Comitê Superior de Tecnologia da Informação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Comitê Superior de Tecnologia da Informação"

Transcrição

1 CSTI UNESP Reunião Ordinária Nº 18 Reunião: CSTI Data: 08 de fevereiro de 2011 Local: Reitoria - Sala de reuniões da AREX - 6º andar Resumo: Portarias CSTI, Processos e Ofícios. Presentes: Prof. Messias Meneguete Júnior (FCT/ P.Prudente) (Presidente do CSTI) Décio Antonio Fregonesi (FCT/ P.Prudente) Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio - IBILCE/SJ.Rio Preto Prof. Edson Luiz França Senne (AI/Reitoria) Prof. Emanuel Rocha Woiski-(FE/IS) Prof. Ivan Rizzo Guilherme (IGCE/Rio Claro) Prof. José Remo Ferreira Brega (FC/Bauru) Prof. Lauro Henrique Mello Chueiri (Vice-reitoria) Valmir Dotta (FCL/Araraquara) Profª. Drª.Vânia Cristina Peres Nogueira Valente - FAAC/Bauru Waldir Soares Calçada (FE/Guaratinguetá) Justificativa de Ausência: José Carlos Abbud Grácio (FFC/Marília) Pauta: Verificação de Presença. Palavra da Presidência. Palavra dos membros. Breve exposição sobre o andamento dos trabalhos. Aprovação da súmula nº17, da reunião realizada em 03/12/2010. Palavra da Presidência da reunião Prof. Messias: s: Abriu a primeira reunião ordinária de 2011, agradecendo a presença de todos e reafirmando seu otimismo com a TI na Unesp, pois considera que com a implantação dos diversos sistemas institucionais, a implantação do novo projeto de videoconferência e as melhorias na infraestrutura de redes, 2011 será o ano de colocar à disposição da Universidade os resultados dos trabalhos realizados pela área de informática da Unesp, à partir deste novo modelo de gestão. Palavra dos Membros: Décio Antonio Fregonesi: Sugeriu que o CSTI faça uma participação no Fórum de Diretores para esclarecer o projeto de videoconferência, pois diante dos dados colhidos junto às unidades, há evidencias que as informações solicitadas não foram claras. Prof. Edson Luiz França Senne (Assessor sessor Chefe de Informática): Fez as seguintes considerações: 1) Que a formalização das definições das estruturas e do funcionamento da área de informática na Unesp é de suma importância para a consolidação da TI na Unesp. CSTI Coletânea de Súmulas N. 18 p. 1 de

2 2) Que é necessário criar mecanismo de recompensas para pessoas que atualmente estão assumindo responsabilidades nos diversos projetos de TI. 3) Que o CSTI precisa discutir profundamente o papel dos STIs e se deseja realmente que a AI se torne, e em que termos, uma Coordenadoria Geral de Informática. 4) Que os sistemas institucionais, como o AVINST, devem obter os dados que necessitam diretamente do CoreUnesp, para evitar a necessidade de carga de dados. 5) Insistiu sobre a necessidade do Ofício sobre os Administradores de Rede ser enviado o quanto antes para todas as Unidades. 6) Solicitou ao Prof. Remo (Coordenador de Sistemas Institucionais) agendar uma apresentação do Sistema de Eventos para todos os setores interessados da Reitoria. Apresentou as seguintes Informações: 7) Que recebeu ofícios de todos os Diretores do Campus de Araraquara no sentido de implementar um backbone redundante de fibra optica no Campus. Esclareceu que uma comissão do GRC visitou o Campus para analisar o problema e que um Relatório Técnico desta visita está sendo elaborado e será enviado aos Diretores do Campus de Araraquara. 8) Que participou da reunião da comissão encarregada de estudar os parâmetros dos subquadros e que a referida comissão considerou a proposta da área de informática consistente. 9) Foi enviado ofício para as unidades com as informações necessárias para a implantação do Projeto de videoconferência. Os equipamentos já foram adquiridos e devem ser entregues nas unidades até o final do mês de fevereiro/11. Cada diretor receberá um videofone que poderá ser instalado tão logo chegue. Os demais equipamentos serão instalados somente quando a sala indicada estiver dentro das condições requeridas. 10) Que em 05/01/11, houve o processo licitatório para a aquisição dos novos enlaces de dados da UnespNet. A partir da assinatura do contrato, a empresa Telefonica vencedora do processo, terá 90 dias para a implantação dos novos enlaces. Os recursos financeiros a serem disponibilizados pela Reitoria para esta nova configuração da rede montam a R$ 235 mil mensais. 11) Com a verba de R$ 719 mil da FAPESP será possível adquirir um roteador para que todos os equipamentos que estão no NAP sejam transferidos para o DataCenter da Reitoria e também para comprar 340 Access Point para o projeto da rede sem fio. 12) Está sendo avaliado o software Zeroshell que visa controlar o uso da banda de todas as unidades. O Zeroshell é um software baseado em Linux, licenciado sob GPL e necessita ser instalado em um servidor de rede. Sua função é prover serviços de controle da rede, dentre os quais: Firewall, Controle de Banda (QoS), Filtros de Camada 7 (Aplicação), Balanceamento de Carga/FailOver. Até o momento, foi implantado com sucesso em quatro unidades da Unesp: CLP (São Vicente), IQ (Araraquara), Rosana, CEDEM (São Paulo) e está em fase de ativação em Sorocaba. Com a instalação deste software tem-se notado uma grande melhora na qualidade do tráfego e uma redução significativa dos alertas gerados por alto tráfego. Uma grande limitação da ferramenta é a falta de suporte a IPv6. 13) Outra solução que vem sendo testada para controle de banda é um equipamento da Allot, uma empresa americana que desenvolve soluções em hardware para grandes provedores de internet. Trata-se de uma solução robusta e madura para alto tráfego de rede, como é o caso da Unesp. O equipamento foi testado em demonstração na Unesp e se mostrou altamente confiável e estável, tendo conseguido suportar com sucesso todo o tráfego da unespnet. Possui suporte a IPv6 e faz Controle de Banda, Firewall e QoS também para este protocolo. Permite a criação de vários perfis de tráfego e filtragem de várias aplicações (Layer 7), inclusive podendo ser divididas por unidade da Unesp. Possui ótimos de recursos para garantir alta disponibilidade. Espera-se que este equipamento possa ser adquirido com verba da Fapesp de CSTI Coletânea de Súmulas N. 18 p. 2 de

