DNA POWER7 do Watson se estende a novas fronteiras

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DNA POWER7 do Watson se estende a novas fronteiras"

Transcrição

1 ENTREVISTA: Álvaro Andrade detalha como a plataforma Power está inserida na estratégia da IBM junto às pequenas e médias empresas do Norte e Nordeste Ano 4 Edição 12 Abril Maio Junho 2011 Distribuição Gratuita DNA POWER7 do Watson se estende a novas fronteiras Os servidores modelo 750 POWER7, base do Supercomputador Watson, mostram uma nova capacidade dos computadores em processar e analisar profundamente dados não estruturados A Elektro, gigante da área de energia elétrica, coloca seu ambiente de missão crítica para rodar na plataforma Power SDMC: Mais um passo na evolução do gerenciamento

2

3 EDITORIAL modelos 750 com novas opções de clock e a nova geração em software de gerenciamento de virtualização SDMC, estendendo ainda mais as possibilidades para seus clientes. POWER TO THE POWER Caro leitor, O nome do mês Abril, ou Aprilis, segundo teorias, deriva-se do verbo aperire em latim, em uma referência ao início da primavera no hemisfério norte. A data 22 de Abril, por sua vez, simboliza para o Brasil (e para o mundo) comemorações de eventos muito importantes: Data do Descobrimento do Brasil, Dia da Aviação de Caça, Dia da Força Aérea Brasileira e Dia Mundial do Planeta Terra. E foi nesta data que a IBM trouxe a abertura de novas fronteiras em performance para a plataforma Power ao anunciar as Blades com até 32- cores, mais peformance e flexibilidade para os Ainda com muita repercussão sobre o que o Supercomputador Watson e sua tecnologia DeepQA trará de benefícios ao mundo, trazemos em nossa matéria de capa mais informações de como a IBM estenderá o DNA do Watson a cada um de seus clientes, por meio dos produtos Banco de Dados DB2, Smart Analytcs e infraestrutura baseada em processadores POWER7. Após um ano de POWER7, as melhores marcas de Benchmark do mercado também são suas em servidores low-entry, comprovada por meio da certificação SAP para o modelo sockets, com 16-cores. Conheça todos os detalhes na seção Produtos. Toda grande tecnologia tem de apresentar clientes inovadores e satisfeitos. Por isso, confira em Soluções de Negócios casos de referência como o da Elektro, Maxion e Credshop, que mostram que Power não é apenas performance, mas sim a plataforma para empresas que não podem parar. Desejamos a todos uma ótima leitura! Redação Power Channel EXPEDIENTE REDAÇÃO: Rua Azevedo Macedo, 20-7 Andar - Vila Mariana São Paulo SP Tel. (11) COORDENAÇÃO GERAL: Power Channel JORNALISTA RESPONSÁVEL: Cristiane Bottini - MTB Nº DIRETOR DE ARTE: João Marcos Batista COLABORADORES DESTA EDIÇÃO: Alexandre Bicas Caldeira, Carlos Eres, Mohandas Lima da Hora e Tarsyla Ferro Massys COMERCIAL: Orlando Fogaça e Valdeci Junior A REVISTA POWER CHANNEL é uma publicação trimestral destinada aos CIOs ligados aos produtos de hardware e software. Esta revista é distribuída gratuitamente a todos os parceiros e demais pessoas com interesse no seu conteúdo. O conteúdo das matérias assinadas são de responsabilidade de seus respectivos autores e não correspondem, necessariamente, à opinião desta revista e nem de seus editores. PARA CONTATOS, por favor acesse os meios apresentados acima. Faça o DOWNLOAD das matérias apresentadas nesta revista através do site

4 ÍNDICE CAPA DNA POWER7 DO WATSON SE ESTENDE A NOVAS FRONTEIRAS Servidores Power 750 POWER7 mostram a nova capacidade de processar e analisar profundamente dados não estruturados 14 ENTREVISTA POWER CONQUISTA PMES DO NORTE E NORDESTE CURTAS As novidades da área de Tecnologia da Informação e a coluna Nerdvana trazem as novidades do setor 7 PARCEIROS INGRAM MICRO Elektro confirma que Power é a melhor infraestrutura para missão crítica 10 Álvaro Andrade conta como a plataforma Power tem ajudado as empresas do NO e NE PRODUTOS Power to the Blades Ampliando os limites de performance em TI AÇÃO INFORMÁTICA Polo IT adere a Power para dobrar seu crescimento e também passa a comercializar a plata A evolução do forma em sua região gerenciamento GESTÃO Relacionamentos duradouros demandam tempo e atenção 24 ESPECIAL Tablet acelera na corrida mobile no país 26 SOLUÇÕES DE NEGÓCIOS Power traz agilidade à Drogacenter Credi-Shop confia à plataforma o sucesso de sua operação Iochpe-Maxion Divisão de Rodas e Chassis migra para Power OPINIÃO Panorama da mobilidade 34 4 Power Channel Abril Maio Junho 2010

5 DIVULGAÇÃO ENTREVISTA ÁLVARO ANDRADE Power Channel: Como Power IBM pode ajudar as PMEs da sua região crescer? Álvaro Andrade: Algumas das características da plataforma são autogerenciamento, disponibilidade, otimização de recursos através de alta tecnologia e, consequentemente, redução de custos. Portanto, uma infraestrutura confiável como essa é vista como uma grande ferramenta, para que as empresas se diferenciem no mercado por meio de uma operação fluida e de grande produtividade, o que, indubitavelmente, traz satisfação aos clientes e possibilita o crescimento. POWER CONQUISTA PMEs DO NORTE E NORDESTE Para descobrir como as empresas de médio porte estão se posicionando para obter sucesso ao enfrentar os novos desafios e oportunidades, a IBM realizou no ano passado um levantamento com líderes, responsáveis por tomar decisões da área de negócios e TI nas PMEs do mundo inteiro, incluindo o Brasil. O resultado foi o estudo Por dentro do Mercado de Médio Porte: Uma Perspectiva para Baseado nas conclusões dessa análise entrevistamos ÁLVARO ANDRADE, Regional Executive da IBM para o Norte e Nordeste, para descobrir como a plataforma Power está inserida na estratégia da Big Blue nessa região e quais têm sido as demandas das companhias locais no quesito infraestrutura. PC: No Nordeste, o uso de Cloud já é uma realidade como saída para reduzir custos ou ainda existe resistência? Andrade: Ao mesmo tempo em que há certa resistência, por se tratar de um assunto novo e pelo fato das soluções estarem em franco desenvolvimento, há também uma grande curiosidade em relação ao tema. Várias empresas nordestinas começam a testar e considerar soluções no âmbito de private clouds. Creio que é um conceito que veio para ficar, e que, mais cedo ou mais tarde, terá um grau de adoção bem maior. PC: Como a IBM tem preparado seus parceiros locais para atender a demanda das PMEs por consultoria técnica, em vez de somente preços? Andrade: A partir da estratégia atual da IBM, voltada à expansão regional, diversos profissionais foram recrutados para atuação em todo Nordeste, assim como novos parceiros de negócios. Por isso, houve um crescimento expressivo do time IBM na região e um dos principais objetivos disso é prover suporte a nossos parceiros. Especificamente em Power, estamos promovendo diversos eventos junto aos business partners, como: treinamentos comerciais e técnicos com novos parceiros, atualização de conhecimento com os canais mais antigos, além de diversas outras atividades. A estratégia é que essas empresas se destaquem como consultorias técnicas habilitadas e se tornem uma real extensão da IBM. Abril Maio Junho 2011 Power Channel 5

6 PC: As pequenas e médias descobriram o Business Analytics e BI como estratégicas. Qual a política para essa área? Andrade: A IBM tem feito, recorrentemente, aquisições no mercado de TI. As empresas que atuam nessa área são uma parte significativa dessas aquisições. Isso significa que temos um ótimo portfólio, aderente tanto às grandes corporações quanto às médias e pequenas. E isso não é o principal: o essencial é que vamos além da análise, até a otimização das informações, com o que chamamos de BAO (Business Analytics and Optimization). É isso que faz nossos clientes saírem à frente da concorrência. PC: Reduzir custos e aumentar a eficiência continuam no topo das prioridades. Quais soluções IBM POWER são adequadas a essas demandas? Andrade: Aproximadamente 20% das patentes anuais da IBM saem dos laboratórios de Power, nenhum outro produto tem uma participação tão significativa no número total. Sem dúvida, a busca pela eficiência é um dos principais objetivos dessa plataforma e isso leva a redução de custos. Grande parte dessa eficiência é atingida com nossos recursos de virtualização sem limites, com altíssima performance. Outro diferencial muito reconhecido é a eficiência energética da linha, que provê altos níveis de desempenho, economizando na conta de energia elétrica da empresa. PC: Em 2010 a IBM realizou uma expansão geográfica, como Power está inserida nisso e qual o atual estágio da estratégia? Andrade: Estamos executando ações para promover um ecossistema de negócios adequado na região Norte-Nordeste, envolvendo nosso time regional, parceiros de negócios, universidades, desenvolvedores de sistemas, etc. Power é um dos principais produtos nessa estratégia, além dos eventos, treinamentos, cursos, webcast, etc. Muitas ofertas dessa plataforma estão sendo divulgadas, especialmente com produtos que chamamos de entrada ou lowentry. Os clientes têm nos dado ótimos feedbacks em relação à qualidade do produto e à competitividade da plataforma. PC: Virtualização já faz parte da infra das PMEs. Como tem sido a adesão das empresas de sua região? Andrade: Muito boa. A IBM criou o conceito de virtualizaçao há mais de 40 anos e as empresas reconhecem o know-how que temos nessa área. PC: Que verticais têm tido maior demanda por POWER no Nordeste? Andrade: Como os níveis de disponibilidade do produto são extremamente altos, temos uma grande presença em setores que conhecem, clara e quantitativamente, qual o impacto financeiro direto de uma operação indisponível. Logo, temos muitos clientes de finanças, varejo, indústria de bens de consumo, atacado, educação, secretarias governamentais, empresas de utilities, etc. Mas podemos dizer que a plataforma atende bem a todos os setores da economia. PC: No Nordeste, qual o grau de adoção de novas tecnologias, como a POWER7, por exemplo? Andrade: O Nordeste está passando por um momento histórico especial, com o mercado consumidor extremamente aquecido e o crescimento da economia acima da média. Isso demanda das empresas uma conexão com tecnologias e processos mais avançados, acompanhamento de tendências e preparação para operar em níveis de complexidade e escala crescentes. Com isso, temos um grau de adoção cada dia maior. PC: As PMEs apontam acesso ao financiamento e a incapacidade de implementação dos canais, como barreiras para aderir à TI. Qual a política da IBM no N/NE para vencer isso? Andrade: A política é a preparação dos nossos parceiros para consultoria e prestação de serviços técnicos, como mencionamos anteriormente. E quanto a financiamentos, temos um grande aliado: o Banco IBM que provê modalidades de financiamento, como parcelamento e leasing, com taxas agressivas. Além disso, buscamos estar em sintonia com as opções de mercado para financiamento de projetos de tecnologia e com opções específicas que existem na região. A IBM, mundialmente, vem atuando em projetos para tornar nosso planeta mais inteligente, provendo soluções e tecnologias para evitar o desperdício de energia, otimizar o tráfego urbano, contribuir com a medicina de ponta, otimizar a logística do varejo, organizar o tráfego aeroportuário, prevenir eventos criminosos, melhorar a manutenção e o ciclo de vida dos ativos na empresa. Esses são exemplos reais e a plataforma Power é extremamente utilizada nas soluções para essa área. 6 Power Channel Abril Maio Junho 2011

