Brasil. A educação faz a diferença! Acreditamos no carinho e no respeito mútuo como bases para a sociabilização e a disciplina

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Brasil. A educação faz a diferença! Acreditamos no carinho e no respeito mútuo como bases para a sociabilização e a disciplina"

Transcrição

1 ÓRGÃO INFORMATIVO OFICIAL DO COLÉGIO JARDIM SÃO PAULO Nº 62 - Junho Acreditamos no carinho e no respeito mútuo como bases para a sociabilização e a disciplina Brasil. A educação faz a diferença! 1

2 editorial BRASIL: A EDUCAÇÃO FAZ A DIFERENÇA O Colégio Jardim São Paulo, há 65 anos dedicando-se à formação geral e acadêmica de crianças e jovens, acredita na educação como condição fundamental para a cidadania exercício de direitos e deveres e como pilar estrutural para uma sociedade mais justa, com pessoas conscientes de seu papel transformador e, principalmente, atuantes na construção da justiça. Sendo assim, a formação acadêmica oferecida pelo colégio não se limita a conteúdos e livros, vai além dos limites da escola. Por isso, valorizam-se os momentos de formação que extrapolam os muros escolares, como uma aula no Museu da Resistência, que permite eternizar a história do País em nossa própria história; a construção do conhecimento em estudos de campo, como as saídas do Estudo do Meio; a produção do conhecimento, em projetos como o Jardim das Humanidades; além da atualização dos profissionais, em encontros de formação continuada, promovidos internamente, e em participação em eventos nacionais e internacionais como o de tecnologia em Londres, a Bett Show 2015, com o intuito de tornar nossa instituição cada vez mais atualizada. Não descuidando da formação artística, o colégio desenvolve trabalhos que procuram sensibilizar os alunos para a música, por meio dos corais infantojuvenis e do curso e do recital de violão e guitarra; para o teatro e também para a dança, como no evento em homenagem às mães. Completando a tríade Educação, Arte e Esporte núcleo central da proposta educacional do colégio, os eventos esportivos como a capoeira, como o Day Camp no Acampamento Cantareira, os campeonatos de final de ano e a ginástica olímpica ganham destaque e total apoio de nossa instituição. Visando à formação para a vida, o colégio volta também sua atenção para questões de alerta aos jovens e suas famílias quanto à prevenção contra as drogas e aos cuidados que todos devem ter acerca do mundo virtual. Em 2014, nosso país é palco do evento esportivo de maior visibilidade internacional, a Copa do Mundo de Futebol. O País se veste de verde e amarelo na expectativa de gritar é campeão!. Nossa contribuição para o futuro é realizar um trabalho educacional que forme pessoas capazes de transformar nosso país em um verdadeiro campeão. Campeão na saúde, campeão na segurança e, fundamentalmente, campeão na educação. Contem conosco! Colégio Jardim São Paulo Fundador Paulo Meinberg Direção-geral Christina Milano Meinberg Direção-administrativa Paulo Meinberg Júnior Órgão Informativo Oficial do Colégio Jardim São Paulo UNIDADE CATAGUASES Rua Cataguases, 151, Jardim São Paulo, tel. (11) , São Paulo, SP, Direção-pedagógica Alfredo de Andrada Dodsworth Coordenação-geral Maria Elisa Meinberg de Souza Pereira UNIDADE CANTAREIRA Av. Nova Cantareira, 3.734, Barro Branco, tel. (11) , São Paulo, SP, Direção-pedagógica Maria de Fátima Lima de Carvalho Coordenação-geral Patrícia Moretti Meinberg UNIDADE TREMEMBÉ Av. Nova Cantareira, 4.416, Tremembé, tel. (11) , São Paulo, SP, Direção-pedagógica Maria de Fátima Lima de Carvalho Coordenação-geral Patrícia Moretti Meinberg Coordenação Alfredo de Andrada Dodsworth Célia Torini Revisão Fátima Silvestre Lúcia Marinho Produção editorial Verbus Comunicação Redação Amorim Leite Thiago Borges Editoração eletrônica Níckolas Ramos Jornalista-responsável Amorim Leite 2

3 falando do Jardão RECEPÇÃO NOTA 10! Café da manhã e palestra especial surpreendem professores no retorno às aulas No dia 22 de janeiro, quando voltaram oficialmente às aulas, os professores das três unidades do Jardão foram surpreendidos com um delicioso café da manhã oferecido na unidade Cataguases. Armadas em uma das quadras da unidade, as mesas com as guloseimas, sucos e refrigerantes não foram barreiras para a confraternização do corpo docente. Ali mesmo os professores mataram as saudades, contaram as novidades das férias e falaram dos planos futuros. Após esse congraçamento, todos se encaminharam ao Teatro Jardim São Paulo. A pauta agora eram as boas-vindas a todos, a apresentação de novos professores e a palestra Identidade de professores: modos de ser, pensar e fazer a aula, sob a responsabilidade da educadora Luiza H. S. Christov. Chame-se a atenção ainda nesse evento para o lançamento da Medalha Professor Paulo Meinberg. Idealizada por José Feliz Hipólito Gaifem, coordenador da área de Exatas do Jardão, essa condecoração doravante será entregue pelo colégio a alguém que se destaque de alguma forma na área da educação. A primeira a receber a medalha, ali mesmo no teatro, foi Christina Milano Meinberg, esposa do patrono da condecoração e diretora-geral do Colégio Jardim São Paulo. Na sequência, Maria Elisa Meinberg de 3

4 falando do Jardão Souza Pereira (coordenadora-geral da unidade Cataguases e filha de Paulo Meinberg) e Patrícia Moretti Meinberg (coordenadora-geral das unidades Cantareira e Tremembé) também receberam a medalha. O Coral Infantojuvenil do Jardão também se apresentou com participação especial da cantora Paula Braga e do professor Marcos Antônio (Violão). Encerrando o evento, exibiu-se o vídeo Torcida por você. À saída, todos receberam um brinde do colégio: um porta mix bola de futebol contendo um minigrampeador e um apontador. Acompanhavam ainda uma mensagem impressa e um cartãozinho com os dizeres: Estamos na torcida para que seu ano seja um sucesso! Feliz 2014!. A força e o poder A medalha tem em uma das faces a imagem do professor Paulo Meinberg, fundador do Jardão falecido em 15 de abril de 2010, e os dizeres Medalha Professor Paulo Meinberg. Na outra face, lê-se um verso de sua autoria: Nós temos de lutar e sempre pelejar e jamais esmorecer. Pois não estamos sós, estão dentro de nós a força e o poder. 4

5 KÉPHOS : O CONHECIMENTO COMO PRAZER... aula extra... e o Jardim das Humanidades Nem só de vestibular vive o estudante. A frase não pertence a nenhuma antiga profecia, a um texto apócrifo ou a um ditado popular, mas bem que poderia. A missão humanista do Colégio Jardim São Paulo vai além do ingresso nas universidades ou dos resultados das provas oficiais do Ministério da Educação. Talvez os resultados sejam apenas uma consequência de muito trabalho sério e (pasmem!) de muito prazer. Foi com esse espírito que o projeto Jardim das Humanidades concluiu seus trabalhos em Pelo terceiro ano consecutivo, os alunos do Ensino Médio dedicaram-se a vivenciar uma experiência acadêmica única: durante todo o ano, devotaram-se à pesquisa de temas que envolveram a pessoalidade e a subjetividade de nossos jovens. Na Antiguidade, o filósofo Epicuro debatia e investigava as questões de sua época naquilo que ele denominou como Képhos, um jardim de delícias. Foi nesse mesmo ambiente de delícias, de prazer pelo conhecimento e pela investigação que nossos jovens pesquisadores encontraram, no próprio esforço, por seus próprios auspícios e às próprias custas, a delícia de produ- 5

