Cinema na escola: Ilha das Flores e Lixo Extraordinário

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Cinema na escola: Ilha das Flores e Lixo Extraordinário"

Transcrição

1 Cinema na escola: Ilha das Flores e Lixo Extraordinário Assim, se não bastasse a importância do cinema-divertimento, do cinema-arte e, da mesma forma, do cinema-documentário como laboratório para a investigação do historiador, é preciso examinar a fundo o cinema como veículo de ideologias formadoras das grandes massas da população e que pode ser utilizado, com plena consciência de causa, como meio de propaganda. Além disso, é preciso examinar o impacto avassalador da televisão e do videocassete como prolongamentos do cinema e todas as outras formas de comunicação audio-visual que derivaram, em grande medida, do cinema. Jorge Nóvoa. Apologia da relação cinema-história / Professor do Departamento e Mestrado em História da Universidade Federal da Bahia e coordenador da Oficina Cinema-História. Documentário é um gênero videográfico que registra, interpreta e comenta um fato, um ambiente ou uma determinada situação. Mas, assim como a ficção, o documentário é uma representação parcial da realidade. Sendo um gênero audiovisual utilizado como forma de expressão da sociedade e registro dos acontecimentos, o documentário surgiu no início do século XIX. Alguns fatores presentes no documentário facilitam a compreensão dos espectadores, como a linguagem mais aprofundada e o maior tempo disponibilizado para a sua produção e exibição. É fundamental ressaltar a importância do documentário na construção e divulgação do conhecimento, além da possibilidade de desenvolvimento de uma participação ativa de uma determinada comunidade a partir da utilização do gênero, como no caso, no gênero jornalístico. Adriana Guedes, Antônio Militão, Camila Araújo, Fernanda Cruz e Marcos Aurélio são graduados em jornalismo pela Universidade Anhembi-Morumbi. Dica de livro sobre documentário Em 1990, quando o cinema nacional teve um momento de retomada, a produção de vídeos e filmes documentais começou a crescer. Foi neste período também que uma série de questões ligadas ao tema passou a preocupar cineastas, críticos e realizadores. Por que a busca pelo real tem ganhado tanta importância? Quais as fronteiras que delimitam ficção e realidade? As autoras exploram a produção contemporânea e levam o leitor a refletir sobre as principais questões que afetam o mundo do documentário nos dias atuais. Analisa mais de 20 documentários. Inclui lista de documentários exibidos no cinema entre 1997 e Apresenta mais de 40 imagens extraídas de filmes. RANEO/artigo/1e09b3ab-346d-43dc-98a5-04f04bef737f

2 Proposta de cinema em sala de aula Documentários: 1- Ilha das flores 2- Lixo Extraordinário Ilha das Flores Lançamento: 1989 (12 min) Dirigido por: Jorge Furtado Nacionalidade: Brasil Ilha das Flores, Direção: Jorge Furtado, Brasil, Uma fita de vídeo (12min) VHS. Som. Color. Premiado Curta-Metragem que mostra as contradições sociais do Brasil por intermédio da rede de produção de tomates. Acompanha a produção, passando pelo transporte, consumo (como molho de tomate), até a descarte no lixo (dos que não prestaram para o molho), onde não servirão de alimento para porções - que têm dono - mas para seres humanos - que não têm nenhum dinheiro. Para ver o documentário na íntegra: Professor, o documentário é um gênero muito importante; por isso, sugere-se também um trabalho com essa modalidade de discurso. Sugestão didática: 1- Assistir ao filme Ilha das Flores. Posteriormente, discuta com os alunos: Quais as ideias trazidas pelo filme sobre o destino final dos produtos que não consumimos? Como o filme constrói sua narrativa: de maneira linear ou fragmentada? Explique. Ao início do filme, há as seguintes afirmações: este não é um filme de ficção. Explique a necessidade de dizer que este filme não é uma história criada.

3 Há no filme duas cenas em distintos cenários: a horta e a ilha. Descreva ambos os lugares, ressaltando essas diferenças. 2- Ao final, sugere-se um texto sobre o assunto tratado no filme: ILHA DAS FLORES: eleito o mais importante curta brasileiro Matéria de Amir Labaki publicada na Folha de São Paulo, 9/7/2002: O filme gaúcho "Ilha das Flores" (1989), documentário experimental do cineasta Jorge Furtado sobre um lixão próximo a Porto Alegre (RS), foi eleito o mais importante curta-metragem brasileiro em eleição organizada pelo site Premiado em festivais pelo mundo afora, incluindo um Urso de Prata em Berlim, em 90, "Ilha" já havia sido incluído em 1995 na lista de cem melhores curtas da história pelo Festival Internacional de Curtas- Metragens de Clermont-Ferrand, considerado o "festival de Cannes do formato". Furtado emplacou também o terceiro posto, com a ficção "O Dia em que Dorival Encarou a Guarda" (86), co-dirigida por José Pedro Goulart. Atual roteirista e diretor ligado ao núcleo Guel Arraes, da Rede Globo, ele marca, neste ano, sua estréia em longas-metragens com dois filmes: "Houve uma Vez Dois Verões", já lançado comercialmente no RS, e "O Homem que Copiava". A lista dos dez mais do curta nacional, votada por uma dezena de críticos, programadores e cineastas, é heterodoxa em gêneros e dispersa em épocas (veja lista ao lado). Quatro dos escolhidos pertencem à chamada "primavera do curta", da virada dos anos 80 até meados dos 90. Dois são assinados por líderes do cinema novo. Um traz a assinatura de um dos pioneiros do cinema nacional, o mineiro Humberto Mauro. Outro representa o cinema marginal do final da década de 60. Por fim, dois outros marcam experiências originais do início dos anos 80. A relação destaca curtas com um pé na experimentação. É um justo retrato do poder de renovação tradicionalmente exercido pelo formato no Brasil. Os principais exemplos são o protoclipe "Velha a Fiar", de Mauro, o próprio "Ilha das Flores", "Blá, Blá, Blá", de Andrea Tonacci, o subversivo "Mato Eles?", de Sérgio Bianchi, e o ainda proibido "Di", de Glauber Rocha. Com exceção do curta anárquico de Tonacci, poderiam ser todos considerados variações de documentários. Três curtas representam a produção ficcional: "Couro de Gato", de Joaquim Pedro de Andrade, do filme cinemanovista de episódios "Cinco Vezes Favela"; o citado "Dorival"; e "Dov'eMeneghetti", de Beto Brant. O cinema de animação emplacou dois títulos, exemplares de técnicas distintas. São o desenho "Meow", de Marcos Magalhães, premiado no Festival de Cannes, e a animação de bonecos "Frankenstein Punk", de Eliana Fonseca e CaoHamburguer. Um total de 60 curtas foi lembrado na votação. O projeto Porta-Curtas é uma iniciativa da distribuidora Synapse, coordenada por JulioWorcman, Bruno Vianna e Gabriela Dias, e faz parte do programa Petrobras Cinema. O projeto pretende promover o curta brasileiro através de uma série de ações, como a exibição pela internet de um total de cem curtas nacionais. A intenção original era apresentar, já em agosto, todos os dez mais votados. Problemas de direitos e de duração com três deles ("Di", "Mato Eles?" e "Blá, Blá, Blá") os exclui inicialmente do pacote on-line. Serão substituídos por quatro outros títulos da lista: os documentários "Som, ou Tratado de Harmonia" (84), de Arthur Omar, e "Rota ABC" (91), de Francisco César Filho, e as ficções "Viver a Vida" (91), de Tata Amaral, e "Cartão Vermelho" (94), de Laís Bodanski.

