiculação) para o produtor. 20

21 Plano 3: Suporte a Campanhas Institucionais, Sociais e/ou Assistenciais Este plano é destinado a campanhas institucionais e assistenciais que não tenham verba para mídia. O material audiovisual deverá ser fornecido pelo parceiro. Se a REDE MINAS for contratada para a produção do VT, o investimento seguirá os valores da tabela de produção de VTs (página 17). Neste caso, o parceiro pode solicitar imagens do acervo da emissora, desde que sejam resguardados os direitos de uso de imagem das pessoas gravadas. O tempo de permanência no ar de campanhas sem data de realização definida pode ser flutuante, de acordo com a disponibilidade de espaços de veiculação no período. A decisão sobre a interrupção e a retomada da veiculação é de competência do Comitê Gestor. 21

22 Plano 3: Suporte a Campanhas Institucionais, Sociais e ou Assistenciais Produção e visibilidade Quando o proponente não disponibilizar material em vídeo, a divulgação será feita através da Tela de Serviço de 15 segundos. A veiculação de VTs será feita à razão de 3 inserções por dia, durante um período pré-determinado de 7 dias. As inserções acontecem em caráter rotativo, conforme disponibilidade da grade de programação. 22

23 Plano 4: Coprodução e Exibição de Conteúdo O plano Coprodução e Exibição de Conteúdo visa criar uma política de colaboração entre a REDE MINAS, produtores e companhias artísticos-culturais que atuem no mercado audiovisual e produtores de eventos que porventura possam gerar conteúdo de relevância para a emissora, para veiculação na televisão ou na web. Além da possibilidade de cessão de conteúdos pré-existentes para veiculação da grade da emissora ou sob demanda, o proponente deve permitir o acesso da emissora ao evento para gravação, transmissão ao vivo na web ou na TV. As questões relacionadas a direitos de imagem são de responsabilidade exclusiva do produtor. 23

24 Plano 4: Coprodução e exibição de conteúdo Critérios e Regras O conteúdo inédito pré-existente, produzido externamente e oferecido à REDE MINAS deve atender os valores e princípios de uma emissora pública, educativa e cultural. Para compensar o nãopagamento em recursos financeiros pelos direitos de aquisição ou licenciamento, a emissora assegura ao detentor da obra créditos em inserções na grade da REDE MINAS. As inserções serão feitas em horário rotativo, a critério da Diretoria de Programação e Produção. 24

25

REGULAMENTO VIVO ARTE.MOV 2010 CA no. 0971/001/2009. Mídias Locativas

REGULAMENTO VIVO ARTE.MOV 2010 CA no. 0971/001/2009. Mídias Locativas REGULAMENTO VIVO ARTE.MOV 2010 CA no. 0971/001/2009 Mídias Locativas O Edital Mídias Locativas Vivo arte.mov 2010 é uma iniciativa do arte.mov Festival Internacional de Arte em Mídias Móveis Projeto aprovado

Leia mais

NÚCLEO EXPERIMENTAL DE CINEMA DO MIS CONVOCATÓRIA PRODUÇÃO DE CURTA-METRAGEM 2016 PRIMEIRA EDIÇÃO: GÊNERO TERROR

NÚCLEO EXPERIMENTAL DE CINEMA DO MIS CONVOCATÓRIA PRODUÇÃO DE CURTA-METRAGEM 2016 PRIMEIRA EDIÇÃO: GÊNERO TERROR NÚCLEO EXPERIMENTAL DE CINEMA DO MIS CONVOCATÓRIA PRODUÇÃO DE CURTA-METRAGEM 2016 PRIMEIRA EDIÇÃO: GÊNERO TERROR Esta convocatória, iniciativa do Museu da Imagem e do Som (MIS), instituição da Secretaria

Leia mais

EDITAL / REGULAMENTO TREZE: O PALCO DA CULTURA 10ª EDIÇÃO

EDITAL / REGULAMENTO TREZE: O PALCO DA CULTURA 10ª EDIÇÃO EDITAL / REGULAMENTO TREZE: O PALCO DA CULTURA 10ª EDIÇÃO I. DO OBJETO 1.1. Através de processo de seleção, irá proporcionar a apresentação de 25 trabalhos produzidos por artistas, grupos ou companhias

Leia mais

Política de investimento cultural 3M

Política de investimento cultural 3M Política de investimento cultural 3M 1. Objetivo A presente política tem por finalidade estabelecer os critérios para investimento em projetos e programas culturais e que sejam passíveis de usufruírem

Leia mais

Índice. 1. O Natura Musical. 2. Tipos de projetos beneficiados. 3. Como participar dos editais. 4. Qual o caminho até o patrocínio

Índice. 1. O Natura Musical. 2. Tipos de projetos beneficiados. 3. Como participar dos editais. 4. Qual o caminho até o patrocínio 2015 Índice 1. O Natura Musical 2. Tipos de projetos beneficiados 3. Como participar dos editais 4. Qual o caminho até o patrocínio 5. Atendimento aos proponentes Anexos: Contrapartidas e 3 4 6 9 16 17

Leia mais

Casa da Árvore Projetos Sociais Projeto Telinha de Cinema - Tecnologia, Arte e Educação

Casa da Árvore Projetos Sociais Projeto Telinha de Cinema - Tecnologia, Arte e Educação Casa da Árvore Projetos Sociais Projeto Telinha de Cinema - Tecnologia, Arte e Educação EDITAL 003/2011 1º. Circuito de Residências de Arte, Tecnologia e Educação Telinha de Cinema #ResTelinha# 1. Objeto

Leia mais

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento.

