Reunião concelhia de Braga. Regina Campos Coordenadora Interconcelhia RBE Janeiro de 2015

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Reunião concelhia de Braga. Regina Campos Coordenadora Interconcelhia RBE Janeiro de 2015"

Transcrição

1 Reunião concelhia de Braga Regina Campos Coordenadora Interconcelhia RBE Janeiro de 2015

2 1 Informações Balanço /perspetivas de desenvolvimento do trabalho Bibliotecas escolares orientações The IFLA/ UNESCO School Libraries Guidelines, (2015) anos RBE 2 Projetos Escritores do Minho: Vergílio Alberto Vieira 3 Semana da Leitura 4 Outros assuntos

3 1 Informações Reunião com a tutela: Trabalhar o sucesso escolar Promover a articulação curricular Pensar a escola de um modo integrado As bibliotecas e o seu desempenho serão fundamentais para atingir estes objetivos.

4 1 Informações Candidaturas RBE * em fase de apuramento final Candidaturas revelam o trabalho que se faz nas escolas/bibliotecas. Será um bom modo de ler o que se passa nas nossas bibliotecas.

5 1 Informações O envio do(s) projeto(s) deverá ser realizado entre 16 de janeiro e 31 de março de 2016 (para quem se inscreveu até 15 de janeiro de 2016) Conta-nos uma história! - Podcast na Educação Mais informações: Portal RBE Projetos e parcerias

6 1 Informações 7 Dias 7 Dicas sobre os Media Envio dos trabalhos até ao dia 8 de abril de 2016 Mais informações: Portal RBE Projetos e parcerias

7 1 Informações Envio de trabalhos: Livros falados Visão Júnior Mais Informações: Tema I: Saúde Oral e Alimentação - até 19 de fevereiro 2016 Tema II: Os Oceanos até 06 de maio 2016 Portal RBE Projetos e parcerias

8 1 Informações Associação de Professores de Filosofia Ensaio filosófico Envio de Mais informações: Portal RBE Projetos e parcerias trabalhos até ao dia 1 de junho de 2016

9 1 Informações Concurso Imagens contra a Corrupção Parceria Conselho de Prevenção da Corrupção + PNL Vídeo (2.º e 3.º ciclos do ensino básico e ensino secundário) Artes Plásticas (4.º ano do 1.º ciclo do ensino básico) Envio dos trabalhos: até 18 de Março de 2016 Mais informações: Blogue RBE Conselho de Prevenção da corrupção

10 1 Informações Parceria PNL + Instituto Camões + Fundação Saramago + Casa Fernando Pessoa Notas de Leitura: reflexão sobre uma obra sugerida (3.º ciclo do ensino básico) Escrita do desassossego: ensaio literário sobre tema livre (ensino secundário) Envio dos trabalhos: até 06 de maio de 2016 Divulgação dos vencedores: até 07 de Junho de Concurso Literário 2016 Mais informações: Portal do PNL- Concursos p?s=concursos&tipo=1

11 1 Informações Histórias da AJUDARIS Obedece ao tema Alimentação e decorre até 30 de março de As escolas solidárias que pretenderem participar deverão inscrever-se até 31 de janeiro de Mais informações: Portal da RBE- Projetos e parcerias

12 1 Informações Parcerias, protocolos e formação: Pordata (em princípio, Norte e Sul começam agora no segundo período); INE (a decorrer); SOBE [

13 1.1 - Balanço/perspetivas de desenvolvimento do trabalho Saber o futuro da RBE: a importância dos documentos orientadores - Programa Rede de Bibliotecas Escolares. Quadro estratégico: ; Aprender com a biblioteca escolar. Estes documentos e orientações têm um fim último: formar leitores e, o mesmo tempo, fazer corresponder as bibliotecas às necessidades das escolas, promovendo o trabalho colaborativo e o sucesso educativo dos nossos alunos. É certo que vivemos tempos complicados, sem grandes garantias e certezas: o que fazer em termos de futuro, que tipo de aluno é que deveremos formar/preparar e para que desafios?... No entanto, e como nos prova a História, o conhecimento é sempre uma vantagem. E este é indissociável da leitura!

14 1.2 - Balanço /perspetivas de desenvolvimento do trabalho Como atuar? - Investindo na formação (a nossa, dos nossos colegas, dos nossos alunos, dos assistentes operacionais) - Ter uma boa capacidade de filtragem daquilo que está disponível e saber adequar essa oferta aos nossos projetos, à realidade e necessidades específicas de cada escola ou agrupamento.

15 1.2 - Bibliotecas escolares orientações The IFLA/ UNESCO School Libraries Guidelines, (2015)

16 anos RBE Novo logótipo 20 anos RBE. Muito em breve estarão disponíveis as normas gráficas. RBE 20 anos Fórum RBE 4 de outubro - Fundação Calouste Gulbenkian

17 2 Escritores do Minho: Vergílio Alberto Vieira Concurso literário 1ª Fase - Fase de escola não agrupada/agrupamento de escolas Até 12 de fevereiro de 2016 Os contos devem ser apuradas por cada escola não agrupada/agrupamento de escolas, no máximo de 1 por cada ciclo de ensino. 2ª Fase Fase da Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva (BLCS) Até 26 de fevereiro de 2016 Os contos selecionados na 1ª fase devem ser enviados para a BLCS. Até 17 de março de 2016 serão divulgados os vencedores do concurso no site da Rede de Bibliotecas Escolares:

18 2 Escritores do Minho: Vergílio Alberto Vieira Concurso de ilustração 1ª fase - A nível de escola não agrupada/agrupamento de escolas Até 12 de fevereiro de 2016 Os trabalhos devem ser apurados por cada escola não agrupada/agrupamento de escolas, no máximo de 1 por cada ciclo de ensino. 2ª fase - A nível da Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva (BLCS) Até 26 de fevereiro de 2016 Os trabalhos premiados a nível de escola não agrupada/agrupamento de escolas devem ser enviados para a BLCS. Até 17 de março de 2016 serão divulgados os vencedores do concurso no site da Rede de Bibliotecas Escolares de Braga:

19 2 Escritores do Minho: Vergílio Alberto Vieira Mais participações? Ideias: Poemas musicados musicar alguns dos poemas do autor Jardins de poesia flores com recurso a materiais reciclados para espetar nos jardins da Escola; o centro das flores terá poemas/versos do escritor Baú da poesia solicitar aos alunos a construção de um baú(caixa) para guardar os poemas preferidos; decorado ao gosto pessoal e com recurso a material diversos. Exposição e solicitar a votação para as 3 melhores junto da comunidade escolar Dramatizações - Agrupamentos envolvidos: Dr. Francisco Sanches; Maximinos; André Soares;

