Contratação Pública Electrónica Sessão Técnica

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Contratação Pública Electrónica Sessão Técnica"

Transcrição

1 Contratação Pública Electrónica Sessão Técnica CONSTRULINK 30 de Abril de 2009 Construlink2008. All rights reserved

2 Agenda Sessão II.1 As Plataformas Electrónicas Meios necessários ao funcionamento dos procedimentos electrónicos de contratação pública Sessão II.2 As Plataformas Electrónicas Princípios e regras gerais de funcionamento Sessão III Exemplos de Procedimentos Desmaterializados Nº. 2

3 1. Sessão II.1 - As Plataformas Electrónicas Meios necessários ao funcionamento dos procedimentos electrónicos de contratação pública Nº. 3

4 1. Interligação com o Base.Gov.pt e Portal do Diário da República Plataformas devem garantir a interligação com: Portal dos Contratos Públicos, vulgo Base.Gov.pt; Plataformas devem garantir interligação com o portal do Diário da República; Âmbito Construlink As Plataformas electrónicas são um instrumento essencial para o cumprimento do desígnio relativo à desmaterialização do processo de contratação pública. Nº. 4

5 2. Regras específicas de funcionamento dos procedimentos de CP Função das Plataforma Electrónicas Disponibilização de um serviço crucial para o processo de contratação pública; Âmbito Construlink Interveniente passivo no processo (excepto quando solicitação da entidade adjudicante/juri para esclarecer determinadas acções); Salvaguarda e gestão de toda a informação processada via plataforma; Disponibilizar serviços de fácil acesso e utilização Os instrumentos e programas a utilizar nas plataformas electrónicas devem poder funcionar e interagir com equipamentos e aplicações de uso comum. Nº. 5

6 2. Regras específicas de funcionamento dos procedimentos de CP Certificação das Plataformas Entidade supervisora CEGER; Âmbito Construlink Plataformas devem ter um relatório de Conformidade elaborado por um Auditor de Segurança credenciado pelo Gabinete Nacional de Segurança - GNS; Apenas as plataformas certificadas poderão funcionar no mercado. Nº. 6

7 2. Regras específicas de funcionamento dos procedimentos de CP Acesso à Plataforma Compras Públicas Acesso gratuito, tanto para responder a concursos como a convites; Âmbito Construlink Processo de credenciação de empresas e utilizadores; Acesso mediante Certificados de Autenticação (não há senhas de acesso). Nº. 7

8 2. Regras específicas de funcionamento dos procedimentos de CP Acesso aos Procedimentos Canal oficial de publicação: Diário da República Inscrição e/ou convite Âmbito Construlink Premissas para ser Interessado Inscrição na plataforma electrónica Tipos de acesso: Parcial e Total Agrupamentos, forma de aceder Nº. 8

9 2. Sessão II.2 - As Plataformas Electrónicas Princípios e Regras Gerais de Funcionamento Nº. 9

10 1. Âmbito Entidades Adjudicantes abrangidas pelo CCP Entidades do sector público administrativo tradicional: Âmbito Construlink Estado Regiões Autónomas Autarquias Locais Institutos públicos Fundações públicas (com excepção das previstas na Lei 62/2007) Associações públicas Entidades do sector empresarial público; Ex: EDP, GALP, AdP, REN, ANA, etc. Nº. 10

11 2. Trâmites Processuais na Plataforma Trâmites processuais As plataformas electrónicas apoiam a condução dos trâmites processuais até á fase de formação do contrato, dando cabal cumprimento ao CCP e restante legislação complementar. Plataforma Contratação Pública Plataforma Procuremment Envio do convite/ Publicação do anúncio... Assinatura Contrato Execução Contrato Nº. 11

12 2. Trâmites Processuais na Plataforma Elaboração da Proposta Desmaterialização do processo não altera significativamente a forma de trabalhar; Âmbito Construlink Proposta é constituída por ficheiros (carregamento) e formulários (preenchimento); Plataforma electrónica deve permitir a elaboração contínua da proposta. Nº. 12

13 2. Trâmites Processuais na Plataforma Trâmites Processuais até à Formação do Contrato Plataformas devem permitir a desmaterialização de todo o processo de contratação pública: Âmbito Construlink Esclarecimentos sobre propostas Disponibilização de relatório preliminar Notificação de audiência prévia e recepção de respostas Decisão de Adjudicação Disponibilização de relatório final Documentos de habilitação Assinatura electrónica do contrato Nº. 13

14 3. Assinaturas Electrónicas Certificados Qualificados Portaria 701G/2008 impõe a utilização de certificados qualificados por parte dos concorrentes para a aposição de assinaturas; Âmbito Construlink Certificado Qualificado é um certificado digital emitido por uma entidade certificada para o efeito, que tem de cumprir legislação exigente DL 62/2003: As assinaturas electrónicas qualificadas emitidas por uma entidade certificadora credenciada têm a força probatória de documento particular assinado, nos termos do artigo 376º do Código Civil Nº. 14

15 3. Assinaturas Electrónicas Certificados Qualificados Entidades certificadas para emitir Certificados Qualificados têm de estar listadas no Gabinete Nacional de Segurança; Âmbito Construlink Entidades certificadas privadas Cartão do Cidadão Certificados Qualificados emitidos por entidades estrangeiras, são válidos? Apenas se estiverem registadas no GNS Sessão Formação - Novo Código dos Contratos Públicos Nº. 15

16 4. Validação Cronológica Selos Temporais Portaria 701G/2008 impõe a utilização de selos temporais emitidos por uma entidade certificadora que preste serviços de validação cronológica; Âmbito Construlink Construlink utiliza serviços da DigitalSign para aposição de selos temporais que são utilizados nos seguintes actos processuais: Carregamento de documentos Submissão da proposta Todos os actos que estejam condicionados a determinados prazos. Ex: listas de erros e omissões; resposta a audiência prévia, documentos de habilitação, etc. Nº. 16

17 4. Validação Cronológica Selos Temporais Plataformas devem disponibilizar um recibo electrónico de submissão da proposta; Âmbito Construlink Recibo deve ter descrito o selo temporal referente à submissão da proposta; O selo temporal aposto através dos serviços de uma entidade certificada para o efeito deve poder ser comprovado. A plataforma Compras Públicas está sincronizada com o Observatório Astronómico de Lisboa - OAL Nº. 17

