COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS"

Transcrição

1 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PE/PP/PVC TOMO XVIII SELIM DE PVC JUNHO/2015

2 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS RESUMO: O Catálogo de Materiais foi fruto de uma parceria entre as superintendências a seguir descritas visando a melhoria na elaboração dos projetos, na execução das obras, na pesquisa de especificações técnicas de materiais e na comunicação dos usuários envolvidos. SPAL Superintendência de Apoio Logístico SPAT Superintendência de Apoio Técnico SPEG Superintendência de Engenharia SPLC Superintendência de Licitações e Estudos de Custos Para a elaboração desse catálogo foram verificadas e reanalisadas as especificações do grupo de materiais referentes a tubos e conexões de ferro fundido; tubos e conexões de PVC e Polietileno; tubos e conexões cerâmicos; tubos e artefatos de concreto; materiais eletromecânicos de manobra; peças especiais; acessórios para manutenção hidráulica; e materiais de construção/acabamento e ferragem. Cada material tem sua especificação técnica padronizada vinculada a um único código. REV DATA TIPO DESCRIÇÃO POR VERIFICADO AUTORIZADO APROVADO EMISSÕES TIPOS A - PARA APROVAÇÃO C - ORIGINAL B REVISÃO D - CÓPIA VOLUME III - TOMO XVIII - SELIM DE PVC REFERÊNCIA: Agosto/2015 Arquivo: Volume III Tomo XVIII - Selim.docx

3 ÍNDICE 1 SELIM 90º PVC RÍGIDO BRANCO JE/JS ESGOTO SANITÁRIO DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA SELIM 45 PVC RÍGIDO OCRE JE/JS COLETOR DE ESGOTO DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA SELIM 90 COMPACTO CORRUGADO JE COLETOR DE ESGOTO TUBOS CORRUGADOS DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA SELIM 90 COMPACTO PVC OCRE ANEL BILABIAL COLETOR DE ESGOTO LISO DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA SELIM 90 PVC RÍGIDO OCRE TRAVA E ANÉIS COLETOR DE ESGOTO LISO DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA SELIM 45 PVC BRANCO JE/JS ESGOTO DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA SELIM PVC SAIDA DIAGONAL EM CURVA - ESGOTO DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA SELIM 90 PVC RÍGIDO OCRE COLETOR DE ESGOTO DESENHO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA... 11

4 1 SELIM 90º PVC RÍGIDO BRANCO JE/JS ESGOTO SANITÁRIO 1.1 DESENHO 1.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM 90 PVC ESG. PRIM. BB JE/JS DN x 1.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM 90 FABRICADO EM... PVC RÍGIDO BRANCO APLICAÇÃO... ESGOTO PRIMÁRIO EXTREMIDADES... BOLSAS JUNTA ELÁSTICA X JUNTA SOLDÁVEL NORMA...ABNT NBR 5688 DADOS COMPLEMENTARES... SELA EM TUBO DE PVC BRANCO (PRIMÁRIO) DN 200 MM COM 240 MM DE COMPRIMENTO, E SAÍDA CENTRAL 90º PARA TUBO BRANCO 100 MM Código SAP DN (mm) dn (mm)

5 2 SELIM 45 PVC RÍGIDO OCRE JE/JS COLETOR DE ESGOTO 2.1 DESENHO 2.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM 45 PVC ESG. COL. BB JE/JS DN x 2.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM 45 FABRICADO EM... PVC RÍGIDO OCRE APLICAÇÃO... COLETOR DE ESGOTO EXTREMIDADES... BOLSAS JUNTA ELÁSTICA X JUNTA SOLDÁVEL NORMA... ABNT NBR 7362 DADOS COMPLEMENTARES... CONFORME NBR Código SAP DN (mm) dn (mm)

6 3 SELIM 90 COMPACTO CORRUGADO JE COLETOR DE ESGOTO TUBOS CORRUGADOS 3.1 DESENHO 3.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM 90 PVC ESG. COL. CORRU. JE DN x 3.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM 90 COMPACTO CORRUGADO FABRICADO EM... PVC RÍGIDO OCRE APLICAÇÃO... COLETOR DE ESGOTO TUBOS CORRUGADOS EXTREMIDADES... JUNTA ELÁSTICA, BOLSA COM ANEL E ANEL BILABIAL NORMA...ABNT NBR 7362 Código SAP DN (mm) dn (mm)

7 4 SELIM 90 COMPACTO PVC OCRE ANEL BILABIAL COLETOR DE ESGOTO LISO 4.1 DESENHO 4.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM 90 PVC ESG. COL. LISO JE DN x 4.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM 90 COMPACTO FABRICADO EM... PVC RÍGIDO OCRE APLICAÇÃO... COLETOR DE ESGOTO LISO EXTREMIDADE... BOLSA COM ANEL E ANEL BILABIAL JUNTA ELÁSTICA NORMA...ABNT NBR 7362 Código SAP DN (mm) dn (mm)

