Título da apresentação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Título da apresentação"

Transcrição

1 Ministério da Educação Título da apresentação EBSERH: estado da arte Jeanne Liliane Marlene Michel Seminário: "A Gestão da Saúde no Brasil FGV/ABRASCO São Paulo, 12 de março de 2015

2 Distribuição Territorial dos HUF Região Sudeste 19 (ES, MG, RJ, SP) Região Nordeste 15 (AL, BA, CE, MA, PB, PE, PI, RN, SE) Região Sul 07 (PR, RS, SC) Região Centro-Oeste 05 (DF, GO, MT, MS) Região Norte 04 (AM, PA, TO) Total 50

3 HUF: diagnóstico da situação em 2008 Financiamento inadequado Deterioração física e tecnológica Poucos concursos RJU, o que culminou em contratações irregulares

4 PROGRAMA DE REESTRUTURAÇÃO DOS HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS FEDERAIS (REHUF) AVANÇOS reestruturação física e tecnológica das unidades, modernização do parque tecnológico compras centralizadas economia de escala revisão do financiamento da rede, aumento progressivo do orçamento destinado às instituições DESAFIOS melhoria dos processos de gestão recuperação do quadro de recursos humanos dos hospitais aprimoramento das atividades hospitalares vinculadas ao ensino, pesquisa e extensão e assistência à saúde.

5 Problemas remanescentes: Precariedade de recursos humanos nos HUF Modelo de gestão A solução apontada pelo Governo Federal foi a criação da EBSERH

6 2010: Decreto nº REHUF 2011: Lei Criação 2011: Acórdão nº Plenário 2012: Acórdão nº Plenário 2009: Acórdão nº 2813/2009 FOC 2006: Acórdão nº 1520/2006 Terceirizados

7 SUS CONTEXTO MEC HUF UNIVERSIDADE FACULDADES CLT RJU RJU Precarizados Terceirizados

8 LEI N o 12.5 Lei / , DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 (Sujeita ao controle rigoroso dos órgãos públicos de controle: CGU, TCU) Art. 1 o Fica o Poder Executivo autorizado a criar empresa pública unipessoal,... denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH, com personalidade jurídica de direito privado e patrimônio próprio, vinculada ao Ministério da Educação, com prazo de duração indeterminado. Art. 2 o A EBSERH terá seu capital social integralmente sob a propriedade da União.

9 LEI N o , DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 Art. 3 o A EBSERH terá por finalidade a prestação de serviços gratuitos de assistência médico-hospitalar, ambulatorial e de apoio diagnóstico e terapêutico à comunidade, assim como a prestação às instituições públicas federais de ensino ou instituições congêneres de serviços de apoio ao ensino, à pesquisa e à extensão, ao ensino-aprendizagem e à formação de pessoas no campo da saúde pública, observada, nos termos do art. 207 da Constituição Federal, a autonomia universitária.

10 LEI N o , DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 Art. 3 º... 1 o As atividades de prestação de serviços de assistência à saúde de que trata o caput estarão inseridas integral e exclusivamente no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS. 2 º... 3 o É assegurado à EBSERH o ressarcimento das despesas com o atendimento de consumidores e respectivos dependentes de planos privados de assistência à saúde, na forma estabelecida pelo art. 32 da Lei n o 9.656, de 3 de junho de 1998, observados os valores de referência estabelecidos pela Agência Nacional de Saúde Suplementar.

11 OBJETIVOS IFES/EBSERH Cada um dos HUF deverá ser capaz de : Prestar assistência de excelência no atendimento às necessidades de saúde da população na qual está inserido, de acordo com as orientações do Sistema Único de Saúde. Oferecer condições adequadas para a geração de conhecimento de qualidade e para a formação dos profissionais dos diversos cursos da universidade à qual pertence.

12 Clientes Ebserh CLIENTES SUS A função da Ebserh junto ao SUS é prestar atenção à saúde de excelência UNIVERSIDADE A função da Ebserh junto à universidade é fornecer um cenário de prática adequado ao ensino e pesquisa para docentes e discentes EBSERH HOSPITAL UNIVERSITÁRIO FEDERAL A função da Ebserh Sede junto aos Hospitais Universitários Federais é definir diretrizes e aportar gestão e recursos (financeiros, humanos, infraestruturais e tecnológicos) EBSERH SEDE

13 Mapa Estratégico Ebserh OBJETIVOS DE RESULTADO Melhorar o DESEMPENHO DA CONTRATUALIZAÇÃO SUS Melhorar a QUALIDADE DA ATENÇÃO À SAÚDE OBJETIVOS HABILITADORES Melhorar as condições dos HUF como um CENÁRIO DE PRÁTICA para o ensino e a pesquisa Garantir o PROVIMENTO E DESENVOLVIMENTO DA FORÇA DE TRABALHO Aprimorar a GESTÃO NA Ebserh Viabilizar a INFRAESTRUTURA necessária para o funcionamento dos HUF Disponibilizar os RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS E FINANCEIROS necessários à Ebserh. Implementar SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO para a gestão da Ebserh. Viabilizar INTEGRALIDADE DO CUIDADO na Atenção Hospitalar

14 Missão e Visão MISSÃO Aprimorar a gestão dos Hospitais Universitários Federais e congêneres, prestar atenção à saúde de excelência e fornecer um cenário de prática adequado ao ensino e pesquisa para docentes e discentes. VISÃO DE LONGO PRAZO Ser referência na gestão de Hospitais Universitários Federais e congêneres, prestando atenção à saúde de excelência e fornecer um cenário de prática adequado à formação profissional e à geração de conhecimento em saúde. VISÃO ATÉ 2016 Estruturar uma rede de Hospitais Universitários Federais para o alcance gradual dos resultados contratualizados com o SUS e com as universidades.

15 Histórico Fev/2012 Nomeação do Presidente Mar/2012 CNPJ Ago/2012 Aprovação de plano de cargos e autorização de cargos Sede Jan/ HUF com contratos e 8 HUF em précontrato Dez/ HUF com contratos e 10 HUF em précontrato Dez/2011 Autorização de criação (Lei n /2011) Nov/2012 Criação última diretoria Abr/2012 Portaria 442/2012 EBSERH assume gestão do REHUF Jan/2013 Assinatura primeiros contratos 23 MESES 36 MESES HOJE Trabalho de convencimento, dimensionamentos e agregação dos HUF.

