Mercado. Atualidade. Entrevista. Entrevista. Empresa. A nova etiqueta dos pneus poderá mudar alguma coisa no comércio de pneus?

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mercado. Atualidade. Entrevista. Entrevista. Empresa. A nova etiqueta dos pneus poderá mudar alguma coisa no comércio de pneus?"

Transcrição

1 DOSPNEUS INDEPENDENTE DE PNEUMÁTICOS E SERVIÇOS RÁPIDOS Mercado O SETOR DOS PNEUS AGRÍCOLAS Alguns dos princiapis operadores do setor dos Pneus Agrícolas falam do mercado e dos principais fatores que o influenciam, sem esquecer as oportunidades e o futuro que o mesmo terá, num cenário de cada vez maior concorrência, onde o acompanhamento técnico assume grande importância Nº 17 ABRIl 2012 ANO III 5 EUROS PUB Atualidade A nova etiqueta dos pneus poderá mudar alguma coisa no comércio de pneus? Entrevista Pietro Saletta, Diretor Geral da Goodyear Dunlop Ibéria Entrevista Mário Mendes, Coordenador da rede First Stop Empresa Casas das Jantes, a reparar jantes há várias décadas

2

3 EDITORIAL Nº 17 ABRIL 2012 ANO III SUMÁRIO Mudança supersónica Existem ainda alguns retalhistas que conseguem viver exclusivamente do pneu. Serão cada vez menos a conseguir esse feito extraordinário e alguns ainda o conseguem pois sabem que não existe sucessão nos seus negócios. Por isso, o problema é muito dos outros (a grande maioria) que quer continuar a trabalhar nesta área, mas que atravessa cada vez mais dificuldades. Estar atento aos sinais que o mercado da reparação e manutenção auto nos vem dando nos últimos anos é fundamental para qualquer retalhista de pneus perceber que o futuro neste sector não será para todos. Uma breve análise ao número de vendas de pneus no mercado de substituição, revela quebras, nos primeiros três meses deste ano, superiores aos 15%. Obviamente que este é um dado preocupante, que o será ainda mais no curto e médio prazo, atendendo à quebra no consumo de combustível e à redução do número médio de quilómetros que cada veículo faz por ano. A concorrência é fortíssima e não é só da nova distribuição, mas também das marcas e dos grupos de retalho automóvel, que têm vindo a fazer crescer as vendas de pneus. Tudo isto demonstra que potencialmente um carro irá menos vezes a uma casa de pneus ao longo da sua vida útil e que provavelmente existem mais palyers neste mercado. Por isso, é preciso pensar de que forma se pode potenciar a presença do cliente na casa de pneus, propondo-lhe outros serviços (que ele de facto precise) tentando que o valor da factura seja superior. Dessa forma continuará a haver menos visitas do cliente, mas as mesmas serão mais rentáveis para a oficina. Existem contudo outras oportunidades. Muitos operadores da distribuição de peças automóvel têm vindo a apostar em redes oficinais. Aquela questão da imagem unificada pode continuar a ser importante e até trazer um pequeno custo acrescido para a oficina, mas o que muitas destas empresas trazem de novo é a formação e a informação técnica e de marketing. O apoio real, quer na componente técnica quer de marketing, que estas empresas podem dar às oficinas é muito grande. A boa notícia é que estas redes querem crescer e querem boas oficinas (de pneus ou não) e, neste momento, ainda existem muitas oportunidades para aproveitar, num mercado que está em mudança supersónica. Paulo Homem Notícias Novidades do sector 4 Actualidade Nova etiqueta dos pneus 14 Legislação Nova norma de segurança para os elevadores 18 Mercado Pneus agrícolas 20 Gestão Tirar partido da internet 26 Faturar em tempo real 30 Produto ContiPremiumContact5 32 Dunlop Sport Maxx RT 34 Vredestein Ultrac Vorti 36 Entrevista Pietro Saletta, Goodyear Dunlop Ibéria 38 António Gonçalves, Gonçalteam 42 Rui Veiga de Carvalho, Check & Go 44 Mário Mendes, First Stop 46 Empresas Dacunha 50 Eurocofema 54 Recauchutagem Nortenha 56 Maquipneus 58 Casa das Jantes 60 Formação Formação profissional 64 Retalho Pneu Expert 67 Justino Gomes Bessa & Filhos 68 Retrocal 69 Técnica Compreender o binário 70 Serviço Alinhamento de direções 72 FICHA TÉCNICA APCOMUNICAÇÃo O SEU PARCEIRO DE NEGÓCIO COPYRIGHT: Nos termos legais em vigor é totalmente interdita a utilização ou a reprodução desta publicação, no seu todo ou em parte, sem a autorização prévia e por escrito da Revista dos Pneus. DIRECTOR:Paulo Homem DIRECTOR ADJUNTO:João Vieira SUBDIRECTOR: Hugo Jorge PROPRIEDADE: João Vieira - Largo Infante D. Henrique, 7 Várzea de Colares Colares Telefone: Fax: REDACÇÃO: Augusto Quelhas, João Cerqueira, Fátima Rodrigues, António Lopes DESIGN GRÁFICO: Pedro Vieira IMAGEM: António Valente MARKETING E GESTÃO DE VENDAS: Director:Ricardo Miranda - PUBLICIDADE: Director:Mário Carmo IMPRESSÃO:Peres - SocTip Estrada Nacional 10, Km 108, Samora Correia Telefone: PERIODICIDADE:Trimestral ASSINATURA ANUAL:20 Euros (4 números) DISTRIBUIÇÃO:CTT Nº de Registo na ERC: Depósito Legal Nº:306293/10 Tiragem: exemplares DOS PNEUS 03

4 NOTÍCIAS Todos os pneus convergem para Reifen 2012 O maior evento mundial do sector dos pneus tem lugar na Messe de Essen, Alemanha, de 5 a 8 de Junho próximos. Tudo o que diga respeito a produtos e serviços relacionados com pneus, distribuição destes, tecnologias de pneus e de chassis de veículos, recauchutagem, vulcanização, reparação e oficinas de pneus terá passagem obrigatória na Reifen A feira abrirá no dia 4 com uma cerimónia festiva, onde serão entregues os Prémios de Inovação relativos a este ano, cujas categorias em competição incluem Tecnologias, Produtos, Conceitos de Serviço, Optimização de Processos, Defesa do Ambiente e Conservação de Recursos. A apresentação das candidaturas terminou no final de Março deste ano. Toda a feira será acompanhada por um programa e informações de apoio, que conta com a experiência do principal patrocinador do evento, a associação alemã de comércio de pneus BRV. A organização este ano criou um novo site exclusivo para o evento (www.messe-essen-media.de), que permite a expositores e visitantes acederem a toda a informação disponível sobre a feira de Reifen e até efectuarem encomendas. A DOS PNEUS estará presente como habitualmente, para fazer a reportagem do evento, que será publicada na próxima edição. S. José também em Espanha com a BKT A S. José, Logística de Pneus, empresa que distribuiu os pneus da marca BKT em Portugal, passou também a distribuir os pneus desta marca em Espanha, tornando-se assim seu Distribuidor Ibérico. Para tal foi constituída uma empresa para operar naquele país, tomando ali a designação de San Jose Neumaticos Y Accessorios, SL. Para suportar esta nova operação, entrou em Abril em funcionamento, um novo armazém, que com mais 4.500m2, que irá permitir satisfazer as necessidades dos clientes das empresas em toda a Península Ibérica. Mercado em queda No primeiro trimestre de 2012 o mercado de substituição de pneus novos de veículos ligeiros (Passageiros, Van e 4x4) teve uma quebra de 16% em Portugal, face a idêntico período de Nesse período de 2012 venderam-se qualquer com pneus novos, contra que se venderam também no primeiro trimestre. Analisando só o mês de março último, a quebra foi de 17%, tendo-se ultrapassado ligeiramente os pneus, isto é, bem abaixo do mês de março de 2011 e abaixo dos valores registados em Janeiro e Fevereiro de O mercado (pneus ligeiros) europeu registou no primeiro trimestre de 2012 uma quebra de 10%, face a igual período de 2011, tendo-se vendido mais de 59 milhões de pneus, contra os mais de 67 milhões do ano anterior. Por curiosidade, a Alemanha foi o país onde se venderam mais pneus no primeiro trimestre de 2012 (cerca de Rubber Vulk também na China No seguimento da política de expansão de mercados adoptada pela Rubber Vulk, foi criada uma nova estrutura na República Popular da China com o objectivo de fortalecer e organizar uma rede de distribuição no mercado interno. O mercado chinês é um mercado enorme e muito receptivo a produtos de qualidade. É no segmento premium que a marca se posiciona, tendo já chegado a acordo com redes importantes de distribuidores locais. 13,5 milhões, com uma quebra de 7% no emrcado), sendo que na Finlândia, Suécia, Suiça, Eslováquia, Bulgária, Macedónia, Eslovénia, Hungria e países bálticos, registaram crescimento nas vendas nos primeiros três meses do ano. A maior queda percentual foi na Itália, onde se venderam mesnos 28% de pneus novos no mercado de substituição, acumulando os primeiros três meses do ano. Haweka com formação em equilíbrio A Haweka Portugal/Gonçalteam está a disponibilizar formações certificadas relacionadas com o equilíbrio automóvel e motociclos, no local onde o trabalho técnico é efetuado ou no centro de formação do distribuidor, ganhando assim, o máximo envolvimento da equipa técnica das empresas com o equipamento já existente. A campanha deve-se à evolução do mercado automóvel e dos seus respectivos componentes. Com eles surge a necessidade do progresso nos métodos de equilíbrio, de modo a que seja possível evitar os retornos negativos dos clientes, e consequentemente os custos do trabalho no dia-a-dia. Domingos & Morgado aposta na formação No seguimento do que tem sido nossa filosofia de preparação dos clientes DA Domingos & Morgado para um serviço de excelência, a empresa deu continuidade à sua política de Formação de Alinhadores com o 1º Curso Básico de Alinhamento de Direcções John Bean de 2012, no Novo Centro de Formação da Maia. Este curso, de Grau 1 ou Básico, foi composto por duas fases. A primeira fase, totalmente teórica, ministrada durante o dia 19 de Março. A segunda e última fase, exclusivamente prática, no dia 20 de Março. Neste dia, os formandos puderam aplicar os conceitos aprendidos no dia anterior, tanto com a utilização de um "buggy" de demonstração como com veículos reais disponibilizados para o efeito. Os tópicos abrangidos foram os mais variados, desde Sistemas de Suspensão, Direcção, Amortecimento, etc., até à análise básica da Geometria do Veículo. Como complemento, foi ainda feita uma pequena apresentação das reais potencialidades de uma alinhadora de última geração, nomeadamente no que se refere à identificação, análise e resolução de problemas de um veículo, através dos dados obtidos a partir da sua própria medição. Dada a boa aceitação por parte dos formandos e a curiosidade suscitada pela parte final, dedicada a Diagnósticos Avançados, está a Domingos & Morgado já a programar a realização de um novo Curso, desta vez uma Formação de Grau DOS PNEUS

5

6 NOTÍCIAS Haweka com Starter Kit para máquinas de equilibrar A Haweka Portugal apresenta um Starter Kit para todas as máquinas de equilibrar do mercado. Este kit contém dois DuoExpert, com diâmetros abrangidos de mm ou de mm, uma QuickPlate de quatro furos, com quatro cabeçotes incluídos, e outra de cinco furos com 10 cabeçotes incluídos. O kit traz ainda uma prancha de arrumação para estas ferramentas e inclui formação técnica para a sua utilização. PUB Gonçalteam lança saca-rolamentos da Gedore A Gonçalteam lançou um novo saca-rolamentos da Gedore, com grampos extra-finos. Esta ferramenta é particularmente adequada para locais de difícil acesso, como os motores eléctricos. Além de serem mais finos, os grampos deste saca-rolamentos são também forjados, aumentando a sua durabilidade e resistência. Vulco e Autodata assinam acordo A rede de oficinas associadas da Goodyear Dunlop - Vulco assinou recentemente um acordo com a empresa Autodata para utilizar a sua ferramenta online em toda a rede Vulco localizada em Portugal e Espanha. A assinatura deste acordo com a Vulco, vai ao encontro dos objetivos de desenvolvimento da Autodata, ao estabelecer múltiplos acordos diretos com os principais atores do setor automóvel Europeu. Com a nova aplicação, os operadores das oficinas vão ter acesso à informação sobre o estado do veículo e quais as reparações a fazer. A ferramenta da Autodata permite ainda obter a informação em tempo real e, por isso, os dados apresentados são sempre os mais atuais e precisos. Nas palavras de Alberto Villarreal, diretor da rede Vulco: o crescimento de uma rede como a Vulco deve ser sempre acompanhado por um maior nível de profissionalização e eficácia dos processos. Graças a este acordo com a Autodata, continuamos a seguir a nossa ideia de que saber adaptarse e reinventar-se é essencial para alcançar sucesso e liderar o futuro. A Autodata conta com uma ampla base de dados técnicos de mais de 95 fabricantes de automóveis e cobre mais de modelos. Esta aplicação online revela-se uma ferramenta de grande valor acrescentado para as oficinas que a utilizem. 6 DOS PNEUS

