BIOLOGIA EVOLUÇÃO PROF ESTEVAM

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BIOLOGIA EVOLUÇÃO PROF ESTEVAM"

Transcrição

1 BIOLOGIA EVOLUÇÃO PROF ESTEVAM TESTES 1) (Santos) Muitos antibióticos, inicialmente usados com sucesso contra bactérias patogênicas, parecem ter perdido sua eficiência. Um mesmo antibiótico, usado para tratar repetidas infecções, acaba sendo totalmente ineficaz. O aparecimento dessa resistência poderia ser interpretado como: a) o uso continuo do mesmo antibiótico induziu a adaptação das bactérias. b) o antibiótico não induziu à resistência, apenas selecionou os indivíduos que já eram resistentes. c) as bactérias se adaptaram ao antibiótico. d) o antibiótico induziu as bactérias a modificarem seu metabolismo. e) n.d.a. 2) (MACK) A moderna teoria da evolução, também conhecida como Neodarwinismo ou Teoria Sintética da Evolução, admite que: a) Lamarck estava correto quanto ao desenvolvimento ou atrofia pelo uso ou desuso, acrescentando, no entanto, que essas características adquiridas serão transmitidas aos descendentes. b) Lamarck estava totalmente errado nas duas leis que fundamentam a sua teoria. c) a seleção artificial promovida pelo homem está sendo a maior causa da evolução. d) mutações provocadas por mudanças ambientais causam variabilidade e, sobre essa variabilidade, o meio atua, selecionando os mais aptos favoravel mente e eliminando os menos aptos. e) mutações e recombinações genéticas causam variabilidade nos indivíduos, tomando uns mais aptos e outros menos aptos. Estes serão favorecidos ou eliminados pelo meio ambiente num processo de seleção natural. 3) (FUVEST 97) Examine a árvore filogenética abaixo: Esperamos encontrar maior semelhança entre genes de a) bactéria e protozoário. b) peixe e baleia. c) baleia e pássaro. d) estrela-do-mar e ostra. e) ostra e coral.

2 4) (FATEC) Associe as colunas e assinale a alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo. (1) A variabilidade dos seres vivos é fruto de mutações e recombinação genética. (2) As estruturas desenvolvidas pelo uso ou atrofiadas pelo desuso são hereditárias. (3) A teoria da seleção natural explica como os seres vivos evoluem no decorrer do tempo através da sobrevivência dos mais adaptados. ( ) Lamarckismo ( ) Darwinismo ( ) Neodarwinismo 5) (FUVEST 97) Um estudante levantou algumas hipóteses para explicar porque em alguns rios de cavernas os peixes são cegos. Qual delas está de acordo com a teoria sintética da evolução? a) No ambiente escuro das cavernas, os olhos se atrofiaram como conseqüência da falta de uso. b) Os olhos, sem utilidade na escuridão das cavernas, se transformaram ao longo do tempo em órgãos táteis. c) No ambiente escuro das cavernas, os peixes cegos apresentaram vantagens adaptativas em relação aos não cegos. d) A falta de luz nas cavernas induziu mutação deletéria drástica que levou à regressão dos olhos num curto espaço de tempo. e) A falta de luz nas cavernas induziu mutações sucessivas que ao longo de muitas gerações levaram à regressão dos olhos. 6) (PUC-96 CG) Duas populações de pássaros morfologicamente semelhantes e designados A e B, vivem em ecossistemas diferentes. Na área de transição entre esses ecossistemas pode, ocasionalmente, ocorrer cruzamento entre membros das populações A e B com descendentes férteis. A partir da análise dessa situação, um estudante aventou as seguintes hipóteses: I. As populações A e B podem ser sub-espécies ou raças de uma mesma espécie. II. As populações A e B podem estar em fase de especiação. III. O DNA das populações A e B apresenta grande semelhança quanto às seqüências de bases nitrogenadas. Pode-se considerar: a) apenas I viável. b) apenas II viável. c) apenas III viável. d) apenas II e III viáveis. e) I, II e III viáveis. 7) (Santa Casa-83) Considere estruturas I. análogas II. homólogas III. resultantes de evolução convergente São usadas como base para classificações que refletem relações filogenéticas a) apenas I. b) apenas II. c) apenas III. d) apenas I e II. e) I, II e III.

3 8) (VUNESP 96 CG) Especiação é um processo de formação de novas espécies. O mecanismo diretamente responsável pela especiação é chamado de a) hibridação. b) isolamento reprodutivo. c) esterilização. d) recombinação gênica. e) multiplicação celular. 9) (FUVEST 78) Assinale a alternativa correta: a) Espécies distintas normalmente não se intercruzam e quando o fazem freqüentemente produzem híbridos inviáveis ou estéreis. b) Espécies distintas trocam genes entre si e podem constituir uma única população. c) As raças se originam sem que haja isolamento geográfico entre as populações. d) Duas populações de uma espécie originam espécies diferentes apenas quando vivem em uma mesma área geográfica. e) isolamento geográfico entre duas populações de uma espécie conduz necessariamente à formação espécies diferentes. 10) (FUVEST 81) Certas infecções hospitalares podem ser de difícil combate por meio de antibióticos comuns. Este fato deve-se à: a) indução nas bactérias de resistência aos antibióticos. b) convivência de portadores de diversos tipos de infecção. c) seleção de linhagens de bactérias resistentes aos antibióticos. d) rejeição dos antibióticos pelo organismo humano. e) tendência da bactéria a se habituar aos antibióticos. 11) (FUVEST 81) I. Os membros de uma população natural de uma mesma espécie se cruzam livremente. II. Subespécies de uma mesma espécie são separadas por mecanismos de isolamento reprodutiva. III. Isolamento geográfico de populações de uma espécie pode levar à formação de novas espécies. Quais da afirmações acima estão corretas? a) Apenas I está correta. b) Apenas II está correta. c) Apenas I e III estão corretas. d) Apenas I e II estão corretas. e) Apenas II e III estão corretas. 12) (CESGRANRIO 97) Analise as afirmativas abaixo, a respeito das mutações. I. Sempre que o ambiente se torna desfavorável, o ser vivo reage sofrendo uma mutação gênica. II. As mutações transmitidas às gerações futuras são aquelas que ocorrem em células germinativas. III. As mutações ocorridas em células somáticas são de grande valor adaptativo para a perpetuação da espécie. Está(ão) correta(s): a) I apenas. b) II apenas. c) III apenas. d) I e II apenas. e) II e III apenas.