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento. PROGRAMA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS FUNDEP REGULAMENTO PARA CADASTRAMENTO DE PROJETOS UFMG A Fundep//Gerência de Articulação de Parcerias convida a comunidade acadêmica da UFMG a cadastrar propostas de acordo

Leia mais

REGULAMENTO PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA

REGULAMENTO PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA REGULAMENTO PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA Este documento descreve as práticas gerais de uso do PROJETO SERVIÇOS E CIDADANIA do Grupo Paranaense de Comunicação, administrado pelo Instituto GRPCOM. O PROJETO

Leia mais

Perguntas freqüentes FAQ

Perguntas freqüentes FAQ Perguntas freqüentes FAQ CHAMADA PÚBLICA MCT/FINEP/FSA PRODAV 01/2008 PRODUÇÃO PARA TELEVISÃO 1) Como faço para enviar meu projeto? O primeiro passo para inscrever um projeto em qualquer uma das seleções

Leia mais

EDITAL DE OCUPAÇÃO CRIATIVA Circuito Cultural Ribeira Ciclo 3 Segundo Edital

EDITAL DE OCUPAÇÃO CRIATIVA Circuito Cultural Ribeira Ciclo 3 Segundo Edital EDITAL DE OCUPAÇÃO CRIATIVA Circuito Cultural Ribeira Ciclo 3 Segundo Edital Em 17 edições o Circuito Cultural Ribeira ativou a participação de mais de 500 atrações culturais parceiras e a visita de mais

Leia mais

PLANO NACIONAL DE DANÇA

PLANO NACIONAL DE DANÇA PLANO NACIONAL DE DANÇA I APRESENTAÇÃO II - DIRETRIZES E AÇÕES II HISTÓRICO DO SETOR NO PAÍS III DIAGNOSE DE POTENCIAL E PONTOS CRÍTICOS DO SETOR IV DADOS DO SETOR PARA O SISTEMA DE INFORMAÇÕES E INDICADORES

Leia mais

REGULAMENTO DA CAMPANHA FIDELIDADE PREMIADA

REGULAMENTO DA CAMPANHA FIDELIDADE PREMIADA 1. OBJETIVO REGULAMENTO DA CAMPANHA FIDELIDADE PREMIADA 1.1 Fidelidade Premiada é uma campanha pontual com sorteios de prêmios desenvolvida pelo SPORT CLUB INTERNACIONAL visando a conquista de novos sócios

Leia mais

Sumário. Edital de Seleção Pública para Projetos de Patrocinios 2015 2

Sumário. Edital de Seleção Pública para Projetos de Patrocinios 2015 2 Sumário 1. Preâmbulo... 3 2. Funcionamento Geral do Aplicativo... 3 3. Cadastramento Do Proponente... 4 3.1 Dados do Proponente... 5 4. Cadastramento da Solicitação de Patrocínio... 6 4.1 Descrição do

Leia mais

REGULAMENTO CYBER 2016

REGULAMENTO CYBER 2016 REGULAMENTO CYBER 2016 Apresentação: A Associação dos Profissionais de Propaganda-Ribeirão Preto, entidade sem fins lucrativos, devidamente registrada no CNPJ 54164348/0001-43, edita o presente regulamento

Leia mais

POLÍTICA DE PATROCINIO DA CAGECE

POLÍTICA DE PATROCINIO DA CAGECE POLÍTICA DE PATROCINIO DA CAGECE A Política de Patrocínio da Cagece que compreende o apoio financeiro concedido a projetos institucionais, culturais, sociais, ambientais e esportivos de iniciativa de terceiros,

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO ARTÍSTICA PROJETO SEGUNDA MUSICAL 2016

EDITAL DE SELEÇÃO ARTÍSTICA PROJETO SEGUNDA MUSICAL 2016 EDITAL DE SELEÇÃO ARTÍSTICA PROJETO SEGUNDA MUSICAL 2016 A Secretaria da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais faz saber aos interessados que se encontram abertas, no período de 11 a 29 de fevereiro

Leia mais

POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES GRUPO VOLVO América latina

POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES GRUPO VOLVO América latina POLíTICA DE PATROCíNIOS E DOAÇÕES GRUPO VOLVO América latina índice APRESENTAÇÃO...3 POLíTICA DE PATROCíNIOS Do Grupo Volvo América Latina...3 1. Objetivos dos Patrocínios...3 2. A Volvo como Patrocinadora...3

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC REGULAMENTO DO CONCURSO PLANO DE NEGÓCIOS UNISC CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS E DAS DENOMINAÇÕES

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC REGULAMENTO DO CONCURSO PLANO DE NEGÓCIOS UNISC CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS E DAS DENOMINAÇÕES UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC REGULAMENTO DO CONCURSO PLANO DE NEGÓCIOS UNISC CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS E DAS DENOMINAÇÕES Art. 1 O Concurso Plano de Negócios UNISC é um instrumento que tem como

Leia mais

Disposições Gerais. Atenção para o prazo de inscrição. Data de inicio 11/01/2016. Data Final: 29/01/2016. Passo a passo do envio dos projetos

Disposições Gerais. Atenção para o prazo de inscrição. Data de inicio 11/01/2016. Data Final: 29/01/2016. Passo a passo do envio dos projetos Disposições Gerais As inscrições dos projetos serão aceitas com a entrega física do projeto com plano de trabalho, planilha orçamentária, folha de apresentação à Cemar e certificado de mérito ou protocolo

Leia mais

REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS. Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016

REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS. Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016 REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS Prêmio Consulado da Mulher EDITAL - 2016 1. APRESENTAÇÃO 1.1. O Instituto Consulado da Mulher, ação social da marca Consul, torna público que estão abertas as

Leia mais

ANEXO I. REGULAMENTO DA CAMPANHA FielCap

ANEXO I. REGULAMENTO DA CAMPANHA FielCap ANEXO I REGULAMENTO DA CAMPANHA FielCap 1. OBJETIVO 1.1 FielCap é uma campanha pontual com sorteios de prêmios desenvolvida pelo SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA visando a conquista de novos sócios para

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2014

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2014 EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2014 1. DO OBJETO 1.1. O presente edital tem por objeto realizar uma chamada pública nacional para seleção de projetos sociais. O edital destina-se às organizações

Leia mais

NORMA PARA PARCERIAS E DEMAIS ATIVIDADES DE COOPERAÇÃO TÉCNICA PARA PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE CONTEÚDO INFORMATIVO NOR 215

NORMA PARA PARCERIAS E DEMAIS ATIVIDADES DE COOPERAÇÃO TÉCNICA PARA PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE CONTEÚDO INFORMATIVO NOR 215 MANUAL DE ORGANIZAÇÃO COD. 200 ASSUNTO: PARCERIAS E DEMAIS ATIVIDADES DE COOPERAÇÃO TÉCNICA PARA PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE CONTEÚDO INFORMATIVO APROVAÇÃO: Deliberação DIREX nº 89, de 14/09/2015. VIGÊNCIA:

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIBITI EDITAL N o 03/2009

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIBITI EDITAL N o 03/2009 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFCO E TECNOLÓGICO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO

Leia mais

3.1 Poderão participar realizadores de todo Território Nacional e produções internacionais.

3.1 Poderão participar realizadores de todo Território Nacional e produções internacionais. Apresentação O IIII Festival de Cinema de Mogi Mirim será realizado de 13 a 22 de outubro 2013, momento onde vamos promover a produção de filmes de curta metragem, incentivar as discussões, a formação

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA

ESTADO DE SANTA CATARINA Email Institucional Programa Orçamentário Objetivo Objetivo Detalhado Justificativa Instrumento Transferência Tipo Proponente Identificador Proponente seitectur@sol.sc.gov.br 640 Promoção do Turismo Catarinense

Leia mais

PRÊMIO COMUNICADOR PARCEIRO DA EDUCAÇÃO REGULAMENTO

PRÊMIO COMUNICADOR PARCEIRO DA EDUCAÇÃO REGULAMENTO PRÊMIO COMUNICADOR PARCEIRO DA EDUCAÇÃO REGULAMENTO O PRÊMIO COMUNICADOR PARCEIRO DA EDUCAÇÃO é uma iniciativa do Instituto Votorantim, por meio do projeto Parceria Votorantim pela Educação, que tem o

Leia mais

1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Das Disposições Gerais 1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Art. 1º - O Prêmio Experiências de Sucesso 2015 Professor Nota 10, é uma promoção da Secretaria

Leia mais

PlusPixel Marketing Digital SOMOS MAIS SOCIAIS DO QUE NUNCA

PlusPixel Marketing Digital SOMOS MAIS SOCIAIS DO QUE NUNCA PlusPixel Marketing Digital SOMOS MAIS SOCIAIS DO QUE NUNCA Proposta de Marketing Digital Design inox Marketing de Resultados A PlusPixel vem oferecendo seus serviços desde o início da internet, isso nos

Leia mais

MENU DE MÍDIAS PROCESSOS SELETIVOS

MENU DE MÍDIAS PROCESSOS SELETIVOS MENU DE MÍDIAS PROCESSOS SELETIVOS Este documento tem o objetivo de apresentar algumas possibilidades de divulgação dos processos seletivos para ingresso de alunos no Instituto Federal do Espírito Santo.

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO CONCURSO

REGULAMENTO GERAL DO CONCURSO REGULAMENTO GERAL DO CONCURSO A Cáritas lança o concurso Imagem, ritmo e história da Cáritas Brasileira para escolher a identidade visual, a música tema e as obras literárias que celebrarão seu aniversário

Leia mais

EDITAL N o 001/2014 EXPANSÃO DA REDE DO MESTRADO PROFISSIONAL EM LETRAS PROFLETRAS CHAMADA A PROPOSTAS DE ADESÃO

EDITAL N o 001/2014 EXPANSÃO DA REDE DO MESTRADO PROFISSIONAL EM LETRAS PROFLETRAS CHAMADA A PROPOSTAS DE ADESÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO MESTRADO PROFISSIONAL EM LETRAS EDITAL N o 001/2014 EXPANSÃO DA REDE DO MESTRADO PROFISSIONAL EM LETRAS

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA Superintendência de Cultura e Sociedade Coordenadoria de Diversidade Cultural

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA Superintendência de Cultura e Sociedade Coordenadoria de Diversidade Cultural Chamada de seleção simplificada para participação na 1º Feira Favela Criativa REGULAMENTO Com os objetivos de: (1) fortalecer as ações culturais já existentes nas comunidades pacificadas e outros territórios

Leia mais

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº.../2010

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº.../2010 PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº.../2010 Revoga a Resolução Legislativa 02/2001 e disciplina a administração o e o funcionamento da TV Câmara Santa Maria. Art. 1º - Esta resolução disciplina os objetivos, os princípios,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ EDITAL N 14/2016 PROPESPG/EDITORA Concurso da Logomarca da Editora da Universidade Federal do Amapá A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, por meio da Editora da Universidade Federal do Amapá, no

