Potencialidades do Aerolevantamento com VANT Amauri Brandalize

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Potencialidades do Aerolevantamento com VANT Amauri Brandalize"

Transcrição

1 Potencialidades do Aerolevantamento com VANT Amauri Brandalize SEMINÁRIO SOBRE AEROLEVANTAMENTO E DEFESA 23/07/ e 23 de Julho de 2013 Curitiba - PR Seminário sobre Aerolevantamentos e Defesa ESTEIO S.A.

2 Fonte : Invasion of Drones Column Five Media Inphographic Fonte : Invasion of Drones Column Five Media Inphographic

3 Uma Abelha macho, sem ferrão, que não realiza nenhum trabalho, e que não produz mel Fonte : significado.ws/drone Avião sem piloto operado por controle remoto Fonte : globalsecurity.org

4 Uso Civil de UAV em 2017 US$ 3,5 bilhões rotor asa fixa Fonte : Aibotix Marketing Germany % OBSERVAÇÃO DA TERRA?? % Mapeamento 13% GUARDA COSTEIRA 11% FRONTEIRAS 6% DUTOS 5% LINHA TRANSMISSÃO 3% FORÇA POLICIAL 13% TELECOM Fonte : Adaptado de Into The Drone Age Ruedi Wagner Hexagon Live % INCÊNDIOS FLORESTAIS

5 mesmas capacidades (?) de geração de produtos cartográficos e de aplicações militares são importantes, mas elas têm volume reduzido (?), a não ser em (?), todas (?) as aeronaves deverão ser VANTs Fonte : Fórum Geointeligência para Defesa e Segurança - MundoGEO#Connect fazer PREVISÕES... Especialmente sobre o FUTURO. Fonte : Top 87 Bad Predictions about the Future 2spare.com

6 Fonte: scotthaefner.com/kap/

7 Fonte: Desconhecida

8 Fonte: latteier.com/pigeoncam/ Geoniss Airborne Digital System Fonte: site BH New York

9 Fonte: The Secret History of Drones The Guardian Fevereiro 2013

10 Fonte: UAV Universe 1910 & 1920 Fonte: UAV Universe 1930 & 1990

11 Fonte : Internet Sites Proprietários membros países Fonte: Perfil LinkedIn da UVS INTERNATIONAL

12 MICRO MINI PEQUENO ALCANCE Fonte: UVS INTERNATIONAL The Current Situation Bélgica CURTO ALCANCE MÉDIO ALCANCE Fonte: UVS INTERNATIONAL The Current Situation Bélgica

13 LONGO ALCANCE ESPECIAIS ou ESPACIAIS Fonte: UVS INTERNATIONAL The Current Situation Bélgica Fonte: Patroller Reichert-Olivier-Sagem-France UAS LA 2011

14 Fonte: UAV "butterfly" Israelense Northrop-Grumman RQ-4 Global Hawk Kg teto m Fonte: UAV Universe 1990 onwards

15 Fonte: dezembro 2011 Fonte: Saint Martin Island, Caribe

16 Fonte: (1) Eye in the Sky Spying on Americans-Stephen Lendman thepeoplevoices.org february 2012 (2) Federal Aviation Administration - - april 2013 Fonte: UAS Vision Denver9 News maio 2012

17 Fonte: UAS Vision Denver9 News maio 2012 IS Rev A Out-2012 Decisão 127 Nov-2011 ANAC AIC N 21/10 Set-2010 Fonte: Legislação Brasileira Vigente para VANT 2010/13

18 NOTAM Autorização da ANATEL ANAC DECEA Apenas ARP permitida Proibido voo sobre áreas urbanas, aeroportos e aglomerado de pessoas Espaço Aéreo Restrito Altura de voo maior que 120 m somente com autorização Fonte: Legislação Brasileira Vigente para VANT 2010/12 VANT civil pode operar no Brasil sem autorização da VANT é considerado aeronave, portanto está sujeito à Legislação Aeronáutica Fonte: Seminário de VANTs MundoGeo 2012

19 Fonte: site da GIM International agosto 2012

20 Fonte: Revista MundoGeo no. 71 fev 2013 Fonte: Revista MundoGeo no. 71 fev 2013

21 NUS (National University of Singapore) ÁREA 1,6 km 2 Variação de 75 m no terreno (ponto mais alto e mais baixo) Edifícios com até 60 m PARÂMETROS 800 imagens em 42 voos Blocos máx de 5 faixas por 5 fotos Altura de voo < 150m (link com UAV e regulamentação de voo) Escala = 1: 9500 GSD = 5 cm Superposição longitudinal = 80% e lateral = 60% Área coberta no terreno = 216 x 144 m EQUIPAMENTO Sony NEX-5 CMOS 1,11" 14,2 Mpixel Focal de 16 mm Fonte: Asian Surveying and Mapping magazine - março 2012

22 mesmo em áreas relativamente pequenas, o UAV requer muitos pousos e decolagens e muitas imagens Fonte: Asian Surveying and Mapping magazine - março 2012 Fonte: Photogrammetric Performance of an Ultra Light UAV - J. Vallet et al - UAV-g Zurich, Switzerland

23 UAV como competitivo para as imagens aéreas padrão, mas sim como uma tecnologia complementar, que em situações bem específicas PODE SER vantajosa Fonte: Asian Surveying and Mapping magazine - março 2012 Fonte: Urban area captured by a SwingletCam - Pix4UAV showcases

24 Fonte: Urban area captured by a SwingletCam - Pix4UAV showcases Fonte: Urban area captured by a SwingletCam - Pix4UAV showcases

25 Fonte: Urban area captured by a SwingletCam - Pix4UAV showcases Fonte: Cooperação Técnica ESTEIO e SIMEPAR para uso fotogramétrico de UAV

26 Fonte: Cooperação Técnica ESTEIO e SIMEPAR para uso fotogramétrico de UAV UAV Combustível CARGA DECOLAGEM POUSO ALTURA VOO ALCANCE RADIO TEMPO VOO CÂMARA DIST FOCAL 2 Kg 10 m 30 m m 10 km 1 h 12 Mpx 35 mm Fonte: Cooperação Técnica ESTEIO e SIMEPAR para uso fotogramétrico de UAV

27 1 3 2 Fonte: Cooperação Técnica ESTEIO e SIMEPAR para uso fotogramétrico de UAV

28 1 2 3 Fonte: Cooperação Técnica ESTEIO e SIMEPAR para uso fotogramétrico de UAV linhas de voo 30 imagens Fonte: Estudos de Alternativa de Faixa PETROBRAS - Rua 60 ESTEIO

29 Fonte: Estudos de Alternativa de Faixa PETROBRAS - Rua 60 ESTEIO Fonte: Estudos de Alternativa de Faixa PETROBRAS - Rua 60 ESTEIO

30 XY<=0.50m, Z<=0.50m 90% dos pontos Classe A max XY=1.70m max Z=2.36m Fonte: Estudos de Alternativa de Faixa PETROBRAS - Rua 60 ESTEIO linhas de voo 400 imagens Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV

