Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 1 PLANO DE ENSINO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 1 PLANO DE ENSINO"

Transcrição

1 Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO 1 Dados de Identificação PLANO DE ENSINO Campus: Alegrete Curso:Engenharia das Telecomunicações Componente Curricular: Física III Código: AL0021 Pré-requisitos: Física II, Cálculo II Docente: Jorge Pedraza Arpasi Turma 60A Ano Lectivo/Semestre: 2015/1 Turno Diurno Carga Horária Total: 75 CH Teórica: 60 CH Prática: 15 CH Semipresencial: 0 2 Ementa Lei de Coulomb. Campo elétrico. Potencial eletrostático. Capacitância e capacitores. Dielétricos. Corrente elétrica. Campo magnético. Lei de Ampère. Lei de indução. Indutância e indutores. 3 Objetivos 3.1 Objetivo Geral: Conhecer e interpretar os fenômenos físicos relacionados a eletricidade e magnetismo a partir da teoria eletromagnética. 3.2 Objetivos Específicos: Compreender a importância da teoria elementar do electromagnetismo na Engenharia das Telecomunicações. Identificar semelhanças entre os três campos vetoriais do Universo: gravitacional, elétrico, magnético. Elaborar explicações a situações do cotidiano através dos experimentos de laboratório. Solucionar problemas teóricos do electromagnetismo elementar. Demonstrar habilidades na manipulação e utilização das leis da Física em Engenharia das Telecomunicações. Aplicar conhecimento de Cálculo e Matemática Básica em Física.

2 Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 2 4 Metodologia As aulas serão expositivo-dialogadas divididas em apresentação do tópico geral, exemplos de aplicação para a motivação do aprendizado do assunto. Serão destinadas horas específicas para aulas experimentais no laboratório de Física da UNIPAMPA de acordo a roteiros e questionamentos estabelecidos. As notas de aula, o plano de ensino, listas de exercícios, roteiros, notas das avaliações e comunicados podem ser obtidos no site ( 5 Avaliação do Processo de Ensino e Aprendizagem Os instrumentos de avaliação do aluno serão a) provas escritas e b) relatórios técnicos 5.1 Provas Escritas As provas escritas consistirão na resolução de uma lista de problemas num período de tempo determinado, normalmente este período é de duas horas-aula. Haverá três provas escritas cujas notas serão P 1, P 2 e P 3. As datas prováveis destas três provas serão aproximadamente na quinta semana, decima semana e decima-sexta semana. A média aritmética das notas destas provas será O peso de P na nota final F será de 80%. P = P 1 + P 2 + P Critérios e pesos de avaliação das provas escritas Questões Objetivas.- Para o caso das questões objetivas a correção das respostas tem 100% do peso da nota. Questões Não-Objetivas.- Para o caso de questões que não sejam objetivas os critérios e pesos são: 1. (90%) Correção e completitude: a questão deve estar corretamente resolvida. 2. (10%) Formatação e ordem: Será julgado a ordem, clareza e organização da resolução do problema. Para os alunos que por razões de força maior não puderem comparecer a uma das provas escritas será reservado umas horas no final do semestre, para aplicação da prova respectiva. Estas provas serão necessariamente diferentes daquelas aplicadas nas datas normais. 5.2 Relatórios Técnicos O relatório técnico é um documento técnico relacionando teoria com as experiências do laboratório, na forma de um documento em formato científico que deverá ser entregue impresso em papel dentro do prazo estabelecido e quando necessário apresentar a cópia digital. A média aritmética das notas dos relatórios denotamos por R. O peso de R na nota final será de 20%. Uma sugestão das partes deste documento é: 1. Identificação: Título, nome(s), etc. 2. Resumo: Resumir o experimento e o marco teórico em menos de 150 palavras 3. Fundamentação Teórica do Experimento: Redigir ao respeito da teoria que vai ser verificada no experimento. 4. Descrição do Experimento Realizado:

3 Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 3 Relatar as especificações dos componentes e materiais utilizados. Relatar as ações e incidências mais relevantes do experimento. Exibir os dados experimentais levantados organizados em forma de tabelas adequadas. Quando necessário, somente quando necessário, incluir figuras 5. Conclusões: A prática confirma a teoria?, se os dados experimentais estão longe do que a teoria prevê buscar uma explicação. 6. Bibliografia: Lista do material bibliográfico: livros, internet, notas de aula, guias de laboratório, etc. que foi lida para realizar o experimento e produzir o relatório. Os pesos dos critérios para avaliação dos relatórios entregues dentro do prazo são 1. (30%) Originalidade: O relatório deve ser redigido com as próprias palavras do aluno, por exemplo, não deve copiar da guia do laboratório. Ao longo do documento a preocupação central do aluno deve ser mostrar que os experimentos confirmam a teoria. 2. (35%) Formatação do documento apresentado: Sera julgado a simetria e organização das seções, a utilização de fontes adequadas, o layout do documento, cores adequadas quando necessário. Também será julgado a apresentação das figuras, fórmulas e tabelas que devem ser originais. O L A TEXpossui sintaxes próprias para fórmulas e tabelas. O MSWord também tem editor de fórmulas. Recomendase Inkscape para construir figuras. Não serão aceitos relatórios redigidos a lápis. 3. (25%) Completitude: Os relatórios devem incluir todas as fórmulas, figuras e tabelas necessárias. 4. ((10%) Clareza: As idéias devem seguir um sequenciamento lógico, mostrando a coerência entre a teoria e a prática. Relatórios entregues fora do prazo seguem os mesmos critérios sendo que a nota máxima que podem atingir é Nota final da disciplina Para a obtenção da nota final sera considerada a fórmula ponderada onde R é a média aritmética dos relatórios. NF = 0.80P R; 6 Atividades de Recuperação Preventiva do Processo de Ensino e Aprendizagem Ao final do semestre será destinada 01 semana para o processo recuperatório dos alunos com N F menor do que seis (06). Esta recuperação será uma prova cuja nota denotamos por R ec. Ordenando as notas das provas escritas {P 1, P 2, P 3 } com sendo {N 1, N 2, N 3 } de modo que N 1 N 2 N 3, o aluno estará aprovado na disciplina com nota 06 se ( ) Rec + N 2 + N T Depois de realizada a prova de recuperação e se o aluno possui uma NF [5.6, 6.0), então a NF do aluno poderá ser promovida para uma nota NF = 6 desde que sejam satisfeitos, pelo menos dois, dos seguintes critérios: Número de alunos aprovados < 20 % da média dos alunos participantes das avaliações.

