Bom trabalho. Módulo Contabilidade Caixa e Contas Bancárias

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Bom trabalho. Módulo Contabilidade Caixa e Contas Bancárias"

Transcrição

1 Sistema Pastoral Tecnologia a Serviço das Comunidades Help on line - acione a tecla F1 quando tiver dúvida. Este roteiro foi elaborado para servir de auxílio às pessoas que estão iniciando a utilização do sistema pastoral, após os encontros (treinamentos) ocorridos. Nosso suporte está à disposição para resolver (ou extinguir) qualquer dúvida, através do CHAT na nossa página na internet ( ou pelo Fone: Neste roteiro, vamos informar como iniciar a trabalhar com o módulo contabilidade, os cadastros iniciais necessários para o registro dos Dizimistas e a conversão dos dados de quem tem algum sistema sendo utilizado. Se desejar, uma cópia deste passo a passo encontra-se no endereço abaixo: Bom trabalho Módulo Contabilidade Caixa e Contas Bancárias Última atualização deste documento: 28/12/

2 Modulo Contábil. Cadastro de Contas Bancárias ver folha 37 do manual. Cadastro dos Centros de Custos ver pagina 38 do manual. IMPLANTAÇÃO DE SALDOS ver pagina 40 do manual. Por orientação da Arquidiocese e com anuência do escritório contábil, todas as Paróquias devem iniciar a digitação da contabilidade informando os saldos anteriores (de 31/12/2011), conforme descrito na 3ª maneira do manual e seguir no passo 2, item a, b e c folha 41 e 42 Pré-Requisitos Cadastro dos Centros de Custo No módulo Contábil - Cadastros \ Centros de Custo... Mas o que é um Centro de Custo? Centros de custos são os setores, comunidades e capelas que fazem parte da Paróquia. Através deste cadastro, poderá ser feito o controle da movimentação contábil e seu gerenciamento por centro de custo. A Arquidiocese sugere que todas as paróquias cadastrem o centro de custo número PAROQUIAL, Este centro de custos representará os custos paroquiais, ou seja, custos comuns entre os centros de custos e que são rateados entre eles (ex.: côngrua, salários, etc). No exemplo abaixo, além do Centro de custos PAROQUIAL, existe o centro de custos 002, da COMUNIDADE MATRIZ E o centro de custos 003, de UMA CAPELA, administrados pela Paróquia. Você deverá cadastrar, pelo menos, 02 Centros de Custos em seu Sistema: 001- Paroquial e o 002 Matriz. Os nomes dos centros de custos ficam a cargo de cada Paróquia.

3 Instruções para cadastrar os centros de custos: - Clique em Incluir; - Digite o código de identificação do Centro de Custo; *Este código será utilizado durante a digitação dos lançamento do caixa, bancos e contabilidade. - Informe o nome do Centro de Custo; - Clique em Gravar. Cadastrados os centros de custos, o passo seguinte será o cadastro dos bancos. Cadastro de Bancos No módulo Contábil - Cadastros \ Bancos... No Cadastro de Bancos deveremos cadastrar todas as contas bancárias da Paróquia para que, posteriormente, possamos gerenciar a movimentação de cada uma.

4 No exemplo acima, a Paróquia possui duas contas bancárias. Obs: Lembre-se que conta corrente, conta poupança e conta aplicação, mesmo que no mesmo banco, deverão ser cadastradas uma a uma, visto que cada uma delas possui um código contábil próprio. Instruções: - Clique em Incluir; - O campo código é auto-numérico e apenas indica o código da conta bancária no Sistema; - No campo Banco, indique o código do banco junto ao Banco Central; *Você pode encontrar esta informação no site ou no talão de cheques. - Informe o Nome do Banco; *Dica: Caso você possua contas corrente, poupança ou investimento no mesmo banco, informe também neste campo o tipo de conta, como no exemplo acima. - Informe o Número da Agência; - opcional - Informe o Nome da Agência; - opcional - Informe o Tipo de sua conta bancária (Corrente, Poupança, Investimento...); - Informe o Número da Conta Bancária; - Informe o Código Contábil; - obrigatório. - Clique em Gravar. *O Código Contábil indica a conta contábil deste banco (conta bancária) no Plano de Contas. Esta informação é fundamental para a movimentação e emissão do extrato e saldo da conta. Se uma paróquia e suas comunidades possuem várias contas no mesmo banco, utilizar a mesma conta contábil para todas elas, salvo orientação diferente do setor de contabilidade da Diocese. *Ao cadastrar, preste atenção quando informar o código contábil: Conta corrente, informar a conta contábil do grupo de BANCOS Conta de poupança, informar a conta contábil do grupo CADERNETA DE POUPANÇA Conta de aplicação, informar a conta contábil do grupo APLICAÇÕES NO MERCADO ABERTO. Após o cadastro dos Centros de custos e das Contas Bancárias, vamos informar o saldo inicial do Caixa, das Contas Bancárias e demais contas. IMPLANTAÇÃO DE SALDOS Na implantação dos saldos, deve-se informar o saldo do último dia do mês anterior ao mês que iremos começar a digitar os lançamentos. Ex.: se começarmos a digitar o movimento de caixa e bancos em 01/2012, deveremos implantar os saldos do 31/12/2011. Seguir orientação abaixo: IMPLANTAÇÃO DE SALDOS ver pagina 40 do manual. Por orientação da Arquidiocese e com anuência do escritório contábil, todas as Paróquias deverão iniciar a digitação da contabilidade informando os saldos anteriores do Caixa e das contas bancárias em 31/12/2011, conforme descrito na 3ª maneira do manual e seguir no passo 2, item a, b e c folha 41 e 42.