31 Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV

32 Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV

33 Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV

34 Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV

35 CONCLUSÃO é o ponto onde você ficou cansado de PENSAR Fonte: 100 Leis de Murphy

36 Fonte: Cooperação Técnica ESTEIO e SIMEPAR para uso fotogramétrico de UAV

37 Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV H voo H voo-uav H obj H obj Fonte: ESTEIO S.A. Adaptado de Leica Geosystems

38 > 10 CP Fonte: ESTEIO S.A. CEMIG UAV Grau 6 (Beaufort)? 1/3 de um F0 (Fujita)? Fonte: Especificações de Fabricante

39

40 Qual o impacto dos UAV na indústria do mapeamento? Lacuna entre o levantamento topográfico tradicional e da fotogrametria com elevada (?) altura de voo... Resposta rápida onde o tempo é condicionante como situações de desastre... Monitoramento de empreendimentos onde se deseja fazê-lo de maneira sistemática... Não é tão preciso como estações totais e GNSS, mas será bom o suficiente em alguns casos... Fonte: Por que a TRIMBLE comprou uma empresa de UAV? - Entrevista para Sam Pfeifle Editor da SPAR Point Group Antena GPS Autopilot Leica RCD30 CH62 Novatel - IMU Classe 4 Fonte de Alimentação Discos MM30, até 2.4TB Controladora da Câmara Fonte: Into The Drone Age Ruedi Wagner HxGN Live

41 Fonte: Into The Drone Age Ruedi Wagner HxGN Live Fonte: RIEGL Press Release Abril 2013

42 Fonte: Centre of Excellence in Laser Scanning Research - Finnish Geodetic Institute (FGI) Fonte: Centre of Excellence in Laser Scanning Research - Finnish Geodetic Institute (FGI)

43 Fonte: Development of a UAV-LiDAR System to Forest Inventory Wallace et al Univ Tasmania UAV LiDAR ALTURA VOO 50 m DENSIDADE 40 p/m 2 Fonte: Development of a UAV-LiDAR System to Forest Inventory Wallace et al Univ Tasmania

44 RESULTADOS QUALIDADE H QUALIDADE V 0,54 m 0,16 m PONTOS CHECK 130 ÁREA m 2 Fonte: Development of a UAV-LiDAR System to Forest Inventory Wallace et al Univ Tasmania

45 Fonte: Adaptado de Digital Photogrammetric Imaging Past, Present and Future Prof. Armin Gruen Fonte: Adaptado de Digital Photogrammetric Imaging Past, Present and Future Prof. Armin Gruen

46 Fonte: How Sleep in a Presentation Amauri Brandalize DIRETOR TÉCNICO skype: amauri.brandalize Reinaldo Machado, 1151 Curitiba-PR

47 Os direitos desta Apresentação são reservados para ESTEIO Engenharia e Aerolevantamentos S.A As imagens, citações, marcas de produtos e informações técnicas mencionadas na Apresentação, quando não propriedade ou responsabilidade da ESTEIO S.A., estão com a indicação de fonte e eram disponibilizadas para consulta pública via mídia impressa ou digital.

VANT e fotogrammetria

VANT e fotogrammetria VANT e fotogrammetria Um piscar sobre a tecnologia Emanuele Traversari UFPE - 5 de Julho 2013 1 O que é um VANT O VANT é uma sigla para Veículo Aéreo Não Tripulado: é uma aeronave genérica, criada para

Leia mais

Sensores Aerotransportados

Sensores Aerotransportados Sensores Aerotransportados Sensores Aerotransportados X ou + Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs): Concorrentes ou Complementares? José Alexandre F. da Silva Engenheiro Cartógrafo A EMPRESA - Informações

Leia mais

Trimble UX5 Solução de Imagem Aérea. Visão Global

Trimble UX5 Solução de Imagem Aérea. Visão Global Trimble UX5 Solução de Imagem Aérea Visão Global O que é VANT? Um Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT), comumente conhecido como um drone, é uma aeronave sem piloto a bordo. Seu vôo é controlado de forma

Leia mais

Geomática Aplicada à Engenharia Civil. 1 Fotogrametria

Geomática Aplicada à Engenharia Civil. 1 Fotogrametria Geomática Aplicada à Engenharia Civil 1 Fotogrametria Conceitos 2 Segundo Wolf (1983), a Fotogrametria pode ser definida como sendo a arte, a ciência e a tecnologia de se obter informações confiáveis de

Leia mais

VANT O Uso na Agricultura de Precisão

VANT O Uso na Agricultura de Precisão VANT O Uso na Agricultura de Precisão Conceituação De acordo com acircular de Informações Aeronáuticas AIC N21/10, do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), define que: É um veículo aéreo projetado

Leia mais

Desafios legais para regulamentação dos VANTs e oportunidades

Desafios legais para regulamentação dos VANTs e oportunidades Desafios legais para regulamentação dos VANTs e oportunidades O que é Micro VANT? µ VANT ou µ RPAs é uma subdivisão de VANTs levando em conta seu peso máximo de decolagem, autonomia operacional, distância

Leia mais

VANTAGENS NO USO DAS IMAGENS DA CÂMARA ADS40

VANTAGENS NO USO DAS IMAGENS DA CÂMARA ADS40 VANTAGENS NO USO DAS IMAGENS DA CÂMARA ADS40 O constante desenvolvimento de sistemas aerotransportados para captação de imagens finalmente trouxe ao mercado os modernos sensores para captação de imagens

Leia mais

TOPOCART: Cartografia, Engenharia, Meio Ambiente e Urbanismo a serviço do desenvolvimento.

TOPOCART: Cartografia, Engenharia, Meio Ambiente e Urbanismo a serviço do desenvolvimento. TOPOCART: Cartografia, Engenharia, Meio Ambiente e Urbanismo a serviço do desenvolvimento. Equipe Técnica 300 Profissionais: Engenheiros Civis, Agrônomos, Agrimensores, Cartógrafos e Ambientais Arquitetos,

Leia mais

MONITORAMENTO DE ÁREAS DE PROTEÇÃO PERMANENTE ATRAVÉS DE IMAGENS E ORTOFOTOS GERADAS POR VANTS E FOTOGRAMETRIA

MONITORAMENTO DE ÁREAS DE PROTEÇÃO PERMANENTE ATRAVÉS DE IMAGENS E ORTOFOTOS GERADAS POR VANTS E FOTOGRAMETRIA MONITORAMENTO DE ÁREAS DE PROTEÇÃO PERMANENTE ATRAVÉS DE IMAGENS E ORTOFOTOS GERADAS POR VANTS E FOTOGRAMETRIA Guilherme Sonntag Hoerlle*, Jaerton Santini, Nicole Becker Portela, Suane Wurlitzer Bonatto,

Leia mais

PARA QUE SERVE O QUADRICOPTERO SIRIUS SD4:

PARA QUE SERVE O QUADRICOPTERO SIRIUS SD4: Skydrones, nova empresa gaucha de aviônica, que atua no desenvolvimento de microvants veículos aéreos não tripulados, testa seu protótipo SIRIUS SD4, com novo sistema de telemetria. O produto estará pronto

