INTUIÇÃO & TIPOS INCOMUS DA MEDIUNIDADE. Roberto Camilo, Carlos Rocha & Franciene Briand 15 e 16 de setembro de 2013 OBJETIVOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INTUIÇÃO & TIPOS INCOMUS DA MEDIUNIDADE. Roberto Camilo, Carlos Rocha & Franciene Briand 15 e 16 de setembro de 2013 OBJETIVOS"

Transcrição

1 INTUIÇÃO & TIPOS INCOMUS DA MEDIUNIDADE Roberto Camilo, Carlos Rocha & Franciene Briand 15 e 16 de setembro de 2013 OBJETIVOS CONCEITUAR INTUIÇÃO E IDENTIFICAR TIPOS INCOMUNS DE MEDIUNIDADE. 1

2 CONCEITO DE INTUIÇÃO [ DO LATIM INTUERI= INTUIR + -ÇÃO] 1. ato de ver, perceber,discernir de forma clara ou imediata. 2. ato ou capacidade de pressentir. 3. Percepçãona sua plenitude de uma verdade que, normalmente, não se chega por meio da razão ou do conhecimento discursivo ou analítico. Dic. Aurélio. CONCEITO DE INTUIÇÃO Conhecimento imediato de alguma coisa Conhecimento antecipado Conhecimento da essência das coisas. Manifestação da faculdade anímica Reflete aprendizado desenvolvido em épocas passadas ou no plano espiritual. Planejamento reencarnatório. Manifestação da faculdade mediúnica Decorrem da ação dos Espíritos sobre o instrumento humano, o médium. EPM, modúlo III pag.155 2

3 Animado pelos êxitos dos raios de Roentgen, Henri Becquerel, com o auxílio de amigos espirituais, porque até então o gênio científico na Terra desconhecida o extenso cabedal radioativo do urânio, escolhe esse elemento para a pesquisa de novas fontes de raios x e surpreendentemente as radiações diferentes que encaminharam o casal Curie à descoberta do rádio. André Luiz. Cap2, pag.36 INTUIÇÃO Todos os homens participam dos poderes da intuição, no divino tabernáculo da consciência, e todos podem desenvolver suas possibilidades nesse sentido, no domínio da elevação espiritual. Não são fundamentalmente necessárias as grandes manifestações fenomênicas da mediunidade para que se estabeleçam movimentos de intercâmbio entre os planos visível e invisível. Livro caminho, verdade e vida Item 156 3

4 MECANISMODA INTUIÇÃO MEDIÚNICA O mecanismo está assentado basicamente no princípio de identificação e assimilação mental de ideias semelhantes ou afins EPM MECANISMO DA INTUIÇÃO A transmissão do pensamento também se dá por meio do espírito do médium, ou melhor, de sua alma, pois que por este nome designamos o espírito encarnado. L.M. item 180 4

5 INTUIÇÃO E MEDIUNIDADE A intuição não é definida uma mediunidade específica, mas como uma forma ou de algum tipo de mediunidade de efeitos intelectuais se expressarem. L.M. Pág.191 à 243 INTUIÇÃO E MEDIUNIDADE PSICÓGRAFO Mecânicos Semimecânicos Intuitivos L.M. Pág. 191 à 243 5

6 INTUIÇÃO E MEDIUNIDADE O médium intuitivo age como o faria um intérprete. Este, de fato, para transmitir o pensamento, precisa compreendê-lo, apropriarse dele, de certo modo, traduzí-lo fielmente e, no entanto, esse pensamento não é seu, apenas lhe atravessa o cérebro. Tal precisamente o papel do médium intuitivo. L.M., cap. 15, item 180 INTUIÇÃO E MEDIUNIDADE Variedades dos médiuns intuitivos Médiuns Inspirados -Espíritos sugerem ideias relativas a grandes trabalhos de inteligência. Médiuns de Pressentimentos - Intuição vaga de coisas vulgares que ocorrerão no futuro L.M., cap. 16, item

7 Mediunidade de Efeitos Inteligentes Manifestações Mediúnicas Artísticas Pela arte é possível captar a realidade de forma imediata, intuitiva e sensível. O sentimento é o veículo que a arte se expressa, retratando emoções positivas ou negativas, tais como alegria, esperança, tristeza ou desespero. EPMMod.III Mediunidade de Efeitos Inteligentes Manifestações Mediúnicas Artísticas Exemplos de tipos de médiuns artista são: 1.Pintores 2.Músicos 3.Versejadores 4.Poetas 5.Literários 6.Historiadores 7

8 Mediunidade de efeitos inteligentes Médiuns de Psicometria [...] significa registro, apreciação da atividade intelectual, entretanto, nos trabalho mediúnicos, esta palavra designa a faculdade de ler impressões e recordações ao contato de objetos comuns. XAVIER, Francisco C, Nos Domínios da Mediunidade. Cap 26 Mediunidade de efeitos inteligentes Médiuns Poliglotas Têm a faculdade de falar ou escrever em línguas que lhe são estranhas. São raros, são médiuns de xenoglossia (Xeno= diferente, estrangeiro; glosso= língua). EPM MOD.III 8

9 XENOGLOSSIA E GLOSSOLALIA É importante distinguir mediunidade poliglota ou de xenoglossia das manifestações incoerentes da glossolalia. Glossolalia (glosso = língua, lalia = balbucio) é a repetição de colocações sem sentido, não relacionadas ao assunto ou situação envolvida. Dicionário Médico Enciclopédico Taber. MEDIUNIDADE ESPECULAR No Congresso Espírita Mundial 2004, Paris, Divaldo Franco recebeu uma mensagem de Léon Denis, escrita em francês e invertida. 9

10 O MÉDIUM PRECISA DESENVOLVER 1-A meditação; 2-O auto conhecimento na nossa maneira de expressão, hábitos, estilo que nos são peculiares, identificação das nossas faixas de pensamentos; 3-Leitura e estudo edificante; 4- Vigilância e oração. ECTOPLASMA Recursos periféricos do citoplasma exteriorizados do corpo carnal do médium, sob influência das forças circulantes do ambiente, para a efêmera constituição de formas diversas. (ANDRÉ LUIZ, Cap. 17, Evolução em dois mundos) 10