7 CURTAS TCO DO POWER7 + IBM i 7.1 É 42% MENOR QUE x86+ WIN SERVER +SQL, DIZ ITG Esse dado faz parte do levantamento "Value Proposition for IBM Power Systems Servers and IBM i: minimizing costs and risks for midsize businesses", divulgado em fevereiro pelo International Technology Group (ITG). O estudo também aponta que o IBM i é extremamente mais seguro e disponível que o Win Server O ITG afirma também que quando as versões high end do sistema operacional (como o Windows Server Enterprise Edition) e os BDs (por exemplo, SQL Server Enterprise Edition e o Oracle Enterprise Edition) são utilizados, o TCO torna-se extremamente favorável ao IBM i, que é embarcado com o Banco de Dados DB2. Além disso, o estudo aponta que os custos com suporte Microsoft (que cobra 25% das taxas de licença por ano para Software Assurance) e Oracle (que cobra 22% por ano para seus produtos de BD) são maiores, comparado às soluções com IBM i. DADOS COMPARATIVOS DE VULNERABILIDADE: WINDOWS SERVER 2008 e IBM i 6.x GOOGLE IMAGENS SOFTWARE PÚBLICO BRASILEIRO SERÁ REGIDO POR LPM De acordo com medida publicada pela Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação, do Ministério do Planejamento, a partir de agora, os programas liberados pelo portal de Software Público Brasileiro (SPB) terão de adotar o modelo de Licença Pública de Marca (LPM). O objetivo é que o ecossistema de softwares públicos seja fortalecido e a concorrência entre os prestadores de serviço seja ampliada, onde a LPM será uma espécie de selo que garantirá a aderência dos softwares ao modelo desenvolvido no país. A estratégia conta com uma campanha para esclarecer os desenvolvedores desses sistemas sobre a aplicação e uso da LPM. No momento, são fornecidos três aplicativos com essa licença: o e-cidade (um pacote de gestão municipal integrado), o Jaguar framework de desenvolvimento e LightBase, para melhoria da gestão de documentos. GRAVIDADE WINDOWS SERVER 2008 i5/os 6.x Extremamente crítico Altamente crítico Moderadamente crítico Menos crítico Não é crítico TOTAL DE ALERTAS TOTAL DE VULNERABILIDADES ORACLE CESSA DESENVOLVI- MENTO PARA PROCESSADORES INTEL ITANIUM FONTE: Depois de várias conversas com a Intel, a diretoria mundial da Oracle anunciou, em março, que decidiu descontinuar todo tipo de desenvolvimento de software para o processador Itanium, da Intel. A Oracle declarou também que vai continuar fornecendo aos seus clientes o apoio necessário para as versões existentes dos seus softwares que rodam em processadores Itanium. Outros dois grandes fornecedores, Microsoft e Red Hat, também pararam o desenvolvimento de software para Itanium GOOGLE IMAGENS WEB ATINGE MARCA DE 205,3 MILHÕES DE DOMÍNIOS NO PAÍS No ano passado a internet alcançou a marca de 205,3 milhões de nomes de domínios, com 12,1 milhões de novos nomes. Isso é o que indica um levantamento realizado pela VeriSign, fornecedora de infraestrutura digital e sistemas de identificação. De acordo com o levantamento, a base de domínios de primeiro nível (TLDs) teve aumento de 6,3% somente no quarto trimestre do ano passado. No último trimestre de 2010, a média diária de consultas ao sistema de nomes de domínios foi de 61 bilhões, com 72 milhões de consultas em um único dia. Abril Maio Junho 2011 Power Channel 7

8 CURTAS GOOGLE IMAGENS EM 2015 SERÁ A VEZ DOS APLICATIVOS REMOTOS A pesquisa Tendências em Tecnologia, realizada pela IBM e divulgada no final de 2010, trouxe um panorama significativo do que deve se tornar importante nesta década. Uma delas é que a computação móvel será a área de maior demanda para aplicativos de software empresarial até Para 65% dos profissionais de TI as ferramentas para dispositivos móveis, como iphone e Android (e até tablets, como Ipad), ultrapassarão o desenvolvimento de outras plataformas tradicionais. A previsão dos analistas é que, ao longo dos próximos 3 anos, a venda de aplicativos para esses aparelhos deve crescer massivamente, com estimativas de faturamento na casa dos US$ 30 bilhões até Além de mobile, o estudo indica as áreas de segurança, computação em nuvem, uma nova geração de data centers e mídias sociais como sendo as áreas com oportunidades mais interessantes para os profissionais de tecnologia. AS OPORTUNIDADES PARA AS PMEs COM A COPA DO MUNDO A Copa do Mundo sempre demanda novos negócios para micro e pequenas empresas (MPEs) e a de 2014 no Brasil não será diferente. De acordo com estudo realizado pelo Sebrae, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), apenas para a área de TIC foram detectadas 105 oportunidades em função do campeonato mundial. As demandas para essa área são tanto da iniciativa pública como privada. De acordo com a pesquisa, os setores mais beneficiados serão os de software e serviços, assistência e suporte. O estudo ainda aponta que na Copa realizada na África do Sul, no ano passado, os investimentos em TI e telecomunicações corresponderam a quase 15% do valor total dos estádios. A previsão é que para 2014 essa proporção aumente, com a construção de arenas mais modernas. O objetivo do SEBRAE, com o advento da Copa, é aumentar a participação das MPEs no PIB brasileiro. Hoje, segundo a instituição, as empresas da categoria são 99% das companhias do país, mas respondem por apenas 20% do PIB. GOOGLE IMAGENS ADOÇÃO DA IFRS EXIGIRÁ NOVAS SOLUÇÕES DE TI O Brasil está adotando um padrão internacional para a divulgação dos resultados financeiros. Mas será que a adoção dos Padrões Internacionais de Demonstrações Financeiras, IFRS, é uma obrigação apenas da contabilidade ou se enquadra em uma necessidade da área de TI? O IFRS é entendido como um novo padrão contábil, em que serão efetuadas mudanças em um processo contínuo, submetido a todas as áreas das instituições financeiras. Com esse novo padrão contábil será necessário repensar alguns processos, já que não será mais possível apenas reunir dados para gerar relatórios. Essa reflexão será necessária porque a partir do IFRS, as instituições financeiras têm diversos relatórios obrigatórios a partir do novo padrão e, consequentemente, muitos dados serão gerados automaticamente. Isso significa que uma plataforma de Inteligência de Negócios (BI) é uma solução eficiente, uma vez que é capaz de potencializar o uso das informações para as instituições financeiras. ESTATAIS ESTÃO INOVANDO MAIS As estatais federais promoveram mais inovações do que as companhias privadas, entre 2006 e A constatação foi feita pela Pesquisa de Inovação nas Empresas Estatais Federais 2008 (Pintec) e divulgada pelo IBGE, que indicou que sete em cada dez empresas públicas criaram algum produto ou processo nesse período. O estudo, feito em parceria com os ministérios da Ciência e Tecnologia e do Planejamento junto a 72 orgãos públicos, descobriu também que essas empresas públicas possuem um padrão de inovação voltado para pesquisa e desenvolvimento, geralmente em parceria com universidades. Entre as estatais, 27,8% lançaram um produto no mercado e 29,2% implementaram algum processo inédito, comparado a 4,4% e 2,4%, respectivamente, nas empresas privadas. CRESCE O MERCADO GED Dados apresentados pela ABGD (Associação Brasileira das Empresas de Gerenciamento de Documentos) mostram que, em 2010, o mercado de gerenciamento de documentos (GED) teve crescimento acima de 25% e faturamento superior a R$ 1 bilhão. A previsão de faturamento para 2011 é ultrapassar R$ 1,3 bilhão. Esse crescimento reflete vários benefícios para as empresas, como corte de gastos com aluguel de galpões para GOOGLE IMAGENS 8 Power Channel Abril Maio Junho 2011

9 GOOGLE IMAGENS NERDVANA - O cantinho do técnico DISCOS SSD OU HDD? Por ANTONIO CARLOS NAVARRO guardar caixas de documentos (uma vez que os arquivos estão sendo digitalizados), aumento do controle das companhias sobre seu acervo e maior rapidez nos processos, inclusive na assinatura de contratos, entre empresas. Atualmente, o acesso, a velocidade para recuperar informações, bem como as melhores práticas de armazenagem, significam diferenciais competitivos de mercado. Apesar do mercado de gestão da informação ainda ser relativamente novo no Brasil, as mudanças e tecnologias têm avançado rapidamente. Por isso, cada vez mais, as empresas procuram parceiros provedores de soluções integradas em toda a cadeia documental, o que abre espaço para um maior crescimento do setor. GOOGLE IMAGENS CAPITAL DA IBM SUPERA MICROSOFT Notícia divulgada pela TI Inside (http://www.tiinside.com.br/23/05/2011 /ibm-ultrapassa-microsoft-em-valor-demercado-apos-15-anos/ti/225303/ news.aspx) afirma que, após 15 anos, a IBM passou a Microsoft em capitalização de mercado ao fechar o pregão do dia 23/05/2011 com um acumulo de capital de US$ 205,2 bilhões, contra US$ 203,82 bilhões da Microsoft, segundo agências internacionais. Desta vez, as ações da Microsoft recuaram 1,31% no pregão da segundafeira, 23/05/11, cotadas a US$ 24,17 a ação, enquanto os papéis da IBM tiveram queda menor, de 1,12%, e fecharam o dia valendo US$ 168,26. A última vez que isso aconteceu foi em Enquanto os discos HDD têm dominado a indústria de armazenamento durante as últimas décadas, a atual maturidade, o desempenho e a confiabilidade da tecnologia SSD (ou tecnologia flash) está em plena ascensão. Mas devido à grande diferença de preços, como saber quando investir em uma ou outra tecnologia? O HDD (Hard Disk Drive) é uma tecnologia comprovada com excelente confiabilidade e desempenho, dadas as limitações físicas dos seus pratos giratórios e os braços em movimento. Para aplicações que não são I/O bound, o desempenho do disco rígido é frequentemente muito aceitável. Já uma aplicação tipicamente I/O bound requer um grande número de braços de discos para permitir uma performance aceitável, o que pode encarecer a solução e, em muitas vezes, apresentar problemas de dimensionamento. Embora a capacidade por disco, a densidade de armazenamento e o custo por GB da tecnologia HDD vir melhorando continuamente ao longo dos anos, o tempo de acesso à informação tem-se mantido relativamente constante. Em um momento onde temos tecnologias de processadores e memórias cada vez mais rápidos, acaba elegendo os discos como um dos principais limitantes de performance. Mas devido ao seu custo por GB cada vez menor, a HDD tende a permanecer ainda por muitos anos. Já a SSD (Solid State Drive), ou tecnologia Flash, por fazer o acesso direto à memória, não apresenta as limitações causadas por partes mecânicas nos HDs como necessidade e tempo de rotação dos pratos, posicionamento da cabeça de escrita/leitura. Assim, os dados estão disponíveis quase imediatamente, reduzindo drasticamente o tempo de leitura. Um SSD fornece 33X a 125X mais operações de I/O por segundo (IOPS), do que um HDD, e funciona a velocidades mais próximas às da memória RAM convencionais. SSDs também são mais eficientes do que os HDs. Porque, enquanto o SSD opera com capacidade próxima de até 100%, o modelo HDD é muitas vezes limitado a uma capacidade de armazenamento 20-50% para permitir que o acesso à informação seja mais rápido e tenha um tempo de resposta adequado. Além disso, por não possuírem partes móveis, são mais resistentes que os HDDs convencionais, mais leves e consomem menos energia elétrica porque aquecem menos e não precisam de movimentação mecânica. Contra essa tecnologia ainda pesa a capacidade de armazenamento, quando comparado ao que os HDDs atuais oferecem, e o custo de cinco a 10 vezes maior do que a dos discos HDD. Embora o custo de HDD por GB seja bem menor do que de discos SSD, esse último apresenta uma relação custo/desempenho vantajosa em muitas situações, principalmente porque podem reduzir janelas batch I/O bound em até 50. Para aplicações que requerem muita operação de I/O, os discos SSD podem fazer uma grande diferença no custo total da solução por apresentarem um tempo de resposta muito maior, exigirão um número menor de controladores, braços de disco e também consumo reduzido de energia. Ou seja, oferece vantagens competitivas consideráveis. Então, a questão não é se um dia os discos SSD farão parte definitivamente do design de TI, mas sim, quando isso acontecerá. Neste meio tempo, muitos já estão adotando soluções que aliam as duas tecnologias, com uma pequena quantidade de discos SSD para armazenamento de informações, utilizadas com maior freqüência, e discos HDD para guardar a maior parte da base de dados. Toda a linha de servidores Power System, de Blades a servidores rack, contam com opção de discos internos SSD ou HDD. Tradicionalmente um Volume Group é formado por PVs (Physical Volume) de vários discos e não há uma maneira de restringir um VG para um determinado tipo de disco. Já o AIX7.1 permite criarmos VGs apenas com discos SSDs. Aguarde por mais informações no próximo Nerdvana. Até breve!