4 Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 4 Número de alunos que estejam com notas nessa faixa 5.6 NF < 6.0 seja < do que 10 % da média dos alunos participantes das avaliações. O soma das provas P 1 + P 2 + P 3 + R ec Cronograma e Programa do Componente Curricular Data Número Assunto Aula 12/03/ Apresentação da disciplina. Discussão do Plano de Ensino. 17/03/ Campos Elétricos. Carga elétrica. Lei de Coulomb. 18/03/ Campo elétrico criado por uma carga puntual. Linhas de campo. 19/03/2015 Calourada. 24/03/ Campos elétricos criados por corpos geométricos notáveis: linha, anel, disco. 25/03/ Fluxo do campo elétrico. Lei de Gauss. 26/03/ Experimento dirigido: existência de campos elétricos. 31/03/ Energia potencial. 01/04/ Potencial elétrico. 02/04/ Experimento dirigido: existência de campos elétricos. 07/04/ Potencial criado por uma carga puntual. 08/04/ Potencial criado por uma distribuição de carga contínua. 09/04/ Experimento sobre a existência de campos elétricos. 14/04/ Lista de Exercícios. 15/04/ Lista de exercícios. 16/04/ Experimento sobre a existência de campos elétricos. 21/04/2015 Feriado Tiradentes. 22/04/ Prova Escrita 1. 23/04/ Experimento dirigido: Superfícies equipotenciais. 28/04/ Capacitância e cálculo de capacitância. 29/04/ Capacitores em série e paralelo. Dielétricos. 30/04/ Experimento dirigido: Superfícies equipotenciais. 05/05/ Corrente elétrica. 06/05/ Resistência e resistividade. 07/05/ Experimento superfícies equipotenciais. 12/05/ Lei de Ohm. Energia e potência em circuitos. 13/05/ Potência e energia em circuitos. 14/05/ Experimento superfícies equipotenciais. 19/05/ Força eletromotriz (FEM). 20/05/ Leis de Kirchoff. 21/05/ Experimento dirigido: Capacitância. 26/05/ Circuitos RC. 27/05/ Lista de Exercícios. 28/05/ Experimento dirigido: Capacitância. 02/06/ Lista de Exercícios. 03/06/ Prova Escrita 2.

5 Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 5 04/06/2015 Corpus Christi 09/06/ Campos Magnéticos. Cargas em movimento. 10/06/ Cálculo do campo magnético. Força magnética. 11/06/ Experimento Capacitância de capacitores de placas paralelas. 16/06/ Lei de Ampere. Solenoides e bobinas. 17/06/ Lei de indução de Faraday. Lei de Lenz. 18/06/ Experimento Capacitância de capacitores de placas paralelas. 23/06/ Indução e campo elétrico induzido. 24/06/ Circuitos RL. Oscilações LC. Oscilações forçadas RLC e ressonância. 25/06/ Experimento corrente transitória em circuitos RC. 30/06/ Correntes contínua e alternadas. 01/07/ Circuitos de correntes alternadas RLC. 02/07/ Experimento corrente transitória em circuitos RC. 07/07/ Potência em circuitos de corrente alternada. 08/07/ Listas de Exercícios. 09/07/ Experimentos postecipados. 14/07/ Listas de Exercícios. 15/07/ Prova Escrita 3. 16/07/ Revisão dos resultados das avaliações. 21/07/ Provas Postecipadas. 22/07/ Prova de Recuperação. 8 Ações Interdisciplinares entre Ensino-Pesquisa-Extensão Será comentado em aulas algumas tecnologias acerca dos semicondutores e supercondutores 9 Outra Ações Não haverá. 10 Bibliografia Básica 1. D. Halliday, R. Resnick, J. Walker, Física 3, 8 a Ed., Rio de Janeiro: LTC, H.M. Nussenzveig,Curso de Física Básica 3: Eletromagnetismo, 1 a Ed., São Paulo: Editora Edgard Blücher, C.P. Paul,Eletromagnetismo para engenheiros: com aplicações a sistemas digitais e interferência eletromagnética, Rio de Janeiro: LTC, Bibliografia Complementar 1. H.D. Young, R.A. Freedman, Física III (Sears-Zemansky): Eletromagnetismo, 12 a Ed., São Paulo: Pearson Addison Wesley, P.A. Tipler, G. Mosca, Física para cientistas e engenheiros, v. 2: eletricidade e magnetismo, 5 a Ed., Rio de Janeiro: LTC, W.H. Hayt, J.A. Buck, Eletromagnetismo, Rio de Janeiro: LTC, 2003.