4 13) (Santa Casa-83) O gênero vegetal Spartina é composto por várias espécies que apresentam o seguinte número de cromossomos em suas células meristemáticas: I. S. stricta - 56 II. S. alterniflora - 70 III. S. townsendii A espécie S. townsendii é, provavelmente, a) um poliplóide de I. b) um aneuplóide de II. c) descendente de espécie diferente de I e II. d) apenas um híbrido de I e II. e) um híbrido poliplóide de I e II. 14) (FUVEST 96) São mecanismos responsáveis pelo aumento da variabilidade genética dos organismos a a) mutação, seleção natural e a partenogênese. b) mutação, a autogamia e recombinação gênica. c) mutação, a segregação independente dos cromossomos e a recombinação gênica. d) seleção natural, a segregação independente dos cromossomos e a autogamia. e) seleção natural, a recombinação gênica e a partenogênese. 15) (UN. BRASILIA) - A respeito do processo evolutivo, julgue os itens abaixo, assinalando com C as corretas e E as erradas. 0) ( ) A transmissão dos caracteres adquiridos pelo uso e desuso constitui-se numa das falhas da teoria de Lamarck. 1) ( ) Segundo Darwin, as variações que surgem em cada geração são objeto de seleção e devem, aquelas que conferem uma maior adaptação, ser transmitidas à nova geração. 2) ( ) Grande parte da base científica da teoria de Darwin foi obtida na viagem por ele feita ao redor do mundo. 3) ( ) Homologia e analogia entre órgãos, são conceitos que ajudam a compreender melhor o processo evolutivo. 4) ( ) Um fato importante, que causou dificuldades para a teoria darwiniana da evolução, foi a existência dos fósseis. 5) ( ) Sabe-se hoje em dia que devido aos problemas ambientais, como a poluição e a devastação vegetal, a seleção natural perdeu sua ação biológica. 16) (FATEC) - Os estudos dos processos de evolução dos seres vivos revelaram a existência de estruturas homólogas e análogas. Assinale a alternativa correta sobre essas estruturas. a) Duas ou mais estruturas são consideradas homólogas quando apresentam funções diferentes, mas mesmas origens. b) Duas ou mais estruturas são consideradas análogas quando apresentam origens e funções diferentes. c) Duas ou mais estruturas são consideradas homólogas quando apresentam mesmas funções mas diferentes origens. d) Duas ou mais estruturas são consideradas análogas quando apresentam mesmas funções e origens. e) Duas ou mais estruturas são consideradas homólogas quando apresentam mesmas funções e origens.

5 17) (OSEC) - "Seus ancestrais eram animais de quatro patas como os demais répteis. Uma necessidade surgiu e esses animais passaram a se mover deslizando pelo solo e esticando o corpo para atravessar passagens estreitas. Nessas condições as patas deixaram de ter utilidade e passaram até a prejudicar o deslizamento. As patas, pela falta de uso, foram se atrofiando e, após um longo tempo desapareceram por completo". O texto acima exemplifica a teoria denominada a) seleção natural. b) morganismo. c) darwinismo. c) lamarquismo. d) fixismo. 18) (GV-88 JUL) Define-se mutação com sendo a: a) interação de hormônios nos órgãos reprodutores. b) modificação brusca de gens ou de cromossomos acarretando uma variação hereditária. c) modificação lenta e gradativa com relação a um caráter. d) transformação sofrida por uma célula motivada por agentes físicos. e) hibridação de indivíduos que, após algumas gerações, apresentam ativismo. 19) (GV-96) Atualmente, são bem conhecidos os efeitos adversos à saúde humana, causados por diversos poluentes ambientais, especialmente aqueles que possuem potencialidades mutagênicas ou carcinogênicas, os quais, devido à sua interação com mecanismos genéticos, podem causar mutações e doenças nas gerações futuras. Assinale as afirmações corretas: I. Mutações são modificações bruscas do material genético de uma célula que podem ser transmitidas à prole (descendência ou células filhas). II. As mutações podem ser espontâneas ou induzidas por agentes físicos, químicos ou biológicos com potencial mutagênico. III. Mutação é toda alteração do material genético que resulta sempre de segregação ou recombinação cromossômicas. IV. Mutações gênicas podem ser causadas por poluentes ambientais e provocar alterações responsáveis pelo aparecimento de genótipos diferentes numa população. A alternativa que contém as afirmações corretas é: a) I e III. b) II e III. c) I, II e IV. d) IV e III. e) III. ESCRITAS 20) (Unicamp-92S) Em uma determinada espécie, flores amarelas representam uma adaptação bem sucedida em relação a um certo polinizador. Todos os indivíduos atuais dessa espécie apresentam flores amarelas, mas, há muito tempo atrás, existiram flores de outras cores. Cite a teoria que explica esse fato e descreva o processo que levou à existência de uma única cor para as flores dessa espécie.

6 21) (Unicamp-94S) Os antepassados dos golfinhos tinham patas, que, de tanto serem usadas para a natação, foram se transformando em nadadeiras. a) A frase acima está de acordo com a teoria de Lamarck ou com a teoria de Darwin? Justifique relacionando a teoria escolhida com a frase. b) Por que a frase está em desacordo com a teoria não escolhida? 22) (Unicamp-95S) Escolha a frase que corresponde ao conceito atual de evolução e dê, para cada uma das outras duas, a razão de não a ter escolhido: I. A evolução resulta da modificação das populações e não dos indivíduos. II. A evolução ocorrerá tanto mais rapidamente quanto mais os indivíduos se modificarem para se adaptar ao ambiente. III. Os indivíduos que vencem a luta pela sobrevivência são os que determinam o rumo da evolução, não importando se produzem descendentes e quantos eles são. 23) (FUVEST 95) Uma população de bactérias foi colocada em meio de cultura saturado de um determinado antibiótico. A maioria das bactérias morreu. No entanto, algumas sobreviveram e deram origem a linhagens resistentes a este antibiótico. a) Explique o processo segundo a teoria lamarquista de evolução. b) Explique o processo segundo a teoria darwinista de evolução. 24) (FUVEST 80) Compare as asas dos insetos e as asas dos vertebrados quanto à sua origem e estrutura. 25) (UNESP) Considere as seguintes afirmações: 1) "O gafanhoto é verde porque vive na grama." 2) "O gafanhoto vive na grama porque é verde." Na sua opinião, qual afirmação seria atribuída a Darwin e qual seria atribuída a Lamarck? Justifique sua resposta.

7 26) (FUVEST 85) Analise as frases abaixo: a) Pela necessidade de viver em terra firma, os ovos dos répteis adquiriram casca que os tornou resistentes à dessecação. b) Por terem desenvolvidos ovos dotados de casca resistente à dessecação, os répteis puderam conquistar o ambiente terrestre. Relacione cada frase com a teoria da evolução de Lamarck ou de Darwin. Justifique sua resposta. 27) (VUNESP) - Os peixes cavernícolas são geralmente cegos. Como teria Lamarck explicado esse fenômeno? 28) (FUVEST 89) - "De maneira geral, os machos mais vigorosos, que apresentam maior adaptação ao lugar que ocupam na natureza, deixam maior número de descendentes." Essa afirmação é de Charles Darwin, em A Origem das Espécies. a) Qual a idéia fundamental da teoria darwinista, contida na afirmação? b) Relacione a afirmação de Darwin com o fenômeno da delimitação de território, largamente observado entre os animais vertebrados. 29) (FATEC) O fenômeno conhecido como melanismo industrial, no qual populações de mariposas de cor clara foram gradativamente substituídas por mariposas de cor escura constitui uma das mais notáveis mudanças evolutivas presenciadas pelo homem. Explique qual é a relação existente entre a mutação genética e a seleção natural na evolução das mariposas.

