Pronatec Senac Online

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pronatec Senac Online"

Transcrição

1 Pronatec Senac Online Introdução 3ª edição Nesta terceira edição, serão apresentados os dados do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) referentes ao mês de março de Esses indicadores permitem o acompanhamento do desempenho do Senac no Programa e possibilitam uma projeção de cenário ao longo deste ano, por meio de variáveis que têm impacto diretamente na produção. Observações relevantes sobre a produção de janeiro a março/2013 Números: ofertas ; pré-matrículas ; matrículas O número de matrículas representa 81% das vagas ofertadas; O Ministério do Desenvolvimento Social continua sendo o demandante em destaque, com 59% das matrículas efetuadas com relação aos demais. O curso de Auxiliar Administrativo (eixo Gestão e Negócios) também continua liderando o ranking dos cursos mais procurados. Destaque para o estudo do índice de ocupação em que 10 (dez) Regionais superaram a meta de 0,9 estipulada pelo MEC. Fique por dentro: Brasil avança na educação técnica, mas foco é curso rápido O Governo Dilma Rousseff elegeu o ensino técnico e cursos rápidos de capacitação profissional como a principal política pública para responder, no curto e médio prazos, à escassez de mão de obra qualificada no país. Evidência maior dessa prioridade é o forte crescimento do volume de recursos federais destinados à educação profissional. Nos dois primeiros anos de mandato, a presidente ampliou de 5% para 9% o peso nas despesas com ensino profissional e tecnológico e, até 2014, esse percentual deverá subir para 15%. De 2010 a 2012, os gastos com educação técnica mais que dobraram: de R$ 3,6 bilhões para R$ 7,6 bilhões. No ano passado, o Pronatec teve à disposição 30% do orçamento da educação profissional do MEC, mais de R$ 2,5 bilhões. Para 2014, quando o Governo promete bater a meta de 8 milhões de vagas, o investimento planejado é de R$ 5,2 bilhões. Além disso, o Programa tem dotação extra de R$ 3 bilhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

2 A despeito dos números, o plano é criticado por priorizar uma qualificação acelerada, com foco em cursos de curta duração, em detrimento da elevação da escolaridade. O Pronatec foi aprovado e sancionado com muita agilidade, ao contrário do que está acontecendo com o Plano Nacional de Educação, que é muito mais importante e tramita há mais de dois anos no Congresso. O Programa está em plena implementação e formando alunos, demonstrando que é possível agilizar políticas públicas quando se tem vontade e prioridade política, avalia Gabriel Grabowski, professor da universidade gaúcha Feevale e ex-superintendente estadual de Educação Profissional do Rio Grande do Sul. Outros especialistas também questionam o excesso de cursos com baixa carga horária e a dificuldade do Pronatec em integrar currículos do ensino médio regular e do técnico, já que cerca de 70% das matrículas do Pronatec são de cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC), com carga mínima de 160 horas e baixa exigência de escolaridade. Marco Antonio Oliveira, secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec/MEC) é o piloto do Pronatec no MEC e grande defensor do modelo de parcerias, como o Sistema S, para o funcionamento do Programa. Ele esclarece que a abertura de vagas não é aleatória. As bases pedagógicas são definidas por critérios de qualidade, descritos em um catálogo nacional de cursos elaborado a partir de levantamentos do perfil econômico microrregional onde as vagas são ofertadas. A formação de nível médio no Brasil, que reúne 20 milhões de trabalhadores formais, passa por uma transformação nos últimos cinco anos. As matrículas no ensino médio regular, tradicionalmente mais acadêmico, estão estagnadas e a procura pela educação profissional cresceu 50% no período, fechando 2012 com 1,362 milhão, de acordo com os dados do Censo da Educação Básica. De 2008 a 2012, o peso das matrículas de ensino técnico sobre o total de matrículas do médio regular passou de 11% para 16%. Investimentos na expansão das redes públicas justificam a tendência. (Fonte: Valor Econômico - 22/3/2013) Pronatec em números - total Brasil 1. Números consolidados No primeiro trimestre foram efetuadas matrículas, ou seja, 81% das vagas ofertadas. Segundo os dados do MEC, até 27 de março de 2013, o número total de matrículas no Bolsa Formação (incluindo todos os ofertantes) foi de Isso significa a participação do Senac no Programa com uma fatia de 19,57%.

3 2. Números segmentados por Regional O quadro representa os números comparativos entre vagas ofertadas, pré-matrículas e matrículas efetuadas distribuídas entre todos os Departamentos Regionais. No ranking de matrículas, destacam-se Rio Grande do Sul, Ceará e Santa Catarina que, juntos, produziram aproximadamente 43% de toda a produção. DR Ofertas Pré-matrículas Matrículas Rio Grande do Sul Ceará Santa Catarina Minas Gerais Maranhão Bahia Amazonas Roraima Mato Grosso São Paulo Mato Grosso do Sul Rio de Janeiro Paraná Pernambuco Rondônia Sergipe Rio Grande do Norte Pará Goiás Distrito Federal Alagoas Paraíba Espírito Santo Piauí Amapá Tocantins Acre Total

4 Vagas ofertadas Por Modalidade Com relação ao número total de vagas ofertadas, verifica-se que 90% dos cursos são direcionados para a modalidade Formação Inicial e Continuada (44.381) e 10% para a modalidade Cursos Técnicos (4.705). Por Eixo Na análise da base de produção de ofertas por eixo tecnológico destacam-se os eixos Gestão e Negócios e Ambiente e Saúde, com 43% e 19%, respectivamente.

