Oi at a Glance March 2007

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Oi at a Glance March 2007"

Transcrição

1 Maio,

2 Oi at a Glance March 2007 Empresa líder na oferta convergente de serviços de telecomunicações no Brasil: telefonia fixa, móvel, banda larga, transmissão de dados, longa distância, internet e valor adicionado. 102 milhões de pessoas 41% do PIB brasileiro Concessionária de telefonia fixa na Região 1 28,9 milhões de clientes em telefonia fixa, móvel e banda larga Plataformas integradas e serviços convergentes Foco e estratégia baseados em segmentação de mercado Ampla capilaridade da rede Administração profissional altamente qualificada Programa de remuneração variável (EVA ) Sólida Condição Financeira Equilíbrio entre geração de caixa estável (telefonia fixa) e alto crescimento em novos serviços( telefonia móvel e banda larga) Resultados e Balanços sólidos (baixo endividamento / forte posição de caixa) Região I Região II Região III 2

3 Oi: Consolidando a liderança na Região com estratégia clara e focada De foco no produto para o foco no Cliente... contruindo uma companhia baseada em 4 pilares Melhorar o conhecimento da nossa base de clientes, a partir de uma visão integrada do uso de serviços Segmentação que visa alinhar o portifólio de produtos com a real necessidade do cliente Ofertas integradas e inovadoras nos mercados de varejo e corporativo Velox e Oi como principais motores do crescimento Criação de uma plataforma de internet Excelência operacional, focando em reduçao de custos Consolidar percepção de qualidade dos nossos serviços Evitar competição irracional Foco no Cliente: ofertas segmentadas, integradas e convergentes Processos de Gestão: alinhados com a estratégia e focados nos resultados Pessoas: com atitude e dedicadas a servir Inovação: novos negócios para recuperar crescimento orgânico Parceria para conteúdo Foco no ARPU* ao invés de tráfego Marca Única para todos os serviços * Receita média por cliente Fidelização do Cliente Pacotes de produtos Serviços integrados Escala Sinergias operacionais e financeiras 3

4 Mercado de Telecom no Brasil Market Share dos Principais Grupos de Telecom - Dez/06 TMAR Oi Oi (GSM) Brasil Telecom Brasil Telecom BRT GSM TIM (TDMA/GSM) Região I Região I Região II Região II 39% 13% 23% 3% 25% Telefonica Telmex / AMX CVC / Fundo de Pensão Telefônica (TSP) Vivo (CDMA) TEF / PT Embratel (LD) Claro (TDMA/GSM) Telemig / Tele Norte (TDMA/GSM) Região IV Região III 33% 29% 24% 5% Market Share das Linhas Fixas em Serviço Market Share de clientes de telefonia móvel 4

5 Local LD Móvel Dados / Banda Larga Status de operação Mercado de Telecom no Brasil Market Share de Receita: Principais Serviços e Maiores Grupos 1 - Dez/ 06 Receita Líquida de Telecom (2006E): R$ 80 bilhões Principais Grupos Principais Serviços Móveis 35% Revenda de Aparelhos 7% Outros 6% Dados 9% Local 28% LD 15% Market Share(Rec.) Telmex / AMX 19% Tim 12% Telemar / Oi 21% Outros 2% BRT 13% Telefonica / Vivo 33% (TNE) (TSP) (BRT) /Embratel (TMX) 2 2 (TF/PT) (AMX) (TSU) 2 2 (NETC) integrada Fixa integrada LD/Dados Móvel Móvel Móvel Banda larga / TV por assin.tura Fonte: Relatórios das Empresas Note: 1 Tele Norte Leste, Brasil Telecom, Telesp Fixed, Embratel, Tim Brasil, Vivo, Claro, Telemig e Tele Norte Celular 2 Concessionárias de Telefonia Fixa 5

6 Consolidação no mercado de telecomunicações no Brasil Grupos em 2000 Hoje Futuro: Quantos grupos? O Mercado brasileiro está tendendo ao duopólio? Mexicano Espanhol Safra BCI? Brasileiro 6

7 Mercado de Telecom no Brasil Evolução Recente da Planta Linhas em Serviço (milhões) Clientes Serviço Móvel (milhões) 40,2 40,5 39,3 38,8 36,8 36,6 86,2 99,9 102,2 65,6 46,4 34, Mar/ Mar/07 Assinantes Banda Larga (mil)* Total de Acessos Brasil (milhões) T06 1T07 % Linhas Fixas 38,7 36,6-5,4% Móveis 89,4 102,2 14,3% ADSL * Banda Larga 3,9 5,6 43,6% * Informação referente ao ano 2005/ * Fonte: Teleco e Anatel 7

8 Oi: Destaques Operacionais e Financeiros 8

9 Oi Destaques Operacinais Linhas em Serviço (milhões) Clientes Serviço Móvel (milhões) Oi Móvel 15,1 15,1 15,2 14,9 14,4 14,3 14,4 10,3 13,1 13,4 15,0 6,9 3,9 1, Mar/ E Assinantes ADSL (mil) Oi Velox Mar/ E Total de Acessos (milhões) T06 1T07 % 805 Linhas Fixas 14,7 14,3-2,8% 496 Móveis 11,2 13,4 19,1% 217 Banda Larga 0,9 1,2 31,9% Mar/ E 9

10 TNL Destaques Financeiros: Receita Líquida Consolidada (R$ milhões) Impactos na Receita (1Q07 x 1Q06): Serviços móveis: +55% (base de assinantes + tráfego uso de rede) Serviço de dados: +16% (ADSL + internet) T06 1T07 - Uso de rede telefonia fixa: -13% (Redução tarifária: obrigação regulatória) Serviço Local: -2% (Migração do tráfego para rede móvel) Longa Distância: -9% (Migração do tráfego para rede móvel e competição) 10