3 Prof. Emanuel Rocha Woiski: 1) Solicitou informações a respeito da quantidade de aparelhos de telefones ip já enviados para a FEIS. Manifestação do Valmir: Informou que a unidade já recebeu 480 aparelhos. 2) Solicitou informações a respeito da implantação do projeto de autenticação única na Unesp. Manifestação do Senne: Informou que o assunto será tratado na reunião a ser realizada, no dia 10/02/11, no Campus de Bauru. 3) Informou que gostaria que a Unesp assinasse o protocolo Brasília para uso do software livre. 4) Solicitou informações a respeito de black List, pois a FEIS está nas blacklists do Yahoo e Hotmail. Manifestação do Senne: O assunto será levado para a equipe do GRC. Prof. José Remo Ferreira Brega: B Parabenizou a implantação e o funcionamento do projeto de Telefonia IP no Campus de Bauru. Prestou as seguintes informações: 1) Somente duas unidades (FM - NEAD e Rio Claro) responderam sobre a disponibilidade do Sistema de Gerenciamentos de Eventos e Congressos. Manifestação do CSTI: O Sr. Marcos José Serra do NEAD da FM de Botucatu, será convidado para apresentar o sistema na reitoria, que já foi demonstrado no evento "Melhores práticas de gestão", realizado no período de 27 a 29/09/10, em Águas de Lindóia. 2) Em fevereiro/11, o sistema Administrativo será apresentado na reitoria. 3) O SISGRAD está com mais de alunos na base de dados e o Campus de Marília foi a última unidade a ser migrada. 4) Participou de reunião com a Pró-reitora de Graduação, Profa Sheila, onde ficou estabelecido que a PROGRAD elaborará um ofício circular as unidades convocando os diretores a responderes o estado de migração e homologação dos dados. A partir destas respostas será montado um cronograma de incorporação de unidades ao novo sistema. Neste cronograma grupos envolvidos no desenvolvimento e suporte passarão alguns dias nas unidades verificando a migração, homologação e dando um treinamento final. A partir daí os dados serão incorporados ao CORE e a unidade será considerada migrada. 5)O Sistema de Pós Graduação também está em desenvolvimento e será feita uma primeira apresentação ao grupo de suporte e comitê gestor no início de março em data a ser marcada com o Guilherme (FEIS). Prof. Lauro Henrique Mello Chueiri eiri: Afirmou que as mudanças ocorridas na reitoria não alteram em nada o funcionamento do CSTI e que continuará participando das reuniões. Disse ainda, que o Vice-reitor continuará acompanhado de perto as ações do CSTI. Apresentou para análise do CSTI o relatório técnico do GridUNESP. Aprovação da súmula nº17, da reunião realizada em 03/12/2010. Tendo sido aprovada foi assinada por todos os presentes. Ordem do dia: 1. Proposta da Assessoria de Comunicação Imprensa (ACI) sobre diretriz para os endereços de domínios do Portal Unesp, que também é parte da identidade visual da Unesp. A Sra Genira Chagas, coordenadora de conteúdo do Portal Unesp, da Assessoria de Comunicação e Imprensa foi convidada pelo Presidente do CSTI para expor a proposta da ACI. A Sra Genira agradeceu a oportunidade e apresentou as seguintes informações: CSTI Coletânea de Súmulas N. 18 p. 3 de

4 1) O Sr. Oscar D Ambrosio é o novo Assessor-chefe da ACI em decorrência do afastamento do Sr. Mauricio Tuffani, que foi prestar serviços na Secretaria de Educação do Estado de São Paulo. 2) Foi publicada a Portaria Unesp 604, de 03/12/2010, que dispõe sobre normas para publicação e manutenção de conteúdos do Portal da Unesp. 3) Em relação aos endereços de domínio do Portal Unesp, a ACI considera que a padronização do endereço das páginas hospedadas no Portal Unesp é de extrema importância para a identidade da Universidade no espaço virtual e como responsável pela coordenação de conteúdo no Portal Unesp, constatou a tendência de descaracterização do padrão de registro implementado por ocasião da instituição da internet na Unesp. Desta forma, a ACI faz a seguinte Proposta: 3.1 Os domínios e subdomínios devem ser simplificados de forma a não descaracterizar a identidade da Universidade e facilitar a busca virtual. 3.2 Para efeito de divulgação da marca Unesp, o nome que identifica o subdomínio a ser registrado deve ser colocado sempre após a barra de endereço da unidade universitária ou administrativa à qual será vinculado. Seria importante observar a oportunidade de redirecionar o endereço para o padrão proposto, sempre que, por questões técnicas, houver a necessidade de outra forma de endereçamento. 3.3 Subdomínios de laboratórios, grupos de estudo, hospitais veterinários e de clínicas, e demais páginas a serem hospedadas nos domínios principais devem seguir o padrão descrito no item 3.2. Ultimamente os registros veem sendo realizados de forma aleatória, descaracterizando o domínio principal unesp.br e os subdomínios definidos para as Unidades Universitárias. Manifestação do CSTI: A proposta foi encaminha para parecer da Profa Vânia. 2. Portarias de criação do CSTI Manifestação do CSTI: Após profícua discussão, foi consenso transformar a Portaria em Resolução que será encaminhada para aprovação no CO. As demais portarias serão publicadas após aprovação pelo CO da Resolução de criação do CSTI. 3. Oficio 1162/50/1/2009 CGB Contratação de analista de informática para a CGB Manifestação do CSTI: Retirado de pauta, em vista da mudança da Coordenação da CGB, com sugestão de que o novo Coordenador procure o Assessor Chefe da AI para orientação a respeito. 4. Oficio 007/2011 CEDRAC-CE solicitando a liberação de 21 aparelhos VoIP Dracena. 5. Oficio 162/2010 FCL- Assis Solicitando a liberação de 85 aparelhos VoIP. 6. Oficio 68/2011 Araçatuba Solicitando a liberação de 80 aparelhos VoIP. 7. Oficio 22/2011 TV Unesp Solicitando a liberação de 25 aparelhos VoIP. Manifestação do Senne: Solicita que uma planilha atualizada com as demandas das Unidades por aparelhos VoIP seja enviada para a AI, para que possa ser providenciada a compra. 8. Oficio 004/2011-FFC/Marilia, solicitando nobreak trifásico e sistema biométrico para o acesso ao DataCenter. Valor R$ ,00. CSTI Coletânea de Súmulas N. 18 p. 4 de

