Programa da Disciplina

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programa da Disciplina"

Transcrição

1 PLANO DE ENSINO Universidade Positivo Curso: MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO Área de concentração: Organizações, Gestão e Sociedade Disciplina: Métodos Quantitativos Administração de Pesquisa Carga horária total: 45 horas-aula Créditos: 3 1º Semestre de 2010 Professores: Luciano Rossoni e Sandro A. Gonçalves Programa da Disciplina OBJETIVOS Apresentar os principais aspectos da relação entre redes e organizações, incluindo os fundamentos da teoria de redes sociais, redes como parte das formas organizacionais, como instrumento metodológico de análise e como conceito acessório de outras teorias. EMENTA Formas organizacionais. análise de redes sociais. capital social. relações e ambiente. redes de inovação. relações e tecnologia. homofilia. imersão social. mercados como redes. equivalência estrutural. relações interorganizacionais. relações intraorganizacionais. coordenação e governança. TÓPICOS PARA ESTUDO 1. Relações e Capital Social 2. Análise de Redes com o software UCINET: Conceitos e Aplicações 3. Análise de Redes com o software UCINET: Atributos e Visualização 4. Análise de Redes com o software UCINET: Medidas de Ego e Centralidade 5. Análise de Redes com o software UCINET: Coesão e Homofilia 6. Análise de Redes com o software UCINET: Equivalência Estrutural e Estatística 7. Redes e Ambiente Organizacional 8. Relações Interorganizacionais 9. Relações Intraorganizacionais 10. Imersão Social e Mercados como Redes 11. Estruturas Relacionais de Governança 12. Redes e Desempenho 13. Redes, Conhecimento e Inovação 14. Redes e Tecnologia 15. Avaliação dos Relatórios de Pesquisa METODOLOGIA DE ENSINO No desenvolvimento das aulas, prevê-se o envolvimento dos alunos no processo ensino aprendizagem, através do uso dos seguintes meios: participação em aulas; leitura dos textos; seminários;

2 atividades práticas; pesquisas de campo. PROCESSO DE AVALIAÇÃO O processo de avaliação do aluno na disciplina envolve três elementos: entrega no prazo das atividades e das resenhas solicitadas durante as aulas (40% da nota); desenvolvimento das atividades de seminário (20%); entrega e apresentação sintética de um relatório de pesquisa empírica no final da disciplina, elaborado a partir do uso do método de análise de redes sociais (40%). Sobre o relatório de pesquisa: Até a nona aula, o aluno deverá entregar uma proposta de estudo empírico contendo os seguintes pontos: (1) objetivo e problema, (2) breve descrição do campo, (3) questões que serão utilizadas para coletar os dados; (4) apontamento das possíveis métricas de rede utilizadas. Após a avaliação e sugestão dos professores, o aluno deverá coletar as informações, gerando o relatório de pesquisa contendo os seguintes itens: 1. Objetivo da pesquisa 2. Conceitos Fundamentais Envolvidos 3. Procedimentos Metodológicos: Coleta de Dados, Variáveis e Método 4. Análise dos Resultados 5. Breve Conclusão 6. Apontar possibilidades do uso das teorias de redes e da análise de redes sociais dentro de outras disciplinas como, por exemplo, estratégia, teoria das organizações, análise institucional, empreendedorismo, entre outras. A pesquisa empírica poderá ser desenvolvida em organizações, turmas de graduação ou em qualquer outro grupo social. Dados oriundos de trocas de s, tal como originados em bases de dados também podem ser utilizados. Cabe destacar que é obrigatório o uso das ferramentas de análise de redes sociais. O relatório de pesquisa deve ser entregue obrigatoriamente até a última aula, não devendo exceder mais que 10 páginas (Times 12, Espaçamento Simples). Os trabalhos serão apresentados para os colegas, cuja apresentarão durará, no máximo, 10 minutos. Vale destacar que não se espera um artigo pronto, mas somente um relatório de pesquisa empírica. SOFTWARES BORGATTI, S.P.; EVERETT, M.G.; FREEMAN, L.C. UCINET for Windows: Software for Social Nework Analysis. Boston: Harvard Analytic Technologies, Disponível em: BATAGELJ, Vladimir; MRVAR, Andrej. PAJEK - Program for Analysis and Visualization of Large Networks. Ljubljana, Slovenia: University of Ljubljana, Disponível em: BIBLIOGRAFIA - LIVROS BURT, R. S. Structural Holes: The Social Structure of Competition. Cambridge: Harvard University Press, DEGENNE, A.; FORSÉ, M. Introducing Social Networks. London: Sage Publications, 1999.

3 DE NOOY, W.; MRVAR, A.; BATAGELJ, V. Exploratory Social Network Analysis with Pajek. New York: Cambridge University Press, HANNEMAN, R. A.; RIDDLE, M. Introduction to Social Network Methods. Riverside: University of Califórnia, Disponível em: SCOTT, J. Social Network Analysis: a handbook. 2 ed. London: Sage Publications, WASSERMAN, S.; FAUST, K. Social Network Analysis: Methods and Applications. Cambridge: Cambridge University Press, BIBLIOGRAFIA ARTIGOS E CAPÍTULOS DE LIVRO ABRAHAMSON, E.; ROSENKOPF, L. Social network effects on the extent of innovation diffusion: a computer simulation. Organization Science, v. 8, n. 3, p , BORGATTI, S. P.; MEHRA, A.; BRASS, D. J.; LABIANCA, G. Network Analysis in the Social Sciences. Science, v. 323, n. 5916, p , BURKHARDT, M.E.; BRASS, D.J. Changing patterns or patterns of change: the effects of a change in technology on social network structure and power. Administrative Science Quarterly, v. 35, n.1, p , BURKHARDT, M.E. Social interaction effects following a technological change: a longitudinal investigation. Academy of Management Journal, v. 37, n. 4, p , BURNS, L.R.; WHOLEY, D.R. Adoption and abandonment of matrix management programs: effects of organizational characteristics and interorganizational networks. Academy of Management Journal, v. 36, n. 1, feb/1993, p BURT, R.S. The contingent value of social capital. Administrative Science Quarterly, v. 42, n. 2, p , DAVIS, G.F.; GREVE, H.R. Corporate elite networks and governance changes in the 1980s. American Journal of Sociology, v. 103, n. 1, p. 1-37, ELG, U.; JOHANSSON, U. Decision making in inter-firm networks as a political process. Organization Studies, v. 18, n. 3, p , EMIRBAYER, M.; GOODWIN, J. Network analysis, culture, and the problem of agency. American Journal of Sociology, v. 99, n. 6, p , FRANK, K.A.; YASUMOTO, J.Y. Linking action to social structure within a system: social capital within and between subgroups. American Journal of Sociology, v. 104, n.3, p , GRANDORI, A.; SODA, G. Inter-firm networks: antecedents, mechanisms and forms. Organization Studies, v. 16, n. 2, 1995, p GULATI, R.; GARGIULO, M. Where do interorganizational networks come from? American Journal of Sociology, v. 104, n. 5, p , HAGE, J.; HOLLINGSWORTH, J.R. A strategy for the analysis of idea innovation networks and institutions. Organization Studies, v. 21, n. 5, p , HAGE, J.T. Organizational innovation and organizational change. Annual Review of Sociology, v. 25, p , HANSEN, M.T. The search-transfer problem: the role of weak ties in shcaring knowledge across organization subunits. Administrative Science Quarterly, v. 44, n. 1, p , HANSEN-BAUER, J.; SNOW, C.C. Responding to hypercompetition: the structure and processes of a regional learning network organization. Organization Science, v. 7, n. 4, p , IBARRA, H. Network centrality, power, and innovation involvement: determinants of technical and administrative roles. Academy of Management Journal, v. 36, n. 3, p , 1993.

