COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO"

Transcrição

1 COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO TUTORIAL DE APOIO

2 A IDEIA É O INÍCIO DO PERCURSO, E NÃO O FIM. AGORA QUE JÁ PARTILHASTE IDEIAS COM O TÉCNICO DO PROJETO E/OU COM OUTROS COLEGAS COM QUEM CRIASTE ATÉ UMA EQUIPA, QUE OBSERVASTE, QUESTIONASTE, DISCUTISTE, CHEGOU A ALTURA DE TESTAR E ESTRUTURAR A IDEIA PARA A IMPLEMENTAR. VAMOS AJUDAR-TE EM ALGUNS BREVES PASSOS, MAS NÃO TE ESQUEÇAS DE FAZER O DOWNLOAD DO FORMULÁRIO QUE JÁ TEM A BASE PARA TE AJUDAR A ORGANIZAR A TUA IDEIA. CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 2

3 PASSO 1 TESTA A TUA IDEIA APRESENTA A IDEIA A OUTRAS PESSOAS E TIRA CONCLUSÕES. Por vezes, os outros, ajudam-nos a afinar os detalhes das nossas ideias, precisamente porque trazem uma perspetiva distinta, mostrando-nos caminhos que não tínhamos considerado. ESTA É UMA FASE CRUCIAL PARA SABER SE A IDEIA É SUFICIENTEMENTE FORTE PARA AVANÇAR E PARA SE AFINAREM DETALHES. É também importante perceberes se a ideia é original ou se existem já demasiados concorrentes ou pessoas a fazer o mesmo. Não tem de ser a única no mundo mas não deve ser apenas mais uma. E quem sabe, através da pesquisa podes descobrir e identificar características em que a ideia se pode distinguir das que já existem e ai estarás também a criar a tua própria identidade! CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 3

4 PASSO 2 LEVANTAMENTO DE NECESSIDADES E PLANEAMENTO COMEÇA A LISTAR TODOS OS RECURSOS QUE NECESSITAS PARA PODER IMPLEMENTAR A TUA IDEIA. Os recursos por norma podem ser: LOGÍSTICOS/PRODUÇÃO - Materiais, ferramentas, espaços, entre outros. HUMANOS - Que e quantas pessoas precisam estar envolvidas. FINANCEIROS - Qual o valor do investimento necessário para poderes arrancar com a tua ideia. Já com as necessidades listadas, deves criar um planeamento para garantir que todas as peças encaixam no tempo certo, e que não fica a faltar nada. CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 4

5 PASSO 3 PARCERIAS NÃO TENHAS MEDO DE PARTILHAR A TUA IDEIA, ANTES PELO CONTRÁRIO. O teu projeto ficará sempre a ganhar se procurares envolver parceiros que te ajudem na execução. Lembra-te que quanto mais gente estiver interessada no teu projeto maior será a probabilidade de sucesso. E recorda-te também que à medida que vais envolvendo parceiros, podem surgir outras perspetivas em benefício do teu projeto. CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 5

6 PASSO 4 IMPLEMENTAÇÃO Antes da fase de implementação não te esqueças de verificar o planeamento novamente para te assegurares que não vais ter atrasos e que todas as peças estão a encaixar na perfeição, para garantir o sucesso do teu projeto. CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 6

7 PASSO 5 AVALIAÇÃO: É NATURAL QUE MUITOS PROJETOS SOFRAM PEQUENAS ALTERAÇÕES QUANDO SÃO IMPLEMENTADOS. E por isso é importante que estejas atento a todos os detalhes para que possas ser ágil na adaptação do teu projeto à realidade (lembra-te que o Mundo está em constante evolução). Mede os resultados e cruza-os com as tuas expectativas, e procura entender as eventuais diferenças. O facto de apresentar diferenças não significa que seja mau. Deves sim é entender bem o que está diferente e procurar saber porquê. Quem sabe, até pode estar a superar as tuas expectativas! CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 7

8 NÃO TE ESQUEÇAS DE FAZER O DOWNLOAD DO FORMULÁRIO E DE CONSULTAR OS OUTROS TUTORIAIS DE APOIO NO WEBSITE PROGRAMAESCOLHAS.PT PARA APROFUNDARES OS TEUS CONHECIMENTOS SOBRE EMPREENDEDORISMO. BOM TRABALHO E FICAMOS A AGUARDAR AS TUAS BOAS IDEIAS! MUDA O TEU MUNDO. CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 8

9 PARTICIPA EM PARA MAIS INFORMAÇÕES CONTACTA CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS MUNDAR TUTORIAL DE APOIO COMO PASSAR DE UMA IDEIA A UM PROJETO 9

10 Uma parceria: Promovido por: Financiado por: Cofinanciado por: Parceiros de Divulgação: Lisboa: Rua dos Anjos, Nº 66, 3º, LISBOA Porto: Rua das Flores, Nº 69, R/C, PORTO T: T:

COMO GERAR IDEIAS TUTORIAL DE APOIO

COMO GERAR IDEIAS TUTORIAL DE APOIO COMO GERAR IDEIAS TUTORIAL DE APOIO COMO GERAR IDEIAS? AS BOAS IDEIAS PODEM VIR DE TODA A GENTE. PODEM MUITO BEM COMEÇAR POR TI. Muita gente pensa que as boas ideias são apenas para os outros, para pessoas

Leia mais

CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS

CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS CONCURSO ANUAL DE IDEIAS PARA JOVENS REGULAMENTO ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO 2 OBJETIVO EIXOS DE INTERVENÇÃO 4 PARTICIPANTES 5 CALENDARIZAÇÃO 4 PROCEDIMENTOS CONCURSAIS 4 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 5 8 AVALIAÇÃO 9

Leia mais

Conhece os teus Direitos. A caminho da tua Casa de Acolhimento. Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos

Conhece os teus Direitos. A caminho da tua Casa de Acolhimento. Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos Conhece os teus Direitos A caminho da tua Casa de Acolhimento Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos Dados Pessoais Nome: Apelido: Morada: Localidade: Código Postal - Telefone: Telemóvel: E

Leia mais

Este manual dirige-se aos jovens que, vendo o futebol como muito mais do que um mero jogo, se voluntariam para ajudar a treinar os seus colegas.

