A UTILIZAÇÃO DO BUSINESS PROCESS MANAGEMENT (BPM) COMO FERRAMENTA DE APOIO AO GERENCIAMENTO DAS COMUNICAÇÕES EM PROJETOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A UTILIZAÇÃO DO BUSINESS PROCESS MANAGEMENT (BPM) COMO FERRAMENTA DE APOIO AO GERENCIAMENTO DAS COMUNICAÇÕES EM PROJETOS"

Transcrição

1 XXIX ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. A UTILIZAÇÃO DO BUSINESS PROCESS MANAGEMENT (BPM) COMO FERRAMENTA DE APOIO AO GERENCIAMENTO DAS COMUNICAÇÕES EM PROJETOS Raphael de Brito Oliveira dos Santos (UENF) Jeanderson da Silva Azeredo (UENF) Rogério Atem de Carvalho (IFF) As comunicações se configuram como uma das áreas mais importantes no gerenciamento de um projeto. No entanto, a área de gerenciamento das comunicações em projetos tem ganhado pouca importância na maioria dos projetos desenvolvidos no Brasill e no mundo. Neste contexto, no qual a boa comunicação se faz necessária para o sucesso de um empreendimento, o presente trabalho busca propor a utilização dos preceitos do BPM (Business Process Management) e suas ferramentas no gerenciamento das comunicações em projetos. O objetivo é proporcionar agilidade nos processos de comunicação, informação correta para todos os envolvidos no projeto e diminuição das barreiras de comunicação existentes. Palavras-chaves: Business Process Management, Gerência de projetos, Gerenciamento das comunicações

2 1. Introdução Atualmente o cenário é de extrema competitividade e isso exige das empresas o aprimoramento constante das estratégias. É importante compreender que a utilização de uma técnica que englobe desde a formalização dos processos até o acompanhamento efetivos dos projetos pode fazer toda a diferença na corrida rumo a excelência. O mercado globalizado exige cada vez mais das organizações perfeição para continuar atuando. Isso acontece, já que a disputa se passa agora num cenário global, com a criação de diferenciais competitivos definitivos e uma gestão otimizada, criada para maximizar os recursos, sejam eles humanos, materiais ou tecnológicos. O número de empresas brasileiras que estão adotando a metodologia de gerenciamento de projetos vem aumentado de forma significante, apesar de poucas delas desenvolverem um modelo completo de gerenciamento (RABECHINI et al., 2002). Para Cicmil (2000), existem diversos fatos que explicam o crescimento de aplicações voltadas ao Gerenciamento de Projetos (GP) no modelo de negócios atuais. O gerenciamento de projetos tem crescido em importância nos diversos âmbitos empresariais e se tornado um dos requisitos fundamentais para a competitividade das empresas, onde o ambiente competitivo busca melhorias constantes para atingir seus objetivos. Desta forma, as empresas vêm buscando novas e eficazes estruturas de trabalho focadas, cada vez mais, em projetos que atendam as metas de qualidade, custos e prazo (MOLINA-PALMA & DEBONI, 2008). Uma área de relevância em projetos é a do gerenciamento das comunicações, essa é a responsável por empregar os processos necessários para garantir a geração, coleta, distribuição, armazenamento, recuperação e destinação final das informações sobre o projeto de forma oportuna e adequada (PMI, 2004). Segundo Torreão (2005), o gerenciamento das comunicações é freqüentemente ignorado pelos gerentes de projetos. Contudo, nos projetos concluídos com sucesso o gerente gasta 90% de seu tempo envolvido com algum tipo de comunicação. De acordo com Souza et al. (2008) o cenário atual de gerenciamento das comunicações ainda é bastante deficiente apesar da crescente importância que vem sendo dada a ela. Historicamente essa área do gerenciamento de projetos era tratada como de apoio a outras áreas tidas como principais, por exemplo: gerenciamento de custo, tempo e escopo. Entretanto, essa prática tem perdido terreno e cada vez mais o bom gerenciamento das comunicações em projetos tem sido de vital importância para o sucesso dos projetos. Neste contexto, no qual a informação deve ser entregue de maneira ágil, precisa e as pessoas corretas durante a execução dos projetos, o presente trabalho visa propor a utilização do modelo de gestão dos processos empresarias conhecido como Business Process Management (BPM) no gerenciamento das comunicações em projetos. O Business Process Management é um novo paradigma empresarial no qual faz-se uso intensivo da Tecnologia da Informação (TI) para a gestão dos processos chave da organização. Com isto, o objetivo do presente trabalho será colocar à luz dos fatos a utilização do Business Process Management (BPM) no gerenciamento das comunicações em projetos e discutir de maneira plena como esta integração pode contribuir para o bom desempenho dos projetos. Desta forma, o presente trabalho está estruturado da seguinte forma: após essa seção 2

3 introdutória, será apresentada uma revisão bibliográfica sobre a gerência de projetos, gerência das comunicações em projetos e do Business Process Management. Em seguida, será apresentado um modelo de sistema BPM específico para o gerenciamento das comunicações em projetos e, por fim, as considerações a cerca do trabalho. 2. Gerenciamento de Projetos Em mercados cada vez mais dinâmicos e competitivos as empresas têm procurado formas de fazer negócio que possibilitem uma rápida resposta as mutações dos mercados ao qual estão inseridas. Neste contexto, a eficiência e a eficácia no gerenciamento de projetos se tornaram uma necessidade latente e de suma importância para a sobrevivência de algumas empresas. De acordo com a norma NBR ISO (ABNT, 2006), o projeto é um processo único, que consiste de um grupo de atividades coordenadas e controladas com datas para início e término, empreendido para o alcance de um objetivo conforme requisitos específicos. O Project Management Intitute (PMI), entidade internacional sem fins lucrativos formada por profissionais da área de gerenciamento de projetos, define o projeto como um empreendimento temporário com a finalidade de criar um produto, serviço ou um resultado exclusivo. Desta forma surge o gerenciamento de projetos, no qual se define como: a aplicação de ferramentas, habilidades e técnicas às atividades de um projeto a fim de atender aos requisitos solicitados. O gerenciamento de projetos pode ser dividido em nove áreas de conhecimento: (i) escopo, (ii) integração, (iii) tempo, (iv) custo, (v) recursos humanos, (vi) comunicações, (vii) aquisições, (viii) qualidade e (ix) riscos (PMI, 2004). Segundo Kerzner (2006), pode-se definir o gerenciamento de projetos como o planejamento, a programação e o controle de uma série de tarefas integradas de forma a atingir seus objetivos com êxito, para benefício dos participantes do projeto. O gerenciamento de projetos é realizado através de processos, usando conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas. De acordo com o PMI (2004), esses processos são agregados em cinco fases: Iniciação (autorização do projeto ou fase); Planejamento (processos iterativos de definição e refinamento de objetivos e seleção dos melhores caminhos para atingir os objetivos); Execução (execução dos planos do projeto - coordenação de pessoas e outros recursos para executar o plano); Controle e monitoramento (medição e monitoramento do desempenho do projeto); e Encerramento (aceitação formal do projeto ou fase para a sua finalização) (PMI, 2004). 3