4 KOZA, M.P.; LEWIN, A.Y. The co-evolution of strategic alliances. Organization Science, v. 9, n. 3, p LIN, N. Theories of Capital: The Historical Foundation. In: LIN, N. Social Capital: A Theory of Social Structure and Action. Cambridge: Cambridge University Press, p LIN, N. Theories of Capital: The Historical Foundation. In: LIN, N. Social Capital: A Theory of Social Structure and Action. Cambridge: Cambridge University Press, p MADHAVAN, R.; KOKA, B.R.; PRESCOTT, J.E. Networks in transition: how industry events (re)shape interfirm relationships. Strategic Management Journal, v. 19, n. 5, p , MAJURNDAR, S.K.; VENKATARAMAN, S. Network effects and the adoption of new technology: evidence from the U.S. telecommunications industry. Strategic Management Journal, v. 19, n. 11, p , MCGRATH, C.; KRACKHARDT, D. Network conditions for organizational change. Journal of Applied Behavioral Science, v. 39, n. 3, p , MCPHERSON, J.M.; POPIERLARZ, P.A.; DROBNIC, S. Social networks and organizational dynamics. American Sociological Review, v. 57, n. 2, p , MCPHERSON, M.; SMITH-LOVIN, L.; COOK, J.M. Birds of a feather: homophily in social networks. Annual Review of Sociology, v. 27, p , MONTGOMERY, J.D. Job search and network composition: implications of the strength-ofweak-ties hypothesis. American Sociological Review, v. 57, n. 5, p , MONTGOMERY, J.D. Toward a role-theoretic conception of embeddedness, American Journal of Sociology, v. 104, n. 1, p , NOOTEBOOM, B. Institutions and forms of co-ordination in innovation systems. Organization Studies, v. 21, n. 5, p , OLIVER, A.L.; EBERS, M. Networking network studies: an analysis of conceptual configurations in the study of inter-organizational relationships. Organization Studies, v. 19, n. 4, p , PICKERING, J.M.; KING, J.L. Hardwiring weak ties: interorganizational computer-mediated communication, occupational communities, and organizational change. Organization Science, v. 6, n. 4, p , PROVAN, K.G.; MILWARD, H.B. A preliminary theory of interorganizational network effectiveness: a comparative study of four community mental health systems. Administrative Science Quarterly, v. 40, n. 1, p. 1-33, ROMANELLI, E. The evolution of new organizational forms. Annual Review of Sociology, v.17, p , SHEARD, A. G.; KAKABADSE, A.P. A role-based perspective on leadership as a network of relationships. Journal of Management Development, v.26, n. 4, p , SMITH, T.S.; STEVENS, G.T. The architecture of small networks: strong interaction and dynamic organization in small social systems. American Sociological Review, v. 64, n. 3, p , SORENSON, O.; STUART, T.E. Syndication networks and the spatial distribution of venture capital investments. American Journal of Sociology, v. 106, n. 6, p , STEVENSON, W.B.; GILLY, M.C. Information processing and problem solving: the migration of problems through formal positions and networks of ties. Academy of Management Journal, v. 34, n. 4, p , WALKER, G.; KOGUT, B.; SHAN, W. Social capital, structural holes and the formation of an industry network. Organization Science, v. 8, n. 2, p , WELLMAN, B. Structural Analysis: From method and metaphor to theory and substance. In: WELLMAN, B.; BERKOWITZ, S.D. Social Structures: A Network Approach. Cambridge: Cambridge University Press, p

5 WESTPHAL, J.D.; GULATI, R.; SHORTELL, S.M. Customization or conformity? An institutional and network perspective on the content and consequences of TQM adoption. Administrative Science Quarterly, v. 42, n. 2, p WINDELER, A.; SYDOW, J. Project networks and changing industry practices collaborative content production in the german television industry. Organization Studies, v. 22, n. 6, p , 2001.

15 16-17 Setembro - Módulo 1 - Introdução à análise de redes sociais. Docentes:

15 16-17 Setembro - Módulo 1 - Introdução à análise de redes sociais. Docentes: VI Escola de Verão de Análise de Redes Sociais 15 16-17 Setembro - Módulo 1 - Introdução à análise de redes sociais Docentes: Marta Varanda (marta@iseg.ulisboa.pt ), Filipa Carvalho (filipadc@iseg.utl.pt

Leia mais

Redes interorganizacionais de PMEs: fatores de cooperação e aprendizado

Redes interorganizacionais de PMEs: fatores de cooperação e aprendizado Redes interorganizacionais de PMEs: fatores de cooperação e aprendizado DANIELLE DENES DOS SANTOS (UFPR) RIVANDA MEIRA TEIXEIRA (UFPR) ISSN 1518-4382 REFERÊNCIA: SANTOS, Danielle Denes dos; TEIXEIRA, Rivanda

Leia mais

RELAÇÕES ENTRE O CAPITAL SOCIAL, O COMPARTILHAMENTO DE CONHECIMENTO INTERORGANIZACIONAL E A INOVAÇÃO EM EMPRESAS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE

RELAÇÕES ENTRE O CAPITAL SOCIAL, O COMPARTILHAMENTO DE CONHECIMENTO INTERORGANIZACIONAL E A INOVAÇÃO EM EMPRESAS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE RELAÇÕES ENTRE O CAPITAL SOCIAL, O COMPARTILHAMENTO DE CONHECIMENTO INTERORGANIZACIONAL E A INOVAÇÃO EM EMPRESAS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE CARLOS OLAVO QUANDT 1 PAULO ROBERTO PEREIRA JUNIOR Programa

Leia mais

6 Referências bibliográficas

6 Referências bibliográficas 6 Referências bibliográficas BOIRAL, O. ISO 9000: Outside the iron cage. Organization Science, v. 14, n. 6, p. 720-737, nov-dez 2003. CARVALHO, C. A. P.; VIEIRA, M. M. F.; LOPES, F. D. Contribuições da

Leia mais

a eficácia do ensino superior agrário português: realidade ou ficção?

a eficácia do ensino superior agrário português: realidade ou ficção? a eficácia do ensino superior agrário português: realidade ou ficção? António José Gonçalves Fernandes resumo: abstract: Keywords 9 A EFICÁCIA DO ENSINO SUPERIOR AGRÁRIO PORTUGUÊS: REALIDADE OU FICÇÃO?