Leia mais

Geoinformação na Bahia

Geoinformação na Bahia IV Encontro de Produtores e Usuários de Informações Geoespaciais do Estado da Bahia Geoinformação na Bahia Produção, qualidade e acesso Produção de Geoinformação: Novas Tecnologias GRUPO ENGEMAP CONTEÚDO

Leia mais

PRODUÇÃO E ATUALIZAÇÃO DE MAPAS. Sensores aéreos e orbitais

PRODUÇÃO E ATUALIZAÇÃO DE MAPAS. Sensores aéreos e orbitais PRODUÇÃO E ATUALIZAÇÃO DE MAPAS Sensores aéreos e orbitais Pilares do Mapeamento 1. Resolução espacial e radiométrica 2. Cobertura multispectral 3. Geometria consistente 4. Automação e resposta rápida

Leia mais

UNICAP Universidade Católica de Pernambuco Laboratório de Topografia de UNICAP - LABTOP Topografia 2. Fotogrametria. Parte 1

UNICAP Universidade Católica de Pernambuco Laboratório de Topografia de UNICAP - LABTOP Topografia 2. Fotogrametria. Parte 1 UNICAP Universidade Católica de Pernambuco Laboratório de Topografia de UNICAP - LABTOP Topografia 2 Fotogrametria Parte 1 Recife, 2014 Fotogrametria (definição clássica): Pode ser definida como a Ciência,

Leia mais

Lúcio Ma>as Eng. Diretor Lucio.ma>as@novaterrageo.com.br www.novaterrageo.com.br

Lúcio Ma>as Eng. Diretor Lucio.ma>as@novaterrageo.com.br www.novaterrageo.com.br Lúcio Ma>as Eng. Diretor Lucio.ma>as@novaterrageo.com.br www.novaterrageo.com.br Carlos Jamel Biólogo, Diretor cjamel@novaterrageo.com.br www.novaterrageo.com.br Webinar - A Invasão dos VANTs 13/08/2012

Leia mais

Compreendendo os Efeitos da Projeção nas Imagens Aéreas

Compreendendo os Efeitos da Projeção nas Imagens Aéreas Compreendendo os Efeitos da Projeção nas Imagens Aéreas Introdução Com a atual popularização dos sistemas CAD, ficou muito fácil para usuários de cartografia carregarem um arquivo vetorial, oriundo de

Leia mais

Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs) no contexto do monitoramento agrícola Lúcio André de Castro Jorge

Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs) no contexto do monitoramento agrícola Lúcio André de Castro Jorge Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs) no contexto do monitoramento agrícola Lúcio André de Castro Jorge lacjorge@gmail.com VANTS NA AGRICULTURA Vantagens sobre aeronaves convencionais e satélites Custo

Leia mais

POTENCIALIDADES DO AEROLEVANTAMENTO NO MEIO URBANO

POTENCIALIDADES DO AEROLEVANTAMENTO NO MEIO URBANO POTENCIALIDADES DO AEROLEVANTAMENTO NO MEIO URBANO ANTONIO JORGEFURQUIM Eng. Cartógrafo http://fotosefotos.com AEROFOTOGRAMETRIA Voo Apoiado (GPS/IMU) AEROFOTOGRAMETRIA ADS 52 Câmera Digital Grande Formato

Leia mais

Georreferenciação direta rigorosa de imagens aéreas com GNSS e técnica de structure from motion

Georreferenciação direta rigorosa de imagens aéreas com GNSS e técnica de structure from motion Georreferenciação direta rigorosa de imagens aéreas com GNSS e técnica de structure from motion José Alberto GONÇALVES 1, Luísa BASTOS 2 e Wenlin YAN 1 1 Faculdade de Ciências da Universidade do Porto

Leia mais

Boas vindas!!! Webinar 10 Mitos Geo Resultados da Pesquisa 16 de julho de 2014

Boas vindas!!! Webinar 10 Mitos Geo Resultados da Pesquisa 16 de julho de 2014 Boas vindas!!! Webinar 10 Mitos Geo Resultados da Pesquisa 16 de julho de 2014 Dinâmica Webinar 10 Mitos Geo Resultados da Pesquisa 16 de julho de 2014 Arquivos & Certificados Webinar 10 Mitos Geo Resultados

Leia mais

Universidade do Estado de Santa Catarina Departamento de Engenharia Civil TOPOGRAFIA II. Profa. Adriana Goulart dos Santos

Universidade do Estado de Santa Catarina Departamento de Engenharia Civil TOPOGRAFIA II. Profa. Adriana Goulart dos Santos Universidade do Estado de Santa Catarina Departamento de Engenharia Civil TOPOGRAFIA II Profa. Adriana Goulart dos Santos Aerofotogrametria Fotogrametria é a ciência aplicada que se propõe a registrar,

Leia mais

Drones, modelos, usos e aplicações. Ailson Brito Santos Benedito José Santos Luciano Lisboa

Drones, modelos, usos e aplicações. Ailson Brito Santos Benedito José Santos Luciano Lisboa Drones, modelos, usos e aplicações Ailson Brito Santos Benedito José Santos Luciano Lisboa Apresentação Palestrantes O site de projetos benejsan (www.benejsan.com.br) O Grupo de desenvolvimento de software

Leia mais

Gerenciamento de Riscos em Projetos de Aerolevantamentos Etapa Captura de Dados (SAE Serviço Aéreo Especializado)

Gerenciamento de Riscos em Projetos de Aerolevantamentos Etapa Captura de Dados (SAE Serviço Aéreo Especializado) Gerenciamento de Riscos em Projetos de Aerolevantamentos Etapa Captura de Dados (SAE Serviço Aéreo Especializado) O Gerenciamento de Riscos é uma das áreas contidas no Gerenciamento de Projetos, e uma

Leia mais

EXPERIÊNCIAS EM FOTOGRAMETRIA COM VANT Terça-feira, 1 de Abril de 2014 08:48

EXPERIÊNCIAS EM FOTOGRAMETRIA COM VANT Terça-feira, 1 de Abril de 2014 08:48 EXPERIÊNCIAS EM FOTOGRAMETRIA COM VANT Terça-feira, 1 de Abril de 2014 08:48 1 comentário Eng. Manoel Silva Neto Departamento de Fotogrametria Mapeamento com VANT é amplamente aceito como um novo método

Leia mais

Eng. Luiz Dalbelo Gerente de Vendas Santiago & Cintra www.santiagoecintra.com.br. VANT e Suas Aplicações

Eng. Luiz Dalbelo Gerente de Vendas Santiago & Cintra www.santiagoecintra.com.br. VANT e Suas Aplicações Eng. Luiz Dalbelo Gerente de Vendas Santiago & Cintra www.santiagoecintra.com.br VANT e Suas Aplicações Soluções existentes Cobertura Pequena Baixa Aéreo e LIDAR VANT Alta Satélites Flexibilidade & Atualização

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º, DE 2015. (Do Senhor Otavio Leite)

PROJETO DE LEI N.º, DE 2015. (Do Senhor Otavio Leite) PROJETO DE LEI N.º, DE 2015 (Do Senhor Otavio Leite) Estabelece regras sobre o licenciamento e operação de veículos aéreos não tripulados (VANT s) e aeronaves remotamente pilotadas (ARP s), bem como os

