OPTATIVAS - 2 Semestre 2015

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "OPTATIVAS - 2 Semestre 2015"

Transcrição

1 S - 2 Semestre SALA 61 DISCIPLINA Estudos em Design Social II Práticas e Ferramentas Equipe DS/ Coordenação Maria Flávia Vanucci de Moraes 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 32 13:30h às 17:00h EXTENSÃO Conteúdos multidisciplinares que possibilitem a ampliação das reflexões sobre como o design pode contribuir de maneira ética para a elevação da qualidade de vida e redução das desigualdades sociais Fornecer aos alunos subsídios para a solução de problemas de design social por meio da compreensão, seleção e aplicação das ferramentas. 02 SALA 35 DISCIPLINA Introdução à Educação a Distância (Moodle) Michel Souza 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 16 3ª e 6ª feira: EXTENSÃO / NIPP Contextualização histórica da evolução da tecnologia da informação e da comunicação. Ambiente de ensino e formas de avaliação no contexto da Educação a Distância (EAD) com a utilização da plataforma Moodle. Promover o Ambiente Virtual de Aprendizagem a partir da reflexão e análise crítica dos conhecimentos sobre a temática da Educação a Distância e a nova lógica do ensino na sociedade da informação. 03 SALA 35 DISCIPLINA Sistemas Web Breno Mansur 1 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 20 08:00h às 11:40h CENTRO E-DATA Frontend de sistemas Web (HTML, CSS, Javascript, jquery) e Backend de sistemas Web (Modelagem e manipulação de bancos de dados com SQL SERVER; Formulários dinâmicos e validação de formulários com ASP.NET). Familiarizar o aluno com conceitos, técnicas e ferramentas básicas utilizadas no desenvolvimento de sistemas para Web. 04 SALA 22 DISCIPLINA Propriedade Intelectual - Introdução Cláudia Dias 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 40 NIT-NÚCLEO DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA TECNOLÓGICA I - Introdução a Propriedade Intelectual; II - Direitos Autorais; III Marcas; IV Patentes; V - Desenho Industrial; VI - Indicação Geográfica; VII - Outras formas de proteção; VIII - Transferência de Tecnologia; IX - Concorrência Desleal; X - Comércio Internacional. O objetivo da disciplina é despertar para importância da Propriedade Intelectual, em seus conceitos e suas formas de proteção e transferência das criações.

2 S - 2 Semestre SALA 42 DISCIPLINA Empresas Orientadas pelo Design Lia Paletta / Juliana Rizola 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 40 CDE-CENTRO DESIGN EMPRESA Capacitação para empreendedorismo em design, pensando sua função articuladora dentre os diferentes setores econômicos. Desenvolvimento de visão sistêmica para o pensamento em design aplicado a estratégias empresariais. Capacitar o aluno no conhecimento e entendimento dos fundamentos das estratégias empresariais e sua relação com o Design, orientando-o para a análise e contextualização dos processos criativos envolvidos na gestão de negócios criativos. 06 SALA 52/CDE DISCIPLINA Design de Sinalização André Mol / Fernanda Lyrio 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 16 4ª feira: CDE-CENTRO DESIGN EMPRESA Capacitação para desenvolvimento de projetos de design de sinalização de espaços internos e externos envolvendo perspectivas tecnológicas e metodológicas em âmbito integrado, abordando aspectos ergonômicos, semióticos, produtivos e comerciais. Proporcionar ao aluno parâmetros criativos do desenvolvimento de elementos de sinalização, orientandoo para a concepção de projetos que considerem a integração das áreas do design gráfico, de produtos e de ambientes. 07 SALA 22 Lab. Fotografia DISCIPLINA Fotografia Básica Rogério de Souza e Silva 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 20 08:00h às 11:40h IMAGEM Fornece informações necessárias ao registro fotográfico e técnicas para valorização da fotografia como linguagem e instrumento de criação. Fornecer informações necessárias ao registro fotográfico. 08 SALA 71 DISCIPLINA Produção Audiovisual e Multimídia José Rocha Andrade 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 30 3ª e 5ª feira IMAGEM Estudo e aplicação de arquivos analógicos e digitais em produções audiovisuais e projetos multimídia nos diversos meios de apresentação. Estudos e aplicação dos processos produtivos e dos aspectos pertinentes ao planejamento e gerenciamento da produção. Capacitar o aluno para as etapas de produção e pós-produção, produção de arquivos digitais, aplicação de cenário virtual e lettering, captação e digitalização de imagem e áudio em produção audiovisual e multimídia para distribuição em diversos suportes de exibição. PRÉ-REQUISITO Ter conhecimento básico do programa Adobe Photoshop.

3 S - 2 Semestre SALA 61 DISCIPLINA Teoria e prática caligráfica aplicada ao design tipográfico (Módulo 1) Sérgio Luciano da Silva 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 20 2ª e 4ª feira: LABORATÓRIO DE DESIGN GRÁFICO Da prática caligráfica em seu conjunto: os instrumentos, os materiais e as técnicas de produção manuscrita de três estilos (Carolíngio Minúsculo, Humanista Maiúsculo e FoundationalHand). Desenvolvimento de habilidades que fundamentam o design tipográfico Fundamentar princípios do design tipográfico que se originam na caligrafia. 10 SALA 62 DISCIPLINA Técnicas de Layout e Apresentação de Projetos Sérgio Roberto Lemos de Carvalho 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 40 2ª feira: LABORATÓRIO DE DESIGN GRÁFICO Estudo de técnicas e materiais para a construção de layouts de várias complexidades apresentação de projetos. A disciplina aborda o layout e apresentação de projetos como importante etapa do processo metodológico, apresenta estudos de caso e propõe que os alunos experimentem diversas técnicas. Possibilitar ao aluno a construção de layouts de diversas complexidades e aprimorar a apresentação de projetos acadêmicos e profissionais. 11 SALA 61 DISCIPLINA Práticas criativas entre design e arte contemporânea Ricardo Portilho Mattos 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 16 3ª e 5ª feira LABORATÓRIO DE DESIGN GRÁFICO A disciplina visa oferecer um percurso experimental no processo de concepção e produção de imagens na contemporaneidade. O ponto de partida é o estudo de obras e métodos de trabalho de artistas contemporâneos cuja produção se aproxima de alguma maneira do universo do design e da produção em massa. Desenvolver com os alunos habilidades expressivas, criativas e críticas, num diálogo com a cultura contemporânea. Exercitar dinâmicas criativas que envolvam pesquisa, elaboração conceitual, produção e análise de exercícios propostos. 12 SALA 21 DISCIPLINA Técnicas Construtivas: Acompanhamento de Obra Fernando Monteiro / Raíce Guimarães 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 40 (20/turma) 2 Turmas: 07:50h às 11:20h 13:30h às 17:00h AMBIENTES Visita técnica Gestão de qualidade na execução de obras de acabamento Formar profissionais capacitados em garantir a qualidade na execução de acabamento, ao prestar serviço de acompanhamento de obra.