Leia mais

EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015

EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015 EDITAL DE DIVULGAÇÃO E SELEÇÃO PROGRAMA CALENDÁRIO CULTURAL 2015 1. INTRODUÇÃO 1.1. O Programa Calendário Cultural edição 2015 é uma iniciativa da Fundação FEAC, desenvolvida pelo Escritório de Projetos,

Leia mais

REGULAMENTO XIII PRÊMIO MÉRITO FITOSSANITÁRIO COOPERATIVAS 2009

REGULAMENTO XIII PRÊMIO MÉRITO FITOSSANITÁRIO COOPERATIVAS 2009 REGULAMENTO XIII PRÊMIO MÉRITO FITOSSANITÁRIO COOPERATIVAS 2009 1. Apresentação O Prêmio Mérito Fitossanitário é o reconhecimento ações de responsabilidade social e ambiental das indústrias de defensivos

Leia mais

Jovem Aprendiz no Colégio Objetivo Ipiranga SP (23/03/2016) Regulamento

Jovem Aprendiz no Colégio Objetivo Ipiranga SP (23/03/2016) Regulamento Jovem Aprendiz no Colégio Objetivo Ipiranga SP (23/03/2016) Regulamento 1 - Descrição Da Competição 1.1. Um evento destinado aos alunos da 1ª série do Ensino Médio, visando à importância da visão empreendedora

Leia mais

REGULAMENTO DO MARGINALIA+LAB 1 O QUE É O MARGINALIA+LAB

REGULAMENTO DO MARGINALIA+LAB 1 O QUE É O MARGINALIA+LAB 1 / 6 REGULAMENTO DO MARGINALIA+LAB 1 O QUE É O MARGINALIA+LAB 1.1. Marginalia+Lab é um laboratório de criação colaborativa na área de arte e tecnologia que funcionará no Prédio da Faculdade de Filosofia

Leia mais

BIBLIOTECA NACIONAL DE BRASÍLIA II Bienal Internacional de Poesia de Brasília

BIBLIOTECA NACIONAL DE BRASÍLIA II Bienal Internacional de Poesia de Brasília GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO SECRETÁRIO DIVISÃO DE EDUCAÇÃO ESPECIAL NÚCLEO DE ATIVIDADES DE ALTAS HABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO BIBLIOTECA NACIONAL DE BRASÍLIA II Bienal

Leia mais

Regulamento: Mostra Competitiva e Não Competitiva de Curtas-Metragens

Regulamento: Mostra Competitiva e Não Competitiva de Curtas-Metragens Regulamento: Mostra Competitiva e Não Competitiva de Curtas-Metragens 1. Promoção: O 3º Festival de Cinema de Três Passos / 2016 Semeando Cultura - é promovido pelo Movimento Pró-Arte de Três Passos. 2.

Leia mais

EDITAL RED BULL HOUSE OF ART

EDITAL RED BULL HOUSE OF ART EDITAL RED BULL HOUSE OF ART 1 - Denominação e Finalidade O que é a Red Bull House of Art? A Red Bull House of Art é uma residência artística para artistas brasileiros com sede em São Paulo. Red Bull House

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 5º Edição do Prêmio CISER de Inovação Tecnológica

REGULAMENTO GERAL 5º Edição do Prêmio CISER de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL 5º Edição do Prêmio CISER de Inovação Tecnológica 1. O PRÊMIO O Prêmio CISER de Inovação Tecnológica, doravante denominado PRÊMIO, promovido pela Cia. Industrial H. Carlos Schneider (CISER),

Leia mais

Regulamento do Concurso Cultural Artilheiro do Futuro

Regulamento do Concurso Cultural Artilheiro do Futuro Regulamento do Concurso Cultural Artilheiro do Futuro 1- Do Concurso Cultural 1.1. A participação neste concurso é voluntária e gratuita, não estando condicionada, em hipótese alguma, à sorte, pagamento

Leia mais

Educa Mais Brasil REGULAMENTO

Educa Mais Brasil REGULAMENTO Educa Mais Brasil REGULAMENTO 2015 Regulamento do Programa EDUCA MAIS BRASIL I DO PROGRAMA Art. 1.º - O Programa EDUCA MAIS BRASIL é um programa de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I estimular

Leia mais

PROGRAMA OI DE PATROCÍNIO CULTURAL INCENTIVADO EDITAL DE SELEÇÃO 2015/2016 SELEÇÃO NACIONAL DE PROJETOS CULTURAIS

PROGRAMA OI DE PATROCÍNIO CULTURAL INCENTIVADO EDITAL DE SELEÇÃO 2015/2016 SELEÇÃO NACIONAL DE PROJETOS CULTURAIS A OI e o OI FUTURO tornam público, para conhecimento dos interessados, que receberá inscrições para o Processo de Seleção Nacional de Projetos Culturais 2015/2016. A Seleção Nacional de Projetos Culturais

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA EAD

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA EAD CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA EAD CONTRATANTE: A PESSOA FÍSICA identificada no formulário de matrícula do curso, que, para todos os efeitos,

Leia mais

2ª REUNIÃO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/CNPq - FSL 26 e 27 de agosto de 2010 Faculdade São Lucas Porto Velho RO www.saolucas.edu.