20 3 Semana da Leitura Concurso Concelhio de leitura - 14 de março 14h Terá lugar na BLCS a 5ª edição do Concurso Concelhio de Leitura Braga a Ler+, organizado pela Rede de Bibliotecas de Braga para alunos do 1º e 2º ciclos. Obras a concurso 1º Ciclo 3º e 4º anos 3º ano - Letras Caídas, de Inês Cardoso 4º ano - O mistério dos sonhos roubados, de Lídia Borges 2º Ciclo 5º e 6º anos 5º ano - Auto do Cruzeiro do Inferno, de Isabel Zambujal 6º ano - Os livros que devoraram o meu pai, de Afonso Cruz

21 3 Semana da Leitura Marcha da leitura 16 de março Escolas participantes? Sugestões de percurso? Sugestões de atividades na marcha?

22 3 Semana da Leitura Ondas e Ondinhas de poesia 4ª edição 19 de março 10h e 15h, respetivamente Os alunos do pré-escolar e 1º ciclo (alunos do 1º e 2º ano) participarão no evento de Declamação de Poesia, a ter lugar no Auditório da BLCS. (no máximo 4 alunos por escola) Sob a temática Elos de Leitura, a escolha dos poemas é livre.

23 4 Outros assuntos Reuniões de trabalho para breve: Gestão das bibliotecas do 1º ciclo Escolas com o projeto Aler+ Escolas com o projeto Todos Juntos Podemos Ler Escolas com Candidaturas Ideias de Mérito Sessão formativa: construir uma biblioteca digital

DOMÍNIO 1 - Estratégia para toda a escola/ todo o agrupamento:

DOMÍNIO 1 - Estratégia para toda a escola/ todo o agrupamento: Plano de Intervenção Projeto ALer+ - 2014/2015 Designação Sempre ALer+ 2.1. Descrição sumária do Plano de Intervenção O Agrupamento de Escolas André Soares entrou para o projeto ALer+ no 1º ano de desenvolvimento

Leia mais

DGEstE Direção de Serviços da Região Centro

DGEstE Direção de Serviços da Região Centro DGEstE Direção de Serviços da Região Centro Bibliotecas Escolares - Plano Anual de Atividades (PAA) Ano letivo 2014/2015 Este PAA encontra-se estruturado em 4 domínios (seguindo as orientações da RBE)

Leia mais

Planificação das Atividades 2013/2014 Domínio Sub-domínio Atividades Objetivos Destinatários Dinamizadores Calendarização Recursos materiais

Planificação das Atividades 2013/2014 Domínio Sub-domínio Atividades Objetivos Destinatários Dinamizadores Calendarização Recursos materiais LEITURA E LITERACIAS Promoção Leitura BIBLIOTECA ESCOLAR MÁRIO CLÁUDIO / BIBLIOTECA ESCOLAR DA POUSA Planificação s Ativides 2013/2014 Domínio Sub-domínio Ativides Objetivos Destinatários Dinamizadores

Leia mais

PLANO DE MELHORIA DA BIBLIOTECA da FAV PARA 2015/2016

PLANO DE MELHORIA DA BIBLIOTECA da FAV PARA 2015/2016 Agrupamento de Escolas de Santiago do Cacém Escola Básica Frei André da Veiga PLANO DE MELHORIA DA BIBLIOTECA da FAV PARA 2015/2016 A. Currículo, literacias e aprendizagem Problemas identificados Falta

Leia mais

Concurso Nacional de Leitura

Concurso Nacional de Leitura (9.ª edição 2014-2015) Final Distrital - COIMBRA Perguntas & Respostas: O que consta das Normas? Em que dia e onde decorrerão as provas? Quais são os documentos necessários para a prova? Como é constituída

Leia mais

O Dia Mundial da Poesia comemora-se a 21 de março, tendo sido criado na 30ª Conferência Geral da UNESCO realizada a 16 de novembro de 1999.

O Dia Mundial da Poesia comemora-se a 21 de março, tendo sido criado na 30ª Conferência Geral da UNESCO realizada a 16 de novembro de 1999. O Dia Mundial da Poesia comemora-se a 21 de março, tendo sido criado na 30ª Conferência Geral da UNESCO realizada a 16 de novembro de 1999. A data visa fazer uma reflexão sobre a livre criação de ideias

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES 2014-2015 BIBLIOTECAS ESCOLARES

PLANO DE ATIVIDADES 2014-2015 BIBLIOTECAS ESCOLARES 20142015 BIBLIOTECAS ESCOLARES 20142015 Domínio A Currículo, literacias e aprendizagem Intervenientes Público alvo Datas previstas Orçamento Desenvolver atividades curriculares com os docentes de Português

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES 2013/2014

PLANO DE ATIVIDADES DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES 2013/2014 PLANO DE ATIVIDADES DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES 2013/2014 Pág.1 INTRODUÇÃO O Plano Anual de Atividades das s Escolares do Agrupamento de Escolas n.º 1 de Grândola atende à especificidade das bibliotecas

Leia mais

O Agrupamento de escolas do concelho

O Agrupamento de escolas do concelho O Agrupamento de escolas do concelho de Campo Maior...... Agrupamento de Escolas de Campo Maior A missão do Agrupamento de Escolas de Campo Maior reside na promoção do sucesso educativo e na valorização

Leia mais

música dança teatro circo performance e muito mais...

música dança teatro circo performance e muito mais... VI FEIRA SANTA MARIA DA FEIRA NORMAS DO CONCURSO 15 APRESENTAÇÃO PÚBLICA 20 MARÇO LOCAL CINE TEATRO ANTÓNIO LAMOSO CONCURSO 02 Concurso Normas 1. Inserido no Programa da Feira de Artes Performativas, a

Leia mais

Grupo de Trabalho Concelhio (GTC) Figueira da Foz. Concurso Concelhio de Leitura da Figueira da Foz ORIENTAÇÕES

Grupo de Trabalho Concelhio (GTC) Figueira da Foz. Concurso Concelhio de Leitura da Figueira da Foz ORIENTAÇÕES Grupo de Trabalho Concelhio (GTC) Figueira da Foz Concurso Concelhio de Leitura da Figueira da Foz ORIENTAÇÕES O Concurso Concelhio de Leitura do Município da Figueira da Foz constitui uma adaptação, para

