SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO Subsecretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO Subsecretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação"

Transcrição

1 SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO Subsecretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação Plano Diretor de Tecnologia de Informação

2 Governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz Secretário Luiz Paulo Barreto Secretária-Adjunta Wanderly Ferreira da Costa - SUTIC Subsecretária Renata Márcia Canuto Dumont Galdino Equipe de Elaboração João Pinheiro da Silveira Neto Rodrigo Moreira Freitas Giuliano Ferreira de Matos Éder Gomes de Oliveira da Silva Elane Lúcia de Souza Ferreira Colaboradores Fábio Galvão Ferreira Tabosa Glayson de Oliveira Lins Jefferson de Moura Paravidine Aprovação Comitê Gestor de Tecnologia da Informação e Comunicação da Secretaria de Estado de Planejamento e Orçamento do Distrito Federal CGTI/SEPLAN

3 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO INTRODUÇÃO TERMOS E ABREVIAÇÕES DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA METODOLOGIA APLICADA PRINCÍPIOS E DIRETRIZES ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA UNIDADE DE TI BREVE HISTÓRICO PARCERIAS ESTRUTURA ADMINISTRATIVA COMPETÊNCIAS DA SUTIC INVENTÁRIO PARQUE TECNOLÓGICO RELAÇÃO DOS SISTEMAS CORPORATIVOS CATÁLOGO DE SERVIÇOS INVENTÁRIO DA REDE GDFNET REFERENCIAL ESTRATÉGICO DE TIC MISSÃO DE TIC VISÃO VALORES OBJETIVOS ESTRATÉGICOS DE TIC ANÁLISE DE SWOT DA TI ORGANIZACIONAL INVENTÁRIO DE NECESSIDADES INVENTÁRIO DE NECESSIDADES DEMANDAS LEVANTADAS... 35

4 9. PLANO DE METAS E DE AÇÕES PLANO DE METAS CENÁRIO PROSPECTIVO PLANO DE GESTÃO DE PESSOAS PREVISÃO ORÇAMENTÁRIA PROCESSO DE REVISÃO DO PDTI FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO REALIZAÇÕES ANTERIORES... 46

5 APRESENTAÇÃO Este documento tem como objetivo apresentar o Plano Diretor de Tecnologia da Informação PDTI da do Governo do Distrito Federal - SEPLAN, visando o alinhamento das ações de Tecnologia da Informação e Comunicação aos objetivos estratégicos institucionais da SEPLAN no Governo do DF. Considerando as orientações do Governo Distrital sobre o fortalecimento da área de Tecnologia da Informação e Comunicação da Administração Pública e a adequação às melhores práticas de governança de TI, este PDTI tem como objetivo a implementação de um cenário que permita à SEPLAN atingir um determinado nível de maturidade até o final de 2014, que proporcione a otimização e execução do previsto no planejamento estratégico para o alcance dos objetivos, assim como a crescente organização dos serviços e processos de TIC. Abrangendo o período de , este documento caracteriza o primeiro Plano Diretor de TIC elaborado pela SEPLAN, e tem previsão de revisão anual. Nele serão tratadas as atividades necessárias ao atendimento das necessidades de TIC identificadas nas Unidades Administrativas da Secretaria. As áreas da Secretaria são: Gabinete GAB; Assessoria Jurídico-Legislativa AJL/GAB; Unidade de Controle Interno UCI/GAB; Assessoria de Comunicação ASCOM/GAB; Subsecretaria de Administração Geral SUAG/SEPLAN; Unidade de Coordenação e Administração de Contratos e Convênios UCACC/SUAG; SUTIC/SEPLAN; Subsecretaria de Orçamento Público SUOP/SEPLAN; Subsecretaria de Planejamento SUPLAN/SEPLAN; Subsecretaria de Logística SULOG/SEPLAN; Subsecretaria de Licitação e Compras SULIC/SEPLAN; 5

6 Unidade de Coordenação do Programa de Modernização da Gestão Pública do DF; Subsecretaria de Captação de Recursos SUCAP/SEPLAN; e Subsecretaria de Modernização da Gestão SUMOG/SEPLAN. 6

7 1. INTRODUÇÃO A Secretaria de Planejamento e Orçamento do Governo do Distrito Federal (SEPLAN) considera que a Tecnologia da Informação (TI) tem um papel essencial no planejamento e na implantação das estratégias organizacionais. No seu planejamento estratégico de 2011 elencou como um de seus objetivos estratégicos a promoção da excelência na TI, e esta área não tem envidado esforços na busca da ampliação e efetivação deste objetivo. Em agosto de 2012, por ocasião de elaboração de um novo Planejamento Estratégico, com a posse de novo Secretário da Pasta, Excelentíssimo Senhor Luiz Paulo Barreto, foi realizado encontro entre dirigentes e técnicos da SEPLAN para a redefinição dos objetivos estratégicos da Secretaria, tendo como resultado o mapa estratégico para os anos 2012 a Com o acolhimento da Instrução Normativa Nº 04/2008, da Secretaria de Logística e de Tecnologia da Informação, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão do Governo Federal, por meio do Decreto Distrital nº /10, de 16/09/2010, criou-se a exigência de que as aquisições e contratações de serviços de TI, no âmbito do GDF, deveriam ser precedidas de planejamento elaborado em harmonia com o PDTI e alinhado à estratégia do órgão ou entidade. Também foi conferido à SEPLAN a competência de expedir normas complementares de orientação para as contratações de bens e serviços de TI. Este Plano Diretor de Tecnologia da Informação (PDTI) tem como propósito orientar o planejamento e a execução das ações de TI na SEPLAN. Ele consiste em um instrumento fundamental para orientar ações e decisões estratégicas e de gestão sobre tecnologia da informação. Da elaboração deste PDTI, que abrange o período de 2013 a 2014, participaram gestores e servidores da Subsecretária de Tecnologia da Informação e Comunicação. Para contemplar todas as necessidades das Unidades Administrativas que compõem a Secretaria de Estado de Planejamento e Orçamento, foi realizado um levantamento de demandas junto aos gestores, com o propósito principal de garantir que as diretrizes, as estratégias, os projetos e as ações apresentados neste Plano expressassem as necessidades e as expectativas 7

8 de todos aqueles que, direta ou indiretamente, fazem uso de tecnologia da informação. 2. TERMOS E ABREVIAÇÕES CeTIC Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação CGTI Comitê Gestor de Tecnologia da Informação da SEPLAN COMEP Rede Metropolitana Corporativa do Governo Federal Centro de armazenamento e hospedagem de sistemas, DataCenter serviços e informações com disponibilidade 24/7, segurança física e virtual e redundância EGTI Estratégia Geral de Tecnologia da Informação GB Gigabyte GDF Governo do Distrito Federal Rede Metropolitana Corporativa do GDF, utilizada para a GDFNet transmissão de dados, composta por tecnologias baseadas em fibra ótica, Frame Relay, Metroethernet, MPLS e enlaces rádios Instrução Normativa nº 04 de 2008, da Secretaria de Logística IN 04/2008 e de Tecnologia da Informação, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão do Governo Federal. LOA Lei Orçamentária Anual MPOG Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão do Governo Federal PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação PPA Plano Plurianual SEPLAN SLTI Secretaria de Logística e de Tecnologia da Informação/MPOG SUGESC Subsecretaria de Gestão de Sistemas Corporativos SUTIC TB Terabyte TIC Tecnologia da Informação e Comunicação 8

