MEMÓRIA VISUAL DO VELHO OESTE PAULISTA: REGISTRO HISTÓRICO E PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO DA VANGUARDA CAFEEIRA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MEMÓRIA VISUAL DO VELHO OESTE PAULISTA: REGISTRO HISTÓRICO E PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO DA VANGUARDA CAFEEIRA"

Transcrição

1 MEMÓRIA VISUAL DO VELHO OESTE PAULISTA: REGISTRO HISTÓRICO E PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO DA VANGUARDA CAFEEIRA MEMORIA VISUAL DEL VIEJO OESTE PAULISTA: HISTÓRICO Y PRESERVACIÓN DE ACCIONISTAS DE VANGUARDIA CAFÉ APOIO: Autores: William Carlos Giovanetti Gomes Juliana Dal Ponte Tiveron Silvia Maria do Espírito Santo Ensinar com Pesquisa

2 1. OBJETIVO Análise icônica das capas de exemplares do Boletim da Superintendência dos Serviços do Café, da década de 1940, distribuída pela Secretaria da Fazenda no Estado de São Paulo. Analizar las cubiertas icónicas en algunas copias del Boletim da Superintendência dos Serviços do Café, de la de 1940, distribuido por la Secretaría de Hacienda en el estado de São Paulo en Brasil.

3 1. OBJETIVO

4 2. INTRODUÇÃO 2. INTRODUCCIÓN Fotografia é fronteira entre comunicação, ciência e arte. A ferrovia foi elemento fundamental da circulação de ideias e do desenvolvimento da imprensa. O conhecimento dos padrões icônicos auxiliam o entendimento dos contextos culturais, pela perspectiva da crítica social, na esfera econômica, política e social da cultura cafeeira. Foto és frontera entre arte, ciencia y comunicación El ferrocarril como un elemento clave de la circulación de ideas y el desarrollo de la prensa. Conocimiento de patrones icónicos de ayudar a la comprensión de los contextos culturales, desde la perspectiva de la crítica social, en la esfera económica, política y social de la cultura del café.

5 3. MÉTODO O conceito de análise icônica foi aplicado por Ulpiano de Bezerra Meneses (2002), e diz respeito ao estudo do contexto histórico da produção, circulação e consumo de uma imagem, para entender o dito valor icônico. El concepto de análisis icónico fue aplicado por Ulpiano Bezerra de Menezes (2002) y refiere al estudio del contexto histórico de la producción, circulación y consumo de una imagen, para comprender el llamado "valor icónico".

6 3. MÉTODO Foram analisadas 10 capas do Boletim da Superintendência dos Serviços do Café da década de Estes exemplares fazem parte do acervo do Centro de Documentação e Memória da Mogiana (CDMM), Fazenda Santa Cecília, Cajuru, estado de São Paulo. Analizados 10 tapa de Boletim da Superintendência dos Serviços do Café de la de Estas copias son parte de la colección del Centro de Documentação e Memória de Mogiana (CDMM), Fazenda Santa Cecília, Cajuru, estado de São Paulo..

7 3. MÉTODO

8 4. RESULTADOS E DISCUSSÃO Construção das ferrovias paulistas: mudanças no comércio, na comunidade e sua urbanização. Imigração ocorre no período de transição do trabalho escravo para o assalariado. Construcción de los ferrocarriles paulistas alimentados comercio, influyendo también en la comunidad y su urbanización. Inmigración: en un período de transición de la mano de obra esclava para el empleado,

9 4. RESULTADOS E DISCUSSÃO É válido atentar-se ao papel da fotografia no processo imigratório nacional. A grande reprodutibilidade permitida pelo colódio (substância empregada na confecção de negativos fotográficos) possibilitou a veiculação de imagens em livrarias e estúdios por toda a Europa. As instituições oficiais interessadas em divulgar no exterior imagens de um país atraente para os possíveis imigrantes, além das empresas de construção ferroviária parecem ter sido clientes de peso. (Carvalho, 204). Es válido prestar atención a la función de la fotografía en el proceso de inmigración nacional. La gran repetibilidad permitida por el colodión (sustancia utilizada en la fabricación de negativos fotográficos) habilitado las imágenes de ad en librerías y estudios en toda Europa. "Las instituciones oficiales interesadas a divulgar en el extranjero un país atractivo para los migrantes potenciales, además de las compañías de construcción del ferrocarril parecen haber sido clientes". (Carvalho, 204).

10 4. RESULTADOS E DISCUSSÃO A fotografia artística vem como forma contrária à massificação advinda com a industrialização dos materiais e ampla difusão, além da possibilidade de ser utilizada em diversos campos de agenciamento. El arte de la fotografía se presenta como lo contrario a la masa se originó con la industrialización de materiales y una amplia difusión, además de la posibilidad de ser utilizado en diversos ámbitos del transporte de carga.

11 4. RESULTADOS E DISCUSSÃO Um recurso utilizado pelos pictorialistas foi a fototipia, onde as fotos em preto e branco eram coloridas artificialmente utilizando-se técnicas advindas da pintura. Durante os anos 40 ainda não havia fotos coloridas.. Un recurso utilizado por pictorialistas fue la fototipia, donde estaban coloreadas artificialmente las fotos en blanco y negro utilizando técnicas derivadas de la pintura. Durante los años 40 fue todavía no hay fotos de color

12 4. RESULTADOS E DISCUSSÃO Foi encontrada pelos pesquisadores no livro Café: Uma Moeda Forte para o país (31) a versão branca e preta de uma das fotos de capa do Boletim de Superintendência dos Serviços de Café, exemplar nº 277, de março de Segundo consta naquele livro, tal foto foi feita em 1910 por autor desconhecido, e hoje esta se encontra no Museu da Imigração Arquivo Público do Estado de São Paulo. Fue encontrado por los investigadores en el libro Café: Uma Moeda Forte para o país (31) versión en blanco y negro de una de las imágenes de la portada del Boletim de Superintendência dos Serviços de Café, no copiar 277, marzo de Parece que en ese libro, esta foto fue realizada en 1910 por autor desconocido, y hoy es el no Museu da Imigração Arquivo Público do Estado de São Paulo.

13 4. RESULTADOS E DISCUSSÃO

14 5. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Chartier, R. A história culturas: entre práticas e representações. Lisboa/Rio de Janeiro: DIFEL/ Bertrand, Costa, H. (1991). Pictorialismo e imprensa: o caso da revista O Cruzeiro ( ). In: Fabris, A. (Org) Fotografia usos e funções no século XIX (pp ). Carvalho, V. C. (1991). A representação da natureza na pintura e na fotografia brasileira do século XIX. In: Fabris, A. (Org) Fotografia usos e funções no século XIX (pp ). Furtado, C. Formação Econômica do Brasil. São Paulo: Companhia Editora Nacional, Lima, S. F. & Carvalho, V. C. Fotografia e cidade: da razão urbana à lógica de consumo: álbuns de São Paulo, São Paulo: FAPESP, Majluf, N. & Trivelli, C. Bryce, F: Dibujando la historia moderna. Ciudad Autonoma de Buenos Aires: Fundación Eduardo F. Constantini, Martins, A. L. A história do café. São Paulo: Contexto, Martins, A. L. & Luca, T. R. (Org). História da imprensa no Brasil. São Paulo: Contexto, Meneses, U. T. B. (2003). Fontes visuais, cultura visual, história visual. Balanço provisório propostas cautelares. Revista Brasileira de História, 45(23), p Pilagallo, O. & Diwan, P. O Café: Uma Moeda Forte para o país 1.ed. São Paulo: Folha de S. Paulo, Verme, J. C. Introduccion. In. Bryce, F: Dibujando la historia moderna (pp.11), 2012.

