Eng. Pedro Havranek Nascimento Coordenador HVAC-R WEG Automação. Inversores HVAC - WEG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Eng. Pedro Havranek Nascimento Coordenador HVAC-R WEG Automação. Inversores HVAC - WEG"

Transcrição

1 Eng. Pedro Havranek Nascimento Coordenador HVAC-R WEG Automação Inversores HVAC - WEG

2 Referências A líder de drives no Brasil conquista o mercado de HVAC. Maracanã Aeroporto de Manaus UO Bacia de Santos - Petrobrás EBN Estaleiro e Base Naval do Programa Desenvolvimento de Submarinos (Prosub-EBN) Fábrica da Otis FGV Rio de Janeiro Tietê Plaza Shopping + 70 Lojas Supermercados Dia Natura Centro Distribuição SP

3 CFW 701 HVAC Hardware Filtro de Harmônicas Reatância Link CC Filtro de RFI RS-485 : BACnet, Modbus-RTU e MetaSys N2 8 Entradas Digitais 5 Saídas Digitais (2 a relé) 3 Entradas Analógicas 2 Saídas Analógicas 1 Entrada Dedicada para PTC 50º C 24 Horas/Dia 365 Dias/Ano com In 1,5 a 75 CV em 220 V 2 a 175 CV em V Funções Especiais HVAC: Economia de Energia Bypass Bomba Seca Correia do Ventilador Partida IHM com unidades de Engenharia HVAC Proteção contra clicos curtos Alarme Troca do Filtro 3 Loops PID s de ultima geração Modo Dormir Fire Mode Métodos de Controle: V/F (Escalar) VVW (Voltage Vector WEG) Vetorial Sensorless SoftPLC: Flexibilidade para o usuário Redução de Custos para o cliente Ferramenta de Software Freeware

4 CFW 501 HVAC Hardware Filtro de Harmônicas Harmonic Mitigation Technology Filtro de RFI RS-485 : BACnet, Modbus-RTU e MetaSys N2 4 Entradas Digitais 3 Saídas Digitais (2 a relé) 2 Entradas Analógicas (1 pode ser PTC) 1 Saída Analógica 50º C 24 Horas/Dia 365 Dias/Ano com In 0,25 a 12,5 CV em V Funções Especiais HVAC: Economia de Energia Bypass Bomba Seca Correia do Ventilador Partida IHM com unidades de Engenharia HVAC Proteção contra clicos curtos Alarme Troca do Filtro 2 Loops PID s de ultima geração Modo Dormir Fire Mode Métodos de Controle: V/F (Escalar) VVW (Voltage Vector WEG) SoftPLC: Flexibilidade para o usuário Redução de Custos para o cliente Ferramenta de Software Freeware

5 Interface Homem Máquina IHM Incorporada (não é acessório) CFW 701 CFW teclas operação. LCD com backlight Pode ser montada remotamente Mesma Interface para o CFW501 e CFW Parâmetros para o usuário SoftPLC Menu com atalhos para as principais funções Unidades de Engenharia HVAC: (Hz, V, A, W, kw, rpm, %, C, F, bar, mbar, psi, Pa, kpa, MPa, mwc (metros de coluna agua),m³, gal, ft, ft³, min, m, in, s, ms, h, m/s, m/min, m/h, ft/s, ft/min, ft/h, m³/s, m³/min, m³/h, l/s, l/min, l/h, gal/s, gal/min gal/h, ft³/s, ft³/min (= CFM) e ft³/h. Até 30 m 4

6 Filtro de RFI - Incorporado 5

7 O que é Distorção Harmônica? IEC THDi (F) < 48 6

8 Que problemas s THDI pode gerar? Aumento da Irms Problemas de aquecimento em cabos e transformadores Diminuição no Fator de Potência Interferências em redes de comunicação Trips em disjuntores e queima de fusíveis Distorção Harmônica de Tensão 7

9 O que fazemos para diminuir os efeitos? IEC THDi (F) < 48 8

10 O que fazemos para diminuir os efeitos? HMT - Harmonic Mitigation Technology Lembrando que o grande responsável pela distorção harmônica de corrente na entrada (THDI) é o pico de corrente gerado na carga dos capacitores do barramento CC. Harmonic Mitigation Technology, opera no sentido de diminuir este efeito através da drástica redução da capacitância deste circuito. Sendo utilizadas capacitâncias na ordem de 2% a 6% de um inversor tradicional. Além da redução da capacitância, a tecnologia conta com sofisticado algoritmo para melhorar a regulação no link CC. Com a HMT elimina-se a necessidade de uso de indutores ou reatâncias no circuito de entrada, reduzindo o tamanho e custo do inversor sem aumentar a THDI. Conseguimos ainda reduzir a corrente de entrada, o que numa instalação pode significar diminuição dos cabos e transformadores. A redução de tamanho do inversor trás além do benefício de um custo menor no drive, uma considerável diminuição no custo dos painéis elétricos. 9

11 MALHAS PID AVANÇADAS 3 Malhas PID (CFW701). 2 Malhas PID (CFW501). Controladores PID s de última geração. Set Point e Present Value com unidades de Engenharia. Ajustes Avançados de Sintonia : Tempo de Amostragem, Valores Minimo e Máximo da Saída, Desvios diferentes para o Modo Dormir e Despertar; Tempos Ajustáveis para Modo Dormir e Despertar. Alarmes de Valores Minimos e Máximos da Realimentação do PID (Segurança no Processo). A solução ideal para Controle de Faincoils, uma malha controlando o ventilador, outra malha controlando a válvula de aguá gelada, e ainda com CFW 701 podemos ter outra malha controlando aquecimento, humidade ou dumper. Evita o uso de controladores para Faincoils, simplificando a instalação, aumentando a confiabilidade e reduzindo custos de instalação e manutenção.