4 Figura 1 - Sequência Típica de Fases de um Projeto Fonte: PMBoK (2004) A importância do gerenciamento de projetos está em poder analisar criticamente o seu andamento e fazer as correções necessárias quando ocorrem problemas ou mudanças que afetam o desempenho frente às metas determinadas (COPATTO & SOUZA, 2003). Conforme descrito por Kerzner (2003) apud Martins et al. (2005), podemos destacar os seguintes benefícios associados ao uso do gerenciamento de projetos nas organizações: melhoria da lucratividade, melhoria da eficiência, controle de mudanças do escopo, relacionamento com clientes, identificação de riscos, qualidade, distribuição de informações e competitividade. Um projeto de sucesso passa necessariamente pela correta coordenação das gerências de custo, escopo, tempo, qualidade, comunicação, recursos humanos, aquisição, risco e integração. É fato que uma maior ênfase tem sido dada pelos gerentes de projetos as áreas de tempo, custo e escopo, entretanto, essa visão tem sido modificada e dado espaço a áreas que antes eram tidas como de apoio (e.g.: comunicações). Nessa direção, o trabalho busca evidenciar um modelo de integração entre o paradigma empresarial conhecido como BPM e o gerenciamento das comunicações em projetos. Para isso, nas próximas seções será detalhada a gerência das comunicações em projetos, o BPM, assim como a discussão do modelo. 3. Gerenciamento das Comunicações em Projetos O Gerenciamento das comunicações é responsável pelo fluxo de informações do projeto, pois este constitui, executa, acompanha e controla as informações durante todo ciclo de vida do referido (SPANHOL & SANTOS, 2009). Segundo Chaves et al. (2006 apud SPANHOL e SANTOS, 2009) a área de comunicações é, por excelência, um elemento de apoio fundamental para o acompanhamento de todas as outras áreas de gerenciamento, já que estas necessitam da obtenção, acompanhamento e emissão das informações para todos os interessados e participantes do projeto. Segundo Carvalho e Mirandola (2007), somente por meio de um processo de comunicação eficaz é possível que as atividades distribuídas entre os vários colaboradores que integram uma organização atinjam os objetivos planejados. Conforme visão dos autores é preciso que competências estratégicas de comunicação sejam desenvolvidas para facilitar a 4

5 interpretação da informação pelas partes envolvidas bem como possibilitar a criação de significados compartilhados. A comunicação é fundamental para integrar os participantes e ampliar as chances de sucesso de um projeto (WILLE, 2003). Para que se tenha uma efetiva comunicação entre os grupos interessados em um projeto é necessária a eliminação das barreiras que dificultam e até mesmo impedem a transmissão e o entendimento das mensagens (SOUZA et al., 2008). Diante disso o gerenciamento das comunicações em projetos se mostra uma área de grande relevância para o bom desempenho do projeto como um todo. De acordo com o PMI (2004) a área de gerenciamento das comunicações (GC) em projetos é a responsável por empregar os processos necessários para garantir a geração, coleta, distribuição, armazenamento, recuperação e destinação final das informações sobre o projeto de forma oportuna e adequada. Ainda diante da perspectiva do PMI (2004) sobre o GC em projetos, esta é composta pelos seguintes processos: a) Planejamento das Comunicações: é a determinação das necessidades de informações e comunicações das partes interessadas no projeto. b) Distribuição de informações: é a disponibilização das informações corretas para as partes interessadas no projeto e no tempo adequado. c) Relatório de Desempenho: coleta e distribui as informações sobre o desempenho do projeto. Isso inclui o relatório de andamento, medição do progresso e previsão. d) Gerenciar as partes interessadas (stakeholders): é o gerenciamento da comunicação que visa satisfazer as necessidades dos interessados e resolver problemas que possivelmente podem ocorrer com os stakeholders. Figura 2 - Visão geral do gerenciamento das comunicações em projetos Fonte: Adaptado do PMBoK (2004) 5

6 4. Business Process Management - BPM Existe uma tendência das organizações no cenário competitivo atual em buscar a utilização de tecnologias para dar suporte e instrumentalizar a gestão de processos. Segundo Paim (2007), há um aumento gradativo de suporte dos sistemas de informação as tarefas necessárias para a gestão de processo, e as ferramentas de modelagem de processos já estão amplamente disponíveis no mercado. Um processo de negócio (Business Process) é a representação formal do trabalho realizado por pessoas e sistemas de uma organização, com objetivo de gerar um produto ou serviço para clientes (BENITEZ, 2006). Ou seja, processo de negócio pode ser entendido como um conjunto de tarefas que envolvem pessoas e recursos para que possa se atingir um objetivo previamente definido, gerando um produto ou serviço que vai ao encontro dos desejos dos clientes. Esse processo representa um conjunto de atividades e passos unidos para o desenvolvimento de uma tarefa ou produto, que pode ser completamente automáticos ou necessitarem de alguma interação humana para seu funcionamento, e o caminho executado por um processo depende dos dados e informações disponíveis. O Business Process Management (BPM) ou Gerenciamento dos Processos de Negócios (GPN) é, de forma sintética, a união da gestão de negócio tradicional e tecnologia da informação, através dele é possível à melhoria dos processos de negócio das organizações, esta melhoria se dá principalmente pelo uso de métodos, técnicas e ferramentas para modelar, publicar, controlar e analisar processos operacionais envolvendo recursos humanos, aplicações, documentos e outras fontes de informação. Gerenciamento dos Processos de Negócios é um assunto que tem ganhado grande importância na literatura de gerenciamento. Segundo Möller et al. (2007), recentemente tem-se visto que a pesquisa tradicional da ciência da computação no gerenciamento de workflow está estendendo sua perspectiva para o BPM. O BPM é a atividade de projetar, modelar, analisar e gerenciar processos de negócios, utilizando diversos métodos, técnicas e ferramentas. Com o uso de BPM formaliza-se e automatiza-se o processo de negócio, tornando uma empresa realmente orientada a processo (JUNIOR, 2007). Business Process Management é um novo conceito que notavelmente está ganhando reconhecimento na literatura de gerência (SMITH & FINGAR, 2003). O Business Process Management é uma aproximação estruturada que emprega métodos, políticas, métrica, administração prática e ferramentas de software para aperfeiçoar as atividades e processos de uma organização. De acordo com Pritchard e Armistead (1999), o BPM consiste de uma série de ferramentas e técnicas utilizadas para prover a agilidade necessária aos processos de negócios das organizações atuais. Para Zaniol et al. (2008) o Business Process Management se encaixa no contexto de um sistema de informação que foca a agilidade e controle dos processos de negócio, de forma intuitiva, produtiva, flexível e integrada. Segundo Amaral et al.(2008) o BPM possibilita as seguintes vantagens para as organizações: Melhoria na velocidade do negócio: ocasionada principalmente pela automação dos processos, proporciona uma significativa redução dos tempos de ciclo dos processos; 6

7 Aumento da satisfação dos clientes: a informação é distribuída de forma mais dinâmica em sistemas que se utilizam do BPM, assim sendo um rápido atendimento da necessidade dos clientes e informações precisas garantem sua satisfação; Integridade: Segue todos os passos do processo; Flexibilidade: As regras do negócio são facilmente modificadas, sem a necessidade de atuação de especialistas da área de TI; Melhoria contínua: Ao dar suporte a métricas de desempenho dos sistemas, o BPM garante um processo de melhoria contínua dos mesmos. Enfim, o BPM é um paradigma empresarial, que preconiza o uso de ferramentas tecnológicas, principalmente as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), para a gestão dos processos de negócio das empresas Business Process Management System Ao conjunto de ferramentas que são utilizadas para dar o suporte necessário a gestão dos processos de negócio, no qual o BPM se baseia, chamamos de Business Process Management System (BPMS). Esse por sua vez engloba uma série de tecnologias de camada inferior que possibilitam o monitoramento, o controle e a integração dos diversos processos de negócio intra-empresarias e inter-empresariais. Os sistemas BPMS são compostos basicamente de um conjunto de soluções tecnológicas ao qual podemos citar, por exemplo, workflow (automação de processos), EAI Enterprise Application Interchange (troca de informações entre sistemas empresariais) e TICs (Tecnologias de Informação e Comunicação), ferramentas de modelagem dos processos de negócios (e.g.: UML e BPMN), componentes de integração dos processos (e.g.: ERP, SCM, GED, CRM, data centers e etc.) e ferramentas de simulação e análise (e.g.: Business Inteligence - BI). Coração de um BPMS Figura 3 - Componentes que formam o coração de qualquer sistema BPMS Fonte: Adaptado de Miers (2006) 7

