6) - D A D A I S M O VANGUARDAS PROFESSORA CABRIELLA NOVELLO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "6) - D A D A I S M O VANGUARDAS PROFESSORA CABRIELLA NOVELLO"

Transcrição

1 6) - D A D A I S M O 1916 VANGUARDAS PROFESSORA CABRIELLA NOVELLO

2 DADAISMO Dadaísmo Movimento de contestação artística que recusa todos os modelos plásticos e a própria ideia de arte. Nascido na Suiça, em 1916, o dadaísmo difunde-se internacionalmente e atinge o seu apogeu em França, cerca de Marcel Duchamp, Fonte, 1917, readymade: urinol de porcelana. Verdadeiramente desconcertante e inovador, levando ao extremo a espontaneidade e a irreverência, Dada influenciou os mais importantes movimentos artísticos da segunda metade do século XX.

3 DADAISMO Dadaísmo O movimento Dadá (Dada) ou Dadaísmo foi uma vanguarda moderna iniciada em Zurique, em 1916, no chamado Cabaré Voltaire, por um grupo de escritores e artistas plásticos, dois deles desertores do serviço militar alemão e que era liderado por Tristan Tzara, Hugo Ball e Hans Arp. Embora a palavra dada em francês signifique cavalo de brinquedo, sua utilização marca o non-sense ou falta de sentido que pode ter a linguagem (como na língua de um bebê).

4 O caráter anti-racional do movimento, claramente contrário à Primeira Guerra Mundial. Em poucos anos, o movimento alcançou, além de Zurique, as cidades de Barcelona, Berlim, Colônia, Hanôver, Nova York e Paris. Sendo a negação total da cultura, o Dadaísmo defende o absurdo, a incoerência, a desordem, o caos. Politicamente, firma-se como um protesto contra uma civilização que não conseguiria evitar a guerra. O fim do Dada como atividade de grupo ocorreu por volta de 1921.

5 DADAISMO Foi na literatura que alcançaram sua expressão máxima. No último manifesto divulgado por, Tzara, disse que o grande segredo da poesia é que o pensamento se faz na boca. Como uma afirmação desse tipo é evidentemente incompreensível, ele procurou orientar melhor os seus seguidores dando uma receita para fazer um poema dadaísta:

6 DADAISMO -Pegue um jornal. -Pegue a tesoura. -Escolha no jornal um artigo do tamanho que você deseja dar a seu poema. -Recorte o artigo. -Recorte em seguida com atenção algumas palavras que formam esse artigo e meta-as num saco. -Agite suavemente. -Tire em seguida cada pedaço um após o outro. -Copie conscienciosamente na ordem em que elas são tiradas do saco. -O poema se parecerá com você. -E ei-lo um escritor infinitamente original e de uma sensibilidade graciosa, ainda que incompreendido do público.

7 DADAISMO A princípio, o movimento não envolveu uma estética específica, mas talvez as formas principais da expressão dadá tenham sido o poema aleatório e o ready made. Ready-Made significa confeccionado, pronto. Expressão criada em 1913 pelo artista francês Marcel Duchamp para designar qualquer objeto manufaturado de consumo popular, tratado como objeto de arte por opção do artista. Sua tendência extravagante e baseada no acaso serviu de base para o surgimento de inúmeros outros movimentos artísticos do século XX, entre eles o Surrealismo, a Arte Conceitual, a Pop Arte e o Expressionismo Abstrato.

8 DADAISMO O Dadaísmo é caracterizado pela oposição a qualquer tipo de equilíbrio, pela combinação de pessimismo irônico e ingenuidade radical, pelo ceticismo absoluto e improvisação. Enfatizou o ilógico e o absurdo. O movimento protestava contra a loucura da guerra. Sua principal estratégia era mesmo denunciar e escandalizar. Negava todas as tradições sociais e artísticas.

9 Características principais: DADAISMO Desconfiança em relação a todos os sistemas. Agressividade, ceticismo, anarquia, irreverência, niilismo(doutrina filosófica e política que nega toda e qualquer subordinação ao Estado, à igreja e à família). Expressão do nojo do homem diante da guerra. Antiarte, antiliteratura. Objetos comuns do cotidiano são apresentados de uma nova forma e dentro de um contexto artístico; Irreverência artística;

10 - Dadá não significa nada - NEGAÇÃO - Denominação do grupo é gratuita, e através dela os dadaístas queriam ressaltar o caráter acidental/ non sense da arte - Literatura: liberdade da palavra Líder: Tristan Tzara (romeno) DADAISMO

11 Características principais do dadaísmo: DADAISMO Combate às formas de arte institucionalizadas; Crítica ao capitalismo e ao consumismo; Ênfase no absurdo e nos temas e conteúdos sem lógica; Uso de vários formatos de expressão (objetos do cotidiano, sons, fotografias, poesias, músicas, jornais, etc) na composição das obras de artes plásticas; Forte caráter pessimista e irônico, principalmente com relação aos acontecimentos políticos do mundo.

12 Dadaísmo Marcel Duchamp Marcel Duchamp (Blainville-Crevon, DADAISMO 28 de julho de 1887 Neuilly-sur-Seine, 2 de outubro de 1968) Foi um pintor e escultor francês (cidadão americano a partir de 1955). É um dos precursores da arte conceitual e introduziu a idéia de ready made como objeto de arte. Começou sua carreira como artista criando pinturas de inspiração impressionista, expressionista e cubista. Tendo se mudado para Nova York e largado a Europa fugindo de uma espécie de estagnação criativa, Duchamp encontra na América um solo fértil para sua arte dadaísta. Decorrente dessa fase, e em virtude de seus estudos sobre perspectiva e movimento, nasce o projeto para a obra mais complexa do artista: A noiva despida pelos seus celibatários, mesmo ou O grande vidro.