18 5. Segurança da Informação Mecanismos de Segurança Relativos às Propostas Certificado do Procedimento Âmbito Construlink Garante que ninguém senão o detentor do certificado, acede às propostas; Senhas de Abertura de Propostas Garante que ninguém acede às propostas antes de tempo; Certificados Qualificados Garante a inviolabilidade das propostas Nº. 18

19 5. Segurança da Informação Conservação dos Documentos e Disponibilidade da Informação Cabe às plataformas garantir o arquivo e a preservação dos documentos e registos associados a cada procedimento, cumprindo os prazos legais definidos; Âmbito Construlink A plataforma Compras Públicas da Construlink garante: Alta disponibilidade; Procedimentos de Disaster Recovery; Geração automática de Backupp. Nº. 19

20 5. Disponibilidade da Plataforma Avarias e Problemas de Acesso à Rede Pública Potenciais problemas: Âmbito Construlink 1. Falha de rede interna 2. Falha de rede geral 3. Excesso de tráfego na plataforma 4. Má utilização 5. Falta de configurações técnicas (Java actualizado, por ex.) Nº. 20

21 5. Disponibilidade da Plataforma Avarias e Problemas de Acesso à Rede Pública Solução: A solução é simples... Âmbito Construlink Nº. 21

22 5. Disponibilidade da Plataforma Avarias e Problemas de Acesso à Rede Pública Solução: A solução é simples... Âmbito Construlink SUBMETER A PROPOSTA ATEMPADAMENTE!! Nº. 22

23 5. Disponibilidade da Plataforma Avarias e Problemas de Acesso à Rede Pública Cabe ao concorrente a responsabilidade de salvaguardar o tempo necessário à preparação e submissão atempada da proposta. As plataformas devem receber propostas fora do prazo, identificando de forma clara a respectiva hora de submissão. Compete UNICAMENTE ao júri qualquer decisão sobre exclusão de propostas. Nº. 23

24 2. Sessão III Exemplos de Procedimentos Pré- Contratuais Desmaterializados Nº. 24

25 1. Procedimento Pré-Contratual Tipos de Procedimentos Ajuste Directo Convite 1. Concurso Público 2. Concurso Limitado por prévia Qualificação 3. Diálogo Concorrencial 4. Procedimento de Negociação Anúncio (publicado no DR) Nº. 25

26 1. Procedimento Pré-Contratual 1. Inscrição em Procedimento Inscrição no portal Compras Públicas no procedimento pretendido Nº. 26

27 1. Procedimento Pré-Contratual 2. Acesso à plataforma Compras Públicas Seleccionar o Certificado de Autenticação Nº. 27

28 1. Procedimento Pré-Contratual 3. Área de Trabalho Visualizar o procedimento pretendido Nº. 28

29 1. Procedimento Pré-Contratual 4. Visualizar Peças Concursais Possibilidade de descarregar as peças concursais disponibilizadas pela entidade adjudicante Nº. 29

30 1. Procedimento Pré-Contratual 5. Solicitar Esclarecimento / Enviar Lista Erros e Omissões Solicitar esclarecimento e/ou lista de erros e omissões é tão simples como enviar um . Nº. 30

31 1. Procedimento Pré-Contratual 6. Elaborar Proposta Inserir documentos da proposta Nº. 31

32 1. Procedimento Pré-Contratual 6. Elaborar Proposta Utilizar certificado qualificado para assinar documentos Nº. 32

33 1. Procedimento Pré-Contratual 6. Elaborar Proposta Preencher formulários com lista de preços Nº. 33

34 1. Procedimento Pré-Contratual 7. Submeter a Proposta Utilizar um certificado qualificado para assinar electronicamente a proposta 8. Lista de Concorrentes e Respectivas Propostas Consultar a lista de concorrentes e os documentos públicos da proposta. 9. Audiência Prévia Consultar relatório preliminar e responder a audiência prévia 10. Decisão de Adjudicação Consultar relatório final e minuta de contrato no caso dos adjudicatários 11. Documentos de Habilitação O adjudicatário insere os documentos de habilitação definidos no programa de concurso Sessão Formação - Novo Código dos Contratos Públicos Nº. 34

35 Contactos e Esclarecimentos Orador Luís Miguel Marques Construlink S.A. Rua do Conde Redondo, Nº 8 2º Dto Lisboa Portugal Tel.: Nº. 35

Guia de Apoio ao Fornecedor. Introdução:

Guia de Apoio ao Fornecedor. Introdução: Guia de Apoio ao Fornecedor Introdução: A Feira Viva, EEM ao abrigo do Código dos Contratos Públicos adquiriu o acesso a uma plataforma electrónica, construlink, para elaboração dos procedimentos necessários

Leia mais

Declaração de Práticas

Declaração de Práticas Declaração de Práticas acingov Registo da revisão Versão Data Responsável Descrição 1.0 24-03-2014 Ricardo Garcês Versão Inicial 2.0 09-10-2014 Ricardo Garcês 3.0 13-10-2014 Ricardo Garcês 4.0 17-10-2014

Leia mais

Desafios Tecnológicos do Novo Código dos Contratos Públicos

Desafios Tecnológicos do Novo Código dos Contratos Públicos As Compras Como Fonte de Inovação e Valorização Impactos Apresentação da nova Corporativa legislação Confidencial Desafios Tecnológicos do Novo Código dos Contratos Públicos Miguel Sobral Administrador

Leia mais

Plataforma de. Sessões de Esclarecimento. Electrónica BizGov Porto, 30 de Abril de 2009

Plataforma de. Sessões de Esclarecimento. Electrónica BizGov Porto, 30 de Abril de 2009 Plataforma de Sessões de Esclarecimento Contratação Pública "Contratação Electrónica Electrónica BizGov Porto, 30 de Abril de 2009 Agenda 1 Introdução 2 Plataforma de Contratação Pública Electrónica BizGov

Leia mais

Diário da República, 1.ª série N.º 145 29 de Julho de 2008 5106-(25) Artigo 5.º

Diário da República, 1.ª série N.º 145 29 de Julho de 2008 5106-(25) Artigo 5.º Diário da República, 1.ª série N.º 145 29 de Julho de 2008 5106-(25) Artigo 5.º Funcionalidades obrigatórias O Portal dos Contratos Públicos deverá disponibilizar, obrigatoriamente, as seguintes funcionalidades:

Leia mais

Guia de utilização. Acesso Universal

Guia de utilização. Acesso Universal Guia de utilização Março de 2009 Índice Preâmbulo... 3 Acesso à Plataforma... 4 Área de Trabalho... 5 Apresentar Propostas... 12 Classificar Documentos... 20 Submeter a Proposta... 21 Solicitação de Esclarecimentos/Comunicações...