Este manual dirige-se aos jovens que, vendo o futebol como muito mais do que um mero jogo, se voluntariam para ajudar a treinar os seus colegas. Este manual dirige-se aos jovens que, vendo o futebol como muito mais do que um mero jogo, se voluntariam para ajudar a treinar os seus colegas. Manual elaborado pela equipa técnica do projeto MAIS JOVEM.

Leia mais

Gabinete de Aconselhamento Vocacional e Psicológico FCT/UNL

Gabinete de Aconselhamento Vocacional e Psicológico FCT/UNL Sugestões Para o Teu Estudo Não há regras rígidas para um estudo efectivo e bem sucedido, pelo que cada pessoa deve desenvolver a sua própria abordagem ao mesmo. Contudo, no geral, o acto de estudar envolve

Leia mais

TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007

TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007 TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007 Elaborado por: Miguel Marques (Professor TIC) Introdução As apresentações em PowerPoint servem para apoiar uma apresentação oral dos teus trabalhos. Neste tutorial

Leia mais

BOAS PRÁTICAS PROGRAMA ESCOLHAS

BOAS PRÁTICAS PROGRAMA ESCOLHAS BOAS PRÁTICAS PROGRAMA ESCOLHAS TUTORIAL DE APOIO BOAS PRÁTICAS PROGRAMA ESCOLHAS NESTE DOCUMENTO PODERÁS INSPIRAR-TE EM ALGUNS BONS EXEMPLOS DE PROJETOS DESENVOLVIDOS NO ÂMBITO DO PROGRAMA ESCOLHAS, ASSIM

Leia mais

Percurso de 1 hora e meia, nem muito forte, nem muito suave, mas tens de suar e manter o ritmo cardíaco no regime aeróbico (de 70 a 80%).

Percurso de 1 hora e meia, nem muito forte, nem muito suave, mas tens de suar e manter o ritmo cardíaco no regime aeróbico (de 70 a 80%). PLANO DE TREINO Para competir é necessário algo mais do que pedalar, é necessário um plano de treino específico para XC. Este plano inclui treino de força no ginásio e horas a pedalar em estrada e montanha,

Leia mais

DE ESTAGIÁRIO A CEO. 12 dicas de Marco Costa, CEO da Critical Software

DE ESTAGIÁRIO A CEO. 12 dicas de Marco Costa, CEO da Critical Software DE ESTAGIÁRIO A CEO 12 dicas de Marco Costa, CEO da Critical Software 1. Sê escrupulosamente leal: à tua empresa, ao teu chefe e aos teus colegas por esta ordem. Defende, acima de tudo, os interesses da

Leia mais

O verdadeiro sentido da existência deste Manual é ajudar-te a entender os valores da Hi INTERACTIVE e como podes enquadrar-te connosco.

O verdadeiro sentido da existência deste Manual é ajudar-te a entender os valores da Hi INTERACTIVE e como podes enquadrar-te connosco. CULTURE MANUAL Hi, THERE Hi Bem-vindo à Hi INTERACTIVE. Esta não é uma empresa como as outras. Aqui, o nosso objectivo é a perfeição, desafiamos a comum forma de pensar e encorajamos a criatividade. Este

Leia mais

CRIA O TEU PROJETO SOCIAL

CRIA O TEU PROJETO SOCIAL A MUDANÇA ÉS! SPIRIT 16 UMA FORMAÇÃO EM EMPREENDEDORISMO SOCIAL CRIA O TEU PROJETO SOCIAL COM IMPLEMENTAÇÃO EM SÃO TOMÉ www.wact.pt WACT - WE ARE CHANGING TOGHETER QUEM É A WACT E EM QUE ACREDITA? A WACT

Leia mais

O Conselho da Europa é uma organização internacional com 47 países membros. O seu trabalho afecta a vida de 150 milhões de crianças e jovens.

O Conselho da Europa é uma organização internacional com 47 países membros. O seu trabalho afecta a vida de 150 milhões de crianças e jovens. Os Serviços de Saúde Amigos das Crianças Crianças e Jovens: digam-nos o que pensam! O Conselho da Europa é uma organização internacional com 47 países membros. O seu trabalho afecta a vida de 150 milhões

Leia mais

Candidaturas até 6 de Novembro 2015 REGULAMENTO

Candidaturas até 6 de Novembro 2015 REGULAMENTO Candidaturas até 6 de Novembro 2015 REGULAMENTO ENQUADRAMENTO E INFORMAÇÃO GERAL O Concurso de Ideias de Negócio é um projecto da ANJE, criado em 1997, com o apoio do Instituto de Emprego e Formação Profissional

Leia mais

EMPREENDEDORISMO: O CONTEXTO NACIONAL

EMPREENDEDORISMO: O CONTEXTO NACIONAL EMPREENDEDORISMO: O CONTEXTO NACIONAL Entrevista com Eng.º Victor Sá Carneiro N uma época de grandes transformações na economia dos países, em que a temática do Empreendedorismo assume uma grande relevância

Leia mais

Navegar NA NET SEM PROBLEMAS

Navegar NA NET SEM PROBLEMAS r Navegar NA NET a SEM PROBLEMAS rr r rrr r rr r REDES SOCIAIS Atualmente a Internet faz parte das nossas vidas e todos utilizamos ou conhecemos alguém que utiliza uma ou várias Redes Sociais, que são

Leia mais

1- Nem sempre os alunos da tua turma se portam bem na aula de Ciências da Natureza. Porque razão isso acontece?

