SEMINÁRIO OS RISCOS PARA A SAÚDE DO VIAJANTE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SEMINÁRIO OS RISCOS PARA A SAÚDE DO VIAJANTE"

Transcrição

1 SEMINÁRIO OS RISCOS PARA A SAÚDE DO VIAJANTE DEPARTAMENTO UNIVERSITÁRIO DE SAÚDE PÚBLICA FACULDADE DE CIENCIAS MÉDICAS UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA e DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA ANO DE 2003 Local Instituto Superior Técnico

2 MEDICINA DO VIAJANTE SEMINÁRIO OS RISCOS PARA A SAÚDE DO VIAJANTE De alguns anos a esta parte, que as viagens internacionais têm conhecido um impulso considerável, tornando-se cada vez mais importante que os viajantes estejam ao corrente das medidas profilácticas e das vacinações exigidas quando se deslocam ao estrangeiro. Se por um lado, com os actuais meios aéreos, é possível contrair uma infecção num determinado país e chegar a outro sem algum sintoma da doença, por outro lado, os turistas deslocam-se mais facilmente para regiões do mundo que eram, até há alguns anos, pouco visitadas, podendo, como tal, contactar riscos para a saúde desconhecidos ou patologia só existente nessas regiões. O viajante que tenciona viajar em turismo ou integrado numa equipa internacional (acontecimentos desportivos, peregrinações, de ajuda humanitária, reuniões) deve estar informado sobre os riscos para a sua saúde ou qual a farmácia de viagem de deve transportar. Os riscos para a saúde do viajante dependem essencialmente do destino, da duração e da finalidade da viagem. As precauções a ter em consideração são diferentes quando se viaja só, com a família ou em grupo. A avaliação destes riscos para a saúde é da responsabilidade do viajante que deve estar informado e em caso e dúvida recorrer a um profissional de saúde com conhecimento na matéria. Grupos de pessoas mais específicas, como recémnascidos, crianças, grávidas, idosos e viajantes com doenças crónicas colocam problemas especiais e devem recorrer aos concelhos de um profissional de saúde antes de viajar. Neste contexto, a informação fornecida sobre os riscos para a saúde do viajante menos experiente torna-se fundamental. As jornadas OS RISCOS PARA A SAÚDE DO VIAJANTE são dirigidas aos estudantes do Instituto Superior Técnico e pessoal docente interessado nesta temática que pretendem saber que precauções tomar na protecção da sua saúde durante a viagem e estadia, onde se dirigir em casos mais específicos e que medicamentos devem transportar consigo. Neste e noutros casos, a informação deve ser pertinente, actualizada e optimizada. Docentes: Prof. Doutor Luís Tavira (HDE) Prof. Doutora Filipa Ferraz de Oliveira (DUSP) Dr. Carlos Alberto Simões de Almeida (PSP) Dr. Jorge Oliveira (CISCOS) Dr.ª Ana Glória Fonseca (CISCOS) Dr.ª Cristina Faria (ANF) Dr.ª Nídia Gonçalves (CISCOS) DUSP: CISCOS: Departamento Universitário de Saúde Pública

3 PSP: HDE: ANF: Centro de Investigação em Saúde Comunitária) Polícia de Segurança Pública Hospital D. Estefânia Associação Nacional de Farmácias MEDICINA DO VIAJANTE OS RISCOS PARA A SAÚDE DO VIAJANTE Os temas são abordados à Quarta-feira nos dias abaixo descritos (15 horas no total) Dia Hora Tema 12 Março 18,00 Viagens internacionais: repartição geográfica dos riscos para a saúde 19,05 Viagens internacionais riscos associados à viagem aérea e ao meio ambiente 20,35 Fecho 26 Março 18,00 Comunidades autóctones e Meio Ambiente: exemplo dos projectos do CISCOS em África Dr.ª Susana Almeida (CISCOS) Dr. Luís Canelas (CISCOS) 19,05 A prática da Consulta do Viajante Dr. Jorge Oliveira (CISCOS) 02 Abril 18,00 Viagens internacionais: riscos associados à alimentação Dr.ª Nídia Gonçalves (CISCOS) 19,05 Vacinação exigida e recomendada nas viagens internacional Dr.ª Ana Glória Fonseca (CISCOS) 09 Abril 18,00 Roubo e violência em viagem Dr. Carlos Alberto Simões de Almeida (PSP) 19,05 A viagem internacional e os grupos específicos de viajantes com maior risco para a saúde 14 Maio 18,00 Os riscos para a saúde da grávida nas viagens internacionais Prof. Doutora Filipa Ferraz de Oliveira (DUSP) 19,05 Os riscos para a saúde da criança nas viagens internacionais Prof. Doutor Luís Varandas (HDE) 21 Maio 18,00 O viajante internacional e as doenças transmitidas por artrópodes: o exemplo da malária 19,05 O viajante internacional e as doenças transmitidas por

4 artrópodes: o exemplo da malária 28 Maio 18,00 A farmácia do viajante. Dr.ª Cristina Faria (ANF) 19,05 As infecções sexualmente transmitidas e as transfusões de sangue no viajante internacional. 20,35 Fecho

5

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA AMBIENTE ARTUR MANUEL BORDALO MACHADO FIGUEIRINHA Área: FARMÁCIA LUÍS MANUEL FERNANDES SIMÕES Área: GEOLOGIA DO AMBIENTE E ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO Dissertação: Condicionantes

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA C/3º CEB DE MANUEL DA FONSECA, SANTIAGO DO CACÉM

ESCOLA SECUNDÁRIA C/3º CEB DE MANUEL DA FONSECA, SANTIAGO DO CACÉM Módulo 1 - As empresas Turísticas Tipologia 1. Tipologia e classificação quanto ao segmento de mercado em que se enquadram 2. Tipologia dos Serviços prestados 2.1.Operadores turísticos 2.2.Transportadoras

Leia mais

Gestão do Lazer e Animação Turística Apresentação do curso

Gestão do Lazer e Animação Turística Apresentação do curso Gestão do Lazer e Animação Turística Apresentação do curso Francisco Silva francisco.silva@eshte.pt Director do Curso de Gestão do Lazer e Animação Turística Maio 2011 ESHTE Curso de Gestão do Lazer e

Leia mais

CURRICULUM VITAE ANTÓNIO JORGE PERES MATIAS

CURRICULUM VITAE ANTÓNIO JORGE PERES MATIAS ANTÓNIO JORGE PERES MATIAS Professor Auxiliar Faro, Dezembro 2010 Faculda Economia Universida do Algarve Campus Gambelas, Edifício 9 8005-139 Faro ÍNDICE 1. DADOS BIOGRÁFICOS... 1 2. FORMAÇÃO ACADÉMICA...