Leia mais

Revista Base (Administração e Contabilidade) da UNISINOS E-ISSN: 1984-8196 cd@unisinos.br Universidade do Vale do Rio dos Sinos Brasil

Revista Base (Administração e Contabilidade) da UNISINOS E-ISSN: 1984-8196 cd@unisinos.br Universidade do Vale do Rio dos Sinos Brasil Revista Base (Administração e Contabilidade) da UNISINOS E-ISSN: 1984-8196 cd@unisinos.br Universidade do Vale do Rio dos Sinos Brasil CAMARGO, FAUSTO; VERSCHOORE, JORGE; PADILHA, LÍVIA A DINÂMICA ESTRUTURAL

Leia mais

A Influência da Imersão Institucional e Regional na Cooperação entre Pesquisadores no Brasil

A Influência da Imersão Institucional e Regional na Cooperação entre Pesquisadores no Brasil REDES - Revista hispana para el análisis de redes sociales Vol.16,#9, Junio 2009 http://revista-redes.rediris.es A Influência da Imersão Institucional e Regional na Cooperação entre Pesquisadores no Brasil

Leia mais

MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO

MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO PLANO DE ENSINO Curso: MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO Área de concentração: Organizações, Empreendedorismo e Internacionalização Disciplina: ESTRATÉGIA E PRÁTICA ORGANIZACIONAL Carga Horária semanal: 3 horas

Leia mais

Entre os dados qualitativos e a análise de redes

Entre os dados qualitativos e a análise de redes Entre os dados qualitativos e a análise de redes Albertina Ferreira 1 Carlos Caldeira 2 Fernanda Olival 3 1 Instituto Politécnico de Santarém; albertina.ferreira@esa.ipsantarem.pt 2 Universidade de Évora;

Leia mais

Notas de Leitura: Modelos e Métodos para Análise de Redes Sociais

Notas de Leitura: Modelos e Métodos para Análise de Redes Sociais Notas de Leitura: Modelos e Métodos para Análise de Redes Sociais Social networks are fundamental influences on human behavior and conduits for the diffusion of ideas and practices, yet their roles are

Leia mais

MARKETING CONECTADO: Redes e Alianças no mercado Global. A cooperação como vantagem competitiva: novos estudos nas cooperativas de crédito.

MARKETING CONECTADO: Redes e Alianças no mercado Global. A cooperação como vantagem competitiva: novos estudos nas cooperativas de crédito. MARKETING CONECTADO: Redes e Alianças no mercado Global A cooperação como vantagem competitiva: novos estudos nas cooperativas de crédito. Afinal, o que é uma rede? Rede é uma composição de ligações que

Leia mais

Redes sociais na produção científica: uma análise na Revista ADMpg - Gestão Estratégica entre o período de 2010 a 2014

Redes sociais na produção científica: uma análise na Revista ADMpg - Gestão Estratégica entre o período de 2010 a 2014 Redes sociais na produção científica: uma análise na Revista ADMpg - Gestão Estratégica entre o período de 2010 a 2014 Flávio José de Melo (Universidade Federal do Paraná) f.j.melo@uol.com.br Marcielle

Leia mais

Geordanny Alan Reis (UFSJ ) geordannyalan@yahoo.com.br Gustavo Melo Silva (UFSJ ) gustavomelosilva@yahoo.com.br

Geordanny Alan Reis (UFSJ ) geordannyalan@yahoo.com.br Gustavo Melo Silva (UFSJ ) gustavomelosilva@yahoo.com.br REDE DE COAUTORIA EM QUALIDADE ENTRE 2010 E 2013: UM ANÁLISE SOCIOMÉTRICA DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA A PARTIR DE CURRÍCULOS DA PLATAFORMA LATTES Geordanny Alan Reis (UFSJ ) geordannyalan@yahoo.com.br

Leia mais

A Influência da Rede de Coautoria no Nível das Bolsas de Produtividade da Área de Engenharia de Produção

A Influência da Rede de Coautoria no Nível das Bolsas de Produtividade da Área de Engenharia de Produção A Influência da Rede de Coautoria no Nível das Bolsas de Produtividade da Área de Engenharia de Produção Ricardo Lopes de Andrade 1, Leandro Chaves Rêgo 1,2 Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Recife

Leia mais

FORMULÁRIO DE CRIAÇÃO DE DISCIPLINA

FORMULÁRIO DE CRIAÇÃO DE DISCIPLINA 1 FORMULÁRIO DE CRIAÇÃO DE DISCIPLINA CD-01 1 NOME DO PROGRAMA: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS 2 Proposta de Criação de disciplina Exclusão de disciplina da grade curricular Mudança de denominação

Leia mais

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012 Universidade do Minho Escola de Engenharia UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13 11 de outubro 2012 1 2 2 courses offered in the first semestre: Métodos de Investigação em Engenharia

Leia mais

egovernment The Endless Frontier

egovernment The Endless Frontier CENTRO DE GESTÃO DA REDE INFORMÁTICA DO GOVERNO (Management Center for the Electronic Government Network) egovernment The Endless Frontier Alexandre Caldas 29 th June 2010 Summary VISION AND LEADERSHIP

Leia mais

A Aprendizagem como Processo de Aquisição e Construção do Conhecimento e a Capacidade de Absorção da Organização com Base nas Novas Tecnologias

A Aprendizagem como Processo de Aquisição e Construção do Conhecimento e a Capacidade de Absorção da Organização com Base nas Novas Tecnologias A Aprendizagem como Processo de Aquisição e Construção do Conhecimento e a Capacidade de Absorção da Organização com Base nas Novas Tecnologias Rui Franganito Resumo A importância da capacidade de do conhecimento

Leia mais

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15 Horários 13h30 às 15h30 11.11.15 13h30 às 15h30 SESSÃO 1: APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS Sala 1 Painel Estratégias e Horários Sala 2 - Painel Políticas Públicas e Práticas Sustentáveis P1 Consumo e Produção

Leia mais

Proposta de Actividade para desenvolvimento do Trabalho Final: Análise de uma Rede Social

Proposta de Actividade para desenvolvimento do Trabalho Final: Análise de uma Rede Social UNIVERSIDADE DE LISBOA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO Proposta de Actividade para desenvolvimento do Trabalho Final: Análise de uma Rede Social Autor Fernando Miranda MESTRADO EM EDUCAÇÃO TIC E EDUCAÇÃO Análise

Leia mais

Programa de Mestrado e Doutorado em Administração - PMDA PROGRAMA DA DISCIPLINA

Programa de Mestrado e Doutorado em Administração - PMDA PROGRAMA DA DISCIPLINA Programa de Mestrado e Doutorado em Administração - PMDA Mestrado em Administração Disciplina: SEMINÁRIOS DE DISSERTAÇÃO 1º Semestre de 2010 Carga horária: 15 horas-aula Créditos: 1 Professores: Luciano

Leia mais

Desempenho no trabalho: Revisão da literatura [I] Job performance: An overview of literature

Desempenho no trabalho: Revisão da literatura [I] Job performance: An overview of literature PSICOLOGIA ARGUMENTO doi: 10.7213/psicol.argum.5895 ARTIGOS [T] Desempenho no trabalho: Revisão da literatura [I] Job performance: An overview of literature [R] [A] Pedro Fernando Bendassolli Resumo Received

Leia mais

Desenvolvimento Local: Qualificação de Capital Social Timothy Koehnen UTAD-DESG-CETRAD