4 Disponível em com acesso em 24 de julho de Professor, posteriormente à leitura, sugere-se a exibição do segundo documentário: Lixo Extraordinário Lançamento: 2011 (1h39min) Dirigido por: Lucy Walker Nacionalidade: Brasil Disponível em com acesso em 24 de julho de É possível assistir ao documentário completo no seguinte link: E, na sequência, a reportagem do canal Cidade Olímpica : Atividades de discussão e/ou orientação sobre os documentários: Ilha das Flores e Lixo Extraordinário QUESTÃO 01 Quais as semelhanças entre Ilha das Flores e Lixo extraordinário, em relação ao lugar em que se passam os fatos?

5 QUESTÃO 02 Por que esses dois filmes são documentários e não são filmes de narrativa ficcional? Qual a diferença? QUESTÃO 03 Qual dos dois filmes é mais comovente? Por quê? QUESTÃO 04 Um deles pode ser considerado uma denúncia, já o outro pode ser considerado uma denúncia e uma ação. Qual é qual? Explique.

6 QUESTÃO 05 Quem é Vic Muniz? QUESTÃO 06 Cite alguma obra desse autor que é conhecida. QUESTÃO 07 Observe agora alguns vídeos desse artista brasileiro e responda logo em seguida: Como Vik produz suas obras? Responda, trazendo para discussão a questão da perspectiva de quem vê para a compreensão do seu traço.

7 QUESTÃO 08 Os materiais usados por Vik Muniz são diversos. Em Lixo Extraordinário, ele usou lixo. O que os materiais usados em sua obra retratada no filme queriam dizer além das figuras retratadas, ou seja, o material usado também comunica algo? Alguns anos atrás, um grupo de notáveis gaúchos, formado por personalidades, modelos, comunicadores, vestiu-se com o uniforme dos garis que trabalham para o departamento municipal de limpeza urbana e espalhou-se pelo centro de Porto Alegre. O objetivo era comprovar, na prática, que há uma parte da sociedade sempre invisível, vivendo à margem de tudo. As pessoas passam ao lado e são incapazes de olhar firme nos olhos daquele varredor (ou do porteiro, escolha a função que você quiser). Entre os escolhidos estava a ex-miss Daisy Nunes, um rosto conhecido dos gaúchos. No fim do dia, nem ela, nem seus parceiros de aventura tinham sido percebidos. Vestidos com os uniformes de garis, todos continuaram invisíveis ninguém se preocupou em prestar atenção no que faziam. QUESTÃO 09 Pergunta: o filme Lixo Extraordinário dá rosto a brasileiros invisíveis? Como? Quais? Por que invisíveis?

8 Leia o texto a seguir e responda logo depois. PODE APOSTAR QUE, QUANTO MAIS LIXO PRODUZIMOS, PIOR ESTAMOS NOS ALIMENTANDO Outro filme que me veio à cabeça quando vi "Lixo Extraordinário" foi o já clássico "Ilha das Flores" (1989), curta do diretor gaúcho Jorge Furtado que, contando a saga de um tomate, faz uma crítica ácida à nossa sociedade de consumo. Cheque aqui.a questão ambiental ocupa cada vez mais espaço em nossas vidas. Água, energia, lixo e aquecimento global são temas que vamos ter de encarar. A ligação de tudo isso com nosso estilo de vida, nossa saúde e nosso comportamento não é uma discussão tão óbvia, mas é fundamental. Essa "ecologia" humana já é uma das bolas da vez!talvez o mais bonito desse filme seja justamente focar as pessoas, no impacto que o lixo produz em suas vidas, no resgate da sua auto-estima, no poder de compreensão do que é a arte e em como ela pode ser transformadora. Na semana passada, voando para o Rio encontrei um dos personagens (o Tião). Virei tiete! Como o cara é bacana! O lixo pode ser mesmo extraordinário! Jairo Bouer é médico formado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. QUESTÃO 10 Pesquise de que maneira o município onde você mora faz a gestão do lixo. Na última eleição, como este tema foi abordado entre os candidatos?

9 As últimas palavras de Ilha das Flores foram: "O que coloca os seres humanos da Ilha das Flores numa posição posterior aos porcos na prioridade de escolha de materiais orgânicos é o fato de não terem dinheiro nem dono. Os humanos se diferenciam dos outros animais pelo Telê encéfalo altamente desenvolvido, pelo polegar opositor e por serem livres. Livre é o estado daquele que tem liberdade. Liberdade é uma palavra que o sonho humano alimenta que não há ninguém que explique e ninguém que não entenda." QUESTÃO 11 Produza um pequeno texto, explicando esse trecho.

10 Leia o texto a seguir e responda logo depois. LIXO EXTRAORDINÁRIO: LIÇÃO DE VIDA PELAS MÃOS DOS CATADORES Um dos painéis em que Vik Muniz retrata uma catadora de lixo A indicação para o Oscar de melhor documentário para Lixo Extraordinário vem sedimentar a proposta do artista plástico Vik Muniz, que era o de dar um sentido maior para as vidas dos catadores de lixo do Jardim Gramacho, o maior aterro sanitário da América Latina, localizado no Rio. SegundoVik, o lixo é para onde as pessoas jogam o que não querem mais, assim como os catadores de lixo, que vivem à margem da sociedade. Mais do que retratar a situação em que vivem essas pessoas, o documentário, dirigido pela americana Lucy Walker e pelos brasileiros Karen Harley e João Jardim, registra o processo de trabalho artístico de Vik Muniz. Ele deixa seus estúdios nos EUA e vem conhecer de perto como é a vida dos catadores; aos poucos conhece alguns deles e diz o que pretende. Quer transformar o lixo a matéria prima e de sobrevivência daqueles trabalhadores em arte, mas com a parceria e colaboração deles. E assim é feito. O filme é a construção dos painéis em que os catadores de lixo são retratados e viram as estrelas principais. Depois de fotografados, as imagens escolhidas dos catadores são projetadas de uma altura gigantesca no chão e nessa hora a participação deles é fundamental. A fotografia no chão é preenchida com sucatas e objetos retirados do aterro sanitário. O efeito é belíssimo e esse painel é novamente fotografado e vai se transformar no quadro final do artista. O espectador na sala de projeção não só participa do processo de construção dos magníficos painéis de Vik Muniz como acompanha a transformação que se dá na vida de pelo menos cinco