6 aula extra zir e compartilhar suas conclusões, suas angústias e suas respostas, de forma autêntica e não apenas como uma repetição de informações preconcebidas. Foram concluídos 27 projetos de pesquisas; debates e discussões foram concebidos; textos foram produzidos; e arte foi criada. De caráter e conotações originais, tudo foi feito por prazer: de formulações acadêmicas a curtas- -metragens (também foi o ano da premiação de nosso 2º Festival de Cinema, com a entrega do Siriema, o Troféu Professor Paulo Meinberg). Em uma sociedade cada vez mais utilitarista, na qual tudo que é feito tem como base um valor de compensação, ou uma moeda de troca, o objetivo do projeto foi o de simplesmente pesquisar e desenvolver o conhecimento por prazer. Um valor que transcende todos os outros. Para isso, alguns valores como a coragem, o olhar à frente de seu tempo, o altruísmo, a criticidade e a ética são necessários. Esses valores são dados pela formação humanista que não está restrita à escola, mas encontra sua gênese nas famílias. Certamente, no ano de 2013, descobrimos que nossa missão humanista tem uma nova tônica. Quiçá é chegada a hora de acrescentarmos um novo slogan à nossa morada querida, nosso jardim de delícias: COLÉGIO JARDIM SÃO PAULO: MISSÃO HUMANISTA, FAMÍLIAS HUMANISTAS. Que venha 2014! Prof. Me. Fransmar Costa Lima (Filosofia) e Prof. Me. Edison Silvestre Petenussi (Sociologia) Participantes da Cerimônia de Certificação no 3º Congresso do Jardim das Humanidades e 2º Festival de Cinema do Colégio Jardim São Paulo 1 Paola Perdigão M. Jorge 2 Fernanda Dzik 3 Carolina Campos 4 Ana Carolina R. Alexandre 5 Amanda Rippi 6 Tamires G. Torres 7 Gabriel Zandoná 8 Guilherme Paz 9 Rafaella Cordeiro Ferreira 10 Pedro Alpiste Bezerra 11 Leonel B. S. Antunes 12 Isabella R. de P de Sá 13 Matheus Bernardini 14 Carolina Bona 15 João Marcus Bacurau 16 Mayara Genaro Silva 17 Caroline de Mello Fernandes 18 Virginia Maria L. Leite 19 Stephane G. Marino 20 Carolina Gonçalves 21 Gabriele Paixão 22 Isabela Ruiz

7 aula extra LEMBRANÇAS DE UMA HISTÓRIA QUE NÃO PODE SER ESQUECIDA Visando ao desenvolvimento crítico com relação a temáticas políticas, 2ª e 3ª séries visitam Memorial da Resistência Durante os meses de março e abril, os alunos das 2ªs e 3ªs séries do Ensino Médio, das unidades Cataguases e Tremembé, visitaram o Memorial da Resistência, em São Paulo, como parte das atividades que recordam os cinquenta anos do golpe civil-militar de 1964 e os trinta anos do processo de redemocratização do País em Em uma época em que as atividades políticas do Brasil devem ser acompanhadas com atenção, o Colégio Jardim São Paulo tem a preocupação pedagógica de fomentar o debate sobre esses momentos graves e proporcionar a oportunidade de favorecer o desenvolvimento crítico de nossos alunos em relação também à temática política. Coordenadas pelos professores Fransmar Costa Lima (Filosofia) e Edison Silvestre Petenussi (Sociologia), as atividades de debate ocorrerão durante todo o ano, com o envolvimento de professores do quadro docente do colégio e convidados de outras instituições. O primeiro momento foi a realização do CineJardão, projeto de discussão a 7

8 aula extra partir de obras cinematográficas, de participação livre para os alunos, com debate acerca do filme Zuzu Angel, que contou com a participação dos professores Márcio Marcelino, Érika e Edy (História), Fransmar e Edison, e a presença de mais de cem alunos no Teatro Jardim São Paulo. Construir um país justo, humano e livre, implica um árduo trabalho de formação histórica e pensamento crítico, salienta Fransmar. Nas palavras do filósofo alemão Theodor Adorno, continua o professor, a história não pode ser esquecida e deve ser compreendida, para que os erros do passado não se repitam no futuro e a civilização não ceda seu lugar à barbárie. É nesse sentido que nossa história deve ser continuamente resgatada, analisada, visitada e discutida. 8

9 tecnologia IMERSÃO E COLABORAÇÃO Nova sala hi-tech faz sucesso entre alunos e professores da Educação Infantil O conceito de aulas imersivas remete os profissionais de educação a atividades que são desenvolvidas fora do ambiente habitual de ensino dos alunos. Além disso, visa a uma experiência de aprendizado diferenciada por meio de vivências realizadas em campo. Pensando dessa forma, a direção e o setor de Tecnologia Educacional do Colégio Jardim São Paulo iniciaram um projeto pioneiro e inovador em 2014: realizar aulas imersivas num ambiente colaborativo para alunos e professores. E quando falamos em colaboração, ultrapassamos o território do famoso bordão de trabalho em equipe as atividades colaborativas têm por objetivo incentivar os alunos de forma involuntária a ajudar, desenvolver e a participar em grupo das propostas de ensino. Sem perceber, eles se ajudam, conversam e discutem as soluções para os problemas propostos com muito interesse e compromisso. É fundamental destacar a infraestrutura do ambiente: lousa interativa Smart Board, projeção em alta definição (e com possibilidade de reprodução em 3D), Smart Table (mesa digital multi touch, permitindo que até oito crianças executem as atividades simultaneamente) e Ipads Air. Conteúdo de qualidade e infraestrutura de ponta fazem com que as aulas imersivas que ocorrem a cada quinze dias para os alunos do Conteúdo de qualidade e infraestrutura de ponta fazem com que as aulas sejam uma experiência educacional completa pré e 1º ano do Ensino Fundamental sejam uma experiência educacional completa, ampliando o conteúdo aplicado em sala de aula no ambiente hi-tech. Com foco inicial em letramento, as aulas, desenvolvidas pela equipe de tecnologia educacional do colégio, são ministradas pela professora Cristiane Sampaio que, por meio de três diferentes mecânicas de ensino (lousa, mesa e tablet) conduz os alunos a vivenciar momentos do mesmo conteúdo de diferentes maneiras. A motivação e foco das crianças nas atividades propostas impressionam, relata Cristiane. O nível de satisfação deles é grande e todos saem da sala perguntando quando irão voltar de novo. 9

10 tecnologia JARDÃO PRESENTE NA BETT SHOW 2015 O convite para a viagem veio da Smart Technologies, empresa canadense e principal fabricante mundial do sistema de lousas eletrônicas Smart Board De 21 a 24 de janeiro, representantes do Colégio Jardim São Paulo visitaram a capital inglesa Londres para conferir de perto a Bett Show 2015, uma das principais feiras em tecnologia para educação do mundo. A diretora- -acadêmica da Faculdade Cantareira, Mariana Meinberg; o professor e coordenador de Tecnologia da Informação, Ricardo Bochicchio; e a assistente de Coordenação do Departamento de Tecnologia da Informação, Carolina Meinberg, conheceram as novas tendências do setor com o intuito da adequá-las à realidade do colégio. O convite para a viagem veio da Smart Technologies, empresa canadense e principal fabricante mun- 10 dial do sistema de lousas eletrônicas Smart Board presente em salas de aula do Jardim São Paulo. Além dos membros do colégio, diversos líderes do setor educacional das esferas pública e privada também fizeram parte da comitiva brasileira. A feira, realizada anualmente no centro de convenções Excel London, contou com mais de seiscentos expositores, incluindo marcas renomadas como Google, Intel, Dell e Lego. A programação teve palestras, oficinas e apresentações de cases de diferentes lugares do mundo. Essas referências são muito importantes para conhecermos o que há de mais moderno e termos a certeza de que oferecemos o melhor para nossos alunos, explica Mariana. Os representantes do colégio participaram ainda de uma visita a uma escola pública inglesa, localizada da cidade de Birmingham. Ali, foi possível visualizar diversas mecânicas de ensino-aprendizagem realizadas pelos professores graças à presença de elementos tecnológicos. Nesse mesmo dia, houve uma conferência com diversos profissionais da área de educação oriundos de países das Américas, Ásia e Leste Europeu. A troca de experiências com professores de outros países foi excepcional. Ficou claro que o trabalho realizado no Jardim São Paulo não deixa nada a desejar para outras realidades tecnológicas em diferentes locais, afirma o professor Ricardo.