16 Modelo de Gestão GESTÃO POR PROCESSOS BASEADA EM BOAS PRÁTICAS REDE DE HUF SÍRIO-LIBANÊS COLUMBUS CATALUNHA

17 Situação atual de Contratos março 2015 CONTRATOS ASSINADOS UFPI UNB UFMA UFTM UFES UFRN (3) UFGD UFS UFAM UFMT UFC (2) UFBA (2) UFPE UFPB UFMS UFSM UFMG UNIVASF UFAL UFSCar UFPR (2) UFPel UFJF UFT UFG ( 30 ) QUADRO AUTORIZADO AGUARDANDO ASSINATURA DE CONTRATO UFRJ (2) UFF ( 3 ) Realizando dimensionamento de serviços/pessoal UFPA (2) UFU FURG UFCG ( 2) UFSC ( 7 )

18 PROJEÇÃO DO ACRÉSCIMO DE LEITOS E DE FORÇA DE TRABALHO NOS HUF JÁ ANALISADOS PELO MPOG Hospital Universitário Número de leitos atual Ampliação de leitos - nº de leitos que serão abertos % de ampliação Quadro total autorizado pelo DEST Vagas autorizadas para concurso Nº DE FUNCIONÁRIOS EM ATIVIDADE Nº de vínculos precários a serem substituídos Nº de servidores RJU que permanecem Total de funcionários em atividade hoje Acréscimo real de força de trabalho Percentual de acréscimo 1 HU-UFPI ,7% 2 HUB-UnB % ,6% 3 HU-UFMA % ,7% 4 HC-UFTM % ,5% 5 HC-UFMG % ,9% 6 HU-UFGD % ,4% 7 HUCAM-UFES % ,6% 8 HU-UFAM % ,7% 9 HU-UFSM % ,7% 10 HUOL-UFRN % ,0% 11 MEJC- UFRN % ,7% 12 HUAB-UFRN % ,8% 15 HU-UFS % ,2% 16 HUJM- UFMT % ,1% 17 HUWC-UFC % ,2% 18 MEAC- UFC % ,5% 19 HUPES-UFBA % ,3% 20 MCO-UFBA % ,3% 21 HU-UNIVASF % ,9% 22 HUPAA-UFAL % ,8% 23 HULW-UFPB % ,7% 24 HC-UFPE % ,4% 25 HUMAP-UFMS % ,7% 26 HE-UFSCar % ,2% 27 HU-UFJF % ,6% 28 HC-UFPR % ,9% 29 MVFA-UFPR % ,2% 30 HC-UFG % ,2% 31 HE - UFPel % ,5% TOTAL % ,5%

19 Situação atual dos concursos para HUF março 2015 CONCURSOS HOMOLOGADOS UFPI UNB UFMA UFTM UFES UFGD UFS UFAM UFRN (3) UFMT UFSM UFMG UFBA (2) UFC (2) UFPE UFPB UFAL UFMS UNIVASF UFPI/UNB/UFTM (reposição) ( 24 ) CONCURSOS EM ANDAMENTO UFSCar UFJF UFPel UFPR UFT Reposição para vários HUF ( 3 )

20 Situação em fevereiro 2015 Evolução do quadro EVOLUÇÃO DO QUADRO DE PESSOAL Total em jun/ Total em jul/ Total em ago/ Total em set/ Total em out/ Total em nov/ Total em dez/ Total em jan/ Total em fev/ Projeção mar/ Folha Fev/ Convocados para contrato mar/ Fonte: SIAPE

21 Título da apresentação Obrigada!

Jeanne Liliane Marlene Michel Diretora de Gestão de Pessoas

Jeanne Liliane Marlene Michel Diretora de Gestão de Pessoas XXXII Encontro Nacional de Dirigentes de Pessoal e de Recursos Humanos das Instituições Federais de Ensino Fortaleza - 2012 Jeanne Liliane Marlene Michel Diretora de Gestão de Pessoas 1 CARACTERIZAÇÃO

Leia mais

Universidade Federal. do Acre. Universidade Federal. do Amazonas. Universidade Federal. do Amapá. Universidade Federal. do Pará. Universidade Federal

Universidade Federal. do Acre. Universidade Federal. do Amazonas. Universidade Federal. do Amapá. Universidade Federal. do Pará. Universidade Federal UF CATEGORIA ADMINISTRATIVA SIGLA IES AC FEDERAL UFAC AM FEDERAL UFAM AP FEDERAL UNIFAP PA FEDERAL UFPA PA FEDERAL UFRA RO FEDERAL UNIR RR FEDERAL UFRR TO FEDERAL UFT MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE MODERNIZAÇÃO E PROGRAMAS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE MODERNIZAÇÃO E PROGRAMAS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE MODERNIZAÇÃO E PROGRAMAS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL - PET 7 INSTITUIÇÕES 370 GRUPOS REGIÃO NORTE - 8 INSTITUIÇÕES

Leia mais

AC - ACRE UFAC - UNIVESIDADE FEDERAL DO ACRE - CAMPUS UNIVERSITÁRIO (RIO BRANCO, AC) 760,97 765,54

AC - ACRE UFAC - UNIVESIDADE FEDERAL DO ACRE - CAMPUS UNIVERSITÁRIO (RIO BRANCO, AC) 760,97 765,54 INSTITUIÇÃO Nota de Corte - Dia 1 Nota de Corte - Dia 3 AC - ACRE UFAC - UNIVESIDADE FEDERAL DO ACRE - CAMPUS UNIVERSITÁRIO (RIO BRANCO, AC) 760,97 765,54 AL - ALAGOAS UFAL - UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS

Leia mais

Título da apresentação. 110ª reunião extraordinária do Conselho Pleno da Andifes

Título da apresentação. 110ª reunião extraordinária do Conselho Pleno da Andifes Título da apresentação 110ª reunião extraordinária do Conselho Pleno da Andifes NATUREZA DA EBSERH - Empresa Pública dependente do tesouro (100% Financiamento Público MEC e MS); - Força de trabalho 100%

Leia mais

Diretrizes Gerais Documento Complementar

Diretrizes Gerais Documento Complementar Diretrizes Gerais Documento Complementar Agosto 2007 Apresentação A seguir apresentamos as tabelas referentes às simulações dos recursos orçamentários previstos e das metas estabelecidas pelo Decreto nº

Leia mais

UF Universidade Turno Vagas Nota de corte em 21/1/2015, às 0h. Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp)

UF Universidade Turno Vagas Nota de corte em 21/1/2015, às 0h. Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Cursos de medicina UF Universidade Turno Vagas Nota de corte em 21/1/2015, às 0h AC ACRE (Rio Branco) 40 748,49 AL UFAL ALAGOAS (Maceió) AM UFAM AMAZONAS (Manaus) AP UNIFAP AMAPÁ (Macapá) BA UFOB OESTE

Leia mais

Departamento de Atenção Básica/MS. Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade PMAQ. Outubro 2013

Departamento de Atenção Básica/MS. Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade PMAQ. Outubro 2013 Departamento de Atenção Básica/MS Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade PMAQ Outubro 2013 1 Desafios : I - Precariedade da rede física, com parte expressiva dos estabelecimentos de saúde

Leia mais

ENEM X Universidades Federais em 2012 COMO FICA?