8 5 SELIM 90 PVC RÍGIDO OCRE TRAVA E ANÉIS COLETOR DE ESGOTO LISO 5.1 DESENHO 5.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM 90 PVC ESG. COL. LISO JTE DN x 5.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM 90 FABRICAÇÃO EM... PVC RÍGIDO OCRE APLICAÇÃO... COLETOR DE ESGOTO LISO EXTREMIDADE... BOLSA, JUNTA ELÁSTICA TRAVA E ANÉIS NORMA...ABNT NBR 7362 Código SAP DN (mm) dn (mm)

9 6 SELIM 45 PVC BRANCO JE/JS ESGOTO 6.1 DESENHO 6.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM PVC DN x DI x 45G 6.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM COM DERIVAÇÃO A 45 FABRICAÇÃO EM... PVC APLICAÇÃO... ESGOTO EXTREMIDADE...JUNTA ELÁSTICA E JUNTA SOLDÁVEL NORMA...ABNT NBR 5688 DADOS COMPLEMENTARES...SELA EM TUBO DE PVC LEVE (BRANCO) DN, E: MM; DERIVAÇÃO EM TUBO DE PVC EM CONFORMIDADE COM NBR 5688, EXCETO DIÂMETRO INTERNO; DIÂMETRO INTERNO MM E ESPESSURA DE MM; EXTREMIDADE EM BOLSA DE DUPLA ATUAÇÃO (JE E JS). Código SAP DN (mm) DI (mm)

10 7 SELIM PVC SAIDA DIAGONAL EM CURVA - ESGOTO 7.1 DESENHO 7.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM PVC SAIDA CURVA G DN x 7.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM SAÍDA DIAGONAL EM CURVA PVC 45º/90º RAIO 1,0/0,5 M FABRICAÇÃO EM... PVC APLICAÇÃO... ESGOTO 9

11 EXTREMIDADE... BOLSAS DUPLA FUNÇÃO(JE/JS) NORMA...ABNT NBR 5688 DADOS COMPLEMENTARES...SAÍDA EM TUBO DE PVC LEVE (BRANCO) COM DIÂMETRO INTERNO MM, ESPESSURA DA PAREDE MM; SELA EM TUBO DE PVC LEVE (BRANCO) DN MM COM DERIVAÇÃO º; DERIVAÇÃO COM EXTREMIDADE EM BOLSA DE DUPLA ATUAÇÃO (JE E JS) PARA ACOPLAMENTO DA CURVA DE PVC º. Código SAP G (graus) DN (mm) Dn (mm)

12 8 SELIM 90 PVC RÍGIDO OCRE COLETOR DE ESGOTO 8.1 DESENHO 8.2 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PADRÃO SELIM PVC 90 OCRE ESG. DN x MM 8.3 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DETALHADA MATERIAL... SELIM 90 FABRICAÇÃO EM... PVC RÍGIDO OCRE APLICAÇÃO... COLETOR DE ESGOTO EXTREMIDADE... BOLSA JUNTA ELÁSTICA NORMA... SAÍDA EM PVC OCRE, COLETOR DE ESGOTO COM DIÂMETRO INTERNO 110MM, BOLSA JE CELA EM PVC OCRE DN 200 COMPRIMENTO 240MM. Código SAP DN (mm) dn (mm)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO XIII FLANGE DE PVC/PP/PE JUNHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO IX JUNÇÃO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL OUTUBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME II MATERIAIS EM CONCRETO TOMO VII CAIXA MARÇO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS RESUMO:

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO X REDUÇÃO DE PVC/PP/PE JULHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO VI CURVA DE PVC/PP/PE JUNHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO IV REDUÇÃO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL SETEMBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO V TUBO DE PVC/PP/PE JUNHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO XI CRUZETA DE PVC JULHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME II MATERIAIS DE CONCRETO TOMO I TUBO NOVEMBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS RESUMO:

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XII LUVA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL NOVEMBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO III CAP DE PVC/PP/PE MAIO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XI CARRETEL DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL OUTUBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO VIII TÊ DE PVC/PP/PE MAIO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS

Leia mais

4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre

4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre 4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre O Kanasan é um tubo corrugado de dupla parede, fabricado em Polietileno de Alta Densidade (PEAD), semi rígido, anelado externamente e liso internamente (Figura 1,

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO VIII FLANGE DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL OUTUBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS PVC/PP/PE TOMO XII UNIÃO DE PVC/PP JULHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS DE FERRO FUNDIDO TOMO II - TOCO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL AGOSTO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC PP/PVC/PE TOMO VII LUVA DE PVC/PP/PE MAIO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XIII JUNTA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL NOVEMBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO IX JOELHO DE PVC/PP/PE JUNHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME II MATERIAIS DE CONCRETO TOMO VI TAMPÃO MARÇO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS RESUMO:

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO IV REDUÇÃO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO IV REDUÇÃO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO IV REDUÇÃO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL SETEMBRO/2013 ÍNDICE 2 MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO... 3

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS DE FERRO FUNDIDO TOMO I TUBO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL MARÇO/2015 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 3 2 MATERIAIS DE FERRO FUNDIDO...