7 NOTÍCIAS Hankook tem rede de assistência para pesados A Hankook tem, desde Janeiro deste ano, uma rede de assistência para pesados: a Hankook Road Assist 24h. O serviço está disponível para clientes da Alemanha, França e Espanha, embora esteja disponível em 30 países europeus em pontos. A Hankook Road Assist 24h destina-se a frotistas de pesados e não está dependente da escolha de pneus dos clientes. O serviço de assistência da marca para cada país mantém-se até que se integre nesta rede pan-europeia. PUB Dispnal apresenta Toyo Nanoenergy Com intenção de revolucionar o mercado dos pneus na área ecológica, a Toyo Tires criou uma nova linha á qual chamou Nanoenergy. Extremamente bem desenvolvido pelos seus engenheiros e baseado na nanotecnologia, a Toyo obteve a classificação de AAA-b nos testes efetuados pela JATMA (Associação Japonesa de Produtores de Pneus) com o pneu Nanoenergy 1. Um avanço tecnológico significativo que permitirá aos utilizadores deste pneu obter uma alta performance na durabilidade e resistência da borracha, na redução do consumo de combustível bem como na emissão de CO2. No mercado já existem pneus com tecnologia Green e classificação AAA-c mas o Nanoenergy 1 é o primeiro a conseguir a classificação AAA-b dada a sua alta eficácia em piso molhado. De momento a linha Nanoenergy está dividida em Nanoenergy 1 (esta apenas na medida 195/65R15 91H) e Nanoenergy 2. Mitas recebe pontuação máxima A Mitas, que recebeu a pontuação máxima do construtor de tractores Agco, que produz seis gamas de equipamentos, como o Fendt Vario, quatro das quais utilizam pneus Continental fabricados pela Mitas no primeiro equipamento. Os critérios de qualidade dos pneus, logística, serviço ao cliente e protecção do ambiente deram à Mitas a pontuação máxima atribuída pela Agco aos seus fornecedores. De 2010 para 2011, as compras de pneus da Agco à Mitas aumentaram uns significativos 25%. Em que é que a crise entra nesta história? Simples: por causa da crise, a Continental alienou a sua divisão de pneus agrícolas, devido a falta de rentabilidade. Quem comprou o negócio em 2004 foi a Mitas, uma divisão da holding CGS, que possui três unidades de produção na República Checa e outra na Sérvia, fabricando as marcas Mitas e Cultor, além de pneus Continental, sob licença. Além da especialidade da Mitas, os pneus agrícolas e industriais, este fabricante ainda produz pneus para motos, dispondo de uma rede de vendas global. Devido ao acordo com a Continental, a Mitas tem agora a tecnologia mais actualizada em fabrico de pneus e pode sonhar calmamente com o seu futuro. DOS PNEUS 7

8 NOTÍCIAS Gripen Wheels Ibéria com United Fruto da estratégia Ibérica de diversificação da gama de produtos do maior operador Europeu no mercado dos pneus OTR, a Gripen Wheels Iberia passou a juntar à sua oferta de pneus profissionais económicos, a gama Florestal da marca United. Com origem na PRC, a United fabrica uma gama completa de pneus Florestais, concebidos para enfrentarem as mais duras condições de utilização, tão características dos trabalhos florestais. Reforçados com cinta de aço e disponíveis em três Desenhos de Piso diferentes (HF-2, FG e LS-2), os pneus Florestais United distinguem-se pela durabilidade e pela relação preço-qualidade. Segundo Luis Martins, General Market Manager da Gripen Wheels Iberia, a disponibilização no mercado Ibérico da gama Florestal da United, contribuirá, neste período de crise que atravessamos, para reduzir os custos operacionais das empresas do sector Florestal, bem como dinamizar a oferta dos nossos Agentes, com benefícios claros no incremento dos seus volumes de negócios e na melhoria substancial das suas margens de comercialização. O Segmento Económico do mercado dos pneus em geral e, do produto Florestal em particular, tem registado um crescimento assinalável e, com esta oferta ampliada, poderemos dar plena cobertura a todas as necessidades dos diferentes canais de distribuição com que operamos, permitindo o aumento da rentabilidade do negócio dos nossos Agentes. A Gripen Wheels Iberia tem base logística na Zona Industrial da Maia (Zona do Grande Porto). Para além da gama OTR - Engenharia Civil composta pelas marcas próprias Gripen Wheels e Dynamaxx, bem como, as distribuições oficiais das marcas Triangle e Hilo Tires, a Gripen Wheels Iberia comercializa ainda Pneus Florestais United, Pneus Industriais Ceat Altura (Movimentação de Cargas Portuárias), pneus Pesados Triangle, Double Star e Ling Long, Jantes OTR e Jantes de Camião. Infinity com nova campanha A Infinity anunciou planos para expandir e costumizar a sua campanha DNA adequando-a aos mercados nacionais onde opera. A Infinity descreve a sua nova campanha como reinterpretando monumento nacionais utilizando pneus Infinity. Esta é apenas uma das novidades que a marca tem para os seus clientes durante A campanha é construída a partir da ideia de que os pneus Infinity se destacam dos restantes, daí o seu slogan Nem todos os pneus são criados da mesma forma. Além disso, também toca na ideia de que os pneus são inimitáveis, tal como o DNA de cada pessoa a faz diferente de todas as outras. Pirelli cresce 16,6% em 2011 A Pirelli cresceu 16,6% em 2011 em relação à sua prestação no ano anterior. O negócio de pneus, que é cerca de 99% do total do grupo, teve um crescimento significativo. A estratégia de colocar produtos premium junto dos consumidores, bem como aguentar a pressão dos preços que o aumento dos custos das matérias-primas está a condicionar, fez com que fossem estes os resultados. As vendas subiram 17,4% para milhões de euros, suportada por um bom desempenho do mix de preços. Os resultados no segmento premium subiram 27%, chegando aos milhões, enquanto no segmento automóvel chegaram a 50% do total. Michelin equipa elétrico da Renault (S/ FOTO) A Michelin vai equipar, em estreia mundial, o Renault ZOE (eléctrico) com o Energy E-V. Fruto de um programa de investigação e desenvolvimento conjunto da Michelin e da Renault que durou quatro anos, estes novos pneus de alta eficiência energética contribuem para aumentar a autonomia geral do veículo. Os novos pneus Michelin Energy E-V serão equipamento original para todos os Renault ZOE que montem pneus de 15 e 16 polegadas. Este equipamento inovador insere-se na lógica global do construtor, o Range Optimizar do Renault ZOE, que reúne um conjunto de inovações que melhoram a autonomia do veículo, independentemente das condições de condução. Por exemplo, em percursos suburbanos, o Renault ZOE consegue até 6% de autonomia (segundo o uso), graças a estes pneus. Neoparts com lavadora em renting A Neoparts disponibiliza para o mercado a lavadora de pavimentos BR 40/10 C Adv da Karcher. Trata-se de um equipamento muito utilizado nas oficinas, mas que agora pode ser utilizado sem ser comprado. De facto, a Neoparts desenvolveu um conceito de renting, que permitirá às oficinas utilizar este equipamento (que tem um preço de quase Euros) através de uma renda mensal que pode varia dos 65 aos 160 Euros (consoante o período do contrato). Apesar da crise, não deve descurar os aspectos da limpeza da oficina, pelo que esta solução da Neoparts pode dar uma ajuda. Sópneus muda de instalações na Maia Depois de três anos a funcionar no Centro Empresarial da Maia, a Sópneus Maia mudou as suas instalações para a Rua Eng. Frederico Ulrich, nº 2381 (junto à Efacec), apresentando agora um espaço maior e mais moderno. Com estas novas instalações, a Sópneus passa a ter todas as condições para oferecer aos seus clientes um serviço de excelência a todos os níveis. Esta loja está aberta ao público de segunda a sexta-feira das 8h30m às 19h00m e aos sábados das 08h30m às 13h00m. Novos pneus ecológicos N'Blue da Nexen A marca Nexen lançou a sua nova gama de pneus ecológicos N'Blue ECO e HD, que estará a chegar ao mercado europeu durante os próximos meses. A designação destes pneus inclui o N da marca, seguido do termo inglês " blue " (azul), que é facilmente associável a leveza, frescura e tranquilidade. As siglas ECO e HD significam pneus amigos do ambiente e de fácil manejo (handling) ou condução. Os trunfos destes novos pneus são uma menor resistência ao rolamento e um peso total inferior à média, o que contribui para reduzir o consumo de combustível do veículo e as emissões de CO2. Esta gama se pneus é indicada para utilização no Verão, nos países europeus do Norte ou em países com clima mais benigno durante todo o ano. Altaroda distribui Valvoline A Alta Roda passa a assumir a distribuição dos lubrificantes Valvoline para o canal oficinas de Pneus. Apostamos na promoção de interesses para que o canal pneus possa comprar um óleo de prestigio a um fornecedor habitual e que se identifica com o padrão de qualidade Valvoline, comentou Vitor Rocha da Alta Roda, acrescentando que todos profissionais de pneus procuram alargar serviços, e esta marca é reconhecida de imediato pelo cliente final, o que se traduz em prestigio para o profissional de pneus, facilitando a entrada nesta área de negócios. 8 DOS PNEUS

9 NOTÍCIAS Firestone lança pneu Run Flat A Firestone lançou o Firehawk SZ90µ RFT, o primeiro pneu da marca com Tecnologia Run-Flat na Europa para o mercado de reposição. Construído com paredes reforçadas de borracha, permite ao condutor continuar a conduzir em segurança caso o pneu perca pressão ou fique mesmo sem ar. O Firehawk SZ90µ RFT destina-se aos condutores com veículos originalmente equipados com pneus com tecnologia Run-Flat que procuram uma alternativa mais económica. Este novo pneu tem igualmente como objectivo atrair os clientes Firestone neste segmento e complementar a linha Firehawk SZ90µ, o pneu de turismo TZ300α e o versátil Multihawk. O Firehawk SZ90µ é um pneu que alcançou uma sólida reputação de equilíbrio no desempenho em piso molhado e seco. Com a tecnologia Run-Flat, o novo Firehawk SZ90µ RFT fornece segurança extra, numa excelente relação qualidade/preço. O novo pneu está disponível em toda a Europa em 6 medidas para jantes de 16 a 18 polegadas, nas séries Alves Bandeira muda de instalações As empresas do Grupo Alves Bandeira mudaram de instalações estando a partir de agora reunidas num único local. As empresas do Grupo Alves Bandeira estão agora numa modernas e integradas instalações no PÓLO CAB, na Zona Industrial da Pedrulha, Lote 12 Mealhada, em Casal Comba. Par mais informações poderá contactar pelo telefone Goodyear e DuPont colaboram A Goodyear e a DuPont Industrial Biosciences estão a trabalhar em conjunto no desenvolvimento do BioIsoprene, uma alternativa revolucionária e biológica ao Isopreno (derivado do petróleo). O BioIsoprene pode ser usado na produção de borracha sintética que por sua vez é uma alternativa à borracha natural e a outros elastómeros. O desenvolvimento do BioIsoprene ajudará a reduzir a dependência da indústria de pneus e da borracha nos produtos derivados do petróleo. As duas empresas comprovaram esta nova técnica através da produção de um pneu protótipo, fabricado com monómeros de BioIsoprene e que foi apresentado no Salão Internacional do Automóvel de Genebra de 2012, realizado entre os dias 8 e 18 de Março. Para a Goodyear, dispor de uma alternativa biológica à borracha sintética constitui um importante avanço, visto que a empresa procura abordagens inovadoras para superar a dependência em matérias primas. Adicionalmente é objetivo da empresa reduzir a sua impressão de carbono e o monómero de Bio- Isoprene, produzido com matérias-primas renováveis, vai ajudar a alcançar esta meta. Hankook Vantra LT para comerciais ligeiros Neste tipo de veículos, cuja utilização é predominantemente urbana e regional, os pneus têm um papel crítico na segurança, eficiência energética e rentabilidade das frotas. Ao desenvolver o seu novo pneu Vantra LT, a Hankook preocupou-se essencialmente com esses aspectos, tendo conseguido um pneu que economiza combustível (-13% do que o pneu anterior do mesmo tipo), garante máxima segurança e proporciona uma longa vida útil, mesmo nas condições de utilização mais exigentes. Além disso, o Vantra LT, que foi lançado em 34 medidas diferentes, oferece grande estabilidade, distâncias de travagem mais curtas e excelente comportamento em molhado. A duração aumentou 12%, graças a reforço estrutural, novo desenho e um revestimento protector nos flancos. O novo desenho do Hankook Vantra LT, com três sulcos centrais amplos, garante boa resistência ao aquaplanig e grande segurança na condução sob a chuva e em situações invernais. Automecânica de novo na Batalha A 2ª edição da Automecânica, que irá decorrer de 31 de Outubro a 4 de Novembro de 2012, já está a caminho, depois do sucesso que foi a estreia deste certame em Na edição deste ano da Automecânica são ainda esperadas mais empresas do sector oficinal, para além de estarem em estudo algumas iniciativas paralelas que possam potenciar a presença de cada vez mais profissionais nesta feira. Refira-se que a Automecânica irá decorrer em simultâneo com a Expoauto, que em 2012 regressa aos pavilhões da Exposalão. Novo site da SPO Para que os seus clientes e público em geral conheçam melhor a SPO e os produtos que comercializa, a empresa criou um novo site Neste site, para além do visitante poder ficar a conhecer melhor as características de cada pneu Kumho que a SPO comercializa, entre outras informações, desenvolve uma forma mais eficaz para os seus clientes, para que possam fazer consulta de stocks, encomendas de pneus, consulta de conta corrente, além de outros items. Para os interessados, basta contactar o Departamento Comercial e solicitar o seu nome de utilizador e password. VOCÊ É UM VERDADEIRO PROFISSIONAL! ENTÃO EXPERIMENTE A WR 328 PUB Estrada Municipal RN Pinhal da Areia Moita - Tel.: Fax: DOS PNEUS 9