4 S - 2 Semestre SALA 35 DISCIPLINA Modelagem e Renderização 3D Henrique Santa Cecília Lana 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 20 2ª e GEMAS E JÓIAS Aplicação de tecnologias no campo da computação gráfica tridimensional, a fim de auxiliar os alunos na representação de produtos para as demais disciplinas de projetos. A disciplina divide-se em dois módulos, sendo que a primeira etapa á ênfase em modelagem de objetos 3D, e a segunda concentra-se na criação de texturas e materiais, iluminação e noções de render para saída digital e impressa. Possibilitar ao aluno conhecer as várias tecnologias disponíveis no campo da representação gráfica tridimensional, bem como a interoperabilidade entre elas. 14 SALA 33 / Lab. Fotografia DISCIPLINA Fotografia Digital - SPLASH Antônio Augusto Vieira de Melo Matos 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 16 4ª e GEMAS E JÓIAS Técnica de iluminação com longa e rápida exposição, utilizando como fonte de luz o flash para captura de imagens em movimento, registrando o que os olhos não vêem. PRÉ-REQUISITO Utilizar a técnica de iluminação para congelar elementos, em movimentos rápidos, em uma produção. Ter concluído as aulas de LIGHT PAINTING com iniciação à técnica de SPLASH ou FOTOGRAFIA BÁSICA. 15 SALA 42 DISCIPLINA Design e Prospecção de Cenários Raquel Canaan / Tatiana Azzi 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 20 GEMAS E JÓIAS Prospecção de cenários futuros no desenvolvimento de projetos em design. Explorar diferentes métodos de pesquisa aplicados na prospecção de cenários futurospara o desenvolvimento de projetos em design. 16 SALA 41 DISCIPLINA Design Têxtil de Superfície Aplicada à Moda Maria Regina Álvares Dias / Wadson Gomes Amorim 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 20 5ª feira T&C CENTRO DE ESTUDOS EM TEORIA, PESQUISA E CULTURA EM DESIGN / CENTRO DE ESTUDOS EM DESIGN DE GEMAS E JÓIAS Estudo dos conceitos e práticas do Design Têxtil e de Superfície através da evolução histórica e dos processos tecnológicos. Análise das principais técnicas de construção e acabamento de tecidos planos e malhas, para agregar valor ao vestuário e aos produtos de moda, relacionando os fundamentos técnicos de produção com os efeitos funcionais, ergonômicos, estéticos e simbólicos dos tecidos. Compreender os processos de criação, desenvolvimento e produção de tecidos utilizados na confecção do vestuário.

5 S - 2 Semestre SALA 62 DISCIPLINA O Processo de Inovação pelo Design Maria Regina Álvares Dias / Gisele Ribeiro Ramos 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 32 T&C CENTRO DE ESTUDOS EM TEORIA, PESQUISA / CULTURA EM DESIGN e Núcleo de Design e Inovação - SENAI CECOTEG Estudo dos fatores relevantes na pesquisa metaprojetual para a construção de cenários de inovação e definição dos briefings de projeto. Ampliar a perspectiva de inovação trazida pelos alunos da Escola de Design/UEMG, apresentando o ponto de vista do design a respeito da inovação. 18 SALA 32 DISCIPLINA Inovação e Tecnologia Social Nadja Mourão 2º SEMESTRE [ X ] CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 40 2ª e 4ª feira: CEDTec CENTRO DE ESTUDOS EM DESIGN E TECNOLOGIA Abordagem crítica e compreensão dos conceitos de sustentabilidade, inovação e tecnologia social, através de estudo de casos: análise de experiências e visitas técnicas, dentro do universo da arte, cultura e design. Abordar os conceitos de inovação e tecnologia social, com enfoque na utilização da arte, cultura e design, como instrumento de diferenciação e alternativa para geração de renda. 19 SALA 23 DISCIPLINA Rede Sistêmica de Empreendimentos Integrais Rosangela Miriam L. Oliveira Mendonça 2º SEMESTRE [ X ] CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 36 3ª e CEDTec CENTRO DE ESTUDOS EM DESIGN E TECNOLOGIA Abordagem de conteúdos que fundamentam a Rede Sistêmica de Empreendimentos Integrais, tratando inovação, Design Sistêmico, Business Model, gestão. Abordar os conteúdos fundamentam a criação de Empreendimentos Integrais, com enfoque na criação de oportunidades de negócios, sua modelagem como parte de uma rede de empreendimentos que tratam a sustentabilidade social, cultural, ambiental e econômica. 20 SALA 62 DISCIPLINA Instalações, mediação e Design em Museu Marília de Fátima Dutra de Ávila Carvalho 2º SEMESTRE [ X ] CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 40 4ª e Sábados manhã: visita aos museus CEDTec CENTRO DE ESTUDOS EM DESIGN E TECNOLOGIA Entender a organização de mostras realizadas no Espaço Expositivo de museu. Como se planejam exposições, instalações e a organização de todo movimento do público visitante. Vivenciar projetos de instalação em museus em Belo Horizonte, apresentando ao aluno instalações artísticas e design aplicado a museus. A visitação aos espaços expositivos de museus em Belo Horizonte e Região Metropolitana, possibilitará entender, na prática, como pode ser a atuação profissional dos Designers na organização do espaço expositivo e a atuação de professores de Arte em mediação Disponibilizar aulas teóricas e práticas, visitas a diferentes museus em Belo Horizonte e Região Metropolitana para alunos de Artes Visuais-Licenciatura, Design de Ambientes, Design de Produtos e Design Gráfico a fim de entender como o museu prepara o espaço expositivo, através de ação conjunta de museólogos, museógrafos, educadores, comunicadores e curadores. Faremos visitação a museus, em horários de visita agendados previamente e de comum acordo com os alunos.

