Manifesta apelo no sentido da regulamentação em nível municipal da atividade entrega de mercadorias por motos (motofrete)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manifesta apelo no sentido da regulamentação em nível municipal da atividade entrega de mercadorias por motos (motofrete)"

Transcrição

1 Sr. Presidente, Srs.Vereadores, Sras. Vereadoras: MOÇÃO DE APELO Manifesta apelo no sentido da regulamentação em nível municipal da atividade entrega de mercadorias por motos (motofrete) Considerando que por tratar de questões prementes, nasce a obrigatoriedade por parte do Poder Público Municipal de estar intervindo e sanando em caráter de urgência, os reais problemas que vem privando e preocupando as entregas e entregadores de mercadorias por falta de regulamentação; Considerando que é importante salientar que o Art. 139-B do Código de Trânsito Brasileiro prevê a possibilidade de regulamentação para as atividades do motofrete na esfera Municipal; Considerando que essa norma que vem sendo regulamentada em nível municipal por diversas localidades brasileiras, institui a obrigatoriedade de curso de especialização destinado a profissionais em transporte entrega de mercadorias (motofretista) que exerçam atividades remuneradas na condução de motocicletas e motonetas e estabelece requisitos mínimos de segurança para o transporte remunerado de cargas (motofrete) em motociclistas e motoneta; Considerando que com o adensamento do trânsito nos últimos anos em todo país, a profissão de Moto-frete, surgiu a princípio para dar mais agilidade no transporte de pequenas mercadorias, mas hoje se tornou uma das profissões mais comuns no Brasil; Considerando que o reconhecimento dessa classe trabalhadora como profissionais é motivada pelas grandes mudanças no mercado de trabalho brasileiro nas últimas décadas, principalmente na questão econômica, pois a adesão do serviço diminui consideravelmente os custos

2 para as empresas e até mesmo para pessoa física que necessitam desse tipo de entrega; Considerando que a justificativa dessa propositura é o fato de que nossa legislação municipal deve regulamentar o serviço remunerado de transporte de pequenas cargas denominado MOTOFRETE, disciplinando sua operação em consonância com a legislação federal; Considerando que o PROJETO DE LEI sobre a regulamentação da atividade entrega de mercadorias por moto (motofrete) profissional segue em anexo, é que: Submeto ao Plenário esta MOÇÃO DE APELO ao Exmo.Sr.Prefeito Municipal no sentido de que envie Projeto de Lei a esta Casa estabelecendo regulamentação no município de São Carlos da atividade entrega de mercadorias por motos (motofrete). Sala das sessões, 05 de junho de PAULO TAÚ Vereador PSDB Anexo

3 Este Projeto de Lei apresentado para Prefeitura Municipal de São Carlos, através da Secretaria responsável, onde se espera que seja apreciado e devolvido para essa Casa, afim de que seja Disciplinado o serviço remunerado de transporte de pequenas cargas, mediante a utilização de veículos motocicletas e motonetas ou triciclos, denominado MOTOFRETE, no município de São Carlos/SP, autorizando a delegação à Secretaria Municipal de Transporte ( SMT ) e da outras providências. Projeto de lei Disciplina o serviço remunerado de transporte de pequenas cargas, mediante a

4 utilização de veículos motocicletas e motonetas ou triciclos, denominado MOTOFRETE, no município de São Carlos/SP, autoriza a delegação à Secretaria Municipal de Transporte (SMT) e da outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE São Carlos, nos termos da Lei Orgânica do Município de São Carlos, faz saber que foi encaminhado para apreciação e votação da Câmara Municipal a seguinte lei: Art. 1º- O Transporte remunerado de pequenas cargas em motocicletas e motonetas ou triciclos, denominado MOTOFRETE, na cidade de São Carlos/SP, deverá atender ao disposto nesta lei. 1º- Entende-se por pequenas cargas os objetos, documentos, alimentos, medicamentos ou animais, que acondicionados em compartimento próprio instalados no veículo (baús) ou preso na estrutura do veículo (grelhas ou suportes), mochilas ou bolsas utilizadas pelo condutor, ou ainda, em carro lateral ( sidecar ),

5 possuam volume e massa compatíveis com a estrutura do veículo, observados os limites e dimensões estipuladas por Legislação Federal e Estadual. 2º- Será considerado transporte remunerado a entrega de pequenas cargas prestado a terceiros de forma autônoma, por empresas especializadas ou cooperativas legalmente constituídas, mediante remuneração, e ainda o transporte de cargas para o consumidor final de produtos ou serviços, ainda que a remuneração esteja embutida no preço final do produto ou da prestação de serviço. Art. 2º- Fica vedado o transporte de combustíveis inflamáveis, tóxicos ou produtos que por sua natureza possam oferecer riscos à saúde ou à segurança das pessoas e ao meio ambiente, e de galões, com exceção de botijões de gás com capacidade máxima de 13 Kg (treze quilos) e de galões contendo água mineral com capacidade máxima de 20 (vinte) litros, desde que com auxílio de sidecar ou outro dispositivo devidamente aprovado e homologado pelos Órgãos Competentes. Art. 3º- O serviço de transporte remunerado de pequenas cargas denominado MOTOFRETE poderá ser explorado por Pessoa Física condutor autônomo ou Pessoa Jurídica, constituída sob a forma de micro empresário individual, sociedade empresarial, associação ou cooperativa, desde que tenha Autorização de Tráfego expedida pela Secretaria Municipal de Transito ( SMT ) Art. 4º- O serviço deverá ser prestado com motocicletas, motonetas ou triciclos registrados, na cidade de São Carlos/SP, em nome do autorizatário ou de terceiros, na espécie carga e categoria aluguel. 1º- Todo e qualquer condutor de Motofrete credenciado deverá utilizar o Colete de Segurança nos termos de regulamentação do CONTRAN.

6 2º- A condução de Motofrete deverá ser efetuado com capacete dotado de dispositivos retrofletivos conforme regulamentação do CONTRAN. Art. 5º- Fica autorizado o Poder Executivo Municipal a delegar à Secretaria Municipal de Transito - SMT o gerenciamento do transporte remunerado de pequenas cargas em motocicletas, motonetas ou triciclos, denominado MOTOFRETE, efetuando e controlando o cadastramento dos autorizatários, dos condutores e veículos, bem como fiscalizando-os em conjunto com a Polícia Militar. Parágrafo único. A SMT fixará, por meio de Resolução, seus preços públicos para emissões dos seguintes documentos: I - Alvará Anual de Tráfego; e II - Alteração cadastral que implique na confecção de outro Alvará de Tráfego. Art. 6º- A Secretaria Municipal de Transito - SMT somente poderá expedir Autorização de Tráfego para exploração do serviço de transporte remunerado de pequenas cargas denominado MOTOFRETE após o preenchimento dos seguintes requisitos: I Pessoa Física: a) ter no mínimo 21 anos de idade; b) possuir habilitação na categoria A, por pelo menos 02 (dois) anos, na forma do art. 147 do CTB; c) ser aprovado em curso especializado, na forma regulamentada pelo CONTRAN; d) apresentar certidão negativa criminal emitida pelo Fórum; e) apresentar inscrição municipal completa como condutor autônomo e sua respectiva regularidade;