15 MUITO OBRIGADA GRACIAS APOIO: Ensinar com Pesquisa

Parceria Asociación. Escola Empresa Escuela Enpresa

Parceria Asociación. Escola Empresa Escuela Enpresa Parceria Asociación Escola Empresa Escuela Enpresa FIEC - Empresas A FIEC em parceria com empresas da cidade e região que participam da atualização do conteúdo programático, capacitação do corpo docente

Leia mais

ANTES E DEPOIS: A FOTOGRAFIA NO PROCESSO DE RESGATE HISTÓRICO DA CIDADE DE PONTA GROSSA

ANTES E DEPOIS: A FOTOGRAFIA NO PROCESSO DE RESGATE HISTÓRICO DA CIDADE DE PONTA GROSSA 11. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: ( X) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA ANTES E DEPOIS:

Leia mais

ELABORAÇÃO E APLICAÇÃO DA OFICINA PARA ALUNOS DO 3º ANO

ELABORAÇÃO E APLICAÇÃO DA OFICINA PARA ALUNOS DO 3º ANO ELABORAÇÃO E APLICAÇÃO DA OFICINA PARA ALUNOS DO 3º ANO Alayse Alcântara de Oliveira 3 (UFS) Márcia de Jesus Araujo 4 (UFS) CONSIDERAÇÕES INICIAIS O referido trabalho é fruto do grupo de pesquisa intitulado

Leia mais

DISSERTATIVA. D06 Professor. Espanhol CADERNO DE PROVA. Instruções. Atenção!

DISSERTATIVA. D06 Professor. Espanhol CADERNO DE PROVA. Instruções. Atenção! CADERNO DE PROVA DISSERTATIVA Prefeitura de Florianópolis Secr. Mun. de Educação/Secr. Mun. da Administração Concurso Público Edital n o 009/05 http://educa05.fepese.org.br D06 Professor Espanhol Instruções

Leia mais

Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Câmpus de Bauru PLANO DE DISCIPLINA

Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Câmpus de Bauru PLANO DE DISCIPLINA PLANO DE DISCIPLINA 01. UNIDADE: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação 02. PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO: Televisão Digital: Informação e Conhecimento 03. ÁREA DE CONCENTRAÇÃO1: Comunicação, Informação

Leia mais

Proyecto de Ciclovía Recreativa de Belo Horizonte Minas Gerais - Brasil

Proyecto de Ciclovía Recreativa de Belo Horizonte Minas Gerais - Brasil Proyecto de Ciclovía Recreativa de Belo Horizonte Minas Gerais - Brasil Autor: Ricardo Lott e Isabel Cristina Cardoso BHTRANS - Belo Horizonte/MG Brasil dezembro/2009 Características de la CIUDAD Población:

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS-GRADUADOS EM PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS-GRADUADOS EM PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015 1º SEMESTRE DE 2015 Disciplina Projeto: Movimentos Identitários de Professores VII Docente: Profª Drª Vera Maria Nigro de Souza Placco Nível: ME / DO Créditos: 03 Horário: 5ª feira das 9h às 12h Ementa:

Leia mais

A INCLUSÃO DA LÍNGUA ESPANHOLA NA EDUCAÇÃO BRASILEIRA

A INCLUSÃO DA LÍNGUA ESPANHOLA NA EDUCAÇÃO BRASILEIRA A INCLUSÃO DA LÍNGUA ESPANHOLA NA EDUCAÇÃO BRASILEIRA Tassiana Quintanilha de Souza (G CLCA UENP/CJ) Denise da Silva de Oliveira (Orientadora CLCA UENP/CJ) RESUMO: Este artigo visa discorrer sobre a formatação

Leia mais

Ficha sistematización experiencias en Educación Teológica Virtual Facultad EST, Brasil

Ficha sistematización experiencias en Educación Teológica Virtual Facultad EST, Brasil Ficha sistematización experiencias en Educación Teológica Virtual Facultad EST, Brasil 1.1.Nombre, país, sitio web 1.DATOS INSTITUCIONALES Faculdades EST, Brasil, http://www.est.edu.br 1.2.Relaciones con

Leia mais

Projetos compartilhados

Projetos compartilhados espaço ibero-americano espacio iberoamericano Projetos compartilhados OEI inicia o Programa Arte-educação, Cultura e Cidadania e o Projeto Ibero-americano de Teatro Infantojuvenil A aprendizagem da arte

Leia mais

AVALIANDO UMA PROPOSTA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS i

AVALIANDO UMA PROPOSTA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS i 1 AVALIANDO UMA PROPOSTA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS i Daisi Teresinha Chapani ii Ana Lucia Santos Souza iii Eixo 4. Formação de professores. Resumo: Temos hoje uma infinidade de

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC CURSO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL URBANO E RURAL ROBERTO CORRÊA DA SILVA

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC CURSO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL URBANO E RURAL ROBERTO CORRÊA DA SILVA UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC CURSO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL URBANO E RURAL ROBERTO CORRÊA DA SILVA Plano Diretor como Indicador de Políticas Públicas para o Desenvolvimento do Município de São Bento

Leia mais

Sistema de Gestão Integrado. La herramienta presenta una tendencia más fuerte hacia:

Sistema de Gestão Integrado. La herramienta presenta una tendencia más fuerte hacia: Descripción de herramientas 15 SGI Sistema de Gestão Integrado I Breve descripción 1. Nombre de la herramienta Sistema de Gestão Integrado- Integração das normas ISO-9001,9002,14001 e OHSAS 18001. 2. Objetivo

Leia mais

Quadro 1 Instituições de Ensino Superior com Doutorado no PR (Geografia/Turismo) Produção dos docentes

Quadro 1 Instituições de Ensino Superior com Doutorado no PR (Geografia/Turismo) Produção dos docentes 1 Curso: Doutorado em Geografia Instituição 1 de 4: Universidade Federal do Paraná (UFPR) Docente 1 de 6 Produção relacionada ao turismo nos últimos cinco anos Área de formação: Graduação em turismo, especialização

Leia mais

O FUNCIONAMENTO DISCURSIVO DO ESPANHOL COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA (ELE) EM LIVROS DIDÁTICOS (LDS) PARA O MUNDO DO TRABALHO

O FUNCIONAMENTO DISCURSIVO DO ESPANHOL COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA (ELE) EM LIVROS DIDÁTICOS (LDS) PARA O MUNDO DO TRABALHO O FUNCIONAMENTO DISCURSIVO DO ESPANHOL COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA (ELE) EM LIVROS DIDÁTICOS (LDS) PARA O MUNDO DO TRABALHO Luciana de Carvalho 1 Este estudo propõe refletir sobre o funcionamento discursivo

