2ª PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PSIQUIATRIA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "2ª PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PSIQUIATRIA"

Transcrição

1 2ª PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PSIQUIATRIA Questão nº: 21 Assinale a alternativa FALSA relativa aos quadros demenciais: a) A demência de Alzheimer se caracteriza por novelos neurofibrilares e placas senis. b) Cerca de 30 a 40% dos pacientes com doença de Parkinson tem demência. c) A demência de Pick caracteriza se por preponderância de atrofia frontotemporal. d) A demência de Binswanger é do tipo cortical. Questão nº: 22 Assinale a afirmativa INCORRETA em relação ao Delirium Orgânico: a) O EEG nos pacientes com delirium costuma se caracterizar por lentificação difusa. b) O principal neurotransmissor envolvido é a acetilcolina e a principal área envolvida é a formação reticular. c) O EEG nos pacientes com delirium devido à abstinência de álcool ou sedativos tendem a apresentar atividade lenta e de baixa voltagem. d) No tratamento de delirium por abstinência de álccol ou sedativos é recomendado o uso de benzodiazepínicos. Questão nº: 23 Assinale a resposta CORRETA em relação aos transtornos relacionados ao uso de álcool: a) O tratamento básico do delirium tremens é feito com antipsicóticos. b) Na síndrome alcoólica fetal costuma haver macrocefalia, malformações craniofaciais e defeitos dos membros e do coração.

2 c) A encefalopatia de Wernicke se caracteriza, entre outras coisas, por ataxia da marcha, diplopia e nistagmo. d) É uma causa rara de demência em países industrializados. Questão nº: 24 Em relação aos transtornos do sono, assinale a alternativa CORRETA: a) O sonambulismo se inicia no terço final da noite, no sono REM. b) O terror noturno se inicia no terço inicial da noite, no sono Não-REM. c) Sonilóquios são comuns em crianças, mas raros em adultos. d) O bruxismo relacionado ao sono é mais proeminente nos estágios 3-4 do sono. Questão nº: 25 Assinale a afirmativa CORRETA acerca dos psicofármacos: a) O clonazepan tem meia vida curta. b) A memantina é um medicamento usado para tratamento de demências por ser um inibidor da colinesterase. c) O uso de diuréticos tiazídicos diminui o nível sérico do carbonato de lítio. d) O dissulfiram inibe a enzima aldeído desidrogenase causando um grande aumento no acetaldeído sérico, que tem efeito tóxico no organismo. Questão nº: 26 São considerados medicamentos de primeira linha para o tratamento da síndrome das pernas inquietas: a) opióides b) anticonvulsivantes c) benzodiazepínicos d) agentes dopaminérgicos

3 Questão nº: 27 Qual o psicofármaco capaz de produzir a emergência psiquiátrica priapismo? a) Haloperidol b) Fenobarbital c) Trazodona d) Carbamazepina Questão nº: 28 Paciente masculino, 32 anos, com histórico de transtorno de humor bipolar, em uso de antipsicóticos e lítio, chega à emergência com quadro de confusão mental, febre de 39,2 C, agitação psicomotora, aumento da pressão arterial, taquicardia, sudorese e rigidez muscular. Qual a hipótese diagnóstica mais provável? a) intoxicação por lítio b) agudização do quadro psiquiátrico de transtorno de humor c) síndrome neuroléptica maligna d) impregnação por neurolépticos Questão nº: 29 As seguintes patologias podem produzir sintomas semelhantes aos sintomas que ocorrem nos ataques de pânico, EXCETO: a) hipertireoidismo b) feocromocitoma c) síndrome carcinóide d) porfiria intermitente Questão nº: 30 O antipsicótico de escolha para o tratamento do delirium associado a condições médicas gerais é:

4 a) Clorpromazina b) Haloperidol c) Tioridazina d) Risperidona Questão nº: 31 Alteração clínica comum em pacientes com bulimia e purgação (vômitos) excessiva: a) hipocalemia b) redução do intervalo QT no ECG (eletrocardiograma de repouso) c) hipermenorréia d) hipertensão arterial sistêmica Questão nº: 32 Sobre a insônia, é CORRETO afirmar: a) Antipsicóticos somente devem ser usados para o tratamento da insônia se esta for associada a transtorno psicótico. b) Os benzodiazepínicos promovem um sono de qualidade eletroencefalográfica semelhante a do soro fisiológico, porém têm risco de causar dependência física. c) Os antidepressivos podem ser utilizados para o tratamento da insônia, mesmo que esta exista sem critérios para transtorno depressivo. d) A insônia é mais comum em homens com idade mais avançada. Questão nº: 33 Existem evidências consistentes para o uso da eletroconvulsoterapia (ECT) nos seguintes casos, EXCETO: a) transtorno obsessivo-compulsivo b) sintomas psicóticos na esquizofrenia c) episódio maníaco e misto de transtorno bipolar d) depressão maior recorrente

5 Questão nº: 34 A desorientação temporo espacial ocorre, de modo geral, em quadros psico-orgânicos. Dentre as alternativas abaixo, em relação às áreas encefálicas comprometidas, qual a alternativa CORRETA: a) Nas lesões corticais difusas e amplas ou em lesões bilaterais, como na Doença de Alzheimer. b) Nas lesões do cerebelo. c) Nas lesões mesotemporais do sistema límbico como na síndrome de Alport. d) Em patologias que afetam o sistema reticular inibidor descendente. Questão nº: 35 Considera se critério do DSM-IV-TR para especificar um episódio depressivo maior: a) depressão que piora regularmente pela tarde ou a noite b) ideação suicida ou perda ligeira de peso c) dificuldade em conciliar ou manter o sono d) perda de prazer para todas ou quase todas as atividades Questão nº: 36 A apresentação clínica nos quadros de mania, dos sinais observados são, EXCETO: a) humor elevado há pelo menos uma semana b) auto estima inflada ou grandiosidade c) necessidade aumentada de sono d) humor irritável Questão nº: 37 Dentre as opções abaixo, qual destes psicofármacos oferece maior risco, quando prescrito durante a amamentação? a) Ácido Valpróico b) Sertralina

6 c) Escitalopram d) Carbonato de Lítio Questão nº: 38 Assinale a afirmativa FALSA em relação a aspectos que indicam causa orgânica para um transtorno mental: a) rebaixamento do nível de consciência b) mudança no padrão de cefaleia c) início lento e insidioso d) alucinações visuais importantes Questão nº: 39 Marque V (verdadeiro) ou F (falso) nas frases abaixo e em seguida assinale a sequência CORRETA: ( ) Delírios e alucinações eram considerados sintomas acessórios - não essenciais para o diagnóstico- na esquizofrenia por Eugen Bleuler. ( ) Com o advento dos antipsicóticos atípicos, a presença dos chamados sintomas negativos não apresenta mais um pior prognóstico na esquizofrenia. ( ) Aproximadamente 25% dos transtornos afetivos psicóticos apresentam-se com os sintomas de primeira ordem descritos por Kurt Schnneider. ( ) Evidências recentes sugerem que a condição de minoria étnica seja um fator de risco mais importante do que baixo nível socioeconômico para o desenvolvimento da esquizofrenia. a) V,F,V,V b) F,F.V,F c) F,V,F,V d) F,V,V,F