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XII LUVA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XII LUVA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XII LUVA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL NOVEMBRO/2013 ÍNDICE 2 MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO... 3 2.12

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO XXI COLAR DE TOMADA DE PVC/PP/PL JULHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO I ADAPTADOR DE PVC/PP/PE MAIO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS DE FERRO FUNDIDO TOMO I TUBO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL MARÇO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

Soluções de Drenagem para Obras Civis e Rodoviárias com Tubulação Corrugada de PEAD Tigre/ADS Eng. Bruno de Moura Gomes.

Soluções de Drenagem para Obras Civis e Rodoviárias com Tubulação Corrugada de PEAD Tigre/ADS Eng. Bruno de Moura Gomes. Soluções de Drenagem para Obras Civis e Rodoviárias com Tubulação Corrugada de PEAD Tigre/ADS Eng. Bruno de Moura Gomes. AGETOP Goiânia-Go, 22 de abril 2013 Introdução A Tubos Tigre e a ADS, empresas líderes

Leia mais

ATESTADO DE CONFORMIDADE TÉCNICA

ATESTADO DE CONFORMIDADE TÉCNICA Página 1 de 5 Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo Departamento de Qualificação e Inspeção de Materiais - CSQ ATESTADO DE CONFORMIDADE TÉCNICA C.N.P.J: 81.428.187/0001-20 Impresso em:

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PP/PVC/PE TOMO I ADAPTADOR DE PP/PVC/PE MAIO/2015 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO...5 4 MATERIAIS DE PP/PVC/PE... 6 4.1

Leia mais

A marca Chiva nasceu em 1992 na cidade de Xanxerê/SC, fabricando apenas algumas peças conforme a necessidade das indústrias da região.

A marca Chiva nasceu em 1992 na cidade de Xanxerê/SC, fabricando apenas algumas peças conforme a necessidade das indústrias da região. A marca Chiva nasceu em 1992 na cidade de Xanxerê/SC, fabricando apenas algumas peças conforme a necessidade das indústrias da região. No final de 1998, o empresário Sadi Marini, com atuação no ramo madeireiro

Leia mais

Conexões TUPY para Tubos de Aço de Condução

Conexões TUPY para Tubos de Aço de Condução Apresentação Conexões Conexões TUPY para Tubos de Aço de Condução Linha completa de conexões de ferro fundido maleável. Fabricadas com roscas padrão BSP ou padrão NPT, e também conexões por sistemas de

Leia mais

Licença de uso exclusiva para Petrobrás S.A. Licença de uso exclusiva para Petrobrás S.A.

Licença de uso exclusiva para Petrobrás S.A. Licença de uso exclusiva para Petrobrás S.A. ABNT-Associação Brasileira de Normas Técnicas Sede: Rio de Janeiro Av. Treze de Maio, 13-28º andar CEP 20003-900 - Caixa Postal 1680 Rio de Janeiro - RJ Tel.: PABX (021) 210-3122 Fax: (021) 240-8249/532-2143

Leia mais

Vinilfort 1. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS: 2. BENEFÍCIOS: Função: Transporte de esgoto sanitário em redes coletoras;

Vinilfort 1. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS: 2. BENEFÍCIOS: Função: Transporte de esgoto sanitário em redes coletoras; Vinilfort Localização no Website Tigre: Obra Infra-estrutura Saneamento Esgoto VINILFORT Função: Transporte de esgoto sanitário em redes coletoras; Aplicações: Ligações prediais, redes coletoras, interceptores

Leia mais

Central de Relacionamento : (11) 2894-6470 www.brasdistribuidora.com.br TUBOS E CONEXÕES PVC ESGOTO. Tubo de Esgoto Série Normal.

Central de Relacionamento : (11) 2894-6470 www.brasdistribuidora.com.br TUBOS E CONEXÕES PVC ESGOTO. Tubo de Esgoto Série Normal. TUBOS E CONEXÕES PVC SÉRIE NORMAL Tubo de Esgoto Série Normal PVC Anel de Vedação Comprimento CCB Diâmetro Embalagem 3m 107* DN 0 7 3m 1075 DN 50 7 3m 1076 DN 75 5 3m 1077 DN 100 5 3m 1008 DN 150 1 3m

Leia mais

C ATÁLOGO DE PRODUTOS SANEAMENTO E PREDIAL

C ATÁLOGO DE PRODUTOS SANEAMENTO E PREDIAL C ATÁLOGO DE PRODUTOS SANEAMENTO E PREDIAL 2 GRUPO ASPERBRAS NOSSA HISTÓRIA O GRUPO ASPERBRAS RECONHECIMENTO NACIONAL ASPERBRAS HOJE 966 985 206 O Grupo Asperbras começou sua história com o talento e a

Leia mais

SERV AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DE CORREGO FUNDO /

SERV AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO DE CORREGO FUNDO / 02.450.972/000103 CASA CORREGO FUNDO LTDA EPP Cod Produto Descrição do produto Quantidade Unidade Prç unitário Total do item Marca 00000001790 ADAPTADOR SOLDAVEL 20 x 1/2 800,0000 UN 0,1900 152,00 00000001791

