A EBSERH e os Recursos Humanos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A EBSERH e os Recursos Humanos"

Transcrição

1 Informativo do Hospital das Clínicas da UFMG - Janeiro de 2013 ano XVIII n 288 Boletim do HC Foto: Arquivo Assessoria de Comunicação do HC/UFMG A EBSERH e os Recursos Humanos Esclareça as suas dúvidas sobre as propostas da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) para a gestão de recursos humanos no HC/UFMG

2 A gestão de recursos humanos no HC/UFMG Com o objetivo de esclarecer a comunidade hospitalar sobre a gestão de recursos humanos no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais (HC/UFMG), sob a administração da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), o professor Antonio Luiz Pinho Ribeiro, concedeu uma entrevista à equipe do Boletim do HC. Dentre as questões abordadas estão: situação dos funcionários da Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep) e dos servidores da UFMG na administração da EBSERH; nomeações e remanejamentos de funcionários; realização de concurso público para substituição de pessoal; entre outras informações. O conteúdo abordado nesta edição está pautado na Lei nº , que cria a EBSERH, no Decreto n 7.661/2011, que regulamenta o seu estatuto social e no modelo de contrato estabelecido entre a Empresa e as Instituições de Ensino Federais. O Seminário A EBSERH e os Hospitais Universitários, realizado pelo HC/UFMG, em maio de 2012, com a finalidade de debater a atuação da Empresa na administração do Hospital, também foi utilizado como base para as informações desta edição especial do Boletim do HC. A dinâmica de trabalho no Hospital sofrerá transformações após a assinatura do contrato com a Empresa e há grandes inquietações por parte dos funcionários do Hospital, quanto à configuração do quadro de pessoal, remunerações e gratificações, durante a nova gestão. Assim, a direção busca transmitir ao contingente de pessoal de todo o complexo hospitalar, por meio deste veículo, informações oficiais sobre as implicações que ocorrerão na gestão de recursos humanos. Observações a respeito desse informativo podem ser feitas através do Entrevista Antonio Luiz Pinho Ribeiro Diretor Geral do Hospital das Clínicas da UFMG Boletim HC Como estão as negociações entre a Universidade e a EBSERH? Diretor Neste momento estamos na fase do Diagnóstico Situacional do Hospital. Foi realizado um levantamento do patrimônio, dos serviços oferecidos, da nossa capacidade instalada, de todos os credenciamentos, da programação de expansão e das necessidades de investimentos e adequações físicas. Em relação aos Recursos Humanos foi feito um levantamento para a atualização de cargos e funções dos profissionais existentes nos diversos setores do Hospital, bem como das necessidades de pessoal, levandose em conta as vagas não repostas, as exigências legais e os profissionais com restrição médica ou administrativa e que se encontram em desvio de função. De sua parte, os técnicos da EBSERH fizeram uma proposta de dimensionamento de pessoal de Foto: Arquivo Assessoria de Comunicação HC/UFMG 2

3 acordo com parâmetros técnicos e levando em conta o número de leitos gerais e de CTI, o número de consultas e de atendimentos de urgência. O momento é de negociação e busca do consenso para o fechamento do quantitativo de pessoal. Este levantamento, juntamente com a Minuta de Contrato de Adesão, serão submetidos à apreciação e aprovação no Conselho Diretor do Hospital e no Conselho Universitário da UFMG. A previsão é que isso seja feito em março de Boletim HC A constituição do atual quadro de funcionários do HC/UFMG, cargos e funções existentes, será mantida na administração da EBSERH? Diretor Atualmente, a Vice- Diretoria de Recursos Humanos (VDRH) do Hospital, a Vice- Diretoria Técnica de Enfermagem e Assessoria de Planejamento, em parceira com as Unidades Funcionais, realizam estudo sobre o dimensionamento de recursos humanos no intuito de prover a EBSERH de informações sobre a necessidade da força de trabalho e manutenção dos serviços e setores do hospital. Este dimensionamento permitirá à EBSERH realizar concurso público para a substituição gradativa dos trabalhadores e preenchimento de vagas necessárias para a manutenção da qualidade dos serviços prestados. O cargo dos profissionais com vínculo estatutário que permanecerem trabalhando no hospital está assegurado, ou seja, o servidor médico permanecerá atuando no hospital como médico, ou o servidor com o cargo de assistente em administração continuará atuando como tal. Qualquer mudança ou remanejamento será feito respeitando o cargo de origem do servidor. O profissional com vínculo pela Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep) permanecerá no hospital durante o período de transição também em seu cargo de origem. A substituição destes profissionais e seus respectivos cargos se darão conforme o Plano de Cargos, Carreiras e Salários da EBSERH (da estrutura hierárquica e das funções comissionadas). A EBSERH apresentou proposta para avaliação da Diretoria e futuras negociações sobre o assunto serão realizadas. Qualquer mudança ou remanejamento será feito respeitando o cargo de origem do servidor. Boletim HC Como fica a situação dos funcionários da Fundep com a EBSERH? Diretor Para fins de implantação, a EBSERH está autorizada a contratar mediante processo seletivo simplificado, pessoal técnico e administrativo. Essas contratações estão previstas na Lei nº 4748/2003 e compreendem, obrigatoriamente, prova escrita e, facultativamente, análise de currículo. Isso significa que poderá haver uma seleção pública para a substituição, no caso do HC/UFMG, dos funcionários contratados pela Fundep. Na hipótese do processo seletivo simplificado, a qualificação, a experiência e o tempo de serviço prestado no Hospital poderão ser pontuados. Os contratos estabelecidos via seleção simplificada poderão ser prorrogados uma única vez, desde que a soma dos dois períodos não ultrapasse a vigência de cinco anos, subsequentes à assinatura do contrato com a Universidade. Após este período, a Empresa deve realizar concurso público para regularizar a situação e constituir o quadro permanente de funcionários. Existe ainda a possibilidade, em negociação entre EBSERH e Representação Sindical, de que não haja a contratação provisória, ou seja, de só haver o concurso definitivo para a composição do quadro permanente de pessoal. Neste caso, ficam mais restritas as possibilidades de valorização do pessoal hoje, contratado via Fundação. De qualquer forma, está sendo estudada a melhor maneira, dentro dos limites legais, de valorização e consequente permanência do pessoal hoje contratado. Isto é bom para o Hospital e é justo para com esses trabalhadores. Boletim HC E quando será divulgado o edital para a seleção simplificada, se houver, ou para o concurso público no Hospital das Clínicas da UFMG? Diretor Ainda não há previsão para a publicação do edital. A expectativa é de que a data para o concurso ou processo seletivo seja definida após a assinatura do contrato entre a EBSERH e a UFMG. Boletim HC Os servidores da UFMG, lotados no HC/UFMG, serão removidos para fora do hospital? Em quais condições isso ocorrerá? Diretor A permanência, ou saída, dos servidores da UFMG no Hospital das Clínicas está condicionada ao interesse e critérios da Administração da UFMG e do HC, conforme estabelecido pelo Regime Jurídico Único (RJU). Os servidores com cargos relacionados diretamente à assistência, como por exemplo, os cargos de médico, enfermeiro, técnico de laboratório etc, deverão permanecer vinculados ao hospital por não haver a possibilidade de serem todos remanejados para unidades acadêmicas ou órgãos 3