7 Questão nº: 40 Qual o transtorno psiquiátrico tem indicação com terapêutica mais consistente para o tratamento com EMT (estimulação magnética transcraniana): a) transtorno obscessivo-compulsivo b) depressão c) esquizofrenia d) transtorno bipolar de humor Questão nº: 41 Quais das alternativas abaixo contém apenas benzodiazepínicos de ação longa e intermediária? a) clonazepan, lorazepan e midazolan b) clonazepan, lorazepan e diazepan c) clonazepan, bromazepan e diazepan d) clonazepan, bromazepan e midazolan Questão nº: 42 Com a retirada dos inibidores da receptação da serotonina, ocorre a síndrome da retirada da serotonina, a qual consiste nos sintomas abaixo, EXCETO: a) agitação b) náuseas c) aumento do apetite d) disforia Questão nº: 43 Todas as alternativas incluem características verdadeiras acerca das crises convulsivas por síndrome de abstinência alcoólica, EXCETO:

8 a) São crises preferencialmente do tipo tônico clônico generalizadas. b) Podem estar associadas a hipomagnesemia, hiponatremia e hipoglicemia. c) O tratamento é realizado preferencialmente com anticonvulsivantes. d) Raramente progridem para o estado de mal-epiléptico. Questão nº: 44 A respeito de embriaguez patológica, podemos AFIRMAR que é caracterizada por: a) Ingestão compulsiva de grandes quantidades de álcool em fases bem delimitadas de tempo com preservação da lucidez e consciência. b) A ingestão de pequenas doses de álcool, crepuscularização da consciência e amnésia lacunar. c) Ingestão de pequenas doses de álcool, alucinação tipo macrozoopsia concomitante e convulsão subentrante. d) Ingestão de grande quantidade de álcool, acompanhada de euforização do humor seguida da fase comatosa, com relaxamento esfincteriano. Questão nº: 45 A associação de transtorno de tiques ao transtorno obsessivo-compulsivo está relacionada à: a) idade de início precoce dos sintomas obsessivos-compulsivos b) piora com uso de neurolépticos c) menor frequência de agregação familiar de transtorno de tiques d) sexo feminino Questão nº: 46 Qual transtorno de personalidade possui maior evidência de associação familiar com esquizofrenia, além da agregação familiar do próprio transtorno? a) esquizóide b) esquizotípico

9 c) anancástico d) paranóide Questão nº: 47 Assinale a alternativa INCORRETA quanto ao tratamento com antipsicótico: a) O tratamento com antipsicótico deve começar com dose baixa. b) Os antipsíticos devem, em princípio, ser usados em monoterapia. c) A clozapina está indicada em pacientes considerados refratários a outros antipsíticos. d) Em pacientes de primeiro episódio, a dose do antipsicótico deve ser maior, pois tais indivíduos são mais sensíveis a estas medicações. Questão nº: 48 O tratamento cognitivo-comportamental do transtorno depressivo maior inclui: a) Questionamento socrático para produzir restruturações cognitivas. b) Exame das origens infantis do problema. c) Diminui a ativação comportamental. d) Evitar situações estressantes. Questão nº: 49 São ferramentas do psicanalista, EXCETO: a) relativa neutralidade nas atitudes b) manter atenção flutuante c) interpretação da transferência e da contratransferência d) o questionamento socrático e a tempestade de ideias

10 Questão nº: 50 São sintomas de depressão atípica: a) anorexia b) alta sensibilidade à rejeição interpessoal c) sensação de peso no corpo e membros d) preservação da reatividade do humor

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 Áreas de Atuação em Psiquiatria Psiquiatria da Infância e da Adolescência

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 Áreas de Atuação em Psiquiatria Psiquiatria da Infância e da Adolescência UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 Áreas de Atuação em Psiquiatria Psiquiatria da Infância e da Adolescência Gabarito da Prova realizada em 2/nov/2012 QUESTÃO 1 - Transtorno depressivo

Leia mais

TEMA: Topiramato, Olanzapina, Daforin, Rivotril em paciente com depressão grave.

TEMA: Topiramato, Olanzapina, Daforin, Rivotril em paciente com depressão grave. NOTA TÉCNICA 65/2013 Solicitante Alyrio Ramos Desembargador da 8ª Câmara Cível TJMG RÉU: ESTADO DE MINAS GERAIS E MUNICÍPIO DE ITAPECERICA Data: 05/05/2013 Medicamento x Material Procedimento Cobertura

Leia mais

2ª. PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

2ª. PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 2ª. PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PSIQUIATRIA 21. Quatro pacientes diferentes foram atendidos no ambulatório, apresentando na consulta um conjunto de características colhidas durante o histórico feito

Leia mais

EDITAL Nº 42/2014 PROVA DE MÉDICO PSIQUIATRA

EDITAL Nº 42/2014 PROVA DE MÉDICO PSIQUIATRA SELEÇÃO PÚBLICA PARA A CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO DE PROFISSIONAIS DA ÁREA DE SAÚDE EDITAL Nº 42/2014 PROVA DE MÉDICO PSIQUIATRA PROVA OBJETIVA DATA: 31 DE AGOSTO DE 2014 DURAÇÃO: 03 horas INÍCIO:

Leia mais

Benzodiazepínicos, hipnóticos e opióides

Benzodiazepínicos, hipnóticos e opióides Benzodiazepínicos, hipnóticos e opióides Alessandro Alves O amor não é aquilo que te deixa feliz, calmo e tranquilo. O nome disso é Rivotril. Frase atribuída a James Brown Benzodiazepínicos Estão entre

Leia mais

Sumário 1 Diagnóstico Diferencial Passo a Passo...1 2 Diagnóstico Diferencial por Meio de Algoritmos...17

Sumário 1 Diagnóstico Diferencial Passo a Passo...1 2 Diagnóstico Diferencial por Meio de Algoritmos...17 Sumário 1 Diagnóstico Diferencial Passo a Passo...1 2 Diagnóstico Diferencial por Meio de Algoritmos...17 2.1 Algoritmo de Decisão para Baixo Desempenho Escolar... 22 2.2 Algoritmo de Decisão para Problemas

Leia mais

Como Usar este Livro 1

Como Usar este Livro 1 Sumário CAPÍTULO 1 Como Usar este Livro 1 PÚBLICO 1 ORGANIZAÇÃO DO LIVRO 2 CONTENDO O EXCESSO DE DIAGNÓSTICOS E EVITANDO MODISMOS 5 PROBLEMAS COM O DSM-5 5 Cuidado!: 6 A ENTREVISTA DE DIAGNÓSTICO 7 DIAGNÓSTICO

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Com relação à classificação diagnóstica em psiquiatria e considerando o DSM-IV-TR e a CID-10, julgue os itens a seguir. 63 O uso da L-tri-iodotironina (T3) com vistas a potencializar

Leia mais

Diretrizes da OMS para diagnóstico de Dependência

Diretrizes da OMS para diagnóstico de Dependência Diretrizes da OMS para diagnóstico de Dependência 1 - Forte desejo ou compulsão para usar a substância. 2 - Dificuldade em controlar o consumo da substância, em termos de início, término e quantidade.