7 f) apresentar documento do veículo que será utilizado no serviço e g) apresentar certidão comprobatória de regularidade fiscal expedida pela Prefeitura Municipal. II Pessoa Jurídica: a) dispor de sede no município de São Carlos; b) apresentar inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica CNPJ; c) apresentar certidão comprobatória de regularidade fiscal expedida pela Prefeitura Municipal; d) apresentar relação de condutores, observando os requisitos exigidos no inciso I deste artigo; e e) apresentar documentos dos veículos a serem utilizados no serviço. 1º- O Alvará de Tráfego deverá ser renovado anualmente mediante prévia convocação da Secretaria Municipal de Transito - SMT, devendo além de apresentar os documentos contidos no caput deste artigo, os seguintes documentos: I - Alvará de Tráfego do ano anterior e II - recolhimento de guia da SMT referente a renovação de Alvará. 2º - O Alvará de Tráfego não será renovado se o Autorizatário apresentar débitos junto à Secretaria Municipal de Transportes. Art. 7º- Os veículos descritos pela atividade regulamentada pela presente Lei deverão atender ainda, os seguintes requisitos: I - Ser registrado no município de São Carlos/SP com o respectivo licenciamento em ordem;

8 II - Ter no máximo 10 (dez) anos de fabricação; III - Ser aprovado em vistoria realizada pelo DETRAN quanto aos equipamentos obrigatórios e de segurança; IV - Atender as demais Legislações Federais e Estaduais e ainda normas editadas pelo Conselho Nacional de Trânsito CONTRAN; V - Dispor de protetor de motor mata-cachorro; VI - Aparador de linha antena corta pipa; VII- E dispositivo de transporte de carga regulamentado pelo CONTRAN. Art. 8º- Fica permitido aos prestadores de serviços regulados nesta Lei, a utilização dos compartimentos e carros laterais ( sidecar ) instalados no veículo para veiculação de propaganda comercial, institucional e eleitoral. 1º- Tratando-se de propaganda eleitoral, deverá estar de acordo com a legislação eleitoral vigente. 2º- É vedada a colocação de propagandas de cigarros, materiais ligados ao tabagismo ou entorpecentes, literatura pornográfica ou atentatória a moral. Art. 9º- O não cumprimento das exigências e condições estabelecidas por esta Lei e demais normas complementares sujeitarão o responsável, Pessoa Física ou Jurídica, às seguintes penalidades: I Multa; II Impedimento de Circulação; III Apreensão do Veículo e IV Revogação do Alvará de Tráfego.

9 Parágrafo único. Compete à SMT a aplicação das penalidades previstas neste regulamento. Art. 10- As multas serão aplicadas aos autorizatários do serviço de pequenas cargas, mediante a utilização de veículos motocicletas, motonetas e triciclos pelas práticas das infrações abaixo elencadas e corresponderão a determinado número de UFESP, graduados de acordo com o grupo a qual pertençam, e cujos valores serão definidos por Decreto. I - São infrações do Grupo I: a) Trajar-se inadequadamente; b) Deixar de tratar com polidez e urbanidade demais autorizatários, condutores e populares; c) Descumprir determinações da SMT; e d) Deixar de comunicar à SMT, alteração de endereço ou quaisquer outros dados cadastrais. II São infrações do Grupo II: a) Deixar de portar no veículo Alvará ou documento hábil; b) Deixar de tratar com polidez e urbanidade agentes de fiscalização; c) Deixar de afixar no veículo, no local determinado, os documentos exigidos; d) Deixar de apresentar quando solicitado os documentos e/ou equipamentos regulamentares à Fiscalização; e e) Estar com o veículo fora dos padrões deste Regulamento e demais normas referentes ao transporte de pequenas cargas, mediante utilização de veículos motocicletas, motonetas e triciclos. III São infrações do Grupo III: a) Permitir que pessoa não inscrita no Registro Cadastral de Condutor ou com o Certificado de Registro suspenso, cassado, vencido ou em nome de outro titular, dirija o veículo;

10 b) Dirigir em situações que ofereçam riscos à segurança de terceiros; c) Prestar serviço com o veículo em más condições de conservação, funcionamento ou segurança; d) Prestar serviço com o Alvará de Tráfego vencido; e) Efetuar transporte remunerado de passageiro; f) Efetuar transporte de cargas proibidas por leis ou regulamentos; g) Agredir verbal ou fisicamente titulares, condutores, populares ou agentes de fiscalização; h) Encontrar-se o condutor em estado de embriaguez, ou sob efeito de substâncias tóxicas, prestando serviços ou na iminência de prestá-los e i) Transportar carga em desacordo com os requisitos legais. 1 - No caso de reincidência da mesma infração, no prazo inferior a 90 (noventa) dias, o valor da multa será dobrada, ou seja, multiplicada por 02 (dois). 2 - O Autorizatário Pessoa Jurídica, constituído sob a forma de micro empresário individual, sociedade empresarial, associação ou cooperativa, responderá solidariamente pelas penalidades impostas por atos infracionais praticados por seus empregados, associados ou cooperados motofretista. Art. 11- A apreensão do veículo poderá se dar quando houver prestação do serviço com o veículo em más condições de conservação, funcionamento ou segurança, lavrando-se o respectivo Auto de Recolhimento e Remoção de Veículo de Transportes Especiais. Parágrafo único. A liberação do veículo ficará condicionada ao pagamento de todas as quantias devidas pelo infrator bem como a adequação do veículo. Art. 12- A penalidade de Impedimento de Circulação do veículo nos serviços de transporte de pequenas cargas, mediante a

11 utilização de veículos motocicletas, motonetas ou triciclos, será aplicada nos seguintes casos: I - Quando o veículo tiver a sua vida útil vencida e II - Quando o veículo perder as condições de trafegabilidade. Art. 13- A Revogação da Autorização dar-se-á por razões de interesse público, ou ainda quando o titular: I - Deixar de renovar o Alvará do veículo, na ocasião determinada e após a devida notificação legal; II - For condenado, em sentença transitada em julgamento, pela prática de um dos crimes de roubo, lesão corporal, homicídio, extorsão, sequestro ou cárcere privado, extorsão mediante sequestro, corrupção de menores, atentado violento ao pudor, rapto, estupro, quadrilha ou bando, tráfico de drogas e crimes contra a economia popular; III - Deixar de efetuar o recolhimento das multas impostas; IV - Reiteradamente descumprir as normas prescritas nesta Lei ou em regulamentos ou determinações da SMT; e V - Estiver utilizando nos serviços, veículo impedido de circular. Art. 14- A aplicação das penalidades previstas nesta Lei não se confundem com as previstas em outras legislações, como também, não elidem quaisquer responsabilidades de natureza civil ou criminal perante terceiros. Art. 15- O procedimento administrativo para aplicação de penalidades, a forma e prazos para o exercício do Direito de Defesa, recursos e julgamentos serão estabelecidos por meio de Decreto. Art. 16- As exigências contidas nesta Lei serão objeto de regulamentação no prazo máximo de 90 (noventa) dias, sendo que após a publicação do regulamento, os proprietários terão um prazo de 90 (noventa) dias para se adequarem às novas regras.