Leia mais

MEDIADORES TECNOLÓGICOS E FORMAÇÃO DE PROFESSORES. CARTOGRAFIA DE UM CASO FRENTE AOS DESAFIOS NO CONTEXTO AMAZÔNICO

MEDIADORES TECNOLÓGICOS E FORMAÇÃO DE PROFESSORES. CARTOGRAFIA DE UM CASO FRENTE AOS DESAFIOS NO CONTEXTO AMAZÔNICO MEDIADORES TECNOLÓGICOS E FORMAÇÃO DE PROFESSORES. CARTOGRAFIA DE UM CASO FRENTE AOS DESAFIOS NO CONTEXTO AMAZÔNICO Jucimara Canto Gomes, Zeina Rebouças Corrêa Thomé Universidade Federal do Amazonas jucimaracanto@hotmail.com

Leia mais

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org Este documento faz parte do Repositório Institucional do Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org Fórum Social Mundial 2006: Desafios e possibilidades de um fórum mundial policêntrico I. Justificativa

Leia mais

ENTRE LA CASA DA AMÉRICA LATINA Y

ENTRE LA CASA DA AMÉRICA LATINA Y ENTRE LA CASA DA AMÉRICA LATINA Y La CASA DA AMÉRICA LATINA, es una institución de derecho privado sin ánimo de lucro, con sede en la Avenida 24 de Julho, número 1188, en Lisboa, Portugal, representada

Leia mais

PAINEL A CIDADE SEM NOME, UMA CRIAÇÃO COLETIVA

PAINEL A CIDADE SEM NOME, UMA CRIAÇÃO COLETIVA 1 PAINEL A CIDADE SEM NOME, UMA CRIAÇÃO COLETIVA Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo Departamento de Artes Plásticas Cintia Yuri Nishida Gabriela Kaufmann Sacchetto Juliana Yumi

Leia mais

INFORME DE MERCADO PRODUCTOS:

INFORME DE MERCADO PRODUCTOS: INFORME DE MERCADO PRODUCTOS: P.A. 8523.40.00 SOPORTES OPTICOS P.A. 8523.40.20 - GRABADOS P.A. 8526.40.21 EXCLUSIVAMENTE CON SONIDO P.A. 8523.40.21.100N PRESENTADO AISLADAMENTE P.A. 8523.40.22 PARA REPRODUCIR

Leia mais

FORFAIT: UM PACOTE DIFERENCIADO

FORFAIT: UM PACOTE DIFERENCIADO FORFAIT: UM PACOTE DIFERENCIADO Luiz Paulo Pereira Corrêa Luiz Rodrigues Mendes Pâmela Souza Soares Vanessa Saraiva Sena RESUMO: O trabalho analisa as agências de viagens para apresentar como elas dispõem

Leia mais

Elaboração de materiais para um curso de espanhol via MOODLE

Elaboração de materiais para um curso de espanhol via MOODLE Elaboração de materiais para um curso de espanhol via MOODLE Chris Royes Schardosim Guilherme Gili Maba (IFC/Ibirama - Cnpq) Resumo Dentro do NUBE (Núcleo Universal de Brasileños Españolizados), que iniciou

Leia mais

5 / LAS ASOCIACIONES PÚBLICO-PRIVADAS

5 / LAS ASOCIACIONES PÚBLICO-PRIVADAS 5 / LAS ASOCIACIONES PÚBLICO-PRIVADAS LAS ASOCIACIONES PÚBLICO-PRIVADAS - Globalización - Neoliberalismo - Plan Estratégico - APP - El Estado asume la mayoría del riesgo, el sector privado toma la mayoría

Leia mais

Planejamento estratégico

Planejamento estratégico espaço ibero-americano espacio iberoamericano Planejamento estratégico Quem somos, onde queremos ir e como chegaremos lá são indagações necessárias em todas as escolas Como qualquer empresa, instituições

Leia mais

Por la Comisión Organizadora Local: Lorenzo J. Blanco Nieto (Coordinador General) Ricardo Luengo González (Coordinador de Actas)

Por la Comisión Organizadora Local: Lorenzo J. Blanco Nieto (Coordinador General) Ricardo Luengo González (Coordinador de Actas) INTRODUCCIÓN En el XI Simposio de la Sociedad Española de Educación Matemática, celebrado en la Universidad de La Laguna en Septiembre de 2007, se acordó la celebración en Badajoz del XII SEIEM. Su ubicación

Leia mais

O POTENCIAL DA ENTREVISTA NARRATIVA COM FOTOGRAFIAS

O POTENCIAL DA ENTREVISTA NARRATIVA COM FOTOGRAFIAS 1 O POTENCIAL DA ENTREVISTA NARRATIVA COM FOTOGRAFIAS Marta Batista de Souza i Andrea Cristina Versuti ii Eixo Temático: Arte, Educação e Contemporaneidade. Resumo: Este artigo analisa a compreensão da

Leia mais

IRINEU OZIRES CUNHA JORGE COSTA FILHO LUIZ RODRIGO LARSON CARSTENS O CONTROLE EXTERNO DA POLÍCIA ESTADUAL DE CICLO COMPLETO : PERSPECTIVAS FUTURAS

IRINEU OZIRES CUNHA JORGE COSTA FILHO LUIZ RODRIGO LARSON CARSTENS O CONTROLE EXTERNO DA POLÍCIA ESTADUAL DE CICLO COMPLETO : PERSPECTIVAS FUTURAS IRINEU OZIRES CUNHA JORGE COSTA FILHO LUIZ RODRIGO LARSON CARSTENS O CONTROLE EXTERNO DA POLÍCIA ESTADUAL DE CICLO COMPLETO : PERSPECTIVAS FUTURAS Trabalho Técnico-Científico, apresentado por exigência

Leia mais

TÍTULO / TÍTULO: INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS: UM AGENTE DE DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA

TÍTULO / TÍTULO: INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS: UM AGENTE DE DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA TÍTULO / TÍTULO: INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS: UM AGENTE DE DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA AUTOR / AUTOR: Passos, Mariana de Aquino y Sousa, Cristiane Alves de INSTITUIÇÃO / INSTITUCIÓN: Instituto de Pesquisas

Leia mais

II Jornadas Internacionales Sociedades Contemporáneas, Subjetividad y Educación. 9, 10 y 11 de abril de 2014 ISBN 978-987-3617-11-9

II Jornadas Internacionales Sociedades Contemporáneas, Subjetividad y Educación. 9, 10 y 11 de abril de 2014 ISBN 978-987-3617-11-9 A PERCEPÇÃO DO GESTOR SOBRE OS PROFISSIONAIS DAS SALAS DE RECURSOS MULTIFUNCIONAIS DOURADOS/MS. PERCEPCIÓN DEL GESTOR DE LOS PROFESIONALES DE LAS CLASES RECURSOS MULTIFUNCIONALES EN DOURADOS/MS. Autores:

Leia mais

FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL

FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL UN SELLO DE CALIDAD EN LAS RELACIONES BILATERALES FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL UM SELO DE QUALIDADE NAS RELAÇÕES BILATERAIS FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL diseño

Leia mais

Alfabetizar letrando... Letrar alfabetizando: por quê? Como?