Leia mais

DEMÊNCIAS. Programa do Idoso Unidade Saúde Escola UFSCar

DEMÊNCIAS. Programa do Idoso Unidade Saúde Escola UFSCar DEMÊNCIAS Programa do Idoso Unidade Saúde Escola UFSCar Conceitos básicos Inteligência Cognição Memória Transtornos cognitivos Quadro confusional agudo Demência Inteligência Totalidade das funções cognitivas

Leia mais

HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE EDITAL N.º 01/2015 DE PROCESSOS SELETIVOS GABARITO APÓS RECURSOS

HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE EDITAL N.º 01/2015 DE PROCESSOS SELETIVOS GABARITO APÓS RECURSOS HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE EDITAL N.º 01/2015 DE PROCESSOS SELETIVOS GABARITO APÓS RECURSOS PROCESSO SELETIVO 07 TÉCNICO DE ENFERMAGEM (Saúde Mental e Psiquiatria) 01. C 11. E 21. D 02. E 12.

Leia mais

Tratamento farmacológico dos sintomas comportamentais. Rodrigo Nicolato

Tratamento farmacológico dos sintomas comportamentais. Rodrigo Nicolato Tratamento farmacológico dos sintomas comportamentais Rodrigo Nicolato Sintomas comportamentais e psicológicos associados às demências Alterações Comportamentais INVENTÁRIO NEURO PSIQUIÁTRICO (NPI CUMMINGS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2012 Áreas de Atuação em Psiquiatria. Gabarito da Prova realizada em 13/nov/2011

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2012 Áreas de Atuação em Psiquiatria. Gabarito da Prova realizada em 13/nov/2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2012 Áreas de Atuação em Psiquiatria Gabarito da Prova realizada em 13/nov/2011 QUESTÃO 1 PARTE A Para um homem de 79 anos com prejuízo cognitivo (desorientado,

Leia mais

PROJECTO DE RESOLUÇÃO Nº 410/X

PROJECTO DE RESOLUÇÃO Nº 410/X PROJECTO DE RESOLUÇÃO Nº 410/X Que recomenda ao governo a revisão da comparticipação estatal na aquisição de medicamentos específicos para o tratamento da Demência na Doença de Alzheimer. I EXPOSIÇÃO DE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE HOSPITAL DE CLÍNICAS DIRETORIA DE ENSINO E PESQUISA Edital n 001/2014 HC - Edital n 001/2013 HT Prova Específica 10/11/2013 109 Psiquiatria INSTRUÇÕES

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 54/2014 Informações sobre Carbolitium, Olanzapina e Escitalopran

RESPOSTA RÁPIDA 54/2014 Informações sobre Carbolitium, Olanzapina e Escitalopran RESPOSTA RÁPIDA 54/2014 Informações sobre Carbolitium, Olanzapina e Escitalopran SOLICITANTE Dra. Renata Perdigão Juíza de Direito Comarca de Cristais NÚMERO DO PROCESSO Nº 112.13.002863-7 DATA 07/02/2014

Leia mais

Envelhecimento Cerebral e Demências

Envelhecimento Cerebral e Demências Envelhecimento Cerebral e Demências Thiago Monaco thiagomonaco@ yahoo.com Envelhecimento Cerebral e Demências Envelhecimento Cerebral D. Comuns D. Menos Comuns D. potencialmente tratáveis Envelhecimento

Leia mais

DEMÊNCIAS. MEMÓRIA ORGANICA Memória Hábito, comum a todos os seres vivos.

DEMÊNCIAS. MEMÓRIA ORGANICA Memória Hábito, comum a todos os seres vivos. DEMÊNCIAS I) DEFINIÇÃO Demência pode ser considerada como um prejuízo global da inteligência, memória e personalidade, adquirido na vida adulta. O nível de consciência é claro. É vista mais freqüentemente

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA DE PSIQUIATRIA. Sobre os distúrbios de memória, assinale a alternativa INCORRETA.

PROVA ESPECÍFICA DE PSIQUIATRIA. Sobre os distúrbios de memória, assinale a alternativa INCORRETA. 12 PROVA ESPECÍFICA DE PSIQUIATRIA QUESTÃO 41: Sobre os distúrbios de memória, assinale a alternativa INCORRETA. a) As ecmnésias são estranhas evocações alucinatórias do passado, que podem ser encontradas

Leia mais

Resumo Aula 9- Psicofármacos e Transtornos de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) na infância, na adolescência e na idade adulta

Resumo Aula 9- Psicofármacos e Transtornos de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) na infância, na adolescência e na idade adulta Curso - Psicologia Disciplina: Psicofarmacologia Resumo Aula 9- Psicofármacos e Transtornos de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) na infância, na adolescência e na idade adulta Psicofármacos:Transtorno

Leia mais

Associação Brasileira de Psiquiatria. Concurso de Título de Especialista em Psiquiatria - ano 2012 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA

Associação Brasileira de Psiquiatria. Concurso de Título de Especialista em Psiquiatria - ano 2012 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA GABARITO 1 Você está recebendo: Um caderno de questões contendo 40 (quarenta) questões objetivas de múltipla escolha da prova teórica; e 04 (quatro) questões dissertativas

Leia mais

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA - UNICAMP

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA - UNICAMP Prezado aluno, Estes exercícios fazem parte de uma compilação de vários testes e provas que foram utilizadas no passado e formam uma base sólida para estudo. Tente resolvê-los sozinho, ao invés de simplesmente

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 24. PROVA OBJETIVA CONHECIMENTOS GERAIS E CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS AGUARDE A ORDEM DO FISCAL PARA ABRIR ESTE CADERNO DE QUESTÕES.

CONCURSO PÚBLICO 24. PROVA OBJETIVA CONHECIMENTOS GERAIS E CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS AGUARDE A ORDEM DO FISCAL PARA ABRIR ESTE CADERNO DE QUESTÕES. CONCURSO PÚBLICO 24. PROVA OBJETIVA CONHECIMENTOS GERAIS E CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Médico Classe I Psiquiatria INSTRUÇÕES VOCÊ RECEBEU SUA FOLHA DE RESPOSTAS E ESTE CADERNO CONTENDO 50 QUESTÕES OBJETIVAS.

Leia mais

COMPOSIÇÃO: COMPRIMIDOS 200 mg 400 mg Carbamazepina DCB 0187.01-1... 200 mg... 400 mg Excipiente q.s.p... 1 comp... 1 comp.