11 PENSANDO FORA DA SALA DE AULA estudo do meio Nossos alunos viajam por São Paulo e descobrem novos mundos. Tudo nos estudos do meio Salesópolis 6º ano do Ensino Fundamental Distância da capital: 94 km Eu me interesso muito por essas viagens de pesquisas. Depois do estudo do ano passado ao centro da cidade de São Paulo, por exemplo, passei a apreciar mais as construções de lá, como os prédios Mirante do Vale e Altino Arantes (Banespa). A viagem a Salesópolis trouxe-me mais interesse pelo rio Tietê e principalmente por sua nascente. Ando pesquisando muito no Google Maps sua localização e onde ele deságua. Também tive mais interesse por Salesópolis. Mariana, 6º ano E, unidade Tremembé 11

12 estudo do meio Santos 7º ano do Ensino Fundamental Distância da capital: 80 km Eu achei que a viagem de Estudo do Meio com destino a Santos foi muito educativa e interessante. Aprendi sobre muitas curiosidades que não conhecia. Também gostei muito da comida e do aquário, principalmente. Amanda Frega, 7º ano E, unidade Tremembé O Estudo do Meio é uma forma de aprender fora da escola. Visitamos monumentos históricos importantes. É também uma maneira de reunir a turma para um trabalho coletivo. Victor S. C. Melo, 7º ano C, unidade Cataguases Vale do Paraíba (São José dos Campos) 8º ano do Ensino Fundamental Distância da capital: 83 km A viagem foi muito importante e legal. Tomamos conhecimento da vida dos moradores do campo. Conhecemos, também, seus costumes, o cuidado com os animais e a fabricação do chocolate. No final, nós aprendemos sobre a tecnologia aérea do Brasil, que está bem avançada. Um vídeo mostrou o que ocorre com um foguete no espaço. Foi uma experiência única e inesquecível. Fabrício P. Berlofa, 8º ano A, unidade Cataguases Gostei da viagem. Principalmente da visita à fábrica da Nestlé e ao Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), em São José dos Campos. No museu, vimos vários mísseis, bombas, satélite, aviões antigos, o que não se vê todo dia. Na fazenda, foi a primeira vez que vi uma cabra. Na fábrica, mostrou-se apenas parte da produção, mas eu queria ver a linha de produção. Caio Jun Takahashi, 8º ano E, unidade Tremembé 12

13 Barra Bonita 9º ano do Ensino Fundamental Distância da capital: 300 km Quando chegamos a Barra Bonita, fomos a uma indústria de açúcar (Raízen). Lá nos explicaram a importância do açúcar na economia da cidade. Logo após, fomos para um barco navegar pelo rio Tietê e conhecemos a eclusa. No barco, o piloto nos falou coisas importantes e essenciais para a realização do trabalho. Depois de almoçarmos (ainda no barco), recebemos mais algumas explicações. Saímos da embarcação e fomos a uma feirinha na cidade. Depois, a nossa última parada, numa olaria vimos de perto como era a produção de tijolos. O passeio foi ótimo, nos divertimos e adquirimos conhecimento. Recomendo a todos. Izabella Gracia Cordeiro, 9º ano A, unidade Tremembé A viagem foi muito boa e ultrapassou as expectativas. O passeio de barco foi legal e enriquecedor (culturalmente). Porém, a comida não me agradou. A organização (monitores, professores, etc.) foi excelente. Os destinos secundários, como olaria e fábrica da Raizen, agradaram muito. Mesmo a percurso sendo grande, obrigando-nos a acordar muito cedo, vale muito ir para Barra Bonita. Sérgio Faria Makabe, 9º ano D, unidade Tremembé Eu gostei muito da fábrica da Nestlé e do ITA, mas achei que, no Sítio do Algodão Doce, a palestra, embora tenha sido interessante, foi muito longa. O resto do passeio foi legal. A guia do ônibus explicava muito bem e eu consegui anotar todas as informações necessárias. Anna Julia, 8º ano D, unidade Tremembé Adorei a viagem a Barra Bonita. Acompanhei a linha de produção dentro de uma olaria, vi, pela primeira vez, uma eclusa por onde nosso barco passou e aprendi que a água do rio Tietê nem sempre é suja! Além de tudo isso, me diverti muito com meus amigos. Essa foi a melhor viagem de todas! Laura, 9º ano C, unidade Cataguases 13

14 day camp UM DIA NO CAMPO Acampamento Cantareira, em Mairiporã, é local de lazer para os 2º, 3º, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental O Day Camp é um daqueles dias esperados com uma boa dose de ansiedade, se é que se pode dizer assim, pelos alunos do 2º ao 5º anos do Ensino Fundamental das unidades Cantareira e Cataguases. O evento proporciona a eles passar um dia inteiro no Acampamento Cantareira, em Mairiporã (SP), onde podem desfrutar juntos de momentos especiais que não podem ser vividos dentro da escola, mas que, de maneira muito intensa, são a extensão de tudo que se compartilha na escola. Alunos, professores, coordenação e uma fantástica equipe de apoio, participam desse dia maravilhoso. Desde a saída do colégio, o espírito é de brincadeira e diversão. Convive-se por um bom período num lindo espaço em meio à natureza.

15 day camp De acordo com os professores que acompanham os alunos, chama a atenção o momento das refeições (três). Dá gosto ver o quanto as crianças se alimentaram bem! A liberdade faz parte do dia, mas é pautada no respeito, na colaboração e amizade, principalmente durante as atividades esportivas organizadas pela brilhante equipe de Educação Física. Alcançou-se o objetivo: promover o espírito esportivo, a boa convivência e a oportunidade de proporcionar aos alunos momentos inesquecíveis. 15

16 cultura & arte ESTREIA COM SUCESSO! O Curso de Teatro do Jardão é coordenado pela Oficina dos Menestréis. Nesta página, fotos de Lendas e tribos ; na página ao lado, Dança dos signos Grupos de teatro apresentam-se com casa cheia e impressionam plateia Quando se escreveu na edição anterior de O Jardão que os ensaios dos dois grupos do Curso de Teatro do Colégio Jardim São Paulo estavam indo de vento em popa, não era mera força de expressão. Era a pura verdade para mostrar que nossos atores estavam sendo muito bem preparados. Desde o ano passado, o curso é coordenado pela Oficina dos Menestréis, companhia criada em 1981 pelo cantor e compositor Oswaldo Montenegro. No Jardão, estão atuando como diretor das peças o ator Rica Santana, há vinte anos com Montenegro, e sua assistente de Direção, Fábia Dias. 16

17 cultura & arte No final do ano passado, foram encenadas duas peças: Dança dos signos, autoral de Montenegro, e Lendas e tribos esta é assinada por Candé Brandão e tem músicas de autores variados. CULTURA INGLESA ENCENA OBRA INTERATIVA Peça em inglês, oferecida pela Cultura Inglesa aos alunos do CJSP, faz referência à polícia londrina, a Scotland Yard, e dá lugar à participação da plateia na descoberta de pistas para resolução do mistério. 17

18 cultura & arte THEY ROCKED YOU! Audição de violão e guitarra homenageia rock n roll apresentando sucessos de várias décadas 18 Esta noite é a homenagem a todos os artistas e bandas que tocam e fazem a história do rock n roll, escreveu Marcos Antônio da Silva, professor e coordenador do curso de violão e organizador das audições de violão e guitarra. Esse texto e outros serviram de abertura e informação para os três dias de apresentação. Segundo Marcos Antônio, muito de nossa cultura tem sido influenciada por esse estilo de música, tanto pelos tradicionais grupos (Beatles, Roling Stones, Elvis etc., dos anos 1960) que, muitas vezes, têm mais de meio século de história como até pelos mais recentes, que surgem a cada instante. Alguns duram muitos anos (os Rolling

19 cultura & arte Stones, por exemplo, foi fundado em 12 de agosto de 1962 e dura até os dias de hoje); outros, alguns meses (Mamonas Assassinas, de julho de1995 até março de 1996, pouco mais de sete meses). Porém, muitos influenciaram e influenciam ainda hoje o modo de ler o mundo que nos cerca, de maneira irreverente (Mamonas), revolucionária (Legião Urbana), romântica (Elvis) ou cultural (Titãs). Quanto maior a duração de uma banda, maior é o referencial que nos apresenta, explica Marcos Antônio. Sabemos que o mundo seria muito desanimado e triste se ele, o rock, não existisse. Longa vida ao rock n roll! 19

20 cultura & arte Apresentações Os alunos de violão apresentam-se em grupos separados por nível. Assim, há iniciantes, intermediários e avançados. Coordenados pelo professor Lucas Seabra, os de guitarra também mostraram o que aprenderam ao longo de todo o ano, solando ou acompanhando vocalistas como também os violonistas nas canções sempre de acordo com o nível técnico que têm. Os vocalistas, por sua vez, incluem alunos e professores. Aliás, alunos e professores também formam a banda de apoio. No repertório das três noites ouviam-se músicas contemporâneas de cantores e bandas brasileiras, como Charlie Brown Jr., Titãs, Raul Seixas, Legião Urbana, Mamonas Assassinas. De fora do País, foram lembradas Lynyrd Skynyrd, Led Zeppelin, Guns n Roses, Queen. Os guitarristas relembraram sucessos de Chuck Berry, Elvis Presley e Red Hot Chilli Peppers. Todas as noites foram encerradas com We Will rock you, música inesquecível que o lendário Freddie Mercury (Queen) cantou no Rock in Rio em A propósito, o título desta matéria foi inspirado nessa canção. Nossos alunos sacudiram o Rock in Jardim São Paulo! 20