Leia mais

Declaração de Práticas. Plataforma Compras Públicas: ComprasPT

Declaração de Práticas. Plataforma Compras Públicas: ComprasPT Declaração de Práticas Plataforma Compras Públicas: ComprasPT 1. Revisões do Documento Código Data Responsável Comentário QS-C-0177-V0-IMP 28-04-2015 Mário Lourenço Criação do documento 2. Introdução Este

Leia mais

ORIENTAÇÃO DE GESTÃO N.º 1/2010

ORIENTAÇÃO DE GESTÃO N.º 1/2010 ORIENTAÇÃO DE GESTÃO N.º 1/2010 APROVADA POR DELIBERAÇÃO DA COMISSÃO DIRECTIVA DE 19-03-2010 Altera o nº 4 da Orientação de Gestão nº 7/2008 e cria o ANEXO III a preencher pelos Beneficiários para registo

Leia mais

Declaração de Práticas

Declaração de Práticas Declaração de Práticas anogov Plataforma de Compras Públicas Data 28 abril 2015 Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001 1. REVISÕES DO DOCUMENTO Código Data Responsável Comentário QS-C-0176-V0-IMP 28-04-2015

Leia mais

Código dos Contratos Públicos

Código dos Contratos Públicos Código dos Contratos Públicos DL 18/2008 (18.01.2008) A que contratos se aplicam as regras da contratação pública As regras da contratação pública previstas no CCP aplicam-se a todo e qualquer contrato

Leia mais

Concurso público urgente n.º 01/2012 Programa de concurso CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES DE VOZ E DADOS

Concurso público urgente n.º 01/2012 Programa de concurso CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES DE VOZ E DADOS CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES DE VOZ E DADOS PROGRAMA DE CONCURSO ÍNDICE Artigo 1.º - Identificação e objeto do concurso Artigo 2.º - Entidade adjudicante Artigo

Leia mais

Plataforma. Manual de Utilização Acesso ao Procedimento Fornecedor. Electrónica BizGov

Plataforma. Manual de Utilização Acesso ao Procedimento Fornecedor. Electrónica BizGov Plataforma Manual de Utilização Acesso ao Procedimento Fornecedor Electrónica BizGov 2010 Índice 1 Solicitar acesso ao procedimento 2 Anexar comprovativo de Pagamento de Peças Procedimentais 3 Aceitar

Leia mais

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL Plataforma eletrónica Versão 1.0 Departamento de Segurança Privada Abril de 2012 Manual do Utilizador dos Serviços Online do SIGESP Versão 1.0 (30 de abril

Leia mais

ISABEL RUTE DA CRUZ PAIS RIBEIRO

ISABEL RUTE DA CRUZ PAIS RIBEIRO Acordo quadro para a prestação de serviços de desenho, administração, operação e consolidação de infraestruturas de tecnologias de informação e comunicação (TIC) PROGRAMA DE CONCURSO Março de 2014 ÍNDICE

Leia mais

Guia de Utilização Acesso Universal Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL

Guia de Utilização Acesso Universal Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL Guia de Utilização Acesso Universal Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL Acesso Universal Guia de Utilização Acesso Universal Janeiro 2010 Índice Preâmbulo... 3 Acesso à Plataforma... 4 Área de Trabalho...

Leia mais

A assinatura eletrónica qualificada das propostas e candidaturas apresentadas em procedimentos de contratação pública.

A assinatura eletrónica qualificada das propostas e candidaturas apresentadas em procedimentos de contratação pública. informação técnica Ref.ª Inf-18/2014 16 de maio de 2014 sumário executivo_ A assinatura eletrónica qualificada das propostas e candidaturas apresentadas em procedimentos de contratação pública. Detalhe_

Leia mais

Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para a prestação do serviço de seguro automóvel

Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para a prestação do serviço de seguro automóvel Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para a prestação do serviço de seguro automóvel Convite à apresentação de propostas ANCP Outubro de 2010 Índice Artigo 1.º Objecto

Leia mais

Diário da República, 1.ª série N.º 145 29 de Julho de 2008 5106-(19)

Diário da República, 1.ª série N.º 145 29 de Julho de 2008 5106-(19) Diário da República, 1.ª série N.º 145 29 de Julho de 2008 5106-(19) Portaria n.º 701-E/2008 de 29 de Julho O Código dos Contratos Públicos consagra a obrigação das entidades adjudicantes de contratos

Leia mais

GUIÃO DE PREENCHIMENTO MÓDULO CONTRATOS

GUIÃO DE PREENCHIMENTO MÓDULO CONTRATOS GUIÃO DE PREENCHIMENTO MÓDULO CONTRATOS Índice 1 Introdução... 4 1.1 Enquadramento... 5 1.2 Organização do Guião... 5 2 Instruções de Utilização Balcão 2020... 6 2.1 Acesso à aplicação Módulos Contratos...

Leia mais

Adenda R4. Entidades Adjudicantes. Uma Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001

Adenda R4. Entidades Adjudicantes. Uma Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001 Adenda R4 Entidades Adjudicantes Uma Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001 Índice 1. Introdução 2. Novas Funcionalidades anogov R4 3. Novas Abordagens anogov R4 4. Novas Soluções anogov R4+ 5. Índice

Leia mais

WORKSHOPS BASE. Setembro, Outubro e Novembro 2014

WORKSHOPS BASE. Setembro, Outubro e Novembro 2014 WORKSHOPS BASE Setembro, Outubro e Novembro 2014 Contratação Pública e o BASE As Comunicações ao Portal BASE Agenda A Área Reservada Retificações e Anulações O que é Publicitado Melhorias 1 + A Contratação

Leia mais

A Contratação Pública Eletrónica Gestão dos contratos públicos

A Contratação Pública Eletrónica Gestão dos contratos públicos Gestão dos contratos públicos Maria José Bessa 3.º Ciclo de Seminários, IGFSE 2013 Agenda A Contratação Pública Eletrónica Gestão dos contratos públicos Regulação de Contratos Públicos Código dos Contratos

Leia mais

Manual de Utilização da Plataforma Electrónica

Manual de Utilização da Plataforma Electrónica Manual de Utilização da Plataforma Electrónica Manual de Utilização da Plataforma Electrónica Pág. 1/81 Índice ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 4 ACESSO À PLATAFORMA ELECTRÓNICA... 5 PLATAFORMA ELECTRÓNICA...