2ª REUNIÃO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/CNPq - FSL 26 e 27 de agosto de 2010 Faculdade São Lucas Porto Velho RO www.saolucas.edu. 2ª REUNIÃO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/CNPq - FSL de 26 e 27 de agosto de 2010 Faculdade São Lucas Porto Velho/RO A Direção Geral da Faculdade, Comitê Institucional do Programa Institucional de Bolsas

Leia mais

REGULAMENTO Registre sua Atitude

REGULAMENTO Registre sua Atitude REGULAMENTO Registre sua Atitude 1. DO CONCURSO 1.1 As instituições de ensino superior controladas direta ou indiretamente pela ESTÁCIO PARTICIPAÇÕES S.A, doravante denominadas ESTÁCIO, dentre as quais

Leia mais

Apresentações gratuitas nos parques da cidade. Uma ação de inclusão cultural, social e ambiental

Apresentações gratuitas nos parques da cidade. Uma ação de inclusão cultural, social e ambiental O Projeto TeATRo nos PARques é uma ação de inclusão cultural, social e ambiental, que visa a formação de plateias para o teatro. O projeto prioriza um setor da produção teatral que promove a democratização,

Leia mais

3.2 A promoção é de inteira responsabilidade da promotora, sem qualquer envolvimento ou participação de mídias sociais.

3.2 A promoção é de inteira responsabilidade da promotora, sem qualquer envolvimento ou participação de mídias sociais. Promoção válida de 20/04/2016 a 20/05/2016. Divulgação do resultado no dia 23/05/2016. CONCURSO 1. EMPRESA PROMOTORA: Cumarim Burger Grill 2. EMPRESA ADERENTE: Cumarim Burger Grill, Av. Castanheiras com

Leia mais

Programa CRM de Patrocínios. Edital de Seleção Pública de Projetos 2013/2

Programa CRM de Patrocínios. Edital de Seleção Pública de Projetos 2013/2 Programa CRM de Patrocínios Edital de Seleção Pública de Projetos 2013/2 1. OBJETO 1.1 A CRM COMPANHIA RIOGRANDENSE DE MINERAÇÃO torna público, para conhecimento dos interessados, que receberá inscrições

Leia mais

Política de investimento esportivo 3M

Política de investimento esportivo 3M 1. Objetivo Política de investimento esportivo 3M A presente política tem por finalidade estabelecer os critérios para investimento em projetos e programas esportivos e que sejam passíveis de usufruírem

Leia mais

O Design. Benefícios:

O Design. Benefícios: Design, Não é um artigo de luxo que só as grandes empresas podem alcançar. É um investimento de ótimo custo benefício, que pode trazer resultados importantes para sua empresa em diversos níveis. Nenhuma

Leia mais

1º TELAS - Festival Internacional de TV de São Paulo REGULAMENTO

1º TELAS - Festival Internacional de TV de São Paulo REGULAMENTO 1. INFORMAÇÕES GERAIS 1º TELAS - Festival Internacional de TV de São Paulo REGULAMENTO a. Objetivos O Festival Telas tem como objetivo realizar em São Paulo um evento de porte internacional que gerará

Leia mais

ApReSeNtAÇÃO. O Arraiá do Ceará já confirmou presença no calendário cearense como o maior e melhor evento de disputa de quadrilhas do Estado.

ApReSeNtAÇÃO. O Arraiá do Ceará já confirmou presença no calendário cearense como o maior e melhor evento de disputa de quadrilhas do Estado. ApReSeNtAÇÃO O Arraiá do Ceará já confirmou presença no calendário cearense como o maior e melhor evento de disputa de quadrilhas do Estado. Junho vem chegando e com ele os festejos em homenagem a São

Leia mais

Centro Universitário Belas Artes de São Paulo Programa de bolsas de incentivo ao desenvolvimento da Economia Criativa

Centro Universitário Belas Artes de São Paulo Programa de bolsas de incentivo ao desenvolvimento da Economia Criativa Centro Universitário Belas Artes de São Paulo Programa de bolsas de incentivo ao desenvolvimento da Economia Criativa O Prof. Dr. Paulo Antonio Gomes Cardim, Reitor do Centro Universitário Belas Artes

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER ESTRUTURADO BOLSA EUROPEIA 3 MULTIMERCADO 11.714.787/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER ESTRUTURADO BOLSA EUROPEIA 3 MULTIMERCADO 11.714.787/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016 LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER ESTRUTURADO BOLSA EUROPEIA 3 MULTIMERCADO 11.714.787/0001-70 Informações referentes a Maio de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais

Leia mais

REGULAMENTO. I CONCURSO NACIONAL DE FOTOGRAFIA DOS CORREIOS Vá mais longe 1. OBJETIVO

REGULAMENTO. I CONCURSO NACIONAL DE FOTOGRAFIA DOS CORREIOS Vá mais longe 1. OBJETIVO REGULAMENTO 1. OBJETIVO 1.1 O I Concurso Nacional de Fotografia dos Correios tem como objetivos reunir imagens que representem a atuação dos Correios, especialmente a relação da empresa com a sociedade;

Leia mais

Regulamento da Promoção Tá na Fonte, Tá na Benção! 2

Regulamento da Promoção Tá na Fonte, Tá na Benção! 2 Regulamento da Promoção Tá na Fonte, Tá na Benção! 2 Empresa Promotora: R&C PRODUÇÕES LTDA Rádio Fonte FM 103.7, situada à Rua F-52 Quadra 164 Lotes 05/18 Número 120 - Setor Faiçalville 4 - Goiânia - Goiás