12 Art. 17- As despesas decorrentes da presente Lei correrão por conta do orçamento vigente, suplementadas se necessário. Art. 18- Revoga-se as disposições em contrários. Art. 19- Esta lei entra em vigor na data de sua publicação. PAULO TAÚ Vereador PSDB

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Seção I Do Objeto

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Seção I Do Objeto CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Seção I Do Objeto Art. 1.º O presente regulamento tem por objeto disciplinar as condições para a exploração dos serviços de transporte de pequenas cargas, mediante

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 2.133, DE 2015 (Do Sr. Mário Negromonte Jr.)

PROJETO DE LEI N.º 2.133, DE 2015 (Do Sr. Mário Negromonte Jr.) *C0054514A* C0054514A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 2.133, DE 2015 (Do Sr. Mário Negromonte Jr.) Altera a Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997, para dispor sobre a periodicidade da inspeção

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2007. (Do Sr. Homero Pereira) O Congresso Nacional decreta:

PROJETO DE LEI Nº, DE 2007. (Do Sr. Homero Pereira) O Congresso Nacional decreta: PROJETO DE LEI Nº, DE 2007 (Do Sr. Homero Pereira) Altera a Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997, que institui o Código de Trânsito Brasileiro, e estabelece regras gerais para a regulação dos serviços

Leia mais

LEI Nº 237/2010 de 07 de Dezembro de 2010

LEI Nº 237/2010 de 07 de Dezembro de 2010 LEI Nº 237/2010 de 07 de Dezembro de 2010 Súmula: Dispõe Sobre O Serviço de Moto-Táxi no Município Itanhangá MT, e dá Outras Providências. O Prefeito Municipal de Itanhangá, Sr. Vanderlei Proenço Ribeiro,

Leia mais

PARECER Nº, DE 2009. RELATOR: Senador EXPEDITO JÚNIOR I RELATÓRIO

PARECER Nº, DE 2009. RELATOR: Senador EXPEDITO JÚNIOR I RELATÓRIO PARECER Nº, DE 2009 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre o Substitutivo da Câmara dos Deputados ao Projeto de Lei do Senado nº 203, de 2001 (PL. nº 06302, de 2002, na Câmara), que regulamenta

Leia mais

LEI N 1.051, DE 25 DE ABRIL DE 2005

LEI N 1.051, DE 25 DE ABRIL DE 2005 LEI N 1.051, DE 25 DE ABRIL DE 2005 Dispõe sobre autorização para funcionamento dos serviços de transporte individual de passageiros em motocicletas de aluguel (moto - taxis) no Município de Bonito/MS

Leia mais

GABINETE DO PREFEITO LEI Nº. 370 /009 DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009.

GABINETE DO PREFEITO LEI Nº. 370 /009 DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009. LEI Nº. 370 /009 DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009. INSTITUI O SISTEMA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ATRAVÉS DE MOTOCICLETAS NO MUNICÍPIO DE URUPÁ/RO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Prefeito

Leia mais

LEI Nº 12.006, DE 29 DE JULHO DE 2009 1

LEI Nº 12.006, DE 29 DE JULHO DE 2009 1 LEI Nº 12.006, DE 29 DE JULHO DE 2009 1 Acrescenta artigos à Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997, que institui o Código de Trânsito Brasileiro, para estabelecer mecanismos para a veiculação de mensagens

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo DECRETO Nº. 3.477 DE 30 DE MAIO DE 2011

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo DECRETO Nº. 3.477 DE 30 DE MAIO DE 2011 HOMOLOGA O REGULAMENTO DO SERVIÇO DE TRANSPORTE ESCOLAR REMUNERADO NO MUNICÍPIO DE ARACAJU. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE ARACAJU, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pelo art. 120, inciso

Leia mais

DECRETO Nº 728, DE 14 DE MARÇO DE 2016

DECRETO Nº 728, DE 14 DE MARÇO DE 2016 1 Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 728, DE 14 DE MARÇO DE 2016 Regulamenta a Lei nº 9.498, de 19 de novembro de 2014, que dispõe sobre a cobrança de preço público decorrente da prestação de serviços de

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO DESPACHO 2007 N O PROJETO DE LEI Nº 1310/2007 INSTITUI O SERVIÇO E COLETA DE PEQUENAS CARGAS, MEDIANTE UTILIZAÇÃO DE MOTOCICLETAS, NO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, DENOMINADO MOTO-FRETE, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

DECRETA: CAPÍTULO I DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE FRETAMENTO Seção I Disposições preliminares

DECRETA: CAPÍTULO I DO TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE FRETAMENTO Seção I Disposições preliminares Disciplina a autorização para prestação de serviço fretado de transporte rodoviário intermunicipal de pessoas e altera o Decreto nº 32.656, de 14 de março de 1991. GOVERNADOR DO ESTADO DE MINAS GERAIS,

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 761, DE 2011 (Do Sr. Padre Ton)

PROJETO DE LEI N.º 761, DE 2011 (Do Sr. Padre Ton) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 761, DE 2011 (Do Sr. Padre Ton) Altera a redação do inciso VI do art. 244 da Lei nº 9.503, de 1997, que institui o Código de Trânsito Brasileiro. DESPACHO: ÀS COMISSÕES

Leia mais

L E I n º 5 3 9 / 2 0 1 2 d e 0 6 d e j u l h o d e 2 0 1 2.

L E I n º 5 3 9 / 2 0 1 2 d e 0 6 d e j u l h o d e 2 0 1 2. L E I n º 5 3 9 / 2 0 1 2 d e 0 6 d e j u l h o d e 2 0 1 2. Disciplina o serviço de transporte de passageiros em veículos de aluguel (táxi). A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE ITAQUIRAÍ, ESTADO DE MATO GROSSO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás PROJETO-DE-LEI Nº 1.527, DE 14 DE AGOSTO 1998.

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás PROJETO-DE-LEI Nº 1.527, DE 14 DE AGOSTO 1998. PROJETO-DE-LEI Nº 1.527, DE 14 DE AGOSTO 1998. Disciplina o serviço de mototáxi no Município de Morrinhos, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE MORRINHOS, Faço saber que a Câmara Municipal

Leia mais

LEI Nº 3.502 DE 26 DE NOVEMBRO DE 2007 PUBLICADA NO DOM DE 29.11.2007

LEI Nº 3.502 DE 26 DE NOVEMBRO DE 2007 PUBLICADA NO DOM DE 29.11.2007 LEI Nº 3.502 DE 26 DE NOVEMBRO DE 2007 PUBLICADA NO DOM DE 29.11.2007 Cria o Sistema de Registro e Fiscalização dos veículos de tração animal e de seus condutores e dá outras providências. O PREFEITO DO

Leia mais

LEI Nº 2.760, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2010.

