EXERCÍCIOS DE GRAMÁTICA (ORTOGRAFIA) Profº. Leisane M. Mortean

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EXERCÍCIOS DE GRAMÁTICA (ORTOGRAFIA) Profº. Leisane M. Mortean"

Transcrição

1 EXERCÍCIOS DE GRAMÁTICA (ORTOGRAFIA) Profº. Leisane M. Mortean 01) Complete com mal ou mau a) Antônio sempre foi um elemento. b) Na luta contra o, devemos nos lembrar de nosso Criador. c) O rapaz sofria de um incurável. d) Dos de nossa época, o pior é a violência. e) Os costumes causam problemas. f) soou o alarme, todos correram. g) Ele é criado e aluno. h) Disseram que Caloca passou...ontem. i) Ele ficou de... humor após ter agido daquela forma. j) O time se considera...preparado para tal jogo. k) Caloca sofria de um...curável. l) O...é se ter afeiçoado às coisas materiais. m) Ele não é um...sujeito. n) Mas o...não durou muito tempo. 02) Complete com uma das formas dos parênteses: a) cinco anos concluí minha graduação. (acerca de/ há cerca de/a cerca de) b) Moramos dois quilômetros daqui. (acerca de/ há cerca de/a cerca de) c) Na reunião, discutimos assuntos planos futuros. (acerca de/ há cerca de/a cerca de) d) muito não o vejo. (a/há) e) Daqui dois meses estarei de férias. (a/há) f) Nossa! Falta para terminarmos o ano, portanto, permaneça conosco até o final. (tampouco/ tão pouco) g) Não quis falar com ninguém, nem relatou o que acontecera. (tampouco/tão pouco) 03) Complete com há ou a a) Estávamos uma pequena distância da praia. (a há) b) O posto de gasolina fica três quilômetros daqui. (a - há) c) Vive muitos anos naquela cabana. (a - há) d) O relatório foi encaminhado dois dias. (a - há) e) Sairemos daqui dez minutos. (a há) f) A loja fica... pouco quilômetros daqui g)...instantes li sobre o Natal. h) Eles não vão à loja porque... mais de dois dias a mercadoria acabou. i)...três dias que todos se preparam para a festa do Natal. j) Esse fato aconteceu... muito tempo. k) Os alunos da escola dramatizarão a história do Natal daqui...oito dias. l) Ele estava... três passos da casa de André. 04) Complete com cessão, sessão, seção a) Os empresários reuniram-se em extraordinária. b) Estou na de calçados do shopping. c) Você leu a de esportes do jornal? d) João fez de seu terreno para a construção do campo e futebol.

2 05) Substitua os Asteriscos por Onde ou Aonde: 01 ** essas medidas do governo vão nos levar? 02 Não entendo ** ele estava com a cabeça. 03 Dê ** você está falando? 04 ** querem chegar com essas atitudes? 05 ** se situa o Morumbi? 06 ** pensa que vais. 07 ** nos levará tamanha discussão. 08 Até ** vai sua rebeldia. 09 Não sei ** me apresentar, nem a quem me dirigir. 10 ** acaba o mar e começa o céu. 11 Não sei ** começar a procurar. 12 Não sei ** ir. 13 ** está seu orgulho? 14 Irei ** quer que eu vá. 15 ** ele foi assim tão cedo? 16 ** você mora? 17 Ele visitará a cidade ** nasceu o presidente. 06) No Lugar dos Asteriscos Coloque: Por Que, Porque, Por Quê Ou Porquê: 01. Quero saber ** estou assim. 02. Foi reprovado e não sabe **. 03. ** você está tão aborrecida? 04. Não vais à aula **? 05. Reagi à ofensa ** não sou covarde. 06. Ignora-se o ** da sua renúncia. 07. São ásperos os caminhos ** passei. 08. Não saí de casa, ** estava doente. 09. Não foi ao baile, ** não tinha roupa. 10. Quero saber ** não me disse a verdade. 11. Quero saber ** foste reprovado. 12. ** os países vivem em guerra? 13. Quero saber o ** de sua decisão. 14. **sinais o reconheceram? 15. Não sei ** motivo ele deixou o emprego. 16. Ele não viajou**? 17. Ester é a mulher ** vivo. 18. Eis ** o trânsito está congestionado. 19. Ele viajou ** foi chamado para a reunião. 20. Lutamos ** haja maior justiça social. 21. Ele deve estar em casa ** a luz está acesa. 22. ** você não vai ao cinema? 18 Vou ** ele for. 19 ** coloquei meus sapatos? 20 Moro ** não mora ninguém. 21 ** estão os candidatos? 22 ** nos leva? 23 Não sei ** te encontrar De ** você está falando? 25 ** chegou a violência urbana. 26 ** ficou o gato? 27 ** estou eu? 28 Maria me dissera morar ali; mas **? 29 Cheguei ** eu queria. 30 ** aconteceu o acidente? 31 ** será a reunião? 32 ** vai aquela menina? 33 A casa ** nasci não existe mais. 34 Vou ** você vai. 35 ** os meninos estudam? 36 Eles não sabiam ** ir? 23. Aquele é o moço ** ela se apaixonou. 24. A professora quer um ** para tudo isso. 25. Você é a favor ou contra? **? 26. Estava triste sem saber **. 27. Paulo não veio à aula ** não tem caderno. 28. Não sei ** não quero ir. 29. Muitos protestaram, mas não havia **. 30. Vocês brigaram, meu Deus, **? 31. Chegue cedo ** o estádio vai ficar lotado. 32. O espetáculo foi cancelado ** chovia muito. 33 As causas ** discuti com ele são particulares. 34. Ele não foi ** estava doente. 35. Abra a janela ** o calor está insuportável. 36. Parou **? 37. Se ele mentiu, eu queria saber **? 38. ** você não foi? 39. Gostaria de saber ** você não foi. 40. Só eu sei as esquinas ** passei. 41. A situação se agravou ** muita gente se omitiu. 42. Dê-me ao menos um ** para sua atitude. 43. Você tem coragem de perguntar **?! 44. ** você agiu daquela maneira?