4 administrativos da Universidade. Em função dos diversos interesses envolvendo os servidores, a EBSERH e a UFMG, a proposta do HC é de analisar as diversas situações e equalizar as ações de forma a atender ao interesse individual sem prejuízo das instituições envolvidas. Os servidores com cargos relacionados diretamente à assistência, como por exemplo, os cargos de médico, enfermeiro, técnico de laboratório etc, deverão permanecer vinculados ao hospital por não haver a possibilidade de serem todos remanejados para unidades acadêmicas ou órgãos administrativos da Universidade. Boletim do HC Para os servidores em cargos não relacionados diretamente com a assistência, haverá a opção de saída do HC? Em caso de remoção, o servidor poderá escolher a unidade da UFMG que deseja trabalhar? Diretor Para os cargos não assistenciais, os servidores serão ouvidos quanto ao seu interesse de permanecer ou não no Hospital. Caso faça a opção de sair, serão encaminhados ao Departamento de Desenvolvimento de Recursos Humanos da Universidade para sua alocação em outra Unidade. A remoção, de acordo com a prática atual, possui critérios estabelecidos pela Pró-Reitoria de Recursos Humanos e deverão ser mantidos durante a transição da gestão EBSERH. As remoções praticadas hoje são condicionadas a existências de vagas nas Unidades Acadêmicas e demais Órgãos da Administração, avaliação de perfil e conforme a necessidade de adequação da força de trabalho na UFMG. É preciso lembrar também que os servidores somente serão liberados após a chegada dos novos concursados pela Empresa. Boletim HC Alguns cargos do serviço público foram extintos conforme legislação vigente. Como se dará o processo de remoção dos servidores que fizeram concurso para cargos que hoje estão extintos (tais como ascensorista, motorista, telefonista, porteiro, vigilante etc) para outras unidades da UFMG? Diretor A proposta da EBSERH é de preencher todos os postos de trabalho relacionados aos cargos extintos através de processo de terceirização. Também é proposta da EBSERH não ter em sua gestão a prática do desvio de função. Estas duas prerrogativas nos levam a crer que os servidores em cargos extintos serão removidos para outras unidades. Mas o assunto ainda necessita de maiores As remoções praticadas hoje são condicionadas a existências de vagas nas Unidades Acadêmicas e demais Órgãos da Administração, avaliação de perfil e conforme a necessidade de adequação da força de trabalho na UFMG. esclarecimentos. A proposta do Hospital é que os servidores que estão no exercício do seu cargo, mesmo que extinto, permaneçam no Hospital, de acordo com os critérios usados para os demais cargos. Boletim HC Quais as vantagens e desvantagens para o Servidor que optar pela sua permanência no HC? Os servidores da UFMG terão as mesmas remunerações e gratificações praticadas para os servidores concursados pela EBSERH? Caso os salários dos servidores da UFMG sejam mais baixos, haverá alguma compensação? Diretor Não está prevista a equiparação salarial entre os servidores da UFMG e os funcionários da EBSERH. Os servidores continuam submetidos ao Plano de Cargos e Salários e ao RJU. A EBSERH oportunizará aos servidores públicos que permanecerem em exercício no Hospital, a opção pelo Plano de Benefícios da Empresa, caso este seja mais favorável. O que está publicado atualmente em termos de benefícios é: auxílio-alimentação no valor de R$ 423,00, incidindo desconto de 1% deste valor nos proventos dos empregados; auxílio pré-escolar de R$ 138,00, por dependente legal, até os seis anos de idade incompletos; assistência médico-odontológica com participação da empresa em 50% do valor do plano e auxílio para dependente legal portador de necessidades especiais no valor de R$ 150,00. Estes valores ou benefícios podem ainda sofrer alterações até a implantação da Empresa. Boletim HC Os servidores da UFMG são regidos pelo Regime Jurídico Único. Como 4

5 será o regime de contratação da EBSERH? Haverá a mesma estabilidade de emprego do RJU? Diretor A entrada de funcionários na Empresa será exclusivamente por concurso público e a contratação será por meio do regime de Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A estabilidade no emprego, que é conquistada pelos funcionários regidos pelo RJU após três anos de período probatório, não é assegurada no regime CLT. No entanto, cada estatal tem seu próprio regime disciplinar e deve orientar sobre os procedimentos formais para fundamentação da demissão do funcionário. Não está prevista a equiparação salarial entre os servidores da UFMG e os funcionários da EBSERH. Os servidores continuam submetidos ao Plano de Cargos e Salários e ao RJU. durante a administração da EBSERH? Diretor Quando constatada a necessidade, a EBSERH poderá contratar trabalhos terceirizados para a prestação de serviços relacionados à execução de atividades-meio, ou seja, serviços necessários para a manutenção do Hospital, mas que não tem relação direta com a atividade principal do HC/UFMG, que são assistência em saúde, pesquisa e ensino, conforme legislação vigente. Boletim HC Desde 2001 o modelo administrativo e gerencial de Unidades Funcionais foi implantado no Hospital, sendo que a composição de cada Unidade foi estabelecida pela agregação de serviços afins. Esse modelo será mantido na administração proposta pela EBSERH? Diretor Como foi dito anteriormente, está sendo avaliada pela diretoria proposta da estrutura organizacional feita pela Edição Especial EBSERH. É importante ressaltar que a proposta é parcial e não contempla de forma detalhada toda a estrutura organizacional do HC. Ainda serão feitas discussões sobre o tema. Os esforços são para preservar ao máximo a estrutura atual, mas atendendo as orientações e os princípios estabelecidos pela EBSERH. Boletim HC Haverá nomeação de novas coordenações? Como isso será feito? Diretor A ocupação dos cargos diretivos do Hospital será definida pela EBSERH, em comum acordo com o HC/UFMG. As gerências O Servidor que optar por permanecer no HC poderá solicitar a revisão de sua opção posteriormente, condicionada aos critérios de remoção vigentes à época. Boletim HC O servidor da UFMG que optar por remoção do HC poderá retornar? Diretor O Servidor que optar por permanecer no HC poderá solicitar a revisão de sua opção posteriormente, condicionada aos critérios de remoção vigentes à época. Por outro lado, o retorno ao HC daquele que fizer a opção de saída ficará dificultada em função da vaga já estar preenchida por funcionário contratado pela EBSERH. Boletim HC Haverá vinculo de trabalho terceirizado Foto: Arquivo Assessoria de Comunicação HC/UFMG 5