11 ECTOPLASMA - composição Composição exata é incerta, mas contém: 1.Proteínas; 2.Gorduras; 3.Leucócitos; 4.Fosfato; 5.Tecido cartilaginoso; 6.Células em formação; 7.Células vegetais; Assemelha-se a albumina (proteína presente no plasma sanguíneo). (Charles Richet, Dombrowsky, Scherenk-Notzing, Andrade) Cura Mediúnica O médium possui o dom de curar pessoas pelo toque, pelo olhar, pelo gesto, sem uso de medicação. (L. M. Segunda parte, Cap. 14, item 175) Substituição de moléculas que depende da vontade. (Kardec) Caso exista impeditivos carnais a cura, proporciona-se alívio. Cirurgias Espirituais e Cirurgias com teletrasporte. (Kardec) 11

12 Os meios da Cura Mediúnica 1.Aplicação de passe; 2.Água fluidificada; 3.Oração; 4.Fé; 5.Transmissão fluídica presencial ou a distância; 6.Reajuste do espírito segundo a Lei de Deis; Mediunidade de efeitos físicos Cura Mediúnica Jesus curava através da vontade e do magnetismo, pelo grande poder de doação, amor e bondade. 12

13 Mediunidade de efeitos físicos Agêneres -O QUE NÃO FOI GERADO - Modalidade de aparição ou materialização tangível e temporária. (L. M. Cap. 32) O caso de Tobias, - presente vários dias durante uma viagem. Um espírito que arrumou um emprego para um pessoa. (R.E., Fev'1859) O caso de Bezerra de Menezes que conseguiu um emprego. (RAMIRO GAMA, Lindos casos de Bezerra de Menezes, Cap. 28) Mediunidade de efeitos físicos Fotografia dos Espíritos São fotografias de cenas do plano espiritual por meio da materialização do pensamento(ideoplastia). Duração depende da persistência do pensamento. EPM. Mod.III 13

14 Mediunidade de efeitos físicos Levitação (mediunidade de translação ou suspensão) Elevação no ar passível de deslocamento, mas sem evidente causa física. O espírito combina seu fluido com o do médium para saturar o alvo da levitação. EPMMod. III REFERÊNCIAS 1.KARDEC, Allan. O Livro dos espíritos, p. 218-a, p.393, p ,OLivrodosMédiuns,Cap14,item159,Cap 15, item 180, p , p 231, Cap 16, item 190, item 191,Cap19,item223 3.XAVIER, Francisco Candido. O Consolador. P. 122, 4.XAVIER, Francisco Candido e VIEIRA, Waldo. Evolução em dois mundos. Primeira parte, cap 17 14

15 REFERÊNCIAS 5.XAVIER, Francisco Candido e VIEIRA, Waldo. Mecanismos da mediunidade, Cap 19, Item: Em outros fenômenos. 6.,Nosdomíniosdamediunidade.Cap28 7.KARDEC,Allan.AGênese,cap14,item14,item31,item35 8., O Livro dos Médiuns, Segunda parte, Cap 4, Cap 14, item175,cap32,itemagenere 9.EPM,MóduloII,Roteiro1 10.Emmanuel,Caminho,verdadeevida,Item156 15

COEM. CEUH Centro Espírita União e Humildade. Curso de Orientação e Educação Mediúnica. 7ª Sessão Classificação Mediúnica

COEM. CEUH Centro Espírita União e Humildade. Curso de Orientação e Educação Mediúnica. 7ª Sessão Classificação Mediúnica CEUH Centro Espírita União e Humildade Ponta Grossa / PR COEM Curso de Orientação e Educação Mediúnica 7ª Sessão Classificação Mediúnica - Mediunidade - Médium - Fenômenos Mediúnicos COEM - Curso de Orientação

Leia mais

precisamos considerar que a mente permanece na base de todos os fenômenos mediúnicos. (...)" (05)

precisamos considerar que a mente permanece na base de todos os fenômenos mediúnicos. (...) (05) ADAPTAÇÃO PSÍQUICA precisamos considerar que a mente permanece na base de todos os fenômenos mediúnicos. (...)" (05) Esta afirmação, simples e objetiva, define com clareza o papel da mente nas atividades

Leia mais

DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho

DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho 1 DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho 2 3 A consciência e Deus A consciência é o fio invisível de contato com Deus e analisa cada um dos nossos pensamentos, sentimentos e ações, aprovando-os ou

Leia mais

21 DE MAIO DE 2010 ALGUNS COMENTÁRIOS ESPÍRITAS ANTE AS FUNÇÕES CEREBRAIS

21 DE MAIO DE 2010 ALGUNS COMENTÁRIOS ESPÍRITAS ANTE AS FUNÇÕES CEREBRAIS 21 DE MAIO DE 2010 ALGUNS COMENTÁRIOS ESPÍRITAS ANTE AS FUNÇÕES CEREBRAIS Nos últimos anos, a neurociência sofreu uma explosão no campo da pesquisa. A cada dia, surgem novas técnicas, como mapeamentos

Leia mais

A participação do médium nos fenômenos espirituais

A participação do médium nos fenômenos espirituais A participação do médium nos fenômenos espirituais O programa da Doutrina não será, pois, invariável senão sobre os princípios passados ao estado de verdades constatadas; para os outros, ela não os admitirá,

Leia mais

EDUCAÇÃO, CAPACITAÇÃO, PREPARO E CUIDADO DO TRABALHADOR DA REUNIÃO MEDIUNICA. Amanda e Denise

EDUCAÇÃO, CAPACITAÇÃO, PREPARO E CUIDADO DO TRABALHADOR DA REUNIÃO MEDIUNICA. Amanda e Denise EDUCAÇÃO, CAPACITAÇÃO, PREPARO E CUIDADO DO TRABALHADOR DA REUNIÃO MEDIUNICA OBJETIVOS: Explicar como se realiza a educação do médium; Destacar a importância da capacitação contínua do trabalho do grupo

Leia mais

PSICOGRAFIA 1ª FASE - MENTOR ESPIRITUAL FAZ O ISOLAMENTO DO CÓRTEX CEREBRAL DO MÉDIUM

PSICOGRAFIA 1ª FASE - MENTOR ESPIRITUAL FAZ O ISOLAMENTO DO CÓRTEX CEREBRAL DO MÉDIUM PSICOGRAFIA 186 PSICOGRAFIA É a mediunidade pela qual os espíritos influenciam a pessoa, levando-a a escrever. Os que a possuem são denominados médiuns escreventes ou psicógrafos. O primeiro meio empregado

Leia mais

Natureza / Características / Etapas / Organização / Funcionamento. Marlene Valéria - Emerson

Natureza / Características / Etapas / Organização / Funcionamento. Marlene Valéria - Emerson Natureza / Características / Etapas / Organização / Funcionamento Marlene Valéria - Emerson Entender o que é uma reunião mediúnica. Saber identificar uma reunião mediúnica pela sua natureza e característica.