5 Manifestação do CSTI: Retirado de pauta esperando levantamento mais global e que defina um padrão mínimo para os DataCenters. 9. Renovação do Contrato da empresa CTIS, que está desenvolvendo o Sistema Orçamentário, Financeiro e Contábil da Unesp. Manifestação do CSTI: Aprovado 10. Ofício 01/2011- FCT-P.P - solicitação de substituição de Racks. Manifestação do CSTI: Aprovado o envio dos racks. A Unidade ficará responsável pelo custo da mão de obra para a substituição dos racks, conforme procedimento já adotado para todas as unidades. 11. Ofício 001/2011-D FCL Assis Solicitando R$ ,00 para aquisição de Gerador, no-breaks e sistema de climatização. Manifestação do CSTI: Retirado de pauta esperando levantamento mais global e que defina um padrão mínimo para os DataCenters. 12. Ofício IPmet nº 0165/2010 Solicitando um link secundário de Internet, que garanta a continuidade da disponibilização das informações, nos casos de interrupção do link principal. Manifestação do CSTI: Encaminhado para Assessoria de Informática, com sugestão de contratação de um link pelo IntraGov. 13. Ofício 321/2010- Faculdade de Medicina de Botucatu solicitando manter e ampliar os investimentos na área de informática, nos seguintes projetos: Wirless, VOIP, Switchs, racks, no-breaks e cabeamentos. Manifestação do CSTI: Encaminhado para manifestação da Assessoria Jurídica (AJ), quanto a viabilidade jurídica da demanda, tendo em vista a autarquização do HC. CSTI Coletânea de Súmulas N. 18 p. 5 de

CSTI COMITÊ SUPERIOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

CSTI COMITÊ SUPERIOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CSTI COMITÊ SUPERIOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO O CSTI é um órgão assessor do Vice-Reitor e é a ele diretamente subordinado. Site: Portal >> Reitoria >> Vice-Reitor >> CSTI Fale conosco Solicitações GEPROC

Leia mais

Resumo: Operacionalização dos processos da CSTI, andamento dos trabalhos dos Fóruns Técnicos e formação de grupos para gerenciamento dos sistemas.

Resumo: Operacionalização dos processos da CSTI, andamento dos trabalhos dos Fóruns Técnicos e formação de grupos para gerenciamento dos sistemas. CSTI UNESP Súmulas Reunião Ordinária N. 02 Reunião: CSTI Data: 12 de maio de 2009 Local: Sala Reuniões do Gabinete/UNESP Início: 9:00 Resumo: Operacionalização dos processos da CSTI, andamento dos trabalhos

Leia mais

CSTI UNESP. Reunião Ordinária Nº 34. Reunião: Data: 11 de setembro de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor

CSTI UNESP. Reunião Ordinária Nº 34. Reunião: Data: 11 de setembro de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor CSTI UNESP Reunião Ordinária Nº 34 Reunião: CSTI Data: 11 de setembro de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor Presentes: Prof. Dr. Messias Meneguete Júnior (FCT/P.Prudente) (Presidente

Leia mais

CSTI UNESP. Reunião Ordinária Nº 28. Reunião: Data: 24 de janeiro de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor

CSTI UNESP. Reunião Ordinária Nº 28. Reunião: Data: 24 de janeiro de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor CSTI UNESP Reunião Ordinária Nº 28 Reunião: CSTI Data: 24 de janeiro de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor Presentes: Prof. Dr. Messias Meneguete Júnior (FCT/P.Prudente) (Presidente

Leia mais

CSTI UNESP. Reunião Ordinária Nº 30. Reunião: CSTI Data: 10 de abril de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor

CSTI UNESP. Reunião Ordinária Nº 30. Reunião: CSTI Data: 10 de abril de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor CSTI UNESP Reunião Ordinária Nº 30 Reunião: CSTI Data: 10 de abril de 2012 Local: Reitoria Sala de Reuniões do Gabinete do Reitor Presentes: Prof. Dr. Messias Meneguete Júnior (FCT/P.Prudente) (Presidente

Leia mais

ASSESSORIA DE INFORMÁTICA

ASSESSORIA DE INFORMÁTICA ASSESSORIA DE INFORMÁTICA BALANÇO DE E PERSPECTIVAS PARA 2015 A Assessoria de Informática (AI) é responsável pela coordenação executiva das atividades de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) da

Leia mais

WORKSHOP DOS ADMINISTRADORES DE REDES DE COMPUTADORES DA UNESP - 2014

WORKSHOP DOS ADMINISTRADORES DE REDES DE COMPUTADORES DA UNESP - 2014 Comitê Superior de Tecnologia da Informação CSTI Assessoria de Informática AI Grupo de Redes de Computadores GRC Diretoria Técnicas de Informática DTI Administradores de rede das DTIs 08h00 08h30: Abertura

Leia mais

ASSESSORIA DE INFORMÁTICA RELATÓRIO DE ATIVIDADES PDI 2011-2012

ASSESSORIA DE INFORMÁTICA RELATÓRIO DE ATIVIDADES PDI 2011-2012 ASSESSORIA DE INFORMÁTICA RELATÓRIO DE ATIVIDADES PDI 2011-2012 A Assessoria de Informática (AI) é responsável pela coordenação executiva de Informática e comunicação de dados da Universidade, em conformidade

Leia mais

Comitê Superior de Tecnologia da Informação

Comitê Superior de Tecnologia da Informação CSTI UNESP Reunião Ordinária Nº 39 Reunião: CSTI Data: 02 de abril de 2013 Local: Reitoria Conselho Universitário Presentes: Prof. Dr. Messias Meneguette Júnior FCT / Presidente Prudente (Presidente do

Leia mais

CSTI - Comitê Superior de Tecnologia da Informação

CSTI - Comitê Superior de Tecnologia da Informação Reunião Ordinária Nº 52 Reunião: CSTI Data: 05 de agosto de 2014 Local: Sala de reunião da CPA - 4º andar - Reitoria Presentes: Prof. Dr. Messias Meneguette Júnior FCT / Presidente Prudente (Presidente

Leia mais

Política de Implementação de Software Livre na Unesp

Política de Implementação de Software Livre na Unesp Política de Implementação de Software Livre na Unesp REITOR Júlio Cezar Durigan VICE-REITORA Marilza Vieira Cunha Rudge COMITÊ SUPERIOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Representantes docentes (titulares)

Leia mais

PLANEJAMENTO DO PROJETO

PLANEJAMENTO DO PROJETO PLANEJAMENTO DO PROJETO 1 APRESENTAÇÃO DO PROJETO O presente projeto foi aberto para realizar a gestão de todos os processos de prestação de serviços de informática, fornecimento de licença de uso perpétua,

Leia mais

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e

PDTI - Definição. Instrumento de diagnóstico, planejamento e PDTI - Definição Instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos de Tecnologia da Informação que visa atender às necessidades tecnológicas e de informação de um órgão ou entidade

Leia mais

ASSESSORIA DE INFORMÁTICA RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE 2013

ASSESSORIA DE INFORMÁTICA RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE 2013 ASSESSORIA E INFORMÁTICA RELATÓRIO E ATIVIAES E 2013 A Assessoria de Informática (AI) é responsável pela coordenação executiva das atividades de Tecnologia da Informação e Comunicação da Universidade e

Leia mais

Estabelecer os procedimentos para o gerenciamento dos sistemas e demais aplicações informatizadas do TJAC.