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 13 / 03 / 2014 1 de 6 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis de Suporte de Transformador Tipo Cantoneira para utilização nas Redes de Distribuição

Leia mais

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp sabesp Área Resp.: Prioridade.: Natureza...: Data da RC.: Inspeção...: Valor da RC...: Data (IO)...: Unid. Req...: Duração...: Objeto: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DO GRUPO 07 ( CURVA 45 E 90 GR, JÇÃO 45 GR,

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME IV MATERIAIS ELETROMECÂNICOS TOMO V VÁLVULA REDUTORA DE PRESSÃO NOVEMBRO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME II MATERIAIS DE CONCRETO TOMO IV MOURÃO NOVEMBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAS RESUMO:

Leia mais

DIMENSIONAMENTO DE SISTEMAS DE ESGOTO SANITÁRIO

DIMENSIONAMENTO DE SISTEMAS DE ESGOTO SANITÁRIO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS - UFPEL CENTRO DE ENGENHARIAS - CENG DISCIPLINA: SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO DIMENSIONAMENTO DE SISTEMAS DE ESGOTO SANITÁRIO Prof. Hugo Alexandre Soares Guedes E-mail:

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS Mod.:00.076 FOLHA TIMBRADA Código Item Descrição PLEO 1. INSTALAÇÃO OBRA / SERVIÇO 15/09/2015 1.1 CDS000002 ENGENHEIRO/ARQUITETO

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO VII EXTREMIDADE DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO VII EXTREMIDADE DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO VII EXTREMIDADE DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL OUTUBRO/2013 ÍNDICE 2 MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO...

Leia mais

ÍNDICE VINILFORT E VINILFORT ULTRA

ÍNDICE VINILFORT E VINILFORT ULTRA ÍNICE VINILFORT E VINILFORT ULTRA Características da Linha Vinilfort Itens da Linha Vinilfort Características da Linha Vinilfort Ultra Itens da Linha Vinilfort Ultra Instruções Gerais Tabelas de Perda

Leia mais

Soluções Amanco. Linha Amanco Novafort

Soluções Amanco. Linha Amanco Novafort Linha Amanco Novafort Linha Amanco Novafort s o l u ç õ e s a m a n c o i n f r a e s t r u t u r a Linha Amanco Novafort para Redes Coletoras de Esgotos e Águas Pluviais para Infraestrutura A linha Amanco

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 29 / 07 / 2011 1 de 7 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis de chapa de aterramento para utilização nas Linhas de Distribuição da CEMAR. 2 CAMPO

Leia mais

PLANILHA DE PROPOSTA

PLANILHA DE PROPOSTA 0001 007296 ACESSORIO PARA FLANGE PN 10 DN 150 - AGUA 8 parafusos de cabeça sextavada com 1 porca sextavada e 2 arruela para fixação dos flanges, para cada parafuso, devem ser de aço ABNT 1020 ou ASTM

Leia mais

Associação Brasileira de Tubos Poliolefínicos e Sistemas

Associação Brasileira de Tubos Poliolefínicos e Sistemas Aplicações do polietileno (PE) em Sistemas Coletores de Esgotos Sanitários Associação Brasileira de Tubos Poliolefínicos e Sistemas - Fundada em setembro de 1994; - Missão: Atuar institucionalmente para

Leia mais

Tubos e Conexões Infraestrutura

Tubos e Conexões Infraestrutura linha PVC Tubos e Conexões Infraestrutura LINHA ESGOTO COLETOR OCRE 4 TUBO COLETOR JEI CÓD. BITOLA COMPRIMENTO 8.121.1006 DN 100mm / DE 110mm 6m 8.121.1506 DN 150mm / DE 160mm 6m 8.121.2006 DN 200mm /

Leia mais

SISTEMA DE COLETA DE ESGOTOS SANITÁRIOS

SISTEMA DE COLETA DE ESGOTOS SANITÁRIOS SISTEMA DE COLETA DE ESGOTOS SANITÁRIOS REDES DE ESGOTO NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO E EXECUÇÃO DE REDE DE ESGOTO SANITÁRIO Deverão ser obedecidas as normas NBR 9649, 8160 e 9648 da ABNT sobre o assunto

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS NS027 CONSERTO DE REDES ADUTORAS DE ÁGUA Revisão: 01 Abr.