11 catadores retratados pelo artista. Da garota que posa despretensiosamente no aterro sanitário, que vira uma mulher independente e com horizontes ampliados depois de completado o trabalho com Vik. Os depoimentos emocionados de todos os retratados revelam como o processo artístico modificou suas vidas e trouxe autoestima. Mas o mais emocionante mesmo é o Tião, que lidera a associação dos catadores do Jardim Gramacho: ele acompanha Vik ao leilão realizado em Londres. A obra que o retrata é arrematada por quase 100 mil reais. Com lágrimas correndo no rosto, Tião diz que tudo valeu a pena!. Ele se refere à batalha para a criação da associação que luta pelos direitos dos catadores de lixo do Jardim Gramacho. Parte da renda das obras foi revertida à comunidade. E Tião já avisou: quer estar na noite de entrega do Oscar. Toda a torcida para que Tião e Vik voltem com a estatueta, que será o reconhecimento de um trabalho artístico e social de fundamental importância. QUESTÃO 12 Qual a importância de Vik Muniz para os catadores de papel do Jardim Gramacho? QUESTÃO 13 O Lixão foi fechado pelo governo do Rio de Janeiro, alguns meses depois desse documentário, pois a cidade tem pretensões olímpicas. Isso significa receber em sua capital, a capital fluminense, mais de cem países e seus representantes. Qual a importância desse ato de fechar o lixão para a imagem da cidade no país e no exterior? QUESTÃO 14 Posicione-se diante da seguinte questão: Faltou Vik Muniz, ou o fechamento de Jardim Gramacho independeu dele?

12

Análise Cinematográfica do Curta Metragem Ilha das Flores¹ Jaderlano de Lima JARDIM² Shirley Monica Silva MARTINS³

Análise Cinematográfica do Curta Metragem Ilha das Flores¹ Jaderlano de Lima JARDIM² Shirley Monica Silva MARTINS³ Análise Cinematográfica do Curta Metragem Ilha das Flores¹ Jaderlano de Lima JARDIM² Shirley Monica Silva MARTINS³ RESUMO O premiado Ilha das Flores exibe o percurso de um tomate até chegar a um lixão

Leia mais

História e imagem: O historiador e sua relação com o cinema

História e imagem: O historiador e sua relação com o cinema História e imagem: O historiador e sua relação com o cinema Luciana Ferreira Pinto 1 1.Introdução Desde o início da Escola dos Anais, na França, os objetos de estudo da História vêm se modificando, exigindo

Leia mais

*Doutora em Lingüística (UNICAMP), Professora da Universidade Federal de Viçosa (UFV).

*Doutora em Lingüística (UNICAMP), Professora da Universidade Federal de Viçosa (UFV). PRÁTICAS DE LEITURA EM SALA DE AULA: O USO DE FILMES E DEMAIS PRODUÇÕES CINEMATOGRÁFICAS EM AULAS DE LÍNGUA - PORTUGUESA 52 - Adriana da Silva* adria.silva@ufv.br Alex Caldas Simões** axbr1@yahoo.com.br

Leia mais

RESENHA resenha resumo resenha crítica Título: Identificação do resenhista: Referência: Dados sobre o(s) autor(es): Dados sobre a obra: Apreciação:

RESENHA resenha resumo resenha crítica Título: Identificação do resenhista: Referência: Dados sobre o(s) autor(es): Dados sobre a obra: Apreciação: RESENHA Resenha é a apreciação crítica sobre uma determinada obra (livro, artigo, texto, filme, etc.). Trata-se de um breve texto, semelhante a um resumo, que visa comentar um trabalho realizado. Será

Leia mais

TEMAS AMBIENTAIS NA INTERNET

TEMAS AMBIENTAIS NA INTERNET ATAS - Seminário Ensinar com Pesquisa (Ensinar, Pesquisar e Aprender) - ANO V 1 TEMAS AMBIENTAIS NA INTERNET Ana C. B. da Silva 1, Natália F. da Silva², Maria R. D. Kawamura 3 1 Instituto de Física/Ensino/USP,

Leia mais

Pesquisa x Pesquisa. do Setor Editorial Brasileiro revelou uma venda de quatro bilhões de reais em livros, com

Pesquisa x Pesquisa. do Setor Editorial Brasileiro revelou uma venda de quatro bilhões de reais em livros, com A Bíblia Sagrada já vendeu, aproximadamente, 3,9 bilhões de cópias. O livro Ágape, do Padre Marcelo Rossi, já vendeu 8 milhões de exemplares. O livro erótico, Cinquenta Tons de Cinza, chegou ao número

Leia mais

Daniel Chaves Santos Matrícula: 072.997.003. Rio de Janeiro, 28 de maio de 2008.

Daniel Chaves Santos Matrícula: 072.997.003. Rio de Janeiro, 28 de maio de 2008. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro Departamento de Artes & Design Curso de especialização O Lugar do Design na Leitura Disciplina: Estratégia RPG Daniel Chaves Santos Matrícula: 072.997.003

Leia mais

Estudo de caso do filme Ilha das Flores de Jorge Furtado: A relação entre a narrativa e o tema 1

Estudo de caso do filme Ilha das Flores de Jorge Furtado: A relação entre a narrativa e o tema 1 Estudo de caso do filme Ilha das Flores de Jorge Furtado: A relação entre a narrativa e o tema 1 Resumo Cecília Pinto Santos 2 Luciene Tófoli 3 Universidade Federal de São João del-rei, São João del-rei,

Leia mais

Filme: Como se morre no cinema 1 de Luelane Loiola Correa. Plano de Aula: Ensino Fundamental II e Ensino Médio

Filme: Como se morre no cinema 1 de Luelane Loiola Correa. Plano de Aula: Ensino Fundamental II e Ensino Médio Filme: Como se morre no cinema 1 de Luelane Loiola Correa Plano de Aula: Ensino Fundamental II e Ensino Médio Disciplinas/Áreas do Conhecimento: Língua Portuguesa; Arte; Inglês; Projeto Interdisciplinar;

Leia mais

PROPOSTA PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO II ENSINO DE CIÊNCIAS 2010

PROPOSTA PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO II ENSINO DE CIÊNCIAS 2010 PROPOSTA PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO II ENSINO DE CIÊNCIAS 2010 OBSERVAÇÃO NA ESCOLA Localização da Escola 29/03 16/04 Espaço Físico PPP e o Ensino de Ciências OBSERVAÇÃO NA SALA Relação Professor/Alunos

Leia mais

A linguagem da fotonovela Isabel S. Sampaio

A linguagem da fotonovela Isabel S. Sampaio A linguagem da fotonovela Isabel S. Sampaio No segundo semestre de 1970, as revistas que publicavam fotonovelas no Brasil ocupavam o segundo lugar em tiragem e circulação, perdendo apenas para as revistas

Leia mais

EMEI PROFº ANTONIO CARLOS PACHECO E SILVA PROJETO PEDAGÓGICO 2012 BRINCAR NÃO É BRINCADEIRA...