21 cultura & arte Banda de apoio Alexandre Ruiz (funcionário do setor de Informática) Carol Mello (bateria e percussão) Edison Silvestre Petenussi (professor de Sociologia) saxofone Erica Del Poz (professora de História) teclado Fransmar da Costa Lima (contrabaixo elétrico) Gabriel Zandoná (contrabaixo elétrico) Gabriel Zangirólami (guitarra) Guilherme Dias (guitarra) Lucas Seabra (coordenador e professor do curso de guitarra) guitarra Marcos Antônio da Silva (coordenador e professor do curso de violão) violão Vítor Pinheiro (bateria) Vocalistas Amanda Gianela Figueiredo Ana Carolina Bertoldi Garcia Beatriz Cerdá de Araújo Débora Boschini Gabrielly Manzo José Feliz Hipólito Gaifem (coordenador da área de Exatas) Júlia Cerdá Mendes de Araújo Leandro Cissoto (programador da área de Tecnologia da Informação do Jardão) Marcelo Storelli Mariana Moreno Raphaela Farto Rodrigo Cesar Mareira Sarau Como vem ocorrendo nos últimos anos, tem-se a última noite para uma espécie de sarau, com a participação livre tanto de alunos como de professores e funcionários. Foi mais um dia de festa com muita música e descontração. 21

22 cultura & arte CORAL INFANTIL CANTA O FOLCLORE BRASILEIRO Apresentação é enriquecida com cenas teatrais e narração O espetáculo Lendas do Folclore Brasileiro, apresentado pelo Coral Infantil do Colégio Jardim São Paulo, formado por alunos dos 2º ao 5º anos do Ensino Fundamental (unidades Cantareira e Cataguases), sob a regência das professoras Milena Bravo, Danielle Pirasolli, Flávia Nemoto, Danielle Henriques e da coordenadora e professora Ana Monteiro, contou e cantou histórias do nosso folclore. Para se chegar ao resultado final, foram necessárias pesquisas tanto das lendas como do repertório musical relacionado ao tema. Todas as músicas apresentadas eram acompanhadas de cenas teatrais que as completavam. A representação das personagens ficou a cargo do 5º ano, as narrações ganharam a voz de alunos do 4º ano. Os demais integrantes cantaram as histórias apresentadas com a participação de uma banda ao vivo. A preocupação do tema escolhido foi a de que os alunos entrassem um pouco mais em contato com o rico folclore brasileiro. Todos mereceram os aplausos calorosos, depois de meses de dedicação para que o espetáculo ficasse tão bonito! Danielle Henriques 22

23 cultura & arte MÚSICA, POESIA E ESTRELAS Corais Infantojuvenil e Jovem do Jardão: repertório eclético inclui diversos gêneros e épocas Fazer boa música e apresentá-la a diversas plateias, mantendo vivo o sonho de nosso mentor artístico, professor Paulo Meinberg, sempre foi a motivação principal dos corais do Colégio Jardim São Paulo. Baseados num trabalho pedagógico que prioriza leveza e profundidade ao ensino musical e à prática vocal, a equipe formada por Vera Novack (regência), Eduardo Boletti (pianista e arranjador) e Carol Mello (monitora vocal e percussionista) vem construindo, desde 2006, uma consciência de trabalho conjunto, com produção de um repertório eclético que abrange os mais diversos gêneros e épocas da música vocal. O ano de 2013 foi particularmente produtivo para os corais Infantojuvenil e Jovem do Colégio Jardim São Paulo, levando nossa música a importantes encontros corais, dentre eles o 2º Encontro Mackenzie de Corais Jovens, realizado em novembro. Além de eventos externos, todas as vozes foram reunidas num espetáculo de encerramento do ano letivo, com a presença de pais, professores e amigos, que, ao final do espetáculo, foram convidados a preparar uma canção e experimentar a emoção de cantá-la num grupo de cerca de quatrocentas vozes. No último bimestre do ano passado, numa atividade muito honrosa, a direção concedeu aos corais o privilégio de registrar num CD gravado no Estúdio Cantareira, sete canções de autoria de Paulo Meinberg, sendo uma delas inédita, concretizando assim um antigo sonho e promovendo a divulgação dessa obra tão importante e representativa da história dos 65 anos do colégio. O resultado artístico desse trabalho, O poeta e as estrelas, está disponível a todos no site Vera Novack 23

24 cultura & arte CARNAVAL PARA OS TERCEIRÕES : SÓ ALEGRIA! Ensino Médio põe bloco nas quadras, brinca e participa de concurso Na unidade Cataguases, sempre que chegava a época do carnaval, os alunos caprichavam nas fantasias e o entusiasmo era muito grande no dia separado para eles brincarem e celebrarem a data. Este ano, Maurício Di Tota M. Boni (professor de Matemática) sugeriu que se fizesse um concurso de fantasias envolvendo os alunos. Tudo acertado, a organização ficou por conta dos coordenadores de Educação Física, professores Maria Cristina Trindade de Aguiar e Renato Augusto Fernandes O evento ganhou o nome de Carnaval do Terceirão. 24

25 cultura & arte Carnaval do Terceirão Vencedores Fantasia masculina: Igor C. Ramos (3a série C) Fantasma da Ópera Fantasia feminina: Giovanna Coltro (3a série C) Noviça Rebelde Bloco: Bruna Cardone, Gabriela Mendes, Giovanna Mota, Isabella Rezende, Izabele Caetano, Lorena Dipieri, Thayná Gomes (3a série A) e Rodrigo Rovaroto (3a série B) Bloco dos Minions Júri Participaram do corpo de jurados os professores Ana Maria Rossini, Edy Carla Rossi, Fernanda Estácio da Silva e Maurício Di Tota M. Boni A festa de carnaval com os alunos da 3ª série do Ensino Médio é realizada com a intenção de resgatar a folia dos grandes bailes de salão, explica Cristina. E Renato complementa: O evento foi além das expectativas, tivemos um número grande de participantes e todos com espírito típico da festa, muita alegria. O concurso teve três categorias: melhor fantasia masculina, melhor fantasia feminina e melhor bloco. Os jurados avaliaram os seguintes tópicos: fantasia, originalidade e animação. Na unidade Tremembé não houve concurso. Porém, isso não impediu que reinasse ali o gostoso e salutar espírito de brincadeira que a festa exige. Com fantasias criativas, moças e rapazes não se cansaram de desfilar pela quadra da unidade para, em grupo ou individualmente, registrar fotos desse momento que passou a constar na história de cada um deles. 25

26 formatura CAPELOS PARA CIMA! Certificado nas mãos, agora é só comemorar! É sempre assim o final das solenidades de formatura do Ensino Fundamental e Ensino Médio das unidades Cataguases e Tremembé. Com muita pompa e circunstância, os formandos tiveram o encerramento de curso no Palácio das Convenções do Anhembi, no dia 15 de fevereiro. Em dois eventos distintos, a comunidade jardanense reuniu-se 26 para entregar simbolicamente os certificados a que os formandos tinham direito. O primeiro, realizado às 14h30, atendeu às turmas do Ensino Fundamental. No mesmo dia, às 19 horas, foi a vez de os formandos do Ensino Médio comemorarem o encerramento do curso. Este ano, o roteiro da solenidade do Ensino Médio incluiu a entrega da Medalha Professor Paulo Meinberg aos melhores alunos do curso: Rachel Sordi Relvas (unidade Cataguases) e André Luiz Miraello Barão Fantin (unidade Tremembé). A mesa solene foi composta pela direção Christina Milano Meinberg (diretora-geral e representante da Ajomesp, Associação João Meinberg de Ensino de São Paulo); Alfredo de Andrada Dodsworth (diretor-pedagógico da unidade

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social O Projeto Social Luminando O LUMINANDO O Luminando surgiu como uma ferramenta de combate à exclusão social de crianças e adolescentes de comunidades

Leia mais

ações de cidadania Atendimento direto ECE-SP recebe a comunidade com equipe qualificada e atividades orientadas Revista Linha Direta

ações de cidadania Atendimento direto ECE-SP recebe a comunidade com equipe qualificada e atividades orientadas Revista Linha Direta ações de cidadania Atendimento direto ECE-SP recebe a comunidade com equipe qualificada e atividades orientadas Valéria Araújo Quando crianças, adolescentes, jovens e familiares do distrito da Brasilândia

Leia mais

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível

Carnaval 2014. A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Carnaval 2014 A Sociedade Rosas de Ouro orgulhosamente apresenta o enredo: Inesquecível Nesta noite vamos fazer uma viagem! Vamos voltar a um tempo que nos fez e ainda nos faz feliz, porque afinal como

Leia mais

ALUNOS DO ANO DE 2010 QUE INGRESSARAM NAS UNIVERSIDADES EM 2012.