ENEM X Universidades Federais em 2012 COMO FICA? ENEM X Universidades Federais em COMO FICA? SUDESTE Enem? Ufop (Universidade Federal de Ouro Preto) UFSCar (Universidade Federal de São Carlos) UFV (Universidade Federal de Viçosa) 80% das vagas serão

Leia mais

CONFIRA AS UNIVERSIDADES QUE UTILIZARÃO O ENEM 2011

CONFIRA AS UNIVERSIDADES QUE UTILIZARÃO O ENEM 2011 CONFIRA AS UNIVERSIDADES QUE UTILIZARÃO O ENEM 2011 REGIÃO SUDESTE UFU (Universidade Federal de Uberlândia): Ufes (Universidade Federal do Espírito Santo): UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais):

Leia mais

Confira as universidades da Região Sudeste do Brasil que utilizarão o Enem 2011

Confira as universidades da Região Sudeste do Brasil que utilizarão o Enem 2011 Confira as universidades da Região Sudeste do Brasil que utilizarão o Enem 2011 UFU (Universidade Federal de Uberlândia): Ufes (Universidade Federal do Espírito Santo): UFMG (Universidade Federal de Minas

Leia mais

Propostas de Cursos Novos

Propostas de Cursos Novos Ministério da Educação - MEC Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes Diretoria de Avaliação - DAV Coordenação Geral de Avaliação e Acompanhamento - CGAA Período 2010

Leia mais

AVALIAÇÃO DO ENADE 2011 NOTAS DOS CURSOS DE CIÊNCIAS SOCIAIS

AVALIAÇÃO DO ENADE 2011 NOTAS DOS CURSOS DE CIÊNCIAS SOCIAIS AVALIAÇÃO DO ENADE 2011 NOTAS DOS CUOS DE Cursos com avaliação 1 ou 2 (sujeitos a encerramento/reestruturação de suas atividades) Cursos com avaliação 5 Públicas Cursos com avaliação 5 no Enade, mas com

Leia mais

Enem 2011 será única forma de seleção em pelo menos 30 universidades federais; confira

Enem 2011 será única forma de seleção em pelo menos 30 universidades federais; confira 2011 será única forma de seleção em pelo menos 30 universidades federais; confira Suellen Smosinski Em São Paulo O (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2011 será a única forma de seleção para os cursos

Leia mais

Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade na Atenção Básica

Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade na Atenção Básica Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade na Atenção Básica Diretrizes : Envolver, mobilizar e responsabilizar o gestor federal, gestores estaduais, municipais e locais, equipes e usuários

Leia mais

Propostas de Cursos Novos 149 a Reunião CTC/ES 9 a 13 de setembro de 2013

Propostas de Cursos Novos 149 a Reunião CTC/ES 9 a 13 de setembro de 2013 Ministério da Educação - MEC Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes Diretoria de Avaliação - DAV Coordenação Geral de Avaliação e Acompanhamento - CGAA Propostas de

Leia mais

CONTROLE DA GESTÃO HOSPITALAR: UMA RESPOSTA À SOCIEDADE. GIL PINTO LOJA NETO AUDITOR GERAL EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES - MEC

CONTROLE DA GESTÃO HOSPITALAR: UMA RESPOSTA À SOCIEDADE. GIL PINTO LOJA NETO AUDITOR GERAL EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES - MEC CONTROLE DA GESTÃO HOSPITALAR: UMA RESPOSTA À SOCIEDADE. GIL PINTO LOJA NETO AUDITOR GERAL EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES - MEC SUMÁRIO O ESTADO BRASILEIRO E AS ESTATAIS; A EBSERH: CARACTERIZAÇÃO,

Leia mais

Mapeamento Ações Afirmativas e Lei 12.711/12

Mapeamento Ações Afirmativas e Lei 12.711/12 Mapeamento Ações Afirmativas e Lei 12.711/12 IES ANO ADOÇÃO UFBA 2005 CONSU 45 36,55% pretos e pardos, 2% indígenas UFPA 2005 CONSEPE 50 40% UFG 2012 Lei 12.711/2012 50 56,68% FURG 2012 Lei 12.711/2012

Leia mais

Projeto VoIP4ALL. Iara Machado

Projeto VoIP4ALL. Iara Machado Projeto VoIP4ALL Iara Machado Objetivo do Projeto Visa criar os meios para que 82 instituições federais,,q que incluem universidades, centros de educação tecnológica e unidades de pesquisa, possam implantar

Leia mais

EDITAL N.º 1 / SANTANDERUNIVERSIDADES / PROGRAD / 2015

EDITAL N.º 1 / SANTANDERUNIVERSIDADES / PROGRAD / 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA LIMA - TRINDADE CEP: 88040-900 - FLORIANÓPOLIS

Leia mais

Edital Nº 02/2014 PROEN

Edital Nº 02/2014 PROEN Edital Nº 02/2014 PROEN Chamada única para seleção de bolsistas de mobilidade estudantil (Bolsas SANTANDER 2014) O PRÓ-REITOR DE ENSINO da Universidade Federal do Maranhão torna público, para conhecimento

Leia mais

EDITAL PROGRAD 03/2014 PROGRAMA DE BOLSAS PARA MOBILIDADE ACADÊMICA NACIONAL E INTERCAMPI SELEÇÃO DE BOLSISTAS

EDITAL PROGRAD 03/2014 PROGRAMA DE BOLSAS PARA MOBILIDADE ACADÊMICA NACIONAL E INTERCAMPI SELEÇÃO DE BOLSISTAS EDITAL PROGRAD 03/2014 PROGRAMA DE BOLSAS PARA MOBILIDADE ACADÊMICA NACIONAL E INTERCAMPI SELEÇÃO DE BOLSISTAS O Pró-Reitor de Graduação da Universidade Federal de Minas Gerais, Professor Ricardo Hiroshi