6 Plano de Ensino Física III - UNIPAMPA 6 4. J.R. Reitz, F.J. Milford, R.W. Christy, Fundamentos da teoria eletromagnética, Rio de Janeiro: Elsiever, 1982.

Universidade Do Estado De Santa Catarina Centro De Ciências Tecnológicas CCT Departamento de Física Prof. César Manchein PLANO DE ENSINO

Universidade Do Estado De Santa Catarina Centro De Ciências Tecnológicas CCT Departamento de Física Prof. César Manchein PLANO DE ENSINO Universidade Do Estado De Santa Catarina Centro De Ciências Tecnológicas CCT Departamento de Física Prof. César Manchein PLANO DE ENSINO 1 Identificação Curso Engenharia Civil Ano 2015 Disciplina Física

Leia mais

Plano de Ensino Sistemas de Comunicação III - UNIPAMPA 1 PLANO DE ENSINO

Plano de Ensino Sistemas de Comunicação III - UNIPAMPA 1 PLANO DE ENSINO Plano de Ensino Sistemas de Comunicação III - UNIPAMPA 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO 1 Dados de Identificação PLANO DE ENSINO Campus: Alegrete

Leia mais

Plano de Ensino. 1.1 Este plano de ensino tem por objetivo organizar o trabalho pedagógico na disciplina de Física C para o semestre letivo vigente.

Plano de Ensino. 1.1 Este plano de ensino tem por objetivo organizar o trabalho pedagógico na disciplina de Física C para o semestre letivo vigente. Plano de Ensino Física C Plano de ensino da disciplina de Física C do Curso Superior de Licenciatura em Física do Instituto Federal do Paraná, Câmpus Paranaguá para o segundo semestre de 2015. Professor

Leia mais

Corrente, resistência, f.e.m. e circuitos

Corrente, resistência, f.e.m. e circuitos Corrente, resistência, f.e.m. e circuitos Corrente elétrica. Condução elétrica em metais. Resistência e resistividade. f.e.m. e circuitos. Instrumentos de medidas elétricas Energia e potência em circuitos.

Leia mais

1 2 Curso: Licenciatura em Física Semi Presencial Código: 112. 5 Turno(s): ( ) Diurno ( ) Noturno ( x) Virtual. Nome da Disciplina

1 2 Curso: Licenciatura em Física Semi Presencial Código: 112. 5 Turno(s): ( ) Diurno ( ) Noturno ( x) Virtual. Nome da Disciplina Universidade Federal do Ceará Pró-Reitoria de Graduação Coordenadoria de Pesquisa e Acompanhamento Docente CPAD Divisão de Pesquisa e Desenvolvimento Curricular FORMULÁRIO PARA CRIAÇÃO DE DISCIPLINAS 1

Leia mais

Capacitância e dielétricos

Capacitância e dielétricos Capacitância e dielétricos Capacitância e capacitores. Armazenamento de energia. Dielétricos. Modelo molecular. Capacitância e capacitores Capacitância: Unidade: Capacitância e capacitores Capacitor com

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Controle e Processos Industriais CURSO: Técnico em Eletromecânica FORMA/GRAU:( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 2013 EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 2013 EMENTA EIXO TECNOLÓGICO: LICENCIATURA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: LICENCIATURA EM FÍSICA FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (X) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Controle e Processos Industriais CURSO: Técnico em Eletromecânica FORMA/GRAU:( )integrado ( X )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2012. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2012. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2012 Ensino Técnico ETEC Monsenhor Antônio Magliano Código: 088 Município: Garça - SP Eixo Tecnológico: Indústria Habilitação Profissional: Técnica de Nível de Médio de Técnico

Leia mais

Universidade Anhanguera-Uniderp Pró-Reitoria de Graduação. Curso: Engenharia Civil PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

Universidade Anhanguera-Uniderp Pró-Reitoria de Graduação. Curso: Engenharia Civil PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM Disciplina: Eletricidade Aplicada Universidade Anhanguera-Uniderp Pró-Reitoria de Graduação Curso: Engenharia Civil PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM Série/Semestre: /5º Período Letivo: 2012-2 Turno: Noturno

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2012. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2012. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2012 Ensino Técnico ETEC: Monsenhor Antonio Magliano Código: 088 Município: Garça - SP Eixo Tecnológico: Indústria Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico

Leia mais

Plano de Trabalho Docente (PTD)

Plano de Trabalho Docente (PTD) ETEC TAKASHI MORITA Plano de Trabalho Docente (PTD) Curso Técnico em Automação Industrial 1º Sem. 2015 1 Conteúdo 1º Módulo Componente Curricular: Eletricidade Básica... 5 Componente Curricular: Eletrônica

Leia mais

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM. Ementa. Objetivos. Conteúdo Programático

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM. Ementa. Objetivos. Conteúdo Programático Disciplina: Física III C.H. Teórica: 60 Período Letivo: 2 sem/2015 PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM Série: 3ª Série CURSO: Engenharia Mecânica Periodo: Noturno C.H. Prática: Semestre de Ingresso: 2º C.H.