BA.28: Evolução BIOLOGIA

BA.28: Evolução BIOLOGIA ATIVIDADES 1. (UFMG) Uma população de formigas foi dividida pela passagem de um rio em seu território. As duas populações formadas ficaram isoladas durante muito tempo. Reunidas em laboratório, observouse

Leia mais

BIOLOGIA APROFUNDAMENTO DO ESTUDO DE EVOLUÇÃO PROF ESTEVAM

BIOLOGIA APROFUNDAMENTO DO ESTUDO DE EVOLUÇÃO PROF ESTEVAM BIOLOGIA APROFUNDAMENTO DO ESTUDO DE EVOLUÇÃO PROF ESTEVAM CONTEÚDO: lamarquismo, darwinismo, neodarwinismo, analogia, homologia, convergência adaptativa e irradiação adaptativa EVOLUÇÃO TEORIAS EVOLUTIVAS

Leia mais

Lista de Exercícios (BIO-LEO)

Lista de Exercícios (BIO-LEO) Lista de Exercícios (BIO-LEO) 1. (Fgv 2015) As estruturas ilustram os ossos das mãos ou patas anteriores de seis espécies de mamíferos, não pertencentes obrigatoriamente ao mesmo ecossistema. V. A recombinação

Leia mais

Perspectivas da Evolução das Espécies

Perspectivas da Evolução das Espécies X SEMINÁRIO FILOSOFIA DAS ORIGENS 2 a 4 de junho de 2011 Perspectivas da Evolução das Espécies Marcia Oliveira de Paula Centro Universitário Adventista de São Paulo Diretrizes Curriculares para o Curso

Leia mais

GENÉTICA DE POPULAÇÕES:

GENÉTICA DE POPULAÇÕES: Genética Animal Fatores Evolutivos 1 GENÉTICA DE POPULAÇÕES: A genética de populações lida com populações naturais. Estas consistem em todos os indivíduos que, ao se reproduzir uns com os outros, compartilham

Leia mais

3) As afirmativas a seguir referem-se ao processo de especiação (formação de novas espécies). Com relação a esse processo é INCORRETO afirmar que

3) As afirmativas a seguir referem-se ao processo de especiação (formação de novas espécies). Com relação a esse processo é INCORRETO afirmar que Exercícios Evolução - parte 2 Professora: Ana Paula Souto Nome: n o : Turma: 1) Selecione no capítulo 7 duas características de defesa de plantas. a) DESCREVA cada característica. b) Para cada característica,

Leia mais

A árvore genealógica dos seres vivos

A árvore genealógica dos seres vivos Aula 11 Objetivo O objetivo desta unidade é apresentar os principais conceitos utilizados na descrição da árvore genealógica dos seres vivos. O presente é a chave do passado J. Hutton Evolução é um metafenômeno.

Leia mais

Atividade extra. Questão 1. Questão 2. Ciências da Natureza e suas Tecnologias Biologia. A diversidade biológica é o fruto da variação genética.

Atividade extra. Questão 1. Questão 2. Ciências da Natureza e suas Tecnologias Biologia. A diversidade biológica é o fruto da variação genética. Atividade extra Questão 1 A diversidade biológica é o fruto da variação genética. Falar em biodiversidade e em tempo significa, necessariamente, falar de: a. Degeneração. b. Conservação. c. Evolução. d.

Leia mais

Professor(a): Marco Rossellini Disciplina: Biologia Aluno(a): Ano: 3 EM Nº: Data: / / Bimestre: 3º NOTA: Exercícios - Geekie

Professor(a): Marco Rossellini Disciplina: Biologia Aluno(a): Ano: 3 EM Nº: Data: / / Bimestre: 3º NOTA: Exercícios - Geekie 1) Leia os trechos seguintes, extraídos de um texto sobre a cor de pele humana. A pele de povos que habitaram certas áreas durante milênios adaptou-se para permitir a produção de vitamina D. À medida que

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares FUVEST 2010 1ª fase www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares FUVEST 2010 1ª fase www.planetabio.com 1- O Índice de Massa Corporal (IMC) é o número obtido pela divisão da massa de um indivíduo adulto, em quilogramas, pelo quadrado da altura, medida em metros. É uma referência adotada pela Organização

Leia mais

EXERCÍCIO RESOLVIDO ORIENTAÇÕES RESUMO TEÓRICO EXERCÍCIOS PROPOSTOS. BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 3.b - TEORIAS EVOLUTIVAS

EXERCÍCIO RESOLVIDO ORIENTAÇÕES RESUMO TEÓRICO EXERCÍCIOS PROPOSTOS. BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 3.b - TEORIAS EVOLUTIVAS BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 3.b - TEORIAS EVOLUTIVAS ORIENTAÇÕES Essa lista é a continuação da lista 3.a, com mais exercícios sobre teorias evolutivas. Como sempre, resolva as questões

Leia mais

CRIACIONISMO E EVOLUCIONISMO

CRIACIONISMO E EVOLUCIONISMO CRIACIONISMO E EVOLUCIONISMO INTRODUÇÃO Síntese sobre a Teoria da Evolução Química. Criacionismo (fundamentado na fé e na religião). É a primeira explicação para perguntas sobre a origem do Universo, da

Leia mais

Exercícios com Gabarito de Biologia Pteridófitas

Exercícios com Gabarito de Biologia Pteridófitas Exercícios com Gabarito de Biologia Pteridófitas 1) (PUC - SP-2008) No ciclo de vida de uma samambaia ocorre meiose na produção de esporos e mitose na produção de gametas. Suponha que a célula-mãe dos

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNICAMP 2011 2ª fase www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNICAMP 2011 2ª fase www.planetabio.com 1- Doenças graves como o botulismo, a lepra, a meningite, o tétano e a febre maculosa são causadas por bactérias. As bactérias, no entanto, podem ser úteis em tecnologias que em pregam a manipulação de

Leia mais

Questão 1. Questão 2. Questão 3. Resposta. Resposta

Questão 1. Questão 2. Questão 3. Resposta. Resposta Questão 1 Os esquemas representam cortes transversais de regiões jovens de uma raiz e de um caule de uma planta angiosperma. Alguns tecidos estão identificados por um número e pelo nome, enquanto outros