Alfabetizar letrando... Letrar alfabetizando: por quê? Como? Alfabetizar letrando... Letrar alfabetizando: por quê? Como? Patrícia Moura Pinho 1 Resumo: O presente texto trata da questão da alfabetização e as discussões teóricas e didáticas acerca da mesma, principalmente

Leia mais

Cabo Verde: Información aportada por la Sección Económica y Comercial de la Embajada de la República Argentina en Portugal. Fecha: 10.10.

Cabo Verde: Información aportada por la Sección Económica y Comercial de la Embajada de la República Argentina en Portugal. Fecha: 10.10. Cabo Verde: Información aportada por la Sección Económica y Comercial de la Embajada de la República Argentina en Portugal. Fecha: 10.10.2012 Adjuntamos la reglamentación de los países que fue aportada

Leia mais

IMIGRANTES NAS UNIVERSIDADES BRASIL(CORUMBÁ)/BOLÍVIA (PUERTO QUIJARRO): INTERAÇÃO ENTRE ALUNOS BRASILEIROS E BOLIVIANOS

IMIGRANTES NAS UNIVERSIDADES BRASIL(CORUMBÁ)/BOLÍVIA (PUERTO QUIJARRO): INTERAÇÃO ENTRE ALUNOS BRASILEIROS E BOLIVIANOS IMIGRANTES NAS UNIVERSIDADES BRASIL(CORUMBÁ)/BOLÍVIA (PUERTO QUIJARRO): INTERAÇÃO ENTRE ALUNOS BRASILEIROS E BOLIVIANOS Jeruza dos Santos Santiago Minakawa Aluna regular do Programa de Pós Graduação em

Leia mais

FAMÍLIA E ESCOLA: uma participação interativa no contexto da Educação Infantil RESUMO

FAMÍLIA E ESCOLA: uma participação interativa no contexto da Educação Infantil RESUMO Revista Eventos Pedagógicos v. 2, n. 1 (2. ed. rev. e aum.), p. 42-49, jan./jul. 2011 FAMÍLIA E ESCOLA: uma participação interativa no contexto da Educação Infantil Anne Kelly Hetzel de Araújo Anastácio

Leia mais

Em quanto tempo o investimento em geoprocessamento retorna para uma empresa ou órgão público?

Em quanto tempo o investimento em geoprocessamento retorna para uma empresa ou órgão público? Em quanto tempo o investimento em geoprocessamento retorna para uma empresa ou órgão público? Cual es período de retorno de una inversión en geoprocesamento por parte de una administración pública? Xavier

Leia mais

Convocatoria: envío de trabajos al próximo número de la Revista Académica PROCOAS AUGM Año 2013

Convocatoria: envío de trabajos al próximo número de la Revista Académica PROCOAS AUGM Año 2013 Convocatoria: envío de trabajos al próximo número de la Revista Académica PROCOAS AUGM Año 2013 ISSN 1852 8538 El Comité de Procesos Cooperativos y Asociativos - PROCOAS -, de la Asociación de Universidades

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Sumário Apresentação...03 Elementos Estrurais...04 Logomarca...05 Cores Padronizadas...06 Monocromia...07 Fundos Coloridos...08 Usos Incorretos...09 Modelo de Ofício...10 Envelopes...11

Leia mais

COMITÉ ACADÉMICO DE ENERGÍA

COMITÉ ACADÉMICO DE ENERGÍA COMITÉ ACADÉMICO DE ENERGÍA PROGRAMA GENERAL REUNIÓN DEL COMITÉ ACADÉMICO DE ENERGÍA E XV SEMINARIO INTERNACIONAL DE ENERGÍA Y BIOCOMBUSTIBLES ORGANIZACIÓN: LOSE LABORATÓRIO DE OTIMIZAÇÃO DE SISTEMAS ENERGÉTICOS

Leia mais

3º ECOM.EDU Encontro de Comunicação e Educação de Ponta Grossa

3º ECOM.EDU Encontro de Comunicação e Educação de Ponta Grossa 270 3º ECOM.EDU Encontro de Comunicação e Educação de Ponta Grossa O USO DO BLOG NO ENSINO DE PARASITOSES PREVALENTES EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES JUNTO A LICENCIANDOS EM CIÊNCIAS E BIOLOGIA Eberton Luiz

Leia mais

Segui buscando en la Red de Bibliotecas Virtuales de CLACSO http://biblioteca.clacso.edu.ar

Segui buscando en la Red de Bibliotecas Virtuales de CLACSO http://biblioteca.clacso.edu.ar Educação do campo e democratização da educação superior no Brasil Titulo Barbosa, Lia Pinheiro - Autor/a; Autor(es) Buenos Aires Lugar CLACSO Editorial/Editor 2014 Fecha Colección Universidades; Educação

Leia mais

DISEÑO SIN LÍMITES I DESIGN ILIMITADO

DISEÑO SIN LÍMITES I DESIGN ILIMITADO DISEÑO SIN LÍMITES I DESIGN ILIMITADO Superficies individualizadas para una arquitectura excepcional. Superfícies de decoração individuais para uma arquitectura única. FACHADAS CON UN DISEÑO ÚNICO COMPOSIÇÃO

Leia mais

internacional MBA hispano-luso

internacional MBA hispano-luso internacional MBA hispano-luso MBA, sello de calidad Un MBA es el programa más cursado en todo el mundo, y goza del mayor r e c o n o c i m i e n t o y p r e s t i g i o internacional. Ofrece las mejores

Leia mais

Aula 15.2 Conteúdo. Cores Estações do Ano Expressões de gostos e preferências Verbos gustar e preferir LÍNGUA ESPANHOLA CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 15.2 Conteúdo. Cores Estações do Ano Expressões de gostos e preferências Verbos gustar e preferir LÍNGUA ESPANHOLA CONTEÚDO E HABILIDADES A A Aula 15.2 Conteúdo Cores Estações do Ano Expressões de gostos e preferências Verbos gustar e preferir 2 A A Habilidades Aumentar vocabulário referente a cores e estações do ano em espanhol. Expressar

Leia mais

O ENSINO DE MATEMÁTICA NUMA ESCOLA BILÍNGUE PARA SURDOS: A EDUCAÇÃO MATEMÁTICA NO CAMPO DA EDUCAÇÃO ESPECIAL.