EMEI PROFº ANTONIO CARLOS PACHECO E SILVA PROJETO PEDAGÓGICO 2012 BRINCAR NÃO É BRINCADEIRA... EMEI PROFº ANTONIO CARLOS PACHECO E SILVA PROJETO PEDAGÓGICO 2012 BRINCAR NÃO É BRINCADEIRA... JUSTIFICATIVA Desde o nascimento a criança está imersa em um contexto social, que a identifica enquanto ser

Leia mais

Filmes com muitas vontades

Filmes com muitas vontades Filmes com muitas vontades Clarisse Alvarenga Desde a década de 1970, vêm sendo empreendidas algumas tentativas ainda autorais e incipientes, partindo de cineastas brasileiros, como Andrea Tonacci e Aluysio

Leia mais

Programa Petrobras Cultural 2007/2008 Projetos Contemplados

Programa Petrobras Cultural 2007/2008 Projetos Contemplados Programa Petrobras Cultural 2007/2008 Projetos Contemplados CURTA-SE VIII Festival Ibero-Americano de Curtas-Metragens de Sergipe Protocolo: 4 Proponente: Centro de Estudos Casa Curta-SE Estado do Proponente:

Leia mais

Filme: A Pessoa é Para o que Nasce

Filme: A Pessoa é Para o que Nasce Filme: A Pessoa é Para o que Nasce Gênero Documentário Diretor Roberto Berliner Elenco Conceição, Maria, Regina Ano 1998 Duração 6 min Cor Colorido Bitola 35mm País Brasil Disponível em: http://www.portacurtas.com.br/filme.asp?cod=1010

Leia mais

FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL

FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL I DO FESTIVAL: EDITAL 2014 1.1. O FUSCA (FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL) é uma atividade de promoção acadêmica e cultural realizada pela Faculdade

Leia mais

FUNÇÕES DA LINGUAGEM. Professor Jailton www.professorjailton.com.br

FUNÇÕES DA LINGUAGEM. Professor Jailton www.professorjailton.com.br FUNÇÕES DA LINGUAGEM Professor Jailton www.professorjailton.com.br Comunicação e Intencionalidade discursiva / Funções Intrínsecas do Texto Elementos básicos da comunicação; Texto e discurso/ a intenção

Leia mais

PROJETO TÉCNICO. Associação ou federação comunitária Ponto de cultura

PROJETO TÉCNICO. Associação ou federação comunitária Ponto de cultura ANEXO IV CINE MAIS CULTURA BAHIA PROJETO TÉCNICO I. Identificação da Iniciativa 1. Nome da Proponente: 2. Esta ação é inscrita por: [Indique somente 1 (uma) alternativa] Organização da Sociedade Civil

Leia mais

Consciente Coletivo. Lúcia Araújo 1 Canal Futura lucia@futura.org.br marcia.andrade@futura.org.br

Consciente Coletivo. Lúcia Araújo 1 Canal Futura lucia@futura.org.br marcia.andrade@futura.org.br Consciente Coletivo Lúcia Araújo 1 Canal Futura lucia@futura.org.br marcia.andrade@futura.org.br Resumo: Consciente Coletivo é uma série de interprogramas sobre o papel e o poder do consumidor. Realizada

Leia mais

EDUCAÇÃO ALGÉBRICA, DIÁLOGOS E APRENDIZAGEM: UM RELATO DO TRABALHO COM UMA PROPOSTA DIDÁTICA 1

EDUCAÇÃO ALGÉBRICA, DIÁLOGOS E APRENDIZAGEM: UM RELATO DO TRABALHO COM UMA PROPOSTA DIDÁTICA 1 EDUCAÇÃO ALGÉBRICA, DIÁLOGOS E APRENDIZAGEM: UM RELATO DO TRABALHO COM UMA PROPOSTA DIDÁTICA 1 Claudemir Monteiro Lima Secretária de Educação do Estado de São Paulo claudemirmonteiro@terra.com.br João

Leia mais

PREFEITURA DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA. I DEMOCRACINE Festival Internacional de Cinema de Porto Alegre REGULAMENTO GERAL

PREFEITURA DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA. I DEMOCRACINE Festival Internacional de Cinema de Porto Alegre REGULAMENTO GERAL PREFEITURA DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA I DEMOCRACINE Festival Internacional de Cinema de Porto Alegre REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO Art. 1º: O I Democracine Festival Internacional

Leia mais

http://www.clarin.com/br/buenos-aires-presenca-grandeimaginario_0_1360664321.html

http://www.clarin.com/br/buenos-aires-presenca-grandeimaginario_0_1360664321.html http://www.clarin.com/br/buenos-aires-presenca-grandeimaginario_0_1360664321.html ENTREVISTA: VIK MUNIZ Buenos Aires tem uma presença muito grande no meu imaginário Gabriela Grosskopf Antunes Ele é um

Leia mais

Vídeo Institucional: PETCom Internacional 1

Vídeo Institucional: PETCom Internacional 1 Vídeo Institucional: PETCom Internacional 1 Andréia Santos da SILVA 2 Tiago da Cruz Carvalho CALADO 3 Ítala Clay de Oliveira FREITAS 4 Universidade Federal do Amazonas, Manaus, AM RESUMO Desenvolvido por

Leia mais

Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados

Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados POR ENTRETEMPOS, JORNAL FOLHA DE SÃO PAULO, 04.10.2015 Tião, como é chamado pelos amigos, não toma café. Ainda assim, motivado

Leia mais

Dúvidas Frequentes FOTOGRAFIA

Dúvidas Frequentes FOTOGRAFIA Dúvidas Frequentes FOTOGRAFIA 01) Como devo escolher um fotógrafo? Lembrando que é um momento único e especial e que esse momento se eternizara por muitos anos e deve gerar lembranças agradáveis com belas

Leia mais

Regulamento: Mostra Competitiva e Não Competitiva de Curtas-Metragens

Regulamento: Mostra Competitiva e Não Competitiva de Curtas-Metragens Regulamento: Mostra Competitiva e Não Competitiva de Curtas-Metragens 1. Promoção: O 3º Festival de Cinema de Três Passos / 2016 Semeando Cultura - é promovido pelo Movimento Pró-Arte de Três Passos. 2.