1- Nem sempre os alunos da tua turma se portam bem na aula de Ciências da Natureza. Porque razão isso acontece? 1.7.2. Regra de reconhecimento e de realização Questionários aos alunos do 2º Ciclo do Ensino Básico (2001) QUESTIONÁRIO AOS ALUNOS Escola Ano Turma Sexo F M Data / / Este questionário tem por objectivo

Leia mais

Marketing Para Coaches

Marketing Para Coaches Marketing Para Coaches Coaches Com Clientes: Comunicação Joana Areias e José Fonseca WWW.COACHESCOMCLIENTES.COM Introdução Existem um grande problema com o marketing em qualquer área: Toda a gente pensa

Leia mais

EXPOSIÇÕES. PROGRAMAÇÃO GERAL Público Geral Setembro 2012 NOVAS EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS

EXPOSIÇÕES. PROGRAMAÇÃO GERAL Público Geral Setembro 2012 NOVAS EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS PROGRAMAÇÃO GERAL Público Geral Setembro 2012 EXPOSIÇÕES Exposições Permanentes Exposições Temporárias Vencer a Distância - Cinco Séculos de Comunicações em Portugal História dos Correios e Telecomunicações

Leia mais

Ficha de Caracterização de Entidade/Projecto Emprega o Futuro

Ficha de Caracterização de Entidade/Projecto Emprega o Futuro Ficha de Caracterização de Entidade/Projecto Emprega o Futuro 2 A. IDENTIFICAÇÃO GERAL DA ENTIDADE Projecto(s) Emprega o Futuro Programa Escolhas 4ª Geração Promotor(es): ISU - Instituto de Solidariedade

Leia mais

REGULAMENTO. Preâmbulo

REGULAMENTO. Preâmbulo REGULAMENTO Preâmbulo O espírito de iniciativa, a criatividade, a capacidade de detectar e aproveitar oportunidades, de assumir o risco e formar decisões, constituem premissas essenciais para o sucesso

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS A INICIATIVAS DE COOPERAÇÃO BILATERAL NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIDADANIA ATIVA

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS A INICIATIVAS DE COOPERAÇÃO BILATERAL NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIDADANIA ATIVA AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS A INICIATIVAS DE COOPERAÇÃO BILATERAL NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIDADANIA ATIVA Nos termos do Regulamento Geral do Programa Cidadania Ativa (doravante o Regulamento

Leia mais

PORTO EDITORA AREAL EDITORES LISBOA EDITORA. Manual do Utilizador. Aluno. www.escolavirtual.pt

PORTO EDITORA AREAL EDITORES LISBOA EDITORA. Manual do Utilizador. Aluno. www.escolavirtual.pt PORTO EDITORA AREAL EDITORES LISBOA EDITORA Manual do Utilizador Aluno www.escolavirtual.pt 1 2 www.escolavirtual.pt Índice Escola Virtual Informação para Pais e Educadores 05 Escola Virtual Informação

Leia mais

Biblioteca Municipal António Botto. Serviço de Bibliotecas. Divisão do Conhecimento e Intervenção Comunitária. Município de Abrantes

Biblioteca Municipal António Botto. Serviço de Bibliotecas. Divisão do Conhecimento e Intervenção Comunitária. Município de Abrantes Serviço de Bibliotecas Divisão do Conhecimento e Intervenção Comunitária Município de Abrantes Programação de abril de 2016 CADERNOS DE VIAGEM DE ABRANTES DESENHO, LITERATURA, FOTOGRAFIA, VIDEO, JORNALISMO,

Leia mais

4. Princípios da Gestão da Qualidade

4. Princípios da Gestão da Qualidade FEUP MIEIG & MIEM Ano letivo 2013/14 Disciplina: Gestão da Qualidade Total Parte 1: Fundamentos de Gestão da Qualidade 4. Princípios da Gestão da Qualidade (v1 em 2 de setembro) José A. Faria, jfaria@fe.up.pt

Leia mais

INQUÉRITO POR QUESTIONÁRIO AOS ALUNOS. A Motivação no Ensino Aprendizagem. Questionário sobre as aulas de Inglês

INQUÉRITO POR QUESTIONÁRIO AOS ALUNOS. A Motivação no Ensino Aprendizagem. Questionário sobre as aulas de Inglês Anexo 2 INQUÉRITO POR QUESTIONÁRIO AOS ALUNOS A Motivação no Ensino Aprendizagem Questionário sobre as aulas de Inglês O objectivo deste questionário é ajudar-te a teres um conhecimento melhor de ti próprio

Leia mais

A Eurodesk é uma rede com acesso à informação europeia para os jovens e para os profissionais da área de juventude.

A Eurodesk é uma rede com acesso à informação europeia para os jovens e para os profissionais da área de juventude. www.eurodesk.eu O que é? A Eurodesk é uma rede com acesso à informação europeia para os jovens e para os profissionais da área de juventude. No sítio da rede Eurodesk podes aceder às tuas oportunidades.

Leia mais

Índice. I. Vamos começar por estudar a bússola Página 7. II. E agora... vamos estudar ao ímanes Página 9

Índice. I. Vamos começar por estudar a bússola Página 7. II. E agora... vamos estudar ao ímanes Página 9 Índice Uma aventura no misterioso Mundo Magnético... página 3 Regras de segurança página 5 Um guia com Um pouco de Ciência pelo meio... página 6 I. Vamos começar por estudar a bússola Página 7 II. E agora...

Leia mais

CANDIDATURA AO PRÉMIO INOVA ESCOLA Edição 2014-2015

CANDIDATURA AO PRÉMIO INOVA ESCOLA Edição 2014-2015 CANDIDATURA AO PRÉMIO INOVA ESCOLA Edição 2014-2015 Escola ou Centro de Formação que demonstre evidências do desenvolvimento de uma cultura empreendedora A.Identificação do estabelecimento de ensino ou

Leia mais

Dia + Contigo 2015. Porque a TUA SAÚDE MENTAL importa! Estamos CONTIGO!

