Desenvolver Jogos para celular virou brincadeira com o Game Builder do Netbeans

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Desenvolver Jogos para celular virou brincadeira com o Game Builder do Netbeans"

Transcrição

1 Desenvolver Jogos para celular virou brincadeira com o Game Builder do Netbeans I BOOT Xanxerê - SC por Robison Cris Brito

2 Mini Bio Professor da UTFPR desde 2001 Mestrado em engenharia elétrica e informática industrial Pesquisador e desenvolvedor Java ME desde 2003 Palestrante de eventos como Just Java, Web Mobile Tech Week, Web Days e M3DDLA Autor de artigos para as revistas Java Magazine e WebMobile Magazine horas de vídeo aula de Java ME no portal 2

3 Roteiro Um pequeno histórico sobre jogos eletrônicos Por que utilizar celular? Algumas dicas para o de jogos para celular Estudo de Caso: Karel x Thomas Mobile Invader (Eduardo e Renato WMTW-2007) Instalação do aplicativo no celular Considerações finais 3

4 Por que desenvolver para Celular? 4

5 Motivação Nome Tamanho Peso Display Número de circuitos Tempo de conversação Tempo de recarga Recursos Motorola Dyna-Tac 25 x 12,5 x 5 cm Cerca de 1,134 Kg Não minutos 10 horas Falar, ouvir e discar 5

6 6

7 Dos Jogos Clássicos... O primeiro jogo que foi préinstalado em um telefone móvel foi o da Serpente, foi selecionado em modelos da Nokia em

8 ... aos sofisticados 8

9 Novos Recursos dos celulares Placa aceleradora 3D Qualcomm apresenta um celular munido de placa aceleradora de vídeo com capacidade para rodar o jogo tridimensional Quake. 9

10 Novos Recursos dos celulares Mobile Sensor Com o Mobile Sensor API, é possível capturar informações de sensores presentes no celular, como acelerômetros, sensores de movimento, etc. Esse recurso é uma ótima opção para controlar os jogos 10

11 Novos Recursos dos celulares M-Commerce 11

12 ...e com relação ao desenvolvimento de jogos para celular? I BOOT Xanxerê - SC

13 Ciclo de desenvolvimento Pesquisa Plataforma- Alvo Definição Publico- Alvo Regras do Jogo Layout do Jogo Criação Arte do Jogo Implementação Codificação Teste 13

14 Antes Agora 14

15 Game Builder Demonstração 15

16 Estudo de caso 1 Jogo Karel x Thomas Jogo de Cenário Template do Netbeans 6.5 Tratamento de colisões e fases 16

17 Colisões 17

18 Colisões 18

19 Estudo de caso 2 Jogo Mobile Invader Desenvolvido por Eduardo e Renato Faria IIda. Apresentado na Revista WebMobile e evento WebMobile Tech Week 2007 Para a palestra será adotada as simplificações: Apenas 4 naves Um tiro de cada vez 19

20 Pixel de Referência 20

21 Efeitos macaco.settransform(sprite.trans****); 21

22 Considerações Finais I BOOT Xanxerê - SC

23 Conclusões A ferramenta GameBuilder facilita o desenvolvimento do Layout e da Arte do Jogo O processo de codificação (lógica) não é (e provavelmente não será) substituída Plugin pode ser melhorado (ótima oportunidade) 23

24 Para saber mais... Portal Devmedia (www.devmedia.com.br). Revistas Java Magazine e Webmobile Magazine. Palestra do evento Webmobile Tech Week

25 Brindes... Idéia de um jogo para celular utilizando Mobile Sensor? Idéia de um jogo para celular utilizando Mobile Payment? Idéia de um jogo multiplayer (bluetooth) para celular? Idéia de um jogo multiplayer (operadora) para celular? Qual foi o primeiro jogo para celular? Em qual país pode-se utilizar o celular par votar? Qual o nome da API que recupera informações de sensores? 25

26 Dúvidas? 26

27 Desenvolvendo Jogos para celular virou brincadeira com o Game Builder do Netbeans I BOOT Xanxerê - SC por Robison Cris Brito

Módulo I - Introdução. Faculdade Christus Sistemas de Informação 17/09/2010. Carlos Eugênio Torres Engenheiro de Informática http://cetorres.

Módulo I - Introdução. Faculdade Christus Sistemas de Informação 17/09/2010. Carlos Eugênio Torres Engenheiro de Informática http://cetorres. Módulo I - Introdução Aula 2 Carlos Eugênio Torres Engenheiro de Informática http://cetorres.com Faculdade Christus Sistemas de Informação 17/09/2010 Graduado em Ciência da Computação pela UFC, Brasil

Leia mais

Suporte a desenvolvedor Aplicativo J2ME

Suporte a desenvolvedor Aplicativo J2ME Suporte a desenvolvedor Aplicativo J2ME Cliente: Banrisul Solução: Tutorial para fazer o download do Banrisul Mobile Banking Data: Dez/2007 MOTOROLA Modelo: E398 2.Selecione a opção Ferramentas 3.Escolha

Leia mais

APLICAÇÃO MOBILE MARKETING COM COMUNICAÇÃO BLUETOOTH FOCADA EM BARES E RESTAURANTES. Acadêmico: Rafael Formento Orientador: Paulo Fernando da Silva

APLICAÇÃO MOBILE MARKETING COM COMUNICAÇÃO BLUETOOTH FOCADA EM BARES E RESTAURANTES. Acadêmico: Rafael Formento Orientador: Paulo Fernando da Silva APLICAÇÃO MOBILE MARKETING COM COMUNICAÇÃO BLUETOOTH FOCADA EM BARES E RESTAURANTES Acadêmico: Rafael Formento Orientador: Paulo Fernando da Silva 1 Roteiro Introdução Objetivos do trabalho Fundamentação

