Revisão do 1 semestre (ballet 1 e 2 ano)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Revisão do 1 semestre (ballet 1 e 2 ano)"

Transcrição

1 1 Revisão do 1 semestre (ballet 1 e 2 ano) PLIÉS DEMI PLIÉ: Demi Plié Grand Plié É um exercício de fundamental importância, pois é usado na preparação e amortecimento de muitos passos de ballet, como os saltos e giros. É usado para o aquecimento da musculatura interna das pernas, alongamento das pernas, alongamento do tronco (pois este deverá fazer força contrária à flexão dos joelhos), fortalecimento das pernas, rotação de en dehors, extensão de tendão de calcâneo (Aquiles) e eixo. É um movimento de flexão dos joelhos sem que os calcanhares saiam do chão. O en dehors é feito pela rotação da musculatura interna das pernas (da virilha ao calcanhar). O pé deve estar bem apoiado no chão e com todos os dedos abertos, sem deixar o tornozelo tombar para dentro. Durante a execução é necessário que haja uma resistência muscular, como num elástico, sem afrouxar. O quadril deve estar encaixado com o cóccix para baixo e o púbis para frente e os joelhos devem permanecer na direção do 3º dedo do pé e nunca para frente! O tronco deve estar bem alongado, com as costelas fechadas e abdome contraído. O peso deve ser igualmente distribuído entre as duas pernas. Antes e depois do plié os joelhos devem estender ao máximo. GRAND PLIÉ: O objetivo do grand plié é a completa extensão e fortalecimento da musculatura das pernas e embasamento ao en dehors. O movimento inicia num demi plié e sem pausar, continua a flexão dos joelhos, relaxando os pés para que os calcanhares saiam do chão apenas o necessário para as coxas chegarem numa linha paralela ao chão. Somente em 2ª posição, os calcanhares não descolam do chão e a flexão é feita no máximo da elasticidade das pernas e tendão de calcâneo. Na volta, os calcanhares devem ser pressionados para baixo para retornar o quanto antes ao chão, passando pelo demi plié antes de esticar completamente os joelhos. É preciso cuidar para não perder a rotação de en dehors na volta do grand plié. Durante toda a execução devem-se permanecer os mesmos princípios do demi plié em relação ao encaixe do quadril, en dehors, posicionamento dos joelhos, tornozelo e constante alongamento do tronco. O grand plié deve ser contínuo para não perder o tônus e a intensão de elasticidade do movimento.

2 2 PETIT BATTEMENT TENDU Derrière (trás) A la seconde (lado) Devant (frente) O petit battement tendu é um exercício essencial para aquecer e trabalhar o alongamento e fortalecimento dos pés e pernas, além da rotação de en dehors, clareza na passagem dos pés pelo chão, eixo, transferência de peso de duas para uma perna e continuidade de movimento. Deve ser feito na frente (devant), ao lado (a la seconde) e atrás (derrière). Partindo de uma posição fechada dos pés (1ª, 3ª ou 5ª), deve-se manter um pé de apoio enquanto o outro se desloca deslizando pelo chão. Na saída, o calcanhar deve pressionar o chão até o ponto máximo, sem que o quadril seja deslocado, a partir daí, eleva-o gradualmente passando pela meia-ponta até finalizar na ponta com o máximo do alongamento da perna e pé. Na volta, inicia-se o movimento relaxando os dedos, passando pela meia-ponta até tocar o calcanhar no chão, novamente pressionando-o até retornar à posição inicial. Durante toda a execução o tronco deve estar completamente alongado e o peso deve permanecer sobre a perna de base. Neste exercício é muito importante prestar atenção nos quadris que devem permanecer alinhados. Se você sentar na perna de base não terá espaço suficiente para deslocar a outra com o joelho esticado. PETIT BATTEMENT GLISSÉ O petit battement glissé também é importante para aquecer e trabalhar o alongamento e fortalecimento dos pés e pernas, eixo e transferência de peso de duas para uma perna. Diferente do tendu que é fluido, o glissé trabalha a precisão do movimento e acentuação rítmica. Deve ser feito na frente (devant), ao lado (a la seconde) e atrás (derrière). A saída é como num battement tendu, onde se deve manter um pé de apoio enquanto o outro se desloca deslizando pelo chão. Na saída, o calcanhar deve pressionar o chão até o ponto máximo, sem que o quadril seja deslocado, a partir daí, eleva-o gradualmente passando pela meia-ponta até finalizar no lançamento do pé para fora, de forma seca, estancada e com velocidade,

3 3 sendo que a ponta do pé deve estar completamente alongada a cerca de 30 do chão. Na volta, inicia-se o movimento apoiando os dedos no chão, depois relando-os, passando pela meia-ponta até tocar o calcanhar no chão, novamente pressionando-o até retornar à posição inicial. Assim como no battement tendu, durante toda a execução o tronco deve estar completamente alongado e o peso deve permanecer sobre a perna de base. Neste exercício também é muito importante prestar atenção nos quadris que devem permanecer alinhados. ROND DE JAMBE A TERRE Rond de jambe a terre en dehors. É um exercício de fundamental importância para o trabalho de rotação de en dehors e para melhorar a mobilidade da articulação coxofemoral, possibilitando maior amplitude de movimento das pernas. Inicia-se o movimento a partir de uma posição fechada (1ª ou 5ª), deslocando o pé através de um battement tendu (na frente no caso de ser en dehors ou atrás se for en dedan) e desenhando um semicírculo com o pé pelo chão. Durante todo o movimento deve-se manter o eixo na perna de base, alongando o tronco, a perna e o pé de trabalho ao máximo. O mais importante nesse exercício é rotacionar totalmente a articulação coxofemoral para fora, de modo que o calcanhar se mantenha sempre à frente e o joelho para trás e cuidando para que os quadris mantenham-se imóveis durante o deslocamento da perna. Deve-se lembrar de inclinar levemente o tronco para frente (sem soltar os ombros) quando a perna estiver atrás e rapidamente voltar o alinhamento assim que passar para o lado. GRAND BATTEMENT Trabalha a extensão, a elevação, a força, a sustentação, o controle da perna e o impulso para grandes saltos. Inicie o movimento pelo battement tendu, deslizando o pé pelo chão até alongá-lo totalmente, a partir daí, lança-se a perna na altura máxima, sem deslocar o quadril, mantendo os joelhos bem esticados e a coluna alongada. Na descida, deve-se controlar para que a perna não despenque.