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES 2014-2015. Bibliotecas escolares do Agrupamento de escolas Mosteiro e Cávado

PLANO DE ATIVIDADES 2014-2015. Bibliotecas escolares do Agrupamento de escolas Mosteiro e Cávado 20142015 Bibliotecas escolares do Agrupamento de escolas Mosteiro e Cávado 20142015 Domínio A Currículo, literacias e aprendizagem Intervenientes Público alvo Datas Desenvolver atividades curriculares

Leia mais

TEXTO DA COMUNICAÇÃO. Palmela THEKA: Aprender Partilhando, Partilhar Aprendendo

TEXTO DA COMUNICAÇÃO. Palmela THEKA: Aprender Partilhando, Partilhar Aprendendo TEXTO DA COMUNICAÇÃO Palmela THEKA: Aprender Partilhando, Partilhar Aprendendo Este projecto foi concebido no início do ano escolar de 2004/2005 quando decorria o segundo ano do processo de constituição

Leia mais

CONCURSO. "Mudanças Climáticas em Cabo Verde: suas causas, consequências e estratégias de mitigação FOTOGRAFIA PAGINA FACEBOOK OBRAS PLASTICAS

CONCURSO. Mudanças Climáticas em Cabo Verde: suas causas, consequências e estratégias de mitigação FOTOGRAFIA PAGINA FACEBOOK OBRAS PLASTICAS CONCURSO "Mudanças Climáticas em Cabo Verde: suas causas, consequências e estratégias de mitigação FOTOGRAFIA PAGINA FACEBOOK OBRAS PLASTICAS Abertura: 17 de Junho de 2015 Prazo limite para se candidatar:

Leia mais

CONCURSO PARA A REDE DE ESCOLAS ASSOCIADAS DA UNESCO

CONCURSO PARA A REDE DE ESCOLAS ASSOCIADAS DA UNESCO CONCURSO PARA A REDE DE ESCOLAS ASSOCIADAS DA UNESCO AGRICULTURA FAMILIAR Comissão Nacional da UNESCO ; u r l: h t t p : / / w w w. u n e s c o p o r t u g a l. m n e. p t Concurso para a Rede de Escolas

Leia mais

Plano Anual de Atividades do Agrupamento de Escolas Sá de Miranda. Planificação de Atividades - Ano Letivo 2014/2015

Plano Anual de Atividades do Agrupamento de Escolas Sá de Miranda. Planificação de Atividades - Ano Letivo 2014/2015 Plano Anual de Atividades do de Escolas Sá de Miranda Planificação de Atividades - Ano Letivo 2014/2015 (devem ser indicadas as atividades que ultrapassem a dimensão do pequeno grupo ou da turma) Calendarizaç

Leia mais

Perguntas frequentes. 20142015 Rede de Bibliotecas Escolares Plano Nacional de Leitura Direção Geral da Saúde

Perguntas frequentes. 20142015 Rede de Bibliotecas Escolares Plano Nacional de Leitura Direção Geral da Saúde Perguntas frequentes 20142015 Rede de Bibliotecas Escolares Plano Nacional de Leitura Direção Geral da Saúde lista de perguntas Projeto SOBE Trabalhar no projeto Saúde Oral, Bibliotecas Escolares (SOBE)

Leia mais

Plano de Intervenção 2014-15

Plano de Intervenção 2014-15 Plano de Intervenção 2014-15 Os agrupamentos de escolas que já integram a Rede aler+ são convidados a apresentarem um Plano de Intervenção que evidencie a centralidade da leitura e envolva os jardins de

Leia mais

2013/2014 [PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - BIBLIOTECA ESCOLAR]

2013/2014 [PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - BIBLIOTECA ESCOLAR] Projeto / Atividade Objetivos Intervenientes Recursos/ materiais Voluntários de Leitura Construir relações/parcerias com a BMP e com as redes locais (ADA/Centro Comunitário de Portel) BE - Vamos Partilh@r

Leia mais

SISEB Informa Ano I Número 5 agosto 2014 7º Seminário Internacional de Bibliotecas Públicas e Comunitárias

SISEB Informa Ano I Número 5 agosto 2014 7º Seminário Internacional de Bibliotecas Públicas e Comunitárias Ano I Número 5 agosto 2014 7º Seminário Internacional de Bibliotecas Públicas e Comunitárias página 5 5 Viagem Literária 2014 7 Biblioteca Dica de leitura: Cadernos de Prática do SisEB e Práticas da de

Leia mais

Avaliação da biblioteca escolar 2009-2013

Avaliação da biblioteca escolar 2009-2013 Avaliação da biblioteca escolar 2009-2013 2010 D. Gestão da biblioteca escolar Avaliação D.1 Articulação da BE com a escola/agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE. 3 D.2 Condições humanas e materiais

Leia mais

Um lugar de encontro...sempre!

Um lugar de encontro...sempre! Caro(a) leitor(a) e amigo(a), Um lugar de encontro...sempre! Num mês que se adivinha frio, a Biblioteca surge como uma alternativa, onde pode disfrutar de momentos bem passados, num local aconchegante

Leia mais

Plano de Atividades GRUPO. Biblioteca Escolar

Plano de Atividades GRUPO. Biblioteca Escolar Plano de Atividades 2013 2014 GRUPO Biblioteca Escolar Atividade nº1- Implementação do Modelo de Autoavaliação das BEs (MABE) Objetivos- Estabelecer parcerias ; Integrar a BE no desenvolvimento de Projetos

Leia mais

NEWSLETTER Agrupamento

NEWSLETTER Agrupamento NEWSLETTER Agrupamento de Escolas Cidade do Entroncamento BIBLIOTECA ESCOLAR Escola Secundária c/3º Ciclo do Entroncamento BE Número treze, janeiro 2013 Newsletter da Biblioteca Escolar Editor Biblioteca

Leia mais

P l a n o 2 0 1 5 FUNDAÇÃO LUSO

P l a n o 2 0 1 5 FUNDAÇÃO LUSO P l a n o 2 0 1 5 FUNDAÇÃO LUSO 1 Ações diferenciadoras no Plano de 2015 Ambiente Protocolo da Fundação Luso & Quercus Neste 2º ano do protocolo, iremos continuar a desenvolver ações de valorização do

