ESTADO DO CEARÁ MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA SECRETARIA GERAL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESTADO DO CEARÁ MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA SECRETARIA GERAL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO"

Transcrição

1 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº.017/2009 Processo nº 6869/ O ESTADO DO CEARÁ, POR INTERMÉDIO DA, com sede na Rua Assunção, nº 1100, José Bonifácio, em Fortaleza-Ceará, por intermédio do Pregoeiro e sua Equipe de Apoio, designados pela Portaria nº 0118/2008, de 11 de janeiro de 2008, conforme o Decreto Estadual nº de 10/01/2006, torna público, para conhecimento dos interessados, que, e no dia e hora abaixo indicados, fará realizar licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, do tipo MENOR PREÇO, para REGISTRO DE PREÇOS por lote, sendo observadas as condições estabelecidas no presente Edital e seus Anexos, bem como os preceitos do direito público, em especial as disposições da Lei Federal nº , de , pelo Decreto Federal n. º 5.450, de , e regulamentada no âmbito do Estado do Ceará pelos Decretos Estaduais n. º e n. º , de , e, subsidiariamente, pela Lei Federal n. º 8.666/93 além das demais disposições legais aplicáveis e do disposto no presente Edital. ENDEREÇO ELETRÔNICO: A sessão pública deste Pregão Eletrônico será realizada por meio eletrônico no seguinte site da INTERNET : Acesso Identificado. ENDEREÇO LOCAL: Procuradoria Geral de Justiça PGJ-CE Rua José Bonifácio-Fortaleza/CE CEP: Fortaleza-CE. OBJETO: O presente Pregão Eletrônico tem como objeto o registro de preços para futuras e eventuais aquisições de equipamentos de TI, todos novos e de primeiro uso, conforme especificações e estimativas de quantidade, contidas no ANEXO 01 - TERMO DE REFERÊNCIA, deste Edital. A existência de preços registrados não obriga a PGJ-CE a firmar as contratações nas quantidades estimadas no ANEXO 01 - TERMO DE REFERÊNCIA, ficando-lhe facultada a utilização de outros meios, respeitada a legislação relativa às licitações, sendo assegurada ao beneficiário do registro a preferência de contratação em igualdade de condições. FONTE DE RECURSOS: Os recursos financeiros para fazer face às despesas com os futuros fornecimentos correrão à conta de dotação orçamentária da PGJ-CE, a ser informada quando da emissão da Ordem de Compra ou Serviço. Os preços registrados serão aqueles ofertados nas propostas de preços dos licitantes vencedores da disputa. Nos casos de celebração de contratos, a forma e condições de pagamento e os critérios de revisão dos preços, serão os estabelecidos no Anexo 02 - MINUTA DE CONTRATO, deste Edital. RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS ATÉ: às 08:45 horas. ABERTURA DAS PROPOSTAS : às 08:45 horas. INÍCIO DA SESSÃO DE DISPUTA DE PREÇOS: às 10:30 horas. REFERÊNCIA DE TEMPO: Todas as referências de tempo no Edital, no Aviso e durante a Sessão Pública observarão obrigatoriamente o horário de Brasília DF e, dessa forma, serão registradas no sistema eletrônico e na documentação relativa ao certame. 1

2 Integram o presente Edital: ANEXO 01 - Termo de Referência ANEXO 02 - Minuta do Contrato ANEXO 03 - Modelo de Termo de Proposta Escrita ANEXO 04 - Minuta da Ata de Registro de Preços e Anexo Único da Ata ANEXO 05 - Modelo de Ordem de Compra ANEXO 06 - Modelo de Declaração de Inexistência de Trabalho de Menor ANEXO 07 - Modelo de Recibo de Retirada de Edital ANEXO 08 - Modelo de Ficha de Dados do Representante Legal ANEXO 09 - Modelo de Instrumento Partícula de Procuração ANEXO 10 - Modelo de Termo de Recebimento Provisório ANEXO 11 - Modelo de Termo de Recebimento Definitivo ANEXO 12 - Modelo de Declaração de Solidariedade do Fabricante ANEXO 13 - Modelo de Termo de Atestado de Fabricação ANEXO 14 - Modelo de Declaração de Solidariedade do Fabricante Quanto a Assistência Técnica ANEXO 15 - Modelo de Termo de Assistência Técnica 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1 O Pregão Eletrônico será realizado em sessão pública, por meio da INTERNET, mediante condições de segurança - criptografia e autenticação - em todas as suas fases; 1.2 Os trabalhos serão conduzidos por funcionário da Procuradoria Geral de Justiça, denominado Pregoeiro, mediante a inserção e monitoramento de dados gerados ou transferidos para o aplicativo Licitações constante da página eletrônica do Banco do Brasil S.A. 1.3 O licitante deverá observar as datas e os horários limites previstos para o recebimento das propostas, atentando também para a data e horário de início da disputa. 1.4 Neste Edital serão encontrados nomes, palavras, siglas e abreviações com os significados abaixo: a. Sistema de Registro de Preços (SRP): conjunto de procedimentos para seleção de proposta mais vantajosa, visando o registro formal de preços para futuras e eventuais contratações de bens, de produtos e de serviços; b. Ata de Registro de Preços: documento de caráter obrigatório e vinculativo em que são registrados o Órgão Gestor, a descrição dos bens, dos produtos ou dos serviços, os preços unitários, a unidade de medida, as quantidades, a marca, os fornecedores detentores do registro e as condições a serem observadas nas possíveis contratações, conforme as disposições contidas no instrumento convocatório e propostas apresentadas; c. Órgão Gestor do Registro de Preços: órgão ou entidade da Administração Pública Estadual responsável pela gestão do SRP, inclusive pela organização e realização do procedimento 2

3 licitatório, bem como pelos atos dele decorrentes; d. Órgão Gestor Geral de Registro de Preços: órgão ou entidade da Administração Pública Estadual responsável pela gestão estratégica da sistemática de registro de preços; e. Pesquisa de Mercado: pesquisa realizada junto ao mercado fornecedor, bem como junto aos órgãos de divulgação de preços oficiais ou, ainda, no âmbito dos preços praticados pelos órgãos e entidades da Administração Pública, visando à obtenção de preço de referência para subsidiar a realização ou atualização do Registro de Preços; f. Ordem de Compra ou de Serviço: documento formal emitido com o objetivo de autorizar a entrega do bem ou do produto ou o início da prestação do serviço, conforme disciplinado no Anexo IV do Decreto Estadual nº , de 02 de maio de 2005; f. Classificado, Detentor ou Beneficiário do Registro de Preços: licitante que, respeitando a ordem de classificação das propostas e após a assinatura da Ata de Registro de Preços, encontrase apto a fornecer para a Administração Pública Estadual; g. Hardware: equipamentos para tecnologia da informação; 2. DO RECEBIMENTO E ABERTURA DAS PROPOSTAS E DATA DO PREGÃO 2.1 O fornecedor deverá observar as datas e os horários limites previstos para a abertura da proposta, atentando também para a data e horário para início da disputa. 3. DAS CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO 3.1 Poderá participar desta Licitação toda e qualquer firma individual ou sociedade regularmente estabelecida no País, que seja especializada e credenciada no objeto desta licitação e que satisfaça todas as exigências, especificações e normas contidas neste Edital e seus Anexos; 3.2 Poderão também participar deste Pregão Eletrônico empresas que estiverem regularmente cadastradas na Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado do Ceará (CRC), para o fim de que trata esta Licitação ou as que apresentarem toda a documentação exigida pela SEPLAG para cadastramento, o que pode ser verificado no site ou pelo telefone: (85) É vedada a participação de empresas: a) que estejam sob processo de recuperação judicial ou extrajudicial, concordata, falência, dissolução, fusão, incorporação e liquidação; b) que estejam cumprindo suspensão temporária de participar de licitações e impedimento de contratar com a Administração; c) que tenham sido declaradas inidôneas pela Administração Pública; d) que tenham em comum com uma ou mais empresas participantes deste processo licitatório, um ou mais sócios quotistas ou membros de diretoria; 3

4 e) que estejam reunidas em consórcio ou coligação; f) estrangeiras que não funcionem no País Os licitantes arcarão com todos os custos decorrentes da elaboração e apresentação de suas propostas As empresas têm até 14:00hs do dia útil anterior ao da realização do certame para apresentarem, em fotocópia autenticada, na Comissão de Licitação da PGJ, situada na Rua Assunção, Nº 1100, José Bonifácio, Fortaleza Ce, Fone , os seguintes documentos para análise, como forma de pré-qualificação, conforme previsto no Art. 114, 2º, da Lei Federal 8.666/93. Os documentos abaixo deverão ser apresentados pelas empresas para os lotes aos quais as mesmas desejam participar. O anexo 01- Termo de Referência faz alusão à distribuição dos lotes, e a exigência da apresentação ou não dos documentos exigidos a seguir: a) Carta do fabricante se responsabilizando pela garantia do produto conforme prazo especificado. b) Declaração dada pelo fabricante dos equipamentos que assume total responsabilidade pela manutenção dos equipamentos, durante o período de garantia, caso da sua Assistência Técnica tornar-se incapaz de prestar tal serviço A participação na licitação implica, automaticamente, a aceitação integral dos termos deste Edital, de seus Anexos e leis aplicáveis. 4. DO REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME 4.1 DAS ATRIBUIÇÕES DO PREGOEIRO O certame será conduzido pelo Pregoeiro, que terá, em especial, as seguintes atribuições: a) coordenar o processo licitatório; b) conduzir os trabalhos da equipe de apoio; c) receber, examinar e decidir as impugnações e consultas ao Edital, apoiado pela área responsável pela elaboração do Termo de Referência; d) responder às questões formuladas pelos fornecedores, relativas ao certame; e) receber as propostas de preços; f) abrir e examinar as propostas de preços e classificar os proponentes; g) conduzir os procedimentos relativos à etapa de lances e escolher a proposta ou o lance de menor preço; h) verificar a conformidade das propostas com os requisitos estabelecidos no instrumento convocatório; 4