8 5. BPM e a Gerência das comunicações em projetos A medida que os projetos se tornam mais complexos e a necessidade de comunicação entre os vários agentes que participam direta e indiretamente do projeto se torna mais agudo, pensar em uma ferramenta que auxilie de forma coerente os responsáveis pela informação no projeto se torna algo razoável. Conforme descrito anteriormente, o BPM engloba as atividades de projetar, modelar, analisar e gerenciar processos de negócios, utilizando diversos métodos, técnicas e ferramentas. Na pesquisa Estudo de Benchmarking em gerenciamento de projetos realizada no ano de 2005 pelo PMI fica constatado que os problemas de comunicação em projetos são percebidos como sendo o segundo maior fator de problemas nos projetos. No entanto, a mesma pesquisa aferiu que a comunicação em projetos é o segundo fator menos considerado pelas empresas na fase de planejamento dos projetos. Com o intuito de contribuir para o processo de gerenciamento das comunicações em projetos, será apresentado daqui por diante um modelo de referência no qual buscamos agregar as práticas de gerenciamento dos processos de negócio preconizadas pelo paradigma empresarial BPM a esta área de conhecimento dos projetos. Inicialmente, como em qualquer outro projeto de implantação de BPM se faz necessário a modelagem dos processos, nesta fase buscamos responder perguntas do tipo: quem deve receber as informações do projeto, quem deve e por onde devem ser enviadas as informações do projeto e qual a infra-estrutura de comunicação disponível entre os vários agentes que compõem o projeto. Basicamente, nesta fase buscamos captar todos os fatores ambientais que de alguma forma influenciam o processo de comunicação no projeto. Depois de verificada as interações existentes entre os participantes do projeto e dessa forma levantada às necessidades de informação e os recursos de comunicação existente no empreendimento, é preciso começar a planejar o sistema BPM (BPMS) de forma que este de suporte a distribuição de informações, registre problemas ocorridos e acompanhe a resolução, gerencie documentos do projeto, possibilite a automação de todo ou parte dos processos e que compile informações do projeto. Dessa forma um modelo BPMS que possibilite o pleno suporte a gerência das comunicações do projeto se configura conforme a figura abaixo. 8

9 BPMS para a GC em projetos Figura 4 - Modelo de um BPMS para a Gerência das Comunicações em Projetos Com relação as ferramentas utilizadas neste modelo de BPMS para a Gerência das comunicações em projetos, podemos defini-los da seguinte forma: Workflow É a ferramenta que possibilita a automação dos processos. Ela se configura como a principal ferramenta neste modelo, pois ao automatizar alguns processos este se torna ágil, sem redundância e praticamente livre de erros; Business Inteligence e Software de Gerenciamento de Projetos O BI (Business Inteligence) é o responsável pela compilação dos dados do projeto, sua principal função é transformar os dados em informação inteligível. Os softwares de GP se fazem presentes em praticamente em todos os projetos, os mesmos tem por finalidade auxiliar no planejamento, controle e execução do projeto. BPMN e UML São as ferramentas que possibilitam a modelagem de todo os processos de comunicação dentro do projeto. Os modelos gerados com uma destas ferramentas formam a principal entrada para o workflow; GED O Gerenciamento Eletrônico de Documentos é um conjunto de tecnologias que possibilitam a organização e o gerenciamento de documentos em formato digital; Banco de dados e recuperação de dados - Estes são os responsáveis por armazenar os dados do projeto e recuperar os dados do projeto de maneira ágil; Groupware Este possibilita o networking (trabalho de forma virtual entre os integrantes de uma organização) interno e externo, com este a equipe de projeto passará a possuir um local para compartilhamento do conhecimento dentro do ambiente de um projeto; EAI e TICs Este se configura como ambientes para troca de informação entre os stakeholders de um projeto, o EAI permite que sistemas de informação de várias empresas se integrem. As TICs, conhecidas como Tecnologias da Informação e Comunicação, são um conjunto de recursos tecnológicos que integrados entre si possibilitam a comunicação. 9

10 Um aspecto importante do modelo, é que ao integrar todas essas tecnologias em um sistema BPMS e gerenciando o processo de comunicação dentro do projeto utilizando o paradigma BPM, podemos afirmar que os ganhos nesta área de gerenciamento serão satisfatórios. Outro aspecto relevante é que estas tecnologias suportam todos os processos de gerenciamento das comunicações em projetos, que são: planejamento das comunicações, distribuição das informações, relatório de desempenho e o gerenciamento das partes interessadas. Os ganhos que podemos alcançar com relação são discutidos no quadro abaixo: Processos de Gerenciamento das Comunicações Benefícios com o uso da ferramenta BPMS Planejamento das comunicações Distribuição das informações Relatório de desempenho Mapeamento eficiente dos processos de comunicação, captura das restrições e premissas; Auxílio no planejamento dos recursos de comunicação. Método de distribuição das informações do projeto eficaz, ágil e seguro; Diminuição das barreiras a comunicação dentro do projeto; Compilação de informações do projeto; Relatórios customizados e possibilidade de monitoramento constante dos indicadores de desempenho. Gerenciar as partes interessadas Fonte: Elaborado pelos Autores Acompanhamento do projeto, comunicação direta com outros participantes; Diminuição das barreiras a comunicação. Quadro 1 - Benefícios do uso do BPMS nos processos de gerenciamento das comunicações em projetos De maneira geral o uso do BPM pode trazer muitos benefícios a qualquer organização, como redução de tarefas manuais, eliminação de esforços em duplicidade, redução do lead time, melhoria de serviços ao cliente, direcionamento automático de problemas para os gerentes, entre outros benefícios. Especificamente no projeto como um todo, o uso do BPM pode apresentar as seguintes vantagens: a) Entrega ágil das comunicações do projeto; b) Diminuição expressiva das barreiras de comunicação em projetos; c) Garantia de que a mensagem será entregue da maneira correta e as pessoas corretas; d) Formação de um canal de comunicação adequado e seguro; e) Retenção de conhecimento; f) Possibilidade de gerenciamento por processo; g) Gerenciamento e armazenamento eletrônico de informações do projeto; h) Possibilita maior segurança das informações do projeto; i) Atendimento dos níveis de serviços combinados com os sponsors do projeto. 10