6 S - 2 Semestre SALA OFICINA DISCIPLINA Processamento de Materiais: Polímeros, Compósitos e Alumínio Eduardo Vasconcelos/José Arnaldo Machado/ Marco Aurélio Oliveira / Romeu Rodrigues 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 20/turma 2 Turmas: 2ª feira: 7:50h às 11:20h 13:30h às 17:00h LEMP-LABORATÓRIOS INTEGRADOS DE MODELAGEM, PROTOTIPAGEM E ENSAIOS UNIVERSAIS Pesquisa e desenvolvimento da produção de objetos utilitários de polímeros e compósitos Desenvolver a capacidade de compreensão e execução de processamentos de polímeros e compósitos e alumínio. 22 SALA OFICINA DISCIPLINA Práticas Fundamentais em Madeira Eduardo Vasconcelos/ Romeu Rodrigues/ Marco Aurélio Oliveira 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 20/turma 2 Turmas: 7:50h às 11:20h 19:00h às 22:20h LEMP-LABORATÓRIOS INTEGRADOS DE MODELAGEM, PROTOTIPAGEM E ENSAIOS UNIVERSAIS Fornece conhecimento e desenvolvimento de técnicas artesanais e industriais básicas para o uso adequado de ferramentas, máquinas e instrumentos utilizados em oficina de madeira. Capacitar o aluno a utilizar, de acordo com as normas de segurança, ferramentas manuais, elétricas, maquinas industriais e instrumentos utilizados para madeira 23 SALA 33 DISCIPLINA Ergonomia sensorial no design de produtos - II José Nunes Filho 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 12 MADEIRA Conceito de ergonomia; percepção e sentidos; abordagem sistêmica em ergonomia sensorial; análise de causa e efeito; interação objetos /ambiente /pessoa; mecanismos de monitoramento; percepção e processamento da informação; aplicação em design de produto. PRÉ-REQUISITO Aprimorar o entendimento na intervenção da ergonomia dos sentidos no desenvolvimento de design de produtos e capacitar o aluno no processo de compreensão de análise sensorial e sua aplicação ergonômica em produtos. Ter concluído a Disciplina Optativa Ergonomia Sensorial no Design de Produtos - I 24 SALA Modelagem DISCIPLINA Confecção de objetos lúdicos de Madeira Lúcio Carlos Magalhães Teixeira / José Nunes Filho 2 SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 16 8:00h às 11:40h MADEIRA Desenvolvimento de métodos e técnicas de criação e confecção de objetos interativos de madeira, uso da criatividade e aplicação prática de marcenaria. Integração da metodologia do design com a sensibilidade no tratamento da superfície da madeira para móvel (cadeira), brinquedo (pedagógico) e jogo (xadrez). Exercício teórico / prático do reaproveitamento de materiais madeireiros direcionados ao reuso em produtos úteis e funcionais, buscando agregar valor instrucional / lúdico com temas contemporâneos.

7 S - 2 Semestre SALA 61 DISCIPLINA Avaliação do Desempenho do Ambiente Construído Iara Sousa Castro 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 32hs N DE VAGAS 16 6ª feira: CPqD- CENTRO DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO EM DESIGN E ERGONOMIA Conceitos de desempenho e qualidade do ambiente construído: avaliação pré e pósocupação. Evolução do conceito de racionalidade. Avaliação de desempenho para a programação arquitetônica: diretrizes e parâmetros. Categorias de variáveis: funcionais, tecnológicas e comportamentais. Levantamentos, inventários, notações e diagnósticos. A participação e apropriação dos usuários no projeto. Discutir a aproximação entre o projetista e usuários dos ambientes construídosatravés de uma abordagem participativa 26 SALA Modelagem DISCIPLINA Modelo Físico Leonardo Dutra 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA 64hs N DE VAGAS 24 2ª e CPqD- CENTRO DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO EM DESIGN E ERGONOMIA O modelo físíco de produto é tanto recurso de apresentação quanto instrumento de desenvolvimento projetual. Ele é insubstituível em suas características visuais e táteis quanto à compreensão do objeto e do ambiente em seu processo de concepção. O domínio básico da modelagem física por escultura em vistas, observando a feitura controlada de superfícies tridimensionais orgânicas e ortogonais em proporção e simetria para modelos de concepção e apresentação.

LENDO IMAGENS: AS IMAGENS DO PENSAMENTO DE WALTER BENJAMIN

LENDO IMAGENS: AS IMAGENS DO PENSAMENTO DE WALTER BENJAMIN Optativa 01 LENDO IMAGENS: AS IMAGENS DO PENSAMENTO DE WALTER BENJAMIN Estudo de três capítulos do livro Rua de mão única, do filósofo e crítico alemão Walter Benjamin, buscando relacioná-los com os objetivos

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN 514502 INTRODUÇÃO AO DESIGN Conceituação e história do desenvolvimento do Design e sua influência nas sociedades contemporâneas no mundo e no Brasil.

Leia mais

Design Gráfico e Digital - Curso de Graduação

Design Gráfico e Digital - Curso de Graduação SOBRE O CURSO A graduação em Design Gráfico e Digital tem ênfase na convergência das plataformas da comunicação visual, gráficas e digitais, de forma a ampliar o campo de atuação do aluno. Oferece conteúdos

Leia mais

FORMULÁRIO DE ALTERAÇÃO DE EMENTAS

FORMULÁRIO DE ALTERAÇÃO DE EMENTAS FORMULÁRIO DE ALTERAÇÃO DE EMENTAS CURSO: Design de Moda MATRIZ(ES) CURRICULAR(ES): 2016.1 ALTERAÇÕES PASSAM A VIGORAR A PARTIR DO SEMESTRE: 2016.1 Sistema de Moda FASE: 1ª Fase CARGA HORÁRIA: 30h Descrição

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA CURSO DE DESIGN Disciplina / Ementa

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA CURSO DE DESIGN Disciplina / Ementa Ordem Disciplina Fase Créditos Carga Horária 1 Integração ao Ensino Superior 1 18 2 Oficinas de Integração Criativa 3 Seminários: Ambientalismo e Empreendedorismo 4 Antropologia I 5 Linguagem Oral e Escrita

Leia mais

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Currículo 28/03/2014 10:03

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Currículo 28/03/2014 10:03 8/3/1 1:3 Centro de Ciências Tecnológicas Curso: 13 Design (Noturno) Currículo: 8/ 1 ARQ.11.1- Representação Tridimensional I Oficinas e seus recursos. Apresentação dos materiais e ferramentas das oficinas

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DAS PROVAS TEÓRICO-PRÁTICAS MATÉRIA - PROJETO DE DECORAÇÃO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DAS PROVAS TEÓRICO-PRÁTICAS MATÉRIA - PROJETO DE DECORAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA ESCOLA DE BELAS ARTES CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTE DO MAGISTÉRIO SUPERIOR CAMPI DE SALVADOR - EDITAL Nº 03/2011 DEPARTAMENTO I - HISTORIA DA ARTE E PINTURA CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

Leia mais

CURSO DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO

CURSO DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO CURSO DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO Eixo Tecnológico: Produção Cultural e Design Carga Horária: 2540 h/a Turno: Noturno Tempo de Duração: 6 semestres ( 3 anos) Regime: Seriado semestral Estágio: Opcional

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DE DESIGN. Ordem Disciplina Fase Créditos Carga Horária 1 Integração ao Ensino Superior

MATRIZ CURRICULAR DE DESIGN. Ordem Disciplina Fase Créditos Carga Horária 1 Integração ao Ensino Superior MATRIZ CURRICULAR DE DESIGN Ordem Disciplina Fase Créditos Carga Horária 1 Integração ao Ensino Superior 1 18 2 Oficinas de Integração Criativa 3 54 3 Seminários: Ambientalismo e Empreendedorismo 3 54

Leia mais

Curso Técnico Integrado em Comunicação Visual CÂMPUS PALHOÇA BILÍNGUE MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 400h