Leia mais

Questão de Revisão. Qual é a fonte da força magnética?

Questão de Revisão. Qual é a fonte da força magnética? Física Geral Eletricidade 4 Indução Eletromagnética Aula passada Força magnética entre imãs (magnetos); Pólos magnéticos; Campo magnético; Eletroimã; Força magnética que atua em uma partícula em movimento;

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC MONSENHOR ANTONIO MAGLIANO Código: 088 Município: GARÇA Eixo Tecnológico: GESTÃO E NEGÓCIOS Habilitação Profissional:

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 04 Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO Código: 09 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais Habilitação Profissional: Técnico em Mecatrônica Qualificação:

Leia mais

A disciplina de Eletricidade Geral garante ao educando subsídios para o entendimento das grandezas elétricas e seus fenômenos.

A disciplina de Eletricidade Geral garante ao educando subsídios para o entendimento das grandezas elétricas e seus fenômenos. I. Dados Identificadores Curso Tecnologia em Mecatrônica Industrial Disciplina Eletricidade Geral Professor Rogério Campos Semestre / Módulo Eletricidade Período Noturno Módulo 3GMTECA Carga Horária Semanal:

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE

PLANO DE TRABALHO DOCENTE CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DO MARANHÃO DIRETORIA DE ENSINO COORDENADORIA DE ATIVIDADES TÉCNICOS-PEDAGÓCIAS DEPARTAMENTO ACADÊMICO: ELETROELETRÔNICA CURSO: ELETROTÉCNICA TURMA: 102 ANO/SEMESTRE:

Leia mais

Lei de Gauss. Fluxo do campo elétrico. Enunciado da Lei de Gauss. Aplicações. Cálculo de campos elétricos. Condutores. Blindagem eletrostática.

Lei de Gauss. Fluxo do campo elétrico. Enunciado da Lei de Gauss. Aplicações. Cálculo de campos elétricos. Condutores. Blindagem eletrostática. Lei de Gauss Fluxo do campo elétrico. Enunciado da Lei de Gauss. Aplicações. Cálculo de campos elétricos. Condutores. Blindagem eletrostática. Campos em condutores elétricos Fluxo do campo elétrico Fluxo

Leia mais

FÍSICA GERAL III - 90 h

FÍSICA GERAL III - 90 h FÍSICA GERAL III - 90 h Em Física Geral III estudam-se os tópicos de Eletricidade, Magnetismo e Eletromagnetismo. A base tecnológica de nossa sociedade é o eletromagnetismo, por essa razão é de fundamental

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação CURSO: Técnico em Informática FORMA/GRAU:( X ) Integrado ( ) Subsequente ( ) Concomitante ( ) Bacharelado ( ) Licenciatura ( ) Tecnólogo

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico 1 Semestre

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico 1 Semestre Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico 1 Semestre Etec: DR. JÚLIO CARDOSO Código: 078 Município: Franca Eixo Tecnológico: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Habilitação Profissional: TÉCNICO EM TELECOMUNICAÇÕES

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UFLA PRPG N O 05/2013 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO UFLA

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UFLA PRPG N O 05/2013 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO UFLA Universidade Federal de Lavras Departamento de Ciências Exatas Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física UFLA EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UFLA PRPG N O 05/2013 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

TÉCNICO EM ELETRÔNICA

TÉCNICO EM ELETRÔNICA TÉCNICO EM ELETRÔNICA CEETEPS ETEC PROFESSOR HORÁCIO AUGUSTO DA SILVEIRA ANO 2011 1º Módulo Técnico em Eletrônica Auxiliar Técnico em Eletrônica Sem Qualificação Técnica 2º Módulo 3º Módulo 4º Módulo PLANOS

Leia mais

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC : Formação Básica em Desenho Técnico Auxiliado por Computador

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC : Formação Básica em Desenho Técnico Auxiliado por Computador MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico 1º Semestre

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico 1º Semestre Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico 1º Semestre ETEC Dr. Júlio Cardoso Código: : 078 Município: Franca Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais Habilitação Profissional: Técnico em

Leia mais

CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 PLANO DE CURSO

CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 PLANO DE CURSO CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 Componente Curricular: Geometria Analítica e de Vetores Código: ENGP- 120 Pré-requisito: - Período Letivo: 2013.1

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Período/ Fase: 1ª. Semestre: 1º Ano: 2011

PLANO DE ENSINO. Período/ Fase: 1ª. Semestre: 1º Ano: 2011 PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Engenharia Ambiental Professora: Andréa Tozzo Marafon andreamarafon@uniarp.edu.br Período/ Fase: 1ª.