10 DIVULGAÇÃO PARCEIROS Ingram Micro Elektro confirma: missão crítica Na foto, a partir da esquerda: OSVALDO CHEQUER (OSS), EDSON MESSIAS (Elektro - Operação), JULIANA GOMES (Elektro - DBA), CARLOS ROSSI (Elektro), DAVI TAVARES (OSS), DOUGLAS COSTA (Elektro - Gerente de Sistemas), CICERO CALVI (Elektro - CIO) e RICARDO BRITO (Elektro - Gerente de Infraestrutura e Telecomunicações) é a vocação do IBM Power Systems A exigência por uma operação que não pode parar tornou eminente para a Elektro (Concessionária e Distribuidora de Energia Elétrica) a necessidade de alta disponibilidade e redundância total do seu ambiente de missão crítica. Esse desafio demandava um novo ambiente de TI extremamente confiável e escalável, suportando uma operação de alta criticidade. DA REDAÇÃO Segundo Carlos Rossi, responsável pelo projeto e pela administração de sistemas críticos (UNIX/Banco de Dados/TSM) da Elektro, a plataforma IBM Power Systems, atendeu todas as exigências técnicas impostas na construção desse novo ambiente com alta disponibilidade. Antes da implementação da Power, o procedimento de recuperação no site de contingência estava sendo feito manualmente, o que causava demora e transtornos quando precisava ser acessado. A disponibilidade da infraestrutura em missão crítica significa manter a capacidade de operar o ativo de distribuição de energia com a máxima qualidade, satisfazendo clientes finais e contribuindo para o resultado do negócio", afirma Ricardo Brito, gerente de Infraestrututura de TI da Elektro. Uma série de fatores foram diferenciais para partirmos para uma nova solução em Power: estabilidade dessa linha de servidores, roadmap de evolução que nos garante longevidade do investimento realizado, Green IT, atualização instantânea do ambiente (utilizando Flascopy), reaproveitamento de parte do nosso parque de servidores e de storage, entre outros itens, ressalta o executivo. 10 Power Channel Abril Maio Junho 2011

11 DIVULGAÇÃO A nova solução é composta por uma Power 780 (com 30 cores POWER7 com 680GB de memória), outra Power 770 (com 27 cores POWER7 e 550GB de memória), seis Blades POWER7 PS701 (com oito cores e 128GB de memória, cada um), dois storages XIV (com 60TB cada) e um TS3500 Library com 10 drives LTO5. HABILITAÇÃO ON DEMAND: DIFERENCIAL DECISIVO PARA O PROJETO Nesse ambiente roda o SAP e o Banco de Dados Oracle para os sistemas Técnicos SGD (da Indra) e o Billing, Utilities Expert Elucid. Esse projeto tinha algumas premissas básicas importantes como, por exemplo, ter escalabilidade vertical por meio da utilização de recursos On Demand de ativação de processador e memória. Recursos facilmente habilitados na Power Systems, explica Oswaldo Chequer, diretor comercial da OSS integradora responsável pela implementação do projeto na Elektro. A parceria entre a Elektro, IBM e a OSS realizou um excelente trabalho, atendendo todos os requisitos do projeto, respeitando os prazos estipulados pelo cronograma e, principalmente, gerando segurança na instalação, afirma Rossi. De acordo com Chequer, o apoio da distribuidora Ingram Micro foi fundamental no cumprimento dos prazos, que eram críticos e um tempo curto entre a emissão do pedido e a entrega. Desde o inicio a Ingram se comprometeu em entregar no prazo os produtos envolvidos, o que era uma das principais exigências do cliente, lembra o diretor da OSS. Hoje a plataforma gerencia um total de 160TB, sendo 40TB para a produção online e os outros 120TB são utilizados entre o ambiente de contingência, desenvolvimento e QA. O grande desafio da nossa área agora é evoluir a cada dia, conciliando questões técnicas com o melhor retorno para o negócio, garantindo, assim, a sustentabilidade das operações e da própria TI, completa Rossi. OPEN SYSTEMS SOLUTIONS Fundada em 1995 a Open Systems Solutions tem como objetivo assessorar as empresas na busca de soluções, oferecendo as melhores opções do mercado. Atuando como integradora de tecnologias, através de parcerias estratégicas com as maiores companhias de informática do mercado nacional e mundial, para o fornecimento e integração das melhores tecnologias. Assim, oferece aos seus clientes uma ampla gama de soluções e serviços com o que há de melhor em Tecnologia da Informação. A Elektro é a 8ª maior distribuidora de energia elétrica do país e a 3ª do Estado de São Paulo, com 11% de participação no mercado, segundo a Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee). A concessionária distribui energia elétrica para mais de 5,5 milhões de pessoas, em 223 municípios paulistas e em cinco cidades sul-mato-grossenses. No ano de 2009 atingiu o índice de Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (FEC) e o recorde histórico de 5,94, devido a uma eficiente manutenção preventiva. Em 2010 ganhou o Prêmio Abradee de Melhor Distribuidora de Energia Elétrica e, pela 4º vez, foi eleita a Melhor Distribuidora de Energia Elétrica do país, entre as companhias com mais de 500 mil clientes. Foi vencedora também nas categorias: Melhor Gestão Econômico-Financeira, Melhor Responsabilidade Social e Melhor Gestão Operacional, nessa última, pela 6ª vez. Ainda em 2010 conquistou o Prêmio Nacional da Qualidade (PNQ), depois de ter passado por uma análise profunda de sua gestão - baseada no Modelo de Excelência de Gestão (MEG) e no Sistema Empresarial Elektro (SEE), uma ferramenta que permite à Elektro alinhar a organização em torno de suas estratégias, garantindo um padrão de excelência em seus processos gerenciais. INGRAM MICRO INC. 4Líder mundial em vendas, marketing e logística para o setor de tecnologia e uma das empresas mais admiradas do mundo, segundo o ranking da revista Fortune, a Ingram Micro Inc. e suas subsidiárias atuam em, aproximadamente, 150 países, distribuindo produtos de mais de 1300 fabricantes para mais de 180 mil revendas em todo o mundo. 4Com sede em Santa Ana, Califórnia, é a única distribuidora global de TI com operações na Ásia. A Ingram Micro Inc. registrou, em 2009, um resultado de US$ 29,52 bilhões em vendas globais. 4Líder também no Brasil, tem sede em Barueri-SP e conta com mais de 250 associados no país, trabalhando com uma rede composta por 10 mil revendas e distribuindo mais de 15 mil produtos de mais de 50 fabricantes Acer, AMD, AOC, APC, Brother, CA, Canon, Canon/Elgin, Check Point, Cis, Cisco, Corel, Elite Group, EMC2, Enermax Imports, Epson, Fujitsu, Gerbo, Genius, HP, IBM, Iomega, Itautec, Juniper, Kingston, Lenovo, Lexmark, LG, Linksys, Logitech, McAfee, Microsoft, Motorola, MSI, Naxus, OKI, Oracle, Palm, Panda, Philips, Proview, Red Hat, Samsung, SAP, Sonicwall, Sony, Sun, Symantec, TecnoWorld, TrendMicro, Urmet, Daruma, V7, Xerox e Zebra. Mais informações: ou pelo telefone (11) Abril Maio Junho 2011 Power Channel 11

12 PARCEIROS Ação Informática DIVULGAÇÃO JOAQUIM GODINHO no DBA Center da Polo IT Polo IT escolhe POWER como infraestrutura para missão crítica Especializada em oferecer soluções de bancos de dados, provendo ao mercado projetos diferenciados em tecnologia e customizados para a necessidade de cada ambiente, a Polo IT escolheu a plataforma Power para ser sua infraestrutura e garantir aos seus clientes alta performance, segurança e disponibilidade DA REDAÇÃO Especializada em oferecer soluções de bancos de dados, provendo ao mercado projetos diferenciados em tecnologia e customizados para a necessidade de cada ambiente, a Polo IT escolheu a plataforma Power para ser sua infraestrutura e garantir aos seus clientes alta performance, segurança e disponibilidade. Hoje a integradora de TI monitora, analisa e soluciona problemas em tempo real em mais de 180 Bancos de Dados instalados em seus clientes. Segundo Joaquim Godinho, Diretor da Polo IT, monitorar mais de 350 bases críticas de clientes, além de garantir a continuidade dos serviços 24x7, não é tarefa comum. Com esse investimento prepa- ramos nossa empresa para dobrar de tamanho, porque com a Power 720 será possível obtermos as respostas esperadas com maior agilidade e a confiabilidade que os clientes exigem dos nossos serviços, ressalta o executivo. Localizada na capital baiana, a integradora tem clientes distribuídos por todo o território nacional e também em Angola, no Continente africano, atendidos por uma equipe de profissionais certificados nos principais Bancos de Dados disponíveis no mercado. Tendo como principal foco os negócios baseados nos BDs Oracle e DB2. Power é uma arquitetura que trará valor diferenciado aos clientes devido à redução de custo, aliado a maior performance, confiabilidade e melhor eficiência operacional, afirma Godinho. Segundo o executivo, a estratégia de aquisição da plataforma Power se baseou na orientação da distribuidora Ação Informática, da qual a Polo IT já é parceira há anos. Ele explica que o objetivo é que a integradora seja caso de sucesso para seus clientes que, agora, contam com uma plataforma robusta, tanto na prestação de serviços da Polo IT quanto na aquisição dos equipamentos dessa linha. O apoio da Ação Informática foi fundamental na aquisição da Power 720, que será a base para nosso plano de expansão. Também estamos investindo fortemente na capa- 12 Power Channel Abril Maio Junho 2011