LEI Nº 2.760, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2010. LEI Nº 2.760, DE 20 DE DEZEMBRO DE 2010. Fl.-01 INSTITUI E REGULAMENTA NO MUNICÍPIO DE CAPÃO DA CANOA O SISTEMA DE TRANSPORTE DE ENCOMENDAS E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ATRAVÉS DE MOTOCICLETAS E SIMILARES,

Leia mais

A Câmara Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei:

A Câmara Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 1.714, DE 25 DE ABRIL DE 2011 Institui o Sistema de Estacionamento Rotativo pago, nas vias e logradouros públicos denominado Zona Azul São José dos Pinhais. A Câmara Municipal de São José dos Pinhais,

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº. 14/2013.

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº. 14/2013. PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº. 14/2013. ESTABELECE NORMAS PARA CONCESSÃO DE ALVARÁ DE LICENÇA DE LOCALIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DE FEIRAS E EVENTOS COMERCIAIS, DE CARÁTER ITINERANTE E (OU) TEMPORÁRIO NO

Leia mais

PORTARIA Nº 131, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2008

PORTARIA Nº 131, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2008 PORTARIA Nº 131, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2008 Estabelece os requisitos técnicos e procedimentos para credenciamento de empresas prestadoras de serviço de vistoria em veículos automotores. O DIRETOR DO DEPARTAMENTO

Leia mais

Regulamenta o Serviço de Motofrete do Município de Belo Horizonte.

Regulamenta o Serviço de Motofrete do Município de Belo Horizonte. Sexta-feira, 30 de Dezembro de 2011 Ano XVII - Edição N.: 3979 Poder Executivo Secretaria Municipal de Serviços Urbanos - BHTRANS PORTARIA BHTRANS DPR Nº 129/2011 DE 29 DE DEZEMBRO DE 2011 Regulamenta

Leia mais

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe confere a Lei Orgânica do Município, e

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe confere a Lei Orgânica do Município, e DECRETO Nº 063/2013-GP. Regulamenta e implementa a Lei Complementar Federal n 123 de 14 de Dezembro de 2006 e a Lei Geral Municipal da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte n 216, de 18 de dezembro

Leia mais

Procedimento Preparatório Nº 000382.2010.19.000/8 REPRESENTADO: JOSÉ CARLOS GOMES DE FREITAS (FREITAS REVENDEDORES)

Procedimento Preparatório Nº 000382.2010.19.000/8 REPRESENTADO: JOSÉ CARLOS GOMES DE FREITAS (FREITAS REVENDEDORES) Procedimento Preparatório Nº 000382.2010.19.000/8 REPRESENTADO: JOSÉ CARLOS GOMES DE FREITAS (FREITAS REVENDEDORES) TERMO DE AJUSTE DE CONDUTA nº 585/2010 CONSIDERANDO o disposto no art. 6º, XX c/c 84,

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 4.688, DE 07 DE DEZEMBRO DE 2012.

LEI MUNICIPAL Nº 4.688, DE 07 DE DEZEMBRO DE 2012. -Disciplina o exercício das atividades dos profissionais de moto-táxi, dispondo sobre regras de segurança na prestação de serviços de transporte remunerado em motocicletas, no município de Tatuí e dá outras

Leia mais

PROJETO DE LEI 01-00105/2015 do Vereador Salomão Pereira (PSDB)

PROJETO DE LEI 01-00105/2015 do Vereador Salomão Pereira (PSDB) Secretaria Geral Parlamentar Secretaria de Documentação Equipe de Documentação do Legislativo PROJETO DE LEI 01-00105/2015 do Vereador Salomão Pereira (PSDB) Dispõe Introdução Municipal da Lei Federal

Leia mais

DECRETO N.º 10.379 DE 12 DE AGOSTO DE 2014

DECRETO N.º 10.379 DE 12 DE AGOSTO DE 2014 DECRETO N.º 10.379 DE 12 DE AGOSTO DE 2014 Regulamenta os serviços de transporte remunerado de pequenas cargas mediante a utilização de motocicletas e motonetas, denominado moto-frete, de acordo com a

Leia mais

LEI Nº 729/ 13. DE 26 DE 06 DE 2013. A CÂMARA MUNICIPAL DE PIRENÓPOLIS, ESTADO DE GOIÁS aprovou e eu, PREFEITO MUNICIPAL, sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº 729/ 13. DE 26 DE 06 DE 2013. A CÂMARA MUNICIPAL DE PIRENÓPOLIS, ESTADO DE GOIÁS aprovou e eu, PREFEITO MUNICIPAL, sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 729/ 13. DE 26 DE 06 DE 2013. DISPÕE SOBRE A REGULAMENTAÇÃO DO EXERCÍCIO DAS ATIVIDADES DOS PROFIS SIONAIS EM TRANSPORTE DE PASSAGEI ROS ATRAVÉS DE MOTOCICLETAS NO MUNICÍPIO DE PIRENÓPOLIS E DÁ

Leia mais

LEI Nº 4.201, DE 02 DE SETEMBRO DE 2008 DODF de 04.09.2008 (Autoria do Projeto: Poder Executivo)

LEI Nº 4.201, DE 02 DE SETEMBRO DE 2008 DODF de 04.09.2008 (Autoria do Projeto: Poder Executivo) LEI Nº 4.201, DE 02 DE SETEMBRO DE 2008 DODF de 04.09.2008 (Autoria do Projeto: Poder Executivo) Dispõe sobre o licenciamento para o exercício de atividades econômicas e sem fins lucrativos no âmbito do

Leia mais

Estado de Mato Grosso do Sul A Pequena Cativante LEIN 1.195/2001

Estado de Mato Grosso do Sul A Pequena Cativante LEIN 1.195/2001 LEIN 1.195/2001 Institui o Serviço de Transporte Individual de Passageiros em Motocicletas de aluguel (Mototáxi) O Prefeito Municipal de Rio Brilhante, Estado de Mato Grosso do Sul, faz saber que a Câmara

Leia mais

NÚCLEO DE APOIO TÉCNICO PUBLICADO NO DOU DE 03/08/12 Alterada pela Res. Contran n. 414, de 2012. RESOLUÇÃO Nº 410, DE 2 DE AGOSTO DE 2012

NÚCLEO DE APOIO TÉCNICO PUBLICADO NO DOU DE 03/08/12 Alterada pela Res. Contran n. 414, de 2012. RESOLUÇÃO Nº 410, DE 2 DE AGOSTO DE 2012 NÚCLEO DE APOIO TÉCNICO PUBLICADO NO DOU DE 03/08/12 Alterada pela Res. Contran n. 414, de 2012. RESOLUÇÃO Nº 410, DE 2 DE AGOSTO DE 2012 Regulamenta os cursos especializados obrigatórios destinados a

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE PODER EXECUTIVO Governo do Município de Tobias Barreto

ESTADO DE SERGIPE PODER EXECUTIVO Governo do Município de Tobias Barreto Poder Executivo Lei Ordinária Sancionada em 13/09/2012 Adilson de Jesus Santos Prefeito Municipal LEI ORDINÁRIA Nº 0979/2012 De 13 de Setembro de 2012 (do PLO 013/2012 autor: Poder Executivo). EMENTA -