COMPOSIÇÃO: COMPRIMIDOS 200 mg 400 mg Carbamazepina DCB 0187.01-1... 200 mg... 400 mg Excipiente q.s.p... 1 comp... 1 comp. Tegretard Carbamazepina Comprimidos de 200 mg e 400 mg FORMA FARMACÊUTICA E DE APRESENTAÇÃO: Comprimidos: 200 mg e 400 mg Embalagem com 2 e 20 blisteres com 10 comprimidos COMPOSIÇÃO: COMPRIMIDOS 200 mg

Leia mais

12 PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO PSIQUIATRA. São critérios diagnósticos do Transtorno Delirante Persistente,

12 PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO PSIQUIATRA. São critérios diagnósticos do Transtorno Delirante Persistente, 12 PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO PSIQUIATRA QUESTÃO 21 São critérios diagnósticos do Transtorno Delirante Persistente, EXCETO: a) O indivíduo apresenta delírios que não sejam bizarros por pelo

Leia mais

cloridrato de paroxetina Comprimido revestido 20mg

cloridrato de paroxetina Comprimido revestido 20mg cloridrato de paroxetina Comprimido revestido 20mg MODELO DE BULA COM INFORMAÇÕES AO PACIENTE cloridrato de paroxetina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999. APRESENTAÇÃO Comprimido revestido 20mg

Leia mais

BULA PARA O PACIENTE BUSPAR (cloridrato de buspirona) 5mg/10mg COMPRIMIDOS

BULA PARA O PACIENTE BUSPAR (cloridrato de buspirona) 5mg/10mg COMPRIMIDOS BULA PARA O PACIENTE BUSPAR (cloridrato de buspirona) 5mg/10mg COMPRIMIDOS BRISTOL-MYERS SQUIBB BUSPAR cloridrato de buspirona Uso oral APRESENTAÇÃO BUSPAR 5 mg é apresentado em cartuchos com 2 blisters

Leia mais

Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas. Carmen Lúcia de A. santos

Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas. Carmen Lúcia de A. santos Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas Carmen Lúcia de A. santos 2011 Nosologia e Psicopatologia "Psico-pato-logia" "psychê" = "psíquico", "alma" "pathos" = "sofrimento, "patológico" "logos" "lógica",

Leia mais

Psicofarmacologia. Transtornos de Ansiedade. Transtornos de Ansiedade PSICOFARMACOLOGIA 15/05/2015

Psicofarmacologia. Transtornos de Ansiedade. Transtornos de Ansiedade PSICOFARMACOLOGIA 15/05/2015 Psicofarmacologia Prof. Herval de Lacerda Bonfante Departamento de Farmacologia PSICOFARMACOLOGIA Distúrbios Psiquiátricos - Tratamento : 1950 10 a 15% de prescrições - EUA Brasil prevalência de transtornos

Leia mais

Uso de inibidores seletivos de captação de serotonina (ISCS) e de noradrenalina e ISCN e (antidepressivos de modo geral)

Uso de inibidores seletivos de captação de serotonina (ISCS) e de noradrenalina e ISCN e (antidepressivos de modo geral) Curso - Psicologia Disciplina: Psicofarmacologia Resumo Aula 5- Psicofármacos e Ansiedade Ansiedade Estado desagradável de tensão, apreensão, inquietação ; Um medo às vezes de origem desconhecida; Sintomas

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 223/2014 Informações sobre Cymbalta,Donaren, Lamotrigina e Olanzapina no tratamento da depressão

RESPOSTA RÁPIDA 223/2014 Informações sobre Cymbalta,Donaren, Lamotrigina e Olanzapina no tratamento da depressão RESPOSTA RÁPIDA 223/2014 Informações sobre Cymbalta,Donaren, Lamotrigina e Olanzapina no tratamento da depressão SOLICITANTE Dra Herilene de Oliveira Andrade Juíza de Direito Comarca de Itapecerica NÚMERO

Leia mais

TRANSTORNOS DE HUMOR NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA PELA PERSPECTIVA DA NEUROBIOLOGIA E AÇÕES MEDICAMENTOSAS

TRANSTORNOS DE HUMOR NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA PELA PERSPECTIVA DA NEUROBIOLOGIA E AÇÕES MEDICAMENTOSAS TRANSTORNOS DE HUMOR NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA PELA PERSPECTIVA DA NEUROBIOLOGIA E AÇÕES MEDICAMENTOSAS Marina Aparecida Luiz de Freitas 1 ; Sandra Cristina Catelan-Mainardes 2 RESUMO: O presente estudo

Leia mais

22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO. MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail.

22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO. MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail. 22ª JORNADA DA AMINT NOVEMBRO/2008 DEPRESSÃO E TRABALHO MARIA CRISTINA PALHARES MACHADO PSIQUIATRA MÉDICA DO TRABALHO mcris1989@hotmail.com DEPRESSÃO 1. Afeta pelo menos 12% das mulheres e 8% dos homens

Leia mais

CONCEITO EPISÓDIO MANÍACO 03/02/2014. Episódios depressivos e maníacos. Evolução recorrente. Plena recuperação nas intercrises

CONCEITO EPISÓDIO MANÍACO 03/02/2014. Episódios depressivos e maníacos. Evolução recorrente. Plena recuperação nas intercrises Prof. José Reinaldo do Amaral CONCEITO Episódios depressivos e maníacos Evolução recorrente Plena recuperação nas intercrises 1. Auto-estima inflada ou grandiosidade 2. Insônia 3. Mais falador que o habitual

Leia mais

RESPOSTA RÁPID 316/2014 Informações sobre Topiramato e Risperidona na Deficiencia mental e Transtorno hipercinético

RESPOSTA RÁPID 316/2014 Informações sobre Topiramato e Risperidona na Deficiencia mental e Transtorno hipercinético RESPOSTA RÁPID 316/2014 Informações sobre Topiramato e Risperidona na Deficiencia mental e Transtorno hipercinético SOLICITANTE. Dra Sabrina Cunha Peixoto Ladeira Juíza de Direito Juizado Especial de Pirapora

Leia mais

Tratamento do Transtorno Bipolar do Humor

Tratamento do Transtorno Bipolar do Humor Tratamento do Transtorno Bipolar do Humor Geraldo J. Ballone - ú ltima revisão 2001 Os avanç os na pesquisa clínica, biológica e neurofisiológica conduziram às melhorias muito significativas no diagnóstico

Leia mais

EXAME AMRIGS/ACM 2015

EXAME AMRIGS/ACM 2015 EXAME AMRIGS/ACM 2015 Instruções Leia atentamente e cumpra rigorosamente as instruções que seguem, pois elas são parte integrante das provas e das normas que regem o Exame AMRIGS e ACM. 1. Atente-se aos

Leia mais

EXAME 2014 RESIDÊNCIA COM PRÉ-REQUISITO: PSIQUIATRIA

EXAME 2014 RESIDÊNCIA COM PRÉ-REQUISITO: PSIQUIATRIA EXAME 2014 Instruções Leia atentamente e cumpra rigorosamente as instruções que seguem, pois elas são parte integrante das provas e das normas que regem o Exame AMRIGS e ACM. 1. Atente-se a todos os avisos

Leia mais

INSTRUÇÕES. O tempo disponível para a realização das duas provas e o preenchimento da Folha de Respostas é de 5 (cinco) horas no total.