Leia mais

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa JONAS RIBEIRO ilustrações de Suppa Suplemento do professor Elaborado por Camila Tardelli da Silva Deu a louca no guarda-roupa Supl_prof_ Deu a louca no guarda roupa.indd 1 02/12/2015 12:19 Deu a louca

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA OS GRUPOS QUE ESTÃO PRODUZINDO UMA: REPORTAGEM Tipos de Textos Características

Leia mais

Plano de Aula SOU PAR OU ÍMPAR? TÍTULO: Iniciais. 3º ano. Matemática. Número e Operações/Álgebra e Funções 1 aula (45 min) Educação Presencial

Plano de Aula SOU PAR OU ÍMPAR? TÍTULO: Iniciais. 3º ano. Matemática. Número e Operações/Álgebra e Funções 1 aula (45 min) Educação Presencial Org.: Claudio André - 1 TÍTULO: SOU PAR OU ÍMPAR? Nível de Ensino: Ensino Fundamental/ Anos Iniciais Ano/Semestre de Estudo: 3º ano Componente Curricular: Tema: Duração da Aula: Modalidade de Ensino: Matemática

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

SESSÃO 3: Criando Metas Atingíveis

SESSÃO 3: Criando Metas Atingíveis CURRÍCULO DE PROGRAMA SESSÃO 3: Criando Metas Atingíveis Esta sessão trata da importante habilidade pessoal e profissional do estabelecimento de metas. As participantes podem ter sentimentos diferentes

Leia mais

Projeto Pedagógico. por Anésia Gilio

Projeto Pedagógico. por Anésia Gilio Projeto Pedagógico por Anésia Gilio INTRODUÇÃO Esta proposta pedagógica está vinculada ao Projeto Douradinho e não tem pretenção de ditar normas ou roteiros engessados. Como acreditamos que a educação

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO E NORMATIZAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

MANUAL PARA ELABORAÇÃO E NORMATIZAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS ISSN online: 2318-4299 MANUAL PARA ELABORAÇÃO E NORMATIZAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS 2ª Edição revisada e ampliada www.incentivoaciencia.com.br Brasil 2015 APRESENTAÇÃO A Associação Brasileira de Incentivo

Leia mais

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República

30/09/2008. Entrevista do Presidente da República Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em conjunto com o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, com perguntas respondidas pelo presidente Lula Manaus-AM,

Leia mais

CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES

CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES Silvia Eula Muñoz¹ RESUMO Neste artigo pretendo compartilhar os diversos estudos e pesquisas que realizei com orientação do Prof. Me. Erion

Leia mais

Daniele Renata da Silva. Maurício Carlos da Silva

Daniele Renata da Silva. Maurício Carlos da Silva SILVEIRA, Rosa Maria Hessel; SANTOS, Cláudia Amaral dos. Revistas pedagógicas e identidades de professor/a: quem é o docente de Profissão Mestre e Nova Escola. In: BASTOS, Liliana Cabral; MOITA LOPES,

Leia mais

Aula 8 Dinâmica Social e Meio Ambiente

Aula 8 Dinâmica Social e Meio Ambiente Sociologia e Antropologia em Administraçã ção Aula 8 Dinâmica Social e Meio Ambiente Profa. Ms. Daniela Cartoni Capítulo 10 DIAS, Reinaldo. Sociologia Geral. Campinas: Alinea, 2008. PLT 254 Capítulo 10

Leia mais

EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO)

EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO) Explorando a obra EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO) INTRODUÇÃO Antes da leitura Peça para que seus alunos observem a capa por alguns instantes e faça perguntas: Qual é o título desse livro?

Leia mais

A acupuntura combate doenças em gado leiteiro e melhora a produção 1

A acupuntura combate doenças em gado leiteiro e melhora a produção 1 A acupuntura combate doenças em gado leiteiro e melhora a produção 1 Raimundo Nonato de Souza 2 Eustáquio Trindade Netto 3 Centro Universitário Newton Paiva, Belo Horizonte, MG RESUMO O tema da reportagem

Leia mais

Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/08/2009. Humanos aprimorados versus humanos comuns

Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/08/2009. Humanos aprimorados versus humanos comuns VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA CONVIVER COM OS HUMANOS APRIMORADOS? http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=voce-esta-preparado-conviver-humanosaprimorados&id=010850090828 Redação do

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO FOTOGRÁFICO FITCATARATAS 2014-1ª EDIÇÃO. 1.1 Homenagear a cidade de Foz do Iguaçu que comemora seu centenário em 2014;

REGULAMENTO CONCURSO FOTOGRÁFICO FITCATARATAS 2014-1ª EDIÇÃO. 1.1 Homenagear a cidade de Foz do Iguaçu que comemora seu centenário em 2014; REGULAMENTO CONCURSO FOTOGRÁFICO FITCATARATAS 2014-1ª EDIÇÃO 1. OBJETIVOS 1.1 Homenagear a cidade de Foz do Iguaçu que comemora seu centenário em 2014; 1.2 Promover a sensibilização dos participantes da

Leia mais

Parceiros das atividades abaixo relacionadas:

Parceiros das atividades abaixo relacionadas: Iniciativas que contribuem para potencializar a comunicação e dar visibilidade à Estação Ecológica de Fechos (EEF), reforçando a campanha Fechos, eu cuido! pela preservação dessa área de máxima proteção

Leia mais

RECUPERAÇÃO DE IMAGEM

RECUPERAÇÃO DE IMAGEM RECUPERAÇÃO DE IMAGEM Quero que saibam que os dias que se seguiram não foram fáceis para mim. Porém, quando tornei a sair consciente, expus ao professor tudo o que estava acontecendo comigo, e como eu

Leia mais

RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS

RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS BRASÍLIA ECHARDT VIEIRA (CENTRO DE ATIVIDADES COMUNITÁRIAS DE SÃO JOÃO DE MERITI - CAC). Resumo Na Baixada Fluminense, uma professora que não está atuando no magistério,

Leia mais

FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL

FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL I DO FESTIVAL: EDITAL 2015 1.1. O FUSCA (FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE CRIAÇÃO AUDIOVISUAL) é uma atividade de promoção acadêmica e cultural realizada pela Faculdade

Leia mais

Indaial SC Abril 2012. Setor Educacional: 3. Educação Universitária

Indaial SC Abril 2012. Setor Educacional: 3. Educação Universitária MATERIAL DIDÁTICO PARA O ENSINO A DISTÂNCIA: PRODUÇÃO E CARACTERÍSTICAS DOS MATERIAIS DIDÁTICOS UTILIZADOS PELOS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO EAD DA UNIASSELVI Indaial SC Abril 2012 Hiandra Bárbara Götzinger

Leia mais

A CAPES : quais ambições para a pesquisa em Letras e Linguística?