Leia mais

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL Plataforma eletrónica Versão 2 Departamento de Segurança Privada Março de 2014 Manual do Utilizador dos Serviços Online do SIGESP Versão 2. (Março de 2014)

Leia mais

Plataforma de Contratação Pública Construlink Compras Públicas. Manual do Fornecedor

Plataforma de Contratação Pública Construlink Compras Públicas. Manual do Fornecedor Plataforma de Contratação Pública Construlink Compras Públicas Manual do Fornecedor 14 de Maio de 2010 ÍNDICE ÍNDICE... 2 I. INTRODUÇÃO... 4 II. HOMEPAGE... 5 2.1. Pedido de Credenciação... 6 2.2. Acesso...

Leia mais

Certidão Permanente. Manual de Procedimentos

Certidão Permanente. Manual de Procedimentos Certidão Permanente Manual de Procedimentos Procedimentos da Certidão Permanente On-line Sim 2. Elaborar Pedido de Subscrição 1. Autenticar apresentante / Login 1.1. Subscrição da Certidão? 4. Efectuar

Leia mais

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES 4748-(2) Diário da República, 1.ª série N.º 143 25 de Julho de 2008 MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES Decreto-Lei n.º 143-A/2008 de 25 de Julho As Directivas n. os 2004/17/CE e

Leia mais

ELECTRONIC SOLUTIONS TO IMPROVE YOUR BUSINESS

ELECTRONIC SOLUTIONS TO IMPROVE YOUR BUSINESS ELECTRONIC SOLUTIONS TO IMPROVE YOUR BUSINESS Tipos de Assinaturas Electrónicas Qualificadas Entidade Adjudicante Julho/2010 Índice 1.Introdução 2.As Assinaturas Digitais Qualificadas 3.A Assinatura na

Leia mais

Plataforma. Manual de Utilização Concurso Público Normal. Electrónica BizGov 2009

Plataforma. Manual de Utilização Concurso Público Normal. Electrónica BizGov 2009 Plataforma Manual de Utilização Electrónica BizGov 2009 Índice 1 Introdução 2 Criação do Procedimento 3 Publicação de Procedimento/ Envio de Convites 4 Submissão de Propostas 5 Esclarecimentos e Notificações

Leia mais

Este documento tem como objetivo esclarecer algumas questões colocadas pelos Notários

Este documento tem como objetivo esclarecer algumas questões colocadas pelos Notários Este documento tem como objetivo esclarecer algumas questões colocadas pelos Notários Geral G1. Gostaria de assinar o protocolo com a MULTICERT. O que devo fazer? Lista de Perguntas Com o certificado da

Leia mais

À Firma. À Firma. À firma

À Firma. À Firma. À firma À Firma À Firma À firma Sua Referência Sua Comunicação de Nossa Referência Data Assunto: Convite para apresentação de proposta. Ajuste Directo n.º 6/2009. Em cumprimento do disposto no artigo 115.º do

Leia mais

Concurso Público Urgente N.º 10001016 Página 1

Concurso Público Urgente N.º 10001016 Página 1 CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PARA O CENTRO HOSPITALAR DE LISBOA CENTRAL, E.P.E. CONCURSO PÚBLICO N.º 1-0-0010/2016 PROGRAMA DO PROCEDIMENTO Artigo 1.º Entidade adjudicante

Leia mais

Versão 2.0.0 FEVEREIRO 2011. Copyright ano Sistemas de Informática e Serviços, Lda.

Versão 2.0.0 FEVEREIRO 2011. Copyright ano Sistemas de Informática e Serviços, Lda. Versão 2.0.0 FEVEREIRO 2011 Copyright ano Sistemas de Informática e Serviços, Lda. Este Manual e o seu conteúdo são propriedade intelectual da ano Sistemas de Informática e Serviços, Lda., protegida nos

Leia mais

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador MATRÍCULA ELECTRÓNICA Manual do Utilizador ÍNDICE 1 PREÂMBULO... 2 2 UTILIZAÇÃO PELOS ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO... 3 2.1 Matrícula Electrónica - Acesso através do Portal das Escolas... 3 2.2 Registo de

Leia mais

Convite à apresentação de propostas

Convite à apresentação de propostas Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para o fornecimento de veículos automóveis e motociclos e aluguer operacional de veículos Convite à apresentação de propostas

Leia mais

O que é a iniciativa de marcação de consultas pela Internet eagenda? Simplificar e melhorar o acesso a cuidados de saúde. O que é o eagenda?

O que é a iniciativa de marcação de consultas pela Internet eagenda? Simplificar e melhorar o acesso a cuidados de saúde. O que é o eagenda? O que é a iniciativa de marcação de consultas pela Internet Simplificar e melhorar o acesso a cuidados de saúde Pedir Receitas A de pela Internet, no âmbito do Programa Simplex, surge no seguimento do

Leia mais

Tipos de procedimento e critérios de escolha: principais novidades para as empresas de obras públicas. Margarida Olazabal Cabral

Tipos de procedimento e critérios de escolha: principais novidades para as empresas de obras públicas. Margarida Olazabal Cabral Tipos de procedimento e critérios de escolha: principais novidades para as empresas de obras públicas Margarida Olazabal Cabral Empreitadas de obras públicas Tipos de procedimento: Concurso Público e Concurso

Leia mais

~ Vietar1V1ãnuel Alves Mendes (Eng,O)

~ Vietar1V1ãnuel Alves Mendes (Eng,O) ~ MUNICÍPIO PoNTE El L-:A TERRA RICA DA HUMANIDADF- Exmo Senhor s/ Refi Sua Comunicação N/Refi DAF/APROV ASSUNTO: Comunicado aos Fornecedores Serve o presente para solicitar a V. Exas a melhor atenção

Leia mais

Guia de Utilização. Acesso Universal

Guia de Utilização. Acesso Universal Guia de Utilização Índice PREÂMBULO...3 ACESSO À PLATAFORMA...3 ÁREA DE TRABALHO...4 APRESENTAR PROPOSTAS...9 RECEPÇÃO DE ADJUDICAÇÃO...18 PARAMETRIZAÇÃO DA EMPRESA...19 Acesso universal Proibida a reprodução.