INSTRUÇÕES. O tempo disponível para a realização das duas provas e o preenchimento da Folha de Respostas é de 5 (cinco) horas no total. INSTRUÇÕES Para a realização desta prova, você recebeu este Caderno de Questões. 1. Caderno de Questões Verifique se este Caderno de Questões contém a prova de Conhecimentos Específicos referente ao cargo

Leia mais

PRAXETINA TM (cloridrato de paroxetina) (cloridrato de paroxetina) 20 mg em embalagens contendo 10, 30 ou 60 comprimidos

PRAXETINA TM (cloridrato de paroxetina) (cloridrato de paroxetina) 20 mg em embalagens contendo 10, 30 ou 60 comprimidos I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO APRESENTAÇÕES PRAXETINA TM (cloridrato de paroxetina) PRAXETINA TM revestidos. (cloridrato de paroxetina) 20 mg em embalagens contendo 10, 30 ou 60 comprimidos VIA DE ADMINISTRAÇÃO:

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 313/2014 Informações sobre Depressão: Venlafaxina

RESPOSTA RÁPIDA 313/2014 Informações sobre Depressão: Venlafaxina RESPOSTA RÁPIDA 313/2014 Informações sobre Depressão: Venlafaxina SOLICITANTE Drª Kellen Cristini de Sales e Souza Juíza de Direito da Comarca de Paraopeba NÚMERO DO PROCESSO Autos nº 0474.14.001582-4

Leia mais

PONTOS FUNDAMENTAIS QUE O MÉDICO DO TRABALHO PRECISA SABER SOBRE O TRABALHADOR COM TRANSTORNO MENTAL

PONTOS FUNDAMENTAIS QUE O MÉDICO DO TRABALHO PRECISA SABER SOBRE O TRABALHADOR COM TRANSTORNO MENTAL PONTOS FUNDAMENTAIS QUE O MÉDICO DO TRABALHO PRECISA SABER SOBRE O TRABALHADOR COM TRANSTORNO MENTAL Das Informações Éticas na Participação de Médicos em Seminários, Fóruns, Conferências, Congressos e

Leia mais

Demência Resumo de diretriz NHG M21 (julho 2012)

Demência Resumo de diretriz NHG M21 (julho 2012) Demência Resumo de diretriz NHG M21 (julho 2012) EMoll van Charante E, Perry M, Vernooij-Dassen MJFJ, Boswijk DFR, Stoffels J, Achthoven L, Luning-Koster MN traduzido do original em holandês por Luiz F.G.

Leia mais

Esta categoria global inclui as variedades comuns de esquizofrenia, juntamente com

Esta categoria global inclui as variedades comuns de esquizofrenia, juntamente com F20.0 Esquizofrenia Esta categoria global inclui as variedades comuns de esquizofrenia, juntamente com algumas variedades menos comuns e transtornos intimamente relacionados. F20.0 F20.3 Critérios gerais

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 363/2014 Informações sobre Depressão: Venlaxim

RESPOSTA RÁPIDA 363/2014 Informações sobre Depressão: Venlaxim RESPOSTA RÁPIDA 363/2014 Informações sobre Depressão: Venlaxim SOLICITANTE Drª Herilene de Oliveira Andrade Juíza de Direito Comarca de Itapecerica NÚMERO DO PROCESSO Autos nº 0335.14.1408-5 DATA 21/02/2014

Leia mais

PARKI (dicloridrato de pramipexol) GERMED FARMACÊUTICA LTDA. Comprimido. 0,125 mg, 0,25 mg e 1,0 mg

PARKI (dicloridrato de pramipexol) GERMED FARMACÊUTICA LTDA. Comprimido. 0,125 mg, 0,25 mg e 1,0 mg PARKI (dicloridrato de pramipexol) GERMED FARMACÊUTICA LTDA Comprimido 0,125 mg, 0,25 mg e 1,0 mg IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO PARKI dicloridrato de pramipexol APRESENTAÇÕES Comprimidos de 0,125 mg, 0,25

Leia mais

hemifumarato de quetiapina Comprimido revestido 25, 100 e 200mg

hemifumarato de quetiapina Comprimido revestido 25, 100 e 200mg hemifumarato de quetiapina Comprimido revestido 25, 100 e 200mg MODELO DE BULA COM INFORMAÇÕES AO PACIENTE hemifumarato de quetiapina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999. APRESENTAÇÕES Comprimido

Leia mais

008 Médico Psiquiatra

008 Médico Psiquiatra PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA Concurso Público Edital n 02/2011 Prova Objetiva 25/03/2012 Anos 008 Médico Psiquiatra INSTRUÇÕES 1. Confira, abaixo, o seu número de inscrição, turma e nome. Assine no

Leia mais

hemifumarato de quetiapina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco S/A - LAFEPE

hemifumarato de quetiapina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco S/A - LAFEPE hemifumarato de quetiapina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco S/A - LAFEPE Comprimidos revestidos 25mg, 100mg e 200mg MODELO DE BULA PARA O PACIENTE

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 315/2014 Informações sobre Mirtazapina e Quetiapina no tratamento da depressão

RESPOSTA RÁPIDA 315/2014 Informações sobre Mirtazapina e Quetiapina no tratamento da depressão RESPOSTA RÁPIDA 315/2014 Informações sobre Mirtazapina e Quetiapina no tratamento da depressão SOLICITANTE NÚMERO DO PROCESSO Dra. Célia Maria Andrade Freitas Corrêa, juíza titular da 4ª vara cível da

Leia mais

MÉDICO-PSIQUIATRA-NASF

MÉDICO-PSIQUIATRA-NASF MÉDICO-PSIQUIATRA-NASF MPS03 CADERNO 1 LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES 1 - A duração da prova é de 4 horas, já incluído o tempo de preenchimento do cartão de respostas. 2 - O candidato que, na primeira

Leia mais

Modelo de bula Paciente Bipogine 25mg, 50mg e 100mg. Bipogine lamotrigina. Comprimidos 25 mg, 50 mg & 100 mg

Modelo de bula Paciente Bipogine 25mg, 50mg e 100mg. Bipogine lamotrigina. Comprimidos 25 mg, 50 mg & 100 mg Bipogine lamotrigina Comprimidos 25 mg, 50 mg & 100 mg LEIA ESTA BULA ATENTAMENTE ANTES DE INICIAR O TRATAMENTO. I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO COMPOSIÇÃO Bipogine lamotrigina FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÕES

Leia mais

Deficiência Mental O QUE É A DEMÊNCIA?