ALUNOS DO ANO DE 2010 QUE INGRESSARAM NAS UNIVERSIDADES EM 2012. ALUNOS DO ANO DE 2010 QUE INGRESSARAM NAS UNIVERSIDADES EM 2012. USP Administração UNESP Administração Pública Mackenzie Engenharia de Produção UNESP Engenharia Mecânica UFF (Federal Fluminense) Engenharia

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 29 Discurso na cerimónia de premiação

Leia mais

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre.

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre. ]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. ANO 2013-1ª EDIÇÃO A equipe gestora está sempre preocupada com o desempenho dos alunos e dos educadores, evidenciando

Leia mais

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE Mesmo não acreditando na Educação Criativa, o professor pode fazer uma experiência para ver o resultado. É o caso da professora deste relato. Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

Bate-papo: Uso do Scratch, uma nova linguagem de programação, no ensino fundamental - Web Currículo (25/05/2010)

Bate-papo: Uso do Scratch, uma nova linguagem de programação, no ensino fundamental - Web Currículo (25/05/2010) 1 of 6 02/12/2011 16:14 Bate-papo: Uso do Scratch, uma nova linguagem de programação, no ensino fundamental - Web Currículo (25/05/2010) 13:58:20 Bem-vindos ao Bate-papo Educarede! 14:00:54 II Seminário

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 17 Discurso após a cerimónia de assinatura

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 49 Discurso no encontro com grupo

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

Ana Carolina Pereira Pires

Ana Carolina Pereira Pires Aimê Pinheiro Pires universidades e centros de pesquisa na geração de novos negócios, Ana Carolina Pereira Pires Ana Cristina Angelo Rocha Ana Paula Andrade Galvão Andre Araujo André Lopes Andre Luiz Santos

Leia mais

Amanda Cardoso de Melo

Amanda Cardoso de Melo Aime Pinheiro Pires participou da palestra: Empreendedor De Sucesso, Amanda Cardoso de Melo Amanda Loschiavo Amoiré Santos Ribeiro Ana Carolina Pereira Pires Ana Carolina Pioto Magalhães Ana Cristina Angelo

Leia mais

MANUAL DE COLAÇÃO DE GRAU DA ADJETIVO - CETEP

MANUAL DE COLAÇÃO DE GRAU DA ADJETIVO - CETEP MANUAL DE COLAÇÃO DE GRAU DA ADJETIVO - CETEP Solenidade de Colação de Grau A Colação de grau é o ato Institucional que se realiza para conferir graus acadêmicos aos formandos, em dia e hora marcados.

Leia mais

Alunos Aprovados nos Vestibulares

Alunos Aprovados nos Vestibulares ENSINO MÉDIO / 2014 Alunos Aprovados nos Vestibulares Nomes cursos 1. Ahysla Gonçalves Durães FUNORTE - Odontologia 2. Ana Izabel Lima de Oliveira FUNORTE - Psicologia 3. Anne Karoline Borges FUNORTE -

Leia mais

Reunião 3º ano Ensino Médio

Reunião 3º ano Ensino Médio Reunião 3º ano Ensino Médio ENSINO MÉDIO Aprofundamento da aprendizagem; Questionamentos sobre a vida pessoal; Apoio à escolha profissional; Autonomia para resolver problemas, buscando soluções próprias.

Leia mais

Com fantasias, alunos do Infantil dançaram as marchinhas do Carnaval

Com fantasias, alunos do Infantil dançaram as marchinhas do Carnaval FourC leva o sambódromo para a Escola, unindo diversão e aprendizagem Máscaras, samba-enredo, alegorias, fantasias e muita alegria aliada ao estudo, o aprendizado e a diversão! Foi assim o Carnaval na

Leia mais

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE.

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE. OS 4 PASSOS PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA HIGHSTAKESLIFESTYLE. Hey :) Gabriel Goffi aqui. Criei esse PDF para você que assistiu e gostou do vídeo ter sempre por perto

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais

ENSINO MÉDIO. Vestibular 2012-2013

ENSINO MÉDIO. Vestibular 2012-2013 ENSINO MÉDIO Vestibular 202-203 Vestibular 202 USP 2 Ciências da Computação(), Relações Públicas() UNESP 2 Ciências da Computação(), Engenharia() UFSCAR Ciências da Computação UNICAMP 2 Música(), Engenharia()

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4

Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4 Guia do Educador CARO EDUCADOR ORIENTADOR Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 2. PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4 Objetivo GERAL 5 METODOLOGIA 5 A QUEM SE DESTINA? 6 O QUE

Leia mais

Como a comunicação e a educação podem andar de mãos dadas 1

Como a comunicação e a educação podem andar de mãos dadas 1 Como a comunicação e a educação podem andar de mãos dadas 1 Entrevista com Ricardo de Paiva e Souza. Por Flávia Gomes. 2 Flávia Gomes Você acha importante o uso de meios de comunicação na escola? RICARDO

Leia mais

É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR

É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR É PROIBIDO O USO COMERCIAL DESSA OBRA SEM A AUTORIZAÇÃO DO AUTOR Introdução: Aqui nesse pequeno e-book nós vamos relacionar cinco super dicas que vão deixar você bem mais perto de realizar o seu sonho

Leia mais

Roteiro de Áudio. SOM: abertura (Vinheta de abertura do programa Hora do Debate )

Roteiro de Áudio. SOM: abertura (Vinheta de abertura do programa Hora do Debate ) 1 Roteiro de Áudio Episódio 1 A língua, a ciência e a produção de efeitos de verdade Programa Hora de Debate. Campanhas de prevenção contra DST: Linguagem em alerta SOM: abertura (Vinheta de abertura do

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Agosto 2014

Atividades Pedagógicas. Agosto 2014 Atividades Pedagógicas Agosto 2014 EM DESTAQUE Acompanhe aqui um pouco do dia-a-dia de nossos alunos em busca de novos aprendizados. ATIVIDADES DE SALA DE AULA GRUPO II A GRUPO II B GRUPO II C GRUPO II

Leia mais

Relatório de Atividades Maio e Junho

Relatório de Atividades Maio e Junho Relatório de Atividades Maio e Junho ANA LISE MENSAL MAIO/JUNHO Devido a Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 o horário do Projeto Construindo o Saber Pré Vestibular durante a semana foi modificado (16h50min

Leia mais

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO PORTFÓLIO -ATIVIDADES 2012

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO PORTFÓLIO -ATIVIDADES 2012 PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIMIRIM SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA ESCOLA MUNICIPAL SANTA EUGÊNIA PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO PORTFÓLIO -ATIVIDADES 2012 Guapimirim, Dezembro de 2012. ESCOLA MUNICIPAL

Leia mais

PROJETO NINHO VAZIO EM BUSCA DA EDUCAÇÃO EMOCIONAL

PROJETO NINHO VAZIO EM BUSCA DA EDUCAÇÃO EMOCIONAL PROJETO NINHO VAZIO EM BUSCA DA EDUCAÇÃO EMOCIONAL Oficinas de apoio e fortalecimento de laços intergeracionais, com dinâmicas, arteterapia, psicoeducativos, exercícios de alongamento, respiração e relaxamento,

Leia mais

OSVALDO. Como também foi determinante a motivação e a indicação feita por um professor.

OSVALDO. Como também foi determinante a motivação e a indicação feita por um professor. OSVALDO Bom dia! Meu nome é Osvaldo, tenho 15 anos, sou de Santa Isabel SP (uma cidadezinha próxima à Guarulhos) e, com muito orgulho, sou bolsista ISMART! Ingressei no ISMART este ano e atualmente estou

Leia mais

?- Período em que participavam das aulas.