Leia mais

Mercado. Sobre a SQL Magazine

Mercado. Sobre a SQL Magazine 01 Mercado Apesar do mercado de desenvolvimento no Brasil estar bastante consolidado e com um grande número de profissionais atuantes, não havia até 2003 nenhuma publicação técnica para os usuários de

Leia mais

Seleção de Livros sobre Desenvolvimento de Jogos. Por Marcos Romero Dezembro / 2008

Seleção de Livros sobre Desenvolvimento de Jogos. Por Marcos Romero Dezembro / 2008 Seleção de Livros sobre Desenvolvimento de Jogos Por Marcos Romero Dezembro / 2008 Categoria: Essencial Desenvolvimento de jogos 3d e aplicações em tempo real Programação de jogos com C++ e Directx Modelagem

Leia mais

Desenvolvimento de um Framework de Jogos 3D para Celulares

Desenvolvimento de um Framework de Jogos 3D para Celulares Desenvolvimento de um Framework de Jogos 3D para Celulares Fabrício Brasiliense Departamento de Informática e Estatística(INE) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Campus Universitário Trindade-

Leia mais

Game Programming Basic

Game Programming Basic ESCOLA DE COMPUTAÇÃO GRÁFICA AVANÇADA 3D E 2D 1 Game Programming Basic Formação em O treinamento de programação básica para jogos tem a duração de 6 meses. Durante o treinamento, o aluno terá contato com

Leia mais

Tutorial Java ME. Deixe o JME surpreender você também! Porque programar com 1 GB de RAM é fácil!! Neto Marin

Tutorial Java ME. Deixe o JME surpreender você também! Porque programar com 1 GB de RAM é fácil!! Neto Marin Deixe o JME surpreender você também! Porque programar com 1 GB de RAM é fácil!! Neto Marin Apresentação Experiência com Java desde 2002 (SCJP): Atuando com mobilidade desde 2005 P&D do Mobile Sys da Softway

Leia mais

Entenda as vantagens dos chips de quatro núcleos

Entenda as vantagens dos chips de quatro núcleos Entenda as vantagens dos chips de quatro núcleos Novos processadores começam a aparecer em celulares e tablets Nos próximos meses começam a chegar ao Brasil os primeiros smartphones e tablets com processadores

Leia mais

Análise dos procedimentos adotados na integração do desenvolvimento de software com a Interação Humano-Computador em empresas

Análise dos procedimentos adotados na integração do desenvolvimento de software com a Interação Humano-Computador em empresas Análise dos procedimentos adotados na integração do desenvolvimento de software com a Interação Humano-Computador em empresas Cristiano Cortez da Rocha, Eduardo Spolaor Mazzanti, Matheus Anversa Viera

Leia mais

UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE

UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CENTRO DE INFORMÁTICA UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS EM WINDOWS MOBILE. PROPOSTA DE TRABALHO DE GRADUAÇÃO Aluno:

Leia mais

IV SEMANA DE INFORMÁTICA. Prof. Rafael Hens Ribas (rafael.r@ienh.com.br)

IV SEMANA DE INFORMÁTICA. Prof. Rafael Hens Ribas (rafael.r@ienh.com.br) IV SEMANA DE INFORMÁTICA Prof. Rafael Hens Ribas (rafael.r@ienh.com.br) O que é; ROTEIRO Quais versões existem e suas principais funcionalidades; O que preciso para começar a desenvolver; Como é o ambiente

Leia mais

COMPARAÇÃO DE KITS DE DESENVOLVIMENTO PARA CRIAÇÃO DE APLICATIVOS DESTINADOS A DISPOSITIVOS MÓVEIS

COMPARAÇÃO DE KITS DE DESENVOLVIMENTO PARA CRIAÇÃO DE APLICATIVOS DESTINADOS A DISPOSITIVOS MÓVEIS COMPARAÇÃO DE KITS DE DESENVOLVIMENTO PARA CRIAÇÃO DE APLICATIVOS DESTINADOS A DISPOSITIVOS MÓVEIS Luiz Eduardo Uzai Graduado em Sistemas de Informação pela LIBERTAS Faculdades Integradas. Ely Fernando

Leia mais

LAG. Laboratório de Aplicações Gráficas e Desenvolvimento de Jogos. Professor responsável M. Sc. Will Ricardo dos Santos Machado

LAG. Laboratório de Aplicações Gráficas e Desenvolvimento de Jogos. Professor responsável M. Sc. Will Ricardo dos Santos Machado LAG Laboratório de Aplicações Gráficas e Desenvolvimento de Jogos Professor responsável M. Sc. Will Ricardo dos Santos Machado Linhas de Atuação Computação Gráfica Interação homem-máquina Modelagem Animação

Leia mais

Introdução ao Android SDK. Prof. Me. Hélio Esperidião

Introdução ao Android SDK. Prof. Me. Hélio Esperidião Introdução ao Android SDK Prof. Me. Hélio Esperidião Android SDK O Android SDK permite que os desenvolvedores elaborem as aplicações a partir de um dispositivo virtual para os aparelhos de celular e tablet,

Leia mais

Arquiteturas para implantação de aplicações móveis wireless

Arquiteturas para implantação de aplicações móveis wireless Arquiteturas para implantação de aplicações móveis wireless Este tutorial apresenta uma visão geral da arquitetura para implantação de aplicações móveis wireless. Eduardo Tude Engenheiro de Teleco (IME

Leia mais

Introdução a programação de dispositivos móveis. Prof. Me. Hélio Esperidião

Introdução a programação de dispositivos móveis. Prof. Me. Hélio Esperidião Introdução a programação de dispositivos móveis. Prof. Me. Hélio Esperidião Windows Mobile O Windows Mobile é um sistema operacional compacto, desenvolvido para rodar em dispositivos móveis como Pocket

Leia mais

Se observarmos nos diferentes livros. Planejamento de Testes a partir de Casos de Uso