13 citação de pessoal para a inclusão da tecnologia Power em nosso portfólio de soluções em bancos de dados, complementa Godinho. O time da integradora tem larga experiência em Bancos de Dados, incluindo instalação, configuração, análise de desempenho, definição e instalação de rotinas e políticas de backup em ambientes de alta disponibilidade, atuando em servidores Windows, Linux e Unix. Agora a equipe também está empenhada em conquistar sua fatia de mercado com a venda de soluções que contemplarão Power com Banco de Dados Oracle ou DB2. Já treinamos três técnicos e outros três profissionais para a área comercial. Todos dedicados à IBM Power Systems, afirma o diretor. Para Godinho, as características que consolidam a plataforma Power Systems como a melhor infraestrutura para BDs do mercado são: PERFORMANCE 4POWER7 tem o melhor desempenho por core, comprovado por Benchmarks como o TPC-C e SAP SD2-Tier; 4Tem o mais avançado suporte ao Simultaneous Multi-Threading (SMT): Cada core POWER7 pode, ao mesmo tempo, processar 4 threads/smt, o que propicia maior performance em operações OLTP para BD como DB2 e Oracle; 4Um roadmap consistente de inovação em tecnologia. cionamento, onde o BD pode residir em uma VM com 1/10 core processador em todos os cores-processadores do servidor; 4A virtualização configurada com Power Capping permite designar um máximo de processadores na VM, e DB2 e Oracle, que tratam a virtualização como particionamento de hardware, para efeito de licenciamento; 4Realocação de recursos realmente dinâmica, porque não requer reboot, mesmo das instâncias onde os recursos são removidos; 4O uso do VIO (Virtual I/O) é totalmente suportado pelos BDs DB2 e Oracle RAC, usando o Oracle ASM (Auxiliary Storage Mgr), além de permitir redução de custos da infraestrutura. CONFIABILIDADE 4POWER7 é altamente confiável, resiliente e suas funcionalidades RAS são inigualáveis na indústria de TI/AIX considerado o SO mais disponível do mercado (com %) e com o menor número de vulnerabilidades registradas; 4Além disso, a PowerHA clusteriza com alto grau de segurança e funcionalidades de gerenciamento. INTEGRAÇÃO COM BDs 4Possui profunda integração com APIs do AIX; com AIX Workload Management e suporte a multipaginação do AIX (que inclui páginas de 64KB, 16MB e 16GB); 4Suporta a reconfiguração dinâmica do AIX On Demand ; 4Ao Oracle, oferece suporte ao licenciamento de subcapacidade, à paginação de 64K, sem requerer alterações de configuração para suporte às paginas 64K. FLEXÍVEL E FÁCIL DE GERENCIAR 4Balanceia e otimiza o suporte a centenas de cargas de trabalho simultaneamente; 4O Turbocore máxima a performance por core e o MaxCore oferece inigualável capacidade de processamento paralelo e alto desempenho; 4Já o Intelligent Threads utiliza maior número de threads, enquanto o Intelligent Cache entrega mais cache quando necessário; 4O Intelligent Enery, por sua vez, otimiza a performance e consumo de energia de acordo com a carga de trabalho e condições ambientais; 4Suporta Linux RedHat ou Novell, Unix (AIX) e IBM i. VIRTUALIZAÇÃO 4O PowerVM é a solução mais segura e escalável do mercado, porque virtualiza aplicações de missão crítica com alto nível de recursos compartilhados e otimizados. Também permite criar máquinas virtuais que escalam até o total de coreprocessadores do servidor, não limitando-se a 8vcpus; 4Realiza execução em microparti- AÇÃO INFORMÁTICA A AÇÃO INFORMÁTICA, um dos principais distribuidores de valor agregado da América Latina, foi premiada pela IBM Brasil como "Melhor Distribuidor IBM 2010 no Brasil" e "Melhor Distribuidor de Power Systems em 2010 no Brasil". A premiação aconteceu durante o evento anual da IBM, All Hands Meeting Fundada em 1987, a AÇÃO Informática se destaca como um dos principais distribuidores VAD de fabricantes como IBM, Oracle, VMWare, EMC, HP, e outros. A AÇÃO distribui as soluções da IBM há 21 anos no Brasil e com soluções financeiras do Banco IBM. Os benefícios e diferenciais da AÇÃO são integrantes do AÇÃO Partner Program. CONHEÇA MAIS: Tel. (11)

14 CAPA Estendendo o DNA do Watson aos clientes É inegável que estamos cada vez mais conectados, instrumentados e sintonizados em inúmeros assuntos e produtos distribuídos por todo o mundo. Estamos vivendo em um planeta mais inteligente e tecnologia é o centro desse novo estilo de vida. Tablets, celulares, TVs, videogames, etc. São inúmeras as possibilidades de conexão que nos é oferecida diariamente. DA REDAÇÃO 14 Power Channel Abril Maio Junho 2011

15 Essa explosão de conectividade cria uma enorme possibilidade de expansão para as empresas, mas traz as exigências de uma enorme quantidade de dados a serem armazenados, explorados, selecionados e entendidos. Isso exigirá uma infraestrutura segura, dinâmica, adaptável e com capacidade de suportar com a máxima performance aplicações que requerem análises de dados em tempo real e inteligência preditiva. Historicamente, a abordagem dos processos de negócios tem sido estabelecida em torno dos limites impostos pela tecnologia existente. Agora, a expectativa é de que a tecnologia se alinhe e suporte com a máxima eficiência os processos de negócio. O conceito de soluções onesize-fits-all não é mais suficiente para as organizações que procuram maximizar sua vantagem competitiva e ROI dos investimentos em TI. A abordagem estratégica das organizações de TI deve evoluir para atender à necessidade das empresas não só de hoje, mas também do amanhã, tendo em vista o alto dinamismo e necessidade de adaptação do mercado. Para isso devem adotar uma infraestrutura confiável, dinâmica e com abordagem de otimização por carga de trabalho, oferecendo a maior eficiência ao custo correto para sua execução. A escolha de um sistema one-size-fit (propósito geral) é como procurarmos por um clínico geral quando estamos com a necessidade de um especialista em uma determinada doença. É como gastarmos um dinheiro que, talvez, não nos traga o resultado esperado, não obtendo a performance e a força necessárias para realizarmos eficientemente nossas tarefas e diversões. Isso acabará, mais cedo ou mais tarde, em um especialista... se ainda vivos, considera Antonio Carlos Navarro, Gerente de Produto IBM. O grande legado do supercomputador Watson (veja matéria na revista Power Channel, edição 11, em foi mostrar e inspirar uma nova era de design de sistemas otimizados. Com base em produtos comercialmente disponíveis, como o banco de dados DB2, o software Smart Analytcs e servidores baseados nos processadores IBM POWER7, modelo 750, mostrou uma nova capacidade para computadores processarem e analisarem profundamente dados não estruturados. Tudo isso a partir da interpretação da linguagem natural humana, o que abrirá fronteiras e atenderá às exigências de novas soluções na ciência, saúde, serviços financeiros e demais indústrias. APLICATIVOS DIFERENTES APRESENTAM REQUERIMENTOS DIFERENCIADOS Os chamados Workload-optimized Systems diferenciam-se da abordagem de servidores para uso geral (one-size-fits-all) por serem dimensionados e otimizados de acordo com a necessidade da empresa e da aplicação. Cargas de trabalho diferentes apresentam características e requerimentos diferentes. Por exemplo: aplicações OLTP, em geral, são transações críticas para as organizações, centenas de usuários simultâneos, pequenos blocos de I/O, caracterizadas por um alto índice de operações de escrita, verificação de múltiplos indexes, etc. Uma aplicação de débito em cartão de banco tem de ser imediata, porque não pode ser executada em batch. Também não requer um banco de dados de grande volume, mas velocidade transacional, capacidade de atender picos de demanda e um alto nível de disponibilidade e segurança. Aplicações analíticas de dados, por outro lado, são voltadas para análise crítica de dados para decisões estratégicas e diferenciação competitiva. Operam com extensas e complexas SQLs, joint de banco de dados e grandes blocos de I/O, sendo que de 90% a 95% das operações são de leitura. Trabalham com bancos de dados com volumes enormes, o que requer grande largura de banda de memória e I/O. Aplicações de negócios requerem escalabilidade, disponibilidade de memória, ajuste dinâmico, uma infraestrutura responsável e disponível. GOOGLE IMAGENS PERFORMANCE PARA A DEMANDA NECESSÁRIA Aplicações com requerimentos distintos, demandam dimensionamento específico para obter a maior eficiência em sua execução. Por isso, a maneira adequada de termos o melhor rendimento para um aplicativo é criar uma infraestrutura especialista para esse fim, com um dimensionamento adequado ao que a operação da empresa requer. Dessa maneira existirá a certeza de pagar exatamente pela infraestrutura demandada e atendendo eficientemente a operação, ressalta Navarro. Se experiência e conhecimento são fundamentais para o desenho de servidores otimizados para carga de trabalho, será difícil encontrar fornecedor mais qualificado do que a IBM no assunto. Abril Maio Junho 2011 Power Channel 15

16 CAPA DIVULGAÇÃO Workload Attributes 3. Optimize 1. Drive Optimal System Design Ciclo de otimização do workload Grande parte da sua história foi construída desenvolvendo sistemas para apoiar as empresas em seus negócios específicos. A IBM construiu o primeiro sistema de reservas de companhias aéreas para a American Airlines e a tecnologia, subjacente, ainda está sendo usada até hoje em operações de companhias aéreas em todo o mundo. Com sua abordagem de servidores otimizados para cargas de trabalho, a Big Blue posiciona-se para orientar seus clientes na busca por soluções de infraestrutura de TI com maior produtividade, menor custo e que atenda não somente a necessidade atual, mas que possa agir como um catalisador na transformação de negócios e posicionamento competitivo diferenciado no mercado. Por definição, esses servidores otimizados têm por objetivo criar o melhor ajuste da estrutura de TI System Requirements HYPERVISOR 2. Impact APPLICATIONS SERVERS DATABASE MIDDLEWARE STORAGE com os processos de negócios. Como resultado, uma abordagem de sistemas otimizados para carga de trabalho pode oferecer maior desempenho, escalabilidade e eficiência para as operações empresariais. A figura acima mostra a visão IBM do processo contínuo e interativo entre as características da carga de trabalho, o dimensionamento correto da infraestrutura e as otimizações adicionais que garantem a maior eficiência do conjunto. SMART ANALYTICS, DB2 PURESCALE E CLOUDBURST Como estratégia, a IBM continua investindo pesadamente em tecnologias desenvolvidas internamente ou adquiridas, visando tratar a necessidade crescente da otimização de cargas de trabalho que o mercado requer. As soluções IBM Smart Analytics, DB2 PureScale e o IBM CloudBurst são exemplos de ofertas de sistemas otimizados para carga de trabalho comercialmente disponibilizados pela gigante. O PureScale, baseado nos servidores Power 770 e banco de dados DB2, foi projetado para garantir que cada transação de negócios seja concluída com êxito e dados valiosos é protegido, ao mesmo tempo que proporciona alta disponibilidade, velocidade e flexibilidade. Estende-se o desempenho, confiabilidade e velocidade de purescale DB2 com o WebSphere Application Server no topo do Poder 770 sistemas com PowerHA e AIX, finalmente oferecendo aos clientes a disponibilidade contínua e escalabilidade ilimitada. GESTÃO INTELIGENTE COM ATIVAÇÃO POR DEMANDA O purescale Application System é otimizado para garantir que cada transação seja tratada com o mais alto padrão de performance, confiabilidade e integridade. A solução combina o desempenho do banco de dados DB2 purescale e do WebSphere Application Server, com o massivo processamento paralelo SMT4 dos processadores POWER7. A arquitetura da infraestrutura baseada no Power System 770 incrementa a solução com a segurança do Sistema Operacional AIX, apontado em estudo do ITG como 10 vezes mais disponível que o Windows Server 2008, e a capacidade de Cluster PowerHA. Em adicional, o recurso de ativação de processadores e memória sob demanda, torna a solução pronta para atender exigências de picos de demanda ocasionais. Em um ambiente de varejo, por exemplo, uma empresa pode prever a necessidade de aumentar drasticamente sua capacidade de 16 Power Channel Abril Maio Junho 2011