Estabelecer os procedimentos para o gerenciamento dos sistemas e demais aplicações informatizadas do TJAC. Código: MAP-DITEC-001 Versão: 00 Data de Emissão: 01/01/2013 Elaborado por: Gerência de Sistemas Aprovado por: Diretoria de Tecnologia da Informação 1 OBJETIVO Estabelecer os procedimentos para o gerenciamento

Leia mais

Planejamento 2011 Diretoria de TI

Planejamento 2011 Diretoria de TI Planejamento 2011 Diretoria de TI ITIL / COBIT / Definição de Processos Inicio: 01/2011 Prioridade: Alta Repositório Institucional Inicio: 07/2010 UPGRADE Prioridade: Média Política de Utilização de Recursos

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO FÓRUM TÉCNICO CONSULTIVO TELEFONIA IP Carlos José Rosa Coletti AI Reitoria Lazaro Geraldo Calestini Rio Claro Tatiana Pinheiro de Brito IA São Paulo Valmir Dotta FCLAr - CSTI Walter Matheos Junior IFT

Leia mais

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANEXO À RESOLUÇÃO Nº /2010 REGIMENTO DA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Art. 1º - A Diretoria de Tecnologia de Informação e Comunicação DTIC da Universidade FEDERAL DO ESTADO DO RIO

Leia mais

Gestão de Parceria Centro Paula Souza/Microsoft (SAEP - 7.1.02)

Gestão de Parceria Centro Paula Souza/Microsoft (SAEP - 7.1.02) Gestão de Parceria Centro Paula Souza/Microsoft (SAEP - 7.1.02) Projeto institucional: Profª Elenice Belmonte R. de Castro Chefe de Gabinete da Superintendência Destina-se à: Professores Alunos Funcionários

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CONSELHO UNIVERSITÁRIO. ANEXO III DA RESOLUÇÃO Nº 26/2011-CUn ANÁLISE DOS PROJETOS DO PDTIC 2006-2011

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CONSELHO UNIVERSITÁRIO. ANEXO III DA RESOLUÇÃO Nº 26/2011-CUn ANÁLISE DOS PROJETOS DO PDTIC 2006-2011 ANEXO III DA RESOLUÇÃO Nº 26/2011-CUn ANÁLISE DOS PROJETOS DO PDTIC 2006-2011 I) Arquitetura e segurança de rede 1. Ampliar a Rede UFES a. Elaboração de projeto de ampliação da Rede UFES com vistas à disponibilização

Leia mais

Aprovar Regulamento de Gestão de Utilização de Recursos de TI junto ao COUNI Março 2012

Aprovar Regulamento de Gestão de Utilização de Recursos de TI junto ao COUNI Março 2012 Planejamento 2012 Diretoria de TI DIMENSÃO 01: GESTÃO UNIVERSITÁRIA Objetivo Estratégico 1.3: Aprimorar os mecanismos de gestão da tecnologia de informação Aprovar o Regimento do Comitê Gestor de TI Março

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS PR/OI/1-HNJXVY/2014 CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS Pregão Presencial N.º 001/2014 LOTE Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à internet. Abertura:

Leia mais

Grupo de Redes: Atribuições e Projetos. Infounesp::Workshop de Admins de Rede

Grupo de Redes: Atribuições e Projetos. Infounesp::Workshop de Admins de Rede Grupo de Redes: Atribuições e Projetos Carlos Coletti carlos@unesp.br Coordenador do Grupo de Redes Unesp - Reitoria Grupo de Redes: atribuições e projetos Agenda Atribuições e Projetos do GRC Perfil do

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 016/2015 DE 05 DE MARÇO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 016/2015 DE 05 DE MARÇO DE 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 016/2015 DE 05

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 080/2014, DE 25 DE JUNHO DE 2014 CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG

RESOLUÇÃO Nº 080/2014, DE 25 DE JUNHO DE 2014 CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG RESOLUÇÃO Nº 080/2014, DE 25 DE JUNHO DE 2014 CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG O Conselho Universitário da UNIFAL-MG, no uso de suas atribuições regimentais e estatutárias,

Leia mais

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Reitoria. Regimento da

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Reitoria. Regimento da Regimento da Comissão de Segurança da Informação e Comunicações do IFRS - CSIC/IFRS - Aprovado pela Resolução do Consup nº 114, de 18/12/2012 Reitora Cláudia Schiedeck Soares de Souza Pró-Reitor de Administração

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DO PARÁ MPCM CONCURSO PÚBLICO N.º 01/2015

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DO PARÁ MPCM CONCURSO PÚBLICO N.º 01/2015 DO MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO 1 / 5 ANEXO 03 INFORMAÇÕES DOS CARGOS 1. CARGOS DE NÍVEL MÉDIO Cargo 01 Técnico em Administração Realizar atividades que envolvam a aplicação das

Leia mais

NORMA CONTROLE DO PARQUE DE INFORMÁTICA

NORMA CONTROLE DO PARQUE DE INFORMÁTICA CONTROLE DO PARQUE DE INFORMÁTICA Data: 17 de dezembro de 2009 Pág. 1 de 13 SUMÁRIO SUMÁRIO 2 1. INTRODUÇÃO 3 2. FINALIDADE 3 3. ÂMBITO DE APLICAÇÃO 3 4. PADRONIZAÇÃO DOS RECURSOS DE T.I. 4 5. AQUISIÇÃO

Leia mais

DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CAPÍTULO I DA DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E SEUS FINS

DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CAPÍTULO I DA DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E SEUS FINS DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CAPÍTULO I DA DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E SEUS FINS Art. 1º A Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação da Universidade Federal

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS PR/OI/1-HNJXVY/2014 CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS Pregão Presencial N.º 001/2014 LOTE Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à internet. Abertura:

Leia mais

Contingenciamento da Rede Corporativa PLANO DO PROJETO

Contingenciamento da Rede Corporativa PLANO DO PROJETO 1. Escopo ou finalidade do projeto O contingenciamento da Rede Corporativa, objetiva melhoria da comunicação de dados do TJERJ em todo o Estado do Rio de janeiro, assegurando o trafego ininterrupto de

Leia mais

Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre

Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre FÓRUM DE SOFTWARE LIVRE - 2010 Valdir Barbosa Agenda Plano estratégico 2011 para uso de Software Livre Diretrizes Objetivos e indicadores

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INFORMÁTICA

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INFORMÁTICA REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INFORMÁTICA Aprovado pela Resolução CONSUNI nº 31/13, de 21/08/13. CAPÍTULO I DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Este regulamento dispõe especificamente do Núcleo de Informática

Leia mais

Não há documentação de referência para o processo.

