PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA INTERNET 1. Na homepage de clique em Ativação BancoBIC Net.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA INTERNET 1. Na homepage de www.bancobic.pt clique em Ativação BancoBIC Net."

Transcrição

1

2 BEM-VINDO AO BancoBIC NET. Através do BancoBIC Net pode aceder às suas contas no Banco BIC. Dispõe de um vasto leque de consultas e operações, sempre que quiser e em qualquer lugar, através da internet ou do telefone - serviço BancoBIC Phone. A utilização deste serviço deverá fazer-se de acordo com as Condições Gerais de Utilização. Conforme previsto no ponto 17 Vinculação do Cliente, as Condições Gerais de Utilização considerar-se-ão integralmente aceites pelo Cliente a partir do momento em que são devidamente assinadas pelo mesmo. PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA INTERNET 1. Na homepage de clique em Ativação BancoBIC Net. 2. Seguidamente, escolha a opção Ativação BancoBIC Net Particulares. 3. Insira os elementos solicitados. O Número de Contrato e a Chave de Ativação constam no envelope que lhe foi atribuído. O N.º de Conta deverá ser inserido como consta no seu Extrato. 4. Finalmente, defina Utilizador e Passwords de acesso ao serviço, conforme a sua preferência. PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA TELEFONE (BancoBIC Phone) 1. Ligue para a linha Banco BIC: Disponível de 2ª.f a 6.ªf, das 09h00 às 20h00, exceto feriados. 2. Indique os dados solicitados pelo operador. 3. Defina o número de Utilizador exclusivo para o BancoBIC Phone composto por 7 algarismos. Em acessos futuros, sempre que pretender aceder ao serviço de BancoBIC Phone, ser-lhe-á solicitado: Utilizador numérico que definiu no momento da ativação. Dígitos aleatórios da sua Chave de Ativação ou, em alternativa, dígitos aleatórios da sua Password de 2º nível (caso já tenha ativado o serviço de BIC Net no site). Salvaguarde a confidencialidade dos seus elementos de acesso, pessoais e intransmissíveis. 01 Contactos Banco BIC Serviço BancoBIC Phone Linha Banco BIC: Disponível entre as 9h e as 20h, todos os dias úteis (exceto feriados). Para mais informações, consulte as FAQ disponíveis em

3 CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO SERVIÇO BancoBIC NET PARTICULARES 1. PRELIMINARES 1.1. O BancoBIC Net é um meio de comunicação alternativo entre o Cliente e o Banco BIC, que permite o acesso a informação sobre determinados produtos e Serviços, a realização de operações bancárias de consulta e/ou de movimentação de contas, bem como a realização de operações de compra, venda, subscrição ou resgate sobre produtos ou Serviços disponibilizados, por via telefónica e/ou internet e/ou por outras formas de acesso remoto que venham a ser definidas pelobanco BIC. e) PASSWORD de 2 NÍVEL: código secreto, pessoal e intransmissível, definido pelo Cliente na internet, que permite: (a) utilizar o Serviço por via telefónica e (b) ordenar a execução de operações via internet que envolvam alterações no património financeiro do Cliente O Cliente obriga-se a garantir a segurança de todos os seus códigos, bem como a sua utilização rigorosamente pessoal e direta Sem prejuízo do disposto no número anterior, o Cliente pode efetuar todas as consultas e/ou ordenar a execução das operações que o Banco BIC facultar, em cada canal, em cada momento, constantes de uma lista de consultas/ operações disponíveis, publicitada pelo Banco BIC. Cabe exclusivamente ao Banco BIC autorizar as prerrogativas de acesso Através do BancoBIC Net, o Cliente tem ainda a possibilidade de contratar Produtos ou Serviços também oferecidos via BancoBIC Net por parte de terceiras entidades alheias ao Banco BIC Às condições de utilização do BancoBIC Net, que se rege pelas Disposições seguintes, pelos Preliminares supra e pelas Condições Particulares, serão subsidiariamente aplicáveis as Condições Gerais de Abertura de Conta de Depósito - Particulares. 2. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO E SEGURANÇA 2.1.Para ativar, aceder e/ou utilizar o Serviço o Cliente tem de se identificar com: a) NÚMERO DE CONTRATO: código único, pessoal e intransmissível e que permite ao Cliente ativar o Serviço; b) CHAVE DE ATIVAÇÃO: código secreto, único, pessoal e intransmissível, que permite ao Cliente concretizar a ativação do Serviço. Possibilita, ainda, utilizar o Serviço via telefone, em conjunto com outros códigos, enquanto não for definida a password de 2ºnível; c) UTILIZADOR: elemento de identificação pessoal e intransmissível que identifica o Cliente em todas as utilizações do Serviço. Será definido um UTILIZA- DOR para cada um dos canais disponibilizados pelo Banco BIC; d) PASSWORD: código secreto, pessoal e intransmissível, definido pelo Cliente e que, em conjunto com o UTILIZADOR, permite utilizar o Serviço via internet; 3. ACESSO 3.1. Para aceder e utilizar o BancoBIC Net, o Cliente deve identificar-se: a) via Internet: UTILIZADOR e PASSWORD posições aleatórias de um DOCU- MENTO DE IDENTIFICAÇÃO; b) via telefónica; UTILIZADOR e posições aleatórias da CHAVE DE ATIVAÇÃO ou, em vez desta, da PASSWORD DE 2º NÍVEL, quando já definida; c) via outros canais: a definir pelo Banco BIC O Banco BIC, para preservar a integridade do património do Cliente, poderá bloquear o acesso ao Serviço, designadamente, quando: a) existam dúvidas razoáveis sobre a identidade da pessoa que está a tentar aceder; b) se verifique um número de tentativas de acesso falhadas a definir pelo Banco BIC. 4. CONTAS 4.1. Ao pedir o acesso ao BancoBIC Net o Cliente terá acesso automático à conta de Depósito à Ordem (D.O.) indicada no pedido de adesão ao Serviço e às contas e produtos à mesma associados, bem como a todas as outras contas bancárias de que o Cliente seja Titular e/ou Cotitular solidário no Banco BIC e contas e serviços às mesmas associados. 4.2 Mediante solicitação do Cliente, o Banco BIC poderá ainda facultar o acesso às contas conjuntas e/ou mistas de que o Cliente seja Cotitular no Banco BIC, ficando neste caso as alterações ao seu património financeiro dependentes do cumprimento das condições de movimentação em cada momento vigentes para a respetiva conta, ou seja, a título de exemplo uma transação 02