13 Duchamp foi o responsável pelo conceito DADAISMO de ready made, que é converter um elemento da vida cotidiana, a priori não reconhecido como artístico, para o campo das artes, passou a incorporar material industrializado nas suas esculturas. Em vez de trabalhá-los artisticamente, ele simplesmente os considerava prontos e os exibia como obras de arte. A Fonte, obra que fez repercutir o nome de Duchamp ao redor do mundo - especialmente depois de sua morte -, está baseada nesse conceito de ready made: pensada inicialmente por Duchamp (que, para esconder o seu nome, enviou-a com a assinatura R. Mutt, que se lê ao lado da peça) para figurar entre as obras a serem julgadas para um concurso de arte promovido nos Estados Unidos, a escultura foi rejeitada pelo júri, uma vez que, na avaliação deste, não havia nela nenhum sinal de labor artístico.

14 Com efeito, trata-se de um urinol comum, branco e esmaltado, comprado numa loja de construção e assim mesmo enviado ao júri; entretanto, a despeito do gesto iconoclasta de Duchamp, há quem veja nas formas do urinol uma semelhança com as formas femininas, de modo que se pode ensaiar uma explicação psicanalítica, quando se tem em mente o membro masculino lançando urina sobre a forma feminina. DADAISMO

15 Sua proposta é que a arte ficasse solta das amarras racionalistas e fosse apenas o resultado do automatismo psíquico, selecionado e combinando elementos por acaso. Sendo a negação total da cultura, o Dadaísmo defende o absurdo, a incoerência, a desordem, o caos. Politicamente, firmase como um protesto contra uma civilização que não conseguiria evitar a guerra. DADAISMO

16 DADAISMO

17 DADAISMO Dadaísmo Mona Lisa Marcel Duchamp, L.H.O.O.Q., 1917, Readymade, ajudado: lápis sobre uma reprodução de Mona Lisa

18 Principais artistas dadaístas DADAISMO - Tristan Tzara -Marcel Duchamp -Hans Arp - Julius Evola - Francis Picabia - Max Ernst - Man Ray - Raoul Hausmann - Guillaume Apollinaire - Hugo Ball - Johannes Baader - Arthur Cravan - Jean Crotti - George Grosz - Richard Huelsenbeck - Marcel Janco - Clement Pansaers - Hans Richter - Sophie Täuber

Dadaísmo 1916-1925. Impacto causado pelo Dadaísmo justifica-se plenamente pela atmosfera de confusão e desafio à lógica por ele desencadeado

Dadaísmo 1916-1925. Impacto causado pelo Dadaísmo justifica-se plenamente pela atmosfera de confusão e desafio à lógica por ele desencadeado "Eu redijo um manifesto e não quero nada, eu digo portanto certas coisas e sou por princípios contra manifestos (...). Eu redijo este manifesto para mostrar que é possível fazer as ações opostas simultaneamente,

Leia mais

Contexto do Dadaísmo

Contexto do Dadaísmo O Movimento Dadá Contexto do Dadaísmo O Movimento Dadá O movimento Dadá ou Dadaísmo foi uma vanguarda moderna iniciada em Zurique, em 1916, no chamado Cabaret Voltaire, por um grupo de escritores e artistas

Leia mais

DADAÍSMO Profa. Cristiane Lourenço

DADAÍSMO Profa. Cristiane Lourenço DADAÍSMO Profa. Cristiane Lourenço DADAÍSMO Formado em 1916 em Zurique por jovens franceses e alemães que, se tivessem permanecido em seus respectivos países, teriam sido convocados para o serviço militar,

Leia mais

futurismo Filippo Marinetti Oswald de Andrade Anita Malfatti

futurismo Filippo Marinetti Oswald de Andrade Anita Malfatti FUTURISMO O futurismo é um movimento artístico e literário, que surgiu oficialmente em 20 de fevereiro de 1909 com a publicação do Manifesto Futurista, pelo poeta italiano Filippo Marinetti, no jornal

Leia mais

João Marinho Alves. 1º Ano 1º Semestre Nº 20110204

João Marinho Alves. 1º Ano 1º Semestre Nº 20110204 Observação geral: o trabalho que revela algum trabalho de pesquisa, capacidade de observação... Porém: 1) A falta de qualquer análise de aspectos concretos (apesar do que é prometido na Introdução) resulta

Leia mais

Português 3º ano Wilton. Vanguardas na Europa e no Brasil

Português 3º ano Wilton. Vanguardas na Europa e no Brasil Português 3º ano Wilton Vanguardas na Europa e no Brasil Roberson de Oliveira 1 Vanguardas na Europa e no Brasil No dia 20 de dezembro de 1917, o jornal O Estado de S. Paulo publicou o artigo Paranoia

Leia mais

DADAÍSMO SURREALISMO OP ART E POP ART SÉC. XX

DADAÍSMO SURREALISMO OP ART E POP ART SÉC. XX DADAÍSMO SURREALISMO OP ART E POP ART SÉC. XX História da Arte Profª Natalia Pieroni IDADE CONTEMPORÂNEA LINHA DO TEMPO - HISTORIOGRAFIA Período PRÉ-HISTÓRIA Origens do homem até 40000 a. C IDADE ANTIGA

Leia mais

SURREALISMO. História da Arte Profº Geder 1ª Série Ensino Médio (2012)

SURREALISMO. História da Arte Profº Geder 1ª Série Ensino Médio (2012) SURREALISMO História da Arte Profº Geder 1ª Série Ensino Médio (2012) SURREALISMO Dadaísmo: - fundado durante a 1ª Guerra Mundial. Surgiu na Europa (Zurique) no ano de 1916. Características: - Objetos

Leia mais

Fauvismo, Cubismo, Surrealismo, Futurismo, Dadaísmo, Expressionismo e Suprematismo VANGUARDAS EUROPÉIAS

Fauvismo, Cubismo, Surrealismo, Futurismo, Dadaísmo, Expressionismo e Suprematismo VANGUARDAS EUROPÉIAS Fauvismo, Cubismo, Surrealismo, Futurismo, Dadaísmo, Expressionismo e Suprematismo VANGUARDAS EUROPÉIAS CONTEXTO HISTÓRICO As vanguardas européias foram manifestações artístico-literárias surgidas na Europa,