Se observarmos nos diferentes livros. Planejamento de Testes a partir de Casos de Uso Planejamento de Testes a partir de Casos de Uso Arilo Cláudio Dias Neto ariloclaudio@gmail.com É Bacharel em Ciência da Computação formado na Universidade Federal do Amazonas, Mestre em Engenharia de Sistemas

Leia mais

Oficina. Trazer os princípios básicos da criação de jogos educativos para tablets, Windows e Linux com o auxílio do software de autoria Visual Class

Oficina. Trazer os princípios básicos da criação de jogos educativos para tablets, Windows e Linux com o auxílio do software de autoria Visual Class Dados básicos Titulo Autor Instituição Proposta (objetivo) Equipamentos Necessários Oficina Como ser um professor autor de jogos educativos em tablets, Windows e Linux com o Visual Class Luciana Allan,

Leia mais

Oficina. Conexão wi-fi Tela ou parede para projeção

Oficina. Conexão wi-fi Tela ou parede para projeção Oficina Dados básicos Titulo Autor Instituição Proposta (objetivo) Equipamentos Disponíveis Como ser um professor autor de jogos educativos em tablets, Windows e Linux com o Visual Class Luciana Allan,

Leia mais

SUMÁRIO. Motivação Contextualização Objetivo Desenvolvimento. Aplicação Discussão Conclusão Perguntas. Hardware Software

SUMÁRIO. Motivação Contextualização Objetivo Desenvolvimento. Aplicação Discussão Conclusão Perguntas. Hardware Software SUMÁRIO Motivação Contextualização Objetivo Desenvolvimento Etapas de preparação Hardware Software Aplicação Discussão Conclusão Perguntas MOTIVAÇÃO Interesse em novas tecnologias Interesse no desenvolvimento

Leia mais

Programação para Dispositivos Móveis

Programação para Dispositivos Móveis Programação para Dispositivos Móveis Fatec Ipiranga Análise e Desenvolvimento de Sistemas Aula 02 História do desenvolvimento de software para dispositivos móveis Dalton Martins dmartins@gmail.com São

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS PARA CELULAR JAVA 2 MICRO EDITION

DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS PARA CELULAR JAVA 2 MICRO EDITION DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS PARA CELULAR JAVA 2 MICRO EDITION Robison Cris Brito Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná Unidade de Pato Branco robison@pb.cefetpr.br RESUMO Engana-se quem acha

Leia mais

ABINEE - MCT. Sergio Cavalcante sergio.cavalcante@cesar.org.br

ABINEE - MCT. Sergio Cavalcante sergio.cavalcante@cesar.org.br II Seminário Resultados da Lei de Informática ABINEE - MCT Sergio Cavalcante sergio.cavalcante@cesar.org.br Nossa missão: Parceria Realizar a Transferência Auto-Sustentada de Conhecimento em Tecnologia

Leia mais

Aprimorar as técnicas e difundir os conhecimentos práticos de programação de jogos eletrônicos.

Aprimorar as técnicas e difundir os conhecimentos práticos de programação de jogos eletrônicos. O curso de desenvolvimento de jogos tem como foco capacitar desenvolvedores com conhecimento de programação a fazer jogos com o uso da Engine Unity. Traz profissionais com longa experiência no desenvolvimento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO Fred Paulino Ferreira, Leonardo Couto, Renato Maia, Luiz G. Montanha Departamento

Leia mais

Fundamentos da Computação Móvel

Fundamentos da Computação Móvel Fundamentos da Computação Móvel (Sistemas Computacionais Móveis) Programação de Dispositivos Móveis Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto

Leia mais

O mercado de games independentes e o perfil do profissional de desenvolvimento. Delimitação

O mercado de games independentes e o perfil do profissional de desenvolvimento. Delimitação SIMCAP Simpósio de Computação Aplicada O mercado do desenvolvimento de SW para games O mercado de games independentes e o perfil do profissional de desenvolvimento. Guarulhos 2012 Arthur Gomes Faria RA

Leia mais

TESTES AUTOMATIZADOS COM JUNITE MOCKITO

TESTES AUTOMATIZADOS COM JUNITE MOCKITO TESTES AUTOMATIZADOS COM JUNITE MOCKITO Jaime William Dias 12, Dener Barranco 1, Douglas Delapria 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) 2 Universidade Estadual de Maringá (UEM) Paranavaí PR Brasil dener_barranco@hotmail.com,

Leia mais

Java ME na Prática Fundamentos da plataforma passo a passo

Java ME na Prática Fundamentos da plataforma passo a passo Robison Cris Brito Java ME na Prática Fundamentos da plataforma passo a passo Java ME na Prática Fundamentos da plataforma passo a passo Copyright Editora Ciência Moderna Ltda., 2014 Todos os direitos

Leia mais

Pré-Projeto do Trabalho de Conclusão de Curso Tiago Garcia Pereira 1. INTRODUÇÃO

Pré-Projeto do Trabalho de Conclusão de Curso Tiago Garcia Pereira 1. INTRODUÇÃO UM PADRÃO ABERTO DE SOFTWARE PARA COMPUTAÇÃO MÓVEL: UM ESTUDO SOBRE GOOGLE ANDROID 1. INTRODUÇÃO O aumento do número usuários de dispositivos móveis atrai cada vez os desenvolvedores a produzir aplicações

Leia mais

Sistemas Embarcados Android

Sistemas Embarcados Android Engenharia Elétrica UFPR 7 de março de 2013 Outline Desenvolvido para sistemas móveis pelo Google: Android Open Source Project (AOSP) Grande sucesso, devido a combinação de: open source licensing aggressive

Leia mais

Plataforma ARDUINO Aplicada a Projetos Interdisciplinares. Clebson Joel Mendes de Oliveira Faculdade do Centro Leste - UCL