Curso Técnico Integrado em Comunicação Visual CÂMPUS PALHOÇA BILÍNGUE MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 400h Curso Técnico Integrado em Comunicação Visual CÂMPUS PALHOÇA BILÍNGUE MATRIZ CURRICULAR Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 400h Introdução à Comunicação Visual 40 horas Não tem Desenho I 40 horas Não

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais

Leia mais

DISCIPLINA CRÉD CH PRÉ-REQUISITO 1ª FASE Fundamentos da Criatividade, do Desenho e da Cor

DISCIPLINA CRÉD CH PRÉ-REQUISITO 1ª FASE Fundamentos da Criatividade, do Desenho e da Cor CURSO DE BACHARELADO EM MODA AUTORIZAÇÃO: Resolução nº 108/2007 CONSUNI RECONHECIMENTO: Decreto Estadual nº 2523/2001 renovado pelo Decreto Estadual nº 1106/2012 PERÍODO DE CONCLUSÃO: Mínimo: 4 anos /

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS Turno: VESPERTINO Autorizado pela Resolução UNIV. nº 25, de16 de setembro de 2002. Para completar o currículo pleno do curso superior de graduação em Licenciatura

Leia mais

>> PROGRAMA DE DISCIPLINA

>> PROGRAMA DE DISCIPLINA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS ESCOLA DE DESIGN >> PROGRAMA DE DISCIPLINA PERÍODO DISCIPLINA Prática Projetual VI 1 SEMESTRE [ X ] PROFESSOR Carlos Alberto Silva de Miranda 2 SEMESTRE [ ] CURSO

Leia mais

A AÇÃO DO DESIGNER INSTRUCIONAL E O EMPREENDEDORISMO EM TURMAS DO SEJA

A AÇÃO DO DESIGNER INSTRUCIONAL E O EMPREENDEDORISMO EM TURMAS DO SEJA 1 A AÇÃO DO DESIGNER INSTRUCIONAL E O EMPREENDEDORISMO EM TURMAS DO SEJA Salvador- BA - maio 2012 Categoria: F Setor Educacional: 5 Classificação das Áreas de Pesquisa em EaD Macro: E / Meso: J / Micro:

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013 Curso: Graduação: Habilitação: Regime: Duração: MATRIZ CURRICULAR PUBLICIDADE E PROPAGANDA BACHARELADO PUBLICIDADE E PROPAGANDA SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO

Leia mais

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2008/1

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2008/1 1 1 CRIATIVIDADE Fase: 1ª Carga Horária: 60h Créditos: 04 Conceitos de criatividade. Criação e moda. Linguagem, identidade e estilo. Processo criativo. Desenvolvimento da capacidade da análise e percepção

Leia mais

O PROCESSO DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO DO CURSO ON-LINE CONTABILIDADE PARA PROFISSIONAIS NÃO CONTADORES

O PROCESSO DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO DO CURSO ON-LINE CONTABILIDADE PARA PROFISSIONAIS NÃO CONTADORES 1 O PROCESSO DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO DO CURSO ON-LINE CONTABILIDADE PARA PROFISSIONAIS NÃO CONTADORES 100-TC-B5 05/2005 Daniela Karine Ramos Ilog Tecnologia, dadaniela@gmail.com B - Conteúdos

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Faculdade de Arquitetura e Urbanismo

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Faculdade de Arquitetura e Urbanismo TÓPICOS ESPECIAIS 2015-1 ARQUITETURA E URBANISMO DESIGN Conheça aqui os Tópicos Especiais oferecidos neste semestre. Você pode se inscrever em quantos Tópicos Especiais desejar. Observe a compatibilidade

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO - 03/2015 PPPG DESIGN

EDITAL DE SELEÇÃO - 03/2015 PPPG DESIGN EDITAL DE SELEÇÃO - 03/2015 PPPG DESIGN A Fundação Educacional da Região de Joinville - FURJ, mantenedora da Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE, comunica a abertura de inscrições ao processo

Leia mais

PROJETO CURSO ALUNO INTEGRADO / 2013

PROJETO CURSO ALUNO INTEGRADO / 2013 PROJETO CURSO ALUNO INTEGRADO / 2013 INSTITUIÇÃO PROPONENTE: Ministério da Educação CNPJ: 00.394.445/0124-52 SETOR RESPONSÁVEL PELO PROJETO: Secretaria de Educação Básica(SEB) ENDEREÇO: Esplanada dos Ministérios,

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS Currículo nº 2

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS Currículo nº 2 CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS Turno: VESPERTINO Currículo nº 2 Reconhecido pelo Decreto nº. 3595, de 14.10.08, D.O.E. nº 7.827 de 14.10.08, e complementação do reconhecimento pelo Decreto nº.

Leia mais

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*.

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*. EMENTÁRIO As disciplinas ministradas pela Universidade Federal de Viçosa são identificadas por um código composto por três letras maiúsculas, referentes a cada Departamento, seguidas de um número de três

Leia mais

Curso de Pedagogia Ementário da Matriz Curricular 2010.2

Curso de Pedagogia Ementário da Matriz Curricular 2010.2 1ª FASE 01 BIOLOGIA EDUCACIONAL A Biologia educacional e os fundamentos da educação. As bases biológicas do crescimento e desenvolvimento humano. A dimensão neurológica nos processos básicos: os sentidos

Leia mais

PLANO DE CURSO FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA FIC CADISTA PARA A CONSTRUÇÃO CIVIL

PLANO DE CURSO FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA FIC CADISTA PARA A CONSTRUÇÃO CIVIL Instituto Federal de Brasília PLANO DE CURSO FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA FIC Campus Ceilândia CADISTA PARA A CONSTRUÇÃO CIVIL Ceilândia Outubro de 2014 Reitoria Wilson Conciani Reitor Adilson Cesar de

Leia mais

Aula-passeio: como fomentar o trabalho docente em Artes Visuais

Aula-passeio: como fomentar o trabalho docente em Artes Visuais Aula-passeio: como fomentar o trabalho docente em Artes Visuais Introdução O objetivo deste trabalho é demonstrar como as artes visuais podem ser trabalhadas com visitas a museus e centros culturais. Apresenta

Leia mais

APRESENTAÇÃO O DESIGN É HOJE UM RECURSO ESTRATÉGICO FUNDAMENTAL PARA AUMENTAR O POTENCIAL COMPETITIVO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS.