9 3. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA O Decreto nº , de 16 de setembro de 2010 acolheu, no âmbito do Complexo Administrativo do Distrito Federal, a Instrução Normativa nº 04/2008, da Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão - MPOG, que define em seu art. 2, XXII: "Plano Diretor de Tecnologia da Informação - PDTI: instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos de Tecnologia da Informação que visa atender às necessidades tecnológicas e de informação de um órgão ou entidade para um determinado período". A mesma Instrução Normativa traz em seu art. 4 : "As contratações de que trata esta Instrução Normativa deverão ser precedidas de planejamento, elaborado em harmonia com o PDTI, alinhado ao planejamento estratégico do órgão ou entidade. Parágrafo único - Inexistindo o planejamento estratégico formalmente documentado, será utilizado o documento existente no órgão ou entidade, a exemplo do Plano Plurianual ou instrumento equivalente, registrando no PDTI a ausência do planejamento estratégico do órgão ou entidade e indicando os documentos utilizados". Em 04 de outubro de 2011, foi publicado no DODF nº 194 o Decreto nº , de 05 de outubro de 2011, dispõe sobre a estrutura administrativa da SEPLAN. Na nova estrutura, a Subsecretaria de Gestão de Sistemas Corporativos SUGESC, passou a ser denominada Subsecretaria de Tecnologia da informação e Comunicação SUTIC. Em dezembro de 2011, o governador do Distrito Federal divulgou o Plano Estratégico do Governo do Distrito Federal (2012), que preconiza, no mapa das prioridades, área de gestão: Objetivo Estratégico 5: Padronizar, modernizar e unificar a plataforma e a Política de Tecnologia da Informação sob controle de Estado, no contexto da implantação de uma política de gestão da informação ; Objetivo Estratégico 7: Implementar uma política democrática de gestão de pessoas que dignifique o servidor e aprimore a qualidade dos serviços prestados ao cidadão ; 9

10 Objetivo Estratégico 8: Assegurar atendimento ágil e unitário para os serviços que o cidadão precisa. Na área de tecnologia, para o atingimento do referido Objetivo Estratégico nº 5, aquele documento define como Projeto Estratégico a Gestão da Informação e dos Sistemas de Informação, cujo objetivo é garantir a disponibilidade, a acessibilidade e a segurança das informações geridas no Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Governo do Distrito Federal CeTIC. Além dos objetivos estratégicos, foram definidos projetos estratégicos, de suma importância para o alcance dos objetivos definidos, um deles sendo a criação do Centro de Operações do Governo do Distrito Federal, no intuito de integrar dados e informações dos vários órgãos do GDF para monitorar e otimizar o funcionamento da cidade. O projeto é parte dos preparativos para a Copa de A aprovação e publicação da Estratégia Geral de Tecnologia da Informação do Governo do Distrito Federal - EGTI, por meio do Decreto nº de 10 de fevereiro de 2012, tem como principal objetivo nortear os Órgãos da Administração Direta e Indireta do GDF na elaboração do seu PDTI, bem como dotar o Estado de diretrizes, objetivos e políticas para a área de TIC. A EGTI, objetivamente, traça um rumo a ser seguido pelas Unidades de Tecnologia da Informação e Comunicação que compõem a Administração Pública do DF. Em 19 de julho de 2011 foi publicado o Decreto n , que criou comitê para a definição de políticas de TI para o Distrito Federal e posteriormente alterado pelo o Decreto nº , de 15 de junho de A SEPLAN, representada pela SUTIC, possui cadeira nesse comitê. Planejamento Estratégico da Secretaria de Planejamento e Orçamento 2012 Nos dias 10 e 11 de agosto de 2012, dirigentes e técnicos da Secretaria de Planejamento e Orçamento (SEPLAN) do Governo do Distrito Federal realizaram, sob a coordenação do Secretário Luiz Paulo Barreto, Oficina de Planejamento Estratégico com o propósito de estabelecer a Agenda Estratégica da SEPLAN para os próximos dois anos. 10

11 Tal trabalho resultou em uma análise situacional da Secretaria a qual, juntamente com as contribuições dos que participaram do encontro, permitiu o estabelecimento do Mapa Estratégico da SEPLAN, composto de Missão, Visão e Valores, assim como dos objetivos a serem alcançados no período de 2012 a Na ocasião, também foi estabelecida lista de iniciativas de projetos que permitirão o alcance dos objetivos, os quais passarão por análise de viabilidades e detalhamento de escopo, valor e prazo de implementação. Outrossim, foi estabelecido, conforme consta do Manual Técnico de Orçamento, que as despesa com TIC serão realizadas por meio das ações orçamentarias: 1471 Modernização do Sistema de Informação, 2557 Gestão da Informação e dos Sistemas de TI, 2985 Manutenção da Rede GDFNet/Internet, 5126 Modernização da Rede GDFNet/Internet e 1692 Implantação do Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação 11

12 12

13 Plano Plurianual do Governo do Distrito Federal PPA 2012/2015 O Plano Plurianual PPA é o instrumento de planejamento que declara as escolhas pactuadas com a sociedade e contribui para viabilizar os objetivos prioritários do Distrito Federal, elencados no artigo 3º da Lei Orgânica do Distrito Federal. A área de Tecnologia da Informação está prevista no Programa Temático: 6203 Aperfeiçoamento Institucional do Estado. Seu objetivo geral é promover a melhoria da gestão pública em todas as suas dimensões, por meio da aplicação de técnicas modernas de administração, aliada à transparência fiscal, ao resgate da credibilidade no governo e à ampla participação social, sempre com foco no cidadão-cliente. O objetivo estratégico é padronizar, modernizar e unificar a plataforma e a política de TI sob controle do Estado, no contexto de uma política geral de gestão da informação. A SEPLAN é a Unidade Responsável pela condução do processo de planejamento, orçamento e modernização da gestão no DF, visando racionalizar o gasto e manter o equilíbrio das contas públicas, com participação social e transparência. Busca atingir a modernização dos processos de planejamento e orçamento, a promoção da excelência na tecnologia da informação, a garantia do equilíbrio fiscal, o desenvolvimento de redes de Políticas Públicas e fomento à participação popular. Ações necessárias para o alcance do objetivo específico: 1. Ações Orçamentárias: 1471 Modernização do Sistema de Informação; 2557 Gestão da Informação e dos Sistemas de TI; 2985 Manutenção da Rede GDFNet/Internet; 5126 Modernização da Rede GDFNet/Internet. 2. Ações Não Orçamentárias: Implementação e melhoria do Planejamento Estratégico Institucional; 13

14 Gestão de Políticas de Convênios e Contratos de repasse, mediante transferência de recursos; Governança das Empresas Públicas Vinculadas; Análise e melhoria dos processos da Secretaria e Instituições da Administração Indireta. 4. METODOLOGIA APLICADA A metodologia adotada para a elaboração do Plano Diretor de Tecnologia da Informação - PDTI da SEPLAN foi baseada no modelo de referência da Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação - SLTI, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão - MPOG. Foram realizadas consultas a todas as Unidades da SEPLAN para levantamento das necessidades de TIC, consolidadas pela equipe de elaboração e validadas pelo comitê de TI. 5. PRINCÍPIOS E DIRETRIZES Os princípios são os determinantes do ponto de partida, sendo delimitados por instrumentos legais, diretrizes de governo, recomendações e determinações das instâncias de controle, melhores práticas de gestão e pelo próprio contexto da estrutura de TI do órgão. Dessa forma os princípios que guiaram a elaboração deste PDTI foram: P1 P2 P3 Princípios Alinhamento dos objetivos institucionais de TIC às estratégias de negócio. As contratações de bens e serviços de TIC deverão ser precedidas de planejamento, seguindo o previsto no PDTI. Planejamento dos investimentos de hardware e software seguindo políticas, Fonte - EGTI - Decreto nº / COBIT Acórdão 1.603/2008-Plenário TCU - IN SLTI/MP Nº 04/ Decreto / Acórdão 1.603/2008-Plenário TCU - Acórdão 1.558/2003-Plenário TCU - EGTI - Decreto nº / IN SLTI/MP Nº 04/ Decreto 14

15 diretrizes e especificações definidas em /2012 instrumentos legais. - IN SLTI/MP Nº 04/ Decreto P4 Estímulo à atuação dos servidores como /2012 gestores, terceirizando a execução.* - Decreto-Lei nº 200/ Decreto-Lei nº 2.271/1997 P5 Garantia de suporte de informação - EGTI - Decreto nº /2012 adequado, dinâmico, confiável e eficaz. - Decreto nº Incentivar e promover a troca de P6 informações, experiências, conhecimento - Decreto 1.048/ SISP e desenvolvimento colaborativo entre os - EGTI - Decreto nº /2012 órgãos que compõem o sistema. P7 Utilização racional dos recursos de TIC, visando à melhoria da qualidade e da - EGTI - Decreto nº /2012 produtividade do ciclo da informação. P8 Promoção da integração entre os sistemas de gestão governamental. - EGTI - Decreto nº /2012 P9 Estímulo à adoção de soluções livres sempre que estas atenderem às - EGTI - Decreto nº /2012 necessidades do negócio. - EGTI - Decreto nº / IN GSI/PR nº 01 P10 Garantia da Segurança de TIC. - TIA/EUA Norma internacional de Infraestrutura e Segurança para Datacenter P11 Garantia da melhoria contínua da - EGTI - Decreto nº /2012 infraestrutura de TI. - Decisão nº1138/ TCDF P12 Melhoria da eficiência dos processos de TI. - EGTI - Decreto nº /2012 P13 Estímulo e promoção da formação, do - Plano de capacitação da desenvolvimento e do treinamento dos SEPLAN. servidores que atuam na área de TIC. 15