Não há documentação de referência para o processo. Código: MAN-SADM-004 Versão: 00 Data de Aprovação: 24/05/2010 Elaborado por: Coordenadoria de Serviços Gerais Aprovado por: Secretaria Administrativa 1 Objetivo Estabelecer os critérios e os procedimentos

Leia mais

Ministério da Educação - MEC

Ministério da Educação - MEC Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação - SETEC Instituto Federal de Educação, Ciência de Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais. Diretoria

Leia mais

PRODAM - Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Mun. SP DIT- Diretoria de Infraestrutura e Tecnologia CPI - Comissão de Planejamento e

PRODAM - Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Mun. SP DIT- Diretoria de Infraestrutura e Tecnologia CPI - Comissão de Planejamento e PRODAM - Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Mun. SP DIT- Diretoria de Infraestrutura e Tecnologia CPI - Comissão de Planejamento e Implantação 1. Objetivo Esta cartilha tem o objetivo

Leia mais

Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC

Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC O CTIC/UFPA Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação da Universidade Federal do Pará define neste documento sua Política Organizacional

Leia mais

RELATÓRIO. Raimundo Gadelha Fontes Filho (Assessor de Suporte e Informática) Josinécia de Cássia Oliveira (Informática Web designer)

RELATÓRIO. Raimundo Gadelha Fontes Filho (Assessor de Suporte e Informática) Josinécia de Cássia Oliveira (Informática Web designer) RELATÓRIO Relatório das atividades realizadas período 2014 do Setor de Suporte e Informática. Equipe de Edição: Raimundo Gadelha Fontes Filho (Assessor de Suporte e Informática) Josinécia de Cássia Oliveira

Leia mais

Serviço HP IMC EAD Implementation

Serviço HP IMC EAD Implementation Serviço HP IMC EAD Implementation Dados técnicos O serviço HP IMC EAD Implementation tem o objetivo de fornecer a personalização do módulo Endpoint Admission Defense de acordo com as necessidades do Cliente

Leia mais

I Simpósio de Ciência e Tecnologia COMCIT. Rede GigaNatal: uma Rede Metropolitana de Alta Velocidade. Sergio Vianna Fialho, D.Sc.

I Simpósio de Ciência e Tecnologia COMCIT. Rede GigaNatal: uma Rede Metropolitana de Alta Velocidade. Sergio Vianna Fialho, D.Sc. I Simpósio de Ciência e Tecnologia COMCIT : uma Rede Metropolitana de Alta Velocidade Sergio Vianna Fialho, D.Sc. CG- RN / PoP- RN Agosto de 2008 Agenda A RNP e as iniciativas do Governo federal Rede Ipê

Leia mais

RELATÓRIO. Raimundo Gadelha Fontes Filho (Assessor de Suporte e Informática) Josinécia de Cássia Oliveira (Informática Web designer)

RELATÓRIO. Raimundo Gadelha Fontes Filho (Assessor de Suporte e Informática) Josinécia de Cássia Oliveira (Informática Web designer) RELATÓRIO Relatório das atividades realizadas período 2014 do Setor de Suporte e Informática. Equipe de Edição: Raimundo Gadelha Fontes Filho (Assessor de Suporte e Informática) Josinécia de Cássia Oliveira

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO. Assunto Ação Responsável Prazo

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO. Assunto Ação Responsável Prazo MISSÃO: Implementar um novo modelo de gestão do Estado de Mato Grosso, comprometido com a inclusão social, o desenvolvimento econômico sustentável e a superação das desigualdades sociais e regionais. GOVERNO

Leia mais

Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília

Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília MGS Plano de execução de serviço Projeto de transformação de Processos Estrutura do Documento 1. Introdução

Leia mais

A EMPRESA. A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia.

A EMPRESA. A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia. A EMPRESA A Future Technology é uma divisão da Do Carmo voltada para o mercado de soluções em tecnologia. A experiência da Future Technology nas diversas áreas de TI disponibiliza aos mercados público

Leia mais

Fundo Setorial de Petróleo e Gás Natural Comitê Gestor REGIMENTO INTERNO

Fundo Setorial de Petróleo e Gás Natural Comitê Gestor REGIMENTO INTERNO MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO Fundo Setorial de Petróleo e Gás Natural Comitê Gestor REGIMENTO INTERNO (aprovado na 49ª Reunião do Comitê realizada em 11 de abril de 2013) CAPÍTULO I Do

Leia mais

COMO INICIAR UM OS FLUXO PARA A IMPLANTAÇÃO DE UM OBSERVATÓRIO SOCIAL (OS)

COMO INICIAR UM OS FLUXO PARA A IMPLANTAÇÃO DE UM OBSERVATÓRIO SOCIAL (OS) COMO INICIAR UM OS FLUXO PARA A IMPLANTAÇÃO DE UM OBSERVATÓRIO SOCIAL (OS) 1 A seguir apresentamos o fluxo para a Implantação de um Observatório Social(OS), dentro do Sistema de Franquia Social da Rede

Leia mais

EXPRESSO LIVRE 11º Encontro Técnico e Comitê Gestor

EXPRESSO LIVRE 11º Encontro Técnico e Comitê Gestor EXPRESSO LIVRE 11º Encontro Técnico e Comitê Gestor Outubro 2012 Sumário de Informações do Documento Tipo do Documento: Ata Título do Documento: Expresso Livre 11º Encontro Técnico e Comitê Gestor Estado

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Redes de Computadores 2011-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Redes de Computadores 2011-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Redes de Computadores 2011-2 EXPANSÃO E MELHORIA NA REDE DE COMPUTADORES DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

1. COMPETÊNCIAS DAS DIRETORIAS

1. COMPETÊNCIAS DAS DIRETORIAS 1. COMPETÊNCIAS DAS DIRETORIAS 1.1. Diretoria Executiva (DEX) À Diretora Executiva, além de planejar, organizar, coordenar, dirigir e controlar as atividades da Fundação, bem como cumprir e fazer cumprir