Desenvolvimento Local: Qualificação de Capital Social Timothy Koehnen UTAD-DESG-CETRAD Desenvolvimento Local: Qualificação de Capital Social Timothy Koehnen UTAD-DESG-CETRAD Desenvolvimento Local Development as the process of social change which has at its goal the improvement in the quality

Leia mais

7 Referências bibliográficas

7 Referências bibliográficas 7 Referências bibliográficas ACS, Z. J.; AUDRETSCH, D. B. Innovation in large and small firms: an empirical analysis. The American Economic Review, v. 78, n. 4, p. 678-690, 1988. ANTONCIC, B.; HISRICH,

Leia mais

Projeto de Pesquisa: Governança em Tribunais de Justiça de Brasil e Portugal 1

Projeto de Pesquisa: Governança em Tribunais de Justiça de Brasil e Portugal 1 Projeto de Pesquisa: Governança em Tribunais de Justiça de Brasil e Portugal 1 1. INTRODUÇÃO Tomás de Aquino Guimarães, professor, Universidade de Brasília Luiz Akutsu, doutorando em Administração, Universidade

Leia mais

BIBLIOMETRIA UMA ABORDAGEM PRÁTICA

BIBLIOMETRIA UMA ABORDAGEM PRÁTICA BIBLIOMETRIA UMA ABORDAGEM PRÁTICA Apresentação: M.Sc. Sandra Miranda Neves (doutoranda UNESP) Apoio: M.Sc. Aneirson Francisco da Silva (Doutorando UNESP) Julio Estanislau Caovila de Melo (IC UNESP) SUMÁRIO.

Leia mais

UM ESTUDO SOBRE COLABORAÇÃO CIENTÍFICA EM REDES DE PUBLICAÇÕES SOBRE SUSTENTABILIDADE

UM ESTUDO SOBRE COLABORAÇÃO CIENTÍFICA EM REDES DE PUBLICAÇÕES SOBRE SUSTENTABILIDADE ISSN 1984-9354 UM ESTUDO SOBRE COLABORAÇÃO CIENTÍFICA EM REDES DE PUBLICAÇÕES SOBRE SUSTENTABILIDADE Juliana Maria de Sousa Costa (CEFET/RJ) Patrícia Mattos Teixeira (CEFET/RJ) Rafael Garcia Barbastefano

Leia mais

Universidade*Nove*de*Julho*1*UNINOVE* Programa*de*Mestrado*Profissional*em*Administração* *Gestão*em*Sistemas*de*Saúde*

Universidade*Nove*de*Julho*1*UNINOVE* Programa*de*Mestrado*Profissional*em*Administração* *Gestão*em*Sistemas*de*Saúde* UniversidadeNovedeJulho1UNINOVE ProgramadeMestradoProfissionalemAdministração GestãoemSistemasdeSaúde Disciplina ProjetosComplexoseEstratégicosAplicadosàSaúde Códigodadisciplina GSEL04 Linhadepesquisa

Leia mais

Análise de redes sociais em História: noções básicas e sugestões de aplicação

Análise de redes sociais em História: noções básicas e sugestões de aplicação Análise de redes sociais em História: noções básicas e sugestões de aplicação Fernanda Cláudia Pandolfi * Newton Paulo Bueno ** 1 Introdução Nas últimas três décadas tem crescido o interesse na abordagem

Leia mais

Redes Sociais. Conceitos Básicos. Conceitos Básicos. Exemplos

Redes Sociais. Conceitos Básicos. Conceitos Básicos. Exemplos 2 Conceitos Básicos Redes Sociais Cleidson de Souza DI - UFPA cdesouza@ufpa.br 1 Uma rede social consiste de um conjunto finito de atores e a(s) relação(ões) definidas entre eles (Wasserman and Faust 1994,

Leia mais

VALORIZAÇÃO DO CONHECIMENTO ADQUIRIDO E DESENVOLVIDO NO RAMO DE CONFECÇÕES EM JARAGUÁ

VALORIZAÇÃO DO CONHECIMENTO ADQUIRIDO E DESENVOLVIDO NO RAMO DE CONFECÇÕES EM JARAGUÁ VALORIZAÇÃO DO CONHECIMENTO ADQUIRIDO E DESENVOLVIDO NO RAMO DE CONFECÇÕES EM JARAGUÁ Verônica Cordeiro Rocha Agente Local de Inovação atuante na região do interior da cidade de Jaraguá e Ceres do Programa

Leia mais

Disponível em http://www.anpad.org.br/rac. RAC, Curitiba, v. 14, n. 5, art. 3, pp. 818-835, Set./Out. 2010

Disponível em http://www.anpad.org.br/rac. RAC, Curitiba, v. 14, n. 5, art. 3, pp. 818-835, Set./Out. 2010 Disponível em http:// RAC, Curitiba, v. 14, n. 5, art. 3, pp. 818-835, Set./Out. 2010 Processos de Aprendizagem Organizacional no Desenvolvimento de Competências em Instituições de Ensino Superior para

Leia mais

PRÁTICAS DE GESTÃO DE REDES DE COOPERAÇÃO HORIZONTAIS: O DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO DE ANÁLISE

PRÁTICAS DE GESTÃO DE REDES DE COOPERAÇÃO HORIZONTAIS: O DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO DE ANÁLISE PRÁTICAS DE GESTÃO DE REDES DE COOPERAÇÃO HORIZONTAIS: O DESENVOLVIMENTO DE UM MODELO DE ANÁLISE Autoria: Ingridi Vargas Bortolaso, Jorge Renato Verschoore de Souza Filho, José Antônio Valle Antunes Junior

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO CURSO DE MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO CURSO DE MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO CURSO DE MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO DISCIPLINA: Administração Estratégica PROFESSOR: Dr. André

Leia mais

Métodos e Técnicas de Espacialização da Análise de Redes Sociais Luís Rodrigues 1, Rui Pedro Julião 2, Nelson Lourenço 3. Resumo

Métodos e Técnicas de Espacialização da Análise de Redes Sociais Luís Rodrigues 1, Rui Pedro Julião 2, Nelson Lourenço 3. Resumo Métodos e Técnicas de Espacialização da Análise de Redes Sociais Luís Rodrigues 1, Rui Pedro Julião 2, Nelson Lourenço 3 1) Universidade Atlântica, Portugal lrodrigues@uatla.pt 2)Universidade Nova de Lisboa,

Leia mais

ESTRATÉGIA EMPRESARIAL NA FORMAÇÃO DE REDES INTERORGANIZACIONAIS

ESTRATÉGIA EMPRESARIAL NA FORMAÇÃO DE REDES INTERORGANIZACIONAIS ESTRATÉGIA EMPRESARIAL NA FORMAÇÃO DE REDES INTERORGANIZACIONAIS Cristiane Marques de Mello, PG, Administração, Uem, mellcris@gmail.com Marcos Junio Ferreira de Jesus, PG. Admiministração, Uem, marcosjunio@hotmail.com

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular GESTÃO DO CONHECIMENTO Ano Lectivo 2012/2013

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular GESTÃO DO CONHECIMENTO Ano Lectivo 2012/2013 Programa da Unidade Curricular GESTÃO DO CONHECIMENTO Ano Lectivo 2012/2013 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Gestão de Recursos Humanos e Análise Organizacional

Leia mais

Usando Rede Social para Modelar e Analisar Comunicação em Organizações

Usando Rede Social para Modelar e Analisar Comunicação em Organizações Usando Rede Social para Modelar e Analisar Comunicação em Organizações Autoria: Izabel Cristina Andion, Manoel Gomes de Mendonça Neto Resumo Este artigo descreve um sistema para a análise de redes de comunicação

Leia mais

AUTORES EDUARDO PINTO VILAS BOAS

AUTORES EDUARDO PINTO VILAS BOAS Estudo sobre a identificação de fatores presentes em ambientes de empreendedorismo corporativo que encorajam a ação empreendedora manifesta de gestores de nível organizacional intermediário AUTORES EDUARDO

Leia mais

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines basic concepts Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Um produto www.usm.maine.edu

Leia mais

8 Bibliografia. ACEAUME, E. et al. On The Formal Specification of Group Membership Services. INRIA, 1995, 15 p. Relatório Técnico TR95-1534.