Leia mais

Identificar o uso da língua como instrumento de comunicação e informação, utilizando suas várias possibilidades de uso;

Identificar o uso da língua como instrumento de comunicação e informação, utilizando suas várias possibilidades de uso; Conhecer o conteúdo programático do componente Língua Portuguesa e desenvolver habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos orais e escritos à maneira adequada do padrão da língua materna;

Leia mais

DADAÍSMO. Dada não significa nada. Dada não significando nada, significa tudo. O termo nada significa DADAÍSMO

DADAÍSMO. Dada não significa nada. Dada não significando nada, significa tudo. O termo nada significa DADAÍSMO DADAÍSMO DADAÍSMO Dada não significa nada. Dada não significando nada, significa tudo. 1.Marcel Duchamp 2.Marcel Duchamp: Fonte, 1917, urinol de porcelana, 23,5 X 18 X 60 cm O termo nada significa O Dadaísmo

Leia mais

Financiou sua reconstrução com empréstimos norte americanos.

Financiou sua reconstrução com empréstimos norte americanos. No início dos anos 20, a Europa foi sacudida por uma onda de greves e por um crescente desemprego, provocado pela queda da produção agrícola e industrial. Financiou sua reconstrução com empréstimos norte

Leia mais

Do Dadaísmo aos principais conceitos da arte contemporânea. Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes

Do Dadaísmo aos principais conceitos da arte contemporânea. Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes Do Dadaísmo aos principais conceitos da arte contemporânea Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes Dadaísmo - Movimento de crítica cultural que questiona não somente as artes visuais,

Leia mais

Histórico O surrealismo surgiu na França na década de 1920. Este movimento foi significativamente influenciado pelas teses psicanalíticas de Sigmund

Histórico O surrealismo surgiu na França na década de 1920. Este movimento foi significativamente influenciado pelas teses psicanalíticas de Sigmund Histórico O surrealismo surgiu na França na década de 1920. Este movimento foi significativamente influenciado pelas teses psicanalíticas de Sigmund Freud, que mostram a importância do inconsciente na

Leia mais

MOVIMENTOS DE VANGUARDA IMPORTANTES:

MOVIMENTOS DE VANGUARDA IMPORTANTES: ARTES PROFESSORA: NATÁLIA Fauvismo: MOVIMENTOS DE VANGUARDA IMPORTANTES: Fauvismo é o nome dado à tendência estética na pintura que buscou explorar ao máximo a expressividade das cores na representação

Leia mais

O DADAÍSMO COMO INSPIRAÇÃO ESTÉTICA

O DADAÍSMO COMO INSPIRAÇÃO ESTÉTICA NÚMERO 14 - SÃO PAULO, BRASIL - JULHO/2010 - ISSN 1980-4474 ARTIGO 04 O DADAÍSMO COMO INSPIRAÇÃO ESTÉTICA Alana Giro Jorge 1 Alexandre Toshio Misawa Lizeth Daniela Cardenas Cardenas Fernanda Yuri Yamamoto

Leia mais

MATERIAL COMPLEMENTAR PARA ESTUDOS HISTÓRIA DA ARTE- 2ª SÉRIE ENSINO MÉDIO

MATERIAL COMPLEMENTAR PARA ESTUDOS HISTÓRIA DA ARTE- 2ª SÉRIE ENSINO MÉDIO Arte Moderna Expressionismo A busca por expressar os problemas da sociedade da época e os sentimentos e emoções do homem no inicio do século xx Foi uma reação ao impressionismo, já que o movimento preocupou-se

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SANTO ANTÔNIO ESTUDO DIRIGIDO DE ARTE. Ensino Fundamental II - 9º ano MANHÃ. Aluno(a): Turma:

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SANTO ANTÔNIO ESTUDO DIRIGIDO DE ARTE. Ensino Fundamental II - 9º ano MANHÃ. Aluno(a): Turma: INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SANTO ANTÔNIO PROFESSORA ARILENE RODRIGUES ZICHTL ESTUDO DIRIGIDO DE ARTE Ensino Fundamental II - 9º ano MANHÃ Aluno(a): Turma: Caro aluno, Visando aumentar seu conhecimento e em

Leia mais

JAKOBSON, DUCHAMP E O ENSINO DE ARTE

JAKOBSON, DUCHAMP E O ENSINO DE ARTE JAKOBSON, DUCHAMP E O ENSINO DE ARTE Terezinha Losada Resumo: A obra Fonte de Marcel Duchamp é normalmente apontada pela crítica de arte como a síntese e a expressão mais radical da ruptura com a tradição

Leia mais

06. Explique o método de pintura impressionista. Neste texto, correlacione a escolha da cor com o formato da pincelada?

06. Explique o método de pintura impressionista. Neste texto, correlacione a escolha da cor com o formato da pincelada? Estudo dirigido para o segundo ano do ensino médio, Artes Milton Gomes Coelho A arte do Impressionismo 01. Liste fatos que modificaram o ritmo das cidades no século XIX. Resposta: pág. 223 02. Relacione,

Leia mais

Estética, Filosofia, Cultura e outras Linguagens. Felipe Szyszka Karasek

Estética, Filosofia, Cultura e outras Linguagens. Felipe Szyszka Karasek Estética, Filosofia, Cultura e outras Linguagens Felipe Szyszka Karasek Arte x obras de arte. Como distinguir obras de arte de outras coisas que não são arte? Para estar em um terreno artístico é necessário

Leia mais

VANGUARDAS EUROPEIAS

VANGUARDAS EUROPEIAS VANGUARDAS EUROPEIAS Impressionismo (1870-1890) Briga com a Academia; Cotidiano comum; Impressão: o que o olho vê, luz natural, jogo de sombras com cores complementares, ausência de contornos. Claude Monet,