10 NOTÍCIAS Aquilla O novo pneu da CAMAC Com lançamento previsto já para o segundo trimestre de 2012, o novo Aquilla é o mais recente pneu da nova geração CAMAC. Dando forma à renovação de que foi alvo no início do ano de 2010, a CAMAC prepara-se para aumentar e renovar as suas gamas em pneus ligeiros, comerciais e 4x4. Assim sendo, o Aquilla está prestes a ser introduzido no mercado, sendo um pneu para veículos automóveis ligeiros de alta performance. Estará já disponível a partir do 2.º trimestre de 2012 nas dimensões 215/50R17, 215/45R17 e 215/45R18 nos índices V e W e reinforced. Está também previsto para a mesma altura, o lançamento de novas medidas nas gamas Comerciais e Todo Terreno nos modelos Terra, Atlas, Fargo e CTM. Mudanças na Goodyear Dunlop Iberia A Goodyear Dunlop Iberia acaba de renovar a sua estrutura de marketing e comunicação, que passa a ser liderada por Ignacio Blanco, novo director de Marketing para Espanha e Portugal. Dentro do mesmo objectivo, Nieves Fuentes assume a direcção de Comunicação e Relações Institucionais a nível ibérico. Antes de entrar para a Goodyear Dunlop Iberia, Ignacio Blanco foi director de Estratégia da empresa Mediacom para o mercado espanhol. Entre outros cargos, na sua já longa carreira nas áreas de vendas e marketing, Blanco desempenhou a função de Marketing Manager na GM Portugal e idêntica responsabilidade na Opel España. Osram com novidades em leds A Osram acaba de lançar os novos kits de condução diurna LED e LEDriving DRL, com tecnologia LED de fácil instalação e ligação eléctrica plug&play, sem necessidade de modificações no automóvel. O Kit LED com luz homogénea está apto para ser montado (com parafusos, encaixe ou colagem) em 80% dos veículos no mercado. Este Kit de luz de condução diurna está aprovado pela ECE. Por sua vez o Kit LEDriving DRL com efeito pontos de luz apresenta uma configuração ultra compacta e adapta-se à maioria dos modelos de automóvel. Trata-se de uma luminária desenhada para ser facilmente integrada mesmo em grelhas (160x30x23 mm). Fácil instalação e ligação elétrica feitas em oficina, este Kit não obriga a modificações no automóvel, estando de acordo com as normas ECE R87 (apenas luz de condução diurna), SAE, CCC e IP67. Novo Bridgestone Touranza T001 A 82ª edição do Salão Internacional Automóvel de Genebra (Suíça) foi o palco escolhido pela marca Bridgestone para lançar o seu novo pneu Touranza T001. O novo pneu Touranza T001 foi escolhido pela marca para ir substituindo gradualmente o Touranza ER300, um dos seus melhores produtos, estando portanto a um nível ligeiramente acima do seu antecessor, no que respeita a segurança, conforto, vida útil e eficiência energética. A contrário do ER300, o novo Touranza T001 estará disponível para uma ampla gama de modelos e dimensões de jantes, podendo alcançar os índices de velocidade mais altos. As principais características do novo Bridgestone Touranza T001 são o desenho avançado, um novo composto da banda de rolamento Hig-sílica top, bem como maior rigidez lateral e longitudinal dos blocos dos ombros, para se obter um contacto óptimo com a estrada. Por outro lado, o novo pneu recupera do anterior o composto patenteado da Bridgestone NanoPro-Tech, que permite obter um equilíbrio perfeito entre baixa resistência ao rolamento e elevada aderência em pisos molhados. Pirelli já vende o novo Scorpion Verde A versão allseason (todas as estações) do Pirelli Scorpion Verde já está disponível no mercado ibérico. Trata-se do primeiro pneu de altas prestações ambientalmente compatível, destinado a veículos com maior impacto ambiental, como os SUVs e os Crossover. As medidas de jante vão de 16" a 20" e os códigos de velocidade estão escalonados de H e V a W. Esta versão allseason já entrou no mercado norte-americano no ano passado e permite economizar combustível, com menores emissões, além de proporcionar conforto e segurança em todas as superfícies, graças a novas soluções e tecnologias, materiais inovadores, estruturas avançadas e bandas de rolamento da última geração. A Pirelli vai ao ponto de concretizar os atributos do novo pneu, garantindo em relação à versão anterior menos 20% de resistência ao rolamento, menos 3,9% de consumo de combustível em circuitos urbanos e menos 3,4% em circuitos mistos, assim como uma redução de 30% no nível de ruído. O flanco traz o símbolo M+S, o que garante a sua utilização em superfícies cobertas de neve, lama, gelo, água e outros obstáculos. Apesar de todas estas vantagens, o novo Scorpion Verde allseason garante ainda longa vida útil e uma quilometragem aumentada. Modelos de marcas como a Land Rover, Mercedes Benz, Porsche, Audi e VW já montam o novo pneu da Pirelli no primeiro equipamento. Operação "Sobre rodas" A Policia Judiciária, através da Diretoria do Norte, com a colaboração da Autoridade Tributária e Aduaneira do Porto e no âmbito de inquérito coordenado pelo DIAP do Porto, realizou recentemente uma importante operação policial com o objetivo de desmantelar uma organização criminosa que se vinha dedicando há vários anos à prática dos crimes de fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais. O modus operandi dos agentes criminosos consistia nas aquisições intracomunitárias de pneus efetuadas por operadores nacionais, pessoas coletivas e singulares, a operadores comunitários, também estes revestindo ora a forma societária ora a forma individual apresentando posteriormente divergências em sede de VIES (sistema comunitário de intercâmbio de informações) entre os valores declarados em Espanha, França, Bélgica, Holanda e Alemanha e a não declaração dos mesmos verificada em Portugal. Esta omissão fazia com que os bens entrassem em Portugal e fossem transacionados à margem de qualquer controlo da Administração Fiscal, acabando por ser introduzidos ao consumo sem a respetiva emissão de fatura, sendo a mercadoria transacionada sem que se conhecessem dados relevantes tais como a quantidade, o tipo e o valor da mesma. Para efeitos de IVA, a quantificação da vantagem patrimonial ilegítima, nos últimos anos, ascende a cerca de 2 milhões de euros para um valor de aquisições intracomunitárias superior a 9 milhões. Os lucros desta ação criminosa eram posteriormente ocultados e dissipados por diversas contas bancárias e ainda na aquisição de bens móveis e imóveis para os suspeitos. Esta organização criminosa era constituída por dezanove elementos, de nacionalidade portuguesa e estrangeira, com idades compreendidas entre os 27 e os 60 anos, onze dos quais foram detidos. No âmbito desta investigação foram já apreendidos 5 imóveis, 12 viaturas automóveis, mais de 500 saldos de contas bancárias, milhares de pneus e ainda documentação com relevância para a prova. 10 DOS PNEUS

11 NOTÍCIAS Nova geração de pneus Falken na Europa A marca de pneus Falken Tyre Europe, que pertence ao grupo industrial japonês Sumitomo, apresentou a nova geração de pneus de automóvel, 4 x 4 e SUV para 2012, especialmente desenvolvidos para o mercado europeu. Para responder às crescentes exigências dos consumidores e utilizadores, a Falken Tyre Europe efectuou uma reformulação completa da estrutura dos seus pneus, processos de fabrico e apresentou novos compostos de borracha e desenhos da banda de rolamento. Todas as novas soluções visam garantir as melhores prestações em termos de aderência, duração do pneu, menor resistência ao rolamento, segurança, estabilidade, maneabilidade e capacidade de travagem. A base da tecnologia e a filosofia de construção dos pneus Falken deriva da experiência da marca no fabrico de pneus para os desportos motorizados e dos testes realizados em diversas pistas e durante competições. Carlos Viñas, director da Falken para a Península Ibérica, destaca as principais vantagens desta marca: Tecnologia, ampla gama dimensional e disponibilidade de stocks. No segmento e ultra altas prestações, Viñas destaca o Falken AZENIS FK453, pneu de características desportivas com baixo nível de ruído. Este pneu estará no mercado a partir desta Primavera 2012, oferecendo um total de 62 dimensões diferentes, permitindo equipar modelos como o Porsche 911, BMW M3 e Audi RS5, entre outros desportivos do mercado. O mesmo tipo de pneu estará disponível na versão SUV, o AZENIS FK453CC, permitindo equipar carros como o Audi Q7, BMW X6, Porsche Cayenne, VW Touareg e outros modelos de topo de gama. Quanto ao pneu Falken ZIEX ZE914, trata-se de uma categoria de pneus desportivos que conciliam o prazer de condução com o conforto, boa aderência em seco e em molhado, assim como baixa resistência ao rolamento. Este pneu consegue aliar qualidades que geralmente são mutuamente exclusivas e está disponível em dez dimensões diferentes, para modelos como o VW Golf, Volvo V60, Audi TT e outros. Para completar a gama, a Falkem Tyre apresentou o novo Wildpeak A/T, o primeiro pneu de todo-oterreno da marca, com excelentes qualidades de condução dentro e fora da estrada, que estará disponível em 16 medidas usuais em veículos 4 x 4 (VW Amarok, Jeep Patriot, Toyota Land Cruiser e outros). Alidata e oficinavirtual.pt são parceiras A Alidata e a OficinaVirtual.pt estabeleceram recentemente uma parceria no sector da manutenção e reparação automóvel. A complementaridade das empresas permite oferecer às oficinas e clientes vantagem competitiva face a outras soluções no mercado, destinando-se a oficinas, concessionários, representantes automóvel, estações de serviços rápidos, empresas de máquinas e equipamentos, de peças e pneus. A parceria Alidata e OficinaVirtual.pt visa abordar o mercado, os interlocutores, as oficinas e as respetivas necessidades de forma eficaz e rápida com soluções para o sector. A Alidata e a OficinaVirtual.pt têm como objetivo estratégico incorporar vantagens comerciais para as empresas do sector automóvel na aquisição de soluções de ambas as empresas e estabelecer laços com o mercado onde operam. Nascida em 2010, a OficinaVirtual.pt, é uma empresa 100% nacional que se dedica à angariação de clientes para as oficinas através da internet, recorrendo a uma presença ativa neste canal e nas redes sociais, tendo estabelecido parcerias com diversas empresas, com benefícios para os colaboradores e clientes, e atualmente tem protocolos assinados com o ACP, Unicre, Barclays, Liberty Seguros entre outras entidades. Na área Corporate, onde é possível um gestor de frota profissional criar a sua própria rede de oficinas, é possível interagir de forma fácil, rápida e automática com todos os fornecedores ligados ao sector da manutenção e da reparação automóvel. A Alidata é uma empresa 100% nacional, no mercado desde 1984, que opera no sector das tecnologias informáticas, onde desenvolve e implementa soluções de gestão integradas, hardware e software, com software 100% português, tendo em 2008 aderido ao projeto Compro O Que É Nosso. PUB Cooperação da Continental com Marangoni A cooperação entre as duas empresas está centrada sobre a recauchutagem de pneus e dura desde 2008, altura em que na Continental começou a utilizar com bons resultados a banda de recauchutagem a frio ContiTread, produzida sob licença da Marangoni, especialista em recauchutagem de pneus para veículos industriais e outros. O novo passo da cooperação entre as duas empresas, que arrancou em Abril deste ano, cada uma dentro das suas competências específicas, será introduzir a banda ContiTread no conceito ContiLifeCycle, uma solução de gestão de pneus ao longo da sua vida útil que a Continental disponibiliza aos seus clientes de frotas transportadoras, entre outros. A iniciativa visa alcançar sinergias entre as duas empresas neste negócio ContiLifeCycle, tendo em vista reforçar a oferta e aumentar o volume de vendas, num produto que tem valor acrescentado para os clientes, especialmente em tempos de crise e de economias sistemáticas. DOS PNEUS 11

