CATÁLOGO DE PRODUTOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CATÁLOGO DE PRODUTOS"

Transcrição

1 Soluções em fibra óptica CATÁLOGO DE PRODUTOS Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

2 Sumário Introdução... 3 Linha para transmissão de em 8-bits - Padrão básico... 4 Linha para transmissão de e Dados em 8-bits - Padrão básico... 6 Linha para transmissão de e Áudio em 8-bits - Padrão básico... 8 Linha para transmissão de, Dados e Ethernet em 8-bits - Padrão básico Linha para transmissão de em 10-bits - Padrões CE & FCC Linha para transmissão de e Dados em 10-bits - Padrões CE & FCC Linha de Conversores de Mídia Linha para transmissão Duplex de Dados - Padrão básico Linha para transmissão de Contato Seco - Padrão básico Linha para transmissão de Telefone - Padrão básico Linha para transmissão VGA em fibra óptica (Linha LVO) - Padrão básico Linha para transmissão DVI/HDMI em fibra óptica (Linha VHD) Medidor de Potência Óptica Kit de Ferramentas FIC Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

3 Introdução As soluções em fibra óptica O-Tech vieram para revolucionar o mercado de CFTV. Com sua maior confiabilidade (imune a interferências eletromagnéticas e de rádio-frequência), melhor desempenho (suporta transmissão monomodo para distâncias até 20km), maior simplicidade (totalmente plug & play) e maior economia (até 32 canais de vídeo em uma única fibra óptica), as soluções em fibra óptica O-Tech vieram para desmitificar a maneira de como os circuitos com fibra óptica são encarados. Com soluções simples desde a montagem dos conectores até a configuração dos equipamentos, essa nova tecnologia veio para dominar o mercado de CFTV! Confira o exemplo de um circuito utilizando fibra óptica: As soluções O-Tech possuem várias linhas de conversores para fibra óptica, sendo que uma delas se encaixa perfeitamente em seu projeto, sendo elas: linha para transmissão de (para câmeras analógicas) linha para transmissão de e Dados (para câmeras analógicas, PTZ e Speed-dome) linha para transmissão de e Áudio (para câmeras analógicas e microfone ambiente) linha para transmissão de, Dados e Ethernet (para câmeras analógicas e IP, PTZ e Speed-dome) linha para transmissão de Contato-seco (para sistemas contra incêndio e de alarme) linha para transmissão de Dados (para dados seriais multi-protocolos) linha para transmissão de Telefone (para linhas telefônicas) linha de Conversores de Mídia (para câmeras IP e pontos de rede de computadores) Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

4 Linha para transmissão de em 8-bits - Padrão básico A linha de transceptores para transmissão de vídeo em 8-bits suporta a transmissão de sinais de 1-32 canais de vídeo em um cabo de fibra óptica Monomodo. O equipamento é compatível com a maioria dos padrões de sinal de vídeo. Alimentação, tráfego óptico e de vídeo são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Lista de Modelos: Código Tipo da fibra Distância de transmissão Canais de Dados HOE5511 (Mini) Monomodo 20km Áudio HOE8511 Monomodo 20km HOE8521 Monomodo 20km HOE8541 Monomodo 20km HOE8581 Monomodo 20km HOE8615 Monomodo 20km HOE8321 Monomodo 20km Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

5 Soluções em fibra óptica Características: Composto Digital Não-Comprimido através de uma fibra Compatível com todos sistemas de vídeo PAL, NTSC, SECAM Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletro-magnética, de rádio-frequência e curto-circuito Especificações: Gerais Alimentação 5VDC Consumo <5W Temperatura de Operação -40 o C ~ +50 o C Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas Ópticas Comprimento de Onda Óptica Tipo de Fibra Distância da conexão Conector -40 o C ~ +70 o C 0-95% (não-condensado) > horas 1310nm Fibra Monomodo <20km FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 18dB Número de Canais Conector de Impedância Entrada / Saída Nível da Entrada de Largura da Banda de por Canal Relação Sinal / Ruído de 1-32 canais de vídeo BNC fêmea 75 Ω (desbalanceado) 1.0 Vpp 50Hz~6.5 MHz >60dB Ganho Diferencial <3% Defasagem <1.2 o Tilt <1.8% Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

6 Linha para transmissão de e Dados em 8-bits - Padrão básico A linha de transceptores para transmissão de vídeo e dados em 8-bits suporta a transmissão de sinais de 1-16 canais de vídeo + 1 canal de dados em um cabo de fibra óptica Monomodo. O equipamento é compatível com a maioria dos padrões de sinal de vídeo. Alimentação, tráfego óptico, de vídeo e de dados são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Esta linha é um sistema de transmissão confiável com alta performance de vídeo e dados para longas distâncias. Lista de Modelos: Código Tipo da fibra Distância de transmissão Canais de Dados HOE5516 (Mini) Monomodo 20km 1 1, simplex -- Áudio HOE8523 Monomodo 20km 2 1, simplex -- HOE8543 Monomodo 20km 4 1, simplex -- HOE8583 Monomodo 20km 8 1, simplex -- HOE8616 Monomodo 20km 16 1, simplex -- Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

7 Características: Composto Digital Não-Comprimido através de uma fibra Compatível com todos sistemas de vídeo PAL, NTSC, SECAM Suporta dados RS485, RS232, RS422 Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletromagnética, de rádio-frequência e curto-circuito Especificações: Gerais Alimentação 5VDC Consumo <5W Temperatura de Operação -40 o C ~ +50 o C Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas Ópticas Comprimento de Onda Óptica Tipo de Fibra Distância da conexão Conector -40 o C ~ +70 o C 0-95% (não-condensado) > horas 1310nm Fibra Monomodo <20km FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 18dB Número de Canais Conector de Impedância Entrada / Saída Nível da Entrada de Largura da Banda de por Canal Relação Sinal / Ruído de 1-16 canais de vídeo BNC fêmea 75 Ω (desbalanceado) 1.0 Vpp 50Hz~6.5 MHz >60dB Ganho Diferencial <3% Defasagem <1.2 o Tilt <1.8% Dados Taxa de Dados Conector Interface de Dados Taxa de transmissão por Canal 0~115Kbps Bloco Terminal RS485 ou RS422 ou RS232 0~100Kbps Taxa de erros de bits < 10-9 Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

8 Linha para transmissão de e Áudio em 8-bits - Padrão básico A linha de transceptores para transmissão de vídeo e áudio em 8-bits suporta a transmissão de sinais de 1-16 canais de vídeo canais de áudio em um cabo de fibra óptica Monomodo. O equipamento é compatível com a maioria dos padrões de sinal de vídeo. Alimentação, tráfego óptico, de vídeo e de áudio são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Esta linha é um sistema de transmissão confiável com alta performance de vídeo e áudio para longas distâncias. Lista de Modelos: Código Tipo da fibra Distância de transmissão Canais de Dados Áudio HOE8513 Monomodo 20km , simplex HOE8542 Monomodo 20km , simplex HOE8544 Monomodo 20km , duplex HOE8582 Monomodo 20km , simplex Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

9 Características: Composto Digital Não-Comprimido através de uma fibra Áudio Codificado Digitalmente em 24-bits através de uma fibra Compatível com todos sistemas de vídeo PAL, NTSC, SECAM Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletromagnética, de rádio-frequência e curto-circuito Especificações: Gerais Alimentação 5VDC Consumo <5W Temperatura de Operação -40 o C ~ +50 o C Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas Ópticas Comprimento de Onda Óptica Tipo de Fibra Distância da conexão Conector -40 o C ~ +70 o C 0-95% (não-condensado) > horas 1310nm Fibra Monomodo <20km FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 18dB Número de Canais Conector de Impedância Entrada / Saída Nível da Entrada de Largura da Banda de por Canal Relação Sinal / Ruído de 1-8 canais de vídeo BNC fêmea 75 Ω (desbalanceado) 1.0 Vpp 50Hz~6.5 MHz >60dB Ganho Diferencial <3% Defasagem <1.2 o Tilt <1.8% Áudio Número de Áudios Largura da Banda Taxa de Amostragem de Áudio Relação Sinal/Ruído de Áudio 1 canal 10Hz-32KHz 24bit/44KHz >60dB Impedância Entrada/Saída 600Ω(Different Balance ) Faixa Entrada/Saída -6-0dB Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

