Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI)"

Transcrição

1 GuIa do ALuno

2 Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) Secretaria Geral Bravo Murillo, Madrid, Espanha Escritório no Brasil SHS Quadra 06, conjunto A, bloco C Ed. Business Center Tower, sala 919 CEP: , Brasília DF Autoras da versão original, em espanhol Belén de la torre González Carolina Milanca Cabrera Tradução e adaptação ao português Katia Gonçalves Mori Revisão e Diagramação Editorar Multimídia Créditos fotográficos alvaroc Aramanda berc daniel ernst diego cervo drx hwahl3 Kzenon mezzotint piumadaquila rob Bouwman sergojpg leremy/ Fotolia.com Alexxx86 Antonio cruz calvo Banco de imagens do IIDAC Banco de imagens do MEC Frorian K luana Fischer Ferreira Microsoft Impressão Artes Gráficas e Editora Pontual Ltda. Impresso no Brasil em 2013 ISBN:

3 SUMÁRIO Apresentação...2 Bloco I - Meu caminho...4 AUTOESTIMA...5 PERSEVERANÇA...8 COMPETITIVIDADE...10 AUTOCONTROLE...12 MOTIVAÇÃO...14 HABITOS SAÚDAVEIS ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL...17 RESOLUÇÃO DE CONFLITOS ÉTICOS...21 Bloco II - COMPARTILHANDO COM OS OUTROS...24 AMIZADE...25 RESPEITO...27 JOGO LIMPO...29 TRABALHO EM EQUIPE...31 RESOLUÇÃO PACÍFICA DE CONFLITOS...33 GÊNERO E ESPORTE...35 A PESSOA COM DEFICIÊNCIA E O ESPORTE...37 Bloco III - nossa comunidade...42 JOGOS E ESPORTES TRADICIONAIS...43 SOLIDARIEDADE...45 DIVERSIDADE CULTURAL...47 TORCEDORES E TORCIDAS DAS EQUIPES ESPORTIVAS...50 ESPORTE E CIDADANIA...53 POBREZA E ATIVIDADES ESPORTIVAS...55 COLABORAÇÃO FAMÍLIA ESCOLA...58 Glossário...60

4 Apresentação Aprender valores e exercê-los durante a vida. Ensinar crianças e jovens a serem perseverantes, companheiros, solidários com aqueles que têm maior dificuldade, respeitosos com aqueles que são diferentes, e terem disposição para colaborar com o desenvolvimento de projetos para o bem comum é um dos principais desafios das escolas. Em muitas ocasiões, a importância atribuída à aprendizagem de disciplinas acadêmicas e sua avaliação tem superado a educação em valores, que tende a não ter a relevância que merece. Por conta disso, grande parte dos alunos pode pensar que, por não serem avaliadas, tais habilidades são menos importantes para boa parte dos professores. A aprendizagem de valores cívicos, no entanto, é imprescindível principalmente porque em boa parte das relações sociais ainda se destaca o conflito, a violência, o enriquecimento ilícito, a exclusão dos mais frágeis, as desigualdades de oportunidades, a falta de responsabilidade e o individualismo. Diante deste cenário, a escola tem que oferecer um modelo formativo e de convivência que procure desenvolver, nas futuras gerações, atitudes positivas. No entanto, esta não é uma tarefa fácil. Por um lado, é preciso ir contra a corrente e enfrentar os valores sociais dominantes contrários ao que a escola pretende desenvolver; por outro, é preciso criar novas alternativas para que a educação em valores ocupe um papel relevante nos projetos educativos e no tempo escolar. Mas como fazê-lo? Talvez uma primeira perspectiva sugira que as escolas adotem critérios responsáveis, justos, participativos e solidários, para que toda a comunidade educativa se sinta comprometida em alcançar estes objetivos compartilhados. Uma segunda linha seria a de incorporar a educação em valores na prática de todos e também de cada um dos professores, de tal maneira que sempre considere o ensino de sua disciplina no processo de formação de seus alunos. Uma terceira perspectiva ainda seria a de criar oportunidades para que os alunos possam vivenciar os valores aprendidos em ações determinadas, tais como iniciativas solidárias, colaboração com a comunidade, cuidado com o meio ambiente, entre outras.

5 O projeto e os materiais que agora apresentamos - Uma Copa do Mundo, um mundo em sua escola - estão estreitamente relacionados com estas últimas considerações: seu objetivo é promover a aprendizagem de valores por meio do esporte, seja ele praticado na escola ou fora dela. O esporte, por provocar enormes paixões, pode ser um excelente mote para a aprendizagem de valores, por isso propomos este projeto coletivo como atividade preparatória para a Copa do Mundo a ser realizada no Brasil em Esta iniciativa tem três características especiais. A primeira diz respeito ao seu desenvolvimento em todos os países Ibero-americanos, do México à Argentina, do Chile a Portugal e Espanha. A segunda, como dito anteriormente, é a de aproveitar a Copa do Mundo para animar as escolas e seus alunos a participar do projeto. E a terceira diz respeito à incorporação de valores individuais e sociais bem como os comunitários na prática esportiva. No caso brasileiro, associaram-se à OEI no desenvolvimento do projeto o Ministério da Educação, a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, a UNDIME e as Secretarias Municipais de Educação das 11 capitais e do Distrito Federal que irão sediar jogos na Copa do Mundo de 2014: Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Esperamos que este material inspire novas atividades em torno do esporte e os animem a praticá-lo com mais frequência, não apenas por ser saudável, mas também por ser divertido se tomado com espírito esportivo. Álvaro Marchesi Ullastres Secretário-geral da Organização dos Estados Ibero-Americanos

6 Bloco I - Meu caminho Bloco I Meu caminho AUTOESTIMA...5 PERSEVERANÇA...8 COMPETITIVIDADE AUTOCONTROLE MOTIVAÇÃO HABITOS SAÚDAVEIS ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL RESOLUÇÃO DE CONFLITOS ÉTICOS... 21

7 AUTOESTIMA O valor de se querer bem, de se sentir bem consigo mesmo. Autoestima é a opinião que cada um tem sobre si mesmo. É a maneira como nos percebemos, como nos vemos fisicamente, como sentimos quem realmente somos. Bloco I - Meu Caminho Todas as experiências que temos, boas ou ruins, interferem na nossa autoestima. Por exemplo, quando sentimos confiança, prazer, interesse, entusiasmo, a nossa autoestima melhora. Já se sentimos tristeza, dor, angústia, a nossa autoestima pode abaixar. O fato é que quando ela está baixa, nossa vontade de enfrentar os nossos próprios problemas vai embora e, se eles continuam, as coisas não melhoram... Por isso é importante manter a autoestima sempre positiva. Para isso, precisamos saber o que nós gostamos de fazer, o que não gostamos, em quais atividades temos mais facilidade e em quais temos mais dificuldade. Tudo isso nos ajuda, pois com uma autoestima boa temos vontade, temos confiança de que somos capazes de fazer aquilo que queremos e desta forma somos mais felizes. As atividades esportivas são excelentes para que possamos nos conhecer melhor. Correr, saltar, nadar, surfar, andar de skate, bicicleta, jogar bola, peteca, defender, atacar, armar a jogada... o que nós fazemos bem? Com confiança, determinação, orientação e prática, podemos melhorar o que nos propormos a fazer. ATIVIDADE Leia esta matéria. Nem sempre não vencer na primeira vez significa derrota. Felipe soube transformar tristeza em superação O 100m peito masculino do troféu Maria Lenk de 2008 entrou para a história. Em uma disputa fortíssima durante as eliminatórias, em três séries diferentes, quatro atletas nadaram abaixo do índice para os Jogos Olímpicos de Pequim. Havendo em cada prova duas vagas por país, os representantes brasileiros em Pequim foram Henrique Barbosa 5