3 45. Indaguei o ** do seu mau humor. 46. Não se sabe ** tomaram tal decisão. 47. Não sei **? 48. Não julgues ** não te julgues. 49. Creio que os ** mais uma vez não vieram à luz. 50. É fácil encontrar o ** de toda essa confusão. 51. ** ninguém apareceu até agora? 52. Não sei ** não quero ir ao cinema. 53. O túnel ** deveríamos passar desabou ontem. 54. Claro. **? 55. Não sei o **! 56. ** há poucas escolas no país? 57. O avião não decolou **? 58. A chance ** esperava é essa. 59. Ela não me ligou e nem disse **. 60. Não posso casar ** estou desempregado. 61. Este ** é um substantivo. 62. Diga-me um ** para não fazer o que deva. 63. Estava triste sem saber **. 64. ** seu dinheiro está valendo menos. 65. ** ele foi embora? 07) SUBSTITUA OS ASTERISCOS POR SENÃO OU SE NÃO: 01 -Vá de uma vez, ** você vai se atrasar Nada mais havia a fazer ** conformar-se com a situação O presidente nada assinará ** houver consenso Luta, ** estás perdido Não era ouro nem prata, ** ferro Havia dois jogadores, ** três Não encontrei um ** na apresentação da peça ** for possível despachar a mercadoria, telefone-me. 09 E foi ** quando os presentes o puderam desmascarar Quem poderia ser ** você? 11 - Acha que haveria muitas pessoas em frente ao televisor ** tivesse uma boa imagem? 12 - Ninguém, ** você, me escreveu Seremos advertidos ** forem trabalhar. 14 Não visitava ninguém ** a eles Se convém, é delicado; **, é taxativo Eis a vantagem, disse, ** ela nunca o procuraria Não era nem um nem dois, ** uma verdadeira multidão. 18 Não o fez para irritá-lo, ** para adverti-lo Ninguém, ** os irmãos Correa, compareceram à cerimônia ** chover, iremos passear Não existe nenhum ** neste trabalho Anote o meu endereço, ** você o esquece Criança não quer outra coisa ** brincar ** fizer sol, não iremos à praia Não havia um ** naquele rapaz A vida não é ** um sonho ** sabe, procure informar-se. 28 Não fazia outra coisa ** chorar ** trouxer os documentos, não poderá entrar Não conseguia pensar em mais nada ** nos filhos Espero que não me culpes ** der certo Faça isso, ** haverá problemas. 33 Não era caso de expulsão, ** de repreensão Nada faziam ** dormir Deu dois socos no amigo, ** mais E foi ** quando um tiro foi ouvido Havia muitos ** no livro Ninguém, ** o repórter compareceu a prisão Não era droga que ele havia ingerido, ** um remédio inofensivo. 40 ** quiser acompanhar-me, entenderei. 41 Terminaremos o trabalho, ** não receberemos. 42 Coma, ** ficará de castigo. 43 Irei para Santos, ** para Guarujá. 44 Todos, ** você, riram-se daquele tombo. 45 Não houve qualquer ** no seu exame. 46 Perdoe; **, a vida lhe será amarga. 47 Não cultive o ódio, ** que amor. 48 ** quando, chega seu filho há tanto tão longe.

4 GABARITOS 01) Complete com mal ou mau a) Antônio sempre foi um MAU elemento. b) Na luta contra o MAL, devemos nos lembrar de nosso Criador. c) O rapaz sofria de um MAL incurável. d) Dos MALES de nossa época, o pior é a violência. e) Os MAUS costumes causam problemas. f) MAL soou o alarme, todos correram. g) Ele é MAL criado e MAU aluno. h) Disseram que Caloca passou MAL ontem. i) Ele ficou de MAU humor após ter agido daquela forma. j) O time se considera. MAL.preparado para tal jogo. k) Caloca sofria de um. MAL.curável. l) O MAU é se ter afeiçoado às coisas materiais. m) Ele não é um MAU sujeito. n) Mas o MAL não durou muito tempo. 02) Complete com uma das formas dos parênteses: a) cinco anos concluí minha graduação. (acerca de/ há cerca de/a cerca de) b) Moramos dois quilômetros daqui. (acerca de/ há cerca de/a cerca de) c) Na reunião, discutimos assuntos planos futuros. (acerca de/ há cerca de/a cerca de) d) muito não o vejo. (a/há) e) Daqui dois meses estarei de férias. (a/há) f) Nossa! Falta para terminarmos o ano, portanto, permaneça conosco até o final. (tampouco/ tão pouco) g) Não quis falar com ninguém, nem relatou o que acontecera. (tampouco/tão pouco) 03) Complete com há ou a a) Estávamos A uma pequena distância da praia. b) O posto de gasolina fica A três quilômetros daqui. c) Vive HÁ muitos anos naquela cabana. d) O relatório foi encaminhado HÁ dois dias. e) Sairemos daqui A dez minutos. f) A loja fica A pouco quilômetros daqui. g) HÁ instantes li sobre o Natal. h) Eles não vão à loja porque HÁ. mais de dois dias a mercadoria acabou. i) HÁ três dias que todos se preparam para a festa do Natal. j) Esse fato aconteceu HÁ muito tempo. k) Os alunos da escola dramatizarão a história do Natal daqui A oito dias. l) Ele estava A três passos da casa de André. 04) Complete com cessão, sessão, seção a) Os empresários reuniram-se em SESSÃO extraordinária. b) Estou na SEÇÃO de calçados do shopping. c) Você leu a SESSÃO de esportes do jornal? d) João fez CESSÃO de seu terreno para a construção do campo e futebol.