10 Soluções em fibra óptica Linha para transmissão de, Dados e Ethernet em 8-bits - Padrão básico A linha de transceptores para transmissão de vídeo, dados e ethernet em 8-bits suporta a transmissão de sinais de 1-8 canais de vídeo + 1 canal de dados + 1 canal Ethernet em um cabo de fibra óptica Monomodo. O equipamento é compatível com a maioria dos padrões de sinal de vídeo. Alimentação, tráfego óptico, de vídeo e de dados são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Esta linha é um sistema de transmissão confiável com alta performance de vídeo, dados e ethernet para longas distâncias. Lista de Modelos: Código Tipo da fibra Distância de transmissão Canais de Dados Ethernet HOE8515 Monomodo 20km 1 1, duplex 1, 10/100M HOE8525 Monomodo 20km 2 1, duplex 1, 10/100M 4V1d1E Monomodo 20km 4 1, simplex 1, 10/100M HOE8585 Monomodo 20km 8 1, duplex 1, 10/100M Características: Composto Digital Não-Comprimido através de uma fibra Compatível com todos sistemas de vídeo PAL, NTSC, SECAM Suporta dados RS485, RS232, RS422 Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletromagnética, de rádio-frequência e curto-circuito Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

11 Especificações: Gerais Alimentação 5VDC Consumo <5W Temperatura de Operação -40 o C ~ +50 o C Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas Ópticas Comprimento de Onda Óptica Tipo de Fibra Distância da conexão Conector -40 o C ~ +70 o C 0-95% (não-condensado) > horas 1310nm / 1550nm Fibra Monomodo <20km FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 18dB Número de Canais Conector de Impedância Entrada / Saída Nível da Entrada de Largura da Banda de por Canal Relação Sinal / Ruído de 1-8 canais de vídeo BNC fêmea 75 Ω (desbalanceado) 1.0 Vpp 50Hz~6.5 MHz >60dB Ganho Diferencial <3% Defasagem <1.2 o Tilt <1.8% Dados Taxa de Dados Conector Interface de Dados Taxa de transmissão por Canal 0~115Kbps Bloco Terminal RS485 ou RS422 ou RS232 0~100Kbps Taxa de erros de bits < 10-9 Ethernet Padrão Taxa de Dados Velocidade da Interface Conector Suporta IEEE.802.3/802.3u, IEEE 802.1Q(VLAN) 100 M 10M/100M auto-ajustável, Duplex/Half duplex RJ45 Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

12 Soluções em fibra óptica Linha para transmissão de em 10-bits - Padrões CE & FCC A linha de transceptores de alta performance para transmissão de vídeo em 10-bits suporta a transmissão de sinais de 1-8 canais de vídeo em um cabo de fibra óptica Monomodo. O equipamento é compatível com a maioria dos padrões de sinal de vídeo. Alimentação, tráfego óptico e de vídeo são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Lista de Modelos: Código Tipo da fibra Distância de transmissão Canais de Dados HOE9511 Monomodo 20km Áudio HOE9521 Monomodo 20km HOE9541 Monomodo 20km HOE9581 Monomodo 20km Características: Amostragem digital de sinal de vídeo de 10-bits Composto Digital Não-Comprimido através de uma fibra Compatível com todos sistemas de vídeo PAL, NTSC, SECAM Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletro-magnética, de rádio-frequência e curto-circuito Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

13 Especificações: Gerais Alimentação Conector de Alimentação Potência de Consumo Temperatura de Operação Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas Ópticas DC8-20V Bloco Terminal 3W -50 o C ~ +75 o C -50 o C ~ +85 o C 0-95% (não-condensado) >100,000 horas Comprimento de Onda Óptica 1310nm Tipo de Fibra Fibra Monomodo Distância da conexão <20km Conector FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 20dB Número de Canais 1-8 canais de vídeo Conector de BNC fêmea Impedância Entrada / Saída 75 Ω (desbalanceado) Nível da Entrada de Vpp Largura da Banda de por Canal 50Hz ~ 8 MHz Relação Sinal / Ruído de >67dB Ganho Diferencial <2% Defasagem <0.7 o Tilt <1% Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

14 Soluções em fibra óptica Linha para transmissão de e Dados em 10-bits - Padrões CE & FCC A linha de transceptores de alta performance para transmissão de vídeo e dados em 10-bits suporta a transmissão de sinais de 1-8 canais de vídeo canais bidirecionais e multi-protocolos de dados em um cabo de fibra óptica Monomodo. O equipamento é compatível com a maioria dos padrões de sinal de vídeo. Alimentação, tráfego óptico e de vídeo são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Lista de Modelos: Código Tipo da fibra Distância de transmissão Canais de Dados HOE9517 Monomodo 20km 1 1, duplex -- Áudio HOE9523 Monomodo 20km 2 2, duplex -- HOE9543 Monomodo 20km 4 2, duplex -- HOE9583 Monomodo 20km 8 2, duplex -- Características: Amostragem digital de sinal de vídeo de 10-bits Composto Digital Não-Comprimido através de uma fibra Compatível com todos sistemas de vídeo PAL, NTSC, SECAM Suporta dados RS485, RS232, RS422, Manchester Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletromagnética, de rádio-frequência e curto-circuito Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

15 Especificações: Gerais Alimentação Conector de Alimentação Potência de Consumo Temperatura de Operação Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas Ópticas DC8-20V Bloco Terminal 3W -50 o C ~ +75 o C -50 o C ~ +85 o C 0-95% (não-condensado) >100,000 horas Comprimento de Onda Óptica 1310nm / 1550nm Tipo de Fibra Fibra Monomodo Distância da conexão <20km Conector FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 20dB Número de Canais 1-8 canais de vídeo Conector de BNC fêmea Impedância Entrada / Saída 75 Ω (desbalanceado) Nível da Entrada de Vpp Largura da Banda de por Canal 50Hz ~ 8 MHz Relação Sinal / Ruído de >67dB Ganho Diferencial <2% Defasagem <0.7 o Tilt <1% Dados Taxa de Dados DC-115 Kbps (NRZ) Conector Bloco Terminal Interface de Dados RS485, RS232, RS422, Manchester, multi-protocolo Taxa de transmissão por Canal 0~100Kbps Taxa de erros de bits < 10-9 Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

16 Linha de Conversores de Mídia Conversores de mídia para fibra óptica são projetados para atender as necessidades de implantação maciça de redes de fibra e capazes de ampliar um legado de redes Ethernet baseados em fios de cobre via cabos de fibra óptica a uma distância máxima de até 2km. É totalmente compatível com as normas IEEE802.3u, suporta transmissão bidirecional de 10/100M (HOE3010) ou 10/100/1000M (HOE3020) de dados Fast IP Ethernet através de duas fibras Multimodo. Os procedimentos de instalação e operação do dispositivo Conversor de Mídia de fibra óptica são simples e diretos. Estados de operação podem ser monitorados através de um conjunto de LEDs de diagnóstico localizados no painel frontal. Uma vez que a taxa de dados é auto-negociável, nenhum ajuste interno ou configurações são necessários. Conectores padrão RJ-45 blindados são padrão para montagem Cat5. Conector óptico SC é padrão. Características: Totalmente compatível com IEEE Base-T Ethernet, IEEE802.3u, 100Base-TX/FX Fast Ethernet, IEEE802.3x Flow control, IEEE802.1q VLAN, IEEE802.1p QoS, IEEE802.1d Spanning Tree. Máximo 2M de memória buffer integrada. Controle de fluxo back pressure para full duplex IEEE802.3 X e half duplex. Identificação automática de MDI/MDI-X cross over. Largura de banda de memória de 1.4Gbps de alto desempenho. Em conformidade com os códigos de segurança FCC, 15 CLASS A e CE MARK. Especificações: Parâmetros HOE3010 HOE3020 Taxa de dados (Mbps) 10/100 10/100/1000 Comprimento de onda (nm) Multimodo 50/125, 62.5/125, Multimodo 50/125, 62.5/125, Tipo de fibra (µm) 100/ /140 Tipo de conector SC/PC SC/PC Distância máxima (km) 2 2 Alimentação 85 ~ 265VAC 50/60Hz 85 ~ 265VAC 50/60Hz Temperatura de operação 0 ~ 70ºC 0 ~ 70 ºC Temperatura de armazenamento -40 ~ 80 ºC -40 ~ 80 ºC Umidade relativa 5% to 90% não-condensado 5% to 90% não-condensado Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