4 4 Postura (forças contrárias) Costas Abdome sempre contraído Frente Costelas baixas Musculatura da perna bem contraída Coluna alongada Ombros bem abertos Cóccix para baixo Pelve para frente Ombros e cristas ilíacas alinhadas Pés firmes no chão Posições dos braços e dos pés CENTRO Vocabulário básico En dehors: para fora En dedan: para dentro A terre: no chão En l air: no ar Devant: na frente Derrière: atrás A la seconde: ao lado En avant: para frente En arrière: para trás Degagé: Fondu:

5 5 PASSOS ENSINADOS NO CENTRO SAUTÉ: salto simples, sem modificar a posição dos pés. ECHAPPÉ SAUTÉ: inicia em 3ª posição no demi plié, salta descendo em 2ª posição no demi plié, salta novamente voltando para a 3ª posição no demi plié. Em cada echappé, muda-se a perna da frente. ECHAPPÉ RELEVÉ: inicia em 3ª posição no demi plié, desliza um pé para cada lado subindo no relevé (1/2 ponta) em 2ª posição, desliza novamente voltando para a 3ª posição no demi plié. Em cada echappé, muda-se a perna da frente. ASSEMBLÉ SOUTENUE: inicia em 3ª posição, faz um degagé a la seconde (perna direita estica ao lado) no fondu (perna esquerda flexionada), desliza o pé direito enquanto o pé esquerdo faz um relevé até que os dois se encontrem em ½ ponta em 3ª posição. ASSEMBLÉ (SALTANDO): inicia em 3ª posição, faz um degagé a la seconde (perna direita estica ao lado) no fondu (perna esquerda flexionada), salta impulsionando o pé esquerdo e voltando o pé direito até que os dois se encontrem em 3ª posição no demi plié. Temps lié: inicia em 3ª posição, faz um degagé a la seconde com a perna direita (mantem o peso do corpo na perna esquerda), demi plié em 2ª posição (peso entre as pernas), transfere a base para a perna direita alongando a esquerda a la seconde (peso na perna direita), finaliza fechando 3ª posição com o pé esquerdo na frente.

C. Guia de Treino ------------------------------------------------

C. Guia de Treino ------------------------------------------------ C. Guia de Treino ------------------------------------------------ A FORÇA / RESISTÊNCIA ( FUNÇÃO MOVIMENTO OSCILAÇÃO ) A01 Joelhos inclinados Com os pés afastados na plataforma, segure a barra de apoio

Leia mais

Plano de Exercícios Para Segunda-Feira

Plano de Exercícios Para Segunda-Feira Plano de Exercícios Para Segunda-Feira ALONGAMENTO DA MUSCULATURA LATERAL DO PESCOÇO - Inclinar a cabeça ao máximo para a esquerda, alongando a mão direita para o solo - Alongar 20 segundos, em seguida

Leia mais

Clínica Deckers. Fisioterapia Exercícios Terapêuticos para a Coluna Lombar O QUE É

Clínica Deckers. Fisioterapia Exercícios Terapêuticos para a Coluna Lombar O QUE É Fisioterapia Exercícios Terapêuticos para a Coluna Lombar O QUE É Estes são alguns dos exercícios recomendados com maior freqüência para a terapia da coluna lombar, Eles foram compilados para dar a você,

Leia mais

Global Training. The finest automotive learning

Global Training. The finest automotive learning Global Training. The finest automotive learning Cuidar da saúde com PREFÁCIO O Manual de Ergonomia para o Motorista que você tem em agora em mãos, é parte de um programa da Mercedes-Benz do Brasil para

Leia mais

Atletismo O LANÇAMENTO DO DARDO

Atletismo O LANÇAMENTO DO DARDO Atletismo O LANÇAMENTO DO DARDO A história do lançamento do dardo, pode ter sua origem na pré-história. Empregado, inicialmente na caça e, posteriormente na guerra, como arma de combate. É uma das provas

Leia mais

Fonte: http://revistacontrarelogio.com.br/pdfs/tudoemcima_194.pdf

Fonte: http://revistacontrarelogio.com.br/pdfs/tudoemcima_194.pdf Fonte: http://revistacontrarelogio.com.br/pdfs/tudoemcima_194.pdf ELÁSTICO OU BORRACHA Sugestão: 1 kit com 3 elásticos ou borrachas (com tensões diferentes: intensidade fraca, média e forte) Preço: de

Leia mais

Seqüência completa de automassagem

Seqüência completa de automassagem Seqüência completa de automassagem Os exercícios descritos a seguir foram inspirados no livro Curso de Massagem Oriental, de Armando S. B. Austregésilo e podem ser feitos em casa, de manhã ou à tardinha.

Leia mais

11 EXERCÍCIOS PARA PREVENIR LESÕES

11 EXERCÍCIOS PARA PREVENIR LESÕES 11 EXERCÍCIOS PARA PREVENIR LESÕES O futsal, como outras modalidades, está associado a certos riscos de lesões por parte dos jogadores. No entanto, estudos científicos comprovaram que a incidência de lesões

Leia mais

MAT PILATES 1 ÍNDICE: PRE MAT- MAT PILATES 2 MAT PILATES 2

MAT PILATES 1 ÍNDICE: PRE MAT- MAT PILATES 2 MAT PILATES 2 MAT PILATES 1 ÍNDICE: PRE MAT- MAT PILATES 2 MAT PILATES 2 I-RESPIRAÇAO II-CONTROLE DE CENTRO E DISSOCIAÇÃO DE QUADRIL III-ORGANIZAÇAO CRANIO-VERTEBRALARTICULAÇAO DE COLUNA IV-DESCARGA DE PESO DE MMII

Leia mais

DISCIPLINA: PESO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

DISCIPLINA: PESO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PESO 220 DISCIPLINA: PESO DOMÍNIO DAS TÉCNICAS (LANÇADORES DESTROS) FASE III APERFEIÇOAMENTO TÉCNICO B FASES / NÍVEIS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS - Adquirir noções gerais do lançamento do peso, através de

Leia mais

O PROJETO. A ESTAÇÃO SAÚDE foi desenvolvida com objetivo de proporcionar aos

O PROJETO. A ESTAÇÃO SAÚDE foi desenvolvida com objetivo de proporcionar aos O PROJETO A ESTAÇÃO SAÚDE foi desenvolvida com objetivo de proporcionar aos usuários diferentes exercícios que possibilitam trabalhar grupos musculares diversos, membros superiores, inferiores, abdominais

Leia mais

Pilates Power Gym. Manual de Instruções. Pilates Power Gym. Modelo AB - 7620

Pilates Power Gym. Manual de Instruções. Pilates Power Gym. Modelo AB - 7620 Pilates Power Gym Modelo AB - 7620 Pilates Power Gym LEIA TODAS AS INSTRUÇÕES ANTES DE USAR E GUARDE ESTE MANUAL PARA CONSULTAS FUTURAS. Manual de Instruções Manual Pilates Power Gym-2010.indd Spread 1

Leia mais

Ginástica Rítmica da Special Olympics

Ginástica Rítmica da Special Olympics Ensinando Habilidades Esportivas da Special Olympics Tabela de Conteúdos Aquecimento... 3 Aquecimento Aeróbico... 5 Coreografia das Ondas do Corpo... 8 Ballet... 10 Aquecimento do Ballet... 13 Alongamento...