Leia mais

A implementação do balcão único electrónico

A implementação do balcão único electrónico A implementação do balcão único electrónico Departamento de Portais, Serviços Integrados e Multicanal Ponte de Lima, 6 de Dezembro de 2011 A nossa agenda 1. A Directiva de Serviços 2. A iniciativa legislativa

Leia mais

1. Agência Nacional de Compras Públicas - Enquadramento. 2. Estratégia para as Compras Públicas. 3. Modelo de Compras Públicas Electrónicas

1. Agência Nacional de Compras Públicas - Enquadramento. 2. Estratégia para as Compras Públicas. 3. Modelo de Compras Públicas Electrónicas Agenda 1. Agência Nacional de Compras Públicas - Enquadramento 2. Estratégia para as Compras Públicas 3. Modelo de Compras Públicas Electrónicas 4. Desafios para 2009 2 Propósito Estratégico: Agência Nacional

Leia mais

PROGRAMA DO CONCURSO

PROGRAMA DO CONCURSO PROGRAMA DO CONCURSO Page 1 ÍNDICE 1.º Objecto do Concurso 3 2.º Entidade Adjudicante 3 3.º Decisão de contratar 3 4.º Preço base 3 5.º Esclarecimentos 3 6.º Prazo para apresentação das candidaturas 3

Leia mais

Concurso SCM 01/2010

Concurso SCM 01/2010 PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS Concurso SCM 01/2010 SECÇÃO I Disposições gerais Artigo 1.º Objecto do concurso e Local de Prestação de Serviços 1- O presente concurso tem por objecto a celebração de um contrato

Leia mais

Concurso Público. Prestação de Serviços: Contratação de Serviços de Confecção e Fornecimento de Refeições Escolares. Proc. n.

Concurso Público. Prestação de Serviços: Contratação de Serviços de Confecção e Fornecimento de Refeições Escolares. Proc. n. Concurso Público Prestação de Serviços: Contratação de Serviços de Confecção e Fornecimento de Refeições Escolares Proc. n.º 29/2011/ DAGF Alínea b) do n.º1 do art.º 20 e art.º 130.º e seguintes do Código

Leia mais

Manual de Gestão de Aprovação

Manual de Gestão de Aprovação Manual de Gestão de Aprovação Índice 1. Acesso à Plataforma... 3 1.1. Certificado de Autenticação... 3 1.2. Autenticação perante a Plataforma... 6 2. Aprovação... 7 2.1. Aprovação de Encomendas Catalogadas...

Leia mais

Acordo quadro de serviço móvel terrestre PROGRAMA DE CONCURSO

Acordo quadro de serviço móvel terrestre PROGRAMA DE CONCURSO Acordo quadro de serviço móvel terrestre PROGRAMA DE CONCURSO ANCP 2012 Índice Artigo 1.º Tipo de procedimento, designação e objeto... 3 Artigo 2.º Entidade pública adjudicante... 3 Artigo 3.º Órgão que

Leia mais

Manual de Utilizador R4 (Revisto em 29-08-2014)

Manual de Utilizador R4 (Revisto em 29-08-2014) Manual de Utilizador R4 (Revisto em 29-08-2014) Operadores Económicos Uma Empresa Certificada ISO 9001 e ISO 27001 Índice 1. Introdução 2. anogov.com Pesquisa de entidades e concursos 3. Suporte anogov

Leia mais

Formação Ordem dos Notários

Formação Ordem dos Notários Formação Ordem dos Notários Principais aspetos relacionados com as obrigações dos Notários como Entidades de Registo e o Processo de Emissão de Certificados Digitais Qualificados Agenda Módulo I 1. Certificação

Leia mais

O CITIUS é uma ferramenta mais avançada do que a antiga aplicação Habilus.net, permitindo um conjunto de novas funcionalidades.

O CITIUS é uma ferramenta mais avançada do que a antiga aplicação Habilus.net, permitindo um conjunto de novas funcionalidades. Projecto CITIUS CITIUS (do latim mais rápido, mais célere) é o projecto de desmaterialização dos processos nos tribunais judiciais desenvolvido pelo Ministério da Justiça. Englobando aplicações informáticas

Leia mais

C o m p r a s P T Plataforma Electrónica de Contratação Pública Página 2 /42

C o m p r a s P T Plataforma Electrónica de Contratação Pública Página 2 /42 C o m p r a s P T Plataforma Electrónica de Contratação Pública Página 2 /42 Versão 2.0.0 JUNHO 2011 Copyright miroma Serviços e Gestão de Participações, Lda. Este Manual e o seu conteúdo são propriedade

Leia mais

SaphetyGov. 2015 Saphety

SaphetyGov. 2015 Saphety 2 Table of Contents Foreword 0 Part I 5 1 Autenticação... 5 Em isão de Certificado... 7 Internet Explorer... 8 Mozilla Firefox... / Google Chrome / Opera 9 Registo de Certificado... Digital 11 Internet

Leia mais

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:378383-2013:text:pt:html

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:378383-2013:text:pt:html 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:378383-2013:text:pt:html Polónia-Varsóvia: Contrato-quadro para desenvolvimento de Intranet com base em SharePoint, sistema

Leia mais

APOIO AO BENEFICIÁRIO - FEDER - - MAIS CENTRO - GUIA DE SUBMISSÃO ELECTRÓNICA DOS PEDIDOS DE PAGAMENTO

APOIO AO BENEFICIÁRIO - FEDER - - MAIS CENTRO - GUIA DE SUBMISSÃO ELECTRÓNICA DOS PEDIDOS DE PAGAMENTO APOIO AO BENEFICIÁRIO - FEDER - - MAIS CENTRO - GUIA DE SUBMISSÃO ELECTRÓNICA DOS PEDIDOS DE PAGAMENTO GUIA DE PREENCHIMENTO: - SUBMISSÃO ELECTRÓNICA DOS PEDIDOS DE PAGAMENTO - SUBMISSÃO DE CHECK-LIST

Leia mais

P-Évora: Equipamento de controlo e telemetria 2008/S 132-176072 ANÚNCIO DE CONCURSO. Fornecimentos

P-Évora: Equipamento de controlo e telemetria 2008/S 132-176072 ANÚNCIO DE CONCURSO. Fornecimentos 1/5 P-Évora: Equipamento de controlo e telemetria 2008/S 132-176072 ANÚNCIO DE CONCURSO Fornecimentos SECÇÃO I: ENTIDADE ADJUDICANTE I.1) DESIGNAÇÃO, ENDEREÇOS E PONTOS DE CONTACTO: Águas do Centro Alentejo,

Leia mais

Anexo A Requisitos técnicos e funcionais, de integração e de nível de serviço para plataforma base