5 Informando os saldos de Caixa de Bancos: Caixas Saldos-Caixa por Centro de custo Aberta a tela dos saldos, selecione a competência 2012 e o Centro de custos. Depois disso, passe o Mouse no saldo anterior de janeiro, digite o saldo existente em 31/12/2011 e tecle ENTER. Confira e, se ok, responda Sim. Informe os saldos em todos os centros de custos. O exemplo abaixo foi colocado R$ 1.000,00

6 Bancos Saldos-Bancos Aberta a tela do saldo do banco, informe a competência 2012 e no campo Banco selecione cada conta bancária e informe o saldo existente em 31/12/2011, de acordo com o extrato, passando o Mouse no saldo anterior de janeiro e digitando o saldo e Tecle ENTER, confira e, se ok, responda Sim. Informe os saldos de todas as contas. O exemplo abaixo foi colocado R$ 2.000,00 * Se existir alguma conta bancária com saldo credor (cheque especial estourado ou de empréstimo) deve digitar um IFEM (-) antes do valor. * Se, ao cadastrar um banco, este não tiver código contábil previsto no Plano de Contas, entre em contato com o departamento contábil da Mitra, para que o cadastro seja feito e disponibilizado para uso das paróquias. Após a implantação do saldo do banco, deverá ser informado o saldo do banco em saldos-contábeis por centro de custo. Caso a paróquia possua mais de uma conta no mesmo banco, isto é, com o mesmo código contábil, o saldo a ser informado será a soma do saldo de todas as contas de mesmo código contábil. Exemplo: Banco do Brasil código contábil 02. Se a paróquia possuir 10 contas correntes no Banco do Brasil, deve somar o saldo anterior das 10 contas e colocar no Saldo Contábeis por Centro de Custos, conforme tela abaixo. Para informar o saldo, passe o Mouse no saldo anterior de janeiro e digite o saldo, ou a soma, se for o caso, existente em 31/12/2011 e tecle ENTER. Confira e, se ok, responda Sim. Informe os saldos de todas as contas contábeis utilizados no cadastro de bancos.

7 Os saldos de Balanço de 31/12/2011 serão cadastrados pela contabilidade, quando estiverem aptos. Digitação dos lançamentos de Caixa e Bancos. Lembramos que as informações realizadas pelo sistema e que possuem valor, são contabilizadas automaticamente pelo sistema, ficando para serem digitadas somente as informações extras, tipo Coletas, despesas com alimentação etc. Movimentação de Caixa (AS CONTAS UTILIZADAS SÃO FICTÍCIAS). Módulo contabilidade-caixa-movimentação.pag 43 do manual

8 O que é o Caixa? A função do Caixa é gerenciar a movimentação contábil de pagamentos e recebimentos, feitas em dinheiro, no dia-a-dia da Paróquia/comunidade. Instruções: - Clique em Incluir; - Digite a Data da Movimentação; *É a data impressa no documento fiscal, ou seja, a data real em que ocorreu a movimentação. - Digite o Código do Centro de Custo; - Informe o Código Contábil da receita ou despesa; O Código Contábil é a conta do Plano de Contas contábil que indica a origem desta movimentação. No exemplo acima, o Código 119 indica que o lançamento digitado, no valor de R$250,00, é uma receita de Dízimo. Cada Diocese possui seu próprio Plano de Contas contábeis, ou seja, os códigos e suas funções serão diferentes para cada diocese. Quando você tiver dúvidas referentes a qual código utilizar para uma determinada receita ou despesa, entre em contato com o setor contábil de sua Diocese. - Em Tipo de Movimentação, informe se o lançamento é uma Saída ou uma Entrada; - Digite o Valor; - Informe o código do Histórico Padrão (caso haja); O Histórico Padrão é um código, definido pela Diocese, que serve como atalho para as principais descrições utilizadas nos lançamentos, padronizando e agilizando a digitação. Por exemplo: se você utiliza diversas vezes a descrição Pagamento conforme NF, a Diocese pode cadastrar um código para esta descrição. Desta maneira, ao digitar um lançamento, ao invés de digitar todo este texto, você poderá digitar apenas o Código. Você pode verificar os Históricos cadastrados no menu Cadastros \ Relação dos Históricos Padrão. - Em Complemento do Histórico, descreva a movimentação; Obs não é necessário ter o código de histórico, pode ser descrito o histórico do lançamento totalmente livre no complemento do histórico - Clique em Gravar. Após gravar, o Sistema ficará automaticamente habilitado para a digitação do próximo lançamento. Caso você não tenha mais lançamentos para digitar, clique Cancelar e depois em Sair. Digitação do movimentação Bancária Local: Banco \ Movimentação... *Caso você possua mais de uma Conta Bancária cadastrada em seu Sistema, aparecerá uma janela questionando em qual delas você deseja trabalhar. Clique duas vezes sobre a conta desejada.

9 O que é a Movimentação de Banco? A função do Banco é gerenciar a movimentação feita em suas contas bancárias. Desta maneira, é possível controlar todos os pagamentos e recebimentos(,) e, posteriormente, enviar estas informações para a diocese. Instruções: - Clique em Incluir; - Digite a Data da Movimentação; *Deve ser a data a data real em que ocorreu a movimentação. - Digite o Código do Centro de Custo; - Informe o Código Contábil da movimentação; O Código Contábil é à conta do Plano de Contas contábil que indica a origem desta movimentação. No exemplo acima, o Código 233 indica que o lançamento digitado, no valor de R$65,00, é uma despesa com água. Cada Diocese possui seu próprio Plano de Contas contábeis, ou seja, os códigos e suas funções serão diferentes para cada diocese. Quando você tiver dúvidas referentes a qual código utilizar para uma determinada receita ou despesa, entre em contato com o setor contábil de sua Diocese. - Em Tipo de Movimentação, informe se o lançamento é uma Saída ou uma Entrada; - Digite o Valor; - Informe o código do Histórico Padrão (caso haja); O Histórico Padrão é um código, definido pela Diocese, que serve como atalho para as principais descrições utilizadas nos lançamentos, padronizando e agilizando a digitação. Por exemplo: se você utiliza diversas vezes a descrição Pagamento conforme NF, a Diocese pode cadastrar um código para esta descrição. Desta maneira, ao digitar um lançamento, ao invés de digitar todo este texto, você poderá digitar apenas o Código. Você pode verificar os Históricos cadastrados no menu Cadastros \ Relação dos Históricos Padrão. Obs não é necessário ter o código de histórico, pode ser descrito o histórico do lançamento totalmente livre no complemento do histórico - Em Complemento do Histórico, descreva a movimentação; - Caso o lançamento seja um cheque nominal, informe o nome do destinatário no campo nominal; * este campo só é necessário quando a paróquia emite o cheque pelo sistema. - Clique em Gravar.

