JAYADA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "www.jayada.net JAYADA"

Transcrição

1 JAYADA

2 Jayada Abraça as tuas verdadeiras cores. Jayada significa Aquele que dá a Vitória. É o Espaço que abrimos para podermos ser tocados e inspirados pelo Divino em tudo o que pensamos, sentimos e fazemos. E cada vez que permitimo-nos fazer essa escolha, de abrir um pouco mais, avançamos mais um passo na direção da realização da nossa Alma, da nossa Vitória. É um Espaço sem tempo, onde a Natureza do Ser pode ser reconhecida e abraçada em todas as suas cores, sons e dimensões. Onde podemos Curar a nossa dor, transformando-a em Alegria e Gratidão pelas coisas simples. Onde podemos ser mais criativos, usando a Arte para construir pontes arco-íris entre o Mundo Espiritual e o mundo em que vivemos e somos humanos, traçando assim caminhos por onde podemos seguir mais Equilibrados, Harmonizados e Felizes. Quando criamos, irradiamos Beleza e essa Luz muda o nosso destino, mudando assim o destino do mundo. JAYADA

3 Origens A Terapia Artística foi criada a partir dos princípios da Medicina Antroposófica pela Dra. Ita Wegman em conjunto com a Dra. Margarethe Hauschka, que desenvolveu toda a metodologia, até criar a primeira escola de formação de Terapeutas Artísticos em 1962 na Alemanha. Baseada no entendimento do ser humano desenvolvido por Rudolf Steiner, a Terapia Artística usa diferentes técnicas artísticas como pintar (sentir), modelar barro (vontade) e desenhar (pensar) visando a harmonização e integração do ser a nível orgânico, vital, anímico e de consciência, respeitando sempre a sua liberdade enquanto indivíduo. Nesta Terapia, o resultado final não é a meta, o que importa é o processo em si mesmo e tudo o que se vivencia através das práticas artísticas como forças de sanação. Estas forças é que estimulam a transformação no indivíduo, sendo uma terapia não-verbal. A Arte é por si mesma uma ferramenta de comunicação que fala diretamente com a nossa alma. A atividade artística expande a nossa consciência ajudando a expressar, explorar e partilhar sentimentos e pensamentos que de outra forma poderiam ser difíceis de conseguir fazê-lo. Pode ser aplicada a todos os casos de doenças, desarmonias e como um processo de aprendizado e auto desenvolvimento pessoal.

4

5 A Formação A Formação em Arte Terapia é oferecida pelo Centro de Formação Jean Berbaum e tem a duração de quatro anos. Realiza-se em Portugal (Harpa) e em Espanha. Segue o método da Dra. Margarethe Hauschka e é coordenada por Maya Moussa (Arte Terapeuta) e por Florencio Herrero (Médico Clínico Geral). Este curso é complementar a uma formação académica superior anterior na área Artística, de Psicologia, Educação ou Medicina. Tem como objetivos:. Fornecer ferramentas criativas que permitam uma prática criativa da profissão de Arte Terapeuta em pintura, desenho e modelagem proporcionando aprofundar-se no uso dessas técnicas.. Conhecer e aprofundar Teorias de Cor de Johann Wolfgang Von Goethe e Rudolf Steiner. Conhecimentos de história de arte como manifestação da evolução da consciência do ser humano.. Fornecer conceitos básicos de medicina (visão do ser humano e estilos terapêuticos em diferentes enfoques médicos). Conhecimentos genéricos de patologias e doenças específicas. Trabalha-se com temas específicos, as tendências constitucionais, os sete processos vitais e os órgãos principais. Conhecimentos de Pedagogia Curativa, anatomia e fisiologia, ontogénese, psicologia. Desenvolver a capacidade de auto educação do Arte Terapeuta.. Capacitar o estudante a orientar processos diagnóstico artísticos e tratamentos através da arte. Desenvolver a capacidade de elaborar estudos de caso. Desenvolver atitude terapêutica e capacidade de comunicação. Desenvolver a prática profissional de Arte Terapeuta.

6

7 Como funciona A nível individual ou em grupo, com pessoas com patologias de natureza orgânica/fisiológica ou psíquicas, em casos de adições ou indivíduos com necessidades educativas especiais. Desenvolve trabalho de integração social de indivíduos ou comunidades marginalizados ou excluídos com a colaboração de médicos, familiares, professores e entidades de apoio social. Em situações de cariz profissional para melhorar o relacionamento laboral, aliviar o stress e liberar traumas. Atua também no âmbito geriátrico focando-se nos aspetos relevantes para o indivíduo em questão. Ou simplesmente como ferramenta de auto-conhecimento e desenvolvimento pessoal. Elabora-se um caminho terapêutico a partir do diagnóstico médico disponível e de informação disponibilizada por familiares. Esse caminho tem metas claras e bem definidas. Através da observação fenomenológica o Arte Terapeuta deteta eventuais desarmonias a nível do pensar (polo neurosensorial), sentir (sistema rítmico) e da vontade (sistema metabólico motor) que se refletem a nível físico, vital, emocional e espiritual no paciente. Pode-se fazer uso de diferentes suportes artísticos, dependendo do caminho terapêutico e das necessidades do mesmo:. Pintura (aguarela húmida, velaturas ou pigmentos em pó). Desenho (observação realista, dinâmico, raiado, de forma ou geométrico, em carvão, grafite, cera de abelha em barra ou lápis de cor). Modelação (barro ou cera de abelha)

8 Trabalham-se temas ligados aos ritmos da natureza (estações, horas do dia, crescimento das plantas), metamorfoses, observação da natureza, os quatro elementos, o arco-íris, as transições de cores, os contos de fadas, entre outros... A Terapia parte sempre do ponto onde se encontra o paciente. O Terapeuta também desenvolve os trabalhos seguindo ao seu lado e assim vão fazendo um caminho juntos. Cada trabalho é uma ferramenta de diagnóstico que ajuda o terapeuta a definir cada passo, orientando e observando a forma como o paciente se envolve, desenvolve e implica nas tarefas. O Terapeuta sacrifica a sua própria expressão e habilidade artística para que o trabalho do paciente possa brilhar mais do que o seu, para que este último se sinta bem com os seus resultados, motivado e não frustrado. Por isso também as propostas de trabalho deverão ter em conta as capacidades de realização do paciente, não sendo demasiado difíceis para ele. Mas é também, pela superação das dificuldades aceitáveis que poderá aumentar a sua auto-estima e auto-confiança. Não são necessários conhecimentos e experiência artística anteriores para a prática da Terapia Artística. É responsabilidade do Terapeuta criar um ambiente de trabalho acolhedor, caloroso, protegido e alegre.