Leia mais

NORMAS DO CONCURSO CONCELHIO EM MATOSINHOS, ESTUDAR É ACERTAR

NORMAS DO CONCURSO CONCELHIO EM MATOSINHOS, ESTUDAR É ACERTAR NORMAS DO CONCURSO CONCELHIO EM MATOSINHOS, ESTUDAR É ACERTAR O concurso Em Matosinhos, estudar é acertar está integrado no projeto concelhio Em terra de Mar, alunos a criar que resulta do trabalho colaborativo

Leia mais

Biblioteca Escolar. Atividades 2013-2014

Biblioteca Escolar. Atividades 2013-2014 Biblioteca Escolar Atividades 2013-2014 1 Uma ESCOLA 1 100 ALUNOS ( 10-18 anos) uma professora bibliotecária nove professores colaboradores duas assistentes operacionais uma EQUIPA 2 Biblioteca Escolar:

Leia mais

AGENDA DE TRABALHO 2

AGENDA DE TRABALHO 2 AGENDA DE TRABALHO 2 Agrupamento de Escolas (Educação Pré-Escolar e Ensino Básico/ Educação Pré-Escolar, Ensino Básico e Ensino Secundário) 1.º DIA 9:00 CHEGADA À ESCOLA-SEDE 9:00-10:30 SESSÃO DE APRESENTAÇÃO

Leia mais

MEDIATECA PLANO DE ACTIVIDADES 2009/2010

MEDIATECA PLANO DE ACTIVIDADES 2009/2010 Mediateca Plano de Actividades 2009/2010 pág. 1/6 Introdução MEDIATECA PLANO DE ACTIVIDADES 2009/2010 A Mediateca estrutura-se como um sector essencial do desenvolvimento do currículo escolar e as suas

Leia mais

OBJETIVO DAS INSCRIÇÕES

OBJETIVO DAS INSCRIÇÕES CONSTRUINDO A NAÇÃO 2016 Os Grêmios na Comunidade A Vez dos Municípios OBJETIVO Com o objetivo de conhecer, reconhecer e difundir as práticas de cidadania desenvolvidas por estudantes das escolas públicas

Leia mais

II EDIÇÃO DO CONCURSO ESCOLAR A ÁGUA QUE NOS UNE REGULAMENTO ANO LETIVO 2013/2014

II EDIÇÃO DO CONCURSO ESCOLAR A ÁGUA QUE NOS UNE REGULAMENTO ANO LETIVO 2013/2014 Concurso Escolar A ÁGUA QUE NOS UNE II EDIÇÃO DO CONCURSO ESCOLAR A ÁGUA QUE NOS UNE REGULAMENTO ANO LETIVO 2013/2014 ÂMBITO Projeto Educativo GEA Terra Mãe, Década das Nações Unidas da Educação para o

Leia mais

Ano Letivo 2011/2012. Ata de Reunião nº 3. Aos quinze dias do mês de novembro de dois mil e onze, reuniu o Grupo de

Ano Letivo 2011/2012. Ata de Reunião nº 3. Aos quinze dias do mês de novembro de dois mil e onze, reuniu o Grupo de Ano Letivo 2011/2012 Ata de Reunião nº 3 Aos quinze dias do mês de novembro de dois mil e onze, reuniu o Grupo de Trabalho da Rede Concelhia de Bibliotecas Escolares, pelas catorze horas, no auditório

Leia mais

PLANO DE ACÇÃO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MOSTEIRO E CÁVADO 2014/2017

PLANO DE ACÇÃO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MOSTEIRO E CÁVADO 2014/2017 PLANO DE ACÇÃO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MOSTEIRO E CÁVADO 2014/2017 1 O plano de ação que se apresenta teve por base as autoavaliações efetuadas durante os anos 2009-10; 2010-11;

Leia mais

SINTRA E-CONTEÚDOS ECRÃS QUE MOTIVAM

SINTRA E-CONTEÚDOS ECRÃS QUE MOTIVAM SINTRA E-CONTEÚDOS ECRÃS QUE MOTIVAM Isabel Mendinhos EB23 Professor Galopim de Carvalho cregalopimcarvalho@gmail.com Resumo Sintra e-conteúdos é um projeto conjunto das bibliotecas escolares dos Agrupamentos

Leia mais

Relatório de Coordenação das Bibliotecas Escolares INTRODUÇÃO

Relatório de Coordenação das Bibliotecas Escolares INTRODUÇÃO Relatório de Coordenação das Bibliotecas Escolares INTRODUÇÃO A equipa pedagógica das Bibliotecas Escolares (BE) do agrupamento propôs um conjunto de atividades tendo em conta a articulação com o Modelo

Leia mais

SEMANA DA LEITURA 16 23 de Março de 2010

SEMANA DA LEITURA 16 23 de Março de 2010 Agrupamento de Escolas da Sé Direcção Regional de Educação do Norte Coordenação Educativa de Douro Sul Escola Básica e Secundária da Sé - Lamego Cód. 152948 402898 SEMANA DA LEITURA 16 23 de Março de 2010

Leia mais

Índice. - Introdução. 3. - Cronograma 4-5. - Capítulo 1 Plano de Atividades 2015-2016. 6-38

Índice. - Introdução. 3. - Cronograma 4-5. - Capítulo 1 Plano de Atividades 2015-2016. 6-38 1 2015-2016 Índice - Introdução. 3 - Cronograma 4-5 - Capítulo 1 Plano de Atividades 2015-2016. 6-38 2 Introdução O Município de Paços de Ferreira, assumindo-se como uma Cidade Educadora, respeitando um

Leia mais

PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICO - PROJETO DO CONTRATO DE AUTONOMIA

PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICO - PROJETO DO CONTRATO DE AUTONOMIA PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICO - PROJETO DO CONTRATO DE AUTONOMIA ANEXO II DOMÍNIO: GESTÃO E DESENVOLVIMENTO CURRICULAR Estudex PROJETOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS PARCERIAS CALENDARIZAÇÃO Sala de estudo para o

Leia mais

Iniciativa conjunta. Apoio

Iniciativa conjunta. Apoio Iniciativa conjunta Apoio Envolver os alunos na prática da leitura, usando estratégias diversificadas, é um dos meios mais eficazes para promover a mudança social. Relatório Reading for change (2002) DESENVOLVER

Leia mais

Porquê respeitar a diversidade?