4 em conta que obrigue a 2 assinaturas necessita de autenticação através dos Elementos de Identificação e Segurança por parte de 2 Titulares. 4.3 Sem prejuízo do disposto no número anterior, o Cliente poderá, em qualquer altura, adicionar e/ou remover o acesso a qualquer conta de que seja e/ ou venha a ser Titular e/ou Cotitular no Banco BIC. 4.4 A pedido do Cliente pode o Banco BIC disponibilizar o extrato de conta por via eletrónica, assumindo o Cliente, nesse caso, a obrigação de o consultar com a periodicidade necessária à apresentação de qualquer eventual reclamação. As eventuais reclamações devem ser apresentadas dentro de um prazo nunca superior a 13 (treze) meses a contar da data do débito O Banco BIC reserva-se o direito de exigir confirmação escrita de qualquer operação bancária solicitada por via do BancoBIC Net, não executando esta até receber a confirmação O Banco BIC não dará cumprimento a ordens recebidas por via do Banco- BIC Net quando existam dúvidas sobre a Identificação da pessoa que está a transmitir a ordem ou quando esteja em causa a segurança das comunicações ou do sistema O Banco BIC poderá impedir ou introduzir limitações à realização de determinado tipo de operações bancárias através do Serviço, sempre que tal seja imposto ou recomendado em virtude da aplicação das disposições legais vigentes no território ou estado de residência/nacionalidade do Cliente. 5 REPRESENTAÇÃO LEGAL 5.1 O Cliente poderá fazer-se representar através de representante legal munido de documentação bastante para o efeito. No caso de mandatários, os mesmos deverão estar munidos de procuração notarial com poderes especiais para a prática de todos os atos permitidos no âmbito deste serviço, devendo assinar conjuntamente com o Cliente o pedido de adesão ao serviço. Fica assente que o mandatário, que terá elementos de identificação e segurança específicos, atuará sempre em nome, por conta e no interesse do Cliente. A aceitação pelo Banco BIC, da utilização deste serviço por representantes legais do Cliente fica na sua inteira disponibilidade, sendo as prerrogativas de acesso definidas casuisticamente. 5.2 O Cliente menor de idade, salvo as exceções previstas na Lei, carece obrigatoriamente de representação. 6. EXECUÇÃO DE OPERAÇÕES 6.1. O Banco BIC só executará as operações ordenadas pelo Cliente desde que, a Conta sobre a qual as operações serão realizadas, apresente saldo suficiente para o seu efetivo cumprimento, salvo se previamente tiver sido contratado entre o Banco BIC e o Cliente a faculdade de saque a descoberto O horário dentro do qual podem ser realizadas operações bancárias através do BancoBIC Net é o que em cada momento for divulgado pelo Banco BIC, podendo ser fixados limites de horário para efeitos de determinação da data em que cada operação é efetuada e sua consequente data-valor O Cliente autoriza o Banco BIC a preencher e validar todos os documentos necessários à efetiva realização e liquidação das operações ordenadas através do BancoBIC Net Para executar operações que envolvam alteração no património financeiro do Cliente será sempre exigida, na internet, a indicação de posições aleatórias da PASSWORD de 2 NÍVEL Qualquer ordem regularmente transmitida e executada é irrevogável O Banco BIC poderá estabelecer limites diários para realização de operações ordenadas através do BancoBIC Net que envolvam alterações no património financeiro do Cliente. 7. RESPONSABILIDADE 7.1. Em caso de apropriação indevida por terceiros, facilitação dessa apropriação e/ou em caso de divulgação dos elementos que permitem o acesso e a realização de consultas e/ou execução de operações, o Cliente deve de imediato comunicar ao Banco BIC a ocorrência, por carta, fax, telefone ou presencialmente nas Agências, de acordo com o estabelecido em Em qualquer situação que indicie que terceiros não autorizados tenham acedido ao Serviço, bem como sempre que o Cliente verifique o registo, na(nas) sua(suas) Conta(Contas), de transações não consentidas ou a existência de erros ou irregularidades na efetivação de operações, deve o Cliente dar de imediato conhecimento do facto ao Banco, nos termos do número anterior O Cliente assume todos os prejuízos resultantes da utilização do Banco- BIC Net por terceiros caso tenha, por qualquer forma, divulgado qualquer dos 03

5 elementos referidos em 2., ou facilitado o seu conhecimento O Banco BIC apenas é responsável pelos prejuízos decorrentes da utilização abusiva do BancoBIC Net por terceiros ocorridos após a receção de comunicação efetuada nos termos definidos em O Banco BIC não será, em caso algum, responsável pelos prejuízos derivados de erros de transmissão, deficiências técnicas, interferências ou desconexões ocorridas por via e no âmbito dos sistemas de comunicação utilizados para a prestação do Serviço Se se provar que determinada operação foi realizada por terceiros, presumir-se-á que tal foi consentido ou culposamente facilitado pelo Cliente, tendo em vista o caráter pessoal e intransmissível dos elementos referidos em As comunicações do Cliente ao Banco BIC aludidas em 6.1. podem ser efetuadas por carta, fax ou telefone, para os endereços e números indicados no folheto que contém a Chave de Ativação. Qualquer alteração dos mesmos só se torna efetiva após comunicação ao Cliente O Cliente obriga-se a manter a confidencialidade dos elementos de identificação bem como a zelar pelo seu bom uso, sendo plenamente responsável por todas as consequências que decorram do seu emprego e utilização. 8. AUTORIZAÇÕES Como forma de salvaguarda da segurança das operações realizadas, o Cliente autoriza o Banco BIC, de forma irrevogável, a: 8.1. gravar as conversas telefónicas mantidas entre ambos; 8.2. proceder ao arquivo, pelo tempo que entender e em suporte magnético ou outro, das chamadas telefónicas ou quaisquer outras comunicações ao abrigo e no âmbito deste contrato; para o cumprimento das obrigações assumidas nessas ordens Fica expressamente pactuado entre as partes, que as combinações dos elementos de identificação definidas têm o valor jurídico equiparado à assinatura do Cliente. São perfeitamente válidas e eficazes as ordens e instruções transmitidas ao Banco BIC em conformidade com o estabelecido, reconhecendo e aceitando o Cliente, sem reservas, as instruções transmitidas e as operações realizadas com a utilização de tais combinações de elementos de identificação Sempre que uma operação seja realizada mediante os procedimentos já definidos, presume-se que foi feita pelo Cliente. 10. SUSPENSÃO OU CESSASSÃO DO SERVIÇO O Banco BIC reserva-se o direito de suspender ou fazer cessar o acesso ao Serviço sempre que razões de segurança o justifiquem O BancoBIC Net poderá ficar indisponível por questões de segurança e/ ou de manutenção e/ou ainda por força de necessidades e/ou falhas técnicas, derivadas de interferências, interrupções, desconexões ou outros motivos que se produzam como consequência de avarias, sobrecargas, cargas da linha ou qualquer outra eventualidade alheia à vontade do Banco BIC, pelo que o Banco BIC não garante a operacionalidade do Serviço, a todo o tempo, nem pode ser responsável por quaisquer danos e/ou prejuízos que, direta ou indiretamente, possa ocasionar ao Cliente em virtude de tais indisponibilidades. 11. PREÇÁRIO Independentemente dos custos associados aos meios de comunicação utilizados, o Banco BIC poderá cobrar ao Cliente pela utilização do BancoBIC Net os encargos, comissões e despesas constantes do Preçário do Banco BIC em vigor em cada momento utilizar gravações telefónicas ou registos informáticos como meio de prova para qualquer procedimento judicial que venha a existir, direta ou indiretamente, entre as partes. 9. EFICÁCIA JURÍDICA 9.1. As ordens transmitidas pelo Cliente e executadas pelo Banco BIC gozarão de plenos efeitos jurídicos, não podendo o Cliente alegar falta de assinatura 12. INCUMPRIMENTO E RESCISÃO DO SERVIÇO Caso o Banco BIC pretenda pôr termo ao presente contrato e cancelar a utilização do BancoBIC Net, terá de informar o Cliente, por escrito, mediante pré-aviso de dois meses, salvo se for invocada justa causa, decorrente designadamente de violação do presente contrato, caso em que a denúncia produzirá efeitos imediatos Caso o Cliente pretenda pôr termo ao presente contrato e cancelar a 04

