RELATÓRIO DE EXECUÇÃO PLANO DE AÇÃO 2014 COMISSÃO SOCIAL DE FREGUESIA DE ENCOSTA DO SOL

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RELATÓRIO DE EXECUÇÃO PLANO DE AÇÃO 2014 COMISSÃO SOCIAL DE FREGUESIA DE ENCOSTA DO SOL"

Transcrição

1 RELATÓRIO DE EXECUÇÃO PLANO DE AÇÃO 2014 COMISSÃO SOCIAL DE FREGUESIA DE ENCOSTA DO SOL

2 Índice Nota introdutória 3 Plano de Ação Avaliação por eixo estratégico I Eixo Estratégico Território, Recursos Sociais e Parcerias 4 II Eixo Estratégico Envelhecimento e Qualidade de Vida..6 III Eixo Estratégico Grupos Vulneráveis.7 Considerações finais...8 2

3 Nota Introdutória O presente relatório tem como referência o Plano de Ação de 2014 e pretende fazer uma avaliação das atividades desenvolvidas entre março e dezembro de Com este documento pretendemos não só avaliar o grau de execução do Plano de Ação, como também destacar boas práticas e identificar constrangimentos, tirando algumas conclusões sobre a prossecução das metas e objetivos previstos. Com esta reflexão consideramos que estaremos a criar espaço para melhorarmos ou consolidarmos a organização e concretização das atividades futuras. 3

4 I Eixo Estratégico Território, Recursos Sociais e Parcerias. Objetivo Específico: Realizar até final de abril, uma dinâmica que promova o conhecimento dos novos recursos da freguesia. Meta 1 Encontro Foi realizado um Giro Institucional no lugar de um peddy paper nos dias 12 e de 15 de maio com a participação de 7 entidades visitantes e 10 entidades acolhedoras, nomeadamente, a Sta. Casa da Misericórdia do Casal da Mira, a PSP, a Junta de Freguesia, o Sporting Clube da Paiã, o Agrupamento Amadora 3, a Ass. Juventude Desportiva da Brandoa, Grupo Coral Alentejano, a Pressley Ridge, a MiraAtiva e a AURPIB. Objetivo Específico: Elaborar até ao final de julho, um diagnóstico social da freguesia. Metas 1 documento/ 1 dinâmica junto dos parceiros para recolha qualitativa de dados -No dia 27 de junho foi realizado um fórum com a participação de 16 parceiros que identificaram e discutiram problemas e recursos na freguesia, contribuindo para a elaboração do diagnóstico. - Foi aplicado um questionário para obtenção de informação quantitativa sobre as entidades, ao qual 10 entidades responderam. -A Caraterização Social da Freguesia foi apresentada e aprovada pelo Plenário da Comissão Social de Freguesia e 18 de dezembro de Objetivo Específico: Realizar até ao final de 2014, formação para dirigentes. Meta 1 Formação A atividade não foi realizada por falta de recursos técnicos Objetivo Específico: Lançar até ao final de 2014, um concurso para criação de um logotipo da CSF. Meta 3 Concorrentes A atividade não foi realizada por motivos operacionais. 4

5 Objetivo Específico: Divulgar junto dos parceiros o do Agrupamento de Escolas de Alfornelos. Meta 3 Instituições envolvidas A iniciativa decorreu no dia 9 de maio e contou com a participação de 6 entidades da freguesia na exposição, a saber: a PSP, a Pressley Ridge, o CSP de Alfornelos, a CMA, a UDA e a Junta de Freguesia. Objetivo Específico: Lançar até ao final de 2014 um vídeo promocional das atividades da CSF. Meta 1 Vídeo Atividade não realizada. Foi entendido que ainda havia pouco material para concretizar o vídeo. Objetivo Específico: Divulgar as ações da CSF junto da comunidade. Meta 1 Página FB Atividade não realizada por motivos operacionais. 5

6 II Eixo Estratégico Envelhecimento e Qualidade de vida Objetivo Específico: Sinalizar idosos isolados sem rede de suporte. Meta 50 idosos Foram georreferenciados 17 idosos. Objetivo Específico: Articular em sede do NE as candidaturas ao Programa Recriar a Vida até maio de Meta 3 Candidaturas -Foram apresentadas 2 candidaturas ao NE tendo estas obtido parecer favorável. -No ano letivo 2014/2015 a Freguesia de Encosta do Sol dispõe através do Programa AmaSénior Viva + de 3 atividades físicas, 5 ateliês e 3 cursos. -No ano transato participaram nas atividades mais de 100 alunos. Objetivo Específico: Promover a intergeracionalidade e as relações de vizinhança até dezembro de Meta 150 Participantes Foram realizadas as seguintes atividades em parceria: -Piquenique sénior (19 de junho) com 76 participantes SCMA- Casal da Mira, CSP Alfornelos, CSP da Brandoa AURPIB, Junta de Freguesia. -Dia dos Avós (26 de julho) com 20 participantes CMA/DIS e Junta de Freguesia -Amadora Caminha (27 de abril e 27 de setembro) com um total de 133 participantes CMA/DIS e Junta de Freguesia 6

7 III Eixo Estratégico Grupos Vulneráveis Objetivo Específico: Apoiar, até ao final de 2014, os promotores da Feira do Emprego. Meta 100 Participantes Atividade não realizada por falta de meios financeiros. Objetivo Específico: Articular em sede do NE as candidaturas ao FEAC 2014 e uniformizar metodologias de trabalho. Meta 1 Plano de uniformização de práticas Foram apresentadas 5 candidaturas ao FEAC CVP Amadora, AURPIB, CSP Brandoa CSP Alfornelos e Junta de Freguesia. Todas foram aprovadas. O grupo técnico reuniu para a discussão do modo de operação no terreno com o intuito de evitar sobreposições. O programa apoiou na freguesia 378 beneficiários na vertente mediadora e 37 na vertente beneficiária. Objetivo Específico: Até ao final do ano promover 2 ações de solidariedade. Metas 1 Campanha de Recolha de Alimentos e 500 Kg de produtos alimentares / 100 livros trocados -Foi realizada uma Troca de Livros Escolares que decorreu durante a última quinzena de setembro. Para garantir a melhor divulgação desta iniciativa foi realizada uma sessão de divulgação e esclarecimento junto das Associações de Pais da freguesia. No total foram feitas 110 trocas. - A Junta de freguesia organizou um Almoço Solidário no passado dia 20 de dezembro que contou com a participação de 64 voluntários de diversas instituições. No total foram recolhidos 1281 kg de produtos alimentares. Objetivo Específico: Dar continuidade ao Sistema de Atendimento e Acompanhamento Integrado até dezembro de Metas 150 Atendimentos de 1ª vez; 400 Acompanhamentos; 50 Contratos familiares 731 Atendimentos de 1ª vez 944 Acompanhamentos 183 Contratos familiares 7

8 Considerações finais A execução do Plano de Ação de 2014 decorreu de forma positiva apresentando uma taxa de execução na ordem dos 72 %, ou seja, das 18 ações previstas apenas 5 não foram concretizadas. Importa evidenciar que as metas estabelecidas também foram na sua maioria atingidas, o que demonstra o dinamismo da parceria. Mais, as ações que não foram postas em prática por motivos de ordem financeira ou escassez de meios técnicos serão contemplados ou reformulados no próximo Plano de Ação, tendo em consideração as limitações existentes. Em síntese, consideramos estes resultados promissores tendo em conta a recente reestruturação da parceria fruto da reorganização administrativa do território. O nosso agradecimento a todos que contribuíram para o sucesso do primeiro Plano de Ação da Freguesia. 8