Porquê respeitar a diversidade? 32 Pró Inclusão ANDEE NOTÍCIAS Janeiro de 2012 (1ª Quinzena) ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE DOCENTES DE EDUCAÇÃO ESPECIAL Quinta da Arreinela de Cima, 2800-305 Almada TLM: 927 138 311 - E-mail: proandee@gmail.com

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado Biblioteca escolar A Casa de Camilo

Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado Biblioteca escolar A Casa de Camilo Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado Projeto selecionado pela Candidatura Ideias com Mérito, 2012 promovida pela Rede de Bibliotecas Escolares, que visa selecionar e apoiar as experiências

Leia mais

BIBLIOTECA MUNICIPAL DE MACEDO DE CAVALEIROS PLANO DE ATIVIDADES 2015-2016

BIBLIOTECA MUNICIPAL DE MACEDO DE CAVALEIROS PLANO DE ATIVIDADES 2015-2016 BIBLIOTECA MUNICIPAL DE MACEDO DE CAVALEIROS PLANO DE ATIVIDADES 2015-2016 Outubro 2015 a Junho 2016 HORA DO CONTO Ler é Crescer Ateliês Atividade realizada para as crianças dos Infantários NªSª de Fátima,

Leia mais

PLANO DE AUTOAVALIAÇÃO

PLANO DE AUTOAVALIAÇÃO AE de maximinos EQUIPA DE AUTOAVALIAÇÃO PLANO DE AUTOAVALIAÇÃO 2012/2013 Equipa de Autoavaliação Alcina Pires Ana Paula Couto Antonieta Silva António Rocha Beatriz Gonçalves José Pedrosa Paula Mesquita

Leia mais

Projeto: Promoção e Educação para a Saúde

Projeto: Promoção e Educação para a Saúde Projeto: Promoção e Educação para a Saúde Plano Anual de Atividades No âmbito do projeto Promoção e Educação para a Saúde realizar-se-ão diversas actividades, entre as quais se destacam: Exposições temáticas

Leia mais

Rede Bibliotecas de Braga

Rede Bibliotecas de Braga Rede Bibliotecas de Braga Reunião concelhia 28 de junho CIBE Regina Campos Assuntos da reunião Informações Plano anual de atividades Outros assuntos Documentos de avaliação 1. Base de Dados 2. Relatório

Leia mais

2013-2014. Relatório Final. EB 2.3 Mosteiro e Cávado

2013-2014. Relatório Final. EB 2.3 Mosteiro e Cávado EB 2.3 Mosteiro e Cávado 2013-2014 Agrupamento de Escolas Mosteiro e Cávado Biblioteca escolar - Centro de recursos educativos bibliotecasmosteiroecavado@gmail.com becre-cavado.blogspot.com bemerelim.blogspot.pt

Leia mais

PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES

PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES O Plano Plurianual de Atividades é um documento de planeamento que define, em função do Projeto Educativo, os objetivos, as formas de organização e de programação das atividades e que procede à identificação

Leia mais

Plano Municipal de Melhoria e Eficácia da Escola 2013/1014. Uma estratégia para O Projeto Educativo Local

Plano Municipal de Melhoria e Eficácia da Escola 2013/1014. Uma estratégia para O Projeto Educativo Local Plano Municipal de Melhoria e Eficácia da Escola 2013/1014 Uma estratégia para O Projeto Educativo Local O que é um PMMEE? O Plano Municipal de Melhoria e Eficácia da Escola consiste num conjunto de objetivos

Leia mais

Projeto de leitura com o envolvimento dos pais

Projeto de leitura com o envolvimento dos pais Projeto de leitura com o envolvimento dos pais aler+ em família A importância da leitura em família Sendo a biblioteca/ escola e a família dois espaços naturais para a promoção da leitura, o seu contributo

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PARATY INSTITUTO C&A DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL ASSOCIAÇÃO CASA AZUL

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PARATY INSTITUTO C&A DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL ASSOCIAÇÃO CASA AZUL SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PARATY INSTITUTO C&A DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL ASSOCIAÇÃO CASA AZUL EDITAL CONCURSO ESCOLA DE LEITORES PARATY - RJ 2009/2010 OBJETO: Seleção de projetos para o Concurso

Leia mais

Biblioteca Municipal António Botto. Serviço de Bibliotecas. Divisão do Conhecimento e Intervenção Comunitária. Município de Abrantes

Biblioteca Municipal António Botto. Serviço de Bibliotecas. Divisão do Conhecimento e Intervenção Comunitária. Município de Abrantes Serviço de Bibliotecas Divisão do Conhecimento e Intervenção Comunitária Município de Abrantes Programação de abril de 2016 CADERNOS DE VIAGEM DE ABRANTES DESENHO, LITERATURA, FOTOGRAFIA, VIDEO, JORNALISMO,

Leia mais

XX Ciência Viva. Tema: Luz, ciência e vida. 12 e 13 de Novembro de 2015

XX Ciência Viva. Tema: Luz, ciência e vida. 12 e 13 de Novembro de 2015 XX Ciência Viva Tema: Luz, ciência e vida 12 e 13 de Novembro de 2015 A CIÊNCIA VIVA A Ciência Viva é uma exposição anual aberta ao público, em que estudantes da educação básica das instituições de ensino

Leia mais

Novas Formas de Aprender e Empreender

Novas Formas de Aprender e Empreender Novas Formas de Aprender e Empreender DÚVIDAS FREQUENTES 1. Sobre o Prêmio Instituto Claro, Novas Formas de Aprender e Empreender 1.1. O que é o Prêmio? O Prêmio Instituto Claro Novas Formas de Aprender

Leia mais

III EDIÇÃO DO CONCURSO ESCOLAR A ÁGUA QUE NOS UNE : TEMÁTICA O SOLO QUE SUSTENTA A VIDA

III EDIÇÃO DO CONCURSO ESCOLAR A ÁGUA QUE NOS UNE : TEMÁTICA O SOLO QUE SUSTENTA A VIDA III EDIÇÃO DO CONCURSO ESCOLAR A ÁGUA QUE NOS UNE : TEMÁTICA O SOLO QUE SUSTENTA A VIDA REGULAMENTO ANO LETIVO 2014/2015 ÂMBITO Projeto Educativo GEA Terra Mãe inserido nas celebrações das Nações Unidas

Leia mais

Agrupamento de Escolas da Zona Urbana da Figueira da Foz Escola EB 2,3 Dr. João de Barros

Agrupamento de Escolas da Zona Urbana da Figueira da Foz Escola EB 2,3 Dr. João de Barros Agrupamento de Escolas da Zona Urbana da Figueira da Foz Escola EB 2,3 Dr. João de Barros Regimento da Biblioteca Escolar Centro de Recursos Educativos Regimento da Biblioteca Escolar Dr. João de Barros

Leia mais

Modelo de Pesquisa. Biblioteca Escolar. Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel - Carreira

Modelo de Pesquisa. Biblioteca Escolar. Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel - Carreira Modelo de Pesquisa Biblioteca Escolar Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel - Carreira 1ª etapa Penso sobre o tema 1) Qual o objetivo do meu trabalho? - defino e registo qual é o objetivo do meu trabalho.