17 Soluções em fibra óptica Linha para transmissão Duplex de Dados - Padrão básico A linha de transceptores para transmissão duplex de dados em 8-bits suporta a transmissão de sinais de 1-8 canais de dados em um cabo de fibra óptica Monomodo. Alimentação, tráfego óptico e de dados são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Lista de Modelos: Código Tipo de fibra Distância de transmissão Canais de Dados HOE8510 Monomodo 20km -- 1, duplex -- Áudio HOE8520 Monomodo 20km -- 2, duplex -- HOE8540 Monomodo 20km -- 4, duplex -- HOE8580 Monomodo 20km -- 8, duplex -- Características: Transmissão duplex de dados através de uma fibra Suporta dados RS485, RS232 ou RS422 Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletromagnética, de rádio-frequência e curto-circuito Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

18 Especificações: Gerais Alimentação 5VDC Consumo <5W Temperatura de Operação Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas Ópticas Comprimento de Onda Óptica Tipo de Fibra Distância da conexão Conector -40 o C ~ +50 o C -40 o C ~ +70 o C 0-95% (não-condensado) > horas 1310nm Fibra Monomodo <20km FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 18dB Data Número de canais Taxa de Dados Conector Interface de Dados Taxa de transmissão por Canal 1-8 canais duplex de dados 0~115Kbps Bloco Terminal RS485 ou RS422 ou RS232 0~100Kbps Taxa de erros de bits < 10-9 Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

19 Linha para transmissão de Contato Seco - Padrão básico A linha de transceptores para transmissão de Contato Seco suporta a transmissão de 1-16 canais de sinais de contato seco em um cabo de fibra óptica Monomodo. Alimentação, tráfego óptico e de contato seco são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Lista de Modelos: Código Tipo de fibra Distância de transmissão Canais de Dados Contato Seco HOE85181 Monomodo 20km , simplex HOE85182 Monomodo 20km , duplex HOE85281 Monomodo 20km , simplex HOE85282 Monomodo 20km , duplex HOE85481 Monomodo 20km , simplex HOE85482 Monomodo 20km , duplex HOE85881 Monomodo 20km , simplex HOE85882 Monomodo 20km , duplex HOE85681 Monomodo 20km , simplex Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

20 Soluções em fibra óptica Características: Contato Seco através de uma fibra Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletromagnética, de rádio-frequência e curto-circuito Especificações: Gerais Alimentação 5VDC Consumo <5W Temperatura de Operação Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas -40 o C ~ +50 o C -40 o C ~ +70 o C 0-95% (não-condensado) >100,000 horas Ópticas Comprimento de Onda Óptica Tipo de Fibra e Distância Máxima Conector 1310nm Monomodo: <20km FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 18dB Contato Seco Número de Canais Contator 1-16 canais simplex ou duplex 1A/30V Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

21 Soluções em fibra óptica Linha para transmissão de Telefone - Padrão básico A linha de transceptores para transmissão de Telefone suporta a transmissão de 1-16 canais de sinais de telefone em um cabo de fibra óptica Monomodo. Alimentação, tráfego óptico e de telefone são facilmente inspecionados através dos indicadores nos painéis, então assim o usuário pode checar o estado visualmente. Esta linha é um sistema de transmissão confiável de telefone com alta performance para longas distâncias. Lista de Modelos: Código Tipo de Fibra Distância de transmissão Canais de Dados Telefone HOE8519 Monomodo 20km , simplex HOE8549 Monomodo 20km , simplex HOE8589 Monomodo 20km , simplex HOE8619 Monomodo 20km , simplex Características: Suporte à Fibra Monomodo para distâncias de até 20 km LEDs possibilitam uma rápida indicação dos parâmetros de operação Imune a interferências eletromagnética, de rádio-frequência e curto-circuito Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

22 Especificações: Gerais Alimentação 5VDC Consumo <5W Temperatura de Operação Temperatura de Armazenamento Umidade de Operação Tempo Médio Entre Falhas -40 o C ~ +50 o C -40 o C ~ +70 o C 0-95% (não-condensado) > horas Ópticas Comprimento de Onda Óptica Tipo de Fibra Distância da conexão Conector 1310nm Fibra Monomodo <20km FC Maior atenuação óptica aceitável para fibra monomodo: 18dB Telefone Número de Canais Conector def Telefone Largura de banda de audio por canal 1-16 canais simplex de telefone RJ45 8KHz Distorção de frequência <1% Relação Sinal / Ruído >95dB Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

23 Linha para transmissão VGA em fibra óptica (Linha LVO) - Padrão básico Este conjunto de equipamentos inclui um emissor e um receptor, que pode estender interfaces de computador VGA, áudio, teclado, mouse no máximo até 20KM por um cabo de fibra Monomodo, de modo que o usuário pode ver a imagem e ouvir a voz remotamente em tempo real. Além disso, fornece uma porta VGA na parte emissora para uso local. Este produto pode ser amplamente utilizado em sistemas de controle e comando militar, em sistemas de controle e comando da polícia, sistemas de gestão do trânsito, na indústria de fornecimento de eletricidade, escritório do governo, sistemas médicos, apresentações comerciais, utilidades públicas e multimídia, etc. Lista de Modelos: Código Tipo de fibra Distância de transmissão Tipos de sinais transmitidos Opcional LVO-2PVA1 Duas fibras Monomodo 20km VGA PS2 ÁUDIO MIC - LVO-3PVA1 Uma fibra Monomodo 20km VGA PS2 ÁUDIO MIC - Observações P: teclado e mouse V: vídeo VGA A: áudio e microfone 1: FC Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

24 Características: Suporta resoluções de 800x600 (em todas frequências de atualização) e 1024x768 (acima de 70Hz), outras resoluções serão afetadas pelo tamanho da tela, sendo que a maioria é compatível. Distância máxima de transmissão de 20km em fibra Monomodo Suporta transmissão em uma única fibra monomodo, projeto puramente de hardware, não necessita de driver, compatível com todos os sistemas operacionais, suporta plug and play Suporta VGA, PS2, áudio, etc. Especificações: Conector Entrada / Saída: Dimensões (mm) PS2): (com VGA Emissor: 212 x 128 x 48 Receptor: 204 x 98 x 47 Conector Entrada / Saída de fibra óptica: Entrada AC: Suporte a Teclado: Suporte a Mouse: Plugue de áudio: Peso: Largura de banda do sinal de vídeo: Tensão sinal DC de entrada: Adaptador de alimentação: Potência de transmissão: Comprimento de onda óptica de entrada: Sensibilidade da recepção óptica: Velocidade de transmissão: Distância de transmissão: Fibra Monomodo, conector FC AC100~240V,50/60HZ PS2 PS2 3.5mm 1.5kg (com PS2); 240MHz ~ 1.65GHz 5 volts p-p (TTL) DC 5V/3A -9.5 ~ -3dBm com 1310nm Monomodo (1310nm, 1550nm) 1.65Gbps 20km Temperatura de operação: -25 ºC ~ +70 ºC Suporte a sinal de vídeo: VGA Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

25 Linha para transmissão DVI/HDMI em fibra óptica (Linha VHD) Este conjunto de equipamentos inclui um emissor e um receptor, que pode estender interfaces de computador de vídeo, áudio, teclado, USB no máximo até 20KM por um cabo de fibra Monomodo, de modo que o usuário pode ver a imagem e ouvir a voz remotamente em tempo real. Além disso, fornece uma porta DVI na parte emissora para uso local. Este produto suporta transmissão VGA/DVI/HDMI de alta definição em tempo real, e a máxima resolução suportada pode chegar a 1920x1080. Ele pode ser amplamente utilizado em sistemas de controle e comando militar, em sistemas de controle e comando da polícia, sistemas de gestão do trânsito, na indústria de fornecimento de eletricidade, escritório do governo, sistemas médicos, apresentações comerciais, utilidades públicas e multimídia, etc. Lista de modelos do extensor DVI a fibra óptica: Distância de Código Tipo de fibra transmissão Tipos de sinais transmitidos Opcional VHD-2UDA1 Duas fribras Monomodo 20km DVI USB ÁUDIO MIC - VHD-3UDA1 Uma fibra Monomodo 20km DVI USB ÁUDIO MIC - Observações U: USB D: DVI A: ÁUDIO & MIC 1: FC Lista de modelos do extensor HDMI a fibra óptica: Distância de Código Tipo de fibra transmissão Tipos de sinais transmitidos Opcional VHD-2UHA1 Duas fribras Monomodo 20km HDMI USB ÁUDIO MIC - VHD-3UHA1 Uma fibra Monomodo 20km HDMI USB ÁUDIO MIC - Observações U: USB H: HDMI A: ÁUDIO & MIC 1: FC Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