6 serão ocupadas por pessoas selecionadas por Comitê de Seleção composto por membros da Diretoria Executiva da EBSERH. Para o cargo de Auditor, será realizada seleção pelos Auditores Geral e Adjunto da Empresa, por meio de critérios técnicos específicos para a área e, submetida à apreciação da Diretoria Executiva da Empresa, ou seja, um dos órgãos de administração da EBSERH composto pelo presidente e diretores. A escolha do Ouvidor de cada Hospital Universitário Federal (HUF) será realizada pelo seu Colegiado Executivo, obedecendo a critérios técnicos sugeridos pelo Ouvidor Geral da EBSERH. Já os cargos de Chefia, serão selecionados por um colegiado formado por membros do Hospital e da Empresa e o representante do nível hierárquico imediatamente superior. O cargo de Superintendente, que corresponde ao Diretor Geral, é de escolha do Magnífico Reitor da Universidade. Os cargos de Gerentes, que correspondem às três diretorias hoje existentes (Diretoria de Ensino, Pesquisa e Extensão; Diretoria Administrativa e Diretoria Clínica) são de livre nomeação do HC. Os demais cargos serão ocupados por servidores cedidos à EBSERH ou por empregados admitidos no concurso público da Empresa. Boletim HC Como será a seleção para os cargos em comissões e funções gratificadas? Diretor De acordo com a minuta de contrato, para esses cargos, a seleção será feita a partir de análise e classificação de, no mínimo, três currículos para cada posição, apresentados pelo Superintendente. O processo com os resultados e as devidas justificativas das indicações deverá ser encaminhado à Diretoria de Gestão de Pessoas da EBSERH, para os procedimentos 6 de nomeação dos indicados. Caso não seja identificado candidato que preencha os requisitos sugeridos para algum cargo, caberá ao Comitê Gestor do Hospital realizar indicação para o mesmo, apresentando à Empresa as devidas justificativas. Os nomeados aos cargos irão se submeter ao regime integral de dedicação ao serviço, podendo ser convocados sempre que houver interesse da EBSERH. Boletim HC - O Plano de Cargos, Carreiras e Salários da EBSERH dispõe sobre o cargo de técnico de enfermagem e o de enfermeiro. O que acontecerá com os auxiliares de enfermagem concursados pela UFMG? Diretor Existem alguns cargos que não foram previstos na Planilha EBSERH e que têm inserção no processo de trabalho do HC. Estas situações estão sendo esclarecidas e negociadas com os técnicos da Empresa. Impresso Boletim HC - Quais são os próximos passos? Diretor O fechamento da minuta de contrato e o dimensionamento de pessoal a serem encaminhados para apreciação e votação pelo Conselho Diretor do Hospital e Conselho Universitário da UFMG. Paralelamente, a Vice-Diretoria de Recursos Humanos realizará um recadastramento dos servidores lotados no Hospital, priorizando os cargos administrativos e extintos. Além da atualização dos dados, serão coletadas informações quanto à situação funcional, inserção no cargo de origem e previsão de aposentadoria. Também será a oportunidade do servidor se manifestar quanto ao seu interesse de permanecer ou não no Hospital após a chegada da EBSERH. Finalmente, nossa expectativa é que teremos um Hospital com melhores condições de trabalho e consequentemente maior satisfação profissional de todos aqueles que acreditam nesta instituição, na sua missão de assistência, ensino e pesquisa. Expediente Boletim Informativo do Hospital das Clínicas da UFMG Diretoria do Hospital das Clínicas Diretor Geral: Prof. Antonio Luiz Pinho Ribeiro Vice Diretora: Profa. Luciana de Gouvêa Viana Diretora de Ensino, Pesquisa e Extensão: Profa. Andréa Maria Silveira Diretora Administrativa: Adm. Elizete Maria da Silva Neme Assessoria de Comunicação Assessora: Maria Valdirene Martins Jornalista Responsável: Fabiana Senna MG 15657JP Estagiários: Patrícia Carvalho, Talita Germani Thiago Souza Editoração e Diagramação: Assessoria de Comunicação do Hospital das Clínicas da UFMG Telefone: / Projeto Gráfico: Giselle Costa Impressão: Zello Editora Gráfica Periodicidade Mensal Tiragem: 4000 exemplares É permitida a reprodução de textos e matérias desde que citada a fonte. Foto: Arquivo Assessoria de Comunicação HC/UFMG

ANEXO I RESOLUÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA EBSERH Nº 008/2012

ANEXO I RESOLUÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA EBSERH Nº 008/2012 56 ANEXO I RESOLUÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA EBSERH Nº 008/2012 RESOLUÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA Número: 008 Data: 24/9/2012 Relator: JEANNE LILIANE MARLENE MICHEL Diretoria de Gestão de Pessoas Reunião:

Leia mais

MINUTA DA RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE IMPLANTAÇÃO DAS 30 HORAS SEMANAIS DO CEFET-MG

MINUTA DA RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE IMPLANTAÇÃO DAS 30 HORAS SEMANAIS DO CEFET-MG MINUTA DA RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE IMPLANTAÇÃO DAS 30 HORAS SEMANAIS DO CEFET-MG Regulamenta o processo de implementação e avaliação da flexibilização da jornada de trabalho dos servidores técnico-administrativos

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Quinta-feira, 15 de Março de 2012 Ano XVIII - Edição N.: 4030 Poder Executivo Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Informação - Secretaria Municipal Adjunta de Recursos Humanos INSTRUÇÃO NORMATIVA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 066 CONSUPER/2013

RESOLUÇÃO Nº. 066 CONSUPER/2013 RESOLUÇÃO Nº. 066 CONSUPER/2013 Dispõe sobre o Regulamento sobre Movimentação de servidores no âmbito do Instituto Federal Catarinense. O Presidente do do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

REGIMENTO DA DIRETORIA DE ENFERMAGEM HOSPITAL SÃO PAULO/ HU da UNIFESP. Subseção I. Subseção II. Subseção III. Subseção IV. Subseção V.