12 Soft PLC Função de software que agrega ao CFW501 HVAC e CFW701 HVAC as funcionalidades de um controlador lógico programável (CLP), permitindo a criação de aplicativos próprios, garantindo flexibilidade e redução de custos. Linguagem de programação ladder via software gratuito WLP Blocos de CLP, matemáticos e controle, funções avançadas como filtros, PID s e blocos de função do usuário. Acesso a todos os parâmetros do inversor. 80 parâmetros do usuário na IHM, com configuração personalizadas de unidades, limites mínimos e máximo, casas decimais. Diversas possibilidades de aplicação, como rodízio de bombas em CAG, rodízio de compressores ou controle de Fancoils. Gratuita e fácil integração com o Building Management System (BMS) através da porta RS-485 que tem integrada os protocolos BACnet MS TP, Modbus RTU e Metasys N2 Back up podem ser feitos através do módulo de memória Flash

13 O que fazer com Soft PLC? BMS

14 Flexibilidade e Ergonomia

15 Economia de Energia O rendimento do motor é otimizado acima de 65 % a 75% da carga nominal. A função de Economia de Energia atua abaixo deste valor. Agindo diretamente na tensão aplicada na saída do inversor, altera-se o fluxo magnético entregue ao motor reduzindo as perdas. Pelo gráfico podemos perceber que em alguns pontos a potência consumida chega à ser até 50% menor. Obtivemos economia de energia de 15 % em relação ao uso de inversores sem a função em alguns cases. Potência (W) W22 Premium 3 CV - Ventilador Rotação (RPM)

16 Bomba Seca Através da monitoração da curva de torque da bomba o inversor consegue identificar que não existe fluído na sucção da bomba. Nesta condição a bomba não pode operar, pois o selo de vedação irá se deteriorar. Após a identificação o Inversor para a bomba, gerando falha e indicando para o usuário a condição imprópria para funcionamento. Desta forma aumentamos a confiabilidade do sistema, sem a necessidade de incluirmos componentes adicionais como relés de corrente e fluxostato. A instalação fica mais simples, econômica e segura.

17 Correia Partida Através da monitoração da curva de torque do ventilador o inversor consegue identificar que que não existe vazão, provavelmente porque a correia está quebrada. Esta condição pode ser de risco, pois este ventilador pode estar sendo utilizado na exaustão de fumaça, ou em um Fancoil numa sala cirúrgica. Após a identificação o Inversor para o ventilador, gerando falha e indicando para o usuário a condição imprópria para funcionamento. Podendo acionar o ventilador de back-up. Desta forma aumentamos a confiabilidade do sistema, sem a necessidade de incluirmos componentes adicionais como relés de corrente e fluxostato. A instalação fica mais simples, econômica e segura.

18 Proteção Contra Ciclos Curtos Compressores tem ciclos de partidas limitados, devido a características mecânicas. A Proteção Contra Ciclos Curtos, limita o número de partidas por hora do compressores de maneira a aumentar sua vida útil. Através de parâmetros na IHM, podemos ajustar facilmente o intervalo mínimo entre partidas. A função substitui a instalação de componentes adicionais como contatores de comando, temporizadores e CLP s.

19 Fire Mode Permite que o motor opere mesmo em condições adversas, inibindo a maioria das falhas e resetando infinitamente as falhas críticas. A função é habilitada através de entrada digital, e além da inibição das falhas pode operar em modos distintos, como fazer com que o motor opere na velocidade máxima, mantenha a velocidade atual ou altere o setpoint do PID. CFW 701 HVAC + Smoke Extration certificados na Europa atendendo a norma EN A escolha certa para Extratores de Fumaça.

20 Bypass O modo Bypass permite que o motor seja acionado pela rede de alimentação trifásica através de um contator que irá executar a partida direta, em caso de falha no conversor ou através de comando via entrada digital. Para isto é necessário termos dois contatores, sendo o primeiro ligado entre o inversor e o motor, e o segundo entre a rede de alimentação e o motor. São muitos os casos de queima de inversores, gerados por erro na concepção do comando elétrico do acionamento dos contatores de bypass. A função executa de forma correta o comando destes contatores, levando em consideração o tempo de desmagnetização do motor e tempo morto ajustado através da IHM.

21 Alarme Troca do Filtro Monitora o tempo de funcionamento do motor. Após transcorrido o tempo programado na IHM, pode gerar alarme ou falha. No modo Alarme sinaliza o usuário com Alarme na IHM, no BMS através da porta de comunicação e na saída digital com a função alarme. No modo Falha além de sinalizar o usuário com Falha na IHM, no BMS através da porta de comunicação e na saída digital com a função falha para o motor. Função bastante útil, para ser utilizada em manutenção preditiva.

22

23 A escolha certa para HVAC Funções dedicadas para o HVAC Economia de Energia Bypass Bomba Seca Correia do Ventilador Partida IHM com unidades de Engenharia HVAC Proteção contra clicos curtos Loops PID s de ultima geração com Modo Dormir Fire Mode Hardware Completo e Robusto Filtro de Harmônicas e RFI RS-485 : BACnet, Modbus-RTU e MetaSys N2 50º C 24 Horas/Dia 365 Dias/Ano com In Presença Desenvolvido e Fabricado no Brasil FINAME 1500 Revendas 85 Representantes e 130 AT s Horas/Dia 365 Dias /Ano

24 Eng. Pedro Havranek Nascimento Coordenador Segmento HVAC-R WEG Automação

As melhores soluções para sua Automação. Inversores de Freqüência Soft-Starters Servoacionamentos Controladores Programáveis

As melhores soluções para sua Automação. Inversores de Freqüência Soft-Starters Servoacionamentos Controladores Programáveis As melhores soluções para sua Automação Inversores de Freqüência Soft-Starters Servoacionamentos Controladores Programáveis Disponíveis em nosso site www.weg.com.br Softwares WEG Automação Alguns dos softwares

Leia mais

Sistema Multibombas Controle Móvel CFW-11

Sistema Multibombas Controle Móvel CFW-11 Motores Energia Automação Tintas Sistema Multibombas Controle Móvel CFW-11 Manual de Aplicação Idioma: Português Documento: 10000122732 / 01 Manual de Aplicação para Sistema Multibombas Controle Móvel

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE SCHROEDER ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: 26/2013. Página: 1/6