5 QUESTÃO 05: 01 Aonde essas medidas do governo vão nos levar? 02 Não entendo onde ele estava com a cabeça. 03 Dê onde você está falando? 04 Aonde querem chegar com essas atitudes? 05 Onde se situa o Morumbi? 06 Aonde pensa que vais. 07 Aonde nos levará tamanha discussão. 08 Até aonde vai sua rebeldia. 09 Não sei onde me apresentar, nem a quem me dirigir. 10 Onde acaba o mar e começa o céu. 11 Não sei onde começar a procurar. 12 Não sei aonde ir. 13 Onde está seu orgulho? 14 Irei aonde quer que eu vá. 15 Aonde ele foi assim tão cedo? 16 Onde você mora? 17 Ele visitará a cidade onde nasceu o presidente. QUESTÃO Quero saber por que estou assim. (pergunta in 02. Foi reprovado e não sabe por quê. (por qual motivo) 03. Por que você está tão aborrecida? (pergunta 04. Não vais à aula por quê? (pergunta 05. Reagi à ofensa porque (uma vez que) não sou covarde. 06. Ignora-se o porquê (substantivo) da sua renúncia. 07. São ásperos os caminhos por que (pelo quais) passei. 08. Não saí de casa, porque (já que) estava doente. 09. Não foi ao baile, porque (pois) não tinha roupa. 10. Quero saber por que não me disse a verdade. (pergunta in 11. Quero saber por que foste reprovado. (pergunta in 12. Por que os países vivem em guerra? (pergunta 13. Quero saber o porquê (substantivo) de sua decisão. 14. Por que sinais o reconheceram? (pergunta 15. Não sei por que (por qual) motivo ele deixou o emprego. 16. Ele não viajou por quê? (pergunta 17. Ester é a mulher por que (pela qual) vivo. 18 Vou aonde ele for. 19 Onde coloquei meus sapatos? 20 Moro onde não mora ninguém. 21 Onde estão os candidatos? 22 Aonde nos leva? 23 Não sei onde te encontrar. 24 De onde você está falando? 25 Aonde chegou a violência urbana. 26 Onde ficou o gato? 27 Onde estou eu? 28 Maria me dissera morar ali; mas onde? 29 Cheguei aonde eu queria. 30 Onde aconteceu o acidente? 31 Onde será a reunião? 32 Aonde vai aquela menina? 33 A casa onde nasci não existe mais. 34 Vou aonde você vai. 35 Onde os meninos estudam? 36 Eles não sabiam aonde ir? 18. Eis por que (por qual razão) o trânsito está congestionado. 19. Ele viajou porque (pelo fato de que) foi chamado para a reunião. 20. Lutamos porque (para que) haja maior justiça social. 21. Ele deve estar em casa porque (pois) a luz está acesa. 22. Por que você não vai ao cinema? (por qual razão). 23. Aquele é o moço por que (pelo qual) ela se apaixonou. 24. A professora quer um porquê (substantivo) para tudo isso. 25. Você é a favor ou contra? Por quê? (pergunta 26. Estava triste sem saber por quê. (por qual motivo) 27. Paulo não veio à aula porque (pois) não tem caderno. 28. Não sei por que (por qual motivo) não quero ir. 29. Muitos protestaram, mas não havia por quê. (motivo) 30. Vocês brigaram, meu Deus, por quê? (pergunta 31. Chegue cedo porque (pois) o estádio vai ficar lotado. 32. O espetáculo foi cancelado porque (uma vez que) chovia muito.

