MATRIZ DOS INDICADORES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MATRIZ DOS INDICADORES"

Transcrição

1 MATRIZ DOS INDICADORES 1. DEMOGRAFIA Indicador: População infantojuvenil, de 0 a 19 anos, por sexo e cor/raça, residente nos setores urbano e rural. Definição: apresenta o número total de crianças e adolescentes, com idade de 0 a 19 anos, classificados por gênero, nos setores urbano e rural, para todos os municípios e para o total do Estado do Paraná. Interpretação: permite observar o número de crianças e adolescentes em cada município, classificados por gênero e local de moradia. Tabela 1.1 Pessoas com idade de 0 a 19 anos, segundo gênero, nos setores urbano e rural, por município Apresenta apenas os números absolutos. Tabela 1.2 Proporção de jovens de 0 a 19 anos, em relação à população total, por município População de jovens de 0 a 19 anos População total Tabela 1.3 Número e percentual de pessoas com idade de 0 a 19 anos, nos setores urbano e rural, por município População de jovens de 0 a 19 anos residentes no setor urbano População de jovens de 0 a 19 anos residentes no setor rural 1

2 Tabela 1.4 Número e percentual de pessoas com idade de 0 a 19 anos, segundo gênero, por município População de jovens de 0 a 19 anos do gênero masculino População de jovens de 0 a 19 anos do gênero feminino Tabela 1.5 Total de pessoas com idade de 0 a 19 anos, segundo gênero e cor/raça, por município Apresenta apenas os números absolutos. Tabela 1.6 Número e percentual de pessoas com idade de 0 a 19 anos, segundo cor/raça, por município População de jovens de 0 a 19 anos da cor/raça branca População de jovens de 0 a 19 anos da cor/raça preta População de jovens de 0 a 19 anos da cor/raça amarela População de jovens de 0 a 19 anos da cor/raça parda População de jovens de 0 a 19 anos da cor/raça indígena Indicador: Taxa bruta de natalidade. Definição: é o número de nascimentos que têm lugar numa determinada área e num determinado período de tempo, por cada mil habitantes. 2

3 Interpretação: indica a fertilidade da população. Tabela 1.7 Taxa bruta de natalidade, por município Nº nascidos vivos População total 0 2. CIDADANIA Indicador: População menor de 1 ano de idade, sem registro de nascimento. Definição: é o número de crianças menores de 1 ano de idade que não foram registradas pelos pais no prazo legal. Interpretação: indica o número de crianças "sem cidadania", pelo fato de não terem registro de nascimento. Tabela 2.1 Número e percentual de crianças menores de 1 ano de idade, sem registro de nascimento, em relação ao total de crianças com essa idade, por município Nº crianças < 1 ano sem registro de nascimento Nº crianças < 1 ano 3. SAÚDE Indicador: Mães adolescentes segundo faixas etárias 10 a 14 anos e 15 a 19 anos Definição: é o número de meninas entre 10 e 14 anos e entre 15 e 19 anos que foram mães, no ano de Interpretação: indica o percentual de meninas que foram mães com a idade de 10 a 14 anos e de 15 a 19 anos. Tabela 3.1 Número e percentual de mães adolescentes segundo faixas etárias da mãe, em relação ao total de adolescentes nessas faixas etárias, por município - 3

4 Nº de mães com idade de 10 a 14 anos Nº de meninas com idade de 10 a 14 anos Nº de mães com idade de 15 a 19 anos Nº de meninas com idade de 15 a 19 anos Nº de mães com idade de 10 a 19 anos Nº de meninas com idade de 10 a 19 anos Tabela 3.2 Número e percentual de mães adolescentes segundo faixas etárias, por município, em relação ao total de mães adolescentes do Estado do Paraná Nº de mães com idade de 10 a 14 anos no município Nº total de mães com idade de 10 a 14 anos no Paraná Nº de mães com idade de 15 a 19 anos no município Nº total de mães com idade de 15 a 19 anos no Paraná Nº de mães com idade de 10 a 19 anos no município Nº total de mães com idade de 10 a 19 anos no Paraná Fonte: MS/DATASUS - Informações de Saúde/Estatísticas Vitais; IBGE - Censo Demográfico EDUCAÇÃO Indicador: Crianças de 0 a 5 anos matriculadas na educação infantil, em escolas das redes pública e privada, em relação ao total de crianças nessa faixa etária. Definição: é o número de crianças de 0 a 3 anos que estão matriculadas em creche e o número de crianças de 4 e 5 anos que estão matriculadas na pré-escola, nas escolas da rede pública e privada. Interpretação: permite observar o percentual de crianças de 0 a 5 anos de idade, matriculadas em creches e pré-escolas, em relação ao total de crianças nessas faixas etárias. Tabela 4.1 Número e percentual de crianças com idade de 0 a 3 anos, matriculadas em creche, em 4

5 escolas da rede pública e privada, por município, em relação ao total de crianças nessa faixa etária Nº crianças de 0 a 3 anos matriculadas em creche Nº total de crianças de 0 a 3 anos Fonte: INEP - Censo Escolar 2010; IBGE - Censo Demográfico 2010 Tabela 4.2 Número de crianças com idade de 4 e 5 anos, matriculadas na pré-escola, em escolas da rede pública e privada, em relação ao total de crianças nessa faixa etária, por município Nº crianças de 4 e 5 anos matriculadas em pré-escola Nº total de crianças de 4 e 5 anos Fonte: INEP - Censo Escolar 2010; IBGE - Censo Demográfico Indicador: Abandono escolar no ensino fundamental e no ensino médio. Definição: é o número de alunos das redes pública e privada, que abandonaram o ensino fundamental - anos iniciais e finais, e o ensino médio. Interpretação: permite observar a proporção de alunos que abandonaram apenas o ano que estavam cursando. Tabela 4.3 Taxa de abandono, na rede pública e privada, nos anos iniciais e finais do ensino fundamental, e no ensino médio, por município Fonte: INEP - Censo Escolar 2010; Secretaria de Estado da Educação do Paraná (SEED) Tabela 4.4 Taxa de abandono, na rede pública e privada, no ensino fundamental e médio, por município Fonte: INEP - Censo Escolar 2010; SEED Indicador: Escolas que não possuem acesso e nem banheiros adaptados para pessoas com deficiência Definição: é o número de escolas na rede pública e privada que não possuem acesso e nem banheiros adaptados para pessoas com deficiência. Interpretação: indica o percentual de escolas que não possuem acesso e nem banheiro adaptado para pessoas com deficiência. Também representa o percentual de escolas sem acesso e o percentual 5