Leia mais

1. Linguagem fotográfica Histórico

1. Linguagem fotográfica Histórico 1. Linguagem fotográfica 1.1. - Histórico A fotografia já possui um corpo teórico bastante amplo representado por meio de autores como Dubois (1993), Kossoy (2007), Krauss (2002), que tratam das questões

Leia mais

Vanguardas. Prof. Adriano Portela

Vanguardas. Prof. Adriano Portela Vanguardas Prof. Adriano Portela O que significa Vanguarda? Do francês avant-garde Termo militar que designa aquele que, durante uma campanha, vai à frente da unidade. No campo das artes e ideias, aqueles

Leia mais

VANGUARDA DISCIPLINA: ARTES PROFESSORA: ANA PRISCILA

VANGUARDA DISCIPLINA: ARTES PROFESSORA: ANA PRISCILA VANGUARDA DISCIPLINA: ARTES PROFESSORA: ANA PRISCILA Em seu sentido literal, vanguarda (vem do francês Avant Garde, guarda avante ) faz referência ao batalhão militar que precede as tropas em ataque durante

Leia mais

EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO SÉC. XX

EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO SÉC. XX EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO SÉC. XX História da Arte Profª Natalia Pieroni IDADE CONTEMPORÂNEA LINHA DO TEMPO - HISTORIOGRAFIA Período PRÉ-HISTÓRIA Origens do homem até 40000 a. C IDADE ANTIGA 40000

Leia mais

VANGUARDAS EUROPÉIAS

VANGUARDAS EUROPÉIAS VANGUARDAS EUROPÉIAS CONTEXTO HISTÓRICO AVANÇO CIENTÍFCO E TECNOLÓGICO SUPERVALORIZAÇÃO DO PROGRESSO E O ENALTECIMENTO DA MÁQUINA O Ford Model T foi apresentado no dia 1 de outubro de 1908. Ele tinha O

Leia mais

Principais características:

Principais características: Cubismo Definição Movimento artístico cuja origem remonta à Paris e a 1907, ano do célebre quadro de Pablo Picasso, Les Demoiselles d'avignon. Considerado um divisor de águas na história da arte ocidental,

Leia mais

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: RELAÇÃO DOCONTEÚDO PARA A RECUPERAÇÃO FINAL DISCIPLINA: ARTE PROFESSORA: Cristiana de Souza DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 Pontos NOTA: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 8º ANO TURMA: A e B ALUNO (A): Nº: 01. RELAÇÃO DO CONTEÚDO RELAÇÃO DOCONTEÚDO

Leia mais

ARTES 9 ANO PROF.ª GABRIELA DACIO PROF.ª ARLENE CALIRI ENSINO FUNDAMENTAL

ARTES 9 ANO PROF.ª GABRIELA DACIO PROF.ª ARLENE CALIRI ENSINO FUNDAMENTAL ARTES 9 ANO PROF.ª ARLENE CALIRI ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª GABRIELA DACIO CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade I Tecnologia - Corpo, movimento e linguagem na era da informação. 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula

Leia mais

MODERNISMO Primeiro Momento. Motivos Autores - Obras

MODERNISMO Primeiro Momento. Motivos Autores - Obras MODERNISMO Primeiro Momento Motivos Autores - Obras Características do Modernismo Liberdade de Expressão 1. Poética Estou farto do lirismo comedido Do lirismo bem comportado Do lirismo funcionário público

Leia mais

Unidade I Tecnologia Corpo, movimento e linguagem na era da informação.

Unidade I Tecnologia Corpo, movimento e linguagem na era da informação. A A Unidade I Tecnologia Corpo, movimento e linguagem na era da informação. 2 A A Aula 1.2 Conteúdo: Semana de Arte Moderna. 3 A A Habilidade: Reconhecer, diferenciar e saber utilizar diversas técnicas

Leia mais

Vanguardas Históricas I

Vanguardas Históricas I Vanguardas Históricas I As transformações do início do século XX e as vanguardas históricas Os avanços da ciência realizados a partir do século XIX mudaram a percepção da realidade e conduziram, no campo

Leia mais

O Surrealismo foi um movimento artístico e literário surgido primeiramente em Paris (1924) com a publicação do Manifesto Surrealista, feito pelo

O Surrealismo foi um movimento artístico e literário surgido primeiramente em Paris (1924) com a publicação do Manifesto Surrealista, feito pelo 1 O Surrealismo foi um movimento artístico e literário surgido primeiramente em Paris (1924) com a publicação do Manifesto Surrealista, feito pelo poeta e psiquiatra francês André Breton em 1924. Inserido

Leia mais

CONTEÚDO E HABILIDADES ARTES REVISÃO. Aula 6.1 Conteúdo: Revisão da Unidade II

CONTEÚDO E HABILIDADES ARTES REVISÃO. Aula 6.1 Conteúdo: Revisão da Unidade II Aula 6.1 Conteúdo: Revisão da Unidade II 1 Habilidades: Revisar os Conteúdos da Unidade II para realizar avaliação II. 2 Revisão 1 Barroco: expressão, do português homônimo, tem o sentido pérola imperfeita,

Leia mais

Série. MAT Disciplina: Arte Professor: FERNANDA CARDOSO ATIVIDADE DE RECUPERAÇÃO

Série. MAT Disciplina: Arte Professor: FERNANDA CARDOSO ATIVIDADE DE RECUPERAÇÃO Polícia Militar do Estado de Goiás CPMG Hugo de Carvalho Ramos Ano Letivo - 2015 Série ATIVIDADE DE RECUPERAÇÃO - Todas essas atividades, tanto as perguntas como respostas deverão ser COPIADAS E RESPONDIDAS

Leia mais

PROFESSOR: EQUIPE DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA

PROFESSOR: EQUIPE DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA PROFESSOR: EQUIPE DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA BANCO DE QUESTÕES - EDUCAÇÃO ARTÍSTICA 3ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO - PARTE 1 =============================================================================================

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes COLÉGIO ARNALDO 2015 CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes Aluno (a): 5º ano: Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos Este trabalho deverá ser entregue IMPRETERIVELMENTE no dia da prova. Prezado(a)

Leia mais

O que é o Surrealismo?