6 33 As causas por que (pelas quais) discuti com ele são particulares. 34. Ele não foi porque (pois) estava doente. 35. Abra a janela porque (pois) o calor está insuportável. 36. Parou por quê? (pergunta 37. Se ele mentiu, eu queria saber por quê? (pergunta 38. Por que você não foi? (pergunta 39. Gostaria de saber por que você não foi. (pergunta in 40. Só eu sei as esquinas por que (pelas quais) passei. 41. A situação se agravou porque (já que) muita gente se omitiu. 42. Dê-me ao menos um porquê (substantivo) para sua atitude. 43. Você tem coragem de perguntar por quê?! (pergunta 44. Por que você agiu daquela maneira? (pergunta 45. Indaguei o porquê (substantivo) do seu mau humor. 46. Não se sabe por que (por qual razão) tomaram tal decisão. 47. Não sei por quê? (pergunta 48. Não julgues porque (para que) não te julgues. 49. Creio que os porquês (substantivo) mais uma vez não vieram à luz. 50. É fácil encontrar o porquê (substantivo) de toda essa confusão. 51. Por que ninguém apareceu até agora? (pergunta 52. Não sei por que não quero ir ao cinema. (por qual motivo). 53. O túnel por que (pelo qual) deveríamos passar desabou ontem. 54. Claro. Por quê? (pergunta 55. Não sei o porquê! (substantivo) 56. Por que há poucas escolas no país? (pergunta 57. O avião não decolou por quê? (pergunta 58. A chance por que (pela qual) esperava é essa. 59. Ela não me ligou e nem disse por quê (por qual razão). 60. Não posso casar porque (pois) estou desempregado. 61. Este porquê é um substantivo. 62. Diga-me um porquê para não fazer o que deva. (substantivo) 63. Estava triste sem saber por quê (o motivo). 64. Por que (por que razão) seu dinheiro está valendo menos. 65. Por que ele foi embora? (interrogativa QUESTÃO Vá de uma vez, senão (do contrário, de outra forma) você vai se atrasar Nada mais havia a fazer senão (a não ser) conformar-se com a situação O presidente nada assinará se não (condição) houver consenso Luta, senão (do contrário) estás perdido Não era ouro nem prata, senão (mas sim) ferro Havia dois jogadores, se não (quando não) três Não encontrei um senão (substantivo) na apresentação da peça Se não (quando não) for possível despachar a mercadoria, telefone-me. 09 E foi senão (quando de repente) quando os presentes o puderam desmascarar Quem poderia ser senão (a não ser) você? 11 - Acha que haveria muitas pessoas em frente ao televisor se não (caso não) tivesse uma boa imagem? 12 - Ninguém, senão (a não ser) você, me escreveu Seremos advertidos se não (caso não) forem trabalhar. 14 Não visitava ninguém senão (a eles) a eles Se convém, é delicado; se não (quando não), é taxativo Eis a vantagem, disse, senão (do contrário) ela nunca o procuraria Não era nem um nem dois, se não (quando não) uma verdadeira multidão. 18 Não o fez para irritá-lo, senão (mas, mas sim) para adverti-lo Ninguém, senão (exceto) os irmãos Correa, compareceram à cerimônia Se não (condição) chover, iremos passear Não existe nenhum senão (substantivo) neste trabalho Anote o meu endereço, senão (do contrário) você o esquece Criança não quer outra coisa senão (a não ser) brincar Se não (condição) fizer sol, não iremos à praia.

7 25 - Não havia um senão (substantivo) naquele rapaz A vida não é senão (mais do que) um sonho Se não (caso não) sabe, procure informar-se. 28 Não fazia outra coisa senão (a não ser) chorar Se não (condição) trouxer os documentos, não poderá entrar Não conseguia pensar em mais nada senão (a não ser) nos filhos Espero que não me culpes se não (caso não) der certo Faça isso, senão (do contrário) haverá problemas. 33 Não era caso de expulsão, senão (mas sim) de repreensão Nada faziam senão (a não ser) dormir Deu dois socos no amigo, se não (quando não) mais E foi senão (de repente) quando um tiro foi ouvido Havia muitos senões (substantivo) no livro Ninguém, senão (a não ser) o repórter compareceu a prisão Não era droga que ele havia ingerido, senão (mas sim) um remédio inofensivo. 40 Se não (caso não) quiser acompanhar-me, entenderei. 41 Terminaremos o trabalho, senão (do contrário) não receberemos. 42 Coma, senão (do contrário) ficará de castigo. 43 Irei para Santos, se não (caso não) para Guarujá. 44 Todos, senão (menos) você, riram-se daquele tombo. 45 Não houve qualquer senão (defeito) no seu exame. 46 Perdoe; se não (pausa enfática), a vida lhe será amarga. 47 Não cultive o ódio, senão (senão que) que amor. 48 Senão (senão quando = de repente) quando, chega seu filho há tanto tão longe.

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

EMPREGO DE PALAVRAS E EXPRESSÕES

EMPREGO DE PALAVRAS E EXPRESSÕES EMPREGO DE PALAVRAS E EXPRESSÕES ASPECTOS TEÓRICOS. POR QUE /POR QUÊ / PORQUE / PORQUÊ a) POR QUE: Equivale a POR QUAL MOTIVO ou a pelo qual e variações; vem também depois de EIS e DAÍ. b) POR QUÊ: Equivale

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

CURIOSIDADES GRÁFICAS

CURIOSIDADES GRÁFICAS CURIOSIDADES GRÁFICAS 1. USO DOS PORQUÊS POR QUE: usado em frases interrogativas diretas e indiretas; quando equivale a pelo qual e flexões e quando depois dessa expressão vier escrita ou subentendida

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Coisas de pais. partes I e II Língua Portuguesa e Matemática. texto 1. Você pode utilizar o verso de todas as folhas e a última página como rascunho.

Coisas de pais. partes I e II Língua Portuguesa e Matemática. texto 1. Você pode utilizar o verso de todas as folhas e a última página como rascunho. Você pode utilizar o verso de todas as folhas e a última página como rascunho. partes I e II Língua Portuguesa e Matemática texto 1 Coisas de pais Eu estudava em um colégio bom, ele tinha uma ótima localização.

Leia mais

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Carnaval 2014 A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Nesta noite vamos fazer uma viagem! Vamos voltar a um tempo que nos fez e ainda nos faz feliz, porque afinal como

Leia mais

JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1

JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1 1 JOSÉ DE SOUZA CASTRO 1 ENTREGADOR DE CARGAS 32 ANOS DE TRABALHO Transportadora Fácil Idade: 53 anos, nascido em Quixadá, Ceará Esposa: Raimunda Cruz de Castro Filhos: Marcílio, Liana e Luciana Durante

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

Colégio SOTER - Caderno de Atividades - 6º Ano - Língua Portuguesa - 2º Bimestre

Colégio SOTER - Caderno de Atividades - 6º Ano - Língua Portuguesa - 2º Bimestre O CASO DA CALÇADA DO JASMIM UM CRIME? Terça-feira, seis de Maio. São catorze horas. A D. Odete não é vista no seu bairro desde hoje de manhã. As janelas da sua casa estão abertas, mas o correio de hoje

Leia mais

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)?