Leia mais

CANDIDATOS À CÂMARA MUNICIPAL

CANDIDATOS À CÂMARA MUNICIPAL CANDIDATOS À CÂMARA MUNICIPAL 2º Candidato: JOSÉ ANTÓNIO GOMES tem 57 anos e é Professor na Escola Superior de Educação do Porto. É Escritor, contando com diversas obras publicadas com o nome literário

Leia mais

O Enquadramento da Osteogénese Imperfeita (OI)

O Enquadramento da Osteogénese Imperfeita (OI) PLANO ESTRATÉGICO 2012 O Enquadramento da Osteogénese Imperfeita (OI) A Osteogénese imperfeita (OI) é uma doença rara com uma incidência abaixo de 1:20 000. As pessoas com OI e as suas famílias vivem frequentemente

Leia mais

Formadora em Workshops Ataques de Pânico Estratégias de Intervenção Faro PSIMAR duração de 9 horas.

Formadora em Workshops Ataques de Pânico Estratégias de Intervenção Faro PSIMAR duração de 9 horas. DADOS PESSOAIS NOME: Karine Alexandra Del Rio João DATA DE NASCIMENTO: 27 Janeiro 1968 NACIONALIDADE: Espanhola MORADA: São Brás de Alportel E-MAIL: delriokarina@gmail.com HABILITAÇÕES ACADÉMICAS 2015

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA DO CONSUMIDOR OBSERVATÓRIO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

Gripe A. Dr. Basil Ribeiro. Prof. Doutor Manuel Teixeira Veríssimo. Faculdade de Medicina de Coimbra Medicina Interna e Medicina Desportiva

Gripe A. Dr. Basil Ribeiro. Prof. Doutor Manuel Teixeira Veríssimo. Faculdade de Medicina de Coimbra Medicina Interna e Medicina Desportiva Gripe A Dr. Basil Ribeiro Medicina Desportiva Prof. Doutor Manuel Teixeira Veríssimo Faculdade de Medicina de Coimbra Medicina Interna e Medicina Desportiva Vírus H1N1 - Introdução Gripe dos porcos altamente

Leia mais

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Capa Pág.: 1 Assunto: Vacinação antes da viagem

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Capa Pág.: 1 Assunto: Vacinação antes da viagem Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Capa Pág.: 1 Assunto: Vacinação antes da viagem Veículo: Correio Braziliense Data: 06/12/2009 Seção: Saúde Pág.: 25 Assunto: Vacinação antes da viagem

Leia mais

Notas Biobibliográficas

Notas Biobibliográficas Guião de educação. Género e cidadania. Notas Biobibliográficas 333 Guião de Educação. Género e Cidadania 3 ciclo 334 Lisboa, CIG, 2009 NOTAS BIOBIBLIOGRÁFICAS Ângela Rodrigues é doutorada em Ciências da

Leia mais

Ciclo de Conferências e Workshops

Ciclo de Conferências e Workshops Ciclo de Conferências e Workshops 5 de Março Mesa-redonda: Aprender a Europa em Contextos Não-Formais Oradores: Profª Doutora Maria do Céu Roldão (Profª Aposentada da E.S.E. de Santarém) Dr. António Pedro

Leia mais

Corro o risco de contrair Hepatite B?

Corro o risco de contrair Hepatite B? Corro o risco de contrair Hepatite B? O que é? A hepatite B é um vírus que infecta o fígado e pode provocar doenças graves do fígado. O fígado é um órgão importante e é responsável por destruir os alimentos

Leia mais

Educação Formação Avançada

Educação Formação Avançada ISEC Instituto Superior de Educação e Ciências Educação Formação Avançada ISEC Instituto Superior de Educação e Ciências Educação Formação Avançada Unidade Científico- Pedagógica de Ciências da Educação

Leia mais

INFORMAÇÃO IMPORTANTE SOBRE A GRIPE SUÍNA

INFORMAÇÃO IMPORTANTE SOBRE A GRIPE SUÍNA INFORMAÇÃO IMPORTANTE SOBRE A GRIPE SUÍNA Este folheto contém informação importante para o ajudar a si e à sua família Guarde-o Bem Contactos Úteis Para se manter informado acerca da gripe suína telefone

Leia mais

Gripe A (H1N1)_PLANO DE CONTINGÊNCIA

Gripe A (H1N1)_PLANO DE CONTINGÊNCIA ESCOLA SECUNDÁRIA ANTERO DE QUENTAL Largo Mártires da Pátria 9504 520 Ponta Delgada Tel.: 296 20 55 40 Fax: 296 20 55 44 www.esaq.pt Gripe A (H1N1)_PLANO DE CONTINGÊNCIA Gripe H1N1_PLANO DE CONTIGÊNCIA

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO)

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PÚBLICAS DO CONCELHO DE PROENÇA-A-NOVA (3ª ACTUALIZAÇÃO) (3ª Actualização JULHO/2008) 1 Mês: Abril/2008 ANULAR (Estava na 1ª versão sem data) ANULAR (estava na 2ª versão para o 3º

Leia mais

NORMAS DA USF FAMALICÃO I

NORMAS DA USF FAMALICÃO I I.- MARCAÇÃO DE CONSULTAS Como marcar uma consulta? Opte pelas consultas com hora certa; quando necessitar de consulta dê preferência às consultas pré marcadas. Terá a sua consulta previamente assegurada

Leia mais

Carta Educativa de Almeida. Câmara Municipal de Almeida

Carta Educativa de Almeida. Câmara Municipal de Almeida Carta Educativa de Almeida Câmara Municipal de Almeida Junho de 2007 FICHA TÉCNICA ENTIDADE PROMOTORA Associação de Municípios da Cova da Beira Gestor de Projecto: Carlos Santos ENTIDADE FORMADORA E CONSULTORA

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO Fundada a 30 de Maio de 1950 Única Associação das Agências de Viagens em Portugal Medalha de Ouro de Mérito Turístico de Portugal Medalha de Ouro

Leia mais

Local, Regional, Nacional. Faro Regional Ver Área-chave 5. Semelhante à Área-chave 5.