5 Ranking - Cursos mais ofertados Nome do curso Vagas 1º Auxiliar Administrativo º Operador de computador º Manicure e Pedicure º Técnico em Administração º Recepcionista º Auxiliar de Pessoal º Operador de Caixa º Montador e Reparador de Computador º Vendedor º Inglês Básico Pré-matrículas Por Modalidade Com relação ao número total de pré-matrículas, verifica-se que 91% dos cursos são direcionados para a modalidade Formação Inicial e Continuada (53.148) e apenas 9% para a modalidade Cursos Técnicos (5.086).

6 Por Eixo A análise das pré-matrículas efetuadas por eixo tecnológico aponta um destaque para os eixos Gestão e Negócios e Ambiente e Saúde, com 44% e 19%, respectivamente. Ranking - Cursos mais procurados Nome do curso Pré-matrículas 1º Auxiliar Administrativo º Operador de Computador º Manicure e Pedicure º Recepcionista º Auxiliar de Pessoal º Técnico em Administração º Operador de Caixa º Montador e Reparador de Computadores º Inglês Básico º Vendedor 1.395

7 Matrículas Por Modalidade No quesito modalidade, verifica-se que 92% das matrículas efetuadas (39.809) são direcionados para a modalidade Formação Inicial e Continuada (36.463) e apenas 8% para a modalidade Cursos Técnicos (3.346). Por Eixo Com relação ao número total de matrículas efetuadas, evidencia-se um destaque para os eixos Gestão e Negócios e Ambiente e Saúde, com 45% e 19%, respectivamente.

8 Por Demandantes A análise das matrículas (39.809) distribuídas entre os parceiros demandantes aponta que o Ministério do Desenvolvimento Social se mantém na primeira posição, com a participação de 59% da produção total. Ranking - Cursos / Matrículas Curso Matrículas 1º Auxiliar Administrativo º Operador de computador º Manicure e Pedicure º Recepcionista º Auxiliar de Pessoal º Técnico em Administração º Operador de Caixa º Montador e Reparador de Computadores º Inglês Básico º Vendedor 1.022

9 Indicadores Índice de interesse O comparativo de pré-matrículas sobre as vagas ofertadas demonstra um índice médio de 1,19, levando-se em conta todos os Departamentos Regionais. Os Regionais que superaram o índice de 1,3, considerado ideal pelo MEC, foram Maranhão, Amazonas, Pará, Pernambuco, Piauí, Ceará e Mato Grosso do Sul. DR Ofertas Pré-matrículas Índice de interesse Maranhão ,62 Amazonas ,57 Pará ,56 Pernambuco ,49 Piauí ,43 Ceará ,33 Mato Grosso do Sul ,31 Mato Grosso ,24 Tocantins ,23 Rio Grande do Sul ,20 São Paulo ,19 Rio Grande do Norte ,18 Minas Gerais ,18 Alagoas ,17 Sergipe ,12 Espírito Santo ,11 Amapá ,11 Bahia ,10 Santa Catarina ,06 Roraima ,03 Distrito Federal ,02 Goiás ,96 Paraná ,94 Rio de Janeiro ,85 Rondônia ,85 Paraíba ,72 Acre 0 0 0,00 Total ,19

10 Índice de ocupação O comparativo de matrículas sobre as vagas ofertadas demonstra um índice médio de 0,81 para todos os Departamentos Regionais. A meta estipulada pelo MEC é de 0,9, e no primeiro trimestre, 10 (dez) Regionais a alcançaram. DR Ofertas Matrículas Índice de ocupação Amapá ,05 Sergipe ,05 Bahia ,00 Amazonas ,00 Maranhão ,95 Pernambuco ,95 Pará ,94 Roraima ,94 Ceará ,92 Mato Grosso do Sul ,91 Espírito Santo ,89 Mato Grosso ,86 Rio Grande do Sul ,84 Piauí ,82 Rio Grande do Norte ,81 Tocantins ,81 São Paulo ,80 Goiás ,77 Minas Gerais ,74 Alagoas ,71 Paraíba ,69 Santa Catarina ,68 Paraná ,66 Distrito Federal ,65 Rondônia ,52 Rio de Janeiro ,52 Acre Total ,81

Pronatec Senac Online

Pronatec Senac Online Pronatec Senac Online Introdução 6ª edição Nesta sexta edição, serão apresentados os dados do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) referentes ao mês de junho de 2013. Estes

Leia mais

FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES IMOBILIÁRIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES IMOBILIÁRIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Estados Norte 7.938 0,37 0 0,00-7.938 0,37

Leia mais

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2010

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2010 Contas Regionais do Brasil 2010 (continua) Brasil Agropecuária 5,3 Indústria 28,1 Indústria extrativa 3,0 Indústrias de transformação 16,2 Construção civil 5,7 Produção e distribuição de eletricidade e

Leia mais

FLUXO FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS, APARELHOS E MATERIAIS ELÉTRICOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS, APARELHOS E MATERIAIS ELÉTRICOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS, APARELHOS E MATERIAIS ELÉTRICOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DAPARAÍBA

Leia mais

FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES DOS SERVIÇOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES DOS SERVIÇOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES DOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

Leia mais

RANKING NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009)

RANKING NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009) NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009) População Ocupada 5 a 17 anos 2008 Taxa de Ocupação 2008 Posição no Ranking 2008 População Ocupada 5 a 17

Leia mais

FLUXO TRANSPORTE AQUAVIÁRIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO TRANSPORTE AQUAVIÁRIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Estados Norte 0 0,00 0 0 0 0,00 Rondônia