6 de escolas sem banheiro adaptado em relação ao total de escolas do município. Tabela 4.5 Número de escolas que não possuem acesso adaptado para deficientes, na rede pública e privada, por município Nº escolas da rede pública sem acesso para deficientes Nº total de escolas da rede pública Nº escolas da rede privada sem acesso para deficientes Nº total de escolas da rede privada Nº total de escolas do município sem acesso para deficientes Nº total de escolas do município Fonte: INEP - Censo Escolar 2010 Tabela 4.6 Número de escolas que não possuem banheiro adaptado para deficientes, na rede pública e privada, por município Nº escolas da rede pública sem banheiro adaptado para deficientes Nº total de escolas da rede pública Nº escolas da rede privada sem banheiro adaptado para deficientes Nº total de escolas da rede privada Nº total de escolas do município sem banheiro adaptado para deficientes Nº total de escolas do município Fonte: INEP - Censo Escolar HABITAÇÃO Indicador: Domicílios com pessoas de 0 a 17 anos que não possuem rede de esgoto, no setor urbano. Definição: é o número de domicílios com pessoas com idade de 0 a 17 anos, no setor urbano, nos quais não existe rede de esgoto. 6

7 Interpretação: indica o percentual de domicílios no setor urbano, sem rede de esgoto, nos quais residem jovens de 0 a 17 anos. Demonstra também o percentual de domicílios sem rede de esgoto, em relação ao total de domicílios com pessoas nessa idade. Tabela 5.1 Número de domicílios com pessoas com idade de 0 a 17 anos, que não possuem rede de esgoto, em relação ao total de domicílios com pessoas nessa idade, no setor urbano, por município Nº domicílios com pessoas de 0 a 17 anos, sem rede de esgoto Nº total de domicílios com pessoas de 0 a 17 anos 6. ECONOMIA Indicador: Famílias com filhos de até 17 anos, com renda per capita de até 1 salário mínimo, chefiadas pelo pai ou pela mãe. Definição: é o número de famílias com filhos de 0 a 17 anos, que recebem até 1 salário mínimo per capita, organizadas pelos seguintes estratos de renda: 0 a 1/4 de salário mínimo; > 1/4 a 1/2 salário mínimo e > 1/2 a 1 salário mínimo, chefiadas pelo pai ou pela mãe, além do número de famílias com filhos de 0 a 17 anos. Interpretação: indica o percentual de famílias chefiadas pelo pai ou pela mãe, organizadas por estratos de renda, em relação ao total de famílias chefiadas pelo pai ou pela mãe. Tabela 6.1 Número de famílias com filhos até 17 anos, com renda per capita até 1 salário mínimo, segundo estratos de renda, chefiadas pelo pai ou pela mãe, e o total de famílias com filhos de 0 a 17 anos, por município Apresenta apenas os números absolutos. Tabela 6.2 Percentual do número de famílias com filhos até 17 anos, com renda per capita até 1 salário mínimo, segundo estratos de renda, em relação ao total de famílias nesses estratos de renda, chefiadas pelo pai ou pela mãe, por município Nº famílias chefiadas pelo pai, por estrato de renda Nº total de famílias chefiadas pelo pai 7

8 Nº famílias chefiadas pela mãe, por estrato de renda Nº total de famílias chefiadas pela mãe Nº total de famílias por estrato de renda Nº total de famílias Tabela 6.3 Número e percentual de famílias com filhos até 17 anos, com renda per capita até 1 salário mínimo, chefiadas pelo pai e pela mãe e total de famílias com renda per capita até 1 salário mínimo em relação ao total de famílias com filhos de 0 a 17 anos Nº famílias chefiadas pelo pai, por estrato de renda Nº total de famílias chefiadas pelo pai Nº famílias chefiadas pela mãe, por estrato de renda Nº total de famílias chefiadas pela mãe Nº total de famílias por estrato de renda Nº total de famílias 6.4 Número e percentual de famílias com filhos até 17 anos, com renda per capita até 1 salário mínimo chefiadas pelo pai ou pela mãe Nº famílias chefiadas pelo pai Nº total de famílias com renda até 1 S. M. Nº famílias chefiadas pela mãe Nº total de famílias com renda até 1 S. M. 7. JUSTIÇA Indicador: Homicídios de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos, por sexo, faixas etárias e cor/raça. 8

9 Definição: é o número de mortes por homicídio de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos Interpretação: demonstra a magnitude das mortes por homicídio Cálculos: Tabela 7.1 Número e percentual de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos, por faixas etárias (<10 anos;10 a 14 anos;15 a 19 anos), por município Nº de óbitos por homicídio em cada faixa etária Fonte: MS/DATASUS - Informações de Saúde/Estatísticas Vitais Tabela 7.2 Número e percentual de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos, por gênero e faixas etárias (<10 anos;10 a 14 anos;15 a 19 anos), por município Fonte: MS/DATASUS - Informações de Saúde/Estatísticas Vitais Tabela 7.3 Número e percentual de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos, por gênero e em relação ao total de homicídios, por município 2010 Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes do sexo masculino Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes do sexo feminino Nº total de óbitos por homicídio Fonte: MS/DATASUS - Informações de Saúde/Estatísticas Vitais Tabela 7.4 Número e percentual de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos, por cor/raça e faixas etárias, por município 9