Leia mais

ABRCOLUNA Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna

ABRCOLUNA Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna ABRCOLUNA Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna Guia de Exercícios preventivos para a Coluna Vertebral Dr. Coluna 01 Helder Montenegro Fisioterapeuta Guia de Exercícios Dr Coluna 2012.indd 1

Leia mais

DESCUBRA UM GUIA PARA CONSTRUIR UMA BASE FORTE POR JOHN SMITH

DESCUBRA UM GUIA PARA CONSTRUIR UMA BASE FORTE POR JOHN SMITH DESCUBRA A S U A P A S S A D A UM GUIA PARA CONSTRUIR UMA BASE FORTE POR JOHN SMITH COMO USAR ESTE GUIA ESTE GUIA ENSINARÁ TÉCNICAS PARA VOCÊ APERFEIÇOAR A FORMA COMO VOCÊ CORRE AUMENTANDO EQUILÍBRIO,

Leia mais

sequência de hatha yoga Setembro/2012 PREMA - Yoga e Restaurante Natural Rua Maria Figueiredo, 189s. Tel.3283-0884 e 2528-1373

sequência de hatha yoga Setembro/2012 PREMA - Yoga e Restaurante Natural Rua Maria Figueiredo, 189s. Tel.3283-0884 e 2528-1373 sequência de hatha yoga Setembro/2012 PREMA - Yoga e Restaurante Natural Rua Maria Figueiredo, 189s. Tel.3283-0884 e 2528-1373 EVENTOS NO PREMA EM SETEMBRO Aulas de Yogaterapia com o tema: Asanas e Mantras

Leia mais

Desvios da Coluna Vertebral e Algumas Alterações. Ósseas

Desvios da Coluna Vertebral e Algumas Alterações. Ósseas Desvios da Coluna Vertebral e Algumas Alterações Ósseas DESVIOS POSTURAIS 1. LORDOSE CERVICAL = Acentuação da concavidade da coluna cervical. CAUSA: - Hipertrofia da musculatura posterior do pescoço CORREÇÃO:

Leia mais

SECRETARIA MUNCIPAL DE CULTURA ESCOLA DE DANÇA DE SÃO PAULO THEATRO MUNICIPAL DE SÃO PAULO MANUAL DO CANDIDATO AO PROCESSO SELETIVO 2015

SECRETARIA MUNCIPAL DE CULTURA ESCOLA DE DANÇA DE SÃO PAULO THEATRO MUNICIPAL DE SÃO PAULO MANUAL DO CANDIDATO AO PROCESSO SELETIVO 2015 SECRETARIA MUNCIPAL DE CULTURA ESCOLA DE DANÇA DE SÃO PAULO THEATRO MUNICIPAL DE SÃO PAULO MANUAL DO CANDIDATO AO PROCESSO SELETIVO 2015 PROGRAMA DE FORMAÇÃO EM DANÇA - 1º a 4º ANO Antes de efetuar a inscrição,

Leia mais

CUIDADOS COM A COLUNA

CUIDADOS COM A COLUNA SENADO FEDERAL CUIDADOS COM A COLUNA SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Cuidados com a coluna 3 apresentação As dores na coluna vertebral são um grande transtorno na vida de muita gente, prejudicando os movimentos

Leia mais

DOR NAS COSTAS EXERCÍCIOS ESPECIALIZADOS PARA O TRATAMENTO DA DOR NAS COSTAS. www.doresnascostas.com.br. Página 1 / 10

DOR NAS COSTAS EXERCÍCIOS ESPECIALIZADOS PARA O TRATAMENTO DA DOR NAS COSTAS. www.doresnascostas.com.br. Página 1 / 10 DOR NAS COSTAS EXERCÍCIOS ESPECIALIZADOS PARA O TRATAMENTO DA DOR NAS COSTAS www.doresnascostas.com.br Página 1 / 10 CONHEÇA OS PRINCÍPIOS DO COLETE MUSCULAR ABDOMINAL Nos últimos anos os especialistas

Leia mais

Confederação Brasileira de Tiro Esportivo Originária da Confederação do Tiro Brasileiro decreto 1503 de 5 de setembro de 1906

Confederação Brasileira de Tiro Esportivo Originária da Confederação do Tiro Brasileiro decreto 1503 de 5 de setembro de 1906 Exercícios com Elástico Os Exercícios com elástico irão trabalhar Resistência Muscular Localizada (RML). Em cada exercício, procure fazer a execução de maneira lenta e com a postura correta. Evitar o SOLAVANCO

Leia mais

Senior Fitness Test SFT

Senior Fitness Test SFT 1. Levantar e sentar na caira Senior Fitness Test SFT Objetivo: avaliar a força e resistência dos membros inferiores. Instrumentos: cronômetro, caira com encosto e sem braços, com altura assento aproximadamente

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA CENTRO DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA Prof. Dr. Victor H. A. Okazaki http://okazaki.webs.com Material de Apoio: Desenvolvimento & Aprendizado

Leia mais

http://saudenocorpo.com/

http://saudenocorpo.com/ Este material é gratuito e foi distribuído no site saudenocorpo.com, onde você encontra Dicas de saúde, nutrição, atividade física, esporte, bem estar, saúde emocional, alimentação. AVISO IMPORTANTE Este

Leia mais

DE VOLTA ÀS AULAS... CUIDADOS COM A POSTURA E O PESO DA MOCHILA!