Leia mais

Contabilizando para o Cidadão Entendendo as Finanças Públicas

Contabilizando para o Cidadão Entendendo as Finanças Públicas Nº de Famílias Beneficiadas pelo Bolsa Família em Relação ao Total de Famílias do Nº de Famílias Beneficiadas / Total de Famílias - ano 2015 (%) 50,00% 48,2% 42,8% Média Nacional - % de Famílias Beneficiadas

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS

Leia mais

FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DE, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA -

Leia mais

Índice de Desenvolvimento da Educação Básica IDEB. Inep/MEC Reynaldo Fernandes. Presidente do Inep/MEC e Professor da FEA-RP/USP

Índice de Desenvolvimento da Educação Básica IDEB. Inep/MEC Reynaldo Fernandes. Presidente do Inep/MEC e Professor da FEA-RP/USP Índice de Desenvolvimento da Educação Básica IDEB Inep/MEC Reynaldo Fernandes Presidente do Inep/MEC e Professor da FEA-RP/USP O IDEB IDEB = j N j P j Indicador sintético que combina informações de desempenho

Leia mais

NÚMERO DE ACIDENTES POR DIA DA SEMANA

NÚMERO DE ACIDENTES POR DIA DA SEMANA RODOVIÁRIAS Quadro 13 - UF: ACRE Ano de 211 82 5 6 8 9 5 3 14 4 11 9 4 4 63 2 4 7 6 6 9 4 8 4 4 3 6 68 4 2 8 3 1 8 4 9 2 6 7 5 63 3 6 3 2 13 9 8 7 5 1 5 1 67 4 2 9 6 8 5 5 7 6 6 4 5 85 3 7 1 1 4 7 9 6

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E SERVIÇOS RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E SERVIÇOS RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008 (continua) Produção 5 308 622 4 624 012 4 122 416 3 786 683 3 432 735 1 766 477 1 944 430 2 087 995 2 336 154 2 728 512 Consumo intermediário produtos 451 754 373 487 335 063 304 986 275 240 1 941 498

Leia mais

FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO

Leia mais

Grandes Regiões e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos

Grandes Regiões e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos Unidades da Federação 1980 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002

Leia mais

GERAÇÃO DE EMPREGOS FORMAIS

GERAÇÃO DE EMPREGOS FORMAIS GERAÇÃO DE EMPREGOS FORMAIS no Estado do Rio de Janeiro FEVEREIRO DE 2014 BRASIL O saldo líquido de empregos formais em fevereiro deste ano foi de 260.823 em todo o país, segundo o Cadastro Geral de Empregados

Leia mais

Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores

Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores Total de profissionais, independentemente da escolaridade 2003 2007 2008 Professores da Ed Básica (públicas não

Leia mais

PIB DO ESTADO DE RONDÔNIA 2007

PIB DO ESTADO DE RONDÔNIA 2007 PIB DO ESTADO DE RONDÔNIA 2007 Para o ano de 2007, o Produto Interno Bruto PIB do Estado de Rondônia apresentou um crescimento de 5,2% em relação ao ano anterior, ficando assim com 16ª a colocação no ranking

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME. INCLUSÃO PRODUTIVA URBANA Brasília, setembro de 2014

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME. INCLUSÃO PRODUTIVA URBANA Brasília, setembro de 2014 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME INCLUSÃO PRODUTIVA URBANA Brasília, setembro de 2014 Eixos de atuação Mapa da Pobreza Aumento das capacidades e oportunidades Garantia de Renda Inclusão

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº, DE 2012. (Do Sr. Stepan Nercessian)

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº, DE 2012. (Do Sr. Stepan Nercessian) REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº, DE 2012. (Do Sr. Stepan Nercessian) Requer informações ao Ministro da Educação sobre que medidas estão sendo desenvolvidas para cooperar tecnicamente com os estados que não

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E SERVIÇOS COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E SERVIÇOS COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

Leia mais

Políticas de Educação de Jovens e

Políticas de Educação de Jovens e Ministério da Educação Políticas de Educação de Jovens e Adultos Junho de 2011 Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão Documentos de Referência Legislação Constituição

Leia mais

PDE Plano de Desenvolvimento da Educação

PDE Plano de Desenvolvimento da Educação Foto: João Bittar PDE Plano de Desenvolvimento da Educação Maria do Pilar Lacerda Almeida e Silva Secretária de Educação Básica Ministério da Educação Garantir o direito de aprender, para todos e para

Leia mais

FLUXO DO ARMAZENAMENTO E ATIVIDADES AUXILIARES DOS TRANSPORTES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO DO ARMAZENAMENTO E ATIVIDADES AUXILIARES DOS TRANSPORTES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO DO ARMAZENAMENTO E ATIVIDADES AUXILIARES DOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Nº 23 Março 2012. Perfil da Raça da População Cearense

Nº 23 Março 2012. Perfil da Raça da População Cearense Nº 23 Março 2012 Perfil da Raça da População Cearense Análise a partir dos dados do Censo Demográfico 2010 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Cid Ferreira Gomes Governador Domingos Gomes de Aguiar Filho Vice Governador

Leia mais

Melhorar a qualidade dos serviços e a infraestrutura aeroportuária para os usuários. Ampliar a oferta de transporte aéreo à população brasileira

Melhorar a qualidade dos serviços e a infraestrutura aeroportuária para os usuários. Ampliar a oferta de transporte aéreo à população brasileira Objetivos Melhorar a qualidade dos serviços e a infraestrutura aeroportuária para os usuários Ampliar a oferta de transporte aéreo à população brasileira Reconstruir a rede de aviação regional Medidas

Leia mais

Relatório da Frota Circulante de 2015

Relatório da Frota Circulante de 2015 I Frota circulante total O Relatório da Frota Circulante, elaborado pelo Sindipeças com dados até 2014, apontou aumento de 3,7% na frota de autoveículos brasileira, em comparação com 2013, registrando