Leia mais

O DNA é formado por pedaços capazes de serem convertidos em algumas características. Esses pedaços são

O DNA é formado por pedaços capazes de serem convertidos em algumas características. Esses pedaços são Atividade extra Fascículo 2 Biologia Unidade 4 Questão 1 O DNA é formado por pedaços capazes de serem convertidos em algumas características. Esses pedaços são chamados de genes. Assinale abaixo quais

Leia mais

Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida. 2º EM Biologia Frente B. Prof. Jairo José Matozinho Cubas

Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida. 2º EM Biologia Frente B. Prof. Jairo José Matozinho Cubas Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida 2º EM Biologia Frente B Prof. Jairo José Matozinho Cubas Lista de exercícios referentes ao primeiro trimestre: CONTEÚDO: Cordados 1. (Uel 2014) Nos últimos 10.000

Leia mais

A especiação: o surgimento de novas espécies

A especiação: o surgimento de novas espécies Disciplina: Ciências Série: 2ª série EM - 1º TRIM Professora: Ivone Azevedo da Fonseca Assunto: Formação das Espécies A ESPECIAÇÃO A especiação: o surgimento de novas espécies Especiação é o nome dado

Leia mais

Exercício de Biologia - 3ª série

Exercício de Biologia - 3ª série Exercício de Biologia - 3ª série 1- A poluição atmosférica de Cubatão continua provocando efeitos negativos na vegetação da Serra do Mar, mesmo após a instalação de filtros nas indústrias na década de

Leia mais

das espécies Chegamos à aula 50! Durante as aulas do Os trabalhos de Charles Darwin

das espécies Chegamos à aula 50! Durante as aulas do Os trabalhos de Charles Darwin A evolução das espécies A UU L AL A Chegamos à aula! Durante as aulas do telecurso, você viu vários temas relacionados com a Biologia: genética, botânica, zoologia, fisiologia, ecologia entre outros. Finalizaremos

Leia mais

cromossomos para montagem de um cariótipo? Prof. Zell (Biologia) OS CROMOSSOMOS 04. (UNI-RIO/ENCE) 01.

cromossomos para montagem de um cariótipo? Prof. Zell (Biologia) OS CROMOSSOMOS 04. (UNI-RIO/ENCE) 01. Biologia > Citologia > Núcleo Celular >Alunos Prof. Zell (Biologia) cromossomos para montagem de um cariótipo? OS CROMOSSOMOS 01. Observando a tabela abaixo percebemos que chimpanzé e gorila possuem mesmo

Leia mais

a) Que característica do coração dos mamíferos impede a mistura do sangue venoso e arterial?

a) Que característica do coração dos mamíferos impede a mistura do sangue venoso e arterial? Q.01 Os esquemas representam cortes transversais de regiões jovens de uma raiz e de um caule de uma planta angiosperma. Alguns tecidos estão identificados por um número e pelo nome, enquanto outros estão

Leia mais

Lista de Genética 2º EM Colégio São José - 2013

Lista de Genética 2º EM Colégio São José - 2013 1. (Fuvest 2004) As três cores de pelagem de cães labradores (preta, marrom e dourada) são condicionadas pela interação de dois genes autossômicos, cada um deles com dois alelos: "Ee" e "Bb". Os cães homozigóticos

Leia mais

BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 64 EVOLUÇÃO DO HOMEM

BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 64 EVOLUÇÃO DO HOMEM BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 64 EVOLUÇÃO DO HOMEM EVOLUÇÃO DO HOMEM A PARTIR DO AUSTRALOPITECUS, QUE VIVEU HÁ 1.200.000 ANOS Fixação 1) Recentes análises do DNA de chimpanzés permitiram concluir que o

Leia mais

Delza - Ciências 6ª Série RECUPERAÇÂO. QUESTÃO 1 (Descritor: associar características básicas à classificação dos seres vivos.)

Delza - Ciências 6ª Série RECUPERAÇÂO. QUESTÃO 1 (Descritor: associar características básicas à classificação dos seres vivos.) Delza - Ciências 6ª Série RECUPERAÇÂO QUESTÃO 1 (Descritor: associar características básicas à classificação dos seres vivos.) Assunto: Classificação dos seres vivos Os cientistas estabeleceram um sistema

Leia mais

a) Que característica do coração dos mamíferos impede a mistura do sangue venoso e arterial?

a) Que característica do coração dos mamíferos impede a mistura do sangue venoso e arterial? Q.01 Os esquemas representam cortes transversais de regiões jovens de uma raiz e de um caule de uma planta angiosperma. Alguns tecidos estão identificados por um número e pelo nome, enquanto outros estão

Leia mais

Atividade extra. Questão 1. Questão 2. Ciências da Natureza e suas Tecnologias Biologia

Atividade extra. Questão 1. Questão 2. Ciências da Natureza e suas Tecnologias Biologia Atividade extra Questão 1 O pesquisador Carlos Lineu nasceu na Suécia, em 1707. Ele descreveu milhares de espécies, incluindo a espécie humana. Fonte: Ciências da natureza e suas tecnologias Biologia 1.

Leia mais

Respiração Comparada. Biologia Monitores: Bruna Maria e Thamirys Moraes 08, 09 e 10/07/2015. Material de Apoio para Monitoria

Respiração Comparada. Biologia Monitores: Bruna Maria e Thamirys Moraes 08, 09 e 10/07/2015. Material de Apoio para Monitoria Respiração Comparada 1. Observe os esquemas referentes a sistemas respiratórios animais. Com base nesses esquemas e em conhecimentos sobre o assunto, é INCORRETO afirmar-se que: a) 1 e 2 são comuns a vertebrados

Leia mais

b) Represente um segmento de mrna usando como molde a cadeia de DNA complementar à do enunciado.

b) Represente um segmento de mrna usando como molde a cadeia de DNA complementar à do enunciado. Instituto Politécnico de Coimbra / ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA Exame de Biologia para Avaliação da Capacidade para Acesso ao Ensino Superior dos maiores de 23 anos Data: 2 de Maio de 2013 Duração: 2 horas

Leia mais

SUMÁRIO CAPÍTULO I O QUE SÃO ESPÉCIES E O QUE SE ENTENDE POR SUA ORIGEM 19 Definição de espécie, 19 Os primeiros transmutacionistas, 20 A opinião científica antes de Darwin, 21 O problema antes de Darwin,

Leia mais

Biologia CITOLOGIA - UNICAMP - VESTIBULARES DE 2016-2010

Biologia CITOLOGIA - UNICAMP - VESTIBULARES DE 2016-2010 1. (Unicamp 2015) O vírus Ebola foi isolado em 1976, após uma epidemia de febre hemorrágica ocorrida em vilas do noroeste do Zaire, perto do rio Ebola. Esse vírus está associado a um quadro de febre hemorrágica

Leia mais

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS. Fonte: O Estado de S.Paulo, 10/12/ 97.