26 Soluções em fibra óptica Características: Suporta resolução de Hz Distância maxima de transmissão de 20km em fibra Monomodo Suporta transmissão em uma ou duas fibras monomodo, projeto puramente de hardware, não necessita de driver, compatível com todos os sistemas operacionais, suporta plug and play Suporta DVI/HDMI, USB, áudio e microfone. Especificações: Conector Entrada / Saída: DVI/HDMI Emissor: 212 x 128 x 48 Dimensões (mm) PS2): (com Receptor: 204 x 98 x 47 Conector Entrada / Saída de fibra óptica: Fibra Monomodo, conector FC Entrada AC: Suporte USB: Especificações de áudio: Peso: Largura de banda do sinal de vídeo: Tensão sinal DC de entrada: Adaptador de alimentação: Potência de transmissão: Sensibilidade da recepção óptica: Velocidade de transmissão: Distância de transmissão: AC100~240V - 50/60HZ Suporta teclado USB, mouse e dispositivo de armazenamento Emissor com interface USB, receptor com placa de som USB para áudio estéreo 1.55kg 240MHz ~ 1.65GHz 5 volts p-p (TTL) DC 5V/3A -9.5 ~ -3dBm com 1310nm 1.65Gbps 20km Temperatura de operação: -25 ºC ~ +70 ºC Resolução suportada: Suporte a sinal de vídeo: 60Hz DVI/HDMI Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

27 Soluções em fibra óptica Medidor de Potência Óptica HOE3205B mini medidor de potência óptica portátil É o mais leve e compacto instrumento de teste. É bem simples de se utilizar e econômico, e pode ser usado para medição de potência absoluta em fibras ópticas. HOE3205B é o testador mais portátil e vantajoso. Características: O mais compacto, ideal para operação em campo Medições de potência em dbm e mw. Função auto-desligar em 10min para conservar a vida da bateria Aplicações: Manutenção em Telecomunicações Manutenção em CATV Testes de laboratório com fibras ópticas Outras medições em fibras ópticas Especificações: Modelo Comprimento de onda (nm) Detector HOE3205B 800 ~ 1700nm InGaAs Faixa de Medição (dbm) -50 ~ +10 Incerteza ±5% Comprimentos de onda calibrados (nm) 850, 980, 1310, 1550nm Resolução (db) 0.01 Conector óptico FC Alimentação 3 Pilhas Alcalinas AAA 1.5V Tempo de operação da bateria 360 horas Temperatura de Operação (ºC) -10 ~ +60 Temperatura de Armazenamento (ºC) -25 ~ +70 Umidade Relativa 0 to 95% (não condensado) Dimensão (mm) 115 x 60 x 20 Peso (g) 105 Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

28 Soluções em fibra óptica Kit de Ferramentas FIC O Kit de Ferramentas FIC é a mais recente adição à gama de soluções FTTH. Ele contém tudo o que o instalador necessita para montagem, inclusive o clivador. Feito de nylon resistente e com uma alça, foi projetado para ser usado ao redor da cintura, mas pode facilmente ser lançado sobre o ombro e garantir que tudo esteja sempre à mão. O Conector Instalável em Campo (FIC) é feito para revolucionar a maneira que você pensa dos projetos FTTH. Este conector montado mecanicamente e pré-polido pode ser instalado em menos de 2 minutos. Não usa epóxi, não requer polimento e não necessita de ferramentas especializadas. A versão de 0,9mm não precisa nem ser crimpado. O Kit completo para montagem de conector FIC contém: Clivador de alta precisão Alicate crimpador Desencapador de cabo Desencapador de fibra Marcador de fibra óptica Caneta marcadora Recipiente para álcool (vazio) Bolsa Rua Jacobi Barrichello, 42 - Vila Friburgo - São Paulo/SP Tel: (11) /

Obrigado por comprar um Produto Comtac. Informações sobre marcas

Obrigado por comprar um Produto Comtac. Informações sobre marcas Obrigado por comprar um Produto Comtac Você comprou um produto de uma empresa que oferece alta qualidade e valor agregado. Conheça nossa linha completa através do site www.comtac.com.br As informações

Leia mais

Conversores de Mídia Gigabit Intelbras KGM 1105 KGS 1115. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras.

Conversores de Mídia Gigabit Intelbras KGM 1105 KGS 1115. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. MANUAL DO USUÁRIO Conversores de Mídia Gigabit Intelbras KGM 1105 KGS 1115 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Os conversores de mídia KGM 1105 e KGS 1115

Leia mais

Gravador digital de vídeo (DVR) de 8 canais Stand Alone

Gravador digital de vídeo (DVR) de 8 canais Stand Alone Gravador digital de vídeo (DVR) de 8 canais Stand Alone VX-8CH-240C-H 8 Canais de Vídeos e 1 Canal de Audio Suporta 1 (um) Disco Rígido (HD SATA) Compressão de Vídeo H.264 Integração com PTZ Hexaplex -

Leia mais

GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais

GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais www.gigasecurity.com.br GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais Gravador de vídeo Fonte bivolt Proteção de surto HD opcional Acesso via internet Sistema de gravação de vídeo Muito mais

Leia mais

Manual do usuário KFSD 1120 A KFSD 1120 B

Manual do usuário KFSD 1120 A KFSD 1120 B Manual do usuário KFSD 1120 A KFSD 1120 B Conversores de mídia Fast Ethernet WDM Intelbras Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Os conversores de mídia Intelbras

Leia mais

Devido ao contínuo aperfeiçoamento de nossos produtos e serviços, as especificações descritas a seguir estarão sujeitas a alterações sem prévio aviso.

Devido ao contínuo aperfeiçoamento de nossos produtos e serviços, as especificações descritas a seguir estarão sujeitas a alterações sem prévio aviso. Devido ao contínuo aperfeiçoamento de nossos produtos e serviços, as especificações descritas a seguir estarão sujeitas a alterações sem prévio aviso. Antes de utilizar o equipamento verifique a disponibilidade

Leia mais

Conversor de Mídia Intelbras KFM 112

Conversor de Mídia Intelbras KFM 112 Conversor de Mídia Intelbras KFM 112 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O conversor de mídia Intelbras KFM 112 é um produto com tecnologia Fast Ethernet

Leia mais

Gravador digital de vídeo (DVR) de 16 canais Stand Alone

Gravador digital de vídeo (DVR) de 16 canais Stand Alone Gravador digital de vídeo (DVR) de 16 canais Stand Alone VX-16CH-C-H 16 Canais de Vídeos e 1 Canal de Audio Suporta 1 Disco Rígido (HD SATA) Compressão de Vídeo H.264 480 FPS (Frames por Segundo) Integração

Leia mais

Unidade de Transmissão de Fibra Óptica das Séries LTC 46xx e LTC 47xx

Unidade de Transmissão de Fibra Óptica das Séries LTC 46xx e LTC 47xx CCTV Unidade de Transmissão de Fibra Óptica das Séries LTC 46xx e LTC 47xx Unidade de Transmissão de Fibra Óptica das Séries LTC 46xx e LTC 47xx Modelos de transmissão de vídeo e dados disponíveis Ajustes

Leia mais

1. Descrição do Produto

1. Descrição do Produto 1. Descrição do Produto Os repetidores óticos FOCOS/PROFIBUS AL-2431 e AL-2432 destinam-se a interligação de quaisquer dispositivos PROFIBUS, assegurando altíssima imunidade a ruídos através do uso de

Leia mais

Conversor de Mídia Intelbras KGM 1105

Conversor de Mídia Intelbras KGM 1105 Conversor de Mídia Intelbras KGM 1105 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O conversor de mídia Intelbras KGM 1105 é um produto com tecnologia Gigabit Ethernet

Leia mais

Apresenta suas funções, como utilizar testes e como interpretar os resultados encontrados.