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)? Entrevista concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de apresentação dos resultados das ações governamentais para o setor sucroenergético no período 2003-2010 Ribeirão

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 A mentira não agrada a Deus Principio: Quando mentimos servimos o Diabo o Pai da mentira. Versículo: O caminho para vida é de quem guarda o ensino, mas o que abandona

Leia mais

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus.

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. JÓ Lição 05 1 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. 2. Lição Bíblica: Jô 1 a 42 (Base bíblica para a história e o professor)

Leia mais

Roteiro para curta-metragem. Nathália da Silva Santos 6º ano Escola Municipalizada Paineira TEMPESTADE NO COPO

Roteiro para curta-metragem. Nathália da Silva Santos 6º ano Escola Municipalizada Paineira TEMPESTADE NO COPO Roteiro para curta-metragem Nathália da Silva Santos 6º ano Escola Municipalizada Paineira TEMPESTADE NO COPO SINOPSE Sérgio e Gusthavo se tornam inimigos depois de um mal entendido entre eles. Sérgio

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU

TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU TRE / RJ - AGENTE DE SEGURANÇA JUDICIÁRIA NOVEMBRO DE 1995 2º GRAU Texto HISTÓRIA DO RIO DE JANEIRO (Fragmento) Stanislaw Ponte Preta A coisa começou no século XVI, pouco depois que Pedro Álvares Cabral,

Leia mais

Lembro-me do segredo que ela prometeu me contar. - Olha, eu vou contar, mas é segredo! Não conte para ninguém. Se você contar eu vou ficar de mal.

Lembro-me do segredo que ela prometeu me contar. - Olha, eu vou contar, mas é segredo! Não conte para ninguém. Se você contar eu vou ficar de mal. -...eu nem te conto! - Conta, vai, conta! - Está bem! Mas você promete não contar para mais ninguém? - Prometo. Juro que não conto! Se eu contar quero morrer sequinha na mesma hora... - Não precisa exagerar!

Leia mais

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO Ideia: Produção realizada a partir de um fato marcante e em algumas situações ocorre a mesclagem entre narrações e demonstrações de cenas. Personagens: A filha da doméstica

Leia mais

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada.

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Cláudia Barral (A sala é bastante comum, apenas um detalhe a difere de outras salas de apartamentos que se costuma ver ordinariamente: a presença de uma câmera de vídeo

Leia mais

Entendendo o que é Gênero

Entendendo o que é Gênero Entendendo o que é Gênero Sandra Unbehaum 1 Vila de Nossa Senhora da Piedade, 03 de outubro de 2002 2. Cara Professora, Hoje acordei decidida a escrever-lhe esta carta, para pedir-lhe ajuda e trocar umas

Leia mais

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento.

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. museudapessoa.net P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. R Eu nasci em Piúma, em primeiro lugar meu nome é Ivo, nasci

Leia mais

200 Opportunities to Discover PORTUGUESE. www.second-language-now.com

200 Opportunities to Discover PORTUGUESE. www.second-language-now.com BASIC QUESTIONS 200 Opportunities to Discover PORTUGUESE Basic Questions - Portuguese TABLE OF CONTENTS 1. SABE?...3 2. COMO?...4 3. QUANTO TEMPO?...5 4. QUANTOS?...6 5. QUANTO?...7 6. COM QUE FREQUÊNCIA?...8

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas)

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Nome: Data: A Importa-se de responder a umas perguntas? Está bem. Obrigado. 1 Como é que se chama? 2 O que é que faz? 3 Vive aqui agora? 4 Há quanto tempo

Leia mais

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um.

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um. coleção Conversas #10 - junho 2014 - Eu sou Estou garoto num de programa. caminho errado? Respostas para algumas perguntas que podem estar sendo feitas Garoto de Programa por um. A Coleção CONVERSAS da

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa Olhando as peças Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse 3 a 6 anos Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa História Bíblica: Gênesis 41-47:12 A história de José continua com ele saindo da prisão

Leia mais

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. www.hinarios.org 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. www.hinarios.org 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR HINÁRIO O APURO Tema 2012: Flora Brasileira Araucária Francisco Grangeiro Filho 1 www.hinarios.org 2 01 PRECISA SE TRABALHAR 02 JESUS CRISTO REDENTOR Precisa se trabalhar Para todos aprender A virgem mãe

Leia mais

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural.

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural. Concordância Verbal a) O verbo vai para a 3ª pessoa do plural caso o sujeito seja composto e anteposto ao verbo. Se o sujeito composto é posposto ao verbo, este irá para o plural ou concordará com o substantivo

Leia mais

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. Saí da prisão volto coleção Conversas #26 - setembro 2015 - e estou ou não desempregado, para o crime? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS, da

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária HINÁRIO O APURO Tema 2012: Flora Brasileira Araucária Francisco Grangeiro Filho 1 www.hinarios.org 2 01 PRECISA SE TRABALHAR Marcha Precisa se trabalhar Para todos aprender A virgem mãe me disse Que é

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros s de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 14 por completo

Leia mais

TESTE DE ELENCO COM UMA CENA. Por VINICIUS MOURA

TESTE DE ELENCO COM UMA CENA. Por VINICIUS MOURA TESTE DE ELENCO COM UMA CENA Por VINICIUS MOURA * Embora seja uma cena que contenha dois atores os candidatos serão avaliados individualmente. Os critérios de avaliação se darão a partir da performace

Leia mais

Laranja-fogo. Cor-de-céu

Laranja-fogo. Cor-de-céu Laranja-fogo. Cor-de-céu Talita Baldin Eu. Você. Não. Quero. Ter. Nome. Voz. Quero ter voz. Não. Não quero ter voz. Correram pela escada. Correram pelo corredor. Espiando na porta. Olho de vidro para quem

Leia mais

O Coração Sujo. Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse? Tuca Parece cheiro de gambá morto afogado no esgoto.