10 Após gravar, o Sistema ficará automaticamente habilitado para a digitação do próximo lançamento. Caso você não tenha mais lançamentos para digitar, clique Cancelar e depois em Sair. Impressão de Relatórios de Caixa e Banco Boletim de Caixa O Boletim de Caixa demonstrará toda a movimentação digitada no caixa (Caixa Movimentação...) no período informado. Local: Caixa \ Boletim de Caixa... Instruções: - Caso você queira visualizar a movimentação de um Centro de Custo específico, selecione-o no campo Centro de Custo. Para visualizar a movimentação de toda a Paróquia, deixe este campo em branco, como na tela acima; - Em totalizador, existem duas opções: Diário (para visualizar a movimentação de apenas um dia) ou Mensal (para visualizar a movimentação de um período maior). O período deverá ser informado no campo Período. Após selecionar as opções desejadas, em Saída do Relatório, marque Vídeo e clique em Imprimir.

11 Extrato de Contas O Extrato de Contas demonstrará toda a movimentação digitada nos Bancos (Bancos \ Movimentação...) no período informado. Local: Bancos \ Extrato de Contas... Instruções: - Marque as contas bancárias, das quais você deseja visualizar a movimentação (no exemplo acima, quero ver apenas a movimentação da Caixa Econômica); - Informe o Período desejado; - Selecione a Saída do Relatório no Vídeo e clique me Imprimir; Mensalmente, assim que terminar as informações, conferirem o extrato das contas bancárias com o extrato do banco e o caixa estiver fechado, avise o departamento contábil da Arquidiocese. A documentação, juntamente com os extratos bancários, deverão ser enviados à Arquidiocese, conforme orientação do setor contábil. Local: Utilitários \ Exportação de Lançamentos...

12 No Módulo Pastoral Também temos alguns cadastros necessários que sejam feitos antes de iniciar o cadastramento dos Dizimistas ou converter os dados de outro sistema e ou realizar a informação da oferta de dízimo. Em Cadastros, clique em Comunidades, conforme imagem abaixo: Cadastre as comunidades existentes em sua paróquia, começando pela comunidade Paroquial, e indique o Centro de custo contábil de cada uma e os agrupamentos. Os agrupamentos são os fracionamentos de uma comunidade, isto é, podemos dividir uma mesma comunidade em várias partes que pode ser um quarteirão, uma vila, uma avenida etc. Quando não há agrupamento informe o mesmo nome da comunidade, veja os exemplos abaixo. Após o cadastro das comunidades, poderemos começar o cadastramento dos Paroquianos, Dizimistas ou não. Também podemos fazer a conversão dos dados que se encontram em outro sistema utilizado pela Paróquia. No tela do cadastro do paroquiano (abaixo), Comunidade/Agrupamento/Conselheiro. Esta informação indica a comunidade que o dizimista pertence e em qual centro de custos as ofertas de dízimo deste paroquiano será contabilizada.

13 Contato pelo CHAT e pelo telefone Maistre.poa Contato.maistre Website.maistre Suporte2.maistre

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Configurando o Módulo... 3 Contas... 3 Conta Caixa... 5 Aba Geral... 5 Aba Empresas... 8 Conta Banco... 9 Aba Geral... 9 Aba Conta Banco... 10 Aba Empresas... 12 Tipos de

Leia mais

Instalação - Primeiros Passos

Instalação - Primeiros Passos O CIAF Hotelaria, é um sistema que permite ao administrador, gerenciar completamente sua empresa que presta serviço de hospedagem como hotéis e pousadas por exemplo. Facilmente você poderá cadastrar suas

Leia mais

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++

Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Contas a Pagar de Locação - Sami ERP++ Neste roteiro será explicado os processos de cadastro, controle e quitação das contas a pagar de condomínios. 1. Cadastro das Contas a Pagar Acesse o módulo FINANCEIRO/

Leia mais

Passo a Passo para Rematrícula Online 2015

Passo a Passo para Rematrícula Online 2015 1. Entrar no site do Colégio: www.riobranco.org.br a) Digitar o Login, que é o número da Matrícula do Aluno (Seta 1) Dica: O número da matrícula pode ser localizado na carteirinha, boletim do aluno, ou

Leia mais

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO:

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: PG DESPESAS COMO CADASTRAR UMA DESPESA 3 COMO PAGO UMA DESPESA 4 COMO ALTERAR OS DADOS DE UMA DESPESA 6 COMO EXLUIR UMA DESPESA 7 COMO FAÇO

Leia mais

Carrera Pessoal 2015. Guia de uso

Carrera Pessoal 2015. Guia de uso Carrera Pessoal 2015 Guia de uso Bem vindo ao Carrera Pessoal 2015, o gerenciador financeiro ideal. Utilizando o Carrera Pessoal você poderá administrar com facilidade as suas finanças e/ou da sua família.