6 utilização do BancoBIC Net, terá de informar, por escrito, o Banco BIC, com uma antecedência de um mês e sem quaisquer encargos. 13. INFORMAÇÃO FINANCEIRA A informação disponibilizada pelo Banco BIC tem por base/suporte dados de natureza pública, recolhida de fontes de mercado Julgadas como credíveis, sendo meramente retransmitida ou, nalguns casos, objeto de compilação ou análise por técnicos, não implicando, em qualquer caso garantia sobre a sua veracidade nem traduzindo qualquer conselho ou recomendação sobre a conveniência e adequação de quaisquer investimentos ou estratégias de investimento. A plena e exclusiva responsabilidade por todas as decisões tomadas com base nessa informação cabe ao Cliente. O Banco BIC declina, pois, qualquer responsabilidade por qualquer perda, direta ou consequente, decorrente da utilização de informação divulgada ou do seu conteúdo. 14. COMUNICAÇÕES Todas as comunicações e informações que, nos termos do presente contrato ou de disposição legal, o Banco tenha de prestar, por escrito, ao Cliente, poderão ser prestadas: a) Em suporte papel, através do envio de correspondência dirigida ao Cliente para a morada afeta à conta de referência declarada pelo mesmo no momento da celebração do presente contrato ou, caso a mesma tenha sido alterada, para a última morada declarada; b) Em suporte eletrónico, através do envio de mensagem de correio eletrónico dirigida ao Cliente para o endereço de correio eletrónico declarado pelo mesmo no momento da celebração do presente contrato ou em momento posterior, expressamente para esse efeito; ou c) Através de outro meio de comunicação estipulado pelas partes No caso de o Banco prestar a informação através do meio referido na alínea a) do número anterior, a correspondência presume-se recebida, salvo prova em contrário, no terceiro dia posterior ao do envio ou no primeiro dia útil seguinte, se esse o não for, e tem-se por recebida se só por culpa do destinatário não foi por ele oportunamente recebida Considera-se realizada nos termos da alínea a) do número da presente Cláusula a informação prestada ao Cliente através de mensagem incluída no extrato da conta de referência que seja enviado ao Cliente em suporte papel ou disponibilizado em formato digital As comunicações realizadas pelo Banco serão realizadas em língua portuguesa, salvo estipulação escrita em contrário. 15. PROTECÇÃO DE DADOS PESSOAIS O Cliente autoriza que os dados pessoais a ele respeitantes e por ele fornecidos, sejam objeto de processamento e armazenamento informático, podendo o Banco mantê-los durante todo o tempo que considere relevante e seja legalmente admissível, dados que, salvo quando diversamente referido, são de indicação obrigatória, determinando a falta destes o não prosseguimento da relação comercial Os elementos e dados referidos no número anterior, objeto de um tratamento automatizado, podem ser utilizados pelo Banco: a) Gestão e funcionamento da Conta D.O. e Contas associadas; b) Realização ou gestão de operações conexas com a Conta D.O. e Contas associadas; c) Adequação do fornecimento de produtos a cada Cliente; d) Ações de Promoção e Marketing de Serviços e Produtos Financeiros, de Seguros e outros; e) Cumprimento de todas as disposições legais ou regulamentares aplicáveis O Banco BIC pode ceder ou transmitir os elementos e dados acima referidos, nos termos e para os efeitos previstos na legislação aplicável, às sociedades por si direta ou indiretamente dominadas, controladas ou participadas e a sociedades que se incluam no seu perímetro de supervisão ou que consigo consolidem para efeitos contabilísticos O Cliente autoriza ainda, dentro do quadro legal vigente, a recolha, transmissão e processamento de dados adicionais, obtidos junto de repartições públicas e empresas especializadas, para confirmação dos dados e/ou obtenção dos elementos necessários à relação contratual, bem como para centralização de riscos junto do Banco de Portugal A omissão ou incorreção dos dados fornecidos é da responsabilidade do Cliente, a quem é reconhecido o direito de acesso aos dados sobre ele registados, bem como o direito de exigir a correção de informações inexatas, o completamento das informações total ou parcialmente omissas, bem como a supressão das que tenham sido obtidas sem a sua autorização. Todos os pedidos devem ser solicitados por escrito ao Banco, que é o responsável pelo ficheiro informatizado O Titular compromete-se a informar, por escrito, o Banco BIC de qualquer eventual mudança ou modificação no endereço postal inicialmente comunicado, bem como de qualquer outra alteração que ocorra nos dados comunicados 05

7 no momento da solicitação de qualquer Cartão ou da abertura da Conta que lhe serve de suporte. 16. DURAÇÃO 1. Sem prejuízo do disposto no ponto 12, supra, o presente contrato vigorará por tempo indeterminado. 2. O contrato cessará a sua vigência se decorridos 2 anos sem que se verifique qualquer acesso ao BancoBIC Net pelo Cliente ou Representante. 17. VINCULAÇÃO DO CLIENTE As presentes condições gerais considerar-se-ão integralmente lidas e aceites pelo Cliente, sem quaisquer reservas, logo que se verifique um dos seguintes factos: a) receção, pelo Banco BIC, de um exemplar destas condições gerais devidamente assinado pelo Cliente; e/ou; b) ativação do BancoBIC Net por qualquer via disponibilizada pelo Banco BIC. 18. AUTORIDADE DE SUPERVISÃO A atividade do Banco BIC Português está sujeita à supervisão do Banco de Portugal, com sede em Lisboa, na Rua do Ouro, n.º O Banco está registado junto do Banco de Portugal sob o registo n.º 79. será comunicada com uma antecedência mínima de dois meses antes da data proposta para a sua entrada em vigor, considerando-se que o Cliente aceitou as alterações propostas se não tiver comunicado, por escrito, ao Banco que não as aceita antes da data proposta para as mesmas entrarem em vigor No caso de o Cliente não aceitar as alterações propostas, o Cliente tem o direito de denunciar o presente contrato, com efeitos imediatos e sem encargos, antes da data proposta para a entrada em vigor das alterações. 21. RECLAMAÇÕES PROCEDIMENTOS EXTRAJUDICIAIS DE RECLAMAÇÃO E RECURSO Sem prejuízo do que se encontra legislado acerca do livro de reclamações, as reclamações do Cliente, qualquer que seja o seu conteúdo ou objeto, podem ser apresentadas em qualquer Agência do Banco, através do ou da Linha BancoBIC disponível de 2ª f. a 6ª f. das 09h00 às 20h00 (exceto feriados) Sem prejuízo dos clientes do Banco BIC Português, S.A. poderem recorrer aos meios judiciais competentes, o Banco BIC possibilita o acesso a meios extrajudiciais de resolução de litígios, tendo para o efeito aderido ao Centro de Informação de Consumo e Arbitragem do Porto e ao Centro de Informação de Consumo e Arbitragem de Lisboa, respetivamente, com competência restrita às áreas do Porto e de Lisboa, bem como ao Centro de Arbitragem da Universidade Católica Portuguesa com âmbito nacional, para a resolução de litígios de valor igual ou inferior a 5.000, ACESSO ÀS CONDIÇÕES GERAIS No decurso da relação contratual, o Titular tem o direito de receber, a seu pedido e em qualquer momento, uma cópia das presentes condições gerais, em suporte papel ou em qualquer outro suporte duradouro. 20. ALTERAÇÕES DAS CONDIÇÕES GERAIS O Banco reserva-se o direito de, a qualquer momento, proceder a alterações às presentes condições, comunicando-as ao Cliente no mais breve período de tempo possível O Banco pode propor alterações às condições gerais do presente contrato através de comunicação escrita, em suporte papel ou noutro suporte duradouro, dirigida ao Cliente.A proposta de alteração das condições gerais 06 Banco BIC Português S.A. - Sede Social: Av. António Augusto de Aguiar, nº 132, Lisboa, Portugal CRCP e Contribuinte Capital Social: ,00

PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA INTERNET 1. Na homepage de www.bancobic.pt clique em Ativação BancoBIC Net.

PROCESSO DE ATIVAÇÃO VIA INTERNET 1. Na homepage de www.bancobic.pt clique em Ativação BancoBIC Net. esas BEM-VINDO AO BancoBIC Net Em casa, no escritório ou em viagem, através do BancoBIC Net pode operar sobre o património financeiro da sua empresa. Dispõe de um vasto leque de consultas e operações que

Leia mais

CGU.UCA.002.01. empresasesas

CGU.UCA.002.01. empresasesas empresasesas BEM-VINDO AO BancoBIC Net Em casa, no escritório ou em viagem, através do BancoBIC Net pode operar sobre o património financeiro da sua empresa. Dispõe de um vasto leque de consultas e operações

Leia mais

Condições Gerais do Caixadirecta Empresas

Condições Gerais do Caixadirecta Empresas Condições Gerais do Caixadirecta Empresas Cláusula 1ª - Objecto As presentes condições gerais regulam o Caixadirecta Empresas, sem prejuízo das disposições legais aplicáveis e daquilo que for especialmente

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARTICULARES CONTA DE SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS

CONDIÇÕES GERAIS PARTICULARES CONTA DE SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS I Disposições Comuns 1. Generalidades Estes termos e condições constituem o contrato entre o Cliente e o Banco BIC Português, que doravante será abreviadamente designado por Banco, e descrevem as obrigações

Leia mais

Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas 1.

Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas 1. Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas da MEO - Serviços de Comunicações e Multimédia, S.A., com sede na Av. Fontes

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO (UNIT LINKED) MAPFRE INVESTIMENTO DINÂMICO (Não Normalizado)

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO (UNIT LINKED) MAPFRE INVESTIMENTO DINÂMICO (Não Normalizado) 21102015 INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO (UNIT LINKED) MAPFRE INVESTIMENTO DINÂMICO (Não Normalizado) (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) SEGURADOR

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO CARTÃO DE DÉBITO VISA ELECTRON

CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO CARTÃO DE DÉBITO VISA ELECTRON CONDIÇÕES GERAIS DE UTILIZAÇÃO CARTÃO DE DÉBITO VISA ELECTRON O cartão de Débito Visa Electron reger-se-á pelas normas e condições constantes das presentes condições gerais de utilização, cujo conhecimento

Leia mais

CARTÃO PRÉ-PAGO VISA KANDANDU

CARTÃO PRÉ-PAGO VISA KANDANDU [Imagem] CONTRATO DE ADESÃO CARTÃO PRÉ-PAGO VISA KANDANDU Órgão Nº de Entidade (NDE) Dados do Titular Nome Nome a gravar no cartão Nº de Conta - - Declaro serem verdadeiras todas as informações prestadas.

Leia mais

PT PRIME - Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., pessoa colectiva nº 502 840 757, com

PT PRIME - Soluções Empresariais de Telecomunicações e Sistemas, S.A., pessoa colectiva nº 502 840 757, com Prime Soluções Empresariais SEDE: Rua de Entrecampos, 28, 1749-076 Lisboa Nº de Pessoa Colectiva 502 M 757 - N' de Matricula 08537 C.R.C.L Capital Social de EUR.; 30 000 000. I/ -I- CONTRATO DE PRESTAÇÃO

Leia mais

Condições Gerais de Utilização do Serviço

Condições Gerais de Utilização do Serviço Definição e Âmbito do Serviço PROTOCOLO DE ADESÃO AO SERVIÇO FACTORING ON LINE (EOL) RELATIVO AO CONTRATO DE FACTORING Nº Condições Gerais de Utilização do Serviço 1. O SERVIÇO FACTORING ON LINE, (EOL),

Leia mais

SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Novo regime

SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Novo regime SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Novo regime Lisboa, 2014 www.bportugal.pt http://clientebancario.bportugal.pt SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS 3.ª reedição, janeiro de 2016 Banco de Portugal Av. Almirante Reis, 71

Leia mais

ABERTURA DE CONTA (EMPRESAS) PÁG. 1/7

ABERTURA DE CONTA (EMPRESAS) PÁG. 1/7 ABERTURA DE CONTA (EMPRESAS) PÁG. 1/7 IDENTIFICAÇÃO (Denominação Social) (Denominação Abreviada) Residente Sim Não ( da Sede) (Localidade) (Código Postal) (País) (1º Telefone Empresa) (2º Telefone Empresa)

Leia mais

Condições Gerais do Serviço BIC Net Empresas

Condições Gerais do Serviço BIC Net Empresas Entre o Banco BIC Português, S.A., Sociedade Comercial Anónima, com sede na Av. António Augusto de Aguiar, nº132 1050-020 Lisboa, pessoa colectiva nº 507880510, matriculada na Conservatória do Registo

Leia mais

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. Data: 2016-01-14 Pág. 1 de 13

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. Data: 2016-01-14 Pág. 1 de 13 ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE Data: 2016-01-14 Pág. 1 de 13 Artigo 1.º Âmbito Em cumprimento do disposto no Artigo 158.º, n.º 3, do Anexo I, da Lei n.º 147/2015, de 9 de setembro (que aprova

Leia mais

Direção Nacional Unidade Orgânica de Logística e Finanças Departamento de Logística. Caderno de Encargos

Direção Nacional Unidade Orgânica de Logística e Finanças Departamento de Logística. Caderno de Encargos Direção Nacional Unidade Orgânica de Logística e Finanças Departamento de Logística Caderno de Encargos Caderno de Encargos Cláusula 1.ª Objeto 1. O presente caderno de encargos compreende as cláusulas

Leia mais

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. CAPÍTULO I Estatuto do Provedor

ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. CAPÍTULO I Estatuto do Provedor ESTATUTO E REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE Artigo 1.º Âmbito Em cumprimento do disposto no Artigo 158.º, n.º 3, do Anexo I, da Lei n.º 147/2015, de 9 de setembro (que aprova o regime jurídico de acesso

Leia mais

REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. Médis - Companhia Portuguesa de Seguros de Saúde, S.A.

REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE. Médis - Companhia Portuguesa de Seguros de Saúde, S.A. REGULAMENTO DO PROVEDOR DO CLIENTE Médis - Companhia Portuguesa de Seguros de Saúde, S.A. 1 O presente regulamento define as regras que orientam a função do Provedor do Cliente da Médis - Companhia Portuguesa

Leia mais

Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente. Identificação do Titular Nome Empresa Morada (Sede Social)

Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente. Identificação do Titular Nome Empresa Morada (Sede Social) PROPOSTA DE ADESÃO CARTÃO DE CRÉDITO WIN WIN PESSOAS COLETIVAS E ENTIDADES EQUIPARADAS CLIENTES CGD CONDIÇÕES PARTICULARES Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

Leia mais

Contrato de Adesão Cartão Keve Frota Sonangalp

Contrato de Adesão Cartão Keve Frota Sonangalp Contrato de Adesão Cartão Keve Frota Sonangalp Agência/ CE/ C&P/ Oil & Gás Conta nº 1 NATUREZA DO CLIENTE PARTICULAR EMPRESA 2 IDENTIFICAÇÃO Nome Contribuinte nº E-mail Morada Contacto ÇÃO 3 FROTA SONANGALP

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS LEVE PPR - 2.ª SÉRIE - G763500

CONDIÇÕES GERAIS LEVE PPR - 2.ª SÉRIE - G763500 LEVE PPR - 2.ª SÉRIE - G763500 ARTIGO PRELIMINAR Entre a Fidelidade - Companhia de Seguros, S.A., adiante designada por Segurador, e o Tomador do Seguro identificado nas Condições Particulares, estabelece-se

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO QUANTOS QUERES - VOCÊ NA TV

REGULAMENTO CONCURSO QUANTOS QUERES - VOCÊ NA TV REGULAMENTO CONCURSO QUANTOS QUERES - VOCÊ NA TV Concurso Publicitário nº 80 / 2015, autorizado pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna 1. OBJECTIVOS. 1.1. O Quantos Queres - Você

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES NEGOCIAIS LEILÕES ONLINE

TERMOS E CONDIÇÕES NEGOCIAIS LEILÕES ONLINE TERMOS E CONDIÇÕES NEGOCIAIS LEILÕES ONLINE A BIDDING LEILÕES, Lda., adiante designada e identificada, apenas por Bidding Leilões, sujeita a sua atividade leiloeira online, aos Termos e Condições Negociais

Leia mais

CONFIDENCIAL PARA USO EXCLUSIVO DO B.I.S.T.P FICHA DE CLIENTE EMPRESAS IDENTIFICAÇÃO DA IDENTIDADE DADOS COMPLEMENTARES. www.bistp.st AGÊNCIA N.