Leia mais

153 a SESSÃO DO COMITÊ EXECUTIVO

153 a SESSÃO DO COMITÊ EXECUTIVO ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DA SAÚDE ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE 153 a SESSÃO DO COMITÊ EXECUTIVO Washington, D.C., EUA, 4 de outubro de 2013 Tema 5.2 da Agenda Provisória CE153/5 (Port.) 30 de setembro

Leia mais

Avaliação dos Resultados do Planejamento de TI anterior

Avaliação dos Resultados do Planejamento de TI anterior Avaliação dos Resultados do Planejamento de TI anterior O PDTI 2014 / 2015 contém um conjunto de necessidades, que se desdobram em metas e ações. As necessidades elencadas naquele documento foram agrupadas

Leia mais

Sistema de Automação Comercial de Pedidos- Versão 1.1

Sistema de Automação Comercial de Pedidos- Versão 1.1 Termo de Abertura Sistema de Automação Comercial de Pedidos- Versão 1.1 Iteração 1.0- Release 1.0 Versão do Documento: 1.1 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011 1.0 Versão

Leia mais

COTAÇÃO DE PREÇOS Termo de Referência nº01/2013/ahjpe

COTAÇÃO DE PREÇOS Termo de Referência nº01/2013/ahjpe COTAÇÃO DE PREÇOS Termo de Referência nº01/2013/ahjpe Seleção de Empresas para prestação de serviços /fornecimento de produtos relacionados às atividades específicas do plano de trabalho para Convênio

Leia mais

Associação Alphaville Residencial 11

Associação Alphaville Residencial 11 ESCOPO Adequação tecnológica da área de segurança Objetivo:Modernização da área de segurança do SAR11 dentro da melhor tecnologia disponível no mercado para melhoria dos serviços prestados na área de segurança,

Leia mais

SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS. RH Online

SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS. RH Online Campus de Botucatu Sistema de Recursos Humanos SISTEMA DE RECURSOS HUMANOS RH Online Mônica Cristina Fumis do Carmo Faculdade de Medicina de Botucatu Seção Técnica de Desenv. Adm de RH / Serviço Técnico

Leia mais

Universidade Federal de Pernambuco Núcleo de Tecnologia da Informação Av. dos Reitores s/n - Cidade Universitária - Recife PE CEP 50.670.

Universidade Federal de Pernambuco Núcleo de Tecnologia da Informação Av. dos Reitores s/n - Cidade Universitária - Recife PE CEP 50.670. Av. dos Reitores s/n - Cidade Universitária - Recife PE CEP 50.670.901 RELATÓRIO GERENCIAL Setor: Mês: Agosto/2014 Responsáveis: - Kelvin Lopes Dias - Edivaldo Cavalcante de Albuquerque Junior SUMÁRIO

Leia mais

AVALIAÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA DO QUADRO DE SERVIDORES DA COTEC

AVALIAÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA DO QUADRO DE SERVIDORES DA COTEC MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE DIRETORIA DE PLANEJAMENTO, ADMINISTRAÇÃO E LOGÍSTICA Coordenação-Geral de Administração e Tecnologia da Informação Coordenação

Leia mais

CONCEPCIONISTAS MISSIONÁRIAS DO ENSINO SETOR: TECNOLOGIA MANUAL DE PROCESSOS

CONCEPCIONISTAS MISSIONÁRIAS DO ENSINO SETOR: TECNOLOGIA MANUAL DE PROCESSOS CONCEPCIONISTAS MISSIONÁRIAS DO ENSINO SETOR: TECNOLOGIA MANUAL DE PROCESSOS 110 SETOR: TECNOLOGIA Nº DOC.: FOLHA:02/16 MATRIZ DE PROCESSOS E ATIVIDADES APROVADO POR: Ir. 25/03/2010 REVISÃO: 13/09/2013

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Redes de Computadores 2011-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Redes de Computadores 2011-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Redes de Computadores 2011-1 RESTRUTURAÇÃO DE REDE DE UMA USINA ELEVATÓRIA DE ENERGIA ELÉTRICA

Leia mais

Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Planejamento Unidade de Apoio a Projetos Especiais. durante o Estágio Probatório.

Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Planejamento Unidade de Apoio a Projetos Especiais. durante o Estágio Probatório. Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Planejamento Unidade de Apoio a Projetos Especiais REGULAMENTO 001, DE 10 DE OUTUBRO DE 2013. Regula o Monitoramento da Inserção e das Atividades

Leia mais

Quarta-feira, 09 de janeiro de 2008

Quarta-feira, 09 de janeiro de 2008 Quarta-feira, 09 de janeiro de 2008 ÍNDICE 3 4 RECOMENDAÇÕES DE HARDWARE PARA O TRACEGP TRACEMONITOR - ATUALIZAÇÃO E VALIDAÇÃO DE LICENÇAS 2 1. Recomendações de Hardware para Instalação do TraceGP Este

Leia mais

AdminIP. Manual do Usuário Módulo Administrador IES

AdminIP. Manual do Usuário Módulo Administrador IES 2 AdminIP Manual do Usuário Módulo Administrador IES Brasília 2012 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 4 1 SISTEMA ADMINIP... 4 1.1 O que é o AdminIP?... 4 1.2 Quem opera?... 4 1.3 Onde acessar?... 5 1.4 Como acessar?...

Leia mais

Diretoria de Informática

Diretoria de Informática Diretoria de Informática Estratégia Geral de Tecnologias de Informação para 2013-2015 EGTI 2013-2015 Introdução: Este documento indica quais são os objetivos estratégicos da área de TI do IBGE que subsidiam

Leia mais

Edital 1/2014. Chamada contínua para incubação de empresas e projetos de base tecnológica

Edital 1/2014. Chamada contínua para incubação de empresas e projetos de base tecnológica Edital 1/2014 Chamada contínua para incubação de empresas e projetos de base tecnológica A (PoloSul.org) torna pública a presente chamada e convida os interessados para apresentar propostas de incubação

Leia mais

Regimento do Comitê de Tecnologia da Informação

Regimento do Comitê de Tecnologia da Informação Regimento do Comitê de Tecnologia da Informação Capítulo 1 Da Natureza e das Competências Art. 1º - O Comitê de Tecnologia da Informação (CTI) instituído pela portaria Nº 1319/GR, de 15 de Setembro de

Leia mais

CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES

CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO (TCC) CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES Art. 1º O Trabalho de Conclusão de Curso - TCC é um componente obrigatório dos cursos de Graduação

Leia mais

Portfolio de Produtos

Portfolio de Produtos Introdução O Guia de Produtos e Serviços da Assessoria de Comunicação (ASCOM) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) foi elaborado com o objetivo de apresentar os produtos e serviços prestados

Leia mais

A EXPERIÊNCIA DO GSI/PR NA

A EXPERIÊNCIA DO GSI/PR NA A EXPERIÊNCIA DO GSI/PR NA IMPLANTAÇÃO DO SEI 29 JUN 2015 Agenda O GSI/PR Cronogramas de implantação do SEI Normativos criados Estratégias de implantação Desafios e dificuldades Contribuições do GSI/PR

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Competências Analista 1. Administração de recursos de infra-estrutura de tecnologia da informação 2.