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE SCHROEDER ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: 26/2013. Página: 1/6 Página: 1/6 2 MOTOBOMBA SUBMERSÍVEL DE ROTOR SEMI-ABERTO Motobomba submersível de rotor semi-aberto em ferro fundido GG 15, corpo e tampa da bomba em ferro fundido GG 15. Selo mecânico ¾"de carbeto de

Leia mais

ACIONAMENTOS ELETRÔNICOS (INVERSOR DE FREQUÊNCIA)

ACIONAMENTOS ELETRÔNICOS (INVERSOR DE FREQUÊNCIA) ACIONAMENTOS ELETRÔNICOS (INVERSOR DE FREQUÊNCIA) 1. Introdução 1.1 Inversor de Frequência A necessidade de aumento de produção e diminuição de custos faz surgir uma grande infinidade de equipamentos desenvolvidos

Leia mais

Sistema Multibombas Controle Fixo CFW-11

Sistema Multibombas Controle Fixo CFW-11 Motores Energia Automação Tintas Sistema Multibombas Controle Fixo CFW-11 Manual de Aplicação Idioma: Português Documento: 10000122700 / 01 Manual de Aplicação para Sistema Multibombas Controle Fixo Série:

Leia mais

AJUDA RÁPIDA VACON NX

AJUDA RÁPIDA VACON NX AJUDA RÁPIDA VACON NX Assistente de Inicialização [Start-up wizard] O Assistente de Inicialização [Start Up Wizard] é ativado quando é ligada a energia do drive pela primeira vez, ou se o Assistente de

Leia mais

IND 1 DT MICROMASTER 430

IND 1 DT MICROMASTER 430 MICROMASTER 430 MICROMASTER 430 Uma visão geral l Inversores trifásicos de 400V projetados para aplicações com cargas de torque quadrático (bombas, ventiladores, etc.) l Quatro tamanhos de carcaça: FS

Leia mais

Automação Soft-Starters. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

Automação Soft-Starters. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas SSW - Soft-Starter WEG O atual estado de desenvolvimento dos acionamentos elétricos concentra o resultado de um longo período de tentativas

Leia mais

Eletrônicos PAE. Componente Curricular: Práticas de Acionamentos. 5.ª Prática Inversor de Frequência Vetorial da WEG CFW-08

Eletrônicos PAE. Componente Curricular: Práticas de Acionamentos. 5.ª Prática Inversor de Frequência Vetorial da WEG CFW-08 1 Componente Curricular: Práticas de Acionamentos Eletrônicos PAE 5.ª Prática Inversor de Frequência Vetorial da WEG CFW-08 OBJETIVO: 1) Efetuar a programação por meio de comandos de parametrização para

Leia mais

PLANILHA DE PROPOSTA

PLANILHA DE PROPOSTA 0001 012186 INVERSOR DE FREQUENCIA 144 AMPERES / 220 VCA Inversor de freqüência para aplicação em motor elétrico trifásico com corrente nominal de serviço 140A, tensão nominal 220V, temperatura de funcionamento

Leia mais

V6 Características. A função de compensação de escorregamento permite uma operação estável mesmo com flutação de carga.

V6 Características. A função de compensação de escorregamento permite uma operação estável mesmo com flutação de carga. IBD# D-F-2-H-KSN-BR V6 Características Alta Performance [Alto torque de partida com 150% ou mais] Com um sistema simplificado de controle vetorial e função de controle de torque automático oferece uma

Leia mais

Micro Controladores Programáveis

Micro Controladores Programáveis Micro Controladores Programáveis Transformando energia em soluções Compacto, fácil de programar e com excelente custo benefício, o ganha mais recursos de software e hardware, podendo assim atender a uma

Leia mais

1. Mod. Potência 2. Unid. Controle 3. Painel. 2. Unidade de Controle CU230P-2 (PROFIBUS DP, HVAC, CANopen)

1. Mod. Potência 2. Unid. Controle 3. Painel. 2. Unidade de Controle CU230P-2 (PROFIBUS DP, HVAC, CANopen) Dados técnicos Dados mecânicos Grau de proteção Max. IP55 / UL Type 12 IP20 / UL Open Type Dados elétricos Potência nominal (baixa sobrecarga LO) Corrente de saída nominal (Baixa sobrecarga LO) 0.37 90

Leia mais

Atenção Leia antes de ligar o motor

Atenção Leia antes de ligar o motor -- Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas Guia Rápido WManet Drive System Atenção Leia antes de liar o motor Leia atentamente este manual antes de instalar e confiurar os equipamentos

Leia mais

Soft-Starter SSW-06 V1.6X

Soft-Starter SSW-06 V1.6X Motores Energia Automação Tintas Soft-Starter SSW-06 V1.6X Guia de Aplicação Multimotores Idioma: Português Documento: 10000601966 / 00 Guia de Aplicação Multimotores Série: SSW-06 V1.6X Idioma: Português

Leia mais

ESTUDO SOBRE CONTROLE DE MOTORES DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS

ESTUDO SOBRE CONTROLE DE MOTORES DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS ESTUDO SOBRE CONTROLE DE MOTORES DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS Autores : Marina PADILHA, Tiago DEQUIGIOVANI. Identificação autores: Engenharia de Controle e Automação - Bolsista Interno; Orientador IFC - Campus

Leia mais

Inversores de freqüência. Introdução

Inversores de freqüência. Introdução Inversores de freqüência Introdução Desde que os primeiros motores surgiram, os projetistas perceberam uma necessidade básica, controlar sua velocidade, várias técnicas foram utilizadas ao longo dos anos

Leia mais

Etc. DRIVE CA CC BUS. Saída CA controlada. Alimentação CA

Etc. DRIVE CA CC BUS. Saída CA controlada. Alimentação CA Controla a velocidade do motor de zero até a frequência máxima nominal ou até superiores. Controla o torque no motor. O inversor recebe a alimentação CA e converte em CC, depois converte novamente em CA.