8 Bloco I - Meu Caminho e Felipe França. Para Eduardo Fischer, outro que conseguiu o índice, não foi tão ruim, afinal ele já tinha nadado duas Olimpíadas anteriormente. Em contrapartida Felipe Lima, que também nadara abaixo do índice e nunca havia disputado uma Olimpíada, o baque poderia virar um trauma que o afetaria pelo resto da carreira. Não foi o que aconteceu. Ele soube transformar a tristeza em motivação. Enfiou a cabeça na água, treinou com afinco e quatro anos depois, no troféu Maria Lenk de 2012, lá estava ele, novamente entre quatro nadadores com índice olímpico para a prova. Ele chegou à competição na última seletiva, com o terceiro tempo. Até aquele momento as vagas brasileiras na prova para Londres eram de Felipe França e João Luiz Gomes Junior, mas Felipe Lima superou o tempo de João e carimbou passaporte para Londres. Para o outro atleta com índice, Henrique Barbosa, também não foi tão ruim, afinal ele já tinha disputado uma Olimpíada e também se classificou para Londres nos 200m peito. Para João, que nunca foi a uma Olimpíada, um trauma difícil de superar, certo? Pode até ser. Mas, a exemplo de Felipe Lima, ele descontou sua frustração fazendo o que mais sabe: nadar, nadar e nadar. Hoje, no troféu Maria Lenk, tanto treino deu resultado. Ele venceu a prova com , melhor marca pessoal, índice para o Mundial de Barcelona e sexto melhor tempo do mundo este ano. É a primeira vez que ele irá nadar a prova em uma grande competição internacional anteriormente, ele já havia nadado os 50m peito em mundiais. E o curioso é que o outro atleta com índice para Barcelona é justamente Felipe Lima, derrotado na final por dois centésimos em uma chegada emocionante, com João ultrapassando e vencendo no final. Em 2012, Felipe França e Felipe Lima foram semifinalistas da prova em Londres. Agora, João Gomes e Felipe Lima têm reais chances de repetir o feito e até irem mais longe. Com histórias de superação como essas, não podemos duvidar de nada. Fonte: Agora responda: O que foi dito na reportagem que dá pistas de como o atleta se sentiu nos momentos mais decisivos? Anote tudo o que encontrar no quadro abaixo, preenchendo a coluna da direita de acordo com as características da coluna da esquerda. 6

9 Características positivas: Manter o controle da situação, controlando a ansiedade Ter confiança no que faz Saber com clareza onde quer chegar, o que quer fazer Ter a capacidade de controlar o nervosismo durante a atividade Saber corrigir os próprios erros Ter consciência do próprio potencial Frases do atleta Bloco I - Meu Caminho E você, o que gostaria de desenvolver ou melhorar em si mesmo? Curiosidade Esportiva A seleção brasileira é a única seleção do mundo que contou com irmãos no comando do time, em Copas do Mundo. Em 1954, no mundial da Suíça, o comandante verdee-amarelo era Zezé Moreira. Oito anos depois, na Copa do Chile, Aymoré Moreira dirigiu a equipe e a seleção foi bicampeã mundial. 7

10 Bloco I - Meu Caminho PERSEVERANÇA Se não desisto na primeira dificuldade, posso alcançar os meus objetivos. Fonte: Microsoft. O que é perseverança? Ser constante, não desistir facilmente, treinar para melhorar o próprio desempenho, estudar até aprender, enfrentar os problemas que aparecem no caminho. Esse é um valor fundamental para se obter um bom resultado, e é, definitivamente, o que nos faz feliz, já que todos nós gostamos de alcançar nossos próprios objetivos. Perseverança é a capacidade de não desistir só porque parece difícil, de saber que com disciplina, treinamento e dedicação, podemos conseguir aquilo que queremos. Qualquer modalidade esportiva exige perseverança, pois no esporte sempre é preciso aprender mais, sempre podemos melhorar nosso próprio desempenho e seguir alcançando os objetivos desejados. 8

11 Observe os seguintes vídeos: 1 Jason Amorim supera risco de morrer com perseverança e prática de esporte constante: 2 Daiane dos Santos é exemplo de perseverança e conquista olímpica: Bloco I - Meu Caminho https://www.youtube.com/watch?v=ciwiqmh5l0u Em ambos os casos a perseverança estava presente. O que mais lhe chamou atenção? ATIVIDADE Estas são algumas frases de atletas sobre a perseverança no esporte: Eu penso que temos que ganhar sempre o próximo jogo. Porque se nós ganharmos sempre o próximo jogo, nós com certeza chegaremos lá. Rogério Ceni, jogador de futebol. O jogador é o que ele acredita. Guto Pacheco, jogador de futebol. Não se pode medir seu êxito se você nunca tiver falhado. Steffi Graff, tenista. Agora escreva mais frases motivadoras de outros atletas ou crie as suas próprias para compartilhar com seus amigos, familiares e conhecidos. Veja se é possível ainda divulgálas no mural da classe ou da escola. Curiosidade Esportiva Chegará um momento em que o ser humano não poderá correr mais rápido, nem saltar mais alto ou ser mais forte. Especialistas do Instituto de Investigação Biomédica do Esporte da França analisaram recordes mundiais na pista e no campo, na natação, no ciclismo, na patinação de velocidade e no levantamento de pesos e constataram que de 1968 a 1986 os recordes foram rompidos com frequência, mas a partir dessa data está cada vez mais difícil conseguir superá-los. Também se deram conta de que nas primeiras olimpíadas os atletas funcionavam com 75% de suas capacidades e hoje eles conseguem utilizar incríveis 99%. Se esta tendência for mantida, em 2027 as marcas mundiais só poderão ser melhoradas em aproximadamente 0,05%. 9

12 Bloco I - Meu Caminho COMPETITIVIDADE Competir faz parte do jogo. Não saber vencer ou perder é não saber jogar. A competição faz parte da vida, sem ela não haveria nem a evolução das espécies. Por isso mesmo no mundo animal os filhotes já brincam instintivamente desde cedo, fazendo jogos que envolvem a competição e assim vão aprendendo ao longo da vida a melhorar seu desempenho. O ser humano também é assim, e no esporte todas as atividades são baseadas na competição. No entanto as práticas desportivas devem estimular e motivar o grupo, para que cada jogador possa treinar bem e saber trabalhar em equipe para atingir os objetivos do time. Já no esporte profissional isso é levado a sério. Quando o objetivo é ganhar uma competição, uma premiação entra em jogo desde o patrocínio até treinos sacrificantes para os atletas, onde muitas vezes a performance é o mais importante, podendo até colocar em risco a saúde dele, causando lesões ou estresse que o fazem abandonar a carreira. leia este depoimento Muitas vezes tinha pensado, junto com o meu treinador, como poderia fortalecer músculos e mente para poder controlar o nervosismo e vencer uma prova decisiva. Sempre soube que para os ginastas é fundamental acreditar que realmente são capazes, eles confiam na sua própria força. Eu também tentava acreditar e competia comigo mesmo, nunca deixava de realizar algum exercício durante os treinamentos e pensava que poderia ser capaz disso também e tentava sempre, porque se deixasse para me preparar apenas na véspera da competição poderia ser tarde demais. Na Olimpíada de Melbourne, na prova de competição por equipes, durante o aquecimento, machuquei meu dedo. A dor era insuportável e me perguntei: como poderia competir assim? Como iria fazer os exercícios nas barras paralelas e na argola? Será que eu poderia desistir? Mas aí me respondi que não, eu não iria fazer isso com a minha equipe. Simplesmente proibi que meus pensamentos focassem na dor e realizei 10

13 todas as provas, cerrando os dentes para controlá-la. Eu sabia que se desse o melhor de mim ajudaria a minha equipe a ganhar uma medalha olímpica. Fonte: Crônica adaptada da Enciclopédia Salvat de Esporte, texto de Viktor Tschukarin, ginasta nascido na Rússia em 1921, medalha de ouro com sua equipe nos Jogos Olímpicos de Helsinki y Melbourne. ATIVIDADE Bloco I - Meu Caminho Dê um título ao texto. O que mais chamou a atenção do grupo no depoimento do ginasta? Vocês concordam com a decisão de continuar competindo, mesmo com uma lesão? Que características pessoais podem ser percebidas neste atleta? Que experiências, positivas e negativas, existem para um atleta de nível olímpico? PESQUISA Pesquise sobre a vida de um dos principais atletas da sua cidade; Escreva um artigo sobre ele; Em grupos de até três pessoas, organizem uma revista de esporte com a sua classe utilizando os artigos escritos por todos os colegas. Curiosidade Esportiva Você sabe o que é a Olimpíada de Jogos Mentais? É um campeonato internacional entre os melhores do mundo em jogos de raciocínio lógico, como xadrez, damas chinesas, entre outros. A primeira edição foi realizada em outubro de 2008, na China. Aproximadamente atletas de mais de 100 países participaram. A segunda edição foi em Londres, no Reino Unido, em agosto de