16 As diretrizes são as instruções para o alcance dos objetivos do PDTI. Elas orientarão o conteúdo do PDTI, apoiando na priorização de necessidades. A SEPLAN tomou como base o Mapa Estratégico para consecução das diretrizes de TIC. D1 D2 D3 D4 D5 D6 D7 D8 D9 D10 D11 D12 D13 D14 D15 D16 D17 Diretrizes Promover a governança de TIC. Buscar excelência, inovação e criatividade na gestão de TIC. Garantir que as propostas orçamentárias de TIC sejam elaboradas com base em planejamentos e alinhadas com os objetivos de negócio. Terceirizar atividades de execução, possibilitando a atuação dos servidores do quadro em atividades de gestão. Garantir a disponibilidade e integridade da informação. Estabelecer, gerir, incentivar e manter políticas por meios eletrônicos. Investir no aumento da produtividade e otimização dos recursos de TIC. Promover a melhoria dos sistemas de informação do GDF. Buscar a integração entre os sistemas de gestão governamental. Estimular a adoção de metodologia de desenvolvimento de sistemas, procurando assegurar padronização, integridade e segurança. Adotar padrões abertos no desenvolvimento de TIC. Promover o atendimento às normas de acessibilidade (e-mag) e interoperabilidade do Governo Eletrônico (e-ping), incluindo padrões de governança. Garantir a segurança da informação e comunicações do Centro de Dados do GDF. Buscar melhoria contínua e a expansão da infraestrutura de TIC. Mapear, formalizar, mensurar e otimizar os processos internos de TIC Intensificar a comunicação com a sociedade promovendo infraestrutura para e-gov. Modernizar e manter infraestrutura física e subsistemas de segurança do Centro de Dados do GDF. 16

17 6. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA UNIDADE DE TI 6.1 BREVE HISTÓRICO A Secretaria de Planejamento e Orçamento SEPLAN, por meio da SUTIC, implantou no ano de 2011 um novo modelo de gestão que possibilitou a redução expressiva nos gastos na área de TI. As mudanças fazem parte do Programa de fortalecimento da área de TI, que consiste em um dos objetivos estratégicos do governo, presentes no Plano Plurianual O novo modelo já garantiu uma economia anual de R$ ,00 (noventa e cinco milhões), sendo R$ ,00 (setenta e oito milhões e trezentos mil) de caráter continuado, resultado da modernização tecnológica, capacitação dos servidores e rescisão dos contratos de terceiros. A aquisição de serviços e equipamentos foi realizada por meio de um rigoroso processo de licitação, dando transparência possibilitando o controle social de todo o processo. Todas as operações de TI foram repensadas e redimensionadas, ganhando qualidade. O CeTIC é um ambiente seguro, aparelhado com sistema de combate a incêndios, ar de precisão, energia e segurança, com soluções integradas de hardware e software com a finalidade de prover serviços corporativos de tecnologia da informação e comunicação, como: armazenamento de dados, acesso a rede mundial de computadores e hospedagem de aplicações e sistemas, geridos por equipe técnica especializada, com funcionamento 24h por dia, 7 dias na semana. O enfoque do trabalho é na infraestrutura de hospedagem dos sistemas corporativos do governo do DF, como o Sistema de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH), Telematrícula, E-compras, Bilhetagem Eletrônica do Metro, Portal do GDF, Portal do DETRAN, Portal da Transparência, Folha de Pagamento dos Benefícios Sociais Vida Melhor, dentre outros. São mais de 300 (trezentas) máquinas servidoras que representam um modelo considerável na capacidade própria de armazenamento (71TB). Tecnologia de última geração que hoje sustenta todos os serviços e sistemas corporativos do Governo do Distrito Federal. A também 17

18 formalizou termos de parceria e cooperação com unidades administrativas como Secretaria de Educação, CEB, Emater, Cultura, IPREV, SEDEST e CODEPLAN, METRÔ para migração dos serviços e hospedagem dos sistemas corporativos em máquinas de propriedade do Governo, bem como para levar acesso à internet às unidades descentralizadas desses órgãos e secretarias. Foram oferecidas soluções de infraestrutura para órgãos de governo que antes precisavam recorrer a contratos com a iniciativa privada para serviços de infraestrutura corporativa de armazenamento de dados, envio de mensagens e acesso corporativo à internet, possibilitando revisões em contratos existentes ou mesmo a rescisão dos mesmos, o que vem gerando uma economia administrativa e um ganho de qualidade aos serviços prestados por essas unidades ao cidadão. Foi assinado, no dia 20 de setembro de 2011, o acordo de cooperação técnica entre a SEPLAN e a Secretaria de Orçamento Federal- SOF, do Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão, com o objetivo de facilitar a troca de informações e permitir a disponibilização de tecnologias entre a SEPLAN e a SOF. Esse acordo estabelece a realização de trabalhos e estudos, bem como a transferência de tecnologia e o intercâmbio de boas práticas que promovam a eficiência na gestão dos recursos públicos. E ainda, permite a utilização pelo GDF do Sistema Integrado de Orçamento e Planejamento do Governo Federal SIOP, que é o resultado da iniciativa de integração dos sistemas e processos de Planejamento e Orçamento, que visa otimizar procedimentos, reduzir custos, integrando e oferecendo informações para a gestão pública. A SUTIC foi contemplada com uma ampliação considerável na sua área de atuação o que tem possibilitado a eficiência e agilidade na resolução de problemas relacionados a TI no GDF, bem como melhorando gradativamente a imagem da Tecnologia da Informação e Comunicação do Governo do Distrito Federal. Em novembro de 2011 foi elaborado e encaminhado a Subsecretaria de Modernização o Regimento Interno da SUTIC, em que foram estabelecidas as atribuições da Subsecretaria. 18

19 6.2 PARCERIAS A SEPLAN, em suas atividades, tem buscado estabelecer parcerias com diversos órgãos, entidades do complexo administrativo do Governo do Distrito Federal (CEB, DETRAN, DFTrans, Metrô, Emater, dentre outros), Governo Federal, Instituições de ensino, dentre outros. Acordos de cooperação técnica a serem celebrados com o Ministério do Planejamento para disponibilização do Sistema Integrado de Planejamento e Orçamento SIOP, Sistema de Administração de Documentos via web SIDEWEB e integração da rede COMEP com a rede GDFNet. Afiliações com entidades como Associação Brasileira de Empresas de Softwares ABES e Associação Brasileira de Entidades Estaduais de TI ABEP. Convênios com organismos internacionais para captação de recursos Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD). 6.3 ESTRUTURA ADMINISTRATIVA Obs: Atualmente, 31% da estrutura encontra-se vaga. DECRETO Nº , DE 4 DE OUTUBRO 2011 E ALTERAÇÕES POSTERIORES SUBSECRETARIO ASSESSOR ESPECIAL SUBSECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO COORDENAÇÃO DE PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DE GOVERNANÇA DE TI GERÊNCIA DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DE CONTRATOS GERÊNCIA DA GOVERNANÇA COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE E PORTAIS GERÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE GERÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DE PORTAIS INSTITUCIONAIS GERÊNCIA DE MANUTENÇÃO DE SISTEMAS ESTRUTURANTES GERÊNCIA DE TESTE E ACEITE DE SOFTWARE GERÊNCIA DE IMPLANTAÇÃO E MONITORAMENTO DE SISTEMAS ASSESSOR ESPECIAL ASSESSOR ASSESSOR TÉCNICO COORDENADOR ASSESSOR ESPECIAL ASSESSOR TÉCNICO ASSESSOR COORDENADOR ASSESSOR ESPECIAL ASSESSOR 19