Leia mais

Automação Industrial Parte 2

Automação Industrial Parte 2 Automação Industrial Parte 2 Prof. Ms. Getúlio Teruo Tateoki http://www.getulio.eng.br/meusalunos/autind.html Perspectiva Histórica Os primeiros sistemas de controle foram desenvolvidos durante a Revolução

Leia mais

Na Placa de Comando estão montados os circuitos para partida direta, partida direta com reversão e partida estrelatriângulo;

Na Placa de Comando estão montados os circuitos para partida direta, partida direta com reversão e partida estrelatriângulo; 1) BANCADA PRINCIPAL MODELO POL-110 Fabricada em estrutura de alumínio, constituída por dois postos de trabalho que servirão de base para utilização de qualquer um dos kits didáticos a serem adquiridos.

Leia mais

Micro Controladores Programáveis

Micro Controladores Programáveis Micro Controladores Programáveis Transformando energia em soluções Os Micro Controladores Programáveis linha Clic WEG, caracterizam-se pelo seu tamanho compacto, fácil programação e excelente custo-benefício.

Leia mais

LINHA DOUBLE WAY MONOFÁSICA

LINHA DOUBLE WAY MONOFÁSICA 42BEspecificação Técnica LINHA DOUBLE WAY MONOFÁSICA 3 / 6 / 8 / 10 / 12 / 15 / 20 kva 38BEngetron Engenharia Eletrônica Ind. e Com. Ltda Atendimento ao consumidor: (31) 3359-5800 Web: Hwww.engetron.com.br

Leia mais

CLP Controlador Lógico Programável

CLP Controlador Lógico Programável CLP Controlador Lógico Programável O primeiro controlador Lógico Programável nasceu na General Motors Americana em 1968, em função da dificuldade de se alterar a lógica dos circuitos em painéis de relés

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DEE CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DEE CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA LABORATÓRIO 9: Acionamento de Motores Assíncronos Trifásicos e Monofásicos Objetivo: Verificar alguns tipos de acionamento de motores elétricos de indução trifásicos e monofásicos. Teoria: Os motores elétricos,

Leia mais

SSW05 Plus Micro Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

SSW05 Plus Micro Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas SSW05 Plus Micro Soft-Starter Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas www.weg.net SSW05 Plus - Micro Soft-Starters Soft-starters são chaves de partida estática, projetadas para a aceleração,

Leia mais

ABINEE TEC 2007 FLUXO ÓTIMO APLICADO A INVERSORES DE FREQÜÊNCIA PARA ECONOMIA DE ENERGIA. Norton Petry Gerente de Desenvolvimento WEG Automação

ABINEE TEC 2007 FLUXO ÓTIMO APLICADO A INVERSORES DE FREQÜÊNCIA PARA ECONOMIA DE ENERGIA. Norton Petry Gerente de Desenvolvimento WEG Automação ABINEE TEC APLICADO A INVERSORES DE FREQÜÊNCIA PARA ECONOMIA DE ENERGIA Norton Petry Gerente de Desenvolvimento WEG Automação Minimização de perdas em motores de indução operando em baixas rotações Função

Leia mais

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 CATÁLOGO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Relé de Proteção de Motores RPM foi desenvolvido para supervisionar até 2 (dois) grupos ventiladores/motores simultaneamente, é utilizado

Leia mais

WEG EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS S. A. CENTRO DE TREINAMENTO DE CLIENTES - CTC KIT CONTROLE DE VELOCIDADE DE MOTORES CA - MANUAL DO PROFESSOR

WEG EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS S. A. CENTRO DE TREINAMENTO DE CLIENTES - CTC KIT CONTROLE DE VELOCIDADE DE MOTORES CA - MANUAL DO PROFESSOR WEG EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS S. A. CENTRO DE TREINAMENTO DE CLIENTES - CTC KIT CONTROLE DE VELOCIDADE DE MOTORES CA - MANUAL DO PROFESSOR CENTRO DE TREINAMENTO DE CLIENTES - CTC KIT CONTROLE DE VELOCIDADE

Leia mais

Sistema de Monitoramento e Supervisão de Vibração HYMV05

Sistema de Monitoramento e Supervisão de Vibração HYMV05 Sistema de Monitoramento e Supervisão de Vibração Revisão 1 Mai2005 O é um sistema inteligente de Monitoramento, Aquisição de Dados e Supervisão Local para utilização com os softwares da linha Dynamic.

Leia mais

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104 UMG 104 UMG 104-Mais do que um ples Multímetro O UMG 104 equipado com um DSP de 500 MHz (processador de sinal digital) é um analisador de tensão muito rápido e potente. A varredura contínua dos 8 canais

Leia mais

2. DISPOSITIVOS DE COMANDO E CHAVES DE PARTIDA

2. DISPOSITIVOS DE COMANDO E CHAVES DE PARTIDA 2. DISPOSITIVOS DE COMANDO E CHAVES DE PARTIDA A instalação de máquinas diversas requer uma grande gama de dispositivos que possibilitem o perfeito funcionamento, de preferência o mais automatizado possível,

Leia mais

Inversor de Freqüência

Inversor de Freqüência Descrição do Funcionamento. Inversor de Freqüência Atualmente, a necessidade de aumento de produção e diminuição de custos, se fez dentro deste cenário surgir a automação, ainda em fase inicial no Brasil,

Leia mais

L05 - Novas Soluções em Proteção e Acionamento de Motores

L05 - Novas Soluções em Proteção e Acionamento de Motores L05 - Novas Soluções em Proteção e Acionamento de Motores Tiago Fonseca Gerente de Produto Controles Industriais, Sensores e Segurança - 5058-CO900H Agenda Apresentação do E300 Configuração Ferramentas

Leia mais

Inversores de Freqüência

Inversores de Freqüência Inversores de Freqüência Destinados ao controle e variação da velocidade de motores elétricos de indução trifásicos, os inversores da linha CFW-08 reúnem design moderno com tecnologia estado da arte mundial,

Leia mais

Inversores de Frequência Praxi

Inversores de Frequência Praxi Inversores de Frequência Praxi Safe solutions for your industry PRAXI Praticidade para atender às várias PRAXI 10 Potências de 0,25 kw (0,33 CV) a 5,5 kw (7,5 CV) Tensão de alimentação 220 VCA a 440 VCA