Local, Regional, Nacional. Faro Regional Ver Área-chave 5. Semelhante à Área-chave 5. Timestamp Tipo de Organização/ Entidade área de intervenção concelho abrangência 6. Mobilidade / Acesso à Informação OBSTÁCULOS/ DESAFIOS 6. Mobilidade / Acesso à Informação SOLUÇÃO/MELHORAMENTO 12-04-2012

Leia mais

UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO DEPARTAMENTO DE ECONOMIA, SOCIOLOGIA E GESTÃO CURRICULUM VITAE

UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO DEPARTAMENTO DE ECONOMIA, SOCIOLOGIA E GESTÃO CURRICULUM VITAE UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO DEPARTAMENTO DE ECONOMIA, SOCIOLOGIA E GESTÃO CURRICULUM VITAE CARLOS JORGE FONSECA DA COSTA VILA REAL, OUTUBRO DE 2006 a) IDENTIFICAÇÃO NOME: Carlos Jorge Fonseca

Leia mais

EBOLA. Informe técnico e orientações para as ações de vigilância e serviços de saúde de referência

EBOLA. Informe técnico e orientações para as ações de vigilância e serviços de saúde de referência EBOLA Informe técnico e orientações para as ações de vigilância e serviços de saúde de referência FEBRE HEMORRÁGICA DO EBOLA O vírus Ebola foi identificado pela primeira vez em 1976, no Zaire (atual República

Leia mais

3574 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 139 18 de Junho de 2003 MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E DO ENSINO SUPERIOR

3574 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 139 18 de Junho de 2003 MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E DO ENSINO SUPERIOR 3574 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 139 18 de Junho de 2003 MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E DO ENSINO SUPERIOR Decreto-Lei n. o 120/2003 de 18 de Junho A Lei Orgânica do Ministério da Ciência e do Ensino Superior,

Leia mais

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES BIBLIOTECA PAULO ERNESTO TOLLE

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES BIBLIOTECA PAULO ERNESTO TOLLE POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES BIBLIOTECA PAULO ERNESTO TOLLE 1. INTRODUÇÃO A Biblioteca Paulo Ernesto Tolle é mantida pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado FECAP, uma das mais antigas

Leia mais

Mapa de Pessoal - ano 2015

Mapa de Pessoal - ano 2015 Gabinete de Apoio à Presidência Artigo 5.º do Regulamento dos Superior Postos de trabalho ocupados: 1 Licenciado em Relações Internacionais, 1 Licenciado em Gestão do Património e 1 lugar por força do

Leia mais

Informações Gerais e orientações sobre ASSISTÊNCIA DE VIAGEM

Informações Gerais e orientações sobre ASSISTÊNCIA DE VIAGEM RECOMENDAÇÕES A BRASILEIROS QUE VIAJAM PARA O EXTERIOR Informações Gerais e orientações sobre ASSISTÊNCIA DE VIAGEM Faça uma viagem SEGURA Entenda o produto Assistência Viagem. Situações inesperadas podem

Leia mais

Educação Física e Desporto Escolar ÍNDICE 1. OBJECTIVOS...2 2. PROGRAMA...3 3. PARTICIPANTES...7 4. ORÇAMENTO...9 5. CONCLUSÕES...

Educação Física e Desporto Escolar ÍNDICE 1. OBJECTIVOS...2 2. PROGRAMA...3 3. PARTICIPANTES...7 4. ORÇAMENTO...9 5. CONCLUSÕES... DIRECÇÃO REGIONAL DA EDUCAÇÃO FÍSICA E DESPORTO RELATÓRIO Região Autónoma dos Açores Secretaria Regional da Educação e Cultura Direcção Regional da Educação Física e Desporto SEMINÁRIO Educação Física

Leia mais

Carlos Alberto Maia Dias. Rua Pedro Álvares Cabral, Nº 3, 4º esquerdo 2685-229 Portela. Contactos Telemóvel - 917588053 E-mail - m60.dias@gmail.

Carlos Alberto Maia Dias. Rua Pedro Álvares Cabral, Nº 3, 4º esquerdo 2685-229 Portela. Contactos Telemóvel - 917588053 E-mail - m60.dias@gmail. RESUMO CURRICULAR Dados Biográficos Nome Sexo Nacionalidade Carlos Alberto Maia Dias Masculino Data de Nascimento 1946/01/10 Estado Civil Residência Casado com 2 filhos Rua Pedro Álvares Cabral, Nº 3,

Leia mais

AGENDA DE FEVEREIRO 2013

AGENDA DE FEVEREIRO 2013 AGENDA DE FEVEREIRO 2013 Exposições temporárias 08 fevereiro a 08 março Exposição Walking all alone de Almerinda Pereira Walking all alone insere-se na série vermelha da artista e caracteriza-se pelo recurso

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2011-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Pares instituição/curso objecto de concurso nacional

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2011-1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Pares instituição/curso objecto de concurso nacional ACESSO AO ENSINO SUPERIOR - 1ª FASE DO CONCURSO NACIONAL DE ACESSO Designação da Localidade Fase (cont. geral) 110 Ensino Superior Público Universitário 0110 8031 Universidade dos Açores - Angra do Heroísmo