Leia mais

DE AUTOMÓVEIS DE ALUGUEL (TÁXIS), NO MUNICÍPIO

DE AUTOMÓVEIS DE ALUGUEL (TÁXIS), NO MUNICÍPIO 1 LEI Nº 1485/2014 DISPÕE SOBRE AS PERMISSÕES DE SERVIÇOS DE TRANSPORTE INDIVIDUAL DE PASSAGEIROS, ATRAVÉS DE AUTOMÓVEIS DE ALUGUEL (TÁXIS), NO MUNICÍPIO DE INHAÚMA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. A Câmara Municipal

Leia mais

LEI Nº 3.743, de 30 de novembro de 2012

LEI Nº 3.743, de 30 de novembro de 2012 LEI Nº 3.743, de 30 de novembro de 2012 EMENTA: Institui o Sistema de Estacionamento Rotativo Pago nas vias e logradouros públicos ora denominados ZONA AZUL no âmbito deste Município da Vitória de Santo

Leia mais

LEIS ESTADUAIS. LEI Nº 6.348 DE 17 DE DEZEMBRO DE 1991 (Publicada no Diário Oficial de 19/12/1991)

LEIS ESTADUAIS. LEI Nº 6.348 DE 17 DE DEZEMBRO DE 1991 (Publicada no Diário Oficial de 19/12/1991) LEIS ESTADUAIS LEI Nº 6.348 DE 17 DE DEZEMBRO DE 1991 (Publicada no Diário Oficial de 19/12/1991) Alterada pelas Leis nºs 6.697/94, 6.934/96, 7.981/01, 8.534/02, 8.542/02, 8.967/03, 9.430/05, 9.837/05.

Leia mais

PORTARIA Nº 22, DE 1º DE ABRIL DE 2008.

PORTARIA Nº 22, DE 1º DE ABRIL DE 2008. Sistema Integrado de Normas Jurídicas do Distrito Federal PORTARIA Nº 22, DE 1º DE ABRIL DE 2008. Estabelece normas complementares necessárias à aplicação da Lei nº 3.914, de 05 de dezembro de 2006, regulamentada

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE LEI COMPLEMENTAR N. 298, DE 28 DE ABRIL DE 2015 Altera a Lei Complementar n. 114, de 30 de dezembro de 2002, que Dispõe acerca do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores - IPVA. O GOVERNADOR

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU DECRETO N 11.368, DE 18 DE OUTUBRO DE 2.010 P. 34.777/06 Ap. 1.785/10 (EMDURB) Altera o Regulamento do Transporte Remunerado de Passageiros de Natureza Privada denominado FRETAMENTO, no Município de Bauru,

Leia mais

LEI Nº 977, DE 24 DE ABRIL DE 2014.

LEI Nº 977, DE 24 DE ABRIL DE 2014. LEI Nº 977, DE 24 DE ABRIL DE 2014. Regulamenta os serviços funerários no Município de Chapadão do Sul e dá outras providências. O Prefeito Municipal de Chapadão do Sul, Estado de Mato Grosso do Sul, no

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004.

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004. Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 5.054, DE 23 DE ABRIL DE 2004. Dispõe sobre o procedimento administrativo para aplicação de penalidades por infrações cometidas

Leia mais

Quarta-feira, 14 de Maio de 2014 N 628

Quarta-feira, 14 de Maio de 2014 N 628 LEI N 812 de 12 de maio de 2014. Institui a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e, a Ferramenta de Declaração Eletrônica de Serviços - DES, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE GUAPIMIRIM,,

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 101/2014. A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, Aprova: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

PROJETO DE LEI Nº 101/2014. A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, Aprova: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES PROJETO DE LEI Nº 101/2014 Dispõe sobre a Regulamentação para registro e funcionamento de Meios de Hospedagem no Município de Foz do Iguaçu, exceto Hotéis, Flats, Apart-Hotéis, Hotéis-Residência e Similares.

Leia mais

LEI Nº 11.427 DE 17 DE JANEIRO DE 1997

LEI Nº 11.427 DE 17 DE JANEIRO DE 1997 LEI Nº 11.427 DE 17 DE JANEIRO DE 1997 Dispõe sobre a conservação e a proteção das águas subterrâneas no Estado de Pernambuco e dá outras providências Capítulo I - Da conservação e proteção das águas subterrâneas

Leia mais

Decreto nº 50.446/09 Município de São Paulo. Foi publicado no Diário Oficial do Município de São Paulo o Decreto Nº 50.446, de 20 de fevereiro de

Decreto nº 50.446/09 Município de São Paulo. Foi publicado no Diário Oficial do Município de São Paulo o Decreto Nº 50.446, de 20 de fevereiro de Decreto nº 50.446/09 Município de São Paulo. Foi publicado no Diário Oficial do Município de São Paulo o Decreto Nº 50.446, de 20 de fevereiro de 2009 que regulamenta o transporte de produtos perigosos

Leia mais

DECRETO Nº 18.480 DE 21 DE FEVEREIRO DE 2000

DECRETO Nº 18.480 DE 21 DE FEVEREIRO DE 2000 DECRETO Nº 18.480 DE 21 DE FEVEREIRO DE 2000 Regulamenta a Lei nº 16.478/99, publicada no Diário Oficial da Cidade do Recife em 23.02.99 CAPÍTULO I OBJETIVO E CAMPO DE APLICAÇÃO Art. 1º Estas normas têm

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS DIRETORIA LEGISLATIVA LEI Nº 506, DE 2 DE DEZEMBRO DE 1999. (D.O.E. 07.12.1999 - N... Ano...)

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS DIRETORIA LEGISLATIVA LEI Nº 506, DE 2 DE DEZEMBRO DE 1999. (D.O.E. 07.12.1999 - N... Ano...) LEI Nº 506, DE 2 DE DEZEMBRO DE 1999. (D.O.E. 07.12.1999 - N.... Ano...) DISPÕE SOBRE O TRANSPORTE INDIVIDUAL DE PASSAGEIROS ATRAVÉS DE TÁXI. O PREFEITO MUNICIPAL DE MANAUS no uso das atribuições que lhe

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE OURO BRANCO ESTADO DE MINAS GERAIS Procuradoria Geral DECRETO Nº 6.487, DE 27 DE OUTUBRO DE 2011.

PREFEITURA MUNICIPAL DE OURO BRANCO ESTADO DE MINAS GERAIS Procuradoria Geral DECRETO Nº 6.487, DE 27 DE OUTUBRO DE 2011. DECRETO Nº 6.487, DE 27 DE OUTUBRO DE 2011. REGULAMENTA A UTILIZAÇÃO DA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFSE E DECLARAÇÃO FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NO MUNICÍPIO DE OURO BRANCO, E DÁ OUTRAS PRIVIDÊNCIAS.