5 i) desclassificar propostas indicando os motivos; j) receber a documentação de habilitação; k) verificar e julgar as condições de habilitação; l) declarar o vencedor; m) receber, examinar e decidir sobre a pertinência dos recursos, encaminhando-os ao ordenador de despesas quando mantiver sua decisão; n) encaminhar o processo devidamente instruído à autoridade competente e propor a homologação; o) elaborar e publicar a Ata do Pregão Eletrônico; p) elaborar e publicar a Ata de Registro de Preços; q) abrir processo administrativo para apuração de irregularidades visando à aplicação de penalidades previstas na legislação. 4.2 DA REPRESENTAÇÃO E DO CREDENCIAMENTO NO APLICATIVO LICITAÇÕES Para acesso ao sistema eletrônico, os interessados em participar do Pregão deverão dispor de chave de identificação e senha pessoal (intransferíveis), obtidas junto às Agências do Banco do Brasil S.A., sediadas no País; As empresas deverão credenciar representantes, mediante a apresentação de procuração por instrumento público ou particular, com firma reconhecida, atribuindo poderes para formular lances de preços e praticar todos os demais atos e operações no site: Acesso Identificado ; Em sendo sócio, proprietário, dirigente (ou assemelhado) da empresa proponente, deverá apresentar cópia do respectivo Estatuto ou Contrato Social, no qual estejam expressos seus poderes para exercer direitos e assumir obrigações em decorrência de tal investidura; A chave de identificação e a senha terão validade de 01 (um) ano e poderão ser utilizadas em qualquer pregão eletrônico, salvo quando canceladas por solicitação do credenciado ou por iniciativa do Banco, devidamente justificado; É de exclusiva responsabilidade do usuário o sigilo da senha, bem como seu uso em qualquer transação efetuada diretamente ou por seu representante, não cabendo ao Banco do Brasil S.A. a responsabilidade por eventuais danos decorrentes de uso indevido da senha, ainda que por terceiros; O credenciamento do fornecedor e de seu representante legal junto ao sistema eletrônico implica a responsabilidade legal pelos atos praticados e a presunção de capacidade técnica para realização das transações inerentes ao pregão eletrônico; 5

6 4.2.7 A perda da senha ou a quebra do sigilo deverão ser comunicadas imediatamente ao Banco do Brasil S.A, para imediato bloqueio do acesso; A informação dos dados para acesso deve ser feita na página inicial do site Acesso Identificado. 5 DA PROPOSTA ELETRÔNICA 5.1. Os licitantes deverão encaminhar a proposta eletrônica de preços, exclusivamente, por meio do sistema eletrônico, até a data e a hora marcada para abertura da sessão, quando, então, encerrarse-á, automaticamente, a fase de recebimento de propostas A proposta eletrônica deverá ser elaborada observando-se o seguinte: a) descrição do objeto ofertado e o preço e, se for o caso, o respectivo anexo, seguindo o modelo constante no Anexo 01 TERMO DE REFERÊNCIA; Obs: Caso não indiquem no mínimo que produto está cotando, ou seja, Lote 01- Item 01- Impressora Laser Jet HP 1022, a empresa será desclassificada. b) a cotação do valor global do lote, expresso em moeda corrente nacional, com 02 (duas) casas decimais; c) inclusão de todas as despesas diretas e indiretas, impostos, taxas de qualquer natureza, contribuições, encargos sociais, previdenciários e trabalhistas, transportes, seguros, e quaisquer outras despesas necessárias à execução do objeto da licitação, que direta ou indiretamente, impliquem ou venham a implicar nos preços ofertados As propostas contendo o preço global do lote dos licitantes situados no Estado do Ceará deverão ser cotados, deduzidos da parcela correspondente à média das diferenças de alíquotas interestaduais do ICMS, equivalente a 7,5% (sete inteiros e cinco décimos por cento), conforme disciplinado no Decreto Estadual nº , de 22 de novembro de Este preço será considerado somente para efeito de lance e julgamento das propostas no Pregão Eletrônico. 5.3 A dedução acima referida não se aplica ao fornecimento de produtos isentos e não tributados, e na hipótese da alíquota interna ser inferior ao percentual de 7,5%, deverá ser aplicado o percentual correspondente à alíquota cobrada. 5.4 No preenchimento da proposta eletrônica, no campo INFORMAÇÕES ADICIONAIS, será informado o porte da empresa, sob pena de preclusão do direito de preferência de contratação, prevista no art. 44 c/c o art. 45 da Lei Complementar nº 123/ Até o encerramento do prazo para recebimento de propostas, os licitantes poderão retirar ou substituir a proposta anteriormente apresentada O encaminhamento da proposta de preço para o sistema eletrônico pressupõe o pleno conhecimento e atendimento às exigências de habilitação previstas neste Edital Encerrado o prazo para recebimento de propostas, o Pregoeiro verificará as propostas 6

7 apresentadas, desclassificando aquelas que não estejam em conformidade com os requisitos estabelecidos neste Edital, inclusive quanto à sua exeqüibilidade A desclassificação de proposta será sempre fundamentada e registrada no sistema, com acompanhamento em tempo real por todos os participantes O sistema ordenará, automaticamente, as propostas classificadas pelo Pregoeiro, sendo que somente estas participarão da fase de lance. 6. DA ABERTURA DAS PROPOSTAS E FORMULAÇÃO DOS LANCES 6.1. A partir do horário previsto no Edital e no sistema, terá início a sessão pública do Pregão Eletrônico, na qual o sistema divulgará os preços das propostas recebidas, sem a indicação dos proponentes Aberta a etapa competitiva, os representantes dos fornecedores deverão estar conectados ao sistema para participar da sessão de lances. A cada lance ofertado o participante será imediatamente informado de seu recebimento e respectivo horário de registro e valor O licitante poderá oferecer lances sucessivos desde que o subseqüente seja inferior ao último lance por ele ofertado e registrado no sistema, observados o horário fixado para a abertura da sessão e as regras estabelecidas neste Edital Não serão aceitos dois ou mais lances de mesmo valor, prevalecendo aquele que for recebido e registrado em primeiro lugar Durante a seção de lances, o Pregoeiro poderá estipular diferença mínima de valor entre lances O valor do lance será por lote Os licitantes situados no Estado do Ceará oferecerão o valor do lance, descrito acima, calculados de acordo com o estabelecido subitem deste Edital Durante o transcurso da sessão pública, os participantes serão informados, em tempo real, do valor do menor lance registrado. O sistema não identificará o autor dos lances aos demais participantes No caso de desconexão com o Pregoeiro, no decorrer da etapa competitiva do Pregão Eletrônico, o sistema eletrônico poderá permanecer acessível aos licitantes para a recepção dos lances, retornando o Pregoeiro, quando possível, sua atuação no certame, sem prejuízos dos atos realizados Quando a desconexão persistir por tempo superior a 15 (quinze) minutos, a sessão do Pregão Eletrônico será suspensa, devendo o Pregoeiro definir data e hora para a retomada da sessão, comunicando-as aos participantes, através de mensagem no site A etapa de lances da sessão pública será encerrada mediante aviso de fechamento iminente dos lances, por decisão do Pregoeiro, após o que transcorrerá período de tempo aleatório. O 7

8 período de tempo aleatório ocorrerá em um intervalo que pode ser de até 30 (trinta) minutos, determinado pelo sistema eletrônico, findo o qual será automaticamente encerrada a recepção de lances, não podendo em hipótese alguma as empresas apresentarem novos lances Face à imprevisão do tempo extra, as empresas participantes deverão estimar o seu valor mínimo de lance a ser ofertado, evitando assim, cálculos de última hora, que poderão resultar em uma disputa frustrada por falta de tempo hábil Concluída a etapa de lances, o sistema disponibilizará campo próprio para troca de mensagens entre o Pregoeiro e os licitantes Antes de anunciar o vencedor, o Pregoeiro poderá encaminhar, pelo sistema eletrônico, contraproposta ao licitante que tenha apresentado lance mais vantajoso, para que seja obtida melhor proposta, observando-se os critérios de julgamento, não se admitindo negociar condições diferentes daquelas previstas neste Edital A negociação será realizada exclusivamente por meio do sistema, podendo ser acompanhada pelos demais licitantes Caso não sejam apresentados lances, será verificada a conformidade entre a proposta de menor preço e valor estimado para a contratação O licitante será responsável por todas as transações que forem efetuadas em seu nome no sistema eletrônico, assumindo como firmes e verdadeiras suas propostas e lances, não cabendo ao provedor do sistema ou ao órgão promotor da licitação responsabilidade por eventuais danos decorrentes de uso indevido da senha, ainda que por terceiros Caberá ao licitante acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão pública do pregão eletrônico, ficando responsável pelo ônus decorrente da perda de negócios diante da inobservância de quaisquer mensagens emitidas pelo sistema ou de sua desconexão. 7. DO JULGAMENTO DAS PROPOSTAS DE PREÇOS 7.1. Para julgamento das propostas será adotado o critério de MENOR PREÇO POR LOTE observadas as especificações técnicas, os parâmetros mínimos de desempenho e de qualidade e as demais condições definidas neste Edital. 7.2 Para efeito de julgamento das propostas comerciais, o valor a ser informado no sistema eletrônico, pelos Licitantes situados no Estado do Ceará, no campo PREÇO UNITÁRIO PROPOSTO, será o valor deduzido do percentual de 7,5% (sete vírgula cinco por cento), correspondente à média das diferenças de alíquotas interestaduais do ICMS, conforme Decreto Estadual n.º , de 22/11/2004; 7.3 Os valores, a serem apresentados na proposta de preço escrita, deverão ser readequados ao valor total calculado em cada item, representado pelo lance vencedor; 7.4 As propostas comerciais das demais licitantes estabelecidas em outros Estados não sofrerão a dedução de que trata o item 8.2 acima; 8