14 Bloco I - Meu Caminho AUTOCONTROLE Podemos ser e fazer tudo o que queremos se soubermos dominar os próprios impulsos. Fonte: Florian K - Wikipedia. Autocontrole, como o próprio nome diz, é a capacidade de controlar as nossas próprias emoções, comportamentos e desejos. Quem desenvolve bem essa capacidade consegue lidar melhor com situações de perigo, medo, vergonha, ciúmes e tantas outras que enfrentamos todos os dias. Esse controle mental, emocional e físico é o que precisamos ter em todas as situações: na escola, em casa, na festa, no esporte, com os amigos, parentes, vizinhos etc. Os atletas, por exemplo, muitas vezes tem que enfrentar situações de tensão, como quando há um desentendimento com os jogadores do outro time, com o juiz, ou em situações de decisão, como na cobrança de um saque, uma falta, um pênalti. 12

15 ATIVIDADE Vamos imaginar que um jogador está prestes a cobrar um pênalti. O que será que ele está pensando? O que ele precisa dizer a si mesmo? Que emoções ele tem que controlar? E depois da cobrança? Pense nas duas situações possíveis e anote as suas reflexões para, depois, compartilhar com os colegas: Bloco I - Meu Caminho pensamentos Reações físicas Se ele marcar o gol Se ele perder o gol Minhas experiências Como enfrentar as situações de tensão? Já parou para pensar qual tipo de sensação você sente nesses momentos? Como você controla suas emoções? Lembre de uma situação muito difícil que você tenha vivenciado e tudo o que sentiu e teve que pensar para sair dela. Agora transforme essas lembranças em frases de autocontrole, para que você e outras pessoas possam aprender com isso, sempre buscando melhorar. Curiosidade Esportiva A capoeira é uma combinação de luta, jogo e dança, e começou no século XVI, pelos escravos trazidos para o Brasil. Os movimentos são basicamente voltados para distrair o inimigo no momento da batalha. Com o tempo, ela se transformou em uma forma de resistência à opressão, chegando a ser proibida em Mas em 1932 a perseguição já não era acentuada, e surgiu a primeira academia de capoeira do país em Salvador, Bahia. Somente em 1972 ela foi declarada como esporte pelo Conselho Nacional de Desportos e hoje em dia é considerada Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil. 13

16 Bloco I - Meu Caminho MOTIVAÇÃO Mil razões para fazer aquilo que queremos, quando queremos. Fonte: Microsoft. Qual a razão que leva um atleta a dedicar horas do seu dia em treinos pesados, se ele poderia gastar esse tempo fazendo qualquer outra coisa? A resposta está na motivação. A palavra vem do latim motivus, que significa aquilo que causa movimento, que pode ser definido como uma série de vontades que leva a pessoa a realizar qualquer atividade que se propõe a fazer. Pode-se dizer que há três tipos de motivação: 1 A motivação voltada ao benefício próprio: aqui o objetivo principal é melhorar a si mesmo, por exemplo, treinar mais para conseguir jogar melhor, estudar mais para tirar boas notas ou fazer um regime alimentar aliado a uma atividade física regular para poder emagrecer; 14

17 2 A motivação orientada às habilidades: a pessoa compara o seu rendimento ao de outras e busca melhorar a sua performance; 3 A motivação voltada ao reconhecimento social: quando se tem a vontade de dar o melhor de si para agradar os pais, ganhar um prêmio, uma medalha. Veja que a motivação então pode partir de dentro ou de fora do sujeito: ela é chamada de intrínseca quando parte da própria pessoa e extrínseca quando vem de outros fatores externos. Bloco I - Meu Caminho motivação no esporte No esporte o treinador é um grande motivador e, portanto, sua personalidade, sua convicção e suas técnicas de motivação são fundamentais para o desenvolvimento de atividades positivas que motivam o atleta e que o levam a alcançar seus objetivos. Mas algumas vezes o técnico se deixa levar pelas próprias motivações e frustrações e não sabe muito bem lidar com o seu poder de influência. Existem casos em que eles insistem tanto na vitória, a qualquer preço, que acabam estressando o atleta e fazendo com que ele desista de praticar o esporte muito antes do que havia planejado. Assista o vídeo a seguir: A melhor maneira de motivar alguém é estabelecer com ela um compromisso sincero pelo mesmo objetivo. Essa comunicação tem que ser direta, de confiança. Pode ser um olhar, um gesto ou palavras de valorização, tudo isso é bem-vindo. Veja agora este outro vídeo: É forte ver como as palavras de motivação podem trazer confiança e ajudar os outros a superar os próprios limites. 15

18 Bloco I - Meu Caminho ATIVIDADE Agora pense no que você gosta de fazer e o que te motiva a gostar disso? E o que não gosta? Faça uma lista e troque com seus amigos. Lembre-se de considerar principalmente aquilo que você deve fazer para montar a lista. Agora pense em o que você pode fazer para superar a sua falta de motivação e troque a listas com seus colegas, ajudando-os a encontrar saídas para a falta de ânimo deles. Curiosidade Esportiva Você sabia que nos primeiros jogos olímpicos, realizados em Atenas, na Grécia, em 1896, ninguém recebeu medalha de ouro? O primeiro lugar recebia uma medalha de prata e uma coroa de folhas de oliveira; o segundo lugar recebia uma medalha de bronze e uma coroa de louros e o terceiro colocado simplesmente saía de mãos vazias. 16

19 HABITOS SAÚDAVEIS ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL Coma bem, durma bem, cultive boas amizades, cuide das suas responsabilidades, brinque mais, mexa-se, seja feliz! Bloco I - Meu Caminho Saúde é mais do que não estar doente, significa bem-estar físico, mental e social. Portanto, quando falamos de hábitos saudáveis, estamos falando do nosso corpo, mas também das nossas emoções e da nossa vida social. O físico se refere ao corpo, o que faz com que ele funcione bem, ou seja, não ter nenhum órgão doente. O mental é o equilíbrio de nossas emoções, o cuidado com a autoestima e o conhecimento das capacidades pessoais. O social é o relacionamento com as outras pessoas, os familiares, os amigos, com aqueles que fazem parte da nossa roda de convivência. 17

20 Bloco I - Meu Caminho ATIVIDADE HÁBITOS SAUDÁVEIS Agora teste os seus conhecimentos. Complete o quadro abaixo, dizendo sobre qual aspecto a afirmação abaixo está se referindo, se é sobre o bem-estar físico, mental ou social: Alimentação equilibrada Aceitação do seu visual Realização de atividade física regularmente Respeito às normas de convivência Conhecimento das próprias forças e limitações Descanso adequado, dormir bem Manter boas relações sociais HÁBITOS alimentares A alimentação saudável deve ser: Suficiente: a quantidade de nutrientes e energia que uma pessoa necessita diariamente deve ser adequada: nem mais, nem menos; Variada: comer uma variedade de alimentos e não sempre os mesmos, isso faz com que o corpo encontre mais facilmente os nutrientes que precisa; Equilibrada: cuidar com a proporção para não se comer demais um tipo de alimento e deixar faltar outro. Observe esse exemplo de pirâmide alimentar: No nível 1 estão os alimentos que precisam ser consumidos em maior quantidade diária, pois são fontes de energia. São eles: cereais, massas, pães, arroz, entre outros ricos em carboidratos; No nível 2 encontramos as frutas e verduras que são ótimas fontes de vitaminas, fibras e minerais; No nível 3 estão os produtos com leite, iogurte, queijos e azeites, que oferecem proteínas e cálcio, responsáveis pela constituição muscular e óssea; 18