O que é o Surrealismo? Contexto histórico Contexto histórico Num ambiente totalmente fragilizado, aparece o Surrealismo. Desestabilizador e desestruturador de toda a idéia de cultura existente até então, propõe a junção de imagens

Leia mais

O Surrealismo também se apropria da livre associação, com o conceito de assemblage, na qual

O Surrealismo também se apropria da livre associação, com o conceito de assemblage, na qual Imagem Acaso: o jogo audiovisual Nicolau Centola 1 Resumo: A proposta deste artigo é, a partir de um paralelo com o uso do acaso na literatura, com William Burroughs; na música, com os conceitos de John

Leia mais

Escola Básica de Custóias/ Faculdade de Letras da Universidade do Porto Núcleo de Estágio em História e Geografia 2011/2012 Estagiária: Diana Barroso

Escola Básica de Custóias/ Faculdade de Letras da Universidade do Porto Núcleo de Estágio em História e Geografia 2011/2012 Estagiária: Diana Barroso Escola Básica de Custóias/ Faculdade de Letras da Universidade do Porto Núcleo de Estágio em História e Geografia 2011/2012 Estagiária: Diana Barroso Escola: Básica de Custóias (sede) Ano: 9º ano Turma:

Leia mais

O Brasil, por sua vez, passou de escravocrata para mão de obra livre, da Monarquia para República.

O Brasil, por sua vez, passou de escravocrata para mão de obra livre, da Monarquia para República. ARTE MODERNA Vanguardas Européias As vanguardas européias são os movimentos culturais que começaram na Europa no início do século XX, os quais iniciaram um tempo de ruptura com as estéticas precedentes.

Leia mais

Semana de Arte Moderna

Semana de Arte Moderna Semana de Arte Moderna 8º Ano 4º Bimestre 2015 Professor Juventino Introdução Ano foi marcado de 1922 por grandes mudanças na política e na cultura. Transformações no mundo. 1º centenário da independência.

Leia mais

Conteúdos Bimestrais Sugeridos para a Área Artes Visuais 6º Ano

Conteúdos Bimestrais Sugeridos para a Área Artes Visuais 6º Ano Bimestrais Sugeridos para a Área Artes Visuais 6º Ano Compreendendo as Artes Visuais como área de conhecimento, que busca a formação de um sujeito atuante nos diferentes contextos da sociedade, pretendemos

Leia mais

Movimentos da Arte Moderna. Surrealismo. III Trimestre: turmas 181, 182 e 183

Movimentos da Arte Moderna. Surrealismo. III Trimestre: turmas 181, 182 e 183 Movimentos da Arte Moderna Surrealismo III Trimestre: turmas 181, 182 e 183 Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes O surrealismo foi o movimento da arte moderna que representou o irracional

Leia mais

CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES

CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES Silvia Eula Muñoz¹ RESUMO Neste artigo pretendo compartilhar os diversos estudos e pesquisas que realizei com orientação do Prof. Me. Erion

Leia mais

O FIM DA ESTÉTICA DADAÍSMO E ARTE POP

O FIM DA ESTÉTICA DADAÍSMO E ARTE POP RESUMO O FIM DA ESTÉTICA DADAÍSMO E ARTE POP Susana de Castro Qual a relação entre arte e gosto popular? A obra de Danto nos mostra como a arte pop revolucionou a arte ao aproximar o objeto de arte dos

Leia mais

VANGUARDAS EUROP ÉI AS E CRI SE DA REP RESENTAÇÃO

VANGUARDAS EUROP ÉI AS E CRI SE DA REP RESENTAÇÃO VANGUARDAS EUROP ÉI AS E CRI SE DA REP RESENTAÇÃO Objetivos Analisar de que maneira a representação pictórica propiciou espaço para o aparecimento das Vanguardas Européias. Tópicos 1. Vanguardas: a desconstrução

Leia mais

REVISÃO PARA PROVA. Surrealismo; Cinema e Vídeo-Arte; Minimalismo. Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes

REVISÃO PARA PROVA. Surrealismo; Cinema e Vídeo-Arte; Minimalismo. Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes REVISÃO PARA PROVA Surrealismo; Cinema e Vídeo-Arte; Minimalismo Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes O SURREALISMO foi o movimento artístico moderno da representação do irracional

Leia mais

A SEMANA DE ARTE MODERNA FEVEREIRO DE 1922

A SEMANA DE ARTE MODERNA FEVEREIRO DE 1922 A SEMANA DE ARTE MODERNA FEVEREIRO DE 1922 1822 1922 100 anos da Independência do Brasil ANTECEDENTES DA SEMANA DE ARTE MODERNA 1912 CHEGADA DE OSWALD DE ANDRADE DA EUROPA Oswald de Andrade retorna de

Leia mais

MODERNISMO BRASILEIRO SÉC. XX

MODERNISMO BRASILEIRO SÉC. XX MODERNISMO BRASILEIRO SÉC. XX SEMANA DE ARTE MODERNA História da Arte Profª Natalia Pieroni ANTECEDENTES - Industrialização do país em função do fortalecimento da economia do café (pós Primeira Guerra).

Leia mais

Centro Educacional Juscelino Kubitschek

Centro Educacional Juscelino Kubitschek Centro Educacional Juscelino Kubitschek ALUNO: N.º: DATA: / / ENSINO: Fundamental II 8ª série) DISCIPLINA: Artes PROFESSOR (A): Equipe de Artes TURMA: TURNO: Roteiro e Lista de estudo para recuperação

Leia mais

O que é uma instalação?