REGIMENTO DA DIRETORIA DE ENFERMAGEM HOSPITAL SÃO PAULO/ HU da UNIFESP. Subseção I. Subseção II. Subseção III. Subseção IV. Subseção V. REGIMENTO DA DIRETORIA DE ENFERMAGEM HOSPITAL SÃO PAULO/ HU da UNIFESP SEÇÃO I Da Estrutura Organizacional e Funcionamento da Subseção I Da Direção Subseção II Das Gerências Executivas Subseção III Do

Leia mais

O CONGRESSO NACIONAL decreta: CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

O CONGRESSO NACIONAL decreta: CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 6.697-C DE 2009 Dispõe sobre as carreiras dos servidores do Ministério Público da União e as carreiras dos servidores do Conselho Nacional do Ministério Público; fixa valores

Leia mais

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011 REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011 Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares EBSERH; acrescenta dispositivos ao Decreto-Lei

Leia mais

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei: Capítulo I Das Disposições Preliminares

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei: Capítulo I Das Disposições Preliminares Cria o Plano de Carreira dos Servidores Técnicos e Administrativos da Polícia Rodoviária Federal e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono

Leia mais

Manual de Recursos Humanos

Manual de Recursos Humanos Manual de Recursos Humanos 1º Edição 01/2016 SUMÁRIO INTRODUÇÃO CAPÍTULO I - RECRUTAMENTO E SELEÇÃO CAPÍTULO II - TREINAMENTO & DESENVOLVIMENTO CAPÍTULO III CARGOS & SALÁRIOS CAPÍTULO IV BENEFÍCIOS CAPÍTULO

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PIRACICABA Estado de São Paulo Procuradoria Geral

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PIRACICABA Estado de São Paulo Procuradoria Geral PROJETO DE LEI No. 104/08 Dispõe sobre a criação de empregos de Agente Comunitário de Saúde, junto ao Quadro de Pessoal da Prefeitura do Município de Piracicaba, nos termos da Lei Federal nº 11.350/06

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA

ESTADO DE SANTA CATARINA Minuta Lei Municipalização Ensino Fundamental 2009 Estabelece critérios para a municipalização do Ensino Fundamental da rede pública do Estado e a movimentação de servidores e estabelece outras providências.

Leia mais

LEI N 2163/2015 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

LEI N 2163/2015 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES LEI N 2163/2015 Reformula o Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos Servidores da Caixa de Assistência, Previdência e Pensões dos Servidores Públicos Municipais de Porciúncula CAPREM e estabelece normas

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 002 ANTAQ, DE 14 DE OUTUBRO DE 2008.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 002 ANTAQ, DE 14 DE OUTUBRO DE 2008. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 002 ANTAQ, DE 14 DE OUTUBRO DE 2008. Fixa os critérios e procedimentos para a realização de concursos públicos de provas e títulos, destinados ao provimento dos cargos efetivos do

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 36 DO CONSELHO SUPERIOR, DE 20 DE JULHO DE 2015.

RESOLUÇÃO Nº. 36 DO CONSELHO SUPERIOR, DE 20 DE JULHO DE 2015. RESOLUÇÃO Nº. 36 DO CONSELHO SUPERIOR, DE 20 DE JULHO DE 2015. O Presidente do Conselho Superior do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano, no uso de suas atribuições

Leia mais

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e Inovação Coordenação geral do PRONATEC Programa de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego PRONATEC/IFPR Processo Seletivo Simplificado n.º 12/2015 A Coordenação Geral do

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPÁRTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PROGRAMA ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPÁRTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PROGRAMA ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPÁRTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PROGRAMA ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL PROCESSO SELETIVO nº. 27/2015/DEAD EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROFESSOR

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 132/10. Normatiza o registro de frequência dos servidores técnico- administrativos, docentes, e estagiários do IFPR. O CONSELHO SUPERIOR DO INSTITUTO FEDERAL DO, no uso de suas atribuições

Leia mais

DESCRIÇÃO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA INICIATIVA

DESCRIÇÃO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA INICIATIVA DESCRIÇÃO DAS PRÁTICAS DE GESTÃO DA INICIATIVA Como é sabido existe um consenso de que é necessário imprimir qualidade nas ações realizadas pela administração pública. Para alcançar esse objetivo, pressupõe-se

Leia mais

1º - As capacitações de Formação e Desenvolvimento serão classificadas em facultativas ou obrigatórias, conforme sua natureza, objetivos

1º - As capacitações de Formação e Desenvolvimento serão classificadas em facultativas ou obrigatórias, conforme sua natureza, objetivos Á nos, 70% (setenta por cento) de freqüência presencial no período de avaliação, que corresponde ao ano letivo. Art. 8º - A Bonificação não será devida: I - aos servidores cedidos à Secretaria de Estado

Leia mais

DECRETO Nº 29.290, DE 22 DE JULHO DE 2008 DODF de 23.07.2008

DECRETO Nº 29.290, DE 22 DE JULHO DE 2008 DODF de 23.07.2008 DECRETO Nº 29.290, DE 22 DE JULHO DE 2008 DODF de 23.07.2008 Dispõe sobre o afastamento para estudo, congressos, seminários ou reuniões similares de servidor e empregado da Administração Pública Distrital

Leia mais

E S T A D O D E M A T O G R O S S O Prefeitura Municipal de Jaciara

E S T A D O D E M A T O G R O S S O Prefeitura Municipal de Jaciara DECRETO EXECUTIVO MUNICIPAL Nº 3.243/2015 25.06.2015. Altera a regulamentação da Lei 1.509/2013 de 13.03.2013 em seus artigos 22 e 23, nos termos do artigo 11 da referida Lei; dá nova nomenclatura ao cargo

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANT ANA DO LIVRAMENTO Palácio Moisés Viana. Unidade Central de Controle Interno

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANT ANA DO LIVRAMENTO Palácio Moisés Viana. Unidade Central de Controle Interno ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANT ANA DO LIVRAMENTO Palácio Moisés Viana Unidade Central de Controle Interno PARECER Nº 141/05 ENTIDADE SOLICITANTE: Procuradoria Jurídica ASSUNTO:

Leia mais

Faculdade Adventista da Bahia. Plano de Cargos e Salários

Faculdade Adventista da Bahia. Plano de Cargos e Salários Plano de Cargos e Salários Abril de 2014 PLANO DE CARREIRA DO MAGISTÉRIO SUPERIORDA FADBA TÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Capítulo I DA NATUREZA E CONSTITUIÇÃO Art.1º. O Plano de Carreira do Magistério

Leia mais

RDI-011. HC UFMG Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais. Relatório de Diagnóstico para Implantação

RDI-011. HC UFMG Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais. Relatório de Diagnóstico para Implantação HC UFMG Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais Relatório de Diagnóstico para Implantação RDI-011 Coordenadoria de Desenvolvimento de Sistemas da Informação DGPTI Diretoria de Gestão

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2015 EDITAL Nº 001

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2015 EDITAL Nº 001 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2015 EDITAL Nº 001 Abre inscrições para o processo seletivo simplificado destinado à contratação temporária de excepcional interesse público de Professor de Educação

Leia mais

E D I T A L PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 002/2015 SEMSA/MANAUS

E D I T A L PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 002/2015 SEMSA/MANAUS E D I T A L PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 002/2015 SEMSA/MANAUS A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), no uso de suas atribuições legais, e tendo em vista a autorização

Leia mais

O Prefeito Municipal de Macuco, no uso de suas atribuições legais, faz saber que a Câmara Municipal de Macuco aprovou e ele sanciona a seguinte,