11 6. Considerações Finais Indiscutivelmente o gerenciamento das comunicações do projeto tem ganhado grande atenção nos projetos em andamento no Brasil, no entanto, esta área ainda não tem o destaque que merece, fato comprovado pela pesquisa de Benchmarking em projetos realizada pelo PMI no ano de 2005 em todo o Brasil. Neste contexto, o bom gerenciamento das comunicações é cada vez mais apontado como um dos fatores chaves de sucesso em diversos projetos, viemos através deste trabalho apresentar um estudo que tem sido desenvolvido ainda em âmbito acadêmico, no qual o principal objetivo é o de criar uma base de integração do Business Process Management, paradigma cuja suas bases residem no amplo uso de tecnologia, e o gerenciamento das comunicações em projetos. O primeiro passo do trabalho aqui apresentado consistiu em levantar quais as tecnologias que formariam as bases do BPMS (Business Process Management System), conjunto de ferramentas essenciais para a gestão dos processos de negócio de acordo com uma filosofia BPM. Esta primeira fase foi possível através de observações de diversos projetos em andamento de variados setores econômicos foram levantadas as principais exigências feitas pelos agentes que atuaram nestes empreendimentos com relação a gerência das comunicações. Essas observações nos possibilitaram o desenho de um conjunto de tecnologias para formarem o modelo BPMS proposto na seção anterior. O fato mais interessante deste modelo é que o mesmo garante que todos os processos do gerenciamento das comunicações em projetos, propostos pelo PMI através do PMBoK (2004), sejam atendidos. Diante disso, o presente artigo demonstrou o passo inicial de uma pesquisa que tem sido realizada pelos autores no âmbito do gerenciamento das comunicações em projetos, os próximos passos da pesquisa consistem em ampliar os conhecimentos sobre a utilização do BPM no gerenciamento das comunicações, através de um estudo de caso. Referências ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR ISO Sistemas de gestão da qualidade - Diretrizes para a gestão da qualidade em empreendimentos, AMARAL, F.P., et al. O papel das ferramentas para sistematização de processos de negócio (bpms). In: XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Rio de Janeiro. Anais do XXVIII do Encontro Nacional de Engenharia de Produção ENEGEP, BENITEZ, M. Business Process Management (BPM) for the Masses. Estados Unidos: BPMI, p. CARVALHO, M. M. & MIRANDOLA, D. A comunicação em projetos de TI: uma análise comparativa das equipes de sistemas e de negócios. Revista Produção, vol.17, n.2, 2007, pp São Paulo. CICMIL, S. Quality in project environments: a non-conventional agenda. International Journal of Quality & Reliability Management, v. 17, n. 4/5, pp , COPATTO, A.S. & SOUZA, F.B. PERT/CPM versus a corrente crítica: Pressupostos e Aplicações. In: XXIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Ouro Preto. Anais do XXIII do Encontro Nacional de Engenharia de Produção ENEGEP, JUNIOR, A. D. Empresa Orientada a Processo. Revista Portal BPM, v.1, n.1, p.25-30, Sept KERZNER, H. Strategic Planning fora Project Office. Project Management Journal, v. 34, n. 2, p.13-25,2003 MARTINS, A.P., et al. Implantação e consolidação de escritório de gerenciamento de projetos: um estudo de caso. Revista Produção. v. 15, n. 3, pp , São Paulo. 11

12 MOLINA-PALMA, M.A.; DEBONI, M.A. Geranciamento da qualidade e sua utilização em projetos desenvolvidos no Brasil. In: Simpósio de Engenharia de Produção, Bauru. Anais do XV Simpósio de Enegnharia de Produção SIMPEP, MOLLER, C.; et al. What is business process management: a two stage literature review of an emerging field. In: Conference on Research and Practical Issues of Entreprise Information Systems, Beijing. Proceedings of the IFIP International Conference on Research and Practical Issues of Enterprise Information-Confenis, PAIM, R., et al. O que são BPMS: sistemas de suporte às tarefas para gestão de processos. In: XXVII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Foz do Iguaçu. Anais do XXVII Encontro Nacional de Engenharia de Produção ENEGEP, PRITCHARD, J.P.; ARMISTEAD, C. Business process management lessons from European business. Business Process Management Journal, v. 5, n. 1, p , PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. Project Management Body of Knowledge. 3. ed. Pennsylvania: Project Management Institute. Inc, RABECHINI Jr, R.; CARVALHO, M.M. & LAURINDO, F.J.B. Fatores Críticos para implementação de Gerenciamento de Projetos: o caso de uma organização pesquisada. Revista Produção, v.12, n.2, 2002, p.28-41, São Paulo. SMITH, H. & FINGAR, P. Workflow is Just a Pi-Process. Computer Sciences Corporation, v.21, Nov Disponível em: Acessado em: 06 Jun SOUZA, V.A., et al. Uma análise do gerenciamento da comunicação em empresas de grande em Pernambuco. In: XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Rio de Janeiro. Anais do XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção ENEGEP, SPANHOL, G.K. & SANTOS, N. As tecnologias da informação e comunicação e a gestão do conhecimento como apoio ao gerenciamento das comunicações em projetos. Revista Gestão Industrial, v. 05, n. 01, 2009, p , Ponta Grossa. TORREÃO, P.G.B.C. Project Management Knowledge Learning Environment: ambiente inteligente para educação em gerenciamento de projetos p. Dissertação de Mestrado em Ciência de Computação Universidade Federal de Pernambuco, Recife PE, WILLE, S.A.C., Gerenciamento das comunicações em projetos. Revista FAE Business, v. 1, n. 7, nov. 2003, p , Paraná. ZANIOL, M.D., et al. O desafio do gerenciamento contínuo dos processos de negócio. In: XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Rio de Janeiro. Anais do XXVIII do Encontro Nacional de Engenharia de Produção ENEGEP,

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro:

Teoria e Prática. Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009. Rosaldo de Jesus Nocêra, PMP, PMI-SP, MCTS. do PMBOK do PMI. Acompanha o livro: Gerenciamento de Projetos Teoria e Prática Totalmente de acordo com a 4 a Edição/2009 do PMBOK do PMI Acompanha o livro: l CD com mais de 70 formulários exemplos indicados pelo PMI e outros desenvolvidos

Leia mais

METODOLOGIA HSM Centrada nos participantes com professores com experiência executiva, materiais especialmente desenvolvidos e infraestrutura tecnológica privilegiada. O conteúdo exclusivo dos especialistas

Leia mais

Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos

Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos Objetivo dessa aula é mostrar a importância em utilizar uma metodologia de implantação de sistemas baseada nas melhores práticas de mercado

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos (ref. capítulos 1 a 3 PMBOK) TC045 Gerenciamento de Projetos Sergio Scheer - scheer@ufpr.br O que é Gerenciamento de Projetos? Aplicação de conhecimentos, habilidades, ferramentas

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO GESTÃO DE PROJETOS: UM ESTUDO DE CASO SOBRE A IMPLANTAÇÃO DE UM SOFTWARE PMIS Área de conhecimento

Leia mais

O IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DE UM SOFTWARE DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DE PROJETOS NAS EMPRESAS

O IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DE UM SOFTWARE DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DE PROJETOS NAS EMPRESAS O IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DE UM SOFTWARE DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DE PROJETOS NAS EMPRESAS Nadia Al-Bdywoui (nadia_alb@hotmail.com) Cássia Ribeiro Sola (cassiaribs@yahoo.com.br) Resumo: Com a constante

Leia mais

Informação Verde Green IT Citizen Certification O caminho da Informação do Papel ao Digital

Informação Verde Green IT Citizen Certification O caminho da Informação do Papel ao Digital Informação Verde Green IT Citizen Certification O caminho da Informação do Papel ao Digital 39 Gestão de Projeto PMI Project Management Institute Vídeo Jandira O que é um Projeto? Empreendimento Temporário

Leia mais

GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO DO PROJETO

GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO DO PROJETO GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO DO PROJETO Estevanir Sausen¹, Patricia Mozzaquatro² ¹Acadêmico do Curso de Ciência da Computação ²Professor(a) do Curso de Ciência da Computação Universidade de Cruz Alta (UNICRUZ)

Leia mais

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE ESTUDO DE BENCHMARKING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 2009 Brasil Uma realização dos Chapters Brasileiros do PMI - Project Management Institute PMI-SP PMI-RJ PMI-AM PMI-SC PMI-BA ANEXO 2 PMI-RS PMI PMI-CE