Apresenta suas funções, como utilizar testes e como interpretar os resultados encontrados. Prefácio: Este manual descreve como utilizar o Switch Conversor de Mídia da GTS Network dos seguintes Modelos: 75.1806C - 75.1806T - 75.1806C.S25-75.3107S - 75.1906C.SWA25-75.1906C.SWB25-75.3006C.SWA20

Leia mais

Modelo NV-EC1701 Transceptor Ethernet sobre coaxial EoC com PoE, PoE+ de Alta Potência

Modelo NV-EC1701 Transceptor Ethernet sobre coaxial EoC com PoE, PoE+ de Alta Potência NOVO! Modelo NV-EC1701 Transceptor Ethernet sobre coaxial EoC com PoE, PoE+ de Alta Potência Características: Para transmitir e receber simultaneamente (full duplex), Ethernet sobre Base T 10/100 uma distância

Leia mais

AM@DEUS Manual do Usuário

AM@DEUS Manual do Usuário 80 P R E F Á C I O Este é um produto da marca GTS Network, que está sempre comprometida com o desenvolvimento de soluções inovadoras e de alta qualidade. Este manual descreve, objetivamente, como instalar

Leia mais

Davidson Rodrigo Boccardo flitzdavidson@gmail.com

Davidson Rodrigo Boccardo flitzdavidson@gmail.com Fundamentos em Sistemas de Computação Davidson Rodrigo Boccardo flitzdavidson@gmail.com Camada Física Primeira cada do modelo OSI (Camada 1) Função? Processar fluxo de dados da camada 2 (frames) em sinais

Leia mais

Manual de Instalação e Operação

Manual de Instalação e Operação Manual de Instalação e Operação CONVERSOR HPNA 3.1 CTS3600EC-F Versão 1.0 Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta documentação pode ser reproduzida sob qualquer forma, sem a autorização da CIANET.

Leia mais

KX-VC600 Videoconferência IP Full HD

KX-VC600 Videoconferência IP Full HD Quebrando as barreiras da distância A Unidade de videoconferência IP FullHD Panasonic KX-VC600, foi projetada para diminuir a distância, e agilizar reuniões e atividades em grupos, ajudando a diminuir

Leia mais

Largura de banda e Throughput (Tanenbaum,, 2.1.2)

Largura de banda e Throughput (Tanenbaum,, 2.1.2) Largura de banda e Throughput (Tanenbaum,, 2.1.2) A largura de banda,, em termos gerais, indica a quantidade máxima de dados que podem trafegar no meio em um determinado momento. É medida em bps (bits

Leia mais

Família de Produtos de Controle de Acesso

Família de Produtos de Controle de Acesso 30 W Alimentação Consumo de Energia (Max) Conector de Sinal 45W 40W 40 W Universal, 50/60Hz ; 12VDC/4.1A ; 12VDC/3.5A Estéreo,, 2 2 Estéreo,, 2 2 2 entradas, PC,, YPbPr; 2 entradas, PC,, YPbPr; de Vídeo

Leia mais

Ponte Media Converter. 10/100Base-TX para 100Base-FX. TP-to-ST/SC/VF-45/MT-RJ. Manual do usuário

Ponte Media Converter. 10/100Base-TX para 100Base-FX. TP-to-ST/SC/VF-45/MT-RJ. Manual do usuário 1 Visão geral Ponte Media Converter 1. Visão Geral 10/100Base-TX para 100Base-FX TP-to-ST/SC/VF-45/MT-RJ Manual do usuário IEEE802.3 / u Ethernet suporta dois tipos de mídia para a conexão de rede, como

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE EQUIPAMENTOS DA ATMC LTDA

APRESENTAÇÃO DE EQUIPAMENTOS DA ATMC LTDA APRESENTAÇÃO DE EQUIPAMENTOS DA ATMC LTDA A ATMC Automação e Comunicação Ltda desenvolve há mais de 14 anos diversos produtos voltados a automação industrial e transmissão de dados. Apresentamos os equipamentos

Leia mais

Headphone com Microfone sem Fio USB

Headphone com Microfone sem Fio USB Headphone com Microfone sem Fio USB Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Goldship, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

S i s t e m a s d e E n e r g i a

S i s t e m a s d e E n e r g i a S i s t e m a s d e E n e r g i a c a t á l o g o d e p r o d u t o s 2 0 1 0 A Analo oferece soluções completas, software e equipamentos para: Supervisão Telemedição Comunicação de dados Supervisão A

Leia mais

Meios de transmissão. Professor Leonardo Larback

Meios de transmissão. Professor Leonardo Larback Meios de transmissão Professor Leonardo Larback Meios de transmissão Na comunicação de dados são usados muitos tipos diferentes de meios de transmissão. A escolha correta dos meios de transmissão no projeto

Leia mais

VD 16M 480. Gravador digital de vídeo (DVR) SEGURANÇA ELETRÔNICA

VD 16M 480. Gravador digital de vídeo (DVR) SEGURANÇA ELETRÔNICA SEGURANÇA ELETRÔNICA VD 16M 480 Gravador digital de vídeo (DVR) produtos que falama sualíngua SAÍDA de vídeo e de áudio em loop e saída matriz Software para acesso às imagens via celular¹ Suporta até 4

Leia mais

Analisador de Linhas TN-10E

Analisador de Linhas TN-10E Analisador de Linhas TN-10E O Analisador de Linhas TN-10E é um instrumento compacto com capacidade de realizar medições digitais e analógicas para testes e ensaios em linhas de transmissão de dados que

Leia mais

VD 16M 480. Gravador digital de vídeo (DVR) SEGURANÇA ELETRÔNICA

VD 16M 480. Gravador digital de vídeo (DVR) SEGURANÇA ELETRÔNICA SEGURANÇA ELETRÔNICA VD 16M 480 Gravador digital de vídeo (DVR) produtos que falama sualíngua SAÍDA de vídeo e de áudio em loop e saída matriz Software para acesso às imagens via celular¹ Suporta até 4

Leia mais

Redes de Computadores. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com

Redes de Computadores. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Redes de Computadores Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com 2/16 Nível Físico Tem a função de transmitir uma seqüência de bits através de um canal e comunicação. Este nível trabalha basicamente

Leia mais

KX-VC300 Unidade de Videoconferência HD

KX-VC300 Unidade de Videoconferência HD Quebrando todas as barreiras da distância Essa compacta Unidade de videoconferência HD KX-VC300, foi projetada para diminuir a distancia, e agilizar reuniões e atividades em grupos, ajudando a diminuir

Leia mais

Guia do usuário. PoE 200 G

Guia do usuário. PoE 200 G Guia do usuário PoE 200 G Injetor PoE 200 G Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O injetor PoE 200 G é compatível com o padrão IEEE 802.3af. Ele oferece até

Leia mais

Switch HDMI. 3 entradas e 1 saída. Manual do Usuário

Switch HDMI. 3 entradas e 1 saída. Manual do Usuário Switch HDMI 3 entradas e 1 saída Manual do Usuário Obrigado por comprar um Produto Comtac Você comprou um produto de uma empresa que oferece alta qualidade e valor agregado. Conheça nossa linha completa

Leia mais

Acessorios de Fibra optica:layout 1 27-01-2011 00:32 Page 67

Acessorios de Fibra optica:layout 1 27-01-2011 00:32 Page 67 Acessorios de Fibra optica:layout 1 27-01-2011 00:32 Page 67 Acessórios de Fibra Óptica Acessorios de Fibra optica:layout 1 27-01-2011 00:32 Page 68 Adaptadores de Fibra Óptica Adaptador de Fibra Óptica

Leia mais

EDITAL N. o 009/2011-CPL CONVITE N. o 007/2011 PROCESSO N. o 009/2011 ANEXO I. Valor TOTAL. Valor UNITÁRIO

EDITAL N. o 009/2011-CPL CONVITE N. o 007/2011 PROCESSO N. o 009/2011 ANEXO I. Valor TOTAL. Valor UNITÁRIO EDITAL N. o 009/2011-CPL CONVITE N. o 007/2011 PROCESSO N. o 009/2011 ANEXO I Item Quant. Unid. Valor UNITÁRIO Especificações Minimas marca Valor máximo do item R$ Valor UNITÁRIO Valor TOTAL 1 15 Unid.