9

10 Percurso Jayada nasceu em Passou sua infância no Brasil, país com o qual tem grande ligação e raízes. Licenciou-se em Design Gráfico pelo IADE (1995), tendo trabalhado como Diretora de Arte em várias Multinacionais como Lintas, Saatchi & Saatchi, Young & Rubicam e Publicis. Em 2001 retirou-se do mundo das Agências e passou a dedicar-se a tempo inteiro ao seu trabalho enquanto artista. Fez parte de Coletivos Artísticos e realizou Exposições Individuais, mas fazer Arte de Galeria e Feiras nunca foi seu verdadeiro objetivo. Em 2006 regressou ao Brasil - Goiás onde sua ligação à Natureza, que sente como Mestra e Mãe Divina, aprofundou-se. Viveu também em Sintra onde comungou com a Serra durante vários anos. A disponibilidade (temporal, emocional e mental) para aprofundar uma conexão Espiritual, através da contemplação da Natureza e da Criação Artística, abriu portais que transformaram para sempre suas escolhas e perceções. Começou a pintar e a modelar barro com um novo foco, mais consciente e intuitivo, iniciando um processo de autodescoberta e conexão com o Divino dentro de si mesma. Através de sincronicidades, insights, iniciações, práticas e muita perseverança foi abraçando a Arte como um grande mistério, como um instrumento Divino de Transformação, Comunicação Interdimensional e Cura atuando sobre si mesma. Sentiu um dia no seu íntimo como uma revelação, que o seu Propósito de Vida estava relacionado com levar a Alegria aos outros através da Arte e aos poucos a ideia de Arte como Terapia, como Serviço à Vida, foi ganhando a forma de um caminho. Mas foi só em 2010 que sentiu o chamado para avançar numa Formação Profissional nesta área, ao ter conhecimento do Curso de Arte Terapia Antroposofia, com o qual se sentiu identificada e frequentou durante os últimos quatro anos ( ). Querida Mãe Divina, Faz de mim um instrumento da Verdade, da tua Vontade e não da minha. Amén.

Curso de Arteterapia Antroposófica 2014/2018

Curso de Arteterapia Antroposófica 2014/2018 Curso de Arteterapia Antroposófica 2014/2018 1- GENERALIDADES Introdução: A formação em Arteterapia com base na imagem antroposófica do ser humano, baseia-se numa imagem integral do homem, tanto são como

Leia mais

MÓDULO 1: A INFÂNCIA. Como ocorre a cura no processo de O Grito Essencial? A menos que. você use toda sua. energia em seu próprio

MÓDULO 1: A INFÂNCIA. Como ocorre a cura no processo de O Grito Essencial? A menos que. você use toda sua. energia em seu próprio É um processo terapêutico, meditativo e espiritual que aborda as três etapas mais importantes de nossa vida: a infância, a adolescência e a idade adulta, integrando-as à consciência do ser interior. Dada

Leia mais

Curso sobre a EFT. (a acupuntura emocional sem agulhas) e os princípios da Psicologia Energética

Curso sobre a EFT. (a acupuntura emocional sem agulhas) e os princípios da Psicologia Energética Curso sobre a EFT (a acupuntura emocional sem agulhas) e os princípios da Psicologia Energética Curso com certificado, credenciado pela AAMET (Association of Advancement of Meridian Techniques www.aamet.org)

Leia mais

A PSICOLOGIA CORPORAL NA SALA DE AULA

A PSICOLOGIA CORPORAL NA SALA DE AULA 1 A PSICOLOGIA CORPORAL NA SALA DE AULA Glória Maria Alves Ferreira Cristofolini RESUMO Sala de aula, lugar de construção do saber, de alegrias e sensibilidades. É assim que penso o verdadeiro sentido

Leia mais

Lugar dos Gnomos. Um projeto inserido no âmbito da Pedagogia Waldorf

Lugar dos Gnomos. Um projeto inserido no âmbito da Pedagogia Waldorf Lugar dos Gnomos Um projeto inserido no âmbito da Pedagogia Waldorf O Projeto Este projeto nasceu do encontro de três mulheres com uma vontade comum: ver crescer uma Sociedade com pessoas mais saudáveis,

Leia mais

ANEXO I AÇÃO EDUCATIVA: CURSO CUIDANDO DO CUIDADOR

ANEXO I AÇÃO EDUCATIVA: CURSO CUIDANDO DO CUIDADOR ANEXO I AÇÃO EDUCATIVA: CURSO CUIDANDO DO CUIDADOR SUMÁRIO 1. identificação da atividade 02 2. Caracterização da atividade 02 3. Resumo das ações 04 4. Justificativa 04 5. Objetivos 05 6. Metodologia 05

Leia mais

Sou a nona filha entre dez irmãos. Nasci numa cultura com padrões rígidos de comportamento e com pouco afeto. Quando eu estava com um ano e quatro meses, contraí poliomielite que me deixou com sequelas

Leia mais

A PERCEPÇÃO DAS SENSAÇÕES DO CORPO NA FLEXIBILIDADE DA POSTURA E NO CONTATO COM O AMBIENTE

A PERCEPÇÃO DAS SENSAÇÕES DO CORPO NA FLEXIBILIDADE DA POSTURA E NO CONTATO COM O AMBIENTE 1 A PERCEPÇÃO DAS SENSAÇÕES DO CORPO NA FLEXIBILIDADE DA POSTURA E NO CONTATO COM O AMBIENTE RESUMO Luciana Gandolfo O objetivo da prática da eutonia é orientar a pessoa a focalizar a atenção em um segmento

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores FORMAÇÃO DE PROFESSORES WALDORF NO BRASIL: PRIMEIROS OLHARES Carolina Gulyas Figueiredo, Luciana

Leia mais

EXCELÊNCIA PROFISSIONAL

EXCELÊNCIA PROFISSIONAL EXCELÊNCIA PROFISSIONAL Jamais na história da humanidade o ser humano foi tão DESAFIADO. Vivemos em mundo onde tudo muda o tempo todo. Uma pergunta instigante: Quais os Maiores DESAFIOS do Profissional

Leia mais

Mostra de Projetos 2011

Mostra de Projetos 2011 Mostra de Projetos 2011 Fala cidadão: promovendo o direcionamento social, educacional e profissional do aluno da E.J.A, visando à transformação de sua realidade, na construção da cidadania Mostra Local