Deficiência Mental O QUE É A DEMÊNCIA? Deficiência Mental Nesta publicação trataremos de um tema de grande importância para toda a comunidade que é o Estudo das Demências. Graças à melhora das condições sanitárias e de cuidados com a saúde,

Leia mais

SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE SAÚDE CONCURSO PÚBLICO DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO

SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE SAÚDE CONCURSO PÚBLICO DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE SAÚDE CONCURSO PÚBLICO Não deixe de preencher as informações a seguir: DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO Prédio Sala Nome Nº de Identidade

Leia mais

DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO

DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO DEPRESSÃO CONHECENDO SEU INIMIGO E- BOOK GRATUITO Olá amigo (a), A depressão é um tema bem complexo, mas que vêm sendo melhor esclarecido à cada dia sobre seu tratamento e alívio. Quase todos os dias novas

Leia mais

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição IDENTIFICANDO A DEPRESSÃO Querida Internauta, Lendo o que você nos escreveu, mesmo não sendo uma profissional da área de saúde, é possível identificar alguns sintomas de uma doença silenciosa - a Depressão.

Leia mais

Fundada em 1986. Gestão Comportamental. Educação para a saúde Gestão de crise

Fundada em 1986. Gestão Comportamental. Educação para a saúde Gestão de crise MISSÃO Educar para a prevenção e condução de crises, visando a saúde emocional individual, da família e da organização. Gestão Comportamental Fundada em 1986 PAP - Programa de Apoio Pessoal Atuações em

Leia mais

QUEROK. Legrand Pharma Ind. Farm. Ltda. Comprimido revestido. 25 mg, 100 mg, 200 mg e 300 mg

QUEROK. Legrand Pharma Ind. Farm. Ltda. Comprimido revestido. 25 mg, 100 mg, 200 mg e 300 mg QUEROK Legrand Pharma Ind. Farm. Ltda. Comprimido revestido 25 mg, 100 mg, 200 mg e 300 mg QUEROK hemifumarato de quetiapina I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO QUEROK hemifumarato de quetiapina APRESENTAÇÕES

Leia mais

SEROQUEL hemifumarato de quetiapina

SEROQUEL hemifumarato de quetiapina SEROQUEL hemifumarato de quetiapina I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO SEROQUEL hemifumarato de quetiapina APRESENTAÇÕES Comprimidos revestidos de 25 mg em embalagens com 14 comprimidos. Comprimidos revestidos

Leia mais

Procedimentos médicoadministrativos em distúrbios. mentais relacionados ao trabalho

Procedimentos médicoadministrativos em distúrbios. mentais relacionados ao trabalho Procedimentos médicoadministrativos em distúrbios mentais relacionados ao trabalho Dra Ana Paula Schmidt Waldrich Médica do Trabalho CRM-SC 13.384 Doença Ocupacional Quais as formas de caracterização de

Leia mais

QUETROS ACHÉ LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS S.A. Comprimido revestido 25 mg, 100 mg e 200 mg

QUETROS ACHÉ LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS S.A. Comprimido revestido 25 mg, 100 mg e 200 mg QUETROS ACHÉ LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS S.A. Comprimido revestido 25 mg, 100 mg e 200 mg BULA PARA PACIENTE Bula de acordo com a Resolução-RDC nº 47/2009 I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO QUETROS hemifumarato

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Com relação ao transtorno depressivo, julgue os itens a seguir. 58 O conceito de comportamento operante desenvolvido por Skinner um dos pensadores da terapia comportamental 51

Leia mais

DROGAS DE ABUSO. Carlos Eduardo Biólogo Neuropsicólogo Mestre-Farmacologia UFC

DROGAS DE ABUSO. Carlos Eduardo Biólogo Neuropsicólogo Mestre-Farmacologia UFC DROGAS DE ABUSO Carlos Eduardo Biólogo Neuropsicólogo Mestre-Farmacologia UFC DROGAS DE ABUSO Substância Psicoativa qualquer substância química que, quando ingerida, modifica uma ou várias funções do SNC,

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 33

PROVA ESPECÍFICA Cargo 33 27 PROVA ESPECÍFICA Cargo 33 QUESTÃO 41 Kendler e colaboradores (1983), segundo Paulo Dalgalarrondo, propuseram uma série de dimensões da atividade delirante, que seriam indicadoras da gravidade do delírio.

Leia mais

Assunto: Fibromialgia Nº: 45/DGCG DATA: 09/09/05. Administrações Regionais de Saúde e Médicos dos Serviços Prestadores de Cuidados de Saúde

Assunto: Fibromialgia Nº: 45/DGCG DATA: 09/09/05. Administrações Regionais de Saúde e Médicos dos Serviços Prestadores de Cuidados de Saúde Ministério da Saúde Direcção-Geral da Saúde Circular Informativa Assunto: Fibromialgia Nº: 45/DGCG DATA: 09/09/05 Para: Contacto na DGS: Administrações Regionais de Saúde e Médicos dos Serviços Prestadores

Leia mais

GABARITO DO CANDIDATO - RASCUNHO

GABARITO DO CANDIDATO - RASCUNHO PREFEITURA MUNICIPAL DE FERNANDÓPOLIS EDITAL Nº 03/2015 - SAÚDE NÍVEL SUPERIOR MÉDICO PSIQUIATRA NOME DO CANDIDATO ASSINATURA DO CANDIDATO RG DO CANDIDATO LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO INSTRUÇÕES

Leia mais

12-Enfermeiro - Residencia Multiprofissional em Saude Mental

12-Enfermeiro - Residencia Multiprofissional em Saude Mental 12-Enfermeiro - Residencia Multiprofissional em Saude Mental LOCAL: CADEIRA: / As questões 1 a 20 são referentes à SAÚDE COLETIVA. 1. Quais dos sistemas de informações abaixo podem ser utilizados pelas

Leia mais

Livipark (dicloridrato de pramipexol)

Livipark (dicloridrato de pramipexol) I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Livipark (dicloridrato de pramipexol) APRESENTAÇÕES Livipark (dicloridrato de pramipexol) comprimidos de 0,125 mg. Embalagem contendo 30, 60 e 100 Livipark (dicloridrato

Leia mais

PSICÓLOGO - 40H. A. Paranoide. B. Esquizoide. C. Dependente. D. De esquiva. E. Histriônica.