CONFIDENCIAL PARA USO EXCLUSIVO DO B.I.S.T.P FICHA DE CLIENTE EMPRESAS IDENTIFICAÇÃO DA IDENTIDADE DADOS COMPLEMENTARES. www.bistp.st AGÊNCIA N. Limpar dados CONFIDENCIAL PARA USO EXCLUSIVO DO B.I.S.T.P FICHA DE CLIENTE EMPRESAS AGÊNCIA N.º CONTA N.º AS ZONAS SOMBREADAS SERÃO PREENCHIDAS PELOS SERVIÇOS DO BANCO IDENTIFICAÇÃO DA IDENTIDADE PESSOA

Leia mais

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A.

REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. REGRAS E PARÂMETROS DE ATUAÇÃO DA J.P. MORGAN CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. A J.P. Morgan Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários S.A. (a Corretora ), em atenção ao disposto no art.

Leia mais

PROPOSTA DE ADESÃO - CARTÃO DE DÉBITO

PROPOSTA DE ADESÃO - CARTÃO DE DÉBITO I1058 19.01.2016 Cartões de Crédito Particulares Agência/ OE Gestor Rede Ponto 24/ VISA Electron Private Exclusivo PROPOSTA DE ADESÃO - CARTÃO DE DÉBITO DAKI Pronto a Usar EU Não protocolado REFERÊNCIA

Leia mais

Deliberação 20141108.11 Aprovação do protocolo com a AMA

Deliberação 20141108.11 Aprovação do protocolo com a AMA Deliberação pública Deliberação 20141108.11 Aprovação do protocolo com a AMA Considerando que: a) Constituem, entre outras, atribuições da Câmara dos Solicitadores colaborar na administração da justiça,

Leia mais

Política do regulamento de funcionamento do Serviço de Gestão de Reclamações de Clientes e Terceiros

Política do regulamento de funcionamento do Serviço de Gestão de Reclamações de Clientes e Terceiros Política do regulamento de funcionamento do Serviço de Gestão de Reclamações de Clientes e Terceiros Nos termos da Norma Regulamentar nº 10/2009 de 25 de junho. AXA Global Direct Seguros y Reaseguros,

Leia mais

Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente

Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente 1 Proposta de Adesão - Particulares Cartão Pré-Pago Caixa Webuy Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ Identificação do titular Nome Completo B.I./

Leia mais

Aviso do Banco de Portugal n. o 10/2014

Aviso do Banco de Portugal n. o 10/2014 Aviso do Banco de Portugal n. o 10/2014 Índice Texto do Aviso Texto do Aviso Assunto: Assunto Mod. 99999910/T 01/14 Com a publicação do Decreto-Lei n.º 133/2009, de 2 de junho, que transpôs para a ordem

Leia mais

Condições gerais de utilização de cartões de débito PESSOAS SINGULARES. Cartão MB Only Cartão Visa Electron

Condições gerais de utilização de cartões de débito PESSOAS SINGULARES. Cartão MB Only Cartão Visa Electron CAPÍTULO I 1. Conceito 1.1. Os cartões de débito Multibanco Only ( cartão MB Only ) e Visa Electron ( cartão Visa Electron ) (em conjunto designados como os cartões ), identificados neste Contrato, são

Leia mais

Condições gerais de venda

Condições gerais de venda Condições gerais de venda As presentes CONDIÇÕES GERAIS E PARTICULARES DE VENDA ON-LINE são acordadas livremente e de boa-fé entre Bonecas Namorar Portugal da marca Pó de Arroz e representadas pela empresa

Leia mais

REAL PPR Condições Gerais

REAL PPR Condições Gerais Entre a, adiante designada por Segurador, e o Tomador do Seguro identificado nas Condições Particulares, estabelece-se o presente contrato de seguro que se regula pelas Condições Particulares e desta apólice,

Leia mais

SEGURO UNIT LINKED CA INVESTIMENTO -1ª SÉRIE (Não Normalizado)

SEGURO UNIT LINKED CA INVESTIMENTO -1ª SÉRIE (Não Normalizado) CONDIÇÕES GERAIS SOLUÇÕES CAPITALIZAÇÃO SEGURO UNIT LINKED CA INVESTIMENTO -1ª SÉRIE (Não Normalizado) 1 CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE CA Investimento 1ª Série (Não Normalizado) SEGURO INDIVIDUAL Cláusula

Leia mais

Condições contratuais gerais TVCABO?

Condições contratuais gerais TVCABO? Condições contratuais gerais TVCABO? 1. OBJECTO 1.1. As presentes Condições Gerais regulam, em conjunto com os seus Anexos e os demais elementos referidos nas mesmas (conjuntamente Condições dos Produtos

Leia mais

Nº Solicitação Nº cliente. Localidade. Localidade. Novo cliente Cliente já existente Indique aqui o seu número de telefone atual.

Nº Solicitação Nº cliente. Localidade. Localidade. Novo cliente Cliente já existente Indique aqui o seu número de telefone atual. contrato de adesão ao serviço MEO com telemóvel Mod.C/1001785 A preencher pelos nossos serviços Data provável de instalação Nº Solicitação Nº cliente Nº venda (PRT) Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE

Leia mais

Pagamento do prémio: O prémio é único, sendo devido antecipadamente pelo tomador do seguro.

Pagamento do prémio: O prémio é único, sendo devido antecipadamente pelo tomador do seguro. INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA - PPR POSTAL PPR PLUS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) SEGURADOR MAPFRE SEGUROS DE VIDA S.A. Sede Social: Rua Castilho, 52, 1250-071 Lisboa N.I.P.C.

Leia mais

Anexo I. REGULAMENTO DO LEILÃO online realizado entre os dias 7 de NOVEMBRO e 16 de DEZEMBRO DE 2011

Anexo I. REGULAMENTO DO LEILÃO online realizado entre os dias 7 de NOVEMBRO e 16 de DEZEMBRO DE 2011 Anexo I. REGULAMENTO DO LEILÃO online realizado entre os dias 7 de NOVEMBRO e 16 de DEZEMBRO DE 2011 O leilão é organizado pela Casa26 Mediação Imobiliária, Lda. com sede em Vereda da Banda de Música de

Leia mais

CONCURSO Ganha o Carro da Mara (Adenda)

CONCURSO Ganha o Carro da Mara (Adenda) CONCURSO Ganha o Carro da Mara (Adenda) Concurso Publicitário nº 124 / 2015, autorizado pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna 1. OBJECTIVOS. 1.1. O Ganha o Carro da Mara é um concurso

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO Passatempo de casa do programa NÃO HÁ BELA SEM JOÃO

REGULAMENTO CONCURSO Passatempo de casa do programa NÃO HÁ BELA SEM JOÃO REGULAMENTO CONCURSO Passatempo de casa do programa NÃO HÁ BELA SEM JOÃO 1. OBJECTIVOS. 1.1. O passatempo de casa do programa NÃO HÁ BELA SEM JOÃO é um concurso publicitário que decorre no programa NÃO

Leia mais

POPULAR SEGUROS- COMPANHIA DE SEGUROS, S.A.