12 NOTÍCIAS 63% dos pneus com pressão abaixo do ideal A Bridgestone verificou o estado dos pneus de 46 mil veículos em 11 países europeus, durante Os resultados mostraram que 63% dos condutores estão a circular com pressão abaixo do ideal. Os resultados mostram que 17,5% dos condutores tinham os pneus com pressão muito baixa (pelo menos 0,5 bar abaixo da pressão recomendada) e 4,3% estão mesmo a colocar a sua segurança em risco ao conduzir com pressão muito abaixo do recomendado (0,75 bar). O estudo detectou igualmente que quase 20% dos pneus que circulam na estrada encontravam-se com o piso abaixo do mínimo legal de 1,6 milímetros de profundidade, representando um enorme risco para a segurança dos condutores, passageiros e outros utentes da estrada. Circular nestas condições aumenta o rico de aquaplanagem até 40% e coloca em causa a segurança, devido à perda de aderência. Cerca de 3,5% dos pneus inspeccionados encontravam-se em muito mau estado e com pressão totalmente desadequada, colocando em condutores em perigo. Novo turbo booster Berner A Berner tem disponível um novo aparelho de arranque para baterias 12V, de alta potência, que permite chegar a um pico energético de 3500 A, possibilitando a sua utilização em 14 viaturas de seguida sem interrupções. O novo Turbo-Start Booster da Berner, possui um circuito inteligente de carga que protege a sua bateria, sendo também possível carregar através de isqueiro. Vem fornecido com um carregador eléctrico, um cabo de isqueiro protegido por dois fusíveis de 5 A, um teste de carga por LED e possui um design altamente inovador e resistente. Novo presidente e CEO da Kumho Tires O fabricante de pneus Kumho Tires nomeou para o mais alto cargo da empresa Kim Chang- Kyu, que se tornou efectivo a partir de 1 de Fevereiro. O eleito para dirigir a Kumho Tires é licenciado em Engenharia Química pela Universidade de SungKyunkwan, tendo entrado ao serviço da Kumho Trading em Ocupou ainda cargos de liderança nas empresas Kumho Resort, Kumho Trading e Asiana IDT, antes de estabelecer o primeiro contacto com a Kumho Tires, o que aconteceu em De início, colaborou no estabelecimento do escritório de vendas do Dubai, encarregado dos negócios de exportação. Ao longo da sua carreira, Kim Chang- Kyu destacou-se pela sua capacidade de liderança, comerciais e de gestão, demonstrando uma mentalidade aberta ao mercado internacional. Após assumir o cargo, o novo homem forte da Kumho Tires estabeleceu como máximas prioridades a qualidade e o respeito pelo meio ambiente, para além do reforço dos laços de comunicação com os clientes de todo o Mundo, demonstrando estar no caminho correcto. Algarpneus integra Valvoline Service Center A Algarpneus expandiu, no início deste ano, o seu leque de serviços, passando a disponibilizar aos clientes serviços de mecânica e preparação de viaturas 4x4. Outra novidade, mais recente, é que a Algarpneus passou a integrar a rede Valvoline Service Center. Assim, a empresa, para além do serviços de pneus, onde é especialista, passou a ter também serviços de mecânica, focagem faróis, diagnósticos auto, travões e amortecedores. Refira-se ainda que o site da empresa, disponível em irá ser atualizado brevemente. Saldo positivo da Pneu Expo 2012 A organização do Pneu Expo 2012, que se realizou em Lyon no início do ano, foi para a organização um enorme sucesso. Dessa forma a edição de 2013 já está agendada, para o mesmo local, de 12 a 14 de Março de Outra aposta ganha foi a dimensão internacional da exposição, tendo contado com a participação de 100 expositores vindos de 18 países, sendo 40% franceses e 60% estrangeiros. Destes, 21% eram filiais de grandes grupos de produção de pneus. Quanto aos artigos e serviços presentes, 60% dos expositores tinham pneus, contra 40% que não traziam pneus, mas outros produtos. Cerca de 23% dos expositores tinham pneus e outros produtos, enquanto que 35% apostaram apenas nos equipamentos para a indústria de pneus e oficinas. Ao todo, estiveram presentes 165 marcas de pneus e um total de tipos de pneus expostos. Como seria de esperar, a maior parte dos visitantes eram profissionais da distribuição ou do pós venda dos pneus, dos quais 20% eram comerciantes especializados independentes, 27% concessionários de marcas automóvel ou de oficinas, 15% grossistas de pneus e 13% de redes de oficinas de pneus. Os fabricantes também estiveram presentes (6%), assim como os centros auto (6%), grossistas de peças (5%) e utilizadores finais (8%), principalmente transportadores, frotistas ou agricultores. Os expositores apreciaram sobretudo o perfil dos visitantes, dos quais 9 em cada 10 eram do ramo dos pneus ou do meio do pós venda automóvel. Bosch apresenta comprovador de baterias A Bosch já tem disponível o comprovador de baterias BAT 131. Trata-se de um equipamento ergonómico e muito funcional, com uma importante série de características, que o tornam numa ferramenta muito importante para uma oficina, com destaque para: - Teste de carga livrepara 6V & 12V baterias de chumbo ácido (Standard, AGM, Gel); - Para baterias de 12V & 24V - Ciclo de vida de mais de 10 anos - Teste de arranque e alternador (braçadeira amp opcional) - Ampla gama de normas de teste como: CCA, CA, MCA, JIS, SAE, EN, EN2, DIN, IEC*; Intervalo de teste CCA - Menu intuitivo com resultados no ecrã LCD de grandes dimensões; - Impressora integrada muito fácil de entender através das impressões gráficas; - Armazena até 100 relatórios de ensaio; porta USB para donwloads de relatórios e futuras actualizações de software; - Optimizado para testar baterias novas / sem uso/ em stock - Cabo de 3 m substituível permitindo flexibilidade no diagnóstico da bateria e do alternador; - Inclui diversos idiomas: europeus, asiáticos, norte-americanos; - Estrutura robusta especialmente concebida considerando os requisitos da oficina. TopTotal lança Speedline SL3 A TopTotal acaba de lançar no mercado português a nova jante Speedline SL3. Esta nova jante de uma das marcas do Grupo Ronal, carateriza-se por um desenho muito moderno de múltiplos raios, possuindo um forte impacto visual, derivado da sua cor (preto mate). Projetada para ser aplicada em carros de prestígio e SUV s, a SL3 está disponível em 19 e 21 polegadas, apresentando acabamentos de alta qualidade. A produção desta jante é feita com a mais actual tecnologia Flow Forming. 12 DOS PNEUS

13 NOTÍCIAS Goodyear com tecnologia AMT Verificar a pressão dos pneus pode ser uma tarefa do passado graças à tecnologia Air Maintenance Technology (AMT), que foi apresentada pela primeira vez no Salão Internacional do Automóvel de Genebra de 2012, no passado mês de Março. A tecnologia Air Maintenance (AMT Manutenção de ar) da Goodyear tem vindo a ser desenvolvida nos últimos dois anos e permitirá manter os pneus com a pressão correta, sem ser necessário utilizar bombas externas, componentes electrónicos ou intervenção por parte do condutor, originando uma redução do consumo de combustível e das emissões de CO2. A pressão correta dos pneus graças à tecnologia AMT da Goodyear pode originar poupanças substanciais de combustível na ordem dos 85 EUR / ano, equivalente a 57 litros de combustível. Em consequência consegue-se reduzir as emissões de CO2. O processo de inovação é ainda demasiado recente para se prever quando é que a tecnologia AMT será disponibilizada no mercado. Bridgestone Ecopia para todos A marca japonesa Bridgestone resolveu ampliar a gama de medidas dos seus pneus ecológicos Ecopia EP 150, que se caracteriza por uma resistência ao rolamento 15% menor a um pneu convencional, permitindo 3% de economia de combustível e outro tanto de corte nas emissões de CO2. A ideia é tornar os Ecopia EP 150 acessíveis a grande número de modelos compactos e do segmento médio, como jantes de 14 a 16 polegadas e séries de 55 a 65. Devido às suas propriedades ambientalmente sustentáveis, o Bridgestone equipa o primeiro automóvel eléctrico comercializado em grande série, o Nissan Leaf, que foi o Carro do Ano na Europa em Neste caso, não se nota a economia de combustível, mas sim maior autonomia das baterias, devido à menor resistência ao rolamento dos pneus Ecopia. Microchip nos pneus de competição No Salão Internacional do Automóvel de Genebra, a Dunlop apresentou o seu pneu de competição com tecnologia RFID (Radio Frequency Identification). Durante a temporada passada da Dunlop MSA British Touring Car Championship (Campeonato Britânico de Turismo) a Dunlop Motorsport experimentou com êxito as vantagens desta tecnologia, uma vez que todos os pneus dos carros em prova, foram previamente identificados ao entrar no pit lane. Esta ação garantiu uma informação, em tempo real, sobre quais os pneus mais indicados para as diferentes corridas. O elemento chave da tecnologia RFID é um chip com apenas um centímetro. O microchip é integrado no pneu durante a linha de montagem e é programado com um código único que identifica o pneu, permitindo uma leitura automática que indica o tipo e tamanho do pneu, bem como o seu número de identificação único. A Goodyear Dunlop espera estender, num futuro próximo, o uso da tecnologia RFID para outros tipos e tamanhos de pneus, assim como a outros campeonatos de desporto automóvel. PUB DOS PNEUS 13

14 ATUALIDADE Nova etiqueta dos pneus Aproveitar a oportunidade Qualquer pessoa ligada ao sector sabe que a partir de 1 de Novembro de 2012 os pneus vão ter uma nova etiqueta obrigatória. Será portanto uma oportunidade de o retalhista ser ainda mais um especialista de pneus. Fomos ouvir o mercado Em anteriores edições da DOS PNEUS o tema da etiquetagem dos pneus já foi abordado. Por sua vez, as principais marcas do mercado, de uma forma geral também já começaram a fazer as suas ações de formação nas redes e nos retalhistas sobre esses assuntos. No fundo, o mercado já está informado, mas a principal vantagem da nova etiquetagem dos pneus é para o consumidor final, que poderá passar a escolher os pneus do seu carro como escolhe um frigorífico, isto é, através da sua eficiência. Fique de seguida com um conjunto de importantes indicadores sobre a etiquetagem dos pneus. Calendário A partir de 1 de Julho de 2012 todos os pneus novos fabricados terão que ter identificação obrigatória e a partir de 1 de Novembro de 2012 todos os pneus novos terão que possuir informação obrigatória (a etiqueta) no momento da comercialização. A partir de 30 de Maio de 2012 os fabricantes já poderão começar a informar sobre a classificação dos seus pneus. Critérios São três os critérios de classificação que constarão da nova etiquetagem dos pneus. Consumo de combustível: classificados de A a G, que avalia o nível de resistência à rodagem e de que forma contribui o pneu para poupar combustível. Segurança: classificados de A a G, que avalia a distância de travagem em molhado de um pneu. Ruído exterior: classificação de 1 a 3, medindo o nível de ruído exterior do pneu. Âmbito de aplicação Todos os pneus para veículos ligeiros (turismo, 4x4, etc) terão que possuir uma etiqueta autocolante no piso (exceto os de camião). A informação da etiqueta é obrigatório aparecer na documentação técnica / comercial, na internet e, muito importante, na fatura dada ao utilizador após a compra do pneu. Pneus não abrangidos Todos os pneus de turismo, comerciais, 4x4, camiões e autocarros fabricados antes de 1 de Julho de 2012 (mesmo que sejam comercializados após essa data), mas também os pneus de moto, recauchutados, com pregos, off road, competição e de coleção. Consumo combustível Segundo cálculos da Michelin, para um veículo de turismo, o consumo de combustível que dista entre a classificação energética A e a G é de 0,5 litros por cada 100 quilómetros (3 litros no caso de um camião), o que representa uma poupança de combustível na ordem dos 7,5%. Em termos práticos, por cada letra da escala de classificação do pneu a poupança é de 0,1 litros por cada 100 quilómetros. Distância de travagem Para a Michelin, num automóvel ligeiro que tenha pneus com classificação A e outro que tenha classifica- 14 DOS PNEUS

15 ATUALIDADE Em termos visuais, a distância real entre as letras A e F das novas etiquetas no que diz respeito à aderência em piso molhado, é de 18 metros de cumprimento, uma diferença brutal que diz bem da qualidade de um pneu com classificação A face a um F Um pneu com classificação A permite reduzir bastante o consumo de combustível. Por cada letra que se sobe na classificação, o consumo vai-se agravando cerca de 0,5 litros por cada 100 quilómetros percorridos ção G no critério da distância de travagem em molhado, a diferença pode chegar aos 18 metros. Por cada letra que se sobe na classificação do pneu, existe uma diferença de mais 3 a 4 metros. Num camião a diferença é de 15% (em termos de distância de travagem em molhado) por cada letra que se sobe. Ruído A medição do ruído é visualmente representada por um desenho com três curvas. Um pneu identificado com uma curva gera menos 3 decibéis que outro identificado com duas curvas. O que está identificado com 3 curvas é o mais ruídoso, embora representa os limites atualmente aceites. A próxima norma sobre o ruído dos pneus fará com que cumpram a lei os pneus que tenham apenas duas curvas. Limites de comercialização Existem limites para homologação e venda de pneus ligeiros que tenham a classificação F e G em termos de eficiente energética. Na classificação G não pode ser homologado mais nenhum pneu a partir de 1 de Novembro de 2012 e o mesmo não poderá ser vendido a partir de 1 de Novembro de Nas mesmas datas em 2016 e 2018 esta medidaa é válida para pneus com classificação F. A partir de 1 de Novembro de 2012 não poderão ser homologados pneus com classificação F em termos de aderência em superfície molhada e dois anos mais tarde não poderão mesmo ser vendidos. Refira-se que nos pneus de camião também existem limites à homologação e venda em função da classificação dos pneus quanto à sua eficiência energética e segurança. Resultados Os resultados para cada uma das três classificações são declarados pelos fabricantes e pelos importadores de cada marca de acordo com os métodos de ensaio definidos na regulamentação. Existem 9 laboratórios na Europa que fazem estes testes de classificação dos pneus, sendo seis das marcas de automóveis e três independentes (um em Espanha, outro na França e outro na Alemanha). Os Estados membros são os responsáveis de determinar a exatidão dos valores das classes declaradas. Informação A informação da classificação dos pneus pode ser dada a diversos níveis, isto é, por gama, dimensão ou por produto. Responsabilidade retalhistas Todos os pneus no ponto de venda têm que levar o autocolante fornecido pelo fabricante ou pelo grossista. Mesmo os pneus que não estejam à vista do consumidor final a informação terá que ser apresentada de outra forma ao consumidor. O retalhista deve incluir a classificação do pneu que vendeu ao cliente na fatura que lhe entrega. DOS PNEUS 15