PSICÓLOGO - 40H. A. Paranoide. B. Esquizoide. C. Dependente. D. De esquiva. E. Histriônica. QUESTÃO 01 O suicídio representa hoje um importante problema de saúde pública no Brasil e seus índices vêm crescendo a cada ano. A respeito do suicídio pode-se afirmar que: A. Programas dirigidos para

Leia mais

RESPOSTA RÁPIDA 2014 Informações sobre Depressão: Sertralina

RESPOSTA RÁPIDA 2014 Informações sobre Depressão: Sertralina RESPOSTA RÁPIDA 2014 Informações sobre Depressão: Sertralina SOLICITANTE Drª Herilene de Oliveira Andrade Juíza de Direito da Comarca de Itapecerica NÚMERO DO PROCESSO Autos nº 0335.14.579-4 DATA 07/03/2014

Leia mais

Atip (hemifumarato de quetiapina)

Atip (hemifumarato de quetiapina) Atip (hemifumarato de quetiapina) Supera Farma Laboratórios S.A Comprimidos 25 mg, 100 mg e 200 mg ATIP Hemifumarato de quetiapina MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA FORMA FARMACÊUTICA

Leia mais

Modelo de Texto de Bula ao Paciente

Modelo de Texto de Bula ao Paciente Modelo de Texto de Bula ao Paciente VENVANSE * dimesilato de lisdexanfetamina *marca depositada APRESENTAÇÃO VENVANSE cápsulas 30 mg, 50 mg e 70 mg: frascos com 28 cápsulas. USO ORAL USO PEDIÁTRICO DE

Leia mais

Folha 01/07 DATA: 27/10/2011 DATA:27/10/2011 REVISÕES DATA RESPONSÁVEL 1ª REVISÃO 2ª REVISÃO 3ª REVISÃO 3ª REVISÃO 5ª REVISÃO

Folha 01/07 DATA: 27/10/2011 DATA:27/10/2011 REVISÕES DATA RESPONSÁVEL 1ª REVISÃO 2ª REVISÃO 3ª REVISÃO 3ª REVISÃO 5ª REVISÃO PROTOCOLO CLÍNICO Nº. 06 Folha 01/08 PROTOCOLOS CLÍNICOS Nº. 01/ Serviço de Psiquiatria do Hospital de Clínicas da UFPR. Folha 01/07 : PROTOCOLO CLÍNICO DE TRATAMENTO DO TRANSTORNO DEPRESSIVO SERVIÇO DE:

Leia mais

TEA Módulo 4 Aula 5. Tics e Síndrome de Tourette

TEA Módulo 4 Aula 5. Tics e Síndrome de Tourette TEA Módulo 4 Aula 5 Tics e Síndrome de Tourette Os tics são um distúrbio de movimento que ocorrem no início da infância e no período escolar. É definido pela presença crônica de múltiplos tics motores,

Leia mais

SÍNDROMES ANSIOSAS E NEURÓTICAS. Profª Melissa Rodrigues de Almeida Psicopatologia II DEPSI-UFPR

SÍNDROMES ANSIOSAS E NEURÓTICAS. Profª Melissa Rodrigues de Almeida Psicopatologia II DEPSI-UFPR SÍNDROMES ANSIOSAS E NEURÓTICAS Profª Melissa Rodrigues de Almeida Psicopatologia II DEPSI-UFPR Referências Psicopatologia e Semiologia dos Transtornos Mentais (Capítulos 26 e 29) Paulo Dalgalarrondo Manual

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 Áreas de Atuação em Psiquiatria Psicogeriatria. Gabarito da Prova realizada em 2/nov/2012

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 Áreas de Atuação em Psiquiatria Psicogeriatria. Gabarito da Prova realizada em 2/nov/2012 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO RESIDÊNCIA MÉDICA 2013 Áreas de Atuação em Psiquiatria Psicogeriatria Gabarito da Prova realizada em 2/nov/2012 QUESTÃO 1 Os diagnósticos mais prováveis são demência de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONCURSO PÚBLICO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONCURSO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONCURSO PÚBLICO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ALCIDES CARNEIRO DIA - 20/12/2009 CARGO: PSIQUIATRA C O N C U R S O P Ú B L I C O - H U A C / 2 0 0 9 Comissão de Processos

Leia mais

DICLORIDRATO DE PRAMIPEXOL. Biosintética Farmacêutica Ltda. Comprimidos 0,125 mg, 0,25 mg e 1 mg

DICLORIDRATO DE PRAMIPEXOL. Biosintética Farmacêutica Ltda. Comprimidos 0,125 mg, 0,25 mg e 1 mg DICLORIDRATO DE PRAMIPEXOL Biosintética Farmacêutica Ltda. Comprimidos 0,125 mg, 0,25 mg e 1 mg MODELO DE BULA Bula de acordo com a Portaria n 47/09 USO ORAL USO ADULTO dicloridrato de pramipexol Medicamento

Leia mais

Assistência Farmacêutica na Depressão

Assistência Farmacêutica na Depressão Definição Assistência Farmacêutica na Depressão Grupo de atividades relacionadas com o medicamento, destinadas a apoiar as ações de saúde demandadas por uma comunidade, envolvendo o abastecimento de medicamentos

Leia mais

(inicia no slide 17) Bipolaridade

(inicia no slide 17) Bipolaridade (inicia no slide 17) Bipolaridade Os Transtornos do Humor Bipolar são transtornos crônicos, recorrentes e, muitas vezes, com remissão incompleta e potencialmente letais. Os pólos de apresentação são: *

Leia mais

TEMA: QUETIAPINA NO TRATAMENTO DA AGITAÇÃO PSICOMOTORA DE PACEINTE PORTADOR DE DOENÇA DE ALZHEIMER

TEMA: QUETIAPINA NO TRATAMENTO DA AGITAÇÃO PSICOMOTORA DE PACEINTE PORTADOR DE DOENÇA DE ALZHEIMER NTRR63/2013 Solicitante: Des. Alyrio Ramos Desembargador da 8ª Câm. Cível - TJMG Número do processo:1.0145.12.066387-0/001 Réu: Estado de Minas e Município de Pirapora Data: 03/05/2013 Medicamento X Material

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO COMISSÃO DE EXAMES DE RESIDÊNCIA MÉDICA. Nome do Candidato Caderno de Prova 22, PROVA DISSERTATIVA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO COMISSÃO DE EXAMES DE RESIDÊNCIA MÉDICA. Nome do Candidato Caderno de Prova 22, PROVA DISSERTATIVA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO COMISSÃO DE EXAMES DE RESIDÊNCIA MÉDICA Novembro/2010 Processo Seletivo para Residência Médica - 2011 22 - Áreas de atuação em Psiquiatria Nome do Candidato Caderno de

Leia mais

INVENTÁRIO DE SINTOMATOLOGIA DEPRESSIVA (AVALIADO POR CLÍNICOS) (IDS-C)

INVENTÁRIO DE SINTOMATOLOGIA DEPRESSIVA (AVALIADO POR CLÍNICOS) (IDS-C) INVENTÁRIO DE SINTOMATOLOGIA DEPRESSIVA (AVALIADO POR CLÍNICOS) (IDS-C) NOME: DATA: Faça um círculo na resposta de cada item que melhor descreva seu paciente nos últimos 7 dias. 1. Insônia Inicial: 0 Nunca