Leia mais

Falando sobre mediunidade

Falando sobre mediunidade Falando sobre mediunidade Para início de conversa, é preciso fazer uma distinção entre mediunidade e espiritismo, já que não foi este quem a inventou. Desta forma, temos médiuns e fenômenos mediúnicos

Leia mais

1. Fatos Espíritas através dos Tempos... 11 2. Kardec e a Codifi cação... 21 3. O Que o Espiritismo Prega... 29 4. Diferenças Fundamentais...

1. Fatos Espíritas através dos Tempos... 11 2. Kardec e a Codifi cação... 21 3. O Que o Espiritismo Prega... 29 4. Diferenças Fundamentais... CAMPINAS-SP 2003 Sumário A Doutrina 1. Fatos Espíritas através dos Tempos...11 O anúncio de uma nova era...12 Em Hydesville, o primórdio...13 O neo-espiritualismo...17 2. Kardec e a Codificação...21 Primeiras

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Mediunidade (Consciência, Desenvolvimento e Educação) Palestrante: Vania de Sá Earp Rio de Janeiro 16/06/2000 Organizadores da palestra:

Leia mais

módulo MECANISMOS DA MEDIUNIDADE da fisiologia da comunicação mediúnica 1ª parte

módulo MECANISMOS DA MEDIUNIDADE da fisiologia da comunicação mediúnica 1ª parte sugerida II módulo MECANISMOS DA MEDIUNIDADE 1ª parte da fisiologia da comunicação mediúnica 2 Primeira parte 9 OS FLUIDOS Elementos fluídicos. Ação dos espíritos sobre os fluidos Criações fluídicas; fotografia

Leia mais

CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA

CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA A APLICAÇÃO DE PASSES O MÉDIUM APLICADOR DE PASSES O MÉDIUM APLICADOR DE PASSES Vimos em nossa 4ª. vídeo-aula sobre fluidoterapia espírita que

Leia mais

INFLUÊNCIA DOS ESPÍRITOS EM NOSSOS PENSAMENTOS E ATOS

INFLUÊNCIA DOS ESPÍRITOS EM NOSSOS PENSAMENTOS E ATOS INFLUÊNCIA DOS ESPÍRITOS EM NOSSOS PENSAMENTOS E ATOS SINTONIA VIBRATÓRIA E AFINIDADE MORAL Vimos antes que matéria e energia são aspectos de uma mesma realidade. Podem parecer muito diferentes aos nossos

Leia mais

Fisiologia das Curas Espirituais Abordagem científica e espírita. Firmino Haag 16.03.2015

Fisiologia das Curas Espirituais Abordagem científica e espírita. Firmino Haag 16.03.2015 Fisiologia das Curas Espirituais Abordagem científica e espírita Firmino Haag 16.03.2015 A mediunidade curadora consiste [...] no dom que certas pessoas possuem de curar pelo simples toque, pelo olhar,

Leia mais

CEMB- CURSO DE RECICLAFEM DE PASSE 22.07.2015

CEMB- CURSO DE RECICLAFEM DE PASSE 22.07.2015 1. Fluido Cósmico Universal 2. Fluido Vital 3. Perispírito 4. Centro de Força 5. Passes 6. Mediunidade Curadora 7. Mediunidade Gratuita (Parte Moral) 1. Fluído Cósmico: a. Se constitui da matéria elementar

Leia mais

10a edição CAMPINAS SP 2013

10a edição CAMPINAS SP 2013 10 a edição CAMPINAS SP 2013 SUMÁRIO Apresentação... IX PRIMEIRA UNIDADE CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES 1. Mediunidade e doutrina espírita...3 2. Importância do método e do estudo prévio...9 3. Reuniões doutrinárias

Leia mais

SEF Sociedade Espírita Fraternidade Estudo Teórico-prático da Doutrina Espírita

SEF Sociedade Espírita Fraternidade Estudo Teórico-prático da Doutrina Espírita SEF Sociedade Espírita Fraternidade Estudo Teórico-prático da Doutrina Espírita Unidade 18 TEMA : MEDIUNIDADE: Conceito e Tipos. Definições Mediunismo, Mediunato, Médium. A Predisposição Mediúnica. O Desenvolvimento

Leia mais

FUIDOTERAPIA - IRRADIAÇÃO

FUIDOTERAPIA - IRRADIAÇÃO FUIDOTERAPIA - IRRADIAÇÃO 284 FLUIDOTERAPIA NA CASA ESPÍRITA IRRADIAÇÃO O QUE É IRRADIAÇÃO? Irradiação: [do latim irradiare = irradiar + ção]. Ato ou efeito de emitir ondas, lançar raios de luz ou de calor,

Leia mais

A DESCOBERTA DA OUTRA FACE DA NATUREZA OU DO OUTRO LADO DA VIDA SÓ PODERIA SER FEITA DEPOIS DO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO. (J.H.

A DESCOBERTA DA OUTRA FACE DA NATUREZA OU DO OUTRO LADO DA VIDA SÓ PODERIA SER FEITA DEPOIS DO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO. (J.H. A DESCOBERTA DA OUTRA FACE DA NATUREZA OU DO OUTRO LADO DA VIDA SÓ PODERIA SER FEITA DEPOIS DO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO. (J.H.PIRES) FILOSOFIA ESPÍRITA E MEDIUNIDADE Autoria: Projeto Estudos Filosóficos

Leia mais

Estrutura Pedagógica da Escola de Evangelização Espírita Infanto- Juvenil

Estrutura Pedagógica da Escola de Evangelização Espírita Infanto- Juvenil Plano Curricular Federação Espírita Brasileira Estrutura Pedagógica da Escola de Evangelização Espírita Infanto- Juvenil Maternal 3 e 4 anos Jardim 5 e 6 anos Infância 1º ciclo 7 e 8 anos Infância 2º ciclo

Leia mais

A faculdade mediúnica:conceito, classificação e eclosão da mediunidade. MONITORES : Amanda, Denise e Aparecida Lira

A faculdade mediúnica:conceito, classificação e eclosão da mediunidade. MONITORES : Amanda, Denise e Aparecida Lira A faculdade mediúnica:conceito, classificação e eclosão da mediunidade. MONITORES : Amanda, Denise e Aparecida Lira OBJETIVOS: CONCEITUAR MÉDIUM E MEDIUNIDADE SOB A ÓTICA ESPIRÍTA; DEFINIR E CARACTERIZAR

Leia mais

Índice. 3. Referências Bibliográficas...6

Índice. 3. Referências Bibliográficas...6 1 Índice Aula VI: Legiões Espirituais, Incorporação e Psicografia... 3 1.2. Legiões Espirituais... 3 1.3. Mediunidade da Incorporação e Psicografia... 4 1.4. Desenvolvimento Mediúnico na Prática Aula VI...