Dia + Contigo 2015. Porque a TUA SAÚDE MENTAL importa! Estamos CONTIGO! Dia + Contigo 2015 Porque a TUA SAÚDE MENTAL importa! Estamos CONTIGO! A Saúde Mental é um estado de bem-estar emocional e psicológico, mediante o qual o indivíduo é capaz de fazer uso das suas capacidades

Leia mais

Gabinete de Apoio ao Aluno e à Comunidade Educativa (GACE)

Gabinete de Apoio ao Aluno e à Comunidade Educativa (GACE) Núcleos de Estudo Caderno de Apoio Núcleos de Estudo 1 Podes dizer-me, por favor, que caminho devo seguir para sair daqui? [perguntou a Alice] Isso depende muito de para onde é que queres ir disse o Gato.

Leia mais

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA FORMULÁRIO DE CANDIDATURA Nº Candidatura: / Data de entrega: / / 1 O Concurso de Ideias Empreendedoras de Oliveira de Azeméis Empreendedorismo em idade escolar é uma iniciativa do Contrato Local de Desenvolvimento

Leia mais

Juventude em Movimento: apoio da Europa aos jovens

Juventude em Movimento: apoio da Europa aos jovens Juventude em Movimento: apoio da Europa aos jovens ESTUDAR FORMAR-SE TRABALHAR PARTICIPAR OS TEUS DIREITOS APRENDER VIAJAR VOLUNTÁRIO CRIAR na EUROPA Nem a Comissão Europeia nem qualquer pessoa que atue

Leia mais

Eleição. para o Presidente da República

Eleição. para o Presidente da República Eleição para o Presidente da República O que é uma eleição? Uma eleição é quando votamos na melhor pessoa para defender os nossos interesses. Podemos decidir votar numa pessoa porque concordamos com as

Leia mais

This information is OGMA S.A. property and cannot be used or reproduced without written authorization

This information is OGMA S.A. property and cannot be used or reproduced without written authorization O que é o Programa Trainee? Este Programa tem como objetivo atrair e ajudar a desenvolver jovens, como tu, recém licenciados, através de um processo contínuo de aprendizagem em contexto de trabalho, que

Leia mais

SCRIPTS para CONVIDAR

SCRIPTS para CONVIDAR SCRIPTS para CONVIDAR (só para TELEFONE ou CARA-a-CARA) Não usar o facebook ou email para convidar. Não funciona! Facebook e email são bons somente para re-ativar/ativar relacionamentos e obter o n.º telefone.

Leia mais

Guião para a elaboração do. Plano de Negócios

Guião para a elaboração do. Plano de Negócios Guião para a elaboração do Plano de Negócios Não podes prever o futuro, mas podes escolher a direcção certa Guião Plano Negócios - Página: 1 / 23 INTRODUÇÃO O Plano de Negócios é um instrumento indispensável

Leia mais

REGULAMENTO PREÂMBULO

REGULAMENTO PREÂMBULO REGULAMENTO PREÂMBULO A Câmara Municipal do Porto, através do Pelouro da Educação, Organização e Planeamento, reconhece a importância das Associações de Jovens na mobilização e participação cívica em diferentes

Leia mais

Gestão da Qualidade em Projetos

Gestão da Qualidade em Projetos Gestão da Qualidade em Projetos O que é risco? Um risco é um evento incerto que, se ocorrer, pode comprometer a realização do objetivo do projeto. Identificação de riscos inclui determinar quais riscos

Leia mais

Com a publicação dos novos Estatutos da Escola -Diário da República, 2ª série, nº 164, 25 de Agosto de 2009, por iniciativa do Conselho de Direcção,

Com a publicação dos novos Estatutos da Escola -Diário da República, 2ª série, nº 164, 25 de Agosto de 2009, por iniciativa do Conselho de Direcção, Com a publicação dos novos Estatutos da Escola -Diário da República, 2ª série, nº 164, 25 de Agosto de 2009, por iniciativa do Conselho de Direcção, iniciou-se um trabalho de reflexão e discussão, tendo

Leia mais

HÁ JÁ ALGUM TEMPO QUE A INTERNET TRANSFORMOU A FORMA COMO VIVEMOS.

HÁ JÁ ALGUM TEMPO QUE A INTERNET TRANSFORMOU A FORMA COMO VIVEMOS. Lay_FCCN-Broch_A5.indd 1 HÁ JÁ ALGUM TEMPO QUE A INTERNET TRANSFORMOU A FORMA COMO VIVEMOS. // No trabalho ou nos tempo livres, individualmente ou em comunidade, o mundo mudou no dia em que alguém teve

Leia mais

CRIANÇAS E JOVENS EM RISCO E PREVENÇÃO NA PRIMEIRA INFÂNCIA

CRIANÇAS E JOVENS EM RISCO E PREVENÇÃO NA PRIMEIRA INFÂNCIA 1 CRIANÇAS E JOVENS EM RISCO E PREVENÇÃO NA PRIMEIRA INFÂNCIA ENQUADRAMENTO Um projecto de prevenção em saúde mental na área da primeira infância implica sempre uma união de esforços e um trabalho em conjunto

Leia mais

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta.

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. 1 Prezado(a) candidato(a): Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. Nº de Inscrição Nome PROVA DE CONHECIMENTOS

Leia mais

COIMBRA 26 ABRIL GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de coimbra!

COIMBRA 26 ABRIL GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de coimbra! COIMBRA 26 ABRIL GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de coimbra! Desenvolvemos este guia para te dar toda a informação que vais precisar para que a tua experiência neste evento seja a MELHOR possível.