Leia mais

PORTARIA Nº 68, DE 13 DE MARÇO DE 2012 RESOLVE:

PORTARIA Nº 68, DE 13 DE MARÇO DE 2012 RESOLVE: PORTARIA Nº 68, DE 13 DE MARÇO DE 2012 RESOLVE: O PRESIDENTE DA AGÊNCIA MUNICIPAL DE TRÂNSITO, TRANSPORTES E MOBILIDADE, no uso de suas atribuições legais conferidas pela Lei Complementar n 183, de 19

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE REDAÇÃO REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 4.732-D, DE 1998 Regulamenta a produção e comercialização

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE REDAÇÃO REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 4.732-D, DE 1998 Regulamenta a produção e comercialização COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE REDAÇÃO REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 4.732-D, DE 1998 Regulamenta a produção e comercialização de insumos, equipamento, material ou maquinaria destinados à fabricação,

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 396, DE 25 DE JANEIRO DE 2016

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 396, DE 25 DE JANEIRO DE 2016 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 396, DE 25 DE JANEIRO DE 2016 Altera a Resolução Normativa RN nº 124, de 30 de março de 2006, que dispõe sobre a aplicação de penalidades para as infrações à legislação dos

Leia mais

LEI Nº 9.503, DE 23 DE SETEMBRO DE 1997

LEI Nº 9.503, DE 23 DE SETEMBRO DE 1997 LEI Nº 9.503, DE 23 DE SETEMBRO DE 1997 Institui o Código de Trânsito Brasileiro. CAPÍTULO IX DOS VEÍCULOS Da Segurança dos Veículos Art. 105. São equipamentos obrigatórios dos veículos, entre outros a

Leia mais

Lei complementar Nº122, de 14 de Março de 2005 Autoria vereadores Jair Gomes de Toledo e Marilda Prado Yamamoto

Lei complementar Nº122, de 14 de Março de 2005 Autoria vereadores Jair Gomes de Toledo e Marilda Prado Yamamoto Lei complementar Nº122, de 14 de Março de 2005 Autoria vereadores Jair Gomes de Toledo e Marilda Prado Yamamoto Dispõe sobre a regulamentação de posicionamento de caçambas usadas na remoção de entulhos,

Leia mais

RESOLUÇÃO N.º 166/2008. O Secretário Municipal de Transportes, no uso de suas atribuições legais, e:

RESOLUÇÃO N.º 166/2008. O Secretário Municipal de Transportes, no uso de suas atribuições legais, e: RESOLUÇÃO N.º 166/2008 O Secretário Municipal de Transportes, no uso de suas atribuições legais, e: CONSIDERANDO as RESOLUÇÕES 219 DE 11/01/2007 e 251 de 24/09/2007 do CONSELHO NACIONAL DE TRÂNSITO - CONTRAN

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Mensagem nº 13, de 2012. Canoas, 27 de janeiro de 2012. A Sua Excelência o Senhor Vereador Dario Francisco da Silveira Presidente da Câmara Municipal de Canoas Canoas - RS Senhor Presidente, Na forma da

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES REGULAMENTARES

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES REGULAMENTARES Expediente nº 004161/17/CO/2013 Portaria SUP/DER-033-29/07/2013 Regulamenta os procedimentos pertinentes a autorização para a realização de provas ou competições desportivas, assim como de eventos em geral

Leia mais

PARECER Nº, DE 2009. RELATORA: Senadora ROSALBA CIARLINI

PARECER Nº, DE 2009. RELATORA: Senadora ROSALBA CIARLINI PARECER Nº, DE 2009 Da COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS, sobre o Substitutivo da Câmara dos Deputados ao Projeto de Lei do Senado nº 203, de 2001 (PL. nº 06302, de 2002, na Câmara), que regulamenta o exercício

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe confere a Lei Orgânica Municipal,

O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe confere a Lei Orgânica Municipal, DECRETO N.º 060 /2013. REGULAMENTA A NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NO MUNICÍPIO DE ARACATI E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACATI, no uso de suas atribuições legais, conforme lhe

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1.245/2015-GSF, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2015.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1.245/2015-GSF, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2015. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1.245/2015-GSF, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2015. Altera a Instrução Normativa nº 946/09 - GSF, que dispõe sobre o Cadastro de Contribuintes do Estado de Goiás- CCE. A SECRETÁRIA DE ESTADO

Leia mais

Integração dos Órgãos Municipais ao Sistema Nacional de Trânsito

Integração dos Órgãos Municipais ao Sistema Nacional de Trânsito 1º Seminário para a Municipalização do Trânsito Integração dos Órgãos Municipais ao Sistema Nacional de Trânsito SÉRGIO LUIZ PEROTTO Especialista em direito de trânsito Consultor de trânsito e mobilidade

Leia mais

REGULAMENTO DOS SERVIÇOS DE TRANSPORTE INDIVIDUAL DE PASSAGEIROS - TÁXI

REGULAMENTO DOS SERVIÇOS DE TRANSPORTE INDIVIDUAL DE PASSAGEIROS - TÁXI REGULAMENTO DOS SERVIÇOS DE TRANSPORTE INDIVIDUAL DE PASSAGEIROS - TÁXI CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES SEÇÃO I OBJETO Art. 1.º O presente Regulamento tem por objetivo disciplinar as condições para

Leia mais

RESOLUÇÃO CFFa nº 446, de 26 de abril de 2014 (*)

RESOLUÇÃO CFFa nº 446, de 26 de abril de 2014 (*) RESOLUÇÃO CFFa nº 446, de 26 de abril de 2014 (*) Dispõe sobre o registro de Pessoas Jurídicas nos Conselhos Regionais de Fonoaudiologia, e dá outras providências. O Conselho Federal de Fonoaudiologia-CFFa,

Leia mais

DECRETO Nº 5.130, DE 7 DE JULHO DE 2004

DECRETO Nº 5.130, DE 7 DE JULHO DE 2004 DECRETO Nº 5.130, DE 7 DE JULHO DE 2004 Regulamenta o art. 40 da Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003 (Estatuto do Idoso), e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições

Leia mais

PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS

PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS PARCELAMENTO ESPECIAL DO ICMS A Resolução da Secretária da Fazenda nº 108, publicada do DOE de hoje, institui o parcelamento especial dos débitos fiscais relativos ao ICMS decorrentes de fatos geradores

Leia mais

Secretaria de Assuntos Parlamentares

Secretaria de Assuntos Parlamentares Secretaria de Assuntos Parlamentares PROJETO DE LEI Dispõe sobre criação e uso de animais para atividades de ensino e pesquisa. O CONGRESSO NACIONAL decreta: Capítulo I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art.