A CAPES : quais ambições para a pesquisa em Letras e Linguística? A CAPES : quais ambições para a pesquisa em Letras e Linguística? Universidade de São Paulo benjamin@usp.br Synergies-Brésil O Sr. foi o representante da Letras junto à CAPES. O Sr. poderia explicar qual

Leia mais

TÉCNICAS DE EDIÇÃO DE VÍDEO PARA JORNALISMO. Ingresso Julho 2015. Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias

TÉCNICAS DE EDIÇÃO DE VÍDEO PARA JORNALISMO. Ingresso Julho 2015. Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias TÉCNICAS DE EDIÇÃO DE VÍDEO PARA JORNALISMO Ingresso Julho 2015 Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias Técnicas de Edição e Vídeo para Jornalismo Proporcionar aos alunos a oportunidade

Leia mais

A experiência da Engenharia Clínica no Brasil

A experiência da Engenharia Clínica no Brasil Página 1 de 5 Sobre a Revista Ed 24 - fev 04 Home Medical Infocenter Med Atual Edição Atual Serviços Global Home Brasil Home Busca Mapa do Site Fale Conosco Edição Atual Edição Atual Matéria de Capa Artigo

Leia mais

REGULAMENTO DO TECNOTEEN 2015

REGULAMENTO DO TECNOTEEN 2015 REGULAMENTO DO TECNOTEEN 2015 Capítulo I Das Disposições Preliminares Art. 1º. O presente documento regulamenta O TECNOTEEN 2015, promovido e organizado pela SETREM Sociedade Educacional Três de Maio,

Leia mais

O que é esse produto? Qual é a marca do produto? Que quantidade de produto há na embalagem? Em que país foi feito o produto?

O que é esse produto? Qual é a marca do produto? Que quantidade de produto há na embalagem? Em que país foi feito o produto? RÓTULOS Rótulo é toda e qualquer informação referente a um produto que esteja transcrita em sua embalagem. O Rótulo acaba por ser uma forma de comunicação visual, podendo conter a marca do produto e informações

Leia mais

18/11/2005. Discurso do Presidente da República

18/11/2005. Discurso do Presidente da República Discurso do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de entrega de certificado para os primeiros participantes do programa Escolas-Irmãs Palácio do Planalto, 18 de novembro de 2005

Leia mais

Agora é só com você. Geografia - 131

Agora é só com você. Geografia - 131 Geografia - 131 3 Complete: O espaço da sala de aula é um domínio delimitado por um(a)..., que é sua fronteira. Ainda em grupo faça o seguinte: usando objetos como lápis, palitos, folhas e outros, delimite

Leia mais

Dicas para você trabalhar o livro Mamãe, como eu nasci? com seus alunos.

Dicas para você trabalhar o livro Mamãe, como eu nasci? com seus alunos. Dicas para você trabalhar o livro Mamãe, como eu nasci? com seus alunos. Caro professor, Este link do site foi elaborado especialmente para você, com o objetivo de lhe dar dicas importantes para o seu

Leia mais

Projeto. Pedagógico QUEM MEXEU NA MINHA FLORESTA?

Projeto. Pedagógico QUEM MEXEU NA MINHA FLORESTA? Projeto Pedagógico QUEM MEXEU NA MINHA FLORESTA? 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Apresentação O livro tem como tema o meio ambiente em que mostra o homem e a destruição da natureza,

Leia mais

DESCRIÇÃO DO PROJETO E DA AÇÃO.

DESCRIÇÃO DO PROJETO E DA AÇÃO. TÍTULO: 4 a FEIRA CULTURAL O HOMEM E O CINEMA AUTORAS: EVANDRA CRISTINA DA SILVA E RENATA APARECIDA DOS SANTOS ESCOLA ESTADUAL JARDIM DAS ROSAS (SERRANA/SP) COMUNICAÇÃO RELATO DE EXPERIÊNCIA DESCRIÇÃO

Leia mais

Festival de Cinema de Futebol REGULAMENTO 2014

Festival de Cinema de Futebol REGULAMENTO 2014 Festival de Cinema de Futebol REGULAMENTO 2014 1 - DO FESTIVAL 1.1 - O CINEfoot - Festival de Cinema de Futebol é o primeiro festival de cinema do Brasil e da América Latina com abordagens conceitual e

Leia mais

Ficha Técnica. Mais uma edição de nosso jornal,

Ficha Técnica. Mais uma edição de nosso jornal, Nº5 E. M. Professor Lund Fernandes Villela Mais uma edição de nosso jornal, mais notícias, imagens e fatos acontecendo na escola Lund. Essa edição conta com novos alunos do 5º ano que estão animados com

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca Visita às Obras da Vila Brejal Minha

Leia mais

Markes Roberto Vaccaro

Markes Roberto Vaccaro Markes Roberto Vaccaro Sumário 1 - CONHECER OS SEGREDOS DO MARKETING DIGITAL... 3 2 CRIAR UM BLOG DE NICHO... 4 3 - COMEÇANDO A ESTRATÉGIA DE MARKETING... 4 4 - PRODUTOS DIGITAIS... 5 5 OPTIMIZAÇÃO DE

Leia mais

MisturaBOA. Uma seleção de boas notícias e boas ideias para se viver melhor. Revista SAÚDE BOAS NOTICIAS E BOAS IDEIAS PARA SE VIVER MELHOR

MisturaBOA. Uma seleção de boas notícias e boas ideias para se viver melhor. Revista SAÚDE BOAS NOTICIAS E BOAS IDEIAS PARA SE VIVER MELHOR Revista MisturaBOA BOAS NOTICIAS E BOAS IDEIAS BOAS NOTICIAS PARA SE VIVER MELHOR E BOAS IDEIAS PARA SE VIVER MELHOR Uma seleção de boas notícias e boas ideias para se viver melhor Projeto 2015 conceito

Leia mais

Anima Mundi 2016 24º Festival Internacional de Animação do Brasil Rio de Janeiro 25 a 30 de Outubro São Paulo 02 a 06 de Novembro

Anima Mundi 2016 24º Festival Internacional de Animação do Brasil Rio de Janeiro 25 a 30 de Outubro São Paulo 02 a 06 de Novembro Anima Mundi 2016 24º Festival Internacional de Animação do Brasil Rio de Janeiro 25 a 30 de Outubro São Paulo 02 a 06 de Novembro REGULAMENTO 1. PRAZOS 08/06 Data limite para finalizar a ficha de inscrição

Leia mais

Leya Leituras Projeto de Leitura

Leya Leituras Projeto de Leitura Leya Leituras Projeto de Leitura Nome do livro: A árvore da vida Coleção: Aldeia Autor: Roni Wasiry Guará Nacionalidade do autor: Brasileira Currículo do autor: Professor da escola CFR Casa Familiar Rural,

Leia mais

Gráfico 1 Jovens matriculados no ProJovem Urbano - Edição 2012. Fatia 3;