Leia mais

TEL: (5521) 21016320 AFTN: SBRJYGYC FAX: (21) 21016198 VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS

TEL: (5521) 21016320 AFTN: SBRJYGYC FAX: (21) 21016198 VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS BRASIL DEPARTAMENTO DE CONTROLE DO ESPAÇO AÉREO SUBDEPARTAMENTO DE OPERAÇÕES AV GENERAL JUSTO, 160 2º AND. - CASTELO 20021-130-RIO DE JANEIRO RJ AIC N 21/10 23 SEP 2010 TEL: (5521) 21016320 AFTN: SBRJYGYC

Leia mais

SENSORIAMENTO REMOTO APLICADO AO CADASTRO URBANO

SENSORIAMENTO REMOTO APLICADO AO CADASTRO URBANO SENSORIAMENTO REMOTO APLICADO AO CADASTRO URBANO 04/04/2013 Leonardo Scharth Loureiro Silva Sumário 1 Fundamentos básicos de Sensoriamento Remoto 2 Levantamento aerofotogramétrico para fins de cadastro

Leia mais

Uso de Imagens de Satélite e VANT como Ferramenta de Gestão na Cultura da Cana de Açúcar

Uso de Imagens de Satélite e VANT como Ferramenta de Gestão na Cultura da Cana de Açúcar Uso de Imagens de Satélite e VANT como Ferramenta de Gestão na Cultura da Cana de Açúcar Luciano Rosolem Gerente Regional de Vendas luciano.rosolem@geoagri.com.br (65) 9683-9102 Julho de 2015 Necessidade

Leia mais

Um Mundo de Geotecnologias: Pesquisas, Tendências, Oportunidades

Um Mundo de Geotecnologias: Pesquisas, Tendências, Oportunidades Pesquisas Tendências Oportunidades Dinâmica Palestra (tela + áudio) Transmissão de Curitiba (PR) para Rio Claro (SP) e demais localidades Sessão de perguntas & respostas Interação através do chat e áudio

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º, DE 2015. (Do Senhor WILLIAM WOO)

PROJETO DE LEI N.º, DE 2015. (Do Senhor WILLIAM WOO) PROJETO DE LEI N.º, DE 2015 (Do Senhor WILLIAM WOO) Regulamenta a operação e licenciamento das Aeronaves Remotamente Pilotada (ARPs), drones ou multirotores, subcategoria dos Veículos Aéreos não Tripulados

Leia mais

Aplicação do sistema laser scanner aerotransportado para identificação de linhas de transmissão e atualização de plantas de perfil topográfico

Aplicação do sistema laser scanner aerotransportado para identificação de linhas de transmissão e atualização de plantas de perfil topográfico Anais XV Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, Curitiba, PR, Brasil, 30 de abril a 05 de maio de 2011, INPE p.5554 Aplicação do sistema laser scanner aerotransportado para identificação de

Leia mais

RETIFICAÇÃO DE IMAGENS AÉREAS DIGITAIS COM USO DE EFEMÉRIDES PRECISAS

RETIFICAÇÃO DE IMAGENS AÉREAS DIGITAIS COM USO DE EFEMÉRIDES PRECISAS RETIFICAÇÃO DE IMAGENS AÉREAS DIGITAIS COM USO DE EFEMÉRIDES PRECISAS WANDERLEY KAMPA RIBAS ÂNGELA KUGLER Esteio Engenharia e Aerolevantamentos S.A. Departamento de Levantamentos Terrestres e Departamento

Leia mais

Drone de mapeamento de nível topográfico

Drone de mapeamento de nível topográfico Drone de mapeamento de nível topográfico 3 motivos para escolher o ebee RTK 01. Precisão do nível topográfico Precisão absoluta do ortomosaico/modelo de elevação digital é de até 3 cm (1,2 polegadas)

Leia mais

INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS DO SISTEMA LASER

INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS DO SISTEMA LASER INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS DO SISTEMA LASER Leonardo Ercolin Filho Engefoto Engenharia e Aerolevantamentos S.A. Consultoria de Pesquisas e Tecnologias leonardoercolin@engefoto.com.br Fone: +55 41 3071 4252

Leia mais

Mídia KIT 2012 para Brasil e restante da América Latina Revistas, Internet e Eventos MundoGEO 1/5

Mídia KIT 2012 para Brasil e restante da América Latina Revistas, Internet e Eventos MundoGEO 1/5 Revistas, Internet e Eventos MundoGEO 1/5 > Publicidade na Revista MundoGEO IMPRESSA Tiragem : 6.000 exemplares/periodicidade (2012): Bimestral - Idioma: Português Revista MundoGEO: Sistemas de Informação

Leia mais

Projeto SAR-VANT Segmento Radar de Abertura Sintética

Projeto SAR-VANT Segmento Radar de Abertura Sintética Projeto SAR-VANT Segmento Radar de Abertura Sintética ORBISAT DA AMAZÔNIA IND. E AEROLEVANTAMENTO S.A. Palestrante: Dr. Karlus A.C. de Macedo OrbiSat Feira MundoGeo#Connect, 14 a 16 de Junho Centro de

Leia mais

Projeto VANT/DNPM Desafios e Novas Fronteiras para uso do VANT em atividades de fiscalização mineral

Projeto VANT/DNPM Desafios e Novas Fronteiras para uso do VANT em atividades de fiscalização mineral Projeto VANT/DNPM Desafios e Novas Fronteiras para uso do VANT em atividades de fiscalização mineral Cristina P. Bicho Coordenadora Projeto VANT/DNPM Departamento Nacional de Produção Mineral São Paulo,

Leia mais

Plataforma Integrada de Gestão e Accionamento de Cenários

Plataforma Integrada de Gestão e Accionamento de Cenários , Plataforma Integrada de Gestão e Accionamento de Cenários Cláudia Paixão A Ilha da Madeira apresenta um conjunto de riscos específicos entre os quais se destacam: Movimentação de Massas Cheias Rápidas

Leia mais

OPERAÇÃO DE VANT ASPECTOS RELACIONADOS COM A SEGURANÇA OPERACIONAL

OPERAÇÃO DE VANT ASPECTOS RELACIONADOS COM A SEGURANÇA OPERACIONAL OPERAÇÃO DE VANT ASPECTOS RELACIONADOS COM A SEGURANÇA OPERACIONAL Luiz Munaretto - - - - - - - - - - Anais do 5º Simpósio de Segurança de Voo (SSV 2012) Direitos Reservados - Página 330 de 1112 - - -

Leia mais

Drone AIR6 Aplicações na Área Pública

Drone AIR6 Aplicações na Área Pública Drone AIR6 Aplicações na Área Pública A mais conceituada fabricante de drones para uso profissional. Os drones da AIRBORNE ROBOTICS são fabricados na Áustria e oferecem voos automatizados para diversas

Leia mais

Consiste num sistema de recolha de dados de imagem e LIDAR (Light Detection and Ranging) montado num veículo

Consiste num sistema de recolha de dados de imagem e LIDAR (Light Detection and Ranging) montado num veículo O que é um Sistema de Mobile Mapping? Consiste num sistema de recolha de dados de imagem e LIDAR (Light Detection and Ranging) montado num veículo O que faz um Sistema de Mobile Mapping? Captura exata