Leia mais

MANUAL PAPELETA MOTORISTA Criado em: 15/02/2013 Atualizado em: 12/11/2014

MANUAL PAPELETA MOTORISTA Criado em: 15/02/2013 Atualizado em: 12/11/2014 O objetivo deste manual é explicar passo a passo o controle da papeleta do motorista realizado no SAT. De acordo com a LEI Nº 12.619, DE 30 DE ABRIL DE 2012, que pode ser acessada em: http://www.planalto.gov.br

Leia mais

Treinamento Módulo Contas a Pagar

Treinamento Módulo Contas a Pagar Contas a Pagar Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla

Leia mais

C C P SUPORTE TÉCNICO EBS

C C P SUPORTE TÉCNICO EBS C C P SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h30min às 18h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. Suporte On-Line

Leia mais

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Item MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Página 1.Apresentação... 4 2.Funcionamento Básico... 4 3.Instalando o MCS... 4, 5, 6 4.Utilizando o MCS Identificando

Leia mais

Manual sistema Laundry 4.0

Manual sistema Laundry 4.0 Manual sistema Laundry 4.0 Sistema para serviços de Lavanderia Comércios Empresa responsável Novacorp informática Fone (41) 3013-1006 E-mail marcio@novacorp.com.br WWW.novacorp.com.br Sumario 1 Este manual

Leia mais

Para cadastrar uma nova conta, clique sobre o botão preencha os campos habilitados.

Para cadastrar uma nova conta, clique sobre o botão preencha os campos habilitados. Contas a Pagar de Condomínio - Sami ERP++ Neste roteiro será explicado os processos de cadastro, controle e quitação das contas a pagar de condomínios. 1. Entrada Contas a Pagar Acesse o Módulo FINANCEIRO

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

TRABALHANDO COM O ORÇAMENTO NO GERENCIAL

TRABALHANDO COM O ORÇAMENTO NO GERENCIAL Execute o ícone na área de trabalho: TRABALHANDO COM O ORÇAMENTO NO GERENCIAL Aguarde um instante, irá aparecer à seguinte tela: Clique no botão EXECUTAR e aguarde um momento. Após ter clicado em EXECUTAR

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Geral. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Geral Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema de Almoxarifado

Leia mais

Conteúdo 1.0 - GERACÃO DO ARQUIVO PARA EMISSÃO DA NF ELETRÔNICA... 2

Conteúdo 1.0 - GERACÃO DO ARQUIVO PARA EMISSÃO DA NF ELETRÔNICA... 2 Tutorial UltraPDV - GERAÇÃO DO ARQUIVO ELETRÔNICO DE NOTA FISCAL ULT-027-GERAÇÃO DO ARQUIVO ELETRÔNICO DE NOTA FISCAL Conteúdo 1.0 - GERACÃO DO ARQUIVO PARA EMISSÃO DA NF ELETRÔNICA.... 2 1.1 - GERAR UMA

Leia mais

1. Controle de exercício

1. Controle de exercício 1 1. Controle de exercício Para realizar lançamentos e emitir relatório o módulo Contabil obriga a criação de exercícios, que na verdade representam os anos de atividade da empresa. Confira algumas dicas

Leia mais

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Versão Fevereiro/2013 Índice PCS - Módulo de Prestação de Contas...3 Acesso ao Módulo PCS...3 1. Contas financeiras...5 1.1. Cadastro de

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO CHECKLIST

ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO CHECKLIST ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO CHECKLIST Para auxiliar nas providências que devem ser tomadas para o encerramento de exercício, foi elaborada uma série de verificações, em formato de checklist, que devem ser

Leia mais

Roteiro elaborado com o objetivo de auxiliar os convenentes no registro das prestações de contas no SIGPC Contas Online.

Roteiro elaborado com o objetivo de auxiliar os convenentes no registro das prestações de contas no SIGPC Contas Online. FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO FNDE Roteiro de orientações ao convenente para prestação de contas do Programa Caminho da Escola no SiGPC Contas Online Roteiro elaborado com o objetivo de

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO EBS. E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br.

SUPORTE TÉCNICO EBS. E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. C C P SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h30min às 18h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@ebs.com.br. Suporte On-Line

Leia mais

Solicitação de Reposição? FS71.1

Solicitação de Reposição? FS71.1 Como Trabalhar com Solicitação de Reposição? FS71.1 Sistema: Futura Server Caminho: Estoque>Reposição>Reposição Referência: FS71.1 Versão: 2015.9.18 Como Funciona: Esta tela é utilizada para solicitar

Leia mais

* COMO ACESSAR O SISTEMA?

* COMO ACESSAR O SISTEMA? * OBJETIVO: Possibilitar que os usuários autorizados da SEDUC PA, cadastrem processos e/ou documentos acompanhando o andamento dos mesmos até a sua finalização ou cancelamento. Através deste módulo haverá

Leia mais

Sistema de Ponto Eletrônico. Ponto Secullum 4

Sistema de Ponto Eletrônico. Ponto Secullum 4 Sistema de Ponto Eletrônico Ponto Secullum 4 Clique no icone Ponto Secullum 4 para abrir o Programa Digite seu usuário e senha Obs: A senha deverá ser alterada no 1º acesso Clique no botão Fechar Para

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO PÚBLICA

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO PÚBLICA PAG:1 SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO PÚBLICA MÓDULO : LICITAÇÕES E CONTRATOS Manual de Treinamento 2008 PAG:2 MÓDULO DE LICITAÇÃO E COMPRAS OBJETIVO: Controlar a documentação dos processos licitatórios dentro

Leia mais

Integração da Digitação de Eventos

Integração da Digitação de Eventos Integração da Digitação de Eventos Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 1 1.2. Conhecendo a Plataforma... 3 1.2.1. Seleção da Empresa... 3 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações...

Leia mais

Ordem de Serviços. Abaixo será informado o procedimento passo a passo para emissão da ordem de serviço no CIAF.