9 7.5 O readequamento de que trata o item (8.3) deverá ser apresentado apenas pelos licitantes situados no Estado do Ceará, utilizando a seguinte fórmula: VFP = VPV/ 0,925 Onde: VFP = Valor Final da Proposta, acrescido da alíquota de 7,5% (sete e meio por cento); VPV = Valor da Proposta Vencedora após o encerramento da disputa eletrônica anunciado pelo sistema; 0,925 = Fator de Reversão correspondente a 7,5% (sete e meio por cento), que foram deduzidos antes da disputa; 7.6 Para julgamento, será adotado o critério de MENOR PREÇO, depois de obedecido o previsto no item 7.2, do presente Edital, de acordo com o Decreto Estadual N.º , de 22/11/2004, observado o prazo para fornecimento, as especificações técnicas, parâmetros mínimos de desempenho e de qualidade e demais condições definidas neste Edital; O VFP - Valor Final da Proposta será o praticado quando do fornecimento do objeto licitado O VPV - Valor da Proposta Vencedora será considerado somente para efeito de lance e julgamento das propostas. 7.7 O Sistema Gerenciador do Pregão Eletrônico (Banco do Brasil) anunciará o licitante detentor da proposta ou lance de menor valor, imediatamente após o encerramento da etapa de lances da sessão pública; 7.8 Em cumprimento ao que se determina o art. 44 da Lei Complementar 123, de 14/12/2006, será assegurada, no caso de empate, preferência de contratação para as microempresas e empresas de pequeno porte, devendo o Pregoeiro, imediatamente após o encerramento da etapa de lances, adotar os procedimentos descritos nos subitens 7.9 e 7.10; 7.9 Entende-se por empate na modalidade de pregão, aquelas situações em que as propostas apresentadas pelas microempresas e empresas de pequeno porte estejam compreendidas no intervalo percentual de até 5% (cinco por cento) superiores ao melhor preço ofertado na etapa de lances ou da proposta de menor preço, caso não haja lances; 7.10 Após encerramento da etapa de lances, encerrado o tempo randômico, o sistema eletrônico identificará a existência de situação de empate, informando o nome da empresa. Em seguida, o(a) Pregoeiro(a) convocará a empresa que se encontra em situação de empate, devendo esta, dentro do prazo de 5(cinco) minutos, ofertar novo lance, inferior ao menor lance registrado para o lote. Durante esse período, apenas a empresa convocada poderá registrar o novo lance; 7.11 O prazo de 5(cinco) minutos é decadência e, não havendo manifestação da empresa, o sistema verifica se há outra em situação de empate, realizando o chamado de forma automática. Não havendo mais nenhuma empresa em situação de empate, o sistema emitirá mensagem, cabendo ao(à) Pregoeiro(a) dar encerramento à disputa do lote; 7.12 Os procedimentos descritos nos subitens 7.10 e 7.11 somente serão aplicados se a melhor oferta inicial (menor lance ou proposta de menor valor) não tiver sido apresentada por 9

10 microempresa ou empresa de pequeno porte; ESTADO DO CEARÁ 7.13 Todos esses procedimentos acontecerão na sala de disputa, estando essas informações disponíveis para os demais participantes do pregão e também para toda a sociedade; 7.14 Se a proposta não for aceitável ou, ainda, se o licitante desatender às exigências habilitatórias, o Pregoeiro realizará os mesmos procedimentos descritos no subitem 7.4. em relação ao licitante subseqüente, na ordem de classificação, e assim sucessivamente, até a apuração de uma proposta ou lance que atenda ao Edital. Também nessa etapa, o Pregoeiro poderá negociar com o licitante para que seja obtida oferta de preço menor No caso do subitem anterior, os demais licitantes, na ordem de classificação, deverão seguir os procedimentos e prazos previstos no subitem 7.20., a contar da data de rejeição da proposta anterior Ocorrendo a situação a que se referem os subitens 6.10 e 6.12 deste Edital, o(a) pregoeiro(a) poderá negociar com o licitante para que seja obtido melhor preço; 7.17 Da sessão, o sistema gerará ata circunstanciada, na qual estarão registrados todos os atos do procedimento e as ocorrências relevantes Para exercício do direito de preferência previsto na LC , a licitante deverá comprovar seu enquadramento na condição de ME ou EPP, mediante a apresentação de quaisquer dos documentos a seguir, ou também de alguns dos documentos solicitados na fase de habilitação: Ficha Cadastral de Pessoa Jurídica (FCPJ), expedida pela Receita Federal; Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (DIPJ); Documento Básico de Entrada no CNPJ (DBE) O disposto neste item não se aplicará quando a oferta classificada em primeiro lugar após a fase de lances tiver sido apresentada por microempresa ou empresa de pequeno porte O sistema informará a proposta de menor preço ofertado para o lote, imediatamente após o encerramento da etapa de lances ou, quando for o caso, após negociação diretamente com o licitante classificado em primeiro lugar, por meio do sistema, buscando obter um melhor preço, ocasião em que o Pregoeiro decidirá acerca da aceitação do lance vencedor Após os procedimentos descritos acima, o licitante classificado em primeiro lugar, cujo lance tenha sido aceito, deverá enviar a proposta de preços, com os respectivos valores readequados ao lance vencedor, por meio eletrônico ou fax, no prazo de até 24 (vinte e quatro) horas, devendo os originais, juntamente com a documentação de habilitação, serem remetidos ao Pregoeiro no prazo de até 03 (três) dias úteis, ambos os prazos contados a partir do encerramento da etapa de lances. Obs: O para onde será remetida a proposta de preços atualizada é: e o número do fax é: (85) O prazo de 03 (três) dias úteis poderá ter início de contagem em caso de negociação para redução de preço, quando da convocação feita pelo Pregoeiro através do chat de mensagens do site licitacoes-e; 10

11 7.21. O Pregoeiro examinará a proposta do arrematante, inclusive quanto à compatibilidade do preço em relação ao estimado para contratação, e verificará a habilitação do licitante conforme disposições deste Edital No julgamento da habilitação e das propostas, o Pregoeiro poderá sanar erros ou falhas que não alterem a substância das propostas, dos documentos e a sua validade jurídica, mediante despacho fundamentado, registrado em ata e acessível a todos, atribuindo-lhes validade e eficácia para fins de habilitação e de classificação Para fins de habilitação, a verificação pelo órgão promotor do certame, nos sites oficiais de órgãos e entidades emissores de certidões, constitui meio legal de prova Analisada a aceitabilidade do menor preço obtido, o Pregoeiro divulgará no sistema, via internet, o resultado do julgamento das propostas, declarando o licitante vencedor. 8. DA PROPOSTA ESCRITA E DOS CRITÉRIOS DE ACEITAÇÃO 8.1 Encerrados os procedimentos definidos nos itens 6 e 7 deste Edital, o licitante detentor da proposta de menor preço ou do lance de menor valor, deverá encaminhar a sua proposta escrita, conforme modelo definido no ANEXO 03 TERMO DE PROPOSTA ESCRITA, para a Comissão de Licitação da Procuradoria Geral de Justiça - PGJ, obedecendo ao prazo de 03 (três) dias úteis na forma estabelecida nos subitens 7.3. e 7.6. deste Edital O TERMO DE PROPOSTA ESCRITA deverá ser entregue rubricado em todas as suas folhas e a última assinada pelo representante legal da empresa, citado nos documentos de habilitação, em linguagem concisa, sem emendas, rasuras ou entrelinhas, contendo todas as informações e declarações nele exigidas, bem como a proposta de preços, contendo os preços unitários e totais e o valor global do lote, para registro Para elaboração do Termo de Proposta Escrita deverá ser observado o constante no item e 7.2. deste Edital O prazo de validade da proposta não poderá ser inferior a 60 (sessenta) dias, contados da data de sua entrega, obedecido o prazo mínimo estabelecido na Lei nº 8.666/ Os valores unitários e global da proposta serão os do lance vencedor, devendo o preço total ser discriminado por extenso Ocorrendo discordância entre os valores numéricos e por extenso, prevalecerão estes últimos Serão desclassificadas as propostas que conflitem com as normas deste Edital ou da legislação em vigor, ressaltando-se que serão rejeitadas as propostas que: a) sejam incompletas, isto é, não contenham informações suficientes que permitam a perfeita identificação do material licitado; b) contenham qualquer limitação ou condição substancialmente contrastante com o presente Edital; 11

12 c) sejam manifestamente inexeqüíveis, por decisão do Pregoeiro; d) apresentem valores de itens ou preços simbólicos, irrisórios ou de valor zero; e) contenham mais de 02 (duas) casas decimais em seus valores totais O licitante deverá fornecer: a) Descrição detalhada das características técnicas dos itens cotados, que possibilitem uma completa avaliação dos mesmos; b) Prova de que os equipamentos cotados possuem assistência técnica na cidade de Fortaleza apresentando ainda o catalogo de endereços do fabricante com a rede de assistência técnica nacional, ou uma declaração deste último, indicando essa assistência técnica.; c) Declaração do prazo de garantia, modalidade de assistência técnica e condições de execução do contrato, conforme exigências constantes na Cláusula Oitava DA GARANTIA, DA ASSISTÊNCIA TÉCNICA E DA CONFIABILIDADE da Minuta do Contrato Anexo 02 do Edital; d) Declaração de Solidariedade do Fabricante quando o proponente se enquadrar na categoria de distribuidor, representante ou revenda autorizada conforme modelo constante no ANEXO 12; Ainda deverá constar qual a empresa autorizada pelo próprio fabricante a prestar assistência técnica nos produtos ofertados. Não eximindo de ser apresentada a carta de anuência, conforme, caso o licitante não seja a própria empresa a prestar tal assistência. e) Atestado de Fabricação, quando o proponente se enquadrar na categoria de fabricante conforme modelo constante no ANEXO 13. Caso os serviços de assistência técnica sejam executados pelo fabricante, este deverá apresentar o Termo de Assistência Técnica, conforme ANEXO 15; Não será aceita declaração de distribuidor, representante ou outros, devendo ser exclusivamente do fabricante, que no caso é o próprio licitante. Para fins de entendimento e cumprimento deste parágrafo não consideramos como fabricante, o montador do equipamento, se ou seja, se o equipamento possui uma marca, e o montador ou distribuidor da mesma no Brasil apresenta-se como fabricante, não será considerado, pois para fins deste edital, fabricante é o detentor da marca registrada constante do produto. Ainda deverá constar qual a empresa autorizada pelo próprio fabricante a prestar assistência técnica nos produtos ofertados, em Fortaleza-CE. f) No caso da licitante enquadrar-se na categoria fabricante ou assistência técnica autorizada, esta deverá apresentar uma declaração responsabilizando-se pelos equipamentos ora licitados. Se a licitante não se enquadrar nestas duas categorias e a assistência técnica for prestada por terceiros, apresentar carta de anuência deste (terceiro) responsabilizando-se pelos objetos adquiridos nesta licitação; g) A carta de anuência (declaração) da empresa mantenedora da assistência técnica, caso não seja o próprio licitante, deverá conter a aceitação das exigências do presente edital. Somente será aceita tal carta de anuência se a mesma for assinada por sócio e/ou diretor que conste no estatuto social (ou outro documento comprobatório) da empresa mantenedora da assistência técnica, devendo ser apresentada a carta em original ou cópia autenticada em cartório, com 12