Leia mais

14/08/2013. Entender o processo do desdobramento natural e provocado como grande recurso de renovação moral e auxilio aos trabalhos da Casa Espírita.

14/08/2013. Entender o processo do desdobramento natural e provocado como grande recurso de renovação moral e auxilio aos trabalhos da Casa Espírita. Entender o processo do desdobramento natural e provocado como grande recurso de renovação moral e auxilio aos trabalhos da Casa Espírita. 1 Espontâneo * Sono * Cochilo Induzido * Auto induzido * Hipnótico

Leia mais

Seminário: Terapia pelos Passes

Seminário: Terapia pelos Passes 1 Atividade Integrativa Para a tarefa do passe, no plano espiritual, não basta boa vontade. São necessárias qualidades de ordem superior e conhecimentos especializados. Padrão superior de elevação mental

Leia mais

A cura da mulher que sangrava. Roteiro 1

A cura da mulher que sangrava. Roteiro 1 A cura da mulher que sangrava Roteiro 1 FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro III - Ensinos e Parábolas de Jesus Parte 2 Módulo IV Aprendendo com as curas Objetivos

Leia mais

AULA 20 MEDIUNIDADE: O QUE É E COMO PRATICÁ-LA

AULA 20 MEDIUNIDADE: O QUE É E COMO PRATICÁ-LA É natural que nos comuniquemos com os Espíritos desencarnados e eles conosco, porque também somos Espíritos, embora estejamos encarnados. Pelos sentidos físicos e órgãos motores, tomamos contato com o

Leia mais

MECANISMOS DA CURA ESPIRITUAL

MECANISMOS DA CURA ESPIRITUAL MECANISMOS DA CURA ESPIRITUAL 257 MEDIUNIDADE CURADORA A MEDIUNIDADE DE CURA E A MEDIUNIDADE DE EFEITOS FÍSICOS A mediunidade curadora é a capacidade que certos médiuns possuem de curarem moléstias do

Leia mais

Fenômenos mediúnicos

Fenômenos mediúnicos Mediunidade Fenômenos mediúnicos ESTUDO, AUTOCONHECIMENTO E ESPÍRITO DE CARIDADE. UMA ANÁLISE DAS DIRETRIZES PARA QUE O MÉDIUM POSSA AGIR COM SEGURANÇA Deuza Nogueira Entrevista realizada no canal IRC

Leia mais

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo I Esperanças e

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo I Esperanças e FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo I Esperanças e Consolações Objetivos Explicar como se manifesta a ação

Leia mais

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Programa Filosofia e Ciência Espíritas. Roteiro 9

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Programa Filosofia e Ciência Espíritas. Roteiro 9 FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Programa Filosofia e Ciência Espíritas Roteiro 9 Objetivos Conceituar Espírito do ponto de vista filosófico, científico e religioso

Leia mais

GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE

GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE / Data:09/10-Junho-2013. Aula 21 Irradiação mental Conhecer os elementos e meios básicos para a ação da irradiação mental de forma adequada e segura. 1 FLUÍDO 1. Fluido

Leia mais

ESTA É A FORMA PELA QUAL SE ESTABELECE UMA COMUNICAÇÃO ENTRE ESPÍRITOS. PORÉM, PARA SUA MELHOR REALIZAÇÃO, É PRECISO QUE O MÉDIUM ESTUDE A

ESTA É A FORMA PELA QUAL SE ESTABELECE UMA COMUNICAÇÃO ENTRE ESPÍRITOS. PORÉM, PARA SUA MELHOR REALIZAÇÃO, É PRECISO QUE O MÉDIUM ESTUDE A Especial 18 ESTA É A FORMA PELA QUAL SE ESTABELECE UMA COMUNICAÇÃO ENTRE ESPÍRITOS. PORÉM, PARA SUA MELHOR REALIZAÇÃO, É PRECISO QUE O MÉDIUM ESTUDE A DOUTRINA, A FIM DE EVITAR DÚVIDAS E INSEGURANÇAS EM

Leia mais

Objetivo. A Vida no Mundo Espiritual. Desencarnação. Conhecer o processo da desencarnação identificando as principais causas do temor da morte.

Objetivo. A Vida no Mundo Espiritual. Desencarnação. Conhecer o processo da desencarnação identificando as principais causas do temor da morte. A Vida no Mundo Espiritual Desencarnação Meg Barros Patrícia Lima Fernanda Alencar Objetivo Conhecer o processo da desencarnação identificando as principais causas do temor da morte. 1 Conceito Desencarnar

Leia mais

MEDIUNIDADE ESTUDO E PRÁTICA O TRANSE FACILITADOR: MODESTO ANTONIO CHAVES

MEDIUNIDADE ESTUDO E PRÁTICA O TRANSE FACILITADOR: MODESTO ANTONIO CHAVES MEDIUNIDADE ESTUDO E PRÁTICA O TRANSE FACILITADOR: MODESTO ANTONIO CHAVES TRANSES Todas as manifestações do psiquismo humano, boas ou más, fazem ressonância na mente do ser encarnado ou desencarnado. As

Leia mais

11-05-2014 Mediunidade de Saúde ou da Harmonia.

11-05-2014 Mediunidade de Saúde ou da Harmonia. 11-05-2014 Mediunidade de Saúde ou da Harmonia. Pedro (Espírito) Psicofonia compilada por Maria José Gontijo Revisão Filipe Alex da Silva Resumo: Trata-se de uma contextualização sobre os médiuns curadores.