?- Período em que participavam das aulas. Iniciativa Apoio como foi a campanha HISTÓRIAS EX ALUNOS 1997 2013 as perguntas eram relacionadas ao:?- Período em que participavam das aulas. - Impacto que o esporte teve na vida deles. - Que têm feito

Leia mais

A Escolinha do Mar. Atividades

A Escolinha do Mar. Atividades A Escolinha do Mar Atividades Turma: 1º ano da Educação Infantil Professoras: Eloane Tavares / Ercyany dos Santos CUIDANDO DO PLANETA O trabalho foi iniciado por meio de um teatro apresentado pelas próprias

Leia mais

Programação. Dia 31/05 1º período do curso de Engenharia de Computação

Programação. Dia 31/05 1º período do curso de Engenharia de Computação Programação Dia 31/05 1º período do curso de Engenharia de Computação 1ª PALESTRA DO DIA: 19h As perspectivas mercadológicas na era da Tecnologia da Informação para Utilização de Software nas Empresas

Leia mais

Roteiro de Cerimônia para a Condução dos Trabalhos de Conclusão das Turmas do Projeto Crescer 2013

Roteiro de Cerimônia para a Condução dos Trabalhos de Conclusão das Turmas do Projeto Crescer 2013 Instituto Crescer Movimento Cidadania e Juventude Projeto Crescer Cidadania, Ética e Responsabilidade Roteiro de Cerimônia para a Condução dos Trabalhos de Conclusão das Turmas do Projeto Crescer 2013

Leia mais

RELATÓRI O AN UAL DE ATI VI DADES 2 0 1 3

RELATÓRI O AN UAL DE ATI VI DADES 2 0 1 3 RELATÓRI O AN UAL DE ATI VI DADES 2 0 1 3 Parceria Inova - BH Odebrecht & Junior Achievem ent de Minas Gerais 1 SUMÁRIO 1. Resultados Conquistados... 3 2. Resultados 2013... 4 3. Resultados Pesquisas...

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013 Atividades Pedagógicas Outubro 2013 EM DESTAQUE Acompanhe aqui um pouco do dia-a-dia de nossos alunos em busca de novos aprendizados. ATIVIDADES DE SALA DE AULA GRUPO IV A GRUPO IV B GRUPO IV C GRUPO IV

Leia mais

Numa recente e longa entrevista concedida para a rede de emissoras rádio via satélite AMERICAN SAT, o cantor PAULINHO BOCA lembrou dos fatos mais

Numa recente e longa entrevista concedida para a rede de emissoras rádio via satélite AMERICAN SAT, o cantor PAULINHO BOCA lembrou dos fatos mais Numa recente e longa entrevista concedida para a rede de emissoras rádio via satélite AMERICAN SAT, o cantor PAULINHO BOCA lembrou dos fatos mais importantes que marcaram a trajetória da MPB nos últimos

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014

ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014 ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014 Justificativa do Projeto Conhecer o corpo humano é conhecer a vida, poucos assuntos são tão fascinantes para os alunos quanto esse. Por menores que sejam as crianças,

Leia mais

A Fundação Victor Civita (FVC) divulgou nesta terça-feira, 7, a relação de projetos e professores vencedores da 15ª edição do Prêmio Educador Nota

A Fundação Victor Civita (FVC) divulgou nesta terça-feira, 7, a relação de projetos e professores vencedores da 15ª edição do Prêmio Educador Nota A Fundação Victor Civita (FVC) divulgou nesta terça-feira, 7, a relação de projetos e professores vencedores da 15ª edição do Prêmio Educador Nota 10. Entre os cerca de 2.500 professores, coordenadores

Leia mais

Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan.

Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan. Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan. A Professora Rosa Trombetta, Coordenadora de Cursos da FIPECAFI aborda o assunto elearning para os ouvintes da Jovem Pan Online. Você sabe o que

Leia mais

Poder: Jornal Fortuna

Poder: Jornal Fortuna Aqui você enriquece sua leitura Jornal Fortuna Volume 1, edição 1 Data do boletim informativo Nesta edição: Poder: Há vários tipos de poder, poder militar, poder da natureza, poder político, o poder da

Leia mais

UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL REGIONAL RIO GRANDE DOS SUL GRUPO ESCOTEIRO SANTA CRUZ 181/RS RELATÓRIO. Levando Alegria aos moradores da ASAN

UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL REGIONAL RIO GRANDE DOS SUL GRUPO ESCOTEIRO SANTA CRUZ 181/RS RELATÓRIO. Levando Alegria aos moradores da ASAN UNIÃO DOS ESCOTEIROS DO BRASIL REGIONAL RIO GRANDE DOS SUL GRUPO ESCOTEIRO SANTA CRUZ 181/RS RELATÓRIO Levando Alegria aos moradores da ASAN Período fevereiro/2013 a julho/2013 Relatório do Projeto desenvolvido

Leia mais

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I FORTALECENDO SABERES CIÊNCIAS NAT. CIÊNCIAS HUM. CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Conteúdo:

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I FORTALECENDO SABERES CIÊNCIAS NAT. CIÊNCIAS HUM. CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Conteúdo: CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I Conteúdo: - Alguns aspectos que interferem na saúde das pessoas - Saúde como Direito Constitucional dos brasileiros

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

Família. Escola. Trabalho e vida econômica. Vida Comunitária e Religião

Família. Escola. Trabalho e vida econômica. Vida Comunitária e Religião Família Qual era a profissão dos seus pais? Como eles conciliavam trabalho e família? Como era a vida de vocês: muito apertada, mais ou menos, ou viviam com folga? Fale mais sobre isso. Seus pais estudaram

Leia mais

PROJETO IDIOMA NO CÂMPUS CURSO: INGLÊS I - Professora Maria Carolina

PROJETO IDIOMA NO CÂMPUS CURSO: INGLÊS I - Professora Maria Carolina CURSO: INGLÊS I - Professora Maria Carolina Situação 1 20131060110193 Lorrane Kethllen Mendanha Pereira 060.126.431-28 APROVADO/CLASSIFICADO 2 20141060110212 Rebeca Barbosa Moura 700.674.671-05 APROVADO/CLASSIFICADO

Leia mais

PROJETO ESCOLA PARA PAIS

PROJETO ESCOLA PARA PAIS PROJETO ESCOLA PARA PAIS Escola Estadual Professor Bento da Silva Cesar São Carlos São Paulo Telma Pileggi Vinha Maria Suzana De Stefano Menin coordenadora da pesquisa Relator da escola: Elizabeth Silva

Leia mais

SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL: SENSIBILIZANDO ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL

SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL: SENSIBILIZANDO ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL: SENSIBILIZANDO ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL Paloma Rodrigues Cunha¹, Larissa Costa Pereira¹, Luã Carvalho Resplandes², Renata Fonseca Bezerra³, Francisco Cleiton da Rocha 4

Leia mais

Vestibular 2016 Alunos Aprovados

Vestibular 2016 Alunos Aprovados Amanda Macedo Ferreira Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP - Fisioterapia Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUCSP - Fisioterapia Amanda Souza Nascimento Pontifícia Universidade Católica

Leia mais

Descobrindo o que a criança sabe na atividade inicial Regina Scarpa 1

Descobrindo o que a criança sabe na atividade inicial Regina Scarpa 1 1 Revista Avisa lá, nº 2 Ed. Janeiro/2000 Coluna: Conhecendo a Criança Descobrindo o que a criança sabe na atividade inicial Regina Scarpa 1 O professor deve sempre observar as crianças para conhecê-las

Leia mais

A hora é agora! Vamos juntos alcançar um verdadeiro legado social.

A hora é agora! Vamos juntos alcançar um verdadeiro legado social. A hora é agora! Vamos juntos alcançar um verdadeiro legado social. 2013 foi ótimo! Mas, 2014 está sendo ainda melhor. Um ano de oportunidades, transformações... Mais uma chance de fazer melhor e com excelência!