O ENSINO DE MATEMÁTICA NUMA ESCOLA BILÍNGUE PARA SURDOS: A EDUCAÇÃO MATEMÁTICA NO CAMPO DA EDUCAÇÃO ESPECIAL. O ENSINO DE MATEMÁTICA NUMA ESCOLA BILÍNGUE PARA SURDOS: A EDUCAÇÃO MATEMÁTICA NO CAMPO DA EDUCAÇÃO ESPECIAL. Juan Felipe de Azevedo Falcão juanmelo456@gmail.com Nehemias Nasaré Lourenço prof.nemo@hotmail.com

Leia mais

O QUE APORTAM E O QUE OCULTAM AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NO ENSINO A DISTÂNCIA DA FURG: UM OLHAR SOBRE O CURSO DE PEDAGOGIA

O QUE APORTAM E O QUE OCULTAM AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NO ENSINO A DISTÂNCIA DA FURG: UM OLHAR SOBRE O CURSO DE PEDAGOGIA O QUE APORTAM E O QUE OCULTAM AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NO ENSINO A DISTÂNCIA DA FURG: UM OLHAR SOBRE O CURSO DE PEDAGOGIA Rogério Dias de Arruda FURG Susana Inês Molon FURG CAPES Resumo:

Leia mais

Guião E. 1.º MOMENTO Intervenientes e tempos

Guião E. 1.º MOMENTO Intervenientes e tempos Proposta de Guião para uma Prova Disciplina: Espanhol, Nível de Iniciação, 11.º ano (A2) Domínio de Referência: Viajes y Transportes Duração da prova: 15 a 20 minutos Guião E 1.º MOMENTO Intervenientes

Leia mais

PLANO DE MARKETING: UMA PROPOSTA PARA A AGÊNCIA DE VIAGENS COM FOCO NO PÚBLICO SÊNIOR DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR (RS)

PLANO DE MARKETING: UMA PROPOSTA PARA A AGÊNCIA DE VIAGENS COM FOCO NO PÚBLICO SÊNIOR DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR (RS) PLANO DE MARKETING: UMA PROPOSTA PARA A AGÊNCIA DE VIAGENS COM FOCO NO PÚBLICO SÊNIOR DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR (RS) RESUMO: O objetivo deste trabalho é apresentar um Plano de Marketing para uma agência

Leia mais

RAFAEL BARRRADAS. (Montevidéu, 1890-1929) Volúmen 2/ Año 2014

RAFAEL BARRRADAS. (Montevidéu, 1890-1929) Volúmen 2/ Año 2014 1 Volúmen 2/ Año 2014 RAFAEL BARRRADAS (Montevidéu, 1890-1929) Rafael Pérez Barradas(1890-1929) foi sem dúvidas um ícone como pintor, Uruguaio, nascido em Montevidéu, se tornou referência como artista

Leia mais

BASES DE PARTICIPACIÓN

BASES DE PARTICIPACIÓN BASES DE PARTICIPACIÓN La novena edición de la BAIXADA ANIMADA - MUESTRA IBEROAMERICANA DE CINE DE ANIMACIÓN, es una realización de BENGUELA PRODUÇÕES E EVENTOS CULTURAIS LTDA. La Muestra se sucederá en

Leia mais

O USO DE DOCUMENTOS DIVERSIFICADOS NAS SÉRIES INICIAIS PARA RECRIAÇÃO DOS CONHECIMENTOS PRÉVIOS

O USO DE DOCUMENTOS DIVERSIFICADOS NAS SÉRIES INICIAIS PARA RECRIAÇÃO DOS CONHECIMENTOS PRÉVIOS O USO DE DOCUMENTOS DIVERSIFICADOS NAS SÉRIES INICIAIS PARA RECRIAÇÃO DOS CONHECIMENTOS PRÉVIOS Sandra do Rocio Cordeiro de Lima O trabalho apresentado é o relato de uma prática pedagógica desenvolvida

Leia mais

UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - BRASIL Contribución al conocimiento del manejo sustenible de recursos hídricos para riego

UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - BRASIL Contribución al conocimiento del manejo sustenible de recursos hídricos para riego Contribución al conocimiento del manejo sustenible de recursos hídricos para riego USO APROPIADO DE LOS RECURSOS HÍDRICOS PARA RIEGO Seminario - Taller Área de Estudio UFRB Área de Estudio UFRB Brasil

Leia mais

Vocabulário e frases chave

Vocabulário e frases chave Vocabulário e frases chave la tradición La sociedad moderna tiende a desvincularse de las tradiciones. a tradição A sociedade moderna tende a se afastar das tradições. la cultura Las distintas culturas

Leia mais

ESCUELAS INTERCULTURALES BILINGUES DE FRONTERA: UNA MIRADA HACIA LA FORMACIÓN DOCENTE

ESCUELAS INTERCULTURALES BILINGUES DE FRONTERA: UNA MIRADA HACIA LA FORMACIÓN DOCENTE ESCUELAS INTERCULTURALES BILINGUES DE FRONTERA: UNA MIRADA HACIA LA FORMACIÓN DOCENTE Fabiana Perpétua Ferreira Fernandes Universidade Federal de Goiás brasucaya@yahoo.com.br A partir del primer semestre

Leia mais

Discapacidad Argentina, Brasil y Paraguay

Discapacidad Argentina, Brasil y Paraguay Prueba Piloto Conjunta sobre Discapacidad Argentina, Brasil y Paraguay Comitê do Censo Demográfico, IBGE Brasil Taller de Cierre y Conclusiones del Grupo de Trabajo Ronda Censos 2010 de la CEA-CEPAL CEPAL

Leia mais

O olho que pensa, a mão que faz, o corpo que inventa

O olho que pensa, a mão que faz, o corpo que inventa Kenn et h Kem b le El s of á d e mi a bue la, 1 99 2, s erigr af i a F ot o: Fau st o F leur y O olho que pensa, a mão que faz, o corpo que inventa Com as proposições didáticas sugeridas, espera-se que

Leia mais

La República Argentina y la República Federativa del Brasil, en adelante, las Partes;

La República Argentina y la República Federativa del Brasil, en adelante, las Partes; Protocolo Adicional al Acuerdo de Cooperación para el Desarrollo y la Aplicación de los Usos Pacíficos de la Energía Nuclear en Materia de Reactores, Combustibles Nucleares, Suministro de Radioisótopos

Leia mais

RESSIGNIFICAÇÃO DA INTERDISCIPLINARIDADE NO CONTEXTO PEDAGOGICO REFLEXIVO E INTERATIVO NA EDUCAÇÃO BÁSICA

RESSIGNIFICAÇÃO DA INTERDISCIPLINARIDADE NO CONTEXTO PEDAGOGICO REFLEXIVO E INTERATIVO NA EDUCAÇÃO BÁSICA RESSIGNIFICAÇÃO DA INTERDISCIPLINARIDADE NO CONTEXTO PEDAGOGICO REFLEXIVO E INTERATIVO NA EDUCAÇÃO BÁSICA FLAVIO PEREIRA NOLÊTO Colégio São Francisco de Assis (Brasil) Professor de Filosofia II (UEG) Curso

Leia mais

ANALISANDO AS CONTRIBUIÇÕES DAS FERRAMENTAS DE DESENHO PARA O PROCESSO DE CONCEPÇÃO E AVALIAÇÃO DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO APRENDIZAGEM

ANALISANDO AS CONTRIBUIÇÕES DAS FERRAMENTAS DE DESENHO PARA O PROCESSO DE CONCEPÇÃO E AVALIAÇÃO DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO APRENDIZAGEM ANALISANDO AS CONTRIBUIÇÕES DAS FERRAMENTAS DE DESENHO PARA O PROCESSO DE CONCEPÇÃO E AVALIAÇÃO DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO APRENDIZAGEM BARROS, KALINA C. T. F. R.; FERREIRA, H. S. 1 ANALISANDO AS CONTRIBUIÇÕES

Leia mais

A INFLUÊNCIA DA TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO FORMAL: PERSPECTIVAS E CONTRIBUIÇÕES.