O Prefeito Municipal de Macuco, no uso de suas atribuições legais, faz saber que a Câmara Municipal de Macuco aprovou e ele sanciona a seguinte, LEI Nº 302/05 "DISPÕE SOBRE O PLANO DE CARREIRA E REMUNERAÇÃO DO MAGISTÉRIO PÚBLICO MUNICIPAL E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS" O Prefeito Municipal de Macuco, no uso de suas atribuições legais, faz saber que

Leia mais

ACIDENTE DE TRABALHO

ACIDENTE DE TRABALHO 1 - DEFINIÇÃO 1.1 - Acidente de trabalho Qualquer prejuízo à saúde ou integridade física do trabalhador ocorrida no trabalho ou em decorrência do trabalho. 1.1.1 - Acidente Típico Acidente que ocorre numa

Leia mais

Plano de Empregos, Carreiras e Salários - PECS

Plano de Empregos, Carreiras e Salários - PECS Ata de aprovação de alteração 395ª Reunião Ordinária do Conselho de Administração da CODATA Realizada em 10 de fevereiro de 2011 Resolução do Conselho de Administração nº 01/2011 - PECS MARÇO/2005 JULHO/2012

Leia mais

Secretaria Especial de Saúde Indígena - SESAI

Secretaria Especial de Saúde Indígena - SESAI EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 02/ 2015 CASA DE SAÚDE DO INDIO/CASAI/DF-DASI/SESAI PROCESSO SELETIVO DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE NO ÂMBITO DA SAÚDE INDÍGENA PERÍODO DE INSCRIÇÃO DE 23/06/2015 A 01/07/2015

Leia mais

Boletim do Exército Nº 23/2014. Brasília, DF, 6 de junho de 2014. MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO SECRETARIA-GERAL DO EXÉRCITO

Boletim do Exército Nº 23/2014. Brasília, DF, 6 de junho de 2014. MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO SECRETARIA-GERAL DO EXÉRCITO Boletim do Exército MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO SECRETARIA-GERAL DO EXÉRCITO Nº 23/2014 Brasília, DF, 6 de junho de 2014. BOLETIM DO EXÉRCITO Nº 23/2014 Brasília, DF, 6 de junho de 2014.

Leia mais

EDITAL N.º 009/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO

EDITAL N.º 009/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, considerando o Decreto nº 7.485, de 18 de maio de 21,

Leia mais

IF SUDESTE MG REITORIA Av. Luz Interior, Lote 16, Quadra G, Bairro Estrela Sul - 36030-776 - Juiz de Fora - MG

IF SUDESTE MG REITORIA Av. Luz Interior, Lote 16, Quadra G, Bairro Estrela Sul - 36030-776 - Juiz de Fora - MG EDITAL Nº 03/2016, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2016. PROCESSO SELETIVO PARA REMOÇÃO DE SERVIDORES TÉCNICO- ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO E DOCENTES ENTRE AS UNIDADES DO IFSUDESTEMG O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO DE REMOÇÃO TÉCNICO- ADMINISTRATIVO P.A. - 02/2013

PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO DE REMOÇÃO TÉCNICO- ADMINISTRATIVO P.A. - 02/2013 PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO DE REMOÇÃO TÉCNICO- ADMINISTRATIVO P.A. - 02/2013 O Pró-Reitor de Desenvolvimento Institucional do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás, no uso de suas

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 99901.000755/2014-21 Assunto: Restrição de acesso: Recurso contra informação incompleta. Não há restrição de acesso. Ementa: Recursos

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 10.871, DE 20 DE MAIO DE 2004. Conversão da MPv nº 155, de 2003 Texto compilado Dispõe sobre a criação de carreiras e organização

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO GRANDE DO NORTE

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO GRANDE DO NORTE ATO NORMATIVO Nº 01, DE 28 DE MARÇO DE 2012. Institui o Normativo de Pessoal EMPREGO DE LIVRE PROVIMENTO E DEMISSÃO DE NÍVEL SUPERIOR, EMPREGOS TEMPORÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR E EMPREGOS TEMPORÁRIOS DE NÍVEL

Leia mais

Elaborado por RHUMO CONSULTORIA EMPRESARIAL

Elaborado por RHUMO CONSULTORIA EMPRESARIAL Elaborado por RHUMO CONSULTORIA EMPRESARIAL Página 2 de 14 1 INTRODUÇÃO O Plano de Cargos e Salários do CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE MINAS GERAIS CRA-MG, cuja última versão data de maio/2014,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA EDITAL DE ABERTURA PROGRAD Nº 19 DE 26 DE ABRIL DE 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA VAGA DE SUPORTE TÉCNICO AVA NA EQUIPE MULTIDISCIPLINAR DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UFGD A PRÓ-REITORA DE ENSINO

Leia mais

considerando o Decreto nº 6.114, de 15 de maio de 2007; considerando a Portaria/MEC nº 1.084 de 02 de setembro de 2008;

considerando o Decreto nº 6.114, de 15 de maio de 2007; considerando a Portaria/MEC nº 1.084 de 02 de setembro de 2008; Dispõe sobre os critérios e valores para pagamento de Gratificações por Encargo de Cursos ou Concursos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (IFMS). A COORDENADORA-GERAL

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 33, DE 27 DE AGOSTO DE 2010

RESOLUÇÃO Nº 33, DE 27 DE AGOSTO DE 2010 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 33, DE 27 DE AGOSTO DE 2010 Dispõe

Leia mais

INFORMAÇÕES AOS FUNCIONÁRIOS ORIUNDOS DO BESC SOBRE A OPÇÃO PELO REGULAMENTO DE PESSOAL DO BANCO DO BRASIL

INFORMAÇÕES AOS FUNCIONÁRIOS ORIUNDOS DO BESC SOBRE A OPÇÃO PELO REGULAMENTO DE PESSOAL DO BANCO DO BRASIL INFORMAÇÕES AOS FUNCIONÁRIOS ORIUNDOS DO BESC SOBRE A OPÇÃO PELO REGULAMENTO DE PESSOAL DO BANCO DO BRASIL A partir de hoje, 5 de janeiro de 2009, o Banco do Brasil oferece aos funcionários oriundos do

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Coordenadoria Geral de Estágios

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Coordenadoria Geral de Estágios DIRETRIZES E NORMAS PARA A ATIVIDADE DE ESTÁGIO NA PUC-SP Aprovadas pelo CEPE, em 11 de fevereiro de 2009 I INTRODUÇÃO A LDB trouxe à discussão a flexibilização curricular, a valorização da experiência

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº XXXX DE XX DE XXXXXX DE 201X ALTERA A LEI Nº 6720, DE 25 DE MARÇO DE 2014, QUE INSTITUI PLANO DE CARGOS, CARREIRAS E REMUNERAÇÃO DA FUNDAÇÃO DE APOIO À ESCOLA TÉCNICA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Leia mais

CONSTITUIÇÃO FEDERAL 1988

CONSTITUIÇÃO FEDERAL 1988 MINISTÉRIO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL MPS SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PREVIDÊNCIA SOCIAL SPPS DEPARTAMENTO DOS REGIMES DE PREVIDÊNCIA NO SERVIÇO PÚBLICO DRPSP COORDENAÇÃO-GERAL DE AUDITORIA, ATUÁRIA, CONTABILIDADE