Plataforma ARDUINO Aplicada a Projetos Interdisciplinares. Clebson Joel Mendes de Oliveira Faculdade do Centro Leste - UCL Plataforma ARDUINO Aplicada a Projetos Interdisciplinares Clebson Joel Mendes de Oliveira Faculdade do Centro Leste - UCL Introdução Projeto Interdisciplinar 2 (PI 2) Elementos de Automação dos Projetos

Leia mais

módulo 01 - introdução ao flash (aulas 1 a 7)

módulo 01 - introdução ao flash (aulas 1 a 7) formação em programação de aplicativos O Treinamento de Programação de Aplicativos com duração de 1 ano (média de 40 semanas), ensinará o aluno como desenvolver seus aplicativos em Mobile, Games e Aplicativos

Leia mais

I N T R O D U Ç Ã O W A P desbloqueio,

I N T R O D U Ç Ã O W A P desbloqueio, INTRODUÇÃO Para que o Guia Médico de seu Plano de Saúde esteja disponível em seu celular, antes de mais nada, sua OPERADORA DE SAÚDE terá de aderir ao projeto. Após a adesão, você será autorizado a instalar

Leia mais

Verifique abaixo os procedimentos de configuração para o correto funcionamento do aplicativo Banrisul Celular.

Verifique abaixo os procedimentos de configuração para o correto funcionamento do aplicativo Banrisul Celular. Verifique abaixo os procedimentos de configuração para o correto funcionamento do aplicativo Banrisul Celular. 1 APARELHOS MOTOROLA Marca: Motorola Modelo: E398 1.Aperte o botão menu 2.Selecione a opção

Leia mais

Scalable Vector Graphics. Kadu Neves Rafael Rocha

Scalable Vector Graphics. Kadu Neves Rafael Rocha Scalable Vector Graphics Kadu Neves Rafael Rocha Roteiro Introdução Vantagens do Uso do SVG Perfis SVG A especificaçào JSR-226 Exemplos Introdução Scalable Vector Graphics é um padrão aberto para descrever

Leia mais

Aplicações Desktop: Swing/SubMacroForms. Carlos Renato Alves Gouveia Novembro/2008 cgouveia@fes.br

Aplicações Desktop: Swing/SubMacroForms. Carlos Renato Alves Gouveia Novembro/2008 cgouveia@fes.br Aplicações Desktop: Swing/SubMacroForms Carlos Renato Alves Gouveia Novembro/2008 cgouveia@fes.br Carlos Renato Alves Gouveia Especialista em Engenharia de Web Sites pela UFMS; Professor Universitário

Leia mais

Facebook. Java com o. Integrando Aplicações. Descubra como é fácil criar uma aplicação para rodar no Facebook. _capa

Facebook. Java com o. Integrando Aplicações. Descubra como é fácil criar uma aplicação para rodar no Facebook. _capa _capa Integrando Aplicações Java com o Facebook Descubra como é fácil criar uma aplicação para rodar no Facebook Desde o lançamento oficial do Facebook, em 2004, o número de usuários vem aumentando a cada

Leia mais

DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS

DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS Leandro Guilherme Gouvea 1, João Paulo Rodrigues 1, Wyllian Fressatti 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil leandrog.gouvea@gmail.com,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE ESCOLA DE ENGENHARIA MBA EM TV DIGITAL, RADIODIFUSÃO E NOVAS E NOVAS MÍDIAS

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE ESCOLA DE ENGENHARIA MBA EM TV DIGITAL, RADIODIFUSÃO E NOVAS E NOVAS MÍDIAS UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE ESCOLA DE ENGENHARIA MBA EM TV DIGITAL, RADIODIFUSÃO E NOVAS E NOVAS MÍDIAS Trabalho final da disciplina Computadores, Redes, IP e Internet Professor: Walter Freire Aluno:

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicações Móveis: Presente, Passado e Futuro

Desenvolvimento de Aplicações Móveis: Presente, Passado e Futuro Desenvolvimento de Aplicações Móveis: Presente, Passado e Futuro Prof. Gilberto Amado de Azevedo Cysneiros Filho Tecnologia Vestível Tecnologia vestível (wearable technology) são acessórios diretamente

Leia mais

Portfólio Celulares Agosto, setembro e outubro de 2015

Portfólio Celulares Agosto, setembro e outubro de 2015 Portfólio Celulares Agosto, setembro e outubro de 2015 em 24x de R$ 140,00 Bônus de desconto: em 24x de R$ 15,00 ATENÇÃO! Deverá ter pacote de dados de no mínimo de 300MB GSM GPRS/EDGE (850/900/1800/1900MHZ)

Leia mais

Sistemas Embarcados Android

Sistemas Embarcados Android Engenharia Elétrica UFPR 13 de novembro de 2014 Desenvolvido para sistemas móveis pelo Google: Android Open Source Project (AOSP) Grande sucesso, devido a combinação de: open source licensing aggressive

Leia mais

UFG - Instituto de Informática

UFG - Instituto de Informática UFG - Instituto de Informática Especialização em Desenvolvimento de Aplicações Web com Interfaces Ricas EJB 3.0 Prof.: Fabrízzio A A M N Soares professor.fabrizzio@gmail.com Aula 6 EJB Enterprise Java

Leia mais

MEDIDAS PREVENTIVAS PARA REDUÇÃO DE ACIDENTES

MEDIDAS PREVENTIVAS PARA REDUÇÃO DE ACIDENTES MEDIDAS PREVENTIVAS PARA REDUÇÃO DE ACIDENTES Autores Antônio Alexandre Franco Thomaz Élson Lourenço Bomfim Inaldo Nóbrega da Cunha Filho PREMIUM CONSTRUÇÃO E INCORPORAÇÃO LTDA RESUMO No setor elétrico,

Leia mais

Introdução a Computação Móvel

Introdução a Computação Móvel Introdução a Computação Móvel Computação Móvel Prof. Me. Adauto Mendes adauto.inatel@gmail.com Histórico Em 1947 alguns engenheiros resolveram mudar o rumo da história da telefonia. Pensando em uma maneira

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza Ementa Características dos dispositivos móveis. Arquiteturas de aplicação móvel. Infraestrutura móvel.