Leia mais

Nway Switch 8 Portas Manual do Usuário

Nway Switch 8 Portas Manual do Usuário P R E F Á C I O Este é um produto da marca GTS Network, que está sempre comprometida com o desenvolvimento de soluções inovadoras e de alta qualidade. Este manual descreve, objetivamente, como instalar

Leia mais

ENH916-NWY. Manual do Usuário

ENH916-NWY. Manual do Usuário ENH916-NWY Manual do Usuário Aviso da FCC Este equipamento foi testado e se encontra em conformidade com os limites de dispositivo digital de Classe B, de acordo com a Parte 15 das Regras de FCC. Estes

Leia mais

Descritivo Técnico AirMux-200

Descritivo Técnico AirMux-200 Multiplexador Wireless Broadband -Visualização da unidade indoor IDU e unidade outdoor ODU com antena integrada- Principais Características Rádio e multiplexador wireless ponto-a-ponto com interface E1

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito - Cabeamento Óptico (Norma ANSI/TIA-568-C.3) www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Meio de Transmissão Meio de transmissão é o caminho físico (enlace) que liga

Leia mais

Módulo WCM200. Controlador WSI250 - HI Tecnologia

Módulo WCM200. Controlador WSI250 - HI Tecnologia Automação Industrial Módulo Controlador WSI250 - HI Tecnologia W i re l e s s S i g n a l I n t e r fa c e O conteúdo deste documento é parte do Manual do Usuário do controlador WSI250 da HI tecnologia

Leia mais

Manual de Instalação e Operação

Manual de Instalação e Operação Manual de Instalação e Operação Placa Conversora de Mídia CTS500E-FR LXA e LXB Versão 1.0 Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta documentação pode ser reproduzida sob qualquer forma, sem a autorização

Leia mais

2010 Encore Electronics, Inc. All rights reserved.cove

2010 Encore Electronics, Inc. All rights reserved.cove 2010 Encore Electronics, Inc. All rights reserved.cove 2011 Encore Electronics, Inc. As especificações, o tamanho, e o formato do produto estão sujeitos a alterações sem qualquer aviso prévio, e a aparência

Leia mais

Em linhas gerais, as principais características dos RDP s da família OSC-1000, são apresentadas a seguir:

Em linhas gerais, as principais características dos RDP s da família OSC-1000, são apresentadas a seguir: Catálogo Técnico CT-011_Rev01-OSC1000 OSC-1000 Registrador Digital de Perturbações 1 CARACTERISTICAS GERAIS Os Registradores Digitais de Perturbação, denominados RDP s, funcionam de modo similar a uma

Leia mais

Meios físicos Os meios físicos

Meios físicos Os meios físicos Meios físicos Os meios físicos são considerados componentes da camada 1. Se encarregam daquilo que diz respeito à representação física são bits (por exemplo, voltagem ou pulsos de luz). 1 Representação

Leia mais

Prof. Daniel Gondim danielgondimm@gmail.com. Informática

Prof. Daniel Gondim danielgondimm@gmail.com. Informática Prof. Daniel Gondim danielgondimm@gmail.com Informática Componentes de um SC Barramento Também conhecido como BUS É um conjunto de linhas de comunicação que permitem a interligação entre dispositivos,

Leia mais

Switch 8 portas GTS Network 73.2108K Manual do Usuário

Switch 8 portas GTS Network 73.2108K Manual do Usuário Switch 8 portas GTS Network 73.2108K Manual do Usuário P R E F Á C I O Este é um produto da marca GTS Network que está sempre comprometida com o desenvolvimento de soluções inovadoras e de alta qualidade.

Leia mais

9 khz a 3 GHz A nova família de produtos da Rohde & Schwarz

9 khz a 3 GHz A nova família de produtos da Rohde & Schwarz Analisador de Espectro FS300 9 khz a 3 GHz A nova família de produtos da Rohde & Schwarz Instrumento de teste Profissional para laboratório, serviços e produção O FS300 é um analisador de espectro de alta

Leia mais

Conversor de Media 10/100Base-TX para 100Base-FX

Conversor de Media 10/100Base-TX para 100Base-FX Conversor de Media 10/100Base-TX para 100Base-FX Manual do Utilizador 1. Generalidades O IEEE802.3u Ethernet suporta dois tipos de media para ligação de rede, como por exemplo 10/100Base-TX e 100Base-FX.

Leia mais

(Alimentação) DESLIGADO Sem energia. LIGADO Uma conexão válida foi estabelecida. Pacotes de Dados DESLIGADO Nenhuma conexão estabelecida

(Alimentação) DESLIGADO Sem energia. LIGADO Uma conexão válida foi estabelecida. Pacotes de Dados DESLIGADO Nenhuma conexão estabelecida Parabéns pela aquisição do SWITCH MYMAX 8 PORTAS. Este comutador integra as capacidades do Comutador Rápido de 100Mbps e da Rede Ethernet de 10Mbps em uma mini-embalagem altamente flexível. 1. Conteúdo

Leia mais

A escolha desses itens é importante pois interfere no custo das interfaces de rede. Cabo coaxial Par trançado Fibra ótica

A escolha desses itens é importante pois interfere no custo das interfaces de rede. Cabo coaxial Par trançado Fibra ótica Meios físicos de transmissão Objetivos: 1 - Definir os termos referentes a cabeamento. 2 - Identificar os principais tipos de cabos de rede. 3 - Determinar o tipo de cabeamento apropriado para cada tipo

Leia mais

Mídias Físicas Utilizadas Cabo Coaxial e Par Trançado. Prof. Alexandre Beletti Ferreira

Mídias Físicas Utilizadas Cabo Coaxial e Par Trançado. Prof. Alexandre Beletti Ferreira Mídias Físicas Utilizadas Cabo Coaxial e Par Trançado Prof. Alexandre Beletti Ferreira Cabo Coaxial COMPOSTO POR: Fio de cobre rígido que forma o núcleo Envolto por um material isolante, O isolante, por

Leia mais

Curso Técnico Integrado em Manutenção e Suporte em Informática

Curso Técnico Integrado em Manutenção e Suporte em Informática Curso Técnico Integrado em Manutenção e Suporte em Informática Disciplina: Infraestrutura de Redes de Computadores 04. Meios Físicos de Transmissão Prof. Ronaldo Introdução n

Leia mais

História da Fibra Óptica

História da Fibra Óptica História da Fibra Óptica Em 1870, o físico inglês Jonh Tyndall, demonstrou o princípio de guiamento da luz através de uma experiência muito simples, utilizando um recipiente furado com água, um balde e

Leia mais

Acompanha: 1 cabo de 4m 1 adaptador para plug p10 1 antena 1 receptor. Este microfone pode ser usado com ou sem fio.

Acompanha: 1 cabo de 4m 1 adaptador para plug p10 1 antena 1 receptor. Este microfone pode ser usado com ou sem fio. VX 101: Produto:VHF Sistema de Microfone sem fio de um canal Frequência de Recepção: VHF 165 270 Mhz Estabilidade de frequência:< 0.002% Sensibilidade: 80 dbm Taxa de S/N: > 70dB Voltagem de energia AC

Leia mais

26. Dentre as dimensões a seguir, núcleo/casca, quais representam tipicamente fibras monomodo e fibras multimodos, respectivamente?

26. Dentre as dimensões a seguir, núcleo/casca, quais representam tipicamente fibras monomodo e fibras multimodos, respectivamente? CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CÓDIGO 05 UCs de Eletrônica e/ou de Telecomunicações 26. Dentre as dimensões a seguir, núcleo/casca, quais representam tipicamente fibras monomodo e fibras multimodos, respectivamente?

Leia mais

SUMÁRIO 2.1 CUIDADOS INICIAIS...7 2.2 ATIVAÇÃO...7 2.3 DESCRIÇÃO DOS CONTROLES MLM-500...8 2.3.1 PAINEL FRONTAL...8 2.3.2 PAINEL TRASEIRO...