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: A Vida no Além Túmulo Palestrante: Guilherme Kremer Rio de Janeiro 07/07/2000 Organizadores da palestra: Moderador: "Luno" (nick:

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br. Tema: Passes e Curas Espirituais. Palestrante: Alexandre Lobato

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br. Tema: Passes e Curas Espirituais. Palestrante: Alexandre Lobato Palestra Virtual Promovida pelo IRC- Espiritismo http://www.ircespiritismo.org.br Tema: Passes e Curas Espirituais Palestrante: Alexandre Lobato Rio de Janeiro 09/01/2004 Organizadores da palestra: Moderador:

Leia mais

Mediunidade Ato de mediar Intermediar

Mediunidade Ato de mediar Intermediar S SS SÍRS S S L ediunidade to de mediar ntermediar H/S/agosto.2011 S SS SÍRS S S L R SR RZ, XL RS RSS H BS QLBR SVLV SSBL SSV RÁ R, SLR e HL S SS SÍRS S S L SÊ o complexo mecanismo da consciência humana,

Leia mais

Curso da OAM (Obreiros do Amor e Misericórdia) 1º módulo (24/Fev a 30/Jun)

Curso da OAM (Obreiros do Amor e Misericórdia) 1º módulo (24/Fev a 30/Jun) Curso da OAM (Obreiros do Amor e Misericórdia) 1º módulo (24/Fev a 30/Jun) - ORIENTAÇÕES E AGENDA DO CURSO - CASA DE CURA - QUEM É DEUS? - O QUE É ESPIRITISMO - O QUE É FLUIDO - TIPOS DE ESPÍRITOS COORDENADORES

Leia mais

Hora de pedirmos Perdão

Hora de pedirmos Perdão Hora de pedirmos Perdão Quando, no seu pontificado, o papa João Paulo II surpreendeu o mundo com coragem de pedir perdão a todos pelos gravíssimos erros cometidos por alguns membros da Igreja no passado,

Leia mais

As três revelações divinas: Moisés, Jesus e Kardec

As três revelações divinas: Moisés, Jesus e Kardec FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro II Ensinos e Parábolas de Jesus Módulo I Metodologia para o estudo do Evangelho à luz da Doutrina Espírita As três revelações

Leia mais

TÓPICOS. 9. Evangelho no Lar Exceções 10. Mensagem de André Luiz

TÓPICOS. 9. Evangelho no Lar Exceções 10. Mensagem de André Luiz REUNIÕES MEDIÚNICAS TÓPICOS 1.Conceito de Reunião Mediúnica 2.Características 3.Responsabilidade do Médium 4.Condições para a realização de uma reunião mediúnica 5.Objetivo e natureza das reuniões 6.Necessidades

Leia mais

21/08/2014. Facilitador(a): Alex, Islanita e Paulo OBJETIVO. Entender a função duplo etérico

21/08/2014. Facilitador(a): Alex, Islanita e Paulo OBJETIVO. Entender a função duplo etérico Duplo Etérico Facilitador(a): Alex, Islanita e Paulo OBJETIVO Entender a função duplo etérico 1 O Homem e seus Corpos CORPOS SUTIS São veículos de manifestação do nosso espírito/consciência, que se subdividem

Leia mais

CENTRO ESPÍRITA "ISMAEL" DEPARTAMENTO DE ENSINO DOUTRINÁRIO AV. HENRI JANOR, 141, JAÇANÃ -SP TELEFONE: 6242-6747

CENTRO ESPÍRITA ISMAEL DEPARTAMENTO DE ENSINO DOUTRINÁRIO AV. HENRI JANOR, 141, JAÇANÃ -SP TELEFONE: 6242-6747 CENTRO ESPÍRITA "ISMAEL" DEPARTAMENTO DE ENSINO DOUTRINÁRIO AV. HENRI JANOR, 141, JAÇANÃ -SP TELEFONE: 6242-6747 APOSTILA EXERCÍCIO PRÁTICO MEDIÚNICO (TIPOS, SUBSÍDIOS E BIBLIOGRAFIA) (org. por Sérgio

Leia mais

Relatório Individual por : CARIDADE

Relatório Individual por : CARIDADE MANUAL E DICIONÁRIO BÁSICO DO ESPI 26 A.CAVERSAN/GEZIEL ANDRA G.E.DO LAR 02a A PRECE SEGUNDO O EVANGELHO 11;30 ALLAN KARDEC ALLAN KARDEC - F.PEREIRA JR F.E.B. 35a O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO 149;182;203;233;248

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Diferentes tipos de mediunidade. Palestrante: Rafael Bilhar. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Diferentes tipos de mediunidade. Palestrante: Rafael Bilhar. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Diferentes tipos de mediunidade Palestrante: Rafael Bilhar Rio de Janeiro 18/03/2005 Organizadores da Palestra: Moderador:

Leia mais

Estudo Numerológico Escolha de nome de bebê

Estudo Numerológico Escolha de nome de bebê Estudo Numerológico Escolha de nome de bebê Os metafísicos afirmam que a alma escolhe a família antes do nascimento e, intui os pais na escolha do nome que possa refletir suas capacidades. O momento em

Leia mais

Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo

Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo Curso de Passes 2015 (Aula 1 - Reflexões) Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo Informações sobre o curso Início: Neste dia Duração: Algumas Reencarnações Objetivo: Melhoria pessoal ( ajuda na reforma

Leia mais

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro III Ensinos e Parábolas de Jesus Parte 2 Módulo VI Aprendendo com Fatos

FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro III Ensinos e Parábolas de Jesus Parte 2 Módulo VI Aprendendo com Fatos FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro III Ensinos e Parábolas de Jesus Parte 2 Módulo VI Aprendendo com Fatos Extraordinários Objetivos Explicar o fenômeno de transfiguração,

Leia mais

PLANO DE AULA. Figura b Quando a pessoa é descrente e desconfiada, torna-se refratária e repele os fluídos que buscam envolvê-la.

PLANO DE AULA. Figura b Quando a pessoa é descrente e desconfiada, torna-se refratária e repele os fluídos que buscam envolvê-la. ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 19 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) II CICLO B IDADES: 09/10 1. TEMA: Serviços mediúnicos. PLANO DE AULA 2. OBJETIVO: Levar à compreensão

Leia mais

Tormentos do Homem Moderno

Tormentos do Homem Moderno Tormentos do Homem Moderno Um análise à luz do Espiritismo André Henrique de Siqueira Atualidade Torna Caim ao fausto do proscênio. A Civilização regressa à taba. A força primitiva menoscaba A evolução

Leia mais

CENTRO ESPÍRITA CAMINHANDO PARA JESUS Rua Dr. Machado, 168 - Campo Grande - Recife - PE - www.cecpj.org.br PROGRAMAÇÃO: DEZEMBRO/2015 QUADRO DE AVISOS