Leia mais

PROJETO MODUS-SD (TUTORIAL DO PROTÓTIPO) Autor: Gregory Moro Puppi Wanderley. - O protótipo foi desenvolvido na arquitetura cliente - servidor.

PROJETO MODUS-SD (TUTORIAL DO PROTÓTIPO) Autor: Gregory Moro Puppi Wanderley. - O protótipo foi desenvolvido na arquitetura cliente - servidor. PROJETO MODUS-SD (TUTORIAL DO PROTÓTIPO) Autor: Gregory Moro Puppi Wanderley - O protótipo foi desenvolvido na arquitetura cliente - servidor. - O servidor foi desenvolvido puramente no Eclipse e não possui

Leia mais

Contextualização. *http://www.sophiamind.com/noticias/acesso-a-internet-movel-entre-as-mulherescresce-575-em-dois-anos/

Contextualização. *http://www.sophiamind.com/noticias/acesso-a-internet-movel-entre-as-mulherescresce-575-em-dois-anos/ Mobile Marketing Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado. Cem por cento

Leia mais

Como melhorar a Qualidade de Software através s de testes e nua. Cláudio Antônio de Araújo 22/11/2008

Como melhorar a Qualidade de Software através s de testes e nua. Cláudio Antônio de Araújo 22/11/2008 Como melhorar a Qualidade de Software através s de testes e integração contínua. nua. Cláudio Antônio de Araújo 22/11/2008 Objetivos Fornecer uma visão geral da área de testes de software, com ênfase em

Leia mais

para onde CAMINHAMOS?

para onde CAMINHAMOS? 11 a Semana de Sistemas de Informação Empreender em TI para onde CAMINHAMOS? Márcio Braga mrbraga@gmail.com marcio.braga@ivia.com.br presidencia@assespro-ce.org.br twitter.com/mrbraga ANALISTA? DESENVOLVEDOR?

Leia mais

Modelagem UML com Software Livre. Palestrante: Marcio Junior Vieira www.ambientelivre.com.br

Modelagem UML com Software Livre. Palestrante: Marcio Junior Vieira www.ambientelivre.com.br Modelagem UML com Software Livre Palestrante: Marcio Junior Vieira Palestrante Marcio Junior Vieira. A 5 Anos Trabalha da área de Desenvolvimento e Análise de sistemas. A 4 anos trabalha com Software Livre.

Leia mais

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza Ementa Características dos dispositivos móveis. Arquiteturas de aplicação móvel. Infraestrutura móvel.

Leia mais

Manual de Integração WebService

Manual de Integração WebService Manual de Integração WebService Sumário 1. O que é a Integração WebService? 2. Envio Simples 3. Consultar Status da Mensagem 3.1 Consultar Mensagens Recebidas 4. Tecnologia do WebService Facilita 1. O

Leia mais

www.expertdigital.net ÍNDICE 3 Facebook - Públicos Personalizados e Públicos Semelhantes com base de dados

www.expertdigital.net ÍNDICE 3 Facebook - Públicos Personalizados e Públicos Semelhantes com base de dados ÍNDICE 1 Facebook - Audience Insights (Informações do Público) 2 Facebook - Search Graph 3 Facebook - Públicos Personalizados e Públicos Semelhantes com base de dados 4 Facebook Remarketing 5 Whatsapp

Leia mais

Um Processo para Desenvolvimento de Aplicações Web Baseado em Serviços. Autores: Fábio Zaupa, Itana Gimenes, Don Cowan, Paulo Alencar e Carlos Lucena

Um Processo para Desenvolvimento de Aplicações Web Baseado em Serviços. Autores: Fábio Zaupa, Itana Gimenes, Don Cowan, Paulo Alencar e Carlos Lucena Um Processo para Desenvolvimento de Aplicações Web Baseado em Serviços Autores: Fábio Zaupa, Itana Gimenes, Don Cowan, Paulo Alencar e Carlos Lucena Tópicos Motivação e Objetivos LP e SOA Processo ADESE

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA MCT/FINEP/FNDCT - Subvenção Econômica à Inovação - 01/2009 ÁREA 1: TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

SELEÇÃO PÚBLICA MCT/FINEP/FNDCT - Subvenção Econômica à Inovação - 01/2009 ÁREA 1: TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO RELAÇÃO INICIAL DAS EMPRESAS APROVADAS, POR ÁREA, NA ANÁLISE DE MÉRITO DA SELEÇÃO PÚBLICA MCT/FINEP/FNDCT/SUBVENÇÃO ECONÔMICA À INOVAÇÃO 01/2009 A relação dos projetos aprovados, abaixo, está classificada

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO Ponta Grossa 2012 ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO Trabalho elaborado pelo

Leia mais

Ricardo da Silva Ogliari Robison Cris Brito

Ricardo da Silva Ogliari Robison Cris Brito Ricardo da Silva Ogliari Robison Cris Brito Android - Do Básico ao Avançado Copyright Editora Ciência Moderna Ltda., 2014 Todos os direitos para a língua portuguesa reservados pela EDITORA CIÊNCIA MODERNA

Leia mais

dispositivos móveism

dispositivos móveism Departamento de Informática em Saúde Universidade Federal de São Paulo X Congresso Brasileiro de Informática em Saúde Informática em Saúde e Cidadania 14-18 Outubro 2006 Florianópolis SC Brasil Clinic

Leia mais

O TEMA ENGENHARIA NAS ESCOLAS MÓDULO DE ROBÓTICA. Palavras-chave: educação, engenharia, escolas públicas e robótica.