Leia mais

Coordenação de Pessoal Docente (CPD) Divisão de Gestão da Lotação Docente (DGLD) setembro / 2013

Coordenação de Pessoal Docente (CPD) Divisão de Gestão da Lotação Docente (DGLD) setembro / 2013 Coordenação de Pessoal Docente (CPD) Divisão de Gestão da Lotação Docente (DGLD) A DGLD é a divisão dentro da CPD responsável pela realização de seleção simplificada, concurso público, remoção, redistribuição

Leia mais

Capítulo I DOS OBJETIVOS

Capítulo I DOS OBJETIVOS PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS Capítulo I DOS OBJETIVOS Art.1º - O presente documento tem por objetivo estabelecer uma política de administração de cargos, salários e carreira para os quadros de pessoal da

Leia mais

I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES SERVIÇO PÚBLICO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS DIRETORIA GERAL DO CAMPUS MANAUS CENTRO COORDENAÇÃO

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Educação Superior Norte - RS/UFSM Departamento de Enfermagem

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Educação Superior Norte - RS/UFSM Departamento de Enfermagem Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Educação Superior Norte - RS/UFSM Departamento de Enfermagem REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE ENFERMAGEM UFSM/CESNORS TÍTULO I: DO REGIME

Leia mais

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO - Processo Seletivo para Preceptoria dos Programas de Residência em Área Profissional da Saúde Seleção 2015/2

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO - Processo Seletivo para Preceptoria dos Programas de Residência em Área Profissional da Saúde Seleção 2015/2 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO - Processo Seletivo para Preceptoria dos Programas de Residência em Área Profissional da Saúde Seleção 2015/2 Nº da Inscrição: Vaga a que concorre: Nº Preenchimento exclusivo da

Leia mais

CONTRATO Nº /2013. CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO e a EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES EBSERH

CONTRATO Nº /2013. CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO e a EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES EBSERH CONTRATO Nº /2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO e a EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES EBSERH A UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO, com sede na Avenida

Leia mais

CENTRO ESPECIALIZADO EM REABILITAÇÃO CER IV DIAMANTINA MINAS GERAIS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 003/2015

CENTRO ESPECIALIZADO EM REABILITAÇÃO CER IV DIAMANTINA MINAS GERAIS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 003/2015 CENTRO ESPECIALIZADO EM REABILITAÇÃO CER IV DIAMANTINA MINAS GERAIS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 003/2015 O Centro Especializado em Reabilitação CER IV, pessoa jurídica de direito privado inscrita no CNPJ

Leia mais

EDITAL GSE/ADM Nº 0012/2015

EDITAL GSE/ADM Nº 0012/2015 EDITAL GSE/ADM Nº 0012/2015 Estabelece os procedimentos paraque os Trabalhadores da Educação Básica do Estado do Piauí concorram às vagas de afastamento integral ou parcial disponibilizadas pela do Piauí

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE SERVIÇO SOCIAL - 18ª REGIÃO - SERGIPE EDITAL Nº 01/2016/CRESS-SE, DE 09 DE MARÇO DE 2016

CONSELHO REGIONAL DE SERVIÇO SOCIAL - 18ª REGIÃO - SERGIPE EDITAL Nº 01/2016/CRESS-SE, DE 09 DE MARÇO DE 2016 CONSELHO REGIONAL DE SERVIÇO SOCIAL - 18ª REGIÃO - SERGIPE EDITAL Nº 01/2016/CRESS-SE, DE 09 DE MARÇO DE 2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CARGO TEMPORÁRIO DE ASSISTENTE ADMINISTRATIVO PARA ATUAR

Leia mais

LEI Nº 1.087, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2013.

LEI Nº 1.087, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2013. PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO ALEGRE MG Praça Nestor Daniel de Carvalho, 129 Centro São José do Alegre MG CEP: 37.510-000 Tel/Fax: (35) 3645-1222 CNPJ: 18.025.999/0001-99 LEI Nº 1.087, DE 10 DE DEZEMBRO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS MOSSORÓ Rua Raimundo Firmino de Oliveira, 400 - Ulrich Graff - Mossoró/RN - CEP: 59628-330 Fone:

Leia mais

EXTRATO DO EDITAL N 52/2011 UEPA

EXTRATO DO EDITAL N 52/2011 UEPA EXTRATO DO EDITAL N 52/2011 UEPA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE CANDIDATOS PARA AUXILIAR ADMINISTRATIVO DO PARFOR-UEPA A Magnífica Reitora da Universidade do Estado do Pará, no uso de suas atribuições

Leia mais

Manual do. Almoxarifado

Manual do. Almoxarifado Manual do Almoxarifado Parnaíba 2013 APRESENTAÇÃO O Almoxarifado é o local destinado à guarda, localização, segurança e preservação do material adquirido, adequado à sua natureza, a fim de suprir as necessidades

Leia mais

CARTILHA DO SUBSÍDIO

CARTILHA DO SUBSÍDIO CARTILHA DO SUBSÍDIO Cléa da Rosa Pinheiro Vera Mirna Schmorantz A Direção do SINAL atenta às questões que dizem com a possibilidade de alteração da estrutura remuneratória das carreiras de Especialista

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PROCESSO SELETIVO nº. 03/2014/DEAD EDITAL PARA SELEÇÃO DE TUTOR A DISTÂNCIA A Reitora do Instituto Federal

Leia mais

Exmo. Sr. Presidente da Assembléia Legislativa de São Paulo Sr. Celso Giglio

Exmo. Sr. Presidente da Assembléia Legislativa de São Paulo Sr. Celso Giglio São Paulo, 05 de fevereiro de 2013 Exmo. Sr. Presidente da Assembléia Legislativa de São Paulo Sr. Celso Giglio Solicitamos a intercessão de Vossa Excelência no sentido da instituição de um plano de carreira

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 41, DE 28 DE SETEMBRO DE 2010

ATO NORMATIVO Nº 41, DE 28 DE SETEMBRO DE 2010 ATO NORMATIVO Nº 41, DE 28 DE SETEMBRO DE 2010 Institui o Normativo de Pessoal JORNADA DE TRABALHO do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio Grande do Norte Crea-RN. O Presidente

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS SECRETARIA DOS CONSELHOS SUPERIORES CONSELHO COORDENADOR DO ENSINO DA PESQUISA E DA EXTENSÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS SECRETARIA DOS CONSELHOS SUPERIORES CONSELHO COORDENADOR DO ENSINO DA PESQUISA E DA EXTENSÃO NORMAS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO ACADÊMICO, PARA FINS DE PROGRESSÃO FUNCIONAL DENTRO DA MESMA CLASSE DO MAGISTÉRIO DO 1 E 2 GRAUS Art. 1 - A progressão na Carreira do Magistério de 1 2 graus

Leia mais

EDITAL Nº 007/ 2013 DE 14 DE NOVEMBRO DE 2013

EDITAL Nº 007/ 2013 DE 14 DE NOVEMBRO DE 2013 EDITAL Nº 007/ 2013 DE 14 DE NOVEMBRO DE 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSORES NOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO O Diretor Geral do Instituto Federal

Leia mais

Questões de Concurso Público para estudar e se preparar... Prefeitura Olinda - Administrador. 1. Leia as afirmativas a seguir.