10 Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de cor/raça branca em cada faixa etária de crianças e adolescentes de cor/raça branca Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de cor/raça parda em cada faixa etária de crianças e adolescentes de cor/raça parda Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de cor/raça outra em cada faixa etária de crianças e adolescentes de cor/raça outra Fonte: MS/DATASUS - Informações de Saúde/Estatísticas Vitais Tabela 7.5 Número e percentual de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos, por cor/raça, por município Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de cor/raça branca Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de cor/raça parda Nº de óbitos por homicídio de crianças e adolescentes de cor/raça outra Fonte: MS/DATASUS - Informações de Saúde/Estatísticas Vitais Tabela 8.1 Municípios onde existem Conselhos Municipais de Direito da Criança e do Adolescente e Conselhos Tutelares Apresenta apenas os números absolutos. 10

Região Centro Oeste DISTRITO FEDERAL Total

Região Centro Oeste DISTRITO FEDERAL Total Dimensão Demografia Cidadania Saúde Região Centro Oeste DISTRITO FEDERAL Diferença CADÊ Posição Nacional Estadual 2010 para 2011 Nacional 45.886.531-711.009 - - 19º População Infanto Juvenil por Faixa

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Santos, SP 30/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 281,35 km² IDHM 2010 0,840 Faixa do IDHM Muito Alto (IDHM entre 0,8 e 1) (Censo 2010) 419400 hab. Densidade

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Areado, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 282,6 km² IDHM 2010 0,727 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 13731 hab. Densidade demográfica

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Botelhos, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 335,24 km² IDHM 2010 0,702 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 14920 hab. Densidade

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Alto Boa Vista, MT 01/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 2248,35 km² IDHM 2010 0,651 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 5247 hab. Densidade

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Sorriso, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 9382,37 km² IDHM 2010 0,744 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 66521 hab. Densidade

Leia mais

Região Metropolitana Oeste de São Paulo

Região Metropolitana Oeste de São Paulo Região Metropolitana Oeste de São Paulo Sub-Região Oeste Fonte: Secretaria dos Transportes Metropolitanos de São Paulo No Estado de São Paulo, 14,5% da população vive com renda familiar menor que ½ salário

Leia mais

Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina

Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina Secretaria da Saúde do Estado de Santa Catarina Diretoria de Planejamento e Coordenação Gerência de Estatística e Informática Setor de Mortalidadade Indicadores e Dados Básicos: situando Santa Catarina

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME. Nota MDS Brasília, 02 de maio de 2011.

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME. Nota MDS Brasília, 02 de maio de 2011. Nota MDS Brasília, 02 de maio de 2011. Assunto: O perfil da Extrema Pobreza no Brasil com base nos dados preliminares do universo do Censo 2010. 1. INTRODUÇÃO O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Leia mais

Panorama Municipal. Município: Barreiros / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia

Panorama Municipal. Município: Barreiros / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia Município: Barreiros / PE Aspectos sociodemográficos Demografia A população do município ampliou, entre os Censos Demográficos de 2000 e 2010, à taxa de 0,40% ao ano, passando de 39.151 para 40.732 habitantes.

Leia mais

PLANO DE AÇÃO - EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA DO ESTADO DO PARANÁ

PLANO DE AÇÃO - EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERIENTENDENCIA DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE POLITICAS E PROGRAMAS EDUCACIONAIS COORDENAÇÃO DE DESAFIOS EDUCACIONAIS CONTEMPORÂNEOS PLANO DE AÇÃO - EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS

Leia mais

Panorama Municipal. Município: Cabo de Santo Agostinho / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia

Panorama Municipal. Município: Cabo de Santo Agostinho / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia Município: Cabo de Santo Agostinho / PE Aspectos sociodemográficos Demografia A população do município ampliou, entre os Censos Demográficos de 2000 e 2010, à taxa de 1,93% ao ano, passando de 152.836

Leia mais

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 288,39 Urbana 309,57 Rural 167,10

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 288,39 Urbana 309,57 Rural 167,10 SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Jacundá DEMOGRAFIA População Total 51.360 População por Gênero Masculino 25.769 Participação % 50,17 Feminino 25.591

Leia mais

EDUCAÇÃO Total de Escolas no Município Ensino Fundamental Ensino Médio Número de Matrículas Educação Infantil Creche 237

EDUCAÇÃO Total de Escolas no Município Ensino Fundamental Ensino Médio Número de Matrículas Educação Infantil Creche 237 SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Água Azul do Norte DEMOGRAFIA População Total 25.057 População por Gênero Masculino 13.618 Participação % 54,35 Feminino

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Ananindeua DEMOGRAFIA População Total 471.