Ordem de Serviços. Abaixo será informado o procedimento passo a passo para emissão da ordem de serviço no CIAF. Ordem de Serviços. Abaixo será informado o procedimento passo a passo para emissão da ordem de serviço no CIAF. 1 -Abertura da Ordem de Serviços: 1.1 Entre em Serviços + Ordem de Serviço + Abertura de

Leia mais

MANUAL - CONTABILIDADE

MANUAL - CONTABILIDADE MANUAL - CONTABILIDADE MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. MÓDULO CONTABILIDADE...4 2.1. PLANO CONTÁBIL...4 2.2. BOLETIM CONTÁBIL...4 2.2.1. Lançamentos Contábeis...5

Leia mais

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 2 Instalação o o o o Baixar o Setup v3.5.38.exe disponível no site do BNB Executando o aplicativo aparecerá a imagem abaixo Clique

Leia mais

Treinamento de. Linx Pos

Treinamento de. Linx Pos Treinamento de caixa Linx Pos Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: Linx POS ÍNDICE Abertura de caixa e leitura X Lançamentos Cancelamento de itens Consulta preços no ato

Leia mais

PASSO A PASSO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETOS NO SITE DO IAMAR IMPORTANTE:

PASSO A PASSO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETOS NO SITE DO IAMAR IMPORTANTE: IMPORTANTE: Recomendamos que o formulário seja preenchido com calma e bastante atenção. Quanto mais claras e detalhadas forem as informações mais chances seu projeto terá de ser compreendido na íntegra

Leia mais

Implantação do sistema Condominium

Implantação do sistema Condominium Implantação do sistema Condominium Nesse manual iremos acompanhar o passo a passo para a implantação do sistema, portanto iremos pular algumas telas do cadastro, que deverão ser preenchidas após a implantação

Leia mais

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1 MANUAL DO USUÁRIO 1 SUMÁRIO Tela de Login... 3 Telas de Atualização e Informação... 3 Cadastro de Clientes... 7 Cadastro de Grupos... 7 Cadastro de Subgrupos... 8 Cadastro de Fornecedores... 8 Cadastro

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE. Versão: 01.08

MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE. Versão: 01.08 MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE Versão: 01.08 Índice Instalação do Sistema...03 Tela inicial do Sistema...10 Módulos...11 Conteúdo do Menu Arquivo...11 Finalizar...11 Inclusão

Leia mais

SIGA Manual -1ª - Edição

SIGA Manual -1ª - Edição SIGA Manual -1ª - Edição ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 4 2. MÓDULO DE PROCESSOS 4 3. ACESSO AO SISTEMA 4 3.1 Acessando o Sistema 4 3.2 Primeiro Acesso 5 3.3 Login do Fornecedor 5 o Teclado Virtual 5 o Máquina Virtual

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

TREINAMENTO LBCGAS. MODULO Financeiro

TREINAMENTO LBCGAS. MODULO Financeiro TREINAMENTO LBCGAS MODULO Financeiro INDICE 1. Faturamento de clientes 3 2. Contas a Pagar 10 3. Contas a Receber 13 4. Cartão de crédito 14 5. Cheques 18 6. Devolução de cheques 22 7. Boleto Bancário

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO USO DE SERVIÇOS DISPONIVEIS NO SITE DA ALIANÇA ADMINISTRADORA

MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO USO DE SERVIÇOS DISPONIVEIS NO SITE DA ALIANÇA ADMINISTRADORA MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO USO DE SERVIÇOS DISPONIVEIS NO SITE DA ALIANÇA ADMINISTRADORA SERVIÇOS AO CLIENTE DISPONIVÉIS NO SITE Este material serve para orientar os parceiros da Aliança sobre os serviços

Leia mais

Passo a Passo do Cadastro Funcionários no SIGLA Digital

Passo a Passo do Cadastro Funcionários no SIGLA Digital Passo a Passo do Cadastro Funcionários no SIGLA Digital Funcionários Página 1 de 12 O cadastro de funcionários permite cadastrar o usuário que vai utilizar o SIGLA Digital e também seus dados pessoais.

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS QUANTO A UTILIZAÇÃO DO SUBSISTEMA DE CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE DOCUMENTOS/SGA

MANUAL DE PROCEDIMENTOS QUANTO A UTILIZAÇÃO DO SUBSISTEMA DE CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE DOCUMENTOS/SGA MANUAL DE PROCEDIMENTOS QUANTO A UTILIZAÇÃO DO SUBSISTEMA DE CONTROLE DE EXPEDIÇÃO DE DOCUMENTOS/SGA DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE SECRETARIA GERAL SERVIÇO DE COMUNICAÇÕES ADMINISTRATIVAS

Leia mais

AR PDV SOLUÇÕES AR CONSULTORIA EM INFORMÁTICA

AR PDV SOLUÇÕES AR CONSULTORIA EM INFORMÁTICA 1 Sumário: 1. AR PDV...02 2. Registro / Login...03 3. Configuração...03 4. Abertura de Caixa...03 5. Registro de Vendas...04 a. Passos para Emissão do Cupom Fiscal...05 b. Inserindo Produtos...06 c. Formas

Leia mais

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO?

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO? Índice BlueControl... 3 1 - Efetuando o logon no Windows... 4 2 - Efetuando o login no BlueControl... 5 3 - A grade de horários... 9 3.1 - Trabalhando com o calendário... 9 3.2 - Cancelando uma atividade

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA FINANX

MANUAL DO SISTEMA FINANX MANUAL DO SISTEMA FINANX www.meusoft.com.br Indice Item Descrição Pg 1. Objetivo e Principais Funcionalidades 3 2. Para acessar e instalar a aplicação 4 3. Conhecendo o FinanX 6 3.0 Tela inicial de LOGIN

Leia mais

1223o TUTORIAL PRÉ-VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO

1223o TUTORIAL PRÉ-VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO 1223o TUTORIAL PRÉ-VENDA Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO TUTORIAL PRÉ-VENDA NO SYSPDV Casa Magalhães Comércio e Representações Ltda O objetivo deste tutorial é apresentar

Leia mais

Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++

Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++ Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++ 1. Baixa Manual de Boletos 1.1. Recebimentos Doc s - Caixa Acesse o módulo TERMINAL DE CAIXA/ CAIXA/ ABERTURA DE CAIXA/ CONDOMÍNIO/ LANÇAMENTOS AUTOMÁTICO/ RECEBIMENTOS

Leia mais

Themis Serviços On Line - Publicações

Themis Serviços On Line - Publicações Nome do documento Guia do Usuário Themis Serviços On Line - Publicações Sumário Introdução:... 3 1 - Cadastro dos Usuários do Themis Serviços On Line:... 3 2 - Acesso ao Sistema Themis Serviços On Line:...