Leia mais

FORMAÇÃO EM COACHING PROFISSIONAL & LÍDER COACH

FORMAÇÃO EM COACHING PROFISSIONAL & LÍDER COACH CHEGOU A HORA DE VOCÊ SE TORNAR UM COACH! CERTIFICAÇÃO INTERNACIONAL EM COACHING 4 ING AGORA, COMO CONSEGUIR É A QUESTÃO! A vida nunca está parada, existe sempre movimento, um fluxo que nos leva na direção

Leia mais

A Pedagogia Clínica Biográfica

A Pedagogia Clínica Biográfica A Pedagogia Clínica Biográfica Josef David Yaari Sim, é isso que devo fazer, é isso que eu sou! Ocorre a urgência! O mundo, as empresas, iniciativas e muitos empreendimentos precisam de gente. Há uma demanda

Leia mais

O Projeto Jardim é uma iniciativa de mães e pais, alguns com formação em pedagogia, para a construção de uma escolinha modelo, com proposta

O Projeto Jardim é uma iniciativa de mães e pais, alguns com formação em pedagogia, para a construção de uma escolinha modelo, com proposta O Projeto Jardim é uma iniciativa de mães e pais, alguns com formação em pedagogia, para a construção de uma escolinha modelo, com proposta pedagógica diferenciada, norteada por alguns princípios, como

Leia mais

Esta Formação é Chancelada pelas Faculdades Monteiro Lobato FATO

Esta Formação é Chancelada pelas Faculdades Monteiro Lobato FATO Esta Formação é Chancelada pelas Faculdades Monteiro Lobato FATO A união entre a excelência em Coaching do IBC com a credibilidade da Sociedade Educacional Monteiro Lobato chancelam e certificam essa formação

Leia mais

PROGRAMA DE COACHING & VOCÊ

PROGRAMA DE COACHING & VOCÊ LAIS SILVA Profissional coach &Leader Coach Analista comportamental & 360 graus Coach, Consultora, Palestrante. Especialista em Recursos Humanos e Gestão Auditoria em Serviços de Saúde. Atua há mais de

Leia mais

COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO

COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E TÉCNICAS DE APRESENTAÇÃO Sobre o curso: A criatividade, produtividade e a estabilidade emocional são a base para o progresso de qualquer natureza, mas, infelizmente, a rotina, responsabilidades

Leia mais

A Arte e as Crianças

A Arte e as Crianças A Arte e as Crianças A criança pequena consegue exteriorizar espontaneamente a sua personalidade e as suas experiências inter-individuais, graças aos diversos meios de expressão que estão à sua disposição.

Leia mais

Caro(a)s voluntário(a)s. é

Caro(a)s voluntário(a)s. é Os Caro(a)s voluntário(a)s. é com satisfação que apresentamos cinco na temática do empreendedorismo que vocês poderão implementar junto aos alunos das escolas parceiras: Introdução ao Mundo dos Negócios,

Leia mais

CAPACITAÇÃO EM CONSTELAÇÃO SISTÊMICA MULTIDIMENSIONAL: FAMILIAR E ORGANIZACIONAL

CAPACITAÇÃO EM CONSTELAÇÃO SISTÊMICA MULTIDIMENSIONAL: FAMILIAR E ORGANIZACIONAL CAPACITAÇÃO EM CONSTELAÇÃO SISTÊMICA MULTIDIMENSIONAL: FAMILIAR E ORGANIZACIONAL APRESENTAÇÃO A Capacitação em Constelação Sistêmica Multidimensional, do Instituto Bazzi, é a formação profissional de facilitador

Leia mais

A Importância da Família na Educação

A Importância da Família na Educação A Importância da Família na Educação Não caminhes à minha frente Posso não saber seguir-te. Não caminhes atrás de mim Posso não saber guiar-te. Educadora Social Dra. Joana Valente Caminha antes a meu lado

Leia mais

A ARTE E A EXPRESSÃO CORPORAL NA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL 1

A ARTE E A EXPRESSÃO CORPORAL NA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL 1 A ARTE E A EXPRESSÃO CORPORAL NA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL 1 Ingrid Dos Santos Gonçalves 2, Sarai De Fátima Silveira De Souza 3, Andrisa Kemel Zanella 4. 1 projeto de extensão

Leia mais

Aprendizagem na Educação Musical

Aprendizagem na Educação Musical Aprendizagem na Educação Musical Flávia Rizzon Universidade Federal do Rio Grande do Sul Resumo: O presente texto refere-se à importância de reavaliar a didática na área da Educação Musical, relacionando-a

Leia mais

Atividades artísticas aplicadas à saúde. Histórico, bases e metodologia da terapia artística antroposófica.

Atividades artísticas aplicadas à saúde. Histórico, bases e metodologia da terapia artística antroposófica. Atividades artísticas aplicadas à saúde. Histórico, bases e metodologia da terapia artística antroposófica. AntoniaWallig 1 Resumo A linguagem das artes plásticas vem sendo usada como recurso na área da

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO 1) História da Terapia Ocupacional (30 hs) EMENTA: Marcos históricos que antecederam o surgimento formal da profissão de

Leia mais

ESCOLA DE PAIS.nee. Programa Escola de Pais.nee Formadora: Celmira Macedo

ESCOLA DE PAIS.nee. Programa Escola de Pais.nee Formadora: Celmira Macedo 1 PROGRAMA DA ESCOLA DE PAIS I. Introdução A escola de pais apresenta-se com um espaço de formação para famílias (preferencialmente famílias de crianças com necessidades especiais), estando igualmente

Leia mais

A LINGUAGEM MUSICAL DO MUSICOTERAPEUTA

A LINGUAGEM MUSICAL DO MUSICOTERAPEUTA A LINGUAGEM MUSICAL DO MUSICOTERAPEUTA Rita Bomfati. UNESPAR- FAP ritabomfati1@gmail.com Resumo: A importância da formação musical do musicoterapeuta (conhecimento de ritmos e instrumentos, história da

Leia mais

Prof. Alexandre kikuti Np2. Questões RD Ritmo e Dança / 2014 (DP)

Prof. Alexandre kikuti Np2. Questões RD Ritmo e Dança / 2014 (DP) Prof. Alexandre kikuti Np2 Questões RD Ritmo e Dança / 2014 (DP) Questão 01 A Dança como ARTE é uma atividade humana que resulta de uma elaboração dentro de uma determinada cultura e estabelece íntima

Leia mais

FLÁVIA MOTTA Consultora em Gestão de Pessoas Life & Professional Coach Pedagoga, Pós-graduada em Psicologia Organizacional MBA em Gestão de Pessoas

FLÁVIA MOTTA Consultora em Gestão de Pessoas Life & Professional Coach Pedagoga, Pós-graduada em Psicologia Organizacional MBA em Gestão de Pessoas DUO A DUO nasce com mais de 17 anos de experiência de seus fundadores nos segmentos de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas, Gerenciamento de Processos, Esportes e Qualidade de Vida. Com um vasto conhecimento

Leia mais

A alma da liderança Por Paulo Alvarenga

A alma da liderança Por Paulo Alvarenga A alma da liderança Por Paulo Alvarenga A palavra liderança é uma palavra grávida, tem vários significados. Desde os primórdios dos tempos a humanidade vivenciou exemplos de grandes líderes. Verdadeiros

Leia mais

Como sobreviver e crescer em tempos de crise? Como tornar sua empresa mais produtiva?