DE VOLTA ÀS AULAS... CUIDADOS COM A POSTURA E O PESO DA MOCHILA! DE VOLTA ÀS AULAS... CUIDADOS COM A POSTURA E O PESO DA MOCHILA! SUA MOCHILA NÃO PODE PESAR MAIS QUE 10% DO SEU PESO CORPORAL. A influência de carregar a mochila com o material escolar nas costas, associado

Leia mais

Quarta Série aplicada na Fazenda Esperança [entre a segunda quinzena de maio e primeira quinzena de agosto]

Quarta Série aplicada na Fazenda Esperança [entre a segunda quinzena de maio e primeira quinzena de agosto] Quarta Série aplicada na Fazenda Esperança [entre a segunda quinzena de maio e primeira quinzena de agosto] 1. Postura da Palmeira [Tadasana]. 1 Nota: Sarvananda Deva a) Fique de pé com os pés unidos ou

Leia mais

Abdução do quadril Posição inicial Ação Extensão do quadril em rotação neutra Posição inicial Ação

Abdução do quadril Posição inicial Ação Extensão do quadril em rotação neutra Posição inicial Ação 12) Abdução do quadril - músculos comprometidos da articulação do quadril: glúteo médio, glúteo mínimo, tensor da fascia lata e os seis rotadores externos; da articulação do joelho: quadríceps (contração

Leia mais

VOCÊ JÁ PENSOU NA SUA POSTURA HOJE?

VOCÊ JÁ PENSOU NA SUA POSTURA HOJE? VOCÊ JÁ PENSOU NA SUA POSTURA HOJE? Dicas Gerais para uma Boa Postura 1) Manter o topo da tela ao nível dos olhos e distante cerca de um comprimento de braço (45cm ~ 70cm); 2) Manter a cabeça e pescoço

Leia mais

1. História do Voleibol. 2. Caracterização do Voleibol. 2. Regras do Voleibol. Documento de Apoio de Voleibol VOLEIBOL

1. História do Voleibol. 2. Caracterização do Voleibol. 2. Regras do Voleibol. Documento de Apoio de Voleibol VOLEIBOL VOLEIBOL 1. História do Voleibol O Voleibol foi criado em 1885, em Massachussets, por William G. Morgan, responsável pela Educação Física no Colégio de Holyoke, no Estado de Massachussets, nos Estados

Leia mais

PADRONIZAÇÃO DE EXERCÍCIOS

PADRONIZAÇÃO DE EXERCÍCIOS LOMBAR EXTENSÃO DE TRONCO- Em decúbito ventral apoiado no banco romano ou no solo, pernas estendidas, mãos atrás da cabeça ou com os braços entrelaçados na frente do peito. Realizar uma flexão de tronco

Leia mais

3. Pressione o cotovelo, com a maior força possível com a outra mão, em direção ao outro ombro. Fique nesta posição por 10 segundos. Repita 3X.

3. Pressione o cotovelo, com a maior força possível com a outra mão, em direção ao outro ombro. Fique nesta posição por 10 segundos. Repita 3X. THIAGO MURILO EXERCÍCIOS PARA DEPOIS DO TÊNIS 1. Em Pé de costas para um canto de parede flexione a sua perna mais forte para frente, alinhe a coluna e leve os braços para trás até apoiar as palmas das

Leia mais

CINCO PRINCÍPIOS BÁSICOS STOTT PILATES

CINCO PRINCÍPIOS BÁSICOS STOTT PILATES CINCO PRINCÍPIOS BÁSICOS STOTT PILATES Utilizando os Princípios do Pilates Contemporâneo para atingir um nível ótimo de condição física. Por Moira Merrithew, STOTT PILATES Executive Director, Education

Leia mais

Terceira Série aplicada na Fazenda Esperança 1 [entre a segunda quinzena de fevereiro e primeira quinzena de maio]

Terceira Série aplicada na Fazenda Esperança 1 [entre a segunda quinzena de fevereiro e primeira quinzena de maio] Terceira Série aplicada na Fazenda Esperança 1 [entre a segunda quinzena de fevereiro e primeira quinzena de maio] Sarvananda Deva 1. Postura da Águia Garuda [Garudasana]: Esta postura de equilíbrio em

Leia mais

1) PANTURRILHAS. b) Músculos envolvidos Gastrocnêmios medial e lateral, sóleo, tibial posterior, fibular longo e curto, plantar (débil),

1) PANTURRILHAS. b) Músculos envolvidos Gastrocnêmios medial e lateral, sóleo, tibial posterior, fibular longo e curto, plantar (débil), 1 1) PANTURRILHAS 1.1 GERAL De pé, tronco ereto, abdômen contraído, de frente para o espaldar, a uma distância de um passo. Pés na largura dos quadris, levar uma das pernas à frente inclinando o tronco

Leia mais

Portal Equilíbrio e Quedas em Idosos. Atividade Física

Portal Equilíbrio e Quedas em Idosos. Atividade Física Portal Equilíbrio e Quedas em Idosos http://pequi.incubadora.fapesp.br/portal Atividade Física Nesta seção, apresentamos conceitos relacionados à atividade física para idosos. O enfoque principal é treinamento

Leia mais

SEQUÊNCIA DE HATHA YOGA AGOSTO E SETEMBRO/2013

SEQUÊNCIA DE HATHA YOGA AGOSTO E SETEMBRO/2013 PREMA - Yoga e Restaurante Natural Rua Maria Figueiredo, 189s. Tel.3283-0884 SEQUÊNCIA DE HATHA YOGA AGOSTO E SETEMBRO/2013 EVENTOS NO PREMA EM AGOSTO E SETEMBRO Aulas de Yogaterapia em Agosto com o tema:

Leia mais

3ª SÉRIE PARA DORES NOS GLÚTEOS E PERNAS

3ª SÉRIE PARA DORES NOS GLÚTEOS E PERNAS 3ª SÉRIE PARA DORES NOS GLÚTEOS E PERNAS RODAR OS JOELHOS À DIREITA E À ESQUERDA SENSAÇÃO NA EXECUÇÃO: alívio na articulação dos joelhos e tornozelos. INDICAÇÃO TERAPÊUTICA: dores nas articulações dos

Leia mais

Educativos de corrida

Educativos de corrida Educativos de corrida Eles ajudam a melhorar a coordenação, a postura, a eficiência e a economia de energia na execução de seus movimentos na corrida. Esses exercícios podem até parecer aqueles que se

Leia mais

Manual de Exercícios SPP

Manual de Exercícios SPP Manual de Exercícios SPP 1/6 Manual de exercícios SPP- IGN 1. Posicionamento: deitado de barriga para cima, com os joelhos estendidos. 2. Dobrar e estender uma perna. Fazer 10 repetições em cada lado alternadamente.