Questões de Concurso Público para estudar e se preparar... Prefeitura Olinda - Administrador. 1. Leia as afirmativas a seguir. Questões de Concurso Público para estudar e se preparar... Prefeitura Olinda - Administrador 1. Leia as afirmativas a seguir. I. O comportamento organizacional refere-se ao estudo de indivíduos e grupos

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS GABINETE CIVIL

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS GABINETE CIVIL PUBLICADA NO DIÁRIO OFICIAL Nº 1925, DE 23 DE MAIO DE 2005, Págs 54 e 56 LEI Nº 1367, DE 17 DE MAIO DE 2005. Regulamentada pelo Decreto nº 198/06 Cria o Fundo Municipal de Desenvolvimento da Economia Popular

Leia mais

RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS REFERENTES AO CONCURSO PÚBLICO/ EDUCAÇÃO ESPECIAL EDITAL 036/04.

RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS REFERENTES AO CONCURSO PÚBLICO/ EDUCAÇÃO ESPECIAL EDITAL 036/04. RESPOSTAS AOS QUESTIONAMENTOS REFERENTES AO CONCURSO PÚBLICO/ EDUCAÇÃO ESPECIAL EDITAL 036/04. 1- A prova de títulos vai acontecer antes? Só pode fazer a prova teórica quem for classificado, ou todos irão

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA

EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO SESC SANTA CATARINA O presente documento tem como objetivo disponibilizar a divulgação oficial das condições estabelecidas pelo SESC Santa Catarina para regulamentação dos

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 360/DILEP.CDEP.SEGPES.GDGSET.GP, DE 7 DE JULHO DE 2014

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 360/DILEP.CDEP.SEGPES.GDGSET.GP, DE 7 DE JULHO DE 2014 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 360/DILEP.CDEP.SEGPES.GDGSET.GP, DE 7 DE JULHO DE 2014 Institui o Programa de Incentivo à Participação de Servidores do Tribunal Superior do Trabalho em

Leia mais

PROJETO DO CURSO INICIAÇÃO AO SERVIÇO PÚBLICO

PROJETO DO CURSO INICIAÇÃO AO SERVIÇO PÚBLICO Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense PROJETO DO CURSO INICIAÇÃO AO SERVIÇO PÚBLICO Pró-reitoria de Desenvolvimento Humano e Social - PRODHS

Leia mais

EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011

EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011 EDITAL Nº 60 /Unoesc/2011 Dispõe sobre processo de seleção externa de funcionários técnico-administrativos para atuarem na Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc, na Unoesc Campus de Joaçaba.

Leia mais

BLOCO 13 VIGILÂNCIA SANITÁRIA (Continua)

BLOCO 13 VIGILÂNCIA SANITÁRIA (Continua) 1 - O órgão responsável pela Vigilância Sanitária no município caracteriza-se como: Setor é a parte organizacional da prefeitura sem status de secretaria. 1 Setor da secretaria municipal de saúde Setor

Leia mais

Altera e consolida o Plano de Cargos e Salários da Câmara Municipal de Córrego do Ouro, e dá outras providências.

Altera e consolida o Plano de Cargos e Salários da Câmara Municipal de Córrego do Ouro, e dá outras providências. LEI N o 0692/2012 Córrego do Ouro/GO.,06 de Dezembro de 2012. Altera e consolida o Plano de Cargos e Salários da Câmara Municipal de Córrego do Ouro, e dá outras providências. O Prefeito Municipal. Faço

Leia mais

ATA DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA ASIBAMA-DF IBAMA-SEDE 08/04/2015

ATA DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA ASIBAMA-DF IBAMA-SEDE 08/04/2015 ATA DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA ASIBAMA-DF IBAMA-SEDE 08/04/2015 A Assembleia Geral Extraordinária da ASIBAMA-DF foi iniciada às 09h40min, do dia oito de abril de dois mil e quinze, no Auditório

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO Nº 08/2014

ORDEM DE SERVIÇO Nº 08/2014 ORDEM DE SERVIÇO Nº 08/2014 O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE, no exercício de suas atribuições legais, de conformidade com o art. 57, inciso XVIII, da Lei Orgânica do Município de Porto

Leia mais

FACULDADE DE VIÇOSA PLANO DE CARGOS, SALÁRIOS E CARREIRA DOCENTE CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS

FACULDADE DE VIÇOSA PLANO DE CARGOS, SALÁRIOS E CARREIRA DOCENTE CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS FACULDADE DE VIÇOSA PLANO DE CARGOS, SALÁRIOS E CARREIRA DOCENTE CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1º O presente documento tem por objetivo estabelecer uma política de administração de cargos, salários e carreira

Leia mais

Dúvidas Freqüentes IMPLANTAÇÃO. 1- Como aderir à proposta AMQ?

Dúvidas Freqüentes IMPLANTAÇÃO. 1- Como aderir à proposta AMQ? Dúvidas Freqüentes IMPLANTAÇÃO 1- Como aderir à proposta AMQ? A adesão é realizada através do preenchimento e envio do Formulário de Cadastramento Municipal no site do projeto. O gestor municipal da saúde

Leia mais

REGULAMENTO DO PROCESSO SELETIVO Nº 086/2012

REGULAMENTO DO PROCESSO SELETIVO Nº 086/2012 REGULAMENTO DO PROCESSO SELETIVO Nº 086/2012 A FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU BRASIL (FPTI-BR) comunica a realização de Processo Seletivo nº. 086/2012 sob contratação em regime CLT (Consolidação das

Leia mais

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento.

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento. PROGRAMA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS FUNDEP REGULAMENTO PARA CADASTRAMENTO DE PROJETOS UFMG A Fundep//Gerência de Articulação de Parcerias convida a comunidade acadêmica da UFMG a cadastrar propostas de acordo

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007)

RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Publicação: 29/08/03 RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Cria a Superintendência da Gestão de Recursos Humanos, estabelece seu Regulamento e dá outras providências. A CORTE SUPERIOR

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE PALHOÇA SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N.