O TEMA ENGENHARIA NAS ESCOLAS MÓDULO DE ROBÓTICA. Palavras-chave: educação, engenharia, escolas públicas e robótica. O TEMA ENGENHARIA NAS ESCOLAS MÓDULO DE ROBÓTICA Borges, Arthur Moisés da Costa 1 ; Silva, Átila Gracco da 2 ; Lu, Yi Lun 3 ; Ribeiro, Cacilda de Jesus 4 ; Oliveira, Ademyr Gonçalves 5 ; Figueiredo, Kléber

Leia mais

PROTÓTIPO DE UM SISTEMA DE MONITORAÇÃO UTILIZANDO CIRCUITO FECHADO DE TELEVISÃO (CFTV)

PROTÓTIPO DE UM SISTEMA DE MONITORAÇÃO UTILIZANDO CIRCUITO FECHADO DE TELEVISÃO (CFTV) UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROTÓTIPO DE UM SISTEMA DE MONITORAÇÃO UTILIZANDO CIRCUITO FECHADO DE TELEVISÃO (CFTV) EDERSON JOSÉ PROF. DALTON SOLANO DOS REIS, Orientador

Leia mais

Programação para Dispositivos Móveis

Programação para Dispositivos Móveis Programação para Dispositivos Móveis Fatec Ipiranga Análise e Desenvolvimento de Sistemas Aula 03 Introdução ao ambiente de desenvolvimento: Eclipse e Android SDK Dalton Martins dmartins@gmail.com São

Leia mais

6/06/2012 09h26 - Atualizado em 26/06/2012 12h30 Boot to Gecko: o futuro celular da Mozilla

6/06/2012 09h26 - Atualizado em 26/06/2012 12h30 Boot to Gecko: o futuro celular da Mozilla 6/06/2012 09h26 - Atualizado em 26/06/2012 12h30 Boot to Gecko: o futuro celular da Mozilla O mercado brasileiro de dispositivos móveis em breve ganhará mais uma grande plataforma. Anunciado oficialmente

Leia mais

DICAS PARA UTILIZAÇÃO DESTE LIVRO 1. Você pode distribuí-lo para todos os Professores da sua Escola, via Email, Facebook, Twitter, etc. 2. Nas Reuniões de Pais pode utilizar para orientá-los 3. Pode utilizar

Leia mais

Mindset Webcasting. Mindset Comunicação e Marketing. Conheça a solução completa da Mindset para transmissão de áudio, vídeo e dados pela Internet.

Mindset Webcasting. Mindset Comunicação e Marketing. Conheça a solução completa da Mindset para transmissão de áudio, vídeo e dados pela Internet. Mindset Webcasting Mindset Comunicação e Marketing Conheça a solução completa da Mindset para transmissão de áudio, vídeo e dados pela Internet. O que é webcast? Webcast é a captura e transmissão via internet

Leia mais

PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU. Desenvolvimento de Aplicações Em Dispositivos Móveis Com Android, Java, IOs (Iphone).

PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU. Desenvolvimento de Aplicações Em Dispositivos Móveis Com Android, Java, IOs (Iphone). 1 Desenvolvimento de Aplicações Em Dispositivos Móveis Com Android, Java, IOs (Iphone). Requisitos e Especificação de Software Tópicos sobre análise requisitos; Requisitos Funcionais e não funcionais;

Leia mais

Novas Mídias e Relações Sociais.

Novas Mídias e Relações Sociais. Novas Mídias e Relações Sociais. Eduardo Foster 1 1 Caiena Soluções em Gestão do Conhecimento, Av. 34-578, CEP 13504-110 Rio Claro, Brasil foster@caiena.net Resumo. A comunicação é uma disciplina que acompanha

Leia mais

Agregador de feeds RSS para dispositivos móveis

Agregador de feeds RSS para dispositivos móveis Agregador de feeds RSS para dispositivos móveis Disciplina: Computação Móvel Professor: Mauro Nacif Rocha Data: 27/02/2007 Hadriel Toledo Lima 50290 Juliana Pinheiro Campos 47683 Luis Felipe Hussin Bento

Leia mais

Geração e execução de scripts de teste em aplicações web a partir de casos de uso direcionados por comportamento 64

Geração e execução de scripts de teste em aplicações web a partir de casos de uso direcionados por comportamento 64 direcionados por comportamento 64 5 Estudo de caso Neste capítulo serão apresentadas as aplicações web utilizadas na aplicação da abordagem proposta, bem como a tecnologia em que foram desenvolvidas, o

Leia mais

Android. Marcelo Quinta @mrquinta

Android. Marcelo Quinta @mrquinta Android Marcelo Quinta @mrquinta Oi, eu sou o Marcelo Quinta Pública Público-privada Privada Próprio negócio Voluntariado Parabéns à organização do GO-GTUG Tablets 160% de aumento em 2011 Smartphones

Leia mais

Sistemas Embarcados. Introdução. Características de sistemas embarcados. Software embarcado

Sistemas Embarcados. Introdução. Características de sistemas embarcados. Software embarcado Sistemas Embarcados Alexandre Carissimi João Cesar Netto Luigi Carro (asc@inf.ufrgs.br, netto@inf.ufrgs.br, carro@inf.ufrgs.br) Introdução Sistemas embarcados são parte integrante de muitos dispositivos

Leia mais

INTRODUÇÃO E CONFIGURAÇÃO DO PRIMEFACES MOBILE EM APLICAÇÕES JSF

INTRODUÇÃO E CONFIGURAÇÃO DO PRIMEFACES MOBILE EM APLICAÇÕES JSF INTRODUÇÃO E CONFIGURAÇÃO DO PRIMEFACES MOBILE EM APLICAÇÕES JSF Guilherme Macedo, Jaime Willian Dias Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil guilhermemacedo28@gmail.com, jaime@unipar.br Resumo.