Leia mais

Inversores de Frequencia M-MAX. Projetados para maior eficiência de operação

Inversores de Frequencia M-MAX. Projetados para maior eficiência de operação Inversores de Frequencia MMAX Projetados para maior eficiência de operação Potência para os negócios no mundo todo Automotivo A Eaton fornece energia para centenas de produtos atendendo a demanda mundial

Leia mais

Fundamentos de Automação. Controladores

Fundamentos de Automação. Controladores Ministério da educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Técnica SETEC Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Rio Grande Fundamentos de Automação Controladores

Leia mais

Automação Inversores de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

Automação Inversores de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas utomação Inversores de Frequência Motores utomação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas www.we.net Inversores de Frequência São destinados ao controle e variação de velocidade de motores elétricos

Leia mais

Controladores Programáveis Micro CLP. Linha TP 02

Controladores Programáveis Micro CLP. Linha TP 02 Controladores Programáveis Micro CLP Linha TP 02 Os Controladores Programáveis WEG Linha TP caracterizamse pelo seu tamanho compacto e excelente relação custobenefício, considerandose as aplicações a que

Leia mais

Bancada Didática para CLP SCHNEIDER _ TWIDO - XC113 -

Bancada Didática para CLP SCHNEIDER _ TWIDO - XC113 - T e c n o l o g i a Bancada Didática para CLP SCHNEIDER _ TWIDO - XC113 - Os melhores e mais modernos MÓDULOS DIDÁTICOS para um ensino tecnológico de qualidade. Bancada Didática para CLP Schneider TWIDO

Leia mais

Utilização de Inversores de Freqüência para Diminuição de Consumo de Energia Elétrica em Sistemas de Bombeamento

Utilização de Inversores de Freqüência para Diminuição de Consumo de Energia Elétrica em Sistemas de Bombeamento VI SEREA Seminário Iberoamericano sobre Sistemas de Abastecimento Urbano de Água EFICIÊNCIA HIDRÁULICA E ENERGÉTICA EM SANEAMENTO Utilização de Inversores de Freqüência para Diminuição de Consumo de Energia

Leia mais

Monitor de Temperatura MONITEMP

Monitor de Temperatura MONITEMP ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MoniTemp foi desenvolvido para supervisionar até 3 (três) canais de temperatura simultaneamente, ele é utilizado para proteger

Leia mais

Servoconversores SCA 04 Servomotores SWA

Servoconversores SCA 04 Servomotores SWA Servoconversores SCA 04 Servomotores SWA Os Servoacionamentos WEG são utilizados nas mais diversas aplicações industriais, onde, elevada dinâmica, controle de torque, precisão de velocidade e posicionamento

Leia mais

ECONOMIA DE ENERGIA EM MÁQUINAS DE FLUXO

ECONOMIA DE ENERGIA EM MÁQUINAS DE FLUXO ECONOMIA DE ENERGIA EM MÁQUINAS DE FLUXO Ventiladores - Exaustores - Bombas Centrífugas Geral Máquinas de Fluxo são equipamentos destinados a movimentação de fluidos como líquidos e gases. As principais

Leia mais

De: Luis Alberto Katz Data: Janeiro 17 2007 Número: PA1906

De: Luis Alberto Katz Data: Janeiro 17 2007 Número: PA1906 ANÚNCIO DE PRODUTO De: Luis Alberto Katz Data: Janeiro 17 2007 Número: PA1906 Fluke 345 Alicate de medição de qualidade de energia Apresentamos o alicate de medição de qualidade de energia mais avançado

Leia mais

CFW08 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

CFW08 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas CFW08 Inversor de Frequência Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas www.weg.net O inversor de frequência CFW08 é um acionamento de velocidade variável, destinado ao controle e variação

Leia mais

Soft Starters SIRIUS A proteção inteligente para motores, cargas e rede

Soft Starters SIRIUS A proteção inteligente para motores, cargas e rede Linha Solution Linha Plus Linha Master www.siemens.com.br/softstarters Soft Starters SIRIUS A proteção inteligente para motores, cargas e rede As soft starters Siemens protegem sua máquina e instalação

Leia mais

GUIA DE APLICAÇÃO PARA BOBINADORES - CFW09 / PLC

GUIA DE APLICAÇÃO PARA BOBINADORES - CFW09 / PLC GUIA DE APLICAÇÃO PARA BOBINADORES - CFW09 / PLC Manual do Usuário A informação abaixo descreve as revisões ocorridas neste guia de aplicação: Revisão 1 Primeira Edição Descrição da Revisão Cap. - 2 ÍNDICE

Leia mais

Escola de Educação Profissional SENAI Visconde de Mauá

Escola de Educação Profissional SENAI Visconde de Mauá Escola de Educação Profissional SENAI Visconde de Mauá Automação Industrial Porto Alegre, Maio de 2014 Revisão: A Prof Vander Campos Conhecer os princípios básicos do inversor de frequência; Saber interpretar

Leia mais

Descrição do Produto. Dados para compra

Descrição do Produto. Dados para compra Descrição do Produto A funcionalidade e versatilidade da linha de Inversores de Freqüência NXL da Altus fazem dela a solução ideal para as mais diversas aplicações. Visa atingir motores com menores potências

Leia mais

Relés de Proteção Térmica Simotemp

Relés de Proteção Térmica Simotemp Relés de Proteção Térmica Simotemp Confiabilidade e precisão para controle e proteção de transformadores Answers for energy. A temperatura é o principal fator de envelhecimento do transformador Os relés

Leia mais

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas CLIMATIZAÇÃO O exemplo apresentado aqui controla um sistema que envolve bombas, torres, chillers e fan-coils para climatização ambiente para conforto térmico. Pode-se montar controles para sistemas dos

Leia mais

1. MEDIDORES E ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA JANITZA

1. MEDIDORES E ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA JANITZA Conteúdo 1. MEDIDORES E ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA JANITZA... 2 1.1. UMG 103... 2 1.2. UMG 104... 2 1.3. UMG 96L e UMG 96... 3 1.4. UMG 96S... 3 1.5. UMG 96RM... 4 1.6. UMG 503... 4 1.7. UMG

Leia mais

CONTROLADOR CONDAR MP3000.