20 GERÊNCIA DE GEOPROCESSAMENTO COORDENAÇÃO DE PRODUÇÃO GERÊNCIA DE PRODUÇÃO GERÊNCIA DE BANCO DE DADOS E DATAWAREHOUSE GERÊNCIA DE SERVIÇOS DE MENSAGERIA COORDENAÇÃO DE SEGURANÇA E REDES GERÊNCIA DE SEGURANÇA GERÊNCIA DE REDES GERÊNCIA DE VOZ E IMAGEM SOBRE IP COORDENAÇÃO DE SUPORTE A USUÁRIOS GERÊNCIA DE SUPORTE SEPLAN GERÊNCIA DE SUPORTE GDF GERÊNCIA DA CENTRAL DE SERVIÇOS COORDENAÇÃO DE PROCESSOS E REQUISITOS GERÊNCIA DE PROCESSOS GERÊNCIA DE MÉTRICAS E REQUISITOS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE GERÊNCIA DE PARCERIAS E CUSTOS DE SERVIÇOS COORDENAÇÃO DE PROJETOS GERÊNCIA DE AQUISIÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE PROJETOS GERÊNCIA DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DE PROJETOS GERÊNCIA DE ABSORSÃO DE SERVIÇOS E CONTRATOS COORDENAÇÃO DE ATENDIMENTO GERÊNCIA DE ATENDIMENTO AO PALÁCIO DO BURITI GERÊNCIA DE ATENDIMENTO À SEPLAN GERÊNCIA DE ATENDIMENTO ÀS ADMINISTRAÇÕES REGIONAIS GERÊNCIA DE ATENDIMENTO AO GDF COORDENADOR ASSESSOR ESPECIAL ASSESSOR TÉCNICO ASSESSOR ASSESSOR ASSESSOR ASSESSOR COORDENADOR ASSESSOR ESPECIAL ASSESSOR TÉCNICO ASSESSOR ASSESSOR COORDENADOR ASSESSOR TÉCNICO ASSESSOR COORDENADOR ASSESSOR ESPECIAL ASSESSOR COORDENADOR ASSESSOR ESPECIAL COORDENADOR ASSESSOR 20

21 6.4 COMPETÊNCIAS DA SUTIC Compete a SUTIC, conforme Decreto nº /10, que criou a Subsecretaria de Gestão de Sistemas Corporativos SUGESC, e Decreto nº /11, que substituiu a SUGESC e criou a Subsecretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação - SUTIC, a gestão, controle e acompanhamento das atividades de implementação e produção dos sistemas corporativos de informação e gestão da infraestrutura de equipamentos e redes de processamento de dados. 6.5 INVENTÁRIO PARQUE TECNOLÓGICO Relação de valores do patrimônio da SUTIC Bens da SUTIC R$ ,61 Equipamentos e ativos da Rede GDFNet R$ ,53 Equipamentos e bens do CeTIC R$ ,71 Total R$ ,85 Fonte: Sistema de Gestão Patrimonial SISGEPAT, informações extraídas em 27 de dezembro de

22 6.6 RELAÇÃO DOS SISTEMAS CORPORATIVOS Relação dos sistemas corporativos hospedados e sustentados no CeTIC do GDF, bem como em produção pela equipe gestora: Nº SIGLA DESCRIÇÃO ÓRGÃO GESTOR ADMINISTRAÇÃ O USUÁRIO 1 Análise de Processos Sistema interno de Análise de Processos IPREV SUTIC IPREV 2 CONTROLE DE Sistema interno de CONTROLE DE PROCESSOS DIÁRIO PROCESSOS DIÁRIO OFICIAL OFICIAL IPREV SUTIC IPREV 3 E-COMPRAS Sistema de compras do GDF SEPLAN SUTIC População do DF 4 PDAD Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios CODEPLAN SUTIC CODEPLAN 5 Professor Substituto Sistema de Gestão de Professor Substituto da SEDF SEDF SEDF SEDF 6 SICOP Consulta Sistema de consulta de processo WEB SEPLAN SUTIC Complexo Administrativo 7 SISTEMA DE AGENDA Agenda do Governador SEGOV SEGOV Governador 8 Sistemas do Monitoramento e Sistema de Monitoramento e Avaliação de Avaliação Obras SEGOV SEGOV SEGOV 9 Telematricula Sistema de Matricula da Rede Pública de Ensino do GDF SEDF SEDF População do DF 10 ITRANSP Sistema Integrado de Transporte Público DFTRANS SUTIC DFTRANS 11 SIGRH Sistema de Gestão de Recursos Humanos Complexo SEPLAN SEAP/SUTIC do GDF Administrativo 22

23 12 SICOP Sistema de Controle de Processos Complexo SEPLAN SUTIC Administrativos Administrativo 13 CADWEB Sistema WEB de cadastramento de cartão de METRO bilhetagem SUTIC População do DF 14 Portal do DETRAN Site do Departamento de Trânsito DETRAN SUTIC População do DF 15 Portal das RAs - Site Maker Sistema de gestão de conteúdo WEB do Portal do GDF e seus órgãos AGECOM SUTIC População do DF 16 SBE Sistema de Bilhetagem Eletrônica METRO SUTIC População do DF 17 SIGAF.Net Sistema Integrado de Gerenciamento de Alvará de Funcionamento SEGOV SEGOV População do DF 18 SIGRA.Net Sistema Integrado de Gestão das Regiões Administrativas SEGOV SEGOV População do DF 19 SIGRHNET Sistema de emissão e autenticação de Complexo SEPLAN SEAP/SUTIC contracheque Administrativo 20 SIGRHWEB Sistema de Gestão de Recursos Humanos Complexo SEPLAN SEAP/SUTIC do GDF Administrativo 21 SLF.NET Sistema de Licenciamento e Funcionamento SEGOV SEGOV População do DF 22 SNP.Net Sistema de Numeração Predial SEGOV SEGOV População do DF 23 SOIWEB Sistema de Ouvidoria do GDF CODEPLAN SUTIC População do DF 24 CADUNICO Sistema de Cadastro Único de Benefícios à população do DF SEDEST SEDEST População do DF 25 Sigma TERRACAP Sistema de Material TERRACAP SUTIC TERRACAP 26 InfObras Sistema de acompanhamento de Obras do Vice Governador SUTIC Complexo 23

24 GDF Administrativo 27 Portal DFTRANS Sistema de gestão de conteúdo WEB do Portal do DFTRANS DFTRANS SUTIC População do DF 28 PROFAMILIA Sistema de Benefícios à população do DF SEDEST SEDEST População do DF 29 SAGe Sistema de Apoio à Gestão do Fomento FAPDF SUTIC Pesquisadores e FAPDF 30 Sigma CODEPLAN Sistema de Material CODEPLAN SUTIC CODEPLAN 31 Sigma DFTRANS Sistema de Material DFTRANS SUTIC DFTRANS 32 Sigma EMATER Sistema de Material EMATER SUTIC EMATER 33 Sigma Homologação SEPLAN Sistema de Material - Homologação SEPLAN SUTIC SEPLAN 34 Sigma METRO Sistema de Material METRO SUTIC METRO 35 Sigma NOCAVAP Sistema de Material NOVACAP SUTIC NOVACAP 36 Sigma SGA Sistema de Material Administração DIRETA SEPLAN SUTIC Complexo Administrativo 37 Sigma ZOO Sistema de Material Zoológico SUTIC Zoológico 38 SIGTI Sistema do Plano Diretor da Gestão da Complexo SEPLAN SUTIC Informação Administrativo 39 SIPREV Sistema Previdenciário de Gestão de Complexo IPREV SUTIC Regimes Públicos de Previdência Social Administrativo 40 SISGEV Sistema de Gerenciamento de Veículos SEPLAN SUTIC Complexo Administrativo 41 VIDA MELHOR Projeto Social de Governo SEDF SEDF População do DF 42 Portal do GDF - Joomla Sistema de gestão de conteúdo WEB do AGECOM SUTIC População do DF 24

25 Portal do GDF 43 PROCON Site PROCON SEJUS SUTIC População do DF 44 Programa de Modernização de Programa de Modernização de Gestão Gestão Pública Pública SEPLAN SUTIC População do DF 45 Credenciamento de Artistas Sistema de Credenciamento de Artistas SECULT SUTIC População do DF 46 EGOV Sistema de Ensino a Distância da Escola de Complexo EGOV SUTIC Governo Administrativo 47 Proeja Virtual Sistema de Ensino a Distância da Escola Técnica de Ceilândia SEDF CEP CEI População do DF 48 Bolsa Universitária Sistema de concessão de beneficio de bolsa universitária FAPDF SUTIC População do DF 49 Morarbem Programa Morar Bem - Cadastro da Habitação CODHAB SUTIC População do DF 50 PROCON Digital Sistema de cadastro de denuncia PROCON SEJUS SUTIC População do DF 51 Portal da Transparência Portal da Transparência STC STC População do DF 52 FAC Sistema do Fundo de Apoio a Cultura SECULT SUTIC População do DF 53 GDF dia a dia Site de divulgação da SEPI SEPI SUTIC População do DF 54 SIDAGRO Sistema de Defesa Agropecuária SEAPA SEAPA População Rural do DF 55 SIGE Solução Integrada de Gestão Educacional SEDF SEDF População do DF 56 Ceajur Site da CEAJUR CEAJUR CEAJUR População do DF 57 GR APLICAÇÃO Sistema de Gestão e Monitoramento de Subestações de Energia CEB CEB População do DF 25

Anexo XI. Demonstrativo dos Recursos Destinados a Investimentos por Órgão. Fiscal 5.176.791.354 154.831.221 1.942.922.708 7.274.545.