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS. Fonte: O Estado de S.Paulo, 10/12/ 97. CIÊNCIAS BIOLÓGICAS 13. Ao chegar ao Pará (Belém), encontrei a cidade, antes alegre e saudável, desolada por duas epidemias: a febre amarela e a varíola. O governo tomou todas as precauções sanitárias

Leia mais

Classificação dos processos sucessionais

Classificação dos processos sucessionais SUCESSÃO ECOLÓGICA A SUCESSÃO ECOLÓGICA PODE SER DEFINIDA COMO UM GRADUAL PROCESSO NO QUAL AS COMUNIDADE VÃO SE ALTERANDO ATÉ SE ESTABELECER UM EQUILÍBRIO. AS FASES DISTINTAS DA SUCESSÃO ECOLÓGICA SÃO:

Leia mais

Zoologia e Botânica. Biologia Monitores: Julio Junior e Thamirys Moraes 16, 17, 18 e 20/12/2015. Material de Apoio para Monitoria

Zoologia e Botânica. Biologia Monitores: Julio Junior e Thamirys Moraes 16, 17, 18 e 20/12/2015. Material de Apoio para Monitoria Zoologia e Botânica 1. A doença de Chagas atinge milhões de brasileiros, que podem apresentar, como sintoma, problemas no miocárdio, que levam à insuficiência cardíaca. Por que, na doença de Chagas, ocorre

Leia mais

Projeto-síntese de Ciências 8º ano 3º trimestre

Projeto-síntese de Ciências 8º ano 3º trimestre Ciências/15 8º ano Turma: 3º trimestre Nome: Data: / / 8ºcie303r Caros alunos, Projeto-síntese de Ciências 8º ano 3º trimestre O 3º trimestre de Ciências encerra nossos estudos sobre o corpo humano e trata

Leia mais

Áudio GUIA DO PROFESSOR. Idéias evolucionistas e evolução biológica

Áudio GUIA DO PROFESSOR. Idéias evolucionistas e evolução biológica Teoria sintética da evolução Parte II Conteúdos: Tempo: Objetivos: Idéias evolucionistas e evolução biológica Duração do áudio 5 minutos O objetivo deste programa é tratar das idéias neodarwinistas e mostrar

Leia mais

Exercícios de Evidências da Evolução

Exercícios de Evidências da Evolução Exercícios de Evidências da Evolução Material de apoio do Extensivo 1. (Unesp) No filme Avatar, de James Cameron (20th Century Fox, 2009), os nativos de Pandora, chamados Na Vi, são indivíduos com 3 metros

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares VUNESP 2007 questões escritas www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares VUNESP 2007 questões escritas www.planetabio.com 1- O que divide os especialistas não é mais se o aquecimento global se abaterá sobre a natureza daqui a vinte ou trinta anos, mas como se pode escapar da armadilha que criamos para nós mesmos nesta esfera

Leia mais

3ºano-lista de exercícios-introdução à fisiologia animal

3ºano-lista de exercícios-introdução à fisiologia animal 1. (Udesc) Os hormônios são substâncias químicas produzidas pelas glândulas endócrinas que atuam sobre órgãos-alvo à distância. A ação hormonal pode provocar o estímulo ou a inibição das funções orgânicas.

Leia mais

Lei da Segregação. Experimentos de Mendel

Lei da Segregação. Experimentos de Mendel Lei da Segregação Os trabalhos do monge Agostinho Gregor Mendel, realizados há mais de um século, estabeleceram os princípios básicos da herança, que, até hoje, são aplicados nos estudos da Genética. A

Leia mais

GOIÂNIA, / / 2015. PROFESSOR: FreD. ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações:

GOIÂNIA, / / 2015. PROFESSOR: FreD. ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: FreD DISCIPLINA: Biologia SÉRIE: 1º ALUNO(a): Lista de Exercícios No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações:

Leia mais

EXERCÍCIOS RESOLVIDOS ORIENTAÇÕES RESUMO TEÓRICO. BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 3.a TEORIAS EVOLUTIVAS

EXERCÍCIOS RESOLVIDOS ORIENTAÇÕES RESUMO TEÓRICO. BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 3.a TEORIAS EVOLUTIVAS BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 3.a TEORIAS EVOLUTIVAS ORIENTAÇÕES Esta lista contém exercícios sobre as teorias evolutivas, um assunto bastante importante e presente nos vestibulares de todo

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE BIOLOGIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE BIOLOGIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE BIOLOGIA Nome: Nº Série: 2ª Data: / 10 / 2015 Professores: Gisele / Marcelo / Thierry (valor: 1,0 ponto) 3º Bimestre A. Apresentação: Caro aluno, A estrutura da recuperação bimestral

Leia mais

Resistência de Bactérias a Antibióticos Catarina Pimenta, Patrícia Rosendo Departamento de Biologia, Colégio Valsassina

Resistência de Bactérias a Antibióticos Catarina Pimenta, Patrícia Rosendo Departamento de Biologia, Colégio Valsassina Resistência de Bactérias a Antibióticos Catarina Pimenta, Patrícia Rosendo Departamento de Biologia, Colégio Valsassina Resumo O propósito deste trabalho é testar a resistência de bactérias (Escherichia

Leia mais

Introdução à Filogenética para Professores de Biologia

Introdução à Filogenética para Professores de Biologia Introdução à Filogenética para Professores de Biologia A filogenética ajuda a organizar a grande biodiversidade de forma a evidenciar a Evolução. Vamos entender como isso funciona? www.botanicaonline.com.br

Leia mais

GENÉTICA HUMANA HISTÓRICO 26/08/2013 GREGOR MENDEL AULA 3 RELAÇÃO GENÓTIPO-FENÓTIPO

GENÉTICA HUMANA HISTÓRICO 26/08/2013 GREGOR MENDEL AULA 3 RELAÇÃO GENÓTIPO-FENÓTIPO GENÉTICA HUMANA AULA 3 RELAÇÃO GENÓTIPO-FENÓTIPO CURSO: Psicologia SÉRIE: 2º Semestre CARGA HORÁRIA SEMANAL: 02 Horas/aula CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 40 Horas HISTÓRICO GREGOR MENDEL 1822 Nasceu em Heinzendorf,

Leia mais

GENÉTICA 1ª Lei de Mendel

GENÉTICA 1ª Lei de Mendel GENÉTICA 1ª Lei de Mendel 1) Um rato marrom foi cruzado com duas fêmeas pretas. Uma delas teve 7 filhotes pretos e 6 filhotes de cor marrom. A outra teve 14 filhotes de cor preta. Os genótipos do macho

Leia mais

Professor: CRISTINO RÊGO Disciplina: CIÊNCIAS Assunto: VERTEBRADOS: RÉPTEIS AVES E MAMÍFEROS BATERIA DE EXERCÍCIOS 7º ANO

Professor: CRISTINO RÊGO Disciplina: CIÊNCIAS Assunto: VERTEBRADOS: RÉPTEIS AVES E MAMÍFEROS BATERIA DE EXERCÍCIOS 7º ANO Professor: CRISTINO RÊGO Disciplina: CIÊNCIAS Assunto: VERTEBRADOS: RÉPTEIS AVES E MAMÍFEROS Belém /PA BATERIA DE EXERCÍCIOS 7º ANO 1 Analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa incorreta: a)

Leia mais

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS 1. (Ufrgs 2015) Com base nas características dos moluscos, assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmações abaixo. ( ) Os moluscos apresentam simetria radial.