21 No nível 4 estão as carnes, os peixes, os ovos e os legumes, ricas fontes de proteína; Já a partir do próximo nível, o consumo não precisa ser diário e pode ser mais reduzido; No nível 5 se encontram as carnes mais gordurosas e os embutidos, como o presunto e a mortadela; Por fim, os níveis 6 e 7 trazem as gorduras, como a manteiga, a margarina e os açúcares em todas as suas variações, quer seja para adoçar uma bebida ou em doces e chocolates. Bloco I - Meu Caminho ATIVIDADE: PIRÂMIDE ALIMENTAR Monte na tabela abaixo uma alimentação balanceada para uma semana, seguindo as instruções da pirâmide: Café da manhã Almoço Jantar Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Domingo O que você comeu ontem? Preencha a tabela abaixo com a sua dieta: Café da manhã almoço Jantar intervalos Ontem 19

22 Bloco I - Meu Caminho Agora responda: Qual tipo de alimento você comeu mais? O que achou da sua dieta de ontem? Foi equilibrada? Por quê? Curiosidade Esportiva Você sabia que há uma alimentação indicada para cada idade e que a adolescência é uma fase muito complicada, onde muitas vezes a alimentação pode ser deixada de lado num dia repleto de atividades? Pular refeições, alimentar-se com lanches e fazer regimes sem supervisão de um especialista não pode se tornar um hábito. Esta é uma fase de crescimento acelerado e, por isso, é muito importante prestar atenção à reposição de energia e, principalmente, é preciso comer alimentos com bastante proteína, ferro, cálcio e vitaminas A e C, que estão fortemente ligadas ao padrão de crescimento. O ideal é evitar durante a semana os pratos prontos: lanches, salgadinhos e doces e investir em uma refeição completa. O tradicional arroz, feijão, bife, salada e fruta de sobremesa vai muito bem nesse período. Outra dica: quanto mais colorido for o prato, melhor. Os nutrientes são necessários não só para o adolescente ter disposição, mas para seu desenvolvimento físico e mental. 20

23 RESOLUÇÃO DE CONFLITOS ÉTICOS Ética: manter atenção à vida. Bloco I - Meu Caminho Fonte: Ilustração Editorar Multimídia. Cada um de nós sempre toma uma decisão a partir do que acredita estar certo, e toda decisão tomada tem consequência, seja ela positiva ou negativa, portanto é bom pensar sempre se a atitude a ser tomada é a melhor possível para todos. Vejamos a notícia a seguir. Será que é fácil tomar a decisão certa? Notícia: um piloto reconheceu que se enganou e abandonou a competição. SANTIAGO. O brasileiro Guilherme Spinelli, piloto de uma Mitsubishi Lancer, decidiu retirar-se do Dakar 2012 após reconhecer que cometeu um erro em uma das etapas da competição entre Argentina, Chile e Peru. A falta ocorreu quando o piloto atravessava a etapa entre Chilecito e Fiambalá. Neste momento da prova, o brasileiro perdeu o alternador do carro, ficou parado por vários minutos até que aceitou a ajuda de um espectador argentino. 21

24 Bloco I - Meu Caminho Segundo as regras da competição isso não é permitido. O piloto brasileiro não conseguiu suportar o remorso e reconheceu, com lágrimas nos olhos, que cometeu o erro: Sei que ninguém viu, mas eu fiz isso. Não podia aceitar terminar o Dakar sabendo disso. Não consegui dormir. A honestidade é minha maior prioridade e minha única motivação, disse Spinelli. Depois de contar o que havia acorrido, o piloto decidiu abandonar o Rally Dakar, notificando por escrito que estava abandonando a prova por ter aceitado assistência ilegal. Josep Besoli, presidente do grupo de assistência aos carros admitiu que isso não é uma atitude usual. Foi uma coisa impressionante. Faz 36 anos que acompanho rallies e é a primeira vez que vejo algo assim. E nenhum dos outros assistentes recordava ter visto algo similar. Isso deveria servir de exemplo para o resto dos competidores, afirmou. Fonte: Jornal El Mercurio de Chile, 8 de janeiro de ATIVIDADE Agora responda: O que mais lhe chamou atenção nesta notícia? Por que o mundo ainda se comove diante de uma decisão ética? O que você teria feito se estivesse no lugar do piloto? Minhas experiências: Forme pequenos grupos e veja se alguém, alguma vez, já se encontrou em uma situação parecida. Escolha uma das experiências e anote para apresentar para a sala. situação vantagens Curiosidade Esportiva 22 Nos Jogos Olímpicos de Paris, em 1900, foi realizada a prova de tiro ao pombo, em meio a protestos de competidores e jornalistas. Dos 55 atletas inscritos, apenas quatro participaram. O vencedor foi o belga Leon de Lunder.

25 Anotações Bloco I - Meu Caminho 23

26 Bloco II - COMPAR- TILHANDO COM OS OUTROS Bloco II COMPARTILHANDO COM OS OUTROS AMIZADE RESPEITO JOGO LIMPO TRABALHO EM EQUIPE RESOLUÇÃO PACÍFICA DE CONFLITOS GÊNERO E ESPORTE A PESSOA COM DEFICIÊNCIA E O ESPORTE... 37

27 AMIZADE O esporte é o melhor lugar para se fazer amigos! Bloco II - COMPARTILHANDO COM OS OUTROS Fonte: hwahl3 - Fotolia.com. Quem consegue não ter amigos? Logo na infância aprendemos como é bom conhecer pessoas novas, fazemos amizades e daí em diante não vivemos mais sem eles. Para estudar, passear, comer, se divertir, jogar, e até nas horas mais difíceis, sempre podemos contar com eles. Fazer uma atividade física na escola, no bairro, no clube, é sempre uma ótima oportunidade para se fazer novas amizades. Participar de torneios interclasses na escola, de eventos esportivos na cidade, de competições nacionais e até internacionais é uma forma de estreitar ainda mais as amizades. O clima de companheirismo entre os integrantes das equipes faz com que eles se tornem mais unidos e essa união se reflete em harmonia, força e sinergia na hora de treinar e de jogar. 25

28 Bloco II - COMPARTILHANDO COM OS OUTROS ATIVIDADE: Jogos da Amizade Os Jogos da Amizade foram eventos esportivos organizados pela então União Soviética e outros países que haviam decidido não participar dos Jogos Olímpicos de Los Angeles, nos EUA, no mesmo ano de 1984, quando o mundo vivia o período histórico chamado de Guerra Fria ( ). As competições se realizaram em nove países diferentes e o evento tinha o lema Esporte, Amizade e Paz. Agora pesquise: Por que a União Soviética decidiu não participar dos Jogos Olímpicos nos Estados Unidos? Quais foram os países que participaram dos Jogos Olímpicos e dos Jogos da Amizade? Faça uma cronologia com os acontecimentos históricos mais importantes sobre os Jogos da Amizade. E responda: Por que o emblema Esporte, Amizade e Paz foi escolhido para os Jogos da Amizade? Curiosidade Esportiva Quem propôs os anéis coloridos como símbolo para os Jogos Olímpicos foi Pierre de Coubertin, um historiador francês mais conhecido por ser o fundador dos Jogos Olímpicos modernos, no ano de 1914, no Congresso Olímpico de Paris. Os seis anéis coloridos (azul, preto, amarelo, verde, vermelho e branco do fundo) que os integram foram eleitos para representar todos os países, ao menos com uma cor de sua bandeira nacional. Além disso, os cinco anéis representam os cinco continentes e o entrelace entre eles simboliza a união das nações através do esporte. 26

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 55 Discurso na cerimónia de abertura

Leia mais

PROJETO IBERO-AMERICANO PARA A EDUCAÇÃO EM VALORES E CIDADANIA POR MEIO DO ESPORTE:

PROJETO IBERO-AMERICANO PARA A EDUCAÇÃO EM VALORES E CIDADANIA POR MEIO DO ESPORTE: PROJETO IBERO-AMERICANO PARA A EDUCAÇÃO EM VALORES E CIDADANIA POR MEIO DO ESPORTE: Copa do mundo, o mundo em sua escola BRASIL 1 TITULO DO PROJETO: Copa do mundo, o mundo em sua escola PAÍSES PARTICIPANTES:

Leia mais

ITS / CTA. Autores Ademir Alonso & Alberto Carlos

ITS / CTA. Autores Ademir Alonso & Alberto Carlos ITS / CTA Escola Técnica Volume Simonsen I Capítulo I Autores Ademir Alonso & Alberto Carlos 1 ITS / CTA Sumário SUMÁRIO Volume I Capítulo I Unidade I Capítulo I - Beneficios da Educação Física Capítulo

Leia mais

Esportes de Invasão. Aula 2. Futebol, futebol de 5 e futebol de 7. Rio 2016 Versão 1.0

Esportes de Invasão. Aula 2. Futebol, futebol de 5 e futebol de 7. Rio 2016 Versão 1.0 Esportes de Invasão Aula 2 Futebol, futebol de Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar mais três esportes da categoria INVASÃO. 2 Conhecer a história desses esportes e a entrada para os Jogos Olímpicos

Leia mais

Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI)

Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) GuIa do Professor Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) Secretaria Geral Bravo Murillo, 38 28015 Madrid, Espanha www.oei.org.es oei@oei.es Escritório no

Leia mais

6. o ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF. FRANCISCA AGUIAR PROF. SUZY PINTO

6. o ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF. FRANCISCA AGUIAR PROF. SUZY PINTO 6. o ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF. FRANCISCA AGUIAR PROF. SUZY PINTO CONTEÚDOS E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Unidade I Tecnologia: Corpo, movimento e linguagem na era da informação Aula

Leia mais

Valores educacionais do Olimpismo

Valores educacionais do Olimpismo Valores educacionais do Olimpismo Aula 3 Busca pela excelência e equilíbrio entre corpo, vontade e mente Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Detalhar o valor busca pela excelência 2 Apresentar estratégias

Leia mais

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio.

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio. partes I e II Língua Portuguesa e Matemática texto I Futebol de rua Pelada é o futebol de campinho, de terreno baldio. Mas existe um tipo de futebol ainda mais rudimentar do que a pelada. É o futebol de

Leia mais

Dicas do que você deve fazer desde cedo para educar seu filho a ser determinado e capaz de conquistar o que ele deseja.

Dicas do que você deve fazer desde cedo para educar seu filho a ser determinado e capaz de conquistar o que ele deseja. Dicas do que você deve fazer desde cedo para educar seu filho a ser determinado e capaz de conquistar o que ele deseja. O primeiro passo para conquistar algo é acreditar que é possível. Se não, a pessoa

Leia mais

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Escola de Tempo Integral Experiências Matemáticas 7º ANO (6ª série) SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Este é um material em construção que contém os capítulos de apoio das atividades

Leia mais

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre Reforço escolar M ate mática Quem será o campeão? Dinâmica 2 9º Ano 4º Bimestre DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO Matemática Ensino Fundamental 9º Tratamento da Informação. Análise de gráficos e tabelas. Aluno

Leia mais

Esportes de Invasão. Aula 3. Rugby, rugby em cadeira de rodas e polo aquático. Rio 2016 Versão 1.0

Esportes de Invasão. Aula 3. Rugby, rugby em cadeira de rodas e polo aquático. Rio 2016 Versão 1.0 Esportes de Invasão Aula 3 Rugby, rugby em cadeira de rodas e polo Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar mais três esportes da categoria INVASÃO. 2 Conhecer a história desses esportes e a sua entrada

Leia mais

Como é a criança de 4 a 6 anos

Como é a criança de 4 a 6 anos de 4 a 6 anos Como é a criança Brinque: lendo histórias, cantando e desenhando. A criança se comunica usando frases completas para dizer o que deseja e sente, dar opiniões, escolher o que quer. A criança

Leia mais

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências boletim Jovem de Futuro ed. 04-13 de dezembro de 2013 Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências O Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013 aconteceu de 26 a 28 de novembro.

Leia mais

Slowcarb - Cardápio para 1 Semana

Slowcarb - Cardápio para 1 Semana Conteúdo do Material Introdução Slowcarb - Princípios da Dieta Slowcarb - Instruções Ciclo semanal Acompanhe as suas medidas Receitas Slowcarb - Cardápio Completo Dias 1 a 6 Dia 7 Material produzido por

Leia mais

Inglesar.com.br. asasasadsddsçlf

Inglesar.com.br. asasasadsddsçlf 1 Sumário Introdução...04 Passo 1...04 Passo 2...05 Passo 3...05 É possível Aprender Inglês Rápido?...07 O Sonho da Fórmula Mágica...07 Como Posso Aprender Inglês Rápido?...09 Porque isto Acontece?...11

Leia mais

6 Dinâmicas de Grupo para o Dia das Mães

6 Dinâmicas de Grupo para o Dia das Mães Disponível no site Esoterikha.com: http://bit.ly/dinamicasdiadasmaes 6 Dinâmicas de Grupo para o Dia das Mães Apresentamos uma seleção com 6 dinâmicas de grupo para o Dia das Mães, são atividades que podem

Leia mais

A vez e a voz das crianças

A vez e a voz das crianças 119 outubro de 2010-ESPECIAL CRIANÇA PARA LER NO AR A vez e a voz das crianças Às vésperas de 12 de outubro, Dia das Crianças, eu convido você, ouvinte, a refletir sobre os direitos das meninas e meninos

Leia mais

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Professor. 9º Ano 4º Bimestre. DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO DINÂMICA. Tratamento da Informação.

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Professor. 9º Ano 4º Bimestre. DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO DINÂMICA. Tratamento da Informação. Reforço escolar M ate mática Quem será o campeão? Dinâmica 2 9º Ano 4º Bimestre DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO Professor Matemática Ensino Fundamental 9º DINÂMICA Quem será o campeão? Tratamento da Informação.

Leia mais

Escola: Escola Municipal Rural Sucessão dos Moraes

Escola: Escola Municipal Rural Sucessão dos Moraes Projeto Novos Talentos Escola: Escola Municipal Rural Sucessão dos Moraes Oficina: Comer bem, para viver melhor! Cristiane da Cunha Alves Tatiane Garcez Bianca Maria de Lima Danielle Costa INTRODUÇÃO/JUSTIFICATIVA

Leia mais

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. Saí da prisão volto coleção Conversas #26 - setembro 2015 - e estou ou não desempregado, para o crime? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS, da

Leia mais

VISITE O BLOG www.homemalpha.com.br

VISITE O BLOG www.homemalpha.com.br VISITE O BLOG www.homemalpha.com.br APRESENTAÇÃO A timidez é um problema que pode acompanhar um homem a vida inteira, tirando dele o prazer da comunicação e de expressar seus sentimentos, vivendo muitas

Leia mais

Valores Educacionais. Aula 4 Respeito pelos Outros

Valores Educacionais. Aula 4 Respeito pelos Outros Valores Educacionais Aula 4 Respeito pelos Outros Objetivos 1 Apresentar o valor Respeito pelos Outros. 2 Indicar possibilidades de aplicação pedagógica do valor Respeito pelos Outros. Introdução Esta

Leia mais

O Movimento Olímpico. Aula 1 Olimpismo. Rio 2016 Versão 1.0

O Movimento Olímpico. Aula 1 Olimpismo. Rio 2016 Versão 1.0 O Movimento Olímpico Aula 1 Olimpismo Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Definir o Olimpismo, compreendendo sua filosofia. 2 Identificar os Valores Olímpicos. 3 Reconhecer a estrutura da Família Olímpica.

Leia mais

VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG

VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG Um cacique kaingang, meu amigo, me escreveu pedindo sugestões para desenvolver, no Dia do Índio, o seguinte tema em uma palestra: "Os Valores Culturais da Etnia Kaingáng".

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Os jogos internos do COLÉGIO FRACTAL (JICOF) têm por finalidade principal humanizar a prática desportiva, valorizando

Leia mais

CURRICULUM DE VITÓRIAS. Campeonato mundial de Natação Ilha de Malta / Itália

CURRICULUM DE VITÓRIAS. Campeonato mundial de Natação Ilha de Malta / Itália CURRICULUM DE VITÓRIAS ANO: 1992 1. IX Paraolimpiada de Barcelona ESPANHA Premiação: 01 Medalhas de Bronze ANO: 1993 Campeonato mundial de Natação Ilha de Malta / Itália Premiação: 01 medalha de Ouro 200

Leia mais

25 Dicas Para Viver Com Menos Açúcar

25 Dicas Para Viver Com Menos Açúcar 25 Dicas Para Viver Com Menos Açúcar O açúcar pode ser ótimo para o nosso humor, mas é péssimo para a nossa saúde. O excesso dele conduz à obesidade, diabetes, ao câncer, entre outros. Às vezes, muitos

Leia mais

Festa é festa, e trabalhar com novos grupos não combina com comemoração. Mas será que em algum momento essas atividades não poderiam se encontrar?