16 ATUALIDADE Nova etiqueta dos pneus Écerto que o consumidor final vai estar cada vez mais informado sobre os pneus que pretende montar no seu carro, nomeadamente quando souber que pode decidir sobre a eficiência energética dos mesmos de forma semelhante como quando adquire, por exemplo, um frigorífico. Dizem as marcas de pneus premium que a etiqueta proporciona informação fiável e comparável entre pneus e será por isso um argumento adicional no momento da venda. Porém, a etiqueta diz apenas respeito a três critérios de avaliação dos pneus, ficando a cargo do retalhista a restante argumentação em função do tipo de pneu que o automobilista pretender montar no seu automóvel. De pouco valerá a etiqueta se o consumidor valorizar desempenho em seco, resistência ao desgaste, quilometragem, entre outros critérios. Esquecendo que o retalhista continua a ser o principal prescritor do pneu para o cliente, a Michelin, através de um estudo de segmentação efetuado em 2009, revelou que os consumidores procuram cada vez mais informação sobre pneus junto dos sites dos fabricantes e distribuidores, bem como em fóruns e artigos de imprensa. Quer isto dizer que o especialista terá que ser cada vez mais especialista, ou melhor, terá que ser um consultor do cliente, revelando-lhe sempre as mais-valias de cada pneu. Negócio Em termos de negócio de pneus para o retalhista, pelo menos a médio prazo também a nova etiquetagem poderá trazer algumas alterações. A primeira questão coloca-se obviamente ao nível da fiscalização. Sabendo que nesta matéria em Portugal ainda estamos na estaca zero isso poderá levar a que muitos operadores (leia-se retalhistas) menos zelosos, aproveitem essa situação para não prestar a informação devida ao cliente bem como continuar a comercializar outro tipo de produtos que não cumpram com os três critérios selecionados para a etiquetagem. Em teoria, e atendendo ao período final de homologação e venda de certos produtos que estejam nas letras F e G dos critérios de consumo de combustível e segurança (travagem em solo molhado), muitos pneus que atualmente são comercializados no retalho deixarão de cumprir legalmente e como tal não poderão ser vendidos. Opiniões Para perceber um pouco melhor que implicações a nova etiquetagem poderá ter no futuro ouvimos algumas opiniões de diferentes operadores. O Coordenador da rede Vialíder em Portugal, Filipe Marques, diz que a nova etiquategam irá facilitar a argumentação sobre o produto, como trará maior transparência na argumentação do retalhista para o consumidor final. Contudo, no entender do mesmo responsável da rede Michelin, os três itens valorizados na etiqueta até nem são muito relevantes para um país como Portugal, onde 90% das vezes se circula em piso seco, sendo que um dos critérios avaliado é o do comportamento do pneu em piso molhado. Existem cerca de 10 critérios que podem levar à escolha de pneu, pelo que muitos deles não estão referidos nas etiquetas. É, contudo, um primeiro passo. Quanto às implicações no negócio, Filipe Marques considera que ainda é cedo para avaliar as implicações que isso terá. Obviamente que os pneus de má qualidade terão muita dificuldade em cumprir estes critérios. Está preparado? Que mudanças? José Enrique Carreiro, da RS Contreras, diz que teoricamente vai mudar bastante a forma de comercializar pneus, pois até agora a venda dependia muito do conselho do profissional e com a etiqueta energética o cliente final vai dispor de uma série de critérios "objectivos" (Consumo de combustível, Travagem em solo molhado e Ruído exterior) para analisar a sua compra e poder comparar os tais critérios entre as diferentes marcas que oferece a casa de pneus. Quando falava de teoricamente é porque ainda está por ver se esta classificação reflete as diferenças que de facto existem entre as diferentes marcas de pneus... só o tempo dirá. À partida parece-me positivo e torna o nosso sector mais transparente e profissional. Também para Pedro Conceição, da Aguesport, a médio/longo prazo a eti- 16 DOS PNEUS

17 ATUALIDADE A Michelin fez uma apresentação detalhada sobre a nova etiquetagem dos pneus, fornecendo uma série de conteúdos que visam essencialmente informar as tendências actuais e futuras dos pneus. As imagens que publicamos resumem algumas das importantes informações que os retalhistas terão que dominar quetagem dos pneus trará reflexos e mudanças ao mercado. Estas novas etiquetas mostrarão ao cliente de uma forma clara, as diferenças entre as várias gamas de pneus. Por exemplo, hoje em dia o consumidor presta atenção às etiquetas dos eletrodomésticos no ato da compra. Assim que a economia estabilizar o cliente irá prestar atenção às etiquetas e muito irá influir na decisão do cliente. Na opinião de Pedro Conceição, a nova etiquetagem é também uma forma de os grandes fabricantes de pneus se defenderem dos fabricantes asiáticos. Porém, existem outros problemas que a etiquetagem não dá resposta. Pergunta o responsável da Aguesport: Quais as regras para as etiquetas nos pneus usados? Que regra irá regular este pneus? Seguramente quando acontecer algo de muito grave, alguém fará qualquer coisa. Do lado da SPO, Humberto Matos refere que relativamente à questão da futura etiquetagem dos pneus, penso que a principal alteração será a de se poder vir a ter um maior critério, rigor e escolha diferenciada relativamente a todo um tipo de "oferta" de pneus que sem qualquer controlo e qualidade continuam a ser vendidos no nosso país. Penso também que no que respeita aos pneus usados poderá eventualmente ajudar a combater a sua cada vez maior comercialização e proliferação no nosso mercado. Para concluir, Rui Chaveca, Administrador da Chaveca & Janeira, o novo sistema de etiquetagem vai diferenciar um pneu independentemente da marca, e a segurança do cliente vai ser a principal vantagem. Diz este responsável que o argumento preço ficará em segundo plano, pois ao ser vendido o pneu ao consumidor final esse fica com a informação documentada mais completa sobre a segurança em molhado, a economia de combustível e o ruído. O cliente ao optar por determinado pneu já sabe quais as diferenças entre esse que vai adquirir e outros. Pode ser que haja diferentes marcas com as mesmas características e preços diferentes assim o rececionista terá de informar outras características técnicas que diferenciam os pneus em questão. Diz ainda o mesmo responsável da Chaveca & Janeira que, todos temos que ser mais profissionais e não passarmos a ideia que os pneus são todos iguais. A formação nesta área será muito importante, quem está preparado continua um passo à frente dos colegas. A etiquetagem vai ser importante para todos fabricantes que têm de colocar melhores produtos, pois estão a ser avaliados, para os retalhistas que passam a ter mais informação e argumentos de venda e para o consumidor que tem informação precisa do que está comprando. Todos vamos beneficiar com esta transparência. Trelleborg TM800. O pneu para a agricultura que domina todo o tipo de terreno. Com o seu extraordinário desempenho no campo e na estrada, o TM800 é ideal para ser utilizado em tractores até 260 cavalos. Excelente tracção, elevada capacidade de carga mesmo a alta velocidade, baixa compactação do solo, conforto na condução, elevada resistência ao desgaste em todas as condições de utilização confirmam a qualidade do pneu Trelleborg. TM800: a fiabilidade dos pneus para a agricultura. TRELLEBORG TM800. QUALIDADE À PRIMEIRA VISTA. Ogilvy&Mather PUB DOS PNEUS 17

18 LEGISLAÇÃO Nova norma de segurança para os elevadores Bem construídos e utilizados A nova legislação que incide no fabrico e comercialização de elevadores para oficinas são a norma UNE-EN 1493:2010, que respeitando à Directiva 2006/42/CE, incrementa a qualidade e os padrões exigidos a estes equipamentos Os elevadores são um factor de ergonomia, segurança e produtividade nas oficinas de reparação automóvel, mas é indispensável que seja assegurada a desejável formação dos técnicos que os utilizam, para além da empresa ter uma política de segurança laboral e de planeamento e organização do trabalho. A razão para todas estas condições serem asseguradas prende-se com o necessário retorno do investimento, mas tem igualmente muito que ver com os riscos associados à utilização de elevadores. Esse risco deriva da massa considerável de um veículo, que pode esmagar imediatamente um ser humano, caso haja uma queda inadvertida do veículo elevado. A sinistralidade nas oficinas é meramente residual, mas as vidas humanas perdidas não podem ser reparadas e há sempre prejuízos materiais a contabilizar, tanto para as empresas, como para as famílias, seguradoras e o próprio estado. Contudo, o risco aumenta ainda mais se as regras de utilização não forem cumpridas e se a manutenção e o estado de conservação do elevador não forem os mais indicados. Embora o factor humano seja preponderante neste Após terminada a montagem e após as inspecções periódicas, é necessário garantir que o elevador e os seus dispositivos de segurança estão bem montados e funcionam correctamente caso, como em muitos outros, as autoridades europeias acabam de reforçar as medidas de segurança na origem, ou seja, nos fabricantes desses equipamentos. No caso de elevadores importados, os respectivos importadores europeus assumem a responsabilidade na vez do fabricante. O que mudou No passado dia 5 de Agosto de 2011, entrou em vigor a nova norma UNE-EN 1493:2010, que incide no fabrico e comercialização de elevadores para oficinas. A partir dessa data, todos os elevadores vendidos no mercado único europeu devem obedecer às novas regras. Respondem pelas infrações todos os intervenientes na cadeia de valor, começando pelo actual proprietário, montador, distribuidor e fabricante. Os distribuidores que tivessem stock de elevadores de características desactualizadas à data ( ), podem utilizar a norma "European Blue Guide" para material obsoleto. Esta regra não é aplicável para fabricantes de equipamentos. As coimas correspondentes às infracções podem exceder os , para além de haver a sanção acessória de suspensão da actividade. 18 DOS PNEUS

19 LEGISLAÇÃO Em relação às novas regras, podemos destacar as seguintes: Todos os equipamentos devem estar marcados com a marca CE 2006/42/CE, a partir de A construção, os testes estáticos e os testes dinâmicos devem obedecer às regras da normativa EN1493:2010. Os braços dos elevadores de duas colunas devem suportar a tonelagem indicada na etiqueta CE na posição de máxima extensão. Qualquer elevador sobre chassis acima de 3,5 toneladas terá que obedecer a testes mais exigentes, segundo a normativa EN1943:2010. Os calços dos elevadores de duas colunas devem permitir uma só extensão e suportar uma força de 1000N. Os elevadores de tesouras devem ter um sistema de segurança no curso, uma vez que as tesouras se cruzem e a distância seja < 2,5 cm. O equipamento será sujeito a inspecções periódicas executadas por técnico competente, de acordo com o livro de inspecções do fabricante. As colunas móveis e outros elevadores a partir dos quais não seja possível visualizar toda a área de trabalho devem possuir um sistema de emergência em cada coluna. O ruído superior a 70 db a um metro da fonte emissora é um factor de risco e deve ser mencionado no manual do equipamento. Em relação às disposições que já vigoravam e que continuam a vigorar, estão as seguintes: O Manual de Instruções deve estar legível no idioma do fabricante e no do país no qual o equipamento é comercializado (português), devendo ser o mais detalhado possível. Os sistemas de segurança dos braços dos elevadores de duas colunas devem suportar uma força de 1500N. Os elevadores de quatro colunas devem suportar a tonelagem que está indicada na etiqueta CE (EN1493). Os parafusos de fixação devem corresponder à qualidade e especificação do fabricante do equipamento. O solo deve ter as condições técnicas exigidas pelo fabricante do equipamento, garantindo a sua estabilidade. A velocidade de elevação e descida não pode exceder os 0,15 metros/segundo. Após terminada a montagem e após as inspecções periódicas, é necessário garantir que o elevador e os seus dispositivos de protecção e segurança estão bem montados e funcionam correctamente. A etiqueta do fabricante deve indicar o fabricante, país de origem, modelo e ano de fabrico. Os equipamentos anteriores a 1994 não cumprem as actuais exigências de segurança mínimas. Desde 1997, existem medidas mínimas de espaçamento no posto do elevador e em relação aos equipamentos que funcionam à sua volta, devendo estar perfeitamente sinalizadas e visíveis. DOS PNEUS 19