Leia mais

ANÁLISE DE FALHA NO RELÉ DE ACIONAMENTO DO FREIO ELETROMAGNÉTICO DE UMA DESBOBINADEIRA

ANÁLISE DE FALHA NO RELÉ DE ACIONAMENTO DO FREIO ELETROMAGNÉTICO DE UMA DESBOBINADEIRA ANÁLISE DE FALHA NO RELÉ DE ACIONAMENTO DO FREIO ELETROMAGNÉTICO DE UMA DESBOBINADEIRA Bruna Karine dos Santos (FAHOR) bs001340@fahor.com.br Cleber Santos de Moura (FAHOR) cm001343@fahor.com.br Enoque

Leia mais

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS 5ª Série Materiais Elétricos Engenharia Elétrica A atividade prática supervisionada (ATPS) é um procedimento metodológico de ensino-aprendizagem desenvolvido por meio

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA

PROGRAMA DA DISCIPLINA Associação de Ensino e Cultura Pio Décimo Faculdade Pio Décimo Engenharia Elétrica PROGRAMA DA DISCIPLINA Identificação Matéria de Ensino Matemática Código EE112 Disciplina Álgebra Linear Código MA100003

Leia mais

Os Fundamentos da Física Vol 3 - Mecânica

Os Fundamentos da Física Vol 3 - Mecânica Os Fundamentos da Física Vol 3 - Mecânica - Livro de Fisica - Ensino Médio 3ª série - 8ª Edição - Autor Ramalho - Nicolau - Toledo - ISBN 85-16-03702-9 - Editora Moderna CARGAS ELÉTRICAS EM REPOUSO Capítulo

Leia mais

EMENTA: Carga e matéria. Campo elétrico. Lei de Gauss. Potencial elétrico. Capacitores

EMENTA: Carga e matéria. Campo elétrico. Lei de Gauss. Potencial elétrico. Capacitores DISCIPLINA: FÍSICA III CRÉDITO: 04 CARGA HORÁRIA: 60 h/a OBJETIVOS: Identificar fenômenos naturais em termos de regularidade e quantificação, bem como interpretar princípios fundamentais que generalizam

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio Etec ETEC PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: TUPÃ Área de conhecimento: MATEMÁTICA Componente Curricular: MATEMÁTICA Série:

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC Prof. Massuyuki Kawano de Tupã - Sede Código: 136 Município: TUPÃ Eixo Tecnológico: INFRAESTRUTURA Habilitação Profissional; : Técnica de Nível Médio

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Plano de Trabalho Docente - 2015

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Plano de Trabalho Docente - 2015 Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Plano de Trabalho Docente - 2015 ETEC Monsenhor Antônio Magliano Código: 088 Município: Garça - SP Eixo Tecnológico: Controle e Processo Industrial Habilitação

Leia mais

CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO PROCESSO N.º 23062.009173/2013-97 ASSUNTO: INTERESSADO: COMISSÃO: Ajuste do Projeto Pedagógico do Curso de Engenharia Elétrica da Unidade de Nepomuceno do CEFET-MG

Leia mais

Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC INTRODUÇÃO AO CÁLCULO. Parte 1 (solicitante)

Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC INTRODUÇÃO AO CÁLCULO. Parte 1 (solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO

Leia mais

Faculdade de Tecnologia de Garça FATEC - Garça PLANO DE ENSINO. Curso: Tecnologia em Produção Disciplina: Sistemas Eletro-Eletrônicos Ano: 2009

Faculdade de Tecnologia de Garça FATEC - Garça PLANO DE ENSINO. Curso: Tecnologia em Produção Disciplina: Sistemas Eletro-Eletrônicos Ano: 2009 Faculdade de Tecnologia de Garça FATEC - Garça PLANO DE ENSINO Curso: Tecnologia em Produção Disciplina: Sistemas Eletro-Eletrônicos Ano: 2009 Semestre TURNO CARGA HORÁRIA 4 Termo Noturno 72 horas/aulas

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO INTERNO E EXTERNO PARA ENGENHARIA ELÉTRICA N 2015/08 21 DE DEZEMBRO DE 2015 À 25 DE JANEIRO DE 2016

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO INTERNO E EXTERNO PARA ENGENHARIA ELÉTRICA N 2015/08 21 DE DEZEMBRO DE 2015 À 25 DE JANEIRO DE 2016 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO INTERNO E EXTERNO PARA ENGENHARIA ELÉTRICA N 2015/08 21 DE DEZEMBRO DE 2015 À 25 DE JANEIRO DE 2016 Dispõe sobre o TESTE SELETIVO INTERNO E EXTERNO para PROFESSOR integrante

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA EIXO TECNOLÓGICO: INFRAESTRUTURA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Curso Técnico em Edificações FORMA/GRAU:( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

Fundamentos de Eletromagnetismo (098116B)

Fundamentos de Eletromagnetismo (098116B) Grupo de Supercondutividade e Magnetismo Fundamentos de Eletromagnetismo (098116B) Prof. Dr. Maycon Motta São Carlos-SP, Brasil, 2016 Turma B Prof. Dr. Maycon Motta E-mail: m.motta@df.ufscar.br Site: www.gsm.ufscar.br/mmotta

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS ANEXO XIV TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Este anexo integra o Edital Nº 017/2010,

Leia mais

Ementas Disciplinas Obrigatórias

Ementas Disciplinas Obrigatórias Ementas Disciplinas Obrigatórias INFORMÁTICA Algoritmos I Resolução de problemas e desenvolvimento de algoritmos: análise do problema, estratégias de solução e representação. Estruturação e modularização.