Festa é festa, e trabalhar com novos grupos não combina com comemoração. Mas será que em algum momento essas atividades não poderiam se encontrar? MEDALHAS PARA TODOS Fábio Mercadante Mortari Festa é festa, e trabalhar com novos grupos não combina com comemoração. Mas será que em algum momento essas atividades não poderiam se encontrar? A idéia era

Leia mais

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Caro professor, Este link do site foi elaborado especialmente para você, com o objetivo de lhe dar dicas importantes para o seu

Leia mais

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 I - DOS JOGOS Art.1 - A Olimpíada Especial UBM/PMBM tem por finalidade desenvolver o intercâmbio desportivo e social entre os atletas, professores

Leia mais

5Passos fundamentais. Conseguir realizar todos os seus SONHOS. para. Autora: Ana Rosa. www.novavitacoaching.com

5Passos fundamentais. Conseguir realizar todos os seus SONHOS. para. Autora: Ana Rosa. www.novavitacoaching.com 5Passos fundamentais para Conseguir realizar todos os seus SONHOS Autora: Ana Rosa www.novavitacoaching.com O futuro pertence àqueles que acreditam na beleza dos seus sonhos! Eleanor Roosevelt CONSIDERA

Leia mais

09/09/2004. Discurso do Presidente da República

09/09/2004. Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na solenidade de recepção da delegação brasileira que participou das Olimpíadas de Atenas Palácio do Planalto, 09 de setembro de 2004 Meu caro Grael, Meu querido René Simões,

Leia mais

Restaurante Top 5. 10 passos para deixar seus convidados mais felizes sem gastar um centavo a mais

Restaurante Top 5. 10 passos para deixar seus convidados mais felizes sem gastar um centavo a mais Restaurante Top 5 10 passos para deixar seus convidados mais felizes sem gastar um centavo a mais Mensagem do Restaurante Olá, Sabemos que é momento de comemorar. E se não fosse uma data ou momento especial,

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

A criança e as mídias

A criança e as mídias 34 A criança e as mídias - João, vá dormir, já está ficando tarde!!! - Pera aí, mãe, só mais um pouquinho! - Tá na hora de criança dormir! - Mas o desenho já tá acabando... só mais um pouquinho... - Tá

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 53 Discurso na solenidade de lançamento

Leia mais

Tudo o que você precisa saber para ter filhos éticos, inteligentes, felizes e de sucesso

Tudo o que você precisa saber para ter filhos éticos, inteligentes, felizes e de sucesso Tudo o que você precisa saber para ter filhos éticos, inteligentes, felizes e de sucesso SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 15 2. COMUNICAÇÃO E DIÁLOGO ENTRE PAIS E FILHOS 23 2.1 O problema da comunicação entre pais

Leia mais

VI Seminário de Educação Inclusiva Direito à Diversidade ESPORTE ADAPTADO Ana Leonídia Soares Prof. Educação Física analeonsoares@bol.com.

VI Seminário de Educação Inclusiva Direito à Diversidade ESPORTE ADAPTADO Ana Leonídia Soares Prof. Educação Física analeonsoares@bol.com. VI Seminário de Educação Inclusiva Direito à Diversidade ESPORTE ADAPTADO Ana Leonídia Soares Prof. Educação Física analeonsoares@bol.com.br Quem somos? Onde estamos? Pessoa com deficiência; quase ¼ da

Leia mais

DICAS PARA VIVER MAIS E MELHOR.

DICAS PARA VIVER MAIS E MELHOR. D I R E T O R I A D E S A Ú D E DICAS PARA VIVER MAIS E MELHOR. Categoria 1: Não parece, mas ajudam a sua saúde e dão enorme prazer (...e nem precisa de muito esforço para entrar na sua vida): Faça novos

Leia mais

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE III

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE III REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 Aula 12 REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE III 2 Brincadeira Ação de brincar, de entreter, de distrair. Utilizam uma variedade de movimentos corporais e capacidades físicas Caráter

Leia mais

PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016

PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016 PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016 QUEM SOMOS A Associação Atlética Pé de Vento é uma organização não governamental. Considerada hoje uma das maiores equipes de corrida de longa distância da América

Leia mais

Minissarau do 1 ano. Saídas pedagógicas

Minissarau do 1 ano. Saídas pedagógicas Agosto/2015 Minissarau do 1 ano Ao final do semestre fizemos uma singela apresentação onde os alunos do 1 ano do Ensino Fundamental puderam experimentar a sensação de estar diante do público e de compreenderem

Leia mais

EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS

EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS ESPORTE CLUBE PINHEIROS NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 112 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais

Leia mais

Como se preparar para a semana de provas

Como se preparar para a semana de provas Como se preparar para a semana de provas REGRAS DE ESTUDO (APLICAR DIARIAMENTE) ANTES DO INÍCIO DE CADA ATIVIDADE 1º CONCENTRAÇÃO (1 A 2 MINUTOS) PROCURE A SEQUÊNCIA: * FIQUE EM POSIÇÃO CONFORTÁVEL; *

Leia mais

O Movimento Olímpico. Aula 2 Os Símbolos Olímpicos. Rio 2016 Versão 1.0

O Movimento Olímpico. Aula 2 Os Símbolos Olímpicos. Rio 2016 Versão 1.0 O Movimento Olímpico Aula 2 Os Símbolos Olímpicos Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Identificar os principais símbolos olímpicos. 2 Compreender a importância e a função de cada símbolo olímpico. Introdução

Leia mais

Esportes de Interação com a Natureza

Esportes de Interação com a Natureza Esportes de Interação com a Natureza Aula 2 Canoagem e Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar dois esportes da categoria DE INTERAÇÃO COM A NATUREZA e suas principais regras. 2 Conhecer a história

Leia mais

1. Qual foi a sua função durante os Jogos Olímpicos de Pequim 2008?

1. Qual foi a sua função durante os Jogos Olímpicos de Pequim 2008? ENTREVISTA PIERRE DUCREY COMITÊ OLÍMPICO INTERNACIONAL Entrevista com Pierre Ducrey, Gerente de Operações Esportivas para os Jogos de Verão do Comitê Olímpico Internacional (COI). Pierre é Suíço, formado

Leia mais

COLÉGIO PEDRO II C. SÃO CRISTÓVÃO II EDUCAÇÃO FÍSICA MATERIAL DE ESTUDO HANDEBOL/GINÁSTICA RÍTMICA PFV 7 ANO HANDEBOL

COLÉGIO PEDRO II C. SÃO CRISTÓVÃO II EDUCAÇÃO FÍSICA MATERIAL DE ESTUDO HANDEBOL/GINÁSTICA RÍTMICA PFV 7 ANO HANDEBOL HANDEBOL GINÁSTICA RÍTMICA A ginástica rítmica (GR) é uma modalidade exclusivamente feminina da ginástica, realizada com cinco materiais diferentes: a corda, as maças, a bola, o arco e a fita. Os exercícios

Leia mais

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta?

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? 1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? Sim, os atletas da Grécia são sempre os primeiros a

Leia mais

ENSINANDO A APRENDER!

ENSINANDO A APRENDER! ENSINANDO A APRENDER! A hora do estudo da criança em casa pode ser produtiva, eficaz e até prazerosa se você colocar em prática uma série de dicas valiosas dos especialistas. Confira! Estudar é fundamental.