Leia mais

REGULAMENTO PROMOÇÃO SEU FUTURO COM 1 MILHÃO DE PONTOS MULTIPLUS

REGULAMENTO PROMOÇÃO SEU FUTURO COM 1 MILHÃO DE PONTOS MULTIPLUS REGULAMENTO PROMOÇÃO SEU FUTURO COM 1 MILHÃO DE PONTOS MULTIPLUS MULTIPLUS S.A. Rua Ministro Jesuíno Cardoso, 454, 2ª Andar Vila Nova Conceição - São Paulo SP CNPJ nº 11.094.546/0001-75 Nesta promoção

Leia mais

REGULAMENTO Concurso Cultural "Primeiros Passos

REGULAMENTO Concurso Cultural Primeiros Passos REGULAMENTO Concurso Cultural "Primeiros Passos O concurso cultural denominado Primeiros Passos" é promovido pelas BRASSCOM - Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação,

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FI VALOR AÇÕES 15.323.164/0001-27 Informações referentes a Maio de 2016

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FI VALOR AÇÕES 15.323.164/0001-27 Informações referentes a Maio de 2016 LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SANTANDER FI VALOR AÇÕES 15.323.164/0001-27 Informações referentes a Maio de 2016 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o SANTANDER FUNDO

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO BRASIL-ALEMANHA DE INOVAÇÃO

REGULAMENTO PRÊMIO BRASIL-ALEMANHA DE INOVAÇÃO REGULAMENTO PRÊMIO BRASIL-ALEMANHA DE INOVAÇÃO 1. OBJETIVO 1.1 O Prêmio Brasil-Alemanha de Inovação, organizado pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil Alemanha (AHK), tem por objetivo identificar e

Leia mais

125 inserções de 45 com 5 de assinatura do patrocinador.

125 inserções de 45 com 5 de assinatura do patrocinador. APRESENTAÇÃO A primeira edição da Copa TV Verdes Mares de Futsal foi um verdadeiro golaço. E em 2014 a TV Verdes Mares, juntamente com a Federação Cearense de Futebol, irá repetir esse grande sucesso.

Leia mais

REGULAMENTO DA SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS EDITORIAIS DE REVISTAS CULTURAIS CADERNO DE ANEXOS

REGULAMENTO DA SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS EDITORIAIS DE REVISTAS CULTURAIS CADERNO DE ANEXOS REGULAMENTO DA SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS EDITORIAIS DE REVISTAS CULTURAIS CADERNO DE ANEXOS ANEXO I ANEXO II ANEXO III ANEXO IV ANEXO V Espelho do Formulário de Inscrição On-line e instruções de preenchimento.

Leia mais

Política de doação de Mídia Social

Política de doação de Mídia Social Política de doação de Mídia Social 1.Objetivo A presente política tem como objetivo definir critérios institucionais para cada modalidade de parceria em Mídia Social estabelecida pela Rede Gazeta e adotada

Leia mais

DIVISÃO DE QUALIDADE DE VIDA

DIVISÃO DE QUALIDADE DE VIDA DIVISÃO DE QUALIDADE DE VIDA Seleção de projetos culturais Orientações gerais para uso do sistema online MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS CULTURAIS ONLINE DO SESI-SP O SESI-SP na área

Leia mais

EDITAL 2015 para seleção de novos participantes do NÚCLEO DE ARTES VISUAIS SESI/PR Programa de formação

EDITAL 2015 para seleção de novos participantes do NÚCLEO DE ARTES VISUAIS SESI/PR Programa de formação EDITAL 2015 para seleção de novos participantes do NÚCLEO DE ARTES VISUAIS SESI/PR Programa de formação O Serviço Social da Indústria SESI/PR abre inscrições para o processo de seleção de participantes

Leia mais

QualiBest Instituto de Pesquisa Online

QualiBest Instituto de Pesquisa Online QualiBest Instituto de Pesquisa Online CNPJ: 04.126.175/0001-09 Rua: Quatá, 845 Vila Olímpia São Paulo - CEP: 18607142 FONE: (11) 3846-0351 E-mail: qualibest@qualibest.com.br REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS. 1.1. Cliente : pessoa física ou jurídica que contrata ou utiliza os serviços da BORA DECORA.

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS. 1.1. Cliente : pessoa física ou jurídica que contrata ou utiliza os serviços da BORA DECORA. TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS 1. Definições 1.1. Cliente : pessoa física ou jurídica que contrata ou utiliza os serviços da BORA DECORA. 1.2. BORA DECORA : Marca fantasia da A+D

Leia mais

REGULAMENTO CURTA UM ROCK

REGULAMENTO CURTA UM ROCK REGULAMENTO CURTA UM ROCK 1. DO CONCURSO 1.1 As instituições de ensino superior controladas direta ou indiretamente pela ESTÁCIO PARTICIPAÇÕES S.A, doravante denominadas ESTÁCIO, dentre as quais a SESES

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - UFC FACULDADE DE MEDICINA - FAMED NÚCLEO DE TECNOLOGIAS E EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EM SAÚDE NUTEDS/FAMEDUFC

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - UFC FACULDADE DE MEDICINA - FAMED NÚCLEO DE TECNOLOGIAS E EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EM SAÚDE NUTEDS/FAMEDUFC UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - UFC FACULDADE DE MEDICINA - FAMED NÚCLEO DE TECNOLOGIAS E EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EM SAÚDE NUTEDS/FAMEDUFC CHAMADA PÚBLICA PARA CURSO DE FORMAÇÃO DE TUTORES PARA EaD ONLINE

Leia mais

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO O DIRETOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS, nomeado pela

Leia mais

Estimular as empresas produtoras e distribuidoras de aço ao envolvimento com projetos de natureza social.