Leia mais

Presidente do Instituto Politécnico da Guarda

Presidente do Instituto Politécnico da Guarda Pós-Graduações A formação ao longo da vida é hoje uma necessidade indiscutível que constitui uma oportunidade a não perder por parte da instituição. A aposta nas pós-graduações deve ser incrementada, e

Leia mais

DICIONÁRIO DO EMPREENDEDOR. Tenha na ponta da língua os termos que não podem faltar no vocabulário de quem almeja alcançar o sucesso ESPECIAL

DICIONÁRIO DO EMPREENDEDOR. Tenha na ponta da língua os termos que não podem faltar no vocabulário de quem almeja alcançar o sucesso ESPECIAL DICIONÁRIO DO EMPREENDEDOR DICIONÁRIO DO EMPREENDEDOR Tenha na ponta da língua os termos que não podem faltar no vocabulário de quem almeja alcançar o sucesso 54 TEXTO MARIA BEATRIZ VACCARI ARTE IVAN VOLPE

Leia mais

LISBOA 6 JuLho GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de Lisboa!

LISBOA 6 JuLho GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de Lisboa! LISBOA 6 JuLho GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de Lisboa! Desenvolvemos este guia para te dar toda a informação que vais precisar para que a tua experiência neste evento seja a MELHOR possível.

Leia mais

Entrevista A2. 2. Que idade tinhas quando começaste a pertencer a esta associação? R.: 13, 14 anos.

Entrevista A2. 2. Que idade tinhas quando começaste a pertencer a esta associação? R.: 13, 14 anos. Entrevista A2 1. Onde iniciaste o teu percurso na vida associativa? R.: Em Viana, convidaram-me para fazer parte do grupo de teatro, faltava uma pessoa para integrar o elenco. Mas em que associação? Na

Leia mais

COIMBRA 26 ABRIL GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de coimbra!

COIMBRA 26 ABRIL GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de coimbra! COIMBRA 26 ABRIL GUIA DO EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS de coimbra! Desenvolvemos este guia para te dar toda a informação que vais precisar para que a tua experiência neste evento seja a MELHOR possível.

Leia mais

Orientações para a Prova

Orientações para a Prova Orientações para a Prova Desenho Industrial - CAD Prova de Desenho Industrial - CAD 1/ 6 1. Os concorrentes, podem e devem trazer os seguintes materiais e equipamentos: Instrumentos de Desenho: - Utensílios

Leia mais

Mudando a pergunta para entender o problema que está por trás do pedido do cliente

Mudando a pergunta para entender o problema que está por trás do pedido do cliente Mudando a pergunta para entender o problema que está por trás do pedido do cliente Fernando Del Vecchio Outubro 01, 2009 Tradução para português: Raquel Costa Pinto Esclarecimento: O presente diálogo é

Leia mais

www.appc.pt RE PENSAR A ESCOLA PARCERIAS PARA A INCLUSÃO

www.appc.pt RE PENSAR A ESCOLA PARCERIAS PARA A INCLUSÃO Porto, 16 de setembro de 2015 Assunto: CONCLUSÕES DO SEMINÁRIO RE PENSAR A ESCOLA 1º ENCONTRO NACIONAL DE AGRUPAMENTOS DE ESCOLA/ ESCOLAS E CENTROS DE RECURSOS PARA A INCLUSÃO. RE PENSAR A ESCOLA PARCERIAS

Leia mais

I n o v a J o v e n s C r i a t i v o s E m p r e e n d e d o r e s p a r a o s é c u l o X X I P á g i n a 1

I n o v a J o v e n s C r i a t i v o s E m p r e e n d e d o r e s p a r a o s é c u l o X X I P á g i n a 1 P á g i n a 1 Inova Jovens Criativos, Empreendedores para o Século XXI DGIDC Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular do Ministério da Educação e Ciência IPDJ Instituto Português do Desporto

Leia mais

Tu ganhas. Todos ganham. Aceita o desafio. O mais importante concurso mundial de tecnologia, a nível académico.

Tu ganhas. Todos ganham. Aceita o desafio. O mais importante concurso mundial de tecnologia, a nível académico. Tu ganhas. Todos ganham. Aceita o desafio. O mais importante concurso mundial de tecnologia, a nível académico. Aceita o Desafio Tu ganhas. Todos ganham. Aos Participantes dos Imagine Cup é dada a oportunidade

Leia mais

COORDENADOR DO ROTARY

COORDENADOR DO ROTARY INSTRUÇÃO ROTÁRIA Nº 28 JANEIRO MÊS DA CONSCIENTIZAÇÃO ROTÁRIA Este mês de janeiro é a época oportuna para uma reflexão sobre o que significa ser Rotariano, o que cada um está fazendo para fortalecer Rotary

Leia mais

Tens um Web Site? E agora, trouxe resultados?

Tens um Web Site? E agora, trouxe resultados? Tens um Web Site? E agora, trouxe resultados? Se não trouxe resultados, leia abaixo! Sergio Minozzi Empresário de informática há 20 anos, 14 anos operando no setor de web marketing, dos quais 5 nos Estados

Leia mais

PRÉMIO DE EMPREENDEDORISMO FCSH-NOVA/SANTANDER-UNIVERSIDADES. Melhores Ideias de Negócio

PRÉMIO DE EMPREENDEDORISMO FCSH-NOVA/SANTANDER-UNIVERSIDADES. Melhores Ideias de Negócio PRÉMIO DE EMPREENDEDORISMO FCSH-NOVA/SANTANDER-UNIVERSIDADES Melhores Ideias de Negócio 2016 GUIA DE CANDIDATURA Preâmbulo Consciente dos novos cenários económicos, que se observam à escala global, e atenta

Leia mais

Regulamento. 5. O Concurso 50/50, promovido pelo ACM, IP, lançado pela primeira vez em 2015, assume um carácter experimental.