Leia mais

Corpo Ás As 10 Páginas Que Vão Transformar o Seu Corpo 2013 www.luisascensao.pt

Corpo Ás As 10 Páginas Que Vão Transformar o Seu Corpo 2013 www.luisascensao.pt Corpo Ás As 10 Páginas Que Vão Transformar o Seu Corpo www.luisascensao.pt Página 1 de 10 Termos e Condições Madeira, Portugal. Autor: Luís Ascensão (o Ás). Todos os direitos reservados. Copyright 2012,

Leia mais

RECOMENDAÇÃO DE NORMAS DE COMPORTAMENTO DOS ÁRBITROS DE FUTEBOL E DE FUTSAL

RECOMENDAÇÃO DE NORMAS DE COMPORTAMENTO DOS ÁRBITROS DE FUTEBOL E DE FUTSAL Conselho de Arbitragem RECOMENDAÇÃO DE NORMAS DE COMPORTAMENTO DOS ÁRBITROS DE FUTEBOL E DE FUTSAL Abril /2013 1 / 4 1. INTRODUÇÃO O Futebol evolui consideravelmente nos últimos anos e a competitividade

Leia mais

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no encontro com a delegação de atletas das Paraolimpíadas de Atenas-2004

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no encontro com a delegação de atletas das Paraolimpíadas de Atenas-2004 , Luiz Inácio Lula da Silva, no encontro com a delegação de atletas das Paraolimpíadas de Atenas-2004 Palácio do Planalto, 14 de outubro de 2004 Meu querido companheiro Agnelo Queiroz, ministro de Estado

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA, OLIMPÍSMO E NOVAS PRÁTICAS RENOVADAS

EDUCAÇÃO FÍSICA, OLIMPÍSMO E NOVAS PRÁTICAS RENOVADAS GOVERNO DO ESTADO DO RN SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E CULTURA COORDENADORIA DE DESPORTOS SETOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA EDUCAÇÃO FÍSICA, OLIMPÍSMO E NOVAS PRÁTICAS RENOVADAS EDUCAÇÃO ESCOLAR/FÍSICA FORMAÇÃO/TRANSFORMAÇÃO

Leia mais

Primeira brasileira a entrar na Vila, Ana Sátila controla ansiedade glo...

Primeira brasileira a entrar na Vila, Ana Sátila controla ansiedade glo... 1 de 8 20/01/2013 19:13 globoesporte.globo.com notícias esportes entretenimento vídeos Série A Série A Série B Série C 17/07/2012 07h58 - Atualizado em 17/07/2012 09h35 Primeira brasileira a entrar na

Leia mais

Aprendizes do Futuro: como incorporar conhecimento e transformar realidades Eduardo Carmello

Aprendizes do Futuro: como incorporar conhecimento e transformar realidades Eduardo Carmello Aprendizes do Futuro: como incorporar conhecimento e transformar realidades Eduardo Carmello Para suportar as intensas mudanças nos próximos 10 anos, Aprendizes do Futuro compreendem que é necessário criar

Leia mais

T.C.A. Trabalho Colaborativo de Autoria

T.C.A. Trabalho Colaborativo de Autoria T.C.A Trabalho Colaborativo de Autoria Jogos Paraolímpicos Logo do Comitê Paraolímpico Internacional Integrantes : Guilherme Souza Dantas Nº08 Gustavo Haruki Nº09 Marcelo Henrique Cordeiro Moraes Nº14

Leia mais

Palestra 1 Mudança Organizacional. Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças

Palestra 1 Mudança Organizacional. Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças Palestra 1 Mudança Organizacional Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças 02 de Dezembro de 2009 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO XV JOGOS ARI DE SÁ Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO ABERTURA 1. DIA: 26/09/2015 ( Sábado ) 9h 2. LOCAL: Manhã Ginásio 2.1 - Concentração Manhã: galeria do Ensino Fundamental I 2.2 - Desfile de abertura

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - Sou so profes r a, Posso m a s n ão parar d aguento m e ai ensinar s? d a r a u la s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

Esportes de Rebatida. Aula 4. Badminton e goalball Rio 2016 Versão 1.0

Esportes de Rebatida. Aula 4. Badminton e goalball Rio 2016 Versão 1.0 Esportes de Rebatida Aula 4 Badminton e Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar dois esportes da categoria de REBATIDA e suas principais regras. 2 Conhecer a história do surgimento desses esportes e

Leia mais

Existem apenas 3 partes importantes para alcançar o seu objetivo.

Existem apenas 3 partes importantes para alcançar o seu objetivo. Por Carlos J. Cara amiga, se você chegou até aqui é porque realmente se interessa em alcançar o corpo que você almeja. Portanto, eu te dou meus parabéns! Se você seguir as instruções que vou te ensinar,

Leia mais

Motivação para a Atividade Física na Escola

Motivação para a Atividade Física na Escola 11 Motivação para a Atividade Física na Escola Renata Serra Sequeira Especialista em Atividade Física e Qualidade de Vida - UNICAMP Estela Marina Alves Boccaletto Mestre em Educação Física - UNICAMP Ana

Leia mais

APRENDA A ESTUDAR UM GUIA PARA O SUCESSO DO ESTUDANTE

APRENDA A ESTUDAR UM GUIA PARA O SUCESSO DO ESTUDANTE APRENDA A ESTUDAR UM GUIA PARA O SUCESSO DO ESTUDANTE Leiliane Bernardes Gebrim Psicóloga CRP: 09/ 006042 Para que você tenha sucesso na sua aprendizagem é preciso que você seja um estudante ativo e comprometido

Leia mais

Vamos todos celebrar o Dia do Leite,

Vamos todos celebrar o Dia do Leite, Vamos todos celebrar o Dia do Leite, que só podia ser no dia da Criança! DIA DO Leite E DA Criança amigos para a vida No âmbito da celebração do Dia do Leite e da Criança e da festa de encerramento do

Leia mais

Prefeitura Municipal de Ponte Alta Processo Seletivo Edital 001/2014 Monitor Desportivo

Prefeitura Municipal de Ponte Alta Processo Seletivo Edital 001/2014 Monitor Desportivo 1 CONHECIMENTOS GERAIS (5 questões) 1. Em seu Artigo 1º, a Lei Orgânica da Assistência Social LOAS, explica que a assistência social é: a. Uma política de seguridade social que provê os mínimos sociais

Leia mais

Nós, alunos do 2º A, queremos tratar as pessoas com respeito e amor, estudar com muita dedicação e sempre pensar antes de tomar decisões.

Nós, alunos do 2º A, queremos tratar as pessoas com respeito e amor, estudar com muita dedicação e sempre pensar antes de tomar decisões. Como tratar as pessoas: de uma maneira boa, ajudar todas as pessoas. Como não fazer com os outros: não cuspir, empurrar, chutar, brigar, não xingar, não colocar apelidos, não beliscar, não mentir, não

Leia mais

As tochas Olímpicas e Paralímpicas

As tochas Olímpicas e Paralímpicas As tochas Olímpicas e Paralímpicas Aula 2 A tocha dos Jogos Rio 2016 Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos Nesta aula, você irá conhecer: 1 As principais características da tocha dos Jogos Rio 2016 2 O revezamento

Leia mais

Conversando com os pais

Conversando com os pais Conversando com os pais Motivos para falar sobre esse assunto, em casa, com os filhos 1. A criança mais informada, e de forma correta, terá mais chances de saber lidar com sua sexualidade e, no futuro,

Leia mais

Dicas. do professor. Eliseu Gabriel. Como estudar? Incentivar a leitura e o estudo é um ato de amor e respeito ao ser humano

Dicas. do professor. Eliseu Gabriel. Como estudar? Incentivar a leitura e o estudo é um ato de amor e respeito ao ser humano Incentivar a leitura e o estudo é um ato de amor e respeito ao ser humano Eliseu Gabriel O vereador e professor Eliseu Gabriel conseguiu aprovar uma Lei para ajudar a despertar o gosto pelo estudo e a

Leia mais

Jogos Olímpicos de Londres

Jogos Olímpicos de Londres Jogos Olímpicos de Londres Hugo Hoyama Para quem é fã de Tênis de Mesa o astro Hugo Hoyama dispensa apresentações, mas mesmo quem conhece pouco sobre a modalidade certamente alguma vez já ouviu falar dele,

Leia mais

Veja 100 dicas para passar em concursos públicos

Veja 100 dicas para passar em concursos públicos Veja 100 dicas para passar em concursos públicos Concurso público é a opção escolhida por milhares de pessoas que estão em busca de segurança e bom salário. Depois de tantas colunas sobre o tema, reuni

Leia mais

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA Clodoaldo Meneguello Cardoso Nesta "I Conferência dos lideres de Grêmio das Escolas Públicas Estaduais da Região Bauru" vamos conversar muito sobre política.