Leia mais

Portfólio Celulares Agosto, setembro e outubro de 2015

Portfólio Celulares Agosto, setembro e outubro de 2015 Portfólio Celulares Agosto, setembro e outubro de 2015 em 24x de R$ 150,00 Bônus de desconto: em 24x de R$ 15,00 ATENÇÃO! Deverá ter pacote de dados de no mínimo de 300MB GSM GPRS/EDGE (850/900/1800/1900MHZ)

Leia mais

Gerenciamento de configuração. Gerenciamento de Configuração. Gerenciamento de configuração. Gerenciamento de configuração. Famílias de sistemas

Gerenciamento de configuração. Gerenciamento de Configuração. Gerenciamento de configuração. Gerenciamento de configuração. Famílias de sistemas Gerenciamento de Gerenciamento de Configuração Novas versões de sistemas de software são criadas quando eles: Mudam para máquinas/os diferentes; Oferecem funcionalidade diferente; São configurados para

Leia mais

Programação de Computadores II: Java. / NT Editora. -- Brasília: 2014. 82p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm.

Programação de Computadores II: Java. / NT Editora. -- Brasília: 2014. 82p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm. Autor José Jesse Gonçalves Graduado em Licenciatura em Matemática pela Universidade Estadual de São Paulo - UNESP, de Presidente Prudente (1995), com especialização em Análise de Sistemas (1999) e mestrado

Leia mais

Desenvolvimento de um Jogo Educacional Multiusuário Usando Bluetooth

Desenvolvimento de um Jogo Educacional Multiusuário Usando Bluetooth Desenvolvimento de um Jogo Educacional Multiusuário Usando Bluetooth Natasha Malveira da Silva Costa 1, José Francisco de Magalhães Netto 2 1 Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC)

Leia mais

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO DE SANTOS

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO DE SANTOS Anexo I Modelo para inscrição e apresentação dos projetos EDITAL DE CONVOCAÇÃO PÚBLICA nº 01/2016 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Nome ou Razão Social 1.2 Ramo de atividade (se empresa) 1.3 Endereço completo 1.4

Leia mais

Título: Controle de um sistema Bola- Barra com realimentação através de imagem

Título: Controle de um sistema Bola- Barra com realimentação através de imagem Título: Controle de um sistema Bola- Barra com realimentação através de imagem Autores: Caio Felipe Favaretto, Henrique Corrêa Ramiro, Rômulo de Oliveira Souza e Marcelo Barboza Silva Professor orientador:

Leia mais

Mobile Marketing. E a utilização de múltiplas plataformas

Mobile Marketing. E a utilização de múltiplas plataformas Mobile Marketing E a utilização de múltiplas plataformas Case: Coca-Cola Happiness Factory Case: Coca-Cola Happiness Factory Visão Geral Happiness Factory foi uma campanha global desenvolvida para a Coca-Cola.

Leia mais

PROGRAMAÇÃO SERVIDOR WEBSERVICES EM SISTEMAS WEB. Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1

PROGRAMAÇÃO SERVIDOR WEBSERVICES EM SISTEMAS WEB. Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 PROGRAMAÇÃO SERVIDOR EM SISTEMAS WEB WEBSERVICES Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 Objetivos Compreender o que é um WebService e sua utilidade Compreender a lógica de funcionamento de um WebService Capacitar

Leia mais

ANÁLISE E IMPLEMENTAÇÃO DE ALGORITMOS DE COMPRESSÃO DE DADOS. Maria Carolina de Souza Santos 1 Orientador: Prof.º Ms.

ANÁLISE E IMPLEMENTAÇÃO DE ALGORITMOS DE COMPRESSÃO DE DADOS. Maria Carolina de Souza Santos 1 Orientador: Prof.º Ms. ANÁLISE E IMPLEMENTAÇÃO DE ALGORITMOS DE COMPRESSÃO DE DADOS Maria Carolina de Souza Santos 1 Orientador: Prof.º Ms. Mauricio Duarte 2 Centro Universitário Euripides de Marilia UNIVEM FATEC Faculdade de

Leia mais

Técnicas para Animação de Imagens em Jogos 2D Utilizando Java

Técnicas para Animação de Imagens em Jogos 2D Utilizando Java Técnicas para Animação de Imagens em Jogos 2D Utilizando Java Silvano Maneck Malfatti 1 1 Faculdade Católica do Tocantins (FACTO) Palmas TO Brasil Malfatti@catolica-to.edu.br Resumo. Um dos recursos que

Leia mais

Relatório de Atividades

Relatório de Atividades Relatório de Atividades Lucas Santos Junqueira Bolsista de apoio técnico ao projeto O livro-jogo digital vai à escola: experimentação e desenvolvimento de linguagens e tecnologias hipermidiáticas para

Leia mais

MAGREGISTER 1.0: GERADOR DE INTERFACES DE COLETAS DE DADOS PARA PDA S. Acadêmico: Gilson Chequeto Orientador: Adilson Vahldick

MAGREGISTER 1.0: GERADOR DE INTERFACES DE COLETAS DE DADOS PARA PDA S. Acadêmico: Gilson Chequeto Orientador: Adilson Vahldick MAGREGISTER 1.0: GERADOR DE INTERFACES DE COLETAS DE DADOS PARA PDA S Acadêmico: Gilson Chequeto Orientador: Adilson Vahldick Roteiro Introdução Objetivos do trabalho Fundamentação teórica Desenvolvimento

Leia mais

CONSTRUÇÃO DE VEÍCULO MECATRÔNICO COMANDADO REMOTAMENTE

CONSTRUÇÃO DE VEÍCULO MECATRÔNICO COMANDADO REMOTAMENTE CONSTRUÇÃO DE VEÍCULO MECATRÔNICO COMANDADO REMOTAMENTE Roland Yuri Schreiber 1 ; Tiago Andrade Camacho 2 ; Tiago Boechel 3 ; Vinicio Alexandre Bogo Nagel 4 INTRODUÇÃO Nos últimos anos, a área de Sistemas