17 processamento nos servidores existentes nos dias de pico de compras, ofertas especiais, etc. Com purescale IBM Application System, pode-se simplesmente ligar a capacidade adicional necessária, no momento em que é requerida, oferecendo um maior nível de serviço e pagando pela capacidade extra apenas quando realmente utilizá-la. Isso traz inúmeros benefícios, que vão além da óbvia redução de custos e incluem a integridade da transação assegurada, alta capacidade de adequação a picos de demanda, evitando perda de vendas e a gestão de desempenho unificado. RECURSOS DAS DEMAIS SOLUÇÕES Igualmente, o IBM Smart Analytcs 7700 otimiza a análise crítica de dados, parte integrante do supercomputador Watson, oferecendo até três vezes o desempenho na análise e processo de armazenamento de dados, demandando 1/3 do espaço de soluções disponíveis no mercado. Baseada nos servidores Power System modelo 740 (veja matéria na Power Channel 11) faz uso de seu massivo processamento paralelo SMT4, aliada à alta confiabilidade e disponibilidade da combinação Power e AIX. Já a compressão de memória oferece níveis ótimos de adequação dinâmica de uso de memória RAM. O CloudBurst on Power Systems, por sua vez, oferece uma infraestrutura completa para uma cloud privada (pronta para aplicações de missão crítica), virtualização com ajuste dinâmico de capacidade e gerenciamento de storage simplificado integrados na solução. Essa solução garante a alta disponibilidade de suas aplicações com uma arquitetura comprovada no mercado como sendo de alta segurança e integridade (veja matéria na edição 10 da Power Channel). Esses não são apenas um conjunto de produtos empacotados, mas sistemas projetados para operarem de forma integrada e otimizada para um determinado tipo de aplicação. Como tal, oferece alto valor para as empresas, minimizando o tempo e os recursos necessários para instalação, configuração e treinamento. Além disso, sistemas otimizados para cargas de trabalho específicas, oferece a máxima eficiência e a segurança e confiabilidade necessárias para garantir a disponibilidade de negócios. CONCLUSÃO A IBM está singularmente posicionada para criar soluções de carga de trabalho otimizadas, devido sua expertise vertical extensa em processos de negócio e infraestrutura de TI. Essa experiência, combinada a um profundo conhecimento técnico dos componentes de hardware e software, é a base na criação de sistemas que melhor podem corresponder às necessidades dos clientes. Como parte da estratégia da IBM para infraestrutura dinâmica, as organizações têm a oportunidade de repensar sua forma de abordar a prestação de serviços de tecnologia da informação. Além de empreender um processo simplificado, flexível e pronto para entregar serviços de TI com melhor retorno de investimento (ROI) e menor custo de propriedade (TCO). Diversos analistas de mercado, alguns dos quais esta matéria se baseia, apontam que as empresas estão em busca de fornecedores que ofereçam soluções focadas em seus negócios, sejam mais simples de programar, de fazer funcionar e gerenciar, operando em níveis acessíveis financeiramente. O analista Charles King, da Pund-IT, aponta isso ao declarar que a "Carga otimizada de Sistemas da IBM mostra o caminho, outra vez, (http://bit.ly/ PundIT ). Da mesma forma a Sageza, no estudo The IBM Workload Optimized Approach, de Clay Rider, conclui que a IBM articulou uma visão estratégica para enfrentar o desafio de entregar uma infraestrutura dinâmica, escalável e otimizada para resposta às crescentes demandas de cargas de trabalho otimizado. ESSA VISÃO IBM DESTACA-SE POR TRÊS ABORDAGENS PRINCIPAIS: Oferece alta flexibilidade na definição e configuração da infraestrutura de hardware, de acordo com as características dos aplicativos a que se destina, e às necessidades especificas de cada negócio. É a certeza do investimento no tamanho correto de sua demanda; Soluções projetadas e otimizadas para atender critérios específicos, oferecendo alto desempenho aliado a componentes de comprovada confiabilidade; Como parte da estratégia de infraestrutura dinâmica, as organizações têm a oportunidade de repensar sua forma de abordar os processos de negócios e TI, preparando-se não apenas para o agora, mas também pensando à frente e maximizando o retorno do investimento, ao mesmo tempo em que reduz o custo total de propriedade. Abril Maio Junho 2011 Power Channel 17

18 CAPA O uso do DNA do Watson para um planeta inteligente GOOGLE IMAGENS POR ANTONIO CARLOS NAVARRO Muito se discute sobre o legado do Supercomputador Watson, como sua tecnologia pode ser usada nos mais diversos segmentos e como vários tipos de organizações e profissões podem beneficiar-se da tecnologia DeepQA do Watson, apresentada ao mundo no programa televisivo Jeopardy!. Pense nas possibilidades de apoio ao diagnóstico médico ou ainda como recurso para proteger as seguradoras, bancos e governos de fraudes. Sua inteligência artificial também pode ser um grande benefício em pesquisas na área jurídica. Existe muita coisa emocionante na carreira de um advogado, mas mergulhar através de livros, base de dados de estatutos, precedentes e teorias jurídicas é extremamente extenuante e, muitas vezes, infrutífero. Qual jovem advogado não passou noites e finais de semana dedicado a encontrar dados que pudessem ser usados, de forma determinante, em um processo? O fato é que, se essa pesquisa é extremamente difícil, todos concordam também que é de vital importância em uma batalha processual. Hoje, a quantidade de informação disponível é praticamente incontrolá- vel. Por causa da digitalização dos dados e do alcance cada vez maior da Internet, temos agora acesso fácil a um oceano de informações não-estruturadas. Essa abundância de dados é importante, mas está cada vez mais difícil o trabalho para os garimpeiros de informação. A capacidade de entender a linguagem natural humana (vide Power Channel 11) e também de aprender e melhorar, permitiria ao Supercomputador compreender e responder às consultas esotéricas colocadas na linguagem cotidiana com inédita velocidade, precisão e confiança. Isso representa um grande salto à frente, na capacidade dos computadores para analisar rapidamente as informações, identificar padrões, um enorme ganho em conhecimentos críticos e aprimoramento na tomada de decisões. O uso da tecnologia do Watson poderia revolucionar a profissão de advogado. Um aliado digital que poderia realizar pesquisas, reunir fatos e identificar idéias para a construção de argumentos jurídicos no mesmo espaço de tempo que demoramos para ler um ou servir uma xícara de café. A cada vez que assisto as apresen- tações do Watson no Jeopardy!TV, fico imaginando como essa tecnologia rompe limites em vários segmentos e, em quanto tempo, estaremos tirando proveito de toda essa capacidade para mudar completamente a maneira como se trabalha atualmente, em um molde muito mais simples, eficiente e inteligente! Essa tecnologia não substituirá advogados, médicos ou outro profissional humano. Afinal, a essência humana é de um raciocínio maduro, criativo e de alta capacidade de improvisação e rapidez no redirecionamento da linha de pensamento. Mas, sem dúvida, a tecnologia do Watson poderá acrescentar muito na capacidade de pesquisa e reduzir o tempo para os próximos saltos humanos. ANTONIO CARLOS NAVARRO, Especialista em IBM Power Systems Imagine um novo sistema de pesquisa jurídica reunindo um extenso banco de dados com processos, litígios, leis, proteção à propriedade intelectual, legislação, impostos, contratos, etc. Faça uma pergunta e, em milissegundos o DeepQA pode analisar centenas de milhões de páginas de conteúdo e extrair deles as conclusões e fatos. DIVULGAÇÃO 18 Power Channel Abril Maio Junho 2011

19 PRODUTOS Power to the Blades! Construídas sobre a já consolidada plataforma IBM BladeCenter, foram lançadas, neste trimestre, as novas lâminas PS703 e PS704 DA REDAÇÃO Acima, a lâmina PS703 (vista interna), à esquerda, a PS704-2 Slots, ao lado, a PS703-1 Slot (vista frontal) DIVULGAÇÃO Dotadas dos processadores POWER7, atingiram novos patamares de performance, aumentando a quantidade de cores. Contudo, mantendo o mesmo espaço ocupado pela geração anterior e o baixo consumo de energia, característico da plataforma. Uma vez que o consumo de energia é um ponto-chave em uma consolidação baseada em lâminas, a alternativa encontrada para aumentar a densidade de cores por lâmina foi a redução do clock de 3.00GHz para 2.46GHz. Com isso foi possível manter o mesmo consumo de energia da geração anterior, dobrando a quantidade de cores e aumentando a performance das lâminas em, aproximadamente, 65%. Com as novas lâminas é possível atingir a incrível quantidade de até 224 cores POWER7 e 1.7 TB RAM em um único chassis BladeCenter H, provendo uma imensa capacidade de processamento e de consolidação. A lâmina PS703 é a sucessora da PS701. No mesmo espaço de 1 Slot dos Chassis BladeCenter, agora temos 16 cores POWER7 de 2.46GHz, sem sacrificar discos internos ou quantidade de memória RAM. Da mesma forma a PS704 é a sucessora da PS702, ocupando 2 slots e totalizando 32 cores POWER7 de 2.46GHz. A tabela abaixo compara as duas gerações POWER7 de lâminas: MODELO Cores POWER7 PS700 4 GERAÇÃO ANTERIOR PS701 PS702 NOVA GERAÇÃO PS703 PS Mesmo com o clock reduzido, o poder de processamento dessas lâminas ainda é seu grande diferencial, perante a concorrência. Considerando o benchmark SPECfp_Rate2006 do SPEC.org, a PS704 possui 41% mais performance para cálculos que uma lâmina de 32 cores baseada em INTEL X7560. E os ganhos chegam a até 3x a performance com o mesmo número de cores, ao compararmos com os novos processadores RISC da ORACLE, chamados T3. Isso faz com que clientes com um parque composto por servidores RISC antigos tenham a capacidade de consolidar seus ambientes em uma plataforma mais atualizada, mantendo uma infra RISC confiável, performática e disponível. PERFORMANCE E VIRTUALIZAÇÃO Além do aumento da densidade de cores, as lâminas POWER agora suportam até dois discos SSD (Solid State Disks) internos por slot, permitindo atingir uma excepcional performance de I/O mantendo a redundância. Hoje as novas lâminas já suportam a gerência via SDMC (nova geração de HMCs integradas ao IBM Systems Director, veja matéria na página 22) de forma integrada, centralizada e redundante, caso o cliente possua duas consoles SDMC. Também permite criar até dois Virtual I/O Servers por lâmina, aumentando a disponibilidade do ambiente e o grau de virtualização que se pode atingir. COMPARATIVO DE PERFORMANCE - 32 CORES Clock (MHz) Memória RAM (GB) % 41% Slots dos Chassis BladeCenter ORACLE - T2 45,13 81,24 154,36 134,11 251,45 Oracle T cores HP BL680c G7-32 cores X7560 PS cores POWER7 Abril Maio Junho 2011 Power Channel 19