11 TNL Destaques Financeiros: EBITDA Consolidado (R$ milhões) 45% 44% Margem EBITDA 41% 40% Principais Impactos na Margem EBITDA 35% 36% 37% 34% Consolidada: Redução regulatória de 20% nas tarifas de interconexão Redução de tráfego (Local / LD) Full Billing para operadoras móveis T06 1T07 11

12 TNL Destaques Financeiros: Lucro Líquido (R$ milhões) Principais Impactos: Queda na depreciação e Amortização (R$ 169 milhões) 751 Redução nas despesas financeiras (R$ 178 milhões) T06 1T07 12

13 TNL Destaques Financeiros: Investimentos Consolidados (R$ bilhões) Móvel Fixo 10,1 2,2 7,9 (2) (1) 2,4 2,3 2,4 2,0 2,0 1,7 0,8 0,7 0,5 0,9 0,7 0,6 1,9 1,6 1,6 1,1 1,1 1,3 0,4 0, E 1T06 1T07 Capex 1T07: 8,0% da receita líquida Capex 2007E: R$ 2,4 bilhões ~ 80% Telefonia fixa ~ 20% Telefonia móvel Foco 2007: Expandir/ampliar capacidade da rede de banda larga e telefonia móvel + novos serviços Qualidade da rede fixa e obrigações regulatórias Aumentar o ARPU (1) Metas Regulatórias ( 2) Licença SMP: R$ 1,1 bihão 13

14 TNL Destaques Financeiros: Fluxo de Caixa Livre* (R$ bilhões) 2,3 4,0 4,0 3,5 3,3 0,5 0,8-5, T06 1T07 * Após CAPEX 14

15 TNL Destaques Financeiros: Posição da Dívida (R$ bilhões) Dívida Líquida Cronograma de Amortização 7,7 9,1 7,8 6,5 0,70 x EBITDA 6,1 4,9 4,2 1,3 Total da Dívida = R$ 8,8 bilhões 2,1 1,9 1,3 1,5 0, Mar/ Objetivos Alcançados: - Redução de alavancagem - Alongamento dos prazos - Menor exposição cambial - Redução das despesas financeiras 15

16 Convergência de Serviços One-Stop Shop 16

17 Convergência: redes multi-serviços redefinindo a indústria de telecom no mundo Plataforma Voz Dados Vídeo Voz Dados Vídeo Telefonia Fixa IPTV Wimax Telefonia Móvel 2,5/3G* TV por assinatura VoIP Wimax TV Aberta Barreiras Tecnológicas? Digital TV Serviços Fragmentados Serviços Complementares 17

18 Oi, um passo adiante: serviços convergentes Serviços Convergentes: Uma marca única Serviços Integrados Companhias de telefonia fixa ou de telefonia móvel Source: Telemar 18

19 Exemplos de serviços integrados Planos Pré-pagos Dose Certa Recarga de Pré-pago com apenas R$ 1,00 Baixo Valor - Menor valor de recarga - SIM alone ( Oi Chip ) - Integração com linha fixa e telefones públicos Planos Pós-pagos Oi Conta Total oferecendo também TV por assinatura (Fixo+Móvel+Banda Larga+Tv) Médio Alto Valor - Planos Controle - Planos de Fidelidade -Cobertura - Relacionamento + Benefícios: Descontos nos Produtos Combo Sem taxa de adesão Modem grátis para o Velox Kit de instalação Sky-Directv grátis 19

20 Aviso Importante aos nossos Acionistas A Oi orienta seus acionistas quanto ao cumprimento dos termos do artigo 12 da Instrução CVM 358, porém não se responsabiliza pela divulgação das informações sobre aquisição ou alienação, por terceiros, de participação que corresponda a 5% ou mais de espécie ou classe de ações representativas de seu capital ou de direitos sobre essas ações e demais valores mobiliários de sua emissão. Shares TNE Capital Treasury Controlling Shares Free-Float Common 130,611,732 3,237,832 68,504,187 58,869,713 Preferred 261,223,463 6,475, ,747,800 Total 391,835,195 9,713,495 68,504, ,617,513 Shares TMAR Capital Treasury Controlling Shares Free-Float Common 107,186, , ,227,873 2,835,220 Preferred (A) 133,369,373 2,928,905 91,249,767 39,190,701 Preferred (B) 1,111,894 1, ,110,788 Total 241,668,233 3,053, ,477,646 43,136,709 (*) Shareholders owning a direct or indirect controlling stake in the company, shareholders who elect the members of the Board of Directors, or any private individual, legal entity or group of same, acting jointly or representing a common interest, that attains a direct or indirect stake equivalent to 5% (five percent) or more of the company s capital, must send to the Company, under the terms this article. 20

21 Esta apresentação contém projeções e/ou estimativas de futuros eventos. As projeções aqui disponíveis foram reunidas de maneira criteriosa dentro da atual conjuntura, baseadas em trabalhos em andamento e respectivas estimativas. O uso de termos como: "projeta", "estima", "antecipa", "prevê", "planeja", "espera" entre outros, objetivam sinalizar possíveis tendências que, evidentemente, envolvem incertezas e riscos, cujos resultados futuros podem diferir das expectativas atuais. A Oi não se responsabiliza por operações ou decisões de investimento tomadas em função de tais projeções ou estimativas. Contatos RI: Rua Humberto de Campos, 425 / 8º andar - Leblon Rio de Janeiro - RJ Tel: ( 55 21) /1315/1316 Fax: (55 21) Visite nosso website: 21

Oi: Visão Geral Dezembro 2006

Oi: Visão Geral Dezembro 2006 Março / 2007 1 Oi: Visão Geral Dezembro 2006 Empresa líder na oferta convergente de serviços de telecomunicações no Brasil: telefonia fixa, móvel, banda larga, transmissão de dados, longa distância, internet

Leia mais

Índice. 1. Visão Geral Telemar Visão Geral do Mercado de Telecom Telemar Principais Desafios 24.