O Coração Sujo. Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse? Tuca Parece cheiro de gambá morto afogado no esgoto. O Coração Sujo Personagens - Tuca - Teco - Tatá - Tia Tuca e Tatá estão conversando. Teco chega. Teco Oi, meninas, sobre o que vocês estão falando? Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse?

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS GEÓRGIA BALARDIN

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS GEÓRGIA BALARDIN CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS GEÓRGIA BALARDIN (depoimento) 2014 CEME-ESEF-UFRGS FICHA TÉCNICA Projeto: Garimpando

Leia mais

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país Brasil Você sabia que... A pobreza e a desigualdade causam a fome e a malnutrição. Os alimentos e outros bens e serviços básicos que afetam a segurança dos alimentos, a saúde e a nutrição água potável,

Leia mais

Não deixem nenhuma criança Em suas terras trabalhar Lhes digo com segurança Melhor pra elas é estudar

Não deixem nenhuma criança Em suas terras trabalhar Lhes digo com segurança Melhor pra elas é estudar EMPREGADO VERSOS EMPREGADOR Você empregador Cumpra o seu dever Registre o trabalhador E aperreio não vai ter Ele será seu defensor E vai fazer você crescer A carteira eu entrego Pra ter tudo anotado Ninguém

Leia mais

Qual o Sentido do Natal?

Qual o Sentido do Natal? Qual o Sentido do Natal? Por Sulamita Ricardo Personagens: José- Maria- Rei1- Rei2- Rei3- Pastor 1- Pastor 2- Pastor 3-1ª Cena Uma música de natal toca Os personagens entram. Primeiro entram José e Maria

Leia mais

Mamãe, princesa, papai, jogador

Mamãe, princesa, papai, jogador Capítulo 1 Mamãe, princesa, papai, jogador Com relação aos pais acontece a mesma coisa que com o clima. Não os escolhemos. Gostando ou não, eles estão aí e não faz sentido algum reclamar. Para ser sincero,

Leia mais

1. Ouça o depoimento de Diana, sem acompanhar a transcrição, e complete as lacunas.

1. Ouça o depoimento de Diana, sem acompanhar a transcrição, e complete as lacunas. Todos os dias Gramática: atividades RESPOSTAS De olho no mercado 1. Ouça o depoimento de Diana, sem acompanhar a transcrição, e complete as lacunas. Diana: E o meu trabalho, eu trabalho numa empresa chamada

Leia mais

12/02/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República

12/02/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de inauguração da Escola Municipal Jornalista Jaime Câmara e alusiva à visita às unidades habitacionais do PAC - Pró-Moradia no Jardim do Cerrado e Jardim Mundo

Leia mais

Perdão. Fase 7 - Pintura

Perdão. Fase 7 - Pintura SERM7.QXD 3/15/2006 11:18 PM Page 1 Fase 7 - Pintura Sexta 19/05 Perdão Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderem vocês, o Pai de vocês, que está no Céu também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem

Leia mais

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão Jorge Esteves Objectivos 1. Reconhecer que Jesus se identifica com os irmãos, sobretudo com os mais necessitados (interpretação e embora menos no

Leia mais

Você, no entanto, pode nos ajudar!

Você, no entanto, pode nos ajudar! Este livro pode ser adquirido por educação, negócios, vendas ou uso promocional. Embora toda precaução tenha sido tomada na preparação deste livro, o autor não assume nenhuma responsabilidade por erros

Leia mais

Quanto à classificação das orações coordenadas, temos dois tipos: Coordenadas Assindéticas e Coordenadas Sindéticas.

Quanto à classificação das orações coordenadas, temos dois tipos: Coordenadas Assindéticas e Coordenadas Sindéticas. LISTA DE RECUPERAÇÃO FINAL 9º ANO - PORTUGUÊS Caro aluno, seguem abaixo os assuntos para a prova de exame. É só um lembrete, pois os mesmos estão nas apostilas do primeiro bimestre, segundo e terceiro

Leia mais

por ano para trocar o sangue. Page leu todos os livros do Aleister Crowley. Em 1977, eles já tinham se tornado a banda definitiva de iniciação.

por ano para trocar o sangue. Page leu todos os livros do Aleister Crowley. Em 1977, eles já tinham se tornado a banda definitiva de iniciação. O Led Zeppelin sempre foi complicado. Esse era o problema inicial deles. Os shows deles sempre tinham violência masculina. Isso foi um desvio nos anos 1970, que foi uma época muito estranha. Era uma anarquia

Leia mais

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Autora: Tell Aragão Personagens: Carol (faz só uma participação rápida no começo e no final da peça) Mãe - (só uma voz ela não aparece) Gigi personagem

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

Bíblia para crianças. apresenta O ENGANADOR

Bíblia para crianças. apresenta O ENGANADOR Bíblia para crianças apresenta JACÓ O ENGANADOR Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:M. Maillot; Lazarus Adaptado por: M Kerr; Sarah S. Traduzido por: Berenyce Brandão Produzido por: Bible for Children

Leia mais

MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37

MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37 MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37 1 1. Objetivos: Ensinar que quando Moisés aproximou-se de Deus, os israelitas estavam com medo. Ensinar que hoje em dia, por causa de Jesus, podemos nos sentir perto de Deus

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno.