20 MERCADO Pneus Agrícolas Especialistas e não só Transportando os mesmos problemas e virtudes de outros sectores na área dos pneus, no mercado dos pneus agrícolas (e florestais) existem especificidades muito próprias. Por isso, só alguns operam neste mercado Os pneus agrícolas e florestais são um mercado à parte no sector dos pneus. Não existem grandes dados sobre o sector, e os operadores, de uma forma geral, continuam a jogar à defesa, isto é, não revelam números e quem os tem por aproximação ou por extrapolação não os pretende divulgar. Por isso, a DOS PNEUS recorreu aos únicos dados disponíveis e que são os mais objetivos que temos em Portugal, pois neles estão incluídos todos os pneus agrícolas e afins que efetivamente foram comercializados em Portugal, embora os mesmos possam ser alvo de diferentes interpretações, consoante os interesses de cada operador. Estamos a falar dos dados da Valorpneu, no que diz respeito ao fluxo de pneus (pneus que foram colocados no mercado) com o Código A1 e A2, que representam as categorias Agrícola (diversos) e Agrícola (rodas motoras). Relativamente ao mercado de substituição, foram introduzidos em Portugal (em 2011) mais de pneus o que representa mais 9% do que em O ano de 2011 representa também o segundo melhor ano dos últimos cinco, sem que a variação em toneladas de pneus não tenha sido grande em função dos números de pneus introduzidos no mercado. Mercado Nas páginas seguintes deste trabalho, poderá ler a opinião de quase todos os responsáveis principais por introduzir no mercado português os pneus agrícolas e florestais. Das conclusões que retiramos dessas e de outras opiniões que fomos recolhendo é que se trata de um mercado muito dependente de fatores meteorológicos, muito marcado também pela crise económica, mas que apresenta algumas oportunidades pontuais. Como sempre o preço aqui também faz mossa, o que motivou a entrada no mercado de produtos com um pouco menos de qualidade, mas quanto mais profissional é o cliente (usuário dos pneus) mais ele valoriza o acompanhamento técnico e coloca em equação a rentabilidade do pneu face ao trabalho que efetua. Apesar de estarem associados nem sempre existe relação entre os mercados dos pneus florestais e o mercado dos pneus agrícolas. Também fica evidente que não existem muitos retalhistas verdadeiramente especialistas em pneus agrícolas, o que se compreende quando existe um grande acompanhamento técnico / comercial das diferentes marcas e operadores que em Portugal vendem este tipo de pneus. No trabalho que apresentamos nas páginas seguintes, estão incluídos quase todos os principais operadores do mercado. Apesar de todos terem sido contatados e a todos terem sido solicitadas as mesmas informações, dois deles (Bridgstone e Goodyear) objetivamente quiserem ficar fora deste artigo, pelo que esperamos contar com a presença de ambos em futuros artigos sobre pneus agrícolas e florestais. 20 DOS PNEUS

Os pneus de qualidade Premium são um melhor investimento a longo-prazo do que os Low-Budget

Os pneus de qualidade Premium são um melhor investimento a longo-prazo do que os Low-Budget Comunicado de imprensa Os pneus de qualidade Premium são um melhor investimento a longo-prazo do que os Low-Budget Hannover, Junho de 2008. Relatório do Utilizador A WLS Spedition, sedeada em Steinhagen,

Leia mais

A nova Etiqueta UE para pneus: A explicação ativa. Com conhecimento técnico. Para que o seu Volkswagen seja sempre um Volkswagen Volkswagen Service

A nova Etiqueta UE para pneus: A explicação ativa. Com conhecimento técnico. Para que o seu Volkswagen seja sempre um Volkswagen Volkswagen Service A nova Etiqueta UE para pneus: A explicação ativa. Com conhecimento técnico. Para que o seu Volkswagen seja sempre um Volkswagen Volkswagen Service Conduza em segurança e poupe energia. A introdução da

Leia mais

Comunicado à imprensa

Comunicado à imprensa Comunicado à imprensa Reduzir os custos da frota com pneus Continental A influência dos pneus sobre os custos de um veículo médio / pesado é bem conhecida. No entanto, os preços do crude, as portagens

Leia mais

Inovação TECNOLÓGICA DAS MOTORIZAÇÕES

Inovação TECNOLÓGICA DAS MOTORIZAÇÕES Inovação EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA DAS MOTORIZAÇÕES DOSSIER 13 JORGE LIZARDO NEVES O futuro é sem dúvida eléctrico Vem aí a Era de motores menos poluentes e mais eficientes. Quem o diz é o Jorge Lizardo Neves,

Leia mais

Pneumáticos Industriais. Pneus especializados para máxima eficiência.

Pneumáticos Industriais. Pneus especializados para máxima eficiência. Pneumáticos Industriais. Pneus especializados para máxima eficiência. Pneumáticos Industriais da Continental Os pneumáticos industriais da Continental proporcionam conforto em todas as superfícies e, como

Leia mais

Novo MICHELIN X MULTI D PARA TRABALHAR SEM PREOCUPAÇÕES

Novo MICHELIN X MULTI D PARA TRABALHAR SEM PREOCUPAÇÕES Novo MICHELIN X MULTI D PARA TRABALHAR SEM PREOCUPAÇÕES SUMÁRIO FATOS MARCANTES... 3 O DESENVOLVIMENTO DE MICHELIN X MULTI D... 4 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS... 6 ELES TESTARAM O PNEU MICHELIN X MULTI...

Leia mais

Recomendamos esta secção se quiser familiarizar-se com o mundo dos pneus para automóveis.

Recomendamos esta secção se quiser familiarizar-se com o mundo dos pneus para automóveis. Tudos Sobre Pneus Conhecimento Do Pneu Da Pirelli Mais de cem anos de experiência em tecnologia do pneu permitiu à Pirelli combinar nos seus produtos níveis máximos de segurança, longevidade, conforto

Leia mais

Quatro novas dimensões em 25 polegadas. A Michelin amplia a sua gama de pneus de engenharia civil

Quatro novas dimensões em 25 polegadas. A Michelin amplia a sua gama de pneus de engenharia civil INFORMAÇÃO DE IMPRENSA 23/09/2013 Quatro novas dimensões em 25 polegadas A Michelin amplia a sua gama de pneus de engenharia civil O pneu MICHELIN XTXL está disponível nas dimensões 26.5R25 e 29.5R25 para

Leia mais

Euromaster no Rally-Raid 2014

Euromaster no Rally-Raid 2014 INFORMAÇÃO DE IMPRENSA Euromaster no Rally-Raid 2014 Dossier de imprensa Maio de 2014 Sumário A Euromaster reafirma a sua aposta em Bonafonte para o Rally-Raid 2014.. 3 Kike Bonafonte, um piloto com experiência....

Leia mais

PRESS info. Ecolution by Scania. Produtos e serviços para um melhor resultado económico

PRESS info. Ecolution by Scania. Produtos e serviços para um melhor resultado económico PRESS info 22/10/2013 Ecolution by Scania Produtos e serviços para um melhor resultado económico Ecolution by Scania é um novo modelo de negócio para as empresas de transporte preocupadas com os custos

Leia mais

Equipamento Oficinal Cristina Mourão

Equipamento Oficinal Cristina Mourão Novo Comprovador de Baterias - BAT 110 Equipamento Oficinal Cristina Mourão 1 BAT 110 Informações sobre o Produto Objectivo: O BAT 110 visa abrir um novo mercado no que diz respeito aos dispositivos de

Leia mais

C&A aumenta quota de mercado na Europa em 2011

C&A aumenta quota de mercado na Europa em 2011 Comunicado de Imprensa Abril 2012 Empresa cresce e continua a investir C&A aumenta quota de mercado na Europa em 2011 Investimentos em atuais e novas lojas Aposta nas lojas on-line Aumento nas vendas de

Leia mais

Sistema de Incentivos à Inovação e I&DT (Sector Automóvel) Quadro de Referência Estratégico Nacional [QREN]

Sistema de Incentivos à Inovação e I&DT (Sector Automóvel) Quadro de Referência Estratégico Nacional [QREN] Sistema de Incentivos à Inovação e I&DT (Sector Automóvel) Quadro de Referência Estratégico Nacional [QREN] Frederico Mendes & Associados Sociedade de Consultores Lda. Frederico Mendes & Associados é uma

Leia mais

Cidade de Grenoble testa sistema público de partilha de viaturas Toyota i-road e Toyota COMS

Cidade de Grenoble testa sistema público de partilha de viaturas Toyota i-road e Toyota COMS Cidade de Grenoble testa sistema público de partilha de viaturas Toyota i-road e Toyota COMS # Grenoble, a cidade inteligente a partir de Outubro com a 'Citélib by Ha:mo', uma inovação recorrendo as últimas

Leia mais

1º. Seminário Internacional Sobre Eficiência Energética de Veículos Pesados DESPOLUIR/CNT PNEUS VERDES. 06 de Junho de 2013

1º. Seminário Internacional Sobre Eficiência Energética de Veículos Pesados DESPOLUIR/CNT PNEUS VERDES. 06 de Junho de 2013 01 1º. Seminário Internacional Sobre Eficiência Energética de Veículos Pesados DESPOLUIR/CNT PNEUS VERDES 06 de Junho de 2013 02 Índice A Indústria Brasileira de Pneus ANIP pg 03-09 Pneus Verdes ou Biopneus

Leia mais

ADA101413 ADA109212 ADA109210C. Nova Expansão da Blue Print em Portugal

ADA101413 ADA109212 ADA109210C. Nova Expansão da Blue Print em Portugal Notícias Página três Nova Expansão da em Portugal ADA101413 Fita de Airbag Chrysler Grand Voyager 2.5DT, 3.3i, 3.8i 1996>2000 Chrysler Voyager 2.0i, 2.4i, 2.5DT, 3.3i 1996>2001 Peça muito solicitada e

Leia mais

Serviços Eletrónicos Portfólio de Produtos e Serviços Estação de Serviços da Ibéria

Serviços Eletrónicos Portfólio de Produtos e Serviços Estação de Serviços da Ibéria Serviços Eletrónicos Portfólio de Produtos e Serviços Estação de Serviços da Ibéria 1 Bosch Electronic Service Worldwide A nossa estação de serviço Por mais de 125 anos, os produtos e sistemas inovadores

Leia mais

intra Perfil do Gestor

intra Perfil do Gestor Perfil do Gestor 35 Entrevista Dinah J. Kamiske, Autoeuropa A internacionalização economia obriga as empresas a tornarem-se mais competitivas. Entrevista de José Branco Dados publicados recentemente prevêem

Leia mais

Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização III 1 novembro 31 dezembro 2014

Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização III 1 novembro 31 dezembro 2014 Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização III 1 novembro 31 dezembro 2014 Índice Enquadramento Principais trabalhos no período Análise de resultados Indicadores

Leia mais

Índice Apresentação Vantagens Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Profissional Funcionalidades Cartão Galp Frota Galp Frota Online

Índice Apresentação Vantagens Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Profissional Funcionalidades Cartão Galp Frota Galp Frota Online Índice Índice Apresentação Vantagens Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Cartão Galp Frota Profissional Funcionalidades Cartão Galp Frota Galp Frota Online Informação de Gestão Elementos de Personalização

Leia mais

12 ANOS CONSECUTIVOS DE LIDERANÇA RENAULT AINDA MAIS LÍDER DO MERCADO PORTUGUÊS

12 ANOS CONSECUTIVOS DE LIDERANÇA RENAULT AINDA MAIS LÍDER DO MERCADO PORTUGUÊS COMUNICADO DE IMPRENSA 15 de Janeiro 2009 12 ANOS CONSECUTIVOS DE LIDERANÇA RENAULT AINDA MAIS LÍDER DO MERCADO PORTUGUÊS Com uma quota de mercado de 11,9% (Veículos de Passageiros + Comerciais Ligeiros)

Leia mais

Venda de pneus de mota. Enchimento de pneus a nitrogénio

Venda de pneus de mota. Enchimento de pneus a nitrogénio Venda de pneus novos - ligeiros, comerciais, pesados, agrícolas e industriais Venda de pneus de mota Venda de jantes Enchimento de pneus a nitrogénio AS RODAS INSUFLADAS COM NITROGÉNIO ATINGEM MENOR TEMPETRATURA.