Índice. 1. Visão Geral Telemar Visão Geral do Mercado de Telecom Telemar Principais Desafios 24. APIMEC 2005 Índice 1. Visão Geral Telar 2 2. Visão Geral do Mercado Telecom 4 3. Telar 12 7 4. Principais Desafios 24 1 Visão Geral Telar Foco no Mercado 14.966 mil linhas serviço 8.112 mil clientes 641

Leia mais

ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11

ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11 ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11 AGOSTO 2011 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 2 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 3 Ofertas por Segmento DESTAQUES

Leia mais

Relações com Investidores 4T ÁUDIO CONFERÊNCIA. Fevereiro 2013

Relações com Investidores 4T ÁUDIO CONFERÊNCIA. Fevereiro 2013 Relações com Investidores ÁUDIO CONFERÊNCIA Fevereiro 2013 4T12 2012 EstratégiA RESIDENCIAL MOBILIDADE PESSOAL EMPRESARIAL CORPORATIVO Convergência de serviços com crescimento de Banda Larga e TV Paga

Leia mais

ÁUDIO CONFERÊNCIA 4T11

ÁUDIO CONFERÊNCIA 4T11 ÁUDIO CONFERÊNCIA 4T11 MARÇO 2012 Resultado 2011 da Oi S.A. Com a aprovação da reestruturação societária, em 27/02/2012, tanto TNL, quanto Coari e os acionistas de TMAR foram incorporados pela Oi S.A.,

Leia mais

Simples Assim. Apresentação APIMEC. Novembro de 2007

Simples Assim. Apresentação APIMEC. Novembro de 2007 Simples Assim Apresentação APIMEC Novembro de 2007 1 Aviso Importante aos Acionistas da TNLP e TMAR Instrução CVM nº358, art. 12: Os acionistas controladores, diretos ou indiretos, e os acionistas que

Leia mais

P r a c r er e i r a i Es E tra r t a ég é ic i a com m a Portugal Telecom Janeiro de 2011

P r a c r er e i r a i Es E tra r t a ég é ic i a com m a Portugal Telecom Janeiro de 2011 Parceria Estratégica com a Portugal Telecom Janeiro de 2011 SEÇÃO 1 Racional da Transação Crescimento da Classe C traz oportunidades relevantes para o setor de Telecom no Brasil Área Terrestre 8,5 Milhões

Leia mais

Relações com Investidores. Áudio Conferência 1T12. Maio 2012

Relações com Investidores. Áudio Conferência 1T12. Maio 2012 Relações com Investidores Áudio Conferência Maio 2012 1T12 Performance EBITDA Pro-forma 1T11 1T12 4T11 1T12 2.012 29,6% 2.012 29,6% 1.985 28,6% 1.838 26,4% EBITDA e Margem EBITDA apresentam crescimento

Leia mais

Índice. 1. Visão Geral Telemar Visão Geral do Mercado de Telecom Telemar Principais Desafios 24.

Índice. 1. Visão Geral Telemar Visão Geral do Mercado de Telecom Telemar Principais Desafios 24. APIMEC 2005 Índice 1. Visão Geral Telar 2 2. Visão Geral do Mercado Telecom 4 3. Telar 12 7 4. Principais Desafios 24 1 Visão Geral Telar Foco Mercado 14.966 mil linhas serviço 8.112 mil clientes 641 mil

Leia mais

ÁUDIO CONFERÊNCIA3T11

ÁUDIO CONFERÊNCIA3T11 ÁUDIO CONFERÊNCIA3T11 OUTUBRO 2011 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 2 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 3 Ofertas por Segmento DESTAQUES

Leia mais

Dezembro/2003. Apresentação Corporativa

Dezembro/2003. Apresentação Corporativa Dezembro/2003 Apresentação Corporativa Visão Geral 1 Destaques Operadora integrada 15,1 milhões de linhas fixas em serviço (dez/03) 4,0 milhões de linhas móveis (jan/04) Região I Área de Concessão (Região

Leia mais

WEBSITE APIMEC AGOSTO DE Relações com Investidores

WEBSITE APIMEC AGOSTO DE Relações com Investidores WEBSITE APIMEC AGOSTO DE 2009 Relações com Investidores AGENDA O Mercado de Telecomunicações no Brasil Perfil e Integração com BrT Resultados e Diretrizes Futuras Atuação no Terceiro Setor 3 7 12 21 2

Leia mais

Ali l a i n a ç n a Ind n us u tri r a i l a l com m a a Portugal Telecom 28 de julho de 2010

Ali l a i n a ç n a Ind n us u tri r a i l a l com m a a Portugal Telecom 28 de julho de 2010 Aliança Industrial com a Portugal Telecom 28 de julho de 2010 SEÇÃO 1 Racional da Transação Grupo Oi: Operador de Telecomunicações Líder no Brasil Grupo Oi é o Líder no mercado Brasileiro de Telecomunicações,

Leia mais

Resultados 3T11. Telefônica Brasil S.A. São Paulo, 10 de Novembro de Relações com Investidores Telefónica do Brasil

Resultados 3T11. Telefônica Brasil S.A. São Paulo, 10 de Novembro de Relações com Investidores Telefónica do Brasil Resultados 3T11 Telefônica Brasil S.A. São Paulo, 10 de Novembro de 2011. Disclaimer Para fins de comparabilidade, os números do 3T10, acumulado 2011 e 2010 foram elaborados de forma combinada. Desta forma,

Leia mais

Novembro 2006. www.telemar.com.br/ri

Novembro 2006. www.telemar.com.br/ri Novembro 2006 www.telemar.com.br/ri Índice Visão Geral Telemar Mercado de Telecom no Brasil Telemar: Destaques Operacionais e Financeiros Anexos 2 Telemar: Visão Geral Empresa líder em serviços integrados