Leia mais

FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Nos últimos 20 anos, o País vem se redemocratizando e

Nos últimos 20 anos, o País vem se redemocratizando e ERRATA A página 19 foi substituída pela página abaixo: Quadro de servidores públicos municipais 1999-2002 Nos últimos 20 anos, o País vem se redemocratizando e passando por uma redistribuição de poderes

Leia mais

Financiamento da Educação Plano Nacional de Educação PL 8035/2010

Financiamento da Educação Plano Nacional de Educação PL 8035/2010 Financiamento da Educação Plano Nacional de Educação PL 8035/2010 Profª Cleuza Rodrigues Repulho Dirigente Municipal de Educação de São Bernardo do Campo/ SP Presidenta da Undime Projeto de Lei 8035/ 2010

Leia mais

2014 JUNHO. Caderno de Informação da Saúde Suplementar. Beneficiários, Operadoras e Planos

2014 JUNHO. Caderno de Informação da Saúde Suplementar. Beneficiários, Operadoras e Planos 2014 JUNHO Caderno de Informação da Saúde Suplementar Beneficiários, Operadoras e Planos MINISTÉRIO DA SAÚDE Agência Nacional de Saúde Suplementar Caderno de Informação da Saúde Suplementar Beneficiários,

Leia mais

CONSELHO CURADOR DO FUNDO DE GARANTIA DO TEMPO DE SERVIÇO RESOLUÇÃO N 289, DE 30 DE JUNHO DE

CONSELHO CURADOR DO FUNDO DE GARANTIA DO TEMPO DE SERVIÇO RESOLUÇÃO N 289, DE 30 DE JUNHO DE CONSELHO CURADOR DO FUNDO DE GARANTIA DO TEMPO DE SERVIÇO RESOLUÇÃO N 289, DE 30 DE JUNHO DE 1998 Estabelece diretrizes para a aplicação dos recursos e a elaboração das propostas orçamentárias do FGTS,

Leia mais

R. Gen, Aristides Athayde Junior, 350. 80730-370. Bigorrilho. Curitiba. Paraná Telefone: 41 3053-3219. www.ibpt.org.br

R. Gen, Aristides Athayde Junior, 350. 80730-370. Bigorrilho. Curitiba. Paraná Telefone: 41 3053-3219. www.ibpt.org.br ESTUDO SOBRE IPVA EM RELAÇÃO À FROTA DE VEÍCULOS E À POPULAÇÃO O IPVA é o tributo estadual, cuja arrecadação é a segunda mais importante, depois do ICMS; A estimativa de arrecadação de IPVA (Imposto sobre

Leia mais

SENAI tem mais de 15 mil vagas abertas para cursos em vários estados

SENAI tem mais de 15 mil vagas abertas para cursos em vários estados http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 27 NOV 2015 SENAI tem mais de 15 mil vagas abertas para cursos em vários estados É a sua chance de planejar 2016, já que muitos cursos vão começar no primeiro

Leia mais

Dimensão social. Habitação

Dimensão social. Habitação Dimensão social Habitação Indicadores de desenvolvimento sustentável - Brasil 2004 235 39 Adequação de moradia Este indicador expressa as condições de moradia através da proporção de domicílios com condições

Leia mais

SENAI abre vagas para cursos pagos e gratuitos em todas as regiões do país

SENAI abre vagas para cursos pagos e gratuitos em todas as regiões do país http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 11 DEZ 2015 SENAI abre vagas para cursos pagos e gratuitos em todas as regiões do país Com opções de cursos nas mais diversas modalidades, inicie 2016 pensando

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO (SEPLAN) Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE)

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO (SEPLAN) Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO (SEPLAN) Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) NOTA TÉCNICA Nº 17 UMA COMPARAÇÃO DA COBERTURA PREVIDENCIÁRIA

Leia mais

Invista em sua carreira! Veja as vagas do SENAI para o primeiro semestre

Invista em sua carreira! Veja as vagas do SENAI para o primeiro semestre http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 08 JAN 2016 Invista em sua carreira! Veja as vagas do SENAI para o primeiro semestre Há opções de cursos pagos e gratuitos em 18 estados e no Distrito Federal.

Leia mais

Cursos Técnicos Profissionalizantes de Nível Médio para a Área de Informática

Cursos Técnicos Profissionalizantes de Nível Médio para a Área de Informática CAPÍTULO 9 Cursos Técnicos Profissionalizantes de Nível Médio para a Área de Informática Apresentação Com base em metodologia desenvolvida pelo Observatório SOFTEX, busca-se conhecer o Sistema de Educação

Leia mais

FLUXO COMÉRCIO E REPARAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES E MOTOCICLETAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO COMÉRCIO E REPARAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES E MOTOCICLETAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO COMÉRCIO E REPARAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES E MOTOCICLETAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 29 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 29 E REPARAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES E MOTOCICLETAS,

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE MAIO/2013

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE MAIO/2013 SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE MAIO/2013 COMENTÁRIOS Índice Nacional da Construção Civil varia -5,12% em Maio O Índice Nacional da Construção

Leia mais

Bonamino. 1 Programa de Pós-Graduação em Educação Puc-Rio. Mestrado em Educação. Orientadora: Dra. Alicia

Bonamino. 1 Programa de Pós-Graduação em Educação Puc-Rio. Mestrado em Educação. Orientadora: Dra. Alicia A GESTÃO EDUCACIONAL EM TOCANTINS FRANÇA 1, Indira Alves PUC-Rio ialves@cict.fiocruz.br GT: Estado e Política Educacional / n.05 Agência Financiadora: Sem Financiamento Introdução Dentre as experiências