Leia mais

Saiba mais em www.enem.net

Saiba mais em www.enem.net Lista de Universidades Federais que aceitam o Enem Saiba mais em www.enem.net REGIÃO CENTRO-OESTE UnB vai utilizar o Enem apenas para vagas remanescentes UFG 20% das vagas pelo SiSU; Enem 2011 também pode

Leia mais

INFORME SARGSUS. Situação da Alimentação do Relatório de Gestão Ano 2013-2014 Informações sobre Plano e Programação Anual de Saúde

INFORME SARGSUS. Situação da Alimentação do Relatório de Gestão Ano 2013-2014 Informações sobre Plano e Programação Anual de Saúde INFORME SARGSUS Situação da Alimentação do Relatório de Gestão Ano 2013-2014 Informações sobre Plano e Programação Anual de Saúde 1 ESFERA MUNICIPAL 1.1 Relatório de Gestão Ano 2013 Até a presente data,

Leia mais

ESPORTE E UNIVERSIDADE: a reestruturação do esporte universitário no Brasil

ESPORTE E UNIVERSIDADE: a reestruturação do esporte universitário no Brasil ESPORTE E UNIVERSIDADE: a reestruturação do esporte universitário no Brasil Wadson Ribeiro Secretário Nacional de Esporte Educacional Ministério do Esporte A DÉCADA DO ESPORTE BRASILEIRO Criação do Ministério

Leia mais

CATEGORIA ADMINISTRATIVA

CATEGORIA ADMINISTRATIVA N o REGIÃO UF IES CATEGORIA ADMINISTRATIVA NOME - GRUPO PET 1 CENTRO OESTE DF UNIVERSIDADE CATÓLICA DE BRASÍLIA PRIVADA PET ESTRUTURAS 2 CENTRO OESTE DF UNIVERSIDADE CATÓLICA DE BRASÍLIA PRIVADA EDUCAÇÃO

Leia mais

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1)

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) ANEXO I BICICLETA ESCOLAR Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) Assunto: Adesão à ata de registro de preços nº 70/2010 do pregão eletrônico nº 40/2010. 1 2 BICICLETA 20 - AC,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 063/2011

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 063/2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA 063/2011 1 NÚMERO E TÍTULO DO PROJETO Projeto OEI/BRA/10/002 - Atualização dos Processos de Gestão e Avaliação de Políticas e

Leia mais

Cursos de Dança no Brasil. Dulce Aquino

Cursos de Dança no Brasil. Dulce Aquino Cursos de Dança no Brasil Dulce Aquino Cursos de Dança no Brasil Instituições Federais Instituições Estaduais 3 cursos 9 cursos Total 3 Total de Cursos de Dança nas IES - 3 3 11 Norte - 3 Nordeste - 11

Leia mais

Universidade Federal de Santa Catarina. Município: Florianopolis NUTRIÇÃO

Universidade Federal de Santa Catarina. Município: Florianopolis NUTRIÇÃO Universidade Federal de Santa Catarina Município: Florianopolis NUTRIÇÃO Apresentação O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) apresenta o Relatório do Curso com

Leia mais

Regina Parizi Diretora Executiva MAIO/2009

Regina Parizi Diretora Executiva MAIO/2009 Regina Parizi Diretora Executiva MAIO/2009 Estrutura e Distribuição Geográfica Estrutura Estatutária A GEAP GEAP é administrada por por um um Conselho Deliberativo responsável pela pela definição da da

Leia mais

O QUE É A LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE?

O QUE É A LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE? O QUE É A LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE? Instrumento que permite o financiamento, por meio de incentivos fiscais, de projetos esportivos aprovados pelo Ministério do Esporte. BASE LEGAL: Lei 11.438/06 -

Leia mais

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO NA AREA DA SAÚDE

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO NA AREA DA SAÚDE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO NA AREA DA SAÚDE Porto Alegre, 01 de julho de 2011 EDUCAÇÃO PROFISSIONAL LDB Nº 9394/96 É uma modalidade de ensino integrada às diferentes formas de educação,

Leia mais

EXPANSÃO BRASIL UNIVERSITÁRIO. Programa de Expansão da Educação Superior Secretaria de Educação Superior MEC/SESu

EXPANSÃO BRASIL UNIVERSITÁRIO. Programa de Expansão da Educação Superior Secretaria de Educação Superior MEC/SESu BRASIL UNIVERSITÁ Programa de Expansão da Educação Superior Secretaria de Educação Superior MEC/SESu NELSON MACULAN Secretário de Educação Superior Apresentação para o Câmara dos Deputados 20 de junho

Leia mais

CAF: CONTAG: CPR: FETRAF: NPT: ONG: PNCF: SAC: SAT: SIB: SIC: SQD: UTE:

CAF: CONTAG: CPR: FETRAF: NPT: ONG: PNCF: SAC: SAT: SIB: SIC: SQD: UTE: Lista de Siglas do Pa CAF: CONTAG: CPR: FETRAF: NPT: ONG: PNCF: SAC: SAT: SIB: SIC: SQD: UTE: Boletim Ano VI - Edição nº 2/211 Boletim Ano VI - Edição nº 1 / 211 Painel de Indicador Nº 2/215 Técnicos Responsáv

Leia mais

GEOCIÊNCIAS ÁREA: TRIÊNIO DE AVALIAÇÃO 2007-2009. Coordenador: Roberto Dall Agnol Coordenador-Adjunto: Ministério da Educação

GEOCIÊNCIAS ÁREA: TRIÊNIO DE AVALIAÇÃO 2007-2009. Coordenador: Roberto Dall Agnol Coordenador-Adjunto: Ministério da Educação Ministério da Educação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Diretoria de Avaliação ÁREA: GEOCIÊNCIAS TRIÊNIO DE AVALIAÇÃO 2007-2009 2009 COORDENAÇÃO 2008-2010 2010 Coordenador: Roberto

Leia mais

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011 REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011 Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares EBSERH; acrescenta dispositivos ao Decreto-Lei

Leia mais

Art. 208... O dever do Estado com a Educação será efetivado mediante a garantia de:

Art. 208... O dever do Estado com a Educação será efetivado mediante a garantia de: CONSTITUIÇÃO FEDERAL Art. 208... O dever do Estado com a Educação será efetivado mediante a garantia de: VII -... programas suplementares de material didático-escolar, transporte, alimentação e assistência

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 9/3/2015, Seção 1, Pág. 12. Portaria n 187, publicada no D.O.U. de 9/3/2015, Seção 1, Pág.11. Portaria n 188, publicada no D.O.U. de 9/3/2015,

Leia mais

Departamento de Engenharia de Saúde Pública/CGEAR LICENCIAMENTO AMBIENTAL NAS OBRAS DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DA FUNASA.