Leia mais

NOME CURSO ANA CLARA SOARES ÁVILA GESTÃO PÚBLICA UFMG BÁRBARA SAMYRA DE MELO SILVA PUBLICIDADE E PROPAGANDA PUC

NOME CURSO ANA CLARA SOARES ÁVILA GESTÃO PÚBLICA UFMG BÁRBARA SAMYRA DE MELO SILVA PUBLICIDADE E PROPAGANDA PUC NOME CURSO APROVAÇÃO- UNIVERSIDADE ANA CLARA SOARES ÁVILA GESTÃO PÚBLICA ANA LUISA ROMUALDO JANUÁRIO DUTRA 5º ANA LUISA VIDAL DE CARVALHO ANA LUIZA ANDRADE CAMARA 3º ANA LUIZA ARAÚJO ROCHA ANDRÉ FELIPE

Leia mais

ALUNO FACULDADE CURSO

ALUNO FACULDADE CURSO APROVADOS - 2013 - Lista Parcial - 05/02/2013 ALUNO FACULDADE CURSO Alessandra Dias Bloch Amanda Aparecida de Oliveira Ana Paula Miyanohara André Hannickel Mendes Pereira Antonio Carlos S. de M. e Sedeh

Leia mais

NOTÍCIAS CURRÍCULO B TECNOLOGIA PROPORCIONA NOVAS APRENDIZAGENS ATIVIDADES E EVENTOS 1º SEMESTRE AULA DE INFORMÁTICA 1 AULA PRÁTICA EM ALDEIA INDÍGENA

NOTÍCIAS CURRÍCULO B TECNOLOGIA PROPORCIONA NOVAS APRENDIZAGENS ATIVIDADES E EVENTOS 1º SEMESTRE AULA DE INFORMÁTICA 1 AULA PRÁTICA EM ALDEIA INDÍGENA NOTÍCIAS CURRÍCULO B TECNOLOGIA PROPORCIONA NOVAS APRENDIZAGENS ATIVIDADES E EVENTOS 1º SEMESTRE AULA DE INFORMÁTICA 1 AULA PRÁTICA EM ALDEIA INDÍGENA 2 VISITA AO AQUÁRIO 2 Alunos do 4º ano nas aulas de

Leia mais

Fundado em 19 de MARÇO de 1990 - Diretora: Maria Coeli Galiaço Prata. A grandiosa Feira de Artesanato do Educandário São José!

Fundado em 19 de MARÇO de 1990 - Diretora: Maria Coeli Galiaço Prata. A grandiosa Feira de Artesanato do Educandário São José! JORNAL do Edição Nº 13 De 1º a 30 de SETEMBRO de 2012 Educandário São José Fundado em 19 de MARÇO de 1990 - Diretora: Maria Coeli Galiaço Prata A grandiosa Feira de Artesanato do Educandário São José!

Leia mais

pensamentos para o seu dia a dia

pensamentos para o seu dia a dia pensamentos para o seu dia a dia Israel Belo de Azevedo 1Vida e espiritualidade 1 Adrenalina no tédio O interesse por filmes sobre o fim do mundo pode ser uma forma de dar conteúdo ao tédio. Se a vida

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 53 Discurso na solenidade de lançamento

Leia mais

ANHEMBI MORUMBI Medicina Veterinária UEL MACKENZIE UFMT UNIPAMPA -RS ESPM MACKENZIE

ANHEMBI MORUMBI Medicina Veterinária UEL MACKENZIE UFMT UNIPAMPA -RS ESPM MACKENZIE APROVADOS 2014 ALUNO Alexandre Vasconcellos Meira Leite FEI Civil Amanda Martins R. C. Monteiro Relações Públicas Amanda Silvestre Finamor ANHEMBI MORUMBI Medicina Veterinária Ana Beatriz Amaral Ferreira

Leia mais

Como fazer contato com pessoas importantes para sua carreira?

Como fazer contato com pessoas importantes para sua carreira? Como fazer contato com pessoas importantes para sua carreira? - Tem alguém com quem você gostaria de fazer contato? - Porque você não o fez até agora? - Por que é importante aprender a fazer esses contatos?

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

DIREITO DE FAMÍLIA: TEORIA E PRÁTICA

DIREITO DE FAMÍLIA: TEORIA E PRÁTICA DIREITO DE FAMÍLIA: TEORIA E PRÁTICA TESTEMUNHOS DOS PARTICIPANTES ALUNOS OUVINTES Nome Completo: Norma Maria da Cruz 1. O que representou para você o curso Direito de Família Teoria e Pratica? Em linhas

Leia mais

A CRIANÇA NA PUBLICIDADE

A CRIANÇA NA PUBLICIDADE A CRIANÇA NA PUBLICIDADE Entrevista com Fábio Basso Montanari Ele estuda na ECA/USP e deu uma entrevista para e seu grupo de colegas para a disciplina Psicologia da Comunicação, sobre sua história de vida

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

ACENDA O OTIMISMO EM SUA VIDA. Quiz Descubra Se Você é uma Pessoa Otimista

ACENDA O OTIMISMO EM SUA VIDA. Quiz Descubra Se Você é uma Pessoa Otimista ACENDA O OTIMISMO EM SUA VIDA Quiz Descubra Se Você é uma Pessoa Otimista Uma longa viagem começa com um único passo. - Lao-Tsé Ser Otimista não é uma tarefa fácil hoje em dia, apesar de contarmos hoje

Leia mais

Existe espaço para os covers mostrarem seus trabalhos? As pessoas dão oportunidades?

Existe espaço para os covers mostrarem seus trabalhos? As pessoas dão oportunidades? A Estação Pilh@ também traz uma entrevista com Rodrigo Teaser, cover do Michael Jackson reconhecido pela Sony Music. A seguir, você encontra os ingredientes da longa história marcada por grandes shows,

Leia mais

A importância da leitura na fase infantil.

A importância da leitura na fase infantil. EDIÇÃO II VOLUME 3 01/04/2011 A importância da leitura na fase infantil. O desenvolvimento de interesses e hábitos permanentes de leitura é um processo constante, que principia no lar, aperfeiçoa-se sistematicamente

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES Silva.A.A.S. Acadêmica do curso de Pedagogia (UVA), Bolsista do PIBID. Resumo: O trabalho

Leia mais

12/02/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República

12/02/2010. Presidência da República Secretaria de Imprensa Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de inauguração da Escola Municipal Jornalista Jaime Câmara e alusiva à visita às unidades habitacionais do PAC - Pró-Moradia no Jardim do Cerrado e Jardim Mundo

Leia mais

2ª SEMANA NACIONAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA MARÇO

2ª SEMANA NACIONAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA MARÇO Design & Saúde Financeira para maiores de 50 anos Vera Damazio Laboratório Design Memória Emoção :) labmemo (: O que Design tem a ver com Saúde Financeira para maiores de 50 anos? E o que faz um Laboratório

Leia mais

APRESENTA II AÇÃO SOCIAL FAP X PASTORAL DA CRIANÇA PROJETO: SOLIDARIEDADE: UM ATO DE AMOR

APRESENTA II AÇÃO SOCIAL FAP X PASTORAL DA CRIANÇA PROJETO: SOLIDARIEDADE: UM ATO DE AMOR APRESENTA II AÇÃO SOCIAL FAP X PASTORAL DA CRIANÇA PROJETO: SOLIDARIEDADE: UM ATO DE AMOR DATA: 13/10/2012 Comemoração do Dia da Criança HORÁRIO: 8:00 horas as 11 horas LOCAL: Estacionamento da FAP PARTICIPAÇÃO:

Leia mais

COM CRIANÇAS INGRESSANTES NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA EXPERIÊNCIA POSSÍVEL NOS DIFERENTES MODOS DE ENSINAR

COM CRIANÇAS INGRESSANTES NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA EXPERIÊNCIA POSSÍVEL NOS DIFERENTES MODOS DE ENSINAR O USO DO BLOG COM CRIANÇAS INGRESSANTES NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA EXPERIÊNCIA POSSÍVEL NOS DIFERENTES MODOS DE ENSINAR Isnary Aparecida Araujo da Silva 1 Introdução A sociedade atual vive um boom da tecnologia,

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Rafael Marques Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Minha idéia inicial de coaching era a de uma pessoa que me ajudaria a me organizar e me trazer idéias novas,

Leia mais

Os sindicatos de professores habituaram-se a batalhar por melhores salários e condições de ensino. Também são caminhos trilhados pelas lideranças.