O que é uma instalação? O que é uma instalação? A arte contemporânea vive, pulsa, voa, viaja e morre. Absorve e constrói o espaço à sua volta ao mesmo tempo que o desconstrói. A desconstrução de espaços, de conceitos e idéias

Leia mais

Pablo Picasso, 1907. MOMA, NY

Pablo Picasso, 1907. MOMA, NY Pablo Picasso, 1907. MOMA, NY Georges Braque, Homenagem à Bach, 1912 FrankLoyd Wright, Robie House, 1909. Chicago. Frank kloyd dwi Wright, Fallingwater house, 1936. Pensilvânia. i O art nouveau (arte

Leia mais

RENASCIMENTO ITALIANO

RENASCIMENTO ITALIANO ARTES / 2º ANO PROF.MÍLTON COELHO RENASCIMENTO ITALIANO Contexto histórico O termo significa reviver os ideais greco-romanos; na verdade o Renascimento foi mais amplo, pois aumentou a herança recebida

Leia mais

GOIÂNIA RECEBE AS VACAS DA COWPARADE

GOIÂNIA RECEBE AS VACAS DA COWPARADE GOIÂNIA RECEBE AS VACAS DA COWPARADE PARTICIPE! CRIE SUA VACA Elas já foram vistas em Nova York, Londres, Tóquio, Praga e muitas outras cidades do mundo. Recentemente estrearam nas ruas de Porto Alegre

Leia mais

APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre. Aula 13

APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre. Aula 13 APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre Aula 13 Identidade Visual Embora você possa nunca ter ouvido falar em identidade visual, todos nós estamos sempre sendo bombardeados pelas identidades

Leia mais

Surrealismo. Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes

Surrealismo. Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes Surrealismo Professora: Caroline Bonilha Componente Curricular: Artes O surrealismo foi o movimento artístico moderno da representação do irracional e do subconsciente. Suas origens devem ser buscadas

Leia mais

Livro Novo Eu gosto - Ciências. Áreas envolvidas: Ciências, Linguagem, Matemática, Arte, Informática.

Livro Novo Eu gosto - Ciências. Áreas envolvidas: Ciências, Linguagem, Matemática, Arte, Informática. Projeto Feira de Ciências Escola Dinâmica Infantil Projeto para Feira de Ciências, com atividades para as quatro séries (ou para os quatro anos). Livro Novo Eu gosto - Ciências. Áreas envolvidas: Ciências,

Leia mais

1. Investigação Filosófica construir o sentido da experiência

1. Investigação Filosófica construir o sentido da experiência FILOSOFIA PARA CRIANÇAS 1. Investigação Filosófica construir o sentido da experiência O Prof. Dr. Matthew Lipman, filósofo e educador norte-americano, criou o Programa Filosofia para Crianças no final

Leia mais

Psicologia das multidões

Psicologia das multidões 1 Psicologia das multidões O estudo da Psicologia das multidões ou das Psicologia das massas foi feito pela primeira vez pelo sociólogo francês Gustave Le Bon em 1886. Os fatores que determinam as opiniões

Leia mais

Docente: Adriana Severino da Silva Ano: 2013

Docente: Adriana Severino da Silva Ano: 2013 Planejamento Anual de Arte- história da arte ENSINO MÉDIO Docente: Adriana Severino da Silva Ano: 2013 I. INTRODUÇÃO Ensinar história da arte no ensino médio significa fortalecer a experiência sensível

Leia mais

Por uma estética das imagens digitais: um olhar sobre Parallel, videoinstalação de Harun Farocki

Por uma estética das imagens digitais: um olhar sobre Parallel, videoinstalação de Harun Farocki Por uma estética das imagens digitais: um olhar sobre Parallel, videoinstalação de Harun Farocki Jamer Guterres de Mello 1 Resumo Este trabalho pretende demonstrar de que forma as imagens digitais produzem

Leia mais

ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A ESTÉTICA DO CARTAZ DE GUERRA NA EUROPA 1914-1918

ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A ESTÉTICA DO CARTAZ DE GUERRA NA EUROPA 1914-1918 ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A ESTÉTICA DO CARTAZ DE GUERRA NA EUROPA 1914-1918 Prof. Dr. Vanessa Bortulucce A proposta desta comunicação é realizar uma reflexão acerca dos elementos que constituem a estética

Leia mais

Concurso Arte na Capa 2011

Concurso Arte na Capa 2011 Concurso Arte na Capa 2011 Roteiro de participação O Concurso Arte na Capa 2011 terá como atividade principal o exercício de releitura dos grandes movimentos artísticos, tendo como tema paisagens naturais

Leia mais

e-scrita ISSN 2177-6288

e-scrita ISSN 2177-6288 194 e-scrita ISSN 2177-6288 COMO LER IMAGENS? SANTAELLA, Lucia. Leitura de imagens. São Paulo. Melhoramentos. 2012. 184 p. (Coleção Como eu ensino). Rodrigo da Costa Araujo 1 Como ler imagens? Como elas

Leia mais

FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I CONTEÚDO E HABILIDADES ARTES. Conteúdo: - Cubismo e Abstracionismo

FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I CONTEÚDO E HABILIDADES ARTES. Conteúdo: - Cubismo e Abstracionismo CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I Conteúdo: - Cubismo e Abstracionismo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I Habilidades: - Conhecer e distinguir diferentes momentos

Leia mais

Neoclassicismo. Segundo a leitura acima analise os itens e marque uma ÚNICA alternativa:

Neoclassicismo. Segundo a leitura acima analise os itens e marque uma ÚNICA alternativa: Neoclassicismo Questão 01 De acordo com a tendência neoclássica, uma obra de arte só seria perfeitamente bela na medida em que imitasse não as formas da natureza, mas as que os artistas clássicos gregos

Leia mais

Poucos livros, tratando de um objeto científico conseguiram

Poucos livros, tratando de um objeto científico conseguiram INTELIGÊNCIA EMOCIONAL OU INTELIGÊNCIAS MÚLTIPLAS Antonio Carlos Gil* 1. O sucesso da inteligência emocional Poucos livros, tratando de um objeto científico conseguiram a proeza de Inteligência emocional,