Regulamento. 5. O Concurso 50/50, promovido pelo ACM, IP, lançado pela primeira vez em 2015, assume um carácter experimental. Regulamento PARTE I ENQUADRAMENTO GERAL Artigo 1º Âmbito 1. O Alto Comissariado para as Migrações, I.P. (doravante ACM, I.P.) propõe a dinamização de um concurso de ideias, denominado Concurso 50/50, destinado

Leia mais

STARTUP PROGRAMME. Linhas Orientadoras, Etapas & Critérios de Avaliação

STARTUP PROGRAMME. Linhas Orientadoras, Etapas & Critérios de Avaliação STARTUP PROGRAMME Linhas Orientadoras, Etapas & Critérios de Avaliação INTRODUÇÃO O StartUp Programme ajuda os alunos a compreenderem melhor o papel das empresas na comunidade. Com o apoio e orientação

Leia mais

o Maria Hermínia Cabral o Sérgio Guimarães o Pedro Krupenski

o Maria Hermínia Cabral o Sérgio Guimarães o Pedro Krupenski II Oficina de Trabalho Código de Conduta: Processos e Metodologias 24 de Setembro 2015 Conclusões da Sessão da manhã Com o apoio dos Parceiros do Mecanismo de Apoio à Elaboração de Projetos de Cooperação,

Leia mais

O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR

O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR Título do artigo: O COORDENADOR PEDAGÓGICO COMO FORMADOR: TRÊS ASPECTOS PARA CONSIDERAR Área: Gestão Coordenador Pedagógico Selecionadora: Maria Paula Zurawski 16ª Edição do Prêmio Victor Civita Educador

Leia mais

Boletim de notícias URBACT. Outubro - Novembro de 2011

Boletim de notícias URBACT. Outubro - Novembro de 2011 Boletim de notícias URBACT Outubro - Novembro de 2011 2 BOLETIM DE NOTÍCIAS URBACT POPULAÇÃO ENVELHECIDA, Artigo de fundo: População envelhecida: desafios para as cidades a nível dos cuidados de saúde

Leia mais

Porto & Matosinhos 27 de Setembro GUIA DO Evento EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS ao Porto & Matosinhos!

Porto & Matosinhos 27 de Setembro GUIA DO Evento EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS ao Porto & Matosinhos! Porto & Matosinhos 27 de Setembro GUIA DO Evento EVENTO Bem-vindos COLOR RUNNERS ao Porto & Matosinhos! Desenvolvemos este guia para te dar toda a informação que vais precisar para que a tua experiência

Leia mais

PROGRAMA TRAINEE 2015/2016

PROGRAMA TRAINEE 2015/2016 PROGRAMA TRAINEE / SOBRE A O QUE SIGNIFICA VOAR MAIS ALTO? Sabemos o que é mais importante para o nosso Cliente, seja a precisão técnica, a abordagem proativa da segurança, a sustentabilidade ambiental

Leia mais

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA programa de apoio às pessoas colectivas de direito privado sem fins lucrativos do município de santa maria da feira

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA programa de apoio às pessoas colectivas de direito privado sem fins lucrativos do município de santa maria da feira FORMULÁRIO DE CANDIDATURA programa de apoio às pessoas colectivas de direito privado sem fins lucrativos do município de santa maria da feira FORMULÁRIO DE CANDIDATURA PROGRAMA DE APOIO ÀS PESSOAS COLECTIVAS

Leia mais

Vera L. Cardoso Neto encontra-se a realizar uma Dissertação de Mestrado intitulada ão e Formação: uma Trajetória de Reconciliação com o Sistema

Vera L. Cardoso Neto encontra-se a realizar uma Dissertação de Mestrado intitulada ão e Formação: uma Trajetória de Reconciliação com o Sistema Anexos 71 Anexo I Exmo. Sr. Encarregado de Educação Vera L. Cardoso Neto encontra-se a realizar uma Dissertação de Mestrado intitulada ão e Formação: uma Trajetória de Reconciliação com o Sistema Este

Leia mais

Livro com atividades para colorir, desenhar, construir, e muito mais! Este livro pertence a

Livro com atividades para colorir, desenhar, construir, e muito mais! Este livro pertence a Livro com atividades para colorir, desenhar, construir, e muito mais! Este livro pertence a CENTRO DE PSICOLOGIA APLICADA DO EXÉRCITO NÚCLEO DE APOIO PSICOLÓGICO E INTERVENÇÃO NA CRISE Edição - Julho 2014

Leia mais

DESAFIOS. (Autor desconhecido)

DESAFIOS. (Autor desconhecido) QUEM É O EMPREENDEDOR? POR QUE SER EMPRESÁRIO? DEFINIÇÕES DE EMPREENDEDORISMO O empreendedor é motivado pela autorealização, desejo de assumir responsabilidades e independência. Considera irresistível

Leia mais

COMO CALCULAR O PRINCIPAL INDICADOR PARA MEDIR A EFICIÊNCIA FINANCEIRA DE UMA

COMO CALCULAR O PRINCIPAL INDICADOR PARA MEDIR A EFICIÊNCIA FINANCEIRA DE UMA COMO CALCULAR O PRINCIPAL INDICADOR PARA MEDIR A EFICIÊNCIA FINANCEIRA DE UMA EMPRESA E ENTRE VÁRIAS EMPRESAS Comparar uma empresa em relação a ela mesma (evolução histórica) Comparar uma empresa em relação

Leia mais

DGAJ/DF. Curso em E-learning

DGAJ/DF. Curso em E-learning Curso em E-learning Introdução O que é estudar a distância O estudo à distância é uma forma diferente de aprender. Para que uma pessoa possa estudar à distância, necessita desenvolver algumas habilidades

Leia mais

Como criar uma empresa em 9 passos

Como criar uma empresa em 9 passos Como criar uma empresa em 9 passos Passo 1: A Concepção da Ideia O primeiro grande desafio na altura de criar um negócio próprio é a concepção da ideia. Nesta fase o investimento do empreendedor não se

Leia mais

Capítulo I Disposições Gerais. Artigo 1.º Âmbito e finalidades

Capítulo I Disposições Gerais. Artigo 1.º Âmbito e finalidades REGULAMENTO: PARTIS - PRÁTICAS ARTÍSTICAS PARA INCLUSÃO SOCIAL Capítulo I Disposições Gerais Artigo 1.º Âmbito e finalidades 1. A Fundação Calouste Gulbenkian tem vindo a apoiar ao longo dos anos diversas