CENTRO ESPÍRITA CAMINHANDO PARA JESUS Rua Dr. Machado, 168 - Campo Grande - Recife - PE - www.cecpj.org.br PROGRAMAÇÃO: DEZEMBRO/2015 QUADRO DE AVISOS CENTRO ESPÍRITA CAMINHANDO PARA JESUS Rua Dr. Machado, 168 - Campo Grande - Recife - PE - www.cecpj.org.br PROGRAMAÇÃO: DEZEMBRO/2015 QUADRO DE AVISOS DATAS AUDITÓRIO B TEMA BIBLIOGRAFIA BÁSICA LEGENDA

Leia mais

TIPOS DE ESPÍRITOS COMUNICANTES - I. Monitores: Alice Akemi Maria José

TIPOS DE ESPÍRITOS COMUNICANTES - I. Monitores: Alice Akemi Maria José TIPOS DE ESPÍRITOS COMUNICANTES - I Monitores: Alice Akemi Maria José Objetivos Entender como se processa a mensagem mediúnica no psiquismo do médium. Conhecer os meios de identificação dos Espíritos comunicantes

Leia mais

Grupo de Fraternidade Espírita Frei Germano. Rua Paraúna n.º 350 Conjunto Celso Machado Bairro Serrano Belo Horizonte Minas Gerais

Grupo de Fraternidade Espírita Frei Germano. Rua Paraúna n.º 350 Conjunto Celso Machado Bairro Serrano Belo Horizonte Minas Gerais Grupo de Fraternidade Espírita Frei Germano Rua Paraúna n.º 350 Conjunto Celso Machado Bairro Serrano Belo Horizonte Minas Gerais GRUPOS DE ESTUDOS DA MEDIUNIDADE ------------------ 12º MÓDULO ------------------

Leia mais

MÉDIUM: CONCEITO, CLASSIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MEDIÚNICO

MÉDIUM: CONCEITO, CLASSIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MEDIÚNICO MÉDIUM: CONCEITO, CLASSIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MEDIÚNICO CONCEITO DE MÉDIUM E MEDIUNIDADE A palavra médium é uma expressão latina que significa "meio" ou "intermediário". Allan Kardec apropriou-se dessa

Leia mais

CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA

CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA CURSO FLUIDOTERAPIA ESPÍRITA: PASSES E ÁGUA FLUIDIFICADA O QUE É E EM QUE SE FUNDAMENTA O PASSE O QUE É O PASSE O QUE É O PASSE Q. 98 O Consolador Emmanuel Nos processos de cura, como deveremos compreender

Leia mais

CASAS ASSOMBRADAS 238

CASAS ASSOMBRADAS 238 CASAS ASSOMBRADAS 238 1. MANIFESTAÇÃO FÍSICAS - LUGARES ASSOMBRADOS Ao tratarem dessa questão em 0 Livro dos Médiuns", procuraram os orientadores espirituais mostrar o caráter natural desses fenômenos.

Leia mais

EMANCIPAÇÃO DA ALMA 2. Compreender o fenômeno de emancipação da alma (desdobramento) no transe mediúnico.

EMANCIPAÇÃO DA ALMA 2. Compreender o fenômeno de emancipação da alma (desdobramento) no transe mediúnico. EMANCIPAÇÃO DA ALMA 2 DESDOBRAMENTO MEDIÚNICO Facilitadores Mônica Oliveira Priscila Marinho 19 e 20/04/15 Saul Campos 19-20/04/2015 CEM-Coordenadoria de Estudos Mediúnicos GEM Grupo de Estudo da mediunidade

Leia mais

ECTOPLASMA Definição - Natureza - Elementos essenciais -

ECTOPLASMA Definição - Natureza - Elementos essenciais - ECTOPLASMA Palavra de origem grega: ektós= indica movimento para fora; plasma: obra modelável, substância plástica. Palavra utilizada por Charles Richet para definir uma substância caracterizada como uma

Leia mais

Visão Espírita do Sono e dos Sonhos. Fontes de pesquisa:

Visão Espírita do Sono e dos Sonhos. Fontes de pesquisa: Visão Espírita do Sono e dos Sonhos Fontes de pesquisa: O Livro dos Espíritos: questões 400 a 420; O Evangelho Segundo o Espiritismo: cap. 5, item 11; cap. 28, item 38; O Livro dos Médiuns: cap. 6, item

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: Medicina Espírita e Mediunidade de Cura

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: Medicina Espírita e Mediunidade de Cura Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Medicina Espírita e Mediunidade de Cura Palestrante: Altivo Pamphiro Rio de Janeiro 13/10/2000 Organizadores da palestra: Moderador:

Leia mais

CENTRO ESPÍRITA MARIA ANGÉLICA CURSO: CIÊNCIA E ESPIRITISMO

CENTRO ESPÍRITA MARIA ANGÉLICA CURSO: CIÊNCIA E ESPIRITISMO CENTRO ESPÍRITA MARIA ANGÉLICA CURSO: CIÊNCIA E ESPIRITISMO DO CURSO: Geral: Viabilizar o entendimento dos fenômenos espirituais com base no conhecimento científico, aceito na atualidade. Específicos:

Leia mais

PROJEÇÃO ASTRAL CONSCIENTE

PROJEÇÃO ASTRAL CONSCIENTE www.espiritualistas.org PROJEÇÃO ASTRAL CONSCIENTE 29 de setembro de 2005 PROJEÇÃO ASTRAL - ARTIGO N O 1 Caros amigos, sair do corpo físico de forma inconsciente não é útil para se absorver conhecimentos

Leia mais

Yvonne, uma heroína silenciosa (Pedro Camilo) cap. 2 e 5. Sublimação (Yvonne A. Pereira/Charles e Léon Tolstoi) cap. 2, 5 e 6

Yvonne, uma heroína silenciosa (Pedro Camilo) cap. 2 e 5. Sublimação (Yvonne A. Pereira/Charles e Léon Tolstoi) cap. 2, 5 e 6 CENTRO ESPÍRITA ILDEFONSO CORREIA O ENSINO ESPÍRITA NA OBRA DE YVONNE PEREIRA BIBLIOGRAFIA 1.UM ESTUDO SOBRE REENCARNAÇÃO 1.1 Yvonne do Amaral Pereira vida e obras dados biográficos principais a mediunidade:

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Curas Espirituais. Palestrante: Altivo Pamphiro. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Curas Espirituais. Palestrante: Altivo Pamphiro. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Curas Espirituais Palestrante: Altivo Pamphiro Rio de Janeiro 18/07/1997 Organizadores da Palestra: Moderador: "aacn" (nick: Moderador)