Leia mais

Relaxar a musculatura dos braços. Entrelace os dedos de ambas as mãos com suas palmas para cima e levante os braços por 10 segundos.

Relaxar a musculatura dos braços. Entrelace os dedos de ambas as mãos com suas palmas para cima e levante os braços por 10 segundos. por Christian Haensell A flexibilidade do corpo e das juntas é controlada por vários fatores: estrutura óssea, massa muscular, tendões, ligamentos, e patologias (deformações, artroses, artrites, acidentes,

Leia mais

AULAS TÉCNICAS DE CRAWL Musculatura Utilizada. Posição do Corpo e de Seus Segmentos. Posição do Corpo Erros Causas Correções

AULAS TÉCNICAS DE CRAWL Musculatura Utilizada. Posição do Corpo e de Seus Segmentos. Posição do Corpo Erros Causas Correções SUMÁRIO AULAS TÉCNICAS DE CRAWL... 3 Respiração Lateral... 6 Entrada de Mão... 8 Recuperação da Braçada de Crawl... 11 Puxada... 13 Deslize... 15 Posição do Pé para Execução da Pernada de Crawl... 17 Aceleração...

Leia mais

Biomecânica. A alavanca inter-resistente ou de 2º grau adequada para a realização de esforço físico, praticamente não existe no corpo humano.

Biomecânica. A alavanca inter-resistente ou de 2º grau adequada para a realização de esforço físico, praticamente não existe no corpo humano. Biomecânica Parte do conhecimento da Ergonomia aplicada ao trabalho origina-se no estudo da máquina humana. Os ossos, os músculos, ligamentos e tendões são os elementos dessa máquina que possibilitam realizar

Leia mais

Teste de Flexibilidade

Teste de Flexibilidade Teste de Flexibilidade Introdução O teste de Fleximetria foi aprimorado pelo ICP à partir do teste do Flexômetro de LEIGHTON deve ser aplicado com a intenção de se coletar informações sobre o funcinamento

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Slackline Kikos 15m X 5cm ABSL-003

MANUAL DO USUÁRIO. Slackline Kikos 15m X 5cm ABSL-003 MANUAL DO USUÁRIO Slackline Kikos 15m X 5cm ABSL-003 IMPORTANTE! Por favor, leia este manual atentamente antes de começar o exercício. Guarde esse manual para um futuro uso. As especificações deste produto

Leia mais

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada Professor: Rui Morcela Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 8º Turma: A Nº Alunos: 20 Aula Nº: 58 e 59 Aula U.D. Nº: 1 e 2 de 8 Instalações: Pavilhão Data: 9-3-2010 Hora: 10h20m Duração: 75 minutos Unidade Didáctica:

Leia mais

Corrida de Barreiras. José Carvalho. Federação Portuguesa de Atletismo

Corrida de Barreiras. José Carvalho. Federação Portuguesa de Atletismo Corrida de Barreiras José Carvalho F P A Federação Portuguesa de Atletismo CORRIDAS DE BARREIRAS José Carvalho Objectivo Ser capaz de realizar uma corrida com barreiras - ritmada em velocidade máxima.

Leia mais

Livro de Exercícios de Ginástica Artística / Play GYM para o Desporto Escolar

Livro de Exercícios de Ginástica Artística / Play GYM para o Desporto Escolar Livro de Exercícios de Ginástica Artística / Play GYM para o Desporto Escolar Documento de Apoio a Professores Responsáveis por Grupo/Equipa de Ginástica Artística Janeiro 2008 Livro de Exercícios de Ginástica

Leia mais

Energym Turbo Charger

Energym Turbo Charger Energym Turbo Charger LEIA TODAS AS INSTRUÇÕES ANTES DE USAR E GUARDE ESTE MANUAL PARA CONSULTAS FUTURAS. Manual de Instruções INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA Antes de começar qualquer programa de exercícios,

Leia mais

FICHA PARA CATÁLOGO. Escola Estadual São José Ensino Fundamental e Médio. Educação Física. Unidade Didática

FICHA PARA CATÁLOGO. Escola Estadual São José Ensino Fundamental e Médio. Educação Física. Unidade Didática FICHA PARA CATÁLOGO Título: IMPORTÂNCIA DO AQUECIMENTO NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA Autor Escola de Atuação Município da escola Núcleo Regional de Educação Orientador Instituição de Ensino Superior Disciplina/Área

Leia mais

A postura saudável para o digitador

A postura saudável para o digitador A postura saudável para o digitador A postura saudável para o digitador 2 Muitas vezes nos perguntamos: Qual é a postura mais adequada para se trabalhar durante horas em frente a um computador? Após anos

Leia mais

Academia Seja dentro ou fora da Academia, nosso Clube oferece espaços para manter a saúde em dia e o corpo em forma

Academia Seja dentro ou fora da Academia, nosso Clube oferece espaços para manter a saúde em dia e o corpo em forma Projeto Verão O Iate é sua Academia Seja dentro ou fora da Academia, nosso Clube oferece espaços para manter a saúde em dia e o corpo em forma por rachel rosa fotos: felipe barreira Com a chegada do final

Leia mais

Electric Stepper Leia estas instruções antes de usar o Electric Stepper Inserção do computador (Personal Training)

Electric Stepper Leia estas instruções antes de usar o Electric Stepper Inserção do computador (Personal Training) Electric Stepper Peso do usuário máximo permitido é de 300 lbs. Até que você esteja confortável com o Electric Stepper coloque-o atrás ou ao lado uma cadeira ou mesa. Uma alternativa é colocar o Electric

Leia mais

APOSTILA DE VOLEIBOL

APOSTILA DE VOLEIBOL APOSTILA DE VOLEIBOL O voleibol é praticado em uma quadra retangular dividida ao meio por uma rede que impede o contato corporal entre os adversários. A disputa é entre duas equipes compostas por seis

Leia mais

ERGONOMIA. Anatomia e Fisiologia - Limitações do Organismo Humano

ERGONOMIA. Anatomia e Fisiologia - Limitações do Organismo Humano Verificamos um exemplo, da operária, de como é importante para o profissional de Segurança e Higiene do Trabalho conhecer as limitações do corpo humano e como este pode se sobrecarregar, com o intuito