SUMÁRIO 2.1 CUIDADOS INICIAIS...7 2.2 ATIVAÇÃO...7 2.3 DESCRIÇÃO DOS CONTROLES MLM-500...8 2.3.1 PAINEL FRONTAL...8 2.3.2 PAINEL TRASEIRO... SUMÁRIO SEÇÃO 1 DADOS GERAIS 1.1 INTRODUÇÃO...3 1.2 APRESENTAÇÃO...3 1.3 ASSISTÊNCIA TÉCNICA...4 1.4 INSPEÇÃO NO ATO DO RECEBIMENTO...4 1.5 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MISTURADOR DE LINHAS DE MICROFONE MLM-500...4

Leia mais

Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA

Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA PCS 2476 Introdução - 1 Meios Físicos e Suas Características PCS 2476 Introdução - 2 Linhas Físicas Linhas Bifilares Par de fios Cabo de Pares Linha Aberta Linha de Alta Tensão

Leia mais

QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO:

QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO: CABEAMENTO DE REDE QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO: MEIO FÍSICO: CABOS COAXIAIS, FIBRA ÓPTICA, PAR TRANÇADO MEIO NÃO-FÍSICO:

Leia mais

Monitores. Ver.14/Abr/2004

Monitores. Ver.14/Abr/2004 MONITORES DE ÁUDIO E VÍDEO E GERADORES DE ÁUDIO Linha de Monitores de Vídeo e Áudio e Gerador de Tons de Áudio para: Emissoras de Rádio e TV, Headends, Produtoras, Copiadoras, Estúdios, Centros de Áudio

Leia mais

SOLUÇÃO DE TELEMETRIA PARA SANEAMENTO

SOLUÇÃO DE TELEMETRIA PARA SANEAMENTO SOLUÇÃO DE TELEMETRIA PARA SANEAMENTO Marcelo Pessoa Engenheiro de soluções para saneamento Introdução As indústrias buscam eficiência, aumento da qualidade e a redução de custos. Para alcançar isto investem

Leia mais

VD 8E 240C. Gravador digital de vídeo (DVR) SEgurança ElEtrônica

VD 8E 240C. Gravador digital de vídeo (DVR) SEgurança ElEtrônica SEgurança ElEtrônica VD 8E 240C Gravador digital de vídeo (DVR) produtos que falama sualíngua 8 canais de vídeo e 4 canais de áudio tempo real de visualização e gravação das imagens (240 fps) Suporte ao

Leia mais

Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica Divisão de Manutenção / Departamento de Manutenção de Sistemas Digitais

Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica Divisão de Manutenção / Departamento de Manutenção de Sistemas Digitais Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica Divisão de Manutenção / Departamento de Manutenção de Sistemas Digitais Especificação Técnica ETD -00.063 Materiais de telecomunicação ópticos Versão:

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com COMUTAÇÃO CIRCUITOS PACOTES É necessário estabelecer um caminho dedicado entre a origem e o

Leia mais

CAB Cabeamento Estruturado e Redes Telefônicas

CAB Cabeamento Estruturado e Redes Telefônicas MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS SÃO JOSÉ SANTA CATARINA CAB Cabeamento Estruturado e Redes Telefônicas

Leia mais

Controle Remoto AFT-RCT-TRM6

Controle Remoto AFT-RCT-TRM6 Folha 01 de 08 Agência Nacional de Telecomunicações 1636-14-5663 7898911715990 PRODUTO NACIONAL APLICAÇÃO O C o n t r o l e R e m o t o A l f a t r o n i c A F T - R C T - TRM6(Transmissor e Receptor)

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013 Às 10:25 horas do dia 22 de maio de 2013, após analisado o resultado do

Leia mais

Certificação de redes ópticas de 10GbE

Certificação de redes ópticas de 10GbE CABEAMENTO ESTRUTURADO Certificação de redes ópticas de 10GbE 70 RTI DEZ 2008 JDSU (Brasil) As redes ópticas baseadas em 10GbE exigem um bom processo de certificação. O artigo a seguir detalha os principais

Leia mais

TI Aplicada. Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br

TI Aplicada. Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br TI Aplicada Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br Conceitos Básicos Equipamentos, Modelos OSI e TCP/IP O que são redes? Conjunto de

Leia mais

Redes de Computadores IEEE 802.3

Redes de Computadores IEEE 802.3 Redes de Computadores Ano 2002 Profª. Vívian Bastos Dias Aula 8 IEEE 802.3 Ethernet Half-Duplex e Full-Duplex Full-duplex é um modo de operação opcional, permitindo a comunicação nos dois sentidos simultaneamente

Leia mais

Descrição do Produto. Dados para compra

Descrição do Produto. Dados para compra Descrição do Produto A funcionalidade e versatilidade da linha de Inversores de Freqüência NXL da Altus fazem dela a solução ideal para as mais diversas aplicações. Visa atingir motores com menores potências

Leia mais

www.siemens.com.br/acionamentos SINAMICS V60 A solução perfeita para aplicações básicas de servo.

www.siemens.com.br/acionamentos SINAMICS V60 A solução perfeita para aplicações básicas de servo. www.siemens.com.br/acionamentos SINAMICS V60 A solução perfeita para aplicações básicas de servo. SINAMICS V60 com servomotores 1FL5 A solução para aplicações básicas de servo A tecnologia servo-drive

Leia mais

Manual de Instalação e Operação

Manual de Instalação e Operação Manual de Instalação e Operação CONVERSOR HPNA 3.1 CTS3600EC MXU VERSÃO 1.0 12 Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta documentação pode ser reproduzida sob qualquer forma, sem a autorização

Leia mais

extras SOLO Estação Radio Base TETRA

extras SOLO Estação Radio Base TETRA Geyschlaegergasse 14, A-1150 Vienna, Austria, Europe +43/786 12 86-0 extras SOLO Estação Radio Base TETRA Utilidade Pública Indústria Governo Aeroportos Portos Transporte Segurança Pública 3T Communications

Leia mais

FICHA TÉCNICA PATCH PANEL 24 PORTAS C5e RoHS

FICHA TÉCNICA PATCH PANEL 24 PORTAS C5e RoHS FICHA TÉCNICA PATCH PANEL 24 PORTAS C5e RoHS 1- Aplicação: Este produto aplica-se a sistemas de cabeamento estruturado, para tráfego de voz, dados e imagens, do tipo 10BASE-T, 100BASE-Tx, 155M ATM, 4/16MB

Leia mais

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104 UMG 104 UMG 104-Mais do que um ples Multímetro O UMG 104 equipado com um DSP de 500 MHz (processador de sinal digital) é um analisador de tensão muito rápido e potente. A varredura contínua dos 8 canais

Leia mais

P R E F Á C I O. Direitos Autorais: Marcas:

P R E F Á C I O. Direitos Autorais: Marcas: P R E F Á C I O Este é um produto da marca GTS Network, que está sempre comprometida com o desenvolvimento de soluções inovadoras e de alta qualidade. Este manual descreve, objetivamente, como instalar

Leia mais

Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5 3 Instalação...6 3.

Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5 3 Instalação...6 3. Manual do Equipamento ME-035_Rev02-AS-0001 AS-0001 Conversor de sinais FO TTL SUMÁRIO 1 2 Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5

Leia mais

Dispositivos de rede. roteador bridge. switch. switch ATM. transceiver repetidor

Dispositivos de rede. roteador bridge. switch. switch ATM. transceiver repetidor Dispositivos de rede roteador bridge switch switch ATM transceiver repetidor hub 1 Meios físicos Os meios físicos são considerados componentes da camada 1. Tudo de que se encarregam são bits (por exemplo,

Leia mais

COMUNICADO PREGÃO Nº 048/2007

COMUNICADO PREGÃO Nº 048/2007 COMUNICADO PREGÃO Nº 048/2007 OBJETO: Fornecimento, configuração, testes e assistência técnica, durante período de garantia, de 28 (vinte e oito) microcomputadores portáteis (notebooks) de alta mobilidade,

Leia mais

Especificações óticas thermometer CTlaser = menor dimensão do ponto (mm)

Especificações óticas thermometer CTlaser = menor dimensão do ponto (mm) 14 Sensor infravermelho de temperatura de alto desempenho com marcador a laser thermometer CTlaser ThermoMETER CTlaser O inovador sensor infravermelho de temperatura de precisão marca o tamanho real do

Leia mais

UNIVASF PREFEITURA UNIVERSITÁRIA MONITORAMENTO ELETRONICO CAMPUS DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS PETROLINA-PE ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS E DOS EQUIPAMENTOS

UNIVASF PREFEITURA UNIVERSITÁRIA MONITORAMENTO ELETRONICO CAMPUS DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS PETROLINA-PE ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS E DOS EQUIPAMENTOS UNIVASF PREFEITURA UNIVERSITÁRIA MONITORAMENTO ELETRONICO CAMPUS DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS PETROLINA-PE ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS E DOS EQUIPAMENTOS INFRAESTRUTURA Licenças e taxas Serão de responsabilidade