Departamento de Engenharia de Saúde Pública/CGEAR LICENCIAMENTO AMBIENTAL NAS OBRAS DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DA FUNASA. Departamento de Engenharia de Saúde Pública/CGEAR LICENCIAMENTO AMBIENTAL NAS OBRAS DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DA FUNASA Brasília 2005 O Licenciamento Ambiental nasceu de uma exigência social, fruto de uma

Leia mais

CONGRESSO DE ABERTURA JOGOS UNIVERSITÁRIOS BRASILEIROS 2015 UBERLÂNDIA MG. 27 de SETEMBRO de 2015

CONGRESSO DE ABERTURA JOGOS UNIVERSITÁRIOS BRASILEIROS 2015 UBERLÂNDIA MG. 27 de SETEMBRO de 2015 CONGRESSO DE ABERTURA JOGOS UNIVERSITÁRIOS BRASILEIROS 2015 UBERLÂNDIA MG 27 de SETEMBRO de 2015 PRESIDENTE: Luciano Atayde Costa Cabral VICE PRESIDENTE: Alim Rachid Maluf Neto CONSELHO CONSULTIVO: Vice

Leia mais

II ENCONTRO NACIONAL DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL

II ENCONTRO NACIONAL DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL Ministério da Saúde II ENCONTRO NACIONAL DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL APLICAÇÃO DAS DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO, DESAFIOS E POSSIBILIDADES Brasília, 25 de setembro de

Leia mais

10:30 RJ - UCB MS - UCDB E A 1 14:00 PR - DOM BOSCO PE - FMN E A 2 15:30 SP - UNI SANT'ANNA RN - FMN E B 3 17:00 SC - UNIASSELVI RO - IJN/FARO E B 4

10:30 RJ - UCB MS - UCDB E A 1 14:00 PR - DOM BOSCO PE - FMN E A 2 15:30 SP - UNI SANT'ANNA RN - FMN E B 3 17:00 SC - UNIASSELVI RO - IJN/FARO E B 4 COMITÊ OLÍMPICO BRASILEIRO OLIMPÍADAS UNIVERSITÁRIAS JUBS 2010 BLUMENAU / SC - 05 A 14 DE NOVEMBRO 2010 BOLETIM OFICIAL N : 01 BASQUETEBOL F Cat. Grp. Jogo 05/11/2010 ACECREMER 10:30 RJ - UCB MS - UCDB

Leia mais

Apresentação PEC-G. Avaliação quantitativa 2000 a 2013

Apresentação PEC-G. Avaliação quantitativa 2000 a 2013 Apresentação PEC-G Avaliação quantitativa 2000 a 2013 Visão Geral Entre 2000 e 2013 participaram do PEC-G 6391 estudantes, dos quais 3218 concluíram seus estudos. O índice de conclusão geral do PEC- G,

Leia mais

Sigla da. Nota de Nome do Programa Instituição. Nome da Área de Avaliação. Recomendação

Sigla da. Nota de Nome do Programa Instituição. Nome da Área de Avaliação. Recomendação Ministério da Educação - MEC Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES Período de Avaliação: 2007 a 2009 Etapa: Avaliação Trienal 2010 UF Sigla da Nota de Nome do Programa Nível

Leia mais

Câmara Federal, Comissão de C&T, 9/7/2013

Câmara Federal, Comissão de C&T, 9/7/2013 Educação, Pesquisa e o PNBL Câmara Federal, Comissão de C&T, 9/7/2013 RNP/PAL/0200 2003 RNP Tabebuia Chrysotricha - por Flávio Cruvinel Brandão www.flickr.com INFRAESTRUTURA AVANÇADA DE REDE PARA UNIVERSIDADES

Leia mais

AC Universidade Federal do Acre UFAC ,0%

AC Universidade Federal do Acre UFAC ,0% VEJA A DISTRIBUIÇÃO DAS VAGAS DO SISU 2015 Sistema de Seleção Unificado oferece mais de 205 mil vagas em instituições públicas de ensino superior Inscrições devem ser feitas de 19 a 22 de janeiro no site

Leia mais

PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO

PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO ID Proponente UF CURSO 1 CEFET-AL ALAGOAS Hotelaria 2 CEFET-CE CEARÁ Hospedagem 3 CEFET-CE CEARÁ Matemática 4 CEFET-ES ESPÍRITO

Leia mais

Propostas de Cursos Novos 149 a Reunião CTC/ES 9 a 13 de setembro de 2013

Propostas de Cursos Novos 149 a Reunião CTC/ES 9 a 13 de setembro de 2013 Ministério da Educação - MEC Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes Diretoria de Avaliação - DAV Coordenação Geral de Avaliação e Acompanhamento - CGAA Propostas de

Leia mais

O PROGRAMA NACIONAL DE SANEAMENTO RURAL

O PROGRAMA NACIONAL DE SANEAMENTO RURAL O PROGRAMA NACIONAL DE SANEAMENTO RURAL 08 de Novembro de 2012 O que é o Brasil Rural? O Brasil Rural Diversidade: raças, origens étnicas, povos, religiões, culturas Conflitos: concentração de terra, trabalho

Leia mais

Ações e Experiências de Operadoras na Gestão de suas Redes Assistenciais. Flávio Bitter

Ações e Experiências de Operadoras na Gestão de suas Redes Assistenciais. Flávio Bitter Ações e Experiências de Operadoras na Gestão de suas Redes Assistenciais Flávio Bitter outubro 2015 Destaques Presença Nacional Beneficiários (Mil) Operadora líder no mercado brasileiro de Saúde suplementar,

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO DEMANDA DE CANDIDATOS POR VAGA

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO DEMANDA DE CANDIDATOS POR VAGA Nível superior Cargo 1: Contador DF Brasília/Sede da Administração Central 35 1820 52,00 Nível médio Cargo 2: Agente Administrativo AC Rio Branco/Sede da SRTE 2 1496 748,00 Nível médio Cargo 2: Agente

Leia mais

ÍNDICE RELATÓRIO SIOR 2012. Pág. 02 NOTÍCIAS 2011/2012. Pág. 03 ANÁLISE DAS DEMANDAS. Pág. 04 GRÁFICO DE DEMANDAS POR ESTADO. Pág.