Leia mais

De 29 de junho a 2 de julho de 2016 Ourém Fátima Portugal

De 29 de junho a 2 de julho de 2016 Ourém Fátima Portugal De 29 de junho a 2 de julho de 2016 Ourém Fátima Portugal III ENCONTRO EMPRESARIAL MINAS-PORTUGAL-OURÉM-FÁTIMA 29/30 de junho e 1º/2 de julho de 2016 Programação preliminar 28/06 - Terça-feira Saída do

Leia mais

FUNDAÇÃO CIDADE DA AMMAIA

FUNDAÇÃO CIDADE DA AMMAIA FUNDAÇÃO CIDADE DA AMMAIA ESTATUTOS Capítulo Primeiro Natureza, Duração, Sede e Fins Artigo Primeiro Natureza É instituída por Carlos Montez Melancia, Município de Marvão, Universidade de Évora, Francisco

Leia mais

Surto por Escherichia coli enterohemorrágica na Alemanha - Atualização. Infeções por Escherichia coli enterohemorrágica; síndroma hemolítica-urémica

Surto por Escherichia coli enterohemorrágica na Alemanha - Atualização. Infeções por Escherichia coli enterohemorrágica; síndroma hemolítica-urémica Digitally signed by Francisco Francisco Henrique Moura George DN: c=pt, o=ministério da Saúde, ou=direcção-geral da Saúde, Henrique cn=francisco Henrique Moura Moura George George Date: 2011.06.09 18:01:14

Leia mais

Apresentação do GIS - Grupo Imigração e Saúde / Parte 2: a utilidade do GIS para os imigrantes

Apresentação do GIS - Grupo Imigração e Saúde / Parte 2: a utilidade do GIS para os imigrantes Iolanda Évora Apresentação do GIS - Grupo Imigração e Saúde / Parte 2: a utilidade do GIS para os imigrantes Apresentado no II Fórum Rede Portuguesa de Cidades Saudáveis Viana do Castelo25-26 de Outubro

Leia mais

HEMEROTECA MUNICIPAL DE LISBOA Serviço de Actividades Culturais e Educativas

HEMEROTECA MUNICIPAL DE LISBOA Serviço de Actividades Culturais e Educativas HEMEROTECA MUNICIPAL DE LISBOA Serviço de Actividades Culturais e Educativas Revistas de Turismo na Colecção da Hemeroteca Municipal de Lisboa (1911-2011) Mostra Bibliográfica Guião Lisboa, 3 de Maio a

Leia mais

PLANO DE CONTINGÊNCIA ESPECÍFICO PARA AS ONDAS DE CALOR

PLANO DE CONTINGÊNCIA ESPECÍFICO PARA AS ONDAS DE CALOR PLANO DE CONTINGÊNCIA ESPECÍFICO PARA AS ONDAS DE CALOR ACES AMADORA 2013 Documento de trabalho proposto e 30 Abril 2013 Revisto em 14/05/2013 por Autoridades de Saúde do ACES Amadora Aprovado em / / 2013

Leia mais

Reunião com Maria João da SPP

Reunião com Maria João da SPP Reunião com Maria João da SPP Fui a Lisboa dia 26 de Novembro de 2007 Nomeação de médicos para contactos com imprensa: Norte: José Luís Centro: Helena Sul: Leonor Reunião com Maria João da SPP Curso da

Leia mais

INTERVENÇÃO DE S.EXA. O SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO, DR.BERNARDO TRINDADE, NA SESSÃO DE ABERTURA DO XXXIII CONGRESSO DA APAVT

INTERVENÇÃO DE S.EXA. O SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO, DR.BERNARDO TRINDADE, NA SESSÃO DE ABERTURA DO XXXIII CONGRESSO DA APAVT INTERVENÇÃO DE S.EXA. O SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO, DR.BERNARDO TRINDADE, NA SESSÃO DE ABERTURA DO XXXIII CONGRESSO DA APAVT TURISMO: TENDÊNCIAS E SOLUÇÕES Exmos. Senhores Conferencistas, Antes de

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2011 / 2012

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2011 / 2012 Departamento de Engenharia Electrotécnica PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2011 / 2012 Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores 1º ano 2º semestre Trabalho Final Reservas de viagens

Leia mais

Informe Técnico sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1

Informe Técnico sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1 Informe Técnico sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1 DOCUMENTO PARA COMUNIDADE MÉDICA Coordenação: Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) Associação Médica Brasileira (AMB) Apoio

Leia mais

Visita a familiares e amigos e alojamento gratuito impulsionam deslocações dos residentes

Visita a familiares e amigos e alojamento gratuito impulsionam deslocações dos residentes PROCURA TURÍSTICA DOS RESIDENTES 4º Trimestre 2012 02 maio de 2013 Visita a familiares e amigos e alojamento gratuito impulsionam deslocações dos residentes No 4º trimestre de 2012, os residentes efetuaram

Leia mais

CONCLUSÕES GT CIDADÃOS COM DEFICIÊNCIA

CONCLUSÕES GT CIDADÃOS COM DEFICIÊNCIA CONCLUSÕES GT CIDADÃOS COM DEFICIÊNCIA Fiscalizar os prazos para adaptações previstas no Decreto lei 163 e aplicação de coimas. Campanha de sensibilização para comerciantes, etc. Publicação quais os seus

Leia mais

Relatório de Atividades

Relatório de Atividades 2013 Gabinete para a Inclusão GPI Janeiro, 2014 ÍNDICE 1. TAREFAS REALIZADAS DE FORMA PERMANENTE PELO GPI... 3 1.1 ATENDIMENTO... 3 1.2 RESPOSTA AOS PEDIDOS DE APOIO DOS ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA OU DOS

Leia mais

CORPO DOCENTE DA LICENCIATURA EM TURISMO ÁLVARO OLIVEIRA LEITE

CORPO DOCENTE DA LICENCIATURA EM TURISMO ÁLVARO OLIVEIRA LEITE CORPO DOCENTE DA LICENCIATURA EM TURISMO ÁLVARO OLIVEIRA LEITE Desempenha funções no departamento de Marketing do Aeroporto do Porto, como Marketing Aviation Manager. Áreas de trabalho: desenvolvimento