20 Ampliando os limites de performance em TI Nos últimos anos a gigante IBM tem se mantido absoluta na liderança no segmento Unix e, muito disso se deve à arquitetura dos processadores Power, à sua indiscutível confiabilidade do hardware Power System aliado ao AIX e a todo o poder do software de virtualização PowerVM, líder em tecnologia e altamente escalável DA REDAÇÃO A sua vantagem em performance fica muito evidente quando, por exemplo, verificamos os certificados Benchmark SAP SD, publicados pela própria SAP e auditados com uma extensa gama de modelos, tecnologias e fabricantes. Power é líder absoluto em servidores 2-sockets com a P730, 4- sockets com a P750, 8-sockets com a P780 e em geral com a P795 (Fonte: benchmark/sd2tier.epx). A superioridade em performance sobre os demais concorrentes em plataforma RISC-Unix é tão grande e evidente, que tem levado alguns desses concorrentes a deixarem de oferecer uma plataforma diferenciada em RAS como os servidores RISC, preferindo entrar apenas na discussão de preços com a plataforma x86. Mas a Big Blue tornou-se extremamente agressiva em preços no segmento de máquinas até 2- cores, concorrendo em custo de aquisição com máquinas x86. E, acima de tudo, oferecendo a confiabilidade da tecnologia RISC e do Sistema Operacional AIX, que, segundo pesquisa do ITG, é 10 vezes mais disponível que o Windows Server Em termos de performance, a liderança dos processadores POWER7 também é evidente quando utilizamos, por exemplo, os Benchmark SAP SD publicados pela SAP. Em servidores com até 2- sockets, podemos verificar uma ampla superioridade no Benchmark publicado para a Power System 730, processador POWER7 2-sockets 3.55GHz, quando comparada a uma R710, com processador X sockets 3.33GHz. Recentemente divulgado, o Benchmark da máquina 730, suportando 8704 Benchmark users/ SAPs (certificado ), tem a configuração: IBM Power 730, 2 sockets processadores/ 16 cores/ 64 threads, POWER7, 3.55GHz, 128GB Memória, com AIX 7.1 (SMT4) e banco de dados DB (Fonte: solutions/benchmark/sd2tier.epx) 20 Power Channel Abril Maio Junho 2011

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico CUSTOMER SUCCESS STORY Abril 2014 Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico PERFIL DO CLIENTE Indústria: Mídia Companhia: Valor Econômico Funcionários:

Leia mais

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 PROSPERE NA NOVA ECONOMIA A SPEKTRUM SUPORTA A EXECUÇÃO DA SUA ESTRATÉGIA Para as empresas que buscam crescimento

Leia mais

CASO DE SUCESSO MICROWARE

CASO DE SUCESSO MICROWARE CASO DE SUCESSO MICROWARE CLIENTE: Jequiti Cosméticos SEGMENTO: Indústria JEQUITI INVESTE EM ESTRUTURA PRÓPRIA PARA GARANTIR MAIOR PROCESSAMENTO DE DADOS ÁREA DE ATUAÇÃO: Datacenter DEMANDA: Uma estrutura

Leia mais

Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP

Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP Parceiros de serviços em nuvem gerenciada Aumente sua velocidade e flexibilidade com a implantação da nuvem gerenciada de software da SAP Implemente a versão mais recente do software da SAP de classe mundial,

Leia mais

Suporte de alto nível, equipe atualizada e a qualidade dos equipamentos HP.

Suporte de alto nível, equipe atualizada e a qualidade dos equipamentos HP. Suporte de alto nível, equipe atualizada e a qualidade dos equipamentos HP. Av. Paulo VI, 1.922 Perdizes São Paulo - SP Tel.: (11) 3875.1000 www.mpesolucoes.com.br POR QUE CONTRATAR OS SERVIÇOS DA MPE

Leia mais

//Sobre VISÃO MISSÃO. Honestidade, Responsabilidade. Respeito. Colaboração.

//Sobre VISÃO MISSÃO. Honestidade, Responsabilidade. Respeito. Colaboração. . Quem somos //Sobre A Oficina1 é uma consultoria direcionada à tecnologia da informação, com foco na implementação dos ERPs Protheus e OpenBravo, além do aplicativo de Service Desk SysAid, abrangendo

Leia mais

Guia Rápido de Licenciamento do SQL Server 2012

Guia Rápido de Licenciamento do SQL Server 2012 Guia Rápido de Licenciamento do SQL Server 2012 Data de publicação: 1 de Dezembro de 2011 Visão Geral do Produto SQL Server 2012 é uma versão significativa do produto, provendo Tranquilidade em ambientes

Leia mais

W H I T E P A P E R S e r v i d o r e s U n i x - A m e l h o r o p ç ã o p a r a s u p o r t a r a p l i c a ç õ e s c r í t i c a s

W H I T E P A P E R S e r v i d o r e s U n i x - A m e l h o r o p ç ã o p a r a s u p o r t a r a p l i c a ç õ e s c r í t i c a s Av Eng. Luiz Carlos Berrini 1645, 8 andar, 04571-000 Brooklin Novo, São Paulo SP Brazil. Tel: 55 11 5508-3400 Fax: 55 11 5508 3444 W H I T E P A P E R S e r v i d o r e s U n i x - A m e l h o r o p ç

Leia mais

Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final

Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final Para muitas organizações, a rápida proliferação das tecnologias para o usuário final tem demonstrado uma ambigüidade em seus

Leia mais

Ingram Micro Brasil garante excelência de backup e contingência com CA ARCserve Backup

Ingram Micro Brasil garante excelência de backup e contingência com CA ARCserve Backup CUSTOMER SUCCESS STORY Ingram Micro Brasil garante excelência de backup e contingência com CA ARCserve Backup PERFIL DO CLIENTE Indústria: Distribuição de produtos de tecnologia Empresa: Ingram Micro Brasil

Leia mais

COLABORAÇÃO COMPLETA PARA O MIDMARKET

COLABORAÇÃO COMPLETA PARA O MIDMARKET COLABORAÇÃO COMPLETA PARA O MIDMARKET Você está realmente conectado? Esse é o desafio atual no panorama dos negócios virtuais e móveis, à medida que as empresas se esforçam para ter comunicações consistentes

Leia mais

DELL POWERVAULT SÉRIE MD ARMAZENAMENTO DE DADOS MODULAR ARMAZENAMENTO DE DADOS DELL POWERVAULT SÉRIE MD

DELL POWERVAULT SÉRIE MD ARMAZENAMENTO DE DADOS MODULAR ARMAZENAMENTO DE DADOS DELL POWERVAULT SÉRIE MD ARMAZENAMENTO DE DADOS MODULAR ARMAZENAMENTO DE DADOS DELL POWERVAULT SÉRIE MD Simplificação da TI O Dell série MD pode simplificar a TI, otimizando sua arquitetura de armazenamento de dados e garantindo

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? As ofertas de nuvem pública proliferaram, e a nuvem privada se popularizou. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

Soluções em. Cloud Computing. Midia Indoor. para

Soluções em. Cloud Computing. Midia Indoor. para Soluções em Cloud Computing para Midia Indoor Resumo executivo A Midia Indoor chegou até a Under buscando uma hospedagem para seu site e evoluiu posteriormente para uma solução cloud ampliada. A empresa

Leia mais

Cisco UCS Mini: solução avançada com recursos corporativos

Cisco UCS Mini: solução avançada com recursos corporativos Resumo da solução Cisco UCS Mini: solução avançada com recursos corporativos Você deseja uma solução de computação unificada para a sua empresa de médio ou pequeno porte ou para o padrão avançado do seu

Leia mais

CASO DE SUCESSO. Processando Grandes Metas. A Microware atendeu nossas expectativas MICROWARE

CASO DE SUCESSO. Processando Grandes Metas. A Microware atendeu nossas expectativas MICROWARE CASO DE SUCESSO MICROWARE CLIENTE: FD DO BRASIL PROCESSAMENTO DE DADOS - FIRST DATA SEGMENTO: Tecnologia da Informação e Telecomunicação. Processando Grandes Metas Para tornar o Brasil um de seus destinos

Leia mais

GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC

GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC RESUMO EXECUTIVO O PowerVault DL2000, baseado na tecnologia Symantec Backup Exec, oferece a única solução de backup em

Leia mais

Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic

Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic CUSTOMER SUCCESS STORY Globalweb otimiza oferta e entrega de serviços a clientes com CA AppLogic PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços de TI Companhia: Globalweb Outsourcing Empregados: 600 EMPRESA A Globalweb

Leia mais

CASO DE SUCESSO. Transformando Dados em Informação Certa no Tempo Certo. A solução auxiliou na redução de custos com manutenção MICROWARE

CASO DE SUCESSO. Transformando Dados em Informação Certa no Tempo Certo. A solução auxiliou na redução de custos com manutenção MICROWARE CASO DE SUCESSO MICROWARE CLIENTE: SUSEP - Superintendência de Seguros Privados SEGMENTO: Público Transformando Dados em Informação Certa no Tempo Certo A SUSEP amplia sua estrutura de Datacenter e adquire

Leia mais

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com SUMÁRIO Introdução... 4 Nuvem pública: quando ela é ideal... 9 Nuvem privada: quando utilizá-la... 12 Alternativas de sistemas

Leia mais

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Virtualização Microsoft: Data Center a Estação de Trabalho Estudo de Caso de Solução para Cliente Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Visão

Leia mais

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Aviso de Isenção de Responsabilidade e Direitos Autorais As informações contidas neste documento representam a visão atual da Microsoft

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

Um artigo técnico da Oracle Fevereiro de 2011. Reduzindo os custos de armazenamento com a unidade de fita mais rápida do mundo

Um artigo técnico da Oracle Fevereiro de 2011. Reduzindo os custos de armazenamento com a unidade de fita mais rápida do mundo Um artigo técnico da Oracle Fevereiro de 2011 Reduzindo os custos de armazenamento com a unidade de fita mais rápida do mundo Visão geral... 1 Introdução... 1 A unidade de fita mais rápida e com a maior

Leia mais

Relatório de Pesquisa

Relatório de Pesquisa Relatório de Pesquisa A Vantagem da Virtualização de Mainframe: Como Economizar Milhões de Dólares Utilizando um IBM System z como um Servidor em Nuvem Linux Sumário Executivo Os executivos de TI (Tecnologia