Como sobreviver e crescer em tempos de crise? Como tornar sua empresa mais produtiva? Portfólio 2015 IP Como sobreviver e crescer em tempos de crise? Como tornar sua empresa mais produtiva? Como fazer com que as pessoas trabalhem mais e felizes? Como implantar um modelo de gestão de vanguarda?

Leia mais

Universidade Estadual de Londrina

Universidade Estadual de Londrina Universidade Estadual de Londrina Josiane de Freitas Santos Relatório de Estágio em Educação Infantil Londrina 2010 1 Josiane de Freitas Santos Relatório de Estágio em Educação Infantil Relatório final

Leia mais

ESCOLA ESPECIAL RENASCER- APAE PROFESSORA: JULIANA ULIANA DA SILVA

ESCOLA ESPECIAL RENASCER- APAE PROFESSORA: JULIANA ULIANA DA SILVA ESCOLA ESPECIAL RENASCER- APAE PROFESSORA: JULIANA ULIANA DA SILVA PROJETO: ARTES NA EDUCAÇÃO ESPECIAL O CORPO E A MENTE EM AÇÃO LUCAS DO RIO VERDE 2009 APRESENTAÇÃO Em primeiro lugar é preciso compreender

Leia mais

PROPOSTA DE TRABALHO ENSINO MÉDIO 2010. Pais e Alunos

PROPOSTA DE TRABALHO ENSINO MÉDIO 2010. Pais e Alunos PROPOSTA DE TRABALHO ENSINO MÉDIO 2010 Pais e Alunos Proposta de Trabalho Ensino Médio 2010 A partir de 2010 o nosso projeto pedagógico do Ensino Médio estará ainda mais comprometido com a formação integral

Leia mais

Ao término da montaria, o aluno entrega o objeto identificador ao próximo da seqüência já organizada para que este vá até o cavalo a fim de realizar

Ao término da montaria, o aluno entrega o objeto identificador ao próximo da seqüência já organizada para que este vá até o cavalo a fim de realizar A EQUOTERAPIA COMO RECURSO TERAPÊUTICO APLICADO AO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM DE ALUNOS DEFICIENTES MENTAIS Introdução Autora: Tatiana Naraya Puzzi de Campos Fisioterapeuta Itapetininga/SP Palavras-chave:

Leia mais

Registos Gráficos e o Teatro-Fórum na Dimensão Artística do Núcleo do Aprofundamento (3º Ciclo)

Registos Gráficos e o Teatro-Fórum na Dimensão Artística do Núcleo do Aprofundamento (3º Ciclo) 294 Franco, Nuno Alexandre Marreiros (2013) Registos Gráficos e o Teatro-Fórum na Dimensão Artística do Núcleo do Aprofundamento (3º Ciclo). Revista Matéria-Prima, Práticas Artísticas no Ensino Básico

Leia mais

USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS

USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS Cristais e pedras para o uso terapêutico Os Cristais ou pedras semi-preciosas, são importantes canais energéticos de cura, equilíbrio e benefício, nas áreas física, mental, emocional

Leia mais

Formação revista e validada por: www.babyogaportugal.com escola@babyogaportugal.com

Formação revista e validada por: www.babyogaportugal.com escola@babyogaportugal.com Formação revista e validada por: A primeira Escola em Portugal especializada na prática de Yoga com bebés, crianças e famílias. Uma Escola inovadora que introduziu esta prática na nossa sociedade pela

Leia mais

PRÁTICAS LÚDICAS NO PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LÍNGUA ESCRITA DO INFANTIL IV E V DA ESCOLA SIMÃO BARBOSA DE MERUOCA-CE

PRÁTICAS LÚDICAS NO PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LÍNGUA ESCRITA DO INFANTIL IV E V DA ESCOLA SIMÃO BARBOSA DE MERUOCA-CE 1 PRÁTICAS LÚDICAS NO PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LÍNGUA ESCRITA DO INFANTIL IV E V DA ESCOLA SIMÃO BARBOSA DE MERUOCA-CE 1 Rochelle Lopes da Silva- UVA 2 Andrea Abreu Astigarraga- UVA INTRODUÇÃO De acordo

Leia mais

A INTEGRAÇÃO DAS PRÁTICAS DO YOGA À EDUCAÇÃO

A INTEGRAÇÃO DAS PRÁTICAS DO YOGA À EDUCAÇÃO A INTEGRAÇÃO DAS PRÁTICAS DO YOGA À EDUCAÇÃO Estamos vivendo um momento em nosso planeta em que profissionais de diversas áreas como medicina, tecnologia, administração, enfim todos aqueles que estão preocupados

Leia mais

Planificação Anual 3º ano

Planificação Anual 3º ano ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DA GRACIOSA Planificação Anual 3º ano Expressões e Cidadania Página1 Desenho de expressão livre Desenhar no chão do recreio; Desenhar no quadro da sala; Planificação Anual de

Leia mais

OS NOVOS PARADIGMAS DA FORMAÇÃO CONTINUADA: DA EDUCAÇÃO BÁSICA À PÓSGRADUAÇÃO

OS NOVOS PARADIGMAS DA FORMAÇÃO CONTINUADA: DA EDUCAÇÃO BÁSICA À PÓSGRADUAÇÃO OS NOVOS PARADIGMAS DA FORMAÇÃO CONTINUADA: DA EDUCAÇÃO BÁSICA À PÓSGRADUAÇÃO Profa. Drª. Ana Maria Maranhão 1 Resumo: A tecnologia da Informação e de modo específico o computador, oferece as diferentes

Leia mais

ÍNDICE PRIMEIRA PARTE A ARTE DA COMUNICAÇÃO

ÍNDICE PRIMEIRA PARTE A ARTE DA COMUNICAÇÃO ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 13 PRIMEIRA PARTE A ARTE DA COMUNICAÇÃO 1. ESCUTAR OS FILHOS... 17 1.1 Dar tempo... 18 1.2 Prestar atenção... 19 1.3 Interpretar bem a mensagem... 19 1.4 Manifestar compreensão...