Leia mais

Reitora Suely Vilela. Diretor da Faculdade de Saúde Pública Chester Luiz Galvão César. Chefe do Departamento de Nutrição Carlos Augusto Monteiro

Reitora Suely Vilela. Diretor da Faculdade de Saúde Pública Chester Luiz Galvão César. Chefe do Departamento de Nutrição Carlos Augusto Monteiro Reitora Suely Vilela Diretor da Faculdade de Saúde Pública Chester Luiz Galvão César Chefe do Departamento de Nutrição Carlos Augusto Monteiro Chefe do Laboratório de Avaliação Nutricional de Populações

Leia mais

Unidade didática de Ginástica

Unidade didática de Ginástica Livro do Professor 5 Unidade didática de Ginástica Objetivos gerais da Ginástica Compor e realizar as destrezas elementares de solo, aparelhos e minitrampolim, em esquemas individuais e/ou de grupo, aplicando

Leia mais

APOSTILA DE NATAÇÃO APERFEIÇOAMENTO E TREINAMENTO Técnica de Nados, Saídas e Viradas. Prof Adolfo Deluca

APOSTILA DE NATAÇÃO APERFEIÇOAMENTO E TREINAMENTO Técnica de Nados, Saídas e Viradas. Prof Adolfo Deluca APOSTILA DE NATAÇÃO APERFEIÇOAMENTO E TREINAMENTO Técnica de Nados, Saídas e Viradas Prof Adolfo Deluca 1999 2 ÍNDICE PONTOS IMPORTANTES A SE LEVAR EM CONSIDERAÇÃO... 4 1. Controle da Respiração... 4 2.

Leia mais

PREVENÇÃO E TRATAMENTO DE HÉRNIA DE DISCO SEM CIRURGIA

PREVENÇÃO E TRATAMENTO DE HÉRNIA DE DISCO SEM CIRURGIA PREVENÇÃO E TRATAMENTO DE HÉRNIA DE DISCO SEM CIRURGIA Dicas para uma vida sem dores na coluna A Hérnia de Disco A nossa coluna é composta de aproximadamente 32 vértebras, que são os ossos que formam

Leia mais

EXÉRCITO BRASILEIRO www.exercito.gov.br

EXÉRCITO BRASILEIRO www.exercito.gov.br EXÉRCITO BRASILEIRO www.exercito.gov.br CARTILHA DE TREINAMENTO NEUROMUSCULAR COM ELÁSTICOS INSTITUTO DE PESQUISA DA CAPACITAÇÃO FÍSICA DO EXÉRCITO www.ipcfex.com.br Realização www.exercito.gov.br www.decex.ensino.eb.br

Leia mais

GUIA DE EXERCÍCIOS LIFE ZONE TOTAL FIT

GUIA DE EXERCÍCIOS LIFE ZONE TOTAL FIT GUIA DE EXERCÍCIOS LIFE ZONE TOTAL FIT Nesse guia você encontrará 50 exercícios diferentes para fazer utilizando a sua Estação de Musculação Life Zone Total Fit. Com esses exercícios, você trabalhará diversas

Leia mais

Osteoporose. Trabalho realizado por: Laís Bittencourt de Moraes*

Osteoporose. Trabalho realizado por: Laís Bittencourt de Moraes* Trabalho realizado por: Laís Bittencourt de Moraes* * Fisioterapeuta. Pós-graduanda em Fisioterapia Ortopédica, Traumatológica e Reumatológica. CREFITO 9/802 LTT-F E-mail: laisbmoraes@terra.com.br Osteoporose

Leia mais

Ginástica. Educação Física 9º B. Escola EB 2/3 Júlio Dinis 2011/2012. Núcleo de Estágio de Educação Física e Desporto Sandra Barbosa

Ginástica. Educação Física 9º B. Escola EB 2/3 Júlio Dinis 2011/2012. Núcleo de Estágio de Educação Física e Desporto Sandra Barbosa Educação Física 9º B Escola EB 2/3 Júlio Dinis 2011/2012 Núcleo de Estágio de Educação Física e Desporto Sandra Barbosa ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 1-HISTÓRIA DA GINÁSTICA... 3 2- CARACTERIZAÇÃO DA MODALIDADE...

Leia mais

Fisioterapia Personalizada a Domicilio

Fisioterapia Personalizada a Domicilio Fisioterapia Personalizada a Domicilio O atendimento a domicilio da Fisio e Saúde Sul, privilegia o conforto e a saúde de seus pacientes, realizando atendimento que proporciona SAÚDE, BEM-ESTAR e MELHORA

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO DE GINÁSTICA ARTÍSTICA TV SERGIPE 2014

REGULAMENTO TÉCNICO DE GINÁSTICA ARTÍSTICA TV SERGIPE 2014 REGULAMENTO TÉCNICO DE GINÁSTICA ARTÍSTICA TV SERGIPE 2014 NÍVEL I MASCULINO E FEMININO Nº Elementos Descrição Valor 1. Postura de Posição estendida com braços elevados apresentação 2. Rolamento p/ frente

Leia mais

Clínica Deckers. Fisioterapia Exercícios Terapêuticos para o Joelho

Clínica Deckers. Fisioterapia Exercícios Terapêuticos para o Joelho Clínica Deckers Fisioterapia Exercícios Terapêuticos para o Joelho O QUE É Estes são alguns dos exercícios recomendados com mais freqüência, para a terapia do Joelho. Eles foram compilados para dar a você,

Leia mais

DIVISÃO DESENVOLVIMENTO SOCIAL GABINETE DE DESPORTO

DIVISÃO DESENVOLVIMENTO SOCIAL GABINETE DE DESPORTO DIVISÃO DESENVOLVIMENTO SOCIAL GABINETE DE DESPORTO TÉCNICAS DE ANIMAÇÃO PARA IDOSOS Introdução Uma velhice tranquila é o somatório de tudo quanto é beneficio do organismo, como por exemplo, exercícios

Leia mais

TREINAMENTO 1. Aquecimento: Alongamento: Rodrigo Gonçalves (Comissão Paulista de Cheerleading) (CREF. 028011-G/SP)

TREINAMENTO 1. Aquecimento: Alongamento: Rodrigo Gonçalves (Comissão Paulista de Cheerleading) (CREF. 028011-G/SP) TREINAMENTO 1 Rodrigo Gonçalves (Comissão Paulista de Cheerleading) (CREF. 028011-G/SP) Rotina de alongamento e condicionamento (Treino 1): O alongamento e o aquecimento são importantíssimos em qualquer

Leia mais

Dicas para manter a postura e não prejudicar a coluna no dia a dia

Dicas para manter a postura e não prejudicar a coluna no dia a dia Dicas para manter a postura e não prejudicar a coluna no dia a dia No decorrer do dia, desempenhamos várias funções, desde agachar para pegar uma caneta do chão, a limpeza de sua casa e no trabalho. As

Leia mais

ARES KINESIOLOGY TAPE

ARES KINESIOLOGY TAPE Guia de Aplicações ARES KINESIOLOGY TAPE > Instruções Gerais > Instruções de Aplicações Básicas > Aplicações Clínicas Conteúdo O que é ARES TAPE Como funciona? Instruções gerais 8 9 10 Pescoço / Ombro

Leia mais

FITNESSGRAM. O Fitnessgram é um programa de educação e avaliação da aptidão física relacionada com a saúde.