Leia mais

Anderson L. S. Moreira

Anderson L. S. Moreira Tecnologia da Informação Aula 10 Fato Real A batalha pelos dados Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@ifpe.edu.br Instituto Federal de Pernambuco Recife PE Esta apresentação está sob licença Creative

Leia mais

IBM FlashSystem Atendendo ao pedido de desempenho no setor de telecomunicações

IBM FlashSystem Atendendo ao pedido de desempenho no setor de telecomunicações IBM Systems and Technology Group Abril de 2013 White Paper de Liderança em Ideias Inovadoras IBM FlashSystem Atendendo ao pedido de desempenho no setor de telecomunicações 2 IBM FlashSystem Atendendo ao

Leia mais

DIMETRA IP Compact. uma solução TETRA completa e compacta

DIMETRA IP Compact. uma solução TETRA completa e compacta DIMETRA IP Compact uma solução TETRA completa e compacta MOTOROLA - SEU PARCEIRO DE TECNOLOGIA CONFIÁVEL E ATUANTE Uma herança que dá orgulho As soluções TETRA da Motorola alavancam mais de 75 anos de

Leia mais

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Janeiro 2011 Exclusivamente para empresas de médio porte Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Relatório para o Brasil Panorama global: Pesquisa com 2.112 líderes do mercado de

Leia mais

OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS

OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS Esta seção apresenta alguns dos problemas da gestão da cadeia de suprimentos discutidos em mais detalhes nos próximos capítulos. Estes problemas

Leia mais

Hospedagem Virtualizada

Hospedagem Virtualizada Conheça também Desenvolvimento de sistemas Soluções de Segurança Soluções com o DNA da Administração Pública Há 43 anos no mercado, a Prodesp tem um profundo conhecimento da administração pública e também

Leia mais

Sistemas IBM Flex & PureFlex

Sistemas IBM Flex & PureFlex Eduardo (Edu) Pacini Líder Plataforma PureFlex Brasil IBM Systems & Technology Group Sistemas IBM Flex & PureFlex A Tecnologia está liderando as mudanças que impactam os negócios 1 Fatores de impacto:

Leia mais

CA Protection Suites Proteção Total de Dados

CA Protection Suites Proteção Total de Dados CA Protection Suites Proteção Total de Dados CA. Líder mundial em software para Gestão Integrada de TI. CA Protection Suites Antivírus Anti-spyware Backup Migração de dados Os CA Protection Suites oferecem

Leia mais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais O que é ERP Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa,

Leia mais

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO 01. O QUE É? O Curso de Desenvolvimento de Websites é um curso de graduação tecnológica de nível superior com duração de dois anos e meio. Este curso permite a continuidade dos estudos em nível de bacharelado

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática. Sistema Operacional Proprietário Windows Prof. Walter Travassos

FTIN Formação Técnica em Informática. Sistema Operacional Proprietário Windows Prof. Walter Travassos FTIN Formação Técnica em Informática Sistema Operacional Proprietário Windows Prof. Walter Travassos Aula 01 SISTEMA OPERACIONAL PROPRIETÁRIO WINDOWS Competências do Módulo Instalação e configuração do

Leia mais

Otimismo desenvolvedoras de softwares

Otimismo desenvolvedoras de softwares Otimismo nas nuvens Ambiente favorável alavanca negócios das empresas desenvolvedoras de softwares, que investem em soluções criativas de mobilidade e computação em nuvem para agilizar e agregar flexibilidade

Leia mais

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER?

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? Anderson Katsumi Miyatake Emerson Oliveira de Almeida Rafaela Schauble Escobar Tellis Bruno Tardin Camila Braga INTRODUÇÃO O empreendedorismo é um tema bastante

Leia mais

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Redesenhando a forma como empresas operam e envolvem seus clientes e colaboradores no mundo digital. Comece > Você pode construir de fato uma

Leia mais

Gerenciamento inteligente de dados

Gerenciamento inteligente de dados Gerenciamento inteligente de dados Sanjeet Singh Grupo de produtos de armazenamento de dados da Dell ÍNDICE Índice RESUMO EXECUTIVO... 3 O GERENCIAMENTO DE DADOS DE HOJE... 3 VISÃO DA DELL: IDM... 4 OBJETIVOS

Leia mais

AMBIENTES DE MISSÃO CRÍTICA ORACLE COM VMAX 3

AMBIENTES DE MISSÃO CRÍTICA ORACLE COM VMAX 3 AMBIENTES DE MISSÃO CRÍTICA ORACLE COM VMAX 3 PRINCÍPIOS BÁSICOS DE MISSÃO CRÍTICA Avançado Armazenamento híbrido com níveis de serviço com desempenho otimizado por flash em escala para cargas de trabalho

Leia mais

Adapte. Envolva. Capacite.

Adapte. Envolva. Capacite. Adapte. Envolva. Capacite. Ganhe produtividade em um Ambiente de trabalho digital #DigitalMeetsWork Os benefícios de um ambiente de trabalho digital têm impacto na competitividade do negócio. Empresas

Leia mais

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas edição 04 Guia do inbound marketing Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Há um tempo atrás o departamento de marketing era conhecido

Leia mais

Microsoft Azure. Softmanager Soluções em TI. ModernBiz

Microsoft Azure. Softmanager Soluções em TI. ModernBiz Microsoft Azure Softmanager Soluções em TI ModernBiz Programação ModernBiz: seu caminho para a empresa moderna Visão geral do Microsoft Azure Principais soluções de negócios Hospede seus aplicativos na

Leia mais

Eficiência operacional no setor público. Dez recomendações para cortar custos

Eficiência operacional no setor público. Dez recomendações para cortar custos Eficiência operacional no setor público Dez recomendações para cortar custos 2 de 8 Introdução Com grandes cortes no orçamento e uma pressão reguladora cada vez maior, o setor público agora precisa aumentar

Leia mais

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV DATA CENTER VIRTUAL - DCV Em entrevista, Pietro Delai, Gerente de Pesquisa e Consultoria da IDC Brasil relata os principais avanços

Leia mais

Oracle Financing: A Maneira Mais Rápida e Acessível de Adquirir Soluções de TI

Oracle Financing: A Maneira Mais Rápida e Acessível de Adquirir Soluções de TI Oracle Financing: A Maneira Mais Rápida e Acessível de Adquirir Soluções de TI Para competir com eficácia, as empresas da atualidade precisam se adaptar a um ambiente tecnológico que sofre rápidas mudanças.

Leia mais

acesse: vouclicar.com

acesse: vouclicar.com Transforme como sua empresa faz negócios, com o Office 365. Vouclicar.com A TI chegou para as pequenas e médias empresas A tecnologia é hoje o diferencial competitivo que torna a gestão mais eficiente,

Leia mais

BUSINESS PARTNER EMC SERVICES PARTNER PROGRAM ESCOLHA. FLEXIBILIDADE. OPORTUNIDADE.

BUSINESS PARTNER EMC SERVICES PARTNER PROGRAM ESCOLHA. FLEXIBILIDADE. OPORTUNIDADE. BUSINESS PARTNER EMC SERVICES PARTNER PROGRAM ESCOLHA. FLEXIBILIDADE. OPORTUNIDADE. TRANSFORME SEU RELACIONAMENTO COM O CLIENTE E SUA RENTABILIDADE O EMC Services Partner Program fornece aos parceiros

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação Gestão da Tecnologia da Informação A TCI BPO Com atuação em todo o Brasil, a TCI oferece excelência na prestação dos serviços em BPO - Business Process Outsourcing, levando aos seus clientes as melhores

Leia mais

Bem-vindo à apresentação do SAP Business One.

Bem-vindo à apresentação do SAP Business One. Bem-vindo à apresentação do SAP Business One. Neste tópico, responderemos à pergunta: O que é o Business One? Definiremos o SAP Business One e discutiremos as opções e as plataformas disponíveis para executar

Leia mais

10 Dicas para uma implantação

10 Dicas para uma implantação 10 Dicas para uma implantação de Cloud Computing bem-sucedida. Um guia simples para quem está avaliando mudar para A Computação em Nuvem. Confira 10 dicas de como adotar a Cloud Computing com sucesso.

Leia mais

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI CUSTOMER SUCCESS STORY Março 2014 AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI PERFIL DO CLIENTE Indústria: Manufatura Empresa: AT&S Funcionários: 7.500 Faturamento: 542 milhões

Leia mais

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos como posso assegurar uma experiência excepcional para o usuário final com aplicativos

Leia mais

Software. Bem vindo ao mundo do GED e Tecnologias Digitais. Gerenciamento Eletrônico de Documentos, Softwares, e muito mais...

Software. Bem vindo ao mundo do GED e Tecnologias Digitais. Gerenciamento Eletrônico de Documentos, Softwares, e muito mais... Software www.imagecomnet.com.br Bem vindo ao mundo do GED e Tecnologias Digitais Gerenciamento Eletrônico de Documentos, Softwares, e muito mais... A Empresa A Imagecom, uma empresa conceituada no ramo

Leia mais

Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING

Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING Distribuidor de Mobilidade GUIA OUTSOURCING 1 ÍNDICE 03 04 06 07 09 Introdução Menos custos e mais controle Operação customizada à necessidade da empresa Atendimento: o grande diferencial Conclusão Quando

Leia mais

Avaliação Independente da Ferramenta Avaliador de Economia com Colaboração por Áudio e na Web da Siemens Enterprise Communications

Avaliação Independente da Ferramenta Avaliador de Economia com Colaboração por Áudio e na Web da Siemens Enterprise Communications Avaliação Independente da Ferramenta Avaliador de Economia com Colaboração por Áudio e na Web da Siemens Enterprise Communications 09 de março de 2011 Mainstay Partners LLC 901 Mariners Island Blvd Suite

Leia mais

Segurança + Conformidade. Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda

Segurança + Conformidade. Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda Segurança + Conformidade Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda Segurança e Conformidade via Software-as-a-Service (SaaS) Hoje em dia, é essencial para as empresas administrarem riscos de segurança

Leia mais

Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico

Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico RESUMO EXECUTIVO Objetivo Melhorar a vida dos moradores e ajudálos a serem bem-sucedidos na

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 01. Prof. André Lucio

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 01. Prof. André Lucio FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 01 Prof. André Lucio Competências do modulo Introdução ao sistema operacional Windows Instalação e configuração do sistema

Leia mais

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral da solução Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral À medida que tecnologias como nuvem, mobilidade, mídias sociais e vídeo assumem papéis

Leia mais

Soluções em. Cloud Computing. para Calçados Pegada

Soluções em. Cloud Computing. para Calçados Pegada Soluções em Cloud Computing para Calçados Pegada Principais Tópicos: Resumo executivo A Calçados Pegada procurou a Under no início de 2010 para uma solução de email corporativo em cloud. Em pouco tempo,

Leia mais

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB)

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB) A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação Maio de 2014 O novo comprador de tecnologia e a mentalidade de aquisição Existe hoje um novo comprador de tecnologia da informação Esse comprador

Leia mais

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade O caminho para o sucesso Promovendo o desenvolvimento para além da universidade Visão geral Há mais de 40 anos, a Unigranrio investe em ensino diferenciado no Brasil para cumprir com seu principal objetivo

Leia mais

Conexões mais Fortes. Novas Possibilidades. www.level3.com

Conexões mais Fortes. Novas Possibilidades. www.level3.com Conexões mais Fortes. Novas Possibilidades. www.level3.com Hoje em dia, as empresas valorizam mais os resultados. E procuram tecnologia de próxima geração para gerar ganhos tanto na produtividade como