A INFLUÊNCIA DA TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO FORMAL: PERSPECTIVAS E CONTRIBUIÇÕES. A INFLUÊNCIA DA TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO FORMAL: PERSPECTIVAS E CONTRIBUIÇÕES. Adailton Soares da Silva 1 Bacharel em Serviço Social pela Universidade Leonardo da Vinci, NEAD, Polo Paulo Afonso, Bahia, Brasil

Leia mais

Concurso Fotográfico: VER A CIDADE, Edição Rio Manhuaçu. Regulamento

Concurso Fotográfico: VER A CIDADE, Edição Rio Manhuaçu. Regulamento Concurso Fotográfico: VER A CIDADE, Edição Rio Manhuaçu Regulamento A Faculdade de Ciências Gerenciais de Manhuaçu (FACIG), através do curso de Arquitetura e Urbanismo, institui o CONCURSO DE FOTOGRAFIA

Leia mais

Marcos Antonio da Rocha Araújo 1. Servidor Federal do TRT8ª região, Cargo de Técnico Judiciário, Especialidade em Segurança. 1

Marcos Antonio da Rocha Araújo 1. Servidor Federal do TRT8ª região, Cargo de Técnico Judiciário, Especialidade em Segurança. 1 ANÁLISE DO TEMPO ENTRE A DATA DOS ACORDOS E O ARQUIVAMENTO NOS PROCESSOS TRABALHISTAS QUE FORAM OBJETO DE DEMANDA NO PERÍODO DE 2007 À 2014 NA SEMANA DE CONCILIAÇÃO NO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular LÍNGUA ESPANHOLA Ano Lectivo 2010/2011

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular LÍNGUA ESPANHOLA Ano Lectivo 2010/2011 Programa da Unidade Curricular LÍNGUA ESPANHOLA Ano Lectivo 2010/2011 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Turismo 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular LÍNGUA

Leia mais

APROXIMAÇÕES E AFASTAMENTOS ENTRE A FORMAÇÃO E A PRÁTICA DAS PROFISSIONAIS QUE ATUAM NOS CENTROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE SALVADOR

APROXIMAÇÕES E AFASTAMENTOS ENTRE A FORMAÇÃO E A PRÁTICA DAS PROFISSIONAIS QUE ATUAM NOS CENTROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE SALVADOR 1 APROXIMAÇÕES E AFASTAMENTOS ENTRE A FORMAÇÃO E A PRÁTICA DAS PROFISSIONAIS QUE ATUAM NOS CENTROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE SALVADOR Maurícia Evangelista dos Santos 1 Eixo 10. Educação e infância

Leia mais

Patrimônio Cultural. Revitalização de estações ferroviárias

Patrimônio Cultural. Revitalização de estações ferroviárias Patrimônio Cultural Revitalização de estações ferroviárias Patrimônio Cultural Conceito abrangente art. 216 da Constituição Federal: Constituem patrimônio cultural brasileiro os bens de natureza imaterial,

Leia mais

CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO BELAS ARTES DE SÃO PAULO Arquitetura Oculta no Centro Histórico da Cidade de São Paulo CACCAU

CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO BELAS ARTES DE SÃO PAULO Arquitetura Oculta no Centro Histórico da Cidade de São Paulo CACCAU CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO BELAS ARTES DE SÃO PAULO Arquitetura Oculta no Centro Histórico da Cidade de São Paulo CACCAU CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO BELAS ARTES DE

Leia mais

SUMÁRIO GESTÃO DEMOCRÁTICA DA EDUCAÇÃO: UM OLHAR A PARTIR DA ADMINISTRAÇÃO... 2

SUMÁRIO GESTÃO DEMOCRÁTICA DA EDUCAÇÃO: UM OLHAR A PARTIR DA ADMINISTRAÇÃO... 2 SUMÁRIO GESTÃO DEMOCRÁTICA DA EDUCAÇÃO: UM OLHAR A PARTIR DA ADMINISTRAÇÃO... 2 A IMPORTÂNCIA DO CONTEXTO GEOECONÔMICO DE FAMÍLIAS EM SITUAÇÃO DE POBREZA PARA A GESTÃO DO PROGRAMA BOLSA-FAMÍLIA... 3 QUÉ

Leia mais

Prova Escrita de Espanhol

Prova Escrita de Espanhol EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO Decreto-Lei n.º 74/04, de 26 de Março Prova Escrita de Espanhol 12.º ano de Escolaridade Iniciação trienal Prova 747/2.ª Fase 5 Páginas Duração da Prova: 1 minutos.

Leia mais

Русский Tipo Data Cor Semana Classifi cado conforme o tipo de arquivo (por exemplo, imagem, vídeo ou voz) Classifi cado conforme a seqüência de datas registradas. Classifi cado conforme a cor

Leia mais

Candomblé: Fé e Cultura 1. Priscilla LIRA 2 Bira NUNES 3 Tenaflae LORDÊLO 4 Faculdade do Vale do Ipojuca, Caruaru, PE

Candomblé: Fé e Cultura 1. Priscilla LIRA 2 Bira NUNES 3 Tenaflae LORDÊLO 4 Faculdade do Vale do Ipojuca, Caruaru, PE Candomblé: Fé e Cultura 1 Priscilla LIRA 2 Bira NUNES 3 Tenaflae LORDÊLO 4 Faculdade do Vale do Ipojuca, Caruaru, PE RESUMO O presente trabalho apresenta, por meio de um ensaio fotográfico, a cultura do

Leia mais

Antonio Parreiras: pinturas e desenhos (2012) estudo de caso 4. Curso de Capacitação para Museus Sisem Módulo Curadoria

Antonio Parreiras: pinturas e desenhos (2012) estudo de caso 4. Curso de Capacitação para Museus Sisem Módulo Curadoria ANTONIO PARREIRAS - PINTURAS E DESENHOS Arte rasil nob uma história na Pinacoteca de São Paulo imagem da capa Manhã de inverno, 1894 óleo sobre tela 102 x 152 cm Pinacoteca do Estado de São Paulo Transferência

Leia mais

O USO DAS NOVAS TECNOLOGIAS EM PROJETOS DE ENSINO DE CIÊNCIAS 04/2005 188-TC-F2

O USO DAS NOVAS TECNOLOGIAS EM PROJETOS DE ENSINO DE CIÊNCIAS 04/2005 188-TC-F2 1 O USO DAS NOVAS TECNOLOGIAS EM PROJETOS DE ENSINO DE CIÊNCIAS 04/2005 188-TC-F2 Fernanda Franzolin Laboratório de Ensino de Ciências e Tecnologia - Escola do Futuro - Universidade de São Paulo fernanda@futuro.usp.br

Leia mais

Esse texto é parte integrante da dissertação de mestrado defendida em dezembro de 2001 na UFBA. 1

Esse texto é parte integrante da dissertação de mestrado defendida em dezembro de 2001 na UFBA. 1 1 REPRESENTAÇÕES DA SOCIEDADE ESCRAVISTA BRASILEIRA NA VIAGEM PITORESCA E HISTORICA AO BRASIL, DE JEAN BAPTISTE DEBRET: UMA POSSIBILIDADE DE LEITURA NO LIVRO DIDÁTICO Emilia Maria F. da Silva emiliamfs@terra.com.br