Leia mais

Ano 52 São Paulo, sábado, 28 de julho de 2007 Número 138 Ano 52 São Paulo, sábado, 28 de julho de 2007 Número 138

Ano 52 São Paulo, sábado, 28 de julho de 2007 Número 138 Ano 52 São Paulo, sábado, 28 de julho de 2007 Número 138 Diário Oficial CIDADE DE SÃO PAULO Prefeito: GILBERTO KASSAB Ano 52 São Paulo, sábado, 28 de julho de 2007 Número 138 Ano 52 São Paulo, sábado, 28 de julho de 2007 Número 138 GABINETE DO PREFEITO Prefeito:

Leia mais

CASSAÇÃO DA CNH CARTEIRA NACIONAL DE HABILITAÇÃO

CASSAÇÃO DA CNH CARTEIRA NACIONAL DE HABILITAÇÃO CASSAÇÃO DA CNH CARTEIRA NACIONAL DE HABILITAÇÃO Em face das discussões já realizadas pelo CETRAN sobre o tema e também das dúvidas suscitadas tanto pelo DETRAN e mais recentemente pelo Chefe da 3ª Delegacia

Leia mais

LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998

LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998 LEI Nº 3.793 DE 30 DE DEZEMBRO DE 1998 DISPÕE SOBRE APROVAÇÃO DO REGIMENTO INTERNO DAS JUNTAS ADMINISTRATIVAS DE RECURSOS DE INFRAÇÕES JARI DO MUNICÍPIO DE CUIABÁ MT. O prefeito Municipal de Cuiabá-MT,

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS LEI MUNICIPAL N 1.063, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2009 DISPÕE SOBRE NORMAS A SEREM OBSERVADAS PELAS PESSOAS JURÍDICAS QUE PRESTAM SERVIÇOS DE RÁDIO TÁXI E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. A Câmara Municipal de aprovou

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Jari Terra de lutas e conquistas

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Jari Terra de lutas e conquistas LEI N.º 2.130 DE 4 DE NOVEMBRO DE 2015 LEI: Regulamenta o parágrafo 6º, do Art. 21, da Lei 579 de 09 de dezembro de 2003, instituindo os substitutos tributários. O Prefeito Municipal no uso de suas atribuições

Leia mais

Presidência da República Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 3.820, DE 11 DE NOVEMBRO DE 1960.

Presidência da República Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 3.820, DE 11 DE NOVEMBRO DE 1960. Presidência da República Subchefia para Assuntos Jurídicos Regulamento LEI Nº 3.820, DE 11 DE NOVEMBRO DE 1960. Cria o Conselho Federal e os Conselhos Regionais de Farmácia, e dá outras providências. O

Leia mais

CAPÍTULO I O Sistema Estadual de Vigilância Sanitária SEVISA e o Sistema de Informações em Vigilância Sanitária - SIVISA

CAPÍTULO I O Sistema Estadual de Vigilância Sanitária SEVISA e o Sistema de Informações em Vigilância Sanitária - SIVISA PORTARIA CVS Nº 01, de 22 de janeiro 2007 Dispõe sobre o Sistema Estadual de Vigilância Sanitária (SEVISA), define o Cadastro Estadual de Vigilância Sanitária (CEVS) e os procedimentos administrativos

Leia mais

Gabinete do Prefeito Lei nº 120/2009 de 27 de fevereiro de 2009.

Gabinete do Prefeito Lei nº 120/2009 de 27 de fevereiro de 2009. Lei nº 120/2009 de 27 de fevereiro de 2009. Dispõe sobre a utilização de motocicletas no transporte de passageiros no município de Nortelândia, e dá outras providencias. Faço saber que a Câmara Municipal,

Leia mais

LEI Nº 9413, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2010.

LEI Nº 9413, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2010. LEI Nº 9413, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2010. DISPÕE SOBRE O SERVIÇO DE TRANSPORTE DE PEQUENAS CARGAS, MEDIANTE A UTILIZAÇÃO DE MOTOCICLETAS OU MOTONETAS, DENOMINADO MOTOFRETE E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. Projeto

Leia mais

DECRETO Nº 297, DE 28 DE AGOSTO DE 2014.

DECRETO Nº 297, DE 28 DE AGOSTO DE 2014. DECRETO Nº 297, DE 28 DE AGOSTO DE 2014. "Dispõe sobre a instituição do Regime Especial de Escrituração Fiscal e Recolhimento relativos ao ISSQN e, Recadastramentos Fiscais Mobiliários e Imobiliários,

Leia mais

REGULAMENTO DO SISTEMA DE BILHETAGEM ELETRÔNICA

REGULAMENTO DO SISTEMA DE BILHETAGEM ELETRÔNICA REGULAMENTO DO SISTEMA DE BILHETAGEM ELETRÔNICA ESTE REGULAMENTO DISPÕE SOBRE A IMPLANTAÇÃO E OPERAÇÃO DO SISTEMA DE BILHETAGEM ELETRÔNICA NA REDE DE TRANSPORTE COLETIVO NÃO INTEGRADA DA REGIÃO METROPOLITANA

Leia mais

Estado de Mato Grosso Prefeitura Municipal de Aripuanã

Estado de Mato Grosso Prefeitura Municipal de Aripuanã LEI Nº. 820/2009. AUTORIA: VEREADORES SELUIR PEIXER REGHIN e JONAS CANARINHO. SÚMULA: DISPÕE SOBRE O SERVIÇO DE MOTO TAXI NO MUNICÍPIO DE ARIPUANÃ, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. A Câmara Municipal de Aripuanã

Leia mais

PREFEITURA DA CIDADE DE FLORIANÓPOLIS GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA DA CIDADE DE FLORIANÓPOLIS GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 055/2008 Regulamenta a Lei nº 7.486, de 07 de dezembro de 2007, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS, no uso das atribuições que lhe confere o art. 74, inciso III,

Leia mais

DECRETO N.º 5.432, DE 16 DE JULHO DE 2013. O PREFEITO MUNICIPAL DE FARROUPILHA, RS, no uso das atribuições que lhe confere a Lei, e

DECRETO N.º 5.432, DE 16 DE JULHO DE 2013. O PREFEITO MUNICIPAL DE FARROUPILHA, RS, no uso das atribuições que lhe confere a Lei, e Dispõe sobre a prestação dos serviços de vistorias e inspeções técnicas em veículos destinados aos serviços de transportes, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE FARROUPILHA, RS, no uso das

Leia mais

Departamento Estadual de Trânsito de Roraima D E T R A N/ RR

Departamento Estadual de Trânsito de Roraima D E T R A N/ RR PORTARIA N 189/08-GAB/DETRAN-RR Dispõe sobre o credenciamento e renovação de credenciamento de empresas para atividades de fornecimento de placas e tarjetas para veículos automotores junto ao DETRAN/RR

Leia mais

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 REGULAMENTA O SISTEMA DE SUPRIMENTOS NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O GOVERNADOR

Leia mais

PORTARIA Nº 133/2011-GS/SET, DE 19 DE OUTUBRO DE 2011.

PORTARIA Nº 133/2011-GS/SET, DE 19 DE OUTUBRO DE 2011. DOE Nº 12.567 Data: 20/10/2011 Alterada pelas Portarias nºs: 002/2012-GS/SET 059/2012-GS/SET PORTARIA Nº 133/2011-GS/SET, DE 19 DE OUTUBRO DE 2011. Dispõe sobre o credenciamento de contribuintes para recolhimento

Leia mais

Regulamenta a Categoria Táxi Preto para transporte individual remunerado de passageiros em veículo de aluguel no Município de São Paulo.

Regulamenta a Categoria Táxi Preto para transporte individual remunerado de passageiros em veículo de aluguel no Município de São Paulo. São Paulo, 16 de novembro de 2015 Portaria n.º 095/15-SMT.GAB. Regulamenta a Categoria Táxi Preto para transporte individual remunerado de passageiros em veículo de aluguel no Município de São Paulo. JILMAR

Leia mais

IPVA. Art. 155 - Compete aos Estados e ao

IPVA. Art. 155 - Compete aos Estados e ao Art. 155 - Compete aos Estados e ao Distrito Federal instituir impostos sobre: III - propriedade de veículos automotores; Art. 155 - Compete aos Estados e ao Distrito Federal instituir impostos sobre:

Leia mais

LEI Nº 3.741, DE 08/11/2013.