Leia mais

CONHEÇA MAIS SOBRE A MICROWARE:

CONHEÇA MAIS SOBRE A MICROWARE: CONHEÇA MAIS SOBRE A MICROWARE: A Microware é especialista no desenvolvimento e na execução de projetos de T.I.C. Atuamos nas áreas de Serviços Profissionais, Datacenter, Conectividade, Workplace e Processos

Leia mais

Suzano: atualização e mais qualidade de informações com SAP Business Suite powered by HANA

Suzano: atualização e mais qualidade de informações com SAP Business Suite powered by HANA Suzano: atualização e mais qualidade de informações com SAP Business Suite powered by HANA Geral Executiva Nome da Suzano Papel e Celulose Indústria Papel e celulose Produtos e Serviços Celulose de eucalipto,

Leia mais

Perguntas frequentes dos vendedores sobre preços e licenciamento do SQL Server 2012

Perguntas frequentes dos vendedores sobre preços e licenciamento do SQL Server 2012 Perguntas frequentes dos vendedores sobre preços e licenciamento do SQL Server 2012 Publicado: 3 de Novembro de 2011 Direitos autorais Este documento foi desenvolvido antes da fabricação do produto, portanto

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES? As ofertas de cloud pública proliferaram e a cloud privada popularizou-se. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

Posicionando-se para o futuro da computação em nuvem no Brasil

Posicionando-se para o futuro da computação em nuvem no Brasil Posicionando-se para o futuro da computação em nuvem no Brasil A parceria estratégica global estabelecida entre a Capgemini e a EMC acelera o desenvolvimento e o fornecimento de soluções de última geração

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br @ribeirord Pesquisa e Propagação do conhecimento: Através da Web, é possível

Leia mais

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br Corporativo Transformar dados em informações claras e objetivas que possibilitem às empresas tomarem decisões em direção ao sucesso. Com essa filosofia a Star Soft Indústria de Software e Soluções vem

Leia mais

Grupo Seres Adota CA Cloud Service Management para Automatizar e Gerenciar Chamados de Service Desk

Grupo Seres Adota CA Cloud Service Management para Automatizar e Gerenciar Chamados de Service Desk CUSTOMER SUCCESS STORY Abril 2014 Grupo Seres Adota CA Cloud Service Management para Automatizar e Gerenciar Chamados de Service Desk PERFIL DO CLIENTE Indústria: Consultoria Empresa: Grupo Seres Colaboradores:

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL Produto: Servidores Dedicados Gerenciados

PROPOSTA COMERCIAL Produto: Servidores Dedicados Gerenciados PROPOSTA COMERCIAL Produto: Servidores Dedicados Gerenciados Página 1 de 10 Sumário SOBRE A LOCAWEB 3 INFRAESTRUTURA DO DATA CENTER 4 SOLUÇÃO PROPOSTA 5 DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS INCLUSOS 6 CONDIÇÕES COMERCIAIS

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO DO PARCEIRO Soluções de garantia do serviço da CA Technologies você está ajudando seus clientes a desenvolver soluções de gerenciamento da TI para garantir a qualidade do serviço e a

Leia mais

Aquisição planejada do negócio de servidores x86 combinará fortalezas da IBM e da Lenovo para maximizar valor para clientes.

Aquisição planejada do negócio de servidores x86 combinará fortalezas da IBM e da Lenovo para maximizar valor para clientes. Aquisição planejada do negócio de servidores x86 combinará fortalezas da IBM e da Lenovo para maximizar valor para clientes Abril de 2014 Conteúdo Resumo Executivo 3 Introdução 3 IBM recebe alta pontuação

Leia mais

ERP. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning -Sistema de Gestão Empresarial -Surgimento por volta dos anos 90 -Existência de uma base de dados

Leia mais

É viável terceirizar o ambiente de backup de dados?

É viável terceirizar o ambiente de backup de dados? É viável terceirizar o ambiente de backup de dados? Na era da informação, o próprio nome sugere que o ativo mais valioso da organização são os dados que geram as informações. Em alguns casos esses dados

Leia mais

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança.

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança. EMC Consulting Estratégia visionária, resultados práticos Quando a informação se reúne, seu mundo avança. Alinhando TI aos objetivos de negócios. As decisões de TI de hoje devem basear-se em critérios

Leia mais

DIFERENCIAIS SERVIÇOS. 1. Desenvolvimento De Sites Personalizados

DIFERENCIAIS SERVIÇOS. 1. Desenvolvimento De Sites Personalizados DIFERENCIAIS Acredito que o desenvolvimento de soluções para Internet não é um trabalho qualquer, deve-se ter certa experiência e conhecimento na área para projetar sistemas que diferenciem você de seu

Leia mais

Vigilância IP Axis. Infinitas possibilidades para a vigilância por vídeo.

Vigilância IP Axis. Infinitas possibilidades para a vigilância por vídeo. Vigilância IP Axis. Infinitas possibilidades para a vigilância por vídeo. Desafios da vigilância por vídeo hoje O mercado de vigilância por vídeo está crescendo, impulsionado por preocupações de segurança

Leia mais

Educação além dos limites da sala de aula

Educação além dos limites da sala de aula Educação além dos limites da sala de aula Como a Brightspace passou a fazer parte da vida de 20.000 alunos da Universidade Tiradentes Visão Geral Com mais de 50 anos de tradição e reconhecido pioneirismo

Leia mais

gerenciando o desempenho de serviços em uma empresa conectada na nuvem CA Business Service Insight Julho de 2011

gerenciando o desempenho de serviços em uma empresa conectada na nuvem CA Business Service Insight Julho de 2011 gerenciando o desempenho de serviços em uma empresa conectada na nuvem CA Business Service Insight Julho de 2011 a computação na nuvem está presente em todos os lugares e está crescendo 72% das empresas

Leia mais

Oportunidades de Patrocínio. cloudstackday. 12/02/2015 São Paulo. Auditório István Jancsó Universidade de São Paulo

Oportunidades de Patrocínio. cloudstackday. 12/02/2015 São Paulo. Auditório István Jancsó Universidade de São Paulo Oportunidades de Patrocínio 12/02/2015 São Paulo Auditório István Jancsó Universidade de São Paulo Situação do mercado brasileiro de TI O Brasil vive um déficit de mão-de-obra qualificada, especialmente

Leia mais

Manual de Vendas. Chegou a oportunidade de aumentar os lucros com o Windows Server 2012 R2

Manual de Vendas. Chegou a oportunidade de aumentar os lucros com o Windows Server 2012 R2 Manual de Vendas Chegou a oportunidade de aumentar os lucros com o Windows Server 2012 R2 O Windows Server 2012 R2 fornece soluções de datacenter e de nuvem híbrida de classe empresarial que são simples

Leia mais

Horizons. O impacto financeiro da consumerização de TI As 10 principais percepções do Cisco IBSG Horizons Study. Introdução

Horizons. O impacto financeiro da consumerização de TI As 10 principais percepções do Cisco IBSG Horizons Study. Introdução O impacto financeiro da consumerização de TI As 10 principais percepções do Study Jeff Loucks/Richard Medcalf Lauren Buckalew/Fabio Faria O número de dispositivos de consumerização de TI nos seis países

Leia mais

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo Migração de sistemas antigos Avançando para um futuro competitivo A automação e controle é um dos mais importantes investimentos para garantir o sucesso da manufatura de qualquer indústria. Porém, por

Leia mais

Importância do GED. Implantação de um Sistema de GED

Importância do GED. Implantação de um Sistema de GED Implantação de um Sistema de GED Gerenciamento Eletrônico de Documentos Importância do GED O GED tem uma importante contribuição na tarefa da gestão eficiente da informação; É a chave para a melhoria da

Leia mais

Desafios com a impressão em rede? UniPrint é a sua solução.

Desafios com a impressão em rede? UniPrint é a sua solução. Visão Geral do Produto Desafios com a impressão em rede? é a sua solução. Os administradores de TI sabem que, em qualquer ambiente corporativo, quanto maior o número de sites, maior é o número de impressoras

Leia mais

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade...

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Reduzir custo de TI; Identificar lentidões no ambiente de TI Identificar problemas de performance

Leia mais

1 Copyright 2012, Oracle and/or its affiliates. All rights reserved.

1 Copyright 2012, Oracle and/or its affiliates. All rights reserved. 1 Copyright 2012, Oracle and/or its affiliates. All rights reserved. About Eugenio Chleba Product Sales Specialist - PM (11) 5189-1211 (11) 96060-2687 eugenio.chleba@oracle.com Experience Skills Products

Leia mais

LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA

LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA ENTREGA ESPECIAL Na economia globalizada 24/7 de hoje, a logística e a gestão de armazéns eficientes são essenciais para o sucesso operacional. O BEUMER Group possui

Leia mais

WWW.WIPRO.COM A WIPRO NO BRASIL. Habilitando Os Clientes A Fazerem Negócios Melhor. DO BUSINESS BETTER

WWW.WIPRO.COM A WIPRO NO BRASIL. Habilitando Os Clientes A Fazerem Negócios Melhor. DO BUSINESS BETTER WWW.WIPRO.COM A WIPRO NO BRASIL Habilitando Os Clientes A Fazerem Negócios Melhor. DO BUSINESS BETTER A WIPRO NO BRASIL O Brasil esteve sob o foco da Wipro desde 2006, quando a companhia iniciou as suas

Leia mais

Gerencie a força de trabalho móvel, sem a complexidade e o custo de uma instalação on-premise

Gerencie a força de trabalho móvel, sem a complexidade e o custo de uma instalação on-premise de Soluções SAP SAP Afaria, edição para nuvem Objetivos Gerencie a força de trabalho móvel, sem a complexidade e o custo de uma instalação on-premise 2013 SAP AG ou empresa afiliada da SAP. Investimentos

Leia mais

Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma

Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma 1 IDC - Equipe Pietro Delai Reinaldo Sakis João Paulo Bruder Luciano Ramos Gerente de Pesquisa e Consultoria -Enterprise Gerente de Pesquisa

Leia mais

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos.

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. 2015 Manual de Parceiro de Educação Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. Prêmios Reais, a Partir de Agora Bem-vindo ao Intel Technology Provider O Intel Technology Provider é um programa

Leia mais

like a Boss mandic Um GUIA para você escolher bem, e se tornar uma Autoridade em Serviços de Compartilhamento de Arquivos na Nuvem.

like a Boss mandic Um GUIA para você escolher bem, e se tornar uma Autoridade em Serviços de Compartilhamento de Arquivos na Nuvem. BOX like a Boss Um GUIA para você escolher bem, e se tornar uma Autoridade em Serviços de Compartilhamento de Arquivos na Nuvem. mandic CLOUD SOLUTIONS Mais e mais empresas buscam soluções para dar suporte

Leia mais

INTERNET HOST CONNECTOR

INTERNET HOST CONNECTOR INTERNET HOST CONNECTOR INTERNET HOST CONNECTOR IHC: INTEGRAÇÃO TOTAL COM PRESERVAÇÃO DE INVESTIMENTOS Ao longo das últimas décadas, as organizações investiram milhões de reais em sistemas e aplicativos

Leia mais