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e Processo Industrial Habilitação Profissional: Técnico em Mecatrônica

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação CURSO: Técnico em Informática FORMA/GRAU:( X ) Integrado ( ) Subsequente ( ) Concomitante ( ) Bacharelado ( ) Licenciatura ( ) Tecnólogo

Leia mais

PLANO DE ENSINO. 9. Turno: Tarde 8. Ano Letivo/Semestre: 2011/2

PLANO DE ENSINO. 9. Turno: Tarde 8. Ano Letivo/Semestre: 2011/2 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PLANO DE ENSINO I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Campus: Uruguaiana 2. Curso: Enfermagem 3. Componente Curricular: Fundamentos

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 4º Semestre EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 4º Semestre EMENTA EIXO TECNOLÓGICO: MATEMÁTICA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: Curso Superior em Matemática FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( x ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

Titulação: Mestre em Química com área de concentração em Química Analítica UESB PLANO DE CURSO

Titulação: Mestre em Química com área de concentração em Química Analítica UESB PLANO DE CURSO CURSO DE FARMÁCIA Autorizado plea Portaria nº 991 de 01/12/08 DOU Nº 235 de 03/12/08 Seção 1. Pág. 35 Componente Curricular: Química Geral e Inorgânica Código: FAR 201 Pré-requisito: - Nenhum Período Letivo:

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação EDITAL Nº 021/2013

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação EDITAL Nº 021/2013 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS Próreitoria de Pesquisa e Pósgraduação EDITAL Nº 021/2013 EDITAL DO PROCESSO PÚBLICO PARA SELEÇÃO E ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS

Leia mais

Plano de Ensino. Onde: MR: média dos relatórios; MP: média das provas, todas com o mesmo peso.

Plano de Ensino. Onde: MR: média dos relatórios; MP: média das provas, todas com o mesmo peso. CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETRÔNICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS ELETRÔNICOS Plano de Ensino Disciplina: ELP-20306 Conversores Estáticos

Leia mais

PLANO DE ENSINO I. EMENTA. Eletricidade. Magnetismo. Ótica. Abordagem histórica. Instrumentos pedagógicos para a contextualização do conhecimento.

PLANO DE ENSINO I. EMENTA. Eletricidade. Magnetismo. Ótica. Abordagem histórica. Instrumentos pedagógicos para a contextualização do conhecimento. PLANO DE ENSINO CURSO: LICENCIATURA EM MATEMÁTICA MODALIDADE: Presencial COMPONENTE CURRICULAR: FÍSICA II CÓDIGO: NBAS 06 ANO/SEMESTRE: 2016/2. CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 h CARGA HORÁRIA SEMANAL: 4 aulas

Leia mais

PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL PROCESSO SELETIVO PROFESSOR VOLUNTÁRIO DEAD/UFVJM

PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL PROCESSO SELETIVO PROFESSOR VOLUNTÁRIO DEAD/UFVJM MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS DIRETORIA DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA www.ufvjm.edu.br/ead PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PROJETO BÁSICO CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM PRODUÇÃO E ORGANIZAÇÃO DE CONTEÚDO NA EAD CURSO PARA DOCENTES DA UFOP

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PROJETO BÁSICO CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM PRODUÇÃO E ORGANIZAÇÃO DE CONTEÚDO NA EAD CURSO PARA DOCENTES DA UFOP UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTANCIA PROJETO BÁSICO CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM PRODUÇÃO E ORGANIZAÇÃO DE CONTEÚDO NA EAD CURSO PARA DOCENTES DA UFOP 2007 IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Disciplina: Física Eletricidade Ótica Carga Horária: 80h Período: 3º. Ementa

PLANO DE ENSINO. Disciplina: Física Eletricidade Ótica Carga Horária: 80h Período: 3º. Ementa Disciplina: Física Eletricidade Ótica Carga Horária: 80h Período: 3º Ementa PLANO DE ENSINO Processos de eletrização, carga elétricas, força elétrica, campo elétrico, Lei de Gauss, potencial elétrico,

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação CURSO: Técnico em Informática FORMA/GRAU: (X) Integrado ( ) Subsequente ( ) Concomitante ( ) Bacharelado ( ) Licenciatura ( ) Tecnólogo

Leia mais

FÍSICA EXPERIMENTAL 3001

FÍSICA EXPERIMENTAL 3001 FÍSICA EXPERIMENTAL 3001 EXPERIÊNCIA 1 CIRCUITO RLC EM CORRENTE ALTERNADA 1. OBJETIOS 1.1. Objetivo Geral Apresentar aos acadêmicos um circuito elétrico ressonante, o qual apresenta um máximo de corrente

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL GOIANO CAMPUS RIO VERDE

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL GOIANO CAMPUS RIO VERDE PROCESSO SELETIVO PARA MONITORES DE ENSINO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO EDITAL Nº 04, de 04 de setembro de 2015. O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano (IF Goiano ), por meio da Diretoria

Leia mais

E S C O L A S E C U N D Á R I A E M Í D I O N A V A R R O D E

E S C O L A S E C U N D Á R I A E M Í D I O N A V A R R O D E E S C O L A S E C U N D Á R I A E M Í D I O N A V A R R O P L A N I F I C A Ç Ã O D E S I S T E M A S A N A L Ó G I C O S E D I G I T A I S 0 º A N O Ano Lectivo 004 / 005 Professor José Matias PlanifSAD0-004