Leia mais

Plano de ação da biblioteca escolar

Plano de ação da biblioteca escolar AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA GAFANHA DA ENCARNÇÃO Plano de ação da biblioteca escolar 2013-2017 O plano de ação constitui-se como um documento orientador de linhas de ação estratégicas, a desenvolver num

Leia mais

Proposta para o Plano de Atividades - Biblioteca Escolar 14/15

Proposta para o Plano de Atividades - Biblioteca Escolar 14/15 Professor: Ana Maria Galveia Taveira Proposta para o Plano de Atividades - Biblioteca Escolar 14/15 O Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar divide-se em quatro grandes áreas de funcionamento/intervenção,

Leia mais

REFLEXÕES PEDAGÓGICAS

REFLEXÕES PEDAGÓGICAS REFLEXÕES PEDAGÓGICAS A forma como trabalhamos, colaboramos e nos comunicamos está evoluindo à medida que as fronteiras entre os povos se tornam mais diluídas e a globalização aumenta. Essa tendência está

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012 Biblioteca Escolar GIL VICENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GIL VICENTE ESCOLA GIL VICENTE EB1 CASTELO BIBLIOTECA ESCOLAR PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012 As atividades constantes do presente

Leia mais

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS PROFESSOR JOÃO DE MEIRA CONCURSO: CRESCER SAUDÁVEL

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS PROFESSOR JOÃO DE MEIRA CONCURSO: CRESCER SAUDÁVEL AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS PROFESSOR JOÃO DE MEIRA CONCURSO: CRESCER SAUDÁVEL INTRODUÇÃO: O concurso Crescer Saudável pretende premiar trabalhos desenvolvidos pelos alunos do agrupamento na área de

Leia mais

As TIC em entrevista ao Doutor João Paiva, 2004/11/22

As TIC em entrevista ao Doutor João Paiva, 2004/11/22 As TIC em entrevista ao Doutor João Paiva, 2004/11/22 (revista educação_texto editores) Nascido em Coimbra em 1966, João Carlos de Matos Paiva é Doutorado em Química (2000) pela Universidade de Aveiro.

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS AFONSO DE ALBUQUERQUE 2014/2015. Regulamento dos Quadros de Valor, de Mérito e de Excelência

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS AFONSO DE ALBUQUERQUE 2014/2015. Regulamento dos Quadros de Valor, de Mérito e de Excelência AGRUPAMENTO DE ESCOLAS AFONSO DE ALBUQUERQUE 2014/2015 Regulamento dos Quadros de Valor, de Mérito e de Excelência Introdução Os Quadros de Valor, de Mérito e de Excelência dos Ensinos Básico e Secundário

Leia mais

Eu, você e o presente da natureza...

Eu, você e o presente da natureza... Eu, você e o presente da natureza... Cartilha para 1º e 2º anos TEMA 2012/2013: www.vemcomagentebr.com.br uma atividade do PROGRAMA VEM COM A GENTE Cultura, Educação e Meio Ambiente www.vemcomagentebr.com.br

Leia mais

Comissão organizadora do XV Festival da Canção Infantil da Ilha das Flores Câmara Municipal de Santa Cruz das Flores

Comissão organizadora do XV Festival da Canção Infantil da Ilha das Flores Câmara Municipal de Santa Cruz das Flores Comissão organizadora do XV Festival da Canção Infantil da Ilha das Flores Câmara Municipal de Santa Cruz das Flores Agrupamento de Escuteiros Nº 691 de Nª Sr.ª da Conceição R E G U L A M E N T O FESTIVAL

Leia mais

ReciclOhArte III Para tornar o Mundo melhor!

ReciclOhArte III Para tornar o Mundo melhor! ReciclOhArte III Para tornar o Mundo melhor! Tema das peças: Tradições da Minha Terra Para tornar o Mundo melhor! PIEF de 2.º e 3.º Ciclo Agrupamento de Escolas de Mourão 2013 / 2014 Concurso a Nível Nacional

Leia mais

AVALIAÇÃO INTERNA EQUIPA DE AVALIAÇÃO INTERNA

AVALIAÇÃO INTERNA EQUIPA DE AVALIAÇÃO INTERNA AVALIAÇÃO INTERNA EQUIPA DE AVALIAÇÃO INTERNA JULHO 2015 1 Abreviaturas AEAG Agrupamento de Escolas Dr. António Granjo CAF Common Assessment Framework (Estrutura Comum de Avaliação) AM - Ação de Melhoria

Leia mais

BIBLIOTECA DA ESCOLA SEDE. Turmas Dinamizadoras. Comunidade 2ª feira

BIBLIOTECA DA ESCOLA SEDE. Turmas Dinamizadoras. Comunidade 2ª feira BIBLIOTECA DA ESCOLA SEDE Data Horário Atividades Durante - Exposição dos trabalhos realizados por a manhã professores, alunos e pais/encarregados de educação do Agrupamento no âmbito dos - Equipa das

Leia mais

IMAGENS CONTRA A CORRUPÇÃO CONCURSO NACIONAL ARTES PLÁSTICAS

IMAGENS CONTRA A CORRUPÇÃO CONCURSO NACIONAL ARTES PLÁSTICAS IMAGENS CONTRA A CORRUPÇÃO CONCURSO NACIONAL ARTES PLÁSTICAS TEMA Imagens contra a Corrupção TIPO Artes plásticas PÚBLICO-ALVO Alunos do 4º ano, do 1º ciclo, das redes pública e privada do continente e

Leia mais

Bolsas ES Jovem / NOS Alive. FAQ s

Bolsas ES Jovem / NOS Alive. FAQ s Bolsas ES Jovem / NOS Alive FAQ s I FINALIDADE DO PROGRAMA ES JOVEM 1. Qual é a finalidade do programa ES Jovem? Este programa tem como finalidade dar a conhecer o setor da economia social aos jovens,