Leia mais

Figura 1: Distribuição de CAPS no Brasil, 25. RORAIMA AMAPÁ AMAZONAS PARÁ MARANHÃO CEARÁ RIO GRANDE DO NORTE PAIUÍ PERNAMBUCO ACRE ALAGOAS SERGIPE TOCANTINS RONDÔNIA PARAÍBA BAHIA MATO GROSSO DISTRITO

Leia mais

TETO PARA CASAS DE APOIO - (PORTARIA 2190)

TETO PARA CASAS DE APOIO - (PORTARIA 2190) ANEXO I TETO PARA CASAS DE APOIO - (PORTARIA 2190) ESTADOS TETO PARA CASAS DE APOIO ACRE 40.000,00 ALAGOAS 105.000,00 AMAPA 57.000,00 AMAZONAS 150.000,00 BAHIA 555.000,00 CEARÁ 320.000,00 DISTRITO FEDERAL

Leia mais

Departamento de Pesquisas Judiciárias RELATÓRIO DE DADOS ESTATÍSTICOS. SEMANA PELA CONCILIAÇÃO META 2 Período: 14 a 18 de setembro de 2009

Departamento de Pesquisas Judiciárias RELATÓRIO DE DADOS ESTATÍSTICOS. SEMANA PELA CONCILIAÇÃO META 2 Período: 14 a 18 de setembro de 2009 RELATÓRIO DE DADOS ESTATÍSTICOS SEMANA PELA CONCILIAÇÃO META 2 Período: 14 a 18 de setembro de 2009 1. Introdução O presente relatório objetiva apresentar os resultados estatísticos obtidos durante o período

Leia mais

SENAI abre mais de 10 mil vagas para cursos pagos e gratuitos em todo o Brasil. Garanta a sua!

SENAI abre mais de 10 mil vagas para cursos pagos e gratuitos em todo o Brasil. Garanta a sua! http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 22 JAN 2016 SENAI abre mais de 10 mil vagas para cursos pagos e gratuitos em todo o Brasil. Garanta a sua! São diversas modalidades em todas as regiões do país.

Leia mais

Cursos do SENAI estão com matrículas abertas em 12 estados. Aulas começam em fevereiro e março

Cursos do SENAI estão com matrículas abertas em 12 estados. Aulas começam em fevereiro e março http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 05 FEV 2016 Cursos do SENAI estão com matrículas abertas em 12 estados. Aulas começam em fevereiro e março Já decidiu a carreira que quer seguir? Está em busca

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE JUNHO/2014

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE JUNHO/2014 SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE JUNHO/2014 COMENTÁRIOS Índice Nacional da Construção Civil varia 0,59% em Junho O Índice Nacional da Construção

Leia mais

Patrocínio Institucional Parceria Apoio

Patrocínio Institucional Parceria Apoio Patrocínio Institucional Parceria Apoio InfoReggae - Edição 75 Aprendizagem Brasil 5º ano do Ensino Fundamental 13 de março de 2015 O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social

Leia mais

MMA. D i r e t o r a d e A m b i e n t e U r b a n o S e c r e t a r i a d e Re c u r s o s H í d r i c o s e M e i o U r b a n o

MMA. D i r e t o r a d e A m b i e n t e U r b a n o S e c r e t a r i a d e Re c u r s o s H í d r i c o s e M e i o U r b a n o M INISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE MMA Zilda Maria Fa ria Veloso D i r e t o r a d e A m b i e n t e U r b a n o S e c r e t a r i a d e Re c u r s o s H í d r i c o s e M e i o U r b a n o POLÍTICA NACIONAL

Leia mais

OLIMPÍADA BRASILEIRA DE SAÚDE E MEIO AMBIENTE DOCUMENTO BASE OFICINAS PEDAGÓGICAS: SAÚDE E MEIO AMBIENTE NA EDUCAÇÃO

OLIMPÍADA BRASILEIRA DE SAÚDE E MEIO AMBIENTE DOCUMENTO BASE OFICINAS PEDAGÓGICAS: SAÚDE E MEIO AMBIENTE NA EDUCAÇÃO OLIMPÍADA BRASILEIRA DE SAÚDE E MEIO AMBIENTE DOCUMENTO BASE OFICINAS PEDAGÓGICAS: SAÚDE E MEIO AMBIENTE NA EDUCAÇÃO Apresentação A Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente (OBSMA), criada em 2001,

Leia mais

Noções Básicas sobre. Análisis de la Cobertura Experiência Brasileira

Noções Básicas sobre. Análisis de la Cobertura Experiência Brasileira TALLER REGIONAL SOBRE ANÁLISIS DE COHERENCIA, CALIDAD Y COBERTURA DE LA INFORMACION CENSAL Noções Básicas sobre Análisis de la Cobertura Experiência Brasileira Santiago, Chile, 1 al 5 agosto de 2011 Data

Leia mais

Boletim Informativo. Junho de 2015

Boletim Informativo. Junho de 2015 Boletim Informativo Junho de 2015 Extrato Geral Brasil 1 EXTRATO BRASIL ÁREA ** 397.562.970 ha 227.679.854 ha 57,27% Número de Imóveis cadastrados: 1.727.660 Observações: Dados obtidos do Sistema de Cadastro

Leia mais

COORDENADORA-GERAL DE ESTUDOS E INFORMAÇÕES GERENCIAIS Sandra Helena Caresia Gustavo