Leia mais

Série Connect. Switches e Conversores Industriais. www.altus.com.br

Série Connect. Switches e Conversores Industriais. www.altus.com.br Série Connect Switches e Conversores Industriais www.altus.com.br Conectividade e simplicidade Compacto: design robusto e eficiente para qualquer aplicação Intuitivo: instalação simplificada que possibilita

Leia mais

IW10. Rev.: 02. Especificações Técnicas

IW10. Rev.: 02. Especificações Técnicas IW10 Rev.: 02 Especificações Técnicas Sumário 1. INTRODUÇÃO... 1 2. COMPOSIÇÃO DO IW10... 2 2.1 Placa Principal... 2 2.2 Módulos de Sensores... 5 3. APLICAÇÕES... 6 3.1 Monitoramento Local... 7 3.2 Monitoramento

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Macêdo Firmino Meios de Transmissão Macêdo Firmino (IFRN) Redes de Computadores Abril de 2012 1 / 34 Pilha TCP/IP A B M 1 Aplicação Aplicação M 1 Cab M T 1 Transporte Transporte

Leia mais

KARL STORZ OR1 TM Streaming Solutions. Estabeleça conexões

KARL STORZ OR1 TM Streaming Solutions. Estabeleça conexões KARL STORZ OR1 TM Streaming Solutions Estabeleça conexões Atualmente, a necessidade de ter acesso à sala de cirurgia e a observação do seu fluxo de trabalho exige soluções adequadas no âmbito das tecnologias

Leia mais

Prática em Redes de Computadores. Meios de Transmissão. Prof. M.Sc. Eduardo Luzeiro Feitosa efeitosa@dcc.ufam.edu.br

Prática em Redes de Computadores. Meios de Transmissão. Prof. M.Sc. Eduardo Luzeiro Feitosa efeitosa@dcc.ufam.edu.br Prática em Redes de Computadores Meios de Transmissão Prof. M.Sc. Eduardo Luzeiro Feitosa efeitosa@dcc.ufam.edu.br Sumário Introdução Meios de Transmissão Cabo coaxial Cabo Par Trançado Fibra Óptica Interferências

Leia mais

Nobreak. 160 e 300 kva. senoidal on-line trifásico PERFIL PROTEÇÕES

Nobreak. 160 e 300 kva. senoidal on-line trifásico PERFIL PROTEÇÕES Nobreak senoidal on-line trifásico dupla convers o 60 a 300 kva 60 kva de 80 a 120 kva 160 e 300 kva PERFIL Os nobreaks on-line de dupla conversão da linha Gran Triphases foram desenvolvidos com o que

Leia mais

Câmera CFTV Digital Sem Fio

Câmera CFTV Digital Sem Fio Câmera CFTV Digital Sem Fio Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Leadership, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

ENH908-NWY. Manual do Usuário

ENH908-NWY. Manual do Usuário ENH908-NWY Manual do Usuário O dispositivo é um poderoso switch Fast Ethernet de alto desempenho, com todas as portas capazes de realizarem operações de negociação automática (NWay) de 10 ou 100 Mbps,

Leia mais

10 - Saída de vídeo HDMI

10 - Saída de vídeo HDMI Thi etworks 1. Descrição Geral O é um dispositivo capaz de acrescentar a um PC interfaces de saídas de vídeo (HDMI e VGA), 4 USBs, saída de Áudio e entrada para microfone. É ideal para o uso como Zero

Leia mais

Decibelímetro Modelo SL130

Decibelímetro Modelo SL130 Manual do Usuário Decibelímetro Modelo SL130 Introdução Parabéns pela sua compra do Decibelímetro SL130 Extech. Desenhado para montagem em parede, mesa, ou montagem em tripé, este medidor está de acordo

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA KIT DE COMPONENTES DE MICROINFORMÁTICA P/ MONTAGEM DE TERMINAL DE AUTOATENDIMENTO PARA O SISTEMA GEST Controle de Revisões Elaborador: Adriano José Cunha de Aguiar Validador: Luiz

Leia mais

Codec de vídeo por IP LiveShot Comrex Vídeo por IP ao vivo, sem fio, com baixa latência

Codec de vídeo por IP LiveShot Comrex Vídeo por IP ao vivo, sem fio, com baixa latência Codec de vídeo por IP LiveShot Comrex Vídeo por IP ao vivo, sem fio, com baixa latência Desde 1961, a Comrex produz produtos inovadores que avançam os limites da tecnologia e oferecem às emissoras soluções

Leia mais

CONVERSOR ISOLADOR RS232 / RS485 I-7520

CONVERSOR ISOLADOR RS232 / RS485 I-7520 CONVERSOR ISOLADOR RS232 / RS485 I-7520 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso CONVERSOR ISOLADOR RS232 / RS485 I-7520. Para garantir o uso correto e eficiente do I-7520, leia este manual completo

Leia mais

Gigabit Ethernet media Converter 10/100/1000M-TP para 1000M-SX/LX Manual do usuário

Gigabit Ethernet media Converter 10/100/1000M-TP para 1000M-SX/LX Manual do usuário Gigabit Ethernet media Converter 10/100/1000M-TP para 1000M-SX/LX Manual do usuário 1. Visão Geral O Gigabit Ethernet Media Converter cumpre com IEEE802.3 Normas. O conversor é projetado para converter

Leia mais

Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro - JBRJ. Centro Nacional de Conservação da Flora - CNCFlora. Planejamento de Despesas 2011

Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro - JBRJ. Centro Nacional de Conservação da Flora - CNCFlora. Planejamento de Despesas 2011 Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro - JBRJ Centro Nacional de Conservação da Flora - CNCFlora Planejamento de Despesas 2011 Equipamentos Item 1: Desktop de trabalho - Quantidade 03

Leia mais

Aula III Redes Industriais

Aula III Redes Industriais Aula III Redes Industriais Universidade Federal da Bahia Escola Politécnica Disciplina: Instrumentação e Automação Industrial I(ENGF99) Professor: Eduardo Simas(eduardo.simas@ufba.br) 1 Introdução Muitas

Leia mais

Fontes CC. Principais características. www.supplier.ind.br

Fontes CC. Principais características. www.supplier.ind.br A SUPPLIER Indústria e Comércio de Eletroeletrônicos Ltda é uma empresa constituída com o objetivo de atuar no setor das Indústrias Eletroeletrônicas, principalmente na fabricação de fontes de alimentação

Leia mais

AEC Access Easy Controller. Guia de Referência

AEC Access Easy Controller. Guia de Referência AEC Access Easy Controller Guia de Referência Índice 3 1. AEC - Vista Geral do Sistema 4 2. AEC - Componentes Principais 6 3. AEC - Configuração 7 4. AEC - Benefícios 8 5. AEC - Como encomendar? 10 6.

Leia mais

Matriz seletora VGA/WXGA & Controle RS-232. 8 x 8 TRANSCORTEC STATUS OUTPUT 2

Matriz seletora VGA/WXGA & Controle RS-232. 8 x 8 TRANSCORTEC STATUS OUTPUT 2 MX-88 Matriz seletora VGA/WXGA & Controle RS-232 8 x 8 TRANSCORTEC STATUS OUTPUT 2 1 3 4 5 6 7 8 INPUT AUDIO IN AUDIO OUT 1 2 3 4 5 6 7 8 1 2 3 4 5 6 7 8 AC IN VGA/WXGA OUT 1 VGA/WXGA OUT 2 VGA/WXGA OUT

Leia mais

Gigabit Ethernet media Converter 10/100/1000M-TP a 1000M-SFP Manual do usuário

Gigabit Ethernet media Converter 10/100/1000M-TP a 1000M-SFP Manual do usuário Gigabit Ethernet media Converter 10/100/1000M-TP a 1000M-SFP Manual do usuário 1. Visão Geral O Gigabit Ethernet Media Converter cumpre com IEEE802.3 Normas. O conversor é projetado para converter sinais

Leia mais

Ficha técnica: MultiFiber Pro

Ficha técnica: MultiFiber Pro Ficha técnica: MultiFiber Pro Kits de teste de fibra e Medidor de energia ótica Os centros de dados estão crescendo, abastecidos pela proliferação da mídia, da virtualização e da necessidade de mais segurança

Leia mais