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A Reunião Pública com Investidores Resultados de 2006

Net Serviços de Comunicação S.A Reunião Pública com Investidores Resultados de 2006 Net Serviços de Comunicação S.A Reunião Pública com Investidores Resultados de 2006 A Companhia Destaques do trimestre Início dos investimentos para aumentar a bi-direcionalidade da rede; Expansão da oferta

Leia mais

TIM Participações S.A. Resultados do 3T de Novembro de 2006

TIM Participações S.A. Resultados do 3T de Novembro de 2006 TIM Participações S.A. Resultados do 06 de Novembro de 2006 1 1 Destaques Desempenho do Mercado Estratégia Comercial Desempenho Financeiro 2 2 Destaques Forte crescimento e melhoria da qualidade da base

Leia mais

Resultados. Telefônica Brasil S.A

Resultados. Telefônica Brasil S.A Resultados 4T11 e 2011 16.02.2012 Disclaimer Para fins de comparabilidade, os números do 4T10, acumulado 2011 e 2010 foram elaborados de forma combinada. Desta forma, as variações trimestrais e anuais

Leia mais

Perguntas e Respostas Conference Call 1T02. P - Gostaria de saber se a Companhia continuará não informando o tráfego do período, ou

Perguntas e Respostas Conference Call 1T02. P - Gostaria de saber se a Companhia continuará não informando o tráfego do período, ou Perguntas e Respostas Conference Call 1T02 Esta divulgação contém projeções e/ou estimativas de futuros eventos. As projeções aqui disponíveis foram reunidas de maneira criteriosa dentro da atual conjuntura,

Leia mais

BRASIL TELECOM. Maio de Relações com Investidores

BRASIL TELECOM. Maio de Relações com Investidores BRASIL TELECOM Maio de 2010 Relações com Investidores A aquisição de Brasil Telecom era estratégica Backbone Nacional e Internacional * O Setor de Telecomunicações é um negócio de escala (rápidas mudanças

Leia mais

Resultados 4T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Fevereiro, 2015.

Resultados 4T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Fevereiro, 2015. Resultados 4T14_ Fevereiro, 2015. Disclaimer Esta apresentação pode conter declarações baseadas em estimativas a respeito dos prospectos e objetivos futuros de crescimento da base de assinantes, um detalhamento

Leia mais

Reunião APIMEC - CE. Rio de Janeiro, 15 de Dezembro de 2004

Reunião APIMEC - CE. Rio de Janeiro, 15 de Dezembro de 2004 Reunião APIMEC - CE Rio de Janeiro, 15 de Dezembro de 2004 Índice Mercado de Telecomunicações Visão Geral 2 Telemar Visão Geral 13 Estratégia de Crescimento 22 Desempenho Financeiro 28 Estimativas 38 www.telemar.com.br/ri

Leia mais

Atualização do Plano Estratégico

Atualização do Plano Estratégico Londres, 03 de dezembro de 2008 Atualização do Plano Estratégico 2009-2011 TIM Participações TIM Brasil: Ações de Recuperação 2008 Ações TIM 1. Melhorando o processo de caring para clientes de alto valor

Leia mais

JP Morgan Brasil TMT Day. 27 de Novembro, 2008

JP Morgan Brasil TMT Day. 27 de Novembro, 2008 JP Morgan Brasil TMT Day 27 de Novembro, 2008 1 Agenda Setor de Telecomunicações no Brasil 2 Histórico da Oi: Um Caso de Transformação 7 Nossa Estratégia e Principais Resultados 10 Destaques Operacionais

Leia mais

www.telemar.com.br/ri Maio - 2004

www.telemar.com.br/ri Maio - 2004 Apresentação Corporativa Maio - 2004 Apresentação Telemar - Agenda 1. Destaques 2003/2004 1 2. Estratégia de Crescimento 3 3. Revisão do Resultado Operacional 12 4. Resultados Financeiros 20 1 Destaques

Leia mais

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) 1T06 4T06 1T07

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) 1T06 4T06 1T07 Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 24 de abril de 2007 Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (NYSE:EMT;BOVESPA:EBTP4, EBTP3) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações

Leia mais

Aquisição de Telmex do Brasil e 37,1% da NET. Outubro, 2005

Aquisição de Telmex do Brasil e 37,1% da NET. Outubro, 2005 Aquisição de Telmex do Brasil e 37,1% da NET Outubro, 2005 Exceto pelas informações históricas contidas aqui, esta apresentação pode incluir estimativas de acordo com os meios da Seção 27A da Securities

Leia mais

TIM Participações S.A. Resultados do 2T de julho de 2006

TIM Participações S.A. Resultados do 2T de julho de 2006 TIM Participações S.A. Resultados do 2T06 24 de julho de 2006 1 Principais Realizações Desempenho do Mercado Desempenho Financeiro Ambiente Regulatório 2 Principais realizações Crescimento contínuo e com

Leia mais

Plano Estratégico Relações com Investidores

Plano Estratégico Relações com Investidores 1 Limitação de Responsabilidade Esta apresentação contém declarações prospectivas que refletem crenças e expectativas atuais sobre a base de clientes, estimativas em relação aos resultados financeiros

Leia mais

Press Release. Resultados do 1º Trimestre de 2004

Press Release. Resultados do 1º Trimestre de 2004 Press Release Resultados do 1º Trimestre de 2004 2003 - página 2 de 2 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores

Leia mais

Relações com Investidores. Apresentação Corporativa Maio 2013

Relações com Investidores. Apresentação Corporativa Maio 2013 Relações com Investidores Apresentação Corporativa Maio 2013 Mercado Brasileiro de Telecomunicações Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia Resultados Operacionais e Financeiros Anexos 2 VISÃO RESUMIDA DO BRASIL