POPULAR SEGUROS- COMPANHIA DE SEGUROS, S.A. PROVEDOR DO CLIENTE Capítulo I - Enquadramento Artigo 1º - Objeto do presente documento Artigo 2º - Direito de apresentação de reclamações ao provedor Artigo 3º - Funções e autonomia do provedor Capítulo

Leia mais

Depósito à Ordem - Pessoas Singulares Condições Gerais

Depósito à Ordem - Pessoas Singulares Condições Gerais Depósito à Ordem - Pessoas Singulares Condições Gerais BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A. Sociedade Aberta, com sede na Praça D. João I, 28, Porto, com o Capital Social de 4.094.235.361,88 Euros, matriculada

Leia mais

PROVEDOR DO CLIENTE DA AGA INTERNATIONAL SA SUCURSAL EM PORTUGAL REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO

PROVEDOR DO CLIENTE DA AGA INTERNATIONAL SA SUCURSAL EM PORTUGAL REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO PROVEDOR DO CLIENTE DA AGA INTERNATIONAL SA SUCURSAL EM PORTUGAL REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO ARTIGO 1.º PROVEDORIA DO CLIENTE 1. A provedoria do Cliente visa a disponibilização de uma solução de resolução

Leia mais

ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES ARTIGO 2.º OBJECTO DO CONTRATO ARTIGO 3.º INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO. SEGURO REAL VIDA Condições Gerais

ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES ARTIGO 2.º OBJECTO DO CONTRATO ARTIGO 3.º INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO. SEGURO REAL VIDA Condições Gerais ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES 1. Para efeitos do presente contrato entende-se por: Seguradora: a Real Vida Seguros, S.A., que subscreve com o Tomador de Seguro o presente contrato; Tomador de Seguro: A entidade

Leia mais

Canal Nº Conta. Nº Cliente. Localidade

Canal Nº Conta. Nº Cliente. Localidade contrato de adesão a serviços de comunicações eletrónicas móveis Mod.C/1001261 A preencher pelos nossos serviços ID pedido Canal Nº Conta Nº Cliente Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE preenchimento obrigatório

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS ORGANIZAÇÃO

CONDIÇÕES GERAIS ORGANIZAÇÃO CONDIÇÕES GERAIS O presente programa/ catálogo é o documento informativo no qual se inserem as presentes condições gerais, dele fazendo parte integrante e que constituem, na ausência de documento autónomo

Leia mais

COMISSÃO DE ÉTICA DO GRUPO CTT. Regulamento Interno 1. Artigo Primeiro. Objeto e Missão

COMISSÃO DE ÉTICA DO GRUPO CTT. Regulamento Interno 1. Artigo Primeiro. Objeto e Missão COMISSÃO DE ÉTICA DO GRUPO CTT Regulamento Interno 1 Artigo Primeiro Objeto e Missão 1. O presente Regulamento tem por objeto disciplinar a composição, o funcionamento e as competências da Comissão de

Leia mais

INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS

INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS PARA PARTICULARES RENTING GO EXPRESS Valor da retribuição a pagar pelo Cliente 4ª Valor da retribuição a pagar pelo Cliente 1. Os serviços prestados pela LeasePlan em conformidade

Leia mais

Código de Conduta de Promotores OREY FINANCIAL INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, S.A.

Código de Conduta de Promotores OREY FINANCIAL INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, S.A. Código de Conduta de Promotores OREY FINANCIAL INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, S.A. Novembro de 2011 CÓDIGO DE CONDUTA DE PROMOTORES O objectivo deste documento é o de fixar um código de conduta e um

Leia mais

ARRENDAMENTO DO RESTAURANTE-BAR, NO RAMO DE ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO, SITO NA PISCINA MUNICIPAL, RUA DR. EDMUNDO CURVELO, EM ARRONCHES

ARRENDAMENTO DO RESTAURANTE-BAR, NO RAMO DE ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO, SITO NA PISCINA MUNICIPAL, RUA DR. EDMUNDO CURVELO, EM ARRONCHES 1 ARRENDAMENTO DO RESTAURANTE-BAR, NO RAMO DE ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO, SITO NA PISCINA MUNICIPAL, RUA DR. EDMUNDO CURVELO, EM ARRONCHES CADERNO DE ENCARGOS Artigo 1.º Objeto A Câmara Municipal de

Leia mais

ADESÃO AO SERVIÇO PAGA FÁCIL

ADESÃO AO SERVIÇO PAGA FÁCIL ADESÃO AO SERVIÇO PAGA FÁCIL BALCÃO CÓDIGO DATA N.º CONTA D.O.(*) MOEDA / / A O A (*) Conta associada ao serviço Paga Fácil, usada para débito de transacções e comissões do SMS Banking IDENTIFICAÇÃO DO

Leia mais

Contrato associado a fornecimento decorrente de aquisição de equipamento e/ou da adesão ao Office Box Restaurantes e Cafés e Soluções para Retalho

Contrato associado a fornecimento decorrente de aquisição de equipamento e/ou da adesão ao Office Box Restaurantes e Cafés e Soluções para Retalho Depois de preenchido, digitalizar e enviar por email para: parceriapt@grupopie.com (colocar IDPRT da venda e NIF do cliente no Subject do email) Contrato associado a fornecimento decorrente de aquisição

Leia mais

Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de

Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de 2012. ENQUADRAMENTO 2ºs PRÉMIOS DE JORNALISMO CEPSA ESTRADAS

Leia mais

PROPOSTA DE ADESÃO Clientes Empresa

PROPOSTA DE ADESÃO Clientes Empresa PROPOSTA DE ADESÃO Clientes Empresa BANCO CABOVERDIANO DE NEGÓCIOS BCNOnline Internet Telefone. Mobile. SMS Nº de contrato BCN online Ao BCN Banco Caboverdiano de Negócios, S.A. A presente proposta, depois

Leia mais

CONTRATO DE ABERTURA DE CONTA RODOCRED BÁSICA

CONTRATO DE ABERTURA DE CONTA RODOCRED BÁSICA CONTRATO DE ABERTURA DE CONTA RODOCRED BÁSICA Por este instrumento, o Contratado do serviço de transporte qualificado no respectivo TERMO DE ADESÃO ao Sistema RODOCRED, o qual é parte integrante deste

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO. Acordo Quadro para o fornecimento de gás natural em regime de mercado livre para Portugal Continental

PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO. Acordo Quadro para o fornecimento de gás natural em regime de mercado livre para Portugal Continental PROGRAMA DE CONCURSO PÚBLICO Acordo Quadro para o fornecimento de gás natural em regime de mercado livre para Portugal Continental ÍNDICE CAPÍTULO I OBJETO E ÂMBITO DO CONCURSO... 3 Artigo 1.º Identificação

Leia mais

Segunda alteração ao REGULAMENTO Campanha Oferta de 6 meses de subscrição Netflix na compra de um Samsung Galaxy Tab S2

Segunda alteração ao REGULAMENTO Campanha Oferta de 6 meses de subscrição Netflix na compra de um Samsung Galaxy Tab S2 13.11.2015 Segunda alteração ao REGULAMENTO Campanha Oferta de 6 meses de subscrição Netflix na compra de um Samsung Galaxy Tab S2 1. Por questões relacionadas com a operacionalização do Passatempo e de

Leia mais

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ AJUSTE DIRETO AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE CONTRATAÇÃO DE ARTISTAS PARA OS EVENTOS A REALIZAR NO ÂMBITO DA CIDADE EUROPEIA DO VINHO CADERNO DE ENCARGOS ÍNDICE DISPOSIÇÕES

Leia mais

ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, SA. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E DESOBSTRUÇÃO DE INFRAESTRUTURAS DA AdCA CADERNO DE ENCARGOS

ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, SA. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E DESOBSTRUÇÃO DE INFRAESTRUTURAS DA AdCA CADERNO DE ENCARGOS ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, SA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E DESOBSTRUÇÃO DE INFRAESTRUTURAS DA AdCA CADERNO DE ENCARGOS Página 1 de 9 ÁGUAS DO CENTRO ALENTEJO, S.A. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA

Leia mais

SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS

SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS SERVIÇOS MÍNIMOS BANCÁRIOS Lisboa, 2013 Disponível em www.clientebancario.bportugal.pt BANCO DE PORTUGAL Av. Almirante Reis, 71 1150-012 Lisboa www.bportugal.pt Edição Departamento de Supervisão Comportamental

Leia mais

Regulamento do Provedor do Cliente

Regulamento do Provedor do Cliente Vr5-0_Março/2016 Índice Artigo 1.º - Atribuições... 3 Artigo 2.º - Duração do mandato e incompatibilidades... 3 Artigo 3.º - Reclamações elegíveis para apreciação pelo Provedor do Cliente... 5 Artigo 4.º