Leia mais

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia P ORTFÓ FÓLIO Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia versão 1.1 ÍNDICE 1. A EMPRESA... 3 2. BI (BUSINESS INTELLIGENCE)... 5 3. DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS... 6 3.1. PRODUTOS

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UMA PROPOSTA PARA GERENCIAMENTO DA EXECUÇÃO DE PROJETOS DE CABEAMENTO ESTRUTURADO BASEADO NOS PARÂMETROS DA METODOLOGIA PMI

DESENVOLVIMENTO DE UMA PROPOSTA PARA GERENCIAMENTO DA EXECUÇÃO DE PROJETOS DE CABEAMENTO ESTRUTURADO BASEADO NOS PARÂMETROS DA METODOLOGIA PMI UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETROTÉCNICA CURSO DE ENGENHARIA INDUSTRIAL ELÉTRICA/AUTOMAÇÃO HENRY MEINELECKI BUENO BARBOSA LUCAS PEVIDOR DE CARVALHO CAVALLARI MURILO

Leia mais

Objetivos da aula. Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. O que é um plano de projeto? O que é um projeto?

Objetivos da aula. Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. O que é um plano de projeto? O que é um projeto? Planejamento, Execução e Controle de Projetos de Software. Objetivos da aula 1) Dizer o que é gerenciamento de projetos e a sua importância; 2) Identificar os grupos de processos do gerenciamento de projetos

Leia mais

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE ESTUDO DE BENCHMARKING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 2009 Brasil Uma realização dos Chapters Brasileiros do PMI - Project Management Institute PMI-SP PMI-RJ PMI-AM PMI-SC PMI-BA ANEXO 1 PMI-RS PMI PMI-CE

Leia mais

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br POR QUE ESCREVEMOS ESTE E-BOOK? Nosso objetivo com este e-book é mostrar como a Gestão de Processos

Leia mais

Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares

Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Profa. Lillian Alvares O Project Management Institute é uma entidade sem fins lucrativos voltada ao Gerenciamento de Projetos.

Leia mais

REPROJETO DA ORGANIZAÇÃO COM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

REPROJETO DA ORGANIZAÇÃO COM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Capítulo 12 REPROJETO DA ORGANIZAÇÃO COM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 12.1 2003 by Prentice Hall OBJETIVOS De que forma o desenvolvimento de um novo sistema poderia mudar a maneira de uma organização trabalhar?

Leia mais

METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK

METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 23 a 26 de outubro de 2007 METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK Cleber Lecheta Franchini 1 Resumo:

Leia mais

Gestão de Projetos Héstia_UFRGS_2011. Istefani Carísio de Paula, Dr.

Gestão de Projetos Héstia_UFRGS_2011. Istefani Carísio de Paula, Dr. Gestão de Projetos Héstia_UFRGS_2011 Istefani Carísio de Paula, Dr. 1 Apresentação Istefani Carísio de Paula Graduação em Processos Farmacêuticos USP Doutorado em Engenharia de Produção (PPGEP/UFRGS) com

Leia mais

3 Gerenciamento de Projetos

3 Gerenciamento de Projetos 34 3 Gerenciamento de Projetos Neste capítulo, será abordado o tema de gerenciamento de projetos, iniciando na seção 3.1 um estudo de bibliografia sobre a definição do tema e a origem deste estudo. Na

Leia mais

Desenvolvimento de um software de gerenciamento de projetos para utilização na Web

Desenvolvimento de um software de gerenciamento de projetos para utilização na Web Resumo. Desenvolvimento de um software de gerenciamento de projetos para utilização na Web Autor: Danilo Humberto Dias Santos Orientador: Walteno Martins Parreira Júnior Bacharelado em Engenharia da Computação

Leia mais

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP DARCI PRADO Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP Versão 2.0.0 Janeiro 2014 Extraído do Livro "Maturidade em Gerenciamento de Projetos" 3ª Edição (a publicar)

Leia mais

Análise da vantagem de adoção e uso de sistemas ERP código aberto em relação aos sistemas ERP código fechado

Análise da vantagem de adoção e uso de sistemas ERP código aberto em relação aos sistemas ERP código fechado Análise da vantagem de adoção e uso de sistemas ERP código aberto em relação aos sistemas ERP código fechado Louis Albert Araujo Springer Luis Augusto de Freitas Macedo Oliveira Atualmente vem crescendo

Leia mais

Módulo 07 Gestão de Conhecimento

Módulo 07 Gestão de Conhecimento Módulo 07 Gestão de Conhecimento Por ser uma disciplina considerada nova dentro do campo da administração, a gestão de conhecimento ainda hoje tem várias definições e percepções, como mostro a seguir:

Leia mais

Gestão estratégica em finanças

Gestão estratégica em finanças Gestão estratégica em finanças Resulta Consultoria Empresarial Gestão de custos e maximização de resultados A nova realidade do mercado tem feito com que as empresas contratem serviços especializados pelo

Leia mais

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT MASTER IN PROJECT MANAGEMENT PROJETOS E COMUNICAÇÃO PROF. RICARDO SCHWACH MBA, PMP, COBIT, ITIL Atividade 1 Que modelos em gestão de projetos estão sendo adotados como referência nas organizações? Como

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

INOVANDO UM PROCESSO DE SERVIÇOS DE TI COM AS BOAS PRÁTICAS DO ITIL E USO DE BPMS

INOVANDO UM PROCESSO DE SERVIÇOS DE TI COM AS BOAS PRÁTICAS DO ITIL E USO DE BPMS INOVANDO UM PROCESSO DE SERVIÇOS DE TI COM AS BOAS PRÁTICAS DO ITIL E USO DE BPMS Cilene Loisa Assmann (UNISC) cilenea@unisc.br Este estudo de caso tem como objetivo trazer a experiência de implantação

Leia mais

REPROJETO DA ORGANIZAÇÃO COM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

REPROJETO DA ORGANIZAÇÃO COM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO REPROJETO DA ORGANIZAÇÃO COM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 OBJETIVOS 1. De que forma o desenvolvimento de um novo sistema poderia mudar a maneira de uma organização trabalhar? 2. Como uma empresa pode certificar-se

Leia mais

CIGAM SOFTWARE CORPORATIVA LTDA.

CIGAM SOFTWARE CORPORATIVA LTDA. CIGAM SOFTWARE CORPORATIVA LTDA. Raquel Engeroff Neusa Cristina Schnorenberger Novo Hamburgo RS Vídeo Institucional Estratégia Visão Missão Ser uma das 5 maiores empresas de software de gestão empresarial

Leia mais

Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2

Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2 Visão Geral sobre Gestão de Projetos e Iniciação de Projetos Aula 2 Miriam Regina Xavier de Barros, PMP mxbarros@uol.com.br Agenda Bibliografia e Avaliação 1. Visão Geral sobre o PMI e o PMBOK 2. Introdução

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROCESSOS DE NEGÓCIO. Professor: Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br

GERENCIAMENTO DE PROCESSOS DE NEGÓCIO. Professor: Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br GERENCIAMENTO DE PROCESSOS DE NEGÓCIO Professor: Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br Guia de Estudo Vamos utilizar para a nossa disciplina de Modelagem de Processos com BPM o guia

Leia mais

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) PLANEJAMENTO 2 PLANEJAMENTO Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 ABRIL

Leia mais

DISCIPLINA ENGENHARIA DE SOFTWARE Aula 03 Processo Unificado e Desenvolvimento Ágil. Profª Esp.: Maysa de Moura Gonzaga