Leia mais

Cubismo. 9º Ano 2015 1º Bimestre Artes Prof. Juventino

Cubismo. 9º Ano 2015 1º Bimestre Artes Prof. Juventino Cubismo 9º Ano 2015 1º Bimestre Artes Prof. Juventino Guernica Cidade... Loucura... Ou...Arte? Pablo Picasso Nome: Pablo Picasso Nascimento : Andaluzia 1881 Filho de: José Ruiz Blasco E de: Maria Picasso

Leia mais

SIMULADO 4 JORNAL EXTRA ESCOLAS TÉCNICAS HISTÓRIA

SIMULADO 4 JORNAL EXTRA ESCOLAS TÉCNICAS HISTÓRIA SIMULADO 4 JORNAL EXTRA ESCOLAS TÉCNICAS HISTÓRIA QUESTÃO 01 De uma forma inteiramente inédita, os humanistas, entre os séculos XV e XVI, criaram uma nova forma de entender a realidade. Magia e ciência,

Leia mais

Grafite e o Design Gráfico

Grafite e o Design Gráfico Universidade federal de Goiás Faculdade de Artes Visuais Bacharelado em Design Gráfico Introdução aos estudos de Design Grafite e o Design Gráfico Gabriel Corá, Hugo Ribeiro e Melissa de Britto Goiânia

Leia mais

Período Industrial Mecânico

Período Industrial Mecânico Período Industrial Mecânico Joseph Niépce Primeira fotografia de Niépce tirada da janela do sótão de sua casa de campo em Le Gras em Chalons-sur- Saône, na França. (1826) Hercules Florence Produção de

Leia mais

MISSIONÁRIOS DO COTIDIANO

MISSIONÁRIOS DO COTIDIANO A ARTE E A BÍBLIA Francis A. Schaeffer Resumo: Neste livro encontramos uma ode à arte e à importância que esta precisa ter para o cristão, expressa no seu lugar reconhecido na Bíblia. Trata se de uma singela,

Leia mais

Nome: Nº: Turma: Português. 3º ano Vanguardas européias Wilton Nov/09. Barra de imagens

Nome: Nº: Turma: Português. 3º ano Vanguardas européias Wilton Nov/09. Barra de imagens Nome: Nº: Turma: 1 Português 3º ano Vanguardas européias Wilton Nov/09 Barra de imagens Giacomo Balla, Velocidade na motocicleta (1913-1914).

Leia mais

TURMA 801. Aula 07 PERSPECTIVA LINEAR

TURMA 801. Aula 07 PERSPECTIVA LINEAR TURMA 801 Aula 07 PERSPECTIVA LINEAR Nós habitamos um mundo tridimensional. Ou seja, vemos o mundo em três dimensões: a altura, a largura e a profundidade. É por conta da profundidade que dizemos a árvore

Leia mais

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON São Paulo 2009 BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON Trabalho apresentado como exigência parcial

Leia mais

Arte Postal, uma alternativa estética na produção cultural contemporânea

Arte Postal, uma alternativa estética na produção cultural contemporânea Arte Postal, uma alternativa estética na produção cultural contemporânea por Adriana Manfredini Sociedade Philatelica Paulista - SPP E ntre as diversas correntes da arte contemporânea, uma se destaca pela

Leia mais

II Seminário Nacional em Estudos da Linguagem: 06 a 08 de outubro de 2010 PERFORMANCE: O CORPO COMO EXPRESSÃO MÁXIMA E SINGULAR

II Seminário Nacional em Estudos da Linguagem: 06 a 08 de outubro de 2010 PERFORMANCE: O CORPO COMO EXPRESSÃO MÁXIMA E SINGULAR PERFORMANCE: O CORPO COMO EXPRESSÃO MÁXIMA E SINGULAR LIMA, Mauricio Marcelino G (UNIPAN/UNIBAN) 1 RESUMO: A arte contemporânea ganha força a partir da década de 1960 embalada pela arte conceitual; as

Leia mais

PAGINAÇÃO: MANUAL ESCOLAR

PAGINAÇÃO: MANUAL ESCOLAR PAGINAÇÃO: MANUAL ESCOLAR PRIMEIRAS VANGUARDAS DO SÉCULO XX DADAÍSMO Arte em tempos de guerra O Dadaímo foi um movimento cultural, artístico e filosófico de grande abrangência, surgido durante a Primeira

Leia mais

Anexo F Grelha de Categorização da Entrevista à Educadora Cooperante

Anexo F Grelha de Categorização da Entrevista à Educadora Cooperante Anexo F Grelha de Categorização da Entrevista à Educadora Cooperante CATEGORIAS SUBCATEGORIAS INDICADORES 1.1. Tempo de serviço docente ( ) 29 anos (1) 1.2. Motivações pela vertente artística ( ) porque

Leia mais

Período Contemporâneo e a Transição entre Modernidade e Pós- Modernidade Parte VII

Período Contemporâneo e a Transição entre Modernidade e Pós- Modernidade Parte VII ARTE. VISUAL. ENSINO Ambiente Virtual de Aprendizagem Professor Doutor Isaac Antonio Camargo HISTÓRIA DA ARTE Curso de Artes Visuais Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Período Contemporâneo e a

Leia mais

Atlas Observe o mundo a sua volta. Como você classificaria os objetos que vê? Por seu uso, cor, forma, tamanho, natureza? A intenção aqui é que toda

Atlas Observe o mundo a sua volta. Como você classificaria os objetos que vê? Por seu uso, cor, forma, tamanho, natureza? A intenção aqui é que toda Atlas Observe o mundo a sua volta. Como você classificaria os objetos que vê? Por seu uso, cor, forma, tamanho, natureza? A intenção aqui é que toda a turma crie categorias de classificação. Grupos então

Leia mais

Quem Foi Pablo Picasso?

Quem Foi Pablo Picasso? FICHA Nº3 Pablo PICASSO Quem Foi Pablo Picasso? Você está para conhecer como surgiram os desenhos, pinturas e esculturas de Picasso. Quem foi esse homem? Picasso era um homem baixinho, gordo e muito inteligente.