8 Bibliografia. ACEAUME, E. et al. On The Formal Specification of Group Membership Services. INRIA, 1995, 15 p. Relatório Técnico TR95-1534. Bibliografia 88 8 Bibliografia ACEAUME, E. et al. On The Formal Specification of Group Membership Services. INRIA, 1995, 15 p. Relatório Técnico TR95-1534. AMBRIOLA, V.; TORTORA, G. Advances in Software

Leia mais

Relações Entre o Capital Social, o Compartilhamento de Conhecimento Intraorganizacional em Empresas de Desenvolvimento de Software e Serviços de Ti

Relações Entre o Capital Social, o Compartilhamento de Conhecimento Intraorganizacional em Empresas de Desenvolvimento de Software e Serviços de Ti Relações Entre o Capital Social, o Compartilhamento de Conhecimento Intraorganizacional em Empresas de Desenvolvimento de Software e Serviços de Ti Carlos Olavo Quandt carlos.quandt@pucpr.br PPAD/PUCPR

Leia mais

A Percepção do Empreendedor como Agente Formador e Gerenciador de Redes

A Percepção do Empreendedor como Agente Formador e Gerenciador de Redes A Percepção do Empreendedor como Agente Formador e Gerenciador de Redes Janaína Sousa Loureiro Passos 1 Resumo: Este artigo tem como propósito observar a importância do papel do empreendedor através da

Leia mais

6 Referências bibliográficas

6 Referências bibliográficas 6 Referências bibliográficas AAKER, D. Pesquisa de Marketing. São Paulo: Atlas, 2001. ABBAS, K. Gestão de Custos em Organizações Hospitalares. 2001. In COUTO, Renato e PEDROSA, Tânia. Hospital: Acreditação

Leia mais

UAb Session on Institutional Change Students and Teachers. Lina Morgado

UAb Session on Institutional Change Students and Teachers. Lina Morgado UAb Session on Institutional Change Students and Teachers Lina Morgado Lina Morgado l SUMMARY 1 1. Pedagogical Model : Innovation Change 2. The context of teachers training program at UAb.pt 3. The teachers

Leia mais

Redes Sociais no Contexto de Mudança Organizacional

Redes Sociais no Contexto de Mudança Organizacional Redes Sociais no Contexto de Mudança Organizacional Autoria: Sérgio Ricardo Franco Vieira, Elaine Rabelo Neiva Resumo Mudança organizacional é um fenômeno multifacetado e que ocupa um lugar de destaque

Leia mais

Redes sociais e coautorias na tríade temática: gestão de custos, setor privado e terceiro setor

Redes sociais e coautorias na tríade temática: gestão de custos, setor privado e terceiro setor Powered by TCPDF (www.tcpdf.org) Redes sociais e coautorias na tríade temática: gestão de custos, setor privado e terceiro setor Flávio José de Melo (UFPR) - f.j.melo@uol.com.br Flávio Luiz Lara (IFCE/UFPR)

Leia mais

Programa de Mestrado e Doutorado em Administração - PMDA

Programa de Mestrado e Doutorado em Administração - PMDA Programa de Mestrado e Doutorado em Administração - PMDA Mestrado em Administração Disciplina: Internacionalização e Globalização Carga horária: 45 horas-aula Créditos: 3 I. OBJETIVOS DA DISCIPLINA A presente

Leia mais

A Rede de Cooperação Entre Programas de Pós-Graduação em Administração no Brasil. Uma Análise de Relações e Atributos de Programas.

A Rede de Cooperação Entre Programas de Pós-Graduação em Administração no Brasil. Uma Análise de Relações e Atributos de Programas. A Rede de Cooperação Entre Programas de Pós-Graduação em Administração no Brasil. Uma Análise de Relações e Atributos de Programas. Autoria: Tomas de Aquino Guimaraes, Adalmir de Oliveira Gomes, Catarina

Leia mais

Bibliografia de ergonomia

Bibliografia de ergonomia Monica Pinheiro Médica do trabalho Ergonomista Bacharel em Direito Bibliografia de ergonomia BAITSCH, C.; FREI, F. A case study of worker participation in work redesign: some suppositions, results and

Leia mais

PROGRAMA OBJETIVOS DA DISCIPLINA

PROGRAMA OBJETIVOS DA DISCIPLINA DEPARTAMENTO Gestão Pública (GEP) CURSO Mestrado Profissional Em Gestão e Políticas Públicas - MPGPP DISCIPLINA Ferramentas aplicadas ao desenho de políticas públicas PROFESSOR Alexis Vargas PERÍODO SEMESTRE/ANO

Leia mais

Evidencias Teóricas para a Compreensão das Redes Interorganizacionais

Evidencias Teóricas para a Compreensão das Redes Interorganizacionais In: ENCONTRO DE ESTUDOS ORGANIZACIONAIS, 2., 2002, Recife. Anais... Recife: Observatório da Realidade Organizacional : PROPAD/UFPE : ANPAD, 2002. 1 CD. Evidencias Teóricas para a Compreensão das Redes

Leia mais

15-16 ORGANIZACIONAL GESTÃO DA MUDANÇA. Uma das melhores universidades em business visita São Paulo. Strategic Change Management

15-16 ORGANIZACIONAL GESTÃO DA MUDANÇA. Uma das melhores universidades em business visita São Paulo. Strategic Change Management Seminário Internacional GESTÃO DA MUDANÇA ORGANIZACIONAL Strategic Change Management Tradução simultânea de inglês para português 15-16 Outubro, 2013 São Paulo - Brasil Desenvolva uma cultura de inovação

Leia mais

1.Introdução. Mário Mollo Neto 1, UniAnchieta Robert Ari Waker 2, Unip

1.Introdução. Mário Mollo Neto 1, UniAnchieta Robert Ari Waker 2, Unip Aplicação de Ferramenta Computacional Baseada em Redes Sociais para Análise de Relacionamentos em Organizações Produtivas Computer-based Tool Application for Social Network Analysis of Relationships in