Leia mais

PARABÉNS! Parabéns por dar o primeiro passo para começar a sua jornada de fitness e conquistar o corpo que tanto deseja.

PARABÉNS! Parabéns por dar o primeiro passo para começar a sua jornada de fitness e conquistar o corpo que tanto deseja. INTERVAL TRAINING PARABÉNS! Parabéns por dar o primeiro passo para começar a sua jornada de fitness e conquistar o corpo que tanto deseja. Com este material você vai conhecer o caminho mais rápido para

Leia mais

Nível Médio Prova 1: Compreensão leitora e língua em uso

Nível Médio Prova 1: Compreensão leitora e língua em uso TEXTO 1 Leia o texto abaixo e nas alternativas de múltipla escolha, assinale a opção correta. INTERCÂMBIO BOA VIAGEM 1 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 Cursos de intercâmbio são uma

Leia mais

Esportes de Rebatida. Aula 3. Golfe e hóquei sobre grama Rio 2016 Versão 1.0

Esportes de Rebatida. Aula 3. Golfe e hóquei sobre grama Rio 2016 Versão 1.0 Esportes de Rebatida Aula 3 Golfe e Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar dois esportes da categoria de REBATIDA e suas principais regras. 2 Conhecer a história do surgimento desses esportes e sua

Leia mais

CLIPAGEM IMPRESSO. Cliente: COPA DE ROBÓTICA COLÉGIO SANTA EMÍLIA

CLIPAGEM IMPRESSO. Cliente: COPA DE ROBÓTICA COLÉGIO SANTA EMÍLIA Recife recebe um campeonato de robôs em Olinda nessa quinta (26). O evento será no Colégio Santa Emília, com entrada gratuita ao público. A 1ª Copinha de Robótica contará com alunos de 8 a 14 anos. O torneio

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 OBJETIVO GERAL Formação para o pleno exercício da cidadania de crianças e adolescentes por meio do esporte. CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO

Leia mais

A Visão. Uma Introdução

A Visão. Uma Introdução 1 A Visão Uma Introdução Muitas pessoas sabem, já desde a infância ou juventude, o que querem ser na vida quando forem adultos, como, por exemplo, médico(a), enfermeiro (a), músico (a), advogado (a), ou

Leia mais

Este e-book é um presente para você, que assistiu à palestra no Congresso de Acessibilidade.

Este e-book é um presente para você, que assistiu à palestra no Congresso de Acessibilidade. Sou Patrícia Arantes, diretora da agência RZT Comunicação e psicanalista. Este e-book é um presente para você, que assistiu à palestra no Congresso de Acessibilidade. A comunicação eficaz se dá por uma

Leia mais

3 a 5. 6 a 10. 11 a 14. Faixa Etária Prevista. Etapa de Ensino. Duração. Educação Infantil. anos. Ensino Fundamental: Anos Iniciais. 5 anos.

3 a 5. 6 a 10. 11 a 14. Faixa Etária Prevista. Etapa de Ensino. Duração. Educação Infantil. anos. Ensino Fundamental: Anos Iniciais. 5 anos. Etapa de Ensino Faixa Etária Prevista Duração Educação Infantil 3 a 5 anos Ensino Fundamental: Anos Iniciais 6 a 10 anos 5 anos Ensino Fundamental: Anos Finais 11 a 14 anos 4 anos EDUCAÇÃO INFANTIL EDUCAÇÃO

Leia mais

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Comunicação empresarial eficiente: Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Sumário 01 Introdução 02 02 03 A comunicação dentro das empresas nos dias de hoje Como garantir uma comunicação

Leia mais

O DIREITO DE ACESSO À EDUCAÇÃO. Profa. Dra. Luci Bonini

O DIREITO DE ACESSO À EDUCAÇÃO. Profa. Dra. Luci Bonini O DIREITO DE ACESSO À EDUCAÇÃO Profa. Dra. Luci Bonini Desde a assinatura da Declaração Universal dos Direitos Humanos, alguns órgãos da sociedade têm se manifestado no sentido de promover as garantias

Leia mais

Este template é muito diferente e muito, mas muito especial!

Este template é muito diferente e muito, mas muito especial! Esta é nossa última sequência! Este template é muito diferente e muito, mas muito especial! Quero que você olhe para ele com olhos de águia e reflita, e muito, se ele realmente serve para o seu produto

Leia mais

Ficha elaborada por: Hozana Maria Oliveira Campos de Azevedo CRB5-1213

Ficha elaborada por: Hozana Maria Oliveira Campos de Azevedo CRB5-1213 SHOW DE BOLA E CIDADANIA - MUNDIAIS DE FUTEBOL 2014 5M-EDITORA, EMPREENDIMENTOS, COMÉRCIO, SERVIÇOS, LICENCIAMENTOS E AGROPECUÁRIA LTDA. TODOS OS DIREITOS ESTÃO RESERVADOS À 5M-EDITORA, EMPREENDIMENTOS,

Leia mais

Duração da atividade: Recomendam-se cinco encontros/aulas, com duração de uma hora-aula para cada encontro.

Duração da atividade: Recomendam-se cinco encontros/aulas, com duração de uma hora-aula para cada encontro. Nível de ensino: Ensino Fundamental Componente Curricular: Educação Física Modalidade: Futsal Duração da atividade: Recomendam-se cinco encontros/aulas, com duração de uma hora-aula para cada encontro.

Leia mais

O andebol oferece-me coisas que a faculdade não tem é a demonstração de carácter

O andebol oferece-me coisas que a faculdade não tem é a demonstração de carácter O andebol oferece-me coisas que a faculdade não tem é a demonstração de carácter Aos 24 anos Ricardo Pesqueira tem já um longo percurso andebolístico. Cresceu para o desporto no Águas Santas, mas no currículo

Leia mais

Oi Lindona! Eu sou MILLA PADUA, Coach de Boa Forma

Oi Lindona! Eu sou MILLA PADUA, Coach de Boa Forma Oi Lindona! Eu sou MILLA PADUA, Coach de Boa Forma Eu mudei radicalmente o meu estilo de vida e conquistei o corpo que eu sempre sonhei após a maternidade. É isso aí! Tem gente que acha que depois dos

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS ALEXSANDER ALMEIDA MACIEL CELENTE II (depoimento) 2013 CEME-ESEF-UFRGS FICHA

Leia mais

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA!

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! NOSSA VISÃO Um mundo mais justo, onde todas as crianças e todos os adolescentes brincam, praticam esportes e se divertem de forma segura e inclusiva. NOSSO

Leia mais

Instituto Mundo Melhor 2013. A Educação para a Paz como caminho da infância

Instituto Mundo Melhor 2013. A Educação para a Paz como caminho da infância Instituto Mundo Melhor 2013 por um MUNDO MELHOR A Educação para a Paz como caminho da infância PROJETO O PROGRAMA INFÂNCIA MUNDO MELHOR O Projeto Infância Mundo Melhor investe na capacitação e na formação

Leia mais

Projeto Paz na Escola

Projeto Paz na Escola Projeto Paz na Escola Olímpia Terezinha da Silva Henicka Dariléia Marin Em uma sociedade como a nossa, na qual a riqueza é tão mal distribuída, a preocupação com a sobrevivência deve ser maior que as preocupações

Leia mais

Introdução. Vamos à Dieta!

Introdução. Vamos à Dieta! Introdução Imagine só descobrir não caber naquela roupa que você planejou usar daqui a uma semana, ou pior, imagine vestir aquele lindo vestido de noiva e notar que por pouco ele não ficou perfeito em

Leia mais

GUIA ALIMENTAR COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

GUIA ALIMENTAR COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL GUIA ALIMENTAR COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL A promoção da alimentação saudável é uma diretriz da Política Nacional de Alimentação e Nutrição e uma das prioridades para a segurança alimentar e nutricional

Leia mais