Anexo XI. Demonstrativo dos Recursos Destinados a Investimentos por Órgão. Fiscal 5.176.791.354 154.831.221 1.942.922.708 7.274.545. Anexo XI GOVERNO DO DISTRITO 1 01 - CÂMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO 01101 - CAMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO 02 - TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO 02101 - TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO 09 - CASA CIVIL DO DISTRITO

Leia mais

ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL EXECUÇÃO DA DESPESA, ATIVIDADE 8505 - PUBLICIDADE E PROPAGANDA, POR UNIDADE ORÇAMENTÁRIA - 2011

ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL EXECUÇÃO DA DESPESA, ATIVIDADE 8505 - PUBLICIDADE E PROPAGANDA, POR UNIDADE ORÇAMENTÁRIA - 2011 3.4.5 PUBLICIDADE E PROPAGANDA As despesas com publicidade e propaganda em 2011 somaram R$ 192,9 milhões, representando aumento real de 23,5% em relação ao ano anterior. Sua composição foi de R$ 31,4 milhões

Leia mais

A NOVA POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

A NOVA POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Centro de Convenções Ulysses Guimarães Brasília/DF 4, 5 e 6 de junho de 2012 A NOVA POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Pablo Sandin Amaral Renato Machado Albert

Leia mais

ANEXO I A Estratégia de TIC do Poder Judiciário

ANEXO I A Estratégia de TIC do Poder Judiciário RESOLUÇÃO Nº 99, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre o Planejamento Estratégico de TIC no âmbito do Poder Judiciário e dá outras providências. ANEXO I A Estratégia de TIC do Poder Judiciário Planejamento

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SETIC CAPÍTULO I CATEGORIA

REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SETIC CAPÍTULO I CATEGORIA REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SETIC CAPÍTULO I CATEGORIA Art. 1º. A Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação SETIC é um Órgão Suplementar Superior

Leia mais

PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014. Regulamenta as atribuições e responsabilidades da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicações do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região e dá

Leia mais

Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI)

Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI) 00 dd/mm/aaaa 1/15 ORIGEM Instituto Federal da Bahia Comitê de Tecnologia da Informação ABRANGÊNCIA Este da Informação abrange todo o IFBA. SUMÁRIO 1. Escopo 2. Documentos de referência 3. Metodologia

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação (PETI) Secretaria de Tecnologia da Informação Florianópolis, março de 2010. Apresentação A informatização crescente vem impactando diretamente

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO Nº 99, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009

CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO Nº 99, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009 CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO Nº 99, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009 Institui o Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação no âmbito do Poder Judiciário. O PRESIDENTE DO CONSELHO

Leia mais

4.4 PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA

4.4 PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA 4.4 PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA A programação financeira pública compreende atividades com o objetivo de adequar o ritmo de execução do orçamento ao fluxo provável de recursos financeiros. Constitui-se, portanto,

Leia mais

PDTI UFLA: Plano Diretor de Tecnologia da Informação Segundo Modelo de Referência da SLTI/MPOG

PDTI UFLA: Plano Diretor de Tecnologia da Informação Segundo Modelo de Referência da SLTI/MPOG PDTI UFLA: Plano Diretor de Tecnologia da Informação Segundo Modelo de Referência da SLTI/MPOG Forplad Regional Sudeste 22 de Maio de 2013 Erasmo Evangelista de Oliveira erasmo@dgti.ufla.br Diretor de

Leia mais

Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal

Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS SUBCHEFIA DE ASSUNTOS FEDERATIVOS Agenda Nacional de Apoio à Gestão Municipal Mapa de obras contratadas pela CEF, em andamento com recursos do Governo Federal 5.048

Leia mais

RESOLUÇÃO - TCU Nº 247, de 7 de dezembro de 2011

RESOLUÇÃO - TCU Nº 247, de 7 de dezembro de 2011 RESOLUÇÃO - TCU Nº 247, de 7 de dezembro de 2011 Dispõe sobre a Política de Governança de Tecnologia da Informação do Tribunal de Contas da União (PGTI/TCU). O TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, no uso de suas

Leia mais

Planejamento Estratégico de TIC. da Justiça Militar do Estado. do Rio Grande do Sul

Planejamento Estratégico de TIC. da Justiça Militar do Estado. do Rio Grande do Sul Planejamento Estratégico de TIC da Justiça Militar do Estado do Rio Grande do Sul MAPA ESTRATÉGICO DE TIC DA JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO (RS) MISSÃO: Gerar, manter e atualizar soluções tecnológicas eficazes,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA COMISSÃO DE ELABORAÇÃO DO PLANO DIRETOR DE TI

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA COMISSÃO DE ELABORAÇÃO DO PLANO DIRETOR DE TI MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA COMISSÃO DE ELABORAÇÃO DO PLANO DIRETOR DE TI Plano de Trabalho Elaboração do Plano Diretor de Tecnologia da Informação

Leia mais

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Art. 1º - A Diretoria de Tecnologia de Informação e Comunicação DTIC da Universidade FEDERAL DO ESTADO DO RIO

Leia mais

Governança de TI no Governo. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Paulo Roberto Pinto

Governança de TI no Governo. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Paulo Roberto Pinto Governança de TI no Governo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Paulo Roberto Pinto Agenda Agenda Contexto SISP IN SLTI 04/2008 EGTI Planejamento

Leia mais

Capítulo XIII SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

Capítulo XIII SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Capítulo XIII SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO FINALIDADE A Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação, órgão de direção especializada, subordinada ao diretor-geral da Secretaria

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 08/08/2014 19:53:40 Endereço IP: 150.164.72.183 1. Liderança da alta administração 1.1. Com

Leia mais

Modelo de Referência 2011-2012

Modelo de Referência 2011-2012 MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação - SLTI Modelo de Referência 2011-2012 Plano Diretor de Tecnologia de Informação Ministério do Planejamento,

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 Versão 1.0 1 APRESENTAÇÃO O Planejamento

Leia mais

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC Incentivar a inovação em processos funcionais Aprendizagem e conhecimento Adotar práticas de gestão participativa para garantir maior envolvimento e adoção de soluções de TI e processos funcionais. Promover

Leia mais

ANEXO I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2014-2020

ANEXO I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2014-2020 ANEXO I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2014-2020 1 Missão 2 Exercer o controle externo da administração pública municipal, contribuindo para o seu aperfeiçoamento, em benefício da sociedade. Visão Ser reconhecida

Leia mais

Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação

Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DA SUPERINTENDÊNCIA Capítulo I - DA

Leia mais

Questionário de Governança de TI 2014

Questionário de Governança de TI 2014 Questionário de Governança de TI 2014 De acordo com o Referencial Básico de Governança do Tribunal de Contas da União, a governança no setor público compreende essencialmente os mecanismos de liderança,

Leia mais

Seção I - INFORMAÇÕES SOBRE O SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL

Seção I - INFORMAÇÕES SOBRE O SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL Seção I - INFORMAÇÕES SOBRE O SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL O Projeto Sistema Integrado de Gestão Governamental se constitui no desenvolvimento de uma solução sistêmica própria, a ser construída

Leia mais

4.2.4 PUBLICIDADE E PROPAGANDA

4.2.4 PUBLICIDADE E PROPAGANDA 4.2.4 PUBLICIDADE E PROPAGANDA O 1º do artigo 37 da Constituição Federal disciplina a publicidade oficial, nos seguintes termos: Art. 37. A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes

Leia mais

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA. PORTARIA nº 456, DE 04 DE NOVEMBRO DE 2010.