Leia mais

FARMÁCIAS EM DISPONIBILIDADE

FARMÁCIAS EM DISPONIBILIDADE Concelho de OLHÃO - Mês de Janeiro de 2014 1/12 Concelho de OLHÃO - Mês de Fevereiro de 2014 2/12 Concelho de OLHÃO - Mês de Março de 2014 3/12 Concelho de OLHÃO - Mês de Abril de 2014 4/12 Concelho de

Leia mais

Ministério da Educação e Ciência

Ministério da Educação e Ciência 14827117ANA CATARINA DA SILVA LOUREIRO 14848155ANA MARGARIDA MIRANDA FERREIRA DA Colocada em 110Universidade do SILVA 920Línguas, Literaturas e Culturas 14853122ANA MARISA DE SOUSA NETO Colocada em 111Universidade

Leia mais

O AEROPORTO NÃO É UM NÃO-LUGAR

O AEROPORTO NÃO É UM NÃO-LUGAR O AEROPORTO NÃO É UM NÃO-LUGAR Cátia Cristina da Fonseca Formigo Cátia Filipa Cavalheiro de Freitas Estudantes do Departamento de Geografia da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa Metodologia

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO INTERVENÇÃO EM FAMÍLIAS E REDES SOCIAIS

PÓS-GRADUAÇÃO INTERVENÇÃO EM FAMÍLIAS E REDES SOCIAIS PÓS-GRADUAÇÃO INTERVENÇÃO EM FAMÍLIAS E REDES SOCIAIS DIRECÇÃO DO CURSO Maria GOUVEIA PEREIRA DURAÇÃO E ESTRUTURA DO CURSO Esta Pós-Graduação tem a duração de 2 semestres e decorre em horário pós-laboral.

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS 1 de 6 - mobilidade humana e OBJECTIVO: Identifica sistemas de administração territorial e respectivos funcionamentos integrados. O Turismo Guião de Exploração Indicadores sobre o turismo em Portugal 27

Leia mais

DECRETO N. 52.288 DE 24 DE JULHO DE 1963

DECRETO N. 52.288 DE 24 DE JULHO DE 1963 DECRETO N. 52.288 DE 24 DE JULHO DE 1963 Promulga a Convenção sobre Privilégios e Imunidades das Agências Especializadas das Nações Unidas, adotada, a 21 de novembro de 1947, pela Assembléia Geral das

Leia mais

Interpretação do conteúdo essencial do

Interpretação do conteúdo essencial do Interpretação do conteúdo essencial do Suplemento X ao «Acordo de Estreitamento das Relações Económicas e Comerciais entre o Interior da China e Macau» 1. Quais são os pontos principais do Suplemento X

Leia mais

Artigo 3.º (Atividades) Com vista à prossecução da sua missão, o LabSI2 poderá desenvolver as seguintes atividades:

Artigo 3.º (Atividades) Com vista à prossecução da sua missão, o LabSI2 poderá desenvolver as seguintes atividades: Regulamento do Laboratório de Sistemas de Informação e Interatividade Departamento de Engenharia Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Beja Laboratório de Sistemas de Informação e Interatividade LabSI2

Leia mais

ALERTA SARAMPO VACINAR, VACINAR e VACINAR ATUALIZAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA, ABRIL DE 2015

ALERTA SARAMPO VACINAR, VACINAR e VACINAR ATUALIZAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA, ABRIL DE 2015 ALERTA SARAMPO VACINAR, VACINAR e VACINAR ATUALIZAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA, ABRIL DE 2015 O estado de São Paulo não apresenta circulação endêmica do vírus do sarampo desde 2000, mas a doença continua ocorrendo

Leia mais

Informe sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1

Informe sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1 Informe sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1 DOCUMENTO PARA O PÚBLICO EM GERAL Coordenação: Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) Associação Médica Brasileira (AMB) Apoio e participação:

Leia mais

Regulamento. do Mestrado em Gestão Ambiental

Regulamento. do Mestrado em Gestão Ambiental Regulamento do Mestrado em Gestão Ambiental Artigo 1º O Instituto Superior Dom Afonso III (INUAF), concede o grau de Mestre em Gestão Ambiental. Artigo 2º Objectivos Gerais O curso de Mestrado em Gestão

Leia mais

Características do texto Académico-Científico

Características do texto Académico-Científico Características do texto Académico-Científico Algumas noções breves Ana Leitão Mestre em Língua e Cultura Portuguesa Essencial para uma adequada indexação posterior em bases de dados; Nem muito abrangentes

Leia mais

JOÃO CARLOS DE ALMEIDA VIDAL

JOÃO CARLOS DE ALMEIDA VIDAL CURRICULUM VITAE JOÃO CARLOS DE ALMEIDA VIDAL ÍNDICE Identificação... 3 Habilitações literárias... 4 Experiência profissional... 5 Experiência académica..... 7 Outras actividades... 13 Diversos... 15 2

Leia mais

PROGRAMA. 30 de Maio. Professor na Universidade de Amesterdão e FMUL, Investigador Coordenador do IS

PROGRAMA. 30 de Maio. Professor na Universidade de Amesterdão e FMUL, Investigador Coordenador do IS PROGRAMA 9:00 Abertura Secretariado 09:45-10:00 Sessão de Abertura 30 de Maio Prof.ª Luísa Figueira, Prof.ª Sílvia Ouakinin, José Barata, Patrícia Câmara 10:00-11:00 Conferência "Doenças dinâmicas: perspectivas

Leia mais

Exmos. Senhores Membros do Governo (Sr. Ministro da Saúde - Prof. Correia de Campos e Sr. Secretário de Estado da Saúde -Dr.