Leia mais

DESCRITOR DA PRÁTICA Sistema de Reconhecimento e Referenciação de Processos de Qualificação e de Profissionais para Entidades da Economia Social

DESCRITOR DA PRÁTICA Sistema de Reconhecimento e Referenciação de Processos de Qualificação e de Profissionais para Entidades da Economia Social ANEXO 1 - DESCRITOR DA PRÁTICA PRÁTICA para Reconhecimento e/ou referenciação Quer? Reconhecer Referenciar X É da Rede Animar? Sim Não X Entidade Responsável pela Prática: Pessoa de Contato na Entidade:

Leia mais

COMO SE PREPARA UMA REPORTAGEM i DICAS PARA PREPARAR UMA REPORTAGEM

COMO SE PREPARA UMA REPORTAGEM i DICAS PARA PREPARAR UMA REPORTAGEM COMO SE PREPARA UMA REPORTAGEM i DICAS PARA PREPARAR UMA REPORTAGEM Ver, ouvir, compreender e contar eis como se descreve a reportagem, nas escolas de Jornalismo. Para haver reportagem, é indispensável

Leia mais

Como IDENTIFICAr AS oportunidades E CoNqUISTAr o ClIENTE

Como IDENTIFICAr AS oportunidades E CoNqUISTAr o ClIENTE Como IDENTIFICAr AS oportunidades E CoNqUISTAr o ClIENTE A abertura de empresas tem uma grande importância na sociedade em que vivemos, pois gera diversos benefícios, como empregos e riquezas para o país.

Leia mais

PARA UMA ESCOLA PROMOTORA DA CIDADANIA E DA SAÚDE

PARA UMA ESCOLA PROMOTORA DA CIDADANIA E DA SAÚDE PARA UMA ESCOLA PROMOTORA DA CIDADANIA E DA SAÚDE Apresentação da APF A Associação para o Planeamento da Família (APF) é uma IPSS com Finalidades de Saúde, criada em 1967 e que tem como missão Contribuir

Leia mais

GRITO CONTRA AS DROGAS

GRITO CONTRA AS DROGAS 7.º A GRITO CONTRA AS DROGAS As drogas são boas no início mas no fim, apanhas o vicio. Ficas intoxicado não te preocupes eu estou ao teu lado. Não tomes drogas ou ficas nas lonas não queiras ficar pedrado

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 157/2015 de 11 de Novembro de 2015

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 157/2015 de 11 de Novembro de 2015 PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 157/2015 de 11 de Novembro de 2015 Considerando que na Região Autónoma dos Açores, à semelhança do País, regista-se um elevado número de jovens

Leia mais

Tecnologias da Informação e Comunicação

Tecnologias da Informação e Comunicação Este guião irá ensinar-te a trabalhar com a ferramenta Wix para que aprendas a construir um Website. Abre o browser e acede ao Website http://pt.wix.com/ A primeira página será semelhante à seguinte. Procede

Leia mais

Transcrição de Entrevista n º 24

Transcrição de Entrevista n º 24 Transcrição de Entrevista n º 24 E Entrevistador E24 Entrevistado 24 Sexo Feminino Idade 47 anos Área de Formação Engenharia Sistemas Decisionais E - Acredita que a educação de uma criança é diferente

Leia mais

CEF/0910/27086 Relatório final da CAE (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento

CEF/0910/27086 Relatório final da CAE (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/27086 Relatório final da CAE (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento Caracterização do ciclo de estudos Perguntas A.1 a A.9 A.1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: Cofac

Leia mais

A inscrição no grupo Elite custa apenas 5 e tem os seguintes benefícios:

A inscrição no grupo Elite custa apenas 5 e tem os seguintes benefícios: Wild Challenge Extreme 2016 Regulamentos QUEM O Wild Challenge é organizado pela Call of the Wild em colaboração com o Parque Aventura Diver Lanhoso ONDE Diver Lanhoso, Povoa de Lanhoso, Braga QUANDO 17

Leia mais

Dia do Voluntário da U.Porto: Formar para o voluntariado Conclusões dos Workshops

Dia do Voluntário da U.Porto: Formar para o voluntariado Conclusões dos Workshops Dia do Voluntário da U.Porto: Formar para o voluntariado Conclusões dos Workshops Workshop1 Voluntariado na área social e humanitária nacional Dinamizadores: Vo.U Associação de Voluntariado Universitário

Leia mais

Empreendedorismo Negócios

Empreendedorismo Negócios CONCURSO DE IDEIAS Empreendedorismo Negócios Enquadramento O Concurso de Ideias apresenta como objetivo desenvolver o espírito empreendedor da população em geral, contribuindo desta forma para a promoção

Leia mais

UNIDADE 3 Identificação de oportunidades

UNIDADE 3 Identificação de oportunidades UNIDADE 3 Identificação de oportunidades Provavelmente seja um dos maiores mitos sobre as novas idéias para negócios: a idéia deve ser única. Na realidade pouco importa se a idéia é única ou não, o que

Leia mais

Responsabilidade Social na Câmara Municipal de Lisboa

Responsabilidade Social na Câmara Municipal de Lisboa Direcção Municipal de Recursos Humanos Responsabilidade Social na Semana da Responsabilidade Social, Lisboa 03 a 07 Maio 2010 Sumário da Apresentação Quem Somos Programas de Apoio à Comunidade Iniciativa

Leia mais

Plano de Atividades 2014

Plano de Atividades 2014 Plano de Atividades 2014 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 3 1.1 Breve caracterização da Direção-Geral das Artes... 3 1.2 Missão, Visão, Valores... 5 1.3 Identificação das Partes Interessadas... 5 2. CARACTERIZAÇÃO

Leia mais

Projetos Educativos Municipais e Promoção do Sucesso Educativo

Projetos Educativos Municipais e Promoção do Sucesso Educativo 4º ciclo de seminários de aprofundamento em administração e organização escolar Painel A escola, o município e a melhoria das aprendizagens Projetos Educativos Municipais e Promoção do Sucesso Educativo