APRESENTAÇÃO O DESIGN É HOJE UM RECURSO ESTRATÉGICO FUNDAMENTAL PARA AUMENTAR O POTENCIAL COMPETITIVO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS. O QUE É DESIGN APRESENTAÇÃO O design ocupa grande parte do cotidiano das pessoas e das empresas, representado por uma infinidade de produtos e serviços. Ele é o meio que as empresas utilizam para transformar

Leia mais

FACCAMP FACULDADE CAMPO LIMPO PAULISTA COORDENADORIA DE EXTENSÃO E PESQUISA

FACCAMP FACULDADE CAMPO LIMPO PAULISTA COORDENADORIA DE EXTENSÃO E PESQUISA FACCAMP FACULDADE CAMPO LIMPO PAULISTA COORDENADORIA DE EXTENSÃO E PESQUISA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ARTE-EDUCAÇÃO 1. Nome do Curso e Área do Conhecimento Curso de Especialização Lato Sensu

Leia mais

A UTILIZAÇÃO DE TECNOLOGIAS NO ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Resumo

A UTILIZAÇÃO DE TECNOLOGIAS NO ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Resumo A UTILIZAÇÃO DE TECNOLOGIAS NO ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL Camila Lacerda Ortigosa Pedagogia/UFU mila.lacerda.g@gmail.com Eixo Temático: Educação Infantil Relato de Experiência Resumo

Leia mais

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2007/1

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2007/1 1 1 ACESSÓRIOS Fase: 5ª Carga Horária: 30h/a Créditos: 02 Pesquisa e planejamento. Conceituação. Concepção de produtos de moda voltada para o mercado de acessórios. 2 ATIVIDADES COMPLRES Fase: -x- Carga

Leia mais

Fotografia: Arte,Ciência e Tecnologia

Fotografia: Arte,Ciência e Tecnologia Fotografia: Arte,Ciência e Tecnologia E.E. Frontino Guimarães Sala 5 2ª Sessão Professor(es) Apresentador(es): Meire Pereira de França Roseli Fernandes Euquério Lima Realização: Foco Desenvolvimento da

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO 514502 INTRODUÇÃO AO DESIGN Conceituação e história do desenvolvimento do Design e sua influência nas sociedades contemporâneas no

Leia mais

one year DESIGN GRÁFICO E INFOGRAFIA Coordenação Pedro Segreto Início 05/10/2015 Término 06/2016

one year DESIGN GRÁFICO E INFOGRAFIA Coordenação Pedro Segreto Início 05/10/2015 Término 06/2016 one year DESIGN GRÁFICO E INFOGRAFIA Coordenação Pedro Segreto Início 05/10/2015 Término 06/2016 Carga horária 200 horas Idioma Português Aulas Segundas e quartas das 19h30 às 22h30 + alguns sábados das

Leia mais

Apresentação Professor Orientador

Apresentação Professor Orientador Adriano José Sorbile de Souza Graduação: Bacharel em Desenho Industrial Mestre: Bioengenharia Atuação:, Projeto Gráfico, Modelagem 3D, Tecnologia Mecânica, Desenvolvimento de Embalagens. Email: adriano.sorbile@gmail.com

Leia mais

PRD - 2013 - Descrição das Oficinas do Ciclo 2

PRD - 2013 - Descrição das Oficinas do Ciclo 2 OFICINA 1 - PATRIMÔNIO-PROJETOS-PESQUISA E ENSINO. VAGAS: 25 Professores Responsáveis: Ana Beatriz Frazão Ribeiro, Beatriz Boclin Marques dos Santos Dias / Hora / Local: 4as. Feiras - 07/08, 14/08 e 21/08

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL 2015 DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE OBJETIVOS GERAIS Desenvolver o pensamento artístico, estético e crítico; Estimular a percepção visual e

Leia mais

COMO AVALIAR UM CURSO DE EAD EM SAÚDE? UMA EXPERIÊNCIA DO HOSPITAL ALEMÃO OSWALDO CRUZ NA ÁREA DE AVALIAÇÃO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE

COMO AVALIAR UM CURSO DE EAD EM SAÚDE? UMA EXPERIÊNCIA DO HOSPITAL ALEMÃO OSWALDO CRUZ NA ÁREA DE AVALIAÇÃO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE 1 COMO AVALIAR UM CURSO DE EAD EM SAÚDE? UMA EXPERIÊNCIA DO HOSPITAL ALEMÃO OSWALDO CRUZ NA ÁREA DE AVALIAÇÃO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE São Paulo - SP 05/2015 Vitória Kachar Unidade de Educação a Distância

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação CURSO: Técnico em Informática FORMA/GRAU:( X ) Integrado ( ) Subsequente ( ) Concomitante ( ) Bacharelado ( ) Licenciatura ( ) Tecnólogo

Leia mais

Projeto 1 (TG0090) Espaço e Forma1 (TG0091) Geometria Descritiva (TG0093) Desenho de Observação (TG0092) História da Arte e do Design 1 (TG0094)

Projeto 1 (TG0090) Espaço e Forma1 (TG0091) Geometria Descritiva (TG0093) Desenho de Observação (TG0092) História da Arte e do Design 1 (TG0094) 1 (TG0090) problemas. Abordagem do processo do design do fragmento ao conjunto organizado. Investigação, representação e comunicação através do desenho manual. Ambiente humano, dimensões de uso e significado

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2013

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2013 PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2013 ENSINO TÉCNICO Escola Técnica de Carapicuíba Código: 0144 Município: Carapicuíba Eixo Tecnológico: Produção Cultural e Design Habilitação Profissional: Técnico em Comunicação

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO 1) História da Terapia Ocupacional (30 hs) EMENTA: Marcos históricos que antecederam o surgimento formal da profissão de

Leia mais

Eixo de Formação Eixo de Formação Fundamental Docente: Julio Cesar da Silva Tavares

Eixo de Formação Eixo de Formação Fundamental Docente: Julio Cesar da Silva Tavares Página 1 de 6 Disciplina Curso Graduação DE GRADUACÃO Curso Semestral Código Economia I 60 Período Turma (s) Carga Horária 1º A, B e D 32 horas-aula relógio 39 horas-aula Ano 1º Semestre de 2016 Páginas

Leia mais

DESIGN GRÁFICO E INFOGRAFIA

DESIGN GRÁFICO E INFOGRAFIA DESIGN GRÁFICO E INFOGRAFIA Curso Intensivo DESIGN GRÁFICO E INFOGRAFIA COORDENADOR: PEDRO SEGRETO SETEMBRO/2016» 2017 240 HORAS IDIOMA: PORTUGUÊS Pedro Segreto é diretor da Caos! Vídeo & Design, estúdio

Leia mais

DIA DA SEMANA EVENTO NOME DO EVENTO TURNO HORÁRIO DATAS 20/05, 27/05, 03/06, 10/06 E 17/06/2013. MANHÃ 08:00 às 12:00 2ª FEIRA

DIA DA SEMANA EVENTO NOME DO EVENTO TURNO HORÁRIO DATAS 20/05, 27/05, 03/06, 10/06 E 17/06/2013. MANHÃ 08:00 às 12:00 2ª FEIRA 1 A.M. 69062 LENDO IMAGENS ATRAVÉS DE ALBERTO MANGUEL * Ementa: Leitura de imagens a partir da teoria de Alberto Manguel e por meio de diálogo entre as obras de arte selecionadas, autor e apreciadores.