LEI Nº 3.741, DE 08/11/2013. LEI Nº 3.741, DE 08/11/2013. DISPÕE SOBRE O SISTEMA MUNICIPAL DE TRANSPORTE PÚBLICO DE ARACRUZ, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACRUZ, ESTADO DO ESPÍRITO SANTO; FAÇO SABER QUE A CÂMARA

Leia mais

MANUAL DE NORMAS FORMADOR DE MERCADO

MANUAL DE NORMAS FORMADOR DE MERCADO MANUAL DE NORMAS FORMADOR DE MERCADO VERSÃO: 01/7/2008 2/10 MANUAL DE NORMAS FORMADOR DE MERCADO ÍNDICE CAPÍTULO PRIMEIRO DO OBJETIVO 3 CAPÍTULO SEGUNDO DAS DEFINIÇÕES 3 CAPÍTULO TERCEIRO DO CREDENCIAMENTO

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO DAS MEDIDAS DE DEFESA SANITÁRIA ANIMAL

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO DAS MEDIDAS DE DEFESA SANITÁRIA ANIMAL LEI N. 1.486, DE 17 DE JANEIRO DE 2003 Dispõe sobre a Defesa Sanitária Animal no Estado do Acre e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE seguinte Lei: FAÇO SABER que a Assembléia Legislativa

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO nº de 2011. O CONGRESSO NACIONAL decreta: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

PROJETO DE LEI DO SENADO nº de 2011. O CONGRESSO NACIONAL decreta: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1 PROJETO DE LEI DO SENADO nº de 2011 Disciplina o funcionamento de empresas de desmontagem de veículos automotores terrestres e dá outras providências. O CONGRESSO NACIONAL decreta: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 39/2015

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 39/2015 PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 39/2015 Regulamenta a utilização dos depósitos judiciais de origem tributária ou não tributária e institui o Fundo de Reserva dos Depósitos Judiciais no âmbito do Município

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO DECRETA:

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO DECRETA: PROJETO DE LEI Nº. 243/2015 Dispõe sobre regulamentação do atendimento ao serviço de Transporte Individual de Passageiros, Táxi, em casos de solicitação por aplicativo (APP) ou internet, no Município de

Leia mais

CIDADE LIMPA LEI Nº 6468/09

CIDADE LIMPA LEI Nº 6468/09 CIDADE LIMPA LEI Nº 6468/09 Índice Apresentação...03 O que é um anúncio?...04 É proibido colocar anúncio que prejudique:...04 Locais onde é proibido colocar anúncios:...05 Prazos...05 Anúncio indicativo

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 13.467, DE 15 DE JUNHO DE 2010. (publicada no DOE nº 112, de 16 de junho de 2010) Dispõe sobre a adoção de

Leia mais

MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONVÊNIO DE COLABORAÇÃO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO E O CENTRO DE INTEGRAÇÃO EMPRESA-ESCOLA DO RIO GRANDE DO SUL CIEE/RS 091/2007- SEF O MUNICIPIO DE PASSO FUNDO, pessoa jurídica de

Leia mais

DECRETO Nº 18.313 DE 10 DE JUNHO DE 2013.

DECRETO Nº 18.313 DE 10 DE JUNHO DE 2013. DECRETO Nº 18.313 DE 10 DE JUNHO DE 2013. Regulamenta a Lei nº 10.260, de 28 de setembro de 2007 que rege o estacionamento temporári o de veículos, mediante pagamento, em vias e logradouros públicos de

Leia mais

PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 013 24 DE MARÇO DE 2015. GABINETE DO PREFEITO

PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 013 24 DE MARÇO DE 2015. GABINETE DO PREFEITO 1 PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 013 24 DE MARÇO DE 2015. GABINETE DO PREFEITO Altera a Lei nº 1456/2013, que dispõe sobre as taxas de serviços ambientais, institui seus valores, dispõem sobre sanções pelas

Leia mais

MULTA MULTA VALOR EM R$

MULTA MULTA VALOR EM R$ - Aplicadas pela autoridade de trânsito (posteriormente): I - advertência por escrito; II - multa; III - suspensão do direito de dirigir; IV - apreensão do veículo; V - cassação da Carteira Nacional de

Leia mais

REGIMENTO INTERNO. CAPÍTULO I Da Aplicação

REGIMENTO INTERNO. CAPÍTULO I Da Aplicação SOCIEDADE AMIGOS DO CURIÓ (SAC) Fundada em 23 de julho de 1980 Rua Prof. Osmarino de Deus Cardoso, 101 CEP 88.036-598 Trindade Florianópolis SC CNPJ 75.329.243/0001-71 www.sacurio.com.br / saccurio@brturbo.com.br

Leia mais

Estado do Mato Grosso Prefeitura Municipal de Colniza

Estado do Mato Grosso Prefeitura Municipal de Colniza Lei n.º 091-B/2002. Súmula: REGULAMENTA, DISCIPLINA O TRANSPORTE INDIVIDUAL DE PASSAGEIROS EM MOTOCICLETAS DE ALUGUEL MOTO-TÁXI E DETERMINA A LOCALIZAÇÃO DOS PONTOS, BEM COMO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS Eu,

Leia mais

MULTA VALOR EM UFIR MULTA

MULTA VALOR EM UFIR MULTA MULTA -Imposta e arrecadada pelo órgão com circunscrição sobre a via onde haja ocorrido a infração. -O valor decorre da natureza da infração, assim como a respectiva pontuação. NATUREZA DA INFRAÇÃO MULTA

Leia mais

Proposta de portaria para regulamentar o controle de acesso ao Campus João Pessoa

Proposta de portaria para regulamentar o controle de acesso ao Campus João Pessoa Proposta de portaria para regulamentar o controle de acesso ao Campus João Pessoa Estabelece normas e procedimentos para o controle do acesso de pessoas e de veículos às instalações do IFPB Campus João

Leia mais

I PRAZO PARA REMOÇÃO DE CONTEÚDO OFENSIVO POSTADO EM REDES SOCIAIS 24 HORAS - RESPONSABILIDADE DOS PROVEDORES DE CONTEÚDO

I PRAZO PARA REMOÇÃO DE CONTEÚDO OFENSIVO POSTADO EM REDES SOCIAIS 24 HORAS - RESPONSABILIDADE DOS PROVEDORES DE CONTEÚDO Ano VI nº 25 I PRAZO PARA REMOÇÃO DE CONTEÚDO OFENSIVO POSTADO EM REDES SOCIAIS 24 HORAS - RESPONSABILIDADE DOS PROVEDORES DE CONTEÚDO Barbara Brentani Roncolatto 01. No dia 19 de junho deste ano, o STJ

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA RESOLUÇÃO CFM Nº 1.980/2011 (Publicada no D.O.U. 13 dez. 2011, Seção I, p.225-226) Fixa regras para cadastro, registro, responsabilidade técnica e cancelamento para as pessoas

Leia mais