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Ananindeua DEMOGRAFIA População Total 471. SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Ananindeua DEMOGRAFIA População Total 471.980 População por Gênero Masculino 226.635 Participação % 48,02 Feminino 245.345

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento

Censo Demográfico 2010. Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Censo Demográfico 2010 Trabalho e Rendimento Educação e Deslocamento Rio de Janeiro, 19 de dezembro de 2012 As presentes publicações dão continuidade à divulgação dos resultados do Censo Demográfico 2010

Leia mais

Nº 07 / 13 TEMA: As Crianças em Goiás

Nº 07 / 13 TEMA: As Crianças em Goiás TEMA: As Crianças em Goiás O dia das crianças foi instituído em 1924 pelo então presidente Arthur Bernardes, mas a data passou várias anos desprezada e apenas ganhou notoriedade na década de 1960. Infelizmente

Leia mais

Avanços da Educação no Brasil. Brasília, 29 de janeiro

Avanços da Educação no Brasil. Brasília, 29 de janeiro Avanços da Educação no Brasil Brasília, 29 de janeiro Objetivos Objetivo 1 - Cuidados na primeira infância e educação; Objetivo 2 - Educação primária universal (EPU); Objetivo 3 - Habilidades para jovens

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Peruíbe, SP 30/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 323,17 km² IDHM 2010 0,749 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 59773 hab. Densidade

Leia mais

Sistema de Monitoramento e avaliação dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio em Belo Horizonte

Sistema de Monitoramento e avaliação dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio em Belo Horizonte Sistema de Monitoramento e avaliação dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio em Belo Horizonte O Observatório do Milênio de Belo Horizonte é um espaço de produção, análise e disponibilização de informações

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Novo Mundo, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 5826,18 km² IDHM 2010 0,674 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 7332 hab. Densidade

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Vera, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 2962,4 km² IDHM 2010 0,680 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 10235 hab. Densidade demográfica

Leia mais

Capítulo 3. Fichas de Qualificação de Indicadores

Capítulo 3. Fichas de Qualificação de Indicadores Capítulo 3 Fichas de Qualificação de Indicadores A Demográficos População total A.1................................... 58 Razão de sexos A.2................................... 60 Taxa de crescimento da

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Porto Alegre do Norte, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 3994,51 km² IDHM 2010 0,673 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 10748 hab.

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência

Censo Demográfico 2010. Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência Censo Demográfico 2010 Características Gerais da População, Religião e Pessoas com Deficiência Rio de Janeiro, 29 de junho de 2012 A presente publicação dá continuidade à divulgação dos resultados do Censo

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de São José do Rio Claro, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 5074,56 km² IDHM 2010 0,682 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 17124 hab.

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Cabo Verde, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 368,15 km² IDHM 2010 0,674 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 13823 hab. Densidade

Leia mais

Distribuição da população infanto-juvenil abrigada no Município SÃO GONÇALO Total de abrigos, de crianças e adolescentes e dos aptos à adoção

Distribuição da população infanto-juvenil abrigada no Município SÃO GONÇALO Total de abrigos, de crianças e adolescentes e dos aptos à adoção Distribuição da população infanto-juvenil abrigada no Município SÃO GONÇALO Total de abrigos, de crianças e adolescentes e dos aptos à adoção nº de abrigos nº de c/a % de c/a no Estado aptos à adoção %

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Guaranésia, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 294,28 km² IDHM 2010 0,701 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 18714 hab. Densidade

Leia mais

Apresentação. Flávio Ataliba Flexa Daltro Barreto. Diretor Geral

Apresentação. Flávio Ataliba Flexa Daltro Barreto. Diretor Geral Apresentação O Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) disponibiliza para o Governo e a sociedade o Perfil Básico Municipal 2011. As informações contidas no Perfil Básico Municipal,

Leia mais

Autodeclaração de cor/raça: ( ) Negra ( ) Parda ( ) Branca ( ) Indígena ( ) Amarela

Autodeclaração de cor/raça: ( ) Negra ( ) Parda ( ) Branca ( ) Indígena ( ) Amarela FICHA SOCIOECONÔMICA SOLICITAÇÃO DE BOLSA EDUCAÇÃO SUPERIOR - EAD Processo: ( X ) Renovação ( ) Novatos 1. Dados Preliminares Unidade: FACULDADE ISTA DE OSÓRIO - FACOS CNPJ: 33.621.384 [ ]- POLO: SEDE

Leia mais

PORTO ALEGRE E DEMAIS CAPITAIS BRASILEIRAS

PORTO ALEGRE E DEMAIS CAPITAIS BRASILEIRAS Equipe de Vigilância de Eventos Vitais, Doenças e Agravos não Transmissíveis Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde Secretaria Municipal da Saúde da Prefeitura Municipal de Porto Alegre PORTO ALEGRE

Leia mais

ANEXO II INDICADORES PARA MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA EVOLUÇÃO DAS METAS DO PDME

ANEXO II INDICADORES PARA MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA EVOLUÇÃO DAS METAS DO PDME ANEXO II INDICADORES PARA MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA EVOLUÇÃO DAS METAS DO PDME No presente documento, estão listados os indicadores básicos que serão utilizados para monitoramento e avaliação das metas

Leia mais

Direito à Educação. Parceria. Iniciativa. Coordenação Técnica. Apoio

Direito à Educação. Parceria. Iniciativa. Coordenação Técnica. Apoio Direito à Educação Apoio Parceria Coordenação Técnica Iniciativa Objetivos Refletir sobre: O que é Direito à Educação e como chegamos até aqui Garantia do direito à educação no Brasil Papel atual do Gestor

Leia mais

Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar 2012

Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar 2012 Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar 2012 Rio de Janeiro, 19 / 06 / 2013 1 - Introdução 2 - Objetivos 3 - Coleta dos Dados 4 - Instrumentos de Coleta 5 - Temas abordados 6 - Universo da Pesquisa 7 - Análise

Leia mais

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Infantil

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Infantil Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará Eixo Temático Educação Infantil Ceará, 2015 1 Socioeconômico Diagnóstico Para compreender a situação da educação no estado do Ceará é necessário também