Exmos. Senhores Membros do Governo (Sr. Ministro da Saúde - Prof. Correia de Campos e Sr. Secretário de Estado da Saúde -Dr. Exmos. Senhores Membros do Governo (Sr. Ministro da Saúde - Prof. Correia de Campos e Sr. Secretário de Estado da Saúde -Dr. Francisco Ramos) Ex.mo Senhor Presidente da Comissão Parlamentar da Saúde, representado

Leia mais

18 a 20 de Novembro de 2011. Estoril. Organização: Auditório do Centro Escolar - ESHTE. www.cim-estoril.com

18 a 20 de Novembro de 2011. Estoril. Organização: Auditório do Centro Escolar - ESHTE. www.cim-estoril.com 18 a 20 de Novembro de 2011 Organização: Estoril Auditório do Centro Escolar - ESHTE www.cim-estoril.com Apresentação Na sequência das três edições realizadas em anos anteriores, a Associação Desportos

Leia mais

Deslocações turísticas de residentes aumentaram

Deslocações turísticas de residentes aumentaram PROCURA TURÍSTICA DOS RESIDENTES 2º Trimestre 2013 31 de outubro de 2013 Deslocações turísticas de residentes aumentaram Entre abril e junho de 2013, os residentes em Portugal efetuaram 3,9 milhões de

Leia mais

Experiência: Companhia aérea Air Luxor, Agência de Viagens Best Travel

Experiência: Companhia aérea Air Luxor, Agência de Viagens Best Travel Ref. 37/2005 Nome: Cláudia Maria dos Santos Localidade: Lisboa Idade: 32 anos Experiência: Companhia aérea Air Luxor, Agência de Viagens Best Travel Habilitações Académicas: Licenciatura no Curso de Gestão

Leia mais

Europass-Curriculum Vitae

Europass-Curriculum Vitae an Europass-Curriculum Vitae In pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada(s) Orvalho, Inês Tabau Rua Vicente Pindela, nº 36 1º esquerdo 3030-030 Coimbra Telefone(s) +351 239716762 Telemóvel: +351

Leia mais

ANO:2011. Objectivos Estratégicos DESIGNAÇÃO OE1 OE2 OE3 OE4 OE5 OE6 OE7 OE8 OE9

ANO:2011. Objectivos Estratégicos DESIGNAÇÃO OE1 OE2 OE3 OE4 OE5 OE6 OE7 OE8 OE9 ANO:211 Ministério da Saúde Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, IP MISSÃO: Contribuir, quer no âmbito laboratorial quer em assistência diferenciada, para ganhos em saúde pública, através da

Leia mais

CURSOS DE LÍNGUA ITALIANA

CURSOS DE LÍNGUA ITALIANA CURSOS DE LÍNGUA ITALIANA A Camera di Commercio Italiana per il Portogallo proporciona uma vasta oferta de cursos com docentes altamente qualificados. É certificada pela DGERT (Direção Geral do Emprego

Leia mais

Análise da Estrutura de Redes na Investigação Científica do CAML

Análise da Estrutura de Redes na Investigação Científica do CAML Apresentação de Resultados da 2.ª fase do Estudo Análise da Estrutura de Redes na Investigação Científica do CAML > Nuno Rodrigues APA > Sónia Barroso GAPIC Âmbito Dar continuidade ao estudo piloto sobre

Leia mais

Diagnóstico da Comunicação do IFRS 2015 Público - servidores

Diagnóstico da Comunicação do IFRS 2015 Público - servidores Diagnóstico da unicação do IFRS 2015 Público - servidores IFRS Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Janeiro 2016 Período de aplicação da pesquisa: de 19/maio a 02/junho/2015

Leia mais

PLANO DE MARKETING: UMA PROPOSTA PARA A AGÊNCIA DE VIAGENS COM FOCO NO PÚBLICO SÊNIOR DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR (RS)

PLANO DE MARKETING: UMA PROPOSTA PARA A AGÊNCIA DE VIAGENS COM FOCO NO PÚBLICO SÊNIOR DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR (RS) PLANO DE MARKETING: UMA PROPOSTA PARA A AGÊNCIA DE VIAGENS COM FOCO NO PÚBLICO SÊNIOR DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR (RS) RESUMO: O objetivo deste trabalho é apresentar um Plano de Marketing para uma agência

Leia mais

Movimento de Turistas - Ano de 2009. Breve análise

Movimento de Turistas - Ano de 2009. Breve análise Movimento de Turistas - Ano de 2009 Breve análise Base de dados Não nos sendo possível saber a taxa de ocupação das unidades hoteleiras do concelho, foi elaborada esta breve análise, unicamente, com base

Leia mais

Relatório formação b-on 2009

Relatório formação b-on 2009 Índice Índice...2 Índice de Tabelas...2 Índice de Figuras...2 Índice de Gráficos...3 1 Sumário...4 1.1 Enquadramento...4 2 Formadores...4 2.1 Objectivos...4 2.1.1 Utilizadores finais...5 2.1.2 Profissionais

Leia mais

PLANO CURRICULAR, HORÁRIO E CALENDÁRIO DE EXAMES 2.º CICLO. Coordenação: Vítor Neves (FD) e Vasco Santos (SBE)

PLANO CURRICULAR, HORÁRIO E CALENDÁRIO DE EXAMES 2.º CICLO. Coordenação: Vítor Neves (FD) e Vasco Santos (SBE) PLANO CURRICULAR, HORÁRIO E CALENDÁRIO DE EXAMES 2.º CICLO Coordenação: Vítor Neves (FD) e Vasco Santos (SBE) Mestrado (2.º Ciclo) em Direito e Gestão - 2015/2016 2 2.º CICLO PLANO CURRICULAR CÓD. Disciplinas

Leia mais

MINISTÉRIOS DA EDUCAÇÃO, DA SAÚDE E DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE

MINISTÉRIOS DA EDUCAÇÃO, DA SAÚDE E DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE MINISTÉRIOS DA EDUCAÇÃO, DA SAÚDE E DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE Despacho Conjunto n.º 891/99 No domínio da intervenção precoce para crianças com deficiência ou em risco de atraso grave de desenvolvimento,