Leia mais

Modelo de contrato para SPINs Simples

Modelo de contrato para SPINs Simples Modelo de contrato para SPINs Simples Janeiro 2016 Cofinanciado pela União Europeia ISR-UC Tradução: ISR Universidade de Coimbra Pólo II 3030 290 Coimbra Contacto: pfonseca@isr.uc.pt; carlospatrao@isr.uc.pt

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FINANCIAMENTO DO INR, I.P. ÀS ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FINANCIAMENTO DO INR, I.P. ÀS ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FINANCIAMENTO DO INR, I.P. ÀS ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS Preâmbulo Considerando a missão do INR, I.P., enquanto organismo público, de assegurar o planeamento, execução e

Leia mais

7 etapas para construir um Projeto Integrado de Negócios Sustentáveis de sucesso

7 etapas para construir um Projeto Integrado de Negócios Sustentáveis de sucesso 7 etapas para construir um Projeto Integrado de Negócios Sustentáveis de sucesso Saiba como colocar o PINS em prática no agronegócio e explore suas melhores opções de atuação em rede. Quando uma empresa

Leia mais

A Certificação das atividades de investigação, desenvolvimento e inovação (IDI) Alter do Chão 12 Novembro. Miguel Taborda - SPI

A Certificação das atividades de investigação, desenvolvimento e inovação (IDI) Alter do Chão 12 Novembro. Miguel Taborda - SPI A Certificação das atividades de investigação, desenvolvimento e inovação (IDI) Miguel Taborda - SPI Conteúdos. 1. O CONCEITO DE IDI (INVESTIGAÇÃO, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO) 2. A NORMA NP 4457:2007 REQUISITOS

Leia mais

Considerações Finais 08. Av. Central Bloco 990/1120 Lote 1020 Loja 02 Núcleo Bandeirante Brasília DF - Tel: 3386-2422

Considerações Finais 08. Av. Central Bloco 990/1120 Lote 1020 Loja 02 Núcleo Bandeirante Brasília DF - Tel: 3386-2422 SUMÁRIO Apresentação 03 Introdução 03 Equipe e Coordenação de Curso 03 Estrutura Física e Material de Uso na central de Tutoria 04 Calendário da tutoria 04 Produção e Veiculação do Material Didático 05

Leia mais

NÍVEIS DE CLASSIFICAÇÃO DE COMPETÊNCIAS NUCLEARES DA ICF

NÍVEIS DE CLASSIFICAÇÃO DE COMPETÊNCIAS NUCLEARES DA ICF coachfederation.org NÍVEIS DE CLASSIFICAÇÃO DE COMPETÊNCIAS NUCLEARES DA ICF Adaptado a partir dos documentos de Requisitos de Competências Mínimas para cada nível de credencial Inclui os critérios de

Leia mais

Titulo do Case: Transforme a sociedade com a força do empreendedorismo social Categoria: Prática Interna Temática: Sociedade

Titulo do Case: Transforme a sociedade com a força do empreendedorismo social Categoria: Prática Interna Temática: Sociedade Titulo do Case: Transforme a sociedade com a força do empreendedorismo social Categoria: Prática Interna Temática: Sociedade Resumo: Quanto custa um projeto? As possíveis respostas são inúmeras. Os números

Leia mais

IMAGENS CONTRA A CORRUPÇÃO CONCURSO NACIONAL ARTES PLÁSTICAS

IMAGENS CONTRA A CORRUPÇÃO CONCURSO NACIONAL ARTES PLÁSTICAS IMAGENS CONTRA A CORRUPÇÃO CONCURSO NACIONAL ARTES PLÁSTICAS TEMA Imagens contra a Corrupção TIPO Artes plásticas PÚBLICO-ALVO Alunos do 4º ano, do 1º ciclo, das redes pública e privada do continente e

Leia mais

CONCURSO "IDEIA BRILHANTE"

CONCURSO IDEIA BRILHANTE CONCURSO "IDEIA BRILHANTE" REGULAMENTO DO CONCURSO Concorrentes 1ª Fase 2ª Fase 3ª Fase Vencedores Avaliação de ideias Avaliação de planos de negócio Apresentação do plano de negócios REGULAMENTO DE CONCURSO

Leia mais

Planos de Mobilidade e Transportes (PMT) e Planos de Mobilidade Urbana Sustentável (SUMP / PMUS): Diferenças e Semelhanças

Planos de Mobilidade e Transportes (PMT) e Planos de Mobilidade Urbana Sustentável (SUMP / PMUS): Diferenças e Semelhanças Planos de Mobilidade e Transportes (PMT) e Planos de Mobilidade Urbana Sustentável (SUMP / PMUS): Diferenças e Semelhanças Faustino Gomes TIS.pt Planeamento da Mobilidade Urbana Sustentável 1º Workshop

Leia mais

Sumário Executivo. NOTA: este texto não foi redigido ao abrigo no novo acordo ortográfico. organização nãogovernamental

Sumário Executivo. NOTA: este texto não foi redigido ao abrigo no novo acordo ortográfico. organização nãogovernamental SUMÁRIO EXECUTIVO Optimização das políticas públicas de apoio ao empreendedorismo e inclusão social: estudando o acesso dos microempreendedores às medidas de promoção do auto-emprego 2 Sumário Executivo

Leia mais

A Importância da Família na Educação

A Importância da Família na Educação A Importância da Família na Educação Não caminhes à minha frente Posso não saber seguir-te. Não caminhes atrás de mim Posso não saber guiar-te. Educadora Social Dra. Joana Valente Caminha antes a meu lado

Leia mais

Planejamento Financeiro

Planejamento Financeiro Planejamento Financeiro I Curso Planejamento e Educação Financeira Uma parceria Órama e Dinheirama. Planejamento Financeiro Por Sandra Blanco Consultora de Investimentos da Órama, mais de anos de mercado,

Leia mais