Leia mais

Kant Uma Filosofia de Educação Atual?

Kant Uma Filosofia de Educação Atual? juliana_bel@hotmail.com O presente trabalho retoma as principais ideias sobre a pedagogia do filósofo Immanuel Kant dentro de sua Filosofia da Educação, através dos olhos de Robert B. Louden, professor

Leia mais

O sol, presença insistente em nosso dia-a-dia, é elemento de composição fixo, em contraponto ao movimento linear.

O sol, presença insistente em nosso dia-a-dia, é elemento de composição fixo, em contraponto ao movimento linear. Estes cavalos ora mostrados são linhas que vêm da minha infância. Por isso, o expressionismo gráfico não esconde a ingenuidade do tratamento das figuras. O sol, presença insistente em nosso dia-a-dia,

Leia mais

Como ponto de partida para esse trabalho, considerem o texto a seguir. [ ] Mas a fotografia é arte? Claro que é! Pois o fotógrafo não se limita a

Como ponto de partida para esse trabalho, considerem o texto a seguir. [ ] Mas a fotografia é arte? Claro que é! Pois o fotógrafo não se limita a A arte da fotografia Ao longo do tempo, novas formas de arte foram surgindo. Os antigos não conheceram o cinema e a fotografia, por exemplo, que hoje são manifestações artísticas importantes. A proposta

Leia mais

Filosofia - Introdução à Reflexão Filosófica

Filosofia - Introdução à Reflexão Filosófica Filosofia - Introdução à Reflexão Filosófica 0 O que é Filosofia? Essa pergunta permite muitas respostas... Alguns podem apontar que a Filosofia é o estudo de tudo ou o nada que pretende abarcar tudo.

Leia mais

Releitura Fotográfica Jornalística das Obras de Vincent van Gogh 1

Releitura Fotográfica Jornalística das Obras de Vincent van Gogh 1 Releitura Fotográfica Jornalística das Obras de Vincent van Gogh 1 Gustavo KRELLING 2 Maria Zaclis Veiga FERREIRA 3 Universidade Positivo, Curitiba, PR RESUMO O produto artístico é uma releitura fotográfica

Leia mais

Composição de pequenas músicas a partir de outras já existentes e de versos; a partir de objetos, da voz, do corpo, do silêncio.

Composição de pequenas músicas a partir de outras já existentes e de versos; a partir de objetos, da voz, do corpo, do silêncio. MÚSICA A música é uma linguagem expressiva importante a ser incentivada desde os primeiros anos de vida. O trabalho com música na escola de Educação Infantil deve respeitar as diferenças regionais e suas

Leia mais

como a arte pode mudar a vida?

como a arte pode mudar a vida? como a arte pode mudar a vida? LONGE DAQUI, AQUI MESMO 1 / 2 Longe daqui, aqui mesmo 1 Em um caderno, crie um diário para você. Pode usar a escrita, desenhos, recortes de revista ou jornais e qualquer

Leia mais

Emil Nolde Emil Nolde Emil Nolde Emil Nolde Emil Nolde Emil Nolde O Expressionismo de Die Brücke não se restringiu à pintura e à gravura, tendo tido expressão, igualmente na literatura, na música e arquitectura.

Leia mais

COMUNICAÇÃO APLICADA MÓDULO 3

COMUNICAÇÃO APLICADA MÓDULO 3 COMUNICAÇÃO APLICADA MÓDULO 3 Índice 1. Semiótica...3 1.1. Conceito... 3 1.2. Objetivos da Semiótica... 4 1.3. Conceitos Básicos... 4 1.3.1. Signo... 4 1.3.2. Índices... 4 1.3.3. Símbolo... 4 1.4. Conceito...

Leia mais

Exercícios de Revisão - 1

Exercícios de Revisão - 1 Exercícios de Revisão - 1 1. Sobre a relação entre a revolução industrial e o surgimento da sociologia como ciência, assinale o que for incorreto. a) A consolidação do modelo econômico baseado na indústria

Leia mais

SANTA CATARINA. INSCREVA SUA ARTE www.cowparadesantacatarina.com.br

SANTA CATARINA. INSCREVA SUA ARTE www.cowparadesantacatarina.com.br SANTA CATARINA INSCREVA SUA ARTE www.cowparadesantacatarina.com.br Idealização Promoção www.cowparadesantacatarina.com.br Idealização Promoção Parceiro AS A CowParade é considerada a maior exposição de

Leia mais

A Refiguração do Banal

A Refiguração do Banal A Refiguração do Banal As pinturas de Pedro Meyer são talvez um caso, senão único, raro do que identificaríamos hoje como uma pintura figurativa. Essa palavra surge aqui de propósito: indica que elas não

Leia mais

Pedagogia. O olhar sensível. Profa. Ms. Maria Inês Breccio. Ensino de Artes: fundamentos e práticas

Pedagogia. O olhar sensível. Profa. Ms. Maria Inês Breccio. Ensino de Artes: fundamentos e práticas Pedagogia Profa. Ms. Maria Inês Breccio Ensino de Artes: fundamentos e práticas Olá, sintam-se abraçados! O olhar sensível (...) a arte é social nos dois sentidos: depende da ação de fatores do meio, que

Leia mais

Habilidades Específicas em Artes Visuais. Prova de História da Arte

Habilidades Específicas em Artes Visuais. Prova de História da Arte Habilidades Específicas em Artes Visuais Prova de História da Arte I. Analise as duas obras cujas reproduções foram fornecidas, comentando suas similaridades e diferenças no que se refere aos aspectos

Leia mais

Imagens de professores e alunos. Andréa Becker Narvaes

Imagens de professores e alunos. Andréa Becker Narvaes Imagens de professores e alunos Andréa Becker Narvaes Inicio este texto sem certeza de poder concluí-lo de imediato e no intuito de, ao apresentá-lo no evento, poder ouvir coisas que contribuam para continuidade

Leia mais