Os sindicatos de professores habituaram-se a batalhar por melhores salários e condições de ensino. Também são caminhos trilhados pelas lideranças. TEXTOS PARA O PROGRAMA EDUCAR SOBRE A APRESENTAÇÃO DA PEADS A IMPORTÂNCIA SOBRE O PAPEL DA ESCOLA Texto escrito para o primeiro caderno de formação do Programa Educar em 2004. Trata do papel exercido pela

Leia mais

Valores educacionais do Olimpismo

Valores educacionais do Olimpismo Valores educacionais do Olimpismo Aula 3 Busca pela excelência e equilíbrio entre corpo, vontade e mente Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Detalhar o valor busca pela excelência 2 Apresentar estratégias

Leia mais

DISCURSO DO EXCELENTÍSSIMO SENHOR VEREADOR SILVINHO REZENDE, DURANTE REUNIÃO SOLENE PARA ENTREGA DO DIPLOMA DE HONRA AO MÉRITO AO MÚSICO RONALDO COISA

DISCURSO DO EXCELENTÍSSIMO SENHOR VEREADOR SILVINHO REZENDE, DURANTE REUNIÃO SOLENE PARA ENTREGA DO DIPLOMA DE HONRA AO MÉRITO AO MÚSICO RONALDO COISA DISCURSO DO EXCELENTÍSSIMO SENHOR VEREADOR SILVINHO REZENDE, DURANTE REUNIÃO SOLENE PARA ENTREGA DO DIPLOMA DE HONRA AO MÉRITO AO MÚSICO RONALDO COISA NOSSA, REALIZADA EM 04 DE JULHO DE 2012. 1 Boa Noite,

Leia mais

Pesquisa com Professores de Escolas e com Alunos da Graduação em Matemática

Pesquisa com Professores de Escolas e com Alunos da Graduação em Matemática Pesquisa com Professores de Escolas e com Alunos da Graduação em Matemática Rene Baltazar Introdução Serão abordados, neste trabalho, significados e características de Professor Pesquisador e as conseqüências,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 65 Discurso na solenidade do Dia

Leia mais

DESAFIOS CRIATIVOS E FASCINANTES Aula de Filosofia: busca de valores humanos

DESAFIOS CRIATIVOS E FASCINANTES Aula de Filosofia: busca de valores humanos DESAFIOS CRIATIVOS E FASCINANTES Aula de Filosofia: busca de valores humanos Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br Eu queria testar a metodologia criativa com alunos que eu não conhecesse. Teria de

Leia mais

Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão Proppex Supervisão de Extensão

Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão Proppex Supervisão de Extensão Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão Proppex Supervisão de Extensão FORMULÁRIO DE AÇÃO DE EXTENSÃO 1. IDENTIFICAÇÃO DA ORIGEM 1.1. TÍTULO: CAPACITAÇÃO PARA EDUCADORES DA PRIMEIRA INFÂNCIA,

Leia mais

TRANSPARÊNCIA INSTITUCIONAL PROJETO BOA SEMENTE OFICINA SEMEANDO MOVIMENTO

TRANSPARÊNCIA INSTITUCIONAL PROJETO BOA SEMENTE OFICINA SEMEANDO MOVIMENTO TRANSPARÊNCIA INSTITUCIONAL PROJETO BOA SEMENTE OFICINA SEMEANDO MOVIMENTO O Orfanato Evangélico, através do Projeto Boa Semente, desenvolveu atividades direcionadas as crianças de 1 mês a 1 ano de idade,

Leia mais

ÁREA DO CONHECIMENTO: MATEMÁTICA PROFESSOR (A) CURRÍCULO RESUMIDO TURMAS. Matemática na Educação Básica por 2 anos.

ÁREA DO CONHECIMENTO: MATEMÁTICA PROFESSOR (A) CURRÍCULO RESUMIDO TURMAS. Matemática na Educação Básica por 2 anos. ÁREA DO CONHECIMENTO: MATEMÁTICA Anny Caroline de S. S. Farias Creilson de Jesus Conceição Sérgio Santos de Jesus Tiago Souza Leal Valderez Souza Santana NÚCLEO/GESTÃO: Sérgio Santos de Jesus Graduanda

Leia mais

Organizando Voluntariado na Escola. Aula 3 Planejando a Ação Voluntária

Organizando Voluntariado na Escola. Aula 3 Planejando a Ação Voluntária Organizando Voluntariado na Escola Aula 3 Planejando a Ação Voluntária Objetivos 1 Entender a importância de fazer um planejamento. 2 Aprender como planejar o projeto de voluntariado. 3 Conhecer ferramentas

Leia mais

Sistema de Ensino CNEC

Sistema de Ensino CNEC 1 SUMÁRIO VOLUME 1 "O homem é um pedaço do Universo cheio de vida." Ralph Waldo Emerson Capítulo 1 O Tempo não para 5 Capítulo 2 Você percebendo-se como sujeito histórico 20 Capítulo 3 O Universo que nos

Leia mais

1. Pateo do Collegio conhecia não conhecia não responderam 16 18 0. 1. Pateo do Collegio gostei não gostei não responderam 33 0 1

1. Pateo do Collegio conhecia não conhecia não responderam 16 18 0. 1. Pateo do Collegio gostei não gostei não responderam 33 0 1 1. Pateo do Collegio conhecia conhecia 16 18 0 1. Pateo do Collegio gostei gostei 33 0 1 Pateo do Collegio 3% Pateo do Collegio gostei 0% conhecia 53% conhecia 47% gostei 97% Por quê? Aprendi mais sobre

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE AMAR NOSSAS NOTÍCIAS. Ir. Adma recebe Prêmio Internacional Don Pino Puglisi

ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE AMAR NOSSAS NOTÍCIAS. Ir. Adma recebe Prêmio Internacional Don Pino Puglisi ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE AMAR NOSSAS NOTÍCIAS Ir. Adma recebe Prêmio Internacional Don Pino Puglisi No dia 31 de outubro foi realizada, no Consulado Geral da Itália, a entrega do Prêmio Internacional Don

Leia mais

Interação das Escolas do Tocantins

Interação das Escolas do Tocantins SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Interação das Escolas do Tocantins Palmas 2010. SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Projeto:

Leia mais

LISTA DE CLASSIFICADOS

LISTA DE CLASSIFICADOS LISTA DE CLASSIFICADOS Curso: Web Design Comparecer para a matrícula do dia (Segunda à Sexta) Horário:das 09h às 12h e 13h às 17h Ord Nome Candidato RG Pont Período Matrícula 1 Allana Araujo Baroni 235033068

Leia mais

Criança faz arte? ISTA. Gratuito! PROJETO EXPOSIÇÃO DE ARTE PALESTRAS VÍDEOS WEBSITE REDE SOCIAL MINISTÉRIO DA CULTURA APRESENTA

Criança faz arte? ISTA. Gratuito! PROJETO EXPOSIÇÃO DE ARTE PALESTRAS VÍDEOS WEBSITE REDE SOCIAL MINISTÉRIO DA CULTURA APRESENTA Criança faz arte? MINISTÉRIO DA CULTURA APRESENTA PROJETO ART EIRA ISTA EXPOSIÇÃO I - T - I - N - E - R - A - N - T - E 1 EXPOSIÇÃO DE ARTE PALESTRAS VÍDEOS WEBSITE REDE SOCIAL Gratuito! Elias Rodrigues

Leia mais

1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19

1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19 1. Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim não 4 19 Você conhecia a história do bairro de Pinheiros? sim 17% não 83% 2. O que achou da transformação do Largo de Pinheiros? Diferente, muito

Leia mais

O Livro de informática do Menino Maluquinho

O Livro de informática do Menino Maluquinho Coleção ABCD - Lição 1 Lição 1 O Livro de informática do Menino Maluquinho 1 2 3 4 5 6 7 8 Algumas dicas para escrever e-mails: 1. Aprender português. Não adianta fi car orgulhoso por mandar um e-mail

Leia mais

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA!

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! NOSSA VISÃO Um mundo mais justo, onde todas as crianças e todos os adolescentes brincam, praticam esportes e se divertem de forma segura e inclusiva. NOSSO

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. Eu quero não parar coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - de consigo.o usar que eu drogas f o? aç e Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL

ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DE TEXTOS DO JORNAL REPORTAGEM RESENHA CRÍTICA TEXTO DE OPINIÃO CARTA DE LEITOR EDITORIAL ORIENTAÇÕES PARA OS GRUPOS QUE ESTÃO PRODUZINDO UMA: REPORTAGEM Tipos de Textos Características

Leia mais

COMO ESCREVER UM LIVRO INFANTIL. Emanuel Carvalho

COMO ESCREVER UM LIVRO INFANTIL. Emanuel Carvalho COMO ESCREVER UM LIVRO INFANTIL Emanuel Carvalho 2 Prefácio * Edivan Silva Recebi o convite para prefaciar uma obra singular, cujo título despertou e muita minha atenção: Como escrever um livro infantil,

Leia mais