Leia mais

Fotogrametria (definição clássica):

Fotogrametria (definição clássica): Fotogrametria (definição clássica): Pode ser definida como a Ciência, Arte e Tecnologia de se obterem Medidas dignas de confiança por meios de Fotografias É derivada de três palavras de origem grega que

Leia mais

Inovação no ar NEGÓCIOS

Inovação no ar NEGÓCIOS Inovação no ar Mercado de Veículos Aéreos Não Tripulados está em expansão no Brasil, abrindo espaço para empresas incubadas e graduadas desenvolverem novos produtos e serviços Para vigiar os passos de

Leia mais

Clique para editar os estilos do texto mestre

Clique para editar os estilos do texto mestre Clique para editar os estilos do texto mestre Segundo nível Terceiro nível Quarto nível» Quinto nível Organização Brasileira para o Desenvolvimento da Certificação Aeronáutica VANT NO BRASIL - MERCADO

Leia mais

Leica Geosystems HDS High Definition Surveying Inovação, Tecnologia e Precisão

Leica Geosystems HDS High Definition Surveying Inovação, Tecnologia e Precisão Leica Geosystems HDS High Definition Surveying Inovação, Tecnologia e Precisão Seminário Geomática nas Obras de Engenharia e Infraestrutura 27 de Outubro de 2011, São Paulo Irineu da Silva Miguel Menegusto

Leia mais

VANTs: a Revolução nos Levantamentos Aéreos. Eng. Luiz Dalbelo Gerente de Produtos Santiago & Cintra www.santiagoecintra.com.br

VANTs: a Revolução nos Levantamentos Aéreos. Eng. Luiz Dalbelo Gerente de Produtos Santiago & Cintra www.santiagoecintra.com.br VANTs: a Revolução nos Levantamentos Aéreos Eng. Luiz Dalbelo Gerente de Produtos Santiago & Cintra www.santiagoecintra.com.br Necessidade O que é necessário para tomada de decisão. O que o homem pode

Leia mais

Drone de mapeamento profissional

Drone de mapeamento profissional Drone de mapeamento profissional 4 razões para escolher o ebee 01. Mais mapas e maior precisão O ebee cobre até 12 km 2 (4,6 mi 2 ) em um único voo, enquanto que, voos sobre áreas menores e com baixa

Leia mais

UTILIZAÇÃO DA TECNOLOGIA LIDAR EM PROJETOS DE ENGENHARIA DE INFRAESTRUTURA VIÁRIA

UTILIZAÇÃO DA TECNOLOGIA LIDAR EM PROJETOS DE ENGENHARIA DE INFRAESTRUTURA VIÁRIA XI CONGRESSO NACIONAL Y VIII LATINOAMERICANO DE AGRIMENSURA UTILIZAÇÃO DA TECNOLOGIA LIDAR EM PROJETOS DE ENGENHARIA DE INFRAESTRUTURA VIÁRIA Eng. Cart. Bruno da Cunha Bastos (1) Eng. Cart. MSc. Leonardo

Leia mais

Dados para mapeamento

Dados para mapeamento Dados para mapeamento Existem dois aspectos com relação aos dados: 1. Aquisição dos dados para gerar os mapas 2. Uso do mapa como fonte de dados Os métodos de aquisição de dados para o mapeamento divergem,

Leia mais

IMPORTÂNCIA DE DETALHAMENTO DE PROJETOS EM OBRAS QUE UTILIZAM MND. ESTEIO - Engenharia e Aerolevantamentos Eng. Marcos de Castro Leal

IMPORTÂNCIA DE DETALHAMENTO DE PROJETOS EM OBRAS QUE UTILIZAM MND. ESTEIO - Engenharia e Aerolevantamentos Eng. Marcos de Castro Leal IMPORTÂNCIA DE DETALHAMENTO DE PROJETOS EM OBRAS QUE UTILIZAM MND ESTEIO - Engenharia e Aerolevantamentos Eng. Marcos de Castro Leal Histórico APRESENTAÇÃO Fundada em 1969, a ESTEIO Engenharia e Aerolevantamentos

Leia mais

USO DE VANTs EM DOCUMENTAÇÃO ARQUITETÔNICA

USO DE VANTs EM DOCUMENTAÇÃO ARQUITETÔNICA USO DE VANTs EM DOCUMENTAÇÃO ARQUITETÔNICA Arivaldo Leão de Amorim (a) LCAD / Faculdade de Arquitetura / UFBA Lenildo Santos da Silva (b) Evangelos Dimitrios Christakou (c) Departamento de Engenharia Civil

Leia mais

Cobertura Fotogramétrica com uma Câmara Digital

Cobertura Fotogramétrica com uma Câmara Digital Cobertura Fotogramétrica com uma Câmara Digital Instituto Geográfico Português Direcção-Geral dos Recursos Florestais Paulo Patrício Inventário Florestal Nacional A Direcção-Geral dos Recursos Florestais

Leia mais

Enquadramento de coberturas de base LiDAR na produção de informação geográfica. Nome: Armindo das Neves Estereofoto, Geoengenharia, SA

Enquadramento de coberturas de base LiDAR na produção de informação geográfica. Nome: Armindo das Neves Estereofoto, Geoengenharia, SA Enquadramento de coberturas de base LiDAR na produção de informação geográfica Nome: Armindo das Neves Estereofoto, Geoengenharia, SA Sumário Enquadramento do LiDAR na produção de informação geográfica;

Leia mais

ORTOFOTOCARTAS DIGITAIS E GEOPROCESSAMENTO EM RODOVIAS

ORTOFOTOCARTAS DIGITAIS E GEOPROCESSAMENTO EM RODOVIAS ORTOFOTOCARTAS DIGITAIS E GEOPROCESSAMENTO EM RODOVIAS Furquim, Maysa P.O. de; Sallem F., Silas ESTEIO Engenharia e Aerolevantamentos S.A. Rua Dr. Reynaldo Machado, 1.151 - Bairro Prado Velho 80215-242

Leia mais

O USO DE VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS (VANTS) EM APLICAÇÕES DE MAPEAMENTO AEROFOTOGRAMÉTRICO

O USO DE VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS (VANTS) EM APLICAÇÕES DE MAPEAMENTO AEROFOTOGRAMÉTRICO O USO DE VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS (VANTS) EM APLICAÇÕES DE MAPEAMENTO AEROFOTOGRAMÉTRICO 1 Edson Mitishita 2 José Eduardo 1 Niarkius de Graça 1 Jorge Centeno 1 Álvaro Machado 1 Programa de Pós-Graduação

Leia mais

XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA USO DE VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS PARA MONITORAMENTO AMBIENTAL

XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA USO DE VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS PARA MONITORAMENTO AMBIENTAL XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA GIA XX 22 a 25 Novembro de 2009 Recife - PE GRUPO -XI GRUPO DE ESTUDO DE IMPACTOS AMBIENTAIS- GIA USO DE VEÍCULOS AÉREOS NÃO TRIPULADOS