Leia mais

Engenharia Mecânica com linha de formação específica em Engenharia Mecatrônica

Engenharia Mecânica com linha de formação específica em Engenharia Mecatrônica Unidade Universitária Escola de Engenharia Curso Engenharia Mecânica com linha de formação específica em Engenharia Mecatrônica Disciplina Circuitos Elétricos Professor(es) Cintia Bertoni Bueno Martha

Leia mais

Portaria Inep nº 219 de 26 de julho de 2011 Publicada no Diário Oficial de 27 de julho de 2011, Seção 1, págs. 16 e 17

Portaria Inep nº 219 de 26 de julho de 2011 Publicada no Diário Oficial de 27 de julho de 2011, Seção 1, págs. 16 e 17 Portaria Inep nº 219 de 26 de julho de 2011 Publicada no Diário Oficial de 27 de julho de 2011, Seção 1, págs. 16 e 17 O Presidente, Substituto, do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PRX ANEXO I ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE TRABALHADORES FIC

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PRX ANEXO I ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE TRABALHADORES FIC ANEXO I ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE TRABALHADORES FIC PRONATEC SÃO PAULO 2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE ENSINO

PRÓ-REITORIA DE ENSINO Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação CURSO: Técnico em Informática FORMA/GRAU:( x )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Sistemas de Informação Professores: Marcos Eduardo Godinho Período/ Fase: 2º Semestre: 2º Ano: 2010

Leia mais

Lei de Coulomb: Campo Elétrico:

Lei de Coulomb: Campo Elétrico: Lei de Coulomb: Método para distribuição de cargas: Dividir a distribuição em infinitos dq Analisar feito por dq Dividir em suas componentes dfx e dfy Analisar se há alguma forma de simetria que simplifica

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS - APS

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS - APS REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS - APS O presente Regulamento normatiza as Atividades Práticas Supervisionadas (APS) nos cursos de graduação da Faculdade Shalom de Ensino Superior,

Leia mais

Projeto Electron Plano de Projeto

Projeto Electron Plano de Projeto Projeto Electron Plano de Projeto Sumário Introdução...1 Objetivos...2 Recursos Necessário...3 Ficha de inscrição...4 Forma de Avaliação...5 Cronograma...6 Indicadores de Sucesso...12 Regras...13 Introdução

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE DOUTORADO INTERINSTITUCIONAL EM FISICA UFRN-IFCE

PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE DOUTORADO INTERINSTITUCIONAL EM FISICA UFRN-IFCE EDITAL N 01/2016 PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE DOUTORADO INTERINSTITUCIONAL EM FISICA UFRN-IFCE O Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Física da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PPGF)

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO EDITAL PRGDP Nº 02/2013 TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA

CONCURSO PÚBLICO EDITAL PRGDP Nº 02/2013 TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA CONCURSO PÚBLICO EDITAL PRGDP Nº 02/2013 TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS PROVAS DE LÍNGUA PORTUGUESA, MATEMÁTICA E LEGISLAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA Será avaliada a capacidade de: Ler, compreender

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico ETEC Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais Habilitação Profissional: Técnico em Mecatrônica

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 1 Prezado(a) Aluno(a): Estas normas foram elaboradas com o objetivo de fornecer subsídios

Leia mais

Experimento 6. Capacitores

Experimento 6. Capacitores Experimento 6 Capacitores 6.1 Capacitores e constante de tempo 6.1.1 Objetivos a.obter a curva de carga e a curva de descarga de capacitores; as leis e as constantes envolvidas. b.determinar o valor da

Leia mais

Disciplina Física 3. Prof. Rudson R. Alves Bacharel em Física pela UFES Mestrado IFGW UNICAMP. Prof. da UVV desde 1998 Engenharias desde 2000

Disciplina Física 3. Prof. Rudson R. Alves Bacharel em Física pela UFES Mestrado IFGW UNICAMP. Prof. da UVV desde 1998 Engenharias desde 2000 Disciplina Física 3 Prof. Rudson R. Alves Bacharel em Física pela UFES Mestrado IFGW UNICAMP Prof. da UVV desde 1998 Engenharias desde 2000 Sobre a Apresentação Todas as gravuras, senão a maioria, são

Leia mais

PUC - GO PLANO DE ENSINO ENG 1640 (ESTRUTURA METÁLICA)

PUC - GO PLANO DE ENSINO ENG 1640 (ESTRUTURA METÁLICA) PUC - GO PLANO DE ENSINO ENG 1640 (ESTRUTURA METÁLICA) CURSO: ENGENHARIA CIVIL PERÍODO:: 9º Semestre TURNO: Noturno TURMA :A01 DISCIPLINA: Estruturas Metálicas CARGA HORÁRIA SEMANAL: 4h/aula PROFª: Cleverson

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. TURMA: 3º Sem. EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. TURMA: 3º Sem. EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação CURSO: Técnico em Informática FORMA/GRAU:( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS Engenharia Elétrica 7ª Série Dispositivos e Circuitos Eletrônicos A Atividade Prática Supervisionada (ATPS) é um procedimento metodológico de ensino-aprendizagem desenvolvido

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã (SP) Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Qualificação Técnica de Nível Médio

Leia mais

Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação

Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação Curso de Atualização Pedagógica Julho de 2010 Mediador: Adelardo Adelino Dantas de Medeiros (DCA/UFRN) Diretrizes Curriculares