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA: O ENVELHECIMENTO E A QUALIDADE DE VIDA DOS IDOSOS

AUDIÊNCIA PÚBLICA: O ENVELHECIMENTO E A QUALIDADE DE VIDA DOS IDOSOS AUDIÊNCIA PÚBLICA: O ENVELHECIMENTO E A QUALIDADE DE VIDA DOS IDOSOS BRASÍLIA, Julho de 2014 1 Proteção Social entre os Idosos (pessoas com 60 anos ou mais de idade) - Brasil 2 Cobertura Social entre os

Leia mais

ELEITORES E ZONAS ELEITORAIS FONTE DATA REGIÃO

ELEITORES E ZONAS ELEITORAIS FONTE DATA REGIÃO TERRITÓRIO E GOVERNADOR Desmembrado de Estado de São Paulo Data de Instalação 19/12/1853 Data de Comemoração (Aniversário) 19 de Dezembro Governador(a) (TRE-PR) Carlos Alberto Richa ELEITORES E ZONAS ELEITORAIS

Leia mais

Censo Demográfico 2010 FAMÍLIA E DOMICÍLIO

Censo Demográfico 2010 FAMÍLIA E DOMICÍLIO Censo Demográfico 2010 FAMÍLIA E DOMICÍLIO Rio de Janeiro, 17 de outubro de 2012 FAMÍLIA A importância de se estudar FAMÍLIA Desempenha papel central na economia do país, como fonte de produção doméstica,

Leia mais

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL

PERFIL BÁSICO MUNICIPAL GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO (SEPLAG) Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) PERFIL BÁSICO MUNICIPAL Fortaleza-CE 2009 Apresentação O Instituto

Leia mais

CENSO ESCOLAR ESTADO DE SÃO PAULO INFORME 2014

CENSO ESCOLAR ESTADO DE SÃO PAULO INFORME 2014 GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO COORDENADORIA DE INFORMAÇÃO, MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO EDUCACIONAL CENSO ESCOLAR ESTADO DE SÃO PAULO INFORME Governador do Estado de São

Leia mais

CENSO ESCOLAR EDUCACENSO O ITEM COR/RAÇA NO CENSO ESCOLAR DA EDUCAÇÃO BÁSICA

CENSO ESCOLAR EDUCACENSO O ITEM COR/RAÇA NO CENSO ESCOLAR DA EDUCAÇÃO BÁSICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA DIRETORIA DE ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS COORDENAÇÃO GERAL DO CENSO ESCOLAR DA EDUCAÇÃO BÁSICA CENSO ESCOLAR

Leia mais

PNAD - Segurança Alimentar 2004 2009. Insegurança alimentar diminui, mas ainda atinge 30,2% dos domicílios brasileiros

PNAD - Segurança Alimentar 2004 2009. Insegurança alimentar diminui, mas ainda atinge 30,2% dos domicílios brasileiros 1 of 5 11/26/2010 2:57 PM Comunicação Social 26 de novembro de 2010 PNAD - Segurança Alimentar 2004 2009 Insegurança alimentar diminui, mas ainda atinge 30,2% dos domicílios brasileiros O número de domicílios

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome

Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome O Brasil assume o desafio de acabar com a miséria O Brasil assume o desafio de acabar com a

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira NOTA INFORMATIVA DO IDEB 2013 (Atualizada em maio de 2015) Os resultados do Ideb 2013 para escola, município,

Leia mais

DOS CRITÉRIOS DE ISENÇÃO:

DOS CRITÉRIOS DE ISENÇÃO: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRO-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS PROEST ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DO VESTIBULAR UFT/ 2010.2 EDITAL Nº 001/2010, DE 23 DE FEVEREIRO DE 2010

Leia mais

ROTEIRO ESTRUTURADO PARA PESQUISA DO TRABALHO PRÁTICO

ROTEIRO ESTRUTURADO PARA PESQUISA DO TRABALHO PRÁTICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MEDICINA PREVENTIVA DISCIPLINA DE EPIDEMIOLOGIA ROTEIRO ESTRUTURADO PARA PESQUISA DO TRABALHO PRÁTICO

Leia mais

II SEMINÁRIO SOBRE COMPLEXO INDUSTRIAL DA SAÚDE

II SEMINÁRIO SOBRE COMPLEXO INDUSTRIAL DA SAÚDE II SEMINÁRIO SOBRE COMPLEXO INDUSTRIAL DA SAÚDE ASSISTÊNCIA OBSTETRÍCA: ASSISTÊNCIA PRÉ-NATAL E AO PARTO ULTRA-SONOGRAFIA E O MONITORAMENTO DO PARTO JACOB ARKADER EXPECTATIVA DE VIDA Mulheres 71,97 64,33

Leia mais

Dimensão social. Habitação

Dimensão social. Habitação Dimensão social Habitação Indicadores de desenvolvimento sustentável - Brasil 2004 235 39 Adequação de moradia Este indicador expressa as condições de moradia através da proporção de domicílios com condições

Leia mais

Plano Nacional de Educação. Programa Bolsa Família e MDS

Plano Nacional de Educação. Programa Bolsa Família e MDS Plano Nacional de Educação COORDENAÇÃO GERAL DE INTEGRAÇÃO E ANÁLISE DE INFORMAÇÕES Departamento de Condicionalidades x Secretaria Nacional de Renda de Cidadania Ministério do Desenvolvimento Social e

Leia mais

A medida da lei de cotas para o ensino superior

A medida da lei de cotas para o ensino superior Versão 2, 1/12/2008 A medida da lei de cotas para o ensino superior Simon Schwartzman Qual o verdadeiro alcance da lei de cotas para o ensino superior aprovada pelo Congresso Nacional no Dia da Consciência

Leia mais

Programa Mais Educação Avaliação de Impacto e Estudo Qualitativo

Programa Mais Educação Avaliação de Impacto e Estudo Qualitativo Programa Mais Educação Avaliação de Impacto e Estudo Qualitativo *** Esta apresentação propõe-se a trazer um breve panorama do trabalho realizado e, para isso, omite diversos pontos metodológicos e de