COORDENADORA-GERAL DE ESTUDOS E INFORMAÇÕES GERENCIAIS Sandra Helena Caresia Gustavo PRESIDENTE DA REPÚBLICA Luiz Inácio Lula da Silva MINISTRO Paulo Bernado Silva SECRETÁRIO-EXECUTIVO Nelson Machado SECRETÁRIO DE RECURSOS HUMANOS Sérgio Eduardo Arbulu Mendonça COORDENADORA-GERAL DE ESTUDOS

Leia mais

SENAI abre vagas para cursos pagos e gratuitos em todas as regiões do país

SENAI abre vagas para cursos pagos e gratuitos em todas as regiões do país http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 11 DEZ 2015 SENAI abre vagas para cursos pagos e gratuitos em todas as regiões do país Com opções de cursos nas mais diversas modalidades, inicie 2016 pensando

Leia mais

Criminalidade no Brasil

Criminalidade no Brasil Criminalidade no Brasil Instituto Avante Brasil Diretor- Presidente: Luiz Flávio Gomes Coordenação e elaboração de pesquisa: Flávia Mestriner Botelho De acordo com um levantamento realizado pelo Instituto

Leia mais

GESTÃO INTEGRADA DAS BACIAS HIDROGRÁFICAS - PRINCIPAIS DIRETRIZES E DESAFIOS. Flávio Terra Barth 1

GESTÃO INTEGRADA DAS BACIAS HIDROGRÁFICAS - PRINCIPAIS DIRETRIZES E DESAFIOS. Flávio Terra Barth 1 GESTÃO INTEGRADA DAS BACIAS HIDROGRÁFICAS - PRINCIPAIS DIRETRIZES E DESAFIOS Flávio Terra Barth 1 Resumo - A Lei Federal 9.433, de 8 de janeiro de 1997 sobre a Política e o Sistema Nacional de Recursos

Leia mais

Mapa do Encarceramento: os jovens do Brasil

Mapa do Encarceramento: os jovens do Brasil Mapa do Encarceramento: os jovens do Brasil O Mapa do Encarceramento: os jovens do Brasil é mais uma publicação do Plano Juventude Viva, que reúne ações de prevenção para reduzir a vulnerabilidade de jovens

Leia mais

TELESSAÚDE BRASIL REDES NA ATENÇÃO BÁSICA

TELESSAÚDE BRASIL REDES NA ATENÇÃO BÁSICA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA TELESSAÚDE BRASIL REDES NA ATENÇÃO BÁSICA MANUAL INSTRUTIVO Sumário Introdução... 3 Atividades a serem desenvolvidas dentro

Leia mais

Boletim Informativo. Maio de 2015. * Errata: Tabela Fonte de Dados - Por Estado

Boletim Informativo. Maio de 2015. * Errata: Tabela Fonte de Dados - Por Estado Boletim Informativo Maio de 2015 * Errata: Tabela Fonte de Dados - Por Estado Extrato Geral Brasil EXTRATO BRASIL ÁREA ** 397.562.970 ha 212.920.419 ha 53,56 % Número de Imóveis cadastrados: 1.530.443

Leia mais

FLUXO CONSTRUÇÃO - SERVIÇOS ESPECIALIZADOS PARA CONSTRUÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO CONSTRUÇÃO - SERVIÇOS ESPECIALIZADOS PARA CONSTRUÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO - SERVIÇOS ESPECIALIZADOS PARA, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DE, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Estados

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE AGOSTO/2014

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE AGOSTO/2014 SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL S I N A P I RESULTADOS DE AGOSTO/2014 COMENTÁRIOS Índice Nacional da Construção Civil varia 0,52% em agosto O Índice Nacional da Construção

Leia mais

REQUERIMENTO Nº /2015 - CDR

REQUERIMENTO Nº /2015 - CDR REQUERIMENTO Nº /2015 - CDR Requeremos, nos termos do art. 93, Inciso II, do Regimento Interno do Senado Federal, ouvido o Plenário, a realização de Audiência Pública Conjunta das Comissões de Desenvolvimento

Leia mais

Boletim Informativo* Agosto de 2015

Boletim Informativo* Agosto de 2015 Boletim Informativo* Agosto de 2015 *Documento atualizado em 15/09/2015 (Erratas páginas 2, 3, 4 e 9) EXTRATO GERAL BRASIL 1 EXTRATO BRASIL 396.399.248 ha 233.712.312 ha 58,96% Número de Imóveis Cadastrados²:

Leia mais

Como está a desigualdade de gênero entre os estados brasileiros?

Como está a desigualdade de gênero entre os estados brasileiros? Como está a desigualdade de gênero entre os estados brasileiros? Luísa Cardoso 1 Medir de forma multidimensional o quão desigual é a situação das mulheres em relação aos homens é uma iniciativa empreendida

Leia mais

PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 883, DE 5 DE JULHO DE 2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO DOU de 06/07/2012 (nº 130, Seção 1, pág.

PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 883, DE 5 DE JULHO DE 2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO DOU de 06/07/2012 (nº 130, Seção 1, pág. PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 883, DE 5 DE JULHO DE 2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO DOU de 06/07/2012 (nº 130, Seção 1, pág. 24) Dispõe sobre a IV Conferência Nacional Infantojuvenil pelo

Leia mais

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012 Contas Regionais do Brasil 2012 (continua) Brasil Agropecuária 5,3 Indústria 26,0 Indústria extrativa 4,3 Indústria de transformação 13,0 Construção civil 5,7 Produção e distribuição de eletricidade e

Leia mais

Motivos da Evasão Escolar

Motivos da Evasão Escolar 1 Motivos da Evasão Escolar APÊNDICE 1. Ranking de Motivos da Evasão Escolar... 61 1.1 Faixa Etária: anos... 61 a. Unidades da Federação... 61 b. Macro-Regiões... 62 c. Regiões Metropolitanas... 62 1.2

Leia mais

CENSO ESCOLAR ESTADO DE SÃO PAULO INFORME 2014

CENSO ESCOLAR ESTADO DE SÃO PAULO INFORME 2014 GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO COORDENADORIA DE INFORMAÇÃO, MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO EDUCACIONAL CENSO ESCOLAR ESTADO DE SÃO PAULO INFORME Governador do Estado de São

Leia mais

DIFERENCIAIS SOCIODEMOGRÁFICOS ENTRE OS IDOSOS NO BRASIL

DIFERENCIAIS SOCIODEMOGRÁFICOS ENTRE OS IDOSOS NO BRASIL Seminário sobre Educação Superior e Envelhecimento Populacional no Brasil MEC - SESU/CAPES DIFERENCIAIS SOCIODEMOGRÁFICOS ENTRE OS IDOSOS NO BRASIL Maria Isabel Parahyba Coordenação de População e Indicadores

Leia mais

Amapá 0 0 4 2 6. Amazonas 2 0 2 0 4. Bahia 15 10 9 16 50. Ceará 0 0 0 1 1. Distrito Federal 3 11 11 3 28. Espírito Santo 6 2 7 2 17

Amapá 0 0 4 2 6. Amazonas 2 0 2 0 4. Bahia 15 10 9 16 50. Ceará 0 0 0 1 1. Distrito Federal 3 11 11 3 28. Espírito Santo 6 2 7 2 17 Information about forced child labor, child labor, and government efforts (November 4, 2010) 1. Quantas inspeções foram feitas nos últimos 2 a 3 anos na produção de carvão vegetal, para verificar se ocorreram

Leia mais

ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA. 1) ORGÃO INTERESSADO E LOCALIZAÇÃO 1.1) Órgão Interessado: Conselho Federal de Nutricionistas (CFN);

ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA. 1) ORGÃO INTERESSADO E LOCALIZAÇÃO 1.1) Órgão Interessado: Conselho Federal de Nutricionistas (CFN); Página 1 de 7 ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA LICITAÇÃO/MODALIDADE: Pregão Presencial nº 05/2008 REGIME DE EXECUÇÃO: Menor Preço Global 1) ORGÃO INTERESSADO E LOCALIZAÇÃO 1.1) Órgão Interessado: Conselho

Leia mais

SENAI abre vagas em cursos gratuitos e pagos de aprendizagem, técnicos e de graduação

SENAI abre vagas em cursos gratuitos e pagos de aprendizagem, técnicos e de graduação http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 15 MAI 2015 SENAI abre vagas em cursos gratuitos e pagos de aprendizagem, técnicos e de graduação Existem oportunidades em dezenas de cursos diferentes em 12

Leia mais

CARTA ABERTA EM DEFESA DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA

CARTA ABERTA EM DEFESA DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA CARTA ABERTA EM DEFESA DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA O Fórum das universidades públicas participantes do PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA vem, por meio desta, defender

Leia mais

SENAI abre mais de 10 mil vagas para cursos pagos e gratuitos em todo o Brasil. Garanta a sua!

SENAI abre mais de 10 mil vagas para cursos pagos e gratuitos em todo o Brasil. Garanta a sua! http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 22 JAN 2016 SENAI abre mais de 10 mil vagas para cursos pagos e gratuitos em todo o Brasil. Garanta a sua! São diversas modalidades em todas as regiões do país.

Leia mais

CONJUNTURA ECONÔMICA Pesquisa Mensal de Comércio. Abril 2012

CONJUNTURA ECONÔMICA Pesquisa Mensal de Comércio. Abril 2012 CONJUNTURA ECONÔMICA Abril 2012 CONDIÇÕES Este relatório foi preparado pela Linus Galena Consultoria Econômica exclusivamente para uso de seus clientes e não poderá ser circulado, reproduzido, distribuído

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL CNDRS

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL CNDRS CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL CNDRS RESOLUÇÃO Nº 31 DE 26 DE JUNHO DE 2002 Aprova o Regimento Interno da 1ª Conferência Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável. O Presidente

Leia mais

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE Resultados da 127ª Pesquisa CNT/MDA Brasília, 23/03/2015 A 127ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 16 a 19 de março de 2015 e divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra a avaliação dos

Leia mais

Saúde Suplementar em Números

Saúde Suplementar em Números Saúde Suplementar em Números Edição nº 9-2015 Setembro de 2015 Sumário Executivo Número de beneficiários de planos médico-hospitalares (setembro/15): 50.261.602; Taxa de crescimento do número de beneficiários

Leia mais

made in Brazil seu dinheiro A vez do carro #105 Alta da moeda americana derruba vendas de importados

made in Brazil seu dinheiro A vez do carro #105 Alta da moeda americana derruba vendas de importados #105 seu dinheiro a sua revista de finanças pessoais Alta da moeda americana derruba vendas de importados oferecimento: A vez do carro made in Brazil Passporte carimbado Dólar caro não contém viagens de

Leia mais

Os impactos ambientais de maior incidência no país

Os impactos ambientais de maior incidência no país Os impactos ambientais de maior incidência no país Segundo a Pesquisa de Informações Básicas Municipais Perfil dos Municípios Brasileiros/MUNIC 2008, realizada regularmente pelo Instituto Brasileiro de

Leia mais

Iniciativas - RQMA - IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renov

Iniciativas - RQMA - IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renov Iniciativas RQMA IBAMA Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renov Há diversas iniciativas no Brasil e no mundo sobre relatórios que sintetizam, sistematizam e analisam informações