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DAS REDES SOCIAIS OU NETWORKS PARA O EMPREENDEDORISMO

A IMPORTÂNCIA DAS REDES SOCIAIS OU NETWORKS PARA O EMPREENDEDORISMO A IMPORTÂNCIA DAS REDES SOCIAIS OU NETWORKS PARA O EMPREENDEDORISMO Marcos Junio Ferreira de JESUS Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Administração Mestrado (PPA) Universidade Estadual de Maringá

Leia mais

USO DO TWITTER COMO RECURSO DIDÁTICO NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA

USO DO TWITTER COMO RECURSO DIDÁTICO NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA CONGRESSO INTERNACIONAL INTERDISCIPLINAR EM SOCIAIS E HUMANIDADES Niterói RJ: ANINTER-SH/ PPGSD-UFF, 03 a 06 de Setembro de 2012, ISSN 2316-266X USO DO TWITTER COMO RECURSO DIDÁTICO NAS AULAS DE LÍNGUA

Leia mais

Incerteza, Inovação e o Processo Gerencial: um estudo teórico. GABRIEL FURLAN COLETTI UNESP gabrielf.coletti@gmail.com

Incerteza, Inovação e o Processo Gerencial: um estudo teórico. GABRIEL FURLAN COLETTI UNESP gabrielf.coletti@gmail.com Incerteza, Inovação e o Processo Gerencial: um estudo teórico GABRIEL FURLAN COLETTI UNESP gabrielf.coletti@gmail.com INCERTEZA, INOVAÇÃO E O PROCESSO GERENCIAL: UM ESTUDO TEÓRICO Resumo Neste trabalho

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO 2º.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO 2º. UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO 2º. SEMESTRE 2015 DISCIPLINA: Pesquisa Quantitativa com Análise de Dados PROFESSOR:

Leia mais

FORMULÁRIO PARA CRIAÇÃO DE DISCIPLINA

FORMULÁRIO PARA CRIAÇÃO DE DISCIPLINA Universidade Federal do Ceará Pró-Reitoria de Graduação Coordenadoria de Projetos e Acompanhamento Curricular Divisão de Pesquisa e Desenvolvimento Curricular FORMULÁRIO PARA CRIAÇÃO DE DISCIPLINA 1. Unidade

Leia mais

Análise de Redes. Tradução/compilação: Ana Cristina B. Martes e Mauricio C. Serafim. Curso: Introdução às Ciências Sociais EESP / FGV

Análise de Redes. Tradução/compilação: Ana Cristina B. Martes e Mauricio C. Serafim. Curso: Introdução às Ciências Sociais EESP / FGV Análise de Redes Texto original: Introduction to Social Network Methods de Robert A. Hanneman, Department of Sociology University of California, Riverside. Tradução/compilação: Ana Cristina B. Martes e

Leia mais

Venda direta: Características da rede de uma consultora de cosméticos.

Venda direta: Características da rede de uma consultora de cosméticos. Venda direta: Características da rede de uma consultora de cosméticos. MARK PESSOA TUNU universidade municipal de sao. caetano do sul marktunu@gmail.com MILTON CARLOS FARINA universidade municipal de sao

Leia mais

Relações sociométricas dos pesquisadores que patentearam inventos Sociometric relations of researchers to patent inventions

Relações sociométricas dos pesquisadores que patentearam inventos Sociometric relations of researchers to patent inventions ARTIGO Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, v. 19, n. 39, p. 227-242, jan./abr., 2014. ISSN 1518-2924. DOI: 10.5007/1518-2924.2014v19n39p227 Recebido em: 22/05/2013

Leia mais

A UTILIZAÇÃO DO TERMO IMERSÃO SOCIAL NAS PESQUISAS EM ADMINISTRAÇÃO

A UTILIZAÇÃO DO TERMO IMERSÃO SOCIAL NAS PESQUISAS EM ADMINISTRAÇÃO A UTILIZAÇÃO DO TERMO IMERSÃO SOCIAL NAS PESQUISAS EM ADMINISTRAÇÃO Deborah Stocco Machado (UEM) Maurício Reinert do Nascimento (UEM) RESUMO O termo imersão social (social embeddedness), utilizado inicialmente

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010 / 2011

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA - UFPB PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - PPGA MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA - UFPB PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - PPGA MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO Disciplina: DESENVOLVIMENTO GERENCIAL Professor: Anielson Barbosa da Silva, Dr. Carga-horária: 45 horas Horário: 09:00h às 12:00h (Segunda-feira) E-mail: anielson@uol.com.br Ementa: A disciplina objetiva

Leia mais

COLABORAÇÃO E PRODUTIVIDADE CIENTÍFICA NA UFRJ: identificação de autores por tipo de vínculo (2010)

COLABORAÇÃO E PRODUTIVIDADE CIENTÍFICA NA UFRJ: identificação de autores por tipo de vínculo (2010) COLABORAÇÃO E PRODUTIVIDADE CIENTÍFICA NA UFRJ: identificação de autores por tipo de vínculo (2010) 1 INTRODUÇÃO Roberto Mario Lovón Canchumani (IBCT) roblovonc@yahoo.com Jacqueline Leta (UFRJ) jleta@bioqmed.ufrj.br

Leia mais

Dificuldades na implantação de métodos ágeis Marcelo Werneck

Dificuldades na implantação de métodos ágeis Marcelo Werneck Dificuldades na implantação de métodos ágeis Marcelo Werneck Apresentação - Prof. Marcelo Werneck Mestre em Ciência da Computação; Coordenador e Professor do curso de Sistemas de Informação PUC Minas no

Leia mais

Redes sociais e capital político: definição de uma abordagem de análise das organizações partidárias brasileiras

Redes sociais e capital político: definição de uma abordagem de análise das organizações partidárias brasileiras Redes sociais e capital político: definição de uma abordagem de análise das organizações partidárias brasileiras Raiane Patrícia Severino Assumpção 1 Resumo: As questões que motivaram o desenvolvimento

Leia mais

ARTIGO ASPECTOS CONCEITUAIS E METODOLÓGICOS DE REDES SOCIAIS E SUA INFLUÊNCIA NO ESTUDO DE FLUXOS DE INFORMAÇÃO

ARTIGO ASPECTOS CONCEITUAIS E METODOLÓGICOS DE REDES SOCIAIS E SUA INFLUÊNCIA NO ESTUDO DE FLUXOS DE INFORMAÇÃO ASPECTOS CONCEITUAIS E METODOLÓGICOS DE REDES SOCIAIS E SUA INFLUÊNCIA NO ESTUDO DE FLUXOS DE INFORMAÇÃO Cibele Roberta Sugahara Waldomiro Vergueiro Resumo: As ligações e interações propiciadas pelas redes

Leia mais

ANÁLISE DE REDES SOCIAIS APLICADA AO GERENCIAMENTO DE EQUIPES

ANÁLISE DE REDES SOCIAIS APLICADA AO GERENCIAMENTO DE EQUIPES ANÁLISE DE REDES SOCIAIS APLICADA AO GERENCIAMENTO DE EQUIPES Jessica Cascareja Savaro (CEFET/RJ) jessica.cascareja@hotmail.com Marcela Viana Bittar Coppio (CEFET/RJ) viana.marcela@yahoo.com.br Rafael

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE INFORMÁTICA E SEUS FATORES CRíTICOS DE SUCESSO NO SETOR BANCÁRIO PRIVADO NACIONAL

ADMINISTRAÇÃO DE INFORMÁTICA E SEUS FATORES CRíTICOS DE SUCESSO NO SETOR BANCÁRIO PRIVADO NACIONAL l1~leartigos ADMINISTRAÇÃO DE INFORMÁTICA E SEUS FATORES CRíTICOS DE SUCESSO NO SETOR BANCÁRIO PRIVADO NACIONAL * Alberto Luiz Albertin albertin@eaesp.fgvsp.br ~ Rosa Maria de Moura PALAVRAS-CHAVE: tecnologia

Leia mais

JOHNSON, Gerry; SCHOLES, Kevan; WHITTINGTON, Richard.Exploring corporate strategy: text & cases. 8.ed. England: Prentice-Hall, 2008.881 p : il.