Leia mais

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC de INFORMÁTICA II - FERRAMENTAS PARA ESCRITÓRIO. Parte 1 (Solicitante)

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC de INFORMÁTICA II - FERRAMENTAS PARA ESCRITÓRIO. Parte 1 (Solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO

Leia mais

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS Engenharia Elétrica 6ª Série Conversão Eletromecânica de Energia A atividade prática supervisionada (ATPS) é um procedimento metodológico de ensino-aprendizagem desenvolvido

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Médio ETEC Monsenhor Antônio Magliano Código: 088 Município: Garça Área de conhecimento: Ciências da Natureza e suas Tecnologias Componente Curricular: FÍSICA Série:

Leia mais

Universidade Federal de Goiás Campus Catalão. Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Física

Universidade Federal de Goiás Campus Catalão. Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Física Universidade Federal de Goiás Campus Catalão Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Física Março de 2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CAMPUS CATALÃO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA Diretor do

Leia mais

Ministério da Educação Departamento do Ensino Secundário. Programa de Sistemas Analógicos e Digitais. 10º Ano

Ministério da Educação Departamento do Ensino Secundário. Programa de Sistemas Analógicos e Digitais. 10º Ano Ministério da Educação Departamento do Ensino Secundário Programa de Sistemas Analógicos e Digitais 0º Ano Curso Tecnológico de Electrotecnia e Electrónica Autores António José Póvoa Ferreira José Campos

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. TURMA: 3 ano EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. TURMA: 3 ano EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Controle processos industriais CURSO: Técnico em química integrada ao ensino médio FORMA/GRAU:(x)integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JOINVILLE PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JOINVILLE PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JOINVILLE PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Matriz Curricular vigente a partir de 2012/1 Fase Cód. Disciplina Prérequisitos Carga Horária

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015

Plano de Trabalho Docente 2015 Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC MONSENHOR ANTONIO MAGLIANO Código: 088 Município: GARÇA / SP Eixo tecnológico: Industria Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico em

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Autorizado pela Portaria nº 960 de 25/11/08 D.O.U de 26/11/08 PLANO DE CURSO. Componente Curricular: Medidas Elétricas

CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Autorizado pela Portaria nº 960 de 25/11/08 D.O.U de 26/11/08 PLANO DE CURSO. Componente Curricular: Medidas Elétricas CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Autorizado pela Portaria nº 960 de 25/11/08 D.O.U de 26/11/08 Componente Curricular: Medidas Elétricas Código: ENG. ELETRICA Pré-requisito: --- Período Letivo: 2013/1 Professor:

Leia mais

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Formação Inicial e Continuada (Decreto Federal nº 5154/04 e Lei Federal nº 11741/08) PLANO DE CURSO Área: Eletroeletrônica

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2013. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC Paulino Botelho ( Extensão Esterina Placco ) Código: 091.01 Município:São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão de Negócios Habilitação Profissional: Técnico

Leia mais

PLANEJAMENTO DIDÁTICO PEDAGÓGICO

PLANEJAMENTO DIDÁTICO PEDAGÓGICO PLANEJAMENTO DIDÁTICO PEDAGÓGICO Componente Curricular: ELETROELETRÔNICA APLICADA Módulo I Professor: Danilo de Carvalho / Danilo Ramos Stein / Enrico André Santos Castro Carga Horária prevista: 60 horas

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC Paulino Botelho Extensão EE Arlindo Bitencourt Código: 091.02 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Habilitação

Leia mais

Autorizado pela Portaria nº 1.205 de 27/08/10 DOU de 30/08/10

Autorizado pela Portaria nº 1.205 de 27/08/10 DOU de 30/08/10 C U R S O D E AR Q U I T E T U R A E U R B A N I S M O Autorizado pela Portaria nº 1.205 de 27/08/10 DOU de 30/08/10 Componente Curricular: Instalações e Equipamentos I Código: ARQ-044 Pré-requisito: -----

Leia mais

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA BÁSICA

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA BÁSICA EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA BÁSICA 2º ANO Nome da disciplina: Física Geral II Carga horária: 90h Acústica e Ondas. Óptica Física e Geométrica. Lei de Coulomb; Campo Elétrico. Lei de Gauss. Potencial. Capacitância.

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio Etec ETEC de Mairiporã Código: 271 Município: Mairiporã Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnico em Contabilidade

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2014

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 2014 Escola Técnica Estadual Dr. José Luiz Viana Coutinho Código: 073 Município: Jales EE Dom Artur Horthuis Eixo Tecnológico:

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio - ETIM FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2012

Ensino Técnico Integrado ao Médio - ETIM FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2012 Ensino Técnico Integrado ao Médio - ETIM FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 2012 ETEC Código: Município: Eixo Tecnológico: Habilitação Profissional: Qualificação: C.H. Semanal: Professor:

Leia mais

Data 23/01/2008. Guia do Professor. Introdução

Data 23/01/2008. Guia do Professor. Introdução Guia do Professor Data 23/01/2008 Introdução A inserção de tópicos da Eletricidade nas escolas de nível básico e médio é fundamental para a compreensão de alguns fenômenos da vida moderna. Você já imaginou

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico ETEC MONSENHOR ANTONIO MAGLIANO Código: 088 Município: Garça Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais Habilitação Profissional: Técnico de Nível

Leia mais