Leia mais

2.291 12,97 0,694 0,746 87.535 R$ 18.640,25 R$ 620,10

2.291 12,97 0,694 0,746 87.535 R$ 18.640,25 R$ 620,10 Mapa Social São João da Urtiga Documento gerado em 04/04/206 às 5:37:37 População Censitária (200) 4.726 População Residente Urbana (200) 2.29 População Residente Rural (200) 2.435 Quantidade de Eleitores

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Brasil Novo

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Brasil Novo SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Brasil Novo DEMOGRAFIA População Total 15.690 População por Gênero Masculino 8.314 Participação % 52,99 Feminino 7.376

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Breves

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Breves SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Breves DEMOGRAFIA População Total 92.860 População por Gênero Masculino 47.788 Participação % 51,46 Feminino 45.072 Participação

Leia mais

V Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Marcelo Neri SAE/PR

V Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Marcelo Neri SAE/PR V Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio Marcelo Neri SAE/PR Objetivos do Milênio 1. Acabar com a fome e a miséria ODM 1 META A Global: Até 2015, reduzir a pobreza

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Palestina do Pará

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Palestina do Pará SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Palestina do Pará DEMOGRAFIA População Total 7.475 População por Gênero Masculino 3.879 Participação % 51,89 Feminino

Leia mais

EDUCAÇÃO. SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Salvaterra

EDUCAÇÃO. SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Salvaterra SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Salvaterra DEMOGRAFIA População Total 20.183 População por Gênero Masculino 10.292 Participação % 50,99 Feminino 9.891

Leia mais

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 311,58 Urbana 347,47 Rural 168,26

Rendimento Médio Populacional (R$) Total 311,58 Urbana 347,47 Rural 168,26 SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Marabá DEMOGRAFIA População Total 233.669 População por Gênero Masculino 118.196 Participação % 50,58 Feminino 115.473

Leia mais

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Itaituba

SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Itaituba SIIS - Sistema de Informações de Indicadores Sociais do Estado do Pará Abrangência: Itaituba DEMOGRAFIA População Total 97.493 População por Gênero Masculino 49.681 Participação % 50,96 Feminino 47.812

Leia mais

Universalizar a educação primária

Universalizar a educação primária Universalizar a educação primária META 2 terminem um ciclo completo de ensino. Garantir que, até 2015, todas as crianças, de ambos os sexos, Escolaridade no Estado de São Paulo O aumento sistemático das

Leia mais

Quadro da desigualdade em São Paulo

Quadro da desigualdade em São Paulo Quadro da desigualdade em São Paulo CULTURA Acervo de livros infanto-juvenis das bibliotecas municipais per capita Número de livros infanto-juvenis disponíveis em acervos de bibliotecas e pontos de leitura

Leia mais

LEVANTAMENTO SOBRE CRIANÇAS EM SITUAÇÕES DE RISCO NO BRASIL

LEVANTAMENTO SOBRE CRIANÇAS EM SITUAÇÕES DE RISCO NO BRASIL ESTUDO LEVANTAMENTO SOBRE CRIANÇAS EM SITUAÇÕES DE RISCO NO BRASIL Renata Baars Consultora Legislativa da Área XXI Previdência e Direito Previdenciário ESTUDO JULHO/2009 Câmara dos Deputados Praça 3 Poderes

Leia mais

Indicadores técnicos e de percepção

Indicadores técnicos e de percepção Indicadores técnicos e de percepção Observatório Cidadão Nossa São Paulo Banco virtual que disponibiliza um conjunto de indicadores sociais, ambientais, econômicos, políticos e culturais sobre a cidade

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014 1º ANO DE ATIVIDADES WWW.INSTITUTOJNG.ORG.BR RIO DE JANEIRO RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013-2014 CRIAÇÃO DO INSTITUTO JNG O Instituto JNG é entidade reconhecida como OSCIP

Leia mais

Situação do Domicílio Abs. % Abs. % Total 16.938 100 10.444.526 100 Urbano 4.808 28,39 8.912.692 85,33 Rural 12.130 71,61 1.531.

Situação do Domicílio Abs. % Abs. % Total 16.938 100 10.444.526 100 Urbano 4.808 28,39 8.912.692 85,33 Rural 12.130 71,61 1.531. População segundo a Distribuição de Domicílios 2010 Situação do Domicílio Abs. % Abs. % Total 16.938 100 10.444.526 100 Urbano 4.808 28,39 8.912.692 85,33 Rural 12.130 71,61 1.531.834 14,66 FONTE: IPARDES/IBGE

Leia mais

DESEMPENHO ACADÊMICO DOS ALUNOS DO PROFIS (UNICAMP) SEGUNDO CARACTERÍSTICAS DOS ALUNOS, DAS FAMÍLIAS E DAS ESCOLAS ONDE CURSARAM O ENSINO MÉDIO

DESEMPENHO ACADÊMICO DOS ALUNOS DO PROFIS (UNICAMP) SEGUNDO CARACTERÍSTICAS DOS ALUNOS, DAS FAMÍLIAS E DAS ESCOLAS ONDE CURSARAM O ENSINO MÉDIO DESEMPENHO ACADÊMICO DOS ALUNOS DO PROFIS (UNICAMP) SEGUNDO CARACTERÍSTICAS DOS ALUNOS, DAS FAMÍLIAS E DAS ESCOLAS ONDE CURSARAM O ENSINO MÉDIO NÚCLEO DE ESTUDOS DE POLÍTICAS PÚBLICAS NEPP - UNICAMP STELLA