Gráfico 1 Jovens matriculados no ProJovem Urbano - Edição 2012. Fatia 3; COMO ESTUDAR SE NÃO TENHO COM QUEM DEIXAR MEUS FILHOS? UM ESTUDO SOBRE AS SALAS DE ACOLHIMENTO DO PROJOVEM URBANO Rosilaine Gonçalves da Fonseca Ferreira UNIRIO Direcionado ao atendimento de parcela significativa

Leia mais

Videoclipe: Só sei dançar com você 1

Videoclipe: Só sei dançar com você 1 Videoclipe: Só sei dançar com você 1 Bruno Olhero BOTAS 2 Gabriela dos Santos SILVA 3 Grazielli FERRACCIOLLI 4 Guilherme Henrique de SOUZA 5 Isa Dias Colombo SANTOS 6 Rahessa da Silva VITÓRIO 7 Yasmin

Leia mais

CINEMA NOSSO. Ação educacional pela democratização e convergência do audiovisual

CINEMA NOSSO. Ação educacional pela democratização e convergência do audiovisual CINEMA NOSSO escola audiovisual Ação educacional pela democratização e convergência do audiovisual Nossa História Em Agosto de 2000, um grupo de duzentos jovens de áreas populares cariocas foi reunido

Leia mais

Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência. Projeto Matemática 1. Coordenadora Professora Drª Elisangela Campos. Estatística.

Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência. Projeto Matemática 1. Coordenadora Professora Drª Elisangela Campos. Estatística. Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência Projeto Matemática 1 Coordenadora Professora Drª Elisangela Campos Estatística Curitiba 2014 Para as turmas do 9 ano do Ensino Fundamental (9 A,

Leia mais

As ações, em sua maioria, são negociadas a partir de códigos formados através de letras e números:

As ações, em sua maioria, são negociadas a partir de códigos formados através de letras e números: Como funciona o mercado de ações Conceitualmente, uma ação é um pedaço de uma empresa, ou seja, comprar uma ação significa ser sócio de uma companhia. No Brasil, as ações de empresas de capital aberto

Leia mais

Público escolhe o repertório do próximo show de Oswaldo Montenegro. No mesmo ano: cinema, música, televisão e teatro

Público escolhe o repertório do próximo show de Oswaldo Montenegro. No mesmo ano: cinema, música, televisão e teatro Público escolhe o repertório do próximo show de Oswaldo Montenegro No mesmo ano: cinema, música, televisão e teatro Consagrado pela crítica e pelo público Para comemorar o sucesso de tantos lançamentos

Leia mais

Caro educador, um conjunto de critérios de seleção de obras literárias organizado pelo grupo de formadores do Projeto Entorno;

Caro educador, um conjunto de critérios de seleção de obras literárias organizado pelo grupo de formadores do Projeto Entorno; Caro educador, Nas páginas deste documento, você vai encontrar várias informações e materiais importantes para apoiar a realização dos projetos institucionais de leitura na sua escola: um conjunto de critérios

Leia mais

Gênero em foco: CARTA PESSOAL

Gênero em foco: CARTA PESSOAL Gênero em foco: CARTA PESSOAL CARACTERÍSTICAS Definição e finalidade: A carta pessoal é um gênero textual em que o autor do texto se dirige a um interlocutor específico, com o qual pretende estabelecer

Leia mais

Teste de Usabilidade BEEQO. Data Versão do wireframe Descrição

Teste de Usabilidade BEEQO. Data Versão do wireframe Descrição BEEQO Teste de Usabilidade Data Versão do wireframe Descrição 21/03/2012 1.1 Entender o comportamento do usuário com a interface proposta e avaliar os principais problemas de usabilidade. Página 1 de 8

Leia mais

PATRULHA AMBIENTAL MIRIM: Um espaço de Emancipação dos Sujeitos

PATRULHA AMBIENTAL MIRIM: Um espaço de Emancipação dos Sujeitos PATRULHA AMBIENTAL MIRIM: Um espaço de Emancipação dos Sujeitos RESUMO Elizane Pegoraro Bertineti 1 Tanise Stumf Böhm 2 O presente texto busca apresentar o trabalho realizado pela Patrulha Ambiental Mirim

Leia mais

Prêmio Jovens Inspiradores 2014 está com inscrições abertas

Prêmio Jovens Inspiradores 2014 está com inscrições abertas Prêmio Jovens Inspiradores 2014 está com inscrições abertas O que jovens brasileiros podem fazer diante dos intrincados e desafiadores problemas do país? Muito, provam jovens inspiradores. O potiguar Samuel

Leia mais

ED WILSON ARAÚJO, THAÍSA BUENO, MARCO ANTÔNIO GEHLEN e LUCAS SANTIGO ARRAES REINO

ED WILSON ARAÚJO, THAÍSA BUENO, MARCO ANTÔNIO GEHLEN e LUCAS SANTIGO ARRAES REINO Entrevista Cláudia Peixoto de Moura Nós da Comunicação tendemos a trabalhar com métodos qualitativos, porque, acredito, muitos pesquisadores desconhecem os procedimentos metodológicos quantitativos ED

Leia mais

CASE BRANDILI. Fã-Clube

CASE BRANDILI. Fã-Clube CASE BRANDILI. Fã-Clube Problema A Brandili é uma das marcas líderes no segmento de roupas infantis do Brasil, produzindo cerca de 14 milhões de peças por ano. Hoje, com quase 50 anos de história, a Brandili

Leia mais

Cais da Leitura: leitura em ação

Cais da Leitura: leitura em ação Cais da Leitura: leitura em ação Conceição Flores. Universidade Potiguar (UnP). Carla Rosiane C. Andrade. Universidade Potiguar (UnP). Nos últimos tempos, estamos sendo quase que cotidianamente bombardeados

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br MATEMÁTICA

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br MATEMÁTICA Desafio de Matemática 4 ano EF 2D 2014 1/ 6 1. Observe as garrafas que Pedro comprou: CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br 3 o DESAFIO CENM - 2014 MATEMÁTICA Direção: Ano: 4 Ef Marque a quantidade

Leia mais

Fotografia e Escola. Marcelo Valle 1

Fotografia e Escola. Marcelo Valle 1 Fotografia e Escola Marcelo Valle 1 Desde 1839, ano do registro da invenção da fotografia na França, quase tudo vem sendo fotografado, não há atualmente quase nenhuma atividade humana que não passe, direta

Leia mais

os chicos 2 OS CHICOS 3 os chicos De 2008 a 2011, o jornalista Gustavo Nolasco e o fotógrafo Leo Drumond percorreram as margens do rio São Francisco; passando pelos estados de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco,

Leia mais

MÍDIAS DIGITAIS EM ATIVIDADES DO PIBID: EXPERIÊNCIAS COM OS ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL 58

MÍDIAS DIGITAIS EM ATIVIDADES DO PIBID: EXPERIÊNCIAS COM OS ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL 58 MÍDIAS DIGITAIS EM ATIVIDADES DO PIBID: EXPERIÊNCIAS COM OS ANOS FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL 58 Gabriela Kloth ¹ gabikloth@hotmail.com Thais de Souza Schlichting ² thais_schlichting@hotmail.com ¹ Mestranda