Leia mais

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010 Técnicas de Secretariado Departamento Comercial e Marketing Módulo 23- Departamento Comercial e Marketing Trabalho realizado por: Tânia Leão Departamento

Leia mais

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME CONDIÇÕES DE ENQUADRAMENTO

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME CONDIÇÕES DE ENQUADRAMENTO Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME CONDIÇÕES DE ENQUADRAMENTO Aviso para apresentação de candidaturas Nº 07/SI/2010 1 Índice Condições de Elegibilidade do Promotor... 3 Condições

Leia mais

A ALD Automotive no mundo

A ALD Automotive no mundo DOSSIER DE IMPRENSA A ALD Automotive no mundo A ALD Automotive é uma empresa de Aluguer Operacional e Gestão de Frotas que integra o Grupo Société Générale, um dos grupos líderes em serviços financeiros

Leia mais

Gestão de Frota. Engº Luís Prazeres Brisa Auto-estradas de Portugal

Gestão de Frota. Engº Luís Prazeres Brisa Auto-estradas de Portugal Gestão de Frota Engº Luís Prazeres Brisa Auto-estradas de Portugal Frota Grupo Brisa Índice 1 2 3 Diferentes modelos de gestão segundo a dimensão e diversidade da frota. Politica de combustiveis aplicada

Leia mais

Uma forma de reduzir o consumo de combustível. Existe outra! www.ecodrive.org

Uma forma de reduzir o consumo de combustível. Existe outra! www.ecodrive.org Uma forma de reduzir o consumo de combustível Existe outra! ECO-CONDUÇÃO modo de condução eficiente e equipamentos de bordo Aumenta a segurança rodoviária, reduz o consumo de combustível, reduz custos

Leia mais

Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização II 1 setembro 2014 31 outubro

Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização II 1 setembro 2014 31 outubro Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização II 1 setembro 2014 31 outubro Indice Enquadramento Principais trabalhos no período Análise de resultados Indicadores de

Leia mais

/ \ a terceira geração do ML re- / \nhar novos argumentos num. / \ presenta para a Mercedes ga- A cabada de chegar ao mercado,

/ \ a terceira geração do ML re- / \nhar novos argumentos num. / \ presenta para a Mercedes ga- A cabada de chegar ao mercado, segmento competitivo. Com um total de 1,2 milhões de unidades vendidas desde 1997, o ML é um dos mais bem sucedidos SUV do mercado. Esta nova geração tenta juntar de umaforma homogénea as características

Leia mais

DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR

DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR Rua Henrique Bravo, 6929 e 6967 4465-167 S. Mamede de Infesta Portugal 1 Filosofia/Historial A 3infor é uma empresa especializada em software profissional, com um produto inovador

Leia mais

Alta Performance. Ultraperformance, maior aderência e total precisão

Alta Performance. Ultraperformance, maior aderência e total precisão Catálogo Alta Performance Ultraperformance, maior aderência e total precisão Desenvolvidos especialmente para equipar os veículos mais exigentes, modernos e esportivos do mercado, proporcionando o máximo

Leia mais

DUELER H/T 684/ II/ III/ ECOPIA

DUELER H/T 684/ II/ III/ ECOPIA LINHA CAMINHONETE DUELER H/T 684/ II/ III/ ECOPIA Equipamento original dos mais consagrados veículos no segmento de caminhonetes e utilitários esportivos, a linha DUELER H/T 684 combina a versatilidade

Leia mais

Porsche Service O seu especialista em pneus

Porsche Service O seu especialista em pneus Porsche Service O seu especialista em pneus Não é só você quem tem de funcionar em harmonia com o seu veículo, os pneus também devem fazê-lo. Os pneus: alto rendimento, como o seu Porsche. A distinção:

Leia mais

CONDIÇÕES ESPECIAIS COLABORADORES

CONDIÇÕES ESPECIAIS COLABORADORES CONDIÇÕES ESPECIAIS COLABORADORES CURRICULUM VITAE Nome: António Silva, Lda - SÓPNEUS Data de nascimento: 1972 Moradas: Porto, Gaia Canelas, Santa Maria da Feira, Maia e Loures Volume de Negócios 2013:

Leia mais

RENAULT: A MARCA LÍDER DO MERCADO HÁ 16 ANOS DACIA: A MARCA COM O MELHOR DESEMPENHO DO TOP 20

RENAULT: A MARCA LÍDER DO MERCADO HÁ 16 ANOS DACIA: A MARCA COM O MELHOR DESEMPENHO DO TOP 20 COMUNICADO DE IMPRENSA 8 de Janeiro de 2014 RENAULT: A MARCA LÍDER DO MERCADO HÁ 16 ANOS DACIA: A MARCA COM O MELHOR DESEMPENHO DO TOP 20 Com uma quota de mercado de 12,9% (Veículos de Passageiros + Comerciais

Leia mais

SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS

SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS Sistema de Incentivos às Empresas O que é? é um dos instrumentos fundamentais das políticas públicas de dinamização económica, designadamente em matéria da promoção da

Leia mais

REGULAMENTOS 30, 54, 108, 109 CEE/ONU

REGULAMENTOS 30, 54, 108, 109 CEE/ONU 1 - OBJECTIVOS Os ensaios aos pneus segundo estes regulamentos tem como principal objectivo verificar a conformidade de pneus ligeiros com o Regulamento 30 CEE/ONU, ligeiros recauchutados com o Regulamento

Leia mais

Gama Complet by SCANIA. Carga geral à medida do seu negócio

Gama Complet by SCANIA. Carga geral à medida do seu negócio Gama Complet by SCANIA Carga geral à medida do seu negócio Do concessionário à rua. Sem intermediários Estivemos atentos às necessidades das empresas do setor de distribuição quando decidimos desenhar

Leia mais

www.kaeser.com Compressores Portáteis MOBILAIR M 200 Com o mundialmente reconhecido PERFIL SIGMA Caudal: 14,5 a 21,2 m³/min.

www.kaeser.com Compressores Portáteis MOBILAIR M 200 Com o mundialmente reconhecido PERFIL SIGMA Caudal: 14,5 a 21,2 m³/min. www.kaeser.com Compressores Portáteis MOBILAIR M 200 Com o mundialmente reconhecido PERFIL SIGMA Caudal: 14,5 a 21,2 m³/min. Made in Germany Os MOBILAIR compressores portáteis da KAESER COMPRESSORES são

Leia mais

a linha de lubrificantes que torna a condução ainda mais agradável i-sint

a linha de lubrificantes que torna a condução ainda mais agradável i-sint a linha de lubrificantes que torna a condução ainda mais agradável i-sint i-sint eni i-sint, a linha de lubrificantes automóvel de eni Cada motor necessita de um lubrificante adequado que proteja e melhore

Leia mais

ESCOLA DE CONDUÇÃO INVICTA (Conduzir em Segurança)

ESCOLA DE CONDUÇÃO INVICTA (Conduzir em Segurança) Condução consciente A condução consciente e tranquila depende em grande parte de quem está ao volante. Cada um tem a responsabilidade de melhorar a sua segurança e a dos outros. Basta estar atento e guiar

Leia mais

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME CONDIÇÕES DE ENQUADRAMENTO

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME CONDIÇÕES DE ENQUADRAMENTO Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME CONDIÇÕES DE ENQUADRAMENTO Aviso para apresentação de candidaturas Nº 04/SI/2012 Índice Condições de Elegibilidade do Promotor... 3 Condições

Leia mais

Congresso da Associação Ibérica de Gás Natural para a Mobilidade. Barcelona, 20 de outubro de 2015 Carlos Almeida Diretor-Geral da DGEG

Congresso da Associação Ibérica de Gás Natural para a Mobilidade. Barcelona, 20 de outubro de 2015 Carlos Almeida Diretor-Geral da DGEG Congresso da Associação Ibérica de Gás Natural para a Mobilidade A DIRETIVA EUROPEIA SOBRE INFRAESTRUTURAS DE COMBUSTÍVEIS ALTERNATIVOS Barcelona, 20 de outubro de 2015 Carlos Almeida Diretor-Geral da

Leia mais

Um sucesso a rolar, em qualquer rota Bus and Coach Tires People

Um sucesso a rolar, em qualquer rota Bus and Coach Tires People Um sucesso a rolar, em qualquer rota Bus and Coach Tires Continental Bus and Coach Tires Existem tantas rotas quanto o número de passageiros mas, a rota para o sucesso passa pelo conforto e pela segurança.

Leia mais

Dossier de imprensa - Cloogy

Dossier de imprensa - Cloogy Dossier de imprensa - Cloogy Revista de Imprensa 05-12-2012 1. (PT) - Diário Económico, 05122012, ISA e EDP negoceiam solução de poupança energética para famílias 1 2. (PT) - Jornal de Negócios, 05122012,

Leia mais

Tenho de mudar. o meu estilo de. vida?

Tenho de mudar. o meu estilo de. vida? Tenho de mudar o meu estilo de vida? E se eu quiser percorrer mais quilómetros? Que distância posso percorrer só com bateria? Por que razão a electricidade é a energia do futuro? O Eléctrico com uma autonomia

Leia mais

Em casa nas estradas de todo o mundo. Truck Tires Goods

Em casa nas estradas de todo o mundo. Truck Tires Goods Em casa nas estradas de todo o mundo Truck Tires Continental Truck Tires Existem cerca de 8,6 milhões de quilómetros de estradas principais no mundo e nós temos o pneu ideal para cada uma delas. Continental

Leia mais

Recomenda ao Governo a análise e adoção de medidas de apoio ao sector automóvel nacional

Recomenda ao Governo a análise e adoção de medidas de apoio ao sector automóvel nacional Projeto de Resolução n.º 781/XII/2ª Recomenda ao Governo a análise e adoção de medidas de apoio ao sector automóvel nacional A produção e venda de automóveis registam uma queda continuada nos últimos anos

Leia mais

Poupar com inteligência

Poupar com inteligência Poupar com inteligência Setembro - Dezembro 2012 Volkswagen Service Para que o seu Volkswagen seja sempre um Volkswagen. Melvar Automóveis e Peças S.A. Oficina 1 Oficina 2 Azinhaga dos Lameiros, Rua Dom

Leia mais

TABELA DE PREÇOS 2014

TABELA DE PREÇOS 2014 TABELA DE PREÇOS 2014. Um pneu exclusivo para uso em pista, fazendo a ligação entre os usos desportivos e o mundo dos pilotos profissionais. Trata-se do pneu oficial do Campeonato do Mundo de Superbike,

Leia mais

Aluguer Operacional e Gestão de Frotas

Aluguer Operacional e Gestão de Frotas the world leading fleet and vehicle management company LeasePlan Portugal Lagoas Park - Edifício 6-2740-244 Porto Salvo Ed. Cristal Douro - R. do Campo Alegre, nº 830 - sala 35-4150-171 Porto Tel.: 707

Leia mais

Diagnóstico de Competências para a Exportação

Diagnóstico de Competências para a Exportação Diagnóstico de Competências para a Exportação em Pequenas e Médias Empresas (PME) Guia de Utilização DIRECÇÃO DE ASSISTÊNCIA EMPRESARIAL Departamento de Promoção de Competências Empresariais Índice ENQUADRAMENTO...

Leia mais

Não é preciso ser novo para estar em forma

Não é preciso ser novo para estar em forma Não é preciso ser novo para estar em forma Scania Classic: Plano personalizado para camiões e autocarros com mais de 5 anos Serviços Scania Dedicação total www.scania.pt O seu Scania merece o melhor Com

Leia mais

O controlo sobre os custos e utilizadores da frota

O controlo sobre os custos e utilizadores da frota PHC Frota CS O controlo sobre os custos e utilizadores da frota A solução para o controlo total sobre os custos e utilizadores da frota, a sua manutenção e o seu estado. BUSINESS AT SPEED Visite www.phc.pt

Leia mais

ALD PROFLEET2 SOLUÇÕES AVANÇADAS DE TELEMÁTICA

ALD PROFLEET2 SOLUÇÕES AVANÇADAS DE TELEMÁTICA ALD PROFLEET2 SOLUÇÕES AVANÇADAS DE TELEMÁTICA O que é o ALD ProFleet2? É um serviço de dados que utiliza um sistema telemático avançado de gestão de frotas e que lhe permite administrar, localizar em

Leia mais

A Felicidade anda de viagem, está em membat. Desfrute da estrada com membat

A Felicidade anda de viagem, está em membat. Desfrute da estrada com membat A Felicidade anda de viagem, está em membat. Desfrute da estrada com membat www.membat-tire.com O mar, o sol e um sorriso. Esses elementos tipicamente mediterrâneos formam nosso logo. E o vento, o Embat.

Leia mais

A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel.

A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel. A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel. Projecto A Oficina+ ANECRA é uma iniciativa criada em 1996, no âmbito da Padronização de Oficinas ANECRA. Este projecto visa reconhecer a qualidade

Leia mais

Acumuladores hidráulicos na tecnologia híbrida.

Acumuladores hidráulicos na tecnologia híbrida. Acumuladores hidráulicos na tecnologia híbrida. HYDAC Matriz na Alemanha Seu parceiro competente para acumuladores hidráulicos inovadores e sistemas híbridos. Todos os requerimentos para eficientes soluções

Leia mais

Lubrificantes com Tecnologia XTL para Motores de Veículos Pesados

Lubrificantes com Tecnologia XTL para Motores de Veículos Pesados Lubrificantes Automotive FUCHS Fuel Economy Update SAE 5W-30 *economia de combustível Lubrificantes com Tecnologia XTL para Motores de Veículos Pesados OS NOSSOS LUBRIFICANTES MANTÊM O MUNDO EM MOVIMENTO.

Leia mais

FleetBoard: Sobre nós.

FleetBoard: Sobre nós. Uma empresa da Daimler AG FleetBoard: Sobre nós. A Daimler FleetBoard GmbH, com sede em Estugarda, oferece serviços de Internet apoiados na telemática para a gestão inteligente dos veículos e transportes

Leia mais

ESQUENTADORES SENSOR GREEN

ESQUENTADORES SENSOR GREEN ESQUENTADORES SENSOR GREEN SOLUÇÕES DE ÁGUA QUENTE Índice A eficiência na produção de água quente em grandes quantidades 03 Aplicações e Utilizações 05 Benefícios para o Instalador 06 Líder em Tecnologia

Leia mais

Tecnologia híbrida no centro das atenções da TOYOTA RACING para 2014

Tecnologia híbrida no centro das atenções da TOYOTA RACING para 2014 011 30/01/2014 Tecnologia híbrida no centro das atenções da TOYOTA RACING para 2014 A TOYOTA Racing revelou os primeiros detalhes da participação no Campeonato do Mundo de Endurance FIA 2014 (WEC), no

Leia mais

LINHA PASSEIO 1951_Folder Passeio BS_saida.indd 01 1951_Folder Passeio BS_saida.indd 01 05/11/13 10:43 05/11/13 10:43

LINHA PASSEIO 1951_Folder Passeio BS_saida.indd 01 1951_Folder Passeio BS_saida.indd 01 05/11/13 10:43 05/11/13 10:43 LINHA PASSEIO 1951_Folder Passeio BS_saida.indd 01 05/11/13 10:43 POTENZA RE760 SPORT Não adianta ter um veículo de alta performance se os pneus não correspondem de maneira adequada. Manobras precisas,

Leia mais

Elementos constituintes essenciais de um pneu A figura 1 repesenta um pneu e tem por objectivo ilustrar a sua constituição.