Leia mais

Disciplina: TRANSPORTES. Sessão 10: A Intermodalidade em Sistemas de. Transportes: potencialidades, dificuldades, soluções

Disciplina: TRANSPORTES. Sessão 10: A Intermodalidade em Sistemas de. Transportes: potencialidades, dificuldades, soluções MESTRADO INTEGRADO DE ENGENHARIA CIVIL Disciplina: TRANSPORTES Prof. Responsável: José Manuel Viegas Transportes: potencialidades, dificuldades, soluções 2010 / 2011 1/16 MÚLTIPLAS SOLUÇÕES MODAIS Devido

Leia mais

Oportunidades a explorar

Oportunidades a explorar Oportunidades a explorar 1. Candidatura ao reconhecimento da Dieta Mediterrânica de PORTUGAL (liderada por Tavira) 2. Notoriedade do ALGARVE nos principais mercados turísticos europeus [Reino Unido, Alemanha,

Leia mais

OPTIMIZAR A INTERVENÇÃO EM ÁREAS DE SAÚDE E CONFORTO. Ordem dos Farmacêuticos (Rua da Sociedade Farmacêutica 18, 1169-075 Lisboa)

OPTIMIZAR A INTERVENÇÃO EM ÁREAS DE SAÚDE E CONFORTO. Ordem dos Farmacêuticos (Rua da Sociedade Farmacêutica 18, 1169-075 Lisboa) Título Farmácia Comunitária OPTIMIZAR A INTERVENÇÃO EM ÁREAS DE SAÚDE E CONFORTO Local Ordem dos Farmacêuticos (Rua da Sociedade Farmacêutica 18, 1169-075 Lisboa) Datas 26 de Março a 6 de Junho 2012 Organização

Leia mais

O papel da AICEP na Internacionalização das Empresas Portuguesas

O papel da AICEP na Internacionalização das Empresas Portuguesas O papel da AICEP na Internacionalização das Empresas Portuguesas 16 de Novembro de 2015 Internacionalização - Desafios Diversificar Mercados Alargar a Base Exportadora 38º PORTUGAL TEM MELHORADO A SUA

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO MESTRADO INTEGRADO EM MEDICINA. NOVA Medical School Faculdade de Ciências Médicas Universidade Nova de Lisboa

RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO MESTRADO INTEGRADO EM MEDICINA. NOVA Medical School Faculdade de Ciências Médicas Universidade Nova de Lisboa NOVA Medical School Faculdade de Ciências Médicas Universidade Nova de Lisboa Mestrado Integrado em Medicina - 6º ano Unidade Curricular: Estágio Profissionalizante Regente: Professor Doutor Fernando Miguel

Leia mais

PSICOLOGIA APLICADA. A. Filipa Faria Cátia Silva Barbara Fernandes Ricardo Rocha

PSICOLOGIA APLICADA. A. Filipa Faria Cátia Silva Barbara Fernandes Ricardo Rocha PSICOLOGIA APLICADA A. Filipa Faria Cátia Silva Barbara Fernandes Ricardo Rocha Psicologia aplicada É impossível pensar em psicologia, sem pensar em intervenção, pois esta tem uma dimensão prática que

Leia mais

O Conceito de Cluster

O Conceito de Cluster O Conceito de Cluster Conjunto de empresas, relacionadas entre si, que desenvolvem competências específicas, formando um pólo produtivo especializado e com vantagens competitivas. Antecedentes As empresas

Leia mais

Id: 40818 (50 years)

Id: 40818 (50 years) Ver foto Id: 40818 (50 years) DADOS PESSOAIS: Gênero: Masculino País: Other Country, Região:, Cidade: Tavira Ver CV completo Grave o CV TRABALHO DESEJADO: Objectivo: Valorização profissional na area da

Leia mais

05 18/23 ABRIL 07 10/12 OUTUBRO [30 MAIO/4 JUNHO INSCRICOES ENCERRADAS

05 18/23 ABRIL 07 10/12 OUTUBRO [30 MAIO/4 JUNHO INSCRICOES ENCERRADAS 05 18/23 ABRIL INSCRICOES ENCERRADAS [30 MAIO/4 JUNHO 06 07 10/12 OUTUBRO INSCRIÇÃO NO CURSO Destinatários /Requisitos 01 02 Plano do Curso 03 Objetivos Modelo 04 de Aprendizagem 06 Equipa Formadora 07

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CAMPUS GAROPABA PLANO DE ENSINO CURSO TÉCNICO EM GUIA DE TURISMO

Leia mais

Henrique Lourenço Séqua Tours

Henrique Lourenço Séqua Tours TURISMO NÁUTICO NA RIA FORMOSA Henrique Lourenço Séqua Tours Ria Formosa Somos gente de sorte! A questão é saber o que fazemos com ela A Ria Formosa é um manancial de riqueza com muito ainda por explorar.

Leia mais

O Grupo EXISTENCE, S.A., criou e desenvolve um projecto que engloba um conjunto de RESIDÊNCIAS ASSISTIDAS MEDICALIZADAS quatro estrelas, em rede, e

O Grupo EXISTENCE, S.A., criou e desenvolve um projecto que engloba um conjunto de RESIDÊNCIAS ASSISTIDAS MEDICALIZADAS quatro estrelas, em rede, e O Grupo EXISTENCE, S.A., criou e desenvolve um projecto que engloba um conjunto de RESIDÊNCIAS ASSISTIDAS MEDICALIZADAS quatro estrelas, em rede, e em todo o território nacional (cerca de 70% da capacidade

Leia mais

REDE SOCIAL DE SERPA DIAGNÓSTICO SOCIAL OUTUBRO 2007 ANEXOS. Educação/Ensino

REDE SOCIAL DE SERPA DIAGNÓSTICO SOCIAL OUTUBRO 2007 ANEXOS. Educação/Ensino Educação/Ensino 1 MAPA DOS MAPA DOS AGRUPAMENTOS DE ESCOLAS AGRUPAMENTOS DE ESCOLAS DO CONCELHO DE SERPA DO CONCELHO DE SERPA Brinches Brinches Pias Pias Vale DE Vargo Vale de Vargo Serpa S.Iria V.N.S.Bento