Leia mais

Soluções em Imagens da Terra para Uso. Cooporativo TÍTULO APRESENTAÇÃO. aplicações do mapeamento 3D a partir de

Soluções em Imagens da Terra para Uso. Cooporativo TÍTULO APRESENTAÇÃO. aplicações do mapeamento 3D a partir de Soluções em Imagens da Terra para Uso TÍTULO APRESENTAÇÃO Cooporativo CURITIBA MÊS / 2010 Novas aplicações do mapeamento 3D a partir de laser imagens Marco Antônio Néia CONCEITOS Tecnologia: LASER (Light

Leia mais

SEMINÁRIO SOBRE SEGURANÇA E EFICÁCIA DE HELIPONTOS. Visão geral sobre a operação de helicópteros no espaço aéreo brasileiro

SEMINÁRIO SOBRE SEGURANÇA E EFICÁCIA DE HELIPONTOS. Visão geral sobre a operação de helicópteros no espaço aéreo brasileiro SEMINÁRIO SOBRE SEGURANÇA E EFICÁCIA DE HELIPONTOS Visão geral sobre a operação de helicópteros no espaço aéreo brasileiro ROTEIRO Operação em Plataformas Petrolíferas Corredores de Helicópteros Procedimentos

Leia mais

LASER Aerotransportado e sua aplicação na geomorfologia. Fabrício Fonseca Pereira Hein ¹ Lucas de Pelli Senes ² Christiam Lendiuk Carneiro ³

LASER Aerotransportado e sua aplicação na geomorfologia. Fabrício Fonseca Pereira Hein ¹ Lucas de Pelli Senes ² Christiam Lendiuk Carneiro ³ LASER Aerotransportado e sua aplicação na geomorfologia Fabrício Fonseca Pereira Hein ¹ Lucas de Pelli Senes ² Christiam Lendiuk Carneiro ³ 1,2,3 Universidade Federal do Paraná UFPR Curitiba PR - Brasil,

Leia mais

PERFILAMENTO A LASER. 10 anos de Evolução... Amauri A. Brandalize amauri@esteio.com.br

PERFILAMENTO A LASER. 10 anos de Evolução... Amauri A. Brandalize amauri@esteio.com.br PERFILAMENTO A LASER 10 anos de Evolução... Amauri A. Brandalize amauri@esteio.com.br Conteúdo Introdução Mundo ALS Mercado ALS Evolução Unidades Produzidas Equipamentos ALS ALS na Internet Comitê ASPRS

Leia mais

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS

INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS INSTRUÇÃO SUPLEMENTAR IS IS N o 91-002 Aprovação: Portaria nº 2471/SPO, de 17 de setembro de 2015. Assunto: Uso de informação aeronáutica em formato digital - Electronic Flight Bag (EFB). Origem: SPO 1.

Leia mais

O SITE CICLOVIAS DE CURITIBA, DO PLANEJAMENTO A EXECUÇÃO.

O SITE CICLOVIAS DE CURITIBA, DO PLANEJAMENTO A EXECUÇÃO. O SITE CICLOVIAS DE CURITIBA, DO PLANEJAMENTO A EXECUÇÃO. INTRODUÇÃO Criar um site sobre as ciclovias da cidade de Curitiba. A idéia surgiu no ano de 2010 a partir de uma conversa entre alguns colaboradores

Leia mais

A Utilização de Veículos Aéreos Não Tripulados para a realização de Modelos Digitais de Terreno. Caso de Estudo do Alto Hama.

A Utilização de Veículos Aéreos Não Tripulados para a realização de Modelos Digitais de Terreno. Caso de Estudo do Alto Hama. A Utilização de Veículos Aéreos Não Tripulados para a realização de Modelos Digitais de Terreno. Caso de Estudo do Alto Hama. Arnaldo Gonçalves 1 ; Hugo Pinto 2 ; Jorge Costa 2 1 MAC-PC Projetistas e Consultores,

Leia mais

Veículos aéreos não tripulados: panorama atual e perspectivas para o monitoramento de atividades ilícitas na Amazônia

Veículos aéreos não tripulados: panorama atual e perspectivas para o monitoramento de atividades ilícitas na Amazônia Veículos aéreos não tripulados: panorama atual e perspectivas para o monitoramento de atividades ilícitas na Amazônia Eristelma Teixeira de Jesus Barbosa Silva Centro Gestor e Operacional do Sistema de

Leia mais

FOTOGRAMETRIA DIGITAL. Rogério Mercandelle Santana Universidade Federal de Viçosa Departamento de Solos

FOTOGRAMETRIA DIGITAL. Rogério Mercandelle Santana Universidade Federal de Viçosa Departamento de Solos FOTOGRAMETRIA DIGITAL Rogério Mercandelle Santana Universidade Federal de Viçosa Departamento de Solos O que é Fotogrametria? A Fotogrametria é, segundo a American Society for Photogrammetry and Remote

Leia mais

O relatório deverá ser preenchido e enviado para o e-mail relatorio.semestral@anac.gov.br. Para que serve o sistema de envio de relatório semestral?

O relatório deverá ser preenchido e enviado para o e-mail relatorio.semestral@anac.gov.br. Para que serve o sistema de envio de relatório semestral? O relatório deverá ser preenchido e enviado para o e-mail relatorio.semestral@anac.gov.br. Para que serve o sistema de envio de relatório semestral? O sistema de envio de relatório semestral tem por finalidade

Leia mais

Desenvolver a capacidade do estudante de realizar projetos de design visual gráfico relacionados ao edifício e à cidade.

Desenvolver a capacidade do estudante de realizar projetos de design visual gráfico relacionados ao edifício e à cidade. AUP0340 PROJETO VISUAL GRÁFICO 2 o Semestre de 2015 Docente Profa. Dra. Daniela Kutschat Hanns Horaŕio Quartas-feiras,14:00 18:00 Cre ditos : 4 Créditos Trabalho: 1 Tipo: Semestral Ementa Desenvolver a

Leia mais

MODERNAS TECNOLOGIAS PARA COLETA DE INFORMAÇÕES ESPACIAIS. Antonio Maria Garcia Tommaselli 1

MODERNAS TECNOLOGIAS PARA COLETA DE INFORMAÇÕES ESPACIAIS. Antonio Maria Garcia Tommaselli 1 MODERNAS TECNOLOGIAS PARA COLETA DE INFORMAÇÕES ESPACIAIS Antonio Maria Garcia Tommaselli 1 Abstract: The aim of this paper is to present the current status of the sensors for spatial data acquisition

Leia mais

VANT NAURU 500. Aspectos técnicos da aeronave, voo e processamento de dados

VANT NAURU 500. Aspectos técnicos da aeronave, voo e processamento de dados VANT NAURU 500 Aspectos técnicos da aeronave, voo e processamento de dados Objetivos da apresentação Fornecer informações básicas sobre o sistema NAURU 500, as possibilidades de aplicações e alternativas

Leia mais

* Subcomissão Permanente CMACOPOLIM. Carlos Eduardo M.S. Pellegrino Brasília, 07 de junho de 2011