CONTROLADOR CONDAR MP3000. CONTROLADOR CONDAR MP3000. O equipamento CONDAR MP3000 é um Controlador Eletrônico Microprocessado desenvolvido especificamente para automação de até três Condicionadores de Ar instalados em um mesmo ambiente

Leia mais

Inversor de Freqüência

Inversor de Freqüência Inversor de Freqüência O inversor de freqüência CFW-11 é um acionamento de velocidade variável com tecnologia de última geração para motores de indução trifásicos. Pode ser utilizado numa vasta gama de

Leia mais

Tutorial 122 CP DUO Inversor WEG (RS485 Protocolo MODBUS - DUO Master)

Tutorial 122 CP DUO Inversor WEG (RS485 Protocolo MODBUS - DUO Master) Tutorial 122 CP DUO Inversor WEG (RS485 Protocolo MODBUS - DUO Master) Este documento é propriedade da ALTUS Sistemas de Informática S.A., não podendo ser reproduzido sem seu prévio consentimento. Altus

Leia mais

CFW700 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

CFW700 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas CFW700 Inversor de Frequência Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas www.we.net CFW700 - Inversor de frequência O inversor de frequência CFW700 é um acionamento de velocidade variável

Leia mais

Perfil. Proteções. Nobreak Senoidal On-line Trifásico - Dupla Conversão. 10 a 100 kva

Perfil. Proteções. Nobreak Senoidal On-line Trifásico - Dupla Conversão. 10 a 100 kva 10 a 100 kva Compatível com: Solução SMS para Gerenciamento de Missões Críticas de 10 a 50KVA de 60 a 100KVA Perfil Nobreak Senoidal On-line Trifásico - Dupla Conversão A linha de nobreaks SMS Sinus Triphases

Leia mais

PROGRAMAÇÃO FÁCIL DO. Micro Master. Midi Master

PROGRAMAÇÃO FÁCIL DO. Micro Master. Midi Master 1 PROGRAMAÇÃO FÁCIL DO Micro Master E Midi Master Preparado por ASI 1 PS 2 1. PARAMETRIZAÇÃO BÁSICA INICIAL...3 1.1 AJUSTES INICIAIS DO APARELHO...3 1.2 AJUSTE DE TEMPOS DE ACELERAÇÃO E DESACELERAÇÃO...3

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE PRODUTOS. Painéis de controle Controladores eletrônicos para grupos geradores

APRESENTAÇÃO DE PRODUTOS. Painéis de controle Controladores eletrônicos para grupos geradores APRESENTAÇÃO DE PRODUTOS Painéis de controle Controladores eletrônicos para grupos geradores APLICAÇÕES AMF Automatic Mains Failure em caso de falhas de alimentação da rede (Grupo gerador individual) ATS

Leia mais

Monitor de Temperatura M96

Monitor de Temperatura M96 ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura M96 foi desenvolvido para supervisionar até 8 (oito) canais de temperatura simultaneamente, ele é utilizado para proteger

Leia mais

Monitoramento, Controle, Registro e Supervisão de Processos Industriais

Monitoramento, Controle, Registro e Supervisão de Processos Industriais L I N H A D E P R O D U T O S PA R A Monitoramento, Controle, Registro e Supervisão de Processos Industriais Índice Apresentação 03 Características Individuais Controlador de Processos C702 Aquisitor de

Leia mais

Relé de proteção do diferencial 865

Relé de proteção do diferencial 865 Relé de proteção do diferencial 865 Para a proteção do diferencial de motores, transformadores e geradores Boletim 865, Série A Guia de especificações Sumário Página de descrição da seção 1.0 Características

Leia mais

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada!

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada! Electron do Brasil Tecnologia Digital Qualidade Comprovada! Ensaios de Tipo Realizados Tecnologia ao seu alcance Catálogo Monitemp - rev3 Produtos Certificados! www.electrondobrasil.com O Monitor de Temperatura

Leia mais

Serviço Autônomo de Saneamento de Pelota CNPJ: 92.220.862/0001-48 Tópicos Do Projeto De Eficientização Da U.R.A. Pelotas

Serviço Autônomo de Saneamento de Pelota CNPJ: 92.220.862/0001-48 Tópicos Do Projeto De Eficientização Da U.R.A. Pelotas Tópicos Do Projeto De Eficientização Da U.R.A. Pelotas Princípio Geral A empresa contratada deverá retirar os equipamentos atuais necessários para instalação do novo grupo, bem como, instalar os novos

Leia mais

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância Monitoramento de Transformadores de Potência Gerenciamento de Dados para o Monitoramento e Avaliação da Condição Operativa de Transformadores Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Leia mais

Bancada Didática para CLP SCHNEIDER _ TWIDO - XC110 -

Bancada Didática para CLP SCHNEIDER _ TWIDO - XC110 - T e c n o l o g i a Bancada Didática para CLP SCHNEIDER _ TWIDO - XC110 - Os melhores e mais modernos MÓDULOS DIDÁTICOS para um ensino tecnológico de qualidade. Bancada Didática para CLP Schneider TWIDO

Leia mais

LINHA DE RELÉS PEXTRON PARA REDE SUBTERRÂNEA PROTEÇÃO E AUTOMAÇÃO

LINHA DE RELÉS PEXTRON PARA REDE SUBTERRÂNEA PROTEÇÃO E AUTOMAÇÃO LINHA DE RELÉS PEXTRON PARA REDE SUBTERRÂNEA PROTEÇÃO E AUTOMAÇÃO AUTOR Henrique Florido Filho Redes 2012 1 Visão da empresa Empresa Brasileira Fundada em 1968 (45 anos), dedica-se ao projeto, fabricação

Leia mais

Motores I Automação I Energia I Transmissão & Distribuição I Tintas. SoftPLC CFW500. Manual do Usuário