JOHNSON, Gerry; SCHOLES, Kevan; WHITTINGTON, Richard.Exploring corporate strategy: text & cases. 8.ed. England: Prentice-Hall, 2008.881 p : il. BSP Especializados BSP - Especializados JOHNSON, Gerry; SCHOLES, Kevan; WHITTINGTON, Richard.Exploring corporate strategy: text & cases. 8.ed. England: Prentice-Hall, 2008.881 p : il. UNIDADE: Morumbi

Leia mais

ANAIS OS PRINCIPAIS TRABALHOS NA TEORIA DO CONHECIMENTO TÁCITO: PESQUISA BIBLIOMÉTRICA 2000-2011

ANAIS OS PRINCIPAIS TRABALHOS NA TEORIA DO CONHECIMENTO TÁCITO: PESQUISA BIBLIOMÉTRICA 2000-2011 OS PRINCIPAIS TRABALHOS NA TEORIA DO CONHECIMENTO TÁCITO: PESQUISA BIBLIOMÉTRICA 2000-2011 JORGE MUNIZ JR ( jorge86056@gmail.com ) UNESP - CAMPUS DE GUARATINGUETÁ FLÁVIA GABRIELE MANOEL MAIA ( flavia.gmmaia@gmail.com

Leia mais

Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1

Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1 Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1 O Journal Citation Reports (JCR) publica anualmente o índice conhecido por fator de impacto de um periódico para medir a freqüência com que

Leia mais

Diferenças e inter-relações dos conceitos de governança e gestão de redes horizontais de empresas: contribuições para o campo de estudos

Diferenças e inter-relações dos conceitos de governança e gestão de redes horizontais de empresas: contribuições para o campo de estudos ISSN 0080-2107 Diferenças e inter-relações dos conceitos de governança e gestão de redes horizontais de empresas: contribuições para o campo de estudos Ana Lúcia Roth Douglas Wegner José Antônio Valle

Leia mais

Econometria Financeira

Econometria Financeira Econometria Financeira Área Científica: Economia/Gestão Horas de Contacto: TP: 45 Docentes Respnsáveis: Cristina Alexandra Oliveira Amado/ Benilde Maria Nascimento Oliveira Língua de Funcionamento: Português/

Leia mais

SISTEMAS DE CONTROLE GERENCIAL e CONTRATO PSICOLÓGICO. CX Discussões Metodológicas Ivan Canan Orientador: Prof. Dr. Gilberto de Andrade Martins

SISTEMAS DE CONTROLE GERENCIAL e CONTRATO PSICOLÓGICO. CX Discussões Metodológicas Ivan Canan Orientador: Prof. Dr. Gilberto de Andrade Martins SISTEMAS DE CONTROLE GERENCIAL e CONTRATO PSICOLÓGICO CX Discussões Metodológicas Ivan Canan Orientador: Prof. Dr. Gilberto de Andrade Martins Introdução Sistema de Controle Gerencial Discricionariedade

Leia mais

A aprendizagem como o processo de aquisição e construção do conhecimento. O Caso da utilização dos Simuladores no ISCEE Cabo Verde Business School

A aprendizagem como o processo de aquisição e construção do conhecimento. O Caso da utilização dos Simuladores no ISCEE Cabo Verde Business School A aprendizagem como o processo de aquisição e construção do conhecimento. O Caso da utilização dos Simuladores no ISCEE Cabo Verde Business School Autor: Rui Manuel Fialho Franganito Email: rui.franganito@iscee.edu.cv

Leia mais

8 Referências bibliográficas

8 Referências bibliográficas 8 Referências bibliográficas ALVES, M. Carro Flex Fuel: Uma Avaliação por Opções Reais. Dissertação (Mestrado em Administração). Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2007.

Leia mais

Revista de Administração da Universidade Federal de Santa Maria E-ISSN: 1983-4659 rea@smail.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil

Revista de Administração da Universidade Federal de Santa Maria E-ISSN: 1983-4659 rea@smail.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil Revista de Administração da Universidade Federal de Santa Maria E-ISSN: 1983-4659 rea@smail.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil Pierangeli Pascotto, Siomara Maria; Farina, Milton Carlos;

Leia mais

XVII SEMEAD Seminários em Administração

XVII SEMEAD Seminários em Administração XVII SEMEAD Seminários em Administração outubro de 2014 ISSN 2177-3866 REDES DE COOPERAÇÃO INTERORGANIZACIONAL: UMA ANÁLISE SISTEMÁTICA DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA NA WEB OF SCIENCE DE 1981-2013 JANE LUCIA

Leia mais

Rede de Pesquisadores Brasileiros em Ontologia: Uma Análise de Rede Social

Rede de Pesquisadores Brasileiros em Ontologia: Uma Análise de Rede Social Rede de Pesquisadores Brasileiros em Ontologia: Uma Análise de Rede Social Andréa S. Bordin 1, Alexandre Leopoldo Gonçalves 1 1 Departamento de Engenharia e Gestão do Conhecimento Universidade Federal

Leia mais

TIPOLOGIA DE IDENTIFICAÇÃO E MENSURAÇÃO DE CAPACITAÇÕES. Mirian Hasegawa INPE 19/07/2006

TIPOLOGIA DE IDENTIFICAÇÃO E MENSURAÇÃO DE CAPACITAÇÕES. Mirian Hasegawa INPE 19/07/2006 TIPOLOGIA DE IDENTIFICAÇÃO E MENSURAÇÃO DE CAPACITAÇÕES Mirian Hasegawa INPE 19/07/2006 Estrutura da apresentação Origens do trabalho Objetivo Definição Referencial teórico Explicação da Tipologia de identificação

Leia mais

Economia dos Recursos Humanos

Economia dos Recursos Humanos Disciplina oferecida ao Curso de MBE Executivo (5ª edição) do Programa de Pós Graduação em Economia da UFRGS. Economia dos Recursos Humanos Professor Responsável: Giácomo Balbinotto Neto. Objetivo: A economia

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO PAIR WORK NA SALA DE AULA DE LÍNGUA INGLESA PARA NÍVEIS INICIAIS

A IMPORTÂNCIA DO PAIR WORK NA SALA DE AULA DE LÍNGUA INGLESA PARA NÍVEIS INICIAIS A IMPORTÂNCIA DO PAIR WORK NA SALA DE AULA DE LÍNGUA INGLESA PARA NÍVEIS INICIAIS SOUSA, Marrine Oliveira (UFG) LAGO, Neuda (UFG) Resumo: Através desta pesquisa foi analisada a importância do trabalho