Leia mais

Te ayudamos a decorar tu casa de la mano de Agatha Ruiz de La Prada. Ajudamos-te a decorar a tua casa com um toque Agatha Ruiz de La Prada

Te ayudamos a decorar tu casa de la mano de Agatha Ruiz de La Prada. Ajudamos-te a decorar a tua casa com um toque Agatha Ruiz de La Prada ES Te ayudamos a decorar tu casa de la mano de Agatha Ruiz de La Prada PT Ajudamos-te a decorar a tua casa com um toque Agatha Ruiz de La Prada Dyrup y Agatha Ruiz de la Prada con su nueva colección proponen

Leia mais

9 SOLUÇÕES EM VIAGENS guia de identidade visual As regras de aplicação em fundos evitam choque de cores e perda da legibilidade. Marca a traço/positivo FUNDOS Negativo SOLUÇÕES EM VIAGENS SOLUÇÕES EM VIAGENS

Leia mais

A IMAGINAÇÃO EM VYGOTSKY: princípio para novas construções, para a expansão de conhecimentos e para o desenvolvimento *

A IMAGINAÇÃO EM VYGOTSKY: princípio para novas construções, para a expansão de conhecimentos e para o desenvolvimento * A IMAGINAÇÃO EM VYGOTSKY: princípio para novas construções, para a expansão de conhecimentos e para o desenvolvimento * Flávia Diniz Roldão Balmant Resumo: O trabalho apresenta a concepção de Imaginação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS ELDA ROSA RODRIGUES RIBEIRO DA SILVA ENCURTANDO DISTÂNCIAS: UMA EXPERIÊNCIA

Leia mais

COMUNICAÇÃO E INOVAÇÃO EM PORTAIS CORPORATIVOS

COMUNICAÇÃO E INOVAÇÃO EM PORTAIS CORPORATIVOS ALESSANDRA DE FALCO COMUNICAÇÃO E INOVAÇÃO EM PORTAIS CORPORATIVOS Os casos da Embraer, Natura, Faber-Castell e Rigesa Universidade Metodista de São Paulo Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGO EFETIVO PROFESSOR DE ENSINO BÁSICO, TÉCNICO E TECNOLÓGICO Edital 16/2015 Campus São João del-rei

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGO EFETIVO PROFESSOR DE ENSINO BÁSICO, TÉCNICO E TECNOLÓGICO Edital 16/2015 Campus São João del-rei Tema 01: GÊNERO E TIPOLOGIA TEXTUAL Para Luiz Antônio Marcuschi (2002), os gêneros textuais são artefatos culturais construídos historicamente pelo ser humano, textos materializados que usamos em nosso

Leia mais

Sistema de Pagamentos em Moedas Locais Sistema de Pagos en Monedas Locales S M L

Sistema de Pagamentos em Moedas Locais Sistema de Pagos en Monedas Locales S M L BANCO CENTRAL DE LA REPUBLICA ARGENTINA BANCO CENTRAL DO BRASIL Sistema de Pagamentos em Moedas Locais Sistema de Pagos en Monedas Locales S M L 1 Panorama Atual Panorama Actual Não há instrumentos financeiros

Leia mais

Mostra de Projetos 2011 MUSEU VIRTUAL DE IMAGEM E HISTÓRIA

Mostra de Projetos 2011 MUSEU VIRTUAL DE IMAGEM E HISTÓRIA Mostra de Projetos 2011 MUSEU VIRTUAL DE IMAGEM E HISTÓRIA Mostra Local de: Londrina. Categoria do projeto: Projetos em implantação, com resultados parciais. Nome da Instituição/Empresa: (Campo não preenchido).

Leia mais

LOS RETOS DE LA FORMACIÓN EN DISTANCIA PARA MEDIADORES DE ARTE CONTEMPORÁNEO

LOS RETOS DE LA FORMACIÓN EN DISTANCIA PARA MEDIADORES DE ARTE CONTEMPORÁNEO GT: Artes Visuais - Eixo Temático: Educação a distância, tecnologias contemporâneas e Artes Visuais OS DESAFIOS DA FORMAÇÃO A DISTÂNCIA PARA MEDIADORES DE ARTE CONTEMPORÂNEA Gabriela Bon (UFRGS, RS, Brasil)

Leia mais

Estudo de Unidades fraseológicas e seus sentidos metafóricos em dois Dicionários Bilíngües Español-Português, Português- Espanhol.

Estudo de Unidades fraseológicas e seus sentidos metafóricos em dois Dicionários Bilíngües Español-Português, Português- Espanhol. Estudo de Unidades fraseológicas e seus sentidos metafóricos em dois Dicionários Bilíngües Español-Português, Português- Espanhol. Ana María Barrera Conrad Sackl Universidad Federal de Santa Catarina (UFSC)

Leia mais

Instalação para viagem - Série Espaços. Madeira, espelhos, lentes, aço inox, acrílico, refletores. 8x16x26cm 2008/2011

Instalação para viagem - Série Espaços. Madeira, espelhos, lentes, aço inox, acrílico, refletores. 8x16x26cm 2008/2011 Claudio Álvarez CLAUDIO ÁLVAREZ nasceu em Rosário-Argentina. Vive e trabalha em Curitiba, Paraná, Brasil desde 1977. Expõe desde 1981. Realizou mais de 13 exposições individuais e participou de várias

Leia mais

3º ECOM.EDU Encontro de Comunicação e Educação de Ponta Grossa

3º ECOM.EDU Encontro de Comunicação e Educação de Ponta Grossa 89 3º ECOM.EDU Encontro de Comunicação e Educação de Ponta Grossa ÁFRICA E AFRICANIDADES: ARTE E LITERATURA NA CONSTRUÇÃO DE UMA REPRESENTAÇÃO POSITIVA DO NEGRO NO BRASIL Simone Aparecida Dupla 34 Linite

Leia mais

TRABALHANDO COM O GÊNERO TEXTUAL HISTÓRIA EM QUADRINHOS NO ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

TRABALHANDO COM O GÊNERO TEXTUAL HISTÓRIA EM QUADRINHOS NO ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS TRABALHANDO COM O GÊNERO TEXTUAL HISTÓRIA EM QUADRINHOS NO ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS Erida Souza Lima 1 Eixo temático: Educação e Ensino de Ciências Humanas e Sociais Resumo: Os gêneros textuais vêm

Leia mais

Plan de Estudios 2002

Plan de Estudios 2002 CONSTRUCCIÓN I Plan de Estudios 2002 hormigones y morteros hormigón / introducción el hormigón a. introducción: el diseño de arquitectura con hormigón b. el hormigón en estado endurecido c. el hormigón:

Leia mais

Entre linhas e curvas, surgem novas formas de conforto. Entre líneas y curvas, surgen nuevas formas de confort.

Entre linhas e curvas, surgem novas formas de conforto. Entre líneas y curvas, surgen nuevas formas de confort. Recepção Entre linhas e curvas, surgem novas formas de conforto. Entre líneas y curvas, surgen nuevas formas de confort. Com tamanhos e ângulos variados, linhas retas e curvilíneas, a Zig é indicada para

Leia mais

CONTEXTUALIZANDO A HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL NO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA ANTÔNIO FRANCISCO LISBOA - UM ESTUDO DE CASO.