FITNESSGRAM. O Fitnessgram é um programa de educação e avaliação da aptidão física relacionada com a saúde. Professora de Educação Física HelenaMiranda FITNESSGRAM O Fitnessgram é um programa de educação e avaliação da aptidão física relacionada com a saúde. Todos os elementos incluídos no Fitnessgram foram

Leia mais

I Curso de Preparação Coreográfica Específica para a Ginástica Artística

I Curso de Preparação Coreográfica Específica para a Ginástica Artística I Curso de Preparação Coreográfica Específica para a Ginástica Artística Local: Yashi Academia de Ginástica Olímpica Data: 1º de maio de 2009 Coordenação: Yumi Yamamoto Sawasato Professora: Valeria Lakerbai

Leia mais

Exercícios específicos para a barriga que enrijecem os músculos da região e ajudam na manutenção de uma boa postura.

Exercícios específicos para a barriga que enrijecem os músculos da região e ajudam na manutenção de uma boa postura. 13/05/2004-05h31 Atividades físicas trazem riscos ocultos para o corpo KATIA DEUTNER Free-lance para a Folha de S.Paulo Você sabe: eles fazem bem ao coração, aos ossos, ao colesterol, à pressão, às articulações,

Leia mais

Informação Exame de Equivalência. à disciplina de: EDUCAÇÃO FÍSICA

Informação Exame de Equivalência. à disciplina de: EDUCAÇÃO FÍSICA Informação Exame de Equivalência à disciplina de: EDUCAÇÃO FÍSICA 3º Ciclo do Ensino Básico Ano letivo de 2011/12 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova de exame de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO MUNICIPAL SEMSA / BONFIM Nº 001/2015 COMISSÃO DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL PARA PROVA DE CAPACITAÇÃO FÍSICA

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO MUNICIPAL SEMSA / BONFIM Nº 001/2015 COMISSÃO DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL PARA PROVA DE CAPACITAÇÃO FÍSICA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO MUNICIPAL SEMSA / BONFIM Nº 001/2015 COMISSÃO DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL PARA PROVA DE CAPACITAÇÃO FÍSICA 1. Participarão desta etapa os candidatos aprovados/classificados

Leia mais

Dist. da linha saída à 1ª barreira

Dist. da linha saída à 1ª barreira TÉCNICA DAS CORRIDAS COM BARREIRAS Antes de mais nada podemos dizer que as corridas com barreiras são provas de velocidade rasa porque, muito embora o barreiristas se depare com uma série de barreiras

Leia mais

LESÕES OSTEOMUSCULARES

LESÕES OSTEOMUSCULARES LESÕES OSTEOMUSCULARES E aí galera do hand mades é com muito orgulho que eu estou escrevendo este texto a respeito de um assunto muito importante e que muitas vezes está fora do conhecimento de vocês Músicos.

Leia mais

DANÇA. Na avaliação, serão observados os seguintes aspectos, como princípios gerais: a) postura; b) domínio corporal; c) ritmo;

DANÇA. Na avaliação, serão observados os seguintes aspectos, como princípios gerais: a) postura; b) domínio corporal; c) ritmo; Aptidão Dança 1. INTRODUÇÃO O curso de graduação em dança da UNICAMP mantém seu foco direcionado ao profissional intérprete, que vive a dança em seu corpo, capaz de dimensioná-la no corpo do outro e que

Leia mais

Foram estabelecidos critérios de inclusão, exclusão e eliminação. Critérios de inclusão: todos os dançarinos com síndrome da dor femoropatelar.

Foram estabelecidos critérios de inclusão, exclusão e eliminação. Critérios de inclusão: todos os dançarinos com síndrome da dor femoropatelar. Figura 11a - Posição inicial: 1ª posição paralela. Figura 11b - demi-plié: 1ª posição paralela. Figura 12a - Posição inicial: 2ª posição paralela. Figura 12b- Demi-plié: 2ª posição paralela. 35 Figura

Leia mais

Tarefas prescritas de levante, movimentação e transferência de doentes

Tarefas prescritas de levante, movimentação e transferência de doentes Tarefas prescritas de levante, movimentação e transferência de doentes Modo de proceder na preparação da tarefa com o doente (ACSS 2008; Alexandre & Rogante, 2000; Coelho, 2010; Elkin, Perry, & Potter,

Leia mais

PILATES E BIOMECÂNICA. Thaís Lima

PILATES E BIOMECÂNICA. Thaís Lima PILATES E BIOMECÂNICA Thaís Lima RÍTMO LOMBOPÉLVICO Estabilidade lombopélvica pode ser definida como a habilidade de atingir e manter o alinhamento ótimo dos segmentos da coluna (lombar e torácica), da

Leia mais

Adutores da Coxa. Provas de função muscular MMII. Adutor Longo. Adutor Curto. Graduação de força muscular

Adutores da Coxa. Provas de função muscular MMII. Adutor Longo. Adutor Curto. Graduação de força muscular Provas de função muscular MMII Graduação de força muscular Grau 0:Consiste me palpar o músculo avaliado e encontrar como resposta ausência de contração muscular. Grau 1:Ao palpar o músculo a ser avaliado

Leia mais

OTAGO FORÇA & EQUILÍBRIO

OTAGO FORÇA & EQUILÍBRIO OTAGO FORÇA & EQUILÍBRIO PROGRAMA DOMICILIAR DE EXERCÍCIOS Texto de Sheena Gawler Research Associate, Research Department of Primary Care e Population Health, University College London Medical School Co