Leia mais

Novas Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil

Novas Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil Novas Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil Zilma de Moraes Ramos de Oliveira zilmaoliveira@uol.com.br Apoio Parceria Coordenação Técnica Iniciativa OBJETIVOS Discutir as implicações

Leia mais

HUMANAS. Página na web: www.fea.ufjf.br CIÊNCIAS ECONÔMICAS. Apresentação:

HUMANAS. Página na web: www.fea.ufjf.br CIÊNCIAS ECONÔMICAS. Apresentação: HUMANAS ADMINISTRAÇÃO Os alunos de Administração da UFJF graduam-se na modalidade Bacharelado e podem escolher entre as opções de especialização: Administração de Empresas e Administração Pública. O curso

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇÃO DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 8ª REGIÃO O INTERCÂMBIO DE CURSOS ENTRE O TRT8 E O INTERLEGIS RODOPIANO NETO Assessor de Planejamento e Gestão OBJETIVOS 1. Orientar

Leia mais

O ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO NÃO FORMAL NA MODALIDADE A DISTÂNCIA NO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA DA UFRPE

O ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO NÃO FORMAL NA MODALIDADE A DISTÂNCIA NO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA DA UFRPE 1 O ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO NÃO FORMAL NA MODALIDADE A DISTÂNCIA NO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA DA UFRPE Recife, maio/2010 Ana Paula Teixeira Bruno Silva Universidade Federal

Leia mais

A criação do projeto laboratório biblioteca digital como estratégia de ensino da disciplina bibliotecas arquivos e museus digitais

A criação do projeto laboratório biblioteca digital como estratégia de ensino da disciplina bibliotecas arquivos e museus digitais Powered by TCPDF (www.tcpdf.org) A criação do projeto laboratório biblioteca digital como estratégia de ensino da disciplina bibliotecas arquivos e museus digitais Célia da Consolação Dias (ECI/UFMG) -

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DO PROFESSOR

PLANO DE TRABALHO DO PROFESSOR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA CAMPUS SANTA ROSA Rua Uruguai, 1675Bairro Central CEP: 98900.000

Leia mais

I SEMINÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS E AÇÕES AFIRMATIVAS Universidade Federal de Santa Maria Observatório de Ações Afirmativas 20 a 21 de outubro de 2015

I SEMINÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS E AÇÕES AFIRMATIVAS Universidade Federal de Santa Maria Observatório de Ações Afirmativas 20 a 21 de outubro de 2015 I SEMINÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS E AÇÕES AFIRMATIVAS Universidade Federal de Santa Maria Observatório de Ações Afirmativas 20 a 21 de outubro de 2015 A GESTÃO ESCOLAR E O POTENCIAL DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS AUTORIZAÇÃO: Decreto Federal nº 73.259/73 RECONHECIMENTO: Decreto Estadual nº 711/2011 PERÍODO DE CONCLUSÃO: Mínimo: 4 anos / Máximo: 7 anos NÚMERO DE VAGAS: 20 vagas

Leia mais

SNP33D03 - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA ELÉTRICA

SNP33D03 - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA ELÉTRICA SNP33D03 - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA ELÉTRICA Engenharia Elétrica Prof. Dr. ANDRÉ BÍSCARO 1º Semestre de 2015 1. IDENTIFICAÇÃO Disciplina: INTRODUÇÃO À ENGENHARIA ELÉTRICA Código: SNP33D03 Turma: 2015/1

Leia mais

CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância

CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância CATÁLOGO DO CURSO DE PEDAGOGIA Modalidade a Distância ATOS LEGAIS DO CURSO: Nome do Curso: Pedagogia Tempo de Integralização: Mínimo: 8 semestres Máximo: 14 semestres Nome da Mantida: Centro Universitário

Leia mais

AÇÕES DA EXTENSÃO PROJETOS 2009 - ENCERRADOS. Programa ESAG Sênior. Coordenador: Mário César Barreto Moraes

AÇÕES DA EXTENSÃO PROJETOS 2009 - ENCERRADOS. Programa ESAG Sênior. Coordenador: Mário César Barreto Moraes AÇÕES DA EXTENSÃO PROJETOS 2009 - ENCERRADOS Programa ESAG Sênior Mário César Barreto Moraes Bolsistas: Vanessa Vidal Riso Danielle Cândido Vecchietti Juliana Oliveira Lima de Souza A busca pro metodologias

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO CURSO

APRESENTAÇÃO DO CURSO DO CURSO DO CURSO O curso de Especialização em Educação Empreendedora foi concebido como Pós-graduação Lato Sensu para a qualificação de professores que trabalham no ensino técnico e profissional em todo

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL. DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III e IV ARTE

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL. DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III e IV ARTE CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL 2013 DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III e IV ARTE OBJETIVOS GERAIS Desenvolver o pensamento artístico, estético e crítico; Estimular a percepção visual

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 60-GR/UNICENTRO, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2012. ESTA RESOLUÇÃO ESTÁ RATIFICADA PELA RESOLUÇÃO Nº 7/2013- CEPE/UNICENTRO. Aprova, ad referendum do CEPE, o Curso de Especialização em Educação a

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA OBJETIVOS

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA OBJETIVOS EIXO TECNOLÓGICO: CURSO: Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO FORMA/GRAU:( x )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: ( x ) Presencial ( ) PROEJA (

Leia mais

PLANO DE AÇÃO 2013/2015

PLANO DE AÇÃO 2013/2015 PLANO DE AÇÃO 2013/2015 INTRODUÇÃO: Os planos de formação previstos na alínea b) do n.º 2 do artigo 20.º e na alínea d) do artigo 33.º, ambos do Decreto -Lei n.º 75/2008, de 22 de Abril, devem conter,

Leia mais

CONSIDERANDO a Resolução CEPE nº 178/2008, que Dispõe sobre a carga horária mínima dos Cursos de Graduação da UEL e dá outras providências;

CONSIDERANDO a Resolução CEPE nº 178/2008, que Dispõe sobre a carga horária mínima dos Cursos de Graduação da UEL e dá outras providências; RESOLUÇÃO CEPE N 0248/2009 Reformula o Projeto Pedagógico do Curso de Design de Moda, a ser implantado a partir do ano letivo de 2010. CONSIDERANDO a Lei nº 9394/96 - Lei de Diretrizes e Bases da Educação

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC Monsenhor Antônio Magliano Código: 088 Município: Garça Eixo Tecnológico: Indústria Habilitação Profissional: Técnico em Mecânica Qualificação: Assistente

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS

PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS Coordenadora: Pedro Segreto 06/04/2015 > 09/2016 400 horas Idioma: Português Aulas: Segundas e quartas das 19h30 às 22h30 PÚBLICO-ALVO Profissionais e pesquisadores das

Leia mais

NÚCLEO DE APOIO AO DOCENTE E DISCENTE - NADD

NÚCLEO DE APOIO AO DOCENTE E DISCENTE - NADD 1 Fundação de Ensino Superior de Mangueirinha Faculdade Unilagos Rua Saldanha Marinho, 85 www.unilagos.com.br C.N.P.J 05.428.075/0001-91 NÚCLEO DE APOIO AO DOCENTE E DISCENTE - NADD MANGUEIRINHA PARANÁ