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNESP 2010 1ª fase www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNESP 2010 1ª fase www.planetabio.com 1- Leia a notícia. Dengue tipo 4 reaparece após 25 anos A dengue é causada por quatro tipos de vírus: DENV-1, DENV-2, DENV-3 e DENV-4. O tipo DENV-4 não era encontrado no país desde 1982, mas exames de

Leia mais

Questão 1. Questão 3. Questão 2 1ª PARTE: QUESTÕES OBJETIVAS. alternativa E. alternativa B. A, B e C pertenceriam, respectivamente, a organismos

Questão 1. Questão 3. Questão 2 1ª PARTE: QUESTÕES OBJETIVAS. alternativa E. alternativa B. A, B e C pertenceriam, respectivamente, a organismos 1ª PARTE: QUESTÕES OBJETIVAS Questão 1 O exame de um epitélio e do tecido nervoso de um mesmo animal revelou que suas células apresentam diferentes características. Isso ocorre porque a) as moléculas de

Leia mais

3ª Série / Vestibular

3ª Série / Vestibular 3ª Série / Vestibular 01. Uma característica típica de todo o tecido conjuntivo é: (A) apresentar células em camadas unidas; (B) apresentar poucas camadas de células; (C) apresentar muito material intersticial;

Leia mais

ENEM. Biologia Aula 03. Profº Marcelo TESTES

ENEM. Biologia Aula 03. Profº Marcelo TESTES TESTES (ENEM 98) João ficou intrigado com a grande quantidade de notícias envolvendo DNA: clonagem da ovelha Dolly, terapia gênica, testes de paternidade, engenharia genética, etc. Para conseguir entender

Leia mais

História do pensamento evolutivo

História do pensamento evolutivo Biologia Evolutiva História do pensamento evolutivo Victor Martin Quintana Flores Evolução significa mudança a em seres vivos por descendência com modificação Evolução significa mudança, mudança na forma

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO 2010 Questão 1 O reino Animalia, ou reino dos

Leia mais

Origem da Vida 3. Questões do ENEM 7. Os Primeiros Seres Vivos Na Terra 9. Questões do ENEM 13. Teoria da Evolução 14. Questões do ENEM 19

Origem da Vida 3. Questões do ENEM 7. Os Primeiros Seres Vivos Na Terra 9. Questões do ENEM 13. Teoria da Evolução 14. Questões do ENEM 19 1 Unidade I Capítulo I Origem da Vida 3 Questões do ENEM 7 Capítulo II Os Primeiros Seres Vivos Na Terra 9 Questões do ENEM 13 Capítulo III Teoria da Evolução 14 Questões do ENEM 19 Capítulo IV Evolução

Leia mais

Antigas doutrinas da Índia, da Babilônia e do Egito ensinavam que rãs, cobras e crocodilos eram gerados pelo lodo dos rios.

Antigas doutrinas da Índia, da Babilônia e do Egito ensinavam que rãs, cobras e crocodilos eram gerados pelo lodo dos rios. 1 2 Antigas doutrinas da Índia, da Babilônia e do Egito ensinavam que rãs, cobras e crocodilos eram gerados pelo lodo dos rios. Esses seres, que apareciam inexplicavelmente no lodo, eram encarados como

Leia mais

A probabilidade de nascer uma menina afetada do cruzamento de 3 com 11 é: a) 0,00 b) 0,25 c) 0,50 d) 0,75 e) 1,00

A probabilidade de nascer uma menina afetada do cruzamento de 3 com 11 é: a) 0,00 b) 0,25 c) 0,50 d) 0,75 e) 1,00 Genética e Evolução 1. A mosca drosófila, de olho branco, apresenta a constituição genética X W Y e não possui gene para olho vermelho, que impede a manifestação do outro gene, para olho branco. Na frase,

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

PROVAS DA SEGUNDA ETAPA PS2007/UFG

PROVAS DA SEGUNDA ETAPA PS2007/UFG UFG-PS/7 PROVAS DA SEGUNDA ETAPA PS7/UFG Esta parte do relatório mostra o desempenho dos candidatos do grupo na prova de Biologia da ª etapa do PS7. Inicialmente, são apresentados os dados gerais dos candidatos

Leia mais

Na fotografia, observa-se um corredor florestal, construído para interligar ambientes expostos a esse tipo de impacto ecológico.

Na fotografia, observa-se um corredor florestal, construído para interligar ambientes expostos a esse tipo de impacto ecológico. 1. (Uerj 2015) Com a implantação de atividades agropecuárias, populações muito reduzidas de uma mesma espécie podem ficar isoladas umas das outras em fragmentos florestais separados. Caso permaneçam em

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2006 www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2006 www.planetabio.com 1-No processo evolutivo, centenas de espécies podem ser criadas em um tempo relativamente curto. Esse fenômeno é conhecido como radiação adaptativa. No grupo dos répteis, ocorreu uma grande radiação adaptativa

Leia mais

UFMG - 2006 2º DIA BIOLOGIA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

UFMG - 2006 2º DIA BIOLOGIA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR UFMG - 2006 2º DIA BIOLOGIA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Biologia Questão 01 Um pesquisador soltou seis gaviões numa região em que havia pombos em bandos. Os bandos eram constituídos por diferentes

Leia mais

MATÉRIA. Juliana. Fósseis / Falta de alimento / Mutações / Seleção natural / Darwin / Evolução

MATÉRIA. Juliana. Fósseis / Falta de alimento / Mutações / Seleção natural / Darwin / Evolução Valores eternos. TD Recuperação ALUNO(A) MATÉRIA Ciências PROFESSOR(A) Juliana ANO SEMESTRE DATA 7º 1º Julho/2013 TOTAL DE ESCORES ESCORES OBTIDOS ---- ---- 1. Relacione as palavras do quadro abaixo com

Leia mais

Data: /08/14 Bimestr e:

Data: /08/14 Bimestr e: Data: /08/14 Bimestr e: 2 Nome : Disciplina Ciências : Valor da Prova / Atividade: Professo r: 7 ANO N º Ângela Nota: Objetivo / Instruções: Lista de Recuperação 1.Como é a reprodução dos fungos? Assinale