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS E TERMOS DE UTILIZAÇÃO

CONDIÇÕES GERAIS E TERMOS DE UTILIZAÇÃO CONDIÇÕES GERAIS E TERMOS DE UTILIZAÇÃO Caro(a) Utilizador(a) As presentes condições de uso estabelecem as regras e obrigações para o acesso e utilização do sítio da internet www.rolos.pt, bem como de

Leia mais

PLANO ANUAL DE ESTÁGIOS CURRICULARES NÃO REMUNERADOS 2015/2016

PLANO ANUAL DE ESTÁGIOS CURRICULARES NÃO REMUNERADOS 2015/2016 PLANO ANUAL DE ESTÁGIOS CURRICULARES NÃO REMUNERADOS 2015/2016 1. Introdução 2. Plano Anual de Estágios não Remunerados 3. Candidatura e seleção dos estagiários 4. Formalização dos estágios 5. Acompanhamento

Leia mais

CONDIÇÕES DE OFERTA DO SERVIÇO PME MAX VOICE

CONDIÇÕES DE OFERTA DO SERVIÇO PME MAX VOICE INI CONDIÇÕES DE OFERTA DO SERVIÇO PME MAX VOICE Índice A. IDENTIFICAÇÃO DO PRESTADOR 3 1. PONTOS DE CONTACTO 3 B. INFORMAÇÃO SOBRE OS SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES ELETRÓNICAS ACESSÍVEIS AO PÚBLICO 4 1. CONDIÇÕES

Leia mais

Regulamento do Passatempo 24ª Meia Maratona de Lisboa

Regulamento do Passatempo 24ª Meia Maratona de Lisboa Regulamento do Passatempo 24ª Meia Maratona de Lisboa 1. Identificação 1.1. O presente passatempo, denominado passatempo 24ª Meia Maratona de Lisboa, é promovido pela EDP Comercial - Comercialização de

Leia mais

Regulamento Interno. Artigo 1º (Missão)

Regulamento Interno. Artigo 1º (Missão) Regulamento Interno O presente regulamento aplica-se a todos os Cursos de formação concebidos, organizados e desenvolvidos pelo Nucaminho - Núcleo dos Camionistas do Minho, com o objetivo de promover o

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA UNIDADES DE MINIPRODUÇÃO

CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA UNIDADES DE MINIPRODUÇÃO CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA UNIDADES DE MINIPRODUÇÃO Entre [ ]., com sede em [ ], matriculada na Conservatória do Registo Comercial de [ ], com o número de matrícula e pessoa coletiva

Leia mais

Cheques - créditos e débitos de cheques compensados e/ou pagos no caixa serão enviados no dia seguinte da ocorrência em conta.

Cheques - créditos e débitos de cheques compensados e/ou pagos no caixa serão enviados no dia seguinte da ocorrência em conta. TERMO DE ADESÃO PARA O SERVIÇO INFOEMAIL: ENVIO DE DEMONSTRATIVOS DE DESPESAS EFETUADAS NA CONTA CORRENTE, CONTA POUPANÇA E CARTÃO DE CRÉDITO BRADESCO VIA ENDEREÇO ELETRÔNICO. Pelo presente instrumento,

Leia mais

Contrato de Abertura de Conta Condições Gerais - Pessoas Colectivas

Contrato de Abertura de Conta Condições Gerais - Pessoas Colectivas A - CONDIÇÕES GERAIS DE DEPÓSITOS À ORDEM 1. Regulamentação Geral 1. A abertura, movimentação, manutenção e encerramento de contas de depósito à ordem junto do Banco Comercial Português, S.A., adiante

Leia mais

GERAIS DOS PRODUTOS E SERVIÇOS ZON 51, 9000-090 1. OBJECTO

GERAIS DOS PRODUTOS E SERVIÇOS ZON 51, 9000-090 1. OBJECTO CONDIÇÕES GERAIS DOS PRODUTOS E SERVIÇOS ZON Madeira 1. OBJECTO 1.1 As presentes Condições Gerais regulam, em conjunto com os seus Anexos e os demais elementos referidos nas mesmas (conjuntamente Condições

Leia mais

REGULAMENTO DO AUDITÓRIO DA CASA DO ESTUDANTE DA ASSOCIAÇÃO ACADÉMICA DA UNIVERSIDADE DE AVEIRO

REGULAMENTO DO AUDITÓRIO DA CASA DO ESTUDANTE DA ASSOCIAÇÃO ACADÉMICA DA UNIVERSIDADE DE AVEIRO Regulamento do Auditório da Casa do Estudante 2012 REGULAMENTO DO AUDITÓRIO DA CASA DO ESTUDANTE DA ASSOCIAÇÃO ACADÉMICA DA UNIVERSIDADE DE AVEIRO Preâmbulo O Auditório da Casa do Estudante constitui um

Leia mais

REGULAMENTO DA CAMPANHA REDE AQUI É FRESCO 5 ANOS, 5 CARROS

REGULAMENTO DA CAMPANHA REDE AQUI É FRESCO 5 ANOS, 5 CARROS REGULAMENTO DA CAMPANHA REDE AQUI É FRESCO 5 ANOS, 5 CARROS PRIMEIRA.- EMPRESA ORGANIZADORA 1.1 UNIMARKETING, Marketing, Comercialização de Bens de Consumo e Serviços Promocionais, C.R.L com sede em Av.

Leia mais

Nº venda (PRT): Nº Cliente. Localidade. Contribuinte. Localidade. Sim Não (passe para o ponto 4.2)

Nº venda (PRT): Nº Cliente. Localidade. Contribuinte. Localidade. Sim Não (passe para o ponto 4.2) contrato de adesão a serviços de comunicações eletrónicas Mod.C/1000600 A preencher pelos nossos serviços Data provável de instalação Nº venda (PRT): Nº Cliente Canal Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE

Leia mais

CONCURSO EU QUERO 1 FIAT 500

CONCURSO EU QUERO 1 FIAT 500 CONCURSO EU QUERO 1 FIAT 500 As Tardes da Júlia 1. OBJECTIVOS. 1.1. O EU QUERO (1 FIAT 500) é um concurso publicitário que decorre entre as 14h00 do dia 15 de Janeiro de 2010 e as 16h00m do dia 22 de Janeiro

Leia mais

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições:

CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS. I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: CONTRATO DE EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE COMPRAS I -DEFINIÇÕES: para os fins deste CONTRATO, serão adotadas as seguintes definições: a) PASSA TEMPO ADMINISTRADORA DE CARTÃO LTDA., com sede na Rua

Leia mais

CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS.

CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS. CONTRATO DE ASSINATURA, CESSÃO DE DIREITO DE USO, LICENÇA DE USO DE SOFTWARE E OUTRAS AVENÇAS. MÓDULO SISTEMAS DE GESTÃO LTDA, com sede na cidade de Ribeirão Preto, Estado de São Paulo, na Rua Amapá, 309

Leia mais

Simulação de Crédito Pessoal

Simulação de Crédito Pessoal Simulação de Crédito Pessoal Data de Impressão: 15-10-2013 12:35 Número de Simulação: 13892037 Resumo Prestação Comissão de Processamento (mensal) (Acresce Imposto do Selo à Taxa em vigor) Seguro de Vida

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO CLARO WI-FI

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO CLARO WI-FI TERMOS E CONDIÇÕES DE USO CLARO WI-FI O presente termo tem a finalidade de regular as relações entre a CLARO S.A., empresa autorizatária do Serviço Móvel Pessoal, inscrita no CNPJ/MF sob o nº. 40.432.544/0001-47,

Leia mais

CONCURSO. 1. Introdução. 2. Objetivo. Criação de imagem gráfica do Ministério Público. [Regulamento]

CONCURSO. 1. Introdução. 2. Objetivo. Criação de imagem gráfica do Ministério Público. [Regulamento] S. R. PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA CONCURSO Criação de imagem gráfica do Ministério Público [Regulamento] 1. Introdução O Ministério Público português, órgão constitucional do Estado, é autónomo do