Leia mais

PRÁTICAS EDUCATIVAS E APRENDIZAGENS FORMAIS E INFORMAIS: ENCONTROS ENTRE CIDADE, ESCOLA E FORMAÇÃO DE PROFESSORES

PRÁTICAS EDUCATIVAS E APRENDIZAGENS FORMAIS E INFORMAIS: ENCONTROS ENTRE CIDADE, ESCOLA E FORMAÇÃO DE PROFESSORES PRÁTICAS EDUCATIVAS E APRENDIZAGENS FORMAIS E INFORMAIS: ENCONTROS ENTRE CIDADE, ESCOLA E FORMAÇÃO DE PROFESSORES Bravo Nico Universidade de Évora 1. INTRODUÇÃO Aprendemos em qualquer circunstância. Aprendemos

Leia mais

Práticas Integrativas em Saúde - PIS. Adelyany Batista dos Santos GERPIS/ DCVPIS/ SAPS/ SES-DF

Práticas Integrativas em Saúde - PIS. Adelyany Batista dos Santos GERPIS/ DCVPIS/ SAPS/ SES-DF Práticas Integrativas em Saúde - PIS Adelyany Batista dos Santos GERPIS/ DCVPIS/ SAPS/ SES-DF Práticas Integrativas em Saúde...as PIS são entendidas como tecnologias que abordam a saúde do Ser Humano na

Leia mais

PROJETO MÚSICA NA ESCOLA

PROJETO MÚSICA NA ESCOLA Rede Salesiana de Escolas. Entusiasmo diante da vida. PROJETO MÚSICA NA ESCOLA Escola: Nossa Senhora Auxiliadora Níveis de Ensino: Fundamental II Coordenação Pedagógica: Maria das Graças L. N. Ferreira

Leia mais

WEBQUEST: UM RECURSO TECNOLÓGICO NA EDUCAÇÃO MATEMÃTICA

WEBQUEST: UM RECURSO TECNOLÓGICO NA EDUCAÇÃO MATEMÃTICA WEBQUEST: UM RECURSO TECNOLÓGICO NA EDUCAÇÃO MATEMÃTICA Patrícia Sândalo Pereira UNIOESTE Foz do Iguaçu patriciasandalop@uol.com.br Cleonice Salateski Colégio Estadual Alberto Santos Dumont maucleo@seed.pr.gov.br

Leia mais

REPERCUSSÕES NO ENSINO DA ENFERMAGEM: A VISÃO DOS PROFISSIONAIS À LUZ DAS SUAS EXPERIÊNCIAS

REPERCUSSÕES NO ENSINO DA ENFERMAGEM: A VISÃO DOS PROFISSIONAIS À LUZ DAS SUAS EXPERIÊNCIAS REPERCUSSÕES NO ENSINO DA ENFERMAGEM: A VISÃO DOS PROFISSIONAIS À LUZ DAS SUAS EXPERIÊNCIAS CRIZÓSTOMO, Cilene Delgado MILANEZ, Maria Rosa de Morais SOUSA, Rejane Lúcia Rodrigues Veloso ALBUQUERQUE, Judith

Leia mais

CONCEPÇÃO DE CUIDADO E EDUCAÇÃO:

CONCEPÇÃO DE CUIDADO E EDUCAÇÃO: 1 CONCEPÇÃO DE CUIDADO E EDUCAÇÃO: Ao longo dos tempos as mudanças nas evoluções educacionais possibilitaram que o educador construísse a sua identidade profissional, disponibilizando situações de aprendizagens

Leia mais

ExpressARTE. Recursos Didácticos para Aprender a Ser Mais. Manual da Formanda drmadorr1manda. Dança Movimento Amalgama

ExpressARTE. Recursos Didácticos para Aprender a Ser Mais. Manual da Formanda drmadorr1manda. Dança Movimento Amalgama ExpressARTE Recursos Didácticos para Aprender a Ser Mais Manual da Formanda drmadorr1manda Dança Movimento Amalgama Autor: Amalgama Companhia de Dança (Ana Alexandra Battaglia) Título: Dança Movimento

Leia mais

ERGONOMIA, QUALIDADE e Segurança do Trabalho: Estratégia Competitiva para Produtividade da Empresa.

ERGONOMIA, QUALIDADE e Segurança do Trabalho: Estratégia Competitiva para Produtividade da Empresa. ERGONOMIA, QUALIDADE e Segurança do Trabalho: Estratégia Competitiva para Produtividade da Empresa. 1. INTRODUÇÃO Prof. Carlos Maurício Duque dos Santos Mestre e Doutorando em Ergonomia pela Escola Politécnica

Leia mais

Objetivo. Aumentar sua Qualidade de Vida, utilizando a Ansiedade de forma Saudável e Produtiva.

Objetivo. Aumentar sua Qualidade de Vida, utilizando a Ansiedade de forma Saudável e Produtiva. Objetivo Aumentar sua Qualidade de Vida, utilizando a Ansiedade de forma Saudável e Produtiva. Definição da palavra Ansiedade Comoção aflitiva de quem receia que uma coisa suceda ou não. Sofrimento de

Leia mais

Escola Especial Renascer Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Lucas do Rio Verde- MT PROJETO DANÇA TERAPIA

Escola Especial Renascer Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Lucas do Rio Verde- MT PROJETO DANÇA TERAPIA Escola Especial Renascer Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Lucas do Rio Verde- MT PROJETO DANÇA TERAPIA PROFESSORA: ALESSANDRA DOS SANTOS MEIRA LUCAS DO RIO VERDE 2009 1. ESCOLA / PROFESSOR

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Índice 1. Objetivos gerais:... 4 2. Objetivos específicos:... 5 3. Estratégias Educativas e Pedagógicas... 6 4. Atividades Sócio-Educativas... 7 5. Propostas

Leia mais

GESTÃO 2013 / 2015 ENSINO INFORME 2015

GESTÃO 2013 / 2015 ENSINO INFORME 2015 GESTÃO 2013 / 2015 Após dois anos de muito trabalho, e quatro para alguns de nós, chegamos ao final de nossa gestão na condução da ABMA-SP. Nesse período, buscamos consolidar os impulsos iniciais, preservando