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA. PORTARIA nº 456, DE 04 DE NOVEMBRO DE 2010. INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA nº 456, DE 04 DE NOVEMBRO DE 2010. Institui a Política de Segurança da Informação e Comunicações POSIC, no âmbito do IPEA. O PRESIDENTE DO INSTITUTO DE

Leia mais

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e PDTI - Definição Instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos de Tecnologia da Informação que visa atender às necessidades tecnológicas e de informação de um órgão ou entidade

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 13/06/2014 14:08:02 Endereço IP: 177.1.81.29 1. Liderança da alta administração 1.1. Com

Leia mais

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 2012 2015 Controle de Revisão Ver. Natureza Data Elaborador Revisor

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 12/06/2014 13:58:56 Endereço IP: 200.252.42.196 1. Liderança da alta administração 1.1. Com

Leia mais

SEPLAN. Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico. RESOLUÇÃO Nº 003/2006 - CEPINF de 15 de agosto de 2006.

SEPLAN. Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico. RESOLUÇÃO Nº 003/2006 - CEPINF de 15 de agosto de 2006. RESOLUÇÃO Nº 003/2006 - CEPINF de 15 de agosto de 2006. DEFINE a Política de Informática do Estado do Amazonas. O PRESIDENTE DO COMITÊ ESTADUAL DE POLÍTICA DE INFORMÁTICA, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

..: FormSus :.. http://formsus.datasus.gov.br/site/popup_unidade_detalhe.php?id_aplica...

..: FormSus :.. http://formsus.datasus.gov.br/site/popup_unidade_detalhe.php?id_aplica... 1 de 1 19/4/212 17:17 EGTI 211/212 - Autodiagnostico 21 Imprimir Identificação 1. Qual a identificação do órgão? AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS 2. Qual o âmbito de preenchimento do formulário?

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA SEMGESP Nº 004/2013 01, de 12.06.13

INSTRUÇÃO NORMATIVA SEMGESP Nº 004/2013 01, de 12.06.13 INSTRUÇÃO NORMATIVA SEMGESP Nº 004/2013 01, de 12.06.13 Dispõe sobre os procedimentos de gestão da Tecnologia da Informação. O Prefeito Municipal e o Secretário Municipal de Gestão e Planejamento, no exercício

Leia mais

Necessidade: Readequação do data Center do bloco B Campus Santo André:

Necessidade: Readequação do data Center do bloco B Campus Santo André: Relatório de Resultados do Planejamento de TI 2012/2013 Introdução O objetivo deste relatório é avaliar os resultados alcançados a partir da realização dos projetos e ações do PDTI anterior (2012 2013).

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL E A QUALIDADE DOS GASTOS PÚBLICOS

PLANO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL E A QUALIDADE DOS GASTOS PÚBLICOS PLANO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL E A QUALIDADE DOS GASTOS PÚBLICOS Ceres Alves Prates II Congresso Consad de Gestão Pública Painel 31: Qualidade do Gasto Público I PLANO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

Leia mais

12.1 AÇÕES E INDICAÇÕES DE PROJETOS

12.1 AÇÕES E INDICAÇÕES DE PROJETOS 43 Considerando os Objetivos Estratégicos, Indicadores e Metas, foram elaboradas para cada Objetivo, as Ações e indicados Projetos com uma concepção corporativa. O Plano Operacional possui um caráter sistêmico,

Leia mais

PORTARIA Nº 412, DE 5 DE SETEMBRO DE 2012

PORTARIA Nº 412, DE 5 DE SETEMBRO DE 2012 PORTARIA Nº 412, DE 5 DE SETEMBRO DE 2012 Estabelece diretrizes para a implementação da política de Gestão da Informação Corporativa no âmbito do Ministério da Previdência Social e de suas entidades vinculadas

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009.

LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009. LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009. O GOVERNADOR DO ESTADO DE PERNAMBUCO: Dispõe sobre o Modelo Integrado de Gestão do Poder Executivo do Estado de Pernambuco. Faço saber que a Assembléia

Leia mais

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727)

Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Nome do questionário (ID): Levantamento de Governança de TI 2014 (566727) Pergunta: Sua resposta Data de envio: 06/06/2014 18:22:39 Endereço IP: 189.9.1.20 1. Liderança da alta administração 1.1. Com relação

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PERÍODO 2012 A 2016 MANAUS/AM VERSÃO 1.0 1 Equipe de Elaboração João Luiz Cavalcante Ferreira Representante da Carlos Tiago Garantizado Representante

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MATEUS ESTADO DO ESPÍRITO SANTO GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MATEUS ESTADO DO ESPÍRITO SANTO GABINETE DO PREFEITO 1 LEI COMPLEMENTAR Nº. 049/2011 CRIA A COORDENADORIA MUNICIPAL DA CONTADORIA GERAL, INSERE O ARTIGO 164-A, ALTERA O E III, SUPRIME OS INCISOS VI, VIII, XI, XVI, XVII, XX, XXII, XXIII, XXV, XXVII DO ART.

Leia mais

Você pode não perceber, mas nós estamos sempre presentes

Você pode não perceber, mas nós estamos sempre presentes Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina Você pode não perceber, mas nós estamos sempre presentes Missão Marco Legal Atuação do CIASC Sistemas Data Center Rede Governo Responsabilidade

Leia mais

Marcelo Narvaes Fiadeiro Subsecretário de Planejamento, Orçamento e Administração

Marcelo Narvaes Fiadeiro Subsecretário de Planejamento, Orçamento e Administração Marta Suplicy Ministra da Cultura Ana Cristina Wanzeler Secretária-Executiva Marcelo Narvaes Fiadeiro Subsecretário de Planejamento, Orçamento e Administração Paulo Cesar Kluge Coordenador-Geral de Tecnologia

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS DIRETORIA LEGISLATIVA

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS DIRETORIA LEGISLATIVA LEI Nº 2.054, DE 29 DE OUTUBRO DE 2015 (D.O.M. 29.10.2015 N. 3.763 Ano XVI) DISPÕE sobre a estrutura organizacional da Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno Semef,

Leia mais

A TI E O PPA 2012-2015

A TI E O PPA 2012-2015 Governo do Estado de Mato Grosso Conselho Superior do Sistema Estadual de Informação e Tecnologia da Informação Sistema Estadual de Informação e Tecnologia da Informação WORKSHOP A TI E O PPA 2012-2015

Leia mais

A Estratégia do Conselho da Justiça Federal 2015/2020 CJF-POR-2015/00359, de 26 de agosto de 2015

A Estratégia do Conselho da Justiça Federal 2015/2020 CJF-POR-2015/00359, de 26 de agosto de 2015 A Estratégia do Conselho da Justiça Federal CJF-POR-2015/00359, de 26 de agosto de 2015 SUEST/SEG 2015 A estratégia do CJF 3 APRESENTAÇÃO O Plano Estratégico do Conselho da Justiça Federal - CJF resume

Leia mais

ANEXO I. Colegiado Gestor e de Governança

ANEXO I. Colegiado Gestor e de Governança ANEXO I CENTRO DE SERVIÇOS COMPARTILHADOS DO CAU Política de Governança e de Gestão da Tecnologia da Informação do Centro de Serviço Compartilhado do Conselho de Arquitetura e Urbanismo Colegiado Gestor

Leia mais

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC 1. Diretor da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenar

Leia mais

14/Mar/2013 :: Edição 31 ::

14/Mar/2013 :: Edição 31 :: 14/Mar/2013 :: Edição 31 :: Cadernos do Poder Executivo Poder Geraldo Julio de Mello Filho Executivo DECRETO Nº 26.993 DE 13 DE MARÇO DE 2013 EMENTA: Descreve as competências e atribuições dos cargos comissionados

Leia mais

Diretoria de Informática

Diretoria de Informática Diretoria de Informática Estratégia Geral de Tecnologias de Informação para 2013-2015 EGTI 2013-2015 Introdução: Este documento indica quais são os objetivos estratégicos da área de TI do IBGE que subsidiam