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE PALHOÇA SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE PALHOÇA SECRETARIA DE SAÚDE Avenida Atílio Pedro Pagani, 855, Bairro PassaVinte Parque Residencial Pagani Palhoça/SC CEP: 88132-149 FONE/FAX: (48) 3279-1900

Leia mais

Serviço Público Federal. CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA _ 10ª REGIÃO JURISDIÇÃO Pará/Amapá

Serviço Público Federal. CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA _ 10ª REGIÃO JURISDIÇÃO Pará/Amapá CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DA 10ª REGIÃO Pa-Ap PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO ASSISTENTE ADMINISTRATIVO Edital de Processo Seletivo Simplificado nº 01/2015 O Conselho Regional de Psicologia 10ª Região

Leia mais

Edital Nº 003/ 2013 DE 03 DE ABRIL DE 2013

Edital Nº 003/ 2013 DE 03 DE ABRIL DE 2013 Edital Nº 003/ 2013 DE 03 DE ABRIL DE 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSORES NOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO PRONATEC O Diretor Geral do (IFPE) -

Leia mais

RESENHA DE MATÉRIAS DE RECURSOS HUMANOS

RESENHA DE MATÉRIAS DE RECURSOS HUMANOS RESENHA DE MATÉRIAS DE RECURSOS HUMANOS PERÍODO DE 20 A 24 DE MAIO OBSERVAÇÕES: 1) Passe o cursor sobre o número do ato para ter acesso ao link e ler o arquivo na íntegra. 2) Se o Adobe Acrobat Reader

Leia mais

DECRETO Nº 15.248, DE 02 DE JULHO DE 2013

DECRETO Nº 15.248, DE 02 DE JULHO DE 2013 DECRETO Nº 15.248, DE 02 DE JULHO DE 2013 Regulamenta a concessão da licença para atividade política, do afastamento para o exercício de mandato eletivo e da licença para desempenho de mandato classista

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Brasília, 16 de maio de 2012. Ao Conselho Universitário Assunto: Análise e Parecer sobre Proposta de Adesão à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH Introdução Este parecer versa sobre a

Leia mais

RESOLUÇÃO N 189 CEPEX/2007

RESOLUÇÃO N 189 CEPEX/2007 - UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS RESOLUÇÃO N 189 CEPEX/2007 ESTABELECE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA ATRIBUIÇÃO DE ENCARGOS DOCENTES E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Reitor e Presidente do CONSELHO DE

Leia mais

REGULAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL

REGULAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL REGULAMENTO DE CONTRATAÇÃO DE PESSOAL 1. Objetivos 1.1 - Desta normatização Estabelecer diretrizes e critérios que viabilizem os processos de recrutamento e seleção, atraindo profissionais com capacidade

Leia mais

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DO DISTRITO FEDERAL

GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DO DISTRITO FEDERAL GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DO DISTRITO FEDERAL O Centro de Integração Empresa Escola CIEE, no uso da atribuição prevista no Contrato de Prestação de Serviços n 008/2012 PGDF, de 01

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DA PÓS-GRADUAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS

REGULAMENTO GERAL DA PÓS-GRADUAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS REGULAMENTO GERAL DA PÓS-GRADUAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS E DAS FINALIDADES Art. 1º. A pós-graduação do Instituto

Leia mais

PLANO ANUAL DE CAPACITAÇÃO 2012

PLANO ANUAL DE CAPACITAÇÃO 2012 PLANO ANUAL DE CAPACITAÇÃO 2012 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO 3 CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO 5 CAPACITAÇÃO DOS SERVIDORES TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO 7 CAPACITAÇÃO

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO PARA NÍVEL FUNDAMENTAL I, MÉDIO E SUPERIOR

PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO PARA NÍVEL FUNDAMENTAL I, MÉDIO E SUPERIOR PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO PARA NÍVEL FUNDAMENTAL I, MÉDIO E SUPERIOR SELEÇÃO DE PESSOAL N 03/2015, PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS NA SECRETARIA DE SAÚDE e POLICLÍNICA MUNICIPAL DE SURUBIM-PE. Dispõe

Leia mais

Edital Nº 04/2015 DEPE DISPÕE SOBRE A SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA APOIO A PROJETOS DE PESQUISA NA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SOBRAL.

Edital Nº 04/2015 DEPE DISPÕE SOBRE A SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA APOIO A PROJETOS DE PESQUISA NA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SOBRAL. Edital Nº 04/2015 DEPE DISPÕE SOBRE A SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA APOIO A PROJETOS DE PESQUISA NA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SOBRAL. Período 2015/2016 O Diretor da Santa Casa de Misericórdia de Sobral,

Leia mais

PLANOS DE CARGOS E SALÁRIOS DOS SERVIDORES MUNICIPAIS

PLANOS DE CARGOS E SALÁRIOS DOS SERVIDORES MUNICIPAIS PLANOS DE CARGOS E SALÁRIOS DOS SERVIDORES MUNICIPAIS LEI COMPLEMENTAR MUNICIPAL N. 27/99 De 12 de Novembro de 1999 Aprova o Plano de Cargos dos Servidores do Poder Executivo Municipal e contém providências

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 003/2010, de 10 de março de 2010

LEI COMPLEMENTAR Nº 003/2010, de 10 de março de 2010 LEI COMPLEMENTAR Nº 003/2010, de 10 de março de 2010 DISPÕE SOBRE A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL, REGULAMENTAÇÃO DO QUADRO DE PESSOAL E VENCIMENTOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE SÃO CARLOS, ESTADO DE

Leia mais

EDITAL 01/2016 RETIFICADO

EDITAL 01/2016 RETIFICADO EDITAL 01/2016 RETIFICADO Dispõe sobre a abertura de inscrições ao para as funções de Artesão, Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Serviços Gerais, Enfermeiro, Fonoaudiólogo,Jornalista/Comunicação, Músico,

Leia mais

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA MINISTÉRIO DA JUSTIÇA EDITAL GABINETE/DEPEN BRA/14/011 Contratação de Consultoria Nacional Especializada para Formulação de Modelo de Gestão de Inteligência Penitenciária BRASÍLIA, AGOSTO DE 2015 TERMO

Leia mais

FACULDADE DO NORTE NOVO DE APUCARANA FACNOPAR PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL 2007-2011

FACULDADE DO NORTE NOVO DE APUCARANA FACNOPAR PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL 2007-2011 FACULDADE DO NORTE NOVO DE APUCARANA FACNOPAR PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL 2007-2011 Apucarana, dezembro de 2006 FACULDADE DO NORTE NOVO DE APUCARANA FACNOPAR PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL

Leia mais

SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA

SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL SPDM MATRIZ Nº 10/2011 DISTRITO SANITÁRIO ESPECIAL INDÍGENA INTERIOR SUL PROCESSO SELETIVO DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE, EDIFICAÇÕES E SANEAMENTO

Leia mais

Publicado Edital de Processo Seletivo para cargo comissionado na Anvisa

Publicado Edital de Processo Seletivo para cargo comissionado na Anvisa Publicado Edital de Processo Seletivo para cargo comissionado na Anvisa A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulga Edital do Processo Seletivo destinado ao preenchimento do cargo em comissão

Leia mais