Leia mais

Í N D I C E A N A L Í T I C O

Í N D I C E A N A L Í T I C O DIRF CARTÃO 2013 V4..03 DE 07//02//2013 PROGRAMA PARA IMPORTAÇÃO DE DADOS DE CARTÕES DE CRÉDITO NA DIRF 2013 VERSÃO COM VISANET E REDECARD IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO EM LOTE CAPTURA DADOS CADASTRAIS DE EMPRESAS

Leia mais

Gerenciamento de Tarefas

Gerenciamento de Tarefas Gerenciamento de Tarefas O objetivo deste módulo é ajudar a gerenciar de forma mais simples e eficiente todas as tarefas da empresa, relacionadas a contatos, projetos, propostas, contratos etc... Configuração

Leia mais

CONVÊNIO TJ-SC 10/2014

CONVÊNIO TJ-SC 10/2014 1 CONVÊNIO TJ-SC 10/2014 Sumário Acesso à aplicação... 3 Termo de Uso do Sistema... 3 Alteração de Senha... 3 Consultas Cadastrais e de crédito... 4 Histórico de Alterações Cadastrais... 4 Declarações/Jurídico...

Leia mais

Treinamento do Sistema RH1000

Treinamento do Sistema RH1000 Treinamento do Sistema RH1000 = Bloco Seleção = Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial Atualizado em 23Jul2015 1 Estrutura do Sistema RH1000 Gerenciar e administrar Sistema RH1000 Planejamento Estratégico

Leia mais

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012 MANUAL DA DIPAM A Versão de 10/05/2012 1 Índice Geral... 3 Configuração Mínima... 3 Instalação... 4 Procedimento pós-instalação para sistemas com Vista ou Windows 7... 8 Uso do Programa DIPAM-A... 10 DIPAM

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Primeiramente deve-se digitar o login e senha de acesso para acessar o Jurídico 2000.

MANUAL DO USUÁRIO. Primeiramente deve-se digitar o login e senha de acesso para acessar o Jurídico 2000. MANUAL DO USUÁRIO Primeiramente deve-se digitar o login e senha de acesso para acessar o Jurídico 2000. O Jurídico 2000 exibe o cadastro de Processos assim que é inicializado. A partir dessa tela você

Leia mais

paradigma WBC Public - compra direta Guia do Fornecedor paradigma WBC Public v6.0 g1.0

paradigma WBC Public - compra direta Guia do Fornecedor paradigma WBC Public v6.0 g1.0 paradigma WBC Public - compra direta Guia do Fornecedor paradigma WBC Public v6.0 g1.0 agosto de 2007 As informações contidas neste documento, incluíndo quaisquer URLs e outras possíveis referências a

Leia mais

Baixa Boletos de Locação - Sami ERP++

Baixa Boletos de Locação - Sami ERP++ Baixa Boletos de Locação - Sami ERP++ 1. Baixa Manual de Boletos 1.1. Recebimentos Doc s - Caixa Acesse o módulo TERMINAL DE CAIXA/ CAIXA/ ABERTURA DE CAIXA/ LOCAÇÃO LANÇAMENTOS AUTOMÁTICO/ RECEBIMENTOS

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE SANTA CATARINA PONTO SECULLUM 4 SISTEMA DE CONTROLE DE PONTO MANUAL PARA A GERÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE SANTA CATARINA PONTO SECULLUM 4 SISTEMA DE CONTROLE DE PONTO MANUAL PARA A GERÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE SANTA CATARINA PONTO SECULLUM 4 SISTEMA DE CONTROLE DE PONTO MANUAL PARA A GERÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS SUMÁRIO 1 ABRINDO O SISTEMA... 3 1.1 ÍCONE DO PROGRAMA NA VERSÃO

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Relatórios...3 Mix de Compra...3 Peças >> Relatórios >> Mix de Compra Peças...3 Mix de Vendas...4 Peças >> Relatórios >> Mix de Venda Peças...4 Tabela de Preços...6 Peças

Leia mais

ORIENTAÇÃO AO TOMADOR DE SERVIÇO, QUANTO A RETENÇÃO DO ISS

ORIENTAÇÃO AO TOMADOR DE SERVIÇO, QUANTO A RETENÇÃO DO ISS 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCISCO BELTRÃO SECRETARIA DE FINANÇAS / DEPARTAMENTO DE FISCALIZAÇÃO ORIENTAÇÃO AO TOMADOR DE SERVIÇO, QUANTO A RETENÇÃO DO ISS Olá Tomadores de Serviço, a Prefeitura Municipal

Leia mais

Treinamento do Sistema RH1000

Treinamento do Sistema RH1000 Treinamento do Sistema RH1000 = Bloco Treinamento = Ohl Braga Desenvolvimento Empresarial Atualizado em 25Mai2014 1 Bloco Treinamento Tópico Slide Dinâmica dos treinamentos 4 Áreas de treinamento 5 Treinamentos

Leia mais

REGISTRO DE PROJETOS

REGISTRO DE PROJETOS REGISTRO DE PROJETOS 1. REGISTRO DE PROJETOS Esta aplicação tem o objetivo de realizar o Registro de Projetos da Instituição. É possível, incluir, alterar ou excluir essas informações. 1.1. Acessando a

Leia mais

Manual Operacional do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Fevereiro de 2008

Manual Operacional do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Fevereiro de 2008 Manual Operacional do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Fevereiro de 2008 Índice 1. Acesso ao Sistema Página 3 1.1 Acessar o Sistema de Concessão de Diárias e Passagens SCDP com Login

Leia mais

Sair da tela Contas a Receber. Limpa todos os filtros marcados, para uma nova busca. Altera dados da parcela selecionada.