Leia mais

A formação moral de um povo

A formação moral de um povo É um grande desafio evangelizar crianças nos dias de hoje. Somos a primeira geração que irá dizer aos pais e evangelizadores como evangelizar os pequeninos conectados. Houve um tempo em que nos colocávamos

Leia mais

III SEMANA DO MEIO AMBIENTE

III SEMANA DO MEIO AMBIENTE III SEMANA DO MEIO AMBIENTE Durante a Semana do Meio Ambiente de 2008, o CMJF procurou envolver todos os alunos na discussão e reflexão sobre questões relativas ao ambiente. Através dos coordenadores de

Leia mais

INDEX. Mapas Culturais

INDEX. Mapas Culturais Mapas Culturais INDEX Mapas Culturais Cadastrar agentes 13 Cadastrar espaços 28 Cadastrar projetos 38 Cadastrar eventos 48 Gestores e hierarquias 60 _Sobre Mapas Culturais A prefeitura de São Paulo e o

Leia mais

Guia de Discussão Série Eu e meu dinheiro Episódio: O piano ou a Aninha

Guia de Discussão Série Eu e meu dinheiro Episódio: O piano ou a Aninha Guia de Discussão Série Eu e meu dinheiro Episódio: O piano ou a Aninha Sumário Sobre a série... 3 Material de apoio... 3 Roteiro para uso dos vídeos em grupos... 4 Orientações para o facilitador... 4

Leia mais

Energia e suas fontes

Energia e suas fontes ós na ala de Aula - Ciências 6º ao 9º ano - unidade 2 O homem necessita cada vez mais de energia elétrica e está constantemente buscando fontes para produzila. Uma das fontes de energia mais utilizadas

Leia mais

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, durante cerimônia de assinatura de atos e declaração à imprensa

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, durante cerimônia de assinatura de atos e declaração à imprensa , Luiz Inácio Lula da Silva, durante cerimônia de assinatura de atos e declaração à imprensa Porto Príncipe-Haiti, 28 de maio de 2008 Meu caro amigo, presidente René Préval, presidente da República do

Leia mais

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro Histórias do Velho Testamento 3 a 6 anos Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro O Velho Testamento está cheio de histórias que Deus nos deu, espantosas e verdadeiras.

Leia mais

O Teatro do Oprimido e suas contribuições para pensar a prática artística coletiva: Uma experiência na formação de promotoras legais populares

O Teatro do Oprimido e suas contribuições para pensar a prática artística coletiva: Uma experiência na formação de promotoras legais populares O Teatro do Oprimido e suas contribuições para pensar a prática artística coletiva: Uma experiência na formação de promotoras legais populares Fabiane Tejada da Silveira Instituto de Artes e Design da

Leia mais

Concurso para criação da logomarca do PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/UFRRJ SOBRE O PIBID/UFRRJ

Concurso para criação da logomarca do PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/UFRRJ SOBRE O PIBID/UFRRJ Ministério da Educação Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Pró-Reitoria de Graduação Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID/UFRRJ Edital de seleção da logomarca PIBID/UFRRJ

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca INAUGURAÇÃO DA NOVA CIDADE DE CANINDÉ

Leia mais

PARTE 1 Identificação da Experiência

PARTE 1 Identificação da Experiência PARTE 1 Identificação da Experiência NOME DA INSTITUIÇÃO/ESCOLA/REDE: Escola Municipal Professora Maria Irene Vicentini Theodoro Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos. ENDEREÇO:

Leia mais

ROTEIRISTA GRAVAÇÃO TÍTULO TEMPO Cris Boragan a definir Diadema: Educação Inclusiva a Todos 10 minutos

ROTEIRISTA GRAVAÇÃO TÍTULO TEMPO Cris Boragan a definir Diadema: Educação Inclusiva a Todos 10 minutos Lauda 01 1ª parte abertura ( 30 Take 1: montagem de imagens com diversas crianças indo para a escola/ intercalar cada imagem com fade como nos traillers de cinema (lembrar para não identificarmos as crianças

Leia mais

não quero voltar sozinho nao quero voltar sozinho Lacuna Filmes apresenta dirigido por daniel ribeiro produzido por diana almeida

não quero voltar sozinho nao quero voltar sozinho Lacuna Filmes apresenta dirigido por daniel ribeiro produzido por diana almeida Lacuna Filmes apresenta eu não quero voltar sozinho eu nao quero dirigido por daniel ribeiro produzido por diana almeida voltar sozinho sobre o filme Drama leve que conta a história de três jovens. Leonardo

Leia mais

Exercícios Complementares Língua Portuguesa Profª Ana Paula de Melo. Hora de brincar!

Exercícios Complementares Língua Portuguesa Profª Ana Paula de Melo. Hora de brincar! Exercícios Complementares Língua Portuguesa Profª Ana Paula de Melo Hora de brincar! Que tal dar um giro pela história e saber como eram as brincadeiras de antigamente? Brincar é muito bom. Concorda? Pois

Leia mais

Há cada vez mais empresas cidadãs

Há cada vez mais empresas cidadãs + Faça do VER a sua homepage ENTREVISTA Há cada vez mais empresas cidadãs As empresas que lideram no seu mercado são as que apresentam melhores práticas de governação. Foi com base neste pressuposto que

Leia mais

I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR *

I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR * PSICODRAMA DA ÉTICA Local no. 107 - Adm. Regional do Ipiranga Diretora: Débora Oliveira Diogo Público: Servidor Coordenadora: Marisa Greeb São Paulo 21/03/2001 I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR * Local...:

Leia mais

Os rumos do Email Marketing

Os rumos do Email Marketing Marketing Os rumos do Email Marketing Confira alguns pontos que podem fazer a diferença na utilização desta ferramenta, como um maior investimento na equipe De 1 a 3 de fevereiro, tive a oportunidade de

Leia mais

Um mercado de oportunidades

Um mercado de oportunidades Um mercado de oportunidades Como grandes, pequenas e médias empresas se comunicam? Quem são os principais interlocutores e como procurá-los? Como desenvolver uma grande campanha e inovar a imagem de uma

Leia mais

Ao longo deste 2 semestre, a turma dos 1 anos vivenciaram novas experiências e aprendizados que contemplaram suas primeiras conquistas do semestre

Ao longo deste 2 semestre, a turma dos 1 anos vivenciaram novas experiências e aprendizados que contemplaram suas primeiras conquistas do semestre Ao longo deste 2 semestre, a turma dos 1 anos vivenciaram novas experiências e aprendizados que contemplaram suas primeiras conquistas do semestre anterior, dentro de contextos que buscavam enfatizar o

Leia mais