DISCIPLINA ENGENHARIA DE SOFTWARE Aula 03 Processo Unificado e Desenvolvimento Ágil. Profª Esp.: Maysa de Moura Gonzaga DISCIPLINA ENGENHARIA DE SOFTWARE Aula 03 Processo Unificado e Desenvolvimento Ágil Profª Esp.: Maysa de Moura Gonzaga 2º Semestre / 2011 O Processo Unificado dos autores Ivar Jacobson, Grady Booch e James

Leia mais

Universidade de Brasília. Departamento de Ciência da Informação e Documentação. Prof a.:lillian Alvares

Universidade de Brasília. Departamento de Ciência da Informação e Documentação. Prof a.:lillian Alvares Universidade de Brasília Departamento de Ciência da Informação e Documentação Prof a.:lillian Alvares Fóruns óu s/ Listas de discussão Espaços para discutir, homogeneizar e compartilhar informações, idéias

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos Grupo de Consultores em Governança de TI do SISP 20/02/2013 1 Agenda 1. PMI e MGP/SISP 2. Conceitos Básicos - Operações e Projetos - Gerenciamento de Projetos - Escritório de

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GERENCIAMENTO DE PROJETOS GERENCIAMENTO DE PROJETOS O que é um Projeto? Regra Início e fim definidos Destinado a atingir um produto ou serviço único Escopo definido Características Sequência clara e lógica de eventos Elaboração

Leia mais

Alinhamento Estratégico. A importância do alinhamento entre a TI e o Negócio e o método proposto pelo framework do CobiT 4.1

Alinhamento Estratégico. A importância do alinhamento entre a TI e o Negócio e o método proposto pelo framework do CobiT 4.1 Conhecimento em Tecnologia da Informação Alinhamento Estratégico A importância do alinhamento entre a TI e o Negócio e o método proposto pelo framework do CobiT 4.1 2010 Bridge Consulting Apresentação

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos PMI, PMP e PMBOK PMI (Project Management Institute) Estabelecido em 1969 e sediado na Filadélfia, Pensilvânia EUA, o PMI é a principal associação mundial, sem fins lucrativos,

Leia mais

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS ISSN 1984-9354 GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS Emerson Augusto Priamo Moraes (UFF) Resumo Os projetos fazem parte do cotidiano de diversas organizações, públicas e privadas, dos mais diversos

Leia mais

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal

Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Metodologia de Gerenciamento de Projetos da Justiça Federal Histórico de Revisões Data Versão Descrição 30/04/2010 1.0 Versão Inicial 2 Sumário 1. Introdução... 5 2. Público-alvo... 5 3. Conceitos básicos...

Leia mais

Material de Apoio. Sistema de Informação Gerencial (SIG)

Material de Apoio. Sistema de Informação Gerencial (SIG) Sistema de Informação Gerencial (SIG) Material de Apoio Os Sistemas de Informação Gerencial (SIG) são sistemas ou processos que fornecem as informações necessárias para gerenciar com eficácia as organizações.

Leia mais

4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge

4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge 58 4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge No Brasil, as metodologias mais difundidas são, além do QL, o método Zopp, o Marco Lógico do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o Mapp da

Leia mais

Gerenciamento de Processos de Negócio

Gerenciamento de Processos de Negócio Gestão por Processos By Alan Lopes +55 22-99202-0433 alopes.campos@mail.com http://prof-alan-lopes.weebly.com Gerenciamento de Processos de Negócio - Conceitos e fundamentos - Modelagem de processo - Análise

Leia mais

BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO

BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO João Felipe D Assenção Faria Arquiteto JEE Especialista SOA/BPM JOÃO FELIPE D ASSENÇÃO FARIA Arquiteto JEE (12 anos) Especialista SOA/BPM (aprox. 4 anos)

Leia mais

04/02/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Gestão de Projetos de TI. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 1.

04/02/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Gestão de Projetos de TI. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 1. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Gestão de Projetos de TI Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 1.1 2 Introdução ao Gerenciamento de Projetos 3 1 Leitura

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Anderson Valadares

GESTÃO DE PROJETOS. Prof. Anderson Valadares GESTÃO DE PROJETOS Prof. Anderson Valadares Projeto Empreendimento temporário Realizado por pessoas Restrições de recursos Cria produtos, ou serviços ou resultado exclusivo Planejado, executado e controlado

Leia mais

Boas Práticas em Gerenciamento de Projetos Material utilizado nas aulas de Pós-graduação do Centro de Informática 2010.2

Boas Práticas em Gerenciamento de Projetos Material utilizado nas aulas de Pós-graduação do Centro de Informática 2010.2 O que é um? s: Tradicional e/ou Ágil? Cristine Gusmão, PhD Tem início e fim bem determinados Things are not always what they seem. Phaedrus, Escritor e fabulista Romano O projeto é uma sequência única,

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

1 Introdução. 1.1. Considerações finais

1 Introdução. 1.1. Considerações finais 11 1 Introdução 1.1. Considerações finais O presente trabalho tem por finalidade analisar a área de TI de uma empresa que se estrutura por meio de projetos, dando ênfase nos modelos motivacionais que são

Leia mais

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação Pesquisa realizada com os participantes do de Apresentação O perfil do profissional de Projetos Pesquisa realizada durante o 12 Seminário Nacional de, ocorrido em 2009, traça um importante perfil do profissional

Leia mais

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO*

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* RESUMO Marilia Costa Machado - UEMG - Unidade Carangola Graciano Leal dos Santos

Leia mais

Oficina de Gestão de Portifólio

Oficina de Gestão de Portifólio Oficina de Gestão de Portifólio Alinhando ESTRATÉGIAS com PROJETOS através da GESTÃO DE PORTFÓLIO Gestão de portfólio de projetos pode ser definida como a arte e a ciência de aplicar um conjunto de conhecimentos,

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

PROCESSOS DE NEGÓCIOS: UMA VISÃO GERAL

PROCESSOS DE NEGÓCIOS: UMA VISÃO GERAL Universidade Federal de Santa Maria Sistemas de Informação ELC1093 Modelagem de Processos de Negócio PROCESSOS DE NEGÓCIOS: UMA VISÃO GERAL Profa. Lisandra Manzoni Fontoura Objetivos da Aula: Processos

Leia mais

APLICATIVOS CORPORATIVOS

APLICATIVOS CORPORATIVOS Sistema de Informação e Tecnologia FEQ 0411 Prof Luciel Henrique de Oliveira luciel@uol.com.br Capítulo 3 APLICATIVOS CORPORATIVOS PRADO, Edmir P.V.; SOUZA, Cesar A. de. (org). Fundamentos de Sistemas

Leia mais

Gestão de Projetos Sociais

Gestão de Projetos Sociais Universidade Presbiteriana Mackenzie Gestão de Projetos Sociais Prof. José Carlos Costa Abril/2010 Objetivo: familiarizar-se com alguns conceitos básicos relacionados ao Gerenciamento de Projetos. diferença

Leia mais

Laudon & Laudon MIS, 7th Edition. Pg. 1.1

Laudon & Laudon MIS, 7th Edition. Pg. 1.1 Laudon & Laudon MIS, 7th Edition. Pg. 1.1 12 OBJETIVOS OBJETIVOS REPROJETO DA ORGANIZAÇÃO COM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 12.1 De que forma o desenvolvimento de um novo sistema poderia mudar a maneira de uma

Leia mais

E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação

E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação Capítulo 2 E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação 2.1 2007 by Prentice Hall OBJETIVOS DE ESTUDO Identificar e descrever as principais características das empresas que são importantes