Leia mais

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. QUARTO TRIMESTRE DE 2000 E RESULTADO ANUAL

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. QUARTO TRIMESTRE DE 2000 E RESULTADO ANUAL Contatos TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. Ruggero Caterini Diretor de Finanças e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores

Leia mais

TV: Mais um passo em direção à. Convergência. IPTV WORLD FORUM LATIN AMERICA Rio de Janeiro, 30 de janeiro de 2007

TV: Mais um passo em direção à. Convergência. IPTV WORLD FORUM LATIN AMERICA Rio de Janeiro, 30 de janeiro de 2007 TV: Mais um passo em direção à Convergência IPTV WORLD FORUM LATIN AMERICA Rio de Janeiro, 30 de janeiro de 2007 ATUAÇÃO DO GRUPO TELEMAR DADOS DO ÚLTIMO BALANÇO SETEMBRO/2006 14,4 milhões de linhas fixas

Leia mais

R$ milhões Consolidado Consolidado Combinado 1T12 4T11 % 1T11 % Receita Líquida Móvel 5.105, ,4 (2,9) 4.671,1 9,3

R$ milhões Consolidado Consolidado Combinado 1T12 4T11 % 1T11 % Receita Líquida Móvel 5.105, ,4 (2,9) 4.671,1 9,3 RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA Receita Líquida Móvel 5.105,6 5.260,4 (2,9) 4.671,1 9,3 Receita de serviço móvel 4.924,2 5.097,4 (3,4) 4.367,2 12,8 Franquia e utilização 2.599,8 2.660,5 (2,3) 2.322,6 11,9

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Relações com Investidores Apresentação Corporativa Novembro/2012 Mercado Brasileiro de Telecomunicações Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia Resultados Operacionais e Financeiros Anexos 1 VISÃO RESUMIDA

Leia mais

A receita de uso de rede diminuiu 6,1% em relação ao 3T11 e apenas 0,6% em relação ao 2T12, principalmente em função da redução da VU-M.

A receita de uso de rede diminuiu 6,1% em relação ao 3T11 e apenas 0,6% em relação ao 2T12, principalmente em função da redução da VU-M. RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA Receita Líquida Móvel 5.340,9 5.128,2 4,1 4.923,2 8,5 15.574,6 14.326,7 8,7 Receita de serviço móvel 5.078,2 4.959,7 2,4 4.697,9 8,1 14.962,1 13.535,4 10,5 Franquia e utilização

Leia mais

NET Serviços de Comunicação S.A. Reunião Pública com Investidores Resultados do 1T05

NET Serviços de Comunicação S.A. Reunião Pública com Investidores Resultados do 1T05 NET Serviços de Comunicação S.A. Reunião Pública com Investidores Resultados do 1T05 1 Considerações Futuras Eventuais declarações que possam ser feitas durante essa apresentação, relativas às perspectivas

Leia mais

Paulo Cesar Teixeira. VP Executivo de Operações COO 23/03/2010

Paulo Cesar Teixeira. VP Executivo de Operações COO 23/03/2010 Paulo Cesar Teixeira VP Executivo de Operações COO 23/03/2010 1. O Brasil 2. A Vivo 3. Soluções Móveis 2 4. Programa Soluções de Mobilidade 3 O BRASIL O crescimento do setor de telefonia móvel no Brasil

Leia mais

AlgarTelecom. Gente Servindo Gente. Assessoria de Comunicação, Marca e Sustentabilidade maio 2013

AlgarTelecom. Gente Servindo Gente. Assessoria de Comunicação, Marca e Sustentabilidade maio 2013 AlgarTelecom Gente Servindo Gente 2013 Grupo Algar (desde 1929) Negócios Algar Setor TI/Telecom Setor Agro Setor Serviços Turismo Solidez e presença Presença geográfica Destaques 2012 Algar Telecom Algar

Leia mais

IN 371/2002 Estudo de Viabilidade (Claro Telecom Participações S.A)

IN 371/2002 Estudo de Viabilidade (Claro Telecom Participações S.A) IN 371/2002 Estudo de Viabilidade (Claro Telecom Participações S.A) São Paulo, SP 30 de Setembro de 2014 1 IN CVM 371/2002 CPC 32 Planos de Longo Prazo 2014-2024 Ativos Fiscais Diferidos Realização Ativos

Leia mais

Slide 1. Resultados 3T04

Slide 1. Resultados 3T04 Slide 1 Resultados 3T04 27 de outubro de 2004 Slide 2 Agenda Conclusão da Reestruturação Posicionamento Competitivo Resultados Financeiros Slide 3 Conclusão da Reestruturação A nova TSU: Com o dobro de

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Relações com Investidores Apresentação Corporativa Fevereiro de 2013 Mercado Brasileiro de Telecomunicações Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia Resultados Operacionais e Financeiros Anexos 1 VISÃO RESUMIDA

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 13 de fevereiro de 2009.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 13 de fevereiro de 2009. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 13 de fevereiro de 2009. Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações

Leia mais

TIM Participações S.A. Resultado do 1T08

TIM Participações S.A. Resultado do 1T08 TIM Participações S.A. Resultado do 1T08 6 de Maio de 2008 1 Destaques Desempenho do Mercado Estratégia Comercial Desempenho Financeiro 2 Indicadores Base de Clientes Resultados Principais Destaques do

Leia mais

Resultados Financeiros e Operacionais. 1º Trimestre de 2003

Resultados Financeiros e Operacionais. 1º Trimestre de 2003 Resultados Financeiros e Operacionais 1º Trimestre de 2003 Abril - 2003 Agenda Tendências Desafios Consórcio Brasil Celular Programa de Relacionamento Resultados Financeiros e Operacionais Amazônia Celular

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A. Apresentação - APIMEC. - Abril de