* Subcomissão Permanente CMACOPOLIM. Carlos Eduardo M.S. Pellegrino Brasília, 07 de junho de 2011 Apresentação ao Senado Federal Audiência Pública Conjunta das Comissões de * Serviços de Infraestrutura * Desenvolvimento Regional e Turismo * Assuntos Econômicos * Meio Mi Ambiente, Df Defesa do Consumidor

Leia mais

MÓDULO 12 HELIPORTOS Cláudio Jorge Pinto Alves (versão: 16/05/2014)

MÓDULO 12 HELIPORTOS Cláudio Jorge Pinto Alves (versão: 16/05/2014) MÓDULO 12 HELIPORTOS Cláudio Jorge Pinto Alves (versão: 16/05/2014) 1 - INTRODUÇÃO O grande desenvolvimento verificado atualmente no transporte aéreo através de helicópteros tem como razões: as facilidades

Leia mais

Benefícios das Ortofotos Geradas a Partir das Imagens da ADS40 com Sensor SH52

Benefícios das Ortofotos Geradas a Partir das Imagens da ADS40 com Sensor SH52 Benefícios das Ortofotos Geradas a Partir das Imagens da ADS40 com Sensor SH52 Abstract As câmeras aéreas digitais são a mais avançada tecnologia de precisão para obtenção de imagens aerofotogramétricas.

Leia mais

Da Prancheta ao Computador...

Da Prancheta ao Computador... Da Prancheta ao Computador... Introdução Como necessidade básica de se localizar ou mesmo para detalhar projetos de quaisquer obras, ao longo do tempo inúmeras formas de representar paisagens e idéias

Leia mais

CAPÍTULO I INTRODUÇÃO 1.1 FOTOGRAMETRIA

CAPÍTULO I INTRODUÇÃO 1.1 FOTOGRAMETRIA CAPÍTULO I INTRODUÇÃO 1.1 FOTOGRAMETRIA O termo fotogrametria deriva das palavras gregas photos, que significa luz, gramma, que significa algo desenhado ou escrito e metron, que significa "medir". Portanto,

Leia mais

IMAGENS AÉREAS Sensores Aerotransportados

IMAGENS AÉREAS Sensores Aerotransportados IMAGENS AÉREAS Sensores Aerotransportados Fernando Dias Valther Xavier Aguiar Eng. Cartógrafos ESTEIO S.A. Sensores Aerotransportados u Sensor instalado a bordo de Aeronave, VANT, Balão ou outro veículo.

Leia mais

rgdrones.pt ACADEMIA DE CAPTAÇÃO DE IMAGEM AÉREA COM DRONES ACADEMIA DE PILOTAGEM CURSO rgdrones.pt

rgdrones.pt ACADEMIA DE CAPTAÇÃO DE IMAGEM AÉREA COM DRONES ACADEMIA DE PILOTAGEM CURSO rgdrones.pt 1 COM 1 ACADEMIA ACADEMIA DE PILOTAGEM Esta formação é dirigida a estudantes e profissionais que pretendam experimentar voar com drones e desenvolver aptidões de pilotagem de drones e captação de vídeo

Leia mais

Fórum de Logística Perspectivas para 2014 25/02/2014

Fórum de Logística Perspectivas para 2014 25/02/2014 Fórum de Logística Perspectivas para 2014 25/02/2014 David Barioni Neto Mar/10 a Jun/11: Presidente Executivo (CEO) da Facility Group S.A. Nov/07 a Out/09: Presidente Executivo (CEO) da TAM Linhas Aéreas

Leia mais

Os mais votados no prêmio MundoGEO#Connect LatinAmerica 2012

Os mais votados no prêmio MundoGEO#Connect LatinAmerica 2012 Veículo: Mundo Geo Data: 23/05/2012 Pág: Online Os mais votados no prêmio MundoGEO#Connect LatinAmerica 2012 O MundoGEO#Connect LatinAmerica 2012, maior e mais importante encontro do setor de geotecnologia

Leia mais

Aerotriangulação com parâmetros adicionais utilizando imagens de uma plataforma VANT

Aerotriangulação com parâmetros adicionais utilizando imagens de uma plataforma VANT Aerotriangulação com parâmetros adicionais utilizando imagens de uma plataforma VANT Kelly Cristine Alvares Lima 1 Paula Debiasi 1 Sady Junior Martins da Costa de Menezes 1 1 Curso de Pós-Graduação em

Leia mais

II Seminário sobre Referencial Geocêntrico no Brasil

II Seminário sobre Referencial Geocêntrico no Brasil II Seminário sobre Referencial Geocêntrico no Brasil PMRG - Projeto Mudança do Referencial Geodésico RESUMO DOS PAINÉIS 1, 2 e 3 Perguntas: PAINEL 1: IMPACTOS NO MAPEAMENTO TOPOGRÁFICO SISTEMÁTICO Quais

Leia mais

ANÁLISE DA QUALIDADE DOS MODELOS DIGITAIS DE TERRENO E DE SUPERFÍCIE DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE

ANÁLISE DA QUALIDADE DOS MODELOS DIGITAIS DE TERRENO E DE SUPERFÍCIE DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE ANÁLISE DA QUALIDADE DOS MODELOS DIGITAIS DE TERRENO E DE SUPERFÍCIE DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE Rafael Pereira Zanardi, Alberto Henrique Schneider, Christiane Silva Salomoni, Douglas Schmatz Mallmann

Leia mais

Sistema de Aeronaves Remotamente Pilotadas Multiplataforma para Inspeção de Linhas de Transmissão

Sistema de Aeronaves Remotamente Pilotadas Multiplataforma para Inspeção de Linhas de Transmissão Sistema de Aeronaves Remotamente Pilotadas Multiplataforma para Inspeção de Linhas de Transmissão Willian Ramires Pires Bezerra Companhia Hidro Elétrica do São Francisco Chesf Geraldo José Adabo Instituto

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS WEBINAR DO DIA 12/03/2013

PERGUNTAS E RESPOSTAS WEBINAR DO DIA 12/03/2013 PERGUNTAS E RESPOSTAS WEBINAR DO DIA 12/03/2013 Pergunta: "Com respeito ao pouso, foi dito que o pouso é realizado com a intervenção de um "piloto". Isso quer dizer que o pouso é realizado através de um

Leia mais

SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE

SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE Prof. Luciene Delazari Grupo de Pesquisa em Cartografia e SIG da UFPR SIG Aplicado ao Meio Ambiente - 2011 GA020- SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE Prof. Luciene S. Delazari -

Leia mais

Panorama do Sistema de Automação Topográfica - POSIÇÃO

Panorama do Sistema de Automação Topográfica - POSIÇÃO Panorama do Sistema de Automação Topográfica - POSIÇÃO MundoGEO#Connect LatinAmerica 2013 18 a 20 de Junho São Paulo Brasil Apresentado por: Danilo Sidnei dos Santos Gerente e Desenvolvedor do Posição

Leia mais

Todos os Direitos Reservados. Copyright 2012, ESTEIO Engenharia e Aerolevantamentos S.A. Este conteúdo foi elaborado pelo corpo técnico da empresa.