Leia mais

GRUPO ESPÍRITA CASA DE GUARÁ ESTUDO E PRÁTICA DA MEDIUNIDADE

GRUPO ESPÍRITA CASA DE GUARÁ ESTUDO E PRÁTICA DA MEDIUNIDADE GRUPO ESPÍRITA CASA DE GUARÁ ESTUDO E PRÁTICA DA MEDIUNIDADE Programa I Módulo 1 FEB Roteiro 3 O PASSE ESPÍRITA Ary Quadros Teixeira - Organizador A respeito das técnicas IMPOSIÇÕES E PASSES SEM TOQUES

Leia mais

PENSAMENTO ONDAS MENTAIS

PENSAMENTO ONDAS MENTAIS PENSAMENTO ONDAS MENTAIS JEANNE ACHTERBERG, KARIN COOKE, B.S., R.N., TODD RICHARDS, LEANNA J. STANDISH, N.D., LEILA KOZAK, M.S., and JAMES LAKE, Evidence for Correlations Between Distant Intentionality

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: Sexualidade e a Lei de Reprodução

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: Sexualidade e a Lei de Reprodução Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Sexualidade e a Lei de Reprodução Palestrante: Márcia Cordeiro Rio de Janeiro/RJ 25/08/2000 Organizadores da palestra: Moderador:

Leia mais

14 DE JUNHO DE 2009 ESPIRITUALIDADE, FÉ E PRECE COMO RECURSOS TERAPÊUTICOS DOS HOSPITAIS MODERNOS

14 DE JUNHO DE 2009 ESPIRITUALIDADE, FÉ E PRECE COMO RECURSOS TERAPÊUTICOS DOS HOSPITAIS MODERNOS 14 DE JUNHO DE 2009 ESPIRITUALIDADE, FÉ E PRECE COMO RECURSOS TERAPÊUTICOS DOS HOSPITAIS MODERNOS As implicações da espiritualidade na saúde vêm sendo, cientificamente, avaliadas e documentadas em centenas

Leia mais

ZALMINO ZIMMERMANN TEORIA DA MEDIUNIDADE

ZALMINO ZIMMERMANN TEORIA DA MEDIUNIDADE ZALMINO ZIMMERMANN TEORIA DA MEDIUNIDADE CAMPINAS SP 2011 SUMÁRIO Primeiras palavras... 17 Capítulo I Introdução... 19 Capítulo II O mediunismo na história... 23 Capítulo III Mediunidade Conceito Tipos...

Leia mais

O ESPÍRITO DA VERDADE

O ESPÍRITO DA VERDADE Francisco Cândido Xavier e Waldo Vieira O ESPÍRITO DA VERDADE Estudos e dissertações em torno de O evangelho segundo o espiritismo, de Allan Kardec por Espíritos diversos Sumário Em teu nome, Senhor!......

Leia mais

Aspectos relacionados à Projeção Astral. Apostila nº 3 Introdução a Projeção Astral: Ectoplasma

Aspectos relacionados à Projeção Astral. Apostila nº 3 Introdução a Projeção Astral: Ectoplasma Apresentação Em nossos estudos anteriores, mais precisamente na apostila nº 2, citamos que o Duplo Etérico contribui e é formado pela substância que é um subproduto do processo de transformação dos fluídos

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: As Formas e Efeitos do Pensamento

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br. Tema: As Formas e Efeitos do Pensamento Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: As Formas e Efeitos do Pensamento Palestrante: Gilson Bordallo Rio de Janeiro 23/06/2000 Organizadores da palestra: Moderador: Stone_

Leia mais

SOCIEDADE ESPÍRITA AMOR E CARIDADE SERVIÇO DE EVANGELIZAÇÃO DA FAMÍLIA (SEF) DEPARATAMENTO DA INFÂNCIA E JUVENTUDE (DIJ) EVANGELIZAÇÃO 2013

SOCIEDADE ESPÍRITA AMOR E CARIDADE SERVIÇO DE EVANGELIZAÇÃO DA FAMÍLIA (SEF) DEPARATAMENTO DA INFÂNCIA E JUVENTUDE (DIJ) EVANGELIZAÇÃO 2013 SOCIEDADE ESPÍRITA AMOR E CARIDADE SERVIÇO DE EVANGELIZAÇÃO DA FAMÍLIA (SEF) DEPARATAMENTO DA INFÂNCIA E JUVENTUDE (DIJ) Para a treva só há um remédio, a luz. (Monteiro Lobato) EVANGELIZAÇÃO 2013 CRONOGRAMA

Leia mais

DETERIORIZAÇÃO DO MEIO AMBIENTE NUMA ANÁLISE ESPÍRITA

DETERIORIZAÇÃO DO MEIO AMBIENTE NUMA ANÁLISE ESPÍRITA 16 DE JULHO DE 2010 DETERIORIZAÇÃO DO MEIO AMBIENTE NUMA ANÁLISE ESPÍRITA A Natureza é sempre o livro divino, onde Deus escreveu a história de sua sabedoria, livro da vida que constitui a escola de progresso

Leia mais

Hippolyte Léon Denizard Rivail 03-10-1804-31-03-1869

Hippolyte Léon Denizard Rivail 03-10-1804-31-03-1869 Hippolyte Léon Denizard Rivail 03-10-1804-31-03-1869 Centros de Força são acumuladores e distribuidores de força espiritual, situados no corpo etéreo, pelos quais transitam os fluidos energéticos de uns

Leia mais

Preparação para o trabalho

Preparação para o trabalho Preparação para o trabalho Em Seara dos Médiuns, Emmanuel afirma: Ser médium é ser ajudante do Mundo Espiritual. E ser ajudante em determinado trabalho é ser alguém que auxilia, espontaneamente, descansando

Leia mais

Não estrague o seu dia

Não estrague o seu dia você é o humor que você tem Não estrague o seu dia Poucas são as mensagens que encontrei e que tratam sobre a problemática do humor, desta forma, não podem ser desperdiçadas neste trabalho. Iniciamos nosso

Leia mais

Guia Prático para Encontrar o Seu. www.vidadvisor.com.br

Guia Prático para Encontrar o Seu. www.vidadvisor.com.br Guia Prático para Encontrar o Seu Propósito de Vida www.vidadvisor.com.br "Onde os seus talentos e as necessidades do mundo se cruzam: aí está a sua vocação". Aristóteles Orientações Este é um documento

Leia mais

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA CÉLIA XAVIER DEPARTAMENTO DE MEDIUNIDADE REGIMENTO INTERNO

ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA CÉLIA XAVIER DEPARTAMENTO DE MEDIUNIDADE REGIMENTO INTERNO ASSOCIAÇÃO ESPÍRITA CÉLIA XAVIER DEPARTAMENTO DE MEDIUNIDADE REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I MISSÃO Art. 1º - Em consonância com o Regimento Interno da AECX, e sob a premissa de que a mediunidade é coisa