Net Serviços de Comunicação S.A. Apresentação - APIMEC. - Abril de 1 Net Serviços de Comunicação S.A. Apresentação - APIMEC - Abril de 2004 - 2 Tópicos I. Visão Geral da Companhia II. Resultados Operacionais III. Resultados Financeiros IV. Conclusão 3 Tópicos I. Visão

Leia mais

Apresentação APIMEC. Dezembro 2010. Investor Relations. Investor Relations

Apresentação APIMEC. Dezembro 2010. Investor Relations. Investor Relations Apresentação APIMEC Dezembro 2010 AGENDA 03. Mercado Brasileiro de Telecom 06. Oi: Perfil e Estratégia 13. Resultados Operacionais e Financeiros 19. Aliança com a Portugal Telecom Mercado Brasileiro de

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 24 de julho de 2009.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 24 de julho de 2009. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 24 de julho de 2009. Embratel Participações S.A. ( Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ), 100,0

Leia mais

TIM Participações S.A. Resultados do 4T07 e de 2007

TIM Participações S.A. Resultados do 4T07 e de 2007 TIM Participações S.A. Resultados do 4T07 e de 2007 5 de Março, 2008 1 Destaques Desempenho do Mercado Estratégia Comercial Desempenho Financeiro 2 TIM em 2007 Uma Marca Reconhecida... Top of Mind operadora

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 27 de outubro de 2009.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 27 de outubro de 2009. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 27 de outubro de 2009. Embratel Participações S.A. ( Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ), 100,0

Leia mais

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 09 DE ABRIL DE 2013

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 09 DE ABRIL DE 2013 SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 09 DE ABRIL DE 2013 crescimento do setor de telecomunicações está acelerado 8% 10% telefonia móvel banda larga

Leia mais

Contatos TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO

Contatos TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO Contatos TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. Ruggero Caterini Diretor de Finanças e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 312-6862 Jserafim@timsul.com.br

Leia mais

1. Destaques. Índice:

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 18 de abril de 2008 Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (BOVESPA:EBTP4, EBTP3) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A.

Leia mais

Resultados do 3º Trimestre/2002

Resultados do 3º Trimestre/2002 Resultados do 3º Trimestre/2002 1 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 312-6862 jserafim@timsul.com.br

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA APRESENTAÇÃO CORPORATIVA Julho de 2011 Mercado Brasileiro de Telecomunicações Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia Resultados Operacionais e Financeiros Aliança com a Portugal Telecom e Aumento de Capital

Leia mais

RESULTADOS 1T17. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Maio de 2017

RESULTADOS 1T17. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Maio de 2017 RESULTADOS Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Maio de 2017 DISCLAIMER Esta apresentação pode conter declarações baseadas em estimativas a respeito dos prospectos e objetivos futuros de crescimento

Leia mais

Resultados do 2º Trimestre/2002

Resultados do 2º Trimestre/2002 Resultados do 2º Trimestre/2002 1 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 312-6862 jserafim@timsul.com.br

Leia mais

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR ALEXANDER CASTRO BRASÍLIA, 13 DE NOVEMBRO DE 2013 crescimento do setor de telecomunicações está acelerado

Leia mais

Resultados do 1º Trimestre 2003

Resultados do 1º Trimestre 2003 Resultados do 1º Trimestre 2003 Abril 2003 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 9968-3685 / 312-6862

Leia mais

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Brasília

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Brasília Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados Expo Money Brasília Conhecendo a TIM Aniversário de 15 anos de Listagem TIM: Uma Gigante Brasileira Crescimento Orgânico Receita Bruta (R$ Bi) 27,8 Base

Leia mais

3 O setor de telecomunicações 3.1. A privatização do setor

3 O setor de telecomunicações 3.1. A privatização do setor 3 O setor de telecomunicações 3.1. A privatização do setor O setor de telecomunicações sofreu profundas transformações, principalmente na última década, considerando que era um monopólio estatal. Até o

Leia mais

Aquisição UniSEB Setembro 2013

Aquisição UniSEB Setembro 2013 Aquisição UniSEB Setembro 2013 Disclaimer As informações contidas nesse material foram preparadas pela Estácio Participações S.A. ( Estácio ou Companhia ) meramente com o objetivo de apresentação a investidores

Leia mais

NEGÓCIO MÓVEL RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA

NEGÓCIO MÓVEL RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA NEGÓCIO MÓVEL RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA Receita Líquida Móvel 5.758,7 6.086,3 (5,4) 5.636,3 2,2 Receita de serviço móvel 5.446,1 5.762,7 (5,5) 5.270,5 3,3 Franquia e utilização 2.833,7 2.891,4 (2,0)

Leia mais

Telefônica Brasil S.A. 10.05.2012. Resultados 1T12

Telefônica Brasil S.A. 10.05.2012. Resultados 1T12 10.05.2012 Resultados 1T12 Disclaimer Para fins de comparabilidade, os números do 1T11 foram elaborados de forma combinada. Desta forma, as variações anuais aqui apresentadas podem diferir i daquelas informadas

Leia mais

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO SEGUNDO TRIMESTRE DE 2003

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO SEGUNDO TRIMESTRE DE 2003 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 9968-3685 / 312-6862 jserafim@timsul.com.br Website http://tsu.infoinvest.com.br/

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 28 de abril de 2009.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 28 de abril de 2009. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 28 de abril de 2009. Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações

Leia mais

Universalização, Competitividade e Rentabilidade: O Paradigma do Setor. Ronaldo Iabrudi Natal, 31 de maio de 2002

Universalização, Competitividade e Rentabilidade: O Paradigma do Setor. Ronaldo Iabrudi Natal, 31 de maio de 2002 Universalização, Competitividade e Rentabilidade: O Paradigma do Setor Ronaldo Iabrudi Natal, 31 de maio de 2002 Plano Geral de Metas de Qualidade Plano Geral de Metas de Universalização As regras de expansão