ÍNDICE RELATÓRIO SIOR 2012. Pág. 02 NOTÍCIAS 2011/2012. Pág. 03 ANÁLISE DAS DEMANDAS. Pág. 04 GRÁFICO DE DEMANDAS POR ESTADO. Pág. RELATÓRIO SIOR 2012 ÍNDICE NOTÍCIAS 2011/2012 ANÁLISE DAS DEMANDAS GRÁFICO DE DEMANDAS POR ESTADO TEMPO DE ATENDIMENTO DEMANDAS CONSIDERADAS PROCEDENTES MAPA DAS PRINCIPAIS DEMANDAS CONSIDERADAS PROCEDENTES

Leia mais

EDITAL SG/MPU N.º 27, DE 2 DE OUTUBRO DE 2007.

EDITAL SG/MPU N.º 27, DE 2 DE OUTUBRO DE 2007. VA PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO DE 4/10/2007, SEÇÃO 3, PÁG.. EDITAL SG/MPU N.º 27, DE 2 DE OUTUBRO DE 2007. Divulgar a distribuição de vagas do Concurso Público para provimento de cargos e formação

Leia mais

Universidades Federais CA

Universidades Federais CA Universidades Federais CA Universidade Federal do Acre Universidade do Amapá Universidade do Amazonas* Universidade Federal do Pará Universidade Federal Rural da Amazônia* Universidade do Oeste do Pará*

Leia mais

CAF: CONTAG: CPR: FETRAF: NPT: ONG: PNCF: SAC: SAT: SIB: SIC: SQD: UTE:

CAF: CONTAG: CPR: FETRAF: NPT: ONG: PNCF: SAC: SAT: SIB: SIC: SQD: UTE: Lista de Siglas d CAF: CONTAG: CPR: FETRAF: NPT: ONG: PNCF: SAC: SAT: SIB: SIC: SQD: UTE: Boletim Ano VI - Edição nº 2/211 Boletim Ano VI - Edição nº 1 / 211 Painel de Indica Nº 1/215 Técnicos Respon Equipe

Leia mais

ID Proponente UF CURSO TIPO

ID Proponente UF CURSO TIPO PLANILHA DE CONTROLE - OFERTA DE CURSOS POR INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO ID Proponente UF CURSO TIPO 1 CEFET-AL ALAGOAS Hotelaria Tecnólogo 2 CEFET-CE CEARÁ Hospedagem Tecnólogo 3 CEFET-CE CEARÁ Matemática

Leia mais

Indenizações Pagas Quantidades

Indenizações Pagas Quantidades Natureza da Indenização Jan a Dez 2011 % Jan a Dez 2012 % Jan a Dez 2012 x Jan a Dez 2011 Morte 58.134 16% 60.752 12% 5% Invalidez Permanente 239.738 65% 352.495 69% 47% Despesas Médicas (DAMS) 68.484

Leia mais

Audiência Pública Câmara dos Deputados Comissão de Educação. Novembro de 2015

Audiência Pública Câmara dos Deputados Comissão de Educação. Novembro de 2015 Audiência Pública Câmara dos Deputados Comissão de Educação Novembro de 2015 acesso móvel TV por assinatura telefone fixo banda larga fixa Panorama Setorial - Tradicional 44,1 milhões de assinantes 25,2

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES APRESENTAÇÃO PARA A ATIVIDADE DE INTEGRAÇÃO PÓS - GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO

EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES APRESENTAÇÃO PARA A ATIVIDADE DE INTEGRAÇÃO PÓS - GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES APRESENTAÇÃO PARA A ATIVIDADE DE INTEGRAÇÃO PÓS - GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS UFLA 2014 Diretoria de Logística e Infraestrutura Hospitalar

Leia mais

Pendências de Envio do Relatório de Gestão Municipal-2013 aos CMS

Pendências de Envio do Relatório de Gestão Municipal-2013 aos CMS INFORME SARGSUS Situação da Alimentação do Relatório de Gestão Ano 2013-2014 Informações sobre Plano e Programação Anual de Saúde 1 ESFERA MUNICIPAL 1.1 Relatório de Gestão Ano 2013 Até a presente data,

Leia mais

BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE PSICOLOGIA BVS-PSI

BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE PSICOLOGIA BVS-PSI BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE PSICOLOGIA BVS-PSI ANÁLISE DAS REFERÊNCIAS DAS DISSERTAÇÕES E TESES APRESENTADAS AOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA Trabalho integrado da Rede Brasileira de Bibliotecas

Leia mais

POLÍTICAS DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA NO BRASIL a formação continuada

POLÍTICAS DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA NO BRASIL a formação continuada POLÍTICAS DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA NO BRASIL a formação continuada I ENCONTRO NACIONAL DOS FORPROF/FEPAD 15 e 16 DE SETEMBRO DE 2014 BRASÍLIA - DF Ministério da Educação Secretaria

Leia mais

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012.

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. Os casos de Invalidez Permanente representaram a maioria das indenizações pagas

Leia mais

Sumário. Contextualização histórica C&T - Até 2003 C&T&I - Depois de 2003 Necessidade de capacitação: NIT. Atuação do INPI. Considerações Finais

Sumário. Contextualização histórica C&T - Até 2003 C&T&I - Depois de 2003 Necessidade de capacitação: NIT. Atuação do INPI. Considerações Finais Sumário Contextualização histórica C&T - Até 2003 C&T&I - Depois de 2003 Necessidade de capacitação: NIT Atuação do INPI Considerações Finais Promoção de C&T até 2003 1985 MCT criado 1990 MCT extinto 1992

Leia mais

PROJETO DE REESTRUTURAÇÃO E EXPANSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

PROJETO DE REESTRUTURAÇÃO E EXPANSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PROJETO DE REESTRUTURAÇÃO E EXPANSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO 1 - Instituído pelo Decreto nº 6.096, de 24 de abril de 2007 2 - Diretrizes Gerais AGOSTO 2007 http://portal.mec.gov.br/sesu/arquivos/pdf/diretrizesreuni.pdf

Leia mais

EDITALPROGRAD Nº22/2013. Seleção para o Programa Santander de Bolsas de Mobilidade Acadêmica Regional 2 o semestre de 2013 ou 1º semestre de 2014

EDITALPROGRAD Nº22/2013. Seleção para o Programa Santander de Bolsas de Mobilidade Acadêmica Regional 2 o semestre de 2013 ou 1º semestre de 2014 EDITALPROGRAD Nº22/2013 Seleção para o Programa Santander de Bolsas de Mobilidade Acadêmica Regional 2 o semestre de 2013 ou 1º semestre de 2014 A Universidade Federal do Tocantins, por meio da Pró-Reitoria