Leia mais

A ANÁLISE DA REDE DE CATADORES DE MATERIAIS RECICLÁVEIS: LIMITES E POSSIBILIDADES DA RECICLAGEM COMO NEGÓCIO

A ANÁLISE DA REDE DE CATADORES DE MATERIAIS RECICLÁVEIS: LIMITES E POSSIBILIDADES DA RECICLAGEM COMO NEGÓCIO ISSN 1516-6503 A ANÁLISE DA REDE DE CATADORES DE MATERIAIS RECICLÁVEIS: LIMITES E POSSIBILIDADES DA RECICLAGEM COMO NEGÓCIO ANALYSE DU RÉSEAU DE COLLECTEURS DE MATIÈRES RECYCLABLES: LIMITES ET POSSIBILITÉS

Leia mais

REDES SOCIAIS E EMPRESAS II

REDES SOCIAIS E EMPRESAS II GVPESQUISA REDES SOCIAIS E EMPRESAS II Relatório 18/2005 ANA CRISTINA BRAGA MARTES Não é permitido o uso das publicações do GVpesquisa para fins comerciais, de forma direta ou indireta, ou, ainda, para

Leia mais

ERASMUS+ PROGRAM 2015/16 Degree Year Sem. Code Subject Subject (English) ECTS Notes

ERASMUS+ PROGRAM 2015/16 Degree Year Sem. Code Subject Subject (English) ECTS Notes ERASMUS+ PROGRAM 2015/16 Degree Year Sem. Code Subject Subject (English) ECTS Notes Busin. Manag. 1º 1 LGE1104 Contabilidade Empresarial I Business Accounting I 6 Not available in English Busin. Manag.

Leia mais

ANAIS DO II EGEPE, p. 821-832, Londrina/PR, Novembro/2001 (ISSN 1518-4382)

ANAIS DO II EGEPE, p. 821-832, Londrina/PR, Novembro/2001 (ISSN 1518-4382) ANAIS DO II EGEPE, p. 821-832, Londrina/PR, Novembro/2001 (ISSN 1518-4382) O COMPORTAMENTO ESTRATÉGICO SEGUNDO A TEORIA DE MILES E SNOW: UM ESTUDO MULTICASO EM TRÊS EMPRESAS FAMILIARES NA INDÚSTRIA DA

Leia mais

Seminário de Discussões Metodológicas

Seminário de Discussões Metodológicas Seminário de Discussões Metodológicas Tecnologias da Educação: identificando o reflexo do chat e fórum de discussão no processo de aprendizagem no ensino superior Alexandre Costa Quintana Orientador: Prof.

Leia mais

Governança de Redes de Cooperação: Identificação e Análise de Tipologia em uma Rede Horizontal de PMEs

Governança de Redes de Cooperação: Identificação e Análise de Tipologia em uma Rede Horizontal de PMEs Governança de Redes de Cooperação: Identificação e Análise de Tipologia em uma Rede Horizontal de PMEs Autoria: Gisele Hidalgo, Catia Eli Gemelli, Mark Jonnes Madeira Resumo A formação de Redes de Cooperação

Leia mais

Desigualdade de renda no mundo Programa

Desigualdade de renda no mundo Programa Desigualdade de renda no mundo Programa Necessidades especiais Importante: se você tem alguma necessidade especial, por favor, contate-me. Terei prazer em fazer todos os ajustes que estiverem a meu alcance.

Leia mais

GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS EM EDUCAÇÃO FÍSICA

GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS EM EDUCAÇÃO FÍSICA GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS EM EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE Objetivos da Aula: 1. Conceituar gestão de recursos humanos 2. Diferenciar gestão de RH em Educação Física e Esporte 3. Discutir gestão de RH na

Leia mais

Ecoinovação e Gestão do Conhecimento: Como estas práticas estão relacionadas?

Ecoinovação e Gestão do Conhecimento: Como estas práticas estão relacionadas? Ecoinovação e Gestão do Conhecimento: Como estas práticas estão relacionadas? Ligia Maria Moura Madeira Thais Elaine Vick Marcelo Seido Nagano EESC/USP Contexto As empresas vêm adotando estratégias e práticas

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS Parceiros: PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE FIRMAS DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS Coordenação Científica Professor Doutor Vítor da Conceição Gonçalves (Professor

Leia mais

EMENTA DE DISCIPLINA

EMENTA DE DISCIPLINA EMENTA DE DISCIPLINA FCH672 - APRENDIZAGEM E INOVAÇÃO NATUREZA CREDITAÇÃO CARGA HORÁRIA Optativa 03 51 Ementa Delimitação de um marco teórico para a nova cultura de aprendizagem: Uma breve história cultural

Leia mais

Posições centrais em uma rede social: a estrutura da rede de ONGs de Pernanbuco associadas à ABONG

Posições centrais em uma rede social: a estrutura da rede de ONGs de Pernanbuco associadas à ABONG Posições centrais em uma rede social: a estrutura da rede de ONGs de Pernambuco... Posições centrais em uma rede social: a estrutura da rede de ONGs de Pernanbuco associadas à ABONG Marcela Cox 1 Paulo

Leia mais

ANAIS CONFIGURAÇÃO DOS ESTUDOS EM RELACIONAMENTOS INTERORGANIZACIONAIS NO BRASIL: POR ONDE CAMINHAMOS?

ANAIS CONFIGURAÇÃO DOS ESTUDOS EM RELACIONAMENTOS INTERORGANIZACIONAIS NO BRASIL: POR ONDE CAMINHAMOS? CONFIGURAÇÃO DOS ESTUDOS EM RELACIONAMENTOS INTERORGANIZACIONAIS NO BRASIL: POR ONDE CAMINHAMOS? JULIANO NUNES ALVES ( admjuliano@yahoo.com.br, admjuliano@hotmail.com ) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

Leia mais

INTERAÇÃO UNIVERSIDADE E EMPRESA NA VISÃO DOS PESQUISADORES: UM ESTUDO DE CASO NA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE

INTERAÇÃO UNIVERSIDADE E EMPRESA NA VISÃO DOS PESQUISADORES: UM ESTUDO DE CASO NA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE XXVIENANGRAD INTERAÇÃO UNIVERSIDADE E EMPRESA NA VISÃO DOS PESQUISADORES: UM ESTUDO DE CASO NA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE LEANDRO RAFAEL DE ABREU MARCOS ROBERTO KUHL FELIPE SILVEIRA AZEVEDO

Leia mais

III Simpósio sobre Gestão Empresarial e Sustentabilidade (SimpGES) Produtos eco-inovadores: produção e consumo"

III Simpósio sobre Gestão Empresarial e Sustentabilidade (SimpGES) Produtos eco-inovadores: produção e consumo 24 e 25 de outubro de 2013 Campo Grande-MS Universidade Federal do Mato Grosso do Sul RESUMO EXPANDIDO TRIPLE BOTON LINE INCORPORADO NAS ESTRATÉGIAS EMPRESARIAIS: UM ESTUDO EM OPERADORES LOGÍSTICOS NO

Leia mais