Leia mais

CAPÍTULO I: DA NATUREZA E FINALIDADE

CAPÍTULO I: DA NATUREZA E FINALIDADE REGULAMENTO DOS NÚLCLEOS DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS (NEABIs) DO IFRS Aprovado pelo Conselho Superior do IFRS, conforme Resolução nº 021, de 25 de fevereiro de 2014. CAPÍTULO I: DA NATUREZA

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SÃO JOÃO DE MERITI

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SÃO JOÃO DE MERITI PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SÃO JOÃO DE MERITI PROCESSO: 0007733-93.2015.4.02.5110 (2015.51.10.007733-0) AUTOR: MINISTERIO PUBLICO FEDERAL REU: MUNICIPIO DE BELFORD ROXO Fls

Leia mais

COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) ABRIL/2011

COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) ABRIL/2011 SERVIÇOS ESPECIALIZADOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) ABRIL/2011 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email: cotec@ifbaiano.edu.br

Leia mais

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA GERENCIAMENTO DE PROJETOS PRONIM, IMPLANTAÇÃO SQL SERVER GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA Cliente GOVBR, UEM-MARINGA / Prefeitura Municipal de PEROLA Data 10/09/2015 Versão 1.0 Objeto:

Leia mais

O reitor da Universidade do Oeste de Santa Catarina Unoesc, professor Aristides Cimadon, no uso de suas atribuições,

O reitor da Universidade do Oeste de Santa Catarina Unoesc, professor Aristides Cimadon, no uso de suas atribuições, PORTARIA Nº101/UNOESC-R/2014. Disciplina e organiza as ações do Marketing Institucional da Unoesc. O reitor da Universidade do Oeste de Santa Catarina Unoesc, professor Aristides Cimadon, no uso de suas

Leia mais

HP Router Advanced Implementation

HP Router Advanced Implementation HP Router Advanced Implementation Dados técnicos O HP Router Advanced Implementation tem como objetivo, baseado na entrevista para coleta de informações junto ao Cliente e na análise dos equipamentos existente,

Leia mais

NORMA DE AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO FUNCIONAL - NOR 312

NORMA DE AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO FUNCIONAL - NOR 312 MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS COD. 300 ASSUNTO: AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO FUNCIONAL COD: NOR 312 APROVAÇÃO: Resolução DIREX Nº 009/2012 de 30/01/2012 NORMA DE AVALIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO 1/17 ÍNDICE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO ATA RESUMO DA 4ª REUNIÃO DE FECHAMENTO REALIZADA EM 20 DE SETEMBRO DE 2012 REFERENTE AO PDI 2012-2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO ATA RESUMO DA 4ª REUNIÃO DE FECHAMENTO REALIZADA EM 20 DE SETEMBRO DE 2012 REFERENTE AO PDI 2012-2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO ATA RESUMO DA 4ª REUNIÃO DE FECHAMENTO REALIZADA EM 20 DE SETEMBRO DE 2012 REFERENTE AO PDI 2012-2016 Dando continuidade aos trabalhos de fechamento do PDI 2012-2016,

Leia mais

PLANO DE AÇÃO 2013 Procuradoria Regional da República da 1 Região Painel de Contribuição. ATIVIDADES (como fazer?)

PLANO DE AÇÃO 2013 Procuradoria Regional da República da 1 Região Painel de Contribuição. ATIVIDADES (como fazer?) Reunir com o Gabinete do Procurador-Chefe, para apresentação da metodologia de trabalho março, Anna e Vânia Castro Consolidar a lista de procedimentos e rotinas que serão mapeadas em toda a PRR1 1 "Mapear

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI (2013-2015) - UFPel

Planejamento Estratégico de TI (2013-2015) - UFPel Planejamento Estratégico de TI (2013-2015) - UFPel 1 Missão Prover soluções de TI, com qualidade, à comunidade da UFPel. 2 Visão Ser referência em governança de TI para a comunidade da UFPel até 2015.

Leia mais

Reitor Prof. Dr. Reinaldo Centoducatte. Vice-Reitora Profª. Drª. Ethel Leonor Noia Maciel

Reitor Prof. Dr. Reinaldo Centoducatte. Vice-Reitora Profª. Drª. Ethel Leonor Noia Maciel Reitor Prof. Dr. Reinaldo Centoducatte Vice-Reitora Profª. Drª. Ethel Leonor Noia Maciel PROGRAMA DE AUTOAVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Pró-Reitoria de Graduação

Leia mais

De 16/03 a 24/04 Mais de 50 reuniões Mais de 100 horas de diálogo Duas viagens à Macapá Leitura de 22 relatórios Acompanhamento de processos,

De 16/03 a 24/04 Mais de 50 reuniões Mais de 100 horas de diálogo Duas viagens à Macapá Leitura de 22 relatórios Acompanhamento de processos, EDUARDO MARGARIT De 16/03 a 24/04 Mais de 50 reuniões Mais de 100 horas de diálogo Duas viagens à Macapá Leitura de 22 relatórios Acompanhamento de processos, licitações e obras Mais de 800 alunos Mais

Leia mais

EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM CRIAÇÃO DE PORTAL WEB, PARA O DESENVOLVIMENTO DO PROJETO PORTAL DA SOCIEDADE SOFTEX

EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM CRIAÇÃO DE PORTAL WEB, PARA O DESENVOLVIMENTO DO PROJETO PORTAL DA SOCIEDADE SOFTEX Campinas 16 de abril de 2009. EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM CRIAÇÃO DE PORTAL WEB, PARA O DESENVOLVIMENTO DO PROJETO PORTAL DA SOCIEDADE SOFTEX A convida empresas especializadas em

Leia mais

Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação

Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA Regimento da Superintendência de Tecnologia da Informação DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DA SUPERINTENDÊNCIA Capítulo I - DA

Leia mais

Implantação do novo datacenter. Superintendente de Informática. Observação: Os títulos que estiverem em vermelho são de preenchimento obrigatório.