Elementos constituintes essenciais de um pneu A figura 1 repesenta um pneu e tem por objectivo ilustrar a sua constituição. Introdução Os pneus constituem o único meio que assegura a transferência de forças entre o pavimento e o veículo. De facto, é nos pneus que se produzem as forças que são necessárias ao controlo do veículo.

Leia mais

Gama Euro 6 da Scania: Tecnologia comprovada e uma solução para cada necessidade

Gama Euro 6 da Scania: Tecnologia comprovada e uma solução para cada necessidade PRESS info P13X02PT / Örjan Åslund 24 de oktober de 2013 Gama Euro 6 da Scania: Tecnologia comprovada e uma solução para cada necessidade Presentemente a Scania oferece nada menos do que onze motores Euro

Leia mais

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo 1. Resumo Executivo As empresas de todas as dimensões estão cada vez mais dependentes dos seus sistemas de TI para fazerem o seu trabalho. Consequentemente, são também mais sensíveis às vulnerabilidades

Leia mais

Nova plataforma Toyota (TNGA) para produzir Carros cada vez Melhores i

Nova plataforma Toyota (TNGA) para produzir Carros cada vez Melhores i Nova plataforma Toyota (TNGA) para produzir Carros cada vez Melhores i "Com as repentinas e drásticas evoluções no mundo automóvel, as formas convencionais de pensar e de fazer negócios já não nos permitem

Leia mais

Software de Gestão Manutenção e Produção

Software de Gestão Manutenção e Produção Software de Gestão Manutenção e Produção Parceiro global para toda a área de Tecnologias da sua empresa ENQUADRAMENTO A ALIDATA e a SENDYS são empresas 100% portuguesas, no mercado há mais de 30 anos,

Leia mais

Speed Up. Smart Conveying Technology.

Speed Up. Smart Conveying Technology. Speed Up. Smart Conveying Technology. Rápido, mais rápido, seepex. No ano de 2008, criámos a Smart Stator Technology uma solução mecânica que reduz claramente o tempo de manutenção, montagem e desmontagem

Leia mais

Controle todos os custos e utilizadores da frota

Controle todos os custos e utilizadores da frota PHC Frota CS DESCRITIVO O módulo PHC Frota CS contém ferramentas para o controlo total sobre os custos da frota, manutenção e estado da mesma. PHC Frota CS Controle todos os custos e utilizadores da frota

Leia mais

NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME

NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME 15.06.2010 Institucional \ Breve Introdução A NEWVISION é uma empresa Portuguesa de base tecnológica, que tem como objectivo

Leia mais

Reestruturação da Sonae Indústria prosseguiu como planeado durante o exercício de 2000

Reestruturação da Sonae Indústria prosseguiu como planeado durante o exercício de 2000 Informação à Imprensa 8 de Março de 2001 Reestruturação da Sonae Indústria prosseguiu como planeado durante o exercício de 2000 As vendas da Sonae Indústria no exercício de 2000 ascenderam a Euro 1 294

Leia mais

Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização I 16 Junho - 31 Agosto 2014

Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização I 16 Junho - 31 Agosto 2014 Programa de Demostração de Mobilidade Elétrica no MAOTE Relatório de Monitorização I 16 Junho - 31 Agosto 2014 Indice Enquadramento Principais trabalhos no período Análise de resultados Indicadores de

Leia mais

GULLIVER DEMONSTRAÇÕES - REGRAS DE UTILIZAÇÃO

GULLIVER DEMONSTRAÇÕES - REGRAS DE UTILIZAÇÃO GULLIVER DEMONSTRAÇÕES - REGRAS DE UTILIZAÇÃO Gulliver Demonstração de Mini-autocarros Eléctricos em Frotas de Transporte Público Urbano - é uma experiência com dois mini-autocarros eléctricos que podem

Leia mais

SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR

SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR Leaseplan Portugal Bertrand Gossieaux SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR Page2 INDICE 1. LOGIN, ESTRUTURA E SAÍDA DO SIM... 3 a) Login... 3 b) Estrutura principal... 4 c) Saída da

Leia mais

Fácil, segura, sustentável: a reciclagem de baterias com ecosteps!

Fácil, segura, sustentável: a reciclagem de baterias com ecosteps! Fácil, segura, sustentável: a reciclagem de baterias com! Atenção! Com o conceito a legislação em vigor é cumprida. Beneficie de uma reciclagem completa com um sistema de recolha inovador. Com a iniciativa

Leia mais

INTERVENÇÃO Dr. José Vital Morgado Administrador Executivo da AICEP ****

INTERVENÇÃO Dr. José Vital Morgado Administrador Executivo da AICEP **** INTERVENÇÃO Dr. José Vital Morgado Administrador Executivo da AICEP **** Gostaria de começar por agradecer o amável convite da CIP para participarmos nesta conferência sobre um tema determinante para o

Leia mais

Soluções de armazenagem

Soluções de armazenagem Soluções de armazenagem Seja qual for o seu produto, temos a solução ideal para o armazenar 50 anos a oferecer soluções de armazenagem 3 Presença em mais de 70 países 3 11 centros de produção 3 4 centros

Leia mais

Portugueses lideram desenvolvimento de novo conceito para carroçarias de autocarros

Portugueses lideram desenvolvimento de novo conceito para carroçarias de autocarros Página Web 1 de 6 As Ciências A Revista Fóruns Dossiers Podcast Classificados Contactos Guia do Ensino Superior Guia Prático Ministros da Competitividade aprovam orçamento para Instituto Europeu de Tecnologia

Leia mais

ALD SHARING. HÁ NOVAS FORMAS DE MOBILIDADE NAS CIDADES CHEGOU O ALD SHARING! O primeiro sistema de partilha de veículos e mobilidade para empresas

ALD SHARING. HÁ NOVAS FORMAS DE MOBILIDADE NAS CIDADES CHEGOU O ALD SHARING! O primeiro sistema de partilha de veículos e mobilidade para empresas ALD SHARING HÁ NOVAS FORMAS DE MOBILIDADE NAS CIDADES CHEGOU O ALD SHARING! O primeiro sistema de partilha de veículos e mobilidade para empresas SOLUCÕES INOVADORAS Uma das grandes prioridades para a

Leia mais

Eficiência. Energética. e a energia eléctrica

Eficiência. Energética. e a energia eléctrica Eficiência Energética e a energia eléctrica > Eficiência energética A é um desafio que devemos colocar a todos nós. Está ao nosso alcance, o podermos contribuir de forma decisiva para um mundo melhor e

Leia mais

Sistema de Incentivos para a Competitividade Empresarial

Sistema de Incentivos para a Competitividade Empresarial Sistema de Incentivos para a Competitividade Empresarial COMPETIR + O Sistema de Incentivos para a Competitividade Empresarial tem por objetivo promover o desenvolvimento sustentável da economia regional,

Leia mais

Objetivo. Para apresentar os atributos e benefícios ecológicos e económicos de combustível com o Supertech.

Objetivo. Para apresentar os atributos e benefícios ecológicos e económicos de combustível com o Supertech. Indice Objectivo. Tendências Globais Negativas Historia do Supertech O Que é o Supertech? Como funciona? Fácil de Instalar. Protocolo Touriel (SAE J1321). Pontos Fortes. Mercados. Benefícios Ecológicos.

Leia mais

GUIÃO TÉCNICO COMPACTADORES DE ASFALTO. www.construlink.com. Copyright 2003 - Construlink.com - Todos os direitos reservados.

GUIÃO TÉCNICO COMPACTADORES DE ASFALTO. www.construlink.com. Copyright 2003 - Construlink.com - Todos os direitos reservados. GUIÃO TÉCNICO COMPACTADORES DE ASFALTO FICHA TÉCNICA STET Nº 10 Nº de pág.s: 5 8 de Agosto de 2003 www.construlink.com COMPACTADORES DE ASFALTO CB-214D, CB-224D, CB-225D, CB-334D e CB-335D A família de

Leia mais

A GAMA COMPLETA DE ISOLAMENTO PARA UMA POUPANÇA EFECTIVA DE ENERGIA

A GAMA COMPLETA DE ISOLAMENTO PARA UMA POUPANÇA EFECTIVA DE ENERGIA A GAMA COMPLETA DE ISOLAMENTO PARA UMA POUPANÇA EFECTIVA DE ENERGIA Tubolit O sistema de isolamento robusto e fiável para reduzir as perdas de calor em tubagens de aquecimento e fornecimento de água. Tubolit

Leia mais

PHC Frota CS. Controle todos os custos e utilizadores da frota

PHC Frota CS. Controle todos os custos e utilizadores da frota PHCFrota CS DESCRITIVO O módulo PHC Frota contém ferramentas para o controlo total sobre os custos da frota, manutenção e estado da mesma. PHC Frota CS Controle todos os custos e utilizadores da frota

Leia mais

PHC Mensagens SMS CS

PHC Mensagens SMS CS PHC Mensagens SMS CS O potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC O envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo. Uma comunicação com sucesso: ganhos de tempo e de dinheiro

Leia mais

NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS

NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS Sessão de Esclarecimento Associação Comercial de Braga 8 de abril de 2015 / GlobFive e Creative Zone PT2020 OBJETIVOS DO PORTUGAL 2020 Promover a Inovação empresarial (transversal);

Leia mais

KidZania Lisboa Portugal

KidZania Lisboa Portugal KidZania Lisboa Portugal Acrescentando valor à indústria de entretenimento com soluções de Self-Service Este projecto representava um desafio real para nós, por isso, era necessário encontrar não só uma

Leia mais

automóveis e caminhonetes Pneus para automóveis e caminhonetes.

automóveis e caminhonetes Pneus para automóveis e caminhonetes. automóveis e caminhonetes Pneus para automóveis e caminhonetes. Fate Tecnologia em pneus Na província de Buenos Aires, em San Fernando, está sediada a principal produtora e exportadora de pneus da Argentina.

Leia mais

carregamento por cada carro ainda só foram vendidos 231 E23

carregamento por cada carro ainda só foram vendidos 231 E23 CARROS ELÉTRICOS: PREÇOS COMEÇAM A CAIRO Renault Twizy vai ser posto à venda em Portugal já em abril por 6990. Atualmente há 4,5 postos de carregamento por cada carro ainda só foram vendidos 231 E23 Tantas

Leia mais

Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC

Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC PHC Mensagens SMS CS DESCRITIVO O módulo PHC Mensagens SMS CS permite o envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo, sem ser necessário criar e enviar uma a uma. Comunique com mais sucesso:

Leia mais

Um mar de oportunidades. Mestrado em Gestão Portuária. Mensagem do Presidente da ENIDH Escola Superior Náutica Infante D. Henrique.

Um mar de oportunidades. Mestrado em Gestão Portuária. Mensagem do Presidente da ENIDH Escola Superior Náutica Infante D. Henrique. Um mar de oportunidades Mestrado em Gestão Portuária Mensagem do Presidente da ENIDH Escola Superior Náutica Infante D. Henrique A ENIDH é a Escola Superior pública portuguesa que assegura a formação de

Leia mais

OFERTAS DE EMPREGO PROFISSÃO MOTORISTA DE VEÍCULOS PESADOS DE MERCADORIAS. Unidade Emissora: Data de Emissão N.º de Folhas GONDOMAR GONDOMAR

OFERTAS DE EMPREGO PROFISSÃO MOTORISTA DE VEÍCULOS PESADOS DE MERCADORIAS. Unidade Emissora: Data de Emissão N.º de Folhas GONDOMAR GONDOMAR 1 / 5 588527603 588530888 588534907 588542553 588545096 588545545 MOTORISTA DE VEÍCULOS PESADOS DE MERCADORIAS INSTALADOR DE AR CONDICIONADO E DE SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO SERRALHEIRO CIVIL PROFESSOR DOS

Leia mais

PHC TeamControl CS. A gestão de equipas e de departamentos

PHC TeamControl CS. A gestão de equipas e de departamentos PHC TeamControl CS A gestão de equipas e de departamentos A solução que permite concretizar projectos no tempo previsto e nos valores orçamentados contemplando: planeamento; gestão; coordenação; colaboração

Leia mais

Taxa reduzida em serviços de reparação de velocípedes

Taxa reduzida em serviços de reparação de velocípedes IVA Dedução em Viaturas de turismo Passa a ser possível a dedução integral do IVA em despesas relativas à aquisição, fabrico, importação, locação e transformação em viaturas ligeiras de passageiros ou

Leia mais

COMPACTO E ELEGANTE. Topo decorativo ETAP

COMPACTO E ELEGANTE. Topo decorativo ETAP K1 COMPACTO E ELEGANTE 2 K1 ETAP O design elegante e compacto da K1 pode ser aplicado nos mais variados tipos de interiores. Inclui uma série abrangente de luminárias com diversas fontes de iluminação

Leia mais

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Manual básico do Utilizador Software de Facturação e Gestão Comercial On-line Level 7 Basic, Light & Premium Este Software é fornecido com um número de

Leia mais