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno. Meu lugar,minha história. Cena 01- Exterior- Na rua /Dia Eduardo desce do ônibus com sua mala. Vai em direção a Rose que está parada. Olá, meu nome é Rose sou a guia o ajudara no seu projeto de história.

Leia mais

Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça.

Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça. Valores: Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça. Competências -chave: Saber reagir a atentados à integridade física ou psicológica; Saber medir consequências de um segredo; Ser capaz de confiar e pedir

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais)

Tempo para tudo. (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Tempo para tudo (há tempo para todas as coisas por isso eu preciso ouvir meus pais) Família é ideia de Deus, geradora de personalidade, melhor lugar para a formação do caráter, da ética, da moral e da

Leia mais

Era uma vez um príncipe que morava num castelo bem bonito e adorava

Era uma vez um príncipe que morava num castelo bem bonito e adorava O Príncipe das Histórias Era uma vez um príncipe que morava num castelo bem bonito e adorava histórias. Ele gostava de histórias de todos os tipos. Ele lia todos os livros, as revistas, os jornais, os

Leia mais

O Menino do Futuro. Dhiogo José Caetano

O Menino do Futuro. Dhiogo José Caetano O Menino do Futuro Dhiogo José Caetano 1 Início da história Tudo começa em uma cidade pequena do interior de Goiás, com o nome de Uruana. Havia um garoto chamado Dhiogo San Diego, um pequeno inventor que

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

UNIFORMES E ASPIRINAS

UNIFORMES E ASPIRINAS SER OU NÃO SER Sujeito desconfiava que estava sendo traído, mas não queria acreditar que pudesse ser verdade. Contratou um detetive para seguir a esposa suspeita. Dias depois, se encontrou com o profissional

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS SAMARA DA SILVA VIEIRA (depoimento) 2014 CEME-ESEF-UFRGS FICHA TÉCNICA Projeto:

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

6. Complete, usando por que / por quê / porque / porquê.

6. Complete, usando por que / por quê / porque / porquê. USO DOS PORQUES 1. CESPE HEMOBRÁS Analista de Gestão Corporativa Administrador você não resolveu todas as questões da prova? Creio que é você não sabe o das regras. a. Porque-porque-porquê b. Por que-porque-porquê

Leia mais

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe?

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Trecho do romance Caleidoscópio Capítulo cinco. 05 de novembro de 2012. - Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Caçulinha olha para mim e precisa fazer muita força para isso,

Leia mais

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Escola Municipal de Ensino Fundamental David Canabarro Florianópolis, 3892 Mathias Velho/Canoas Fone: 34561876/emef.davidcanabarro@gmail.com DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Nome: Stefani do Prado Guimarães Ano

Leia mais

Vai ao encontro! de quem mais precisa!

Vai ao encontro! de quem mais precisa! Vai ao encontro! 2ª feira, 05 de outubro: Dos mais pobres Bom dia meus amigos Este mês vamos tentar perceber como podemos ajudar os outros. Vocês já ouviram falar das muitas pessoas que estão a fugir dos

Leia mais

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você!

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você! MANUAL Esperança Casa de I G R E J A Esperança Uma benção pra você! I G R E J A Esperança Uma benção pra você! 1O que é pecado Sem entender o que é pecado, será impossível compreender a salvação através

Leia mais

Uma Conexão Visual entre Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar, no Brasil, e Suas Famílias

Uma Conexão Visual entre Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar, no Brasil, e Suas Famílias 1/35 Pai, Estou Te Esperando Uma Conexão Visual entre Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar, no Brasil, e Suas Famílias Fotos de Emma Raynes, 2007 2/35 Retratos dos Trabalhadores da Lavoura de Cana-de-Açúcar

Leia mais

ÍNDICE DE STRESS PARENTAL

ÍNDICE DE STRESS PARENTAL ÍNDICE DE STRESS PARENTAL Tradução e adaptação de Parenting Stress Index - Short Form (Abidin, 990) por Ana Santos Flores e Teresa Brandão (997) U.T.L. Faculdade de Motricidade Humana Dep. Educação Especial

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Cristina Soares Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Quando decidi realizar meu processo de coaching, eu estava passando por um momento de busca na minha vida.

Leia mais

TEXTO: Texto Warley di Brito A TURMA DA ZICA. (Esta é uma versão adaptada, da turma do zico)

TEXTO: Texto Warley di Brito A TURMA DA ZICA. (Esta é uma versão adaptada, da turma do zico) TEXTO: Texto Warley di Brito A TURMA DA ZICA (Esta é uma versão adaptada, da turma do zico) Januária setembro/2011 CENÁRIO: Livre, aberto, porém, deve se haver por opção uma cadeira, uma toalha e uma escova

Leia mais

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo:

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: 1) Complete as frases abaixo com o pretérito perfeito dos seguintes

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

O Livro de informática do Menino Maluquinho

O Livro de informática do Menino Maluquinho Coleção ABCD - Lição 1 Lição 1 O Livro de informática do Menino Maluquinho 1 2 3 4 5 6 7 8 Algumas dicas para escrever e-mails: 1. Aprender português. Não adianta fi car orgulhoso por mandar um e-mail

Leia mais

Fantasmas da noite. Uma peça de Hayaldo Copque

Fantasmas da noite. Uma peça de Hayaldo Copque Fantasmas da noite Uma peça de Hayaldo Copque Peça encenada dentro de um automóvel na Praça Roosevelt, em São Paulo-SP, nos dias 11 e 12 de novembro de 2011, no projeto AutoPeças, das Satyrianas. Direção:

Leia mais

Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet Brasil licencia seus materiais de forma aberta através do Creative Commons.

Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet Brasil licencia seus materiais de forma aberta através do Creative Commons. Olá, você esta acessando um dos materiais vencedores no concurso InternÉtica 2011, realizado pela SaferNet Brasil e o Instituto Childhood Brasil. Facilitando a criação e distribuição de conteúdos, a SaferNet

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 9 por completo

Leia mais

Apoio: Patrocínio: Realização:

Apoio: Patrocínio: Realização: 1 Apoio: Patrocínio: Realização: 2 CINDERELA 3 CINDERELA Cinderela era uma moça muito bonita, boa, inteligente e triste. Os pais tinham morrido e ela morava num castelo. A dona do castelo era uma mulher

Leia mais

HISTÓRIA DE LINS. - Nossa que cara é essa? Parece que ficou acordada a noite toda? Confessa, ficou no face a noite inteira?

HISTÓRIA DE LINS. - Nossa que cara é essa? Parece que ficou acordada a noite toda? Confessa, ficou no face a noite inteira? HISTÓRIA DE LINS EE PROF.PE. EDUARDO R. de CARVALHO Alunos: Maria Luana Lino da Silva Rafaela Alves de Almeida Estefanny Mayra S. Pereira Agnes K. Bernardes História 1 Unidas Venceremos É a história de

Leia mais

OSVALDO. Como também foi determinante a motivação e a indicação feita por um professor.

OSVALDO. Como também foi determinante a motivação e a indicação feita por um professor. OSVALDO Bom dia! Meu nome é Osvaldo, tenho 15 anos, sou de Santa Isabel SP (uma cidadezinha próxima à Guarulhos) e, com muito orgulho, sou bolsista ISMART! Ingressei no ISMART este ano e atualmente estou

Leia mais

Preparando meu filho para a liberdade

Preparando meu filho para a liberdade Preparando meu filho para a liberdade Marcos Rezende Fonte: www.insistimento.com.br Você parou para observar o que está passando na televisão quando o seu filho a está assistindo? Ou já parou para refletir

Leia mais

08. Camilo Alfredo Faigle Vicari

08. Camilo Alfredo Faigle Vicari 08. Camilo Alfredo Faigle Vicari Nascido em São Paulo, em 1976, é biólogo e estudante de mestrado na UNIFESP. Em 26 de agosto de 2010 recebi Camilo numa sala de reuniões da UNIFESP. Ele chegou às 18h e

Leia mais

QUASE NADA Peça de Marcos Barbosa marcosbarbosa@hotmail.com

QUASE NADA Peça de Marcos Barbosa marcosbarbosa@hotmail.com QUASE NADA Peça de Marcos Barbosa marcosbarbosa@hotmail.com Antônio, Sara, Vânia e César. Sala da casa de Antônio e Sara. 1 Um longo silêncio. ANTÔNIO. Vai me deixar falando sozinho? Sara o fita e fica

Leia mais

LAUDO TÉCNICO. Respostas entre asteriscos indicam que o assunto perturba o depoente.

LAUDO TÉCNICO. Respostas entre asteriscos indicam que o assunto perturba o depoente. Porto Alegre, 21 de julho de 2010. LAUDO TÉCNICO No dia de hoje através de um áudio extraído da entrevista de Fernanda Gomes de Castro para o programa Mais Você de 21/07/2010, foi realizada uma analise

Leia mais

Rio de Janeiro-RJ, 07 de março de 2007

Rio de Janeiro-RJ, 07 de março de 2007 Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de inauguração dos condomínios do Programa de Arrendamento Residencial em Santa Cruz Rio de Janeiro-RJ, 07 de março de 2007

Leia mais

SAMUEL, O PROFETA Lição 54. 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil.

SAMUEL, O PROFETA Lição 54. 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil. SAMUEL, O PROFETA Lição 54 1 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil. 2. Lição Bíblica: 1 Samuel 1 a 3 (Base bíblica para a história o professor) Versículo

Leia mais

Sinopse I. Idosos Institucionalizados

Sinopse I. Idosos Institucionalizados II 1 Indicadores Entrevistados Sinopse I. Idosos Institucionalizados Privação Até agora temos vivido, a partir de agora não sei Inclui médico, enfermeiro, e tudo o que for preciso de higiene somos nós

Leia mais

Depressão e Qualidade de Vida. Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP

Depressão e Qualidade de Vida. Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP Depressão e Qualidade de Vida Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP 1 Percepções de 68 pacientes entrevistadas. 1. Sentimentos em relação à doença Sinto solidão, abandono,

Leia mais

Sou Helena Maria Ferreira de Morais Gusmão, Cliente NOS C827261492, Contribuinte Nr.102 297 878 e venho reclamar o seguinte:

Sou Helena Maria Ferreira de Morais Gusmão, Cliente NOS C827261492, Contribuinte Nr.102 297 878 e venho reclamar o seguinte: Exmos. Senhores. Sou Helena Maria Ferreira de Morais Gusmão, Cliente NOS C827261492, Contribuinte Nr.102 297 878 e venho reclamar o seguinte: Sou cliente desde a época da TVTel nunca, até hoje, mudei de

Leia mais

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br Alô, alô Quero falar com o Marcelo. Momento. Alô. Quem é? Marcelo. Escuta aqui. Eu só vou falar uma vez. A Adriana é minha. Vê se tira o bico de cima dela. Adriana? Que Adriana? Não se faça de cretino.

Leia mais