Anexo A Requisitos técnicos e funcionais, de integração e de nível de serviço para plataforma base Anexo A Requisitos técnicos e funcionais, de integração e de nível de serviço para plataforma base Requisitos técnicos e funcionais: 1. Estar estruturada de acordo com os diversos tipos de procedimentos

Leia mais

online > Através de formulário > ComoCartãodeCidadão > Associação do Cartão de Cidadão 1. Aderir ao serviço

online > Através de formulário > ComoCartãodeCidadão > Associação do Cartão de Cidadão 1. Aderir ao serviço online 1. Aderir ao serviço > Através de formulário > ComoCartãodeCidadão > Associação do Cartão de Cidadão 2. Navegar no BAV 3. Consultar requisitos > Autenticação no BAV > Navegação nos menus > Localização

Leia mais

CLPQ - ANCP AQ-2010SA

CLPQ - ANCP AQ-2010SA AGÊNCIA NACIONAL DE COMPRAS PÚBLICAS, E.P.E. Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para a prestação do serviço de seguro automóvel CLPQ - ANCP AQ-2010SA Relatório

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO. Acordo Quadro para o fornecimento de gás natural em regime de mercado livre para Portugal Continental

PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO. Acordo Quadro para o fornecimento de gás natural em regime de mercado livre para Portugal Continental PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO Acordo Quadro para o fornecimento de gás natural em regime de mercado livre para Portugal Continental ÍNDICE CAPÍTULO I OBJETO E ÂMBITO DO CONCURSO... 3 Artigo 1.º Identificação

Leia mais

eprocurement Visão sobre papel das Plataformas eletrónicas de contratação pública

eprocurement Visão sobre papel das Plataformas eletrónicas de contratação pública eprocurement Visão sobre papel das Plataformas eletrónicas de contratação pública 2013 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. Índice Objetivos do documento;

Leia mais

PROGRAMA DO CONCURSO. CONCURSO PÚBLICO n.º 1/2010

PROGRAMA DO CONCURSO. CONCURSO PÚBLICO n.º 1/2010 PROGRAMA DO CONCURSO CONCURSO PÚBLICO n.º 1/2010 FORNECIMENTO DE REFEIÇÕES PARA ESCOLAS DO 1º CICLO E JARDINS- DE-INFÂNCIA DO MUNICÍPIO DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO Aquisição de Serviços - Fornecimento de

Leia mais

MUNICÍPIO DE MONCHIQUE

MUNICÍPIO DE MONCHIQUE CONCURSO LIMITADO POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO ao abrigo dos artigos 162.º a 192.º do Código dos Contratos Públicos (CCP) aprovado pelo n.º 1, do art.º 1.º do D.L. n.º 18/2008, de 29/01 AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS

Leia mais

Sistema Integrado de Gestão do Investimento Privado

Sistema Integrado de Gestão do Investimento Privado Conferência Internacional de Promoção de Investimentos Para a Província de Malanje Sistema Integrado de Gestão do Investimento Privado Painel I: Economia e Negócio em Angola Sistema Integrado de Gestão

Leia mais

Comunicação de Dados de Autenticação e Credenciais de Acesso para Resposta ao Inquérito

Comunicação de Dados de Autenticação e Credenciais de Acesso para Resposta ao Inquérito Mais informação Acesso ao Sistema de Transferência Electrónica de dados de Inquéritos (STEDI). Onde se acede ao sistema de entrega de Inquéritos? Deverá aceder ao sistema através do site do GEP www.gep.mtss.gov.pt

Leia mais

O Novo Regime da Contratação Pública. no Código dos Contratos Públicos. Grupo de Trabalho Março/Abril, 2008

O Novo Regime da Contratação Pública. no Código dos Contratos Públicos. Grupo de Trabalho Março/Abril, 2008 O Novo Regime da Contratação Pública no Código dos Contratos Públicos Grupo de Trabalho Março/Abril, 2008 Introdução Da mera transposição das novas directivas comunitárias 2004/17 e 2004/18 à elaboração

Leia mais

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Índice 1. Introdução...3 2. Home Page...3 3. Pedido de Senha...4 3.1 Proponente...5 3.2 Técnico Qualificado...5 3.3 Proponente/Técnico

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES Diário da República, 1.ª série N.º 151 6 de Agosto de 2009 5107 c) Promover a recepção, análise e validação dos pedidos de pagamento de incentivos; d) Assegurar o exercício das funções que venham a ser

Leia mais

Manual do Utilizador do Registo Prévio (Entidades Coletivas e Singulares)

Manual do Utilizador do Registo Prévio (Entidades Coletivas e Singulares) POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL Plataforma eletrónica SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO DE SEGURANÇA PRIVADA (SIGESP) Manual do Utilizador do Registo Prévio (Entidades Coletivas e Singulares)

Leia mais

Declaração Básica de Práticas de Certificação da ECAR

Declaração Básica de Práticas de Certificação da ECAR CIRC N.º 001/ECAR/2010 Classificação: Público Versão:2.0 META INFORMAÇÃO DO DOCUMENTO Título Declaração Básica de Práticas de Certificação da ECAR Referência CIRC N.º 001/ECAR/2010 Data 16-02-2011 Classificação

Leia mais

Reforma do Registo Predial Decreto-Lei n.º 116/2008, de 4 de Julho

Reforma do Registo Predial Decreto-Lei n.º 116/2008, de 4 de Julho Reforma do Decreto-Lei n.º 116/2008, de 4 de Julho Paula Isabel Galhardas Reforma do Abolição da competência territorial Registo predial obrigatório Eliminação da necessidade de apresentação junto dos

Leia mais

Bélgica-Bruxelas: Modelo para estudos de viabilidade de um novo projeto relativo a biocombustível comercial sustentável 2013/S 248-431845

Bélgica-Bruxelas: Modelo para estudos de viabilidade de um novo projeto relativo a biocombustível comercial sustentável 2013/S 248-431845 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:431845-2013:text:pt:html Bélgica-Bruxelas: Modelo para estudos de viabilidade de um novo projeto relativo a biocombustível

Leia mais

Versão 1.0. [08.02.2012] 2012, Portugal - Efacec Sistemas de Gestão S.A. Todos os direitos reservados. 1

Versão 1.0. [08.02.2012] 2012, Portugal - Efacec Sistemas de Gestão S.A. Todos os direitos reservados. 1 Copyright 2012 Efacec Todos os direitos reservados. Não é permitida qualquer cópia, reprodução, transmissão ou utilização deste documento sem a prévia autorização escrita da Efacec Sistemas de Gestão S.A.