Leia mais

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Jornal de Brasília Data: 01/01/2009 Seção: Cidades Pág.: 6 Vacinação garante férias tranqüilas

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Jornal de Brasília Data: 01/01/2009 Seção: Cidades Pág.: 6 Vacinação garante férias tranqüilas Veículo: Jornal de Brasília Data: 01/01/2009 Seção: Cidades Pág.: 6 Vacinação garante férias tranqüilas Veículo: Site Revista Making Of Data: 02/01/2009 Seção: Notícias Pág.: www.revistamakingof.com.br

Leia mais

1º CURSO PÓS GRADUADO PARA FISIOTERAPEUTAS

1º CURSO PÓS GRADUADO PARA FISIOTERAPEUTAS 1º CURSO PÓS GRADUADO PARA FISIOTERAPEUTAS Disseção e Técnicas Cirúrgicas Joelho, Ombro e Coluna Vertebral 17 e 18 de Fevereiro de 2015 Coordenadores Professor Doutor João Goyri O Neill Dr. Gonçalo Neto

Leia mais

DSCIPLINAS DE FORMAÇÃO BÁSICA GERAL

DSCIPLINAS DE FORMAÇÃO BÁSICA GERAL CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO Turno: MATUTINO Currículo nº 9 Currículo nº 10 Reconhecido pelo Decreto Estadual n. o 5.497, de 21.03.02, D.O.E. de 22.03.02. Para completar o currículo pleno do curso superior

Leia mais

Melhores Coordenadores

Melhores Coordenadores Melhores Coordenadores entre 201 a 400 alunos MÉDIA GERAL = 7,1 CURSO DE PETRÓLEO E GÁS Prof. Francisco Wendell Bezerra Lopes Melhores Coordenadores entre 401 a 700 alunos MÉDIA GERAL = 7,0 CURSO DE ARQUITETURA

Leia mais

O gasto médio diário dos não residentes entrevistados que visitaram Portugal foi 100,22

O gasto médio diário dos não residentes entrevistados que visitaram Portugal foi 100,22 31 de julho de 2014 Gastos Turísticos Internacionais 2013 O gasto médio diário dos não residentes entrevistados que visitaram Portugal foi 100,22 O gasto médio diário per capita (GMD pc ) dos visitantes

Leia mais

O Direito ao Turismo para a Pessoa Idosa no Brasil. Gloria Maria Widmer e Ana Julia de Souza Melo

O Direito ao Turismo para a Pessoa Idosa no Brasil. Gloria Maria Widmer e Ana Julia de Souza Melo O Direito ao Turismo para a Pessoa Idosa no Brasil Gloria Maria Widmer e Ana Julia de Souza Melo Objetivo: identificar a presença do turismo como atividade integrante de programas de lazer criados pelo

Leia mais

PRÁTICAS MUSICAIS LOCAIS: ALGUNS INDICADORES PRELIMINARES 1

PRÁTICAS MUSICAIS LOCAIS: ALGUNS INDICADORES PRELIMINARES 1 PRÁTICAS MUSICAIS LOCAIS: ALGUNS INDICADORES PRELIMINARES 1 Salwa El-Shawan Castelo-Branco Maria João Lima A música enquanto processo social, produto cultural e comportamento expressivo desempenha um papel

Leia mais

Plano regular AF Aveiro - Época 2014-2015

Plano regular AF Aveiro - Época 2014-2015 V01JB12062014 SETEMBRO a DEZEMBRO 2014 09 e 13 de setembro SETEMBRO DE 2014 "Evolução das capacidades técnico-tácticas, dos jogadores de futebol" Formador: Prof. Dr. José Manuel Marques Gonçalves de Sá

Leia mais

Programa de Apoio à Qualidade nas Escolas (PAQUE)

Programa de Apoio à Qualidade nas Escolas (PAQUE) Programa de Apoio à Qualidade nas Escolas (PAQUE) 1. Título alusivo à iniciativa Programa de Apoio à Qualidade nas Escolas (PAQUE). 2. Entidades parceiras Identificação das organizações (Organismo público,

Leia mais

COMPORTAMENTO DO TURISMO NA REGIÃO METROPOLITANA DE MANAUS

COMPORTAMENTO DO TURISMO NA REGIÃO METROPOLITANA DE MANAUS FEVEREIRO / 2009 COMPORTAMENTO DO TURISMO NA REGIÃO METROPOLITANA DE MANAUS MANAUS AM RELATÓRIO MENSAL DA PESQUISA DO COMPORTAMENTO DO TURISMO NA REGIÃO METROPOLITANTA DE MANAUS, ANO 2009 - N 02 Para 55,6%

Leia mais

Estágios de Cooperação Internacional BES/ AMI. 8ª Edição Ano 2013

Estágios de Cooperação Internacional BES/ AMI. 8ª Edição Ano 2013 Estágios de Cooperação Internacional BES/ AMI 8ª Edição Ano 2013 Março de 2013 Queres fazer parte desta Missão? Se queres chegar mais longe em experiência e vivência Pelo oitavo ano consecutivo o BES realiza

Leia mais

Encarregados de Educação. Plano de Actividades 2007/2008

Encarregados de Educação. Plano de Actividades 2007/2008 Associação de Pais e Encarregados de Educação Plano de Actividades 2007/2008 A nível interno 1. Promover o bom Funcionamento administrativo da Associação Objectivo: Continuar a melhorar a organização e

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS. JOVENS PROFESSORES E INVESTIGADORES CONVOCATÓRIA 2015

REGULAMENTO GERAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS. JOVENS PROFESSORES E INVESTIGADORES CONVOCATÓRIA 2015 REGULAMENTO GERAL DO PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS. JOVENS PROFESSORES E INVESTIGADORES CONVOCATÓRIA 2015 A promoção da investigação através de programas que contribuam de maneria eficaz para a criação

Leia mais