Leia mais

CRESCIMENTO POPULACIONAL. Estágio-Docência: Camila Macêdo Medeiros

CRESCIMENTO POPULACIONAL. Estágio-Docência: Camila Macêdo Medeiros CRESCIMENTO POPULACIONAL Estágio-Docência: Camila Macêdo Medeiros O que é Crescimento Populacional? O crescimento populacional é a mudança positiva do número de indivíduos de uma população dividida por

Leia mais

MINUTA MATRIZ DE VULNERABILIDADE E RISCO SOCIAL DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

MINUTA MATRIZ DE VULNERABILIDADE E RISCO SOCIAL DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO MINUTA MATRIZ DE VULNERABILIDADE E RISCO SOCIAL DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO As famílias usuárias da política pública de assistência social, foram, ao longo da história dessa política identificadas

Leia mais

SINOPSE ESTATÍSTICA EDUCAÇÃO BÁSICA

SINOPSE ESTATÍSTICA EDUCAÇÃO BÁSICA SINOPSE ESTATÍSTICA EDUCAÇÃO BÁSICA CENSO ESCOLAR 2006 Presidente da República Federativa do Brasil Luís Inácio Lula da Silva Ministro da Educação Fernando Haddad Secretário Executivo José Henrique Paim

Leia mais

Perfil Municipal - Natal (RN)

Perfil Municipal - Natal (RN) Caracterização do Território Área: 169,9 km² Densidade Demográfica: 4.175,5 hab/km² Altitude da Sede: 30 m Ano de Instalação: 1.599 Distância à Capital: 0,0 km Microrregião: Natal Mesorregião: Leste Potiguar

Leia mais

CENSO DA EDUCAÇÃO BÁSICA 2011

CENSO DA EDUCAÇÃO BÁSICA 2011 CENSO DA EDUCAÇÃO BÁSICA 2011 Dezembro de 2011 Edições preliminares Matrículas Educação Básica Número de Matrículas de Educação Básica por Modalidade e Etapa de Ensino, segundo a Dependência Administrativa

Leia mais

Fundação Seade. www.seade.gov.br

Fundação Seade. www.seade.gov.br Maio de N o Diminui a migração no Estado de São Paulo A divulgou mais um número do SP Demográfico, o terceiro de. Dessa vez, são apresentadas estimativas inéditas dos saldos migratórios e das taxas de

Leia mais

Nº 23 Março 2012. Perfil da Raça da População Cearense

Nº 23 Março 2012. Perfil da Raça da População Cearense Nº 23 Março 2012 Perfil da Raça da População Cearense Análise a partir dos dados do Censo Demográfico 2010 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador

Leia mais

Panorama Municipal. Município: Aliança / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia

Panorama Municipal. Município: Aliança / PE. Aspectos sociodemográficos. Demografia Município: Aliança / PE Aspectos sociodemográficos Demografia A população do município ampliou, entre os Censos Demográficos de 2000 e 2010, à taxa de 0,06% ao ano, passando de 37.188 para 37.415 habitantes.

Leia mais

Características Em 2013, foram visitados 149 mil domicílios e entrevistadas 363 mil pessoas.

Características Em 2013, foram visitados 149 mil domicílios e entrevistadas 363 mil pessoas. Rio de Janeiro, 18/09/2014 1 Abrangência nacional Temas investigados: Características Características gerais dos moradores Educação Migração Trabalho e rendimento Trabalho infantil Fecundidade Características

Leia mais

Evolução da população do Rio Grande do Sul. Maria de Lourdes Teixeira Jardim Fundação de Economia e Estatística. 1 - Introdução

Evolução da população do Rio Grande do Sul. Maria de Lourdes Teixeira Jardim Fundação de Economia e Estatística. 1 - Introdução Evolução da população do Rio Grande do Sul. Maria de Lourdes Teixeira Jardim Fundação de Economia e Estatística Área Temática: Emprego e Mercado de Trabalho, Demografia Econômica. 1 - Introdução Este texto

Leia mais

ANEXO II RESOLUÇÃO/CD/FNDE Nº 22, DE 20 DE ABRIL DE 2006. ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO PEDAGÓGICO

ANEXO II RESOLUÇÃO/CD/FNDE Nº 22, DE 20 DE ABRIL DE 2006. ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO PEDAGÓGICO ANEXO II RESOLUÇÃO/CD/FNDE Nº 22, DE 20 DE ABRIL DE 2006. ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO PEDAGÓGICO Estas orientações têm por objetivo nortear a elaboração do Plano Pedagógico, que será apresentado

Leia mais

BRASILEIROS VÃO INVESTIR 13,5% A MAIS COM EDUCAÇÃO EM 2012

BRASILEIROS VÃO INVESTIR 13,5% A MAIS COM EDUCAÇÃO EM 2012 1 BRASILEIROS VÃO INVESTIR 13,5% A MAIS COM EDUCAÇÃO EM 2012 Antônio Eugênio Cunha* O brasileiro vai investir 13,5% a mais com educação em 2012 relativo ao ano anterior. Este é o levantamento divulgado

Leia mais

Gráfico de Barras. Página 3 de 21 30/06/2014 11:12:02. A renda total mensal de sua família se situa na faixa: A menos de 01 salário mínimo (R$ 678,00)

Gráfico de Barras. Página 3 de 21 30/06/2014 11:12:02. A renda total mensal de sua família se situa na faixa: A menos de 01 salário mínimo (R$ 678,00) Questão: 1 Qual o nível de instrução do seu pai? Página 1 de 21 30/06/2014 11:11:58 A Sem Escolaridade 421 B Nível fundamental incompleto (1º Grau) 2996 C Nível fundamental completo (1º Grau) 1226 D Nível

Leia mais

Relatório Técnico da Palestra: Diagnóstico da Situação Educacional no Espírito Santo