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS NS027 CONSERTO DE REDES ADUTORAS DE ÁGUA Revisão: 01 Abr. SUMÁRIO 1. Objetivo e campo de aplicação...2 2. Referências...2 3. Definições...2 4. Condições para início dos serviços...3 5. Materiais e equipamentos necessários...3 5.1 Materiais...3 5.2 Equipamentos...3

Leia mais

Rev Modificação Data Projetista Desenhista Aprovo. Sítio. Área do sítio

Rev Modificação Data Projetista Desenhista Aprovo. Sítio. Área do sítio OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA EXECUÇÃO DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA PARA RECUPERAÇÃO DE CERCA OPERACIONAL, IMPLANTAÇÃO DA CERCA DE SERVIDÃO, COMPLEMENTAÇÃO DA CERCA PATRIMONIAL E SERVIÇOS COMPLEMENTARES

Leia mais

AÇO PARA CONSTRUÇÃO CIVIL

AÇO PARA CONSTRUÇÃO CIVIL AÇO PARA CONSTRUÇÃO CIVIL GG 50 O VERGALHÃO QUE ESTÁ POR DENTRO DAS MELHORES OBRAS VERGALHÃO GG 50 GERDAU Para o seu projeto sair do papel com segurança e qualidade, use o vergalhão GG 50. Produzido rigorosamente

Leia mais

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS 1 - INTRODUÇÃO. A escolha do material a empregar (tipo de tubulação) nas redes coletoras de esgotos sanitários é função das características dos esgotos,

Leia mais

Portaria n.º 116, de 14 de março de 2014. CONSULTA PÚBLICA

Portaria n.º 116, de 14 de março de 2014. CONSULTA PÚBLICA Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA-INMETRO Portaria n.º 116, de 14 de março de 2014. CONSULTA

Leia mais

IMPERMEABILIZAÇÃO DE LAGOA PARA DECANTAÇÃO DE EFLUENTE PROVENIENTE DE ESGOTO SANITÁRIO NAZARÉ DA MATA - PE

IMPERMEABILIZAÇÃO DE LAGOA PARA DECANTAÇÃO DE EFLUENTE PROVENIENTE DE ESGOTO SANITÁRIO NAZARÉ DA MATA - PE IMPERMEABILIZAÇÃO DE LAGOA PARA DECANTAÇÃO DE EFLUENTE PROVENIENTE DE ESGOTO SANITÁRIO NAZARÉ DA MATA - PE AUTOR: Departamento Técnico de Geomembrana NeoPlastic Eng Daniel M. Meucci ANO - 2013 1. INTRODUÇÃO...

Leia mais

PVC DEFOFO Evolução conceitual

PVC DEFOFO Evolução conceitual ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS FABRICANTES DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS PARA SANEAMENTO - ASFAMAS PVC DEFOFO Evolução conceitual Natal Garrafoli Diretor Grupo Setorial de PVC 1 CRITÉRIO E RESPONSABILIDADE 33

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES PRELIMINARES BICICLETA ESCOLAR. Aro 20. Item Descrição Medidas Tolerância. Diâmetro interno - Usinado e Calibrado - mm

ESPECIFICAÇÕES PRELIMINARES BICICLETA ESCOLAR. Aro 20. Item Descrição Medidas Tolerância. Diâmetro interno - Usinado e Calibrado - mm MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DE ARTICULAÇÃO E CONTRATOS COORDENAÇÃO DE REGISTRO DE PREÇOS ESPECIFICAÇÕES PRELIMINARES

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 30/06/2005 1 de 1 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis do eletroduto de aço para utilização em padrões de entrada de unidades consumidoras

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XIII JUNTA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XIII JUNTA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO XIII JUNTA DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL NOVEMBRO/2013 ÍNDICE 2 MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO... 3

Leia mais

DER/PR EM-R 01/05 ESPECIFICAÇÕES DE MATERIAIS PARA SERVIÇOS RODOVIÁRIOS: RELAÇÃO

DER/PR EM-R 01/05 ESPECIFICAÇÕES DE MATERIAIS PARA SERVIÇOS RODOVIÁRIOS: RELAÇÃO ESPECIFICAÇÕES DE MATERIAIS PARA SERVIÇOS RODOVIÁRIOS: RELAÇÃO Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná - DER/PR Avenida Iguaçu 420 CEP 80230 902 Curitiba Paraná Fone (41) 3304 8000 Fax

Leia mais

UNID. 6o PAV 1 EQUIPAMENTOS R$ 498.452,21

UNID. 6o PAV 1 EQUIPAMENTOS R$ 498.452,21 TJMG DIRETORIA EXECUTIVA DE ENGENHARIA E GESTÃO PREDIAL GERÊNCIA DE PROJETOS PLANILHA DE CUSTOS APURADOS PELO TJMG REFERENTES AOS PROJETOS DAS INSTALAÇÕES COMPLEMENTARES SISTEMA CENTRAL DE AR CONDICIONADO

Leia mais

Apresentação. Apresentação. ltda. PABX: (31) 2535.7762

Apresentação. Apresentação. ltda. PABX: (31) 2535.7762 Apresentação Apresentação Fundada em 2003, a Masterfer é, hoje, uma renomada fornecedora de produtos para saneamento. Prima por possuir um atendimento de forma única e objetiva, o que a credencia apresentar

Leia mais

DAE - DEPARTAMENTO DE AGUA ESGOTO DE BAURU

DAE - DEPARTAMENTO DE AGUA ESGOTO DE BAURU (Página: 1 / 5) Movimentação do dia 17 de Junho de 2015 05 - DEPARTAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO - DAE 05.00.00.00.0.0000.0000 - DESPESA EXTRAORÇAMENTÁRIA 05.00.00.00.0.0000.0000.0.0411000 - GERAL 05.00.00.00.0.0000.0000.0.0411000.5310