Estimular as empresas produtoras e distribuidoras de aço ao envolvimento com projetos de natureza social. Estimular as empresas produtoras e distribuidoras de aço ao envolvimento com projetos de natureza social. Inscrição: INFORMAÇÕES GERAIS EDIÇÃO 2008 A inscrição de projetos à Certificação do Prêmio Inda

Leia mais

PROMOÇÃO BEBÊ BABYSOL

PROMOÇÃO BEBÊ BABYSOL PROMOÇÃO BEBÊ BABYSOL A promoção consiste em um concurso de fotos digitais no qual qualquer pessoa residente e domiciliada no Brasil poderá participar e é promovida pela BABYSOL S.A COMÉRCIO DE VESTUÁRIO,

Leia mais

1.2 Este Concurso tem como finalidade comemorar o aniversário de Belo Horizonte e divulgar a história e a cultura do município.

1.2 Este Concurso tem como finalidade comemorar o aniversário de Belo Horizonte e divulgar a história e a cultura do município. Concurso Cultural Aniversário de Belo Horizonte REGULAMENTO 1. DO CONCURSO 1.1 O Concurso Cultural Aniversário de Belo Horizonte será promovido pela Fundação TV Minas Cultural e Educativa Rede Minas, (

Leia mais

Guia de Proteção às Marcas

Guia de Proteção às Marcas Guia de Proteção às Marcas Comitês Olímpicos Nacionais e Comitês Paralímpicos Nacionais versão 3 Guia de Proteção às Marcas Comitês Olímpicos Nacionais e Comitês Paralímpicos Nacionais Guia de Proteção

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS 2013 PROGRAMA OI DE PATROCINIO ESPORTIVO INCENTIVADO AVISO 1 PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE INSCRIÇÃO O Instituto Telemar, torna público, para conhecimento dos interessados, que

Leia mais

11º Prêmio MASTERINSTAL REGULAMENTO

11º Prêmio MASTERINSTAL REGULAMENTO 11º Prêmio MASTERINSTAL REGULAMENTO 1. DO PRÊMIO Há mais de uma década o Prêmio MASTERINSTAL contribui para ampliar a visibilidade e o aperfeiçoamento da atividade empresarial dedicada à execução, manutenção

Leia mais

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR A. OBJETIVO A modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade

Leia mais

Fundo Setorial do Audiovisual - FSA. Débora Ivanov Agosto/2014

Fundo Setorial do Audiovisual - FSA. Débora Ivanov Agosto/2014 Fundo Setorial do Audiovisual - FSA Débora Ivanov Agosto/2014 As chamadas - produção, comercialização e desenvolvimento - Chamadas SELETIVO Longas Produção Prodecine 1 Distribuidor Prodecine 2 FSA Produção

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA 2016 BACKSTAGE TO THE FUTURE BACKSTAGE PARA O FUTURO

CHAMADA PÚBLICA 2016 BACKSTAGE TO THE FUTURE BACKSTAGE PARA O FUTURO CHAMADA PÚBLICA 2016 BACKSTAGE TO THE FUTURE BACKSTAGE PARA O FUTURO Programa de capacitação para jovens profissionais das áreas de produção de eventos, sonorização, iluminação e gestão de palco. 1 Apresentação

Leia mais

ESPAÇO CULTURAL BRDE SANTA CATARINA Espaço Cultural Governador Celso Ramos REGULAMENTO PARA REALIZAÇÃO DE EXPOSIÇÕES DE ARTES VISUAIS.

ESPAÇO CULTURAL BRDE SANTA CATARINA Espaço Cultural Governador Celso Ramos REGULAMENTO PARA REALIZAÇÃO DE EXPOSIÇÕES DE ARTES VISUAIS. ESPAÇO CULTURAL BRDE SANTA CATARINA Espaço Cultural Governador Celso Ramos REGULAMENTO PARA REALIZAÇÃO DE EXPOSIÇÕES DE ARTES VISUAIS Calendário 2010 1. OBJETO O presente Regulamento estabelece normas

Leia mais

PLANILHA DE OBJETIVOS E AÇÕES VIABILIZADORAS FT DE CULTURA - "A SANTA MARIA QUE QUEREMOS"

PLANILHA DE OBJETIVOS E AÇÕES VIABILIZADORAS FT DE CULTURA - A SANTA MARIA QUE QUEREMOS Elaborar o projeto do Plano Municipal de Projeto do Plano Projeto realizado Cultura com ampla participação dos setores da sociedade Conferência Municipal de Cultura Conferência realizada PLANILHA DE OBJETIVOS

Leia mais

Novas Formas de Aprender e Empreender

Novas Formas de Aprender e Empreender Novas Formas de Aprender e Empreender DÚVIDAS FREQUENTES 1. Sobre o Prêmio Instituto Claro, Novas Formas de Aprender e Empreender 1.1. O que é o Prêmio? O Prêmio Instituto Claro Novas Formas de Aprender

Leia mais

EDITAL DO PROGRAMA DE INTERCÂMBIO DE AUTORES BRASILEIROS NO EXTERIOR

EDITAL DO PROGRAMA DE INTERCÂMBIO DE AUTORES BRASILEIROS NO EXTERIOR EDITAL DO PROGRAMA DE INTERCÂMBIO DE AUTORES BRASILEIROS NO EXTERIOR A Fundação Biblioteca Nacional torna público que oferecerá apoio financeiro a editoras estrangeiras com o objetivo de promover a participação