13 reconhecimento de firma do signatário, bem como cópia autenticada do estatuto social (ou outro documento que comprove a autoridade legal para poder assinar pela empresa). Bem como somente será aceita, se a referida empresa mantenedora da assistência técnica for autorizada pelo próprio fabricante do equipamento ofertado, não sendo aceita declaração de distribuidor, representante ou outros, devendo ser emitida exclusivamente pelo fabricante, e para tanto deverá ser, obrigatoriamente, preenchido pelo fabricante h) Declaração de Solidariedade do Fabricante, caso a assistência técnica seja prestada por empresa autorizada, conforme modelo constante no ANEXO 14; i) Termo de Assistência Técnica, a ser preenchido pela empresa que prestará a assistência técnica, conforme ANEXO 15; 9. DA HABILITAÇÃO Os documentos apresentados deverão ser, obrigatoriamente, da mesma sede, ou seja, se da matriz, todos da matriz, se de alguma filial, todos da mesma filial, com exceção dos documentos que são válidos para matriz e todas as filiais. Caso a Empresa seja vencedora de algum item, o Contrato será celebrado com a sede que apresentou a documentação; A documentação deverá ser apresentada em qualquer processo de fotocópia, obrigatoriamente autenticada em Cartório. Caso a documentação tenha sido emitida pela Internet, só será aceita se for original, se for cópia deverá também ser autenticada em Cartório. 9.1 Efetuados os procedimentos previstos no item 6 e 7 deste Edital, a licitante detentora da proposta ou do lance de menor valor, deverá encaminhar, no prazo máximo de 03 (três) dias úteis, contados da data da sessão pública virtual, juntamente com o Termo de Proposta Escrita, a documentação de habilitação prevista abaixo, para a Procuradoria Geral de Justiça do Estado do Ceará, Comissão de Licitação, no endereço Rua Assunção, nº 1100, José Bonifácio, Fortaleza/Ce, Fone/Fax: (85) ; 9.2 Declaração do licitante do cumprimento fiel das recomendações determinadas pelo artigo 7º, inciso XXXIII, da Constituição Federal, incluindo o inciso V do artigo 27 da Lei nº 8.666/93, a qual deverá ser elaborada conforme modelo definido no ANEXO 06 DECLARAÇÃO NOS TERMOS DO DECRETO FEDERAL Nº4.358/2002, deste Edital. 9.3.Os documentos apresentados deverão ser, obrigatoriamente, da mesma sede, ou seja, se da matriz, todos da matriz, se de alguma filial, todos da mesma filial, com exceção dos documentos que são válidos para matriz e todas as filiais. O Contrato será celebrado com a sede que apresentou a documentação. 9.4 A documentação deverá ser apresentada em original ou cópia autenticada em cartório ou publicação em órgão da imprensa oficial. Caso a documentação tenha sido emitida pela Internet, só será aceita se for original, se for cópia deverá também ser autenticada em Cartório; 9.5 O(A) Pregoeiro(a) poderá também, solicitar originais de documentos já autenticados para fins de 13

14 verificação, sendo a empresa obrigada a apresentá-los no prazo de 48(quarenta e oito) horas, contados a partir da solicitação, sob pena de não o fazendo, ser inabilitada; 9.6 Dentre os documentos exigidos para habilitação, aqueles que possuírem prazo de vencimento deverão estar dentro da validade estipulada na própria certidão, por ocasião do encaminhamento dos mesmos para análise por parte do(a) Pregoeiro(a). 9.7 Em se tratando de microempresa ou empresa de pequeno porte, esta deverá apresentar todos os documentos exigidos para efeito de comprovação da regularidade fiscal, mesmo que estes apresentem alguma restrição, conforme determina o art. 43, da Lei Complementar 123, de 14/12/2006; Havendo alguma restrição na comprovação da regularidade fiscal da microempresa ou empresa de pequeno porte, será assegurado o prazo de 2(dois) dias úteis, contados da data em que o proponente foi declarado vencedor do certame, prorrogável por igual período, a critério da Administração, para a regularização da situação que deu causa à restrição; A não regularização no prazo previsto no subitem anterior, implicará a decadência do direito à contratação, sem prejuízo das sanções previstas neste Edital; 9.8 A licitante deverá apresentar os seguintes documentos para sua habilitação: 9.8.1DA HABILITAÇÃO JURÍDICA: Certificado de Registro Cadastral (CRC), emitido pela Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado do Ceará - SEPLAG, para o fim de que trata esta Licitação ou toda a documentação exigida pela SEPLAG para o seu cadastramento; Obs: No caso de a empresa já ser cadastrada, mas o seu CRC está vencido, será considerado como atendida a exigência do referido item se a empresa apresentar a documentação exigida pela SEPLAG para renovação As empresas de outros Estados que desejarem participar da presente licitação, poderão se cadastrar através do site ou obter informações pelo telefone (85) , para adquirir o Certificado de Registro Cadastral (CRC); DA REGULARIDADE FISCAL: Certidão Negativa de Débitos para com a Secretaria da Fazenda do Estado da Sede do Licitante, dentro do prazo de validade; Prova de Regularidade para com a Fazenda Pública Federal, dentro do prazo de validade, ou seja, Certidão Conjunta Negativa de Débitos relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União conforme Decreto Nº de 15/08/2005;; Certidão Negativa de Débitos para com a Fazenda Municipal, da Sede do Licitante, dentro do prazo de validade; Certidão Negativa de Débitos para com a Previdência Social CND, dentro do prazo de validade; 14

15 Certidão Negativa de Débitos para com o FGTS, emitido pela Caixa Econômica Federal, dentro do prazo de validade; DA QUALIFICAÇÃO TÉCNICA: Comprovação de capacidade técnica do licitante, mediante apresentação de Atestado(s) fornecido(s) por pessoas jurídicas de direito público ou privado, reconhecidamente idôneas, que atestem haver a licitante fornecido bens condizentes com o do objeto, conforme definido no Anexo 01 Termo de Referência DA QUALIFICAÇÃO ECONÔMICO-FINANCEIRA: Certidão Negativa de Falência e/ou Concordata, expedida pelo Cartório de Distribuição da sede da licitante, dentro de prazo de validade. Se não constar prazo de validade, a mesma deverá ter sido emitida no prazo máximo de 90 (noventa) dias; Apresentação de Balanço Patrimonial e Demonstrações Contábeis, já exigíveis e apresentados na forma da Lei, correspondentes ao último exercício social encerrado A comprovação da boa situação financeira do licitante será atestada por documento assinado por profissional legalmente habilitado, demonstrando que a empresa apresenta Índice de Liquidez Geral (LG) maior ou igual 1 (um) calculado pela fórmula abaixo: Índice de Liquidez Geral (LG) LG = (Ativo Circulante + Ativo Realizável a Longo Prazo 1 (Passivo Circulante + Passivo Exigível a Longo Prazo) Deverá ser apresentado pela licitante no prazo estipulado pela Comissão de Licitação, sempre que solicitado, documentos que comprovem os saldos constantes nas Demonstrações Contábeis, sob pena de desconsideração dos saldos não comprovados no cálculo dos índices exigidos no presente edital e conseqüente possibilidade de inabilitação por parte da Comissão de Licitação. 9.9 Constatando o atendimento das exigências previstas no Edital, a licitante será declarada vencedora, sendo-lhe adjudicado o objeto da licitação pelo próprio Pregoeiro, na hipótese de inexistência de recursos, ou pela Autoridade Superior, na hipótese de existência de recursos; 9.10 Se a licitante desatender às exigências previstas neste Item 9, o Pregoeiro examinará a oferta subseqüente na ordem de classificação, verificando a sua aceitabilidade e procedendo a sua habilitação, repetindo esse procedimento sucessivamente, se for necessário, até a apuração de uma proposta que atenda ao Edital, sendo a respectiva licitante declarada vencedora. 10. DA IMPUGNAÇÃO AO EDITAL E RECURSOS 10.1 Até 2 (dois) dias úteis antes da data fixada para recebimento das propostas, qualquer pessoa poderá solicitar esclarecimentos, providências ou impugnar o ato convocatório do Pregão Caberá ao Pregoeiro decidir sobre a petição no prazo de 24 (vinte e quatro) horas 15