Leia mais

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp 1 07.0069.0011.0 ADESIVO TUBOS/CONEXOES PVC RIGIDO BISNAGA COM 90 CM3 (SOLDA RAPIDA) UTILIZACAO: INSTALACOES PREDIAIS DE AGUA FRIA NORMA: NBR 5648 APLICACAO: EXECUCAO DE JTA SOLDAVEL DE TUBOS/CONEXOES

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS NS036 POÇOS DE VISITA TIPOS 2A e 2B Revisão: 02 Fev/09 SUMÁRIO

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS NS036 POÇOS DE VISITA TIPOS 2A e 2B Revisão: 02 Fev/09 SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Objetivo e campo de aplicação...4 2. Referências...4 3. Definições...4 4. Condições para início dos serviços...5 5. Materiais e equipamentos necessários...5 6. Métodos e Procedimentos de Execução...5

Leia mais

EDITAL Nº 015/2018, DE 09 DE OUTUBRO DE RETIFICA O EDITAL Nº 014/2018 PREGÃO PRESENCIAL Nº 007/2018 PARA REGISTRO DE PREÇOS

EDITAL Nº 015/2018, DE 09 DE OUTUBRO DE RETIFICA O EDITAL Nº 014/2018 PREGÃO PRESENCIAL Nº 007/2018 PARA REGISTRO DE PREÇOS EDITAL Nº 015/2018, DE 09 DE OUTUBRO DE 2018. RETIFICA O EDITAL Nº 014/2018 PREGÃO PRESENCIAL Nº 007/2018 PARA REGISTRO DE PREÇOS ADRIANO GRAEFF, Diretor da Autarquia Água de Ivoti, no uso de suas atribuições

Leia mais

PRAÇA DOS ESPORTES E DA CULTURA MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

PRAÇA DOS ESPORTES E DA CULTURA MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRAÇA DOS ESPORTES E DA CULTURA MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PROJETO: ELÉTRICO Modelo: 3.000 m2 MAIO 2011 SUMÁRIO 1. GENERALIDADES... 03 2. DOCUMENTOS APLICÁVEIS... 04 3. DESCRIÇÃO DO PROJETO...

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO VIII FLANGE DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO VIII FLANGE DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO VIII FLANGE DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL OUTUBRO/2013 ÍNDICE 2 MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO... 3

Leia mais

ISF-215: PROJETO DE SUPERESTRUTURA DA VIA PERMANENTE APARELHOS DE MUDANÇA DE VIA

ISF-215: PROJETO DE SUPERESTRUTURA DA VIA PERMANENTE APARELHOS DE MUDANÇA DE VIA 1. OBJETIVO ISF-215: PROJETO DE SUPERESTRUTURA DA VIA PERMANENTE APARELHOS DE MUDANÇA DE VIA Definir o tipo e características dos aparelhos de mudança de via a serem colocados nas concordâncias de duas

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA EMPREENDIMENTOS - TEV

SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA EMPREENDIMENTOS - TEV COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO SABESP BANCO DE PREÇOS DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA BRO/2011 SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA

Leia mais

Conceitos Básicos de Desenho Técnico

Conceitos Básicos de Desenho Técnico Conceitos Básicos de Desenho Técnico 1. Utilização Das Ferramentas E Papel De Desenho 1.1. Ferramentas de Desenho 1.1.1. Apresentação O Desenho Arquitetônico uma especialização do Desenho Técnico, o qual

Leia mais

Continuação aula 3 - unidades do Sistema de Esgotamento Sanitário

Continuação aula 3 - unidades do Sistema de Esgotamento Sanitário Continuação aula 3 - unidades do Sistema de Esgotamento Sanitário e) Órgãos acessórios: Dispositivos fixos e não mecanizados destinados a facilitar a inspeção e limpeza dos coletores, construídos em pontos

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 29 / 07 / 2011 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para parafuso U 16x270mm utilizado nas Linhas de Distribuição da CEMAR. 2 CAMPO

Leia mais

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE LAVAGEM DE FILTROS E LODO DE ETA DO MUNICÍPIO DE ITAPIRA-SP PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE LAVAGEM DE FILTROS E LODO DE ETA DO MUNICÍPIO DE ITAPIRA-SP PLANILHA ORÇAMENTÁRIA ITEM INSTITUIÇÃO VALOR VALOR UN. VALOR DESCRIÇÃO UNID QUANT CÓDIGO (UNITÁRIO) BDI 25% TOTAL Sistema de Recuperação de Águas de Lavagem dos Filtros e Sedimentabilidade dos Sólidos - ALVENARIA 1 SERVIÇOS

Leia mais

COMPREENSÃO DE PROJETOS (PARTE III - Teoria)