Leia mais

SEMANA DA LEITURA LER + É + VIDA

SEMANA DA LEITURA LER + É + VIDA SEMANA DA LEITURA LER + É + VIDA A equipa da BE, num esforço conjunto com os Professores, Educadores, Técnicos Operacionais e Biblioteca Municipal promoveu a participação de várias individualidades, nas

Leia mais

Perguntas frequentes. 20152016 Rede de Bibliotecas Escolares Plano Nacional de Leitura Direção Geral da Saúde

Perguntas frequentes. 20152016 Rede de Bibliotecas Escolares Plano Nacional de Leitura Direção Geral da Saúde Perguntas frequentes 20152016 Rede de Bibliotecas Escolares Plano Nacional de Leitura Direção Geral da Saúde lista de perguntas Projeto SOBE Trabalhar no projeto Saúde Oral, Bibliotecas Escolares (SOBE)

Leia mais

AUTOAVALIAÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MARQUÊS DE MARIALVA CANTANHEDE BIBLIOTECAS ESCOLARES

AUTOAVALIAÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MARQUÊS DE MARIALVA CANTANHEDE BIBLIOTECAS ESCOLARES AUTOAVALIAÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MARQUÊS DE MARIALVA CANTANHEDE BIBLIOTECAS ESCOLARES EB Marquês de Marialva EB1 Cantanhede Sul EB1 Ançã EB1 Cadima Áreas de intervenção A. Currículo, literacias e aprendizagem

Leia mais

SER VOLUNTÁRIO FAZ A DIFERENÇA!

SER VOLUNTÁRIO FAZ A DIFERENÇA! Concurso SER VOLUNTÁRIO FAZ A DIFERENÇA! Regulamento Câmara Municipal do Montijo Concurso SER VOLUNTÁRIO FAZ A DIFERENÇA! Normas de Participação Câmara Municipal do Montijo Normas de Participação - Concurso

Leia mais

Paula Cristina Valente

Paula Cristina Valente Paula Cristina Valente A promoção da leitura em contexto educacional: estudo de caso sobre a aplicação do Plano Nacional de Leitura e sobre as práticas de leitura numa turma do 4º ano do 1º Ciclo do Ensino

Leia mais

REVISTA TRIADES: Transversalidade - Design - Linguagens UM INCENTIVO À PESQUISA NA GRADUAÇÃO

REVISTA TRIADES: Transversalidade - Design - Linguagens UM INCENTIVO À PESQUISA NA GRADUAÇÃO REVISTA TRIADES: Transversalidade - Design - Linguagens UM INCENTIVO À PESQUISA NA GRADUAÇÃO Aluno: Rozeani Pricila Ferreira de Araújo Orientador: Vera Lúcia Moreira dos Santos Nojima Introdução Uma revista

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAGÉ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PRÊMIO PROFESSOR DO ANO 2011. Capítulo I: Do regulamento

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAGÉ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PRÊMIO PROFESSOR DO ANO 2011. Capítulo I: Do regulamento PREFEITURA MUNICIPAL DE BAGÉ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PRÊMIO PROFESSOR DO ANO 2011 Capítulo I: Do regulamento ART 1 - O evento Prêmio Professor do Ano é uma promoção da SECRETARIA MUNICIPAL DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO EDITAL Nº 002/2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO EDITAL Nº 002/2014 EDITAL Nº 002/2014 Dispõe sobre a regulamentação do Concurso de desenho, poesia e redação: Palmas, meu orgulho promovido pela Secretaria Municipal da Educação, em comemoração aos 25 anos da cidade de Palmas.

Leia mais

Cria uma fruta, colhe os prémios. Concurso Eco-Escolas 2016

Cria uma fruta, colhe os prémios. Concurso Eco-Escolas 2016 Cria uma fruta, colhe os prémios. Concurso Eco-Escolas 2016 PROMOTORES O passatempo Cria uma fruta, colhe os prémios. é uma ação promovida pela Sumol + Compal e pela Tetra Pak em parceria com o Programa

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Alhandra, Sobralinho e S. João dos Montes. Projeto de Ciências Experimentais

Agrupamento de Escolas de Alhandra, Sobralinho e S. João dos Montes. Projeto de Ciências Experimentais Agrupamento de Escolas de Alhandra, Sobralinho e S. João dos Montes Projeto de Ciências Experimentais Mexer com a Ciência Ano Letivo 2015/2016 Índice Introdução. Atitudes e Valores. 3 4 Objetivos.. 5 Sugestão

Leia mais

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO (AQUISIÇÃO E DESBASTE DO FUNDO DOCUMENTAL) COLEÇÃO. Agrupamento de Escolas de Maximinos Braga

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO (AQUISIÇÃO E DESBASTE DO FUNDO DOCUMENTAL) COLEÇÃO. Agrupamento de Escolas de Maximinos Braga POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DA COLEÇÃO (AQUISIÇÃO E DESBASTE DO FUNDO DOCUMENTAL) Biblioteca Escolar, 22 de Junho de 2011 Página 1/5 1. DEFINIÇÃO E OBJETIVOS O presente documento enquadra-se nos princípios

Leia mais

JORNAL DA EREBAS. Editorial. Quem foi Vergílio Ferreira? Lançamento do JORNAL DA EREBAS!

JORNAL DA EREBAS. Editorial. Quem foi Vergílio Ferreira? Lançamento do JORNAL DA EREBAS! 1 JORNAL DA EREBAS (Escola de Referência para a Educação Bilingue de Alunos Surdos) V O L U M E 1, E D I Ç Ã O 1 I 6 D E Z E M B R O 2 0 1 5 Trimestral JORNAL DA EREBAS Escola Secundária Vergílio Ferreira

Leia mais

O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR

O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR Título do artigo: O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR Área: Gestão Coordenador Pedagógico Selecionadora: Maria Paula Zurawski 16ª Edição do Prêmio Victor Civita Educador

Leia mais

QUALIFICAÇÃO DAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NAS REDES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO BÁSICA DA REGIÃO SUL DO RIO GRANDE DO SUL: REINVENTANDO O PODER ESCOLAR

QUALIFICAÇÃO DAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NAS REDES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO BÁSICA DA REGIÃO SUL DO RIO GRANDE DO SUL: REINVENTANDO O PODER ESCOLAR QUALIFICAÇÃO DAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NAS REDES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO BÁSICA DA REGIÃO SUL DO RIO GRANDE DO SUL: REINVENTANDO O PODER ESCOLAR Área Temática: Educação Lígia Cardoso Carlos¹(Coordenadora)

Leia mais

Novos Públicos para a Universidade: I sessão pública de esclarecimentos aos maiores de 23 anos

Novos Públicos para a Universidade: I sessão pública de esclarecimentos aos maiores de 23 anos : I sessão pública de esclarecimentos aos maiores de 23 anos Ana Antunes Jorge Soares Nereida Cordeiro Rubina Ferreira 4 de de Abril de 2013 ESTRUTURA DA SESSÃO I PARTE (30 ): Acesso ao Ensino Superior

Leia mais

CONCURSO EMPREENDER BATALHA TURISMO

CONCURSO EMPREENDER BATALHA TURISMO CONCURSO EMPREENDER BATALHA TURISMO Pressupostos iniciais O Concurso Empreender BATALHA-TURISMO tem como principal objetivo estimular o surgimento de negócios inovadores, criados por jovens residentes

Leia mais

EDITAL Nº 01/2011. a) Prazo da Inscrição: Das 14h de 07 de junho às 17h de 10 de julho de 2011.