16 10.3. Acolhida à petição contra o ato convocatório, será designada nova data para a realização do certame Não serão conhecidas as impugnações e os recursos apresentados fora do prazo legal, e/ou subscritos por representante não habilitado legalmente ou não identificado no processo para responder pelo proponente; 10.5 Após ser declarado no sistema o vencedor, os interessados terão o prazo de até 24 horas úteis para manifestar a intenção de interpor recurso em campo próprio no sistema, de forma motivada; 10.6 Ao final do prazo do item 10.5, os licitantes que manifestaram intenção de recorrer terão o prazo de 3 (três) dias úteis para apresentação das razões do recurso. Os interessados ficam, desde logo, intimados a apresentar contra-razões em igual número de dias, que começarão a correr do término do prazo do recorrente; 10.7 Fica assegurada aos licitantes vista imediata dos autos do Pregão, com a finalidade de subsidiar a preparação de recursos e de contra-razões. Os referidos autos estarão disponíveis na sala da Comissão de Licitação da Procuradoria Geral Justiça A falta de manifestação imediata e motivada importará a preclusão do direito de recurso; 10.9 Não será concedido prazo para recursos de cunho meramente protelatório ou quando não justificada a intenção de interpor o recurso pelo proponente; Os recursos contra decisões do Pregoeiro não terão efeito suspensivo; O acolhimento de recurso importará a invalidação apenas dos atos insuscetíveis de aproveitamento A decisão em grau de recurso, quando não revista pelo Pregoeiro, será submetida à apreciação da autoridade competente e, se mantida, será definitiva e dela dar-se-á conhecimento aos interessados, via sistema, fac-símile e/ou Os recursos enviados por terão sua validade condicionada à entrega dos originais no prazo de 02 (dois) dias na sede da PGJ, contados a partir do dia do recebimento do recurso por e- mail, pela Comissão de Licitação da Procuradoria Geral de Justiça PGJ ( 11. DA HOMOLOGAÇÃO E DA ASSINATURA DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Cumpridas as etapas previstas nos itens 07, 08 e 09 e inexistindo recursos, ou na sua existência sendo estes resolvidos, a autoridade competente homologará o resultado da licitação Após a homologação do resultado da licitação, os preços ofertados pelos licitantes vencedores de cada lote serão registrados na Ata de Registro de Preços, elaborada conforme o Anexo 04 MINUTA DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS, deste Edital Para o registro de preços dos fornecedores situados no Estado do Ceará, ao valor 16

17 homologado deverá ser acrescido o valor correspondente ao diferencial referido no subitem deste Edital, mediante a utilização da seguinte fórmula: VA=VH/0,925 onde: VA - Valor a ser Registrado na Ata de Registro de Preços: Refere-se ao preço a ser praticado quando do fornecimento do objeto licitado, aos órgãos participantes; VH - Valor Homologado: Refere-se ao preço do lance vencedor, após negociação, o qual está reduzido do valor correspondente ao diferencial referido no subitem deste Edital; Os licitantes classificados em primeiro lugar terão o prazo de 05 (cinco) dias, a contar da data do recebimento da convocação, para comparecer perante a Comissão de Licitação da Procuradoria Geral de Justiça - PGJ, a fim de assinar a Ata de Registro de Preços. O prazo de comparecimento poderá ser prorrogado uma única vez, por igual período, desde que ocorra motivo justificado, aceito pela PGJ A recusa injustificada em assinar a Ata de Registro de Preços no prazo e condições estabelecidas implicará no cancelamento do registro do preço do item para este fornecedor Os demais fornecedores classificados neste processo, em ordem crescente de preço proposto por lote, poderão ser convocados para compor a Ata de Registro de Preços, na condição de aceitarem os preços do primeiro colocado em cada lote, ou nos casos previstos neste Edital e na Ata dele decorrente É facultado à Administração, quando o convocado não assinar a Ata de Registro de Preços no prazo e condições estabelecidas, convocar os licitantes remanescentes, conforme subitem anterior, na ordem de classificação, para fazê-lo em igual prazo e nas condições propostas referente a sua classificação, ou revogar a licitação, independentemente da aplicação das sanções previstas neste Edital. 12. DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS A Procuradoria Geral de Justiça será o Órgão Gestor da Ata de Registro de Preços de que trata este Edital A Ata de Registro de Preços, elaborada conforme o Anexo 04 - Minuta da Ata de Registro de Preços, será assinada pelo titular da Procuradoria Geral de Justiça - Órgão Gestor do Registro de Preços - ou, por delegação, por seu substituto legal, e pelos representantes de cada um dos fornecedores legalmente credenciados e identificados na Ficha de Dados do Representante Legal respectiva, conforme modelo do Anexo A Ata de Registro de Preços terá validade pelo prazo de 12 (doze) meses, contados a partir da data da sua assinatura, podendo, por acordo das partes e quando a proposta continuar se mostrando mais vantajosa, ser prorrogada, por igual período, nas mesmas condições e quantidades originais, nos termos do Decreto Estadual nº de 10 de janeiro de 2006 e do Art.116 da Lei Federal de 21 de junho de 1993 e suas alterações Os preços registrados na Ata de Registro de Preços serão aqueles ofertados nas propostas de 17

18 preços dos licitantes vencedores da disputa. ESTADO DO CEARÁ 12.5 A Ata de Registro de Preços uma vez lavrada e assinada, não obriga a Administração a firmar as contratações que dela poderão advir, ficando-lhe facultada a utilização de procedimento de licitação, respeitados os dispositivos da Lei Federal 8.666/93, sendo assegurada à detentora do registro de preços a preferência em igualdade de condições O direito de preferência de que trata o subitem anterior poderá ser exercido pelo beneficiário do registro, quando o preço decorrente de procedimento de licitação for igual ou superior ao registrado A PGJ poderá firmar contratos, se for necessário, com as empresas detentoras de preços registrados na Ata de Registro de Preços, de acordo com as suas necessidades e dentro dos quantitativos e especificações previstos nos lotes correspondentes, durante a vigência do documento supracitado Os fornecedores detentores de preços registrados ficarão obrigados a fornecer o objeto licitado à PGJ, nos prazos estabelecidos neste Edital, desde que notificados por estes e durante a vigência da Ata de Registro de Preços, mesmo que a execução do objeto esteja prevista para data posterior a do vencimento da mesma A Ata de Registro de Preços, durante sua vigência, só poderá ser utilizada por esta PGJ, não sendo aberta para participação de quaisquer órgãos, seja da esfera estadual, municipal ou federal O detentor de preços registrados que descumprir as condições da Ata de Registro de Preços recusando-se a fornecer o objeto licitado à PGJ, não aceitando reduzir os preços registrados quando estes se tornarem superiores aos de mercado, ou nos casos em que ficar impedido ou for declarado inidôneo para licitar ou contratar com a Administração, e ainda, por razões de interesse público, devidamente fundamentado, terá o seu registro cancelado A Procuradoria Geral de Justiça providenciará a publicação do Extrato da Ata do Registro de Preços no Diário da Justiça e na página oficial da Procuradoria Geral de Justiça na INTERNET Os preços registrados poderão ser revistos a qualquer tempo em decorrência da redução dos preços praticados no mercado ou de fato que eleve os custos dos itens registrados, obedecendo aos parâmetros constantes no artigo 22, do Decreto Estadual n.º de 10 de janeiro de A Procuradoria Geral de Justiça convocará o fornecedor para negociar o preço registrado e adequá-lo ao preço de mercado, sempre que verificar que o preço registrado está acima do preço de mercado. Caso seja frustrada a negociação, o fornecedor será liberado do compromisso assumido Não havendo êxito nas negociações com o primeiro colocado, a Administração poderá convocar os demais fornecedores classificados de acordo com o subitem 11.6., nas mesmas condições ou revogar a Ata de Registro de Preços ou parte dela Serão considerados preços de mercado, os preços que forem iguais ou inferiores à média daqueles apurados pela Administração para os itens registrados. 18

19 As alterações dos preços registrados, oriundas da revisão dos mesmos, serão publicadas no Diário da Justiça e na página oficial da Procuradoria Geral de Justiça na INTERNET. 13. DO CANCELAMENTO DO REGISTRO DE PREÇOS A Ata de Registro de Preços decorrente deste Pregão poderá ser cancelada de pleno direito no todo ou em parte, nas situações previstas neste Edital e na minuta da Ata de Registro de Preços, Anexo 04 deste Edital. [F1] Comentário: Cancelament o de itens? 14.DO FORNECIMENTO, LOCAL DE ENTREGA, ACEITE E RECEBIMENTO Cada aquisição dos itens registrados será efetuada através da Ordem de Compra ou Serviço, emitida pela PGJ conforme ANEXO O documento de que trata o subitem anterior, emitido em 02 (duas) vias, sendo a primeira para o fornecedor e a segunda para arquivo da contratante, terá caráter convocatório e será enviado para o fornecedor juntamente com a Nota de Empenho NE e o Contrato, que deverão ser assinados e devolvidos à contratante no prazo máximo de 05 (cinco) dias a contar da data do seu recebimento O fornecedor ficará obrigado a atender às ordens de compras ou serviços efetuadas dentro do prazo de validade do Registro de Preços, mesmo se a entrega dos itens ocorrer em data posterior a do seu vencimento O prazo de entrega dos itens não poderá ultrapassar o prazo estabelecido na Ordem de Compra ou Serviço, contado a partir da data do seu recebimento pelo fornecedor, devendo ser de no máximo 30 (trinta) dias. 15. DAS CONDIÇÕES PARA CELEBRAÇÃO DE CONTRATO Após a assinatura da Ata de Registro de Preços, a PGJ e os Fornecedores com preços registrados poderão firmar contratos dentro do prazo de validade da Ata Os contratos decorrentes da Ata de Registro de Preços serão formalizados mediante assinatura do instrumento contratual, conforme Anexo 02 MINUTA DE CONTRATO, deste Edital A formalização dos contratos obedecerá ao prazo estabelecido no subitem O prazo estabelecido no subitem anterior poderá ser prorrogado por igual período, a critério da Administração Caso o fornecedor não encaminhe o respectivo contrato assinado no prazo acima estabelecido ou não apresente situação regular no ato de assinatura do contrato, ou recuse a assiná-lo nas condições estabelecidas, ou ainda quando a Administração rescindir o contrato por inadimplência, o mesmo terá o seu registro de preço cancelado, sem prejuízo das demais sanções previstas em lei e neste Edital. Neste caso, a PGJ poderá, convidar, em igual prazo, sucessivamente, por ordem de classificação, os demais licitantes, os quais ficarão sujeitos às mesmas condições previstas para o primeiro classificado. 19