Leia mais

Contextualizando. Capítulo 2

Contextualizando. Capítulo 2 Capítulo 2 A Teoria Sintética Introdução Você já deve ter notado que para Darwin estar correto é preciso uma condição básica: tem de haver diferenças entre os organismos de uma determinada espécie, de

Leia mais

EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES 1. INTRODUÇÃO

EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES 1. INTRODUÇÃO EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES 1. INTRODUÇÃO A teoria da evolução afirma que as espécies atuais descendem de outras espécies que sofreram modificações, através dos tempos. Os ancestrais das espécies atualmente

Leia mais

Identificação. v Nome: Data: / / SIMULADO Nº 13

Identificação. v Nome: Data: / / SIMULADO Nº 13 Identificação v Nome: Data: / / SIMULADO Nº 13 1. Quanto mais desenvolvida é uma nação, mais lixo cada um de seus habitantes produz. Além de o progresso elevar o volume de lixo, ele também modifica a qualidade

Leia mais

Questões comentadas ENEM 2007 Parte 1 Química, Física e Biologia

Questões comentadas ENEM 2007 Parte 1 Química, Física e Biologia Questões comentadas ENEM 2007 Parte 1 Química, Física e Biologia Caro estudante, Trazemos para você as questões das disciplinas de Química, Física e Biologia da prova do Exame Nacional do Ensino Médio

Leia mais

Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução

Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução 1. No nosso organismo existem dois tipos de enzimas do tipo amilase, a amilase pancreática e a amilase salivar, com velocidades

Leia mais

4. (Unifesp 2012) Durante a prófase I da meiose, pode ocorrer o crossing over ou permuta gênica entre os cromossomos das células reprodutivas.

4. (Unifesp 2012) Durante a prófase I da meiose, pode ocorrer o crossing over ou permuta gênica entre os cromossomos das células reprodutivas. 1. (Fuvest 2013) Nas mulheres, uma ovogônia diferencia-se em ovócito primário, que sofre a divisão I da meiose. Dessa divisão, resultam o ovócito secundário e outra célula, chamada primeiro corpúsculo

Leia mais

D) Presença de tubo digestivo completo em anelídeos, e incompleto em cnidários.

D) Presença de tubo digestivo completo em anelídeos, e incompleto em cnidários. QUESTÓES DE ESPECÍFICA BIOLOGIA PROFª: THAÍS ALVES/ DATA: 15/07/14 01. Critérios anatômicos, fisiológicos e embrionários servem também de base para estabelecer o grau de parentesco entre os seres e, consequentemente,

Leia mais

ATIVIDADE INTERAÇÕES DA VIDA. CAPÍTULOS 1, 2, 3 e 4

ATIVIDADE INTERAÇÕES DA VIDA. CAPÍTULOS 1, 2, 3 e 4 ATIVIDADE INTERAÇÕES DA VIDA CAPÍTULOS 1, 2, 3 e 4 Questão 1) Abaixo representa uma experiência com crisântemo, em que a planta foi iluminada, conforme mostra o esquema. Com base no esquema e seus conhecimentos,

Leia mais

ORIENTAÇÕES RESUMO TEÓRICO EXERCÍCIOS RESOLVIDOS. BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 2 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO

ORIENTAÇÕES RESUMO TEÓRICO EXERCÍCIOS RESOLVIDOS. BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 2 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO BIOLOGIA II Prof.: Vinícius (Minguado) LISTA 2 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO ORIENTAÇÕES Esta lista contém exercícios sobre fatos que sustentam a ideia da evolução dos seres vivos. Resolva as questões com foco

Leia mais

A A A A A A A A A A A A A A A BIOLOGIA

A A A A A A A A A A A A A A A BIOLOGIA BIOLOGI 1 Leia o texto a seguir. Turritopsis dohrnii é uma espécie de hidrozoário conhecida atualmente como água- -viva imortal. Seu curioso ciclo de vida foi descoberto em 1988 por Christian Sommer, um

Leia mais

Questão 01 Gabarito: 27 Comentário

Questão 01 Gabarito: 27 Comentário Questão 01 Gabarito: 27 Biologia 01. Correta, pois essa é a definição de metabolismo basal, que consiste nas reações que garantem a sobrevivência do indivíduo e dos seus tecidos. 02. Correta, uma vez que

Leia mais

PROVA DE BIOLOGIA II CÉLULAS-TRONCO PODERÃO SER ALTERNATIVA PARA TRATAMENTO DE DOENÇAS AUTOIMUNES

PROVA DE BIOLOGIA II CÉLULAS-TRONCO PODERÃO SER ALTERNATIVA PARA TRATAMENTO DE DOENÇAS AUTOIMUNES 24 PROVA DE BIOLOGIA II Q U E S T Ã O 4 0 CÉLULAS-TRONCO PODERÃO SER ALTERNATIVA PARA TRATAMENTO DE DOENÇAS AUTOIMUNES As doenças autoimunes afetam de 3% a 5% da população mundial. Causadas por uma disfunção

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 3.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 3.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 3.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

ORIGEM E EVOLUÇÃO DA VIDA SISTEMÁTICA

ORIGEM E EVOLUÇÃO DA VIDA SISTEMÁTICA ORIGEM E EVOLUÇÃO DA VIDA SISTEMÁTICA Multicelularidade = Novidade evolutiva Diversificação a partir de espécie ancestral = Ramificação da linhagem Para entendermos toda esta diversidade é necessário nomeá-la

Leia mais

Superlista Membrana plasmática

Superlista Membrana plasmática Superlista Membrana plasmática 1. (Unicamp 2015) O desenvolvimento da microscopia trouxe uma contribuição significativa para o estudo da Biologia. Microscópios ópticos que usam luz visível permitem ampliações

Leia mais

PROVA DE BIOLOGIA. Os gráficos mostram dois comportamentos fisiológicos de plantas CAM em função das horas do dia.

PROVA DE BIOLOGIA. Os gráficos mostram dois comportamentos fisiológicos de plantas CAM em função das horas do dia. 13 PROVA DE BIOLOGIA Q U E S T Ã O 1 6 Algumas plantas, como cactos e abacaxis, fixam CO 2 através de uma via chamada CAM. Durante a noite, essas plantas fixam CO 2 em compostos orgânicos de quatro carbonos

Leia mais

BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 04 RESPIRAÇÃO

BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 04 RESPIRAÇÃO BIOLOGIA - 2 o ANO MÓDULO 04 RESPIRAÇÃO Fixação 1) (UFRJ) Os peixes apresentam grande variedade de adaptações a modos de vida diferentes no ambiente marinho. Entre os peixes carnívoros existem aqueles

Leia mais

Grupo I 1. (14 pontos) A figura em baixo mostra uma representação esquemática de uma célula eucariótica.