Leia mais

A Avaliação e a nota 4 do curso de Licenciatura em Física

A Avaliação e a nota 4 do curso de Licenciatura em Física A Avaliação e a nota 4 do curso de Licenciatura em Física Para quem tiver curiosidade, entre os 310 cursos em atividade em todo o país (segundo a estranha tabela do E-MEC), são poucas as instituições que

Leia mais

Universidades Federais CA

Universidades Federais CA Universidades Federais CA 1 NORTE Universidade Federal do Acre Universidade do Amapá Universidade do Amazonas Universidade Federal do Pará Universidade Federal Rural da Amazônia Universidade do Oeste do

Leia mais

Apresentação do IDConselho Municipal. Apresentação elaborada pela Coordenação Geral de Vigilância Socioassistencial CGVIS Brasília

Apresentação do IDConselho Municipal. Apresentação elaborada pela Coordenação Geral de Vigilância Socioassistencial CGVIS Brasília Apresentação do IDConselho Municipal Apresentação elaborada pela Coordenação Geral de Vigilância Socioassistencial CGVIS Brasília 5.366 Conselhos Municipais que preencheram o Censo SUAS 2014 Dinâmica de

Leia mais

MEC. Censo da Educação Superior 2014

MEC. Censo da Educação Superior 2014 MEC Censo da Educação Superior 2014 BRASÍLIA DF 04 DE DEZEMBRO DE 2015 Tabela Resumo Estatísticas Gerais da Educação Superior Brasil 2014 Categoria Administrativa Estatísticas Básicas Total Geral Pública

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Plano de Capacitação e Aperfeiçoamento dos Servidores do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO 1 Índice Introdução

Leia mais

Textos Complementares

Textos Complementares ESCOLA DE VETERINÁRIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA Profa Maria Clorinda Soares Fioravanti Textos Complementares Pós-Graduação: Produção científica volumosa

Leia mais

Política Nacional de Educação Infantil

Política Nacional de Educação Infantil Política Nacional de Educação Infantil (arquivo da Creche Carochinha) Junho/2012 Secretaria de Educação Básica CONCEPÇÃO DE EDUCAÇÃO INFANTIL A Educação Infantil é dever do Estado e direito de todos, sem

Leia mais

PROGRAMA DE LIVROS DE TEXTO E MATERIAIS DE INSTRUÇÃO/PALTEX PONTOS DE DISTRIBUIÇÃO PALTEX (BRASIL)

PROGRAMA DE LIVROS DE TEXTO E MATERIAIS DE INSTRUÇÃO/PALTEX PONTOS DE DISTRIBUIÇÃO PALTEX (BRASIL) PROGRAMA DE LIVROS DE TEXTO E MATERIAIS DE INSTRUÇÃO/PALTEX PONTOS DE DISTRIBUIÇÃO PALTEX (BRASIL) CÓDIGO BRA6001 BRA6002 BRA6003 BRA6004 BRA6005 BRA6006 BRA6007 UNIVERSIDADE UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS

Leia mais

Novo ENEM será usado por 43 universidades federais

Novo ENEM será usado por 43 universidades federais Novo ENEM será usado por 43 universidades federais Veja a lista de instituições e como usarão o teste no vestibular Publicado em 19/06/2009-12:30 Por Mariana Bevilacqua Das 55 IFES (instituições federais

Leia mais

INFORME NACIONAL. Reunião com o Ministério da Educação (MEC) e Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) realizada dia 04/09/2015

INFORME NACIONAL. Reunião com o Ministério da Educação (MEC) e Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) realizada dia 04/09/2015 SET-05 Brasília, 08 de setembro de 2015. CNG: Rogério Marzola, Robertinho, Eurídice, Mario Junior, Ângela Targino, Jorginho (DN); Maclem, Wellingtom, Manoel e Edilene (SINDTIFES-PA); Ana Grijó (SINTESAM);

Leia mais

NOVO ENEM - ATUALIZADO EM 15/06/2009 às 20h

NOVO ENEM - ATUALIZADO EM 15/06/2009 às 20h NOVO ENEM - ATUALIZADO EM 15/06/2009 às 20h Região Centro-Oeste 1 - Universidade de Brasília (UnB) Utilizará o Novo ENEM para o processo seletivo do 1 semestre de 2011 2 - Universidade Federal de Goiás

Leia mais

Edital para Seleção de Preceptores

Edital para Seleção de Preceptores Edital para Seleção de Preceptores Centro Colaborador: Faculdade de Medicina de Botucatu UNESP Processo Seletivo para o Curso de Aperfeiçoamento Desenvolvimento de Competência Pedagógica para a prática

Leia mais

Cotas nas Instituições Públicas

Cotas nas Instituições Públicas Instituições Públicas Brasileiras Cotas (Fonte: Portal Educafro) Unidade da Federação Nome da Instituição Ano de Implantação das Cotas Descrição das Cotas AC Universidade Federal do Acre - UFAC Cota Racial

Leia mais

Diário Oficial Imprensa Nacional

Diário Oficial Imprensa Nacional Diário Oficial Imprensa Nacional.Nº 176 DOU 12/09/1 seção 1 p.28 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL BRASÍLIA - DF MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 79, DE 11 DE SETEMBRO DE 201 Reconhece

Leia mais

QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009

QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009 QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009 ESTADOS GREVE/PERCENTUAL ES Greve * MG Greve a partir de 13/11 PR Greve * RJ Greve * RS Greve * SE Greve * BA Greve * SP Adesão a partir do

Leia mais

Gerando resultados com a Inovação Aberta

Gerando resultados com a Inovação Aberta Gerando resultados com a Inovação Aberta O que é: Portal virtual (www.battleofconcepts.com.br) que promove disputas de criatividade e inovação entre estudantes e jovens a partir de demandas reais de empresas

Leia mais

GRADUAÇÃO EM DIREITO

GRADUAÇÃO EM DIREITO GRADUAÇÃO EM DIREITO DEFINIÇÃO DA PROFISSÃO: É a ciência que cuida da aplicação das normas jurídicas vigentes em um país, para organizar as relações entre indivíduos e grupos na sociedade. Zelar pela harmonia

Leia mais

EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO ENEM 2013. Aloizio Mercadante Ministro de Estado da Educação

EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO ENEM 2013. Aloizio Mercadante Ministro de Estado da Educação EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO ENEM 2013 Aloizio Mercadante Ministro de Estado da Educação Cartão de Confirmação de Inscrição Entregues: 99,98% UF Participantes Entregues AC 58.364 100,00% AL 122.356 99,00%

Leia mais

INDÚSTRIA DE ALIMENTOS

INDÚSTRIA DE ALIMENTOS DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos INDÚSTRIA DE ALIMENTOS OUTUBRO DE 2015 PRODUTOS INDÚSTRIA DE ALIMENTOS NO BRASIL 2012 EXPORTAÇÕES US$ 43 Bilhões (23%) 23% Ásia 22% União Europeia FATURAMENTO

Leia mais

profissional: desafios e integração

profissional: desafios e integração O papel das IES na formação profissional: desafios e integração da equipe de saúde Clarice A. Ferraz Coordenadora d Geral das Ações Técnicas em Educação na Saúde e Formação de Profissionais de Nível Médio

Leia mais

Monitoramento de agrotóxicos em água para consumo humano

Monitoramento de agrotóxicos em água para consumo humano Seminário de Vigilância em Saúde de Populações Expostas a Agrotóxicos Mesa Redonda I Exposição humana a agrotóxicos: ações em desenvolvimento Monitoramento de agrotóxicos em água para consumo humano Coordenação

Leia mais

Promoção da competitividade e desenvolvimento da economia brasileira

Promoção da competitividade e desenvolvimento da economia brasileira Objetivo Promoção da competitividade e desenvolvimento da economia brasileira Fim das barreiras à entrada Estímulo à expansão dos investimentos do setor privado Modernização da infraestrutura e da gestão

Leia mais

Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação Universidade Aberta do Brasil

Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação Universidade Aberta do Brasil Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação Universidade Aberta do Brasil Jean Marc G. Mutzig Coordenador Geral CGIE/DED/CAPES Fortaleza/CE, 03/06/203 A l impossible je suis tenu Orphée - Jean Cocteau,

Leia mais

2 a Melhor Universidade Federal da Região NORTE NORDESTE (Critérios do MEC Índice Geral de Cursos, IGC*)

2 a Melhor Universidade Federal da Região NORTE NORDESTE (Critérios do MEC Índice Geral de Cursos, IGC*) 2 a Melhor Universidade Federal da Região NORTE NORDESTE (Critérios do MEC Índice Geral de Cursos, IGC*) Posição IES Sigla Cursos Avaliados IGC 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE 50 3.69 2 UNIVERSIDADE

Leia mais

EVOLUÇÃO DA PÓS-GRADUAÇÃO NAS INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO SUPERIOR. ANDIFES Outubro/2011

EVOLUÇÃO DA PÓS-GRADUAÇÃO NAS INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO SUPERIOR. ANDIFES Outubro/2011 EVOLUÇÃO DA PÓS-GRADUAÇÃO NAS INSTITUIÇÕES FEDERAIS DE ENSINO SUPERIOR ANDIFES Outubro/2011 Créditos Presidente: Reitor - João Luiz Martins - UFOP 1ª Vice-presidente: Reitor Álvaro Toubes Prata UFSC Suplente:

Leia mais

TELESSAÚDE BRASIL REDES NA ATENÇÃO BÁSICA

TELESSAÚDE BRASIL REDES NA ATENÇÃO BÁSICA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA TELESSAÚDE BRASIL REDES NA ATENÇÃO BÁSICA MANUAL INSTRUTIVO Sumário Introdução... 3 Atividades a serem desenvolvidas dentro

Leia mais

Dados para geração do NFTE para Residência Médica - 2002. TI/DEDES/SESu/MEC Página 1 de 17

Dados para geração do NFTE para Residência Médica - 2002. TI/DEDES/SESu/MEC Página 1 de 17 26284 FFFCMPA Porto Alegre Anatomia Patológica 4 4 26284 FFFCMPA Porto Alegre Anestesiologia 6 6 26284 FFFCMPA Porto Alegre Cirurgia de Cabeça e Pescoço 2 2 26284 FFFCMPA Porto Alegre Cirurgia Geral 18

Leia mais

Programa de Requalificação de UBS. Março/2015

Programa de Requalificação de UBS. Março/2015 Programa de Requalificação de UBS Março/2015 PROGRAMA DE REQUALIFICAÇÃO DE UBS Instituído no ano de 2011 OBJETIVOS: Criar incentivo financeiro para as UBS Contribuir para estruturação e o fortalecimento

Leia mais

ENCONTRO PARA A CONTINUIDADE DO PROCESSO DE PLANEJAMENTO REGIONAL E COAP

ENCONTRO PARA A CONTINUIDADE DO PROCESSO DE PLANEJAMENTO REGIONAL E COAP MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA E PARTICIPATIVA Departamento de Articulação Interfederativa ENCONTRO PARA A CONTINUIDADE DO PROCESSO DE PLANEJAMENTO REGIONAL E COAP NORMAS E FLUXOS

Leia mais

COMUNICADO ESPECIAL 18/08/2012 AVALIAÇÃO POLÍTICA

COMUNICADO ESPECIAL 18/08/2012 AVALIAÇÃO POLÍTICA COMUNICADO ESPECIAL 18/08/2012 AVALIAÇÃO POLÍTICA A greve da educação federal e do serviço público vem impondo desgastes políticos cada vez mais significativos ao governo. O governo inicia a semana com

Leia mais

Legislação Aplicada à EBSERH

Legislação Aplicada à EBSERH Legislação Aplicada à EBSERH AULA 1 Profa. Cardoso e Prof. Wellington Silva P r o f a. C a r d o s o e P r o f. W e l l i n g t o n S i l v a P á g i n a 2 LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH APRESENTAÇÃO DO

Leia mais

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos FEIJÃO OUTUBRO DE 2015

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos FEIJÃO OUTUBRO DE 2015 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos FEIJÃO OUTUBRO DE 2015 CALENDÁRIO AGRÍCOLA - FEIJÃO Safra 1ª - Safra das Águas 2ª - Safra da Seca 3ª - Safra de Inverno Principais Regiões Sul, Sudeste,

Leia mais

2ª Reunião Grupo Técnico de Sistematização de Informações Contábeis e Fiscais

2ª Reunião Grupo Técnico de Sistematização de Informações Contábeis e Fiscais Subsecretaria de Contabilidade Pública Coordenação-Geral de Normas de Contabilidade Aplicadas à Federação 2ª Reunião Grupo Técnico de Sistematização de Informações Contábeis e Fiscais SICONFI 2014 OBJETIVOS

Leia mais