Leia mais

7 DICAS BÁSICAS DE MARKETING DIGITAL PARA EMPREENDEDORES VENCEDORES

7 DICAS BÁSICAS DE MARKETING DIGITAL PARA EMPREENDEDORES VENCEDORES 7 DICAS BÁSICAS DE MARKETING DIGITAL PARA EMPREENDEDORES VENCEDORES INTRODUÇÃO Nosso ebook, 7 Dicas Básicas de Marketing Digital para Empreendedores Vencedores, são técnicas que devem ser aplicadas passo

Leia mais

ÍNDICE. 03 - Iniciando uma Conferência. 03 - Salas e Senhas de Acesso. 03 - Quantidade de Senhas. 04 - Configuração da Senha

ÍNDICE. 03 - Iniciando uma Conferência. 03 - Salas e Senhas de Acesso. 03 - Quantidade de Senhas. 04 - Configuração da Senha ÍNDICE... 03 - Iniciando uma Conferência 03 - Salas e Senhas de Acesso 03 - Quantidade de Senhas 04 - Configuração da Senha 05 - Realizando um Dial-Out 05 - Bloqueio da Conferência 05 - Gravando uma Audioconferência

Leia mais

Relação/Comunicação de progresso e Resultados

Relação/Comunicação de progresso e Resultados Relação/Comunicação de progresso e Resultados 1 - Relação de progresso 1ª semana 17-19 Fev. 2ª semana 22 26 Fev. 3ª semana 1-5 Mar. 4ª semana 8-12 Mar. 5ª semana 15-19 Mar. 6ª semana 22-26 Mar. Introdução

Leia mais

Programação Gráfica Parte 1 Versão em Java 2006 PUCPR Tutoria de Jogos 1º Ano

Programação Gráfica Parte 1 Versão em Java 2006 PUCPR Tutoria de Jogos 1º Ano Programação Gráfica Parte 1 Versão em Java 2006 PUCPR Tutoria de Jogos 1º Ano Paulo V. W. Radtke pvwradtke@gmail.com http://www.ppgia.pucpr.br/~radtke/jogos/ AVISO IMPORTANTE!! Esta versão é dedicada exclusivamente

Leia mais

Mini- Cursos. PROGRAMAÇÃO DOS MINI-CURSOS DO 1 o Seminário em Tecnologia Eletrônica e da Informação do CETELI

Mini- Cursos. PROGRAMAÇÃO DOS MINI-CURSOS DO 1 o Seminário em Tecnologia Eletrônica e da Informação do CETELI PROGRAMAÇÃO DOS MINI-CURSOS DO 1 o Seminário em Tecnologia Eletrônica e da Informação do CETELI Mini- Cursos 1. Detecção e Análise de Imagem 2. Latex, Processador de Texto - Conceitos Fundamentais 3. Aplicação

Leia mais

DIGIMAN. WTB Tecnologia 2009. www.wtb.com.br

DIGIMAN. WTB Tecnologia 2009. www.wtb.com.br DIGIMAN MANDADO JUDICIAL ELETRÔNICO Arquitetura WTB Tecnologia 2009 www.wtb.com.br Arquitetura de Software O sistema DIGIMAN é implementado em três camadas (apresentação, regras de negócio e armazém de

Leia mais

Aula 5 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS PELA INTERNET 2013. Marcelo Henrique dos Santos - http://www.marcelohsantos.com

Aula 5 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS PELA INTERNET 2013. Marcelo Henrique dos Santos - http://www.marcelohsantos.com Jogos Massivos pela Internet Aula 5 Ataques 1 Ataques Um, ao ser planejado, segue um plano de estratégia sobre o alvo desejado, e uma pessoa experiente em planejamento de sempre traça um roteiro a ser

Leia mais

Marketing Digital. Prof. Luthiano Venecian

Marketing Digital. Prof. Luthiano Venecian Marketing Digital Prof. Luthiano Venecian Tópicos 1 - Conteúdo Programático da Disciplina II - Conceitos básicos de Marketing III - Conceitos de Marketing Digital IV - Referência Bibliográfica 2 I - Conteúdo

Leia mais

Plataforma. Portal Educacional

Plataforma. Portal Educacional Plataforma Portal Educacional O Grupo Actcon e a Rede Educar Brasil Especializado em soluções que incorporam Tecnologia da Informação à Educação e à Modernização da Administração Pública, o Grupo Actcon

Leia mais

Conectar o Nokia 6600 a Internet utilizando a conexão do PC (ADSL) pelo Bluetooth sem Proxy

Conectar o Nokia 6600 a Internet utilizando a conexão do PC (ADSL) pelo Bluetooth sem Proxy Conectar o Nokia 6600 a Internet utilizando a conexão do PC (ADSL) pelo Bluetooth sem Proxy Tutorial escrito por: DiG N da Comunidade FOXGSM.net Nesse tutorial você saberá passo a passo a configuração

Leia mais

Nokia 7230 GSM GPRS EDGE (850/900/1800/1900 MHz) WCDMA (850/1900/2100MHZ)

Nokia 7230 GSM GPRS EDGE (850/900/1800/1900 MHz) WCDMA (850/1900/2100MHZ) Última versão de software homologada pela VIVO: V10.81 DESTAQUES DO APARELHO Bluetooth para conectividade sem fio; Câmera digital integrada (3.2M Pixel) com captura de vídeo (zoom 4 vezes); Display colorido

Leia mais

SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS EM PLACAS AUTOMOTIVAS

SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS EM PLACAS AUTOMOTIVAS SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS EM PLACAS AUTOMOTIVAS André Zuconelli 1 ; Manassés Ribeiro 2 1. Aluno do Curso Técnico em Informática, turma 2010, Instituto Federal Catarinense, Câmpus Videira, andre_zuconelli@hotmail.com

Leia mais

OPTATIVA IV - PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

OPTATIVA IV - PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza OPTATIVA IV - PROGRAMAÇÃO PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza Ementa Características dos dispositivos móveis. Arquiteturas de aplicação móvel. Infraestrutura

Leia mais