Leia mais

VELOCIDADE, AGILIDADE, EQUILÍBRIO e COORDENAÇÃO VELOCIDADE

VELOCIDADE, AGILIDADE, EQUILÍBRIO e COORDENAÇÃO VELOCIDADE 1 VELOCIDADE, AGILIDADE, EQUILÍBRIO e COORDENAÇÃO VELOCIDADE - É a capacidade do indivíduo de realizar movimentos sucessivos e rápidos, de um mesmo padrão, no menor tempo possível. Força; Fatores que influenciam

Leia mais

SALTO EM E M DISTÂNCIA

SALTO EM E M DISTÂNCIA SALTO EM DISTÂNCIA Salto em Distância O salto em distancia é uma prova de potência, sua performance está diretamente relacionada com a velocidade de impulso O saltador deve produzir o máximo de velocidade

Leia mais

Exercícios pós-operatórios iniciais após cirurgia de joelho

Exercícios pós-operatórios iniciais após cirurgia de joelho PÓS-OPERATÓRIO Exercícios pós-operatórios iniciais após cirurgia de joelho Estes exercícios são importantes para aumentar a circulação em seus pés e pernas e prevenir coágulos sanguíneos. Eles também são

Leia mais

Fazer as costelas de vários mini saltos, pular em uma e quando cair pular em outra e assim em diante.

Fazer as costelas de vários mini saltos, pular em uma e quando cair pular em outra e assim em diante. Concentração e Atenção são as palavras chaves para uma pilotagem segura. Embora tenham a moto adequada, muitos pilotos apresentam deficiências, especialmente de postura, na hora de frenagem e na escolha

Leia mais

Exercícios de força muscular

Exercícios de força muscular Exercícios de força muscular ABDOMINAIS Objectivos: Melhoria funcional e reforço muscular do Core. Posição Inicial - Deite-se em decúbito dorsal (barriga para cima), coloque as pernas flectidas a 45º,

Leia mais

Cuidados Posturais. Prof Paulo Fernando Mesquita Junior

Cuidados Posturais. Prof Paulo Fernando Mesquita Junior Cuidados Posturais Prof Paulo Fernando Mesquita Junior Vídeo: Cuidados_posturais_Dr.MiguelMastropaulo A postura correta Considera-se uma boa postura aquela condição em que o alinhamento corporal proporciona

Leia mais

Protocolo dos Testes de Aptidão Física Funcional da Bateria de Testes de Rikli & Jones (1999)

Protocolo dos Testes de Aptidão Física Funcional da Bateria de Testes de Rikli & Jones (1999) Protocolo dos Testes de Aptidão Física Funcional da Bateria de Testes de Rikli & Jones (1999) 1. Levantar e Sentar na Cadeira Avaliar a força e resistência dos membros inferiores (número de execuções em

Leia mais

Cultura Física Autor: Ricardo Wesley Alberca Custódio 1 1

Cultura Física Autor: Ricardo Wesley Alberca Custódio 1 1 1 Atividades Recreativas Cultura Física Autor: Ricardo Wesley Alberca Custódio 1 1 Educador Físico, Pós graduação: Fisiologia do exercício(unifesp) MBA em Gestão e Estratégia Empresarial, Membro de 2 grupos

Leia mais

OTAGO FORÇA & EQUILÍBRIO

OTAGO FORÇA & EQUILÍBRIO OTAGO FORÇA & EQUILÍBRIO PROGRAMA DOMICILIAR DE EXERCÍCIOS Texto de Sheena Gawler Research Associate, Research Department of Primary Care e Population Health, University College London Medical School Co

Leia mais

CARTILHA DE AUTOCUIDADO DE COLUNA

CARTILHA DE AUTOCUIDADO DE COLUNA CARTILHA DE AUTOCUIDADO DE COLUNA APRENDA A CUIDAR DA SUA COLUNA Elaboração: Júlia Catarina Sebba Rios Pesquisa: Efeitos de um programa educacional de autocuidado de coluna em idosos ati vos e sedentários

Leia mais

Hatha Yoga Maio/2011 Apostila de Prática

Hatha Yoga Maio/2011 Apostila de Prática Hatha Yoga Maio/2011 Apostila de Prática O propósito desta apostila de prática é orientar os alunos para que possam aprofundar seu entendimento da prática, servindo como complemento das orientações prestadas

Leia mais

Aula 03 Antropometria Prof. Mario S. Ferreira Junho, 2013

Aula 03 Antropometria Prof. Mario S. Ferreira Junho, 2013 Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Curso de Especialização em Arquitetura da Habitação de Interesse Social ERGONOMIA E ACESSIBILIDADE Aplicada à

Leia mais

Introdução. O conforto e a Segurança abrangem aspectos físicos, psicossociais e espirituais e. humano.

Introdução. O conforto e a Segurança abrangem aspectos físicos, psicossociais e espirituais e. humano. Introdução O conforto e a Segurança abrangem aspectos físicos, psicossociais e espirituais e constituem necessidades básicas do ser humano. Movimentação do paciente Para que o paciente se sinta confortável

Leia mais

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello Caderno de Postura Prof. Luiz Mello CADERNO DE POSTURA Este caderno de postura tem como objetivo demonstrar os principais pontos relacionados a maneira de como tocar violão e guitarra de uma maneira saudável,

Leia mais

Exercícios para a activação geral e o retorno à calma

Exercícios para a activação geral e o retorno à calma Exercícios para a activação geral e o retorno à calma Mobilização da articulação do ombro 1 Objectivos: Aumentar a amplitude dos ombros e parte superior das costas. Mobiliza os deltóides, rotadores da

Leia mais

CHAVES DE PERNA DE PESCOÇO

CHAVES DE PERNA DE PESCOÇO 1 CHAVES DE PERNA E DE PESCOÇO DO LIVRO "MA METHODE DE JUDO" DE M. KAWAISHI - 7 0 DAN Judo. NOTA IMPORTANTE - Estas chaves não permitidas em combates de TRADUZIDO POR JOSÉ C. MAFRA - 6 0 DAN 2 CHAVES DE

Leia mais

Cartilha de Fisioterapia para Pacientes da Escola de Coluna

Cartilha de Fisioterapia para Pacientes da Escola de Coluna Cartilha de Fisioterapia para Pacientes da Escola de Coluna 4ª\edição 2015 tt Prezado(a) Paciente, Essa cartilha foi elaborada especialmente para você, paciente da Escola de Coluna do Into. Aqui você

Leia mais