Motores I Automação I Energia I Transmissão & Distribuição I Tintas. SoftPLC CFW500. Manual do Usuário Motores I Automação I Energia I Transmissão & Distribuição I Tintas SoftPLC CFW5 Manual do Usuário Manual do Usuário SoftPLC Série: CFW5 Idioma: Português Número do Documento: 49963 / Data de Publicação:

Leia mais

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Nível de Óleo para Transformadores e reatores MNO, é um equipamento microprocessado de alta precisão que indica o nível de óleo em escala

Leia mais

Sistemas de Força Motriz

Sistemas de Força Motriz Sistemas de Força Motriz Introdução; Os Dados de Placa; Rendimentos e Perdas; Motor de Alto Rendimento; Partidas de Motores; Técnicas de Variação de Velocidade; Exemplos; Dicas CONSUMO DE ENERGIA POR RAMO

Leia mais

Inversores de Freqüência. Transformando energia em soluções

Inversores de Freqüência. Transformando energia em soluções Inversores de Freqüência Transformando energia em soluções Destinados ao controle e variação da velocidade de motores elétricos de indução trifásicos, os inversores da linha CFW-08 reúnem design moderno

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR 1 PLANO DE ENSINO DA DISCIPLINA: PLANEJAMENTO DE SISTEMAS ELÉTRICOS Validade: A partir de 01/91 Departamento acadêmico: Engenharia Elétrica Curso: Engenharia Industrial Elétrica Carga Horária: 60H ( Teórica:

Leia mais

CLP - IHM. Solução Completa em Automação. Controladores Lógicos Programáveis - Interfaces Homem Máquina

CLP - IHM. Solução Completa em Automação. Controladores Lógicos Programáveis - Interfaces Homem Máquina Solução Completa em Automação CLP IHM Controladores Lógicos Programáveis Interfaces Homem Máquina Software de programação GRATUITO para toda linha + de 80 protocolos diferentes entre 30 fabricantes mundiais

Leia mais

INVERSOR DE FREQÜÊNCIA CFW09 ACIMA DE 500 HP 380-480V 500-600V 660-690V

INVERSOR DE FREQÜÊNCIA CFW09 ACIMA DE 500 HP 380-480V 500-600V 660-690V INVERSOR DE FREQÜÊNCIA CFW09 ACIMA DE 500 HP 380-480V 500-600V 660-690V Adendo ao Manual do Usuário ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 2 2. LINHA CFW-09 ACIMA DE 500 HP... 3 3. INSTALAÇÃO MECÂNICA... 7 4. INSTALAÇÃO

Leia mais

CONTROLADORES ELETRÔNICOS SICES. Linha de Produtos

CONTROLADORES ELETRÔNICOS SICES. Linha de Produtos CONTROLADORES ELETRÔNICOS SICES Linha de Produtos FAMÍLIA GC XXX GC 310: Controlador Simples AMF-ATS-SPM Emergência, falha dos canos principais, comutação GC 350: Controlador Avançado AMF-ATS-SPM Emergência,

Leia mais

SSW-05 Micro Soft-starter

SSW-05 Micro Soft-starter Motores Automação Energia Tintas Micro Soft-starter g Compacto g Digital - DSP g Fácil operação g Elevado rendimento g By-pass incorporado REPLACE ME BY A PICTURE! Soft-Starters são chaves de partida estática,

Leia mais

Lovato Electric do Brasil. Produtos e soluções para automação industrial

Lovato Electric do Brasil. Produtos e soluções para automação industrial Lovato Electric do Brasil Produtos e soluções para automação industrial www.lovatoelectric.com.br Controlador automático para grupo gerador - Funcionamento a microprocessador - Sistema completo de medição

Leia mais

OCUPAÇÃO 19 DESCRITIVO TÉCNICO. Data de Aprovação:18/12/2003 Data de Revisão: Dezembro de 2005

OCUPAÇÃO 19 DESCRITIVO TÉCNICO. Data de Aprovação:18/12/2003 Data de Revisão: Dezembro de 2005 DESCRITIVO TÉCNICO OCUPAÇÃO 19 Data de Aprovação:18/12/2003 Data de Revisão: Dezembro de 2005 A Comissão de Diretores do SENAI Coordenadora das Olimpíadas do Conhecimento determina, de acordo com as normas

Leia mais

ENGEMATEC CAPACITORES

ENGEMATEC CAPACITORES ENGEMATEC CAPACITORES CORREÇÃO DO FATOR DE POTÊNCIA Confiança e economia na qualidade da energia. Equipamentos Elétricos e Elêtronicos de Potência Ltda 2 MODELOS DOS CAPACITORES TRIFÁSICOS PADRONIZADOS

Leia mais

Utilização de Gás. Módulo: Válvulas e Sistemas de Controle

Utilização de Gás. Módulo: Válvulas e Sistemas de Controle Utilização de Gás Módulo: Válvulas e Sistemas de Controle PROCESSO INDUSTRIAL Variável Controlada: Temperatura Meio Controlado: Fluido Variável Manipulada: Vazão Agente de Controle: Vapor Malha de Controle

Leia mais

Introdução: Inversor de Freqüência: Princípios Básicos:

Introdução: Inversor de Freqüência: Princípios Básicos: Introdução: Inversor de Freqüência: Atualmente, a necessidade de aumento de produção e diminuição de custos, se fez dentro deste cenário surgir a automação, ainda em fase inicial no Brasil, com isto uma

Leia mais

Tecnologia Inversor: Freqüência de saída Capacidade de sobrecarga: Fusíveis de Proteção: Proteção da Bateria:

Tecnologia Inversor: Freqüência de saída Capacidade de sobrecarga: Fusíveis de Proteção: Proteção da Bateria: Sistema de proteção e fornecimento de energia elétrica ininterrupto, com tempo limitado a capacidade das baterias, autonomia de 10 (dez) minutos em plena carga, capacidade de 30KVA, 24.000W, entrada e

Leia mais

CFW08 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

CFW08 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas CFW08 Inversor de Frequência Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas www.weg.net O inversor de frequência CFW08 é um acionamento de velocidade variável, destinado ao controle e variação