COMPREENSÃO DE PROJETOS (PARTE III - Teoria) UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO DE CONSTRUÇÃO CIVIL COMPREENSÃO DE PROJETOS (PARTE III - Teoria) Projeto Hidráulico TC_042 - CONSTRUÇÃO CIVIL IV PROFESSORA: ELAINE SOUZA MARINHO CONCEITOS INICIAIS

Leia mais

MANUAL DE ENGENHARIA

MANUAL DE ENGENHARIA 02.04.2007 1/6 1. OBJETIVO Esta especificação padroniza as dimensões e estabelece as condições gerais e específicas mínimas exigíveis para o fornecimento das cruzetas de concreto armado destinadas ao suporte

Leia mais

NORMA TÉCNICA GEPRO/ESGOTO 001/2015 DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS HIDROSANITÁRIOS POR TERCEIROS

NORMA TÉCNICA GEPRO/ESGOTO 001/2015 DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS HIDROSANITÁRIOS POR TERCEIROS NORMA TÉCNICA GEPRO/ESGOTO 001/2015 DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS HIDROSANITÁRIOS POR TERCEIROS ÍNDICE 1. OBJETIVOS... 1 2. DOCUMENTOS RELACIONADOS... 1 3. EMPREENDIMENTOS DE INTERESSE... 2 4.

Leia mais

Apresentação. A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no

Apresentação. A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no Apresentação A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no mercado, sempre atuando no segmento de acessórios para tubulação, tais como: Curvas, Tês, Flanges, Reduções, Válvulas,

Leia mais

Junta Universal Ve DN 100 ao DN 1000 Tubos classe K9

Junta Universal Ve DN 100 ao DN 1000 Tubos classe K9 Tubos classe K9 colar de proteção da bolsa em elastômero cordão de solda anel de trava em ferro dúctil colar de proteção metálico anel JE2GS Acessórios Junta elástica e travamento metálico anel JE2GS

Leia mais

Cobresul Metais Ltda. Plasinco Empreendimentos Ltda.

Cobresul Metais Ltda. Plasinco Empreendimentos Ltda. A Cobresul Metais Ltda., afiliada e controlada pela Plasinco Empreendimentos Ltda. proprietária das empresas Plasinco Ltda, Plasinco Importação e Exportação S/A, e acionista da CBL Laminação Brasileira

Leia mais

Entidade Setorial Nacional Mantenedora ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS FABRICANTES DE MATERIAIS PARA SANEAMENTO

Entidade Setorial Nacional Mantenedora ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS FABRICANTES DE MATERIAIS PARA SANEAMENTO Entidade Setorial Nacional Mantenedora ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS FABRICANTES DE MATERIAIS PARA SANEAMENTO Av. Queiroz Filho, 1700 Vila A Sobrado 87 Condomínio Villa Lobos Office Park Vila Hamburguesa 05319-000

Leia mais

Grupo 30.24 - Material hidráulico

Grupo 30.24 - Material hidráulico O catálogo do grupo 30.24 contém as especificações de material hidráulico. Os itens que estão destacados com a mesma coloração significam que possuem a mesma descrição, no entanto, possuem diferentes unidades

Leia mais

TABELA DE PREÇOS TUBOS & ACESSÓRIOS EM PVC PVC ESGOTO PVC SANEAMENTO PP CORRUGADO DURALIGHT PP AVANTGARDE PVC RECTANGULAR 12/04/2012

TABELA DE PREÇOS TUBOS & ACESSÓRIOS EM PVC PVC ESGOTO PVC SANEAMENTO PP CORRUGADO DURALIGHT PP AVANTGARDE PVC RECTANGULAR 12/04/2012 TABELA DE PREÇOS 38 TUBOS & ACESSÓRIOS EM PVC PVC ESGOTO PVC SANEAMENTO PP CORRUGADO DURALIGHT PP AVANTGARDE PVC RECTANGULAR ESTA TABELA PODE SER ALTERADA SEM AVISO PRÉVIO AOS VALORES APRESENTADADOS ACRESCE

Leia mais

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DE PREGAO Nº 25/2013

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DE PREGAO Nº 25/2013 Ao SAE-SERVIÇO AUTONOMO DE ÁGUA E ESGOTO DE SOROCABA/SP Att. Pregoeiro Oficial e Equipe de Apoio Assunto: Impugnação do Edital do Processo Administrativo nº 1.497/13 Modalidade PREGAO ELETRÔNICO nº 25/2013

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME II MATERIAIS DE CONCRETO TOMO IV MOURÃO NOVEMBRO/2013 ÍNDICE 3 MATERIAIS EM CONCRETO... 3 3.4 MOURÃO DE CONCRETO... 3 3.4.1

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº. 05/2014

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº. 05/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº. 05/2014 PREGÃO PRESENCIAL Nº. 10/2014 Aos três dias do mês de abril do ano de 2014, no Departamento de Compras, localizado no Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto -

Leia mais

ESCORAMENTO ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 3

ESCORAMENTO ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 3 ESCORAMENTO PÁGINA 1/16 MOS 4ª Edição ESPECIFICAÇÕES MÓDULO 05 VERSÃO 00 DATA jun/2012 SUMÁRIO OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 3 0501 ESCORAMENTO DE MADEIRA... 3 0502