Leia mais

O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NAS LICENCIATURAS A DISTÂNCIA DA UFRN: Desafios e perpectivas para uma formação reflexiva e investigativa

O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NAS LICENCIATURAS A DISTÂNCIA DA UFRN: Desafios e perpectivas para uma formação reflexiva e investigativa O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NAS LICENCIATURAS A DISTÂNCIA DA UFRN: Desafios e perpectivas para uma formação reflexiva e investigativa RESUMO Jacyene Melo de Oliveira Araújo Profª Drª UFRN- CE-SEDIS Os Estágios

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER EXTENSÃO - SALA TRIGUINÃ PLANO DE AÇÃO 2014/2015 ALIANDO A TECNOLOGIA À PRÁTICA PEDAGÓGICA

ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER EXTENSÃO - SALA TRIGUINÃ PLANO DE AÇÃO 2014/2015 ALIANDO A TECNOLOGIA À PRÁTICA PEDAGÓGICA ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER EXTENSÃO - SALA TRIGUINÃ PLANO DE AÇÃO 2014/2015 ALIANDO A TECNOLOGIA À PRÁTICA PEDAGÓGICA IVINHEMA/MS 2015 1 ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MULLER EXTENSÃO - SALA

Leia mais

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Formação Inicial e Continuada (Decreto Federal nº 5154/04 e Lei Federal nº 11741/08) PLANO DE CURSO Área Tecnológica: Gestão

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 6 DE JANEIRO DE 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 6 DE JANEIRO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 6 DE JANEIRO DE 2015 (*) (**) Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de graduação

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 88-GR/UNICENTRO, DE 12 DE MAIO DE 2014. Especifica a estrutura curricular do Curso de Especialização em Educação e Formação Empreendedora, modalidade de educação a distância, aprovado pela

Leia mais

BRINQUEDOTECA DA FACULDADE DE FILOSOFIA CIÊNCIAS E LETRAS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ITUVERAVA (FFCL/FE)

BRINQUEDOTECA DA FACULDADE DE FILOSOFIA CIÊNCIAS E LETRAS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ITUVERAVA (FFCL/FE) BRINQUEDOTECA DA FACULDADE DE FILOSOFIA CIÊNCIAS E LETRAS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ITUVERAVA (FFCL/FE) REGULAMENTO DA BRINQUEDOTECA A Brinquedoteca é um espaço criado para ampliar as práticas de ensinar

Leia mais

DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E COMUNICAÇÃO (Tecnologia, Inclusão Digital e Comunicação)

DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E COMUNICAÇÃO (Tecnologia, Inclusão Digital e Comunicação) DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E COMUNICAÇÃO (Tecnologia, Inclusão Digital e Comunicação) OBJETIVOS E METAS 1. Garantir a inclusão digital, instalando computadores nas escolas públicas de ensino fundamental

Leia mais

Regulamento da 1ª Edição do StartupGov: o Desafio do Serviço Público

Regulamento da 1ª Edição do StartupGov: o Desafio do Serviço Público Regulamento da 1ª Edição do StartupGov: o Desafio do Serviço Público 1. SOBRE O STARTUPGOV: O StartupGov: O Desafio do Serviço Público é um espaço para debate com o objetivo de aproximar o governo de especialistas

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO A disciplina aborda o estudo da área de Informática como um todo, e dos conceitos fundamentais,

Leia mais

HISTÓRIA. 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Licenciatura. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

HISTÓRIA. 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Licenciatura. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos HISTÓRIA 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Licenciatura GRAU ACADÊMICO: Licenciado em História PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos Máximo = 8 anos 2. OBJETIVO/PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO A definição

Leia mais

Síntese do Projeto Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação PUC Minas/São Gabriel

Síntese do Projeto Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação PUC Minas/São Gabriel PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Instituto de Informática Síntese do Projeto Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação PUC Minas/São Gabriel Belo Horizonte - MG Outubro/2007 Síntese

Leia mais

OFICINAS DE ARTE-EDUCAÇÃO Instituto Francisca de Souza Peixoto

OFICINAS DE ARTE-EDUCAÇÃO Instituto Francisca de Souza Peixoto OFICINAS DE ARTE-EDUCAÇÃO Instituto Francisca de Souza Peixoto Para comemorar o 14º aniversário do Instituto Francisca de Souza Peixoto, seus artistas e educadores promovem 5 (cinco) dias de oficinas de

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: DR. JÚLIO CARDOSO Código: 78 Município: Franca - SP Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais Habilitação Profissional: Técnico em Eletrônica

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA PLANO DE ENSINO 2011-1 DISCIPLINA: Os Sujeitos e a Prática Pedagógica em EJA - JP0024 PROFESSOR: Ms. Everton Fêrrêr I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Carga Horária Teórica: 60 h Carga Horária Prática: 15 h II EMENTA

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO Plano de Ensino EIXO TECNOLÓGICO: Gestão e Negócios IDENTIFICAÇÃO CURSO: Técnico em Vendas FORMA/GRAU:( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

DESIGN GRÁFICO. Criação Desenho Industrial:Resolução n.º 3007, de 16.07.96, alterada a denominação através da Resolução CEPE n.º 98, de 18.08.04.

DESIGN GRÁFICO. Criação Desenho Industrial:Resolução n.º 3007, de 16.07.96, alterada a denominação através da Resolução CEPE n.º 98, de 18.08.04. DESIGN GRÁFICO Criação Desenho Industrial:Resolução n.º 3007, de 16.07.96, alterada a denominação através da Resolução CEPE n.º 98, de 18.08.04. Implantação do Curso na UEL 24.02.97 Reconhecimento Decreto

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: 042 CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Curso: 42501 Jornalismo Disciplina: Fotografia e Tratamento de Imagem Núcleo Temático: Aplicação processual Código da Disciplina: ENEX00474 Professor(es):

Leia mais

O ENSINO DE ESTATÍSTICA NO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO OFERECIDO NA MODALIDADE À DISTÂNCIA: AVALIAÇÃO DE UMA EXPERIÊNCIA

O ENSINO DE ESTATÍSTICA NO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO OFERECIDO NA MODALIDADE À DISTÂNCIA: AVALIAÇÃO DE UMA EXPERIÊNCIA 1 O ENSINO DE ESTATÍSTICA NO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO OFERECIDO NA MODALIDADE À DISTÂNCIA: AVALIAÇÃO DE UMA EXPERIÊNCIA Rio Grande/RS, maio de 2009 Suzi Samá Pinto Universidade Federal de Rio Grande (FURG)

Leia mais

PROJETO DO LIVRO BRINQUEDO: SOMOS O MEIO AMBIENTE

PROJETO DO LIVRO BRINQUEDO: SOMOS O MEIO AMBIENTE PROJETO DO LIVRO BRINQUEDO: SOMOS O MEIO AMBIENTE ¹Orientada: Vanessa da Silva Lopes ²Orientadora: Prof. MSc. Almerinda Maria dos Reis Vieira Rodrigues ³Co-Orientadora: Prof. MSc. Graci Marlene Pavan ¹Estudante