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

Gerenciamento de Projetos. Faculdade Unisaber 2º Sem 2009

Gerenciamento de Projetos. Faculdade Unisaber 2º Sem 2009 Semana de Tecnologia Gerenciamento de Projetos Faculdade Unisaber 2º Sem 2009 ferreiradasilva.celio@gmail.com O que é um Projeto? Projeto é um "esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço

Leia mais

Ministério Público do Estado de Goiás

Ministério Público do Estado de Goiás Ministério Público do Estado de Goiás Apresentação Inicial PMO Institucional MP-GO 1 Um projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo. Em muitos casos

Leia mais

MSF- MICROSOFT SOLUTIONS FRAMEWORK. Cesar Eduardo Freitas Italo Alves

MSF- MICROSOFT SOLUTIONS FRAMEWORK. Cesar Eduardo Freitas Italo Alves MSF- MICROSOFT SOLUTIONS FRAMEWORK Cesar Eduardo Freitas Italo Alves A ORIGEM DO MSF (MICROSOFT SOLUTIONS FRAMEWORK) Baseado na experiência da empresa na construção de softwares como Office e Windows e

Leia mais

Jonas de Souza H2W SYSTEMS

Jonas de Souza H2W SYSTEMS Jonas de Souza H2W SYSTEMS 1 Tecnólogo em Informática Fatec Jundiaí MBA em Gerenciamento de Projetos FGV Project Management Professional PMI Mestrando em Tecnologia UNICAMP Metodologia de apoio à aquisição

Leia mais

SISTEMA PARA CONTROLE DE EGRESSOS E INDICADORES DE MEDIÇÃO Pesquisa em Andamento: resultados preliminares

SISTEMA PARA CONTROLE DE EGRESSOS E INDICADORES DE MEDIÇÃO Pesquisa em Andamento: resultados preliminares SISTEMA PARA CONTROLE DE EGRESSOS E INDICADORES DE MEDIÇÃO Pesquisa em Andamento: resultados preliminares Neidson Santos Bastos 1 ; Angelo Augusto Frozza 2 ; Reginaldo Rubens da Silva 3 RESUMO Mensurar

Leia mais

Universidade de Brasília. Faculdade de Ciência da Informação. Prof a Lillian Alvares

Universidade de Brasília. Faculdade de Ciência da Informação. Prof a Lillian Alvares Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Prof a Lillian Alvares Fóruns Comunidades de Prática Mapeamento do Conhecimento Portal Intranet Extranet Banco de Competências Memória Organizacional

Leia mais

Gerenciamento de projetos baseado em PMBOK

Gerenciamento de projetos baseado em PMBOK Gerenciamento de projetos baseado em PMBOK Prof. Dr. Alexandre H. de Quadros PMI Project Management Institute Uma associação, sem fins lucrativos, de profissionais de gerência de projetos; É um fórum de

Leia mais

Como alcançar os objetivos estratégicos de sua organização

Como alcançar os objetivos estratégicos de sua organização Como alcançar os objetivos estratégicos de sua organização 15 DE MAIO DE 2014 Hotel Staybridge - Sao Paulo PATROCÍNIO GOLD PATROCÍNIO BRONZE APOIO REALIZAÇÃO Desafios para a Implementação por Processos

Leia mais

A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A GESTÃO DAS ORGANIZAÇÕES. Evolução do TI e Gestão das Organizações Gestão de Projetos Métodos Ágeis

A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A GESTÃO DAS ORGANIZAÇÕES. Evolução do TI e Gestão das Organizações Gestão de Projetos Métodos Ágeis A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A GESTÃO DAS ORGANIZAÇÕES Evolução do TI e Gestão das Organizações Gestão de Projetos Métodos Ágeis Vamos nos conhecer e definir as diretrizes de nosso curso??? www.eadistancia.com.br

Leia mais

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br Corporativo Transformar dados em informações claras e objetivas que possibilitem às empresas tomarem decisões em direção ao sucesso. Com essa filosofia a Star Soft Indústria de Software e Soluções vem

Leia mais

A gestão de processos de negócio: conceitos e ferramentas BPM

A gestão de processos de negócio: conceitos e ferramentas BPM FACULDADE DE LETRAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO A gestão de processos de negócio: conceitos e ferramentas BPM Trabalho realizado por: Ana Luisa Veiga Filipa Ramalho Doutora Maria Manuela Pinto GSI 2007 AGENDA:

Leia mais

Liderança em idéias, métodos e resultados em BPM no Brasil. Automação de Processos. Jones Madruga

Liderança em idéias, métodos e resultados em BPM no Brasil. Automação de Processos. Jones Madruga Liderança em idéias, métodos e resultados em BPM no Brasil Automação de Processos Jones Madruga Promover melhorias e inovações que efetivamente criam valor não é simples... Apresentação Ø Organização PRIVADA

Leia mais

Workshop em Gerenciamento de Projetos

Workshop em Gerenciamento de Projetos Workshop em Gerenciamento de Projetos 1 Agenda MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO Introdução Apresentação do Palestrante Introdução Conceituação Melhores Práticas Histórico (PMI, PMBok, PMO) Grupos de Processos

Leia mais

Estudo de Viabilidade

Estudo de Viabilidade Estudo de Viabilidade PGE: Plastic Gestor Empresarial Especificação de Requisitos e Validação de Sistemas Recife, janeiro de 2013 Sumário 1. Motivação... 1 2. Introdução: O Problema Indentificado... 2

Leia mais

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas.

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Transformação do call center Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Lucre com a atenção exclusiva de seus clientes. Agora,

Leia mais

Tecnologia da Informação

Tecnologia da Informação Tecnologia da Informação Gestão Organizacional da Logística CONCEITOS O nome Supply Chain, cujo termo têm sido utilizado em nosso país como Cadeia de Suprimentos, vem sendo erroneamente considerado como

Leia mais

Universidade de Brasília Departamento de Ciência da Informação e Documentação Profa.:Lillian Alvares

Universidade de Brasília Departamento de Ciência da Informação e Documentação Profa.:Lillian Alvares Universidade de Brasília Departamento de Ciência da Informação e Documentação Profa.:Lillian Alvares Comunidades de Prática Grupos informais e interdisciplinares de pessoas unidas em torno de um interesse

Leia mais

Coletividade; Diferenciais; Informação; Dado; Informação; Conhecimento. Coletar informação; e Identificar as direções.

Coletividade; Diferenciais; Informação; Dado; Informação; Conhecimento. Coletar informação; e Identificar as direções. Revisão 1 Coletividade; Diferenciais; Informação; Dado; Informação; Conhecimento Coletar informação; e Identificar as direções. Precisa; Clara; Econômica; Flexível; Confiável; Dirigida; Simples; Rápida;

Leia mais

157.78 9.467.2 568.036.8

157.78 9.467.2 568.036.8 class Sisloc { class Sisloc { Nos últimos anos, o mundo tem passado por profundas e aceleradas transformações sociais, econômicas e culturais influenciadas, principalmente, pelas conseqüências da globalização

Leia mais

Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória

Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória Não há mais dúvidas de que para as funções da administração - planejamento, organização, liderança e controle

Leia mais

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas ECONOMISTA - RIVAS ARGOLO 2426/D 62 9905-6112 RIVAS_ARGOLO@YAHOO.COM.BR Objetivo deste mini curso : Mostrar os benefícios do gerenciamento de projetos

Leia mais

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos Plataforma da Informação Gerenciamento de Projetos Motivação Por que devemos fazer Projetos? - O aprendizado por projetos, faz parte de um dos três pilares de formação do MEJ; -Projetos são oportunidades