Implantação do novo datacenter. Superintendente de Informática. Observação: Os títulos que estiverem em vermelho são de preenchimento obrigatório. DATACENTER Nome do Projeto: Área Responsável: Implantação do novo datacenter. Superintendência de Informática Idealizadores/Responsáveis do Projeto: Nome Luiz Mauro de Pádua Silveira Cargo Superintendente

Leia mais

Conselho Gestor de Tecnologia da Informação e Comunicação Ata Nº 18, de 8 de outubro de 2014 (Sessão Extraordinária do Conselho Gestor de TIC)

Conselho Gestor de Tecnologia da Informação e Comunicação Ata Nº 18, de 8 de outubro de 2014 (Sessão Extraordinária do Conselho Gestor de TIC) Conselho Gestor de Tecnologia da Informação e Comunicação Ata Nº 18, de 8 de outubro de 2014 (Sessão Extraordinária do Conselho Gestor de TIC) Presidente: Leonardo Bidese de Pinho Aos oito dias de outubro

Leia mais

01.02.04 Recrutamento Interno

01.02.04 Recrutamento Interno Manual de Normas e Procedimentos Anexo da Instrução Normativa SG/MPF nº 05/2014 Gestão de Pessoas Manual de Normas e Procedimentos Versão 1.0 Agosto de 2013 Esta edição do Manual foi atualizada até 26/08/2013.

Leia mais

2014 MANUAL DE COMPRAS CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ PÁG. 1

2014 MANUAL DE COMPRAS CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ PÁG. 1 2014 MANUAL DE COMPRAS CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ PÁG. 1 2014 MANUAL DE COMPRAS CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ PÁG. 2 COLABORADORES: Profa. Dra. Katia Cruzes Jorge Luiz Camaforto

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA COMISSÃO DE ELABORAÇÃO DO PLANO DIRETOR DE TI

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA COMISSÃO DE ELABORAÇÃO DO PLANO DIRETOR DE TI MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA COMISSÃO DE ELABORAÇÃO DO PLANO DIRETOR DE TI Plano de Trabalho Elaboração do Plano Diretor de Tecnologia da Informação

Leia mais

RELATÓRIO EXECUTIVO N 019/13 26ª REUNIÃO DE DIRETORIA GERIR/HUGO CONSELHO GESTOR

RELATÓRIO EXECUTIVO N 019/13 26ª REUNIÃO DE DIRETORIA GERIR/HUGO CONSELHO GESTOR RELATÓRIO EXECUTIVO N 019/13 26ª REUNIÃO DE DIRETORIA GERIR/HUGO CONSELHO GESTOR Data: 26/11/2013 Horário: 10h Presentes: Dr. Ciro Ricardo (Diretor Geral HUGO), Dr. Nasser Tannus (Diretor Técnico HUGO),

Leia mais

1. Documento: 23330-2015-2

1. Documento: 23330-2015-2 1. Documento: 23330-2015-2 1.1. Dados do Protocolo Número: 23330/2015 Situação: Ativo Tipo Documento: Termo de Abertura do Projeto Assunto: Planejamento estratégico - Metas Unidade Protocoladora: DADM

Leia mais

Implementações Tecnológicas 2014/2015

Implementações Tecnológicas 2014/2015 Implementações Tecnológicas 2014/2015 1. Conexão direta entre as Unidades - Contrato anexo 8790 A Escola do Futuro e Provedor Americanet implementou um link ponto a ponto de 5Mb com fibra ótica interligando

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Serviços de informática. Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS

TERMO DE REFERÊNCIA. Serviços de informática. Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS TERMO DE REFERÊNCIA Serviços de informática Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS 1 I VISITA IN LOCO No dia 24 de junho de 2014 na sede da Prefeitura Municipal de Vitória das Missões-RS realizamos

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DA PARAÍBA PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA COMISSÃO INSTITUCIONAL DE GESTÃO AMBIENTAL

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DA PARAÍBA PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA COMISSÃO INSTITUCIONAL DE GESTÃO AMBIENTAL MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DA PARAÍBA PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA COMISSÃO INSTITUCIONAL DE GESTÃO AMBIENTAL REGIMENTO INTERNO A Comissão Institucional de Gestão Ambiental CIGA, do Ministério Público

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO. Assunto Ação Responsável Prazo

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO. Assunto Ação Responsável Prazo MISSÃO: Implementar um novo modelo de gestão do Estado de Mato Grosso, comprometido com a inclusão social, o desenvolvimento econômico sustentável e a superação das desigualdades sociais e regionais. GOVERNO

Leia mais

SETE BRASIL PARTICIPAÇÕES S.A.

SETE BRASIL PARTICIPAÇÕES S.A. SETE BRASIL PARTICIPAÇÕES S.A. CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REGIMENTO INTERNO DOS COMITÊS COMITÊ DE FINANÇAS E ORÇAMENTO APROVADO PELO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO EM 24 DE SETEMBRO DE 2014 SUMÁRIO I INTRODUÇÃO

Leia mais

Laboratórios de Informática Regulamento

Laboratórios de Informática Regulamento 1 Laboratórios de Informática Regulamento Pagina 1/10 Sumário DA CONSTITUIÇÃO...3 DA ADMINISTRAÇÃO...4 DA UTILIZAÇÃO...5 DISPOSIÇÕES GERAIS...10 Pagina 2/10 REGULAMENTO INTERNO DA CONTISTUIÇÃO Art. 1 -

Leia mais

MANUAL DE ATRIBUIÇÕES E RESPONSABILIDADES

MANUAL DE ATRIBUIÇÕES E RESPONSABILIDADES SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS DO ESPÍRITO SANTO ATRIBUIÇÕES E RESPONSABILIDADES DAS UNIDADES GESTORAS E OPERACIONAIS GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO MANUAL DE ATRIBUIÇÕES E

Leia mais

Procedimento Institucional Gestão de EPI

Procedimento Institucional Gestão de EPI Tipo de Documento Procedimento Institucional Título do Documento Equipamento de Proteção Individual Elaborado por Paulo Sérgio Bigoni Área Relacionada Saúde e Segurança do Trabalhador Processo ESTRUTURAÇÃO

Leia mais

Soluções em Segurança

Soluções em Segurança Desafios das empresas no que se refere a segurança da infraestrutura de TI Dificuldade de entender os riscos aos quais a empresa está exposta na internet Risco de problemas gerados por ameaças externas

Leia mais

Resultados Alcançados

Resultados Alcançados Resultados Alcançados Planejamento de TI 2008 Acompanhamento da DIRTI Janeiro 28/Jan Realizar o Planejamento da 1ª Projeto Básico DIRTI 2008-2010 DIR_P040 Acompanhamento da DIRTI Fevereiro 13/Fev Adoção

Leia mais