Todos os Direitos Reservados. Copyright 2012, ESTEIO Engenharia e Aerolevantamentos S.A. Este conteúdo foi elaborado pelo corpo técnico da empresa. POTENCIALIDADE DO AEROLEVANTAMENTO NO MEIO URBANO A. Mapeamento e Cadastro de Belo Horizonte Contrato PMBH - ESTEIO - Cadastro 2011 Todos os Direitos Reservados. Copyright 2012, ESTEIO Engenharia e Aerolevantamentos

Leia mais

O MQ-8C está pronto para voar

O MQ-8C está pronto para voar O MQ-8C está pronto para voar O Fire Scout provou-se em numerosos desdobramentos operacionais, apoiando tropas no Afeganistão, demonstrando durante testes capacidade de mobilização rápida de armamento

Leia mais

Leica TPS400 Series Fácil de usar, rápida e confiável! Tecnologia PinPoint

Leica TPS400 Series Fácil de usar, rápida e confiável! Tecnologia PinPoint Leica TPS400 Series Fácil de usar, rápida e confiável! Tecnologia PinPoint Leica TPS400 Series A solução perfeita para o seu levantamento topográfico Nenhum equipamento topográfico é mais simples de usar

Leia mais

Clique para editar os estilos do texto mestre

Clique para editar os estilos do texto mestre Clique para editar os estilos do texto mestre Realização Segundo nível Terceiro nível Quarto nível» Quinto nível Organização Brasileira para o Desenvolvimento da Certificação Aeronáutica Apoio Patrocínio

Leia mais

AVALIAÇÃO DA EXATIDÃO ALTIMÉTRICA DE DADOS OBTIDOS POR PERFILAMENTO LASER AEROTRANSPORTADO EM ÁREAS DE MINERAÇÃO E RODOVIAS

AVALIAÇÃO DA EXATIDÃO ALTIMÉTRICA DE DADOS OBTIDOS POR PERFILAMENTO LASER AEROTRANSPORTADO EM ÁREAS DE MINERAÇÃO E RODOVIAS AVALIAÇÃO DA EXATIDÃO ALTIMÉTRICA DE DADOS OBTIDOS POR PERFILAMENTO LASER AEROTRANSPORTADO EM ÁREAS DE MINERAÇÃO E RODOVIAS Ronaldo Aparecido de Oliveira, MSc. ENGEFOTO Engenharia e Aerolevantamentos S.A.

Leia mais

PPP: uma alternativa rápida, precisa e econômica para o planejamento territorial

PPP: uma alternativa rápida, precisa e econômica para o planejamento territorial PPP: uma alternativa rápida, precisa e econômica para o planejamento territorial P.C.L. Segantine, M. Menzori Escola de Engenharia de São Carlos EESC/USP seganta@sc.usp.br RESUMO Os últimos anos têm sido

Leia mais

Gestão de operações aeroportuárias: Controle do espaço aéreo e auxílios à navegação

Gestão de operações aeroportuárias: Controle do espaço aéreo e auxílios à navegação Gestão de operações aeroportuárias: Controle do espaço aéreo e auxílios à navegação Designação de Aerovias ROTAS CONTINENTAIS: São aerovias traçadas sobre o continente ligando pontos e/ou auxílios de

Leia mais

3 Tendências Mundiais

3 Tendências Mundiais 3 Tendências Mundiais Sérgio Gomes Tôsto André Luiz dos Santos Furtado Cristina Aparecida Gonçalves Rodrigues Édson Luis Bolfe Mateus Batistella Daniel de Castro Victoria 66 Qual é o cenário para as geotecnologias,

Leia mais

Geotecnologia e Sustentabilidade. Por Eduardo Freitas Oliveira

Geotecnologia e Sustentabilidade. Por Eduardo Freitas Oliveira Geotecnologia e Sustentabilidade Por Eduardo Freitas Oliveira Sustentabilidade??? Wikipedia (25 de outubro de 2009): Sustentabilidade é um conceito sistêmico, relacionado com a continuidade dos aspectos

Leia mais

PROGRAMA ESPACIAL BRASILEIRO. Camila Maria Sitko (ICV-UNICENTRO), Eduardo Vicentini (Orientador), e- mail: camilasitko@yahoo.com.br.

PROGRAMA ESPACIAL BRASILEIRO. Camila Maria Sitko (ICV-UNICENTRO), Eduardo Vicentini (Orientador), e- mail: camilasitko@yahoo.com.br. PROGRAMA ESPACIAL BRASILEIRO Camila Maria Sitko (ICV-UNICENTRO), Eduardo Vicentini (Orientador), e- mail: camilasitko@yahoo.com.br. Universidade Estadual do Centro-Oeste, Setor de Ciências Exatas e de

Leia mais

Realização Apoio Patrocínio 3 G A AAé Caxias do Sul Criação da Unidade de Artilharia Antiaérea, em 1950. Inicialmente estes alvos eram fornecidos pela FAB. Os B25 rebocavam um alvo chamado Biruta. 1972:

Leia mais

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO GEOPROCESSAMENTO. Introdução ao Geoprocessamento. Conceitos básicos 18/06/2015. Conceitos básicos

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO GEOPROCESSAMENTO. Introdução ao Geoprocessamento. Conceitos básicos 18/06/2015. Conceitos básicos GEOPROCESSAMENTO INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO Prof. Esp. André Aparecido da Silva Introdução ao Geoprocessamento Conceitos básicos Conceitos básicos Componentes de um SIG Entrada de Dados em Geoprocessamento

Leia mais

PROCEDIMENTO E CONTRATO DE RESERVA DE POSIÇÃO PARA AQUISIÇÃO DA AERONAVE KRONOS 315

PROCEDIMENTO E CONTRATO DE RESERVA DE POSIÇÃO PARA AQUISIÇÃO DA AERONAVE KRONOS 315 PROCEDIMENTO E CONTRATO DE RESERVA DE POSIÇÃO PARA AQUISIÇÃO DA AERONAVE KRONOS 315 Reserva nº - Passo 1: Como reservar sua posição de entrega KRONOS 315. Com projeto de desenvolvimento e construção em

Leia mais

AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE ALTERNATIVAS DE TRAÇADO DE DUTOS TERRESTRES

AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE ALTERNATIVAS DE TRAÇADO DE DUTOS TERRESTRES AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE ALTERNATIVAS DE TRAÇADO DE DUTOS TERRESTRES Guilherme Mendonça da Cunha (PETROBRAS), Giovani Schifino Dellamea, Renato Fernandes, Wilson José de Oliveira. RESUMO Este Trabalho apresenta

Leia mais

GERAÇÃO DE MAPAS DIGITAIS E MODELOS TRIDIMENSIONAIS DE SUPERFÍCIES. Manoel Silva Neto Engenheiro Cartógrafo

GERAÇÃO DE MAPAS DIGITAIS E MODELOS TRIDIMENSIONAIS DE SUPERFÍCIES. Manoel Silva Neto Engenheiro Cartógrafo GERAÇÃO DE MAPAS DIGITAIS E MODELOS TRIDIMENSIONAIS DE SUPERFÍCIES Manoel Silva Neto Engenheiro Cartógrafo Com um novo conceito enraizado na inovação, a Droneng busca integrar a multidisciplinaridade no

Leia mais