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO DO TGI

GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO DO TGI FMU Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO DO TGI Trabalho de Graduação Interdisciplinar Curso de Design Volume 2 Habilitação: DESIGN GRÁFICO

Leia mais

Gestão em Sistemas de Saúde

Gestão em Sistemas de Saúde INSTITUTO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES Inatel Competence Center Business School Gestão em Sistemas de Saúde Projeto Pedagógico de Curso de Extensão Curricular Aprovado no dia XX/XX/2013 Pró diretoria de

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS. EDITAL SEPLAG/UEMG Nº. 08 /2014, de 28 de novembro de 2014

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS. EDITAL SEPLAG/UEMG Nº. 08 /2014, de 28 de novembro de 2014 GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL SEPLAG/UEMG Nº. 08 /2014, de 28 de novembro de 2014 CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE CARGOS DA CARREIRA DE PROFESSOR DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

Leia mais

Comunicação LABORATÓRIO DE CRIAÇÃO DE IMAGENS EM MÍDIAS DIGITAIS - ESPAÇO DE (RE)SIGNIFICAÇÃO DO OLHAR POR VIA DE IMAGENS TÉCNICAS

Comunicação LABORATÓRIO DE CRIAÇÃO DE IMAGENS EM MÍDIAS DIGITAIS - ESPAÇO DE (RE)SIGNIFICAÇÃO DO OLHAR POR VIA DE IMAGENS TÉCNICAS Comunicação LABORATÓRIO DE CRIAÇÃO DE IMAGENS EM MÍDIAS DIGITAIS - ESPAÇO DE (RE)SIGNIFICAÇÃO DO OLHAR POR VIA DE IMAGENS TÉCNICAS SANTOS, Noeli Batista dos 1 Palavras-chave: imagem, ensino, tecnologia.

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2009.1A Atualizado em 10 de junho BRUSQUE de 2013 pela Assessoria (SC) de Desenvolvimento 2013 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 ADMINISTRAÇÃO GERAL...

Leia mais

Cursos, atividades e eventos Fundep

Cursos, atividades e eventos Fundep Cursos, atividades e eventos Fundep Cursos online A Escola de Educação Básica e Profissional (Ebap) da UFMG oferece diversos cursos online: - Afro indígena na educação básica - A Calculadora como Ferramenta

Leia mais

ACESSIBILIDADE E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: EXPERIÊNCIA COM UM ALUNO CEGO DO CURSO DE GEOGRAFIA, A DISTÂNCIA

ACESSIBILIDADE E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: EXPERIÊNCIA COM UM ALUNO CEGO DO CURSO DE GEOGRAFIA, A DISTÂNCIA ACESSIBILIDADE E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: EXPERIÊNCIA COM UM ALUNO CEGO DO CURSO DE GEOGRAFIA, A DISTÂNCIA Maria Antônia Tavares de Oliveira Endo mariantonia@cead.ufop.br Curso de Geografia 1900 Paulo

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CAICÓ

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CAICÓ INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CAICÓ CLUBE DE FÍSICA, MINI ESPAÇO CIÊNCIA E FEIRA DE CIÊNCIA: PROPOSTAS DO PIBID IFRN CAMPUS CAICÓ PARTICIPANTES: ERIJACKSON

Leia mais

PERÍODO: 2016/02 ANEXO IV- EDITAL PROACOM N 09/2016 ICSA - INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO: TURISMO

PERÍODO: 2016/02 ANEXO IV- EDITAL PROACOM N 09/2016 ICSA - INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO: TURISMO PERÍODO: 2016/02 ANEXO IV- EDITAL PROACOM N 09/2016 ICSA - INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS MONITORIA- REMUNERADA CURSO: TURISMO DISCIPLINA VAGAS HORÁRIO CARGA HORÁRIA DIÁRIA REQUISITOS ESPECÍFICOS

Leia mais

Desenvolvimento de jogo digital para ensino de português e matemática para crianças do ensino básico. 1. Introdução

Desenvolvimento de jogo digital para ensino de português e matemática para crianças do ensino básico. 1. Introdução Desenvolvimento de jogo digital para ensino de português e matemática para crianças do ensino básico Danilo Raniery Alves Coutinho (Bolsista) José Raul Brito Andrade (Voluntário) Ana Liz Souto Oliveira

Leia mais

Recife/PE 2010 ESTÁGIO REGULAMENTO

Recife/PE 2010 ESTÁGIO REGULAMENTO ESTÁGIO REGULAMENTO Recife/PE 2010 2 CAPÍTULO I PRINCÍPIOS GERAIS DO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Art. 1.º O presente regulamento visa cumprir a Política de estágios da Escola Superior de Marketing-ESM

Leia mais

Mestrado Profissional em Ensino de Biologia em Rede Nacional - PROFBIO PROPOSTA

Mestrado Profissional em Ensino de Biologia em Rede Nacional - PROFBIO PROPOSTA Mestrado Profissional em Ensino de Biologia em Rede Nacional - PROFBIO PROPOSTA Considerando que o Ensino Médio é para a maioria dos cidadãos a última oportunidade de uma educação formal em Biologia, a

Leia mais

O CURSO DE BACHARELADO EM EXPRESSÃO GRÁFICA DA UFPR

O CURSO DE BACHARELADO EM EXPRESSÃO GRÁFICA DA UFPR O CURSO DE BACHARELADO EM EXPRESSÃO GRÁFICA DA UFPR Luzia Vidal de Souza Luzia@ufpr.br Deise Maria Bertholdi Costa deise@ufpr.br Resumo O presente trabalho tem por objetivo apresentar a implantação do

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso Pedagogia Disciplina

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES. Inatel Competence Center. Business School. Gestão de Projetos

INSTITUTO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES. Inatel Competence Center. Business School. Gestão de Projetos INSTITUTO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES Inatel Competence Center Business School Gestão de Projetos Projeto Pedagógico de Curso de Extensão Curricular Aprovado no dia 15/05/2013 Pró diretoria de Desenvolvimento

Leia mais

A Inovação das Tecnologias da Informação e Comunicação no Ensino Online de Modelagem em Biscuit

A Inovação das Tecnologias da Informação e Comunicação no Ensino Online de Modelagem em Biscuit A Inovação das Tecnologias da Informação e Comunicação no Ensino Online de Modelagem em Biscuit Brasília/DF, maio/2012 Categoria: B- Conteúdos e Habilidades Setor Educacional: 5- Educação Continuada em

Leia mais

Proposta de Curso de Especialização em Gestão e Avaliação da Educação Profissional

Proposta de Curso de Especialização em Gestão e Avaliação da Educação Profissional Proposta de Curso de Especialização em Gestão e Avaliação da Educação Profissional A Educação Profissional analisada sob a ótica de sua gestão e de sua avaliação de modo a instrumentalizar gestores educacionais

Leia mais