20 15.6. No ato da assinatura do contrato, o fornecedor deve estar plenamente habilitado a assumir os encargos contratuais, comprometendo-se a manter-se nas mesmas condições de habilitação e qualificação exigidas na licitação, durante toda a execução do contrato A critério da CONTRATANTE, quando da celebração do contrato poderá ser exigido da CONTRATADA a apresentação de garantia da execução do contrato, no montante de 5% (cinco por cento) do valor contratado, atualizável nas mesmas condições, quando das revisões de valor A garantia a que se refere o subitem anterior poderá ser apresentada em qualquer das modalidades previstas na Lei nº 8.666/ Caso o fornecedor opte por CARTA DE FIANÇA BANCÁRIA, esta deverá conter o seguinte: a) comprovação de que os diretores que assinam a carta de fiança possuem poderes expressos no estatuto social ou através de procuração outorgada pelo presidente do banco fiador, para prestarem mencionada garantia; b) econhecimento das firmas das pessoas que assinam o documento; c) prazo de validade, que deverá corresponder ao período de vigência do contrato, devendo ser tempestivamente renovada se estendida ou prorrogada essa vigência; d) expressa afirmação do fiador de que, como devedor solidário, fará o pagamento à CONTRATANTE, independentemente de interpelação judicial, caso o afiançado não cumpra suas obrigações decorrentes da execução do contrato, inclusive aquelas que venham a ser exigidas, após o término da vigência do contrato, decorrentes, também, de quaisquer débitos trabalhistas ou recolhimentos; e) renúncia expressa do fiador ao benefício de ordem e aos direitos previstos nos artigos 827 e 838 do Código Civil; f) cláusula que assegure a atualização do valor afiançado No caso da CONTRATADA optar pelo SEGURO GARANTIA, este deverá conter: a) prazo de validade, que deverá corresponder ao período de vigência do contrato, devendo ser tempestivamente renovada se estendida ou prorrogada essa vigência; b) cláusula que assegure a atualização do valor afiançado; c) cláusula que assegure a prorrogação automática da vigência da apólice, caso a CONTRATANTE não devolva o seu original ou não emita declaração à SEGURADORA atestando o cumprimento integral das obrigações do TOMADOR; d) cláusula que assegure o pagamento, independentemente de interpelação judicial, caso o TOMADOR não cumpra as obrigações decorrentes da execução do contrato, inclusive aquelas que venham a ser exigidas, após o término da sua vigência, decorrentes, também, de quaisquer débitos trabalhistas, previdenciários ou de natureza tributária, contraídos em função da execução contratual. 20

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia - FATEC, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni torna público

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ Convite N. 004/2015 Natureza da Despesa/ OBJETIVO: Fonte do Recurso Contratação de Serviço de INSTALAÇÃO DE SERVIÇO DE LINK DE INTERNET - 5MB Dotação Orçamentária Data da Emissão 22/06/2015 Data da Licitação

Leia mais

Dispõe sobre a Cotação Eletrônica de Preços no Estado do Rio Grande do Sul.

Dispõe sobre a Cotação Eletrônica de Preços no Estado do Rio Grande do Sul. LEI Nº 13.179, DE 10 DE JUNHO DE 2009 Business Online Comunicação de Dados Dispõe sobre a Cotação Eletrônica de Preços no Estado do Rio Grande do Sul. A GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Faço

Leia mais

EEEP PROFESSOR GUSTAVO AUGUSTO LIMA E-mail: eeepgustavolima@escola.ce.gov.br Lavras da Mangabeira Ceará

EEEP PROFESSOR GUSTAVO AUGUSTO LIMA E-mail: eeepgustavolima@escola.ce.gov.br Lavras da Mangabeira Ceará MINUTA DO CONVITE Nº 030/2014. Natureza da Despesa: SERVIÇOS PESSOA JURÍDICA 3390390091 - REPASSE PARA MANUTENÇÃO DE ESCOLAS Data de Emissão: 29/09/2013 Data da Licitação: 09/10/2014 Hora da Licitação:

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 040/2010 Processo nº 19143/2010-4

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 040/2010 Processo nº 19143/2010-4 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 040/2010 Processo nº 19143/2010-4 O ESTADO DO CEARÁ, POR INTERMÉDIO DA PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA, com sede na Rua Assunção, nº 1100, José Bonifácio, em Fortaleza-Ceará,

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº0063 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº0063 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº0063 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0 PREGÃO PE - 31/2015 - SULGÁS A Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul - SULGÁS torna público, através de seu Pregoeiro designado, que realizará licitação por meio da utilização de recursos de

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 O DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE torna público para conhecimento

Leia mais

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.088 DE 10 DE JANEIRO DE 2006 PREÂMBULO

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.088 DE 10 DE JANEIRO DE 2006 PREÂMBULO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.088 DE 10 DE JANEIRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do

Leia mais

Manual da Central de Compras

Manual da Central de Compras Sistema de Compras Eletrônicas - COE Manual da Central de Compras Portal Compras RS Portal Pregão On-Line Banrisul Portal Compras PROCERGS Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria de Administração

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços EDITAL A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10-124-DIREF de 29/06/2006, realizará

Leia mais

PREGÃO SESC/AN Nº 15/0072 PG EDITAL

PREGÃO SESC/AN Nº 15/0072 PG EDITAL PREGÃO SESC/AN Nº 15/0072 PG EDITAL O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO NACIONAL, entidade de direito privado, sem fins lucrativos, comunica a realização de licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO,

Leia mais

RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005

RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005 SCS, Qd. 02, Bl. B, Edifício Palácio do Comércio, Sala 501 Brasília-DF Tel: (61) 224-4385 e-mail: cofecon@cofecon.org.br RECIBO DE RETIRADA PROCESSO Nº 11.628/2005 EDITAL DE CONVITE N.º 05/2005 RAZÃO SOCIAL:

Leia mais

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 Processo nº. 200910267000429 Data da Realização: 09/12/2009 Horário: 09:00 horas Local: www.comprasnet.go.gov.br DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 A FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE

Leia mais

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 REGULAMENTA O SISTEMA DE SUPRIMENTOS NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O GOVERNADOR

Leia mais

COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 20123340 TERMO DE PARTICIPAÇÃO

COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 20123340 TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 20123340 TERMO DE PARTICIPAÇÃO PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO PREFEITURA MUNICIPAL DE SOLEDADE SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E AGRICULTURA EDITAL TOMADA DE PREÇOS Nº 38/2015 TIPO MENOR PREÇO EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE TUBOS DE CONCRETO O PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 01/2012

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 01/2012 TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 01/2012 PREÂMBULO O Conselho de Políticas e Gestão do Meio Ambiente - CONPAM sito à Rua Osvaldo Cruz, 2366 Dionísio Torres Fortaleza-CE, torna público este Termo de Participação,

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES PROCESSO LICITATÓRIO Nº 003/2016 TOMADA DE PREÇO Nº 003/2016 Aldoir Godois Vezaro, Prefeito Municipal de São Pedro das Missões RS, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei nº 8.666,

Leia mais

Cotação Eletrônica TERMO DE PARTICIPAÇÃO

Cotação Eletrônica TERMO DE PARTICIPAÇÃO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006. PREÂMBULO Termo de Participação via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO 1 ATENÇÃO As empresas interessadas em participar deste Convite, deverão passar um fax para a Coordenadoria Geral de Licitação (24) 3339-9038/3339-9071, confirmando a retirada deste edital pela internet.

Leia mais

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS PROCESSO LICITATÓRIO N.º 030/2005 PREGÃO ELETRÔNICO N.º 022/2005

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS PROCESSO LICITATÓRIO N.º 030/2005 PREGÃO ELETRÔNICO N.º 022/2005 1 ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MINAS GERAIS PROCESSO LICITATÓRIO N.º 030/2005 PREGÃO ELETRÔNICO N.º 022/2005 A Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALEMG), conforme autorização expedida

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009 A Superintendência de Seguros Privados - SUSEP realizará, às 15 horas do dia 16 de julho de 2009, licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, tipo MENOR PREÇO, conforme autorização da Senhora Chefe do DEAFI,

Leia mais

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DIVERSOS PARA EMEI GENI TEREZINHA COLOMBO.

EDITAL TOMADA DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DIVERSOS PARA EMEI GENI TEREZINHA COLOMBO. PREFEITURA MUNICIPAL DE SOLEDADE SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO. EDITAL TOMADA DE PREÇOS Nº 72/2015 TIPO MENOR PREÇO EXCLUSIVO PARA ME s e EPP s, CONFORME REDAÇÃO DADA PELA LC 147/2014.

Leia mais

Processo nº 50608.002622/2012-53

Processo nº 50608.002622/2012-53 Processo nº 50608.002622/2012-53 EXAME DA HABILITAÇÃO JURÍDICA, FISCAL E ECONÔMICO-FINANCEIRA EDITAL Nº 0336/2014-08. Objeto: Elaboração de Projeto Executivo Detalhado para a Reforma e Ampliação da Unidade

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 ! " TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2006 PROCESSO Nº 1.825/2005 Regime Jurídico: Lei nº 8.666/93, alterações e normas complementares Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Modalidade: TOMADA DE PREÇOS O CONSELHO REGIONAL

Leia mais

PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013

PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013 A UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Curitiba,

Leia mais

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM

Estado do Amazonas PREFEITURA MUNICIPAL DE TONANTINS CNPJ: 04.628.608/0001-16 Endereço: Rua Leopoldo Peres, s/n Centro, Tonantins AM EDITAL CONVITE Nº 002/2015 1 PREÂMBULO 1.1. A, através da COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO CML, adiante denominada simplesmente CML, CONVIDA essa firma para participar do certame licitatório, na modalidade

Leia mais

Conselho Regional de Economia da Paraíba 21ª Região

Conselho Regional de Economia da Paraíba 21ª Região EDITAL DE LICITAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE CONTADOR PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS CONTÁBEIS E DE ASSESSORIA CONTÁBIL PARA O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 21ª REGIÃO PARAÍBA CONVITE Nº 002/2016

Leia mais

Índice. Pregão Eletrônico perfil de fornecedor - 1 / 37

Índice. Pregão Eletrônico perfil de fornecedor - 1 / 37 Pregão Eletrônico perfil de fornecedor - 1 / 37 Índice 1 -. Apresentação...3 2 -. Ambiente Operacional & Requisitos...4 3 -. Normas do Pregão Eletrônico...5 4 -. Procedimentos do Pregão Eletrônico...6

Leia mais

Processo nº 50608.000045/2014-27

Processo nº 50608.000045/2014-27 Processo nº 50608.000045/2014-27 EXAME DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO JURÍDICA, FISCAL, ECONÔMICO FINANCEIRA EDITAL Nº 0438/2014-08. Objeto: Seleção de empresa especializada para Execução de serviços técnicos

Leia mais

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL Nº 032, DE 17-02-2004 Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP, previsto no art. 15, da Lei nº 8.666, de 21 de junho de

Leia mais

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014.