Leia mais

AUTOMAÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO VIRTUAL. Sistema Integrado de Teste em Umbilicais

AUTOMAÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO VIRTUAL. Sistema Integrado de Teste em Umbilicais BI AUTOMAÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO VIRTUAL Sistema Integrado de Teste em Umbilicais Objetivos da Apresentação Demonstrar a Arquitetura de hardware e software da National Instruments utilizada na solução; Discutir

Leia mais

O ícone do programa a ser utilizado para programa o CLP é aparecerá a tela abaixo:

O ícone do programa a ser utilizado para programa o CLP é aparecerá a tela abaixo: UNIDADE 1: CONFIGURAÇÃO O ícone do programa a ser utilizado para programa o CLP é aparecerá a tela abaixo: Pc12.lnk, ao ser clicado, Para iniciar um projeto, utilize a barra de ferramentas abaixo: Clique

Leia mais

Máx Unid Padrão. Mín 1 / 0.1 0/0 0/0 0/0 0/0 100 / 6.9 100 / 6.9 100 / 6.9 999 150.0 / 302 5.0/9 2 -50.0 / -58 0.1/1 1 / 0.

Máx Unid Padrão. Mín 1 / 0.1 0/0 0/0 0/0 0/0 100 / 6.9 100 / 6.9 100 / 6.9 999 150.0 / 302 5.0/9 2 -50.0 / -58 0.1/1 1 / 0. PCT6 plus CONTROLADOR DIGITAL DE PRESSÃO PARA CENTRAIS DE REFRIGERAÇÃO Ver. PCT6VT74. DESCRIÇÃO O PCT6 plus é um controlador de pressão para ser utilizado em centrais de refrigeração que necessitem de

Leia mais

Benefícios. Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e. dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens,

Benefícios. Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e. dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens, Soft-Starter Benefícios Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens, Soft-Starters são chaves de partida estática, projetadas para

Leia mais

Treinamento. ACE Schmersal Boituva - SP. Duvidas (15)3263-9800 suporte.linhalogica@schmersal.com.br

Treinamento. ACE Schmersal Boituva - SP. Duvidas (15)3263-9800 suporte.linhalogica@schmersal.com.br Treinamento ACE Schmersal Boituva - SP Duvidas (15)3263-9800 suporte.linhalogica@schmersal.com.br Produtos Schmersal Controladores e Inversores Princípio de Funcionamento de um Controlador Programavél

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Gerenciamento. Controlador de Fator de Potência. Self Control

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Gerenciamento. Controlador de Fator de Potência. Self Control MANUAL DO USUÁRIO Software de Gerenciamento Controlador de Fator de Potência Self Control ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 4 1.1 Aplicações 4 2.0 CARACTERÍSTICAS 4 2.1 Compatibilidade 4 3.0 INSTALAÇÃO 4 4.0 INICIALIZAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FICHA DE COMPONENTE CURRICULAR CÓDIGO: COMPONENTE CURRICULAR: CONTROLADORES LÓGICOS PROGRAMÁVEIS (CLPs) E DISPOSITIVOS INDUSTRIAIS UNIDADE ACADÊMICA OFERTANTE: SIGLA:

Leia mais

Inversores de Freqüência. Eng. Fábio José Bortoletto Janeiro / 2009

Inversores de Freqüência. Eng. Fábio José Bortoletto Janeiro / 2009 Inversores de Freqüência Eng. Fábio José Bortoletto Janeiro / 2009 1 1 O inversor é um dispositivo que transforma a corrente alternada em corrente contínua e alimenta uma ponte de IGBT, que controlado

Leia mais

CDE4000 MANUAL 1. INTRODUÇÃO 2. SOFTWARE DE CONFIGURAÇÃO 3. COMUNICAÇÃO

CDE4000 MANUAL 1. INTRODUÇÃO 2. SOFTWARE DE CONFIGURAÇÃO 3. COMUNICAÇÃO CDE4000 MANUAL 1. INTRODUÇÃO O controlador CDE4000 é um equipamento para controle de demanda e fator de potência. Este controle é feito em sincronismo com a medição da concessionária, através dos dados

Leia mais

CORREÇÃO DO FATOR DE POTÊNCIA

CORREÇÃO DO FATOR DE POTÊNCIA CORREÇÃO DO FATOR DE POTÊNCIA TECNOLOGIA, QUALIDADE E ENERGIA A SERVIÇO DA ECONOMIA. Engelétrica Indústria, Comércio e Serviços Elétricos Ltda. Rua Xavier da Rocha, 10 Vila Prudente São Paulo - CEP: 03139-070

Leia mais

Manual de Parametrização pela IHM

Manual de Parametrização pela IHM Manual de Parametrização pela IHM Liberando acesso para modo de parametrização Pressione o botão para aparecer à seguinte tela: A senha de fábrica é: 0000 Caso tenha alterado a senha, coloque a senha atual.

Leia mais

Controladores Programáveis Micro CLP. Linha TP 02. Transformando energia em soluções

Controladores Programáveis Micro CLP. Linha TP 02. Transformando energia em soluções Controladores Programáveis Micro CLP Linha TP 02 Transformando energia em soluções Os Controladores Programáveis WEG Linha TP caracterizamse pelo seu tamanho compacto e excelente relação custobenefício,

Leia mais

Soluções de proteção do motor. Protegendo seus investimentos

Soluções de proteção do motor. Protegendo seus investimentos Soluções de proteção do motor Protegendo seus investimentos Soluções de proteção do motor A linha de dispositivos de proteção de motores da Allen-Bradley abrange equipamentos de proteção simples para fins

Leia mais

CFW11 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

CFW11 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas CFW Inversor de Frequência Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas www.we.net CFW - Inversor de Frequência É um acionamento de velocidade variável com tecnoloia de última eração para

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E ACIONAMENTOS DE MOTORES

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E ACIONAMENTOS DE MOTORES EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E ACIONAMENTOS DE MOTORES Introdução Um acionamento elétrico moderno é formado normalmente pela combinação dos seguintes elementos: MOTOR: converte energia elétrica em energia mecânica

Leia mais