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI DIREÇÃO DE ENSINO DEN PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI DIREÇÃO DE ENSINO DEN PLANO DE ENSINO Departamento: Disciplina: Pré-Requisitos: - I D E N T I F I C A Ç Ã O Sistemas de Informação Gerência de Projetos (GEP) CH: 72 h/a Curso: Bacharelado em Sistemas de Informação Semestre: 2011/1 Fase: 8ª

Leia mais

GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge)

GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge) GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge) Governança de TI AULA 08 2011-1sem Governança de TI 1 Introdução ao Gerenciamento de Projetos HISTÓRIA PMI Project Management Institute: Associação

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a SISTEMAS INTEGRADOS Prof. Eduardo Oliveira Bibliografia adotada: COLANGELO FILHO, Lúcio. Implantação de Sistemas ERP. São Paulo: Atlas, 2001. ISBN: 8522429936 LAUDON, Kenneth C.; LAUDON, Jane Price. Sistemas

Leia mais

CRM. Customer Relationship Management

CRM. Customer Relationship Management CRM Customer Relationship Management CRM Uma estratégia de negócio para gerenciar e otimizar o relacionamento com o cliente a longo prazo Mercado CRM Uma ferramenta de CRM é um conjunto de processos e

Leia mais

fagury.com.br. PMBoK 2004

fagury.com.br. PMBoK 2004 Este material é distribuído por Thiago Fagury através de uma licença Creative Commons 2.5. É permitido o uso e atribuição para fim nãocomercial. É vedada a criação de obras derivadas sem comunicação prévia

Leia mais

Demais Áreas de Conhecimento do PMBOK

Demais Áreas de Conhecimento do PMBOK Residência em Arquitetura de Software Demais Áreas de Conhecimento do PMBOK Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo Gerência de Desenvolvimento 2008.2 Faculdade de Computação

Leia mais

UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O USO DO SOFTWARE DE GESTÃO DE PROJETOS DOTPROJECT NA PRODUÇÃO DE MATERIAIS MULTIMÍDIA PARA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD

UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O USO DO SOFTWARE DE GESTÃO DE PROJETOS DOTPROJECT NA PRODUÇÃO DE MATERIAIS MULTIMÍDIA PARA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD 1 UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O USO DO SOFTWARE DE GESTÃO DE PROJETOS DOTPROJECT NA PRODUÇÃO DE MATERIAIS MULTIMÍDIA PARA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD Serra, 05/2009 Saymon Castro de Souza Ifes saymon@ifes.edu.br

Leia mais

Introdução. AULA 2 A Organização empresarial e a gestão de projetos. Tema relevante em diversas áreas

Introdução. AULA 2 A Organização empresarial e a gestão de projetos. Tema relevante em diversas áreas Universidade do Sagrado Coração Introdução a Gestão de Projetos Paulo Cesar Chagas Rodrigues AULA 2 A Organização empresarial e a gestão de projetos Iniciação 30/set/2008 Engenharia de Produto 2 2 Introdução

Leia mais

Ambientação nos conceitos

Ambientação nos conceitos Ambientação em Gestão de Projetos Maria Lúcia Almeida Ambientação nos conceitos Gestão de áreas funcionais e gestão de projetos Qualquer um pode ser gerente de projetos? Qual a contribuição da gestão de

Leia mais

4. BANCO DE COMPETÊNCIAS PROPOSTA DE UMA FERRAMENTA DE APOIO À DECISÃO DE CAPACITAÇÃO DE RH

4. BANCO DE COMPETÊNCIAS PROPOSTA DE UMA FERRAMENTA DE APOIO À DECISÃO DE CAPACITAÇÃO DE RH 4. BANCO DE COMPETÊNCIAS PROPOSTA DE UMA FERRAMENTA DE APOIO À DECISÃO DE CAPACITAÇÃO DE RH 1. INTRODUÇÃO Gilson da Silva Cardoso Antonio Carlos Francisco Luciano Scandelari O mundo está experimentando

Leia mais

Ementários. Disciplina: Gestão Estratégica

Ementários. Disciplina: Gestão Estratégica Ementários Disciplina: Gestão Estratégica Ementa: Os níveis e tipos de estratégias e sua formulação. O planejamento estratégico e a competitividade empresarial. Métodos de análise estratégica do ambiente

Leia mais

Oficinas de Integração 3

Oficinas de Integração 3 Oficinas de Integração 3 Introdução à Disciplina IF66J/S71 Oficinas de Integração 3 Eng. Computação Profs. João A. Fabro e Heitor S. Lopes.-Slide 1/32 Oficinas de Integração 3 Introdução (Ementa e Objetivos)

Leia mais

Governança de TI. Professor: Ernesto Junior E-mail: egpjunior@gmail.com

Governança de TI. Professor: Ernesto Junior E-mail: egpjunior@gmail.com Governança de TI Professor: Ernesto Junior E-mail: egpjunior@gmail.com Governança Governar Governança Ato de governar(-se), governo, governação Governar ter mando, direção, dirigir, administrar tratar

Leia mais

METODOLOGIA DE PROMOÇÃO DA SUSTENTABILIDADE PELO GERENCIAMENTO DE PROJETOS

METODOLOGIA DE PROMOÇÃO DA SUSTENTABILIDADE PELO GERENCIAMENTO DE PROJETOS METODOLOGIA DE PROMOÇÃO DA SUSTENTABILIDADE PELO GERENCIAMENTO DE PROJETOS Débora Noronha¹; Jasmin Lemke¹; Carolina Vergnano¹ ¹Concremat Engenharia e Tecnologia S/A, Diretoria Técnica de Estudos, Projetos

Leia mais

INSTRUÇÃO DE TRABALHO PARA INFORMAÇÕES GERENCIAIS

INSTRUÇÃO DE TRABALHO PARA INFORMAÇÕES GERENCIAIS INSTRUÇÃO DE TRABALHO PARA INFORMAÇÕES GERENCIAIS Asia Shipping Transportes Internacionais Ltda. como cópia não controlada P á g i n a 1 7 ÍNDICE NR TÓPICO PÁG. 1 Introdução & Política 2 Objetivo 3 Responsabilidade

Leia mais

Aula 4. Introdução ao PMBOK e aos Processos da Gerência de Projetos

Aula 4. Introdução ao PMBOK e aos Processos da Gerência de Projetos Aula 4 Introdução ao PMBOK e aos Processos da Gerência de Projetos Objetivo Visualizar a gerência de projetos como um conjunto de processos encadeados e integrados. Lidar com as interações que podem ser:

Leia mais

Questionário de Avaliação de Maturidadade MMGP Darci Prado QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE

Questionário de Avaliação de Maturidadade MMGP Darci Prado QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE MMGP Darci Prado QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE Extraído do Livro "Gerenciamento de Programas e Projetos nas Organizações" 4ª Edição (a ser lançada) Autor: Darci Prado Editora INDG-Tecs - 1999-2006

Leia mais

OBSERVATÓRIO DE GESTÃO DA INFORMAÇÃO. Palavras-chave: Gestão da Informação. Gestão do conhecimento. OGI. Google alertas. Biblioteconomia.

OBSERVATÓRIO DE GESTÃO DA INFORMAÇÃO. Palavras-chave: Gestão da Informação. Gestão do conhecimento. OGI. Google alertas. Biblioteconomia. XIV Encontro Regional dos Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência da Informação e Gestão da Informação - Região Sul - Florianópolis - 28 de abril a 01 de maio de 2012 RESUMO OBSERVATÓRIO DE

Leia mais