Leia mais

WORKSHOPS Jovens dos 12 aos 15 anos

WORKSHOPS Jovens dos 12 aos 15 anos VERÃO 2011 WORKSHOPS Jovens dos 12 aos 15 anos Oficina de BD Neste workshop não se faz apenas banda desenhada: faz-se um fanzine de banda desenhada! Vamos criar uma história com base no teu imaginário

Leia mais

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016 ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016 QUERES FAZER PARTE DESTA MISSÃO? Se queres chegar mais longe em experiência e vivência Pelo décimo primeiro ano consecutivo abrimos a possibilidade

Leia mais

P-06. Revendo o Treinamento Comportamental. Bernardo Leite - bernardo@rhestrategia.com.br www.bernardoleite.com.br

P-06. Revendo o Treinamento Comportamental. Bernardo Leite - bernardo@rhestrategia.com.br www.bernardoleite.com.br P-06 Revendo o Treinamento Comportamental Bernardo Leite - bernardo@rhestrategia.com.br www.bernardoleite.com.br Proposta Refletir e analisar a metodologia de treinamentos comportamentais. O que acontece

Leia mais

O PROCESSO DE MUSICALIZAÇÃO NO 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL: UM ESTUDO DE CASO EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DA CIDADE DO RECIFE

O PROCESSO DE MUSICALIZAÇÃO NO 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL: UM ESTUDO DE CASO EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DA CIDADE DO RECIFE O PROCESSO DE MUSICALIZAÇÃO NO 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL: UM ESTUDO DE CASO EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DA CIDADE DO RECIFE Romero Bomfim dos Santos 1 ; Elida Roberta Soares de Santana²; Bruno Fernandes

Leia mais

FACCAMP FACULDADE CAMPO LIMPO PAULISTA COORDENADORIA DE EXTENSÃO E PESQUISA

FACCAMP FACULDADE CAMPO LIMPO PAULISTA COORDENADORIA DE EXTENSÃO E PESQUISA FACCAMP FACULDADE CAMPO LIMPO PAULISTA COORDENADORIA DE EXTENSÃO E PESQUISA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ARTE-EDUCAÇÃO 1. Nome do Curso e Área do Conhecimento Curso de Especialização Lato Sensu

Leia mais

O que é a Educação Transpessoal?

O que é a Educação Transpessoal? A capacidade de regressar voluntariamente à atenção, por si fugitiva, é a verdadeira raiz do carácter e da vontade ( ) Uma educação que melhorasse esta capacidade seria a educação por excelência. Mas é

Leia mais

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE CONSERVATÓRIO REGIONAL DE GAIA Ano Letivo 2013 2014 AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE Regulamento Artigo 1.º Âmbito 1. O presente Regulamento de Avaliação de Desempenho aplica-se a todos os docentes com

Leia mais

1 O que é terapia sexual

1 O que é terapia sexual 1 O que é terapia sexual Problemas, das mais diversas causas, estão sempre nos desafiando, dificultando o nosso diaa-dia. A vida é assim, um permanente enfrentamento de problemas. Mas existem alguns que

Leia mais

20 Anos de Tradição Carinho, Amor e Educação.

20 Anos de Tradição Carinho, Amor e Educação. Colégio Tutto Amore Colégio Sapience Carinho, Amor e Educação. Trabalhamos com meio-período e integral em todos os níveis de ensino. www.tuttoamore.com.br Nossa História No ano de 1993 deu-se o ponto de

Leia mais

Estruturas das Sessões em TCC

Estruturas das Sessões em TCC Estruturas das Sessões em TCC Eliana Melcher Martins - Mestre em Ciências pelo Depto. de Psicobiologia da UNIFESP - Especialista em Medicina Comportamental pela UNIFESP - Psicóloga Clínica Cognitivo Comportamental

Leia mais

JOGOS ELETRÔNICOS CONTRIBUINDO NO ENSINO APRENDIZAGEM DE CONCEITOS MATEMÁTICOS NAS SÉRIES INICIAIS

JOGOS ELETRÔNICOS CONTRIBUINDO NO ENSINO APRENDIZAGEM DE CONCEITOS MATEMÁTICOS NAS SÉRIES INICIAIS JOGOS ELETRÔNICOS CONTRIBUINDO NO ENSINO APRENDIZAGEM DE CONCEITOS MATEMÁTICOS NAS SÉRIES INICIAIS Educação Matemática na Educação Infantil e nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental (EMEIAIEF) GT 09 RESUMO

Leia mais

O Processo Vivo. Milene Mizuta

O Processo Vivo. Milene Mizuta . O Processo Vivo Milene Mizuta Milene Mizuta Publicitária formada pela Escola de Comunicação e Artes de São Paulo, especializada em mídia impressa pela Cásper Líbero e Especializada em Captação de Recursos

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO. DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO. DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016 1º PERÍODO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ ESTÊVÃO DEPARTAMENTO DE 1.º CICLO Planificação Anual da Disciplina de Português 3.º ano Ano Letivo de 2015/2016 Unidades/Conteúdos Tempos Oralidade -Escutar para

Leia mais

PLANO DE FORMAÇÃO SETEMBRO A DEZEMBRO 2011

PLANO DE FORMAÇÃO SETEMBRO A DEZEMBRO 2011 PLANO DE FORMAÇÃO SETEMBRO A DEZEMBRO 2011 INDICE: Quem somos? Oferta formativa Curso Acções Formativas CURSO DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES ESTES MIÚDOS SÃO IMPOSSÍVEIS!!! - GESTÃO DE COMPORTAMENTOS

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015 Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015 Índice 1. Objetivos gerais:... 4 2. Objetivos específicos:... 5 3. Estratégias Educativas e Pedagógicas... 6 4. Atividades Sócio-Educativas... 7

Leia mais

Presença das artes visuais na educação infantil: idéias e práticas correntes

Presença das artes visuais na educação infantil: idéias e práticas correntes Capítulo 15 - Artes Visuais Introdução As Artes Visuais expressam, comunicam e atribuem sentido a sensações, sentimentos, pensamentos e realidade por meio da organização de linhas, formas, pontos, tanto

Leia mais

PROJETO HORTA FELIZ CEDRO-PE

PROJETO HORTA FELIZ CEDRO-PE PROJETO HORTA FELIZ CEDRO-PE Regional: Salgueiro Município: Cedro Comunidades: Barro Branco Equipe responsável: Manoel Leal Costa Netto E-mail para contato: Manoel.costa1@ipa.br Fone: (87) 38891808 Categorias:

Leia mais

Atividades lúdicas na educação o Caminho de tijolos amarelos do aprendizado.