Leia mais

PROJETO QUADRA POLIESPORTIVA - SESI

PROJETO QUADRA POLIESPORTIVA - SESI PROJETO QUADRA POLIESPORTIVA - SESI Contratante: SESI - FIEB Localização: Unidade SESI Simões Filho BA. INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS, DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO E DRENAGEM DE ÁGUAS PLUVIAIS Memorial Descritivo

Leia mais

TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622

TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622 TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622 APRESENTAÇÃO Atuando no mercado desde 1988, a DRAGTEC, empresa conceituada no mercado de tubos, apresenta sua linha de produtos para comercialização,

Leia mais

MANGAS DE PROTECÇÃO PARA REDES EM AÇO E POLIETILENO

MANGAS DE PROTECÇÃO PARA REDES EM AÇO E POLIETILENO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET 305 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET 305 29 de Maio de 2007 Página 1 de 8 ÍNDICE Registo das revisões... 2 Preâmbulo... 3 1. Objectivo... 3 2. Âmbito... 3 3. Referências... 3 3.1. Externas...

Leia mais

Catálogo Técnico 2014 2015 CALHA DE ESCOAMENTO PALMETAL

Catálogo Técnico 2014 2015 CALHA DE ESCOAMENTO PALMETAL Catálogo Técnico 2014 2015 CALHA DE ESCOAMENTO PALMETAL A CALHA DESENVOLVIMENTO DO PRODUTO A CALHA DE ESCOAMENTO já era um produto reconhecido e de alta demanda na Palmetal. Analisando o uso dos clientes

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET 6000-000-000-200-001

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET 6000-000-000-200-001 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET 6000-000-000-200-001 1 de 13 : DATA: 08/02/08 GEPRO GERENCIA DE PROJETOS Nº do Contrato: RESP. TÉCNICO/ CREA: ÍNDICE DE REVISÕES REV. E/OU FOLHAS ATINGIDAS 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9

Leia mais

195002.722013.21445.4850.3197168667.321

195002.722013.21445.4850.3197168667.321 195002.722013.21445.4850.3197168667.321 MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL CIA de Desenvolvimento do Vale do São Francisco/PE Ata de Realização do Pregão Eletrônico Nº 00072/2013 Às 11:07 horas do dia 16

Leia mais

Tubos e Conexões Predial

Tubos e Conexões Predial linha PVC Tubos e Conexões Predial Linha Soldável Água 4 TUBO SOLDÁVEL CÓD. BITOLA COMPRIMENTO 8.126.0203 DE 20'' 3m 8.126.0253 DE 25'' 3m 8.126.0323 DE 32'' 3m 8.126.0403 DE 40'' 3m 8.126.0503 DE 50''

Leia mais

TUBO DE CRISTAL PARA USO ALIMENTAR (série 1500)

TUBO DE CRISTAL PARA USO ALIMENTAR (série 1500) TUBO DE CRISTAL PARA USO ALIMENTAR (série 1500) MEDIDA mm METROS ROLO 2x4 100 3x5 100 4x6 100 5x8 100 5x9 50 6x8 50 6x8 25 6x9 50 6x10 50 7x10 50 7x12 50 8x10 50 8x11 50 8x12 50 9x12 50 9x15 50 10x12 50

Leia mais

Linha Amanco Biax. Amanco Biax. Linha. Soluções Amanco. Tripla Certificação. Soluções Amanco LINHA AMANCO BIAX. Soluções Amanco

Linha Amanco Biax. Amanco Biax. Linha. Soluções Amanco. Tripla Certificação. Soluções Amanco LINHA AMANCO BIAX. Soluções Amanco úde ualidade gurança 2007 :2008 LINHA AMANCO BIAX S O L U Ç Õ E S Tripla Certificação A Amanco Brasil é comprometida com a qualidade, sendo a única empresa fabricante de tubos e conexões do Brasil a ter

Leia mais

Mercado 6 - Para uso SOMENTE do pessoal de licitações Validade da lista de preços: 31/01/12. Descrição

Mercado 6 - Para uso SOMENTE do pessoal de licitações Validade da lista de preços: 31/01/12. Descrição Mercado 6 - Para uso SOMENTE do pessoal de licitações Validade da lista de preços: 31/01/12 Tubos PVC PBA NBR 5647 Tubo PVC PBA cl.12 DN 50 DE 60 41,67 Tubo PVC PBA cl.12 DN 65 DE 75 62,77 Tubo PVC PBA

Leia mais

FICHA DE CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS TUBO CORRUGADO DE DUPLA PAREDE ENTERRADO E ACESSÓRIOS

FICHA DE CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS TUBO CORRUGADO DE DUPLA PAREDE ENTERRADO E ACESSÓRIOS O sistema de tubos corrugado de dupla parede Tuboflex enterrados rígidos são certificados pela AENOR desde 2010 O interior liso e o exterior anelado proporciona uma melhoria na resistência à compressão

Leia mais