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO VALE

REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO VALE REGULAMENTO DO CONCURSO GATA DO VALE 1. DO CONCURSO 1.1. Fica instituído o Concurso Gata do Vale realizado pelo Portal Aconteceu no Vale e TV em Foco, para eleger a garota mais linda dos Vales do Jequitinhonha,

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. As presentes disposições visam regulamentar o Programa Parceiros em Ação, instituído pela Área de Responsabilidade Social do BANCO

Leia mais

Inscrições para as Mostras Competitivas: 20 de agosto a 21 de setembro de 2009 (data de postagem válida)

Inscrições para as Mostras Competitivas: 20 de agosto a 21 de setembro de 2009 (data de postagem válida) 8º SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA 7º SMVC FESTIVAL DE CINEMA DE SANTA MARIA Santa Maria Rio Grande do Sul Brasil 23 a 28 de novembro de 2009 Inscrições para as Mostras Competitivas: 20 de agosto a 21 de setembro

Leia mais

Formulário para Solicitação de Patrocínio

Formulário para Solicitação de Patrocínio ANEXO 1 Formulário para Solicitação de Patrocínio Procedimentos para o envio de projeto ao CAU/SP: 1. Após preencher o Formulário para Solicitação de Patrocínio ao CAU/SP, confira os itens de CONTRAPARTIDA.

Leia mais

Convocatória LABMIS Estúdio de Som 2016

Convocatória LABMIS Estúdio de Som 2016 Convocatória LABMIS Estúdio de Som 2016 O Laboratório de Novas Mídias do MIS, LABMIS, primeiro media lab situado em um museu público brasileiro, que tem como objetivo fomentar a produção de obras desenvolvidas

Leia mais

EDITAL Nº 002/2015. 1.1. A atividade de monitoria semipresencial será exercida pelos alunos regulares dos cursos de graduação.

EDITAL Nº 002/2015. 1.1. A atividade de monitoria semipresencial será exercida pelos alunos regulares dos cursos de graduação. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Fundação Universidade Federal do ABC Pró-Reitoria de Graduação Av. dos Estados, 5001 Bairro Bangu Santo André - SP CEP 09210-580 Fone: (11) 3356.7020 dpag.prograd@ufabc.edu.br EDITAL

Leia mais

1º CONCURSO CULTURAL SOLTE A VOZ JOVENS DE MARIA REGULAMENTO

1º CONCURSO CULTURAL SOLTE A VOZ JOVENS DE MARIA REGULAMENTO Santuário Nacional de Nossa Senhora da Conceição Aparecida CNPJ. 02.825.033/0001-04 Avenida Dr. Júlio Prestes, s/n - Bairro Ponte Alta Aparecida (SP) CEP 12570-900 Brasil REGULAMENTO DO OBJETO: 1. O Santuário

Leia mais

2.2. - As peças inscritas podem ser inéditas, publicadas ou já apresentadas em outros festivais.

2.2. - As peças inscritas podem ser inéditas, publicadas ou já apresentadas em outros festivais. FETEST 2014 - FESTIVAL DE TEATRO ESTUDANTIL EDITAL DE PARTICIPAÇÃO A Prefeitura Municipal de Rio do Sul, através da Fundação Cultural (FCRS), e a Associação da Fundação Cultural (ASFUC) apresentam o FETEST

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARTES VISUAIS PARA REALIZAÇÃO DE EXPOSIÇÕES NO CENTRO CULTURAL BOULEVARD LONDRINA SHOPPING

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARTES VISUAIS PARA REALIZAÇÃO DE EXPOSIÇÕES NO CENTRO CULTURAL BOULEVARD LONDRINA SHOPPING 1 EDITAL DE SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE ARTES VISUAIS PARA REALIZAÇÃO DE EXPOSIÇÕES NO CENTRO CULTURAL BOULEVARD LONDRINA SHOPPING Regulamento editado pelo Boulevard Londrina Shopping, inscrito sob CNPJ 09.191.802/0002-81,

Leia mais

16º CAXIAS EM CENA FESTIVAL DE ARTES CÊNICAS REGULAMENTO

16º CAXIAS EM CENA FESTIVAL DE ARTES CÊNICAS REGULAMENTO 16º CAXIAS EM CENA FESTIVAL DE ARTES CÊNICAS REGULAMENTO A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal da Cultura - Unidade de Teatro, informa a abertura do período de inscrições para

Leia mais

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor RH/2014/024

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor RH/2014/024 UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor RH/2014/024 O UNICEF, Fundo das Nações Unidas para a Infância, a Organização mundial pioneira na defesa dos direitos das crianças e adolescentes, convida profissionais

Leia mais

EDITAL nº 001/2015 EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS DE ARTES VISUAIS SALÃO ANGELIM BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA DIVISÃO DE CULTURA 2016

EDITAL nº 001/2015 EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS DE ARTES VISUAIS SALÃO ANGELIM BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA DIVISÃO DE CULTURA 2016 EDITAL nº 001/2015 EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS DE ARTES VISUAIS SALÃO ANGELIM BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA DIVISÃO DE CULTURA 2016 A Universidade Regional de Blumenau, através da Divisão de Cultura, comunica que

Leia mais

REGULAMENTO CAMPANHA ESCOLHA SEU VIZINHO

REGULAMENTO CAMPANHA ESCOLHA SEU VIZINHO REGULAMENTO CAMPANHA ESCOLHA SEU VIZINHO Promoção Escolha seu Vizinho Empreendimentos: Jardim dos Taperás Cidade: Salto / SP REGULAMENTO A presente campanha é promovida pelo JARDIM DOS TAPERÁS SPE EMPREENDIMENTOS

Leia mais