Atividades lúdicas na educação o Caminho de tijolos amarelos do aprendizado. Atividades lúdicas na educação o Caminho de tijolos amarelos do aprendizado. Vania D'Angelo Dohme (Mackenzie) 1. Considerações iniciais Johan Huizinga foi um importante historiador alemão, que viveu entre

Leia mais

LANXESS AG. Werner Breuers Membro da Diretoria. Inovações e Borracha. Discurso Série de Apresentações. LANXESS Rubber Day São Paulo

LANXESS AG. Werner Breuers Membro da Diretoria. Inovações e Borracha. Discurso Série de Apresentações. LANXESS Rubber Day São Paulo LANXESS AG Werner Breuers Membro da Diretoria Inovações e Borracha Discurso Série de Apresentações LANXESS Rubber Day São Paulo (Favor verificar em relação à apresentação) 23 de setembro de 2010 São Paulo,

Leia mais

DE QUE COR É O MEU CORPO? ATELIÊS PARA CRIANÇAS DOS 4 AOS 6 ANOS DIA 16 DE FEVEREIRO DAS 10H00 ÁS 12H00

DE QUE COR É O MEU CORPO? ATELIÊS PARA CRIANÇAS DOS 4 AOS 6 ANOS DIA 16 DE FEVEREIRO DAS 10H00 ÁS 12H00 DE QUE COR É O MEU CORPO? ATELIÊS PARA CRIANÇAS DOS 4 AOS 6 ANOS DIA 16 DE FEVEREIRO DAS 10H00 ÁS 12H00 LOCAL: SURYA - ASSOCIAÇÃO DE REIKI E TERAPIAS ALTERNATIVAS AVENIDA DE NEGREIROS, LOTE 1499 - R/C

Leia mais

DESAFIOS DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA O SÉCULO XXI: CONCEPÇÕES E ESTRATÉGIAS DE INTERVENÇÃO

DESAFIOS DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA O SÉCULO XXI: CONCEPÇÕES E ESTRATÉGIAS DE INTERVENÇÃO Encontro Água & Floresta: Resultados e Perspectivas Bragança Paulista - 1 a 3 dez 2009 DESAFIOS DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA O SÉCULO XXI: CONCEPÇÕES E ESTRATÉGIAS DE INTERVENÇÃO Renata Ferraz de Toledo

Leia mais

A ARTE DE EDUCAR E A ARTE NA EDUCAÇÃO UM ESTUDO SOBRE A ARTE APLICADA AO ENSINO NUMA ESCOLA WALDORF RESUMO

A ARTE DE EDUCAR E A ARTE NA EDUCAÇÃO UM ESTUDO SOBRE A ARTE APLICADA AO ENSINO NUMA ESCOLA WALDORF RESUMO A ARTE DE EDUCAR E A ARTE NA EDUCAÇÃO UM ESTUDO SOBRE A ARTE APLICADA AO ENSINO NUMA ESCOLA WALDORF Profa. Dra. Rosely A. Romanelli Universidade do Estado de Mato Grosso Depto. de Letras Campus de Pontes

Leia mais

HOLISTICA 2005. ARTETERAPIA Holística 2005

HOLISTICA 2005. ARTETERAPIA Holística 2005 ARTETERAPIA Holística 2005 ARTETERAPIA Holística 2005 Nelson Nibaldo Flores Zuniga CRT 34429 Terapeuta Holístico RESUMO DISCUSSÃO Como terapeutas sabemos que: o desequilíbrio tem nascença nas emoções,

Leia mais

DISCIPLINAS - CAMPUS 2 Aula Exercícios Físicos e Caminhada Orientada

DISCIPLINAS - CAMPUS 2 Aula Exercícios Físicos e Caminhada Orientada DISCIPLINAS - CAMPUS 2 Aula Exercícios Físicos e Caminhada Orientada A caminhada será realizada na pista de saude da Av. Henrique Gregori e/ou na pista do Luizão - os exercícios serão realizados em sala

Leia mais

HEALING E DESENVOLVIMENTO HUMANO, UM CAMINHO PARA A EXPRESSÃO ESPIRITUAL DO SER.

HEALING E DESENVOLVIMENTO HUMANO, UM CAMINHO PARA A EXPRESSÃO ESPIRITUAL DO SER. 1 Resumo HEALING E DESENVOLVIMENTO HUMANO, UM CAMINHO PARA A EXPRESSÃO ESPIRITUAL DO SER. Cynthia Sampaio Healing e Desenvolvimento Humano constitui uma abordagem de auto desenvolvimento que envolve o

Leia mais

QUANTO É? PALAVRAS-CHAVE: Aulas investigativas, lúdico, aprendizagem. INTRODUÇÃO

QUANTO É? PALAVRAS-CHAVE: Aulas investigativas, lúdico, aprendizagem. INTRODUÇÃO QUANTO É? Danielle Ferreira do Prado - GEEM-UESB RESUMO Este trabalho trata sobre um trabalho que recebeu o nome de Quanto é? que foi desenvolvido depois de vários questionamentos a cerca de como criar

Leia mais

LEITURA: ASAS DA LIBERDADE PROJETO HUMANIZADOR À LUZ DA BIBLIOTERAPIA COM AÇÃO SOCIAL TRANSFORMADORA NOS ENVOLVIDOS

LEITURA: ASAS DA LIBERDADE PROJETO HUMANIZADOR À LUZ DA BIBLIOTERAPIA COM AÇÃO SOCIAL TRANSFORMADORA NOS ENVOLVIDOS LEITURA: ASAS DA LIBERDADE PROJETO HUMANIZADOR À LUZ DA BIBLIOTERAPIA COM AÇÃO SOCIAL TRANSFORMADORA NOS ENVOLVIDOS Tânia de Fátima Gontijo Fonseca Margarita Rodrigues Torres Introdução Brasil / Injustiça

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE PSICOLOGIA MORFOFISIOLOGIA E COMPORTAMENTO HUMANO Estudo anátomo-funcional de estruturas orgânicas na relação com manifestações emocionais. HISTÓRIA E SISTEMAS

Leia mais

Departamento das Educação Pré-escolar

Departamento das Educação Pré-escolar Departamento das Educação Pré-escolar A melhoria da qualidade das aprendizagens, a avaliação implica, no quadro da relação entre o jardim-de-infância, a família e a escola, uma construção partilhada que

Leia mais

POR QUE UMA NOVA ESCOLA NO CAMPO?