Sair da tela Contas a Receber. Limpa todos os filtros marcados, para uma nova busca. Altera dados da parcela selecionada. CONTAS A RECEBER CONSULTA E DE TÅTULOS ARQUIVOS > FINANCEIRO > CONTAS A RECEBER 1. ÅCONES PRINCIPAIS: SAIR LIMPAR LOCALIZAR ALTERAR PARCELA FINANCEIRO IMPRIMIR DESCONTAR BOLETOS ABRIR DOCUMENTO Sair da

Leia mais

Ajuda On-line - Sistema de Central de Materiais Esterilizados. Versão 1.0

Ajuda On-line - Sistema de Central de Materiais Esterilizados. Versão 1.0 Ajuda On-line - Sistema de Central de Materiais Esterilizados Versão 1.0 Sumário Central de Materiais Esterilizados 3 1 Manual... de Processos - Central de Materiais Esterilizados 4 Fluxos do... Processo

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V FOLHA DE PAGAMENTO Controle FGTS / Guias Recolhimento / Remessa para banco / Encerramento anual Folha Union> Movimento> Controle de FGTS> Importar depósitos As telas de Controle de FGTS são utilizadas

Leia mais

MANUAL CALCULADORA DE IR SANTANDER CORRETORA

MANUAL CALCULADORA DE IR SANTANDER CORRETORA MANUAL SANTANDER CORRETORA 1 A Calculadora de IR possibilita realizar o cálculo do imposto devido das operações em Bolsa e facilita na hora de você prestar contas à Receita Federal. VANTAGENS Importa automaticamente

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: 2 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO SUPORTE PARA ACESSO À FATURA NA INTERNET

SUPORTE TÉCNICO SUPORTE PARA ACESSO À FATURA NA INTERNET SUPORTE TÉCNICO Saldo / Fatura 1) Como acessar a Fatura...01 2) Escolha o tipo de cartão...02 3) Alerta de Segurança...03 4) Identificação Positiva...04 5) Visualização da fatura...05 6) Erros mais comuns...06

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 Vendas... 3 1.1

Leia mais

Aula 5 Pagamento de Fornecedor Caso 4: Aquisição de

Aula 5 Pagamento de Fornecedor Caso 4: Aquisição de Aula 5 Pagamento de Fornecedor Caso 4: Aquisição de material de consumo sem contrato e sem retenções: gerando documento hábil NP Tutorial 1: Introdução e checklist Olá, Conforme vimos no Tutorial 1 do

Leia mais

O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

NOVO MÓDULO PATRIMÔNIO

NOVO MÓDULO PATRIMÔNIO NOVO MÓDULO PATRIMÔNIO 1 PARÂMETROS 1.1 Aba Geral 1. No quadro Período, no campo: Observação: Após ser efetuado o cálculo de qualquer período, o campo Inicial, não poderá mais ser alterado. Inicial, informe

Leia mais

SUMÁRIO SISTEMA TELECONT CONTROLE CONTÁBIL

SUMÁRIO SISTEMA TELECONT CONTROLE CONTÁBIL SUMÁRIO SISTEMA TELECONT CONTROLE CONTÁBIL 1. Noções Gerais 10 1.1. Sistema com Fundamento Atualizável 10 1.2. Processamento dos Movimentos Contábeis 10 1.3. Assistência Técnica 10 1.4. Procedimento para

Leia mais

Versão 8.2C-08. Domínio Atendimento

Versão 8.2C-08. Domínio Atendimento Versão 8.2C-08 Domínio Atendimento Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso,

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo.

MANUAL DO USUÁRIO. Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. MANUAL DO USUÁRIO Ao iniciar o Finanças 2000, você será solicitado a modificar ou confirmar a Data e Hora do sistema, quando aparecer a tela abaixo. 1. Modifique a data e hora e lique em Confirmar, ou

Leia mais

Manual do Portal do Aluno

Manual do Portal do Aluno Manual do Portal do Aluno Setor de Tecnologia da Informação T.I. Escola Superior Batista do Amazonas Última revisão: 9/10/2012 Conteúdo 1. Acessando o Portal do Aluno... 3 2. Menu do Portal do Aluno...

Leia mais

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 CONSULTA DE PROTOCOLO. 07 4 PROTOCOLOS PENDENTES. 08 5 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. 09 6 ANDAMENTO DE PROTOCOLO

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 CONSULTA DE PROTOCOLO. 07 4 PROTOCOLOS PENDENTES. 08 5 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. 09 6 ANDAMENTO DE PROTOCOLO ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 04 2 ACESSO... 05 3 CONSULTA DE PROTOCOLO... 07 4 PROTOCOLOS PENDENTES... 08 5 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO... 09 6 ANDAMENTO DE PROTOCOLO... 10 1 INTRODUÇÃO SISTEMA DE CONTROLE DE

Leia mais

Tutorial Report Express. Como iniciar o uso dos serviços fazer a diferença.

Tutorial Report Express. Como iniciar o uso dos serviços fazer a diferença. Tutorial Report Express Como iniciar o uso dos serviços fazer a diferença. Índice Apresentação Pág. 3 Passo 1 Pág. 4 Instalação do MasterDirect Integrações Passo 2 Pág. 8 Exportar clientes Linha Contábil

Leia mais

Movimentação de Frete

Movimentação de Frete Movimentação de Frete O objetivo desse procedimento é registrar no sistema as movimentações de CTR (Conhecimento de Transporte Rodoviário). Para realizar o lançamento de um CTR proceda da seguinte forma:

Leia mais

Alguns recursos da planilha são baseados em MACROS, e para que os mesmos funcionem perfeitamente é necessário que se habilitem as macros do Excel.