Leia mais

O AJUSTE DIRETO E AS PLATAFORMAS ELETRÓNICAS

O AJUSTE DIRETO E AS PLATAFORMAS ELETRÓNICAS compilações doutrinais O AJUSTE DIRETO E AS PLATAFORMAS ELETRÓNICAS José Carlos Marques Durão JURISTA VERBOJURIDICO VERBOJURIDICO O AJUSTE DIRETO E AS PLATAFORMAS ELETRÓNICAS : 2 O ajuste direto e as plataformas

Leia mais

REPÚBLICA DE ANGOLA MINISTÉRIO DO COMÉRCIO GABINETE DA MINISTRA DESPACHO N.º 404/11

REPÚBLICA DE ANGOLA MINISTÉRIO DO COMÉRCIO GABINETE DA MINISTRA DESPACHO N.º 404/11 REPÚBLICA DE ANGOLA MINISTÉRIO DO COMÉRCIO GABINETE DA MINISTRA DESPACHO N.º 404/11 Na sequência da aprovação do Decreto Presidencial n.º 265/10, de 26 de Novembro, sobre os procedimentos administrativos

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO. Acordo Quadro para o fornecimento de eletricidade em regime de mercado livre para Portugal Continental

PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO. Acordo Quadro para o fornecimento de eletricidade em regime de mercado livre para Portugal Continental PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO Acordo Quadro para o fornecimento de eletricidade em regime de mercado livre para Portugal Continental ÍNDICE CAPÍTULO I OBJETO E ÂMBITO DO CONCURSO... 3 Artigo 1.º Identificação

Leia mais

Referência: AEN2ABT N.º 03/2015 CADERNO DE ENCARGOS

Referência: AEN2ABT N.º 03/2015 CADERNO DE ENCARGOS Referência: AEN2ABT N.º 03/2015 CADERNO DE ENCARGOS Aquisição de Serviços de Transporte Escolar em Táxi para a Escola Básica e Secundária Dr. Manuel Fernandes e Escola Básica António Torrado do Agrupamento

Leia mais

1) Termos e Condições

1) Termos e Condições 1) Termos e Condições Termos e Condições Plataforma Compras Públicas A informação contida nesta área regula o uso da presente página de Internet www.compraspublicas.com e de todo o seu conteúdo. Recomenda-se

Leia mais

Zero Parte 1. Licenciamento

Zero Parte 1. Licenciamento Licenciamento Zero Parte 1 Departamento de Portais do Cidadão e da Empresa Sónia Lascasas Maio de 2011 O conteúdo desta apresentação é alvo de Direitos de Autor, não podendo ser utilizado fora das condições

Leia mais

PROCEDIMENTO. Ref. Pcd. 3-sGRHF. Bolsas de Investigação Científica da UA, financiadas pela UA ou por outras verbas desde que não provenientes da FCT

PROCEDIMENTO. Ref. Pcd. 3-sGRHF. Bolsas de Investigação Científica da UA, financiadas pela UA ou por outras verbas desde que não provenientes da FCT PROCEDIMENTO Ref. Pcd. 3-sGRHF Bolsas de Investigação Científica da UA, financiadas pela UA ou por outras verbas desde que não provenientes da FCT Data: 14 /07/2011 Elaboração Nome: Fátima Serafim e Helena

Leia mais

LEGISLAÇÃO COMPLEMENTAR- CÓDIGO DOS CONTRATOS PÚBLICOS

LEGISLAÇÃO COMPLEMENTAR- CÓDIGO DOS CONTRATOS PÚBLICOS Lei n.º 96/2015, de 17 de agosto Regula a disponibilização e a utilização das plataformas eletrónicas de contratação pública e transpõe o artigo 29.º da Diretiva 2014/23/EU, o artigo 22.º e o anexo IV

Leia mais

I-Ispra: Fornecimento de um grupo electrogéneo trifásico 2012/S 187-306516. Anúncio de concurso. Fornecimentos

I-Ispra: Fornecimento de um grupo electrogéneo trifásico 2012/S 187-306516. Anúncio de concurso. Fornecimentos 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:306516-2012:text:pt:html I-Ispra: Fornecimento de um grupo electrogéneo trifásico 2012/S 187-306516 Anúncio de concurso

Leia mais

Diário da República, 1.ª série N.º 251 30 de Dezembro de 2008 9187. Por outro lado, o Decreto -Lei n.º 116/2008, de 4 de. Portaria n.

Diário da República, 1.ª série N.º 251 30 de Dezembro de 2008 9187. Por outro lado, o Decreto -Lei n.º 116/2008, de 4 de. Portaria n. Diário da República, 1.ª série N.º 251 30 de Dezembro de 2008 9187 Por outro lado, o Decreto -Lei n.º 116/2008, de 4 de Julho, aprovou diversas medidas de simplificação, desmaterialização e desformalização

Leia mais

Última actualização em 01/05/2007

Última actualização em 01/05/2007 Portaria n.º 1416-A/2006 de 19 de Dezembro. - Regula o regime da promoção electrónica de actos de registo comercial e cria a certidão permanente, Ministério da Justiça, S.I 2º Suplemento, DR n.º 242, p.

Leia mais

Regime de qualificações nos domínios da construção urbana e do urbanismo Perguntas e respostas sobre a inscrição/renovação da inscrição

Regime de qualificações nos domínios da construção urbana e do urbanismo Perguntas e respostas sobre a inscrição/renovação da inscrição Regime de qualificações nos domínios da construção urbana e do urbanismo Perguntas e respostas sobre a inscrição/renovação da inscrição 1. Quais as instruções a seguir pelos técnicos que pretendam exercer

Leia mais

MUNICÍPIO DO PORTO SANTO CÂMARA MUNICIPAL

MUNICÍPIO DO PORTO SANTO CÂMARA MUNICIPAL CADERNO DE ENCARGOS PROCESSO Nº 3 RH-2015 Apoio Técnico na área de Gestão de Recursos Humanos - Prestação de Serviços Ajuste Direto 1 de 10 ÍNDICE CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES GERAIS... 3 Cláusula 1.ª - Objecto...

Leia mais

A. ENQUADRAMENTO B. CANDIDATURA. Portal Mercado Social de Arrendamento http://www.mercadosocialarrendamento.msss.pt

A. ENQUADRAMENTO B. CANDIDATURA. Portal Mercado Social de Arrendamento http://www.mercadosocialarrendamento.msss.pt A. ENQUADRAMENTO 1. O que é o Mercado Social de Arrendamento? 2. A iniciativa Mercado Social de Arrendamento enquadra-se no chamado Arrendamento Social? 3. Qual o objectivo do Mercado Social de Arrendamento?