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. Emissão: 09/12/2014. Abertura: 29/12/2014. Horário: 10:00 H. O Fundo de Previdência dos Servidores Municipais

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ PREENCHER O RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL, CONSTANTE DO ANEXO I E DEVOLVER COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia -, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni designado pela Ordem

Leia mais

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Processo...: 8/2015 Modalidade.: Convite Número...: 6/2015

Leia mais

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008 EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 003/2008 Ref.: Convênio n 001/2008: Convênio celebrado entre a Agência Nacional de Águas - ANA e Associação Brasileira de Águas Subterrâneas

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA TIPO: MELHOR TÉCNICA

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA TIPO: MELHOR TÉCNICA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA TIPO: MELHOR TÉCNICA O Centro de Estudos de Cultura Contemporânea CEDEC, entidade privada sem fins lucrativos,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 ATA DO REGISTRO DE PREÇOS CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DE PRESTAÇÃO DE

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20145151 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação,

Leia mais

COTAÇÃO ELETRÔNICA TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20130052/CODECE BANCO BRASIL Nº 521394

COTAÇÃO ELETRÔNICA TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20130052/CODECE BANCO BRASIL Nº 521394 ANEXO ÚNICO DO DECRETO ESTADUAL Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos

Leia mais

Estado de Rondônia Prefeitura do Município de Alto Paraíso/RO Comissão Permanente de Licitação - CPL

Estado de Rondônia Prefeitura do Município de Alto Paraíso/RO Comissão Permanente de Licitação - CPL EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 039/CPL/2015 PROCESSO N.º 1-191/2015 1. PREÂMBULO (Art. 40º da Lei nº 8.666/93) - (Art. 3º, IV e 4º; VI Lei nº 10.520/02). 1.1 O Município de Alto Paraíso Estado de Rondônia,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA Secretaria Municipal de Administração Coordenação de Material e Patrimônio Gerência de Compras

PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA DA CONQUISTA Secretaria Municipal de Administração Coordenação de Material e Patrimônio Gerência de Compras 1 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO PARA SRP nº. 190/2011 Processo nº. 24190/2011 O MUNICIPIO DE VITÓRIA DA CONQUISTA - BAHIA, através do SECRETÁRIO MUNICIPAL ADMINISTRAÇÃO, pessoa jurídica de direito

Leia mais

ANEXO IX MANUAL DE INSTRUÇÕES SOBRE APRESENTAÇÃO DE GARANTIAS DE MANUTENÇÃO DA(S) PROPOSTA(S) DE PREÇO E DE EXECUÇÃO DOS COMPROMISSOS

ANEXO IX MANUAL DE INSTRUÇÕES SOBRE APRESENTAÇÃO DE GARANTIAS DE MANUTENÇÃO DA(S) PROPOSTA(S) DE PREÇO E DE EXECUÇÃO DOS COMPROMISSOS ANEXO IX MANUAL DE INSTRUÇÕES SOBRE APRESENTAÇÃO DE GARANTIAS DE MANUTENÇÃO DA(S) PROPOSTA(S) DE PREÇO E DE EXECUÇÃO DOS COMPROMISSOS 1. INTRODUÇÃO... 2 1.1. Prevalência do Edital... 2 1.2. Principais

Leia mais

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license.

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license. DECRETO Nº 5.450, DE 31 DE MAIO DE 2005 Regulamenta o pregão, na forma eletrônica, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que

Leia mais

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda:

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda: 1 DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009 Regulamenta, no âmbito da Administração pública municipal, o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993, e

Leia mais

MUNICÍPIO DE PORTO FERREIRA Estado de São Paulo DIVISÃO DE SUPRIMENTOS Seção de Licitações e Contratos

MUNICÍPIO DE PORTO FERREIRA Estado de São Paulo DIVISÃO DE SUPRIMENTOS Seção de Licitações e Contratos INSTRUÇÕES GERAIS PARA OBTENÇÃO DO C.R.C. (CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL), CONFORME DISPOSTO NA LEI Nº 8.666/93 1. CADASTRAMENTO 1.1 PROCEDIMENTO 1.1.1 A empresa interessada em obter o Certificado

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIBLIOTECONOMIA - 8ª REGIÃO - SÃO PAULO

CONSELHO REGIONAL DE BIBLIOTECONOMIA - 8ª REGIÃO - SÃO PAULO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO DO CRB/8 - SP TOMADA DE PREÇO nº 01/2015 O CONSELHO REGIONAL DE BIBLIOTECONOMIA 8ª REGIÃO, entidade autárquica federal de fiscalização da profissão de Bibliotecário, instituído

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

2.2. É vedada a participação na Licitação de pessoas jurídicas que:

2.2. É vedada a participação na Licitação de pessoas jurídicas que: SECRETARIA DA EDUCAÇÃO 6ª COORDENADORIA REGIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO 6ª CREDE RUA DR. JOSÉ EUCLIDES FERREIRA GOMES, S/N COLINA DA BOA VISTA- SOBRAL CNPJ: 00.273.843/0001-61 CARTA CONVITE Nº

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 135/2012 SES/GO. PROCESSO Nº 201100010005839 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE.

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 135/2012 SES/GO. PROCESSO Nº 201100010005839 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE. Gerência de Licitações GEL/SGPF/SESGO EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 135/2012 SES/GO. PROCESSO Nº 201100010005839 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE. OBJETO: Contratação de empresa para prestação de

Leia mais

ESTADO DO PARÁ TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2010/010

ESTADO DO PARÁ TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2010/010 1 O, por intermédio do TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS, doravante denominado TCM/PA, CNPJ nº 04.789.665/0001-87, com sede na Travessa Magno de Araújo nº 474, bairro do Telégrafo na cidade de Belém, Estado

Leia mais

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais).

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais). PROCESSO N.º 003/2013 LICITAÇÃO Nº 003/2013-CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE À EMPRESA: ENDEREÇO: O Conselho Regional de Administração-CRA, através de sua Comissão Permanente de Licitação, nos termos

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 53/2013

PREGÃO ELETRÔNICO SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 53/2013 PREGÃO ELETRÔNICO SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 53/2013 O - IFBA, por intermédio de seu Pregoeiro, designado pela Portaria nº 61 de 16 de julho de 2013, torna público que fará realizar licitação, pelo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO E ARTICULAÇÃO INSTITUCIONAL CENTRAL DE COMPRAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO E ARTICULAÇÃO INSTITUCIONAL CENTRAL DE COMPRAS EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 047/2014 O Município de Vila Velha pessoa jurídica de direito público interno, através da Central de Compras da Secretaria Municipal de Governo e Articulação Institucional,

Leia mais

COMPANHIA DE GAS DO CEARA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº 20150268 - VIPROC 5815806/2015 DECRETO Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006

COMPANHIA DE GAS DO CEARA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº 20150268 - VIPROC 5815806/2015 DECRETO Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 COMPANHIA DE GAS DO CEARA COTAÇÃO DE PREÇOS Nº 20150268 - VIPROC 5815806/2015 DECRETO Nº 28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 017/2007 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 017/2007 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 017/2007 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 017/2007 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2007 HORÁRIO: 10:00 HORAS LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS/CONTRATO Nº004-B/2016 PROCESSO LICITATÓRIO Nº018/2016 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL N 006/2016 VALIDADE: 12 (doze) meses O Município de Jaguaraçu, neste ato representado por seu

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE LABORATÓRIO PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, CONFORME ANEXO I DO EDITAL. O MUNÍCIPIO DE CACHOEIRINHA,

Leia mais

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 004/2015. Objeto

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 004/2015. Objeto EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 004/2015 O Município de Benjamin Constant do Sul - RS, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, torna público para conhecimento dos interessados a

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES. Órgãos: DEPARTAMENTO DE SAÚDE

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES. Órgãos: DEPARTAMENTO DE SAÚDE EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 048/2009 PROCESSO ADMINISTRATIVO: 074/2009 SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES Órgãos: DEPARTAMENTO DE SAÚDE A Secretaria Municipal de Administração

Leia mais

SP 22/2010-DF/DVCA-20 TOMADA DE PREÇOS PROCESSO 04.001301.10.48 ÍNDICE. PARTE I - Normas Especiais. PARTE II - Normas Gerais

SP 22/2010-DF/DVCA-20 TOMADA DE PREÇOS PROCESSO 04.001301.10.48 ÍNDICE. PARTE I - Normas Especiais. PARTE II - Normas Gerais SP 22/2010-DF/DVCA-20 TOMADA DE PREÇOS PROCESSO 04.001301.10.48 ÍNDICE ADVERTÊNCIAS PARTE I - Normas Especiais PARTE II - Normas Gerais ANEXO I - a) Planilha Orçamentária b) Especificação Técnica Material

Leia mais

IMPORTANTE!!! OBJETO: CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CORRESPONDENTE NÃO BANCÁRIO DO BRB.