Relatório Técnico da Palestra: Diagnóstico da Situação Educacional no Espírito Santo GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DE ECONOMIA E PLANEJAMENTO SEP INSTITUTO JONES DOS SANTOS NEVES IJSN NOTA TÉCNICA 31 Relatório Técnico da Palestra: Diagnóstico da Situação Educacional

Leia mais

CALENDÁRIO DE MATRÍCULA DE TURMAS INGRESSANTES - SiSU

CALENDÁRIO DE MATRÍCULA DE TURMAS INGRESSANTES - SiSU CALENDÁRIO DE MATRÍCULA DE TURMAS INGRESSANTES - SiSU 1º E 2º SEMESTRE DE 2015 OBSERVAÇÃO: o período do calendário corresponde as datas de confirmação de matrícula para as (02) duas entradas, 1º e 2º semestre

Leia mais

Gênero e Pobreza no Brasil: contexto atual

Gênero e Pobreza no Brasil: contexto atual Gênero e Pobreza no Brasil: contexto atual Hildete Pereira de Melo Economia/UFF Projeto SPM/CEPAL Caracterização do tema Gênero: visão diferenciada dos papéis de mulheres e homens na vida econômica e social.

Leia mais

Censo da Educação Superior 2011

Censo da Educação Superior 2011 Censo da Educação Superior 2011 Quadro Resumo - Estatísticas Gerais da Educação Superior por Categoria Administrativa Categoria Administrativa Estatísticas Básicas Total Geral Pública Total Federal Estadual

Leia mais

ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NO ENSINO SUPERIOR: um estudo sobre o perfil dos estudantes usuários dos programas de assistência estudantil da UAG/UFRPE

ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NO ENSINO SUPERIOR: um estudo sobre o perfil dos estudantes usuários dos programas de assistência estudantil da UAG/UFRPE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NO ENSINO SUPERIOR: um estudo sobre o perfil dos estudantes usuários dos programas de assistência estudantil da UAG/UFRPE José Albuquerque Constantino 1 Joselya Claudino de Araújo

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese 2014 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - Síntese Dieese Subseção Força Sindical 19/09/2014 PESQUISA NACIONAL POR AMOSTRA DE DOMICILIOS - PNAD 2013 Síntese dos Indicadores POPULAÇÃO A Pesquisa

Leia mais

Número de matrículas na educação básica por dependência administrativa. Brasil - 2008/2014. Matrícula na educação básica. Pública

Número de matrículas na educação básica por dependência administrativa. Brasil - 2008/2014. Matrícula na educação básica. Pública Número de matrículas na educação básica por dependência administrativa Matrícula na educação básica geral Pública % Federal Estadual Municipal Privada % 2008 53.232.868 46.131.825 86,7 197.532 21.433.441

Leia mais

Ficha Técnica dos indicadores de saúde disponibilizados por meio do aplicativo Statplanet. Mortalidade

Ficha Técnica dos indicadores de saúde disponibilizados por meio do aplicativo Statplanet. Mortalidade Secretaria Municipal da Saúde Coordenação de Epidemiologia e Informação - CEInfo Ficha Técnica dos indicadores de saúde disponibilizados por meio do aplicativo Statplanet Mortalidade Taxa ou Coeficiente

Leia mais

Trabalho infantil no Distrito Federal: diagnóstico, causas e soluções

Trabalho infantil no Distrito Federal: diagnóstico, causas e soluções Trabalho infantil no Distrito Federal: diagnóstico, causas e soluções Brasília Junho, 2013 Companhia de Planejamento do Distrito Federal Codeplan SAM Projeção H Ed. Sede CODEPLAN CEP: 70620-000 - Brasília-DF

Leia mais

Mudanças demográficas e saúde no Brasil Dados disponíveis em 2008

Mudanças demográficas e saúde no Brasil Dados disponíveis em 2008 Mudanças demográficas e saúde no Brasil Dados disponíveis em 2008 José Cechin Superintendente Executivo Carina Martins Francine Leite Nos últimos meses, vários relatórios publicados por diferentes instituições

Leia mais

2010 - Iniciativa global Out of School Children Pelas Crianças Fora da Escola.

2010 - Iniciativa global Out of School Children Pelas Crianças Fora da Escola. 1 Histórico 2010 - Iniciativa global Out of School Children Pelas Crianças Fora da Escola. No Brasil - Acesso, permanência, aprendizagem e conclusão da educação básica na idade certa com Campanha Nacional

Leia mais

Será uma carta entregue em mãos após uma marcha que terá início em São Paulo logo após a eleição e terminará no Palácio do Planalto em Brasília.

Será uma carta entregue em mãos após uma marcha que terá início em São Paulo logo após a eleição e terminará no Palácio do Planalto em Brasília. Pesquisa de Opinião CONTEXTO Carta de um Brasileiro é um movimento de mobilização social com objetivo de entregar à Presidente da República eleita em outubro de 2010 os principais desejos e necessidades

Leia mais

Apoio. Patrocínio Institucional

Apoio. Patrocínio Institucional Patrocínio Institucional Apoio O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura e da arte, desperta potencialidades artísticas que elevam a autoestima de jovens

Leia mais

SITUAÇÃO DOS ODM NOS MUNICÍPIOS

SITUAÇÃO DOS ODM NOS MUNICÍPIOS SITUAÇÃO DOS ODM NOS MUNICÍPIOS O presente levantamento mostra a situação dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) nos municípios brasileiros. Para realizar a comparação de forma mais precisa,

Leia mais

Prefeitura Municipal do Natal

Prefeitura Municipal do Natal Prefeitura Municipal do Natal Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Finanças Plano Plurianual 2010/2013 Programa Horizonte Público Objetivo: 3 Vivendo com Cidadania Contínuo População do município

Leia mais