POR QUE UMA NOVA ESCOLA NO CAMPO? 1 POR QUE UMA NOVA ESCOLA NO CAMPO? O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural SENAR e o Instituto CNA, integrantes do Sistema CNA, o primeiro responsável pelo desenvolvimento de ações de Formação Profissional

Leia mais

MEDITANDO À LUZ DO PATHWORK. Clarice Nunes

MEDITANDO À LUZ DO PATHWORK. Clarice Nunes PROGRAMA PATHWORK DE TRANSFORMAÇÃO PESSOAL PATHWORK - RIO DE JANEIRO/ESPÍRITO SANTO HELPERSHIP FORMAÇÃO HELPER Coordenadora do PPTP HELPERSHIP MARIA DA GLÓRIA RODRIGUES COSTA MEDITANDO À LUZ DO PATHWORK

Leia mais

Luciano Debastiani Direitos Reservados www.ggrabovoi.com.br

Luciano Debastiani Direitos Reservados www.ggrabovoi.com.br Luciano Debastiani Direitos Reservados www.ggrabovoi.com.br Ensinamentos de Grigori Grabovoi Luciano Debastiani Facilitador Autorizado Grabovoi Sobre todos os conteúdos que possuem a expressão cura, curar,

Leia mais

Folclore Brasileiro: Uma possibilidade de se ensinar o conceito de número na Educação Infantil em um espaço não-formal de aprendizagem.

Folclore Brasileiro: Uma possibilidade de se ensinar o conceito de número na Educação Infantil em um espaço não-formal de aprendizagem. 1 Folclore Brasileiro: Uma possibilidade de se ensinar o conceito de número na Educação Infantil em um espaço não-formal de aprendizagem. Cristiane Vinholes Jacomelli Prof(a). Dr(a) Maria do Carmo de Sousa

Leia mais

Propiciar a socialização da criança através da participação numa comunidade mais ampla, onde descubra e domine regras próprias do convívio social.

Propiciar a socialização da criança através da participação numa comunidade mais ampla, onde descubra e domine regras próprias do convívio social. EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

1. Identificação 2. Contextualização/Caracterização do grupo/justificação da planificação 1

1. Identificação 2. Contextualização/Caracterização do grupo/justificação da planificação 1 1. Identificação Agrupamento de Escolas Zona Urbana de Viseu Nº de crianças e idades abrangidas: 20 (3 aos 6 anos) Ano letivo: 2012/2013 2. Contextualização/Caracterização do grupo/justificação da planificação

Leia mais

Título do trabalho. O Efeito da Música Sagrada no Processo de Individuação. Andreia Valente Tarsitano Eugenia Cordeiro Curvêlo.

Título do trabalho. O Efeito da Música Sagrada no Processo de Individuação. Andreia Valente Tarsitano Eugenia Cordeiro Curvêlo. Título do trabalho O Efeito da Música Sagrada no Processo de Individuação Andreia Valente Tarsitano Eugenia Cordeiro Curvêlo Resumo O presente trabalho vem investigar literatura especializada sobre individuação

Leia mais

RELATÓRIO DA OFICINA DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. PROFA. DRA. SILVIA DA COSTA STOCKINGER Carga Horária: 16 horas

RELATÓRIO DA OFICINA DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS. PROFA. DRA. SILVIA DA COSTA STOCKINGER Carga Horária: 16 horas 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CRESS/PA 1ª REGIÃO OFICINA DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS PROFA. DRA. SILVIA DA COSTA STOCKINGER Carga Horária: 16 horas APRESENTAÇÃO Esta oficina faz parte do Curso de

Leia mais

Animação Sénior. Animação

Animação Sénior. Animação Animação Animar-se ou distrair-se é uma necessidade essencial de todos nós, e aquele que se diverte com uma ocupação agradável com o fim de se descontrair física e psicologicamente consegue satisfazer

Leia mais

DESCOBRINDO A CONDIÇÃO HUMANA NA LUDOPOIESE: UM DESPERTAR PARA A CONSCIÊNCIA DA COMPLEXIDADE HUMANA

DESCOBRINDO A CONDIÇÃO HUMANA NA LUDOPOIESE: UM DESPERTAR PARA A CONSCIÊNCIA DA COMPLEXIDADE HUMANA DESCOBRINDO A CONDIÇÃO HUMANA NA LUDOPOIESE: UM DESPERTAR PARA A CONSCIÊNCIA DA COMPLEXIDADE HUMANA Áurea Emilia da Silva Pinto BACOR/PPGED/UFRN Resumo Esse trabalho foi elaborado a partir de uma roda

Leia mais

A História do. Luca Rischbieter. Discussão 4. No Capítulo 4 da História do Pequeno Reino. Ideias e Sugestões

A História do. Luca Rischbieter. Discussão 4. No Capítulo 4 da História do Pequeno Reino. Ideias e Sugestões Desenhar, modelar, pintar: brincadeiras especiais No Capítulo 4 da História do Pequeno Reino Aparecem no castelo materiais para desenhar, pintar e modelar que, juntamente com os brinquedos, passam a fazer

Leia mais

Elementos da Vida da Pequena Comunidade

Elementos da Vida da Pequena Comunidade Raquel Oliveira Matos - Brasil A Igreja, em sua natureza mais profunda, é comunhão. Nosso Deus, que é Comunidade de amor, nos pede entrarmos nessa sintonia com Ele e com os irmãos. É essa a identidade

Leia mais

A FORMAÇÃO DO PEDAGOGO PARA O ENSINO DE MATEMÁTICA

A FORMAÇÃO DO PEDAGOGO PARA O ENSINO DE MATEMÁTICA A FORMAÇÃO DO PEDAGOGO PARA O ENSINO DE MATEMÁTICA Luciana Pereira de Sousa 1 Carmem Lucia Artioli Rolim 2 Resumo O presente estudo propõe discutir o contexto da formação dos pedagogos para o ensino da

Leia mais

A NECESSIDADE DA PESQUISA DO DOCENTE PARA UMA PRÁTICA PEDAGÓGICA INCLUSIVA, PRINCIPALMENTE NA EDUCAÇÃO ESPECIAL E NO TRABALHO COM AUTISTAS

A NECESSIDADE DA PESQUISA DO DOCENTE PARA UMA PRÁTICA PEDAGÓGICA INCLUSIVA, PRINCIPALMENTE NA EDUCAÇÃO ESPECIAL E NO TRABALHO COM AUTISTAS XXII Semana de Educação da Universidade Estadual do Ceará 31 de agosto a 04 de setembro de 2015 A NECESSIDADE DA PESQUISA DO DOCENTE PARA UMA PRÁTICA PEDAGÓGICA INCLUSIVA, PRINCIPALMENTE NA EDUCAÇÃO ESPECIAL

Leia mais