CONTEXTUALIZANDO A HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL NO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA ANTÔNIO FRANCISCO LISBOA - UM ESTUDO DE CASO. CONTEXTUALIZANDO A HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL NO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA ANTÔNIO FRANCISCO LISBOA - UM ESTUDO DE CASO. Vanusa Zimmermann Universidade Federal de Santa Maria - UFSM Jorge Luiz da Cunha

Leia mais

Prof. Dr. Emilio Merino

Prof. Dr. Emilio Merino Prof. Dr. Emilio Merino INDICE 1. Objetivo MOVIMAN-POA 2. Aspectos Institucionales 3. Aspectos Funcionales 4. Proceso de la elección de la área de estudio 5. Proceso de difusión y formación de parcerias

Leia mais

OBSERVATÓRIO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE ARTES: DIÁLOGOS ENTRE BRASIL E ARGENTINA. Isabela Nascimento Frade UERJ isabelafrade@gmail.

OBSERVATÓRIO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE ARTES: DIÁLOGOS ENTRE BRASIL E ARGENTINA. Isabela Nascimento Frade UERJ isabelafrade@gmail. OBSERVATÓRIO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE ARTES: DIÁLOGOS ENTRE BRASIL E ARGENTINA Maria Cristina da Rosa Fonseca da Silva UDESC cristinaudesc@yahoo.com.br http://lattes.cnpq.br/5794119392714925 Isabela

Leia mais

OCORRÊNCIA DE FALHAS NAS ANOTAÇÕES DE ENFERMAGEM EM UMA UNIDADE DE INTERNAÇÃO CLÍNICA 1

OCORRÊNCIA DE FALHAS NAS ANOTAÇÕES DE ENFERMAGEM EM UMA UNIDADE DE INTERNAÇÃO CLÍNICA 1 OCORRÊNCIA DE FALHAS NAS ANOTAÇÕES DE ENFERMAGEM EM UMA UNIDADE DE INTERNAÇÃO CLÍNICA 1 OCCURRENCE OF FAULT RECORDS OF NURSING CARE IN A HOSPITAL MEDICAL UNIT LA OCURRENCIA DE FALLAS EN LA ENFERMERÍA OBSERVA

Leia mais

AS FOTOGRAFIAS DE OSWALDO LEITE E A TRANSFORMAÇÃO DO ESPAÇO URBANO EM LONDRINA PR NA DÉCADA DE 1950.

AS FOTOGRAFIAS DE OSWALDO LEITE E A TRANSFORMAÇÃO DO ESPAÇO URBANO EM LONDRINA PR NA DÉCADA DE 1950. AS FOTOGRAFIAS DE OSWALDO LEITE E A TRANSFORMAÇÃO DO ESPAÇO URBANO EM LONDRINA PR NA DÉCADA DE 1950. Fernanda Cequalini Frozoni (Mestranda em História Social- Universidade Estadual de Londrina) Resumo:

Leia mais

ROSAS DE MARÇO 1 RESUMO

ROSAS DE MARÇO 1 RESUMO ROSAS DE MARÇO 1 Cristine KASPARY 2 Taís Aline Baptista SALOMÃO 3 Jacson Gil SCHOSSLER 4 Ana Paula STEIGLEDER 5 Donaldo HADLICH 6 Universidade Feevale, Novo Hamburgo, RS RESUMO Este artigo aborda a edição

Leia mais

Projeto BABEL Buenos Aires, São Paulo, Belo Horizonte. 1995, 1994, 1993

Projeto BABEL Buenos Aires, São Paulo, Belo Horizonte. 1995, 1994, 1993 Projeto BABEL Buenos Aires, São Paulo, Belo Horizonte. 1995, 1994, 1993 Apresentação Projeto na Embajada Brasileira_ Buenos Aires Apresentação Projeto na Embajada Brasileira_ Buenos Aires Conceito_Participantes

Leia mais

Documento de trabajo de la Unidad Temática de la Red Mercociudades

Documento de trabajo de la Unidad Temática de la Red Mercociudades Documento de trabajo de la Unidad Temática de la Red Mercociudades Data: Segunda-feira, 10 de abril de 2006. Local: Cabildo Histórico da Cidade de Córdoba/ARG. Horário de inicio: 10:15h I. Abertura Oficial:

Leia mais

Palavras-chave: Fotografia, Ensino de História, Educação Histórica

Palavras-chave: Fotografia, Ensino de História, Educação Histórica 1 FOTOGRAFIA E ENSINO DE HISTÓRIA: MEDIADORES CULTURAIS NA CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO HISTÓRICO. Natalia Germano Gejão (Mestrado em História Social -UEL) Profª Drª Ana Heloisa Molina Palavras-chave: Fotografia,

Leia mais

TRABALHANDO JUNTOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA TRABAJANDO JUNTOS PARA EL DESENVOLVIMIENTO DE LA INDUSTRIA

TRABALHANDO JUNTOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA TRABAJANDO JUNTOS PARA EL DESENVOLVIMIENTO DE LA INDUSTRIA TRABALHANDO JUNTOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA TRABAJANDO JUNTOS PARA EL DESENVOLVIMIENTO DE LA INDUSTRIA AS SOLUÇÕES ARTICULADAS DO SISTEMA FIERO, POR MEIO DO SESI E SENAI, FORAM ESPECIALMENTE

Leia mais

Palavras-chave: Ensino de História/Imagem/Representações

Palavras-chave: Ensino de História/Imagem/Representações INVESTIGANDO AS PERCEPÇÕES DOS ALUNOS DE ENSINO FUNDAMENTAL: O ENSINO DE HISTÓRIA E AS TEMÁTICAS DE CIDADE E CAMPO NAS PINTURAS DE TARSILA DO AMARAL Susana Aparecida da Silva Co-autor (a): Profª.Drª. Ana

Leia mais

INFEIES - RM Revista Multimedia sobre la Infancia y sus Institución(es) Año 2 No. 2 - ISSN 2250-7167. Normas Editoriais

INFEIES - RM Revista Multimedia sobre la Infancia y sus Institución(es) Año 2 No. 2 - ISSN 2250-7167. Normas Editoriais Normas Editoriais INFEIES RM é uma revista de periodicidade continuada de acesso aberto, cujo conteúdo se encontra à disposição de qualquer usuário ou instituição sem encargo algum. Os interessados podem

Leia mais

Pisani Plásticos BR 116 - Km 146,3 - Nº 15.602 - C.P. 956-95059-520 - Caxias do Sul - RS - Brasil Fone: 55 54 2101.8700 - Fax: 55 54 2101.

Pisani Plásticos BR 116 - Km 146,3 - Nº 15.602 - C.P. 956-95059-520 - Caxias do Sul - RS - Brasil Fone: 55 54 2101.8700 - Fax: 55 54 2101. Pisani Plásticos BR 116 - Km 146,3 - Nº 15.602 - C.P. 956-95059-520 - Caxias do Sul - RS - Brasil Fone: 55 54 2101.8700 - Fax: 55 54 2101.8743 FILIAIS: Pindamonhangaba - SP e Recife - PE www.pisani.com.br

Leia mais