Leia mais

Receita Líquida Móvel 5.636, ,6 (3,2) 5.105,7 10,4

Receita Líquida Móvel 5.636, ,6 (3,2) 5.105,7 10,4 NEGÓCIO MÓVEL RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA Receita Líquida Móvel 5.636,3 5.822,6 (3,2) 5.105,7 10,4 Receita de serviço móvel 5.270,5 5.474,3 (3,7) 4.924,4 7,0 Franquia e utilização 2.784,4 2.908,1 (4,3)

Leia mais

Operadora: Indicadores econômico-financeiros

Operadora: Indicadores econômico-financeiros Número 02 São Paulo, 24 de julho de 2013 Operadora: Indicadores econômico-financeiros RESUMO Maior empresa de telecomunicações no segmento de telefonia móvel pré-paga no Brasil, e segundo lugar no mercado

Leia mais

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) % Var Ano

(Os números financeiros estão em Reais e baseados nas demonstrações financeiras consolidadas da Embrapar) % Var Ano Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 01 de fevereiro de 2008 Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) (BOVESPA:EBTP4, EBTP3) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações

Leia mais

MARCO REGULATÓRIO DA TELEFONIA EDUARDO LEVY AUDIÊNCIA PÚBLICA - CÂMARA DOS DEPUTADOS

MARCO REGULATÓRIO DA TELEFONIA EDUARDO LEVY AUDIÊNCIA PÚBLICA - CÂMARA DOS DEPUTADOS MARCO REGULATÓRIO DA TELEFONIA AUDIÊNCIA PÚBLICA - CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO URBANO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO Brasília, 10 de dezembro de 2013 EDUARDO

Leia mais

RESULTADOS CONSOLIDADOS DO QUARTO TRIMESTRE 2002 E RESULTADO ANUAL

RESULTADOS CONSOLIDADOS DO QUARTO TRIMESTRE 2002 E RESULTADO ANUAL RESULTADOS CONSOLIDADOS DO QUARTO TRIMESTRE 2002 E RESULTADO ANUAL 1 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores

Leia mais

Revisão do Contrato de Concessão e Modernização dos Serviços

Revisão do Contrato de Concessão e Modernização dos Serviços Revisão do Contrato de Concessão e Modernização dos Serviços 1 01 A sustentabilidade do modelo atual de Concessão de Telefonia Fixa está ameaçada 2 O declínio da telefonia fixa é uma tendência mundial,

Leia mais

A Telefónica está à frente do setor com negócios inovadores baseados na tecnologia ADSL que alavancarão o crescimento do negócio de Banda larga.

A Telefónica está à frente do setor com negócios inovadores baseados na tecnologia ADSL que alavancarão o crescimento do negócio de Banda larga. Marcando tendências A Telefónica está à frente do setor com negócios inovadores baseados na tecnologia ADSL que alavancarão o crescimento do negócio de Banda larga. Nos últimos anos a Telefónica vem se

Leia mais

TIM Participações S.A.

TIM Participações S.A. Apresentação de Resultados Apresentação de Resultados TIM Participações S.A. Destaques Financeiros R$ milhões Guidance Var. % A/A 1S12 Var. % A/A Receita Total (reportado) Receita Total (com ajuste da

Leia mais

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 1999.

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 1999. Contatos: Walmir Urbano Kesseli Joana Dark Fonseca Serafim Telefone: (041)305-5447 Fax: (041)305-3074 E-mail: joana.serafim@telecelularsul.com.br Homepage: www.telecelularsul.com.br TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES

Leia mais

Este documento pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia.

Este documento pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia. ULTRAPAR ULTRAPAR Este documento pode conter previsões acerca de eventos futuros. Tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia. Palavras como acredita, espera, planeja,

Leia mais

Telesp - GVT: Um encaixe perfeito. Outubro 7, 2009

Telesp - GVT: Um encaixe perfeito. Outubro 7, 2009 Telesp - GVT: Um encaixe perfeito Outubro 7, 2009 Aviso Legal O presente documento contém manifestações a respeito do futuro sobre intenções, expectativas ou previsões da Companhia ou de seu direcionamento

Leia mais

Press Release. Resultados do 3º Trimestre de 2003

Press Release. Resultados do 3º Trimestre de 2003 Press Release Resultados do 3º Trimestre de 2003 3T03 - página 2 de 12 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Relações com Investidores Apresentação Corporativa Agosto/2012 Mercado Brasileiro de Telecomunicações Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia Resultados Operacionais e Financeiros Anexos 1 VISÃO RESUMIDA DO

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Apresentação Corporativa Abril 2011 AGENDA 03. Setor de Telecomunicações no Brasil 12. Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia 19. Resultados Operacionais e Financeiros 34. Aliança com a Portugal Telecom e

Leia mais

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2002

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2002 Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 312-6862 jserafim@timsul.com.br Rafael J. Caron Bósio Relações

Leia mais

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO QUARTO TRIMESTRE 2001 E RESULTADO ANUAL

TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO QUARTO TRIMESTRE 2001 E RESULTADO ANUAL Contatos Paulo Roberto Cruz Cozza Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 312-6862 jserafim@timsul.com.br Rafael J. Caron Bósio Relações

Leia mais

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Belo Horizonte

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Belo Horizonte Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados Expo Money Belo Horizonte Conhecendo a TIM 15 anos de Listagem na Bolsa TIM: Uma Gigante Brasileira Crescimento Receita Bruta (R$ Bi) 27,8 Base de Clientes

Leia mais

Desafios na oferta do acesso BL nas grandes e médias cidades

Desafios na oferta do acesso BL nas grandes e médias cidades Desafios na oferta do acesso BL nas grandes e médias cidades Antonio Carlos Valente Desde 2011, as operadoras vem fazendo esforços para o crescimento da Banda Larga no Brasil Características do PNBL Jan/11