Leia mais

Ministério de Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2012

Ministério de Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2012 Programa 2115 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério da Saúde 0110 - Contribuição à Previdência Privada Tipo: Operações Especiais Número de Ações 78 Assegurar às autarquias, fundações, empresas

Leia mais

Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação

Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação 1 Agenda Contexto SISP Planejamento de TI PDTI 2 SISP Sistema de Administração dos Recursos de Informação e Informática Decreto nº 1.048, de 21 de janeiro

Leia mais

PORTARIA TRT 18ª GP/DG nº 045/2013 (Republicada por força do art. 2 da Portaria TRT 18ª GP/DG nº 505/2014) Dispõe sobre a competência, a estrutura e

PORTARIA TRT 18ª GP/DG nº 045/2013 (Republicada por força do art. 2 da Portaria TRT 18ª GP/DG nº 505/2014) Dispõe sobre a competência, a estrutura e PORTARIA TRT 18ª GP/DG nº 045/2013 (Republicada por força do art. 2 da Portaria TRT 18ª GP/DG nº 505/2014) Dispõe sobre a competência, a estrutura e a atuação da Secretaria de Controle Interno e dá outras

Leia mais

Diretoria de Informática TCE/RN 2012 PDTI PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Brivaldo Marinho - Consultor. Versão 1.0

Diretoria de Informática TCE/RN 2012 PDTI PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Brivaldo Marinho - Consultor. Versão 1.0 TCE/RN 2012 PDTI PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Brivaldo Marinho - Consultor Versão 1.0 CONTROLE DA DOCUMENTAÇÃO Elaboração Consultor Aprovação Diretoria de Informática Referência do Produto

Leia mais

Prefeitura Municipal de Vitória Estado do Espírito Santo DECRETO N 12.653

Prefeitura Municipal de Vitória Estado do Espírito Santo DECRETO N 12.653 Prefeitura Municipal de Vitória Estado do Espírito Santo DECRETO N 12.653 Estabelece a forma de organização e regulamenta o funcionamento das unidades administrativas da Secretaria de Trabalho e Geração

Leia mais

Relatório de Gestão DGTI

Relatório de Gestão DGTI Relatório de Gestão DGTI 1.Contextualização Histórico Administrativa Com o projeto de expansão do Governo Federal que criou os Institutos Federais em todo o Brasil, o antigo Centro Federal de Educação

Leia mais

DO SISTEMA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E GOVERNANÇA ELETRÔNICA

DO SISTEMA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E GOVERNANÇA ELETRÔNICA DECRETO Nº 220, DE 17 DE JUNHO DE 2015 Dispõe sobre a estruturação, organização, implantação e operacionalização do Sistema de Gestão de Tecnologia da Informação e Governança Eletrônica. O GOVERNADOR DO

Leia mais

PORTARIA Nº 076 DE 21 DE JANEIRO DE 2014.

PORTARIA Nº 076 DE 21 DE JANEIRO DE 2014. PORTARIA Nº 076 DE 21 DE JANEIRO DE 2014. Dispõe sobre aprovação da Política de Segurança da Informação do IFMG. O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS, no uso

Leia mais

Informação e Comunicações

Informação e Comunicações ORIGEM Ministério da Integração Nacional Departamento Nacional de Obras Política de Segurança da Contra as Secas DNOCS Informação e Comunicações Departamento Nacional de Obras Contra as Secas REFERÊNCIA

Leia mais

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA Boletim GESTÃO DE PESSOAS & RECURSOS HUMANOS IPEA, 13 de outubro de 2010 EXTRA Nº 2 OUTUBRO INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 385, DE 13 DE OUTUBRO DE 2010. Institui, no âmbito do IPEA,

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS O PREFEITO DE MANAUS LEI DELEGADA N 10, DE 31 DE JULHO DE 2013 (D.O.M. 31.07.2013 N. 3221 Ano XIV) DISPÕE sobre a estrutura organizacional da SECRETARIA MUNICIPAL DE FINANÇAS, TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Leia mais

Anexo 7 Demandas oriundas das recomendações da Estratégia Geral de Tecnologia da Informação. Indicadores. Descrição 2011 2012

Anexo 7 Demandas oriundas das recomendações da Estratégia Geral de Tecnologia da Informação. Indicadores. Descrição 2011 2012 Plano Diretor Tecnologia da Informação 2012-2013 146 Anexo 7 Demandas oriundas das recomendações da Estratégia Geral Tecnologia da Informação Objetivos Objetivo 1 - Aprimorar a Gestão Pessoas TI (Cobit

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÃO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÃO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE SISTEMAS E INFORMAÇÃO PLANO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TRIÊNIO /2015 DSI/CGU-PR Publicação - Internet 1 Sumário 1. RESULTADOS

Leia mais

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09 Concurso - EPPGG 2013 Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09 Ordem ao caos...(p4) Tema 4: 1. Práticas de gestão governamental no Brasil e seus resultados: Gestão de suprimentos e logística

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO Controle de Versões Autor da Solicitação: Subseção de Governança de TIC Email:dtic.governanca@trt3.jus.br Ramal: 7966 Versão Data Notas da Revisão 1 03.02.2015 Versão atualizada de acordo com os novos

Leia mais

ANEXO X DIAGNÓSTICO GERAL

ANEXO X DIAGNÓSTICO GERAL ANEXO X DIAGNÓSTICO GERAL 1 SUMÁRIO DIAGNÓSTICO GERAL...3 1. PREMISSAS...3 2. CHECKLIST...4 3. ITENS NÃO PREVISTOS NO MODELO DE REFERÊNCIA...11 4. GLOSSÁRIO...13 2 DIAGNÓSTICO GERAL Este diagnóstico é

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 506, DE 28 DE JUNHO DE 2013

RESOLUÇÃO Nº 506, DE 28 DE JUNHO DE 2013 Publicada no DJE/STF, n. 127, p. 1-3 em 3/7/2013. RESOLUÇÃO Nº 506, DE 28 DE JUNHO DE 2013 Dispõe sobre a Governança Corporativa de Tecnologia da Informação no âmbito do Supremo Tribunal Federal e dá outras

Leia mais

RESOLUÇÃO CNJ nº 90/09

RESOLUÇÃO CNJ nº 90/09 RESOLUÇÃO CNJ nº 90/09 29 de setembro de 2009 PLANO DE TRABALHO - PDTI O presente Plano de Trabalho objetiva o nivelamento do Tribunal de Justiça do Estado de Roraima aos requisitos de tecnologia da informação

Leia mais

Plano Diretor de Tecnologia da Informação 2012-2015

Plano Diretor de Tecnologia da Informação 2012-2015 Plano Diretor de Tecnologia da Informação 2012-2015 Fundação Nacional do Índio Diretoria de Administração e Gestão Coordenação de Gestão em Tecnologia da Informação Plano Diretor de Tecnologia da Informação

Leia mais

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO

RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO RESULTADOS FINAIS DO ENCONTRO NACIONAL - ÁREA MEIO - ESTRATÉGIA NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SISTEMATIZAÇÃO DOS RESULTADOS Atendendo a solicitação do CNMP, o presente documento organiza os resultados

Leia mais

Quadro 28: Percentual de matrículas inclusivas no Brasil e no DF

Quadro 28: Percentual de matrículas inclusivas no Brasil e no DF META 4 Universalizar o atendimento educacional aos estudantes com deficiência, transtorno global do desenvolvimento e altas habilidades ou superdotação, independente da idade, garantindo a inclusão na

Leia mais

ANEXO X REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CAPÍTULO I CATEGORIA E FINALIDADE

ANEXO X REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CAPÍTULO I CATEGORIA E FINALIDADE (Portaria GM-MP nº 220, de 25 de junho de 2014 ) ANEXO X REGIMENTO INTERNO DA SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CAPÍTULO I CATEGORIA E FINALIDADE Art. 1º À Secretaria de Logística e Tecnologia

Leia mais

REGIMENTO DA UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA DO IF SUDESTE DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I

REGIMENTO DA UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA DO IF SUDESTE DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I REGIMENTO DA UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA DO IF SUDESTE DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art. 1º A Auditoria Interna do IF Sudeste de Minas Gerais, está vinculada ao Conselho Superior,

Leia mais

Plano Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação. Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região

Plano Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação. Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região Plano Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região Dezembro/2010 2 TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Missão: Prover soluções efetivas de tecnologia