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Diretoria Geral de Pessoal Centro de Recrutamento e Seleção de Praças

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Diretoria Geral de Pessoal Centro de Recrutamento e Seleção de Praças POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Diretoria Geral de Pessoal Centro de Recrutamento e Seleção de Praças CONCURSO PÚBLICO DE ADMISSÃO AO INGRESSO DE NOVOS OFICIAIS DE SAÚDE DA POLÍCIA MILITAR

Leia mais

DOR PÉLVICA DISMENORRÉIA TPM. Profa. Dra. Maria Bethânia da Costa Chein Departamento de Medicina III

DOR PÉLVICA DISMENORRÉIA TPM. Profa. Dra. Maria Bethânia da Costa Chein Departamento de Medicina III DOR PÉLVICA DISMENORRÉIA TPM Profa. Dra. Maria Bethânia da Costa Chein Departamento de Medicina III Dor pélvica -Sem relação com fluxo menstrual Aguda d. inflamatória Crônica diagnóstico diferencial 2

Leia mais

RELAÇÃO ENTRE DEPRESSÃO E DEMÊNCIA: UM ENFOQUE NA DOENÇA DE ALZHEIMER

RELAÇÃO ENTRE DEPRESSÃO E DEMÊNCIA: UM ENFOQUE NA DOENÇA DE ALZHEIMER DOI: http://dx.doi.org/10.14295/idonline.v6i18.209 96 Pesquisa RELAÇÃO ENTRE DEPRESSÃO E DEMÊNCIA: UM ENFOQUE NA DOENÇA DE ALZHEIMER Rose Heidy Costa Silva (1) Luane Bitu Leal Alencar (2) Emanuel Tavares

Leia mais

KratsPsiquê. A depressão está muito ligada ao suicídio. Índices avaliados: níveis de tristeza, insatisfação, culpa, insônia, punição, etc.

KratsPsiquê. A depressão está muito ligada ao suicídio. Índices avaliados: níveis de tristeza, insatisfação, culpa, insônia, punição, etc. DEPRESSÃO A depressão está muito ligada ao suicídio. Índices avaliados: níveis de tristeza, insatisfação, culpa, insônia, punição, etc. BDI- Inventário de Depressão Beck: a medição é feita por escores

Leia mais

EXAMES DE NEUROFISIOLOGIA

EXAMES DE NEUROFISIOLOGIA EXAMES DE NEUROFISIOLOGIA Clínica Geral Electroencefalograma Electromiografia Potenciais Evocados Polissonografia Teste de latências múltiplas do sono Neurofeedback Teste de Criptotetania para a Fibromialgia

Leia mais

QUESTÕES ATUAIS SOBRE DIAGNÓSTICO TRANSTORNOS DO HUMOR

QUESTÕES ATUAIS SOBRE DIAGNÓSTICO TRANSTORNOS DO HUMOR QUESTÕES ATUAIS SOBRE DIAGNÓSTICO TRANSTORNOS DO HUMOR Neri M. Piccoloto www.terapiascognitivas.com.br TRANSTORNO DEPRESSIVO MAIOR Em todos os países industrializados do mundo, a incidência de depressão,

Leia mais

Doença de Parkinson Resumo de diretriz NHG M98 (julho 2011)

Doença de Parkinson Resumo de diretriz NHG M98 (julho 2011) Doença de Parkinson Resumo de diretriz NHG M98 (julho 2011) Draijer LW, Eizenga WH, Sluiter A traduzido do original em holandês por Luiz F.G. Comazzetto 2014 autorização para uso e divulgação sem fins

Leia mais

Aspectos Neuropsiquiátricos em Geriatria. Dr. José Eduardo Martinelli Faculdade de Medicina de Jundiaí

Aspectos Neuropsiquiátricos em Geriatria. Dr. José Eduardo Martinelli Faculdade de Medicina de Jundiaí Aspectos Neuropsiquiátricos em Geriatria Dr. José Eduardo Martinelli Faculdade de Medicina de Jundiaí Psiquiatria: Especialidade médica que se dedica ao estudo, diagnóstico, tratamento e à prevenção de

Leia mais

TEMA: Quetiapina e Lamotrigina no tratamento do Transtorno Afetivo Bipolar e do Transtorno Obsessivo Compulsivo SUMÁRIO 1. RESUMO EXECUTIVO...

TEMA: Quetiapina e Lamotrigina no tratamento do Transtorno Afetivo Bipolar e do Transtorno Obsessivo Compulsivo SUMÁRIO 1. RESUMO EXECUTIVO... NT 95/2013 Solicitante: Ilma Dra Regina Célia Silva Neves Juiza de Direito Juizado Fazenda Pública de Itaúna (MG) Data: 14/06/2013 Medicamento X Material Procedimento Cobertura Nº do processo: 0338.13.002.048-4

Leia mais

RESOLUÇÃO SS nº 295, de 04 de setembro de 2007

RESOLUÇÃO SS nº 295, de 04 de setembro de 2007 RESOLUÇÃO SS nº 295, de 04 de setembro de 2007 Aprova a Norma Técnica para inclusão do aripiprazol na relação de medicamentos para tratamento da Esquizofrenia, no âmbito do Estado de São Paulo. O Secretário

Leia mais

PSICOLOGO PORTUGUÊS em que você vença na vida externar lhe chegou por um amor insano

PSICOLOGO PORTUGUÊS em que você vença na vida externar lhe chegou por um amor insano PSICOLOGO PORTUGUÊS 01. Seus amigos realmente confiam em que você vença na vida?. Sintaticamente a oração em destaque classifica-se como: a.( ) Oração subordinada substantiva subjetiva b.( ) Oração subordinada

Leia mais

www.conteudojuridico.com.br

www.conteudojuridico.com.br CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Considerando a legislação de saúde e segurança no trabalho, julgue os itens a seguir. 51 A dermatite de contato irritativa não está classificada como doença de notificação compulsória.

Leia mais

A seguir enumeramos algumas caracteristicas do TBH:

A seguir enumeramos algumas caracteristicas do TBH: OQUEÉOTRANSTORNOBIPOLARDO HUMOR(TBH)? O transtorno bipolar do humor (também conhecido como psicose ou doença maníaco-depressiva) é uma doença psiquiátrica caracterizada por oscilações ou mudanças de humor

Leia mais

DORES DE CABEÇA E ENXAQUECA Sex, 28 de Agosto de 2009 19:57 - Última atualização Sáb, 21 de Agosto de 2010 19:16

DORES DE CABEÇA E ENXAQUECA Sex, 28 de Agosto de 2009 19:57 - Última atualização Sáb, 21 de Agosto de 2010 19:16 DORES DE CABEÇA E ENXAQUECA A tensão do dia a dia é a causa mais freqüente das dores de cabeça mas, elas poderem aparecer por diversas causas e não escolhem idade e sexo. Fique sabendo, lendo este artigo,

Leia mais