EDITAL Nº 01/2011. a) Prazo da Inscrição: Das 14h de 07 de junho às 17h de 10 de julho de 2011. EDITAL Nº 01/2011 A DITRAN, juntamente com a Secretaria Municipal de Educação, lança a primeira edição do concurso: POESIA EM TRÂNSITO, que tem como proposta estimular a criação de poesias, voltada para

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DIREÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO. 3.ª edição. Preâmbulo

REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DIREÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO. 3.ª edição. Preâmbulo Prémio de Literatura Infantojuvenil Inclusiva Todos Podem Ler 3.ª edição Preâmbulo Considerando a) Os princípios de Educação Inclusiva vertidos na Declaração de Salamanca ; b) Que a aplicação de tais princípios

Leia mais

A E A B I B L I O T E C A GRIPE A

A E A B I B L I O T E C A GRIPE A A E A B I B L I O T E C A GRIPE A É fundamental que o Plano de Contingência da escola/agrupamento defina claramente o papel da biblioteca e as acções a realizar, quer em termos de informação e prevenção,

Leia mais

AGENDA DAS VISITAS AGRUPAMENTOS

AGENDA DAS VISITAS AGRUPAMENTOS AGENDA DAS VISITAS AGRUPAMENTOS 8h45 9h00-11h00 11h00-12h30 12h30 14h30-16h30 17h00-18h00 18h00 1.º dia Chegada à escola-sede do Agrupamento Sessão de apresentação do Agrupamento pela Direcção e primeira

Leia mais

2ª FASE - CLDE DE BRAGA ENCONTRO DE NATAÇÃO

2ª FASE - CLDE DE BRAGA ENCONTRO DE NATAÇÃO 2ª FASE - CLDE DE BRAGA ENCONTRO DE NATAÇÃO REGULAMENTO DE PROVA GUIMARÃES, PISCINAS MUNICIPAIS DE GUIMARÃES 19 DE MARÇO 2015 1 REGULAMENTO GERAL 1. ORGANIZAÇÃO Equipa de Coordenação Local do Desporto

Leia mais

CONCURSO ESCOLAR REGULAMENTO

CONCURSO ESCOLAR REGULAMENTO REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES Secretaria Regional da Agricultura e Ambiente Direção Regional da Agricultura CONCURSO ESCOLAR Os animais também sentem REGULAMENTO 1. ÂMBITO O concurso escolar Os animais também

Leia mais

RELATÓRIO DA BIBLIOTECA sede 2012/2013

RELATÓRIO DA BIBLIOTECA sede 2012/2013 RELATÓRIO DA BIBLIOTECA sede 2012/2013 1. Introdução De acordo com as orientações do Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares, do Ministério da Educação, a Biblioteca Escolar sede desenvolve o seu trabalho

Leia mais

PLANEJAMENTO ESCOLAR: ALFABETIZAÇÃO E ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA UNIDADE 2 ANO 1. Fevereiro de 2013

PLANEJAMENTO ESCOLAR: ALFABETIZAÇÃO E ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA UNIDADE 2 ANO 1. Fevereiro de 2013 PLANEJAMENTO ESCOLAR: ALFABETIZAÇÃO E ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA UNIDADE 2 ANO 1 Fevereiro de 2013 Iniciando a conversa Nesta unidade discutiremos a importância do planejamento das atividades, da organização

Leia mais

Introdução. Para a condução de cada ação teremos presentes duas questões importantes:

Introdução. Para a condução de cada ação teremos presentes duas questões importantes: Fevereiro 2014 Introdução A Escola é hoje um mundo onde todos os atores educativos têm voz por isso a facilidade, a celeridade, a clareza e a abertura são as caraterísticas da comunicação que possibilitam

Leia mais

Política de Desenvolvimento da Gestão da Coleção

Política de Desenvolvimento da Gestão da Coleção Escola Secundária/3 de Barcelinhos Biblioteca Escolar/Centro de Recurso Educativos Política de Desenvolvimento da Gestão da Coleção Ler Engrandece a alma Voltaire Professora Bibliotecária Florinda Bogas

Leia mais

PLANO DE AÇÃO 2014-2016

PLANO DE AÇÃO 2014-2016 MOBILIZAR. INTERVIR. PARTILHAR PLANO DE AÇÃO 2014-2016 Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas Delegação Regional do Norte PLANO DE AÇÃO 2014-2016 MOBILIZAR. INTERVIR. PARTILHAR.

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Viana do Alentejo BECRE Oficina da Criança. Poemas em Abril. Semana da Poesia de 20 a 30 de Abril de 2009

Agrupamento de Escolas de Viana do Alentejo BECRE Oficina da Criança. Poemas em Abril. Semana da Poesia de 20 a 30 de Abril de 2009 Poemas em Abril Semana da Poesia de 20 a 30 de Abril Organização: BECRE e Oficina da Criança Destinatários: - Alunos dos Jardins de Infância - do Ensino Básico - Alunos do 3.º Ciclo do Ensino Básico e

Leia mais

O que é o Projeto TRILHAS?

O que é o Projeto TRILHAS? O que é o Projeto TRILHAS? É um conjunto de material elaborado para instrumentalizar e apoiar o trabalho docente no campo da leitura, escrita e oralidade, com o objetivo de inserir as crianças do 1 º ano

Leia mais

Regulamento do concurso

Regulamento do concurso Regulamento do concurso Artigo 1 Objeto 1 O concurso 7 dias, 7 dicas sobre os media é uma iniciativa promovida pela Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) em parceria com a Direção-Geral da Educação (DGE),

Leia mais