Leia mais

PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2001

PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2001 Contatos TELE CELULAR SUL PARTICIPAÇÕES S.A. Ruggero Caterini Diretor de Finanças e de Relações com Investidores Joana Dark Fonseca Serafim Relações com Investidores (41) 312-6862 Jserafim@timsul.com.br

Leia mais

TIM Brasil Plano Industrial

TIM Brasil Plano Industrial TIM Brasil 2013-2015 Industrial Limitação de Responsabilidade Este documento pode incluir declarações prospectivas. Essas declarações não são declarações de fatos históricos e refletem crenças e expectativas

Leia mais

Apresentação Corporativa

Apresentação Corporativa Relações com Investidores Apresentação Corporativa Junho/2012 Mercado Brasileiro de Telecomunicações Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia Resultados Operacionais e Financeiros Anexos 1 VISÃO RESUMIDA DO

Leia mais

NDICE GERAL SUM RIO EXECUTIVO... 15 1. APRESENTAÇ O... 24 PARTE 1 RESULTADOS DO SETOR... 25

NDICE GERAL SUM RIO EXECUTIVO... 15 1. APRESENTAÇ O... 24 PARTE 1 RESULTADOS DO SETOR... 25 NDICE GERAL SUM RIO EXECUTIVO... 15 1. APRESENTAÇ O... 24 PARTE 1 RESULTADOS DO SETOR... 25 2. ORGANIZAÇ O... 26 2.1 Formação das Operadoras de Celular do Brasil... 26 2.2 Bandas de Frequências... 30 3.

Leia mais

A Perspectiva da Competição no Mercado de Telefonia Fixa A Visão da GVT

A Perspectiva da Competição no Mercado de Telefonia Fixa A Visão da GVT A Evolução na Dinâmica dos Negócios das Telecomunições Brasileiras A Perspectiva da Competição no Mercado de Telefonia Fixa A Visão da GVT Amos Genish CEO Painel Telebrasil Costa do Sauípe, 26 de junho

Leia mais

Brasil Telecom Celular

Brasil Telecom Celular Brasil Telecom Celular 1 Estratégia Como agregar telefonia móvel ao portfolio da Brasil Telecom? Serviço Local Dados & Corporativo Longa Distância Telefonia Móvel Evolução tecnológica através da telefonia

Leia mais

TELE NORDESTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2003

TELE NORDESTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. ANUNCIA OS RESULTADOS DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2003 Contatos: Tele Nordeste Celular Participações S.A. Walmir Urbano Kesseli 55.81.3302.2813 Fabíola Almeida fabiola.almeida@timnordeste.com.br Leonardo Wanderley 55.81.3302.2594 leonardo.wanderley@timnordeste.com.br

Leia mais

UBS CEO CONFERENCE. 21 de março de 2006

UBS CEO CONFERENCE. 21 de março de 2006 UBS CEO CONFERENCE 21 de março de 2006 1 Disclaimer Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e às perspectivas

Leia mais

(Tele)Comunicações 2015 Contribuições para o Aperfeiçoamento do Modelo

(Tele)Comunicações 2015 Contribuições para o Aperfeiçoamento do Modelo Credibilidade e Experiência em Telecomunicações (Tele)Comunicações 2015 Contribuições para o Aperfeiçoamento do Modelo Relatório Fonte Capítulo 2 O Modelo brasileiro e seus desafios Novembro de 2005 3379

Leia mais

Apresentação TELECOM Sauípe 2009

Apresentação TELECOM Sauípe 2009 Apresentação TELECOM Sauípe 2009 AGENDA Evolução Telecom Telecom no Brasil Tendências Operação OI/Brasil Telecom A Indústria de Telecomunicações no mundo e Brasil O PIB Mundial produzido pelo Setor de

Leia mais

Brasil Telecom S.A. Ex-Telecomunicações do Paraná S.A. - Telepar

Brasil Telecom S.A. Ex-Telecomunicações do Paraná S.A. - Telepar Brasil Telecom S.A. Ex-Telecomunicações do Paraná S.A. - Telepar Informações Relevantes ao Mercado 2 o Trimestre de 2000 Não Auditadas Brasília, 02 de agosto de 2000 CONTATOS BRASIL TELECOM PARTICIPAÇÕES

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T14

Teleconferência de Resultados 1T14 Teleconferência de Resultados 1T14 RESULTADOS - CONSOLIDADO RECEITA LÍQUIDA 267,3 300,1 12,3% EBITDA AJUSTADO¹ 50,0 56,5 13,0% MARGEM EBITDA AJUSTADO ² 17,9% 17,9% 0,0 p.p. LUCRO LÍQUIDO AJUSTADO 3 28,7

Leia mais

Resultados 2T12. Telefônica Brasil S.A

Resultados 2T12. Telefônica Brasil S.A Resultados 2T12. 25.07.2012 Agenda 01 Performance Operacional. 02 Performance Financeira. 03 Destaques Estratégicos. 2 Performance Operacional 01 Destaques do trimestre Melhoria da qualidade Entrega de

Leia mais

Tendências do Setor de Telecomunicações A PARTIR DE 2017, A ECONOMIA BRASILEIRA DEVE APRESENTAR CRESCIMENTO DO PIB, COM AUMENTO CONTÍNUO DO MERCADO

Tendências do Setor de Telecomunicações A PARTIR DE 2017, A ECONOMIA BRASILEIRA DEVE APRESENTAR CRESCIMENTO DO PIB, COM AUMENTO CONTÍNUO DO MERCADO Tendências do Setor de Telecomunicações A PARTIR DE 2017, A ECONOMIA BRASILEIRA DEVE APRESENTAR CRESCIMENTO DO PIB, COM AUMENTO CONTÍNUO DO MERCADO 2.66 2.34 A Taxa de câmbio (R$/US$) 3.26 3.90 3.45 3.50

Leia mais