Alguns recursos da planilha são baseados em MACROS, e para que os mesmos funcionem perfeitamente é necessário que se habilitem as macros do Excel. SOBRE MACROS CONTABILIZAR CONTROLE DE CAIXA > MANUAL CONTAS A PAGAR Alguns recursos da planilha são baseados em MACROS, e para que os mesmos funcionem perfeitamente é necessário que se habilitem as macros

Leia mais

Manual de uso do Borderô Credix

Manual de uso do Borderô Credix Manual de uso do Borderô Credix Após efetuar o download do aplicativo siga os passos para a instalação do sistema, ao final será criado um atalho na área de trabalho, como ilustra a figura 1. Figura 1

Leia mais

1 DOCUMENTOS FATURÁVEIS

1 DOCUMENTOS FATURÁVEIS 1 DOCUMENTOS FATURÁVEIS O faturamento do posto deve ser ágil e exato, para tanto as funcionalidades básicas que devem ser focadas são as de conferência de documentos e de configuração e validação das informações

Leia mais

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos)

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos) Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Seja bem-vindo(a) ao Simulador de Ações FinanceDesktop. Seu propósito é oferecer um ambiente completo e fácil de usar que permita o registro

Leia mais

Manual de instalação e utilização do programa Faróis Vinco Pedidos

Manual de instalação e utilização do programa Faróis Vinco Pedidos Página 1 de 23 SUMÁRIO 1. Pré-requisitos do computador para instalação do sistema Faróis Vinco Pedidos... 2 2. Instalação do... 3 3. Executando o sistema pela primeira vez... 5 4. Menus do sistema... 6

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

Boletim Técnico. Para isto deverão ser cadastrados os Mapas de Rateio que serão utilizados no Processo de Execução do Rateio Gerencial.

Boletim Técnico. Para isto deverão ser cadastrados os Mapas de Rateio que serão utilizados no Processo de Execução do Rateio Gerencial. Mapa de Rateio Produto : Totvs Gestão Contábil - Versão 11.50 Processo Subprocesso : Rateio Gerencial : Mapa de Rateio Data da publicação : 29/10/2012 O processo de Rateio Gerencial tem como finalidade

Leia mais

E-Sindicato APLICATIVO COMERCIAL

E-Sindicato APLICATIVO COMERCIAL E-Sindicato APLICATIVO COMERCIAL MANUAL DO USUÁRIO Apresentamos o novo Sitema E-Sindicato do SISMI que irá trazer novas melhorias e inovações para você, nosso parceiro Comercial. Abaixo você acompanha

Leia mais

GERAÇÃO DO SINTEGRA GDOOR 2015. 1 Recuperar Movimentação

GERAÇÃO DO SINTEGRA GDOOR 2015. 1 Recuperar Movimentação GERAÇÃO DO SINTEGRA GDOOR 2015 Se você tem ECF (Impressora Fiscal) no seu estabelecimento, siga os passos a baixo, se não tem pule para o passo 2. 1 Recuperar Movimentação Esta função faz com que o sistema

Leia mais

COTAÇÃO DE COMPRAS COM COTAÇÃO WEB

COTAÇÃO DE COMPRAS COM COTAÇÃO WEB COTAÇÃO DE COMPRAS COM COTAÇÃO WEB RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de

Leia mais

COMO FAZER UMA VENDA?

COMO FAZER UMA VENDA? COMO FAZER UMA VENDA? A-1- OPERAÇÕES-EMISSOR DE CUPOM FISCAL (FRENTE DE LOJA) 01-Clique em Operações Pedidos de Vendas OBS:No PAF é Emissão de Cupom Fiscal 02-Clique em NOVO 03-identifique o vendedor 04-Coloque

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo:

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: GUIA DE ORIENTAÇÃO 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: 1.1 - ACESSAR O SITE DA PREFEITURA: 1.2 - CLICAR NA OPÇÃO: SERVIÇOS >> NOTA FISCAAL ELETRÔNICA 1.3 - Aguarde carregar

Leia mais

NewAgent enterprise-brain

NewAgent enterprise-brain Manual NewAgent enterprise-brain Primeiro acesso Manual NewAgent enterprise-brain Este guia servirá para orientá-lo no uso das principais funções da NewAgent. Veja como realizar seu acesso, alterar seu

Leia mais

DFC - DEMOSNTRAÇÕES DE FLUXO DE CAIXA EMITIR DFC NO SISTEMA DOMÍNIO CONTÁBIL

DFC - DEMOSNTRAÇÕES DE FLUXO DE CAIXA EMITIR DFC NO SISTEMA DOMÍNIO CONTÁBIL DFC - DEMOSNTRAÇÕES DE FLUXO DE CAIXA A DFC tem como função demonstrar a variação do fluxo de caixa da empresa, evidenciando os valores das atividades operacionais, atividades de investimento, e atividades

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO GUIA DO USUÁRIO

GUIA DO USUÁRIO GUIA DO USUÁRIO GUIA DO USUÁRIO www.accountcontabilidade.com.br 1 SUMÁRIO Acessando o sistema 04 Atalhos 05 Importando Exercícios Eletrônicos 06 Apresentação dos Exercícios Eletrônicos 07 Procedimentos para resolver exercícios

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO AMBIENTAL SIGAM MANUAL REQUERIMENTO ON LINE 2009 Fundação Instituto de Administração FIA Página Inicial Ao acessar a tela inicial, clique sobre a frase: Inicie o Requerimento

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo III

Treinamento Sistema Condominium Módulo III Financeiro (Lançamentos Despesas e Saldos) Nesse módulo iremos apresentar os principais recursos da área contábil do sistema. Contábil> Lançamentos Nessa tela é possível lançar as despesas dos condomínios,

Leia mais

Atendimento Eletrônico via Internet para Concessionárias

Atendimento Eletrônico via Internet para Concessionárias Atendimento Eletrônico via Internet para Concessionárias Manual Operacional Concessionária Atendimento Eletrônico via Internet. A maneira mais inteligente de agilizar o seu atendimento, fidelizar seus

Leia mais

Posição Financeira ABRACAF

Posição Financeira ABRACAF Nota Técnica de Configurações Em caso de dúvidas operacionais, entrar em contato com o Help Desk da Ação Informática, ura contábil. RECOMENDAÇÕES: 1. Confirmar se a operação da PEF, no FiatNet, está atualizada

Leia mais