IMPORTANTE!!! OBJETO: CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CORRESPONDENTE NÃO BANCÁRIO DO BRB. EDITAL DE CREDENCIAMENTO BRB - 2007/001 IMPORTANTE!!! É de responsabilidade do licitante o acompanhamento das alterações do Edital. O BRB não se responsabiliza pelo problemas de conexão e/ou falha na comunicação

Leia mais

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 PROCESSO : 50600.000884/2006-13 Tipo de Licitação:

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO 1 ATENÇÃO As empresas interessadas em participar deste Convite, deverão passar um fax para a Coordenadoria Geral de Licitação (24) 3339-9038/3339-9071 ou email cgl@vr.rj.gov.br, confirmando a retirada

Leia mais

2ª CHAMADA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015

2ª CHAMADA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO SECRETARIA MUNICIPAL DE SERVIÇOS BÁSICOS SEMUSB 2ª CHAMADA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015 Edital de chamamento público para formalização de convênio com

Leia mais

Forma de Fornecimento: ( X ) 1- Integral ( ) 2- Parcelada

Forma de Fornecimento: ( X ) 1- Integral ( ) 2- Parcelada Modalidade: Convite Data de Emissão: 06/02/2012 Data da Licitação: 13/02/2012 Hora da Licitação: 15:00 horas Tipo da Licitação: MENOR PREÇO GLOBAL Unidade Administrativa: Dotação Orçamentária: NP. Nº 14374

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 136/2015 OBJETO: AQUISIÇÃO ALMOFADA PARA CARIMBO, TINTA PARA CARIMBO, FITA ADESIVA LARGA E COLA EM BASTÃO, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013 Pelo presente instrumento, a SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, órgão gerenciador do Registro de Preços, localizada na

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 01/2015.

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 01/2015. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO ALEXANDRE DE GUSMÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE ADMINISTRAÇÃO, ORÇAMENTO E FINANÇAS COORDENAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS DIVISÃO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO N o 57/2014 PROCESSO N o 23067 P015349/2014-81

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO N o 57/2014 PROCESSO N o 23067 P015349/2014-81 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO N o 57/2014 PROCESSO N o 23067 P015349/2014-81 OBJETO: O PRESENTE PREGÃO TEM POR OBJETO A IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAÚNA - MG Edital de Chamamento para Cadastro nº 01/2013

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAÚNA - MG Edital de Chamamento para Cadastro nº 01/2013 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAÚNA - MG Edital de Chamamento para Cadastro nº 01/2013 Edital de convocação de Pessoas Jurídicas para inscrição e atualização do Cadastro de Fornecedores do Município de Itaúna.

Leia mais

ÍNDICE EDITAL...5 _...5 1OBJETO...5 2DO REGISTRO DE PREÇOS...5 3CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO...6 4REPRESENTAÇÃO E CREDENCIAMENTO...

ÍNDICE EDITAL...5 _...5 1OBJETO...5 2DO REGISTRO DE PREÇOS...5 3CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO...6 4REPRESENTAÇÃO E CREDENCIAMENTO... ÍNDICE EDITAL...5 _...5 1OBJETO...5 2DO REGISTRO DE PREÇOS...5 3CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO...6 4REPRESENTAÇÃO E CREDENCIAMENTO...6 5ESCLARECIMENTO E IMPUGNAÇÃO DO ATO CONVOCATÓRIO...7 6ENVIO DA PROPOSTA

Leia mais

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO.

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO. IFRJ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 03/2014 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA LICENCIAMENTO DO PARQUE COMPUTACIONAL DO IFRJ. Página 1 de 67 RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL PELA INTERNET REITORIA PREGÃO ELETRÔNICO

Leia mais

CARTILHA FORNECEDOR ENDEREÇO PARA ENVIO DE DOCUMENTOS:

CARTILHA FORNECEDOR ENDEREÇO PARA ENVIO DE DOCUMENTOS: CARTILHA FORNECEDOR ENDEREÇO PARA ENVIO DE DOCUMENTOS: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul Setor de Licitações Rua Mário Linck, nº. 352, Centro Almirante Tamandaré do Sul/RS CEP 99523-000

Leia mais

Edital de convite para

Edital de convite para CÂMARA MUNICIPAL DE ARVOREZINHA EDITAL DE CONVITE N.º 004/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 006/2014 TIPO MENOR PREÇO POR ITEM ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO E ABERTURA DOS ENVELOPES DA DOCUMENTAÇÃO: 13/11/2014,

Leia mais

EDI TAL. PREGÃO ELETRÔNICO N.º 2014/0024 Processo n.º 01.148083.14.38

EDI TAL. PREGÃO ELETRÔNICO N.º 2014/0024 Processo n.º 01.148083.14.38 EDI TAL PREGÃO ELETRÔNICO N.º 2014/0024 Processo n.º 01.148083.14.38 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONTROLE E COMBATE DE PRAGAS URBANAS ENGLOBANDO: DESRATIZAÇÃO,

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 2014.12000662. DATA DE REALIZAÇÃO: 16/04/2014. Horário: 08:30 (oito horas e trinta minutos)

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 2014.12000662. DATA DE REALIZAÇÃO: 16/04/2014. Horário: 08:30 (oito horas e trinta minutos) PREGÃO ELETRÔNICO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 2014.12000662 DATA DE REALIZAÇÃO: 16/04/2014. Horário: 08:30 (oito horas e trinta minutos) Objeto: Contratação por um período de 12 (doze) meses, de empresa especializada

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 114/2013 OBJETO: AQUISIÇÃO DE AUTOCLAVE DIGITAL, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 14/10/2013 15h00min. LIMITE PARA

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO - 3ª REGIÃO PE 49/2010

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO - 3ª REGIÃO PE 49/2010 O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO, mediante a utilização de recursos de tecnologia da informação - INTERNET, por intermédio de um dos Pregoeiros designados pela Portaria 27/2008, torna público

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA

ESTADO DO CEARÁ MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº. 017/2013 Processo nº 21199/2012-8 A, com sede na Rua Assunção, nº. 1100, José Bonifácio, em Fortaleza-Ceará, CEP 60.050-011, por intermédio do Pregoeiro

Leia mais

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO SELEÇÃO PÚBLICA Nº: 075/2015 PROCESSO Nº 6389/2015/FAPEPE INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO DATA MÁXIMA PARA ENVIO DA PROPOSTA ELETRÔNICA: 05/06/2015 às 16H00min. DATA SESSÃO DE

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO SESC/PA Nº 15/00086 PG EDITAL

PREGÃO ELETRÔNICO SESC/PA Nº 15/00086 PG EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO SESC/PA Nº 15/00086 PG EDITAL O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO REGIONAL NO ESTADO DO PARÁ, entidade de direito privado, sem fins lucrativos, comunica a realização de licitação

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICIPIO DE ITATIBA DO SUL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 003/2013

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICIPIO DE ITATIBA DO SUL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 003/2013 EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 003/2013 O Município de Itatiba do Sul, Estado do Rio Grande do Sul, torna público para o conhecimento dos interessados, que em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93

Leia mais

ANEXO VI ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DIRAT/DESEG-200./..., OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS PARA USO EM MARCENARIA.

ANEXO VI ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DIRAT/DESEG-200./..., OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS PARA USO EM MARCENARIA. PREGÃO Nº 011/2007 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DIRAT/DESEG-200./..., OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS PARA USO EM MARCENARIA. Processo nº 041.000.045/2007. VALIDADE: 12

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE RORAIMA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO N.º 004/2015 - ALTERADO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE RORAIMA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO N.º 004/2015 - ALTERADO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE RORAIMA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO N.º 004/2015 - ALTERADO LOTES RESERVADOS À PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA DE MICROEMPRESS (ME) E EMPRESAS DE PEQUENO

Leia mais

DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005.

DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005. DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no artigo 15, 3º da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e artigo 11 da Lei Federal nº 10.520, de 17 de julho

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 2926- CNPJ: 13.959.466/1-6 Tel: 2732683178 Fax: 273268376 Site: Pregão Presencial Nº 6/214 LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS PARA ATENDER A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE POR UM PERÍODO DE DE (6)

Leia mais

CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO

CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397 /

Leia mais

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 40/2012 PROCESSO Nº 00190.024252/2012-86 A Diretoria de Gestão Interna da Controladoria-Geral da União da Presidência

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/2011 Processo 7.497/08/2011-EOF A JUSTIÇA

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02 (CONVÊNIO MTE/SPPE/CODEFAT No. 003/2007 DIEESE) O DEPARTAMENTO INTERSINDICAL DE ESTATÍSTICA E ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS - DIEESE, CNPJ n.º 60.964.996/0001-87,

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA. Núcleo de Licitação. Núcleo de Licitação

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA. Núcleo de Licitação. Núcleo de Licitação TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA Núcleo de Licitação Processo Administrativo n o TJ-ADM-2014/22054 P R E G Ã O E L E T R Ô N I C O N º 0 5 6 / 2 0 1 4 Objeto Contratação de empresa para fornecimento

Leia mais

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO.

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO. IFRJ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 02/2014 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA PARA ATENDER A DEMANDA DO IFRJ. Página 1 de 75 RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL

Leia mais

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO.

Fls.: Rubrica: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO. IFRJ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 19/2012 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE AVALIAÇÃO PATRIMONIAL E INVENTÁRIO PARA ATENDER AS DEMANDAS DO IFRJ Página 1 de 61 RECIBO DE

Leia mais

SESSÂO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona n.º 1.200, 7º andar São Paulo SP Horário: 10h30 horas do dia 03 de Agosto de 2009

SESSÂO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona n.º 1.200, 7º andar São Paulo SP Horário: 10h30 horas do dia 03 de Agosto de 2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD. PAULISTA CEP

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA PROCESSO LICITATÓRIO Nº014/2014 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº001/2014 TIPO: MAIOR OFERTA GABINETE DO PREFEITO DATA, HORÁRIO, E LOCAL DE RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS: 11 de

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2013 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 19/03/2013 HORÁRIO: 10:00 Horas LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro

Leia mais

www.fundacaoaraucaria.org.br 2

www.fundacaoaraucaria.org.br 2 EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE 02/2013 Serviços de Auditoria 1. DO PREÂMBULO 1.1. A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, estabelecida em Curitiba, Av. Comendador Franco,

Leia mais

INSTITUIÇÃO DE COOPERAÇÃO INTERMUNICIPAL DO MÉDIO PARAOPEBA i-cismep

INSTITUIÇÃO DE COOPERAÇÃO INTERMUNICIPAL DO MÉDIO PARAOPEBA i-cismep INSTITUIÇÃO DE COOPERAÇÃO INTERMUNICIPAL DO MÉDIO PARAOPEBA i-cismep EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 141/2014 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 091/2014 OBJETO: Registro de preços para futura e eventual

Leia mais