Grupo I 1. (14 pontos) A figura em baixo mostra uma representação esquemática de uma célula eucariótica. Provas Especialmente Adequadas Destinadas a Avaliar a Capacidade para a Frequência dos Cursos Superiores do Instituto Politécnico de Leiria dos Maiores de 23 Anos - 2011 Prova de conhecimentos específicos

Leia mais

1º Unidade. Capítulo I. Capítulo II. Capítulo III. Capítulo IV. Capítulo V. Apoio: Organização: Origem da Vida 3. Os Primeiros Seres Vivos Na Terra 7

1º Unidade. Capítulo I. Capítulo II. Capítulo III. Capítulo IV. Capítulo V. Apoio: Organização: Origem da Vida 3. Os Primeiros Seres Vivos Na Terra 7 1 1º Unidade Capítulo I Origem da Vida 3 Capítulo II Os Primeiros Seres Vivos Na Terra 7 Capítulo III Teoria da Evolução 11 Capítulo IV Evolução 15 Capítulo V O que é Citologia? 21 Questões do ENEM 23

Leia mais

HERANÇA LIGADA AO X, HERANÇA LIMITADA PELO SEXO E HERANÇA INFLUENCIADA PELO SEXO

HERANÇA LIGADA AO X, HERANÇA LIMITADA PELO SEXO E HERANÇA INFLUENCIADA PELO SEXO Genética Animal - Herança 1 HERANÇA LIGADA AO X, HERANÇA LIMITADA PELO SEXO E HERANÇA INFLUENCIADA PELO SEXO Os cromossomos sexuais não são completamente homólogos, e portanto devese esperar que os padrões

Leia mais

Gabarito Caderno de atividades Biologia - Diversidade da Vida Volume 1-2013

Gabarito Caderno de atividades Biologia - Diversidade da Vida Volume 1-2013 Gabarito Caderno de atividades Biologia - Diversidade da Vida Volume 1-2013 1. A origem da vida na Terra 1) A 2) B 3) E 4) E 5) C 6) C 7) C 8) C 9) D 10) C 11) A 12) C 13) C 14) B 15) D 2. A evolução biológica

Leia mais

PRÉ-REQUISITOS O aluno deverá conhecer o conceito de ecologia, sua importância e suas funções

PRÉ-REQUISITOS O aluno deverá conhecer o conceito de ecologia, sua importância e suas funções EVOLUÇÃO, SELEÇÃO, ADAPTAÇÃO E ESPECIAÇÃO Aula 2 META Apresentar as teorias sobre evolução e as diferenças fundamentais entre as teorias de Lamarck e Darwin; mostrar as relações entre seleção natural e

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2014 Conteúdos Habilidades Avaliação

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2014 Conteúdos Habilidades Avaliação COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL Disciplina: Biologia Trimestre: 1º Professor(a): Camilla Silva (B1) e Elisangela

Leia mais

ATIVIDADES DE REVISÃO PARA AVALIAÇÃO FINAL. Professor (a): Aline Tonin Ano /Série: 7º ano Componente Curricular: Ciências 17A,17B, 17C, 17D e E.

ATIVIDADES DE REVISÃO PARA AVALIAÇÃO FINAL. Professor (a): Aline Tonin Ano /Série: 7º ano Componente Curricular: Ciências 17A,17B, 17C, 17D e E. ATIVIDADES DE REVISÃO PARA AVALIAÇÃO FINAL Professor (a): Aline Tonin Ano /Série: 7º ano Componente Curricular: Ciências Turma: 17A,17B, 17C, 17D e E. Lista dos conteúdos Características dos Seres Vivos

Leia mais

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2012-2 GABARITO DA PROVA DE BIOLOGIA

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2012-2 GABARITO DA PROVA DE BIOLOGIA Questão 1 Sobre as mitocôndrias, responda: a) Através da análise de DNA, demonstrou-se que muitos genes da bactéria Rickettsia prowazekii, que causa um tipo de febre, são parecidos com os genes das mitocôndrias.

Leia mais

Conteúdo Básico Comum (CBC) de BIOLOGIA do Ensino Médio Exames Supletivos/2015

Conteúdo Básico Comum (CBC) de BIOLOGIA do Ensino Médio Exames Supletivos/2015 SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO ENSINO MÉDIO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS Conteúdo

Leia mais

Lista de exercícios 3º ano poríferos

Lista de exercícios 3º ano poríferos 1. (Pucmg) Possuem sistema nervoso, EXCETO: a) Agnatos. b) Cnidários. c) Anelídeos. d) Poríferos. e) Moluscos. 2. (Pucmg) Uma esponja-viva é um animal multicelular com pequena diferenciação celular. Suas

Leia mais

P R O V A DE BIOLO G I A I I

P R O V A DE BIOLO G I A I I 10 P R O V A DE BIOLO G I A I I QUESTÃO 31 Uma criança do sexo masculino pertencente ao grupo sangüíneo AB e com síndrome de Down foi curada de uma leucemia, após receber transplante de medula óssea proveniente

Leia mais

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO PROFESSORES DO POSITIVO COMENTÁRIO DA PROVA DE BIOLOGIA A prova da segunda fase da UFPR foi muito bem distribuída em termos de conteúdo. As questões, de forma geral, foram bem elaboradas e se caracterizaram

Leia mais

2. Nesse sistema, ocorre uma relação de protocooperação entre algas e bactérias.

2. Nesse sistema, ocorre uma relação de protocooperação entre algas e bactérias. PROVA DE BIOLOGIA QUESTÃO 01 Entre os vários sistemas de tratamento de esgoto, o mais econômico são as lagoas de oxidação. Essas lagoas são reservatórios especiais de esgoto, que propiciam às bactérias

Leia mais

CURSOS Agronomia, Ciências Habilitação em Biologia, Educação Física, Farmácia, Fisioterapia e Zootecnia

CURSOS Agronomia, Ciências Habilitação em Biologia, Educação Física, Farmácia, Fisioterapia e Zootecnia PROCESSO SELETIVO 2004/1 BIOLOGIA CURSOS Agronomia, Ciências Habilitação em Biologia, Educação Física, Farmácia, Fisioterapia e Zootecnia Só abra este caderno quando o fiscal autorizar. Leia atentamente

Leia mais

Património Genético. Genética - estuda a transmissão de características de uma geração para a outra

Património Genético. Genética - estuda a transmissão de características de uma geração para a outra Património Genético Genética - estuda a transmissão de características de uma geração para a outra E o que acontece quando os pais se cruzam com outros de caracteres opostos? Por que pais altos geram

Leia mais

7º ANO Ensino Fundamental

7º ANO Ensino Fundamental E n s in o F o r t e e d e R e s u l t a do s Estudante: Centro Educacio nal Juscelino K ub itschek G u a r á Exercícios Rec. Semestral 2º Bimestre C I Ê N C I A S 7º ANO Ensino Fundamental Data: / / Turno:

Leia mais