Leia mais

PORTO ALEGRE E DEMAIS CAPITAIS BRASILEIRAS

PORTO ALEGRE E DEMAIS CAPITAIS BRASILEIRAS Equipe de Vigilância de Eventos Vitais, Doenças e Agravos não Transmissíveis Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde Secretaria Municipal da Saúde da Prefeitura Municipal de Porto Alegre PORTO ALEGRE

Leia mais

PNE: análise crítica das metas

PNE: análise crítica das metas PNE: análise crítica das metas Profa. Dra. Gilda Cardoso de Araujo Universidade Federal do Espírito Santo Ciclo de Palestras do Centro de Educação 2015 Metas do PNE Contexto Foram 1.288 dias de tramitação,

Leia mais

TEF Transferência Eletrônica de Fundos. Obrigatoriedade de acordo com a legislação

TEF Transferência Eletrônica de Fundos. Obrigatoriedade de acordo com a legislação TEF Transferência Eletrônica de Fundos Obrigatoriedade de acordo com a legislação TEF Transferência Eletrônica de Fundos Acre Obrigatório: Não No estado do Acre não há referências sobre o TEF na legislação.

Leia mais

Ranking de salário e benefícios dos Tribunais de Justiça Estadual. Julho 2013

Ranking de salário e benefícios dos Tribunais de Justiça Estadual. Julho 2013 Ranking de salário e benefícios dos Tribunais de Justiça Estadual Julho 2013 SS JUSTIÇA MG SS Justiça MG Julho 2013 Tabela 1 Tribunais de Justiça Estadual posicionados conforme Vencimento Básico Vencimentos

Leia mais

MONITORAMENTO DAS AÇÕES DE CONTROLE DOS CÂNCERES DO COLO DO ÚTERO E DE MAMA

MONITORAMENTO DAS AÇÕES DE CONTROLE DOS CÂNCERES DO COLO DO ÚTERO E DE MAMA outubro a dezembro / 2010 / n 4 MONITORAMENTO DAS AÇÕES DE CONTROLE DOS CÂNCERES DO COLO DO ÚTERO E DE MAMA Apresentação Este quarto boletim de 2010 apresenta os dados parciais para acompanhamento dos

Leia mais

Ministério da Educação Censo da Educação Superior 2012

Ministério da Educação Censo da Educação Superior 2012 Ministério da Educação Censo da Educação Superior 2012 Aloizio Mercadante Ministro de Estado da Educação Quadro Resumo- Estatísticas Gerais da Educação Superior por Categoria Administrativa - - 2012 Categoria

Leia mais

Ranking de salário e benefícios dos Tribunais de Justiça Estadual. Julho 2014

Ranking de salário e benefícios dos Tribunais de Justiça Estadual. Julho 2014 Ranking de salário e benefícios dos Tribunais de Justiça Estadual Julho 2014 SS JUSTIÇA MG SS Justiça MG Julho 2014 Tabela 1 Tribunais de Justiça Estadual posicionados conforme Vencimento Básico Vencimentos

Leia mais

Panorama da Educação em Enfermagem no Brasil

Panorama da Educação em Enfermagem no Brasil Panorama da Educação em Enfermagem no Brasil Rede ABEn de Pesquisa em Educação em Enfermagem GT EDUCAÇÃO 2012 Portaria Nº 17/2012 Realizar a Pesquisa Panorama da Formação em Enfermagem no Brasil no período

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO Brasília

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO Brasília SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO Brasília Mensagem eletrônica n.º 229/2015-SIC/DIREX/DPF Prezada Senhora, 1. Trata-se de requerimento de informação

Leia mais

HISTÓRIA ÁREA: TRIÊNIO 2007-2010. Coordenador: Raquel Glezer. Coordenador-Adjunto: Luiz Carlos Soares. Ministério da Educação

HISTÓRIA ÁREA: TRIÊNIO 2007-2010. Coordenador: Raquel Glezer. Coordenador-Adjunto: Luiz Carlos Soares. Ministério da Educação Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação ÁREA: HISTÓRIA Coordenador: Raquel Glezer TRIÊNIO 2007-2010 2010 Coordenador-Adjunto: Luiz Carlos

Leia mais

DECRETO Nº 4.886 DECRETA:

DECRETO Nº 4.886 DECRETA: DECRETO Nº 4.886 Introduz alterações no Regulamento do ICMS, aprovado pelo Decreto nº 1.980, de 21 de dezembro de 2007. O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87,

Leia mais

Redução de Homicídios no Brasil

Redução de Homicídios no Brasil Ministério da Saúde MS Secretaria de Vigilância em Saúde - SVS Redução de Homicídios no Brasil SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 1 METODOLOGIA DE ANÁLISE... 1 RESULTADOS... 2 Homicídios no Brasil... 2 Óbitos por Arma

Leia mais

RIO ACOLHEDOR I - PACIÊNCIAUNIDADE MUNICIPAL DE REINSERÇÃO SOCIAL. PERFIL DOS ACOLHIDOS: Uso de crack e outras drogas e Estado de origem.

RIO ACOLHEDOR I - PACIÊNCIAUNIDADE MUNICIPAL DE REINSERÇÃO SOCIAL. PERFIL DOS ACOLHIDOS: Uso de crack e outras drogas e Estado de origem. RIO ACOLHEDOR I - PACIÊNCIAUNIDADE MUNICIPAL DE REINSERÇÃO SOCIAL PERFIL DOS ACOLHIDOS: Uso de crack e outras drogas e Estado de origem. APRESENTAÇÃO 1. PERFIL DE ACOLHIDOS USUARIOS DE CRACK E OUTRAS DROGAS

Leia mais