Leia mais

Evangelização Espírita Ismênia de Jesus Plano de Aula 1º Ciclo. Título: Chico Xavier

Evangelização Espírita Ismênia de Jesus Plano de Aula 1º Ciclo. Título: Chico Xavier Plano de Aula 6 Centro Espírita Ismênia de Jesus Evangelização Espírita Ismênia de Jesus Plano de Aula 1º Ciclo Educadora: Rafael e Andréia Dia: 16/03/2015 Título: Chico Xavier Horário: 20 às 21hs Objetivos

Leia mais

Seção V A Física Quântica Desvelando a Consciência -Uma viagem com Joanna de Ângelis

Seção V A Física Quântica Desvelando a Consciência -Uma viagem com Joanna de Ângelis 7 o Encontro Espírita sobre Joanna de Ângelis A Lei de Amor na Reprogramação Mental Seção V A Física Quântica Desvelando a Consciência -Uma viagem com Joanna de Ângelis Bolas de gude arremessadas Ilustração

Leia mais

E porque este é o momento da renovação espiritual da Humanidade, que se encontra exaurida por dores superlativas, também é a hora da divulgação

E porque este é o momento da renovação espiritual da Humanidade, que se encontra exaurida por dores superlativas, também é a hora da divulgação E porque este é o momento da renovação espiritual da Humanidade, que se encontra exaurida por dores superlativas, também é a hora da divulgação consciente e nobre, da Doutrina, que mata a morte e alonga

Leia mais

Proposta da Doutrina Espírita para a Educação do Homem. Claudia Werdine claudiawerdine@hotmail.com

Proposta da Doutrina Espírita para a Educação do Homem. Claudia Werdine claudiawerdine@hotmail.com Proposta da Doutrina Espírita para a Educação do Homem Claudia Werdine claudiawerdine@hotmail.com Como vai o nosso mundo? Como poderemos transformar esta triste realidade? O progresso intelectual

Leia mais

MEIMEI, VIDA E MENSAGEM

MEIMEI, VIDA E MENSAGEM MEIMEI, VIDA E MENSAGEM Arnaldo Rocha Alberto de Souza Rocha Wallace Leal V. Rodrigues Psicografia de Francisco Cândido Xavier 5ª edição 6.000 exemplares Fevereiro - 2012 Capa: Equipe O Clarim Planejamento

Leia mais

MÉDIUM CURADOR 1. A CURA COMO MANIPULAÇÃO DO FLUIDO UNIVERSAL

MÉDIUM CURADOR 1. A CURA COMO MANIPULAÇÃO DO FLUIDO UNIVERSAL MÉDIUM CURADOR 1. A CURA COMO MANIPULAÇÃO DO FLUIDO UNIVERSAL 175 (LM). Somente para mencioná-la trataremos aqui desta variedade de médiuns, porque o assunto exigiria demasiado desenvolvimento para o nosso

Leia mais

FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO

FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo IV A humanidade regenerada FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO Roteiro 3

Leia mais

FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL

FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL O Livro dos Espíritos, qq. 1 e 27 Obra codificada por Allan Kardec Figuras: Elio Mollo Deus é a inteligência s uprema, causa primária de todas as coisas. Resposta dada pelos Espíritos

Leia mais

Aula 7. Qualidades Morais do Passista 1 / 8

Aula 7. Qualidades Morais do Passista 1 / 8 CURSO PASSE 7 do Passista EDITORA 1 1 / 8 Conduta... O médium passista necessitará vigilância no seu campo de ação, porquanto de sua higiene espiritual resultará o reflexo benfasejo naqueles que se proponha

Leia mais

Humildade. Escola de Evangelização de Pacientes Grupo Espírita Guillon Ribeiro

Humildade. Escola de Evangelização de Pacientes Grupo Espírita Guillon Ribeiro Humildade O S P R A ZE R E S D A A L MA Escola de Evangelização de Pacientes Grupo Espírita Guillon Ribeiro Por que precisamos ser humildes? O orgulho vos induz a julgar-vos mais do que sois; a não suportardes

Leia mais

O homem da mão mirrada

O homem da mão mirrada FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro II Ensinos e Parábolas de Jesus Módulo IV Aprendendo com as Curas O homem da mão mirrada Roteiro 4 Objetivo Explicar a cura do

Leia mais

AULA 11 VIDÊNCIA E AUDIÇÃO

AULA 11 VIDÊNCIA E AUDIÇÃO VIDÊNCIA: Faculdade mediúnica que permite ver seres, ambientes, formas, luzes, cores, cenas do plano espiritual. Ex.: Apóstolo Paulo vê um homem vestido à moda da Macedônia, que lhe pede para ir até aquela

Leia mais

AULA 1-3º BÁSICO 2015 FLUIDOS. Norma Suzana M. Pacheco

AULA 1-3º BÁSICO 2015 FLUIDOS. Norma Suzana M. Pacheco AULA 1-3º BÁSICO 2015 FLUIDOS Norma Suzana M. Pacheco TÓPICOS 1. Definição 2. Fluido Cósmico Universal 3. Escala de Fluidos 4. Princípio Inteligente Universal 5. Princípio Espiritual 6. Princípio Vital

Leia mais

O objetivo da existência é o desabrochar dos germens divinos da alma;

O objetivo da existência é o desabrochar dos germens divinos da alma; PEDAGOGIA ESPÍRITA Trabalho formulado pelos facilitadores Edmar Jr. Ed e Juliana Machado da FEB Capacitação de Evangelizadores - Irmão Estevão, setembro de 2015 A Pedagogia Espírita Fundamentos Somos seres

Leia mais

1ª) o CORPO ou SER MATERIAL, análogo ao dos animais e animado pelo mesmo princípio vital; ENCARNADO que tem no corpo a sua habitação;

1ª) o CORPO ou SER MATERIAL, análogo ao dos animais e animado pelo mesmo princípio vital; ENCARNADO que tem no corpo a sua habitação; CURSO PASSE 2 EDITORA 1 / 8 1ª) o CORPO ou SER MATERIAL, análogo ao dos animais e animado pelo mesmo princípio vital; 2ª) a ALMA, ESPÍRITO ENCARNADO que tem no corpo a sua habitação; 2 / 8 3ª) o princípio

Leia mais