Leia mais

Certificados Digitais Qualificados. Fevereiro/ 2009

Certificados Digitais Qualificados. Fevereiro/ 2009 Certificados Digitais Qualificados Fevereiro/ 2009 Agenda 1. O que é a Certificação Digital? 2. Certificado digital qualificado - Legislação 3. Certificado digital qualificado MULTICERT 4. Outros serviços

Leia mais

Portugal-Lisboa: Serviços informáticos de gestão eletrónica de recursos humanos 2014/S 001-000003. Anúncio de concurso. Serviços

Portugal-Lisboa: Serviços informáticos de gestão eletrónica de recursos humanos 2014/S 001-000003. Anúncio de concurso. Serviços 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:3-2014:text:pt:html Portugal-Lisboa: Serviços informáticos de gestão eletrónica de recursos humanos 2014/S 001-000003

Leia mais

Manual de Utilizador Documentos de Transporte. TOConline. Suporte. Página - 1

Manual de Utilizador Documentos de Transporte. TOConline. Suporte. Página - 1 TOConline Suporte Página - 1 Documentos de Transporte Manual de Utilizador Página - 2 Índice Criação de um documento de transporte... 4 Definições de empresa- Criação de moradas adicionais... 9 Comunicação

Leia mais

Procedimento n.º 18/2015/DGF-A. Convite para Aquisição de Ambulância Tipo B

Procedimento n.º 18/2015/DGF-A. Convite para Aquisição de Ambulância Tipo B Procedimento n.º 18/2015/DGF-A Convite para Aquisição de Ambulância Tipo B Índice 1. Entidades 3 2. Decisão de contratar e de autorização da despesa 3 3. Preço base 3 4. Proposta 4 5. Apresentação da proposta

Leia mais

I-Ispra: Fornecimento e instalação de cablagem estruturada, instalação de sistemas de voz-dados e redes de fibra ótica 2013/S 121-206362

I-Ispra: Fornecimento e instalação de cablagem estruturada, instalação de sistemas de voz-dados e redes de fibra ótica 2013/S 121-206362 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:206362-2013:text:pt:html I-Ispra: Fornecimento e instalação de cablagem estruturada, instalação de sistemas de voz-dados

Leia mais

Medidas intersectoriais 2010/11

Medidas intersectoriais 2010/11 Medidas intersectoriais 2010/11 IS01 BALCÃO DO EMPREENDEDOR DISPONIBILIZAÇÃO DE SERVIÇOS Objectivos: Inventariar, introduzir e manter permanentemente actualizados no Balcão do Empreendedor vários serviços,

Leia mais

Manual de Utilizador V4. Operadores Económicos

Manual de Utilizador V4. Operadores Económicos Manual de Utilizador V4 Operadores Económicos Índice 1. Introdução 2. compraspt.com 3. Suporte compraspt 4. Requisitos de Acesso e Operação com a Plataforma 5. Acesso à Plataforma da Entidade 6. Ativar

Leia mais

Manual de Gestão de Entregas

Manual de Gestão de Entregas Manual de Gestão de Entregas Índice 1. Acesso à Plataforma... 3 1.1. Certificado de Autenticação... 3 1.2. Autenticação perante a Plataforma... 6 2. Responsáveis pela Entrega... 7 3. Estado de Encomendas...

Leia mais

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DIREÇÃO DE SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO Centro Nacional de Qualificação de Formadores Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 Índice Índice... 2 1. Introdução... 4 1.1.

Leia mais

Registo do utilizador no Portal IFAP. - Manual do Utilizador -

Registo do utilizador no Portal IFAP. - Manual do Utilizador - Registo do utilizador no Portal IFAP - Manual do Utilizador - Registo do beneficiário no Portal IFAP Manual do Utilizador 1. Introdução... 2 2. Pressupostos... 2 3. Informação necessária para o registo

Leia mais

Regime jurídico da qualificação profissional dos técnicos responsáveis por projectos, pela fiscalização de obra e pela direcção de obra

Regime jurídico da qualificação profissional dos técnicos responsáveis por projectos, pela fiscalização de obra e pela direcção de obra Área de Prática - Imobiliário Julho 2009 Regime jurídico da qualificação profissional dos técnicos responsáveis por projectos, pela fiscalização de obra e pela direcção de obra A Lei n.º 31/2009, de 03.07.,

Leia mais

Bélgica-Bruxelas: Digitalização de documentos analógicos em suporte magnético 2014/S 180-316768. Anúncio de concurso. Serviços

Bélgica-Bruxelas: Digitalização de documentos analógicos em suporte magnético 2014/S 180-316768. Anúncio de concurso. Serviços 1/7 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:316768-2014:text:pt:html Bélgica-Bruxelas: Digitalização de documentos analógicos em suporte magnético 2014/S 180-316768

Leia mais

MANUAL DE ASSINATURA DIGITAL DE DOCUMENTOS EM FORMATO PDF E DWF. Assinatura Digital Qualificada de Documentos. 1. Requisitos necessários

MANUAL DE ASSINATURA DIGITAL DE DOCUMENTOS EM FORMATO PDF E DWF. Assinatura Digital Qualificada de Documentos. 1. Requisitos necessários MANUAL DE ASSINATURA DIGITAL DE DOCUMENTOS EM FORMATO PDF E DWF Assinatura Digital Qualificada de Documentos A Gaiurb tem como um dos seus objetivos primordiais a tramitação desmaterializada dos procedimentos

Leia mais

Manual do Utilizador

Manual do Utilizador Manual do Utilizador Índice Índice... 2 1. Registo de Utilizadores Individuais... 3 2. Alteração da Senha de Acesso... 5 3. Recuperação da Senha de Acesso... 5 4. Dados do Utilizador... 6 4.1 Perfil pessoal...

Leia mais

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador ESCOLAS / DRE

MATRÍCULA ELECTRÓNICA. Manual do Utilizador ESCOLAS / DRE MATRÍCULA ELECTRÓNICA Manual do Utilizador ESCOLAS / DRE ÍNDICE 1 PREÂMBULO... 2 2 UTILIZAÇÃO PELOS SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS DOS ESTABELECIMENTOS DE ENSINO... 3 2.1 Matrícula Electrónica - Acesso através

Leia mais