Leia mais

Auditoria Interna na Área de Tecnologia da Informação

Auditoria Interna na Área de Tecnologia da Informação Auditoria Interna na Área de Tecnologia da Informação André Luiz Furtado Pacheco, CISA 4º Workshop de Auditoria de TI da Caixa Brasília, agosto de 2011 Agenda Introdução Exemplos de Deliberações pelo TCU

Leia mais

ANTAQ Secretaria de Tecnologia da Informação. Plano de Trabalho. Elaboração do Plano Diretor de Tecnologia da Informação

ANTAQ Secretaria de Tecnologia da Informação. Plano de Trabalho. Elaboração do Plano Diretor de Tecnologia da Informação ANTAQ Secretaria de Tecnologia da Informação Plano de Trabalho Elaboração do Plano Diretor de Tecnologia da Informação Histórico de Versões Data Versão Descrição Autor 14/07/2011 1.0 Criação do documento

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 374, DE 12 DE JUNHO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 374, DE 12 DE JUNHO DE 2015 RESOLUÇÃO Nº 374, DE 12 DE JUNHO DE 2015 Publicado em: 03/07/2015 O CONSELHO FEDERAL DE BIOLOGIA CFBio, Autarquia Federal, com personalidade jurídica de direito público, criado pela Lei nº 6.684, de 03

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 6.094, DE 24 DE ABRIL DE 2007. Dispõe sobre a implementação do Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação, pela União

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 Reestrutura as unidades vinculadas à Secretaria de Tecnologia da Informação SETIN do Tribunal Superior do Trabalho.

Leia mais

Atuação da Auditoria Interna na Avaliação da Gestão de Tecnologia da Informação

Atuação da Auditoria Interna na Avaliação da Gestão de Tecnologia da Informação Atuação da Auditoria Interna na Avaliação da Gestão de Tecnologia da Informação Emerson de Melo Brasília Novembro/2011 Principais Modelos de Referência para Auditoria de TI Como focar no negócio da Instituição

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 33/2012 Autoriza a criação do Comitê de Gestão e Tecnologia da Informação (CGTI), da Universidade Federal da

Leia mais

PLANO DE AÇÃO PDTI-PBH

PLANO DE AÇÃO PDTI-PBH 1 PA00 PA00 Preparação para acompanhamento e execução do PDTI Projeto para a criação da instância para acompanhamento e execução do PDTI 2 PA00 Projeto para a criação da metodologia de trabalho 3 PA00

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO DA DEMANDA HABITACIONAL

PROCESSO DE SELEÇÃO DA DEMANDA HABITACIONAL PROCESSO DE SELEÇÃO DA DEMANDA HABITACIONAL NOVO CADASTRO DA HABITAÇÃO MAIO/2012 Necessidade de adequação da gestão de processos da CODHAB para: Atingir meta de eliminar o deficit habitacional do DF ofertando

Leia mais

Modelo de Referência. Plano Diretor de Tecnologia da Informação PDTI 2010

Modelo de Referência. Plano Diretor de Tecnologia da Informação PDTI 2010 Modelo de Referência Plano Diretor de Tecnologia da Informação PDTI 2010 Versão 1.0 Premissas do modelo 1. Este modelo foi extraído do material didático do curso Elaboração do Plano Diretor de Tecnologia

Leia mais

I - as ações decorrentes sejam realizadas de maneira progressiva, ativando-se, inicialmente, um núcleo do Batalhão; e

I - as ações decorrentes sejam realizadas de maneira progressiva, ativando-se, inicialmente, um núcleo do Batalhão; e Art. 3º Determinar que o Estado-Maior do Exército, os órgãos de direção setorial e o Comando Militar da Amazônia adotem, em suas áreas de competência, as providências decorrentes. Art. 4º Estabelecer que

Leia mais

NOTA TÉCNICA 44 2013 A POLÍTICA NACIONAL DE INFORMAÇÃO E INFORMÁTICA EM SAÚDE E SEU PLANO OPERATIVO

NOTA TÉCNICA 44 2013 A POLÍTICA NACIONAL DE INFORMAÇÃO E INFORMÁTICA EM SAÚDE E SEU PLANO OPERATIVO NOTA TÉCNICA 44 2013 A POLÍTICA NACIONAL DE INFORMAÇÃO E INFORMÁTICA EM SAÚDE E SEU PLANO OPERATIVO Brasília, 28 de outubro de 2013 A POLÍTICA NACIONAL DE INFORMAÇÃO E INFORMÁTICA EM SAÚDE E SEU PLANO

Leia mais

SISTEMA DE PARTICIPAÇÃO POPULAR E CIDADÃ

SISTEMA DE PARTICIPAÇÃO POPULAR E CIDADÃ SISTEMA DE PARTICIPAÇÃO POPULAR E CIDADÃ 1 1. Participação regular dos cidadãos no processo de definição das políticas públicas e definição das diretrizes para o desenvolvimento. 2. Deslocamento das prioridades

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) GAUD 4.6.8 01 VAGA

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) GAUD 4.6.8 01 VAGA INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) GAUD 4.6.8 01 VAGA 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Contratação de consultoria pessoa física para serviços de preparação

Leia mais

Ângela F. Brodbeck. Ana Maria Rizzo Silva

Ângela F. Brodbeck. Ana Maria Rizzo Silva Alinhamento Estratégico entre TI e Negócio Alinhamento entre Ações Estratégicas, Processos e iniciativas de Tecnologia de Informação Novembro, 2013 Ângela F. Brodbeck Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

Art. 1º Aprovar o Regimento Interno da Divisão de Biblioteca DIBIB, anexo a esta Resolução. São João del-rei, 16 de fevereiro de 2009.

Art. 1º Aprovar o Regimento Interno da Divisão de Biblioteca DIBIB, anexo a esta Resolução. São João del-rei, 16 de fevereiro de 2009. RESOLUÇÃO N o 003, de 16 de fevereiro de 2009. Aprova Regimento Interno da Divisão de Biblioteca DIBIB. O PRESIDENTE DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ, no uso de

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANEXO ÚNICO POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO DO DISTRITO FEDERAL (PoSIC/SEPLAN) Sumário OBJETIVO... 2 DO ESCOPO DA POLÍTICA... 2 DOS CONCEITOS

Leia mais

José Geraldo Loureiro Rodrigues Orientador: João Souza Neto

José Geraldo Loureiro Rodrigues Orientador: João Souza Neto José Geraldo Loureiro Rodrigues Orientador: João Souza Neto Análise dos três níveis: Governança Corporativa Governança de TI Gerenciamento da Área de TI ORGANIZAÇÃO Governança Corporativa Governança

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 424/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007)

RESOLUÇÃO Nº 424/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Publicação: 29/08/03 RESOLUÇÃO Nº 424/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Cria a Superintendência Administrativa do Tribunal de Justiça e estabelece seu Regulamento. A CORTE SUPERIOR DO TRIBUNAL

Leia mais

Plano de Ação 2015: Objetivos estratégicos, Indicadores, Metas e Projetos priorizados

Plano de Ação 2015: Objetivos estratégicos, Indicadores, Metas e Projetos priorizados E77p Espírito Santo. Tribunal de Contas do Estado. Plano de Ação 2015: Objetivos estratégicos, Indicadores, Metas e Projetos priorizados / Tribunal de Contas do Estado. Vitória/ES: TCEES, 2015. 13p. 1.Tribunal

Leia mais

Objetivos do Compromisso Bahia

Objetivos do Compromisso Bahia Objetivos do Compromisso Bahia Geral Conferir qualidade ao gasto público estadual Específicos Desenvolver uma cultura de responsabilização dos servidores em relação à gestão pública Dotar o governo de

Leia mais

Art. 2º Ao Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional - CONSEA-SC - compete:

Art. 2º Ao Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional - CONSEA-SC - compete: LEI Nº 12.911, de 22 de janeiro de 2004 Dispõe sobre a criação do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional - CONSEA-SC - e do Fundo Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional - FUNSEA-SC

Leia mais

AVALIAÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA DO QUADRO DE SERVIDORES DA COTEC

AVALIAÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA DO QUADRO DE SERVIDORES DA COTEC MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE DIRETORIA DE PLANEJAMENTO, ADMINISTRAÇÃO E LOGÍSTICA Coordenação-Geral de Administração e Tecnologia da Informação Coordenação

Leia mais