Leia mais

Protocolo de colaboração entre a ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional e a DBG Gabinete de Aplicações Informáticas, Lda

Protocolo de colaboração entre a ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional e a DBG Gabinete de Aplicações Informáticas, Lda Protocolo de colaboração entre a ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional e a DBG Gabinete de Aplicações Informáticas, Lda Entre: ANESPO Associação Nacional do Ensino Profissional, com sede na

Leia mais

DE VILA VELHA DE 1VIUNICIPAL

DE VILA VELHA DE 1VIUNICIPAL DE VILA VELHA DE 1VIUNICIPAL DE SERVIÇOS DE SEGUROS Entre o de Vila Velha de pessoa coletiva 506 642 798, representado pelo Presidente da Municipal, Miguel Ferro Pereira, casado, natural Vila Velha de

Leia mais

Programa de Formação para Profissionais

Programa de Formação para Profissionais Programa de Formação para Profissionais 1 O ACESSO À INFORMAÇÃO DE SAÚDE DIREITOS, PROCEDIMENTOS E GARANTIAS Sérgio Pratas smpratas@gmail.com Maio e Junho 2015 2 Programa: 1. O acesso à informação de saúde

Leia mais

Regulamento Passatempo A HORA DO LOBO FINS-DE-SEMANA INATEL

Regulamento Passatempo A HORA DO LOBO FINS-DE-SEMANA INATEL Regulamento Passatempo A HORA DO LOBO FINS-DE-SEMANA INATEL Condições de participação: A Outsider Films, Lda, com sede na Rua Maria Luísa Holstein, n.º15, 1º, sala 17, 1300-388 Lisboa, organiza um Passatempo

Leia mais

Regulamento de Funcionamento Aplicável à Gestão de Reclamações

Regulamento de Funcionamento Aplicável à Gestão de Reclamações Regulamento de Funcionamento Aplicável à Gestão de Reclamações Agosto 2010 REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO APLICÁVEL À GESTÃO DE RECLAMAÇÕES CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Secção I Disposições preliminares

Leia mais

Telecomunicações de São Paulo S/A

Telecomunicações de São Paulo S/A INSTRUMENTO PARTICULAR DE LICENÇA ONEROSA DE USO DA RELAÇÃO DE ASSINANTES No. Telecomunicações de São Paulo S/A - TELESP, com sede na Capital do Estado de São Paulo, na Rua Martiniano de Carvalho, n.º

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Identificação da instituição de crédito 1.1. Denominação 1.2. Endereço 1.3. Contactos BEST Banco Electrónico de Serviço Total, S.A. Praça Marquês de Pombal, 3 3º, 1250-161

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES 1. DEFINIÇÕES

TERMOS E CONDIÇÕES 1. DEFINIÇÕES TERMOS E CONDIÇÕES A prestação de serviços de Promoção de Negócios Customizada submete-se às disposições da Proposta e a estes Termos e Condições, os quais estabelecem juntos, para todos os fins legais,

Leia mais

Guia de Apoio ao Formando. Formação à distância

Guia de Apoio ao Formando. Formação à distância Regras&Sugestões- Formação e Consultoria, Lda. Guia de Apoio ao Formando Data de elaboração: abril de 2014 CONTACTOS Regras & Sugestões Formação e Consultoria, Lda. Av. General Vitorino laranjeira, Edifício

Leia mais

COMPANHIA DE SEGUROS TRANQUILIDADE, S.A. PROVEDOR DO CLIENTE

COMPANHIA DE SEGUROS TRANQUILIDADE, S.A. PROVEDOR DO CLIENTE CAPÍTULO I - PRINCÍPIO GERAIS Artigo 1º - Objeto 1. O presente documento tem por objetivo definir o estatuto do Provedor do Cliente da Companhia de Seguros Tranquilidade, S.A. e estabelecer um conjunto

Leia mais

ERMOS & CONDIÇÕES Ao aceder a este site

ERMOS & CONDIÇÕES Ao aceder a este site TERMOS & CONDIÇÕES Ao aceder a este site, ou a qualquer conteúdo do mesmo, o utilizador toma conhecimento e estabelece um acordo com a SDEA Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores, EPER

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO NA MODALIDADE LOCAL PLANOS DE SERVIÇO CLARO FIXO. Objeto O objeto do presente Contrato é a prestação, pela EMBRATEL, do Serviço Telefônico Fixo

Leia mais

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO DE OPÇÕES

CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO DE OPÇÕES CONTRATO PARA REALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES NO MERCADO DE OPÇÕES São partes neste instrumento: I CORRETORA: ALFA CORRETORA DE CÂMBIO E VALORES MOBILIÁRIOS S.A.., com sede no Município de São Paulo, Estado de

Leia mais

Contrato para Geração Gratuita do Código Identificador da Operação de Transporte - CIOT

Contrato para Geração Gratuita do Código Identificador da Operação de Transporte - CIOT Contrato para Geração Gratuita do Código Identificador da Operação de Transporte - CIOT Pelo presente instrumento particular, de um lado POLICARD SYSTEMS E SERVIÇOS S.A., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 00.904.951/0001-95,

Leia mais

CONTRATO PARA AQUISIÇÃO DE SERVIÇO DE SEGUROS Nº CP 001/ENB/2014

CONTRATO PARA AQUISIÇÃO DE SERVIÇO DE SEGUROS Nº CP 001/ENB/2014 CONTRATO PARA AQUISIÇÃO DE SERVIÇO DE SEGUROS Nº CP 001/ENB/2014 Entre: A Escola Nacional de Bombeiros, NIF 503 657 190, com sede na Quinta do Anjinho, São Pedro de Penaferrim - 2710-460 Sintra, neste

Leia mais

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO

Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Certificação Profissional FEBRABAN REGULAMENTO Janeiro de 2014 Versão 1.3 1. INTRODUÇÃO O presente Regulamento é fundamental para reger as operações-chave do programa de Certificação Profissional FEBRABAN.

Leia mais

Bases legais do Passatempo A Promod, eu e Paris

Bases legais do Passatempo A Promod, eu e Paris Bases legais do Passatempo A Promod, eu e Paris Passatempo gratuito exclusivo, organizado para os clientes da Promod Portugal com obrigação de compra, organizado desde o 24 de Maio de 2016 até o 17 de

Leia mais

Regulamento da Biblioteca do Instituto de Seguros de Portugal. Capítulo I ASPECTOS GERAIS

Regulamento da Biblioteca do Instituto de Seguros de Portugal. Capítulo I ASPECTOS GERAIS Regulamento da Biblioteca do Instituto de Seguros de Portugal Capítulo I ASPECTOS GERAIS Artigo 1.º Objecto 1. O presente Regulamento estabelece um conjunto de normas a serem observadas e cumpridas pelos

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS REGULAMENTO DO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE IMÓVEIS CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1.º Objeto O presente Regulamento estabelece as normas pelas quais o Instituto de Gestão Financeira da Segurança

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PUBLICITÁRIO CLIENTE CA DIGITAL

REGULAMENTO DO CONCURSO PUBLICITÁRIO CLIENTE CA DIGITAL REGULAMENTO DO CONCURSO PUBLICITÁRIO CLIENTE CA DIGITAL 1. Introdução O Concurso Cliente CA Digital é promovido pela Caixa Central Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo, CRL, pessoa colectiva 501 464

Leia mais

Regulamento dos empregados de solicitadores e agentes de execução

Regulamento dos empregados de solicitadores e agentes de execução Regulamento dos empregados de solicitadores e agentes de execução Preâmbulo: O Estatuto da Câmara dos Solicitadores, determina na alínea f) do artigo 109.º, a obrigação de os solicitadores manterem os

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA GERAL INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL A. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Identificação da instituição de crédito 1.1. Denominação 1.2. Endereço 1.3. Contactos BEST Banco Electrónico de Serviço Total, S.A. Praça Marquês de Pombal, 3 3º, 1250-161

Leia mais